Substituição das Fragatas Classe Vasco da Gama

  • 905 Respostas
  • 74629 Visualizações
*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 3581
  • Recebeu: 844 vez(es)
  • Enviou: 188 vez(es)
  • +172/-83
Re: Substituição das Fragatas Classe Vasco da Gama
« Responder #810 em: Outubro 28, 2020, 12:36:01 pm »
Concordo plenamente que 2 T31 AAW + 2 Absalon + 3 EPC seria o ideal, mas agora os sacanas dos dinamarqueses vieram estragar tudo... a semana passada reclassificaram as Absalon como fragatas... já não podemos “vender” o conceito “dois minutos-LPD”...
Ab

Quem diz T31 diz FFGX, novas M, A400, etc, etc. Agora é imaginar a MP pôr, finalmente, de lado a ideia do "LPD Enforcer" e optar por algo mais moderno e versátil como as Absalon. Imaginar a Marinha, conseguir lançar duas "forças tarefa" distintas (1 Absalon, 1 AAW, 1 EPC e 1 SSK). Era outro campeonato, e a nossa credibilidade internacional também era outra.
 

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 3901
  • Recebeu: 310 vez(es)
  • Enviou: 160 vez(es)
  • +471/-169
Re: Substituição das Fragatas Classe Vasco da Gama
« Responder #811 em: Outubro 28, 2020, 12:45:02 pm »
Agora é que o JohnM vai-me matar:
e 2 TYPE 26 para CAI, 3 TYPE23 para CAI/CMI, mais 3 EPC.
As Type 26 podem levar AW-101 ou Chinook por ex, podendo servir de mini-LPD, os 4 AW-101 CSAR da FAP estão preparados para op embarcadas.


Podendo optar por um LPD menos ambicioso, pois as 26 podem acomodar tropas e AW-101.


Cumprimentos,
« Última modificação: Outubro 28, 2020, 12:51:06 pm por typhonman »
Artigo 308º

Traição à Pátria

Quem, por meio de violência, ameaça de violência, usurpação ou abuso de funções de soberania:

a) Tentar separar da Mãe-Pátria, ou entregar a país estrangeiro ou submeter à soberania estrangeira, todo o território português ou parte dele
 

*

LM

  • Investigador
  • *****
  • 1410
  • Recebeu: 282 vez(es)
  • Enviou: 1240 vez(es)
  • +212/-7
Re: Substituição das Fragatas Classe Vasco da Gama
« Responder #812 em: Outubro 28, 2020, 12:50:13 pm »
Agora é que o JohnM vai-me matar:


e 2 TYPE 26 para CAI, 3 TYPE23 para CAI/CMI, mais 3 EPC.


As Type 26 podem levar AW-101 ou Chinook por ex, podendo servir de mini-LPD, os 4 AW-101 CSAR da FAP estão preparados para op embarcadas.


Cumprimentos,

Se a NS de Fátima fizer o milagre da multiplicação das reservas de ouro do BP... e mesmo assim gastávamos em outras coisas. Agora como exercício académico "e se"... eu gosto de "high fantasy" e história alternativa - mas é melhor colocar esclarecimento nos posts  :mrgreen:   

Eram 3 T23 em 2ª mão...? Qual a vida útil? 
« Última modificação: Outubro 28, 2020, 12:51:35 pm por LM »
Quidquid latine dictum sit, altum videtur
 

*

JohnM

  • Membro
  • *
  • 289
  • Recebeu: 73 vez(es)
  • Enviou: 18 vez(es)
  • +12/-5
Re: Substituição das Fragatas Classe Vasco da Gama
« Responder #813 em: Outubro 28, 2020, 12:55:00 pm »
Agora é que o JohnM vai-me matar:
e 2 TYPE 26 para CAI, 3 TYPE23 para CAI/CMI, mais 3 EPC.
As Type 26 podem levar AW-101 ou Chinook por ex, podendo servir de mini-LPD, os 4 AW-101 CSAR da FAP estão preparados para op embarcadas.


Podendo optar por um LPD menos ambicioso, pois as 26 podem acomodar tropas e AW-101.


Cumprimentos,

Não mato nada, homem...  :G-beer2: ;D eu babo com as T26... são é de outro campeonato em termos de preço...

Aliás, o segundo lote de 5 T26 vai ser contratado dentro de pouco e a última vai entrar ao serviço em cerca de 2040. Como é provável que a SDSR que aí vem corte na frota de superfície, pelo menos temporariamente, se houvesse dinheiro e visão, comprávamos ums T23 para nos levar até 2040 e nessa altura comprávamos as primeiras 3 T26, que vão ter pouco mais de 10 anos de serviço. Isso permitiria aos Ingleses comprar três Batch III e manter a linhas de produção aberta até ser altura de substituir os T45, que é um problema que eles estão a debater (o gap entre o fim da produção das T26 e o início de construção dos sucessores dos T45)... mas isto já é sonhar muito e o tenente já me vai cair em cima... lol
Ab
« Última modificação: Outubro 28, 2020, 12:58:36 pm por JohnM »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: typhonman, tenente

*

JohnM

  • Membro
  • *
  • 289
  • Recebeu: 73 vez(es)
  • Enviou: 18 vez(es)
  • +12/-5
Re: Substituição das Fragatas Classe Vasco da Gama
« Responder #814 em: Outubro 28, 2020, 12:57:46 pm »
Agora é que o JohnM vai-me matar:


e 2 TYPE 26 para CAI, 3 TYPE23 para CAI/CMI, mais 3 EPC.


As Type 26 podem levar AW-101 ou Chinook por ex, podendo servir de mini-LPD, os 4 AW-101 CSAR da FAP estão preparados para op embarcadas.


Cumprimentos,

Se a NS de Fátima fizer o milagre da multiplicação das reservas de ouro do BP... e mesmo assim gastávamos em outras coisas. Agora como exercício académico "e se"... eu gosto de "high fantasy" e história alternativa - mas é melhor colocar esclarecimento nos posts  :mrgreen:   

Eram 3 T23 em 2ª mão...? Qual a vida útil?
A vida útil das T23 está a ser estendida neste momento para as levar até ao final da entrada ao serviço das T26, portanto não haveria grande problema... mas atenção que ir por este caminho provavelmente significaria adoptarmos Sea Ceptor em vez de ESSM (embora este continuassem ao serviço até as BD serem abatidas).

Ab
 

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 3901
  • Recebeu: 310 vez(es)
  • Enviou: 160 vez(es)
  • +471/-169
Re: Substituição das Fragatas Classe Vasco da Gama
« Responder #815 em: Outubro 28, 2020, 01:58:42 pm »
Agora é que o JohnM vai-me matar:


e 2 TYPE 26 para CAI, 3 TYPE23 para CAI/CMI, mais 3 EPC.


As Type 26 podem levar AW-101 ou Chinook por ex, podendo servir de mini-LPD, os 4 AW-101 CSAR da FAP estão preparados para op embarcadas.


Cumprimentos,

Se a NS de Fátima fizer o milagre da multiplicação das reservas de ouro do BP... e mesmo assim gastávamos em outras coisas. Agora como exercício académico "e se"... eu gosto de "high fantasy" e história alternativa - mas é melhor colocar esclarecimento nos posts  :mrgreen:   

Eram 3 T23 em 2ª mão...? Qual a vida útil? 

Peço desculpa, queria dizer type 31, ou seja 2 type 26 e 3 type 31.
Artigo 308º

Traição à Pátria

Quem, por meio de violência, ameaça de violência, usurpação ou abuso de funções de soberania:

a) Tentar separar da Mãe-Pátria, ou entregar a país estrangeiro ou submeter à soberania estrangeira, todo o território português ou parte dele
 

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 3901
  • Recebeu: 310 vez(es)
  • Enviou: 160 vez(es)
  • +471/-169
Re: Substituição das Fragatas Classe Vasco da Gama
« Responder #816 em: Outubro 28, 2020, 02:00:28 pm »
Agora é que o JohnM vai-me matar:
e 2 TYPE 26 para CAI, 3 TYPE23 para CAI/CMI, mais 3 EPC.
As Type 26 podem levar AW-101 ou Chinook por ex, podendo servir de mini-LPD, os 4 AW-101 CSAR da FAP estão preparados para op embarcadas.


Podendo optar por um LPD menos ambicioso, pois as 26 podem acomodar tropas e AW-101.


Cumprimentos,

Não mato nada, homem...  :G-beer2: ;D eu babo com as T26... são é de outro campeonato em termos de preço...

Aliás, o segundo lote de 5 T26 vai ser contratado dentro de pouco e a última vai entrar ao serviço em cerca de 2040. Como é provável que a SDSR que aí vem corte na frota de superfície, pelo menos temporariamente, se houvesse dinheiro e visão, comprávamos ums T23 para nos levar até 2040 e nessa altura comprávamos as primeiras 3 T26, que vão ter pouco mais de 10 anos de serviço. Isso permitiria aos Ingleses comprar três Batch III e manter a linhas de produção aberta até ser altura de substituir os T45, que é um problema que eles estão a debater (o gap entre o fim da produção das T26 e o início de construção dos sucessores dos T45)... mas isto já é sonhar muito e o tenente já me vai cair em cima... lol
Ab


Eu também babo com as Type 26, seriam um dissuasor e multiplicador de capacidades, qual é o custo unitário previsto com weapons e sensores ?
Artigo 308º

Traição à Pátria

Quem, por meio de violência, ameaça de violência, usurpação ou abuso de funções de soberania:

a) Tentar separar da Mãe-Pátria, ou entregar a país estrangeiro ou submeter à soberania estrangeira, todo o território português ou parte dele
 

*

JohnM

  • Membro
  • *
  • 289
  • Recebeu: 73 vez(es)
  • Enviou: 18 vez(es)
  • +12/-5
Re: Substituição das Fragatas Classe Vasco da Gama
« Responder #817 em: Outubro 28, 2020, 02:12:22 pm »
Agora é que o JohnM vai-me matar:
e 2 TYPE 26 para CAI, 3 TYPE23 para CAI/CMI, mais 3 EPC.
As Type 26 podem levar AW-101 ou Chinook por ex, podendo servir de mini-LPD, os 4 AW-101 CSAR da FAP estão preparados para op embarcadas.


Podendo optar por um LPD menos ambicioso, pois as 26 podem acomodar tropas e AW-101.


Cumprimentos,

Não mato nada, homem...  :G-beer2: ;D eu babo com as T26... são é de outro campeonato em termos de preço...

Aliás, o segundo lote de 5 T26 vai ser contratado dentro de pouco e a última vai entrar ao serviço em cerca de 2040. Como é provável que a SDSR que aí vem corte na frota de superfície, pelo menos temporariamente, se houvesse dinheiro e visão, comprávamos ums T23 para nos levar até 2040 e nessa altura comprávamos as primeiras 3 T26, que vão ter pouco mais de 10 anos de serviço. Isso permitiria aos Ingleses comprar três Batch III e manter a linhas de produção aberta até ser altura de substituir os T45, que é um problema que eles estão a debater (o gap entre o fim da produção das T26 e o início de construção dos sucessores dos T45)... mas isto já é sonhar muito e o tenente já me vai cair em cima... lol
Ab


Eu também babo com as Type 26, seriam um dissuasor e multiplicador de capacidades, qual é o custo unitário previsto com weapons e sensores ?

As primeiras 3 custam £3600 milhões, mas isso inclui os custos de projecto, ativar a linha de produção e um ritmo de produção propositadamente baixo (cerca de 7 anos para a primeira). O segundo lote de 5 vai ser contratado em entre 2021 e 2023, quando a BAe já tiver uma melhor noção dos custos reais, mas eu diria que ainda deve ficar pelo menos nos £800-900 milhões por unidade...

Mas estas são navios ASW, com radar Artisan e sem mísseis AA de longo alcance... as australianas e canadianas, que têm radares AESA de painéis fixos, são mais caras...

Ab
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 6994
  • Recebeu: 3068 vez(es)
  • Enviou: 1626 vez(es)
  • +1662/-127
Re: Substituição das Fragatas Classe Vasco da Gama
« Responder #818 em: Outubro 28, 2020, 02:23:30 pm »
Vai sonhando vai, johnM, bem mas antes as Type26/23 do que os ab, esses sim são não um sonho mas um pesadelo, não é, OH originador deste boato??
Vai-te rindo vai !!!

Abraços e continuem a sonhar que faz muito bem  ;)
« Última modificação: Outubro 28, 2020, 03:27:09 pm por tenente »
 

*

JohnM

  • Membro
  • *
  • 289
  • Recebeu: 73 vez(es)
  • Enviou: 18 vez(es)
  • +12/-5
Re: Substituição das Fragatas Classe Vasco da Gama
« Responder #819 em: Outubro 28, 2020, 04:01:04 pm »
Vai sonhando vai, johnM, bem mas antes as Type26/23 do que os ab, esses sim são não um sonho mas um pesadelo, não é, OH originador deste boato??
Vai-te rindo vai !!!

Abraços e continuem a sonhar que faz muito bem  ;)

Não fui eu que comecei os boatos dos AB... lol
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 6994
  • Recebeu: 3068 vez(es)
  • Enviou: 1626 vez(es)
  • +1662/-127
Re: Substituição das Fragatas Classe Vasco da Gama
« Responder #820 em: Outubro 28, 2020, 06:38:53 pm »
Vai sonhando vai, johnM, bem mas antes as Type26/23 do que os ab, esses sim são não um sonho mas um pesadelo, não é, OH originador deste boato??
Vai-te rindo vai !!!

Abraços e continuem a sonhar que faz muito bem  ;)

Não fui eu que comecei os boatos dos AB... lol

Pois não foste JohnM, eu estava-me a dirigir ao culpado !!! :mrgreen:
Ainda ontem em conversa com o originador do boato, me fartei de rir, à conta de alguns posts sobre os ab. ;)

Abraço
« Última modificação: Outubro 28, 2020, 08:44:07 pm por tenente »
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 16168
  • Recebeu: 1417 vez(es)
  • Enviou: 1322 vez(es)
  • +225/-230
Re: Substituição das Fragatas Classe Vasco da Gama
« Responder #821 em: Outubro 29, 2020, 10:53:19 am »
Lendo várias TIA dá para perceber que a Marinha quer é uma classe de navios e só. Provavelmente não será isso que vai ter, mas isso são outros tantos...
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

JohnM

  • Membro
  • *
  • 289
  • Recebeu: 73 vez(es)
  • Enviou: 18 vez(es)
  • +12/-5

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 3581
  • Recebeu: 844 vez(es)
  • Enviou: 188 vez(es)
  • +172/-83
Re: Substituição das Fragatas Classe Vasco da Gama
« Responder #823 em: Outubro 29, 2020, 01:27:52 pm »
Lendo várias TIA dá para perceber que a Marinha quer é uma classe de navios e só. Provavelmente não será isso que vai ter, mas isso são outros tantos...

Deve ser daí que vem a conversa das FREMM. Viram a versão AAW, começaram logo a imaginar a coisa.  ::)

Eu não estou a ver ficarmos com uma única classe de navios, e se ficarmos, nunca serão navios "high-end" (como se calhar a Marinha sonharia). Imaginem o quão mau era, seguir com este plano de "uma única classe", e acabar com 4 ou 5 EPCs/A200... Eu também gostava de ver a Marinha com 5 fragatas de topo, 6 então era um mimo, mas já sabemos o que a casa gasta.

Com a ideia das duas classes, sempre se pode usar o misto Hi-Lo, ou AAW e ASW, como justificação, garantindo assim que pelo menos uma classe é de topo.
 

*

JohnM

  • Membro
  • *
  • 289
  • Recebeu: 73 vez(es)
  • Enviou: 18 vez(es)
  • +12/-5
Re: Substituição das Fragatas Classe Vasco da Gama
« Responder #824 em: Outubro 29, 2020, 01:35:09 pm »
Lendo várias TIA dá para perceber que a Marinha quer é uma classe de navios e só. Provavelmente não será isso que vai ter, mas isso são outros tantos...

Deve ser daí que vem a conversa das FREMM. Viram a versão AAW, começaram logo a imaginar a coisa.  ::)

Eu não estou a ver ficarmos com uma única classe de navios, e se ficarmos, nunca serão navios "high-end" (como se calhar a Marinha sonharia). Imaginem o quão mau era, seguir com este plano de "uma única classe", e acabar com 4 ou 5 EPCs/A200... Eu também gostava de ver a Marinha com 5 fragatas de topo, 6 então era um mimo, mas já sabemos o que a casa gasta.

Com a ideia das duas classes, sempre se pode usar o misto Hi-Lo, ou AAW e ASW, como justificação, garantindo assim que pelo menos uma classe é de topo.
Isso mesmo... eu até entendo os benefícios logísticos e operacionais de uma única classe, mas se alguém acha que vamos comprar 5 ou 6 fragatas de primeira linha, está muito enganado... no máximo umas 4 e, mesmo assim, duvido... ainda vamos acabar com 5 EPC ou A200, como apontas, e depois venham cá queixar-se... existe um ditado que diz que o ótimo é inimigo do bom...


Ab
« Última modificação: Outubro 29, 2020, 02:48:08 pm por JohnM »
 

 

LDG Bacamarte, para quando a sua substituição ?

Iniciado por tenente

Respostas: 23
Visualizações: 2914
Última mensagem Setembro 15, 2020, 11:08:04 am
por P44
Substituição dos Lynx

Iniciado por ruben lopes

Respostas: 684
Visualizações: 119298
Última mensagem Novembro 02, 2020, 08:44:44 am
por tenente
Patrulhas Costeiros Classe "Tejo"

Iniciado por paraquedista

Respostas: 836
Visualizações: 232667
Última mensagem Julho 23, 2020, 12:33:57 pm
por typhonman
"Novas" fragatas

Iniciado por balburdio

Respostas: 122
Visualizações: 36822
Última mensagem Maio 26, 2007, 05:41:54 pm
por Raul Neto
Fotografias de Navios da Classe Cmdte João Belo

Iniciado por AyalaBotto

Respostas: 69
Visualizações: 32324
Última mensagem Novembro 13, 2020, 07:09:01 pm
por P44