Portugal - Um país em férias?

  • 0 Respostas
  • 1045 Visualizações
*

Rui Elias

  • Investigador
  • *****
  • 1696
  • +1/-0
Portugal - Um país em férias?
« em: Agosto 17, 2005, 02:57:21 pm »
Ontem gostei do 1º comentário de Miguel Sousa Tavares na TVI.

Referiu o comentador que as populações perante os incêndios deste verão parecem estar mais uma vez entregues a si próprias, tal como os bombeiros e forças do Exército, no terreno.

Enquanto isso, o Primeiro-Ministro acha que não é razão para interromper as suas prolongadas férias em África, nem razão para o Presidente reunir o Conselho de Estado para discutir a situação.

E isso pelo mesmo motivo:

Férias.

Mas que as interrompeu para uma inusitada condecoração com a Ordem da Liberdade aos 4 membros da banda pop U-2 que estiveram este fim-de-semana em Portugal para um concerto.

Um país em férias, durante a tristemente silly-season de Agosto.

Uma silly-season que nos apresenta um incêndio incontrolável há 5 dias na Pampilhosa, e outros gravíssimos mais a norte, combatidos por bombeiros exaustos, com falta de coordenação, sem meios próprios de combate aéreo.

Neste caso, ao contrário de outros países com climas e manchas florestais semelhantes a Portugal, vêem-se aviões dos estados, cá vêem-se helis de pequeno e médio porte alugados, com baldes até 3.000 litros de água e alguns Canadair e Dromadair, enquanto ainda recentemente tivemos oportunidade de ver o combate que na Grécia se fez a propósito do fogo que esse seguiu à queda do avião cipriota.

Li viram-se 2 Canadair’s, propriedade do Estado helénico e um heli Air-Crane, com capacidade de 9.000 litros de água.

Na Itália foram recentemente comprados 5 helis desses, helis que também são espólio estatal de países como o Canadá, EUA, Austrália, México ou Colômbia.

Mas por cá, curiosamente e perante um país que tem um terço da área ardida do sul da Europa, parece que não precisamos disso para nada.

Ainda recentemente, uma delegação portuguesa que deslocou a França para assistir a uma demonstração desse Air-Crane achou que consomem demasiado combustível, pelo que não são aptos para Portugal.

Espanto!

Em Portugal adecuam-se os meios aéreos alugados de acordo com a velocidade de incêndios que lavram 5 ou mais dias, ardem casas e morrem pessoas, como se as lições trágicas do verão de 2003 para nada tivessem servido.

Fala-se agora da possibilidade dos PUMA da FAP que irão ser brevemente substituídos, poderem passar para o SNBPC.

Na Grécia, os mais de 10 Canadair do Estado são rentabilizados os meses de Inverno para patrulhamento e vigilância marítima.

Cá, os chorudos contratos de aluguer dão a ganhar às empresas e aos lobbies que têm sabido impedir que Portugal se dote de meios próprios para combate aos fogos.

E o pior:

Uma péssima ordenação do território, responsabilidade das Câmaras Municipais que autorizam construções isoladas no meio de manchas florestais pouco adecuadas.

Assim vai Portugal, no seu pior.
________________

by Mulah Omar (eu) in:
www.carvalhadas-on-ine.blogspot.com
 

 

Portugal "sem fronteiras"

Iniciado por TOMKAT

Respostas: 6
Visualizações: 3924
Última mensagem Maio 10, 2006, 10:15:52 pm
por superbuzzmetal
"Erasmus militar" Portugal/Espanha

Iniciado por Lancero

Respostas: 8
Visualizações: 5321
Última mensagem Julho 22, 2009, 10:29:57 pm
por dannymu
Mísseis de Cruzeiro para a Espanha:Implicações para Portugal

Iniciado por Tiger22

Respostas: 135
Visualizações: 31312
Última mensagem Setembro 10, 2005, 12:17:42 am
por NotePad
Mirage 2000 para Marroccos!!! implicações para Portugal!!!

Iniciado por Miguel

Respostas: 25
Visualizações: 8628
Última mensagem Fevereiro 03, 2005, 08:27:23 pm
por capelo
Portugal vai ter meios modernos para combate a catástrofes

Iniciado por Fábio G.

Respostas: 3
Visualizações: 2336
Última mensagem Agosto 03, 2004, 03:35:58 pm
por emarques