Forças Armadas e Segurança Interna

  • 109 Respostas
  • 12231 Visualizações
*

PereiraMarques

  • Moderador Global
  • *****
  • 7077
  • Recebeu: 541 vez(es)
  • Enviou: 244 vez(es)
  • +475/-0
Re: Forças Armadas e Segurança Interna
« Responder #90 em: Abril 23, 2020, 10:55:47 am »
A suposta "fusão" é mais ao nível de Estados Maior e uma série de órgãos de apoio (vulgo chafaricas)...não pensem que é por o pessoal da Marinha com farda "feijão verde".

Nas Academias existem uma série de unidades curriculares (Direito, Economia/Gestão, Línguas Estrangeiras, etc.) leccionadas normalmente até por professores civis. Porque é que isso não é todo leccionado no mesmo sítio com apenas um professor, ficando as atuais Academias apenas com a parte específica do seu ramo?

Necessitamos mesmo de 3 Estados Maiores e de todos os Comandos de Pessoal, Logística, etc., separados em n unidades, nomeadamente no caso do Exército?
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 3228
  • Recebeu: 733 vez(es)
  • Enviou: 163 vez(es)
  • +157/-61
Re: Forças Armadas e Segurança Interna
« Responder #91 em: Abril 23, 2020, 12:53:16 pm »
Mas isso é diferente do que foi proposto, ao qual eu respondi. A proposta era basicamente extinguir e atirar tudo para o mesmo saco coisas como as forças especiais, dividindo tudo apenas em componentes aérea, terrestre, naval e especial.

Já a tua proposta PM, vai mais de encontro a uma ideia que não extingue os ramos em si, apenas une as vertentes que não precisam de ser independentes. Coisas que não têm vantagem nenhuma operacional estando independentes entre cada ramo, deviam ser unidas de facto.

Aliás para mim tudo o que favorecesse a coesão entre os ramos, era benéfico, para acabar com a história das quintinhas e clubismos.
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 8346
  • Recebeu: 955 vez(es)
  • Enviou: 1115 vez(es)
  • +134/-44
Re: Forças Armadas e Segurança Interna
« Responder #92 em: Abril 23, 2020, 02:37:24 pm »
A coisa era bem mais fácil com um só ramo com 4 componentes, ar, terra, mar e forças especiais.... até o erário público agradecia...

Só 4...

Tem que haver mais, por exemplo, Saude, Cyber, Space...
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 3228
  • Recebeu: 733 vez(es)
  • Enviou: 163 vez(es)
  • +157/-61
Re: Forças Armadas e Segurança Interna
« Responder #93 em: Abril 23, 2020, 03:49:30 pm »
Space  :mrgreen:
« Última modificação: Abril 24, 2020, 08:08:54 pm por Lightning »
 

*

ocastilho

  • Membro
  • *
  • 265
  • Recebeu: 124 vez(es)
  • Enviou: 210 vez(es)
  • +164/-3
Re: Forças Armadas e Segurança Interna
« Responder #94 em: Abril 23, 2020, 09:03:58 pm »
Assim de cabeça, os Israelistas, canadianos e belgas têm tudo unificado. Mas isto claro são países com forças armadas a brincar e de terceiro mundo. Nós precisamos mesmo de ter ramos, temos muitos homens, muito armamento, muitas operações internacionais, em suma, muita operacionalidade...
"Se servistes à pátria, que vos foi ingrata, vós fizestes o que devíeis, ela o que costuma."
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 3228
  • Recebeu: 733 vez(es)
  • Enviou: 163 vez(es)
  • +157/-61
Re: Forças Armadas e Segurança Interna
« Responder #95 em: Abril 23, 2020, 10:24:30 pm »
Os Belgas são um caso à parte, têm um país ao lado de dimensão semelhante, que tem uma componente militar muito diferente. Se calhar os holandeses não copiam por alguma razão.

Israel tem força aérea, exército e marinha, mesmo que estejam debaixo de um "título" conjunto de Israel Defence Forces.

O mesmo para o Canadá.

 

*

Trafaria

  • Investigador
  • *****
  • 2011
  • Recebeu: 76 vez(es)
  • Enviou: 77 vez(es)
  • +16/-0
Re: Forças Armadas e Segurança Interna
« Responder #96 em: Abril 23, 2020, 11:25:04 pm »
Sim, há pelo menos um país onde isso acontece. A PJM, em França, é apenas uma secção de inquéritos da Gendarmerie, que também faz as funções de policia militar em geral.
::..Trafaria..::
 

*

ocastilho

  • Membro
  • *
  • 265
  • Recebeu: 124 vez(es)
  • Enviou: 210 vez(es)
  • +164/-3
Re: Forças Armadas e Segurança Interna
« Responder #97 em: Abril 24, 2020, 12:14:13 am »
Os Belgas são um caso à parte, têm um país ao lado de dimensão semelhante, que tem uma componente militar muito diferente. Se calhar os holandeses não copiam por alguma razão.

Israel tem força aérea, exército e marinha, mesmo que estejam debaixo de um "título" conjunto de Israel Defence Forces.

O mesmo para o Canadá.

O modelo Israelita é bastante diferente, todas as academias, policia militar, abastecimentos, etc. Estão sobre a alçada do CEMFGA lá do sitio, consegue imaginar só as poupanças que se consegue nisso? E não nos esqueçamos do tamanho das IDF, obviamente que mesmo unificadas têm muito "peso".

Já os canadianos, vai me desculpar, mas basta relembrar que 1988(?) todas as FAs foram unificadas e só há pouco tempo é que se voltou ao "air force", "navy" e "army", mas por questões históricas e tudo o resto se manteve igual.

Mas o DC personaliza o espírito actual nas FAs, olhamos sempre para os mais "ricos", e copiamos o que fazem, e depois investimos à pobre...
"Se servistes à pátria, que vos foi ingrata, vós fizestes o que devíeis, ela o que costuma."
 

*

raphael

  • Investigador
  • *****
  • 1331
  • Recebeu: 242 vez(es)
  • Enviou: 201 vez(es)
  • +41/-4
Re: Forças Armadas e Segurança Interna
« Responder #98 em: Abril 24, 2020, 12:53:48 am »
É precisamente a questão economicista...

Se limitarmos o topo...ajustamos a pirâmide.

Volto a dizer é francamente ridiculo que as despesas com pessoal assimilem mais de 80% dos orçamentos dos Ramos...e depois como fica o operacional? Fica depenado...

A história é boa para os livros e para as memórias.

O presente e futuro tem de ser bem gerido sob pena de nos extinguirmos...

Temos agora o exemplo da componente NRBQ com as descontaminações, a Força Aérea assume os aviões, o exército alguns lares e todos vão higienizar as escolas...

Da mesma forma as tropas especiais no estrangeiro, tirando operações pocket dos OE e DAE as restantes tropas vão efetuar missões nações unidas e nato no formato force protection enquanto tropas de infantaria...alguns com componente mecanizada...

Uniformização...

Mas concerteza respeito quem se regula pelo tradicional, mas por essa via o investimento vai ser sempre residual...
Um abraço
Raphael
__________________
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: ocastilho

*

Get_It

  • Investigador
  • *****
  • 1813
  • Recebeu: 238 vez(es)
  • Enviou: 449 vez(es)
  • +12/-1
Re: Forças Armadas e Segurança Interna
« Responder #99 em: Abril 24, 2020, 01:20:20 am »
Posso perguntar (na brincadeira e sarcasticamente) o que vocês iam fazer com todos os generais e oficiais que ficariam sem comando ao unificarem isso tudo?

Cumprimentos,
:snip: :snip: :Tanque:
 

*

ocastilho

  • Membro
  • *
  • 265
  • Recebeu: 124 vez(es)
  • Enviou: 210 vez(es)
  • +164/-3
Re: Forças Armadas e Segurança Interna
« Responder #100 em: Abril 24, 2020, 01:33:11 am »
Posso perguntar (na brincadeira e sarcasticamente) o que vocês iam fazer com todos os generais e oficiais que ficariam sem comando ao unificarem isso tudo?

Cumprimentos,

Campinar?  :mrgreen:
"Se servistes à pátria, que vos foi ingrata, vós fizestes o que devíeis, ela o que costuma."
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 3228
  • Recebeu: 733 vez(es)
  • Enviou: 163 vez(es)
  • +157/-61
Re: Forças Armadas e Segurança Interna
« Responder #101 em: Abril 24, 2020, 01:44:58 am »
Os Belgas são um caso à parte, têm um país ao lado de dimensão semelhante, que tem uma componente militar muito diferente. Se calhar os holandeses não copiam por alguma razão.

Israel tem força aérea, exército e marinha, mesmo que estejam debaixo de um "título" conjunto de Israel Defence Forces.

O mesmo para o Canadá.

O modelo Israelita é bastante diferente, todas as academias, policia militar, abastecimentos, etc. Estão sobre a alçada do CEMFGA lá do sitio, consegue imaginar só as poupanças que se consegue nisso? E não nos esqueçamos do tamanho das IDF, obviamente que mesmo unificadas têm muito "peso".

Já os canadianos, vai me desculpar, mas basta relembrar que 1988(?) todas as FAs foram unificadas e só há pouco tempo é que se voltou ao "air force", "navy" e "army", mas por questões históricas e tudo o resto se manteve igual.

Mas o DC personaliza o espírito actual nas FAs, olhamos sempre para os mais "ricos", e copiamos o que fazem, e depois investimos à pobre...

Como disseste e bem, os israelitas têm os três ramos debaixo da mesma alçada, no entanto estes três ramos não perdem a sua identidade. Mas por cá já defendem a extinção dos três ramos para ter apenas um? É que tem de se ter noção que uma coisa é unir as componentes que não precisam de estar duplicadas/triplicadas, como o caso das academias, polícias, saúde militar, etc, outra é riscar o nome dos três ramos e fingir que não há divisão ou especificidade entre eles...

Agora juntar os estados maiores num só é outra coisa, pois estes não têm implicação a nível da capacidade operacional, e aí concordo que a linha de comando devia ser simplificada.

Mas lá está, há formas de gerir recursos sem entrar em extremismos, e para mim a componente operacional devia manter-se mais ou menos igual, tudo o resto que for componentes de apoio e afins, esses sim devem ser unidos.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: LM

*

Trafaria

  • Investigador
  • *****
  • 2011
  • Recebeu: 76 vez(es)
  • Enviou: 77 vez(es)
  • +16/-0
Re: Forças Armadas e Segurança Interna
« Responder #102 em: Abril 24, 2020, 04:33:04 pm »
Citar
Agora juntar os estados maiores num só é outra coisa, pois estes não têm implicação a nível da capacidade operacional, e aí concordo que a linha de comando devia ser simplificada.

No dia que à FAP chegasse uma simples nota do estado-maior assinada por um capitão-de-mar-e-guerra havia um hastear de bandeira a meia haste. Nós não estamos preparados para mudanças tão "radicais", a mesquinhez portuguesa não o permite.
::..Trafaria..::
 

*

raphael

  • Investigador
  • *****
  • 1331
  • Recebeu: 242 vez(es)
  • Enviou: 201 vez(es)
  • +41/-4
Re: Forças Armadas e Segurança Interna
« Responder #103 em: Abril 24, 2020, 07:08:46 pm »
Posso perguntar (na brincadeira e sarcasticamente) o que vocês iam fazer com todos os generais e oficiais que ficariam sem comando ao unificarem isso tudo?

Cumprimentos,

O que sucede quando são ultrapassados na promoção ou atingem o tempo no posto...passagem à situação de reserva...mas durante a reserva continuam a ser encargo financeiro para o respetivo ramo...
Um abraço
Raphael
__________________
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 8346
  • Recebeu: 955 vez(es)
  • Enviou: 1115 vez(es)
  • +134/-44
Re: Forças Armadas e Segurança Interna
« Responder #104 em: Abril 24, 2020, 08:15:24 pm »
Pergunto-me se em Israel realmente só existe um estado-maior para aquilo tudo, coordenar pessoal do activo, reservistas, os gajos são bons, mas tanto?

O exercito não tem coordenação propria?
A Forca Aérea?

Ou eles simplesmente chamam IDF ao que nós chamamos EMGFA?

Ou será como os EUA, em que está tudo enfiado no Pentágono?
« Última modificação: Abril 24, 2020, 08:31:29 pm por Lightning »
 

 

Forças mecanizadas do exército Espanhol à beira de Portugal

Iniciado por dremanu

Respostas: 13
Visualizações: 5905
Última mensagem Maio 08, 2006, 12:40:15 pm
por carlovich
DN: Comando NATO de Oeiras tutela forças de reacção

Iniciado por PereiraMarques

Respostas: 0
Visualizações: 2136
Última mensagem Novembro 14, 2006, 11:38:41 am
por PereiraMarques
Forças Aeromóveis, opinião

Iniciado por typhonman

Respostas: 0
Visualizações: 1012
Última mensagem Outubro 13, 2009, 10:02:41 pm
por typhonman
Balanço desta Legislatura nas áreas da Defesa e Segurança

Iniciado por Jorge Pereira

Respostas: 5
Visualizações: 2567
Última mensagem Abril 10, 2009, 03:55:47 pm
por Jorge Pereira
Portugal na defesa da política de segurança europeia

Iniciado por comanche

Respostas: 3
Visualizações: 3008
Última mensagem Dezembro 05, 2008, 06:43:47 pm
por Lancero