Governo coloca fim ao conceito da época oficial de incêndios

  • 15 Respostas
  • 4721 Visualizações
*

emarques

  • Especialista
  • ****
  • 1177
  • +1/-0
Governo coloca fim ao conceito da época oficial de incêndios
« em: Setembro 07, 2005, 01:23:06 am »
Citar
Trabalho é para ser feito o ano inteiro
Governo coloca fim ao conceito da época oficial de incêndios florestais
06.09.2005 - 10h51   Luciano Alvarez, Nuno Sá Lourenço, (PÚBLICO)
 

O Governo vai pôr fim ao conceito da época oficial de incêndios florestais, que normalmente vai de 1 de Junho a 31 de Setembro, assumindo assim que existe risco de incêndio durante todo o ano, o que vai levar à criação de um dispositivo permanente de acompanhamento da situação.

Esta é uma das medidas que o ministro da Administração Interna, António Costa, vai hoje anunciar na Comissão Permanente da AR.

As restantes medidas, que farão parte da reforma do sistema de vigilância e combate a incêndios florestais, passam pela criação de um corpo profissional do Estado especializado no combate aos fogos nas florestas, mas também vocacionado para outros cenários de catástrofe; unificação de todo o sistema de vigilância sob coordenação da Guarda Nacional República (GNR); fusão dos Centros de Prevenção Distrital (que dependem do Ministério da Agricultura) com os Centros Distritais de Operações de Socorro (tutelados pelo Ministério da Administração Interna) num estado-maior dotado de uma frota de meios aéreos permanentemente disponíveis para o combate aos incêndios, seja por aquisição ou aluguer (permanente) plurianual.

No que respeita ao fim do conceito da época oficial de incêndios, o dispositivo permanente de acompanhamento, que evolui conforme o crescendo do risco de fogos, terá duas fases: a fase Alfa, que começa no dia 1 de Janeiro, e a Bravo, que será accionada quando o risco é maior, ou seja, em Junho/Julho.

Já a fusão dos Centros de Prevenção Distrital com os Centros Distritais de Operações de Socorro leva à criação de um comando único de todas as forças que intervenham na vigilância, prevenção e combate aos incêndios florestais, designadamente bombeiros e sapadores florestais – sejam associativos, municipais ou do Estado.

A Comissão Permanente vai também servir para que os diferentes partidos políticos avancem com as mais variadas propostas de medidas de combate aos incêndios.

O CDS tenciona propor a subida do limite mínimo das penas de prisão por fogo posto. “A lei tem que reflectir o sentimento dos portugueses”, justificou o líder parlamentar Nuno Melo, que afirmou ainda a intenção de propor uma aplicação mais rigorosa de medidas de segurança. O centrista não quis precisar até onde iria a sua proposta, da mesma forma que não quis concretizar as “sugestões” a fazer ao Governo no sentido da “valorização da floresta”.

Da parte do PSD, o líder parlamentar Marques Guedes antecipou algumas das medidas que serão propostas durante o debate, tais como um projecto de resolução recomendando ao Governo o apoio à instalação de centrais de biomassa, ou seja, centrais termo-eléctricas de resíduos florestais. “É a única forma de potenciar em autarquias-chave a sustentabilidade económica da limpeza da floresta”, explicou.

O PSD vai recomendar igualmente programas de cooperação com as Forças Armadas na área da protecção do território.

De acordo com Agostinho Lopes, o PCP tenciona defender a instituição do estado de calamidade por “permitir adequar a indemnização ao nível dos prejuízos e dos rendimentos dos prejudicados”. Da mesma forma, será sugerido ao Executivo um programa especial de apoio às autarquias mais atingidas. Além das medidas, Agostinho Lopes quer “confrontar o ministro com a irresponsabilidade [do Governo] de ter substimado o problema”.

Os responsáveis por esta matéria nos grupos parlamentares do PS e do BE não se encontravam disponíveis para prestar esclarecimentos ao PÚBLICO.

Entretanto, ontem em Estrasburgo os eurodeputados portugueses reclamaram uma resposta pronta e eficaz da Comissão europeia para minimizar os efeitos da seca e dos incêndios em Portugal, nomeadamente através do Fundo de Solidariedade.


No papel parece que não está mal o pacote de medidas (e algumas das sugeridas pela oposição também não ficavam mal, como as centrais de biomassa). Agora... vamos lá ver a execução, que é onde as bodegadas costumam acontecer.
Ai que eco que há aqui!
Que eco é?
É o eco que há cá.
Há cá eco, é?!
Há cá eco, há.
 

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 3591
  • Recebeu: 255 vez(es)
  • Enviou: 74 vez(es)
  • +430/-57
(sem assunto)
« Responder #1 em: Setembro 07, 2005, 04:08:54 am »
Numa noticia do DN fala-se em meios propios..Tipo 18 aviões e 30 helis do estado. :wink:
Artigo 308º

Traição à Pátria

Quem, por meio de violência, ameaça de violência, usurpação ou abuso de funções de soberania:

a) Tentar separar da Mãe-Pátria, ou entregar a país estrangeiro ou submeter à soberania estrangeira, todo o território português ou parte dele
 

*

TOMKAT

  • Especialista
  • ****
  • 1173
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #2 em: Setembro 07, 2005, 12:55:35 pm »
Citação de: "Typhonman"
Numa noticia do DN fala-se em meios propios..Tipo 18 aviões e 30 helis do estado. :wink:


Ena tantos...
Ou tão poucos...

Como S.Tomé, é ver para crer.
 
De promessas está o inferno cheio.

Ainda à pouco mais de uma semana o ministro António Costa afirmava que Portugal tem meios suficientes para combater incêndios,... e o país a continuar a arder.

 :?  :?
IMPROVISAR, LUSITANA PAIXÃO.....
ALEA JACTA EST.....
«O meu ideal político é a democracia, para que cada homem seja respeitado como indivíduo e nenhum venerado»... Albert Einstein
 

*

dremanu

  • Investigador
  • *****
  • 1254
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +7/-12
(sem assunto)
« Responder #3 em: Setembro 07, 2005, 03:10:35 pm »
É só conversar, e mais conversa, e mais conversa, e não passa disso, conversa....

Antiagmente não havia helis e não havia fogos, agora nem se consegue resolver o problema porque supostamente falta meios de combate ao fogo.

A resolução passa pela prevenção, mas esta gente no governo ou não entende, ou não quer entender, ou tão se cagando para resolver o problem, ou ficam à espera que alguem o resolva por eles.

Não entendo o que vai na cabecinha desta gente...
"Esta é a ditosa pátria minha amada."
 

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 3591
  • Recebeu: 255 vez(es)
  • Enviou: 74 vez(es)
  • +430/-57
(sem assunto)
« Responder #4 em: Setembro 07, 2005, 03:21:08 pm »
A opinião publica e os meios de comunicação social fizeram"pressing" para se comprarem os meios aereos. Para a população ja não é preciso limpar matas nem nada..porque para o anos os canadairs apagam todos os fogos...Meu Deus.. :roll:
Artigo 308º

Traição à Pátria

Quem, por meio de violência, ameaça de violência, usurpação ou abuso de funções de soberania:

a) Tentar separar da Mãe-Pátria, ou entregar a país estrangeiro ou submeter à soberania estrangeira, todo o território português ou parte dele
 

*

dremanu

  • Investigador
  • *****
  • 1254
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +7/-12
(sem assunto)
« Responder #5 em: Setembro 07, 2005, 03:28:01 pm »
Citação de: "Typhonman"
A opinião publica e os meios de comunicação social fizeram"pressing" para se comprarem os meios aereos. Para a população ja não é preciso limpar matas nem nada..porque para o anos os canadairs apagam todos os fogos...Meu Deus.. :roll:


Claro, típica política esquerdista, o estado protector, paternalista, que elimina a responsabilidade individual.

Se as pessoas se conscializarem que a prevenção contra os fogos começa pelas ações individuais, e não do estado, os fogos ou acabam, ou passam a ser um pequeno incómodo.

Porque não contrar os milhares de estudantes que no verão não têm mais nada que fazer do que ir para a praia, e mandar-los para as florestas apanhar os galhos secos, palha, ramos, etc; Tudo o que pode criar fogos e assim limpar as florestas portuguesas. Com certeza ia custar menos dinheiro do que comprar helis e deixar deflagrar fogos para os por em ação.
"Esta é a ditosa pátria minha amada."
 

*

Luso

  • Investigador
  • *****
  • 7563
  • Recebeu: 498 vez(es)
  • Enviou: 174 vez(es)
  • +202/-209
(sem assunto)
« Responder #6 em: Setembro 07, 2005, 05:30:07 pm »
Uma pergunta: porque é que eu devo pagar a limpeza da propriedade dos outros que rejeitam essa responsabilidade, alguns dos quais ostensivamente?
Ai de ti Lusitânia, que dominarás em todas as nações...
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 3331
  • Recebeu: 1674 vez(es)
  • Enviou: 3403 vez(es)
  • +991/-96
(sem assunto)
« Responder #7 em: Setembro 07, 2005, 07:02:06 pm »
Boa questao, mas o Dremanu talvez sugira mais alguma medida de indole socialista, do tipo nacionalizar as matas  :D
Everyone you will ever meet knows something that you don't.
- Bill Nye
 

*

dremanu

  • Investigador
  • *****
  • 1254
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +7/-12
(sem assunto)
« Responder #8 em: Setembro 07, 2005, 08:28:20 pm »
Citação de: "NVF"
Boa questao, mas o Dremanu talvez sugira mais alguma medida de indole socialista, do tipo nacionalizar as matas  :D


hehehe....entrei em contradição na minha própria mensagem.....Paciência!

A questão do Luso é muito boa.

A minha família têm uma propriedade no Fundão onde cresce bastante vegetação selvagem. A solução que se encontrou para manter a propriedade limpa foi a de fazer um acordo com um lavrador local que vêm e corta tudo para alimentar o gado dele. É uma solucão onde ambos saímos a ganhar.

Ao mesmo tempo temos uns terrenos espalhados pelo meio de uma serra que basicamente ninguém lá vai limpar aquilo. No entanto, esses terrenos durantes anos e anos foram usados para a agricultura, então não têm nenhumas árvores a crescer por aqueles lugares, e não me lembro de alguma vez ter havido fogos por aquela área.

Mas como encontrar uma solução de prevenção de fogos?

Uma coisa é certa, o território Português necessitava ser re-ordenado. Existem muitos terrenos espalhados pelo centro e norte de Portugal que estão "abandonados", fruto da mudança da nossa ecónomia, e das imigrações que levaram ao abandono por muita gente, de muitas aldeias.

Talvéz, e neste caso, não fosse má ideia o governo "apropriar"-com indeminizações é claro- muitos destes terrenos e transformar-los em parques naturaís. Replantar árvores e outra fauna nativa ao nosso país, e basicamente passar a gerir esses recursos naturaís do nosso país.

Acho que o governo devia também fiscalizar e punir severamente quem não cumpre com a legislação do governo em relação a manutenção de padrões de limpeza como forma de prevenção de fogos. Se as pessoas se recusam a pagar, e se recusam a fazer o que têm que ser feito, a culpa é do governo que não governa e impêm a lei, parece-me óbvio.

Talvez fosse também necessário de se fazer campanhas de educação às populações ruraís, e ao povo em geral, para se ter mais respeito pelo ambiente natural Português, para se ter orgulho na beleza natural do país, e que tomar medidas preventivas para que não se dêm fogos é contribuir para que continue a existir essa beleza natural, etc....

São algumas das ideias que me vêm à cabeça.
"Esta é a ditosa pátria minha amada."
 

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 3591
  • Recebeu: 255 vez(es)
  • Enviou: 74 vez(es)
  • +430/-57
(sem assunto)
« Responder #9 em: Setembro 07, 2005, 08:43:00 pm »
Caro Dremanu a nossa juventude está mais interessada em ir para a praia, curtir umas "mocas" e adodar o louçã..Depois existe outro segumento que são os filhos do papa com um bom carro..So querem passeio e noitadas.. Depois existem os jovens com alguma consciência ambiental e sobretudo nacional, mas esses são uma minoria.
Artigo 308º

Traição à Pátria

Quem, por meio de violência, ameaça de violência, usurpação ou abuso de funções de soberania:

a) Tentar separar da Mãe-Pátria, ou entregar a país estrangeiro ou submeter à soberania estrangeira, todo o território português ou parte dele
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 3331
  • Recebeu: 1674 vez(es)
  • Enviou: 3403 vez(es)
  • +991/-96
(sem assunto)
« Responder #10 em: Setembro 07, 2005, 08:43:15 pm »
Completamente de acordo com tudo o que diz. Mas continuo a achar que nao e' so' com prevencao que se combate o fogo, basta ver o exemplo dos outros paises...
Everyone you will ever meet knows something that you don't.
- Bill Nye
 

*

Doctor Z

  • Analista
  • ***
  • 831
  • +1/-0
    • http://www.oliven
(sem assunto)
« Responder #11 em: Setembro 07, 2005, 09:29:01 pm »
Citação de: "NVF"
Completamente de acordo com tudo o que diz. Mas continuo a achar que nao e' so' com prevencao que se combate o fogo, basta ver o exemplo dos outros paises...


... é também com multas pesadas, pena de prisão mais elevada (com prisão perpétua em caso de morte), ostentação da fotografia do autor do crime com o nome e a idade ...
Blog Olivença é Portugal
"Se és Alentejano, Deus te abençoe...se não
és, Deus te perdoe" (Frase escrita num azulejo
patente ao público no museu do castelo de
Olivença).

:XpõFERENS./
 

*

fgomes

  • Perito
  • **
  • 475
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #12 em: Setembro 07, 2005, 09:29:06 pm »
Mais um plano muito lindo, mas que não vai servir para nada, a não ser para gastar dinheiro mal gasto. É curioso que este plano tenha sido anunciado pelo ministro da Administração Interna e não pelo ministro da Agricultura que é quem supostamente tutela as florestas.
O principal problema deste plano é que ignora que o fogo faz parte integrante dos ecossitemas mediterrânicos, pelo que a sua prevenção e combate deve fazer parte integrante da gestão florestal. Ora o que é proposto é constituir um novo corpo de bombeiros dependentes do MAI e não dos Serviços Florestais, também a vigilância das florestas deverá passar para a GNR, passando ao lado da Guarda Florestal, ou seja dos serviços com experiência e conhecimento da gestão das florestas, que de há 20 anos para cá têm sistemáticamente sido vítimas de cortes orçamentais e de desmantelamento. Lembro que até ao início dos anos Oitenta a responsabilidade do combate aos fogos florestais pertencia aos Serviços Florestais do Ministério da Agricultura, depois estas funções foram a Protecção Civil e Bombeiros, com os resultados que se conhecem.
Quanto à limpeza das matas, existe a ideia que é necessário fazê-lo em 100% da sua área, mas não é esse o caso, não seria económico que é correcto é fazê-lo intercaladamente de modo a "quebrar" a progressão dos fogos.
 

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 3591
  • Recebeu: 255 vez(es)
  • Enviou: 74 vez(es)
  • +430/-57
(sem assunto)
« Responder #13 em: Setembro 08, 2005, 12:26:38 am »
Exacto fgomes, alem de plantar especies alternadas com o pinheiro caso do Sobreiro O castanheiro e o Carvalho.

Ardem muito mais lentamente.
Artigo 308º

Traição à Pátria

Quem, por meio de violência, ameaça de violência, usurpação ou abuso de funções de soberania:

a) Tentar separar da Mãe-Pátria, ou entregar a país estrangeiro ou submeter à soberania estrangeira, todo o território português ou parte dele
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 3331
  • Recebeu: 1674 vez(es)
  • Enviou: 3403 vez(es)
  • +991/-96
(sem assunto)
« Responder #14 em: Setembro 08, 2005, 01:06:02 am »
Citação de: "Doctor Z"
Citação de: "NVF"
Completamente de acordo com tudo o que diz. Mas continuo a achar que nao e' so' com prevencao que se combate o fogo, basta ver o exemplo dos outros paises...

... é também com multas pesadas, pena de prisão mais elevada (com prisão perpétua em caso de morte), ostentação da fotografia do autor do crime com o nome e a idade ...


E porque nao pena de morte e auto de fe'?  :twisted:
Everyone you will ever meet knows something that you don't.
- Bill Nye
 

 

Governo quer antecipar Plano Rodoviário Nacional em 11 anos

Iniciado por Marauder

Respostas: 6
Visualizações: 2640
Última mensagem Junho 10, 2006, 10:27:26 pm
por Marauder
Governo contra isenção de portagens em auto-estradas em obra

Iniciado por ricardonunes

Respostas: 0
Visualizações: 1132
Última mensagem Junho 20, 2006, 10:56:05 pm
por ricardonunes
Antonov quer fazer aviões em Portugal, mas Governo ignora

Iniciado por P44

Respostas: 11
Visualizações: 4066
Última mensagem Março 31, 2015, 07:15:03 pm
por Get_It
Governo investe mil milhões de euros na ciência e inovação

Iniciado por Tiger22

Respostas: 20
Visualizações: 5529
Última mensagem Outubro 11, 2004, 07:25:41 pm
por Spectral
Governo apresenta proposta para ficar com fábrica

Iniciado por Fábio G.

Respostas: 1
Visualizações: 1274
Última mensagem Junho 01, 2004, 09:24:12 pm
por Fábio G.