Novo Reabastecador da Marinha Portuguesa

  • 1072 Respostas
  • 131602 Visualizações
*

ICE 1A+

  • Analista
  • ***
  • 718
  • Recebeu: 517 vez(es)
  • Enviou: 43 vez(es)
  • +172/-11
Re: Novo Reabastecador da Marinha Portuguesa
« Responder #1050 em: Setembro 16, 2020, 12:20:34 am »
A falta que nos faz um Erdogan aqui ao lado...
A Grécia num mês decidiu comprar Raphales, novas fragatas, helicópteros e ainda iniciar o recrutamento de mais 15mil militares.
Se calhar para nós meio Erdogan chegava.

Só uma guerra  à séria salva o setor aeroespacial Frances e mundial.
Está tudo na falência e pré-falência
Estas encomendas são só uma botija de oxigênio  temporária para as dezenas de empresas fornecedoras e milhares que, como eu , trabalham no “Aerospace valley “
entre Bordéus e Toulouse.

A Aviação civil está completamente falida, a nível mundial.
Sobram as encomendas militares.
São milhares a rezar para  que chovam mísseis, lá longe, onde quer que seja.

O Ergodan esta a ser o maior aliado do Mácron!
« Última modificação: Setembro 16, 2020, 12:25:32 am por ICE 1A+ »
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 9504
  • Recebeu: 962 vez(es)
  • Enviou: 1509 vez(es)
  • +967/-911
Re: Novo Reabastecador da Marinha Portuguesa
« Responder #1051 em: Setembro 16, 2020, 06:06:52 am »
A falta que nos faz um Erdogan aqui ao lado...
A Grécia num mês decidiu comprar Raphales, novas fragatas, helicópteros e ainda iniciar o recrutamento de mais 15mil militares.
Se calhar para nós meio Erdogan chegava.

Estás enganado.

Os de cá até a um terço de Erdogan se rendiam sem disparar um tiro.
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: LM, tenente

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 6577
  • Recebeu: 2923 vez(es)
  • Enviou: 1510 vez(es)
  • +1396/-101
Re: Novo Reabastecador da Marinha Portuguesa
« Responder #1052 em: Setembro 16, 2020, 07:28:22 am »
A falta que nos faz um Erdogan aqui ao lado...
A Grécia num mês decidiu comprar Raphales, novas fragatas, helicópteros e ainda iniciar o recrutamento de mais 15mil militares.
Se calhar para nós meio Erdogan chegava.

Só uma guerra  à séria salva o setor aeroespacial Frances e mundial.
Está tudo na falência e pré-falência
Estas encomendas são só uma botija de oxigênio  temporária para as dezenas de empresas fornecedoras e milhares que, como eu , trabalham no “Aerospace valley “
entre Bordéus e Toulouse.

A Aviação civil está completamente falida, a nível mundial.
Sobram as encomendas militares.
São milhares a rezar para  que chovam mísseis, lá longe, onde quer que seja.

O Ergodan esta a ser o maior aliado do Mácron!

ICE a aviação civil só vai recuperar, o volume de tráfego de 2019,  lá para 24/25 antes disso podemos esquecer.

Um pequeno exemplo, estamos nesta treta do Covid desde Março, vamos dizer que há 1/2 ano........ o parque onde estaciono o carro no Aeroporto de Lisboa, tem uma capacidade para 800 carros, e é usado maioritariamente por tripulantes, e em 2019, estava a 90% + da capacidade.
Nestes últimos seis meses, quando vou trabalhar, na melhor das hipóteses conto 12/15 carros, quando há seis meses atrás ali estavam mais de 700 !!!!

Abraços e cuida-te
« Última modificação: Setembro 16, 2020, 10:03:43 am por tenente »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44, Charlie Jaguar

*

Kalil

  • Membro
  • *
  • 293
  • Recebeu: 28 vez(es)
  • Enviou: 47 vez(es)
  • +17/-6
Re: Novo Reabastecador da Marinha Portuguesa
« Responder #1053 em: Setembro 16, 2020, 11:29:30 am »
A falta que nos faz um Erdogan aqui ao lado...
A Grécia num mês decidiu comprar Raphales, novas fragatas, helicópteros e ainda iniciar o recrutamento de mais 15mil militares.
Se calhar para nós meio Erdogan chegava.

Só uma guerra  à séria salva o setor aeroespacial Frances e mundial.
Está tudo na falência e pré-falência
Estas encomendas são só uma botija de oxigênio  temporária para as dezenas de empresas fornecedoras e milhares que, como eu , trabalham no “Aerospace valley “
entre Bordéus e Toulouse.

A Aviação civil está completamente falida, a nível mundial.
Sobram as encomendas militares.
São milhares a rezar para  que chovam mísseis, lá longe, onde quer que seja.

O Ergodan esta a ser o maior aliado do Mácron!

As únicas guerras que poderão dar lucros são a tradicional Índia vs Paquistão ou Turquia vs Sauditas, embora esta possa ter efeitos prejudiciais para o sector petrolífero. Espero que os gregos não dêem o corpo as balas, literalmente, se bem que com o governo actual, ninguém pode estar tranquilo.

Estamos fora de tópico..
Estamos no tópico errado
 

*

LM

  • Investigador
  • *****
  • 1304
  • Recebeu: 256 vez(es)
  • Enviou: 1174 vez(es)
  • +205/-6
Re: Novo Reabastecador da Marinha Portuguesa
« Responder #1054 em: Setembro 21, 2020, 01:02:32 pm »
Sobre a entrevista ao DN a 19/9/2020 do "nosso" CEMGFA... em tom optimista, como não podia deixar de ser - afinal temos 12 drones e (em relação aos 2% PIB Defesa) "estamos a aproximar-nos, sim, mas temos de ter consciência da situação em que o país está(...) meta NATO não pode, evidentemente, comprometer aquilo que são as condições de vida dos nossos cidadãos. Essa é a primeira prioridade."  ::) Mas tudo está no bom caminho:  :mrgreen:

Citar
E quanto à falta de meios materiais nas Forças Armadas em geral – temos escrito mais particularmente sobre a Marinha e sobre o
diminuto número de navios operacionais –o que pode dizer sobre isto e como é que se pode inverter esta situação?

É uma situação que afeta de forma diferente os ramos. O grande instrumento para inversão desta situação é a Lei da Programação Militar [LPM]. Para o quadriénio
em que estamos está prevista, para a Marinha, a construção de seis navios patrulha oceânicos e o início dos trabalhos de construção do navio reabastecedor
com capacidades logísticas acrescidas
. Porque, como se sabe, coma perda do Bérrio [navio reabastecedor], a Marinha perdeu uma capacidade operacional considerável.
O Exército já começou a receber as viaturas táticas blindadas, que estão empenhadas na RCA, e estão a ser adquiridos equipamentos relacionados com o programa Soldado do Futuro e que vão dar condições de segurança e desempenho operacional aos nossos militares. Para a Força Aérea são os KC-390 e os helicópteros Koala. Claro que temos consciência das limitações de um plano que se estende por quatro quadriénios. Por isso, o que há a fazer é, na próxima revisão da LPM, definir prioridades e direcionar o dinheiro para outros meios.

Depois:

Citar
Há alguma hipótese de não se concretizar a construção do navio multiúsos, que pode ser usado para situações de emergência, evacuação, deslocação de tropas, dado ao
avultado custo?

Não creio. Acredito que poderá ser encontrada uma solução semelhante à de outros países, ou seja, um navio que desempenhe, simultaneamente, as funções de navio
polivalente, para transporte de carga mas que também faça reabastecimento. Isto é, conjugar, num só navio, as capacidades de reabastecedor, que era aquelas
que o Bérrio tinha, com as capacidades que a Marinha pretendia – e estava nos seus planos estratégicos – do navio polivalente logístico, podia ser para transportar
os fuzileiros, para acorrer a essas emergências civis. Eu julgo que será esse o caminho que se seguirá.

Menos LPD e mais JSS...? Por mim, tendo em conta a capacidade de "projectar" poder em costas "inimigas" que temos...


     
Quidquid latine dictum sit, altum videtur
 

*

ocastilho

  • Membro
  • *
  • 268
  • Recebeu: 126 vez(es)
  • Enviou: 212 vez(es)
  • +167/-3
Re: Novo Reabastecador da Marinha Portuguesa
« Responder #1055 em: Setembro 21, 2020, 01:54:31 pm »
Sobre a entrevista ao DN a 19/9/2020 do "nosso" CEMGFA... em tom optimista, como não podia deixar de ser - afinal temos 12 drones e (em relação aos 2% PIB Defesa) "estamos a aproximar-nos, sim, mas temos de ter consciência da situação em que o país está(...) meta NATO não pode, evidentemente, comprometer aquilo que são as condições de vida dos nossos cidadãos. Essa é a primeira prioridade.::) Mas tudo está no bom caminho:  :mrgreen:

Mais um que passou ao lado de uma brilhante carreira politica. Mas pq raios é que estes papa-açordas não vão fazer politica para o sitio certo, não sei, porventura para um partido. Assim deixavam quem queria mesmo fazer o serviço direitinho ir para lá.

PQP, já não há pachorra para estes comissários de partido travestidos de gente isenta!

Este senhor só tem uma função geral, a saber: QUERER MAIS E MELHOR PARA OS SEUS SERVIÇOS e com isso garantir a segurança da Republica! Se há dinheiro, onde é que se vai tirar, a quem é que se vai tirar, isso já não é o departamento dele. Se o dito se concentrasse mais em fazer pressão para ter verbas e em fazer o trabalho dele se calhar estava tudo melhor...

Abraços!
« Última modificação: Setembro 21, 2020, 01:55:28 pm por ocastilho »
"Se servistes à pátria, que vos foi ingrata, vós fizestes o que devíeis, ela o que costuma."
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44, NVF

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 3754
  • Recebeu: 288 vez(es)
  • Enviou: 89 vez(es)
  • +464/-60
Re: Novo Reabastecador da Marinha Portuguesa
« Responder #1056 em: Setembro 21, 2020, 01:58:39 pm »

Ainda tinha algum respeito por esse "matrioska", agora perdi-o.

"meta NATO não pode, evidentemente, comprometer aquilo que são as condições de vida dos nossos cidadãos"

CLARAMENTE A COMPACTUAR COM O ATUAL ESTADO DE COISAS, A DIZER AO MDN QUE TUDO ESTÁ BEM E A DIZER "A NATO" QUE SE FODA...

BRILHANTE !!

Mais um que passou ao lado de uma brilhante carreira politica. Mas pq raios é que estes papa-açordas não vão fazer politica para o sitio certo, não sei, porventura para um partido. Assim deixavam quem queria mesmo fazer o serviço direitinho ir para lá.

PQP, já não há pachorra para estes comissários de partido travestidos de gente isenta!

Este senhor só tem uma função geral, a saber: QUERER MAIS E MELHOR PARA OS SEUS SERVIÇOS e com isso garantir a segurança da Republica! Se há dinheiro, onde é que se vai tirar, a quem é que se vai tirar, isso já não é o departamento dele. Se o dito se concentrasse mais em fazer pressão para ter verbas e em fazer o trabalho dele se calhar estava tudo melhor...

Abraços!

« Última modificação: Setembro 21, 2020, 10:35:46 pm por typhonman »
Artigo 308º

Traição à Pátria

Quem, por meio de violência, ameaça de violência, usurpação ou abuso de funções de soberania:

a) Tentar separar da Mãe-Pátria, ou entregar a país estrangeiro ou submeter à soberania estrangeira, todo o território português ou parte dele
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 6056
  • Recebeu: 1346 vez(es)
  • Enviou: 652 vez(es)
  • +854/-161
Re: Novo Reabastecador da Marinha Portuguesa
« Responder #1057 em: Setembro 21, 2020, 02:45:09 pm »
Sobre a entrevista ao DN a 19/9/2020 do "nosso" CEMGFA... em tom optimista, como não podia deixar de ser - afinal temos 12 drones e (em relação aos 2% PIB Defesa) "estamos a aproximar-nos, sim, mas temos de ter consciência da situação em que o país está(...) meta NATO não pode, evidentemente, comprometer aquilo que são as condições de vida dos nossos cidadãos. Essa é a primeira prioridade.::) Mas tudo está no bom caminho:  :mrgreen:

Mais um que passou ao lado de uma brilhante carreira politica. Mas pq raios é que estes papa-açordas não vão fazer politica para o sitio certo, não sei, porventura para um partido. Assim deixavam quem queria mesmo fazer o serviço direitinho ir para lá.

PQP, já não há pachorra para estes comissários de partido travestidos de gente isenta!

Este senhor só tem uma função geral, a saber: QUERER MAIS E MELHOR PARA OS SEUS SERVIÇOS e com isso garantir a segurança da Republica! Se há dinheiro, onde é que se vai tirar, a quem é que se vai tirar, isso já não é o departamento dele. Se o dito se concentrasse mais em fazer pressão para ter verbas e em fazer o trabalho dele se calhar estava tudo melhor...

Abraços!

Pois, mas quanto a "QUERER MAIS E MELHOR PARA OS SEUS SERVIÇOS", se parte (se não a maior parte) dos subalternos alinha pela parolice de andar a gabar tudo o que a marinha diariamente efetua, mas depois critica a política do covid, sem uma palavra senão encolher os ombros sobre a falta de tudo e mais alguma coisa onde trabalha, o Chefe alinha pelo mesmo filme, não vão lhe roubar o tacho (coloco o exemplo do site oficial da Marinha mas podia colocar de um qualquer anónimo da marinha que é igual. Lá interessando que os meios antin poluição sejam escassos e nem os módulos específicos dos Tejo tenham vindo. Interessa é mostrar que tudo está e vai bem e enganar o povo com a ideia que temos capacidade de resolver um derrame .)  :-P

https://www.marinha.pt/pt

Citar
No período de 21 a 25 de setembro vai decorrer o Exercício Virtual "Oil Spill", na faixa costeira entre Vigo e Leixões, potenciado pelo Instituto Hidrográfico (IH) da Marinha Portuguesa, em parceria com o Instituto Tecnolóxico para o Control do Medio Mariño da Galiza (INTECMAR) e o Centro Tecnológico del Mar de Vigo (CETMAR).



 
Citar
Se o dito se concentrasse mais em fazer pressão para ter verbas e em fazer o trabalho dele se calhar estava tudo melhor
Ora aí está. A título de exemplo os Almirantes gregos pediram 400 milhões para o segundo upgrade das Hydra. Os nossos pediram quanto?  :mrgreen: :mrgreen:

https://en.wikipedia.org/wiki/Hydra-class_frigate

Citar
On April 25, 2018 the Greek defense minister Panos Kammenos announced that the modernization of the four vessels is in progress but without presenting any further details about the program.[3] According to some reports the available funding is only 100 million Euro (the Navy had proposed a mid-life modernization program with a cost of 400 million)









https://www.redstar.gr/index.php?option=com_content&view=article&id=2983&catid=504&Itemid=538&lang=en

Cumprimentos



"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 9504
  • Recebeu: 962 vez(es)
  • Enviou: 1509 vez(es)
  • +967/-911
Re: Novo Reabastecador da Marinha Portuguesa
« Responder #1058 em: Setembro 21, 2020, 03:26:39 pm »
Tudo farinha do mesmo saco... parasitas
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 3274
  • Recebeu: 742 vez(es)
  • Enviou: 165 vez(es)
  • +158/-62
Re: Novo Reabastecador da Marinha Portuguesa
« Responder #1059 em: Setembro 21, 2020, 04:15:39 pm »
Citar
Há alguma hipótese de não se concretizar a construção do navio multiúsos, que pode ser usado para situações de emergência, evacuação, deslocação de tropas, dado ao
avultado custo?

Não creio. Acredito que poderá ser encontrada uma solução semelhante à de outros países, ou seja, um navio que desempenhe, simultaneamente, as funções de navio
polivalente, para transporte de carga mas que também faça reabastecimento. Isto é, conjugar, num só navio, as capacidades de reabastecedor, que era aquelas
que o Bérrio tinha, com as capacidades que a Marinha pretendia – e estava nos seus planos estratégicos – do navio polivalente logístico, podia ser para transportar
os fuzileiros, para acorrer a essas emergências civis. Eu julgo que será esse o caminho que se seguirá.

Menos LPD e mais JSS...? Por mim, tendo em conta a capacidade de "projectar" poder em costas "inimigas" que temos...


     

Desde logo rir, para não chorar, com o "avultado custo" do LPD. 150 milhões são cêntimos para as marinhas a sério.  :mrgreen:

Depois falam de uma "solução semelhante à encontrada por outros países", países esses que usam um JSS, que são... Holanda e... deve ser mesmo só a Holanda (país este que além do JSS possui ainda LPDs e AORs na frota). De resto, não estou a ver que outro país tenha em uso um JSS. Mas as chefias lá sabem! Pena que quando é para modernizar as BD, não olharam também para o caso holandês.  ::)

E esta história do presente Quadriénio (que corresponde a 2019-2022), é só areia para os olhos. Então de todos os programas mencionados, tirando os Koala (e quanto muito o Soldado do Futuro), ambos programas francamente baratos, mais nenhum terá a sua conclusão antes do fim desse mesmo quadriénio. Ora se a próxima fornada de NPOs ainda nem arrancou, só receberemos o próximo em 2023 com sorte, o AOR em 2024 se a construção começasse hoje (e estou a ser optimista, porque se for um JSS, que é muito mais complexo, demora pelo menos mais 1 ano), o primeiro KC também só chega em 2023 segundo o planeado. Resumindo, neste quadriénio fez-se o quê? É que nem os Lynx nem a BD chegaram a tempo e horas, para não falar do último Tejo!
 

*

LM

  • Investigador
  • *****
  • 1304
  • Recebeu: 256 vez(es)
  • Enviou: 1174 vez(es)
  • +205/-6
Re: Novo Reabastecador da Marinha Portuguesa
« Responder #1060 em: Setembro 21, 2020, 04:32:32 pm »
Lembrei-me do JSS mas... "tecnicamente" o HNoMS Maud tem como missões secundárias "sovereignty, support for other military units, civilian support, search and rescue (SAR), humanitarian operations and participation in network-based defense. She also carries a 48-bed hospital" e pode operar 2x NH-90 e um complemento de 116 homens - logo se os nossos NPO têm complexidade de fragatas este pode ser o nosso navio polivalente tipo LPD  :mrgreen: 
Quidquid latine dictum sit, altum videtur
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 3274
  • Recebeu: 742 vez(es)
  • Enviou: 165 vez(es)
  • +158/-62
Re: Novo Reabastecador da Marinha Portuguesa
« Responder #1061 em: Setembro 21, 2020, 05:00:25 pm »
A lógica do navio misto, para as chefias, é mesmo algo do género do JSS holandês.  :mrgreen:
Já as missões que o Maud faz, o Wave também podia fazer.  :P
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 9504
  • Recebeu: 962 vez(es)
  • Enviou: 1509 vez(es)
  • +967/-911
Re: Novo Reabastecador da Marinha Portuguesa
« Responder #1062 em: Setembro 21, 2020, 05:08:51 pm »
Não era o Canadá que ia construir um JSS?
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

Kalil

  • Membro
  • *
  • 293
  • Recebeu: 28 vez(es)
  • Enviou: 47 vez(es)
  • +17/-6
Re: Novo Reabastecador da Marinha Portuguesa
« Responder #1063 em: Setembro 21, 2020, 07:02:42 pm »
A lógica é a do costume, é a do faz de conta.

Deve ser a vergonha que obriga a falar em resolver duas necessidades há muito identificadas, com um projecto apenas, para dizer que não estão esquecidas.
Deve dar para satisfazer a vontade política que existe actualmente para melhorar as situação das forças armadas.

Se fossemos a levar isto a sério, podíamos contar com 2 anos de estudo para identificar os requisitos, 2 anos para desenvolvimento de projecto (porque nenhum do mercado iria ser suficientemente bom) e 4 a 6 anos para a construção (eu sei que estou a ser optimista). Creio que ficaria por um custo equivalente a uns 9 ou. 10 NPO.

Isto, se entretanto não nos fosse oferecido um AOR à borla, aposentado com menos de 30 anos, o que seria o suficiente para cancelar todos os projectos de JSS que pudessem alguma vez existir.

Atenção que eu até compreendo e apoio a opção por um navio destes, dada a dimensão da nossa frota e a falta de orçamento crônica, mas era para estar já a navegar antes de o Berrio ter sido encostado.

Esta política de vão de escada é que não consigo compreender, e muito menos apoiar..
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 3274
  • Recebeu: 742 vez(es)
  • Enviou: 165 vez(es)
  • +158/-62
Re: Novo Reabastecador da Marinha Portuguesa
« Responder #1064 em: Setembro 21, 2020, 10:17:58 pm »
No meio disto tudo, a solução mais lógica era o Wave para resolver desde logo um problema. A ideia de um LPD ou Navpol ou o que queiram chamar, podia e devia ser reformulada. Será que se justifica ter um LPD convencional "estilo Rotterdam", que tem limitações e um custo relativamente elevado? Não fazia mais sentido dada a dimensão das nossas forças anfíbias, o facto de termos 2 arquipélagos, e outras N razões, ter 2 navios mais pequenos, com muito menor guarnição? Ou mesmo um LHD com claras vantagens para o uso de helicópteros?
 

 

Passos quer Marinha com nova "abertura ao mar"

Iniciado por zawevo

Respostas: 4
Visualizações: 4156
Última mensagem Maio 15, 2012, 09:42:43 am
por P44
Marinha entrega pela primeira vez comando de navio a mulher

Iniciado por Marauder

Respostas: 38
Visualizações: 13045
Última mensagem Maio 18, 2006, 09:03:15 am
por Pedro Monteiro
Fragatas e Corvetas Portuguesas a vela da Marinha 1815/1860

Iniciado por mkorobok

Respostas: 9
Visualizações: 4316
Última mensagem Julho 12, 2011, 12:13:30 pm
por mkorobok
Fará sentido comprar mais EH-101 para a marinha?

Iniciado por papatango

Respostas: 28
Visualizações: 11424
Última mensagem Setembro 12, 2005, 05:04:26 pm
por Rui Elias
Marinha: Seis armas roubadas da base do Alfeite

Iniciado por Camuflage

Respostas: 17
Visualizações: 6171
Última mensagem Agosto 26, 2011, 04:56:26 pm
por nelson38899