Evitado atentado em Portugal?

  • 42 Respostas
  • 8270 Visualizações
*

Ricardo Nunes

  • Investigador
  • *****
  • 1257
  • Recebeu: 4 vez(es)
  • Enviou: 5 vez(es)
  • +2/-0
    • http://www.falcoes.net/9gs
Evitado atentado em Portugal?
« em: Novembro 15, 2004, 02:22:14 pm »
Citar
Euro 2004: grupo terrorista planeou atentado no Porto
15-11-2004 09:30  

Jantar de Durão com figuras internacionais seria alvo de radicais islâmicos. Antigo director da PJ decidiu agir de imediato, alertou o então primeiro-ministro e montou operação de segurança

Durão Barroso e outras figuras internacionais que participaram num jantar no Palácio do Freixo seriam o alvo de um atentado preparado por um grupo de 18 muçulmanos que se encontravam instalados numa pensão do Porto, em Junho, nas vésperas de abertura do Euro 2004.

Esta foi, pelo menos, a convicção do ex-director nacional da PJ, Adelino Salvado, que contactou pessoalmente o primeiro-ministro português impedindo-o de sair do hotel, onde se montou de imediato uma operação especial de segurança, revela o Diário de Notícias.

De acordo com o jonral, a PJ e os SIS dispunham de um conjunto de informações fornecidas pela secreta holandesa sobre três elementos do grupo radical.

Um dos membros do grupo era El Fahtni Noreddine, marroquino que vivia em Amesterdão no apartamento de Mohammed Bouyeri, autor do assassínio do realizador Theo Van Gogh.

O grupo dispunha de um VW Golf em segunda mão, de matrícula holandesa, comprado em nome de Boyeri, e deslocavam-se diariamente ao aeroporto de Lisboa, onde levantavam pequenas quantias em dinheiro.

«Tudo sinais de que estavam a preparar algo», afirma ao DN o ex-director da PJ.

Na altura, Adelino Salvado foi pressionado pelas restantes polícias a esperar mais algum tempo, para perceber se existiriam outras ligações, mas o antigo responsável da PJ decidiu actuar de imediato e expulsar os alegados terroristas.

«Assumo o que decidi, não podia correr riscos, tudo indicava que preparavam um atentado e nunca mais conseguiria dormir se, podendo ter evitado, não tivesse feito nada», refere Salvado.

O jantar que decorreu no Palácio do Freixo não tinha sido objecto de medidas especiais de segurança.
Ricardo Nunes
www.forum9gs.net
 

*

Miguel

  • Investigador
  • *****
  • 2454
  • Recebeu: 25 vez(es)
  • Enviou: 7 vez(es)
  • +14/-18
(sem assunto)
« Responder #1 em: Novembro 16, 2004, 11:55:40 am »
:?

alias antes de se alinhar numa politica estrangeira
como o fiz o governo nessa altura, deves de medir
a consequencias e ter um DEFESA NACIONAL bem
equipada,

pelo que me lembro a ESPANHA ja pagou bem caro
o seu apoio a guerra no Irak, lembrem se do 11 março :oops:
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 9820
  • Recebeu: 1079 vez(es)
  • Enviou: 1616 vez(es)
  • +1003/-1268
(sem assunto)
« Responder #2 em: Novembro 16, 2004, 01:32:11 pm »
Pois, mas pelo menos os espanhois tiveram direito, ao exercer o seu direito de voto, de se pronunciarem CONTRA a guerra!

A nós, graças a um presidente incompetente que renegou todo o seu passado, até esse direito nos foi retirado, tendo agora um governo cuja única preocupação parece ser a criação de um novo "SNI", com vista a mascarar as incompetências da governação (vide demissão de José Rodrigues dos Santos ontem)

Porque é bem sabido que a esmagadora maioria do povo Português (exceptuando meia dúzia de fanáticos, tipo Luis Delgado) estava e está contra esta guerra que visa apenas sugar o petróleo do Iraque...

A esse propósito coloquei aqui há uns tempos um artigo que achei interessante , retirado do "Público" (Jornal Subversivo, atenção!!! :arrow: http://www.forumdefesa.com/forum/viewto ... highlight=
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

Miguel

  • Investigador
  • *****
  • 2454
  • Recebeu: 25 vez(es)
  • Enviou: 7 vez(es)
  • +14/-18
re
« Responder #3 em: Novembro 16, 2004, 09:32:59 pm »
:roll:

proponho de a gente avaliar quais poderiam
ser a consequencias d'ataques islamicos contra
o nossa territorio nacional?

eu acredito pouco num apoio immediato dos EUA

a espanha do Zapateiro pouco faria

a frança com 20 porcento da populaçao islamica
duvido que nos apoiaria

quais meios teremos que ter ?
 

*

Tiger22

  • Perito
  • **
  • 566
  • +1/-0
(sem assunto)
« Responder #4 em: Novembro 17, 2004, 03:09:27 am »
Eu apoiei a Guerra e não sou nenhum fanático. Fanáticos são os que colocam bombas, decapitam pessoas e matam crianças.

A maioria dos portugueses apoiou e apoia a guerra contra o terrorismo.

O povo português não é falso nem cobardolas como alguns países que não quero mencionar (La France, La Espagne etc. :roll: ) que por uma questão de interesses, ou porque estão em fase de islamização, ou por uma mistura de ambas, se recusam a lutar frontalmente contra o maior perigo dos nossos dias: o terrorismo.

O nosso lugar é ao lado dos Estados Unidos e Grã-bretanha. Alianças com nações cobardolas e derrotadas não obrigado!!!
"you're either with us, or you're with the terrorists."
 
-George W. Bush-
 

*

Spectral

  • Investigador
  • *****
  • 1438
  • +4/-0
(sem assunto)
« Responder #5 em: Novembro 17, 2004, 08:44:54 am »
Citar
A maioria dos portugueses apoiou e apoia a guerra contra o terrorismo.

O povo português não é falso nem cobardolas como alguns países que não quero mencionar (La France, La Espagne etc.  ) que por uma questão de interesses, ou porque estão em fase de islamização, ou por uma mistura de ambas, se recusam a lutar frontalmente contra o maior perigo dos nossos dias: o terrorismo.


O povo português, tal como os povos espanhóis e franceses , assim como os seus governos, apoiam/apoiaram a Guerra contra o terrorismo, como se viu claramente no Afeganistão. O que não apoiam (incluindo claramente o português aqui, a não ser que se seja cego e surdo) foi a invasão do Iraque, que nada tinha a ver com o terrorismo de Bin Laden e que devido à gestão desastrada do pós-guerra transformou esse país num paraíso para os terroristas.
I hope that you accept Nature as It is - absurd.

R.P. Feynman
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 9820
  • Recebeu: 1079 vez(es)
  • Enviou: 1616 vez(es)
  • +1003/-1268
(sem assunto)
« Responder #6 em: Novembro 17, 2004, 08:51:35 am »
Citação de: "Tiger22"
Eu apoiei a Guerra e não sou nenhum fanático. Fanáticos são os que colocam bombas, decapitam pessoas e matam crianças.

Por acaso ontem podemos ter o "prazer" de ver um soldado americano assassinar um iraquiano a sangue-frio!!!! Mas isso não interessa, pois não? Tal como as torturas de Abu-Graib, é tudo "demagogia de Esquerda"... :shock:

Citação de: "Tiger22"
O nosso lugar é ao lado dos Estados Unidos e Grã-bretanha. Alianças com nações cobardolas e derrotadas não obrigado!!!


Estados Unidos e Grã-Bretanha? Os "tais" que diziam que o Iraque tinha Armas de Destruição Maciça , prontas a ser usadas em 45 min? (MENTIRA)...que diziam que a Al-Qaeda tinha ligações ao regime de Saddam (OUTRA MENTIRA)???????? Por amor de Deus!!!!!!!

A França e a Espanha cobardolas???
Pelo contrário , PAISES CORAJOSOS que não se vendem por um prato de lentilhas ao Império e á PAX AMERICANA...

E por aqui me fico...muito mais haveria a dizer...
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 9820
  • Recebeu: 1079 vez(es)
  • Enviou: 1616 vez(es)
  • +1003/-1268
(sem assunto)
« Responder #7 em: Novembro 17, 2004, 08:55:12 am »
Citação de: "Spectral"
O povo português, tal como os povos espanhóis e franceses , assim como os seus governos, apoiam/apoiaram a Guerra contra o terrorismo, como se viu claramente no Afeganistão. O que não apoiam (incluindo claramente o português aqui, a não ser que se seja cego e surdo) foi a invasão do Iraque, que nada tinha a ver com o terrorismo de Bin Laden e que devido à gestão desastrada do pós-guerra transformou esse país num paraíso para os terroristas.



Plenamente de acordo!

Infelizmente ainda há por aí uns cegos e surdos...
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

Miguel

  • Investigador
  • *****
  • 2454
  • Recebeu: 25 vez(es)
  • Enviou: 7 vez(es)
  • +14/-18
(sem assunto)
« Responder #8 em: Novembro 17, 2004, 08:22:16 pm »
aquilo que eu mas receio agora
e que os terroristas visam o nosso territorio visto
que somos nos o que temos menos capacidades!
imaginem um atendado apoiado por extremistas
que tem uma base gigante nos marrocos!
que meios teriamos para os retaliar!
 

*

papatango

  • Investigador
  • *****
  • 5480
  • Recebeu: 9 vez(es)
  • +1394/-2
    • http://www.areamilitar.net
(sem assunto)
« Responder #9 em: Novembro 17, 2004, 09:28:55 pm »
A resistência aos fundamentalistas islâmicos não se faz com tecnología, por isso a maior ou menor preparação é algo discutível.

A realidade é que:

- Somos um país relativamente pequeno.
- As comunidades islamicas estão concentradas e são muito pequenas.
- A movimentação destas pessoas, é portanto complicada.
- Não temos mesquitas espalhadas pelo país, e é nas mesquitas que os fundamentalistas se reunem.

Mas é claro, ninguém está a salvo, e nós também não.
Embora por razões que têm a ver com a eventual facilidade de comprar explosivos, um atentado não seja impossível, torna-se um pouco mais complicado organizar coisas num país pequeno.

Prós e contras contados, não acho que devamos fugir do Iraque como ratos assustados. A questão de sair ou não, é tratada com a leveza da propaganda politica, esquecendo muitas vezes o interesse nacional.

Cumprimentos
 

*

Tiger22

  • Perito
  • **
  • 566
  • +1/-0
Para os autistas...
« Responder #10 em: Novembro 17, 2004, 09:41:53 pm »
Algumas pessoas o são “inocentes” ou então a cor politica cega-as. A demagogia tem limites. Iniciem um tópico com votação em relação ao apoio ou não a guerra no Iraque e vejam as respostas. Claro que a votação não deveria incluir os amigos não portugueses, mas enfim, os resultados penso que seriam esclarecedores e já daria para ver que é afinal as pessoas não são nem cegas nem surdas, ao contrário do que dizem alguns autistas…
"you're either with us, or you're with the terrorists."
 
-George W. Bush-
 

*

Miguel

  • Investigador
  • *****
  • 2454
  • Recebeu: 25 vez(es)
  • Enviou: 7 vez(es)
  • +14/-18
(sem assunto)
« Responder #11 em: Novembro 17, 2004, 10:20:38 pm »
amigo Tiger 22                                                              
eu tenho nacionalidade portuguesa,mas na tenho o seu ponto de vista,
alias numa conversa que tive um dia com um politico europeu,apos
o 25 abril 1974 Henry Kissinger julgava que portugal seria perdido
de facto para a nato, e havia planos para nos roubar as arquipelegos,
felizmente isso nao aconteceu! mas de vez em quanto vem um que se chama joao jardim e pede autonomias, deve ser os restos dos trabalhos
subversivos da CIA :lol:
pelo o que eu sei o trabalho de Willy Brant e Valery Giscard Estaing
foram na altura determinantes,para impedir isso pois eles acreditavam na futura democratia portuguesa, mais uma vez era a velha europa que tinha a visao certa.
Pois nos nao tinhamos petroleo, mas tinhamos Porta-Avioes insubmersiveis no Atlantico!

cumprimentos
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 9820
  • Recebeu: 1079 vez(es)
  • Enviou: 1616 vez(es)
  • +1003/-1268
Re: Para os autistas...
« Responder #12 em: Novembro 18, 2004, 09:38:46 am »
Citação de: "Tiger22"
Algumas pessoas o são “inocentes” ou então a cor politica cega-as. A demagogia tem limites. Iniciem um tópico com votação em relação ao apoio ou não a guerra no Iraque e vejam as respostas. Claro que a votação não deveria incluir os amigos não portugueses, mas enfim, os resultados penso que seriam esclarecedores e já daria para ver que é afinal as pessoas não são nem cegas nem surdas, ao contrário do que dizem alguns autistas…


OK vamos a isso.

 :arrow: http://www.forumdefesa.com/forum/viewto ... highlight=
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

JoseMFernandes

  • Perito
  • **
  • 394
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #13 em: Novembro 20, 2004, 03:39:10 pm »
Citação de: "papatango"
A resistência aos fundamentalistas islâmicos não se faz com tecnología, por isso a maior ou menor preparação é algo discutível.

A realidade é que:

- Somos um país relativamente pequeno.
- As comunidades islamicas estão concentradas e são muito pequenas.
- A movimentação destas pessoas, é portanto complicada.
- Não temos mesquitas espalhadas pelo país, e é nas mesquitas que os fundamentalistas se reunem.

Mas é claro, ninguém está a salvo, e nós também não.
Embora por razões que têm a ver com a eventual facilidade de comprar explosivos, um atentado não seja impossível, torna-se um pouco mais complicado organizar coisas num país pequeno.

Prós e contras contados, não acho que devamos fugir do Iraque como ratos assustados. A questão de sair ou não, é tratada com a leveza da propaganda politica, esquecendo muitas vezes o interesse nacional.

Cumprimentos


sem estar totalmente contra o que escreveu, faço referencia a noticias do EXPRESSO hoje sobre a existencia de mesquitas nao controladas e espalhadas pelo pais... uma nota de atençao apenas.Aguardemos...mas nao sou optimista sobre o evoluir da situaçao na peninsula ibérica, esperemos os desenvolvimentos...
 

*

fgomes

  • Perito
  • **
  • 475
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #14 em: Novembro 20, 2004, 04:38:38 pm »
A notícia do Expresso surpreendeu-me, não fazia a mínima ideia que havia tantas mesquitas fundamentalistas em Portugal. Um cancro que avança sem se dar por isso !
Só espero que ainda estejamos a tempo de evitar o pior !
 

 

Terroristas galegos estão activos no Norte de Portugal

Iniciado por Cabeça de Martelo

Respostas: 0
Visualizações: 2668
Última mensagem Abril 12, 2007, 11:30:49 am
por Cabeça de Martelo
O que faria em caso de ataque terrorista contra Portugal?

Iniciado por Miguel

Respostas: 42
Visualizações: 12042
Última mensagem Março 01, 2008, 08:42:43 am
por Daniel
A recurrência da perfia de Castela contra Portugal

Iniciado por dremanu

Respostas: 1
Visualizações: 2181
Última mensagem Março 02, 2004, 10:40:11 pm
por fgomes
Manifesto por um Portugal Livre e Independente

Iniciado por dremanu

Respostas: 14
Visualizações: 4494
Última mensagem Março 04, 2004, 03:49:14 am
por emarques
EUA pedem a Portugal que GNR fique no Iraque

Iniciado por Ricardo Nunes

Respostas: 5
Visualizações: 2156
Última mensagem Janeiro 15, 2005, 08:29:29 pm
por Lynx