Marinha de Guerra Hoje...Marinha de Guerra Amanha

  • 35 Respostas
  • 14003 Visualizações
*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 8972
  • Recebeu: 766 vez(es)
  • Enviou: 1266 vez(es)
  • +693/-641
(sem assunto)
« Responder #30 em: Março 01, 2008, 02:24:35 pm »
Citação de: "luis filipe silva"
Raul Neto escreveu:
Citar
Sim, à razão de 1 héli por navio, não faz de facto sentido a aquisição de mais unidades. Se bem percebi pretende-se ter 3 navios a navegar e 2 "parados", assim como os respectivos hélis.
Não necessáriamente. Neste momento estão as três a navegar.


então, bate certo, tb tens 2 paradas :wink:
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

SSK

  • Investigador
  • *****
  • 1523
  • Recebeu: 13 vez(es)
  • +2/-0
(sem assunto)
« Responder #31 em: Março 01, 2008, 02:24:54 pm »
O objectivo, pelo menos o falado nos meandros, é o ciclo operacional/manutenção passar a ser de 5anos em detrimento dos actuais 3anos. O que parece ser estranho, a não ser que o dinheiro, ou a falta dele seja a justificação.

O que acontece agora é que uma delas está no início do ciclo e outra está no final do mesmo. Ou seja, à sempre um pequeno período de sobreposição.
"Ele é invisível, livre de movimentos, de construção simples e barato. poderoso elemento de defesa, perigosíssimo para o adversário e seguro para quem dele se servir"
1º Ten Fontes Pereira de Melo
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 8972
  • Recebeu: 766 vez(es)
  • Enviou: 1266 vez(es)
  • +693/-641
(sem assunto)
« Responder #32 em: Março 01, 2008, 02:26:27 pm »
passava-se o mesmo com os submarinos, certo SSK? Existia um curto periodo de tempo em que estavam os 3 operacionais...
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

Pedro Monteiro

  • Analista
  • ***
  • 875
  • Recebeu: 117 vez(es)
  • Enviou: 13 vez(es)
  • +13/-14
    • http://www.pedro-monteiro.com
(sem assunto)
« Responder #33 em: Março 01, 2008, 06:47:29 pm »
Citação de: "Raul Neto"
Sim, à razão de 1 héli por navio, não faz de facto sentido  a aquisição de mais unidades. Se bem percebi pretende-se ter 3 navios a navegar e 2 "parados", assim como os respectivos hélis.

Poderia eventualmente ser útil a aquisição de mais uma(s)  aeronave(s) se se pretendesse ter uma melhor capacidade de treino.

Não, o que está planeado é ter três destacamentos para embarque. Hoje, existem dois destacamentos para embarque. O que significa isso? Que com três fragatas, em média estão duas equipas de um helicóptero cada disponíveis para embarcar. Com cinco fragatas, estarão três. Nalguns períodos, haverá navios a navegar sem helicópteros embarcados, noutros dois navios estarão no porto ou em manutenção e, de facto, poderão estar três navios a navegar com três destacamentos.

Do ponto de vista da formação, a esquadrilha já está a estudar uma solução, bastante interessante.  :)

Cumprimentos,
Pedro Monteiro
 

*

Raul Neto

  • Membro
  • *
  • 259
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • Enviou: 2 vez(es)
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #34 em: Março 01, 2008, 07:19:55 pm »
Eu torno a escrever "pretende-se ter  3 navios a navegar e 2 "parados", assim como os respectivos hélis."

Pretender não significa necessáriamente ter Pedro, significa que para 3 navios a navegar a Marinha poderá contar com outras tantas aeronaves, eu compreendo que tenha interpretado de outra forma, mas o sentido da minha frase não foi efectivamente esse.

"Parados" significa que poderão existir os tais períodos de sobreposição que já aqui foram (e bem) mencionados.

Tanto eu como o Pedro sabemos bem que o facto de uma VdG estar a navegar não significa necessáriamente que embarque o(s) seu(s) meios aéreo(s).


Quanto ao artigo da Vega aguardo com todo o interesse a sua publicação :wink:
 

*

SSK

  • Investigador
  • *****
  • 1523
  • Recebeu: 13 vez(es)
  • +2/-0
(sem assunto)
« Responder #35 em: Março 01, 2008, 08:17:40 pm »
Citação de: "P44"
passava-se o mesmo com os submarinos, certo SSK? Existia um curto periodo de tempo em que estavam os 3 operacionais...


Exactamente!!! Raramente, ou melhor, por vezes dava-se essa coincidência.
"Ele é invisível, livre de movimentos, de construção simples e barato. poderoso elemento de defesa, perigosíssimo para o adversário e seguro para quem dele se servir"
1º Ten Fontes Pereira de Melo
 

 

Passos quer Marinha com nova "abertura ao mar"

Iniciado por zawevo

Respostas: 4
Visualizações: 4014
Última mensagem Maio 15, 2012, 09:42:43 am
por P44
Marinha entrega pela primeira vez comando de navio a mulher

Iniciado por Marauder

Respostas: 38
Visualizações: 12814
Última mensagem Maio 18, 2006, 09:03:15 am
por Pedro Monteiro
Fragatas e Corvetas Portuguesas a vela da Marinha 1815/1860

Iniciado por mkorobok

Respostas: 9
Visualizações: 4172
Última mensagem Julho 12, 2011, 12:13:30 pm
por mkorobok
Lanchas de Fiscalização Costeira na Guerra do Ultramar

Iniciado por tenente

Respostas: 11
Visualizações: 6793
Última mensagem Julho 24, 2018, 03:21:06 pm
por NVF
Fará sentido comprar mais EH-101 para a marinha?

Iniciado por papatango

Respostas: 28
Visualizações: 10894
Última mensagem Setembro 12, 2005, 05:04:26 pm
por Rui Elias