Phalanx update

  • 2 Respostas
  • 1604 Visualizações
*

Ricardo Nunes

  • Investigador
  • *****
  • 1258
  • Recebeu: 4 vez(es)
  • Enviou: 5 vez(es)
  • +1/-0
    • http://www.falcoes.net/9gs
Phalanx update
« em: Maio 17, 2005, 09:18:46 pm »
Citar
$45M for Phalanx Upgrades to U.S. Navy, Portugal
Posted 17-May-2005 05:29

Raytheon Co. in Tucson, AZ is being awarded a $45 million not-to-exceed, firm-fixed-price modification to previously awarded contract N00024-04-C-5460 for Block 1B Upgrade and Conversion performance enhancement equipment for United States and Portuguese Navy Phalanx Close-In Weapon Systems (CIWS). This contract combines purchases for the U.S. Navy (31%) and the government of Portugal (69%) under the Foreign Military Sales program.

Three upgrade and conversions for the U.S. Navy and three Phalanx MK-15 CIWS and ancillary hardware are planned in support of Portuguese requirements.

The MK-15 Phalanx CIWS ("see-whiz") 20mm rotary cannon provides a last-ditch defense against low and high flying, high speed maneuvering anti-ship missile threats that have penetrated all other ships' defenses. It is currently deployed in the U.S. fleet in over 200 ships and 20 foreign navies. The Block 1B overhauls include several improvements, including upgraded gun barrels and modifications that allow the Phalanx to be used against small, fast-moving boats in coastal areas.

Work in this contract will be performed in Louisville, KY, and is expected to be complete by December 2007. The Naval Sea Systems Command, Washington, D.C issued the contract.



 :arrow: http://www.defenseindustrydaily.com/200 ... /index.php
Ricardo Nunes
www.forum9gs.net
 

*

papatango

  • Investigador
  • *****
  • 5510
  • Recebeu: 9 vez(es)
  • +18/-0
    • http://www.areamilitar.net
(sem assunto)
« Responder #1 em: Maio 18, 2005, 07:35:14 pm »
Confirma-se a modernização "Low profile" das Vasco da Gama.

Curiosamente, não entendi bem a noticia, porque fico com a impressão de que se trata de um upgrade para os actuais Phalanx, mas esta verba, não cobre os Phalanx das fragatas OHP.
Provavelmente estaria programada, antes da decisão sobre essas duas fragatas ter sido tomada.
Resta saber, o que acontecerá com o Sea-Sparrow, e claro, com os radares.
A meu ver, são demasiadas alterações para tão pouca verba disponível.

Cumprimentos
 

*

Fábio G.

  • Investigador
  • *****
  • 1398
  • +1/-0
(sem assunto)
« Responder #2 em: Maio 20, 2005, 11:54:10 am »
DD

Citar
EUA modernizam defesa anti-míssil da classe Vasco da Gama
António Eduardo Ferreira

O Departamento de Defesa dos EUA confirmou esta semana a adjudicação de uma encomenda à Raytheon onde se inclui a modernização dos sistemas anti-míssil das três fragatas da classe Vasco da Gama da Armada portuguesa, apurou o Diário Digital.



As armas de defesa próxima (CIWS – Phalanx) já existem nos navios da Armada, e esta actualização está enquadrada na Lei de Programação Militar (LPM) desde há «pelo menos dois anos», disse fonte oficial da Marinha sublinhando que não se trata de amarmento novo. Antes, são módulos «que até poderão vir a ser instalados em Portugal».
Em declarações ao DD, a mesma fonte assegura que o novo equipamento estará operacional antes do final de 2007, e visa dotar os meios de superfície com capacidade de reposta para as designadas «ameaças assimétricas como, por exemplo, ataques suicidas com lanchas rápidas».

O contrato adjudicado pelo Pentágono vale um máximo de 44,95 milhões de dólares combinando necessidades das forças navais dos EUA (31% do pedido), e da Marinha de guerra portuguesa (69%, ou cerca de 31 milhões de dólares). Este deverá ser o custo de modernização dos três CIWS Vulcan Phalanx instalados nas três Meko (NRP Vasco da Gama, Álvares Cabral e Corte Real) fabricadas há cerca de 15 anos na Alemanha.

A actualização contratada à Raytheon prevê a instalação de três sofisticados BLOCK 1B – a mais recente solução de conversão e upgrade para os CIWS Phalanx - em unidades da US Navy, e mais três módulos Phalanx MK-15 CIWS e respectivo hardware no equipamento destinado à Armada portuguesa. A nota oficial do Departamento liderado por Donald Rumsfeld explica que a actualização deste armamento corre em 200 navios da US Navy e em barcos de 22 nações aliadas.

O catálogo da Raytheon descreve o Phalanx CIWS (Close-in Weapon System) – dependendo de estar equipado com os blocos 1B ou 1A - como uma sofisticada arma de resposta rápida contra mísseis de superfície e outras ameaças aéreas de alta ou baixa altitude.

O sistema é computorizado, dotado de um radar e sensores capazes de identificar e avaliar ameaças (em ambiente diurno ou nocturno), e dispõe de um canhão de 20mm, além de um poder de fogo cuja cadência pode ir até 4.500 spm.

20-05-2005 10:26:29