EMBRAER

  • 204 Respostas
  • 56207 Visualizações
*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 9472
  • Recebeu: 1117 vez(es)
  • Enviou: 2449 vez(es)
  • +160/-48
    • http://youtube.com/HSMW
Re: EMBRAER
« Responder #180 em: Dezembro 30, 2019, 12:55:02 pm »
http://www.youtube.com/profile_videos?user=HSMW

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Vitor Santos

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 4864
  • Recebeu: 431 vez(es)
  • Enviou: 336 vez(es)
  • +2357/-1742
Re: EMBRAER
« Responder #181 em: Janeiro 05, 2020, 05:01:49 pm »
 :G-beer2:
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 6560
  • Recebeu: 2919 vez(es)
  • Enviou: 1502 vez(es)
  • +1385/-101
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Charlie Jaguar

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 3210
  • Recebeu: 1957 vez(es)
  • Enviou: 1257 vez(es)
  • +1558/-175
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

         "PER ASPERA AD ASTRA"
               (Por Caminhos Árduos, Até Às Estrelas)
 

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 3748
  • Recebeu: 287 vez(es)
  • Enviou: 89 vez(es)
  • +464/-60
Artigo 308º

Traição à Pátria

Quem, por meio de violência, ameaça de violência, usurpação ou abuso de funções de soberania:

a) Tentar separar da Mãe-Pátria, ou entregar a país estrangeiro ou submeter à soberania estrangeira, todo o território português ou parte dele
 

*

LM

  • Investigador
  • *****
  • 1299
  • Recebeu: 252 vez(es)
  • Enviou: 1171 vez(es)
  • +204/-6
Re: Re: KC-390 na FAP
« Responder #185 em: Abril 25, 2020, 12:03:23 pm »
E para a EMBRAER em Portugal...?
Quidquid latine dictum sit, altum videtur
 

*

ocastilho

  • Membro
  • *
  • 267
  • Recebeu: 126 vez(es)
  • Enviou: 212 vez(es)
  • +166/-3
Re: Re: KC-390 na FAP
« Responder #186 em: Abril 25, 2020, 01:24:05 pm »
E para a EMBRAER em Portugal...?

Caro LM, a Embraer instalou-se em Portugal, pq recebeu imensos fundos comunitários para o fazer. A história de que compramos KC, porque, caso contrário, a Embraer sairia de Portugal é uma viagem na Maionese. A Embraer recebe fundos comunitários para se instalar e, em troca, compromete-se a ficar estabelecida no território X anos. Ponto. Caso queira sair antes desse tempo, tem de ressarcir a Comunidade Europeia. Logo, parece-me que o impacto em Portugal vai ser 0. Quanto muito, haverá algum ajustamento de dimensão e pequeno. Repare que o investimento já está feito, desinvestir agora implica dois custos: 1) O custo afundado e 2) o ressarcimento dos apoios.

Bom fim de semana
Abraços
"Se servistes à pátria, que vos foi ingrata, vós fizestes o que devíeis, ela o que costuma."
 

*

MATRA

  • Perito
  • **
  • 434
  • Recebeu: 131 vez(es)
  • Enviou: 664 vez(es)
  • +32/-10
An appeaser is one who feeds a crocodile — hoping it will eat him last.
Sir Winston Churchill
Democracies aren’t overthrown; they’re given away
George Lucas, 2005
 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 4864
  • Recebeu: 431 vez(es)
  • Enviou: 336 vez(es)
  • +2357/-1742
Re: Re: KC-390 na FAP
« Responder #188 em: Abril 25, 2020, 04:20:18 pm »
https://newsavia.com/boeing-desiste-da-compra-de-ativos-da-embraer-abortou-negocio-bilionario

Abracos

Piu...

A Boeing está à beira da morte. Como iria comprar a parte comercial da EMB se está a pedir cerca de 60 bilhões dólares ao governo americano?
 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 4864
  • Recebeu: 431 vez(es)
  • Enviou: 336 vez(es)
  • +2357/-1742
Re: Re: KC-390 na FAP
« Responder #189 em: Abril 25, 2020, 04:22:49 pm »
Citar
Boeing encerra acordo para estabelecer joint ventures com a Embraer


CHICAGO, 25 de abril de 2020 / PRNewswire / — A Boeing (NYSE: BA) anunciou hoje que encerrou seu Contrato Principal de Transação (MTA) com a Embraer, sob o qual as duas empresas procuraram estabelecer um novo nível de parceria estratégica. As partes planejavam criar uma joint venture que incluísse o negócio de aviação comercial da Embraer e uma segunda joint venture para desenvolver novos mercados para as aeronaves C-390 Millennium de transporte aéreo e mobilidade aérea.

De acordo com o MTA, 24 de abril de 2020, era a data de término inicial, sujeita a prorrogação por qualquer das partes, se determinadas condições fossem atendidas. A Boeing exerceu seu direito de rescisão após a Embraer não atender às condições necessárias.

“A Boeing trabalhou diligentemente ao longo de mais de dois anos para finalizar sua transação com a Embraer. Nos últimos meses, tivemos negociações produtivas, mas sem sucesso, sobre condições insatisfatórias do MTA. Todos pretendíamos resolvê-los até a data inicial de término, mas não o fizemos.”, disse Marc Allen, presidente da Embraer Partnership & Group Operations. “É profundamente decepcionante. Mas chegamos a um ponto em que a negociação contínua no âmbito do MTA não resolverá os problemas pendentes”.

A parceria planejada entre a Boeing e a Embraer recebeu aprovação incondicional de todas as autoridades reguladoras necessárias, com exceção da Comissão Europeia.

A Boeing e a Embraer manterão seu Master Teaming Agreement existente, originalmente assinado em 2012 e ampliado em 2016, para comercializar e apoiar em conjunto as aeronaves militares C-390 Millennium.


DIVULGAÇÃO: Boeing / https://www.aereo.jor.br/2020/04/25/boeing-encerra-acordo-para-estabelecer-joint-ventures-com-a-embraer/
 

*

MATRA

  • Perito
  • **
  • 434
  • Recebeu: 131 vez(es)
  • Enviou: 664 vez(es)
  • +32/-10
Re: KC-390 na FAP
« Responder #190 em: Abril 25, 2020, 04:37:00 pm »
https://newsavia.com/boeing-desiste-da-compra-de-ativos-da-embraer-abortou-negocio-bilionario

Abracos

Piu...

A Boeing está à beira da morte. Como iria comprar a parte comercial da EMB se está a pedir cerca de 60 bilhões dólares ao governo americano?

Vitor, nos EUA a Boeing é praticamente imortal, o Governo Federal irá injectar os $$ necessários para que assim seja, é uma das poucas empresas estratégicas no sentido literal da palavra.
A Boeing é uma instituição nacional americana, não é apenas aviação comercial, militar e espaço, é muito mais que isso, representa toda uma geração de inovação americana, na minha modesta opinião, é grande demais para morrer.
An appeaser is one who feeds a crocodile — hoping it will eat him last.
Sir Winston Churchill
Democracies aren’t overthrown; they’re given away
George Lucas, 2005
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 9472
  • Recebeu: 1117 vez(es)
  • Enviou: 2449 vez(es)
  • +160/-48
    • http://youtube.com/HSMW
Re: EMBRAER
« Responder #191 em: Abril 25, 2020, 04:42:49 pm »
É isso mesmo Matra. Só o sector espacial da Boeing é imenso! E completamente levado ao colinho pelo governo dos EUA.

Mais depressa morre a Embraer...
http://www.youtube.com/profile_videos?user=HSMW

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 4864
  • Recebeu: 431 vez(es)
  • Enviou: 336 vez(es)
  • +2357/-1742
Re: KC-390 na FAP
« Responder #192 em: Abril 25, 2020, 07:51:49 pm »
https://newsavia.com/boeing-desiste-da-compra-de-ativos-da-embraer-abortou-negocio-bilionario

Abracos

Não estou dizendo que a Boeing vai morrer. Sei muito bem disso tudo que você listou em relação de ser um aotrimônio nacional dos americanos.

Ocorre que, agora, em meio à crise, que é a mais grave de sua história, diga-se de passagem, a compra da parte comercial da EMB deixou de ser prioridade.

Somente isso.

Piu...

A Boeing está à beira da morte. Como iria comprar a parte comercial da EMB se está a pedir cerca de 60 bilhões dólares ao governo americano?

Vitor, nos EUA a Boeing é praticamente imortal, o Governo Federal irá injectar os $$ necessários para que assim seja, é uma das poucas empresas estratégicas no sentido literal da palavra.
A Boeing é uma instituição nacional americana, não é apenas aviação comercial, militar e espaço, é muito mais que isso, representa toda uma geração de inovação americana, na minha modesta opinião, é grande demais para morrer.

Não afirmei que a Boeing vai morrer. Até porque, sei muito bem desses fatores listados. É evidente que tal conglomerado é um patrimônio nacional dos americanos e, Washington, faria de tudo para não perde-la (assim como fizeram com a General Motors em 2008) .

O que quis afirmar é: em meio à crise, que é a maior de sua história, diga-se de passagem, a compra da parte comercial da EMB pela Boeing deixou de ser prioridade.
« Última modificação: Abril 26, 2020, 02:50:52 am por Vitor Santos »
 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 4864
  • Recebeu: 431 vez(es)
  • Enviou: 336 vez(es)
  • +2357/-1742
Re: EMBRAER
« Responder #193 em: Abril 25, 2020, 07:56:27 pm »
É isso mesmo Matra. Só o sector espacial da Boeing é imenso! E completamente levado ao colinho pelo governo dos EUA.

Mais depressa morre a Embraer...

A EMB não precisa desse acordo/compra pela Boeing para sobrevivência de sua área comercial.
« Última modificação: Abril 26, 2020, 02:46:52 am por Vitor Santos »
 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 4864
  • Recebeu: 431 vez(es)
  • Enviou: 336 vez(es)
  • +2357/-1742
Re: EMBRAER
« Responder #194 em: Abril 25, 2020, 07:58:43 pm »
Embraer afirma que Boeing rescindiu indevidamente o Acordo Global da Operação (MTA)


Citar
São José dos Campos, 25 de abril de 2020 – A Embraer acredita firmemente que a Boeing rescindiu indevidamente o Acordo Global da Operação (MTA) e fabricou falsas alegações como pretexto para tentar evitar seus compromissos de fechar a transação e pagar à Embraer o preço de compra de U$ 4,2 bilhões. A empresa acredita que a Boeing adotou um padrão sistemático de atraso e violações repetidas ao MTA, devido à falta de vontade em concluir a transação, sua condição financeira, ao 737 MAX e outros problemas comerciais e de reputação.

A Embraer acredita que está em total conformidade com suas obrigações previstas no MTA e que cumpriu todas as condições necessárias previstas até 24 de abril de 2020.

A empresa buscará todas as medidas cabíveis contra a Boeing pelos danos sofridos como resultado do cancelamento indevido e da violação do MTA.

A Embraer se mantém uma empresa bem-sucedida, eficiente, diversificada e verticalmente integrada, com histórico de sucesso no atendimento a clientes com produtos e serviços, construídos em uma base sólida de recursos industriais e de engenharia. A empresa é uma exportadora e desenvolvedora de tecnologia, com atuação global em aviação de defesa, executiva e comercial.

Nossos funcionários continuarão a oferecer com muito orgulho aos nossos clientes produtos e serviços de alta qualidade dos quais dependem da Embraer, todos os dias.

Nossa história de mais de 50 anos está alinhada com muitas vitórias, mas também com alguns momentos difíceis. Todos eles foram superados. E é exatamente isso que vamos fazer novamente. Superar esses desafios com força e determinação.

Sobre a Embraer

Empresa aeroespacial global com sede no Brasil, a Embraer completa 50 anos de atuação nos segmentos de Aviação Comercial, Aviação Executiva, Defesa & Segurança, Aviação Agrícola. A Companhia projeta, desenvolve, fabrica e comercializa aeronaves e sistemas, além de fornecer Serviços & Suporte a clientes no pós-venda.

Desde que foi fundada, em 1969, a Embraer já entregou mais de 8 mil aeronaves. Em média, a cada 10 segundos uma aeronave fabricada pela Embraer decola de algum lugar do mundo, transportando anualmente mais de 145 milhões de passageiros.

A Embraer é líder na fabricação de jatos comerciais de até 150 assentos e a principal exportadora de bens de alto valor agregado do Brasil. A empresa mantém unidades industriais, escritórios, centros de serviço e de distribuição de peças, entre outras atividades, nas Américas, África, Ásia e Europa.

DIVULGAÇÃO: Embraer - https://www.aereo.jor.br/2020/04/25/embraer-afirma-que-boeing-rescindiu-indevidamente-o-acordo-global-da-operacao-mta/