Estados Unidos vão revelar arsenal nuclear

  • 1 Respostas
  • 1592 Visualizações
*

sergio21699

  • Especialista
  • ****
  • 933
  • Recebeu: 5 vez(es)
  • +1/-0
Estados Unidos vão revelar arsenal nuclear
« em: Maio 03, 2010, 02:12:42 pm »
Estados Unidos vão revelar arsenal nuclear
03 de Maio de 2010, 11:35

É uma decisão sem precedentes na política militar dos Estados Unidos: a Casa Branca vai hoje revelar a dimensão do arsenal nuclear norte-americano – dados estatísticos que até hoje foram mantidos em segredo absoluto.


No dia em que arranca uma conferência das Nações Unidas com o objectivo de avaliar o progresso do Tratado de Não-Proliferação Nuclear, Washington quer mostrar o seu empenho na redução do seu armamento nuclear.

Por isso, no seu discurso perante as Nações Unidas, a Secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, revelará dados sobre a totalidade do armamento nuclear nos Estados Unidos - dados considerados 'confidenciais' até hoje.

O gesto tem uma forte carga simbólica: ao divulgar dados até hoje desconhecidos, a Administração do Presidente Obama quer mostrar que também os Estados Unidos estão empenhados em cumprir as metas estabelecidas pelo Tratado de Não-Proliferação.

Afinal de contas, na memória, está ainda a cimeira de 2005 onde este mesmo Tratado foi discutido: incapazes de atingir uma posição consensual, os 189 países signatários acusaram o então Presidente George W. Bush de não respeitar os compromissos assumidos pelos Estados Unidos, no que toca à redução do seu próprio arsenal nuclear.

Informação confidencial

A decisão de tornar pública a informação sobre o arsenal norte-americano não reuniu consenso dentro da Administração Obama – aliás, diz a imprensa norte-americana, que os responsáveis pela segurança levantaram fortes reservas quanto à decisão do Presidente.

Exemplo disso, é o Pentágono: durante anos, o Departamento de Defesa norte-americano quis manter secretos estes dados, receando que a informação pudesse permitir a grupos terroristas calcular a quantidade necessária de material nuclear para construir armas nucleares.

Contudo, diz o jornal New York Times, o receio é infundado: afinal de contas, tal tipo de informação já se encontra disponível na Internet, em sites especializados (e reputados) sobre armamento nuclear.

Grupos ligados ao controlo do armamento citados pelo jornal Washington Post estimam que o arsenal nuclear norte-americano contenha 9 mil armas nucleares, encontrando-se activas cerca de 5 mil. As restantes armas estão à espera para ser desmanteladas.


O Tratado de Não-Proliferação
O Tratado de Não-Proliferação Nuclear está assinado por 189 países. Entre eles, estão a China, a França, a Rússia, o Reino Unido e os Estados Unidos - os únicos países detentores de armas nucleares que aceitaram assinar o Tratado. Também a Índia, Israel e o Paquistão possuem armamento nuclear, embora nunca tenham chegado a juntar-se aos países signatários.

Também na Síria, no Irão e na Coreia do Norte se receia que esteja em fase de desenvolvimento armamento nuclear – ainda que, em todos estes países, as informações oficiais sejam escassas.


Marco Leitão Silva
http://noticias.sapo.pt/info/artigo/1062507.html
-Meu General, estamos cercados...
-Óptimo! Isso quer dizer que podemos atacar em qualquer direcção!
 

*

Jorge Pereira

  • Administrador
  • *****
  • 2213
  • Recebeu: 59 vez(es)
  • Enviou: 116 vez(es)
  • +26/-0
    • http://forumdefesa.com
Re: Estados Unidos vão revelar arsenal nuclear
« Responder #1 em: Maio 14, 2010, 11:31:11 pm »
Citar
WASHINGTON (Reuters) - Os Estados Unidos divulgaram nesta segunda-feira pela primeira vez o tamanho do seu arsenal nuclear: 5.113 ogivas operacionalmente mobilizadas, mantidas na reserva ativa ou armazenadas de forma inativa.

Segundo os dados divulgados pelo Pentágono, o arsenal nuclear do país chegou a 31.225 ogivas no ano fiscal de 1967, e desde então foi reduzido em 84 por cento.

Analistas dizem que os Estados Unidos, ao divulgarem esses dados durante a revisão de conferência do Tratado de Não-Proliferação (TNP), estão tentando enfatizar a redução do seu arsenal, de modo a convencer outros países a reforçar o regime de não proliferação nuclear.

O total revelado pelo Pentágono não inclui ogivas "aposentadas" ou destinadas ao desmanche, cerca de 4.600, segundo a ONG Federação dos Cientistas Americanos.

Washington anteriormente havia divulgado o número de ogivas estratégicas operacionalmente instaladas em 1.968 no fim de 2009, bem menos que as 10 mil de 1991. Esta é a primeira vez, no entanto, que o total geral é revelado.

O TNP tem o objetivo de impedir a disseminação de armas nucleares e encorajar a eliminação de arsenais existentes.

"É enormemente importante para os Estados Unidos conseguirem dizer: 'Olhem, estamos cumprindo nossas obrigações sob o TNP'", disse Hans Kristensen, diretor do Projeto de Informação Nuclear da Federação dos Cientistas Americanos. Só assim, segundo ele, Washington conseguirá convencer outros países a adotar novas medidas para limitar a proliferação.

Outros analistas, no entanto, acham que a divulgação da cifra pode ter efeito contrário, demonstrando que, duas décadas após o fim da Guerra Fria, os Estados Unidos ainda preservam milhares de armas nucleares.

"Acho que os Estados que estão mais preocupados com o desarmamento nuclear vão ficar mais focados no número que permanece, em vez do número (reduzido)", disse George Perkovich, diretor do Programa de Política Nuclear do Fundo Carnegie para a Paz Internacional.

Historicamente, o tamanho total do arsenal nuclear dos EUA era mantido em sigilo para impedir que adversários usassem essa informação para tentar neutralizá-lo de modo mais preciso. Para analistas, a manutenção dessa postura até agora era uma relíquia da Guerra Fria.
Um dos primeiros erros do mundo moderno é presumir, profunda e tacitamente, que as coisas passadas se tornaram impossíveis.

Gilbert Chesterton, in 'O Que Há de Errado com o Mundo'






Cumprimentos
 

 

Paquistão testou míssil balístico com capacidade nuclear

Iniciado por Tiger22

Respostas: 3
Visualizações: 2331
Última mensagem Junho 05, 2004, 12:07:33 pm
por Fábio G.
França pode usar armamento nuclear na defesa da UE

Iniciado por Ricardo Nunes

Respostas: 5
Visualizações: 2377
Última mensagem Julho 07, 2004, 03:58:26 pm
por dremanu
Teerão e Pyongyang prosseguem com programa nuclear

Iniciado por Fábio G.

Respostas: 0
Visualizações: 1162
Última mensagem Agosto 08, 2004, 08:53:47 pm
por Fábio G.
Cruzador nuclear russo em dificuldades

Iniciado por Normando

Respostas: 11
Visualizações: 4484
Última mensagem Maio 05, 2004, 09:17:29 pm
por Normando
Exercício Nuclear Russo

Iniciado por Ricardo Nunes

Respostas: 3
Visualizações: 2019
Última mensagem Fevereiro 05, 2004, 09:55:13 pm
por Ricardo Nunes