Coronavirus

  • 841 Respostas
  • 18248 Visualizações
*

Daniel

  • Investigador
  • *****
  • 1439
  • Recebeu: 57 vez(es)
  • Enviou: 18 vez(es)
  • +122/-1218
Re: Coronavirus
« Responder #570 em: Abril 07, 2020, 01:53:49 pm »
Pneumonia comum mata 16 pessoas por dia em Portugal
https://www.publico.pt/2020/01/29/sociedade/noticia/pneumonia-comum-mata-16-dia-portugal-1902159
Citar
Em média, há mais de 400 mortes por pneumonia em Portugal na população adulta, todos os meses.A pneumonia comum mata pelo menos 16 pessoas por dia em Portugal e na Europa morrem por mês, em média, mais de 11 mil pessoas, segundo dados internacionais e portugueses.

Numa altura em que um novo coronavírus matou por pneumonia na China mais de 130 pessoas num mês, os dados publicados nacional e internacionalmente mostram que há mais de 400 mortes por pneumonia em Portugal todos os meses, em média, na população adulta. O conjunto das doenças respiratórias em Portugal provoca cerca de 40 mortes por dia, sendo que quase metade das 13 mil mortes anuais é causada por pneumonia, doença adquirida na comunidade e potencialmente curável, sendo a larga maioria pneumonias bacterianas.

Esta notícia é de 20 de Janeiro mas não deixa de ter o seu Interesse, é que até agora morreu mais gente em Portugal por pneumonia comum do que por Covid-19.
Covid-19 até ao momento 345 falecidos, de pneumonia comum pelo menos 16 por dia x30 = 480 mês. ::)
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 

*

Lusitaniae

  • Membro
  • *
  • 235
  • Recebeu: 51 vez(es)
  • Enviou: 6 vez(es)
  • +17/-187
Re: Coronavirus
« Responder #571 em: Abril 07, 2020, 03:17:15 pm »
Pneumonia comum mata 16 pessoas por dia em Portugal
https://www.publico.pt/2020/01/29/sociedade/noticia/pneumonia-comum-mata-16-dia-portugal-1902159
Citar
Em média, há mais de 400 mortes por pneumonia em Portugal na população adulta, todos os meses.A pneumonia comum mata pelo menos 16 pessoas por dia em Portugal e na Europa morrem por mês, em média, mais de 11 mil pessoas, segundo dados internacionais e portugueses.

Numa altura em que um novo coronavírus matou por pneumonia na China mais de 130 pessoas num mês, os dados publicados nacional e internacionalmente mostram que há mais de 400 mortes por pneumonia em Portugal todos os meses, em média, na população adulta. O conjunto das doenças respiratórias em Portugal provoca cerca de 40 mortes por dia, sendo que quase metade das 13 mil mortes anuais é causada por pneumonia, doença adquirida na comunidade e potencialmente curável, sendo a larga maioria pneumonias bacterianas.

Esta notícia é de 20 de Janeiro mas não deixa de ter o seu Interesse, é que até agora morreu mais gente em Portugal por pneumonia comum do que por Covid-19.
Covid-19 até ao momento 345 falecidos, de pneumonia comum pelo menos 16 por dia x30 = 480 mês. ::)

Assim não vale.

Se não se tivesse feito um recolhimento como até agora, nem imagina a quantidade de pessoas com mais de 70 anos que iam morrer, seria uma catástrofe!

O Brasil e EUA atuaram tarde, agora vão pagar caro.

Os números principalmente vindos do Brasil nunca serão conhecidos na realidade.
Assim como os da China são falaciosos, no Brasil assim é não só, muitos países irão mascarar os dados.
Abbati, medico, potronoque intima pande
 

*

Daniel

  • Investigador
  • *****
  • 1439
  • Recebeu: 57 vez(es)
  • Enviou: 18 vez(es)
  • +122/-1218
Re: Coronavirus
« Responder #572 em: Abril 07, 2020, 04:05:41 pm »
Pneumonia comum mata 16 pessoas por dia em Portugal
https://www.publico.pt/2020/01/29/sociedade/noticia/pneumonia-comum-mata-16-dia-portugal-1902159
Citar
Em média, há mais de 400 mortes por pneumonia em Portugal na população adulta, todos os meses.A pneumonia comum mata pelo menos 16 pessoas por dia em Portugal e na Europa morrem por mês, em média, mais de 11 mil pessoas, segundo dados internacionais e portugueses.

Numa altura em que um novo coronavírus matou por pneumonia na China mais de 130 pessoas num mês, os dados publicados nacional e internacionalmente mostram que há mais de 400 mortes por pneumonia em Portugal todos os meses, em média, na população adulta. O conjunto das doenças respiratórias em Portugal provoca cerca de 40 mortes por dia, sendo que quase metade das 13 mil mortes anuais é causada por pneumonia, doença adquirida na comunidade e potencialmente curável, sendo a larga maioria pneumonias bacterianas.

Esta notícia é de 20 de Janeiro mas não deixa de ter o seu Interesse, é que até agora morreu mais gente em Portugal por pneumonia comum do que por Covid-19.
Covid-19 até ao momento 345 falecidos, de pneumonia comum pelo menos 16 por dia x30 = 480 mês. ::)

Assim não vale.

Se não se tivesse feito um recolhimento como até agora, nem imagina a quantidade de pessoas com mais de 70 anos que iam morrer, seria uma catástrofe!

O Brasil e EUA atuaram tarde, agora vão pagar caro.

Os números principalmente vindos do Brasil nunca serão conhecidos na realidade.
Assim como os da China são falaciosos, no Brasil assim é não só, muitos países irão mascarar os dados.

Caro Lusitaniae eu só quiz comparar a taxa de mortalidade em Portugal até agora, para demonstrar que a pneumonia comum também mata bastante.
No que diz respeito ao Brasil acabei de ver no noticiário da tarde na RTP, que no Rio de Janeiro pelo motivo do recolhimento obrigatório já tem milhares de pessoas sem comida.
Não pode dizer que o Brasil e EUA atuaram tarde, pois têm realidades diferentes, da Europa por exemplo.

No Brasil os supermecados estão a ser pilhados, e cada vez mais gente sem ter de comer, ou seja, quem não morrer do vírus acabará por morrer de fome, triste realidade.
Nos EUA a coisa não está melhor, em apenas 2 semanas já são mais de 10 milhões de novos desempregados.
Tinho escrito isto a uns dias atrás, por muito que nos custe morrerá gente por causa da economia, mas se deixarmos a economia morrer podes ter a certeza que morrerá mais gente ainda é a realidade neste momento no Brasil e EUA.
« Última modificação: Abril 07, 2020, 04:42:17 pm por Daniel »
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 8088
  • Recebeu: 872 vez(es)
  • Enviou: 991 vez(es)
  • +121/-43
Re: Coronavirus
« Responder #573 em: Abril 07, 2020, 09:46:33 pm »
Pneumonia comum mata 16 pessoas por dia em Portugal
https://www.publico.pt/2020/01/29/sociedade/noticia/pneumonia-comum-mata-16-dia-portugal-1902159
Citar
Em média, há mais de 400 mortes por pneumonia em Portugal na população adulta, todos os meses.A pneumonia comum mata pelo menos 16 pessoas por dia em Portugal e na Europa morrem por mês, em média, mais de 11 mil pessoas, segundo dados internacionais e portugueses.

Numa altura em que um novo coronavírus matou por pneumonia na China mais de 130 pessoas num mês, os dados publicados nacional e internacionalmente mostram que há mais de 400 mortes por pneumonia em Portugal todos os meses, em média, na população adulta. O conjunto das doenças respiratórias em Portugal provoca cerca de 40 mortes por dia, sendo que quase metade das 13 mil mortes anuais é causada por pneumonia, doença adquirida na comunidade e potencialmente curável, sendo a larga maioria pneumonias bacterianas.

Esta notícia é de 20 de Janeiro mas não deixa de ter o seu Interesse, é que até agora morreu mais gente em Portugal por pneumonia comum do que por Covid-19.
Covid-19 até ao momento 345 falecidos, de pneumonia comum pelo menos 16 por dia x30 = 480 mês. ::)

Assim não vale.

Se não se tivesse feito um recolhimento como até agora, nem imagina a quantidade de pessoas com mais de 70 anos que iam morrer, seria uma catástrofe!

O Brasil e EUA atuaram tarde, agora vão pagar caro.

Os números principalmente vindos do Brasil nunca serão conhecidos na realidade.
Assim como os da China são falaciosos, no Brasil assim é não só, muitos países irão mascarar os dados.

Caro Lusitaniae eu só quiz comparar a taxa de mortalidade em Portugal até agora, para demonstrar que a pneumonia comum também mata bastante.

O que queres dizer é que a pneumonia também mata muita gente, mas a taxa de mortalidade é diferente pois a quantidade de pessoas infectadas é bem diferente.

Dois artigos rapidamente encontrados no Google, quem quiser que faça ums pesquisa mais pormenorizada.

Em 2018 a taxa de mortalidade em Portugal por pneumonia era de 27.6 por 100 mil habitantes, o que em percentagem dá 0.0276%.
https://www.jornalmedico.pt/atualidade/36645-portugal-e-o-pais-europeu-com-maior-taxa-de-mortalidade-por-pneumonia.html

A taxa de mortalidade do covid-19, na melhor das hipóteses é 1.4%.
https://expresso.pt/coronavirus/2020-03-19-Covid-19-Estudo-conclui-que-a-taxa-de-mortalidade-em-Wuhan-e-de-14

De pneumonia em cada 5000 morre 1, de covid-19 em cada 100 morre 1.
É muito mais mortal.
« Última modificação: Abril 07, 2020, 09:50:58 pm por Lightning »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 9166
  • Recebeu: 1002 vez(es)
  • Enviou: 1886 vez(es)
  • +130/-45
    • http://youtube.com/HSMW
Re: Coronavirus
« Responder #574 em: Abril 07, 2020, 10:39:18 pm »

Ainda no outro dia coloquei aqui este vídeo.
A comparação com pneumonia e gripe já não é racional.

Informei-me com quem declara óbitos
No óbito tem de ser declarada uma causa, velhice não é causa de morte. Portanto apesar de poder haver outras complicações, na causa vai pneumonia.
« Última modificação: Abril 07, 2020, 10:50:21 pm por HSMW »
http://www.youtube.com/profile_videos?user=HSMW

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Clausewitz

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 9166
  • Recebeu: 1002 vez(es)
  • Enviou: 1886 vez(es)
  • +130/-45
    • http://youtube.com/HSMW
Re: Coronavirus
« Responder #575 em: Abril 07, 2020, 11:24:39 pm »
https://webapps.exercito.pt/covid19/Apoios.html

Situação dos apoios do Exército.
http://www.youtube.com/profile_videos?user=HSMW

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Clausewitz

*

Clausewitz

  • Membro
  • *
  • 158
  • Recebeu: 153 vez(es)
  • Enviou: 168 vez(es)
  • +50/-3
Re: Coronavirus
« Responder #576 em: Abril 08, 2020, 12:11:29 am »
Tinho escrito isto a uns dias atrás, por muito que nos custe morrerá gente por causa da economia, mas se deixarmos a economia morrer podes ter a certeza que morrerá mais gente ainda é a realidade neste momento no Brasil e EUA.

A questão  também é que essa escolha verdadeiramente não existe nesses termos. Se não tivessem sido tomadas medidas e o vírus continuasse indefinidamente a espalhar-se e a matar pessoas isso também afectaria a economia. A economia não subsiste num ambiente de colapso dos serviços médicos e de mortalidade elevada da população e vale lembrar que a população de risco em Portugal é mais de um terço da total. E mesmo fora da população de risco já se viu que o vírus pode não ser inofensivo. Os países que evitaram isolamentos inicialmente acabaram por arrepiar caminho quase todos, além de que a nossa economia depende fortemente do exterior, independentemente do que se fizesse aqui, a quebra de exportações, incluindo turismo, seria um dado adquirido.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF

*

Daniel

  • Investigador
  • *****
  • 1439
  • Recebeu: 57 vez(es)
  • Enviou: 18 vez(es)
  • +122/-1218
Re: Coronavirus
« Responder #577 em: Abril 08, 2020, 09:26:44 am »
Tinho escrito isto a uns dias atrás, por muito que nos custe morrerá gente por causa da economia, mas se deixarmos a economia morrer podes ter a certeza que morrerá mais gente ainda é a realidade neste momento no Brasil e EUA.

A questão  também é que essa escolha verdadeiramente não existe nesses termos. Se não tivessem sido tomadas medidas e o vírus continuasse indefinidamente a espalhar-se e a matar pessoas isso também afectaria a economia. A economia não subsiste num ambiente de colapso dos serviços médicos e de mortalidade elevada da população e vale lembrar que a população de risco em Portugal é mais de um terço da total. E mesmo fora da população de risco já se viu que o vírus pode não ser inofensivo. Os países que evitaram isolamentos inicialmente acabaram por arrepiar caminho quase todos, além de que a nossa economia depende fortemente do exterior, independentemente do que se fizesse aqui, a quebra de exportações, incluindo turismo, seria um dado adquirido.

Pois não sei se essa escolha não existe verdadeiramente nesses termos que coloquei, é apenas minha opinião, claro que as medidas de confinamento está a ter o seu efeito, mas por outro lado, está a matar a economia disso não tenha dúvidas.
Não sei se a Suécia não vai ser um bom exemplo, ainda estou a espera de mais números, uma coisa é certa, daqui a 2 meses vai ter 195 milhões de novos desempregados no mundo 12 milhões no continente europeu.

Talvez a Europa poderia ter optado por outra estratégia tipo, isolar o chamado grupo de risco, pois em Portugal 80% das pessoas que têm o vírus é ligeiro.
Fiquei sabendo que temos Hospitais que estão desactivados um pouco por todo o país, creio que essa teria sido a solução, para não subcarregar o sistema NS, inclusive a pessoas que já lá estão etc.
Sei que isto não deixa de ser apenas minha opinião, mas a verdade é que segundo as Caritas e o Banco Alimentar contra a fome em Portugal, dizem que os números de pedidos tem aumentado todos os dias.
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 

*

Daniel

  • Investigador
  • *****
  • 1439
  • Recebeu: 57 vez(es)
  • Enviou: 18 vez(es)
  • +122/-1218
Re: Coronavirus
« Responder #578 em: Abril 08, 2020, 09:42:53 am »
Pneumonia comum mata 16 pessoas por dia em Portugal
https://www.publico.pt/2020/01/29/sociedade/noticia/pneumonia-comum-mata-16-dia-portugal-1902159
Citar
Em média, há mais de 400 mortes por pneumonia em Portugal na população adulta, todos os meses.A pneumonia comum mata pelo menos 16 pessoas por dia em Portugal e na Europa morrem por mês, em média, mais de 11 mil pessoas, segundo dados internacionais e portugueses.

Numa altura em que um novo coronavírus matou por pneumonia na China mais de 130 pessoas num mês, os dados publicados nacional e internacionalmente mostram que há mais de 400 mortes por pneumonia em Portugal todos os meses, em média, na população adulta. O conjunto das doenças respiratórias em Portugal provoca cerca de 40 mortes por dia, sendo que quase metade das 13 mil mortes anuais é causada por pneumonia, doença adquirida na comunidade e potencialmente curável, sendo a larga maioria pneumonias bacterianas.

Esta notícia é de 20 de Janeiro mas não deixa de ter o seu Interesse, é que até agora morreu mais gente em Portugal por pneumonia comum do que por Covid-19.
Covid-19 até ao momento 345 falecidos, de pneumonia comum pelo menos 16 por dia x30 = 480 mês. ::)

Assim não vale.

Se não se tivesse feito um recolhimento como até agora, nem imagina a quantidade de pessoas com mais de 70 anos que iam morrer, seria uma catástrofe!

O Brasil e EUA atuaram tarde, agora vão pagar caro.

Os números principalmente vindos do Brasil nunca serão conhecidos na realidade.
Assim como os da China são falaciosos, no Brasil assim é não só, muitos países irão mascarar os dados.

Caro Lusitaniae eu só quiz comparar a taxa de mortalidade em Portugal até agora, para demonstrar que a pneumonia comum também mata bastante.

O que queres dizer é que a pneumonia também mata muita gente, mas a taxa de mortalidade é diferente pois a quantidade de pessoas infectadas é bem diferente.

Dois artigos rapidamente encontrados no Google, quem quiser que faça ums pesquisa mais pormenorizada.

Em 2018 a taxa de mortalidade em Portugal por pneumonia era de 27.6 por 100 mil habitantes, o que em percentagem dá 0.0276%.
https://www.jornalmedico.pt/atualidade/36645-portugal-e-o-pais-europeu-com-maior-taxa-de-mortalidade-por-pneumonia.html

A taxa de mortalidade do covid-19, na melhor das hipóteses é 1.4%.
https://expresso.pt/coronavirus/2020-03-19-Covid-19-Estudo-conclui-que-a-taxa-de-mortalidade-em-Wuhan-e-de-14

De pneumonia em cada 5000 morre 1, de covid-19 em cada 100 morre 1.
É muito mais mortal.

Exatamente isso, o grau de pesssoas infetadas é bem diferente, pois o Covid-19 é muito mais infeccioso do que a chamada pneumonia comum.
Agora o que dizem números por exemplo em Portugal,  diz que existe 12 400 infetados e apenas 345 óbitos ou seja, é um vírus muito infeccioso mas com uma taxa de mortalidade muito baixa.
É assim quase por todo o mundo com o Covid-19, em contra partida, a pneumonia comum tem muito menos infetados mas é bem mais letal, penso não estar errado.
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 

*

Viajante

  • Investigador
  • *****
  • 1752
  • Recebeu: 648 vez(es)
  • Enviou: 282 vez(es)
  • +454/-17
Re: Coronavirus
« Responder #579 em: Abril 08, 2020, 10:06:28 am »
Exatamente isso, o grau de pesssoas infetadas é bem diferente, pois o Covid-19 é muito mais infeccioso do que a chamada pneumonia comum.
Agora o que dizem números por exemplo em Portugal,  diz que existe 12 400 infetados e apenas 345 óbitos ou seja, é um vírus muito infeccioso mas com uma taxa de mortalidade muito baixa.
É assim quase por todo o mundo com o Covid-19, em contra partida, a pneumonia comum tem muito menos infetados mas é bem mais letal, penso não estar errado.

Não Daniel, é exactamente ao contrário, a taxa de letalidade da Covid-19 é muito superior.
O Lightning explicou-lhe, numa pneumonia morre 1 pessoa em cada 5 000 infectados (0,02%), já o COVID-19, mesmo com uma média de 1,4%, tem uma letalidade entre 50 a 100 vezes superior. E a agravar, não vejo nenhum país europeu (aparentemente), com com 1,4%, vejo países a ultrapassarem os 10%!!!!!!!

E como podemos ver pelo que sofrem a Itália e a Espanha, a taxa de mortalidade vai subindo à medida que os serviços de saúde ficam entupidos de doentes (já para não falar na menor resposta a outras doenças bem mais letais como AVC........).

O COVID-19 tem vários problemas que está agora a sentir os EUA e outros países, a taxa de contágio em muito grande, principalmente porque demora semanas a manifestar-se e a cura também demora semanas. Os doentes nas UCI ficam por lá 2 ou 3 semanas!!!!! Esses são os 2 principais problemas, já para não falar nos portadores assintomáticos que nem dão conta que estão infectados, até a doença atingir alguém mais frágil!!!!!
« Última modificação: Abril 08, 2020, 10:11:07 am por Viajante »
 

*

Daniel

  • Investigador
  • *****
  • 1439
  • Recebeu: 57 vez(es)
  • Enviou: 18 vez(es)
  • +122/-1218
Re: Coronavirus
« Responder #580 em: Abril 08, 2020, 10:48:32 am »
Exatamente isso, o grau de pesssoas infetadas é bem diferente, pois o Covid-19 é muito mais infeccioso do que a chamada pneumonia comum.
Agora o que dizem números por exemplo em Portugal,  diz que existe 12 400 infetados e apenas 345 óbitos ou seja, é um vírus muito infeccioso mas com uma taxa de mortalidade muito baixa.
É assim quase por todo o mundo com o Covid-19, em contra partida, a pneumonia comum tem muito menos infetados mas é bem mais letal, penso não estar errado.

Não Daniel, é exactamente ao contrário, a taxa de letalidade da Covid-19 é muito superior.
O Lightning explicou-lhe, numa pneumonia morre 1 pessoa em cada 5 000 infectados (0,02%), já o COVID-19, mesmo com uma média de 1,4%, tem uma letalidade entre 50 a 100 vezes superior. E a agravar, não vejo nenhum país europeu (aparentemente), com com 1,4%, vejo países a ultrapassarem os 10%!!!!!!!

E como podemos ver pelo que sofrem a Itália e a Espanha, a taxa de mortalidade vai subindo à medida que os serviços de saúde ficam entupidos de doentes (já para não falar na menor resposta a outras doenças bem mais letais como AVC........).

O COVID-19 tem vários problemas que está agora a sentir os EUA e outros países, a taxa de contágio em muito grande, principalmente porque demora semanas a manifestar-se e a cura também demora semanas. Os doentes nas UCI ficam por lá 2 ou 3 semanas!!!!! Esses são os 2 principais problemas, já para não falar nos portadores assintomáticos que nem dão conta que estão infectados, até a doença atingir alguém mais frágil!!!!!

Bom vamos por partes, eu sei que não sou lá muito bom em matemática, mas em Portugal morrem diáriamente + de 16 pessoas por dia de pneumonia comum, em média 480 mês que dá 5760 ano. Essas pessoas são pessoas adultas 30, 40, 50 e mais anos de idade, no que respeita ao Covid-19 todo mundo sabe e comprovado em Portugal que existe um grupo de risco e que 90%  dos Falecidos têm mais de 70 anos de idade e outras patologias.

Para mim o que vale são o número de infetados e mortes por essa infecção, vão me dizer que se não houvesse as tais medidas de confinamento morreria mais gente, de acordo, mas também o número de infetados seria muito mas muito superior, com a pneumonia comum isso não existe.
Mais de 440 mil europeus morriam em 2015 de doenças respiratórias.

O continente europeu, com cerca de 708 mil infetados e mais de 55 mil mortos, é aquele onde se regista o maior número de casos, e a Itália é o país do mundo com mais vítimas mortais, contabilizando 16.523 óbitos em 132.547 casos confirmados até segunda-feira.

A Espanha é o segundo país com maior número de mortes, registando 13.798 mortos, entre 140.510 casos de infeção confirmados até hoje, enquanto os Estados Unidos, com 10.994 mortos, são o que contabiliza mais infetados (368.449).

Não esquecer que em Portugal no resto da Europa não sei, 80% ou mais das pessoas infetadas com Covid-19 apenas revelam sintomas ligeiros, por isso ficando em casa, não necessitando de cuidados médicos, o resto deixo para os catedráticos em matemática.

A minha opinião sobre o Covid-19 é apenas o de não estar de acordo sobre as medidas tomadas por parte dos países europeos, minha opinião vale o que vale.
Como disse antes espero pelos números da Suécia, na minha visão devia ter sido o caminho a percorrer.
Caro viajante você com o conhecimento que tem sobre economia, sabe muito bem aonde vamos chegar com estas medidas, pois os números estão aí.
« Última modificação: Abril 08, 2020, 11:03:55 am por Daniel »
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 15539
  • Recebeu: 1195 vez(es)
  • Enviou: 1132 vez(es)
  • +194/-184
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

Daniel

  • Investigador
  • *****
  • 1439
  • Recebeu: 57 vez(es)
  • Enviou: 18 vez(es)
  • +122/-1218
Re: Coronavirus
« Responder #582 em: Abril 08, 2020, 11:25:07 am »
Trump critica gestão da pandemia da Covid-19 pela OMS e ameaça cortar fundos norte-americanos
https://jornaleconomico.sapo.pt/noticias/trump-critica-gestao-da-pandemia-da-covid-19-pela-oms-e-ameaca-cortar-fundos-norte-americanos-573088

Citar
Para Donald Trump, a OMS é responsável por não ter percebido o alcance do surto epidemiológico da Covid-19. “Devia ter percebido e provavelmente percebeu”, acusou durante uma conferência de imprensa, considerando depois que a OMS foi “muito favorável à China, o que não é aceitável”.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, responsabilizou a Organização Mundial de Saúde (OMS) pela pandemia da Covid-19, criticando a gestão da situação e alegando que a OMS favoreceu a China. Por isso, ameaçou suspender a contribuição dos EUA, durante uma conferência de imprensa na Casa Branca, na terça-feira à noite.

“Vamos suspender as quantias destinadas à OMS”, ameaçou Trump. Mas, uns minutos depois, recuou na afirmação e apenas disse que a sua administração apenas vai “analisar essa possibilidade”.

Para Donald Trump, a OMS é responsável por não ter percebido o alcance do surto epidemiológico da Covid-19. “Devia ter percebido e provavelmente percebeu”, acusou, considerando depois que a OMS foi “muito favorável à China, o que não é aceitável”.

Os Estados Unidos são, de longe, o país do mundo com o maior número de casos confirmados de infeção por novo coronavírus: 382.256 pessoas infetadas no país. E só nas últimas 24 horas, Washington contabilizou 1.939 mortes causadas pela Covid-19, o pior recorde mundial diário, de acordo com a contagem da Universidade Johns Hopkins. Ao todo o país já tem 12.021 mortos.

A nível mundia, há mais de 1,4 milhões de pessoas infetadas, contando-se já mais de 80 mil mortes por Covid-19.

Horas antes da conferência de imprensa, Donald Trump escreveu sua conta Twitter que a OMS “realmente estragou tudo”. O governante norte-americano disse que a organização é “largamente financiada pelso EUA” mas que tem estado “muito centrada na China”.

O tio Tedros até aos dias de hoje não teve tomates para responsabilizar a mentira dos chinocas, só serve para aquecer a cadeira rua com ele.
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 

*

Lusitan

  • Perito
  • **
  • 335
  • Recebeu: 89 vez(es)
  • Enviou: 91 vez(es)
  • +136/-11
  • Hic et Ubique
Re: Coronavirus
« Responder #583 em: Abril 08, 2020, 12:12:03 pm »
Exatamente isso, o grau de pesssoas infetadas é bem diferente, pois o Covid-19 é muito mais infeccioso do que a chamada pneumonia comum.
Agora o que dizem números por exemplo em Portugal,  diz que existe 12 400 infetados e apenas 345 óbitos ou seja, é um vírus muito infeccioso mas com uma taxa de mortalidade muito baixa.
É assim quase por todo o mundo com o Covid-19, em contra partida, a pneumonia comum tem muito menos infetados mas é bem mais letal, penso não estar errado.

Não Daniel, é exactamente ao contrário, a taxa de letalidade da Covid-19 é muito superior.
O Lightning explicou-lhe, numa pneumonia morre 1 pessoa em cada 5 000 infectados (0,02%), já o COVID-19, mesmo com uma média de 1,4%, tem uma letalidade entre 50 a 100 vezes superior. E a agravar, não vejo nenhum país europeu (aparentemente), com com 1,4%, vejo países a ultrapassarem os 10%!!!!!!!

E como podemos ver pelo que sofrem a Itália e a Espanha, a taxa de mortalidade vai subindo à medida que os serviços de saúde ficam entupidos de doentes (já para não falar na menor resposta a outras doenças bem mais letais como AVC........).

O COVID-19 tem vários problemas que está agora a sentir os EUA e outros países, a taxa de contágio em muito grande, principalmente porque demora semanas a manifestar-se e a cura também demora semanas. Os doentes nas UCI ficam por lá 2 ou 3 semanas!!!!! Esses são os 2 principais problemas, já para não falar nos portadores assintomáticos que nem dão conta que estão infectados, até a doença atingir alguém mais frágil!!!!!

Bom vamos por partes, eu sei que não sou lá muito bom em matemática, mas em Portugal morrem diáriamente + de 16 pessoas por dia de pneumonia comum, em média 480 mês que dá 5760 ano. Essas pessoas são pessoas adultas 30, 40, 50 e mais anos de idade, no que respeita ao Covid-19 todo mundo sabe e comprovado em Portugal que existe um grupo de risco e que 90%  dos Falecidos têm mais de 70 anos de idade e outras patologias.

Para mim o que vale são o número de infetados e mortes por essa infecção, vão me dizer que se não houvesse as tais medidas de confinamento morreria mais gente, de acordo, mas também o número de infetados seria muito mas muito superior, com a pneumonia comum isso não existe.
Mais de 440 mil europeus morriam em 2015 de doenças respiratórias.

O continente europeu, com cerca de 708 mil infetados e mais de 55 mil mortos, é aquele onde se regista o maior número de casos, e a Itália é o país do mundo com mais vítimas mortais, contabilizando 16.523 óbitos em 132.547 casos confirmados até segunda-feira.

A Espanha é o segundo país com maior número de mortes, registando 13.798 mortos, entre 140.510 casos de infeção confirmados até hoje, enquanto os Estados Unidos, com 10.994 mortos, são o que contabiliza mais infetados (368.449).

Não esquecer que em Portugal no resto da Europa não sei, 80% ou mais das pessoas infetadas com Covid-19 apenas revelam sintomas ligeiros, por isso ficando em casa, não necessitando de cuidados médicos, o resto deixo para os catedráticos em matemática.

A minha opinião sobre o Covid-19 é apenas o de não estar de acordo sobre as medidas tomadas por parte dos países europeos, minha opinião vale o que vale.
Como disse antes espero pelos números da Suécia, na minha visão devia ter sido o caminho a percorrer.
Caro viajante você com o conhecimento que tem sobre economia, sabe muito bem aonde vamos chegar com estas medidas, pois os números estão aí.

De facto o seu entendimento dos números explica a sua compreensão desta pandemia.
A pneumonia (que é uma condição resultante de diversos tipos de infecções respiratórias devido a vários tipos de organismos) mata 16 pessoas por dia em Portugal, mas na Lombardia (que tem uma população não muito diferente da portuguesa, o coronavírus chegou a matar mais de 800 pessoas por dia (nunca vai ter estes números no total de pneumonias ao longo de um ano). Num espaço curto de tempo (se fizessemos uma média anual) a pneumonia resultante de um só microorganismo matou 25 pessoas por dia numa só região italiana, e só foi possível reduzir/manter estes números depois de uma quarentena total. A Lombardia tem mais camas de cuidados intensivos e ventiladores que Portugal, por isso o impacto seria muito mais brutal em Portugal. E já agora o coronavírus também causa pneumonia por isso pode acrescentar as mortes ao número de mortes por pneumonia.

O baixo número de mortes (para já) em Portugal deve-se simplesmente a medidas de isolamento social e sorte. No entanto, a taxa de letalidade dum microorganismo é díficil/impossível de calcular enquanto a pandemia está em curso. Números fidedignos só podem ser obtidos muito tempo depois, porque é preciso estudar ao pormenor todos os dados (e o problema é que durante muito tempo se acreditou nos dados chineses). Por exemplo, quantas mortes por "pneumonias atípicas" tivemos antes de se começarem a testar doentes com dificuldades respiratórias? Quantas infecções respiratórias sem diagnóstico de causa tivemos antes de se testar? Em conversa com colegas foram vários os que manifestaram conhecer casos em Janeiro e Fevereiro que se fosse hoje teriam referenciado para fazer o teste de Covid-19, porque os sintomas ("esquisitos na altura") encaixam perfeitamente no que conhecemos hoje sobre o coronavírus. No Santa Maria estiveram dois pacientes durante semanas no internamento com pneumonias que só depois de serem testados se percebeu a causa. Quantos casos destes existiram antes? Idosos a morrer com pneumonia é comum e pode ter sido desvalorizado o quadro clínico destas pessoas.
 

*

Daniel

  • Investigador
  • *****
  • 1439
  • Recebeu: 57 vez(es)
  • Enviou: 18 vez(es)
  • +122/-1218
Re: Coronavirus
« Responder #584 em: Abril 08, 2020, 02:04:10 pm »
Exatamente isso, o grau de pesssoas infetadas é bem diferente, pois o Covid-19 é muito mais infeccioso do que a chamada pneumonia comum.
Agora o que dizem números por exemplo em Portugal,  diz que existe 12 400 infetados e apenas 345 óbitos ou seja, é um vírus muito infeccioso mas com uma taxa de mortalidade muito baixa.
É assim quase por todo o mundo com o Covid-19, em contra partida, a pneumonia comum tem muito menos infetados mas é bem mais letal, penso não estar errado.

Não Daniel, é exactamente ao contrário, a taxa de letalidade da Covid-19 é muito superior.
O Lightning explicou-lhe, numa pneumonia morre 1 pessoa em cada 5 000 infectados (0,02%), já o COVID-19, mesmo com uma média de 1,4%, tem uma letalidade entre 50 a 100 vezes superior. E a agravar, não vejo nenhum país europeu (aparentemente), com com 1,4%, vejo países a ultrapassarem os 10%!!!!!!!

E como podemos ver pelo que sofrem a Itália e a Espanha, a taxa de mortalidade vai subindo à medida que os serviços de saúde ficam entupidos de doentes (já para não falar na menor resposta a outras doenças bem mais letais como AVC........).

O COVID-19 tem vários problemas que está agora a sentir os EUA e outros países, a taxa de contágio em muito grande, principalmente porque demora semanas a manifestar-se e a cura também demora semanas. Os doentes nas UCI ficam por lá 2 ou 3 semanas!!!!! Esses são os 2 principais problemas, já para não falar nos portadores assintomáticos que nem dão conta que estão infectados, até a doença atingir alguém mais frágil!!!!!

Bom vamos por partes, eu sei que não sou lá muito bom em matemática, mas em Portugal morrem diáriamente + de 16 pessoas por dia de pneumonia comum, em média 480 mês que dá 5760 ano. Essas pessoas são pessoas adultas 30, 40, 50 e mais anos de idade, no que respeita ao Covid-19 todo mundo sabe e comprovado em Portugal que existe um grupo de risco e que 90%  dos Falecidos têm mais de 70 anos de idade e outras patologias.

Para mim o que vale são o número de infetados e mortes por essa infecção, vão me dizer que se não houvesse as tais medidas de confinamento morreria mais gente, de acordo, mas também o número de infetados seria muito mas muito superior, com a pneumonia comum isso não existe.
Mais de 440 mil europeus morriam em 2015 de doenças respiratórias.

O continente europeu, com cerca de 708 mil infetados e mais de 55 mil mortos, é aquele onde se regista o maior número de casos, e a Itália é o país do mundo com mais vítimas mortais, contabilizando 16.523 óbitos em 132.547 casos confirmados até segunda-feira.

A Espanha é o segundo país com maior número de mortes, registando 13.798 mortos, entre 140.510 casos de infeção confirmados até hoje, enquanto os Estados Unidos, com 10.994 mortos, são o que contabiliza mais infetados (368.449).

Não esquecer que em Portugal no resto da Europa não sei, 80% ou mais das pessoas infetadas com Covid-19 apenas revelam sintomas ligeiros, por isso ficando em casa, não necessitando de cuidados médicos, o resto deixo para os catedráticos em matemática.

A minha opinião sobre o Covid-19 é apenas o de não estar de acordo sobre as medidas tomadas por parte dos países europeos, minha opinião vale o que vale.
Como disse antes espero pelos números da Suécia, na minha visão devia ter sido o caminho a percorrer.
Caro viajante você com o conhecimento que tem sobre economia, sabe muito bem aonde vamos chegar com estas medidas, pois os números estão aí.

De facto o seu entendimento dos números explica a sua compreensão desta pandemia.
A pneumonia (que é uma condição resultante de diversos tipos de infecções respiratórias devido a vários tipos de organismos) mata 16 pessoas por dia em Portugal, mas na Lombardia (que tem uma população não muito diferente da portuguesa, o coronavírus chegou a matar mais de 800 pessoas por dia (nunca vai ter estes números no total de pneumonias ao longo de um ano). Num espaço curto de tempo (se fizessemos uma média anual) a pneumonia resultante de um só microorganismo matou 25 pessoas por dia numa só região italiana, e só foi possível reduzir/manter estes números depois de uma quarentena total. A Lombardia tem mais camas de cuidados intensivos e ventiladores que Portugal, por isso o impacto seria muito mais brutal em Portugal. E já agora o coronavírus também causa pneumonia por isso pode acrescentar as mortes ao número de mortes por pneumonia.

O baixo número de mortes (para já) em Portugal deve-se simplesmente a medidas de isolamento social e sorte. No entanto, a taxa de letalidade dum microorganismo é díficil/impossível de calcular enquanto a pandemia está em curso. Números fidedignos só podem ser obtidos muito tempo depois, porque é preciso estudar ao pormenor todos os dados (e o problema é que durante muito tempo se acreditou nos dados chineses). Por exemplo, quantas mortes por "pneumonias atípicas" tivemos antes de se começarem a testar doentes com dificuldades respiratórias? Quantas infecções respiratórias sem diagnóstico de causa tivemos antes de se testar? Em conversa com colegas foram vários os que manifestaram conhecer casos em Janeiro e Fevereiro que se fosse hoje teriam referenciado para fazer o teste de Covid-19, porque os sintomas ("esquisitos na altura") encaixam perfeitamente no que conhecemos hoje sobre o coronavírus. No Santa Maria estiveram dois pacientes durante semanas no internamento com pneumonias que só depois de serem testados se percebeu a causa. Quantos casos destes existiram antes? Idosos a morrer com pneumonia é comum e pode ter sido desvalorizado o quadro clínico destas pessoas.

Caro Lusitan realmente com esse seu exemplo da Lombardia, não deixa  dúvida acerca do seu entendimento do Covid-19.
Mas como já sinto algum cansaço fico mesmo por aqui, já agora quais foram esses 800 mortos idades etc?
O novo coronavírus já infetou cerca de 1,4 milhões de pessoas em todo o mundo, das quais morreram mais de 80 mil, realmente 80 mil em 1,4 milhões é muita gente.

Isso revela o que muitos especialistas já disseram, tem pessoas que já tiveram o vírus e nem se aperceberam, e assim vai ser com muitos, pois a grande maioria das pessoas terá sintomas ligeiros. Por isso continuo a dizer que estes vírus fora a pessoas de risco, não é tão mortal, mas sim infeccioso.
Outra questão que se coloca é, se realmente todos esses números são de confiar, é que hoje em dia morrer por pneumonia comum, pode ir para os números do Covid-19.
Ja ouvi relatos de colegas italianos que pessoas na Italia faleceram de outras patologias, mas no final foram para a lista do Covid-19. ::)
Da minha parte assunto encerrado.
« Última modificação: Abril 08, 2020, 02:18:49 pm por Daniel »
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.