Plataforma Naval Multifuncional

  • 1407 Respostas
  • 132253 Visualizações
*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 5304
  • Recebeu: 5190 vez(es)
  • Enviou: 3441 vez(es)
  • +10048/-2636
Re: Plataforma Naval Multifuncional
« Responder #885 em: Setembro 06, 2023, 12:57:39 pm »
É um navio hidrográfico que a Marinha tentou vender como o "super mega fodereitor 3000"!

Exactamente.

A culpa é exclusivamente da Marinha, que alinhou numa comunicação à maluca e muitas vezes de cariz bipolar (tipo conversa de quem está entusiasmado por ir ter mesmo um brinquedo novo), deixando que o mesmo se propagasse pelas ondas, ao invés de adoptar um discurso uno e coerente, acentuando a tónica de que a PNM será um navio iminentemente civil. Mas lá está, para essas coisas é preciso ter inteligência e engenho, algo que se tem visto muito pouco ultimamente na Marinha (e não só). O "talant de bien faire" há muito que não passa apenas de um moto sem significado algum.
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

"(...) Que, havendo por verdade o que dizia,
DE NADA A FORTE GENTE SE TEMIA
"

Luís Vaz de Camões (Os Lusíadas, Canto I - Estrofe 97)
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Luso, P44, NVF, Cabeça de Martelo, Pescador

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 8534
  • Recebeu: 3176 vez(es)
  • Enviou: 990 vez(es)
  • +4054/-6361
Re: Plataforma Naval Multifuncional
« Responder #886 em: Setembro 06, 2023, 03:39:07 pm »
Isto vai ser parecido como os actuais hidrográficos: Mete-se umas 12.7mm, um destacamento de Fuzos, acrescenta-se uns drones e eventualmente um heli,  e manda-se para o golfo da Guiné. Voilá :mrgreen: 

https://www.publico.pt/2017/03/13/politica/noticia/navio-hidrografico-e-55-fuzileiros-avancam-para-o-golfo-da-guine-1765057



Saudações  :mrgreen:

P.S. Um enxame destes a sair do NRP coiso e os russos recuam logo até aos Urais... :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen:

https://www.noticiasdecoimbra.pt/forcas-armadas-testam-primeiros-drones-de-combate-portugueses/

Citar
O Almirante Silva Ribeiro lembra que este drone “tem capacidade para lançar granadas.







"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Pescador

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8187
  • Recebeu: 3690 vez(es)
  • Enviou: 701 vez(es)
  • +4918/-762
Re: Plataforma Naval Multifuncional
« Responder #887 em: Setembro 06, 2023, 04:09:00 pm »
Nunca se esqueçam que é um navio hidrográfico científico, pago pela UE; a Marinha, bem, aproveitou para incluir uma capacidade reforçada para utilização de drones (o que permite, tb, experiência).

Sim, é um navio hidrográfico, com capacidades acrescidas, mas que quando olhamos para os desenhos, e para muitas das afirmações proferidas, vemos que é algo muito mais complicado que isso. Por exemplo, era perfeitamente possível ter um hidrográfico maior que o habitual para este tipo de navio, com um convés de voo convencional mas mais amplo, sem ter que ser um convés de voo corrido.

Coloco aqui desenhos do navio, que provavelmente são a representação do navio final até ao momento:



E já agora as medida:
Citar
terá um comprimento total, entre perpendiculares, de 100 metros, uma boca máxima (ao nível do convés de voo) de 20 metros e um calado máximo de 7,5 metros

Com 20 metros de largura total a nível do convés de voo, e notando que nos desenhos, cerca de metade dessa largura é a superestrutura do navio e a outra metade a pista (aproximadamente), dá-nos uma largura de pista de cerca de 10 metros (máximo 12m diria). Com estas medidas, não há hoje muitos drones de asa fixa que possam operar aqui e que pudessem realmente tirar partido do alcance acrescido proporcionado pela rampa.

Para colocar em perspectiva, o MQ-1 que já vimos em diversos desenhos tem uma envergadura de asas de quase 15 metros, o Bayraktar TB2 tem 12 metros e o TB3 tem 14, o MQ-9 presente num dos desenhos acima tem 24 metros de envergadura, enquanto o Tekever ARX deverá ter uma dimensão similar ao Bayraktar (ou até mesmo maior). Restando o AR5, com envergadura de 7 metros, mas que não tem versão VTOL, e portanto não deve poder aterrar no navio. Por exclusão de partes, resta-nos os AR3 e os Ogassa, que já têm os seus raios de acção limitados a 100km, independentemente da rampa.

Conclusão, o uso da rampa apenas irá permitir que os drones que já conhecemos, fiquem no ar um pouco mais tempo (se a diferença é muita ou pouca não sei), e dado que são drones relativamente pequenos, fica a questão se o método da rampa é realmente mais eficaz que o da catapulta para drones como o AR3. Fazendo o comparativo, o AR3 VTOL tem endurance de 8 horas, e o Ogassa OGS42V (VTOL) tem 8 horas e o OGS42 (não VTOL) 10 horas, em contraste, o AR3 normal, lançado de catapulta, pode ficar no ar até 16 horas. Ou seja, na questão do alcance e endurance, os melhores drones actuais neste requisito podem, ser lançados tanto de um Tejo, como de uma fragata, como do PNM.

Assim sendo, até surgirem novos drones, o PNM será no máximo uma plataforma de testes. Mas até nisto tem um calcanhar de aquiles: as suas dimensões. Com um convés de voo tão estreito, limita-se e muito o desenvolvimento de drones, que não podem ter uma envergadura igual ou superior a 10 metros. Com isto, e especulando, mesmo que conseguissem desenvolver uma versão VTOL do AR5 ou de um drone VTOL/STOVL de asa fixa da mesma dimensão/ligeiramente maior, será que conseguiria ter muito mais que as 16 horas de endurance do AR3 lançado de catapulta? Faz sentido limitar o desenvolvimento de futuros drones navais, à dimensão do navio em questão? Quando isto se tornar um problema, modificam o navio para ter um convés de voo mais largo, ou constroem um navio novo para esse fim?

O desenho do navio até é bonitinho, mas deixa muitas dúvidas quanto à real capacidade enquanto "porta-drones" como querem vendê-lo.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Vicente de Lisboa

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 19903
  • Recebeu: 2853 vez(es)
  • Enviou: 2174 vez(es)
  • +1057/-3436
Re: Plataforma Naval Multifuncional
« Responder #888 em: Setembro 06, 2023, 04:16:49 pm »
Isso é um desenho feito pela Marinha, o navio a ser contratado por vir a ser muito diferente do mesmo. Não há obrigação das empresas usarem esse desenho seja para o que for, desde que cumpram com os requerimentos.

Relativamente à utilização de meios aéreos, nas especificações para a Plataforma Naval Multifuncional descritas na documentação do Governo constam:

"-Capacidade de suportar o lançamento / aterragem e descolagem de meios robóticos aéreos, quer de asa fixa quer de asa rotativa (de preferência vertical 'take-off and landing', mas eventualmente recorrendo a 'launch pads', redes de captura, catapulta);

-Possuir um helideck à proa compatível com helicópteros operados pela Marinha Portuguesa

-Duas esquadras aéreas de Drones de asa fixa e rotativa."
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8187
  • Recebeu: 3690 vez(es)
  • Enviou: 701 vez(es)
  • +4918/-762
Re: Plataforma Naval Multifuncional
« Responder #889 em: Setembro 06, 2023, 04:39:58 pm »
O desenho já foi alterado inúmeras vezes. E a ser alterado pela empresa que ganhar o concurso, dificilmente será para tornar o navio melhor do que o que está desenhado, e sim quanto muito para "cortar", de forma a caber no orçamento. Para tornar o convés de voo mais largo, ou aumentam a largura do navio, ou "encolhem" a superestrutura, abdicando até do hangar para 1 helicóptero médio. Encolhes o hangar, tens também menos espaço para drones lá dentro, o que vai contra o propósito do navio.

Esbarramos no mesmo problema, o orçamento.
 

*

Pescador

  • Investigador
  • *****
  • 3719
  • Recebeu: 2486 vez(es)
  • Enviou: 1954 vez(es)
  • +5691/-2730
Re: Plataforma Naval Multifuncional
« Responder #890 em: Setembro 06, 2023, 06:35:57 pm »
Vendo as caraterísticas não vejo onde é um "mega trambolho para supostamente meter um exército"... tem alojamento para 28 oficiais, 30 sargentos e 32 praças (90 elementos)... repito, é um navio hidrográfico - para levar cientistas e com hangar para helicóptero NH90 e "spot" para EH101; e, claro,  muito mais drones que o habitual neste tipo de navio.

Muita outra coisa faz falta mas... a UE não paga.   

Má interpretação e mau jeito meu a misturar assunto. Ao mega trambolho refiro ao tal mega logístico dom Sebastião. Isso porque falei na necessidade de um ou mais navios logísticos em vez da Bimby faz tudo e nada d ejeito.
Na vez da bimby e com dinheiro de fora faziam o hidrográfico moderno, bem dimensionada para drones vtol e aquáticos, para pesquisa, vigilância, o que quiserem, sem ser o tal navio que dizem defender os mares, qual galeão das era modernas.
Menos fantasia e mais realização era o que fazia falta. Nem à 3 ª série de NPO conseguem desatar o nó.
E é melhor começarem a pensar na patrulha costeira a não ser que a entreguem a GRN, Porque as lanchas vão para palop e outras acabam encostadas no Alfeite ou a dar peças a eles. Os Tejo foi um desenrasque e já se viu no que dá.
« Última modificação: Setembro 06, 2023, 06:44:00 pm por Pescador »
 

*

nelson38899

  • Investigador
  • *****
  • 5272
  • Recebeu: 706 vez(es)
  • Enviou: 697 vez(es)
  • +480/-2593
Re: Plataforma Naval Multifuncional
« Responder #891 em: Setembro 20, 2023, 04:46:05 pm »
Parece que o navio sempre vai avançar

Citar
@tecnoveritas foi contratada pela 🇵🇹 @marinhaportuguesa por um montante de EUR9.520,00 para realizar um estudo de avaliação do sistema de geração de energia da Plataforma Naval Multifuncional.
"Que todo o mundo seja «Portugal», isto é, que no mundo toda a gente se comporte como têm comportado os portugueses na história"
Agostinho da Silva
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 17838
  • Recebeu: 5308 vez(es)
  • Enviou: 5625 vez(es)
  • +6993/-9208
Re: Plataforma Naval Multifuncional
« Responder #892 em: Setembro 20, 2023, 04:48:28 pm »
Segundo os mentideros agora só há olhos para este camafeu.
O resto ate pode todo afundar que o que importa é a menina dos olhos do alucinado... :bang:
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

os_pero

  • Membro
  • *
  • 212
  • Recebeu: 94 vez(es)
  • Enviou: 35 vez(es)
  • +51/-9
Re: Plataforma Naval Multifuncional
« Responder #893 em: Setembro 20, 2023, 05:14:31 pm »
Parece que o navio sempre vai avançar

Citar
@tecnoveritas foi contratada pela 🇵🇹 @marinhaportuguesa por um montante de EUR9.520,00 para realizar um estudo de avaliação do sistema de geração de energia da Plataforma Naval Multifuncional.

Eu não percebo nada disto mas quando o prazo para a construção do navio é daqui a 1 ano e ainda se anda a estudar os requisitos e as soluções de geradores electricos, calculo que a coisa não vai correr bem. É que se ainda não se sabe a dimensão dos geradores como é que se consegue ter um plano de construção do casco? Ou vão construir o casco e depois fazer um buraco para meter lá os geradores?
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 17838
  • Recebeu: 5308 vez(es)
  • Enviou: 5625 vez(es)
  • +6993/-9208
Re: Plataforma Naval Multifuncional
« Responder #894 em: Setembro 20, 2023, 05:18:07 pm »
Parece que o navio sempre vai avançar

Citar
@tecnoveritas foi contratada pela 🇵🇹 @marinhaportuguesa por um montante de EUR9.520,00 para realizar um estudo de avaliação do sistema de geração de energia da Plataforma Naval Multifuncional.

Eu não percebo nada disto mas quando o prazo para a construção do navio é daqui a 1 ano e ainda se anda a estudar os requisitos e as soluções de geradores electricos, calculo que a coisa não vai correr bem. É que se ainda não se sabe a dimensão dos geradores como é que se consegue ter um plano de construção do casco? Ou vão construir o casco e depois fazer um buraco para meter lá os geradores?

O mastro ex-oco das BD riu-se  :mrgreen:
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: os_pero

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 17838
  • Recebeu: 5308 vez(es)
  • Enviou: 5625 vez(es)
  • +6993/-9208
Re: Plataforma Naval Multifuncional
« Responder #895 em: Setembro 27, 2023, 11:10:08 am »
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

Luso

  • Investigador
  • *****
  • 8474
  • Recebeu: 1592 vez(es)
  • Enviou: 654 vez(es)
  • +907/-6917
Re: Plataforma Naval Multifuncional
« Responder #896 em: Setembro 27, 2023, 02:20:02 pm »
O tempo que andam aqui ao menos corrigiam as datas

https://www.marinha.pt/pt/informacao-instituicional/Projetos-co-financiados/PRR/Paginas/PilarI.aspx

 :mrgreen:

Citar
(e.g., atender a derrames de petróleo ou “blooms" de plásticos, algas ou “jellyfish")
Ai de ti Lusitânia, que dominarás em todas as nações...
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44, NVF, Charlie Jaguar, CruzSilva

*

ICE 1A+

  • Especialista
  • ****
  • 915
  • Recebeu: 754 vez(es)
  • Enviou: 72 vez(es)
  • +440/-31
Re: Plataforma Naval Multifuncional
« Responder #897 em: Outubro 01, 2023, 11:13:45 pm »
Segundo os mentideros agora só há olhos para este camafeu.
O resto ate pode todo afundar que o que importa é a menina dos olhos do alucinado... :bang:
O desenho já foi alterado inúmeras vezes. E a ser alterado pela empresa que ganhar o concurso, dificilmente será para tornar o navio melhor do que o que está desenhado, e sim quanto muito para "cortar", de forma a caber no orçamento. Para tornar o convés de voo mais largo, ou aumentam a largura do navio, ou "encolhem" a superestrutura, abdicando até do hangar para 1 helicóptero médio. Encolhes o hangar, tens também menos espaço para drones lá dentro, o que vai contra o propósito do navio.

Esbarramos no mesmo problema, o orçamento.

As alterações estéticas pouco tem a ver com o custo final… o que influencia, e muito , são os equipamentos que instalas a bordo.. podem ser de Top ou do aliexpress…
E esses não são visíveis nesses “desenhinhos”
« Última modificação: Outubro 01, 2023, 11:19:23 pm por ICE 1A+ »
 

*

ICE 1A+

  • Especialista
  • ****
  • 915
  • Recebeu: 754 vez(es)
  • Enviou: 72 vez(es)
  • +440/-31
Re: Plataforma Naval Multifuncional
« Responder #898 em: Outubro 01, 2023, 11:22:57 pm »
Parece que o navio sempre vai avançar

Citar
@tecnoveritas foi contratada pela 🇵🇹 @marinhaportuguesa por um montante de EUR9.520,00 para realizar um estudo de avaliação do sistema de geração de energia da Plataforma Naval Multifuncional.

Eu não percebo nada disto mas quando o prazo para a construção do navio é daqui a 1 ano e ainda se anda a estudar os requisitos e as soluções de geradores electricos, calculo que a coisa não vai correr bem. É que se ainda não se sabe a dimensão dos geradores como é que se consegue ter um plano de construção do casco? Ou vão construir o casco e depois fazer um buraco para meter lá os geradores?

O NRP Viana do Castelo riu-se!!!
Os grupos geradores também não cabiam a bordo! ……
Não vou repetir a história que já todos sabem…

Desde que a escotilha  de segurança entre dois pavimentos estanques… na “saia” em frente à porta da cozinha do “andar de cima” já não está muito mau! 
Convém é não abrir quando alguém for a passar.. :mrgreen: :mrgreen:
 
« Última modificação: Outubro 01, 2023, 11:31:00 pm por ICE 1A+ »
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8187
  • Recebeu: 3690 vez(es)
  • Enviou: 701 vez(es)
  • +4918/-762
Re: Plataforma Naval Multifuncional
« Responder #899 em: Outubro 01, 2023, 11:40:56 pm »
As alterações estéticas pouco tem a ver com o custo final… o que influencia, e muito , são os equipamentos que instalas a bordo.. podem ser de Top ou do aliexpress…
E esses não são visíveis nesses “desenhinhos”

Depende do que se entenda por alterações "estéticas". Neste caso não estamos somente a falar da "beleza" do navio, mas sim das capacidades que se pretendem, e da sua exequibilidade dentro do orçamento (que me parece bastante curto).