Classe Viana do Castelo Melhorias ao Projecto Inicial

  • 524 Respostas
  • 124846 Visualizações
*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 5189
  • Recebeu: 2393 vez(es)
  • Enviou: 911 vez(es)
  • +643/-76
Re: Classe Viana do Castelo Melhorias ao Projecto Inicial
« Responder #510 em: Fevereiro 19, 2020, 11:44:36 am »
Possível upgrade dos River bach 2.

https://www.naval.com.br/blog/2020/02/17/aprimorando-os-opvs-classe-river-batch-ii/

Citar
Os River Batch II são equipados com um Sistema de Gerenciamento de Combate (CMS) que facilitará futuras atualizações de sistema de armas.

O site Save The Royal Navy publicou algumas configurações possíveis de upgrades para os River Batch II que reproduzimos abaixo.







Saudações

Apostaria as minhas fichas em dois/três OPV Max.

Abraços
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 8333
  • Recebeu: 559 vez(es)
  • Enviou: 931 vez(es)
  • +330/-252
Re: Classe Viana do Castelo Melhorias ao Projecto Inicial
« Responder #511 em: Fevereiro 19, 2020, 01:17:40 pm »
Vamos comprar os River?  :mrgreen:
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 1987
  • Recebeu: 450 vez(es)
  • Enviou: 87 vez(es)
  • +91/-25
Re: Classe Viana do Castelo Melhorias ao Projecto Inicial
« Responder #512 em: Fevereiro 19, 2020, 01:45:00 pm »
Mais depressa víamos os nossos NPO equipados com o armamento/equipamento do OPV Max do que adquiríamos algum desses.
 

*

LM

  • Especialista
  • ****
  • 974
  • Recebeu: 154 vez(es)
  • Enviou: 911 vez(es)
  • +132/-3
Re: Classe Viana do Castelo Melhorias ao Projecto Inicial
« Responder #513 em: Fevereiro 19, 2020, 03:41:43 pm »
Sendo que "River II" - um projecto para o qual tenho algum apreço, como já devem ter percebido  ;) - uma evolução do projecto inicial  (que teve, originalmente, em relação aos NPO mais capacidades, nos sensores, por exemplo) e essa evolução incluiu alterações importantes que permitem ter mais "resiliência" para danos... ou seja, nos nossos NPO não seria "apenas" colocar sensores e armas mas também investir em alterações algo "invisíveis"...       
Quidquid latine dictum sit, altum videtur
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 1987
  • Recebeu: 450 vez(es)
  • Enviou: 87 vez(es)
  • +91/-25
Re: Classe Viana do Castelo Melhorias ao Projecto Inicial
« Responder #514 em: Fevereiro 19, 2020, 04:37:19 pm »
O problema é que nem uma nem outra alternativa irá acontecer. Mais depressa viria o 3º Tridente, do que qualquer OPV estrangeiro ou NPO modificado. E todos sabemos que é quase impossível vir o 3º Tridente... portanto...
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 8333
  • Recebeu: 559 vez(es)
  • Enviou: 931 vez(es)
  • +330/-252
Re: Classe Viana do Castelo Melhorias ao Projecto Inicial
« Responder #515 em: Fevereiro 19, 2020, 05:44:32 pm »
"quase"? :jok:
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 1987
  • Recebeu: 450 vez(es)
  • Enviou: 87 vez(es)
  • +91/-25
Re: Classe Viana do Castelo Melhorias ao Projecto Inicial
« Responder #516 em: Fevereiro 19, 2020, 10:18:11 pm »
Ali bem no fundo, ainda há uma pequeníssima réstia de esperança de vir o "submarino D. Sebastião", na tal manhã de nevoeiro.  :mrgreen:

Se não metesse ali o "quase", era logo acusado de má língua... há-que equilibrar as coisas.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 3112
  • Recebeu: 1479 vez(es)
  • Enviou: 3134 vez(es)
  • +591/-92
Re: Classe Viana do Castelo Melhorias ao Projecto Inicial
« Responder #517 em: Fevereiro 20, 2020, 12:51:02 am »
Para quê outros OPV, quando a Marinha e a classe política acham que os NPOs são extremamente avançados e até competitivos com o que de melhor se faz lá fora? Obviamente, os senhores oficiais da Marinha  prestam pouca atenção à Janes e quando vão aos certames internacionais ficam-se pelos cocktails e canapés.

Quanto aos políticos, estão-se marimbando para tudo o que é defesa e soberania nacional e papam quase tudo o que os militares lhe dizem. A grande excepção são as quantidades, pois acham que os militares exageram nos números de equipamentos a adquirir. Segundo me disseram, foi por isso que só se adquiriram dois submarinos, que são mais do que suficientes para as nossas necessidades. E ao que parece muita gente acha que todos os Tejo já se encontram ao serviço.

Estamos entregues à bicharada e é uma pura perda de tempo estarmos aqui a discutir o sexo dos anjos.
Everyone you will ever meet knows something that you don't.
- Bill Nye
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Luso, P44, Charlie Jaguar, tenente, mayo, MATRA

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 1987
  • Recebeu: 450 vez(es)
  • Enviou: 87 vez(es)
  • +91/-25
Re: Classe Viana do Castelo Melhorias ao Projecto Inicial
« Responder #518 em: Fevereiro 20, 2020, 12:51:45 pm »
Acho que quando há esses certames internacionais, eles fazem um desvia e vão a uma prova de vinhos que haja lá perto, assim evitam a humilhação de ver equipamentos militares de topo e não ter dinheiro nenhum para os comprar...

Mas se dos políticos já é de esperar à décadas esta falta de consideração pelas forças armadas, das próprias chefias militares é que já é chocante. Basta ver que o "LPD ideal" para nós é um LPD com base em projectos com 20 anos ou mais (Rotterdam), quando hoje em dia já se faz todo o tipo de LPD/LHD que não se limitam a um "casco com um prédio em cima".

Quanto aos NPOs, eu nem exigia que vissem navios estrangeiros e os comparassem, mas que pelo menos dessem uma vista de olhos no mercado para equipamentos que podem ser instalados nos nossos navios, desde sensores, armamento, contra-medidas, lanchas de intercepção, UAVs, USVs, etc. Esta história de querer que os nossos NPOs façam o mesmo que os dos aliados, que por sua vez têm hangar e helicóptero, armamento mais pesado, sensores mais modernos, etc é que me parece ridículo.
 

*

Red Baron

  • Analista
  • ***
  • 603
  • Recebeu: 102 vez(es)
  • Enviou: 122 vez(es)
  • +82/-24
Re: Classe Viana do Castelo Melhorias ao Projecto Inicial
« Responder #519 em: Fevereiro 21, 2020, 07:36:13 pm »
Citar
Initial trials with a SPYRO 4N VTOL UAS hosting an electro-optical/infrared payload were carried out from NRP Sines during a deployment to the Gulf of Guinea in late 2019. The UAS, which is designated by the navy as the Açor class, was provided by UAVision as part of a joint agreement.

During the trials, take-off and landing operations were carried out from the flight deck by an external pilot with a portable C2 terminal; however, the navy is looking to add this capability to the new C3 package that has been installed in the bridge for UAS automatic take-off and landing.

The UAS C3 package was supplied by UAVision under a contract awarded on 24 October 2019. It is based on the company’s G2000 ground control station and mainly consists of servers and four large rugged monitors located in the ship’s bridge, software for telemetry, planning, flight control and payload operation, and the StormCOMM long-range IP datalink.

 :D
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 5189
  • Recebeu: 2393 vez(es)
  • Enviou: 911 vez(es)
  • +643/-76
Re: Classe Viana do Castelo Melhorias ao Projecto Inicial
« Responder #520 em: Fevereiro 25, 2020, 06:10:24 am »
Portugal adds VTOL UAS capability to OPVs
Victor Barreira, Lisbon - Jane's Navy International

The Portuguese Navy is introducing a vertical take-off and landing (VTOL) unmanned aerial system (UAS) operating capability to its Viana do Castelo-class offshore patrol vessels (OPVs), the service has told Jane’s .


NRP Sines is the first Portuguese OPV to be fitted with a C3 suite for VTOL UAS operations. (Victor Barreira)

The four OPVs are operated by the navy’s Surface Ships Squadron in a wide range of roles over the country’s exclusive economic zone (EEZ) and frequently as part of multinational operations.
Initial trials with a SPYRO 4N VTOL UAS hosting an electro-optical/infrared payload were carried out from NRP Sines during a deployment to the Gulf of Guinea in late 2019. The UAS, which is designated by the navy as the Açor class, was provided by UAVision as part of a joint agreement.

During the trials, take-off and landing operations were carried out from the flight deck by an external pilot with a portable C2 terminal; however, the navy is looking to add this capability to the new C3 package that has been installed in the bridge for UAS automatic take-off and landing.

The UAS C3 package was supplied by UAVision under a contract awarded on 24 October 2019. It is based on the company’s G2000 ground control station and mainly consists of servers and four large rugged monitors located in the ship’s bridge, software for telemetry, planning, flight control and payload operation, and the StormCOMM long-range IP datalink.

https://www.janes.com/article/94449/portugal-adds-vtol-uas-capability-to-opvs

Abraços
« Última modificação: Fevereiro 25, 2020, 06:12:11 am por tenente »
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 5189
  • Recebeu: 2393 vez(es)
  • Enviou: 911 vez(es)
  • +643/-76
Re: Classe Viana do Castelo Melhorias ao Projecto Inicial
« Responder #521 em: Fevereiro 28, 2020, 09:50:59 am »
Sensores e armamento deste tipo é o que os nossos NPO precisam !!!
em termos de radares estes NPO Holandeses são muito superiores ás nossas BD !!

https://www.navalanalyses.com/2014/11/holland-class-offshore-patrol-boats-of.html




Abraços
« Última modificação: Fevereiro 28, 2020, 09:52:27 am por tenente »
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 8333
  • Recebeu: 559 vez(es)
  • Enviou: 931 vez(es)
  • +330/-252
Re: Classe Viana do Castelo Melhorias ao Projecto Inicial
« Responder #522 em: Fevereiro 28, 2020, 10:08:39 am »
Esses navios foram concebidos primáriamente para patrulhas de longo curso nas Antilhas Holandesas
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

LM

  • Especialista
  • ****
  • 974
  • Recebeu: 154 vez(es)
  • Enviou: 911 vez(es)
  • +132/-3
Re: Classe Viana do Castelo Melhorias ao Projecto Inicial
« Responder #523 em: Fevereiro 28, 2020, 11:03:43 am »
Esses navios foram concebidos primáriamente para patrulhas de longo curso nas Antilhas Holandesas

E custam quanto...? Voltamos à velha questão de "manteiga vs canhões" - compreendo os NPO "arrastões" (apesar de ter dificuldade na parte de não haver um radar "militar", por limitado que seja), mas ter um par de NPO tipo "River II" teria toda a lógica e utilidade, libertando as nossas poucas fragatas (salvo se tivermos deitado a "toalha ao chão" e 3 das 5 sejam para segurança marítima apenas).
Quidquid latine dictum sit, altum videtur
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 1987
  • Recebeu: 450 vez(es)
  • Enviou: 87 vez(es)
  • +91/-25
Re: Classe Viana do Castelo Melhorias ao Projecto Inicial
« Responder #524 em: Fevereiro 28, 2020, 01:36:14 pm »
Sensores e armamento deste tipo é o que os nossos NPO precisam !!!
em termos de radares estes NPO Holandeses são muito superiores ás nossas BD !!

https://www.navalanalyses.com/2014/11/holland-class-offshore-patrol-boats-of.html




Abraços

Não acredites no marketing holandês, isso são corvetas com excelentes sensores e armamento básico.  :mrgreen:
Só têm menos 7 metros que as nossas VdG, ou seja, mais 25 metros que os nossos NPO e mil toneladas de deslocamento a mais.

Por cá este tipo de navios ainda substituía as fragatas, e ainda ficávamos pior do que já estamos em capacidade bélica.  :bang:
 

 

Projecto NPO 2000 da Marinha Portuguesa

Iniciado por Lince

Respostas: 4807
Visualizações: 882684
Última mensagem Março 27, 2020, 11:47:34 am
por tenente
Patrulhas Costeiros Classe "Tejo"

Iniciado por paraquedista

Respostas: 787
Visualizações: 219730
Última mensagem Março 25, 2020, 02:49:40 pm
por Pescador
Fotografias de Navios da Classe Cmdte João Belo

Iniciado por AyalaBotto

Respostas: 66
Visualizações: 30831
Última mensagem Dezembro 03, 2019, 06:35:17 pm
por P44
Um LHC Usado Classe Tarawa para a Marinha Portuguesa

Iniciado por Rvsantinho

Respostas: 20
Visualizações: 8566
Última mensagem Janeiro 20, 2011, 09:01:46 pm
por ICE 1A+
Corvetas da classe João Coutinho oferecidas às Filipinas

Iniciado por Charlie Jaguar

Respostas: 62
Visualizações: 15476
Última mensagem Junho 01, 2017, 11:34:35 pm
por mafets