Governo de José Sócrates

  • 14 Respostas
  • 3471 Visualizações
*

Ricardo Nunes

  • Investigador
  • *****
  • 1262
  • Recebeu: 4 vez(es)
  • Enviou: 5 vez(es)
  • +1/-0
    • http://www.falcoes.net/9gs
Governo de José Sócrates
« em: Março 04, 2005, 08:58:23 pm »
Citar
Governo: Sócrates terá oito ministros independentes e duas mulheres
 
Lisboa, 04 Mar (Lusa) - O XVII Governo Constitucional, liderado por José Sócrates, terá oito ministros independentes, em 16, e apenas duas mulheres, Isabel Pires de Lima, na pasta da Cultura, e Maria Lurdes Rodrigues, na Educação.

Os ministros sem filiação no PS são o ex-líder do CDS Diogo Freitas do Amaral (Estado e Negócios Estrangeiros), Luís Campos e Cunha (Estado e das Finanças), Francisco Nunes Correia (Ambiente, Ordenamento do Território e Desenvolvimento Regional), Manuel Pinho (Economia e Inovação), Jaime Silva (Agricultura, Desenvolvimento Rural e Pescas), Mariano Gago (Ciência e Tecnologia e Ensino Superior), Maria Lurdes Rodrigues (Educação) e Isabel Pires de Lima (Cultura).

Dos 16 membros do XVII Governo Constitucional, cinco foram ministros dos executivos de António Guterres: António Costa (Estado e Administração Interna), Alberto Costa (Justiça), Correia de Campos (Saúde), Mariano Gago e Augusto Santos Silva (Assuntos Parlamentares).

Vieira da Silva (Trabalho e Solidariedade Social), Luís Amado (Defesa Nacional) e Pedro Silva Pereira (Presidência) foram secretários de Estado nos governos de António Guterres.

O actual executivo tem menos três ministros do que o anterior e, segundo o comunicado do PS, será o executivo mais pequeno desde 1991, o segundo de maioria absoluta liderado por Cavaco Silva.

PMF/SMA Lusa/Fim
Ricardo Nunes
www.forum9gs.net
 

*

Ricardo Nunes

  • Investigador
  • *****
  • 1262
  • Recebeu: 4 vez(es)
  • Enviou: 5 vez(es)
  • +1/-0
    • http://www.falcoes.net/9gs
(sem assunto)
« Responder #1 em: Março 04, 2005, 09:00:09 pm »
A lista completa:

Primeiro-Ministro
José Sócrates

Ministro de Estado e da Administração Interna
António Costa

Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros
Diogo Freitas do Amaral

Ministro de Estado e das Finanças
Luís Campos e Cunha

Ministro da Presidência
Pedro Silva Pereira

Ministro da Defesa Nacional
Luís Amado

Ministro da Justiça
Alberto Costa

Ministro do Ambiente, do Ordenamento do Território e do Desenvolvimento Regional
Francisco Nunes Correia

Ministro da Economia e da Inovação
Manuel Pinho

Ministro da Agricultura, do Desenvolvimento Rural e das Pescas
Jaime Silva

Ministro das Obras Públicas, Transportes e Comunicações
Mário Lino

Ministro do Trabalho e da Solidariedade Social
José António Vieira da Silva

Ministro da Saúde
António Correia de Campos

Ministra da Educação
Maria de Lurdes Rodrigues

Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior
Mariano Gago

Ministra da Cultura
Isabel Pires de Lima

Ministro dos Assuntos Parlamentares
Augusto Santos Silva

Secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros
Jorge Lacão
Ricardo Nunes
www.forum9gs.net
 

*

papatango

  • Investigador
  • *****
  • 5512
  • Recebeu: 9 vez(es)
  • +18/-0
    • http://www.areamilitar.net
(sem assunto)
« Responder #2 em: Março 04, 2005, 10:24:57 pm »
Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior
Mariano Gago

Já temos clientes para os Falcon da Força Aérea.

Nunca pensei que voltassem a colocar este cromo em algum posto governamental.  :shock:

Cumprimentos
 

*

fgomes

  • Perito
  • **
  • 476
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #3 em: Março 05, 2005, 12:04:05 am »
Com o prof. Freitas do Amaral a vertente Atlântica da nossa política externa vai levar um rombo. Em que medida é que um federalista convicto vai defender o interesse nacional na UE é o que vamos ver...

Quanto ao ministro amante dos Falcon, vejamos a coisa numa perspectiva positiva. Os aviões serão substiuídos por outros novos, com as correspondentes contrapartidas para a nossa indústria e o ministro Gago poderá viajar neles à vontade, com a consciência de ter contribuido para o nosso desenvolvimento tecnológico...
 

*

Jorge Pereira

  • Administrador
  • *****
  • 2198
  • Recebeu: 58 vez(es)
  • Enviou: 116 vez(es)
  • +16/-0
    • http://forumdefesa.com
Esperemos para ver...
« Responder #4 em: Março 05, 2005, 01:19:58 pm »
Não gosto de fazer juízos de valor antes das pessoas demonstrarem o que são ou não capazes de fazer à frente dos respectivos cargos, mas há 2 pontos que me preocupam:

O Prof. Freitas do Amaral destacou-se nos últimos tempos por atacar de uma forma radical os Estados Unidos e a NATO. Será o nosso Ministro dos Negócios Estrangeiros…
Espero que a responsabilidade do cargo o faça reflectir e que não ponha em causa uma questão transcendental para Portugal como é a relação transatlântica. Esperemos para ver…

O Indigitado Ministro da Defesa como aqui já foi referido parece-me uma figura com pouco peso politico. Terá sido uma escolha propositada para começar a “cortar” na Defesa? O próximo mais que provável orçamento rectificativo será uma espécie de amostra daquilo que o Ministério da Defesa Nacional pode esperar. Se assistirmos a uma diminuição do dito orçamento, então já saberemos com o que podemos contar. Esperemos para ver…

Por outro lado vai ser também interessante ver a posição do Presidente da República que sempre considerou a defesa como uma das áreas prioritária no programa dos anteriores governos, aliás, foi uma das quatro áreas em que o presidente disse que não iria permitir “desvios” aquando da tomada de posse do Governo do Dr. Santana Lopes. Esperemos para ver…
Um dos primeiros erros do mundo moderno é presumir, profunda e tacitamente, que as coisas passadas se tornaram impossíveis.

Gilbert Chesterton, in 'O Que Há de Errado com o Mundo'






Cumprimentos
 

*

Spectral

  • Investigador
  • *****
  • 1439
  • +2/-0
(sem assunto)
« Responder #5 em: Março 05, 2005, 02:36:27 pm »
Citação de: "pt"
Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior
Mariano Gago

Já temos clientes para os Falcon da Força Aérea.

Nunca pensei que voltassem a colocar este cromo em algum posto governamental.  

Cumprimentos


Talvez o "cromo" seja a pessoa que mais contribuiu para a política de ciência nacional nos últimos 20 anos.

Talvez o "cromo" seja preciso, depois da VERGONHA que foi o tratamento dado pelo  governo Durão Barroso/Santana Lopes à área científica, com exemplo máximo que foi o ESCÂNDALO que foi a falta de pagamento a diversas organizações internacionais, situação que até à data ainda NÃO está totalmente resolvida. ( e  fala-se tanto por aqui de "respeito" e "prestígio" internacional...)

E talvez o "cromo" não seja o único "cliente" dos Falcons. Mas como sempre neste fórum, a memória é curta ( ou então neste caso é longa, e a amnésia ataca quanto a acontecimentos mais recentes), especialmente se a cor política dos visados não estiver na coligação que recebeu 78% dos votos numa certa "sondagem"...
I hope that you accept Nature as It is - absurd.

R.P. Feynman
 

*

JLRC

  • Investigador
  • *****
  • 2509
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +4/-42
(sem assunto)
« Responder #6 em: Março 05, 2005, 02:48:53 pm »
Citação de: "Spectral"
Citação de: "pt"
Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior
Mariano Gago

Já temos clientes para os Falcon da Força Aérea.

Nunca pensei que voltassem a colocar este cromo em algum posto governamental.  

Cumprimentos

Talvez o "cromo" seja a pessoa que mais contibuiu para a política de ciência nacional nos últimos 20 anos.

Talvez o "cromo" seja preciso, depois da VERGONHA que foi o tratamento dado pelo  governo Durão Barroso/Santana Lopes à área científica, com exemplo máximo que foi o ESCÂNDALO que foi a falta de pagamento a diversas organizações internacionais, situação que até à data ainda NÃO está totalmente resolvida. ( e  fala-se tanto por aqui de "respeito" e "prestígio" internacional...)

E talvez o "cromo" não seja o único "cliente" dos Falcons. Mas como sempre neste fórum, a memória é curta ( ou então neste caso é longa, e a amnésia ataca quanto a acontecimentos mais recentes), especialmente se a cor política dos visados não estiver na coligação que recebeu 78% dos votos numa certa "sondagem"...


Ao menos este "cromo" não alugou um avião para ir passear e à praia para S. Tomé, a coberto de uma deslocação oficial. Mas é como disse Spectral, certa gente é como os burros, têm uma pala na vista e só vêem numa direcção. Haja paciência... :twisted:
Sabe qual é o nome que o povo, na minha terra, dá a estas atitudes? Dor de corno!!!
 

*

papatango

  • Investigador
  • *****
  • 5512
  • Recebeu: 9 vez(es)
  • +18/-0
    • http://www.areamilitar.net
(sem assunto)
« Responder #7 em: Março 05, 2005, 03:29:48 pm »
Citar
Talvez o "cromo" seja a pessoa que mais contibuiu para a política de ciência nacional nos últimos 20 anos.

E talvêz não.

Pois a realidade é a que é e dessa ninguém escapa.
A "paixão" pela educação foi o que se viu. Não passou de uma paixão traída.
O choque técnológico que hoje temos exprime-se na maior taxa de utilização de telemóveis, e na menor taxa de utilização de Internet de entre os paises da união europeia.

A qualidade dos nossos "formados" pelas universidades, continuou a piorar durante os governos Guterres. A prova disto, são as provas internacionais.

E não me venham dizer que é tudo culpa do Durão Barroso, que tem as suas culpas, como é óbvio, mas que governou durante muito pouco tempo, para poder arcar com as todas as consequências e responsabilidades.

Citar
E talvez o "cromo" não seja o único "cliente" dos Falcons. Mas como sempre neste fórum, a memória é curta ( ou então neste caso é longa, e a amnésia ataca quanto a acontecimentos mais recentes)


O problema da memória curta não é do fórum, é um problema nacional. Este senhor, que agora volta ao governo do país, foi de férias e teve um Falcon á disposição da familia durante uma semana. O Escândalo Mariano Gago, ficou por esclarecer, junto da comunicação social. Ao contrario do recente escandalo de São Tomé, que até deve ter sido comentado nos folhetos que distribuem ao Domingo nas igrejas.

De facto, temos um problema de memória curta.
Por isso, José Sócrates coloca Mariano Gago, no mesmo lugar. Porque acha que toda a gente já esqueceu os tiques de Novo-Rico do Sr. Ex Ex-ministro, que aliás, todos nós pagámos, com o dinheiro do nosso bolso.

Código: [Seleccione]
Mas é como disse Spectral, certa gente é como os burros, têm uma pala na vista e só vêem numa direcção. Haja paciência.
Bom, se o "certa gente", e se a dor de corno é para mim, os meus agradecimentos, pelo comentário.

Já fui criticado por ser extremista de esquerda, por ser contra a guerra, na Guiné e chamar Salazar de bandido e traidor, em determinadas circunstancias, portanto também não tenho problemas com as criticas vindas do outro extremo.

São felizmente - para mim, claro - a confirmação de que sou independente nos comentários. É por isso, que faço criticas. Mas ao contrario dos independentes que encolhem os braços, eu sou um tipo de independente chato, que fala, em vez de encolher os braços e ficar calado.

= = = = =
Sinceramente, não entendo porque é que uma pesquisa entre os membros de um fórum, na internet, onde 85% dos participantes não votou (entre os quais eu me incluo) é assim tão complicado.

Se este fórum fosse siginificativo ou representativo do todo nacional, nem precisavamos de eleições. O STAPE vinha aqui, fazia uma pesquisa e depois decidia quem ganhava.

Lembro que as eleições são uma pesquisa a nível nacional que determina num determinado dia, qual o sentido de voto das pessoas. No dia seguinte, toda a gente volta a ser independente, porque só as pessoas que estão filiadas nos partidos politicos não o são.

Será que é assim tão dificil de entender isso, em vez de continuar a fazer criticas pessoais, a acusar este ou aquele de ser de direita, maluco, ou de ter dor de corno?

Será que é possível evitar a "fulanização" das questões?
Acho que todos ganharíamos com isso.

Quanto às minhas posições, elas são as que são. Eu não vou mudar de ideias apenas porque alguém aparece num fórum a dizer que "Certa gente não tem memória, ou Certa gente é burra, ou Certa gente tem dor-de-corno"

As opiniões politicas são isso mesmo. opiniões politicas.
Eu acho que o Sr. Gago, não deveria estar no governo e tenho o direito de achar isto. Exactamente da mesma maneira que o JLRC tem o direito de achar que o ministro que carrega nos RRR, não me lembro agora do nome, também andou a fazer turismo à custa do patrimonio do Estado.

É um direito que lhe assiste, da mesma maneira que me assiste a mim o mesmisímo direito.

A isto chama-se liberdade.  Será que a liberdade é assim tão dificil de aceitar, caramba.

Cumprimentos
 

*

Spectral

  • Investigador
  • *****
  • 1439
  • +2/-0
(sem assunto)
« Responder #8 em: Março 05, 2005, 04:52:31 pm »
Citar
Pois a realidade é a que é e dessa ninguém escapa.
A "paixão" pela educação foi o que se viu. Não passou de uma paixão traída.
O choque técnológico que hoje temos exprime-se na maior taxa de utilização de telemóveis, e na menor taxa de utilização de Internet de entre os paises da união europeia.

A qualidade dos nossos "formados" pelas universidades, continuou a piorar durante os governos Guterres. A prova disto, são as provas internacionais.

Não se desvie do que eu disse. Se não sabe do que eu estou a falar, então é melhor não comentar em vez começar a desviar o assunto para territórios mais favoráveis...

Citar
E não me venham dizer que é tudo culpa do Durão Barroso, que tem as suas culpas, como é óbvio, mas que governou durante muito pouco tempo, para poder arcar com as todas as consequências e responsabilidades.

Releia o que eu disse, e aí verá a crítica que eu fiz NESTE caso, aos governos PSD/CDS-PP. Há muito mais a criticar, mas eu não referi mais nada.

Citar
O problema da memória curta não é do fórum, é um problema nacional. Este senhor, que agora volta ao governo do país, foi de férias e teve um Falcon á disposição da familia durante uma semana. O Escândalo Mariano Gago, ficou por esclarecer, junto da comunicação social. Ao contrario do recente escandalo de São Tomé, que até deve ter sido comentado nos folhetos que distribuem ao Domingo nas igrejas.

Eu também me lembro do que se disse na altura . Mas ficou alguma coisa provada ? O António Vitorino também foi crucificado na praça pública, e afinal mais tarde foi declarado inocente em sede própria, só para dar um exemplo ( como podia ter dado de outro partido qualquer).

Citar
Sinceramente, não entendo porque é que uma pesquisa entre os membros de um fórum, na internet, onde 85% dos participantes não votou (entre os quais eu me incluo) é assim tão complicado.

Complicado ? Ora, mais uma vez nunca disse eu tal coisa. Apenas estava a referir que a cor dos políticos  a quem se faz a crítica aparentemente interessa muito neste fórum, e há certas cores que pelos vistos interessam que outras. Podia perfeitamente ter dito " dos partidos que juntos obtiveram 30% dos votos" ( não me lembro agora do valor exacto).

Citar
Se este fórum fosse siginificativo ou representativo do todo nacional, nem precisavamos de eleições. O STAPE vinha aqui, fazia uma pesquisa e depois decidia quem ganhava.

Lembro que as eleições são uma pesquisa a nível nacional que determina num determinado dia, qual o sentido de voto das pessoas. No dia seguinte, toda a gente volta a ser independente, porque só as pessoas que estão filiadas nos partidos politicos não o são.

É mais que óbvio.



Citar
As opiniões politicas são isso mesmo. opiniões politicas.
Eu acho que o Sr. Gago, não deveria estar no governo e tenho o direito de achar isto. Exactamente da mesma maneira que o JLRC tem o direito de achar que o ministro que carrega nos RRR, não me lembro agora do nome, também andou a fazer turismo à custa do patrimonio do Estado.

É mais que óbvio. Alguém pôs isso em causa ?

Citar
A isto chama-se liberdade. Será que a liberdade é assim tão dificil de aceitar, caramba.


Mas quem é que está a tirar-lhe a liberdade ? Ou será que as suas posições são tão insustentáveis que é assim que reage quando é contrariado ?
I hope that you accept Nature as It is - absurd.

R.P. Feynman
 

*

papatango

  • Investigador
  • *****
  • 5512
  • Recebeu: 9 vez(es)
  • +18/-0
    • http://www.areamilitar.net
(sem assunto)
« Responder #9 em: Março 05, 2005, 06:02:58 pm »
Caro Spectral, há uma diferença muito grande entre emitir uma opinião sobre um facto político, como o é a nomeação de uma pessoa para o governo, e comentar o comentário.

Eu, no uso do meu direito de falar, fiz os meus comentários, relativamente ao futuro ministro.

A título de resposta, a minha expressão foi comentada, quer por si, quer pelo JLRC. Eu, raramente faço esse tipo de comentários de comentários, e quando o faço, é sempre em segunda-mão.

Eu não tenho absolutamente nada contra as opiniões de ninguém, mas quando você colocou comentários, você não colocou comentários sobre a acção de um governo ou sobre uma nomeação, você fê-lo, relativamente aos comentários que eu produzi. Você não comentou nada do que um governante fez ou deixou de fazer, você comentou o que eu disse.

Como resultado, e como comentários aos seus comentários, temos expressões do tipo “Mas é como disse Spectral, certa gente é como os burros, têm uma pala na vista e só vêem numa direcção”.

Eu peço desculpa, Spectral, mas eu reajo assim, perante este tipo de expressões. Eu não reajo quando me contrariam, só reajo quando me chamam de “burro com palas nos olhos”. E num comentário a um comentário meu, não há outra forma de interpretar a expressão “burro com palas nos olhos”.

Poucas pessoas neste fórum, terão tanta facilidade em aceitar as ideias dos outros, mas ao mesmo tempo que aceito, isso não quer dizer que concorde com elas. Eu respeito todas as pessoas, mas discordo das ideias. Eu posso achar que você ou o JLRC estão errados, mas nunca vou dizer que você é um burro com palas nos olhos.

Por uma questão de formação, eu sou um indivíduo frontal. Não falo por interposta pessoa. Não falo de “Uns” de “Outros” de “Certa gente”. Na minha terra, habituaram-me a falar na cara das pessoas e a dizer o que penso. Mas franqueza, muitas vezes é mal entendida. Eventualmente, e sublinho o eventualmente, você preferia que eu falasse por metáforas e com segundas intenções, porque seria mais fino, mas peço desculpa, não sei falar assim. E, correndo o risco de ser mal entendido, não tenciono deixar de ser franco e frontal quando expresso uma opinião, e de reagir, quando for caso disso.

Na minha terra também se diz que “Quem não se sente não é filho de boa gente” e eu, modéstia aparte, acho que sou filho de muito boa gente.

=
De minha parte considero portanto a questão sobre o ministro Mariano Gago, encerrada.
=

Os meus cumprimentos
 

*

Spectral

  • Investigador
  • *****
  • 1439
  • +2/-0
(sem assunto)
« Responder #10 em: Março 05, 2005, 11:50:27 pm »
Citar
Caro Spectral, há uma diferença muito grande entre emitir uma opinião sobre um facto político, como o é a nomeação de uma pessoa para o governo, e comentar o comentário.

Eu, no uso do meu direito de falar, fiz os meus comentários, relativamente ao futuro ministro.

A título de resposta, a minha expressão foi comentada, quer por si, quer pelo JLRC. Eu, raramente faço esse tipo de comentários de comentários, e quando o faço, é sempre em segunda-mão.

Eu não tenho absolutamente nada contra as opiniões de ninguém, mas quando você colocou comentários, você não colocou comentários sobre a acção de um governo ou sobre uma nomeação, você fê-lo, relativamente aos comentários que eu produzi. Você não comentou nada do que um governante fez ou deixou de fazer, você comentou o que eu disse.


Desculpe pt, mas estamos num forum público e eu ou qualquer outro tenho toda a legitimidade para comentar qualquer comentário que alguém aqui ponha. Caso contrário, isto não seria um fórum mas algo parecido com um blog, em que cada um vinha colocar as suas ideias e não havia a mínima troca de ideias ou posições. Seria um fórum de surdos.





*********

Da minha parte a discussão também está encerrada


Cumptos
I hope that you accept Nature as It is - absurd.

R.P. Feynman
 

*

psychocandy

  • Membro
  • *
  • 109
  • +1/-0
(sem assunto)
« Responder #11 em: Março 06, 2005, 05:14:25 am »
Eu acho que as opiniões tendem a ser formadas por um estilo de vida.

Quando ainda nao se pode contribuir com o voto pelo país, persupõe-se que ainda nao se tem maturidade suficiente para o fazer. Nao e' que na verdade isso aconteça, mas de facto a lei assim o diz, e a lei e' a lei.

O que eh certo eh que na minha juventude (a verdadeira mesmo, nao a actual) eu tinha esta e outra opiniao sobre tudo, parecia-me que era facil fazer e resolver "açoitando" X ou Y. Agora.. quando eu comecei a trabalhar a descontar para tudo e mais alguma coisa e a ver o que realmente acontece...
Aí sim, comecei a ver as coisas como elas sao!
Ate la' eh tudo tao bonito e facil......................
Sinceramente, por mais que se leia muito e esteja atento as noticias, nada como estar realmente "dentro" do esquema para se perceber o quao dificil eh avaliar um governo.

Sobretudo quando se fala de um PS que no governo em que desistiu nao tinha sequer a maioria para fazer aprovar/passar nada. Era tudo chumbadissimo.
Eu acho de maior honra desisitir por nao haver condiçoes e por sua vez submeter-se a eleiçoes, do que forçar a "barra" num governo liderado por alguem que nao foi escolhido pelo povo em substituiçao de quem nao teve coragem de assumir o fracasso, assumindo um cargo confortavel na EU.

Eu nao sou de direita, nem de esquerda, neste país onde fui educado, e' me a mim (neste momento) praticamente impossivel saber qual dos lados eh viavel, tais sao as injustiças sociais com o qual nos defrontamos. Daí manter-me apenas como um critico atento ao que se passa.

Aposto que o Spectral como estudante universitario deve saber bem o que o ministro X fez ou nao pelas tecnologias.
Criticar pelo que se ouve dizer eh facil, tao facil que facilmente caimos em engano.
"The nation which forgets its defenders will be itself forgotten."
 

*

komet

  • Investigador
  • *****
  • 1664
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +0/-1
(sem assunto)
« Responder #12 em: Maio 18, 2005, 06:40:59 pm »
Sempre é verdade que teremos um défice orçamental de 7% e que o excelentíssimo senhor "Anti-Obcecados pelo défice" vai cortar na despesa ,aumentar mais os impostos e acabar de vez com as scut?
"History is always written by who wins the war..."
 

*

Maginot

  • 76
  • Recebeu: 3 vez(es)
  • +0/-0
    • http://www.emfa.pt/
(sem assunto)
« Responder #13 em: Maio 31, 2005, 03:23:20 pm »
Será que se vão evitar as receitas extraordinárias de Dezembro?
EX MERO MOTU
 

*

alfsapt

  • Membro
  • *
  • 250
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #14 em: Maio 31, 2005, 06:31:21 pm »
Citação de: "Maginot"
Será que se vão evitar as receitas extraordinárias de Dezembro?


É por demais evidente que vão a tudo o que puderem. Nem sabem para onde se virar.
"Se serviste a patria e ela te foi ingrata, tu fizestes o que devias, ela o que costuma."
Padre Antonio Vieira
 

 

Governo gasta 10,1 M€ em meios aéreos para 2006 e 2007

Iniciado por Marauder

Respostas: 5
Visualizações: 1979
Última mensagem Março 22, 2006, 08:54:45 pm
por p_shadow
Governo fixa em 23.636 o limite máximo de militares em 2004

Iniciado por Tiger22

Respostas: 2
Visualizações: 1522
Última mensagem Abril 15, 2004, 07:46:21 pm
por TazMonster
Governo Orienta para Reservas Alimentares de Emergência

Iniciado por ttoliveira

Respostas: 11
Visualizações: 3101
Última mensagem Setembro 24, 2010, 11:24:10 pm
por Luso
Governo cria gabinete de gestão de crises

Iniciado por Fábio G.

Respostas: 1
Visualizações: 1530
Última mensagem Maio 27, 2004, 05:47:44 pm
por FinkenHeinle
Governo dá 5M€ para pagamento de pensões a ex-prisioneiros

Iniciado por Fábio G.

Respostas: 4
Visualizações: 2729
Última mensagem Junho 11, 2008, 09:41:34 am
por legionario