Governo quer alargar direitos marítimos

  • 183 Respostas
  • 63454 Visualizações
*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 2911
  • Recebeu: 642 vez(es)
  • Enviou: 137 vez(es)
  • +137/-53
Re: Governo quer alargar direitos marítimos
« Responder #180 em: Junho 03, 2020, 03:55:11 pm »
A capacidade AA dos arquipélagos podia ser total ou parcialmente garantida com os tão apregoados Arleigh Burke noutro tópico, por um valor inferior ao que custaria duas simples baterias Patriot novas ou equivalente.

Eu dividia as necessidades em três níveis:

Básico/baixo custo:
-2 AB
-modernização dos F-16 e integração de mísseis Harpoon (e SLAM ER) nos mesmos e novos mísseis ar-ar
-UAVs Hugh Altitude, Long Endurance, como o Triton (ou Global Hawk usados)

Intermédio:
-UCAVs Avenger ou semelhante, com capacidade de abate de pequenas embarcações com Hellfire (Reaper ou Predator usados seriam uma opção)
-baterias Patriot PAC-2 usadas
-2 A-330 MRTT que, além de execturam N missões além de reabastecimento, permitiam uma extensão do alcance dos F-16 sob a ZEE.

"Hardcore":
-mais um U-214 (e upgrade aos dois primeiros)
-missile boats no lugar da artilharia de costa, oferecendo mais mobilidade e uma vertente mais "multi-missão" servindo de patrulhas em tempos de paz
-reforço da capacidade militar dos NPOs a nível de armamento, sensores e helicóptero não tripulado
-dotação dos C-295 MPA com capacidade ASuW, instalando os mísseis Marte.

Obviamente que à medida que se subia no nível de reequipamento, este era somado ao anterior.
Mas nós tempos que correm, o nível "básico" já era muito bom face ao que temos.
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 6037
  • Recebeu: 2718 vez(es)
  • Enviou: 1199 vez(es)
  • +1042/-92
Re: Governo quer alargar direitos marítimos
« Responder #181 em: Junho 03, 2020, 04:10:40 pm »
A capacidade AA dos arquipélagos podia ser total ou parcialmente garantida com os tão apregoados Arleigh Burke noutro tópico, por um valor inferior ao que custaria duas simples baterias Patriot novas ou equivalente.

Eu dividia as necessidades em três níveis:

Básico/baixo custo:
-2 AB
-modernização dos F-16 e integração de mísseis Harpoon (e SLAM ER) nos mesmos e novos mísseis ar-ar
-UAVs Hugh Altitude, Long Endurance, como o Triton (ou Global Hawk usados)

Intermédio:
-UCAVs Avenger ou semelhante, com capacidade de abate de pequenas embarcações com Hellfire (Reaper ou Predator usados seriam uma opção)
-baterias Patriot PAC-2 usadas
-2 A-330 MRTT que, além de execturam N missões além de reabastecimento, permitiam uma extensão do alcance dos F-16 sob a ZEE.

"Hardcore":
-mais um U-214 (e upgrade aos dois primeiros)
-missile boats no lugar da artilharia de costa, oferecendo mais mobilidade e uma vertente mais "multi-missão" servindo de patrulhas em tempos de paz
-reforço da capacidade militar dos NPOs a nível de armamento, sensores e helicóptero não tripulado
-dotação dos C-295 MPA com capacidade ASuW, instalando os mísseis Marte.

Obviamente que à medida que se subia no nível de reequipamento, este era somado ao anterior.
Mas nós tempos que correm, o nível "básico" já era muito bom face ao que temos.

só no que referiste estão mais de 3.000 milhões .

Abraços
 

*

LM

  • Especialista
  • ****
  • 1193
  • Recebeu: 222 vez(es)
  • Enviou: 1083 vez(es)
  • +194/-6
Re: Governo quer alargar direitos marítimos
« Responder #182 em: Junho 03, 2020, 05:32:44 pm »
Lembrou-me uma entrevista a um oficial da MGP, professor de história na EN, em que referiu as dificuldades que tivemos em 1914, pois não tínhamos equipamento e, claro, mesmo querendo comprar não havia nem disponibilidade nem tempo (e forças militares não se improvisam...).   
Quidquid latine dictum sit, altum videtur
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 2911
  • Recebeu: 642 vez(es)
  • Enviou: 137 vez(es)
  • +137/-53
Re: Governo quer alargar direitos marítimos
« Responder #183 em: Junho 03, 2020, 05:36:48 pm »
Por isso é que dividi em 3 níveis, o mais básico que visa upgrades e substituição de sistemas já existentes (fragatas), e a aquisição dos UAVs HALE que são caros é certo, mas para vigiar a ZEE são muito mais eficazes que os NPOs. Este plano por si só já era um grande aumento de capacidade dissuasora e de vigilância.

Em contraste, só naquela primeira fase, se tivesses que substituir os F-16 por algo novo em vez de modernizar (2500/3000 milhões no mínimo) , substituir as VdG por fragatas novas (1000/1200 milhões), e mandar construir mais 8 NPOs em cima dos 10 já planeados (2 Triton devem vigiar mais área do que 8 NPOs) (60 milhões cada, 480 milhões)...
 

 

Governo gasta 10,1 M€ em meios aéreos para 2006 e 2007

Iniciado por Marauder

Respostas: 5
Visualizações: 2072
Última mensagem Março 22, 2006, 08:54:45 pm
por p_shadow
Governo fixa em 23.636 o limite máximo de militares em 2004

Iniciado por Tiger22

Respostas: 2
Visualizações: 1615
Última mensagem Abril 15, 2004, 07:46:21 pm
por TazMonster
Governo Orienta para Reservas Alimentares de Emergência

Iniciado por ttoliveira

Respostas: 11
Visualizações: 3244
Última mensagem Setembro 24, 2010, 11:24:10 pm
por Luso
Governo cria gabinete de gestão de crises

Iniciado por Fábio G.

Respostas: 1
Visualizações: 1699
Última mensagem Maio 27, 2004, 05:47:44 pm
por FinkenHeinle
Governo dá 5M€ para pagamento de pensões a ex-prisioneiros

Iniciado por Fábio G.

Respostas: 4
Visualizações: 2818
Última mensagem Junho 11, 2008, 09:41:34 am
por legionario