Notícias (Forças Aéreas/Sistemas de Armas)

  • 1288 Respostas
  • 323086 Visualizações
*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 3716
  • Recebeu: 2015 vez(es)
  • Enviou: 3845 vez(es)
  • +1809/-109
Re: Notícias (Forças Aéreas/Sistemas de Armas)
« Responder #1275 em: Outubro 06, 2020, 02:19:02 am »
Os AB novos, estão na casa dos 2.000 milhões de USD.

Para mais tarde recordar:

https://www.forumdefesa.com/forum/index.php?topic=3922.300
« Última modificação: Outubro 06, 2020, 02:27:31 am por NVF »
Talent de ne rien faire
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: typhonman

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 4082
  • Recebeu: 346 vez(es)
  • Enviou: 247 vez(es)
  • +488/-345
Re: Notícias (Forças Aéreas/Sistemas de Armas)
« Responder #1276 em: Outubro 06, 2020, 11:25:21 pm »
Os AB novos, estão na casa dos 2.000 milhões de USD.

Para mais tarde recordar:

https://www.forumdefesa.com/forum/index.php?topic=3922.300

Os ? :D
Talent de rien fair
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 10018
  • Recebeu: 1176 vez(es)
  • Enviou: 1685 vez(es)
  • +1023/-1413
Re: Notícias (Forças Aéreas/Sistemas de Armas)
« Responder #1277 em: Outubro 15, 2020, 09:11:35 am »
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 11677
  • Recebeu: 472 vez(es)
  • Enviou: 235 vez(es)
  • +78/-65
Re: Notícias (Forças Aéreas/Sistemas de Armas)
« Responder #1278 em: Outubro 31, 2020, 06:06:48 pm »
 

*

Get_It

  • Investigador
  • *****
  • 1837
  • Recebeu: 252 vez(es)
  • Enviou: 453 vez(es)
  • +13/-1
Re: Notícias (Forças Aéreas/Sistemas de Armas)
« Responder #1279 em: Novembro 03, 2020, 11:25:36 am »
A ITPS no Canadá está a preparar-se para trocar os seus L-39 pelo TA-50.

ITPS signs MOU with Korean Aerospace Industries
(2 de Novembro de 2020)
Citação de: ITPS Press Release
The International Test Pilots School (ITPS) Canada has signed a Memorandum of Understanding (MoU) with Korean Aerospace Industries (KAI) to promote the KAI FA-50 for tactical and adversary training. ITPS will promote the FA-50 to customers with the school’s International Tactical Training Center (ITTC).

ITPS has been a leading provider of tactical training since 2001. Its International Tactical Training Center is the only commercial entity providing advanced fighter pilot training including Fighter Weapons Instructor courses, Advanced Tactics courses and Mission Commander courses to international customers.

ITTC is currently providing Fighter Lead-In Training (FLIT) to the Royal Malaysian Air Force in London, Ont. ITTC operates a fleet of Aero Vodochody L-39 aircraft featuring upgraded avionics for the FLIT program. The school plans to replace its L-39 fleet with the FA-50.

"The KAI FA-50 is a great aircraft," said ITPS president Giorgio Clementi. "The aircraft’s performance, flying qualities and mission capabilities make it the ideal platform for tactical and adversary training missions, and a great fit for ITPS to replace our L-39 fleet. A new aircraft supported by the manufacturer and with the associated engineering and logistical support ensures reliable and cost-effective operations into the future. The FA-50 is a winner, and we are delighted to be collaborating with KAI!"
Fonte: https://www.skiesmag.com/press-releases/itps-mou-with-korean-aerospace-industries/

Cumprimentos,
:snip: :snip: :Tanque:
 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 5200
  • Recebeu: 492 vez(es)
  • Enviou: 352 vez(es)
  • +3353/-2504
Re: Notícias (Forças Aéreas/Sistemas de Armas)
« Responder #1280 em: Novembro 17, 2020, 01:13:37 pm »
Hungria assina contrato para aquisição de duas aeronaves multimissão KC-390 Millennium


O Governo Húngaro e a Embraer assinaram hoje um contrato para a aquisição de duas aeronaves de transporte multimissão de nova geração Embraer C-390 Millennium, na configuração de reabastecimento aéreo (AAR), designado KC-390.

Além disso, estão contemplados no contrato treinamento de pilotos e técnicos, bem como outros serviços e suporte. A aquisição é parte do processo de fortalecimento das Forças Armadas da Hungria, especificamente nas funções de transporte aéreo tático, AAR e evacuação médica, bem como em outras missões de interesse público. As entregas estão programadas para começar em 2023.

“Após a aquisição de aeronaves de transporte aéreo de pessoal em 2018, a aeronave KC-390 será entregue à Hungria, em 2023 e 24, com capacidade tanto de lançar grandes cargas militares em um ambiente operacional como de reabastecimento aéreo. Estamos adquirindo uma frota de transporte multimissão para que as Forças Armadas da Hungria cumpram, de maneira soberana, a mais ampla gama de tarefas no âmbito nacional”, disse Gáspár Maróth, Comissário do Governo para o Desenvolvimento da Defesa.

“Estamos honrados por termos sido selecionados pelo Governo Húngaro e pelas Forças Armadas da Hungria para fornecer a aeronave de transporte multimissão mais avançada disponível no mercado”, disse Jackson Schneider, Presidente e CEO da Embraer Defesa & Segurança. “A Hungria é a segunda nação europeia e membro da OTAN a selecionar o C-390 Millennium, uma aeronave altamente capaz que oferece excelente produtividade por meio de combinação incomparável de velocidade, carga útil e reconfiguração rápida para operações multimissão.”

O KC-390 para as Forças Armadas da Hungria será o primeiro do mundo com a opção de configuração para Unidade de Terapia Intensiva, recurso essencial para o desempenho de missões humanitárias. A aeronave atende plenamente aos requisitos das Forças Armadas da Hungria, podendo realizar diversos tipos de missões militares e civis, incluindo Apoio Humanitário, Evacuação Médica, Busca e Resgate, Transporte de Carga e Tropas, Lançamento de Carga de Precisão, Operações de Paraquedistas e AAR. Estes KC-390 são totalmente compatíveis com as operações da OTAN, não apenas em termos de hardware, mas também em sua configuração de aviônica e comunicações. Além disso, o sistema de reabastecimento do KC-390, de sonda e cesto, permite à aeronave reabastecer o JAS 39 Gripen húngaro, bem como outras aeronaves que usam a mesma tecnologia.



O C-390 Millennium está totalmente operacional e, desde o recebimento da primeira aeronave, em 2019, a Força Aérea Brasileira utilizou o avião em diversas missões críticas no Brasil e no exterior com alto grau disponibilidade. Adicionalmente, o Governo de Portugal assinou um contrato para a aquisição de cinco C-390 Millennium em 2019 que se encontram atualmente na linha de produção e estarão em serviço em 2023.

O C-390 é um jato de transporte tático projetado para estabelecer novos padrões em sua categoria. Alguns dos pontos fortes da aeronave são a mobilidade, design robusto, maior flexibilidade, tecnologia comprovada de última geração e manutenção mais fácil. O C-390 Millennium e a variante KC-390 voam mais rápido e carregam mais carga e são as plataformas ideais para os principais cenários de utilização. Um número minimizado de inspeções e manutenção sob demanda, combinados com sistemas e componentes altamente confiáveis, reduzem o tempo da aeronave no solo e os custos totais da operação, contribuindo para níveis de disponibilidade excelentes e baixo custo do ciclo de vida.


 :arrow:   https://www.cavok.com.br/hungria-assina-contrato-para-aquisicao-de-duas-aeronaves-multimissao-kc-390-millennium
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 9825
  • Recebeu: 1234 vez(es)
  • Enviou: 3035 vez(es)
  • +184/-56
    • http://youtube.com/HSMW

*

goldfinger

  • Especialista
  • ****
  • 1102
  • Recebeu: 413 vez(es)
  • Enviou: 90 vez(es)
  • +135/-19
Re: Notícias (Forças Aéreas/Sistemas de Armas)
« Responder #1282 em: Novembro 27, 2020, 07:40:23 pm »
A España servir hasta morir
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 5200
  • Recebeu: 492 vez(es)
  • Enviou: 352 vez(es)
  • +3353/-2504
Re: Notícias (Forças Aéreas/Sistemas de Armas)
« Responder #1283 em: Dezembro 09, 2020, 10:47:03 pm »
A-29 Super Tucano para o Turcomenistão


Citar
Circulam nas redes sociais fotos dos primeiros dois Embraer A-29 Super Tucano destinados ao Turcomenistão.

Os dois aviões, com matrícula PT-ZHI e ZHJ, devem iniciar em breve a viagem de entrega ao país da Ásia Central.


 

*

LM

  • Investigador
  • *****
  • 1488
  • Recebeu: 316 vez(es)
  • Enviou: 1287 vez(es)
  • +223/-7
Re: Notícias (Forças Aéreas/Sistemas de Armas)
« Responder #1284 em: Dezembro 18, 2020, 12:31:47 pm »
Tunisia Signs $80 Million Deal for Three Turkish Anka-S Combat Drones

Citar
The medium-altitude, long-endurance UAV is the latest in the Anka series of drones.

Citar
Tunisia has reportedly signed a contract with Turkish Aerospace Industries to buy three Anka-S Unmanned Aerial Vehicles (UAV) at a cost of $80 million.

The deal also includes three ground control stations and the training of 52 Tunisian Air Force pilots and maintenance personnel in Turkey.

The agreement is the culmination of nearly two years of negotiations between the Tunisian ministry of defense and the Turkish government-owned combat drone manufacturer, reported Turkish online news outlet Haberler.com.

Türk Eximbank will provide the financing for the deal. The bank will provide $80 million in loans to Tunisia to buy the aircraft, according to Haberturk, another Turkish outlet.
Anka-S Features

The medium-altitude, long-endurance UAV is the latest in the Anka series of drones, which have been in service in the Turkish armed forces since 2017.

Currently, 30 Anka drones are reportedly serving in the Turkish defense forces.

One of the main features of the Anka-S is that it is satellite-controlled, which allows it to fly beyond line-of-sight distance, the Haberler report stated.

The outlet added that the latest in the Anka series now has increased resistance to environmental conditions such as temperature, humidity, and rain, while its landing and take-off wind limits were designed keeping in mind the most challenging conditions a drone of this caliber could possibly face.


Citar
The Anka-S can conduct a range of missions such as real-time intelligence, surveillance, reconnaissance, communication relay, target acquisition, and tracking.

It can also carry weapons such as the Roketsan Smart Micro Munition’s air-launched missile launcher and the Cirit 2.75-inch guided rocket pod in its two underwing weapons stations to engage light-armored vehicles, personnel, military shelters and ground radar stations.
Turkish Drones in Demand

Demand for Turkish drones, particularly the Bayraktar TB2, has seen a many-fold increase following their performance in the Nagorno Karabakh war between Armenia and Azerbaijan.

Recently, Kazakhstan reportedly showed interest in buying the armed drone when a delegation of the country’s defense officials visited Turkey’s Unmanned Aircraft Systems Base Command in the southeast city of Batman.

Earlier, Ukraine announced its decision to buy five TB2s from Turkey next year following the completion of an October tactical military exercise.

In early October, Serbian President Aleksandar Vucic said his country is negotiating to buy the Turkish UAV, even though the European nation had already welcomed the arrival of Chinese CH-92A armed drones in July.

E nós com as nossas questões "Ogassa VTOL"...
Quidquid latine dictum sit, altum videtur
 

*

goldfinger

  • Especialista
  • ****
  • 1102
  • Recebeu: 413 vez(es)
  • Enviou: 90 vez(es)
  • +135/-19
Re: Notícias (Forças Aéreas/Sistemas de Armas)
« Responder #1285 em: Janeiro 08, 2021, 11:36:47 pm »
La India comprará 56 aviones de transporte C295 en un contrato de 2.500 millones de dólares.



Citar
El martes 5 de enero, el periódico de la India, Hindustan Times, editado en lengua inglesa, informó que Airbus Defence and Space y Tata Advanced Systems Limited (TASL) habían acordado desarrollar conjuntamente un proyecto para equipar a la Fuerza Aérea de la India con nuevos aviones de transporte medio en el marco de la iniciativa Make-in-India en el sector aeroespacial.

El posible acuerdo, que comprende un total de 56 aeronaves de transporte militar, tiene un valor estimado de 2.500 millones de dólares.

La nueva generación de aviones tácticos reemplazará a los viejos aviones Avro-748 de la Fuerza Aérea de la India.


AVRO-748
Según el contrato, Airbus suministrará los primeros 16 aviones en condiciones de vuelo, mientras que los 40 restantes serán ensamblados en la India por TASL, según los funcionarios del gobierno indio.

La adquisición de 56 C-295 de Airbus con la participación de una agencia de producción india para la fabricación de 40 aviones de un total de 56 está en fase de aprobación financiera y es probable que el contrato se firme en un futuro próximo, dijo el Ministerio de Defensa en su informe de fin de año.

“El caso es el primero de este tipo que prevé la participación de empresas privadas y resultaría un impulso muy importante para nuestra industria de defensa”, dijo el ministro.

Mientras que los C-295 estarán destinados a sustituir a los aviones de transporte Avro-748, los nuevos aviones también serán adecuados para las exigentes funciones que desempeña actualmente el AN-32, según informó el Hindustan Times.


Antonov AN-32
El Avro-748 entró en servicio con la Fuerza Aérea a principios de los años 60 y hace tiempo que debería ser reemplazado, dijo el Mariscal del Aire Manmohan Bahadur, director general adicional del Centro de Estudios de la Fuerza Aérea.

“El proyecto para el reemplazo con el C-295 ha estado en desarrollo durante los últimos ocho años y ha generado un nuevo tipo- el modelo Avro – en el campo de la adquisición debido al camino único que se adoptó. El C-295 también sería el sustituto natural de los AN-32, que también se eliminarían pronto”, dijo Bahadur.
A España servir hasta morir
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, HSMW

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 3716
  • Recebeu: 2015 vez(es)
  • Enviou: 3845 vez(es)
  • +1809/-109
Re: Notícias (Forças Aéreas/Sistemas de Armas)
« Responder #1286 em: Janeiro 11, 2021, 11:53:15 pm »
Este ano não requer registo, é só fazer o download do pdf.

https://www.flightglobal.com/reports/world-air-forces-2021/141456.article?fbclid=IwAR36PGgdsRxOoeyHWfTZ_8qwvUJJY-8wOMhgb0vOOYkmCLEnOeT7cpJMvRE

PS: pelos vistos é oficial que a frota P-3C foi reduzida a 04 células. E pensar que há cerca de 8 anos se completou a modernização destes aparelhos, cujo custo total (aquisição + modernização) excedeu os 300 milhões de euros.
« Última modificação: Janeiro 12, 2021, 12:19:56 am por NVF »
Talent de ne rien faire
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

goldfinger

  • Especialista
  • ****
  • 1102
  • Recebeu: 413 vez(es)
  • Enviou: 90 vez(es)
  • +135/-19
Re: Notícias (Forças Aéreas/Sistemas de Armas)
« Responder #1287 em: Janeiro 12, 2021, 06:44:23 am »
Este ano não requer registo, é só fazer o download do pdf.

https://www.flightglobal.com/reports/world-air-forces-2021/141456.article?fbclid=IwAR36PGgdsRxOoeyHWfTZ_8qwvUJJY-8wOMhgb0vOOYkmCLEnOeT7cpJMvRE

PS: pelos vistos é oficial que a frota P-3C foi reduzida a 04 células. E pensar que há cerca de 8 anos se completou a modernização destes aparelhos, cujo custo total (aquisição + modernização) excedeu os 300 milhões de euros.

La flota mundial de P3 modelo C sufre de problemas de corrosión por un cambio en la aleación que hizo el fabricante en su día, ese problema aceleró su retirada en la US Navy, y por eso otros muchos paises no optan por modernizarlo por el mal estado de las células.
Ese problema no lo tenían los modelos A y B.
España por eso descarto comprar células P3C ex Us Navy y sigue con lo B ex-noruegos
A España servir hasta morir
 

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 4082
  • Recebeu: 346 vez(es)
  • Enviou: 247 vez(es)
  • +488/-345
Re: Notícias (Forças Aéreas/Sistemas de Armas)
« Responder #1288 em: Janeiro 12, 2021, 07:11:03 pm »
Este ano não requer registo, é só fazer o download do pdf.

https://www.flightglobal.com/reports/world-air-forces-2021/141456.article?fbclid=IwAR36PGgdsRxOoeyHWfTZ_8qwvUJJY-8wOMhgb0vOOYkmCLEnOeT7cpJMvRE

PS: pelos vistos é oficial que a frota P-3C foi reduzida a 04 células. E pensar que há cerca de 8 anos se completou a modernização destes aparelhos, cujo custo total (aquisição + modernização) excedeu os 300 milhões de euros.

Na altura em 2003, esteve previsto o SLEP para o P-3P, para as 6 células, em conjunto com a compra dos C-130J e eventualmente C-27J, no entanto, o "destino" não quiz assim.

Penso que o SLEP dos 6 P-3, apesar de mais caro, iria garantir as 6 células, por bastante tempo.

Cumprimentos,
Talent de rien fair