EH-101

  • 744 Respostas
  • 175804 Visualizações
*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 2041
  • Recebeu: 461 vez(es)
  • Enviou: 90 vez(es)
  • +93/-26
Re: EH-101
« Responder #720 em: Fevereiro 17, 2020, 12:47:33 am »
Para mim, a ser realizado algum tipo de MLU, era para elevar e padronizar as capacidades militares de todos os hélis, ficando apenas pequenas diferenças como as que se vê no 516 (cauda e pás dobráveis) e as pequenas diferença da versão SIFICAP face às 514. De resto, ECMs, RWR, sonda de AAR (caso o 390 fique certificado para abastecer os Merlin), etc, tudo padronizado entre as 12 aeronaves para que o seu uso militar não fique dependente da disponibilidade dos diferentes modelos de helicóptero.

Mesmo que algum dia venhamos a ter algum tipo de "helicóptero de evacuação", os Merlin continuarão a ser o único heli militar pesado ao nosso serviço.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, tenente

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 5239
  • Recebeu: 2410 vez(es)
  • Enviou: 919 vez(es)
  • +663/-76
Re: EH-101
« Responder #721 em: Fevereiro 17, 2020, 05:57:16 am »
Para mim, a ser realizado algum tipo de MLU, era para elevar e padronizar as capacidades militares de todos os hélis, ficando apenas pequenas diferenças como as que se vê no 516 (cauda e pás dobráveis) e as pequenas diferença da versão SIFICAP face às 514. De resto, ECMs, RWR, sonda de AAR (caso o 390 fique certificado para abastecer os Merlin), etc, tudo padronizado entre as 12 aeronaves para que o seu uso militar não fique dependente da disponibilidade dos diferentes modelos de helicóptero.

Mesmo que algum dia venhamos a ter algum tipo de "helicóptero de evacuação", os Merlin continuarão a ser o único heli militar pesado ao nosso serviço.

nem mais todos os helis devem ser intervencionados e melhorados ainda por cima sendo os únicos com excelentes capacidades raio de acção e transporte que possuímos,  mas pelos vistos ainda há quem pense que a fadiga de material e a obsolescência atinja só alguns equipamentos militares…..

https://www.leonardocompany.com/en/products/mid-life-upgrade

https://www.janes.com/article/94226/uk-completes-merlin-hc3-3a-helo-upgrades

https://www.defenseindustrydaily.com/2-bn-for-british-eh101-merlin-multirole-upgrades-01745/

https://www.defensenews.com/naval/2015/09/06/upgraded-merlins-to-boost-royal-marines-air-mobility/

https://airforcesmonthly.keypublishing.com/2009/12/16/raf-merlins-get-urgent-upgrade/

https://www.militaryfactory.com/aircraft/detail.asp?aircraft_id=705

Abraços
« Última modificação: Fevereiro 17, 2020, 05:59:24 am por tenente »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 5239
  • Recebeu: 2410 vez(es)
  • Enviou: 919 vez(es)
  • +663/-76
Re: EH-101
« Responder #722 em: Fevereiro 17, 2020, 05:58:48 am »
As benditas cativações são a causa destas situações, a ver vamos se não terá havido falhas na respostas SAR devido a esta situação !

https://observador.pt/2018/12/27/forca-aerea-helicoptero-de-busca-e-salvamento-parado-ha-ano-e-meio-por-falta-de-verba/

Neste fórum alguns ainda mencionam as LPM's como os meios disponíveis para o reequipamento das FFAA, no entanto, essas pseudo LPM's, não são mais que embustes armados pelos nossos incompetentes e corruptos, politicozecos de pacotilha, reparem  quantas aquisições de meios, referidas nessas LPM's se concretizaram.
Bastava que se cumprissem os orçamentos anuais alocados á defesa e teríamos umas FFAA excelentes !!

o PIB em 2018 foi um pouco superior a 200.000 milhões, se o orçamento das FFAA fosse 1,2% do PIB teríamos um valor de 2.400 milhões, para os três ramos.
No entanto não só esse valor nunca foi alocado ás FFAA como desgraçadamente, os nossos DesGovernantes ainda vem alardoar um aumento expressivo de gastos com a defesa, em virtude dos custos relacionados com compra dos C390, dos NPO's, do NPL, e demais equipamentos !

Esses custos de aquisição dos C390, dos NPO's do AOR, do NPL e afins conseguem ser suportados pelos orçamentos anuais das FFAA, que se forem no MÁXIMO, rpt MÁXIMO de 1,5% do PIB, 2.800 a 3.000 milhões de euros, e usados integralmente nas FFAA, não em cativações, ou números de circo, previamente planeados ! 

Esses mesmos políticos não nos conseguem é explicar porque os helis estão AOG por falta de MNT/reparação, porque os Classe Tejo não estão operacionais ao fim de quatro anos, daí eu dizer que as reparações serão das mais dispendiosas e morosas da nossa MdG,  porque os NPO's não tem armamento nem os semirrígidos adequados, porque os F16 não são melhorados, porque não há dinheiro para os MLU's das VdG, porque não se substitui o NRP Bérrio, já quase com cinquenta anos, porque se reduz o numero de Vamtacs, porque se compraram só cinco helis ligeiros e ainda por cima monomotores, porque a infantaria mecanizada ainda continua a operar os M113, porque não temos porta morteiros nas unidades da BriInt, porque os batalhões de infantaria não estão completos, porque é que a artilharia só possui 21 M119 quando no mínimo deveria ter 36 BF desse calibre, porque se continua com o filme muito longo e triste da aquisição da substituta da G3 que já passa de orçamento em orçamento gastando sempre os mesmos valores, porque o efectivo do exército ainda tem tantos oficiais e sargentos, cerca de 6000, como praças, porque será ????

Porque a incompetência, e, o desprezo dos políticos pela Instituição Militar, tem um enorme aliado, as Altas chefias militares que colaboram com as decisões tomadas a favor de manterem os seus lugares de chefia !!!

https://www.tsf.pt/economia/interior/oe2018-defesa-com-21513-me-mais-75-face-a-estimativa-de-2017-8842435.html

https://www.pordata.pt/Europa/Produto+Interno+Bruto+(Euro)-1786

As FFAA não necessitam de esmolas dos políticos, antes destes existirem já Portugal possuía FFAA!
As FFAA Nacionais necessitam de Chefias competentes e que RESPEITEM os Homens e Mulheres que as Integram.  :N-icon-Axe:


Abraços

Depois desta introdução altamente elucidativa sobre o estado das nossas FFAA, vou fazer uma pergunta muito estúpida.
Os 101 estão ao serviço desde 2004, há já dezasseis anos, correcto ???
Para quando se prevê que seja efectuado o MLU aos doze helis existentes ?? ::)

Este MLU não deveria ter sido efectuado, ou na pior das hipóteses, estar já em andamento, pois se a FAP possui aeronaves indispensáveis ao salvamento de vidas humanas, estas, mesmas aeronaves, são os EH101, os helis que equipam a ESQ 751 !!

Abraços

Os 514 e 515 não precisam de MLU, precisam é de bons contratos de manutenção.

Os 516 é que é outra historia, mas que provavelmente só vai ter novidades a quando da chegada do NAVPOL, ou se quem sabe, talvez se compre um substituto para o Bérrio que permita o uso dos Merlin e opções tenham que ser feitas.

Red baron podes-me explicar porque motivo os 514 e 515 não necessitam de MLU ?
Aguardo a tua resposta.

Porque ainda são muito capazes na sua missão de SAR.

também os pandur são muito capazes de transportar pessoal e vão ser intervencionados, o mesmo se passa com os Leos e com os M109 para não falar das L119.

 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 5738
  • Recebeu: 1214 vez(es)
  • Enviou: 610 vez(es)
  • +407/-139
Re: EH-101
« Responder #723 em: Fevereiro 17, 2020, 10:14:27 am »
Se no MLU adicionassem 3 fuscas e sistemas de contra-medidas pelo menos nos 4 CSAR já era bom. Agora que são as Ogma a fazer a manutenção devem haver mais disponíveis (sou um homem de fé). Depois vem as tripulações, spares e técnicos de manutenção...  ::)





Saudações
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 5239
  • Recebeu: 2410 vez(es)
  • Enviou: 919 vez(es)
  • +663/-76
Re: EH-101
« Responder #724 em: Fevereiro 17, 2020, 10:23:49 am »
Se no MLU adicionassem 3 fuscas e sistemas de contra-medidas pelo menos nos 4 CSAR já era bom. Agora que são as Ogma a fazer a manutenção devem haver mais disponíveis (sou um homem de fé). Depois vem as tripulações, spares e técnicos de manutenção...  ::)





Saudações

Assim também espero, estes helis fazem tanta falta á FAP como pão para a boca para o comum dos mortais !!!!

Abraços
 

*

Red Baron

  • Analista
  • ***
  • 643
  • Recebeu: 109 vez(es)
  • Enviou: 125 vez(es)
  • +82/-26
Re: EH-101
« Responder #725 em: Fevereiro 17, 2020, 12:10:23 pm »
Para mim, a ser realizado algum tipo de MLU, era para elevar e padronizar as capacidades militares de todos os hélis, ficando apenas pequenas diferenças como as que se vê no 516 (cauda e pás dobráveis) e as pequenas diferença da versão SIFICAP face às 514. De resto, ECMs, RWR, sonda de AAR (caso o 390 fique certificado para abastecer os Merlin), etc, tudo padronizado entre as 12 aeronaves para que o seu uso militar não fique dependente da disponibilidade dos diferentes modelos de helicóptero.

Mesmo que algum dia venhamos a ter algum tipo de "helicóptero de evacuação", os Merlin continuarão a ser o único heli militar pesado ao nosso serviço.


nem mais todos os helis devem ser intervencionados e melhorados ainda por cima sendo os únicos com excelentes capacidades raio de acção e transporte que possuímos,  mas pelos vistos ainda há quem pense que a fadiga de material e a obsolescência atinja só alguns equipamentos militares…..

https://www.leonardocompany.com/en/products/mid-life-upgrade

https://www.janes.com/article/94226/uk-completes-merlin-hc3-3a-helo-upgrades

https://www.defenseindustrydaily.com/2-bn-for-british-eh101-merlin-multirole-upgrades-01745/

https://www.defensenews.com/naval/2015/09/06/upgraded-merlins-to-boost-royal-marines-air-mobility/

https://airforcesmonthly.keypublishing.com/2009/12/16/raf-merlins-get-urgent-upgrade/

https://www.militaryfactory.com/aircraft/detail.asp?aircraft_id=705

Abraços


Esses são todos da família Commando, que tirando o radar são os primos do 516.

Os 516 estão altamente desatualizados, alias ao não terem vindo com Datalink, para mim já vinham desatualizados quando os compramos.  8)
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Charlie Jaguar

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 5239
  • Recebeu: 2410 vez(es)
  • Enviou: 919 vez(es)
  • +663/-76
Re: EH-101
« Responder #726 em: Fevereiro 24, 2020, 12:13:29 pm »
A Excelente 751, no seu metier diário !!!

Hoje de manhã, dia 23 de Fevereiro, a #esquadra751 resgatou um tripulante do navio "VIZCONDE DE EZA".
A tripulação de alerta na Base Aérea nº6, Montijo, descolou pelas 06:55h em direcção ao navio, a cerca de 54 Km's a Norte do Montijo. A missão teve a duração de 01:40h. O tripulante do navio foi estabilizado a bordo pela tripulação do EH-101 "Merlin" e transportado para o aeroporto Humberto Delgado a fim de receber cuidados hospitalares.

"Para que outros vivam"

https://www.facebook.com/Esquadra751/videos/550333882492152/

Abraços
« Última modificação: Fevereiro 24, 2020, 12:15:15 pm por tenente »
 

*

goldfinger

  • Perito
  • **
  • 563
  • Recebeu: 204 vez(es)
  • Enviou: 54 vez(es)
  • +68/-1
Re: EH-101
« Responder #727 em: Fevereiro 24, 2020, 12:53:36 pm »
A Excelente 751, no seu metier diário !!!

Hoje de manhã, dia 23 de Fevereiro, a #esquadra751 resgatou um tripulante do navio "VIZCONDE DE EZA".
A tripulação de alerta na Base Aérea nº6, Montijo, descolou pelas 06:55h em direcção ao navio, a cerca de 54 Km's a Norte do Montijo. A missão teve a duração de 01:40h. O tripulante do navio foi estabilizado a bordo pela tripulação do EH-101 "Merlin" e transportado para o aeroporto Humberto Delgado a fim de receber cuidados hospitalares.

"Para que outros vivam"

https://www.facebook.com/Esquadra751/videos/550333882492152/

Abraços

 :G-beer2: :G-beer2: :G-beer2: :G-beer2: :G-beer2: :G-beer2: :G-beer2: :G-beer2: :G-beer2:

El buque Vizconde de Eza participa en la campaña “Sardinha 2020” para la estimación de la biomasa de esta especie pesquera

Citar
El buque de investigación oceanográfica Vizconde de Eza, de la Secretaría General de Pesca, participa desde hoy y hasta el 2 de marzo, en la campaña “Sardinha 2020” para la estimación de la biomasa de la sardina ibérica. La obtención de más y mejores datos es imprescindible para mejorar la gestión sostenible de este recurso.


Esta participación es fruto de la estrecha colaboración entre España y Portugal para mejorar el conocimiento de un recurso de tanta importancia socioeconómica para ambos países como es la sardina.

El área de estudio abarca desde aguas españolas de la Bahía de Cádiz hasta la desembocadura del río Miño. Esta campaña trienal, enmarcada en el Programa anual de muestreo biológico de Portugal, se desarrollará por primera vez a bordo del Vizconde de Eza, bajo la dirección científica del “Instituto Português do Mar e da Atmosfera”.


La importancia de la evaluación del stock para los intereses de la actividad pesquera ha supuesto que el Ministerio de Agricultura, Pesca y Alimentación priorizara la ejecución de esta campaña, en la que aporta el buque y la tripulación.

Para llevar a cabo este estudio, se tomarán datos a partir del método de producción diario de huevos, la determinación del área de puesta y la caracterización de las condiciones hidrográficas.

De manera complementaria, y con el objetivo de fomentar una gestión sostenible del medio marino, se valorará la biodiversidad de cetáceos y aves, y la presencia de residuos flotantes en la superficie marina o ingeridas por las especies.

Este estudio sobre la situación de la sardina tendrá su continuación en la campaña “Sareva”, que comenzará en el mes de marzo en aguas españolas.
A España servir hasta morir
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 3118
  • Recebeu: 1486 vez(es)
  • Enviou: 3152 vez(es)
  • +606/-92
Re: EH-101
« Responder #728 em: Fevereiro 24, 2020, 01:12:41 pm »
Esses são todos da família Commando, que tirando o radar são os primos do 516.

Os 516 estão altamente desatualizados, alias ao não terem vindo com Datalink, para mim já vinham desatualizados quando os compramos.  8)

Red Baron, estás a referir-te ao Link 16? É comum helis CSAR de países NATO ser equipados com tal capacidade? Tanto quanto sei, só os Apache têm tal capacidade.
Everyone you will ever meet knows something that you don't.
- Bill Nye
 

*

Red Baron

  • Analista
  • ***
  • 643
  • Recebeu: 109 vez(es)
  • Enviou: 125 vez(es)
  • +82/-26
Re: EH-101
« Responder #729 em: Fevereiro 24, 2020, 07:29:00 pm »
Esses são todos da família Commando, que tirando o radar são os primos do 516.

Os 516 estão altamente desatualizados, alias ao não terem vindo com Datalink, para mim já vinham desatualizados quando os compramos.  8)

Red Baron, estás a referir-te ao Link 16? É comum helis CSAR de países NATO ser equipados com tal capacidade? Tanto quanto sei, só os Apache têm tal capacidade.


sim, pelo menos o Link 16.
O Pave Hawk tem, o HH-101a até tem um TDL que permite receber imagens de drones em directo.

Se tiveres interesse tens o documento escrito pelo Major Jorge Manuel do Nascimento Alves que fala dos TDL:
https://comum.rcaap.pt/bitstream/10400.26/12391/1/TII_MAJG%20ALVES.pdf
 

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 8933
  • Recebeu: 903 vez(es)
  • Enviou: 1651 vez(es)
  • +105/-37
    • http://youtube.com/HSMW
Re: EH-101
« Responder #730 em: Fevereiro 24, 2020, 11:13:19 pm »
Retirado do trabalho acima referenciado:

Multi-Layered  Approach  to the Development of Custom Tactical Data Link Applications", foi definido o domínio TDL como  sendo um  conjunto  de  tecnologias  relacionadas e projectadas  para  trabalhar  na  área de   Comando,   Controlo,   Comunicações,   Computadores   e   Informações   (C4I) com   a finalidade de difundir informação,de e para o campo de batalha,a fim de apoiar operações conjuntas e combinadas.

LINK1:  Concebido  para  permitir  a  troca  de  informação  aérea  táctica  entre sistemas  de  C2  adjacentes.  Baseia-se  numa  arquitectura  "ponto-a-ponto",  isto  é,  com ligações  dedicadas  entre  dois  ou  mais participantes.  A  transmissão  é  independente  da recepção,  pelo  que,  permite  que  estas  funções  decorram  em  simultâneo  (full-duplex) utilizando  um  formato  de  mensagens  denominado  "Mensagens  S"  com  uma  taxa  de transmissão dados entre os 600 e os 2400bps

LINK11 (ou TADIL A):Foi concebido para operações em ambiente marítimo e  utiliza  como  meio  de  comunicação  frequências  rádio  HF eUHF.  Em  HF  permite transmissão  de  dados  para  além  da  linha  de  vista,  ou  seja,  capacidade  teórica  de  ir  até  às 300NM. Operando na banda UHF fica limitado à linha de vista, ou seja, aproximadamente 30NMpara  comunicações superfície-superfície  e 150NM para superfície-ar. Funciona em sistema  de  rede, estando  os  vários  participantes,  denominados Participating  Unit(PU)

LINK16: Caracteriza-se pela sua alta capacidade de difusão de voz e dados em tempo real e elevada segurança e resistência às contra medidas electrónicas (ECM), através da encriptação dos dados e transmissão por agilidade de frequência.Garante elevadas taxas de  automatização  no  fluxo  da  informação  disponibilizando a cada  participante,apenas  a informação  que  lhe  interessa.A  informação  é  transmitida  em  tempo  real  sob  a  forma  de mensagens  padrão  denominadas  “Mensagens  J”. A informação  trocada  consiste  em mensagens de gestão e coordenação do próprio “Link”, de posicionamento e identificação precisas  das  plataformas, de vigilância, de guerra  anti-submarina, de coordenação  e controlo de armas, do estado dos sistemas das plataformas, de guerra electrónica e aviso de ameaça. Como funciona na banda UHF tem,igualmente, o condicionamento do alcance em linha de vista(STANAG 5516).(4) LINK22: Ainda em desenvolvimento, é um híbrido entre o “Link16” e o “Link11”sendo resistente  a  medidas electrónicas  (Electronic  Counter  Measures-ECM). 

O “Link22” é da “família” do “Link16” sendo baseado no catálogo de mensagens deste último utilizando mensagens tipo “F e FJ”.Uma unidade equipada com “Link22” pode operar  até  quatro  redes  em  simultâneo,  fazendo  parte  de  uma  super  rede  em  que os participantes de cada uma das redes podem comunicar entre si(STANAG 5522).Cada um dos tipos de TDL apresentados tem as suas especificidades dando origem a  problemas  de  interoperabilidade  entre  sistemas  limitando  a  integração  e  a  apresentação da informação, assim como, uma exploração total pelos órgãos de C2 que dela necessitam para tomarem decisões fundamentadas
« Última modificação: Fevereiro 24, 2020, 11:14:46 pm por HSMW »
http://www.youtube.com/profile_videos?user=HSMW

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 3118
  • Recebeu: 1486 vez(es)
  • Enviou: 3152 vez(es)
  • +606/-92
Re: EH-101
« Responder #731 em: Fevereiro 25, 2020, 04:14:58 am »
A minha questão punha-se mais com a relativa raridade do Link 16 em helicópteros. Pelo que é público, somente o AH-64E, os MH-60R/S e o MQ-8C (UAV) utilizam este protocolo. Provavelmente, helis pertencentes ao SOCOM também possuem esta capacidade.

Parece-me que o nosso amigo Red Baron tem um problema com os 516: primeiro foi o DIRCM agora é o TDL.
Everyone you will ever meet knows something that you don't.
- Bill Nye
 

*

Red Baron

  • Analista
  • ***
  • 643
  • Recebeu: 109 vez(es)
  • Enviou: 125 vez(es)
  • +82/-26
Re: EH-101
« Responder #732 em: Fevereiro 25, 2020, 10:56:11 am »
A minha questão punha-se mais com a relativa raridade do Link 16 em helicópteros. Pelo que é público, somente o AH-64E, os MH-60R/S e o MQ-8C (UAV) utilizam este protocolo. Provavelmente, helis pertencentes ao SOCOM também possuem esta capacidade.

Parece-me que o nosso amigo Red Baron tem um problema com os 516: primeiro foi o DIRCM agora é o TDL.

NH-90, Sea King, AW101, família S-70, CH-47, etc.

Não é novidade nenhuma que para mim os 516 estão mal equipados, quer para Mk2 quer para Commando.
 
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 3118
  • Recebeu: 1486 vez(es)
  • Enviou: 3152 vez(es)
  • +606/-92
Re: EH-101
« Responder #733 em: Fevereiro 25, 2020, 01:31:57 pm »
Sea King versão AEW; okay faz sentido. Na família AW101 tens o Caesar e provavelmente o Crownsnest porque vais substituir o Sea King AEW. Na família S70 tens os MH-60R/S. Já agora, quais são os Chinook e NH90 equipados com Link 16?

Claro que seria óptimo que todos os Merlin fossem equipados com Link 16, mas dada a natureza da missão dos Persuader e dos Lynx da Marinha, daria prioridade a estas duas frotas antes de equipar os Merlin. Mas aos menos os Merlin têm FLIR.  :mrgreen:
Everyone you will ever meet knows something that you don't.
- Bill Nye
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 2041
  • Recebeu: 461 vez(es)
  • Enviou: 90 vez(es)
  • +93/-26
Re: EH-101
« Responder #734 em: Fevereiro 25, 2020, 02:25:56 pm »
Mas aos menos os Merlin têm FLIR.  :mrgreen:

E o mínimo equipamento de auto-defesa! Algo que mais nenhum héli em Portugal tem!  :mrgreen: