Espaço

  • 1570 Respostas
  • 185207 Visualizações
*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 6284
  • Recebeu: 1450 vez(es)
  • Enviou: 700 vez(es)
  • +1235/-342
Re: Espaço
« Responder #1560 em: Dezembro 28, 2020, 04:19:12 pm »
https://www.sciencedaily.com/releases/2020/12/201216134701.htm

Citar
Astronomers detect possible radio emission from exoplanet
Date:
December 16, 2020
Source:
Cornell University
Summary:
By monitoring the cosmos with a radio telescope array, an international team of scientists has detected radio bursts emanating from the constellation Boötes. The signal could be the first radio emission collected from a planet beyond our solar system.


Citar
Illustration of a 'hot Jupiter' exoplanet orbiting nearby star (stock image).
Credit: © dottedyeti / stock.adobe.com

Cumprimentos
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

Viajante

  • Investigador
  • *****
  • 2171
  • Recebeu: 921 vez(es)
  • Enviou: 405 vez(es)
  • +919/-44
Re: Espaço
« Responder #1561 em: Janeiro 01, 2021, 11:04:30 am »
As 10 melhores fotografias de 2020 do Telescópio Espacial Hubble

Apesar deste ano ter sido bastante atípico e ter abrandado vários momentos, o espaço não parou de surpreender. Aliás, o que está à nossa volta não para de evoluir e foram várias as imagens que a Terra recebeu de alguns vizinhos lácteos.

Agora, com o ano de 2020 a chegar ao fim, mostramos-lhe as 10 melhores fotografias captadas pelo Telescópio Espacial Hubble selecionadas pela Forbes.



As vistas captadas pelo Telescópio Espacial Hubble são sempre incríveis. Desde variadas perspetivas do Sistema Solar até galáxias distantes e aparentemente desconhecidas, o Universo vai sendo desvendado. Em 2020, foram vários os momentos captados neste que foi o seu 30º aniversário. Hoje, deixamos-lhe as 10 fotografias mais marcantes captadas pelo Telescópio Espacial Hubble.

10 – A sombra empoeirada de um buraco negro

Esta imagem do Telescópio Espacial Hubble captou o cerne da galáxia ativa IC 5063. Conforme podemos ver, a fotografia revela uma mistura de raios brilhantes e sombras escuras oriundas do núcleo em chamas, onde fica um supermassivo buraco negro.



09 – Anéis relativistas

Na teoria de Einstein, os corpos maciços comportam-se como corpos distantes. Na fotografia podemos ver um fenómeno efetivamente raro e estranho.

Se prestar atenção, identifica o GAL-CLUS-022058s, localizado na constelação de Fornax. Este que é um dos mais completos anéis de Einstein até agora descobertos no nosso Universo.



08 – Glóbulos gasosos flutuantes

Quando uma nova estrela maciça começa a brilhar, apesar de ainda estar dentro da nuvem molecular fria a partir da qual se formou, a sua radiação energética pode ionizar o hidrogénio da nuvem. Dessa forma, pode criar uma grande e quente bolha de gás ionizado.

Então, a fotografia captada pelo Telescópio Espacial Hubble captou os frEGGs: glóbulos compactos e escuros de poeira e gás. Aliás, alguns deles estão até a dar origem a estrelas de massa baixa.



07 – Grande galáxia em espiral

Na fotografia captada pelo Telescópio Espacial Hubble podemos observar a UGC 2885.

Sendo uma galáxia com um tamanho realmente invulgar, a galáxia está localizada a 232 milhões de anos-luz, na constelação de Perseu. A saber, é 2,5 vezes mais larga do que a nossa Via Láctea e contém 10 vezes mais estrelas.



06 – Desintegração do cometa ATLAS

O Telescópio Espacial Hubble identificou 30 fragmentos do cometa C/2019 Y4 (ATLAS), que se desintegrou. Aliás, são as imagens mais nítidas que existem deste acontecimento, cujos pedaços resultantes têm o tamanho aproximado de uma casa e estavam, na altura da fotografia (20 e 23 de abril), a 146 milhões de quilómetros da Terra.



05 – Nebulosa Borboleta

Conforme revelam observações recentes, revelam uma brilhante curva em “S” que destaca uma descarga de gás rica e ferro.

A nebulosa origina-se pela presença de uma ou mais estrelas localizadas no seu centro. Além disso, está a 2 500 e 3 800 anos-luz de distância, na constelação Scorpius.



04 – Júpiter Turbulento

Esta foi a última fotografia de Júpiter captada pelo Telescópio Espacial Hubble, a 25 de agosto. Então, a visão nítida oferecida pelo Hubble está a permitir que os investigadores estudem a meteorologia do planeta como, por exemplo, as tempestades que por lá ocorrem.



03 – Margem extrema

Apesar de aparecer como um elemento delicado, a fotografia captada pelo Hubble retrata a realidade de uma pequena parte que sobrou da onda de explosão da supernova Cygnus, localizada a 2 400 anos-luz.



02 – Starlink

O Hubble viu uma fotografia interrompida  pela passagem de um satélite da Starlink da SpaceX.



01 – Coral Cósmico

O Telescópio Espacial Hubble captou como estrelas jovens, energéticas e maciças iluminam e moldam o local onde nasceram com ventos fortes e radiação ultravioleta.

Na fotografia, podemos ver a NGC 2014, uma nebulosa gigante vermelha e a NGC 2020, uma vizinha azul mais pequena. Então, ambos fazem parte de uma vasta região de formação de estrelas na Grande Nuvem de Magalhães, uma galáxia de satélites localizada na Via Láctea, a 163 mil anos-luz.

Aliás, o nome “Coral Cósmico” surge pela verosimilhança entre as nebulosas e o fundo do mar.



Então, desde 1990 e durante os seus 30 anos de atividade, o Telescópio Espacial Hubble da NASA produziu quase 164 terabytes de dados disponíveis para as gerações de investigadores presentes e futuras. Além disso, já possibilitou mais de 1,4 milhões de observações de aproximadamente 47 mil corpos celestes.

https://pplware.sapo.pt/ciencia/as-10-melhores-fotografias-de-2020-do-telescopio-espacial-hubble/

Um Bom Ano de 2021 para todos e que seja melhor do que 2020!
« Última modificação: Janeiro 01, 2021, 07:14:14 pm por Viajante »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 6284
  • Recebeu: 1450 vez(es)
  • Enviou: 700 vez(es)
  • +1235/-342
Re: Espaço
« Responder #1562 em: Janeiro 02, 2021, 07:51:51 pm »
https://www.technology.org/2020/12/10/new-technology-extracts-oxygen-and-fuel-from-the-waters-of-mars-brings-colonisation-a-step-closer/

Citar
Currently, the only way to make oxygen and hydrogen (used for breathing and fuel, respectively) from the salty water found on Mars is by way of electrolysis – a process that is not only expensive, but would also be difficult to perform on the planet’s surface.

And yet, the methods of electrolysis are not all the same. Case in point, researchers at Washington University in St Louis have recently developed a simplified and less costly version of electrolysis, capable of performing well under regular terrestrial conditions, as well as conditions similar to those prevailing on the Red Plant itself.

The research was published in the journal Proceedings of the National Academy of Sciences.


Citar
More efficient electrolysis could allow astronauts to extract oxygen and hydrogen from water while on the surface of Mars. Image: Aynur Zakirov via pixabay.com

Cumprimentos
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 11667
  • Recebeu: 469 vez(es)
  • Enviou: 235 vez(es)
  • +78/-65
Re: Espaço
« Responder #1563 em: Janeiro 03, 2021, 11:20:18 am »
Sonda chinesa a caminho da órbita de Marte


 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 6284
  • Recebeu: 1450 vez(es)
  • Enviou: 700 vez(es)
  • +1235/-342
Re: Espaço
« Responder #1564 em: Janeiro 03, 2021, 02:21:52 pm »
https://www.technology.org/2020/12/31/best-space-station-science-pictures-of-2020/

Citar
It has been a busy year of research aboard the International Space Station. In November, we celebrated the 20th year of continuous human presence aboard the space station, which so far has hosted 242 people and more than 3,000 science experiments.


Citar
A tool for testing 

Image credit: NASA


Citar
Bubbles that could improve medicine delivery

Image credit: NASA


Citar
Picturing our planet

Image credit: NASA


Citar
A new Dragon arrives

Image credit: NASA

Cumprimentos
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 6284
  • Recebeu: 1450 vez(es)
  • Enviou: 700 vez(es)
  • +1235/-342
Re: Espaço
« Responder #1565 em: Janeiro 05, 2021, 12:35:49 pm »
https://www.sciencedaily.com/releases/2021/01/210104131925.htm

Citar
Summary:
From an observatory high above Chile's Atacama Desert, astronomers have taken a new look at the oldest light in the universe. Their observations, plus a bit of cosmic geometry, suggest that the universe is 13.77 billion years old - give or take 40 million years.



Cumprimentos
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 6284
  • Recebeu: 1450 vez(es)
  • Enviou: 700 vez(es)
  • +1235/-342
Re: Espaço
« Responder #1566 em: Janeiro 06, 2021, 10:50:17 am »
https://astronomy.com/news/2021/01/venus-was-once-more-earth-like-but-climate-change-made-it-uninhabitable

Citar
However, Venus once likely had an Earth-like climate. According to recent climate modelling, for much of its history Venus had surface temperatures similar to present day Earth. It likely also had oceans, rain, perhaps snow, maybe continents and plate tectonics, and even more speculatively, perhaps even surface life.

Less than one billion years ago, the climate dramatically changed due to a runaway greenhouse effect. It can be speculated that an intensive period of volcanism pumped enough carbon dioxide into the atmosphere to cause this great climate change event that evaporated the oceans and caused the end of the water cycle.


Citar
A portion of Alpha Regio, a topographic upland on the surface of Venus, was the first feature on Venus to be identified from Earth-based radar.
NASA/JPL

Cumprimentos
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 6284
  • Recebeu: 1450 vez(es)
  • Enviou: 700 vez(es)
  • +1235/-342
Re: Espaço
« Responder #1567 em: Janeiro 07, 2021, 11:38:23 am »
Seria brutal.  :-P

https://astronomy.com/news/2021/01/arecibo-is-dead-should-we-build-its-replacement-on-the-moon
Citar
Arecibo is dead. Should we build its replacement on the Moon?
NASA may finally be serious about the idea of building a large radio telescope in a lunar crater.


Citar
Since the 1960s, astronomers have dreamed about building radio telescopes on the farside of the Moon, which would shield them from Earth-based interference.


Citar
A decades-old idea from lunar scientist Richard Vondrak, who worked at the Apollo Science Operations Center during the moon landing program, proposed using lunar craters to build radio telescopes like the Arecibo Observatory in Puerto Rico. Here, an artist’s concept shows how three telescopes could be used separately or combined to create a giant instrument.

Cumprimentos
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 16413
  • Recebeu: 1486 vez(es)
  • Enviou: 1396 vez(es)
  • +234/-300
Re: Espaço
« Responder #1568 em: Janeiro 07, 2021, 02:28:32 pm »
Acredito que seja o futuro!
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 6284
  • Recebeu: 1450 vez(es)
  • Enviou: 700 vez(es)
  • +1235/-342
Re: Espaço
« Responder #1569 em: Janeiro 12, 2021, 02:27:11 pm »
https://astronomy.com/magazine/news/2020/03/discover-the-secrets-of-the-northern-pinwheel-galaxy?utm_source=asyfb&utm_medium=social&utm_campaign=asyfb&fbclid=IwAR1Jt4WgN2n6X7DJQU--7Fk1nzR7v7yId8OuF-ZOY1oIZvGnhkG0WvIvgxw

Citar
Discover the secrets of the Northern Pinwheel Galaxy
Think you know the big spiral M101? Take a deep dive into its myriad details, and you’ll know it like never before.


Citar
M101, the Northern Pinwheel Galaxy in Ursa Major, is thought to have undergone tidal interaction with the dwarf galaxy NGC 5477, which lies off the right edge of this image. This triggered formation of multiple bright star-forming emission nebulae known as HII regions, which you can observe through your telescope.
All Images: Rod Pommier

Cumprimentos
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 6284
  • Recebeu: 1450 vez(es)
  • Enviou: 700 vez(es)
  • +1235/-342
Re: Espaço
« Responder #1570 em: Janeiro 14, 2021, 04:06:15 pm »
https://astronomy.com/magazine/ask-astro/2018/06/big-stars?utm_source=asyfb&utm_medium=social&utm_campaign=asyfb&fbclid=IwAR2bVqae9KH_slHMRguqTNn5lb33VF4M7aLPwgDlNMPwvXtAytGxbQqSSBM

Citar
When does a star's size violate the laws of physics?
James Boyton
Shreveport, Louisiana


Citar
VY Canis Majoris, a red supergiant, has a radius that measures more than 1,400 times that of the Sun

Oona Räisänen

Cumprimentos
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/