O Reapetrechamento da Marinha

  • 786 Respostas
  • 41896 Visualizações
*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 9841
  • Recebeu: 1084 vez(es)
  • Enviou: 1624 vez(es)
  • +1005/-1269
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #660 em: Junho 18, 2020, 12:57:09 pm »
A questão é, se esses fundos não enchem bolsos aos senhores, não há interesse.  ::)

E 30 anos? Então estão novos ainda, por cá se não tiver 50 é como novo.

Segundo rumores oriundos do Alfeite, alguns navios hidrográficos podem ser os próximos a ser encostados nomeadamente os dois da classe Andrómeda, além de alguns patrulhas da classe Centauro.

Claramente o CEMA tem uma nova política, não está em condições é para abater.
Vamos ver se consegue ter os efeitos que o CEMA quer ou vai acabar por ter efeitos que o CEMA não está a espera.

Então vamos passar a ter uma Marinha submarina, porque tirando os Trident não estou a ver o que está em condições... :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen:

Saudações  :mrgreen: :mrgreen:

P.S. Alfeite 2020  ::) ::)



Aquelas carreiras de construção abandonadas

Que nojo de políticos e militares

Tachistas
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 9841
  • Recebeu: 1084 vez(es)
  • Enviou: 1624 vez(es)
  • +1005/-1269
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

JohnM

  • Membro
  • *
  • 289
  • Recebeu: 73 vez(es)
  • Enviou: 18 vez(es)
  • +12/-5
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #662 em: Junho 18, 2020, 02:59:07 pm »
Como sou um optimista sem cura, estive a ver com atenção a lista de projetos PESCO (https://www.consilium.europa.eu/media/41333/pesco-projects-12-nov-2019.pdf) e reparei que estamos em dois ou três que podem ser interessantes para equipar os NPO. Em particular, achei interessante o facto de estarmos em dois projetos de módulos de luta ASW (MUSAS, que lideramos) e MCM (MAS MCM); adquirindo dois ou três módulos de cada, pode-se tornar os NPO em navios interessantes para operações costeiras... como estamos a falar de módulos, não é preciso comprar 10 de cada... compram-se 2-4 de cada e equipam-se os NPO à medida e libertam-se as fragatas para operações blue water... até se podiam utilizar eventualmente nas EPC, se viermos a entrar no programa. Quero crer que seja essa a ideia, senão para que iríamos entrar nos programas?

Abraço
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 3604
  • Recebeu: 856 vez(es)
  • Enviou: 192 vez(es)
  • +175/-86
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #663 em: Junho 18, 2020, 03:56:41 pm »
Como sou um optimista sem cura, estive a ver com atenção a lista de projetos PESCO (https://www.consilium.europa.eu/media/41333/pesco-projects-12-nov-2019.pdf) e reparei que estamos em dois ou três que podem ser interessantes para equipar os NPO. Em particular, achei interessante o facto de estarmos em dois projetos de módulos de luta ASW (MUSAS, que lideramos) e MCM (MAS MCM); adquirindo dois ou três módulos de cada, pode-se tornar os NPO em navios interessantes para operações costeiras... como estamos a falar de módulos, não é preciso comprar 10 de cada... compram-se 2-4 de cada e equipam-se os NPO à medida e libertam-se as fragatas para operações blue water... até se podiam utilizar eventualmente nas EPC, se viermos a entrar no programa. Quero crer que seja essa a ideia, senão para que iríamos entrar nos programas?

Abraço

A nossa sina é essa, somos experts nas intenções, entramos em programas e isto e aquilo, e muitas vezes não passa de "letters of intent". Passado uns anos, talvez tenhas um módulozito, só para dizer que sim, porque não vai haver dinheiro, ou vontade de o gastar, em brinquedos desses.

Mas a ver vamos, essa capacidade seria interessante, mas representa uma parte ínfima das necessidades da Marinha, é aquela história, os NPOs vão ficar tão XPTO, enquanto o resto cai na obsolescência. E com jeitinho, ainda se convencem a substituir navios combatentes por eles.

A questão é, se esses fundos não enchem bolsos aos senhores, não há interesse.  ::)

E 30 anos? Então estão novos ainda, por cá se não tiver 50 é como novo.

Segundo rumores oriundos do Alfeite, alguns navios hidrográficos podem ser os próximos a ser encostados nomeadamente os dois da classe Andrómeda, além de alguns patrulhas da classe Centauro.

Claramente o CEMA tem uma nova política, não está em condições é para abater.
Vamos ver se consegue ter os efeitos que o CEMA quer ou vai acabar por ter efeitos que o CEMA não está a espera.

Então vamos passar a ter uma Marinha submarina, porque tirando os Trident não estou a ver o que está em condições... :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen:

Saudações  :mrgreen: :mrgreen:

P.S. Alfeite 2020  ::) ::)



Aquelas carreiras de construção abandonadas

Que nojo de políticos e militares

Tachistas

Se calhar conseguiam construir lá um par de navios hidrográficos, e umas lanchas para substituir as Argos e Centauro. Penso eu de que.

Claramente o CEMA tem uma nova política, não está em condições é para abater.
Vamos ver se consegue ter os efeitos que o CEMA quer ou vai acabar por ter efeitos que o CEMA não está a espera.

E qual é essa política, o zero naval? É que se o CEMA está à espera de forçar a mão do Ministro com essa "chantagem" (se é isso que estás a insinuar) creio que se dará mal e ele, como tantos outros, quererá é preservar a sua reformazinha pequenininha e a eventualidade de cair nas boas graças da tutela para, quem sabe, um dia até almejar a ser CEMGFA. Lá está, Calado vai-se a Roma. ::)

Não é chantagem, simplesmente não está em condições vai para abate. De que serve um meio "estacionado" durante anos porque não está em condições?

Este CEMA não chega a CEMGFA, já o da FAP tem grande futuro.

E em que é que o CEMA tem crédito nisso? Se o navio não está em condições, vai para abate na mesma mais tarde ou mais cedo.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44

*

ICE 1A+

  • Analista
  • ***
  • 726
  • Recebeu: 532 vez(es)
  • Enviou: 43 vez(es)
  • +187/-11
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #664 em: Junho 21, 2020, 10:10:22 am »
Coloco aqui este post ... porque falamos tantas vezes deles , em vários tópicos,
A vezes em tom de brincadeira às vezes mais a sério.


Foram os dois vendidos para  desmantelamento com apenas 15 anos de uso, por cerca de 4 milhões a unidade.
 A concorrência dos contentores frigoríficos e as novas regras IMO de emissões poluentes tornou inviável economicamente a operação de REEFER Ships convencionais .  Dezenas por todo mundo estão a ser desmantelados.


Algures na Baia de Alang

RIP

« Última modificação: Junho 21, 2020, 10:27:46 am por ICE 1A+ »
 

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 3918
  • Recebeu: 314 vez(es)
  • Enviou: 170 vez(es)
  • +474/-209
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #665 em: Junho 21, 2020, 04:04:29 pm »
Não serve !
Artigo 308º

Traição à Pátria

Quem, por meio de violência, ameaça de violência, usurpação ou abuso de funções de soberania:

a) Tentar separar da Mãe-Pátria, ou entregar a país estrangeiro ou submeter à soberania estrangeira, todo o território português ou parte dele
 

*

Stalker79

  • Investigador
  • *****
  • 1622
  • Recebeu: 334 vez(es)
  • Enviou: 1464 vez(es)
  • +128/-18
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #666 em: Junho 21, 2020, 04:26:48 pm »
STANDARDS DA NATO PÁ! (E outras mentiras engraçadas que podem dizer a voçes mesmo para desculpar a incompetencia de quem manda nesta republica das bananas!)
 :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen:
 

*

Red Baron

  • Investigador
  • *****
  • 1299
  • Recebeu: 183 vez(es)
  • Enviou: 178 vez(es)
  • +91/-72
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #667 em: Junho 21, 2020, 05:33:00 pm »
Coloco aqui este post ... porque falamos tantas vezes deles , em vários tópicos,
A vezes em tom de brincadeira às vezes mais a sério.


Foram os dois vendidos para  desmantelamento com apenas 15 anos de uso, por cerca de 4 milhões a unidade.
 A concorrência dos contentores frigoríficos e as novas regras IMO de emissões poluentes tornou inviável economicamente a operação de REEFER Ships convencionais .  Dezenas por todo mundo estão a ser desmantelados.


Algures na Baia de Alang

RIP



A falta que faz uma Marinha Mercante em Portugal, um navio como esse podia ser um garante de abastecimento as ilhas.

Mas como as ilhas não podem ter meios próprios e a marinha nem dinheiro tem para fazer o MLU as M têm, é para esquecer.
 

*

ICE 1A+

  • Analista
  • ***
  • 726
  • Recebeu: 532 vez(es)
  • Enviou: 43 vez(es)
  • +187/-11
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #668 em: Junho 21, 2020, 08:49:18 pm »
Eu sei que não serve! Eu sei que eles já foram esquartejados em peças.
Eu sei que a marinha portuguesa nunca vai ter um navio de  20 mil tons de deslocamento
Só coloquei o post por razões emocionais.
Primeiro: foram os últimos navios em que trabalhei nos Ex:  ENVC.
Segundo: em memória do meu grande  amigo Chaimites, que tantas saudades deixou.
Mesmo neste fórum quando nos divertíamos a fazer uns copy /past  da proa destes navios nos NPO’s 2000

Os membros mais antigos devem-se lembrar, bem, desses tempos!

Descansa em paz meu grande amigo Chaimites.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Luso, P44, NVF, Lightning, nelson38899, Crypter, Turlu, zawevo

*

JohnM

  • Membro
  • *
  • 289
  • Recebeu: 73 vez(es)
  • Enviou: 18 vez(es)
  • +12/-5
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #669 em: Junho 24, 2020, 08:55:44 pm »
As últimas novidades das novas M...  claro foco ASW, entrada ao serviço na Holanda em 2028 e 2029, na Bélgica em 2030 e 2031 (presumivelmente)... https://www.navalnews.com/naval-news/2020/06/dutch-mod-clears-path-for-the-m-frigates-replacement-expects-delays/

Entrada ao serviço em Portugal em 2032 e 2033, para substituir as BD? Era bom e sonhar não custa...

Abraço
João
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 3604
  • Recebeu: 856 vez(es)
  • Enviou: 192 vez(es)
  • +175/-86
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #670 em: Junho 25, 2020, 01:37:28 pm »
Deve ser deve.  :mrgreen:
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: tenente

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 9841
  • Recebeu: 1084 vez(es)
  • Enviou: 1624 vez(es)
  • +1005/-1269
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #671 em: Junho 25, 2020, 08:54:41 pm »
Primeira bola a sair do saco
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 7062
  • Recebeu: 3089 vez(es)
  • Enviou: 1643 vez(es)
  • +1668/-132
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #672 em: Junho 29, 2020, 06:31:20 am »
Deve ser deve.  :mrgreen:

Eu também acredito nisso, mais depressa vejo a GNR, com navios de patrulha oceânica e com helis, que a marinheca, com fragatas novas.

Abraços
« Última modificação: Junho 30, 2020, 10:22:29 am por tenente »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 8431
  • Recebeu: 988 vez(es)
  • Enviou: 1159 vez(es)
  • +138/-46
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #673 em: Junho 29, 2020, 09:50:22 am »
Eu também acredito nisso, bais depressa fejo a GNR, com navios de patrulha oceânica e com helus, que a marinheca, com fragatas novas.

Abraços

A única coisa que pode dificultar o lado da GNR, pelo que li numa dessas teses que o pessoal vai postando, é a parte técnica de operar um navio, engenheiros navais e especialistas em mecanica e electrónica, até as LVI da UCC devem ter um mecânico a bordo e  não abundam militares da GNR com essa valência, imagina agora navios oceânicos.

A realidade é que quem vai para a GNR, a selecção dos seus elementos, o tipo de formação que eles recebem, dos oficiais de Academia ao Guarda é mais "operacional" e "policial" e menos "técnica", quase de certeza que tudo o que a GNR têm, exepto as armas, devem ter contractos de manutenção com empresas.

Só se fizessem algum acordo com a Marinha, em que técnicos e engenheiros da Marinha embarcassem nos meios da GNR.
« Última modificação: Junho 29, 2020, 09:51:08 am por Lightning »
 

*

Get_It

  • Investigador
  • *****
  • 1821
  • Recebeu: 244 vez(es)
  • Enviou: 451 vez(es)
  • +13/-1
Re: O Reapetrechamento da Marinha
« Responder #674 em: Junho 30, 2020, 12:40:52 am »
Lightning, a GNR se realmente quiser dá bem a volta a isso sem a ajuda da Marinha. Basta enviar pessoal para um curso civil na Escola Superior Náutica, na ITN, ou numa outra qualquer. E acho que não vai faltar muito para isso.

Cumprimentos,
:snip: :snip: :Tanque:
 

 

Passos quer Marinha com nova "abertura ao mar"

Iniciado por zawevo

Respostas: 4
Visualizações: 4277
Última mensagem Maio 15, 2012, 09:42:43 am
por P44
Marinha entrega pela primeira vez comando de navio a mulher

Iniciado por Marauder

Respostas: 38
Visualizações: 13271
Última mensagem Maio 18, 2006, 09:03:15 am
por Pedro Monteiro
Fragatas e Corvetas Portuguesas a vela da Marinha 1815/1860

Iniciado por mkorobok

Respostas: 9
Visualizações: 4452
Última mensagem Julho 12, 2011, 12:13:30 pm
por mkorobok
Fará sentido comprar mais EH-101 para a marinha?

Iniciado por papatango

Respostas: 28
Visualizações: 11556
Última mensagem Setembro 12, 2005, 05:04:26 pm
por Rui Elias
Novo artigo sobre a Esquadrilha de Helicópteros da Marinha

Iniciado por Pedro Monteiro

Respostas: 0
Visualizações: 2397
Última mensagem Maio 06, 2009, 09:03:24 pm
por Pedro Monteiro