Orçamentos Anuais do Ministério da Defesa

  • 46 Respostas
  • 11413 Visualizações
*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 6550
  • Recebeu: 2916 vez(es)
  • Enviou: 1495 vez(es)
  • +1372/-101
Re: Orçamentos Anuais do Ministério da Defesa
« Responder #45 em: Janeiro 03, 2020, 07:14:27 pm »
O orçamento em si não é mau, se formos a fazer uma comparação directa com todo o orçamento da LPM para 12 anos. O problema é que destes 2445 milhões, apenas uma fracção irá para a modernização dos ramos (os tais 315 milhões para "procurement"?). Sendo este o caso, para que serão os restantes 1.5 mil milhões? Salários, manutenção, etc?

dc como chegas aos 1.500 milhões para salários e mnt etc, se a percentagem do orçamento da defesa relegada só para o pessoal é de 80% ?
Se esta percentagem estiver correcta,  valor correspondente aos 80% é de 1.956 milhões um absurdo para um efectivo de 23.000 elementos , fixando-se um valor per capita superior a €75.000/homem/mulher/ano.
sabendo nós que a classe de Praças representa 50% do total, e sabendo nós o que auferem mensalmente, então, os outros 50% auferem o remanescente o que é demasiado, muito mesmo, para 11.500 oficiais e sargentos.

https://www.dn.pt/poder/meta-de-2-do-pib-em-2024-implica-gastar-mais-de-4-mil-milhoes-anuais-em-defesa-9574390.html

Note-se que cada décima do PIB será maior a cada novo ano, à luz das previsões do FMI sobre o crescimento da economia portuguesa: 3,4% do PIB em 2019 (para 207,6 mil milhões de euros), 3,2% em 2020 (214,3 mil milhões) e 2,9% em cada um dos três anos seguintes (atingindo os 233,6 mil milhões em 2023) - pelo que o orçamento da Defesa em 2024 ultrapassará os 4 mil milhões de euros.

Contudo, mantém-se "um desequilíbrio financeiro brutal" entre as suas três rubricas principais: 80% para pessoal, 11% para investimento (os cerca de 275 milhões de euros inscritos na Lei de Programação Militar) e apenas 9% para operação e manutenção das Forças Armadas, lamentou uma alta patente ao DN.


Mas o mais grave é que nem sequer os 275 milhões alocados ao investimento saem do Orçamento da Defesa, pois vem da LPM.
Portanto o orçamento da defesa é composto apenas por duas rubricas, pelos tais 80% + os 9% para operação e manutenção das Forças Armadas , ou seja ficam tais 11% para investimento, em lugar incerto. Se da LPM chegam á defesa 275 milhões, no entanto, esses mesmos 11% relativamente ao orçamento da defesa representam 268 milhões, que ao fim e ao cabo desaparecem do orçamento senão vejamos:

1.956 milhões + 220 milhões ( os 9%) = 2.176 milhões + os 275 milhões da LPM = 2451 milhões
Onde ficam os 269 milhões que são os 11% que sobram do Orçamento da Defesa, 2445 - 2176 = 269 milhões ???

Abraços
« Última modificação: Janeiro 03, 2020, 07:46:24 pm por tenente »
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 3251
  • Recebeu: 740 vez(es)
  • Enviou: 164 vez(es)
  • +158/-62
Re: Orçamentos Anuais do Ministério da Defesa
« Responder #46 em: Janeiro 03, 2020, 09:59:15 pm »
Estes orçamentos são não só confusos como nada transparentes. E quem vê um orçamento destes, em que 80% vai para salários e regalias, pensa que os nossos militares ganham o mesmo que o PR, o que é totalmente mentira. Mas já era mais que óbvio que os oficiais levavam com uma grande percentagem do orçamento, só não sabia que, comparativamente, era assim tanto. E isto na prática explica como é que vai muito dinheiro para as FA, mas pouco dele gera melhorias qualitativas tanto a nível de equipamentos como de estabelecimentos.

O orçamento em si não é mau, se formos a fazer uma comparação directa com todo o orçamento da LPM para 12 anos. O problema é que destes 2445 milhões, apenas uma fracção irá para a modernização dos ramos (os tais 315 milhões para "procurement"?). Sendo este o caso, para que serão os restantes 1.5 mil milhões? Salários, manutenção, etc?

dc como chegas aos 1.500 milhões para salários e mnt etc, se a percentagem do orçamento da defesa relegada só para o pessoal é de 80% ?

Eu estava apenas a somar as verbas destinadas à Força Aérea, Exército e Marinha, que dá perto de 1500 milhões. E é aqui que rege a minha dúvida, estes 1500 milhões especificados para os 3 ramos (ignorando os restantes valores anunciados na notícia da Janes), representam o quê concretamente. Não me interessa a percentagem do PIB, simplesmente quero saber a realidade daqueles valores para cada ramo, o que representam, se é só salários e afins.
 

 

Defesa: Prioridade de "segunda linha"

Iniciado por Luso

Respostas: 30
Visualizações: 11109
Última mensagem Dezembro 18, 2006, 10:32:08 pm
por AugustoBizarro
Aguiar Branco quer defesa militar conjunta com Espanha

Iniciado por zawevo

Respostas: 30
Visualizações: 8843
Última mensagem Novembro 20, 2012, 08:10:08 pm
por Edu
Para quem quiser servir a Defesa Nacional sem ser nas FA's

Iniciado por PereiraMarques

Respostas: 0
Visualizações: 1525
Última mensagem Janeiro 03, 2006, 11:13:13 pm
por PereiraMarques
VI Curso de Defesa para Jovens - Funchal 03 a 08 Abril 06

Iniciado por PereiraMarques

Respostas: 0
Visualizações: 1662
Última mensagem Janeiro 25, 2006, 10:01:54 pm
por PereiraMarques
DN: Defesa cria Observatório para seguir juventude

Iniciado por PereiraMarques

Respostas: 0
Visualizações: 1168
Última mensagem Abril 13, 2006, 08:53:00 pm
por PereiraMarques