REFORMAR E MODERNIZAR AS FORÇAS ARMADAS

  • 942 Respostas
  • 123587 Visualizações
*

Trafaria

  • Investigador
  • *****
  • 2011
  • Recebeu: 76 vez(es)
  • Enviou: 77 vez(es)
  • +16/-0
Re: REFORMAR E MODERNIZAR AS FORÇAS ARMADAS
« Responder #930 em: Agosto 07, 2020, 03:26:47 am »
Por exemplo, nos EUA, existe a categoria de Warrant Officer, uma categoria Intermédia entre as categorias de Sargentos e de Oficiais, uma espécie de "técnicos militares".

https://en.m.wikipedia.org/wiki/Warrant_officer_(United_States)

Não será bem uma categoria intermédia. São oficiais mas sem exercerem funções de comando, ou sê-lo-ão excepcionalmente.
::..Trafaria..::
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, Lightning, raphael

*

LM

  • Investigador
  • *****
  • 1295
  • Recebeu: 245 vez(es)
  • Enviou: 1167 vez(es)
  • +201/-6
Re: REFORMAR E MODERNIZAR AS FORÇAS ARMADAS
« Responder #931 em: Setembro 22, 2020, 12:18:22 pm »



Quidquid latine dictum sit, altum videtur
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 3246
  • Recebeu: 739 vez(es)
  • Enviou: 164 vez(es)
  • +158/-62
Re: REFORMAR E MODERNIZAR AS FORÇAS ARMADAS
« Responder #932 em: Setembro 22, 2020, 01:31:39 pm »
3613 milhões.... está certo!  :mrgreen:
Devem estar a contar com a verba injectada no Novo Banco também, porque se tivessem sido gastos 3613 milhões num só ano nas Forças Armadas, estas não estavam na penúria.  ::)
 

*

LM

  • Investigador
  • *****
  • 1295
  • Recebeu: 245 vez(es)
  • Enviou: 1167 vez(es)
  • +201/-6
Re: REFORMAR E MODERNIZAR AS FORÇAS ARMADAS
« Responder #933 em: Setembro 22, 2020, 02:11:14 pm »
Cativações, as rendas dos quartéis, custos com pessoal... há muito onde diminuir até chegar ao treino, manutenção e investimento.
Quidquid latine dictum sit, altum videtur
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 3246
  • Recebeu: 739 vez(es)
  • Enviou: 164 vez(es)
  • +158/-62
Re: REFORMAR E MODERNIZAR AS FORÇAS ARMADAS
« Responder #934 em: Setembro 22, 2020, 11:08:43 pm »
As cativação não podem (ou não deviam) contabilizar para estes valores. O resto, a maior parte da fatia deve ser mesmo as tais "rendas" dos quarteis. Imaginem qual será a renda de uma base aérea.  :N-icon-Axe:
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 8351
  • Recebeu: 956 vez(es)
  • Enviou: 1116 vez(es)
  • +134/-44
Re: REFORMAR E MODERNIZAR AS FORÇAS ARMADAS
« Responder #935 em: Setembro 23, 2020, 02:15:33 am »



Fiquei admirado com alguns valores ai, pensava que a Espanha dava uma percentagem maior do PIB para a Defesa, ao ver o equipamento deles, estou admirado.

O Luxemburgo para a riqueza que têm podia dar mais, mas percebo que para o espaço que ocupam não lhes vale de muito, podiam era dar aos outros  :mrgreen:.

Estive a fazer umas contas e se todos os paises dessem 2% para a Defesa teríamos umas alterações interessantes, os EUA continuariam em primeiro, mas o seu orçamento cairia mais de 300 mil milhões, a Alemanha ultrapassaria o RU com um orçamento de quase 80 mil milhões, França, Itália e Canadá manteriam as posições com melhores orçamentos, principalmente a Itália com um aumento de 15 mil milhões, uma surpresa seria a Turquia, ultrapassada pela Espanha e Holanda, pois estes teriam aumentos de 15 mil milhões e quase 6 mil milhões respectivamente, a Turquia apenas um aumento de 800 milhões, os restantes paises têm tudo valores pequenos exepto a Bélgica que também teria um aumento superior a 5 mil milhões subindo 3 posições para junto da Polónia.

Mas a NATO teria uma quebra no poder militar em geral, pois nem o aumento de orçamentos da maioria dos países compensaria a diminuição dos EUA, já vimos acima que a queda seria de 300 mil milhões e a soma de todas as subidas seria de 94 mil milhões.
« Última modificação: Setembro 23, 2020, 02:17:04 am por Lightning »
 

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 3743
  • Recebeu: 286 vez(es)
  • Enviou: 89 vez(es)
  • +463/-60
Re: REFORMAR E MODERNIZAR AS FORÇAS ARMADAS
« Responder #936 em: Setembro 23, 2020, 09:02:33 am »



Fiquei admirado com alguns valores ai, pensava que a Espanha dava uma percentagem maior do PIB para a Defesa, ao ver o equipamento deles, estou admirado.

O Luxemburgo para a riqueza que têm podia dar mais, mas percebo que para o espaço que ocupam não lhes vale de muito, podiam era dar aos outros  :mrgreen:.

Estive a fazer umas contas e se todos os paises dessem 2% para a Defesa teríamos umas alterações interessantes, os EUA continuariam em primeiro, mas o seu orçamento cairia mais de 300 mil milhões, a Alemanha ultrapassaria o RU com um orçamento de quase 80 mil milhões, França, Itália e Canadá manteriam as posições com melhores orçamentos, principalmente a Itália com um aumento de 15 mil milhões, uma surpresa seria a Turquia, ultrapassada pela Espanha e Holanda, pois estes teriam aumentos de 15 mil milhões e quase 6 mil milhões respectivamente, a Turquia apenas um aumento de 800 milhões, os restantes paises têm tudo valores pequenos exepto a Bélgica que também teria um aumento superior a 5 mil milhões subindo 3 posições para junto da Polónia.

Mas a NATO teria uma quebra no poder militar em geral, pois nem o aumento de orçamentos da maioria dos países compensaria a diminuição dos EUA, já vimos acima que a queda seria de 300 mil milhões e a soma de todas as subidas seria de 94 mil milhões.

Os EUA nunca iriam baixar desses 700.
Artigo 308º

Traição à Pátria

Quem, por meio de violência, ameaça de violência, usurpação ou abuso de funções de soberania:

a) Tentar separar da Mãe-Pátria, ou entregar a país estrangeiro ou submeter à soberania estrangeira, todo o território português ou parte dele
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 15829
  • Recebeu: 1314 vez(es)
  • Enviou: 1215 vez(es)
  • +208/-192
Re: REFORMAR E MODERNIZAR AS FORÇAS ARMADAS
« Responder #937 em: Setembro 23, 2020, 10:55:11 am »


Fiquei admirado com alguns valores ai, pensava que a Espanha dava uma percentagem maior do PIB para a Defesa, ao ver o equipamento deles, estou admirado.

O Luxemburgo para a riqueza que têm podia dar mais, mas percebo que para o espaço que ocupam não lhes vale de muito, podiam era dar aos outros  :mrgreen:.

Estive a fazer umas contas e se todos os paises dessem 2% para a Defesa teríamos umas alterações interessantes, os EUA continuariam em primeiro, mas o seu orçamento cairia mais de 300 mil milhões, a Alemanha ultrapassaria o RU com um orçamento de quase 80 mil milhões, França, Itália e Canadá manteriam as posições com melhores orçamentos, principalmente a Itália com um aumento de 15 mil milhões, uma surpresa seria a Turquia, ultrapassada pela Espanha e Holanda, pois estes teriam aumentos de 15 mil milhões e quase 6 mil milhões respectivamente, a Turquia apenas um aumento de 800 milhões, os restantes paises têm tudo valores pequenos exepto a Bélgica que também teria um aumento superior a 5 mil milhões subindo 3 posições para junto da Polónia.

Mas a NATO teria uma quebra no poder militar em geral, pois nem o aumento de orçamentos da maioria dos países compensaria a diminuição dos EUA, já vimos acima que a queda seria de 300 mil milhões e a soma de todas as subidas seria de 94 mil milhões.

A Espanha recorre a vários estratagemas, como por exemplo meter a conta noutros ministérios em equipamentos/armamentos para as Forças Armadas.
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Lightning

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 8351
  • Recebeu: 956 vez(es)
  • Enviou: 1116 vez(es)
  • +134/-44
Re: REFORMAR E MODERNIZAR AS FORÇAS ARMADAS
« Responder #938 em: Setembro 23, 2020, 11:13:59 am »
A Espanha recorre a vários estratagemas, como por exemplo meter a conta noutros ministérios em equipamentos/armamentos para as Forças Armadas.

Curioso é o oposto de nós.
Eles gastam mais, mas querem parecer que gastam menos (pode ser por razões de popularidade dos governos).
Nós queremos gastar menos, mas parecer que gastamos mais (para fingir que cumprimos as metas NATO).
 

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 3743
  • Recebeu: 286 vez(es)
  • Enviou: 89 vez(es)
  • +463/-60
Re: REFORMAR E MODERNIZAR AS FORÇAS ARMADAS
« Responder #939 em: Setembro 23, 2020, 01:52:33 pm »
Aqui mete-se a despesa da GNR não é ?
Artigo 308º

Traição à Pátria

Quem, por meio de violência, ameaça de violência, usurpação ou abuso de funções de soberania:

a) Tentar separar da Mãe-Pátria, ou entregar a país estrangeiro ou submeter à soberania estrangeira, todo o território português ou parte dele
 

*

nelson38899

  • Investigador
  • *****
  • 4279
  • Recebeu: 289 vez(es)
  • Enviou: 282 vez(es)
  • +56/-26
Re: REFORMAR E MODERNIZAR AS FORÇAS ARMADAS
« Responder #940 em: Setembro 23, 2020, 02:19:25 pm »
A Espanha recorre a vários estratagemas, como por exemplo meter a conta noutros ministérios em equipamentos/armamentos para as Forças Armadas.

Curioso é o oposto de nós.
Eles gastam mais, mas querem parecer que gastam menos (pode ser por razões de popularidade dos governos).
Nós queremos gastar menos, mas parecer que gastamos mais (para fingir que cumprimos as metas NATO).

Daquilo que sei, o maior investidor espanhol em armamento é o ministério da indústria.
"Que todo o mundo seja «Portugal», isto é, que no mundo toda a gente se comporte como têm comportado os portugueses na história"
Agostinho da Silva
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Cabeça de Martelo

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 6546
  • Recebeu: 2916 vez(es)
  • Enviou: 1491 vez(es)
  • +1367/-101
Re: REFORMAR E MODERNIZAR AS FORÇAS ARMADAS
« Responder #941 em: Setembro 23, 2020, 03:58:07 pm »



Se fosse verdade termos essa verba anual para o orçamento da DN, era um luxo.
Poderíamos/deveríamos ter umas FFAA com o dobro do efectivo actual e com armamento/equipamento do melhor, mas como as FFAA dependem de políticos e das suas acções
cativantes, penso não ser necessário mais comentarios.

Abraços
« Última modificação: Setembro 23, 2020, 03:59:19 pm por tenente »
 

*

goldfinger

  • Analista
  • ***
  • 892
  • Recebeu: 323 vez(es)
  • Enviou: 73 vez(es)
  • +116/-10
Re: REFORMAR E MODERNIZAR AS FORÇAS ARMADAS
« Responder #942 em: Setembro 23, 2020, 04:21:36 pm »
A Espanha recorre a vários estratagemas, como por exemplo meter a conta noutros ministérios em equipamentos/armamentos para as Forças Armadas.

Curioso é o oposto de nós.
Eles gastam mais, mas querem parecer que gastam menos (pode ser por razões de popularidade dos governos).
Nós queremos gastar menos, mas parecer que gastamos mais (para fingir que cumprimos as metas NATO).

Si, se recurre a muitas estratagemas, como pagar por separado las misioes internacionales, y con esos "fondos" aprovechar para adquirir GVN, vehículos, comunicaciones...

Los PEAs, los financia la Industria, y son con lo que se pagan la mayor parte de los grandes programas, como el A400, el Leopard, las F100.....luego se van pagando de fondos de cancelación de deuda.

En Espanha hay un dicho..." arranhao mais que una tartaruga en un cubo".....pois eso.. :-\
A España servir hasta morir
 

 

Forças mecanizadas do exército Espanhol à beira de Portugal

Iniciado por dremanu

Respostas: 13
Visualizações: 5910
Última mensagem Maio 08, 2006, 12:40:15 pm
por carlovich
DN: Comando NATO de Oeiras tutela forças de reacção

Iniciado por PereiraMarques

Respostas: 0
Visualizações: 2138
Última mensagem Novembro 14, 2006, 11:38:41 am
por PereiraMarques
Forças de segurança encontram-se sob escuta

Iniciado por antoninho

Respostas: 1
Visualizações: 1795
Última mensagem Outubro 04, 2006, 10:59:36 am
por Rui Elias
Forças Aeromóveis, opinião

Iniciado por typhonman

Respostas: 0
Visualizações: 1013
Última mensagem Outubro 13, 2009, 10:02:41 pm
por typhonman
"Crise já atinge Forças Armadas"

Iniciado por Lancero

Respostas: 8
Visualizações: 4521
Última mensagem Junho 04, 2008, 06:13:35 pm
por Gina