Votação

QUAL O NUMERO TOTAL DE AERONAVES NOS ARQUIPELAGOS

10/ 15 AERONAVES
10 (71.4%)
15/30
4 (28.6%)

Votos totais: 14

Votação encerrada: Setembro 23, 2006, 02:56:04 am

Criação de uma nova Esquadra de reacção nos arquipelagos

  • 21 Respostas
  • 6594 Visualizações
*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 3470
  • Recebeu: 221 vez(es)
  • Enviou: 59 vez(es)
  • +305/-43
(sem assunto)
« Responder #15 em: Setembro 26, 2006, 08:16:26 pm »
Chama-se Que avião para o Atlântico...
Artigo 308º

Traição à Pátria

Quem, por meio de violência, ameaça de violência, usurpação ou abuso de funções de soberania:

a) Tentar separar da Mãe-Pátria, ou entregar a país estrangeiro ou submeter à soberania estrangeira, todo o território português ou parte dele
 

*

papatango

  • Investigador
  • *****
  • 5510
  • Recebeu: 9 vez(es)
  • +305/-2
    • http://www.areamilitar.net
(sem assunto)
« Responder #16 em: Setembro 26, 2006, 09:50:39 pm »
Citação de: "Spectral"
Citar
Sou favorável à aquisição de 6 a 12 caça-bombardeiros SU-34.

Isto fez-me lembrar daquela nossa discussão há uns anos atrás sobre este mesmo tema (com o JNSA). :|?


Eu acho que a pesquisa está limitada por datas, para reduzir o gasto de processador com a gestão de pesquisas.

Mas lembro-me desse tópico do "avião para o Atlântico"

Aliás, no papel, o SU-34, é o único filho do Flanker que eu acho que vale realmente alguma coisa.
 

*

luis simoes

  • Perito
  • **
  • 306
  • Recebeu: 2 vez(es)
  • Enviou: 37 vez(es)
  • +1/-88
trocar 25 Alpha jet por 6 F-18 Super Hornet
« Responder #17 em: Setembro 26, 2006, 11:41:38 pm »
Caro Hollywood:
Bem vindo ao meu tópico agradeço pela sua opinião em relação á troca de 25 aeronaves Alpha Jet por  6 super hornet F-18 achava uma optima ideia uma vez que possuimos cerca de 50 Aeronaves"alpha jet"   acho que seriam as indicadas para o nosso território 25 no máximo mas em plenas condições possivelmente ficaria-mos a ganhar uma espinha dorsal de impor algum respeito não esquecendo o C-295 o EH-101 o P-3 Orion e uma aeronave AWAC  quer no patrulhamento e defesa aerea dos Arquipelagos Madeira e Açores.
pode comentar um abraço

                                 luis simoes
 

*

luis simoes

  • Perito
  • **
  • 306
  • Recebeu: 2 vez(es)
  • Enviou: 37 vez(es)
  • +1/-88
su-34
« Responder #18 em: Setembro 26, 2006, 11:53:33 pm »
Papatango
Benvindo ao meu tópico e obrigado por opinar fico feliz  por este meu
topico atrair algumas sugestões  é sinal que pessoas comuns como nós
se preocupam com o estado da nossa Nação é mais uma opinião de facto seria optimo possuirmos o SU-34 é uma belissima aeronave mas já me acontentava possuirmos alguns F-18 Super Hornet de facto o ultimo grito em modernização á qual a US NAVY se orgulha de possuir certo que Portugal orgulhar-se-ia de ter uma espinha dorsal de meter respeito não concordas?

um abraço sincero

   Luis Ramos
 

*

Rui Elias

  • Investigador
  • *****
  • 1696
  • +1/-0
(sem assunto)
« Responder #19 em: Setembro 27, 2006, 10:12:03 am »
Amigo Luís Simões:

Julgo saber que o Alpha-Jet operacionais em Portugal, dos 50 que os alemãos cá feixaram, restam entre 15 e 20 operacionais, e isto já contando com os que estão pintados com as cores do "Asas de Portugal".

Portanto estão longe de serem 50, a menos que se fizesse um grande esforço para aumentar a sua taxa de operacionalidade.

Em qualquer caso eles estão a ser usados unicamente como aviões para treino avançado, abdicando-se de uma relativa capacidade de ataque ao solo, que em Portgal só faria sentido que tivessemos uma FAP com capacidade para manter ainda que momentaneamente alguma superioridade e/ou supremacia aérea.
 

*

Rui Elias

  • Investigador
  • *****
  • 1696
  • +1/-0
(sem assunto)
« Responder #20 em: Setembro 27, 2006, 10:15:08 am »
Papatango:

Citar
Mas, uma pergunta:

Qual é o objectivo da colocação de mais que um numero simbólico de aeronaves de combate nas ilhas?

Além de demonstrar a nossa capacidade para os operar a partir das ilhas, depois de feita a demonstração, para que serve ter aeronaves com capacidade para atacar navios?


Só a FAP lhe poderia responder a essa pergunta.   :wink:

Mas julgo que faz parte de um reforço integrado para assegurar aluma capacidade de intercepção no flanco sudoeste do espaço português, e principalmente por causa das recorrentes incursões que os F-18 espanhóis fazem sobre o espaço marítmo português a sul da Madeira.
 

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 2986
  • Recebeu: 1681 vez(es)
  • Enviou: 1094 vez(es)
  • +1116/-172
(sem assunto)
« Responder #21 em: Setembro 27, 2006, 05:47:22 pm »
Esquadra de combate nos Açores? Não. Os tempos da Esquadra 303 já lá vão.

Não vale a pena estar a explanar o porquê da minha afirmação visto que iria de encontro ao que muitos já aqui escreveram (e bem).
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

         "PER ASPERA AD ASTRA"
               (Por Caminhos Árduos, Até Às Estrelas)
 

 

"Bisontes" Esquadra 501 celebram 30º aniversário

Iniciado por comanche

Respostas: 2
Visualizações: 3772
Última mensagem Setembro 16, 2007, 12:48:55 pm
por zocuni
SAR: Esquadra 751 atinge o marco das 2751 vidas salvas

Iniciado por Ricardo Nunes

Respostas: 14
Visualizações: 6488
Última mensagem Outubro 30, 2017, 01:30:28 am
por Lightning
2ª Esquadra F-16 / Esq. 301

Iniciado por Miguel

Respostas: 429
Visualizações: 82870
Última mensagem Novembro 30, 2011, 06:39:19 pm
por Charlie Jaguar
FAP - NOVA ESQUADRA

Iniciado por Instrutor

Respostas: 0
Visualizações: 1905
Última mensagem Dezembro 22, 2014, 02:07:44 pm
por Instrutor