O Reapetrechamento da Marinha

  • 786 Respostas
  • 41853 Visualizações
*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 3604
  • Recebeu: 856 vez(es)
  • Enviou: 192 vez(es)
  • +175/-86
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #360 em: Maio 27, 2020, 10:15:49 pm »
Atenção que os AB Flight I/II não têm helicóptero orgânico, porque não têm hangar...

Penso que é necessário o navio poder transportar pelo menos um heli organico médio, mas também posso estar a ver mal, quem sou eu, se calhar sou muito "sec XX", agora a moda é os drones, se calhar o heli orgânico é obsoleto e basta drones...

Quando tens tão poucos helicópteros ao ponto de numa missão NATO, o hangar dos nossos navios estar a acomodar um heli estrangeiro, a história dos navios precisarem de hangar nem se coloca.  :mrgreen:

Na prática as BD passariam para a função ASW, e as AB para AAW, BMD, lançamento de Tomahawks...  :mrgreen:

Se como parte do upgrade fosse possifel incluir um hangar telescópico, como tanto apregoamos aqui para o NPO, ficava o assunto resolvido.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Lightning

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 7062
  • Recebeu: 3089 vez(es)
  • Enviou: 1643 vez(es)
  • +1668/-132
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #361 em: Maio 27, 2020, 10:17:19 pm »
Atenção que os AB Flight I/II não têm helicóptero orgânico, porque não têm hangar...

Penso que é necessário o navio poder transportar pelo menos um heli organico médio, mas também posso estar a ver mal, quem sou eu, se calhar sou muito "sec XX", agora a moda é os drones, se calhar o heli orgânico é obsoleto e basta drones...

Quando tens tão poucos helicópteros ao ponto de numa missão NATO, o hangar dos nossos navios estar a acomodar um heli estrangeiro, a história dos navios precisarem de hangar nem se coloca.  :mrgreen:

Na prática as BD passariam para a função ASW, e as AB para AAW, BMD, lançamento de Tomahawks...  :mrgreen:

Se como parte do upgrade fosse possifel incluir um hangar telescópico, como tanto apregoamos aqui para o NPO, ficava o assunto resolvido.

Epá, vocês ainda continuam a teclar nos AB ??????

Abraços
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 7062
  • Recebeu: 3089 vez(es)
  • Enviou: 1643 vez(es)
  • +1668/-132
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #362 em: Maio 27, 2020, 10:19:11 pm »
Para o que nós temos, as ABs parecem-me um salto qualitativo bom. 200M €/cada com overhaul e armamento, queríamos o quê mais? Dado? Não esquecer que as FREMM são 600M€, mas ainda falta armamento.

Mas o calado deve ser muito, a tonelagem é muita, não tem hangar para o merlin, e deus sabe como o operamos em ambiente Maritimo, enfim, coisa de pobre...

 ::) :rir:

 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 3604
  • Recebeu: 856 vez(es)
  • Enviou: 192 vez(es)
  • +175/-86
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #363 em: Maio 27, 2020, 10:20:27 pm »
Porque não? Com a suposta vinda do Wave, devem fibalmwbt dragar o Alfeite, portante deixa de haver o problema do calado dos navios.

O céu é o limite!!!  c56x1 :mrgreen:
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 7062
  • Recebeu: 3089 vez(es)
  • Enviou: 1643 vez(es)
  • +1668/-132
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #364 em: Maio 27, 2020, 10:20:43 pm »
Ó NVF, do que te foste lembrar rapaz.  ::) :mrgreen:

Bons sonhos.
Abraços

 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44, NVF

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 7062
  • Recebeu: 3089 vez(es)
  • Enviou: 1643 vez(es)
  • +1668/-132
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #365 em: Maio 27, 2020, 10:21:33 pm »
Porque não? Com a suposta vinda do Wave, devem fibalmwbt dragar o Alfeite, portante deixa de haver o problema do calado dos navios.

O céu é o limite!!!  c56x1 :mrgreen:

claro que é, também o era para os Gauleses……………. :rir: :rir: :rir: :rir:

Abraços
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 3608
  • Recebeu: 1949 vez(es)
  • Enviou: 3717 vez(es)
  • +1690/-107
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #366 em: Maio 27, 2020, 11:02:16 pm »
Ao que parece, antes de encetarem conversações com o Egipto, os italianos abordaram-nos relativamente às FREMM, mas apesar do interesse da Marinha, as Finanças responderam liminarmente com um “não”. As condições eram muito favoráveis; preço a rondar os 950 milhões pelo par, com pagamento a 15 anos.

Em paralelo, decorrem negociações com os espanhóis para uma possível aquisição de 02 a 03 AB, por volta de 2030. Devido ao enorme salto qualitativo que são as F110, Espanha planeia adquirir mais destes navios para substituir as AB mais antigas.

Fala-se também em adquirir o Galicia e o Patiño antes de 2025. Mas enquanto o LPD espanhol gera muito interesse na Rua do Arsenal, o mesmo não se passa com o Patiño devido à ausência de casco-duplo. O AOR preferido, se bem que longe de ser o ideal, é um dos Wave e o anúncio está para breve.

Uma coisa é certa, a Marinha quer evitar a todo o custo a repetição do desastre que foi Bérrio e as VdG são para desfazer rapidamente, de preferência através de venda a uma nação aliada (fala-se em Bulgária ou Brasil). Para já, a oferta americana parece ser a mais verosímil, não só por ser a mais económica mas, principalmente, por ser a de mais rápida concretização.

É quase dado como certo, que as EPC vão substituir as BD a partir de 2035. Fala-se em 03 ou 04 unidades. Outra boa notícia é que as MARLIN vêm até ao final do ano. Os próximos três meses vão ser recheados de boas notícias.
Talent de ne rien faire
 

*

Pescador

  • Membro
  • *
  • 158
  • Recebeu: 75 vez(es)
  • Enviou: 23 vez(es)
  • +20/-0
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #367 em: Maio 27, 2020, 11:30:55 pm »
"Ao que parece, antes de encetarem conversações com o Egipto, os italianos abordaram-nos relativamente às FREMM, mas apesar do interesse da Marinha, as Finanças responderam liminarmente com um “não”. As condições eram muito favoráveis; preço a rondar os 950 milhões pelo par, com pagamento a 15 anos."


Que erro brutal não aceitarem. menos de mil milhões pago em 15 anos, por dois navios que são só talvez a melhor e mais equilibrada opção naquela tonelagem.

Os AB são mais um pesadelo futuro. Um obra inacabada. Um poço.
Parecem muito bem, pelo nome, pela presença,  mas.....e o que vai custar tudo isso nos próximos 15 anos?
Alguém disse e bem, que ter um ferrari e depois não ter para gastar na manutenção. Ou gastar e esgotar recursos financeiros para daqui a 15 anos ter ...nada outra vez.

Se me oferecessem um ferrari eu vendia-o, e comprava um Mercedes, ou algo nessa linha e advinham porquê.


Cumprimentos
 
 

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 3918
  • Recebeu: 314 vez(es)
  • Enviou: 170 vez(es)
  • +474/-209
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #368 em: Maio 27, 2020, 11:58:34 pm »
Ao que parece, antes de encetarem conversações com o Egipto, os italianos abordaram-nos relativamente às FREMM, mas apesar do interesse da Marinha, as Finanças responderam liminarmente com um “não”. As condições eram muito favoráveis; preço a rondar os 950 milhões pelo par, com pagamento a 15 anos.

Em paralelo, decorrem negociações com os espanhóis para uma possível aquisição de 02 a 03 AB, por volta de 2030. Devido ao enorme salto qualitativo que são as F110, Espanha planeia adquirir mais destes navios para substituir as AB mais antigas.

Fala-se também em adquirir o Galicia e o Patiño antes de 2025. Mas enquanto o LPD espanhol gera muito interesse na Rua do Arsenal, o mesmo não se passa com o Patiño devido à ausência de casco-duplo. O AOR preferido, se bem que longe de ser o ideal, é um dos Wave e o anúncio está para breve.

Uma coisa é certa, a Marinha quer evitar a todo o custo a repetição do desastre que foi Bérrio e as VdG são para desfazer rapidamente, de preferência através de venda a uma nação aliada (fala-se em Bulgária ou Brasil). Para já, a oferta americana parece ser a mais verosímil, não só por ser a mais económica mas, principalmente, por ser a de mais rápida concretização.

É quase dado como certo, que as EPC vão substituir as BD a partir de 2035. Fala-se em 03 ou 04 unidades. Outra boa notícia é que as MARLIN vêm até ao final do ano. Os próximos três meses vão ser recheados de boas notícias.

Amigo NVF, então estamos a negociar 2 AB dos EUA e 3 AB F-100 Espanholas?

Parece-me muita fruta...

Acredito mais no Wave,Galicia e nos 2 AB ex-Us NAVY...
Artigo 308º

Traição à Pátria

Quem, por meio de violência, ameaça de violência, usurpação ou abuso de funções de soberania:

a) Tentar separar da Mãe-Pátria, ou entregar a país estrangeiro ou submeter à soberania estrangeira, todo o território português ou parte dele
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 3608
  • Recebeu: 1949 vez(es)
  • Enviou: 3717 vez(es)
  • +1690/-107
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #369 em: Maio 28, 2020, 12:10:07 am »
As negociações com os EUA são de governo a governo — MDN e DOD. Já as negociações com Espanha são, para já, entre as duas Marinhas, mas no fim quem decide é o Centeno. Por isso, a expectativa na Rua do Arsenal é que as coisas só avancem a sério, daqui a uns dois ou três meses, quando o Centeno sair do governo.
Talent de ne rien faire
 

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 3918
  • Recebeu: 314 vez(es)
  • Enviou: 170 vez(es)
  • +474/-209
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #370 em: Maio 28, 2020, 12:20:52 am »
As negociações com os EUA são de governo a governo — MDN e DOD. Já as negociações com Espanha são, para já, entre as duas Marinhas, mas no fim quem decide é o Centeno. Por isso, a expectativa na Rua do Arsenal é que as coisas só avancem a sério, daqui a uns dois ou três meses, quando o Centeno sair do governo.

Não percebe os gastos militares o Centeno não é ?

E quanto aos "helis" não poderá vir nada da US navy? ( O mesmo modelo dos helis de evacuação? )
Artigo 308º

Traição à Pátria

Quem, por meio de violência, ameaça de violência, usurpação ou abuso de funções de soberania:

a) Tentar separar da Mãe-Pátria, ou entregar a país estrangeiro ou submeter à soberania estrangeira, todo o território português ou parte dele
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 3608
  • Recebeu: 1949 vez(es)
  • Enviou: 3717 vez(es)
  • +1690/-107
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #371 em: Maio 28, 2020, 12:47:39 am »
Segundo as fontes da Marinha, a opção americana (Black Hawk/Seahawk) foi completamente descartado pela FAP, que é o Ramo que “lidera” o processo dos helis evakuativos. É mais que certo que a opção será Leonardo, a menos que haja uma pressão grande por parte da Alemanha e da França que envolva outras plataformas, nomeadamente de transporte (C-295, A400M, MRTT, etc.).
Talent de ne rien faire
 

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 3918
  • Recebeu: 314 vez(es)
  • Enviou: 170 vez(es)
  • +474/-209
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #372 em: Maio 28, 2020, 12:49:59 am »
Segundo as fontes da Marinha, a opção americana (Black Hawk/Seahawk) foi completamente descartado pela FAP, que é o Ramo que “lidera” o processo dos helis evakuativos. É mais que certo que a opção será Leonardo, a menos que haja uma pressão grande por parte da Alemanha e da França que envolva outras plataformas, nomeadamente de transporte (C-295, A400M, MRTT, etc.).

Meu amigo agora não entendi....

A FAP só vê Leonardo a frente..Em relação a outras plataformas só os estou a ver a pressionarem para NH-90TTH...O resto ( A-400M) já pressionaram ano passado...
Artigo 308º

Traição à Pátria

Quem, por meio de violência, ameaça de violência, usurpação ou abuso de funções de soberania:

a) Tentar separar da Mãe-Pátria, ou entregar a país estrangeiro ou submeter à soberania estrangeira, todo o território português ou parte dele
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 3608
  • Recebeu: 1949 vez(es)
  • Enviou: 3717 vez(es)
  • +1690/-107
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #373 em: Maio 28, 2020, 02:24:55 am »
Referia-me a uma pressão a favor da Airbus, por parte desses dois países, que inclua também outras plataformas para alorar a pílula, eventualmente, com grandes descontos e até ajudas da UE.
Talent de ne rien faire
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: tenente

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 7062
  • Recebeu: 3089 vez(es)
  • Enviou: 1643 vez(es)
  • +1668/-132
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #374 em: Maio 28, 2020, 06:04:20 am »
Ao que parece, antes de encetarem conversações com o Egipto, os italianos abordaram-nos relativamente às FREMM, mas apesar do interesse da Marinha, as Finanças responderam liminarmente com um “não”. As condições eram muito favoráveis; preço a rondar os 950 milhões pelo par, com pagamento a 15 anos.

Em paralelo, decorrem negociações com os espanhóis para uma possível aquisição de 02 a 03 AB, por volta de 2030. Devido ao enorme salto qualitativo que são as F110, Espanha planeia adquirir mais destes navios para substituir as AB mais antigas.

Fala-se também em adquirir o Galicia e o Patiño antes de 2025. Mas enquanto o LPD espanhol gera muito interesse na Rua do Arsenal, o mesmo não se passa com o Patiño devido à ausência de casco-duplo. O AOR preferido, se bem que longe de ser o ideal, é um dos Wave e o anúncio está para breve.

Uma coisa é certa, a Marinha quer evitar a todo o custo a repetição do desastre que foi Bérrio e as VdG são para desfazer rapidamente, de preferência através de venda a uma nação aliada (fala-se em Bulgária ou Brasil). Para já, a oferta americana parece ser a mais verosímil, não só por ser a mais económica mas, principalmente, por ser a de mais rápida concretização.

É quase dado como certo, que as EPC vão substituir as BD a partir de 2035. Fala-se em 03 ou 04 unidades. Outra boa notícia é que as MARLIN vêm até ao final do ano. Os próximos três meses vão ser recheados de boas notícias.

Impec, nem eu faria melhor, e essa do Patino,xqual cereja no topo do bolo, é exactamente como eles caem, como uns Patinhos, na Mouche, os meus parabéns.

Abraços

« Última modificação: Maio 28, 2020, 01:35:19 pm por tenente »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF

 

Passos quer Marinha com nova "abertura ao mar"

Iniciado por zawevo

Respostas: 4
Visualizações: 4277
Última mensagem Maio 15, 2012, 09:42:43 am
por P44
Marinha entrega pela primeira vez comando de navio a mulher

Iniciado por Marauder

Respostas: 38
Visualizações: 13271
Última mensagem Maio 18, 2006, 09:03:15 am
por Pedro Monteiro
Fragatas e Corvetas Portuguesas a vela da Marinha 1815/1860

Iniciado por mkorobok

Respostas: 9
Visualizações: 4452
Última mensagem Julho 12, 2011, 12:13:30 pm
por mkorobok
Fará sentido comprar mais EH-101 para a marinha?

Iniciado por papatango

Respostas: 28
Visualizações: 11556
Última mensagem Setembro 12, 2005, 05:04:26 pm
por Rui Elias
Novo artigo sobre a Esquadrilha de Helicópteros da Marinha

Iniciado por Pedro Monteiro

Respostas: 0
Visualizações: 2397
Última mensagem Maio 06, 2009, 09:03:24 pm
por Pedro Monteiro