ENVC - Estaleiros Navais de Viana do Castelo, S.A.

  • 1244 Respostas
  • 200880 Visualizações
*

ICE 1A+

  • Analista
  • ***
  • 728
  • Recebeu: 536 vez(es)
  • Enviou: 43 vez(es)
  • +190/-12
Re: ENVC - Estaleiros Navais de Viana do Castelo, S.A.
« Responder #1230 em: Junho 17, 2019, 03:01:35 pm »
Vejam esta pérola!!!
O sindicalista convertido!

“Quando precisamos de um antibiótico não vamos tomar um Ben-u-Ron”

http://sicnoticias.pt/programas/reportagemespecial/2019-04-03-Estaleiros-de-Viana-da-agonia-aos-mares-do-mundo
 

*

LM

  • Investigador
  • *****
  • 1487
  • Recebeu: 315 vez(es)
  • Enviou: 1286 vez(es)
  • +223/-7
Quidquid latine dictum sit, altum videtur
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW, Viajante

*

ICE 1A+

  • Analista
  • ***
  • 728
  • Recebeu: 536 vez(es)
  • Enviou: 43 vez(es)
  • +190/-12
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 7263
  • Recebeu: 3164 vez(es)
  • Enviou: 1694 vez(es)
  • +1787/-137
Re: ENVC - Estaleiros Navais de Viana do Castelo, S.A.
« Responder #1233 em: Janeiro 28, 2020, 06:17:52 am »
Bangladesh’s CCDL invites EoIs for joint production of six OPVs

Gabriel Dominguez, London - Jane's Defence Weekly

26 January 2020

The Bangladesh Navy (BN)-owned Chittagong Dry Dock Limited (CCDL) has invited expressions of interest (EoIs) by 29 February from foreign shipbuilders for the joint production of six offshore patrol vessels (OPVs) for the BN.

In a statement issued on 16 January by CCDL pointed out that each of the OPVs must be at least 85 m long, have an overall beam of about 14 m, a hull draught of no more than 4 m, and a full-load displacement of about 2,000 tonnes.

Each of the vessels will be required to feature a landing deck to embark a helicopter weighing up to 11 tonnes and of carrying two “mission-oriented containers”.

http://www.thefifthcolumn.xyz/Forum/viewthread.php?tid=53&page=5

E se alguém se atrevesse a concorrer com o projecto do NPO, modificado claro, pois 11 tons de heli é muito diferente de 06 Tons ???

Abraços
 

*

Daniel

  • Investigador
  • *****
  • 1735
  • Recebeu: 114 vez(es)
  • Enviou: 31 vez(es)
  • +173/-2030
Re: ENVC - Estaleiros Navais de Viana do Castelo, S.A.
« Responder #1234 em: Agosto 26, 2020, 09:50:56 pm »
Frota da Douro Azul cresce em tempos de pandemia. Terceiro navio já flutua nos estaleiros de Viana do Castelo
https://eco.sapo.pt/2020/08/26/frota-da-douro-azul-cresce-em-tempos-de-pandemia-terceiro-navio-ja-flua-nos-estaleiros-de-viana-do-castelo/

Citar
em a pandemia do novo coronavírus impediu a construção do navio “World Navigator”, do grupo português de cruzeiros Mystic Cruises, dono da Douro Azul, que já flutua nos Estaleiros de Viana do Castelo. O navio já se encontra numa fase avançada de construção e está previsto que no verão do próximo ano comece a navegar para as águas do ártico. Este será o terceiro de uma frota de seis navios de expedição que o grupo pretende colocar em atividade até 2023.

“Fomos um dos poucos operadores mundiais que não suspendeu a construção naval durante este período, tendo mesmo acelerado o processo de desenvolvimento dos três navios (dois oceânicos e um de rio) que tínhamos iniciado. Foi-nos possível manter estes processos devido a um planeamento e esforço financeiro rigoroso, mantivemos os 110 milhões de euros previsto de construção naval em Viana para o ano 2020, suportando assim tão vital setor da economia portuguesa”, destaca Mário Ferreira, CEO da Mystic Invest, em comunicado.
Com capacidade para 200 passageiros e 130 tripulantes, este navio de construção nacional, está preparado para navegar nos mares gelados da Antártida e do Ártico, bem como realizar cruzeiros transatlânticos e programas de exploração em alguns dos destinos mais exclusivos do planeta, que serão comercializados exclusivamente pela Atlas Ocean Voyages, linha comercial da Mystic Invest Holding que actua no mercado norte-americano e tem base em Fort Lauderdale.

O terceiro navio iniciará a sua operação no Verão de 2021, altura em que se juntará ao MS World Explorer, lançado em 2019, e ao MS World Voyager navio que se encontra preparado para iniciar operação este ano.

Mário Ferreira explica que o grupo apostou na construção de navios mais pequenos com uma finalidade muito específica, “o acesso a destinos mais restritos onde os grandes paquetes não conseguem chegar”, explica o líder. Entre os destaques em termos de destinos estarão o Mediterrâneo, com visitas ao Egito e Terra Santa, o Mar Negro com possibilidade de visita a Chernobyl, e a viagem Transatlântica entre Portugal e o Brasil, bem como, os cruzeiros nas águas geladas da Antártida e do Ártico.

De acordo com Mário Ferreira, a preparação para a navegação na Antártida obriga a cuidados específicos na construção do navio, setor onde a empresa portuguesa continua a inovar: “Tal como o Explorer e o Voyager, o Navigator foi construído com reforços em aço especialmente preparado para navegar em águas com gelo até um metro de espessura. Para além do cuidado com o casco, é um navio ecologicamente sustentável, sistema de captação e tratamento de resíduos, corte radical do uso de plásticos a bordo, está equipado com motores híbridos de menor consumo e emissões, preparado para ser ligado à corrente elétrica de terra nos portos onde atraca, e equipado com inovador e complexo sistema de propulsão que usa também jatos de água para propulsão até cinco nós e que protege o ambiente marinho, fomos a primeira empresa a implementar este modelo a nível mundial”, conclui Mário Ferreira.

De acordo com a empresa, a frota da Mystic Cruises é uma das mais ecossustentáveis a operar no mercado mundial de cruzeiros.
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: ICE 1A+

*

ICE 1A+

  • Analista
  • ***
  • 728
  • Recebeu: 536 vez(es)
  • Enviou: 43 vez(es)
  • +190/-12
Re: ENVC - Estaleiros Navais de Viana do Castelo, S.A.
« Responder #1235 em: Agosto 29, 2020, 09:40:00 am »
Boas!.

Posso acrescentar que o quarto navio já tem os blocos todos construídos e  vai começar a ser montado.
O 5 e o 6 estão em fase de corte de chapa.

Assim da gosto ver o estaleiro trabalhar!

PS: Os dois últimos post’s deveriam estar  no tópico da West Sea e não  aqui no tópico do “falecido"
« Última modificação: Agosto 29, 2020, 09:46:23 am por ICE 1A+ »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 10011
  • Recebeu: 1173 vez(es)
  • Enviou: 1684 vez(es)
  • +1021/-1405
Re: ENVC - Estaleiros Navais de Viana do Castelo, S.A.
« Responder #1236 em: Agosto 29, 2020, 11:36:44 am »
E os NPOs? ::)
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 3775
  • Recebeu: 895 vez(es)
  • Enviou: 205 vez(es)
  • +187/-91
Re: ENVC - Estaleiros Navais de Viana do Castelo, S.A.
« Responder #1237 em: Agosto 29, 2020, 03:54:58 pm »
Esses são muito complexos, tanto como os novos PA Gerald Ford!
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44

*

ICE 1A+

  • Analista
  • ***
  • 728
  • Recebeu: 536 vez(es)
  • Enviou: 43 vez(es)
  • +190/-12
« Última modificação: Agosto 29, 2020, 05:36:03 pm por ICE 1A+ »
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 10011
  • Recebeu: 1173 vez(es)
  • Enviou: 1684 vez(es)
  • +1021/-1405
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

ICE 1A+

  • Analista
  • ***
  • 728
  • Recebeu: 536 vez(es)
  • Enviou: 43 vez(es)
  • +190/-12
Re: ENVC - Estaleiros Navais de Viana do Castelo, S.A.
« Responder #1240 em: Agosto 30, 2020, 12:15:35 pm »
E os NPOs? ::)

Se isto tem algum valor:

http://www.portugal.gov.pt/download-ficheiros/ficheiro.aspx?v=bf61bbd8-5742-4f1d-8761-73b3c0ab5580

Acho que gastaram o orçamento em vinho!
http://www.rtp.pt/madeira/sociedade/marinha-portuguesa-vai-ter-mais-seis-navios-patrulha-oceanicos-video_35153

Notícia de 17 de fevereiro.... entretanto veio o covid, que vai servir de desculpa para TANTA coisa ::)

Disso não tenho dúvidas.

Prova disso é o BE que apresentou uma proposta para desviar 150 milhões da LPM para o SNS.
A proposta mexia nas verbas  destinadas em 2020 aos KC’s e à modernização das fragatas.
Como  o comunicado do Governo é de 13 de junho , já o Covid andava aí em força,  postei-o para depois podermos “chamar os bois pelos nomes”
« Última modificação: Agosto 30, 2020, 12:28:48 pm por ICE 1A+ »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 3713
  • Recebeu: 2014 vez(es)
  • Enviou: 3839 vez(es)
  • +1804/-109
Re: ENVC - Estaleiros Navais de Viana do Castelo, S.A.
« Responder #1241 em: Agosto 30, 2020, 05:44:06 pm »
Podem tirar o que quiserem da LPM, no final é tudo cativado  :mrgreen:
Talent de ne rien faire
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: tenente

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 10011
  • Recebeu: 1173 vez(es)
  • Enviou: 1684 vez(es)
  • +1021/-1405
Re: ENVC - Estaleiros Navais de Viana do Castelo, S.A.
« Responder #1242 em: Agosto 30, 2020, 05:53:34 pm »
Podem tirar o que quiserem da LPM, no final é tudo cativado  :mrgreen:

Tirar zero de nada, também não faz grande diferença
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: tenente

*

Daniel

  • Investigador
  • *****
  • 1735
  • Recebeu: 114 vez(es)
  • Enviou: 31 vez(es)
  • +173/-2030
Re: ENVC - Estaleiros Navais de Viana do Castelo, S.A.
« Responder #1243 em: Janeiro 12, 2021, 10:27:12 am »
Investigação aos estaleiros de Viana está parada
https://eco.sapo.pt/2021/01/12/investigacao-aos-estaleiros-de-viana-esta-parada/
Citar
O processo dos estaleiros de Viana do Castelo está parado na Justiça há mais de um ano. Este processo investigava a subconcessão feita ao grupo português Martifer e também a venda de um barco à empresa Douro Azul de Mário Ferreira, o principal acionista da Media Capital, avança o Correio da Manhã (acesso pago).Os autos saíram da Polícia Judiciária em 2019 e nunca mais regressaram. Foram enviados para a Autoridade Tributária para se apurar se houve fraude fiscal, mas o Ministério Público ainda não apurou os 30 milhões de euros de prejuízo que recaiu sobre o Estado português.

Mário Ferreira está desde 2014 na mira das autoridades, depois de ter ganhado o concurso público, para a compra do ‘Atlântida’, por 8,7 milhões de euros. O navio iria ser renovado, por seis milhões de euros, o que nunca chegou a acontecer. Seis meses depois Mário Ferreira vendeu o navio a uma
empresa norueguesa por 17 milhões de euros. Neste processo judicial, intitulado de operação Atlântida, investigam-se crimes de administração danosa, corrupção ativa e passiva e participação económica em negócio.

Só mesmo em Portugal é que tais coisas são possíveis.
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 

*

asalves

  • Perito
  • **
  • 580
  • Recebeu: 208 vez(es)
  • Enviou: 74 vez(es)
  • +37/-9
Re: ENVC - Estaleiros Navais de Viana do Castelo, S.A.
« Responder #1244 em: Janeiro 14, 2021, 06:08:45 pm »
Investigação aos estaleiros de Viana está parada
https://eco.sapo.pt/2021/01/12/investigacao-aos-estaleiros-de-viana-esta-parada/
Citar
O processo dos estaleiros de Viana do Castelo está parado na Justiça há mais de um ano. Este processo investigava a subconcessão feita ao grupo português Martifer e também a venda de um barco à empresa Douro Azul de Mário Ferreira, o principal acionista da Media Capital, avança o Correio da Manhã (acesso pago).Os autos saíram da Polícia Judiciária em 2019 e nunca mais regressaram. Foram enviados para a Autoridade Tributária para se apurar se houve fraude fiscal, mas o Ministério Público ainda não apurou os 30 milhões de euros de prejuízo que recaiu sobre o Estado português.

Mário Ferreira está desde 2014 na mira das autoridades, depois de ter ganhado o concurso público, para a compra do ‘Atlântida’, por 8,7 milhões de euros. O navio iria ser renovado, por seis milhões de euros, o que nunca chegou a acontecer. Seis meses depois Mário Ferreira vendeu o navio a uma
empresa norueguesa por 17 milhões de euros. Neste processo judicial, intitulado de operação Atlântida, investigam-se crimes de administração danosa, corrupção ativa e passiva e participação económica em negócio.

Só mesmo em Portugal é que tais coisas são possíveis.

O prejuízo do Atlântida não é culpa do M. Ferreira nem outros, investiguem mas é o tio César e os incompetentes dos ex-gestores no envc que permitiram alterações o projecto sem alterar o contrato e proteger a empresa.

E secalhar se tivessem feito um pouco mais de publicidade ao leilão do Atlântida e os nossos concursos não tivessem tanta burocracia secalhar tinha aparecido mais ofertas