ForumDefesa.com

Forças Armadas e Sistemas de Armas => Força Aérea Portuguesa => Tópico iniciado por: Mercurio em Março 27, 2009, 12:09:34 pm

Título: Notícias da FAP
Enviado por: Mercurio em Março 27, 2009, 12:09:34 pm
No dia 28 de Março vai ter lugar nas instalações da Força Aérea da Ota, a apresentação ao público de um carro de competição de todo-o-terreno patrocinado pela Força Aérea.

De novo na crista da onda da modernidade, a Força Aérea arranca para novos tipos de divulgação do Ramo.
Título:
Enviado por: Mercurio em Abril 04, 2009, 06:37:34 pm
O Museu do Ar vai receber um MIG 21 e um MIG 15 para a excelente colecção que já tem. Vamos lá ver quando é que eles irão exibir essas peças ao público.
Título:
Enviado por: raphael em Abril 04, 2009, 07:37:19 pm
off-topic: sempre pensei que o Museu do Ar só expusesse aeronaves que já tivesse operado! De onde vem a Intel dessa informação??
Título:
Enviado por: Mercurio em Abril 04, 2009, 08:59:08 pm
Eles também têm um F104 e um Mirrage III, e nós nunca operamos essas aeronaves!
Título:
Enviado por: raphael em Abril 04, 2009, 09:37:57 pm
A sério? E onde estão expostos esses tesouros?? Realmente esses desconhecia por completo!
Título:
Enviado por: Mercurio em Abril 04, 2009, 09:48:24 pm
Ota
Título:
Enviado por: raphael em Abril 05, 2009, 01:33:12 pm
Ok obrigado pela info! Tenho de ir lá dar uma olhadela nessas máquinas! Fim do off-topic! :twisted:
Título: Dia dos Spoters
Enviado por: Mercurio em Abril 10, 2009, 05:36:32 pm
Será que a FAP vai relançar o Spoter Day este ano, durante as celebrações do Dia da Força Aérea?

Pessoal, ..., vamos lá fazer pressão, arranjar uma boa camara de fotos e ficar à espera do anuncio oficial, coisa parece prometer.
Título:
Enviado por: Mercurio em Abril 19, 2009, 10:28:44 pm
Jornal SOL

FAP compra avião de Mobtu

O avião de Mobutu acabou de ser restaurado pela Força Aérea Portuguesa (FAP) por razões sentimentais. E vai ser apresentado ao público em Maio nas comemorações dos 100 anos da Aviação em Portugal. Insólito?

Na verdade, o aparelho que pertenceu ao antigo ditador do Zaire faz parte da história da Força Aérea e da guerra colonial portuguesas. É um Boeing 707 igual aos que a FAP usou na guerra colonial para transportar tropas, para repatriar milhares de portugueses depois da descolonização e para ir buscar prisioneiros a Timor-Leste.

Durante 15 anos, o avião presidencial de Mobutu Sesse Seko, que se dizia que tinha torneiras em ouro, esteve abandonado e a apodrecer num hangar da Portela. No final de 2006, a ANA acabou por ficar com o aparelho, na sequência da dívida incobrável pelas taxas de ocupação do aeroporto pelo aparelho.


Esta peça do Museu estaráexposta ao público em Sintra na Exposição da FAP
Título:
Enviado por: João Oliveira Silva em Abril 20, 2009, 10:05:07 pm
Citar
FAP compra avião de Mobtu

O avião de Mobutu acabou de ser restaurado pela Força Aérea Portuguesa (FAP) por razões sentimentais. E vai ser apresentado ao público em Maio nas comemorações dos 100 anos da Aviação em Portugal. Insólito?

Na verdade, o aparelho que pertenceu ao antigo ditador do Zaire faz parte da história da Força Aérea e da guerra colonial portuguesas. É um Boeing 707 igual aos que a FAP usou na guerra colonial para transportar tropas, para repatriar milhares de portugueses depois da descolonização e para ir buscar prisioneiros a Timor-Leste.

Durante 15 anos, o avião presidencial de Mobutu Sesse Seko, que se dizia que tinha torneiras em ouro, esteve abandonado e a apodrecer num hangar da Portela. No final de 2006, a ANA acabou por ficar com o aparelho, na sequência da dívida incobrável pelas taxas de ocupação do aeroporto pelo aparelho.


Esta peça do Museu estaráexposta ao público em Sintra na Exposição da


Não é nada disto. Isto não é inteiramente verdade.
O famoso 707 que esteve anos e anos na Portela acabou - ESTUPIDAMENTE - por ser cortado aos bocadinhos para o destino que é conhecido destas preciosidades, isto é, para fazer panelas de alumínio.
Países que preservam a sua história e tem orgulho no seu passado, constroem museus para albergar preciosidades históricas por forma a que as gerações futuras vejam, toquem e sintam o passado.
Os professores e as escolas têm um papel fundamental nesta dignidade colectiva: saber o que se fez, admirar o passado e procurar fazer mais e melhor no futuro.
Aqui é o que se vê. A palhaçada está ao rubro.
Pois bem, vem isto a propósito deste 707.
Do crime contra o património que foi feito, o que sobrou foi apenas a cabine de pilotagem, que foi cedida ao Museu do Ar ( será que, hoje, aquilo é um museu? ) para exposição.
Não têm quase nenhum interesse.
Teria interesse preservar o avião completo para exposição estática.
Tanto mais que foi o avião percurssor da actual aviação civil tal como a conhecemos hoje, esteve na TAP e dois deles passaram pela FAP tendo levado milhares de portugueses para a guerra africana.
Esta foto é dessa cabine há uns meses.

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi23.photobucket.com%2Falbums%2Fb392%2FJotapicos%2FSintra%2FKansan.jpg&hash=1bafaa9674df8ae9db6ff038cfcab6ed)

A propósito disto, chamo a atenção para o meu último post neste tópico:

 http://www.forumdefesa.com/forum/viewtopic.php?t=8166 (http://www.forumdefesa.com/forum/viewtopic.php?t=8166)

Cumprimentos,
Título:
Enviado por: raphael em Abril 20, 2009, 10:32:13 pm
Do avião só ficou realmente a zona da cabine que já está integralmente restaurada e um dos motores.
Para o forista que questionou se em Sintra existe realmente um Museu do Ar, terá a sua resposta em breve pois a maior parte do espólio de Alverca irá transitar para Sintra. Além de que as instalações em Sintra estão a sofrer uma remodelação profunda que permitirá que venhamos a ter um Museu do Ar mais digno e apresentável.
De qualquer modo na altura das Comemorações do Aniversário da Força Aérea e do Festival Aéreo em Sintra, penso que o que irá ser exposto será do agrado do público em geral.
Na questão dos Fiat's, que se estende um pouco a todas as frotas que a FAP já operou, é impossível ter espaço para albergar toda a frota que foi abatida, algumas unidades foram preservada, outras recuperadas e outras a sua recuperação está planeada.
Título:
Enviado por: Charlie Jaguar em Abril 20, 2009, 11:56:58 pm
Ver um Fiat a voar novamente é que era.  c34x
Título:
Enviado por: raphael em Abril 21, 2009, 12:01:31 am
Citação de: "Charlie Jaguar"
Ver um Fiat a voar novamente é que era.  :twisted:
Título:
Enviado por: nelson38899 em Abril 21, 2009, 09:20:11 am
El hermano del sultán Mohamed, detenido en Portugal por entrar en una avioneta sin permiso

http://www.minutodigital.com/actualidad ... n-permiso/ (http://www.minutodigital.com/actualidad2/2009/04/19/el-hermano-del-sultan-mohamed-detenido-en-portugal-por-entrar-en-una-avioneta-sin-permiso/)
Título:
Enviado por: Jorge Pereira em Abril 21, 2009, 09:36:01 am
Citação de: "nelson38899"
El hermano del sultán Mohamed, detenido en Portugal por entrar en una avioneta sin permiso

http://www.minutodigital.com/actualidad ... n-permiso/ (http://www.minutodigital.com/actualidad2/2009/04/19/el-hermano-del-sultan-mohamed-detenido-en-portugal-por-entrar-en-una-avioneta-sin-permiso/)


Citar
LA IDENTIDAD DEL PILOTO

Y, lo más interesante, el sujeto que pilotaba la avioneta era…. el hermano del sultán Mohamed VI, el príncipe Mulay Rachid, que volaba junto a una joven a la que quería dar un paseíto en avión.
El dato vendría avalado por el hecho de que, como reconoce el diario ‘Público’, había indicios de que se habían abandonado las tareas de búsqueda… posiblemente porque el sujeto fue encontrado pero, al conocerse su identidad, se ordenó un apagón informativo.



 :shock:


Olha o tal que tinha conseguido fugir… c34x
Título:
Enviado por: Charlie Jaguar em Abril 21, 2009, 12:14:10 pm
Apagão informativo? É o que eu digo, isto já chateia ser sempre a mesma coisa.  :roll:
Título:
Enviado por: João Oliveira Silva em Abril 22, 2009, 03:31:56 pm
Citar
Para o forista que questionou se em Sintra existe realmente um Museu do Ar
Raphael:
Não questionei se em Sintra havia um Museu do Ar? Nem é questionável, porque aí não há mesmo, é liminar, não há e pronto.  Eu questionei é se em Portugal há algum museu do ar, da aeronáutica, da aviação, do espaço, da Força Aérea ou lá o nome que lhe quiser chamar, seja em Alverca ou onde se quiser.
Para mim, não há. Ponto final, parágrafo.
E porquê? adiante lhe direi o que penso, mas você já adianta:
Citar
pois a maior parte do espólio de Alverca irá transitar para Sintra. Além de que as instalações em Sintra estão a sofrer uma remodelação profunda que permitirá que venhamos a ter um Museu do Ar mais digno e apresentável.
É aqui que está a questão.
Portugal têm um espólio aeronáutico extraordinário. Aliás o espólio nacional em quase todas as áreas é excepcional e há quem aponte para a razão de tal o facto de não termos sofrido directamente com as duas guerras mundiais, logo isentos de pilhagens, bombardeamentos, etç.
Quase no final dos anos 30 ( sem entrar no campo dos bens confiscados ) o património alemão era fenomenal. Em 1945 não existia.
A humanidade ficou mais pobre, certamente.
Citar
De qualquer modo na altura das Comemorações do Aniversário da Força Aérea e do Festival Aéreo em Sintra, penso que o que irá ser exposto será do agrado do público em geral.
Não discordo, mas o público come o que lhe dão. O público é muito capaz de esmiuçar um AlloueteIII e, em vez de ver o que o helicóptero representou ao longo de 40 anos de actividade operacional, a sua acção em áfrica, a sua invulgar longevidade, etç, etç, ter como único comentário o apontar de um pequeno defeito na pintura e aí começar a descascar nas OGMA, trazendo à tona o tal bota-abaixo já que o pintaram mal.
Agora voltando à questão de príncipio.
Um museu, seja do ar, do automóvel ou lá do que fôr, não é um depósito de latas ferrugentas, carregadas de pó e com cheiro a bolor.
É um testemunho vivo do passado, que mostra as latas mas também os feitos que os heróis fizeram nessas latas e procura mostrar um fio condutor para que quem não sabe se orgulhe.
Todo este património que Portugal têm - e que uma vez mais digo que é riquissimo - está disperso, entregue às mais variadas entidades e que umas cuidam dele melhor que outras, e quando algum se agrupa não constitui mais que um conjunto de velharias.
Relativamente à aviação, aeronáutica, ar, espaço ou seja lá o que fôr nesta área não há, nem acredito que vá haver, um museu que tenha a dignidade que se espera. O tal digno e apresentável.
Você sabia que este avião está ao Deus-dará ( mas pelo menos está resguardado das intempéries, ao menos isso... ) num hangar da TAP, na portela:

http://www.douglasdc3.com/portugal/port4.jpg

Isto é o património aeronáutico nacional.
A Força Aérea não têm que ter museu.
Os museus são nacionais, são o espólio de gerações, repositório de memórias e não pedaços da TAP, da FA, da Marinha, do Porto de Lisboa, etç.
Le Bourget, museu do ar e do espaço francês, é o exemplo e aí sim, é um museu.
Citar
Na questão dos Fiat's, que se estende um pouco a todas as frotas que a FAP já operou, é impossível ter espaço para albergar toda a frota que foi abatida, algumas unidades foram preservada, outras recuperadas e outras a sua recuperação está planeada.
Eu diria que muito poucas unidades foram preservadas, nenhuma foi recuperada porque caso contrário
Citar
Ver um Fiat a voar novamente é que era.
e outras com recuperação planeada, isto é, o plano é deixar o tempo dar cabo do que resta e no final vai tudo para o lixo, tal como os JU52 e Nord que estão em Alverca.
Oxalá eu estivesse enganado.
Cumprimentos,
Título:
Enviado por: Mercurio em Abril 22, 2009, 09:25:14 pm
Recordo que há mais coisas entre o céu e a terra, do que o Homem imagina. Esta história está mal contada!
Título:
Enviado por: Mercurio em Abril 25, 2009, 02:23:10 pm
Boa, ..., acabei de ser convidado pela Força Aérea para me inscrever no Twitter.

A FAP ESTÁ NO TWITTER pessoal

Vamos lá ver qual vai ser o ritmo de actualizações !?!?!?
Título:
Enviado por: Lancero em Abril 25, 2009, 08:37:25 pm
Há link?
Título:
Enviado por: Charlie Jaguar em Abril 25, 2009, 09:07:53 pm
Citação de: "Mercurio"
Boa, ..., acabei de ser convidado pela Força Aérea para me inscrever no Twitter.

Me too.  :wink:
Título:
Enviado por: Mercurio em Abril 26, 2009, 05:36:10 pm
O site do Operacional está a anunciar que no dia 22 de Maio será feita a apresentação das comemorações dos 100 Anos da Aviação em Portugal, no Estado-Maior da FAP, em Alfragide.
Título:
Enviado por: Mercurio em Maio 01, 2009, 04:41:43 pm
Estou absolutamente PARVO com o que leio na mensagem de João Oliveira Silva sobre o Museu do Ar.

É impressionante aquilo que as pessoas afirmam MESMO NÃO SABENDO o que estão a dizer.

Pergunto-me se este senhor conhece realmente o Museu do Ar?
Se sabe dos trabalhos e investimentos que têm sido feitos?
Qual foi a ultima vez que foi a Alverca, a Sintra ou a Ovar?

Fiz uns telefonemas e:

1º O Museu do Ar está Oficialmente localizado em SINTRA e tem um polo em Alverca e outro em Ovar.

Eu gostaria de saber em que parte do Museu é que se veem aviões atirados para um lado a encherem-se de pó e ferrugem tipo latas velhas???

A FAP até tem aviões nessas condições, para serem trocados com outros museus ou para serem reparados. MAS NÃO ESTÃO no domínio público. É assim aqui e na China também. Nos Estados Unidos até estão num deserto (por acaso estão em vários desertos). >Aliás, dizem-me também que são muitos os pedidos nacionais e estrangeiros para irem tirar fotos a essas relíquias, mas a FAP não deixa que aeronaves que não estejam visitáveis tenham acesso público.

2º Quando ao dia da FAP, a população vai ter contacto somente com uma pequena parte do Museu do Ar em Sintra, uma vez que (dizem-me) o Hangar vai ser aproveitado para se fazer lá dentro uma EXPO FAP. Vai haver novidades em relação ao Museu do Ar mas não poderão ver o novo Museu, uma vez que este só será inaugurado em Dezembro deste ano.

3º O DC3 da TAP é do Museu da TAP e não do Museu do Ar.

4º Em decadas anteriores havia efectivamente a tradição de oferecer a autarquias e escolas aviões para o publico ter um contacto mais próximo com a FAP. Isso acabou devido À escaça manutenção. Agora estão gradualmente a ser devolvidos à FAP e aqueles que a FAP oferece (Alverca vai ser um exemplo disso este ano) têem um contrato escrito com a FAP de que teem de ser mantidos com bom aspecto, ou a FAP vai lá buscá-los outra vez.

A propósito, vejam o site da Força Aérea acerca do dia dos Museus ...
Título:
Enviado por: Mercurio em Maio 01, 2009, 04:52:07 pm
Agora a notícia que eu vinha aqui partilhar com todos, ..., um amigo disse-me que as duas patrulhas acrobáticas (ASAS e ROTORES) se vão apresentar na Base Aérea de Sintra no dia 14 de Maio. Deve de dar umas boas fotos, mesmo do lado de fora da vedação!
Título:
Enviado por: Mercurio em Maio 05, 2009, 07:32:53 am
Convite "PUZZLE DA AVIAÇÃO" - FNAC do Colombo, 5 de Maio, 19h
Divulgação de actividade de cariz aeronáutico

--------------------------------------------------------------------------------
Ciclo de mesas redondas -------------- Lançamento de livro sobre navegação aérea

- 5 de Maio, às 19h00, o livro será apresentado em mesa redonda na
FNAC do Colombo intitulada “O Puzzle da Aviação”. A ideia é serem
abordados temas não descritos no livro e que a autora acha pertinente
apresentar ao público em geral, com o objectivo de tentar dar a
conhecer o panorama completo da aviação.
- 20 de Maio, às 18h00, no museu da ANA, em parceria com a
ANA-Aeroportos, Junta de Freguesia de Marvila e MuitAventura, o livro
vai ser apresentado de forma descontraída e informal, onde parte das
receitas irão ser revertidas para a Instituição “Casa das Cores”. Esta
instituição é um centro de acolhimento temporário para crianças em
perigo, vítimas de maus-tratos e/ou negligência. Apela-se ao apoio de
todos!
- 23 de Maio, às 15h00, o livro vai estar na terra natal de Sacadura
Cabral e da Autora - Celorico da Beira - no dia em que o aviador
nasceu.  A autarquia do concelho representada pelo seu presidente –
José Francisco Gomes Monteiro - abraçou este evento cultural.
- 4 de Julho, a mesa redonda “O Puzzle da Aviação” chegará ao norte de
Portugal para se instalar na FNAC do Norte Shopping.
- 26 de Setembro, às 18h30, a mesa redonda “O Puzzle da Aviação” irá
chegar ao sul do país, à FNAC do Algarve.
- Outubro, 2009, o livro irá ser recebido na biblioteca Municipal da
Póvoa do Varzim, fundada em 1880 com a designação de “Biblioteca
Popular”, sendo enriquecida com 2794 volumes legados por Rocha
Peixoto, no seu testamento dia 23 de Março de 1966, em cerimónia
solene, passou a denominar-se “Biblioteca Municipal Rocha Peixoto”.
- Novembro, 2009, o livro está projectado ser apresentado na livraria
A das Artes em Sines. Apadrinhada por Sérgio Godinho nasce em 24 de
Julho de 2003, juntando no mesmo espaço a literatura, a música e as
artes plásticas.
Título:
Enviado por: RP Força Aérea em Maio 06, 2009, 07:34:27 pm
PATRULHAS ACROBÁTICAS APRESENTAM ÉPOCA 2009

No próximo dia 14 de Maio, na Base Aérea Nº 1, em Sintra, as Patrulhas
Acrobáticas “Asas de Portugal” e “Rotores de Portugal” irão apresentar
a época 2009.

As Patrulhas “Asas de Portugal” e “Rotores de Portugal”
apresentar-se-ão com actuações de cerca de 20 minutos cada uma e
responderão seguidamente às questões da Comunicação Social presente.

As Patrulhas Acrobáticas têm por missão promover junto do grande
público, nacional e internacional, a Força Aérea Portuguesa e
Portugal, transmitindo pelo exemplo, uma imagem de proficiência,
profissionalismo e disciplina.

Os “Asas de Portugal”, que operam o avião caça-bombardeiro Alpha-Jet,
estão inseridos na Esquadra 103 “Caracóis”, da Base Aérea Nº 11
(BA11), em Beja, e os pilotos que os constituem têm como missão
primária ministrar Instrução Avançada de Pilotagem e Conversão
Operacional para Aeronaves de Combate.

Os “Rotores de Portugal”, operam o helicóptero Alouette III e
inserem-se na Esquadra 552 “Zangões”, também sedeada na BA11. Esta
Esquadra tem como missão executar operações de transporte aéreo e
apoio táctico e geral, e formação básica e avançada de helicópteros.

Programa:

15H30  –  Chegada da Comunicação Social à Base Aérea Nº 1
16H00  –  Demonstração dos “Rotores de Portugal”
16H30  –  Demonstração dos “Asas de Portugal”
Título:
Enviado por: raphael em Maio 06, 2009, 08:38:05 pm
... humm.. e será que treinam dia 13??
Título:
Enviado por: Lancero em Maio 14, 2009, 12:43:12 pm
Quem estiver hoje pela zona não deixe de ir a Sintra ver (e fotografar) os Asas
Título:
Enviado por: Miguel Silva Machado em Maio 17, 2009, 01:16:12 pm
Aqui está a reportagem do "Operacional" sobre este evento. Não somos spotters... mas temos vontade de divulgar  :D

http://www.operacional.pt/forca-aerea-p ... robaticas/ (http://www.operacional.pt/forca-aerea-portuguesa-apresentou-patrulhas-acrobaticas/)

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.operacional.pt%2Fwp-content%2Fuploads%2F2009%2F05%2Fdsc_0119-copy.jpg&hash=498f80846f4caf45d99be639d34ecf5e)
Título:
Enviado por: ee02004 em Maio 18, 2009, 12:21:58 pm
Algum de vocês me sabe informar qual o horário de funcionamento do polo de Ovar do Museu do AR?
Admito que  fica dentro das instalações da base aerea de Maceda?
Título:
Enviado por: Menacho em Maio 27, 2009, 10:33:26 pm
No es de la FAP, pero no sabia donde ponerlo:

El aterrizaje de emergencia de un hidroavión portugués obliga a cerrar el aeropuerto

Citar
Un hidroavión portugués realizó ayer un aterrizaje de emergencia en el aeropuerto de Valencia y obligó a cerrar la pista durante cuarenta minutos. Al parecer, el aparato no pudo desplegar el tren de aterrizaje y tuvo que tomar tierra con las palas de agua, una operación sorprendentemente limpia que no causó daño a ninguno de sus dos ocupantes.
   
 

El incidente se produjo a las siete y media de la tarde. Según fuentes del aeropuerto, a esa hora un hidroavión de los que se utilizan para fumigar y apagar incendios comunicó a la torre de control de Manises su intención de hacer un aterrizaje de emergencia. Todo parece indicar que el aparato, procedente de la localidad francesa de Perpignan, no podía desplegar el tren de aterrizaje -las pequeñas ruedas que salen de las palas- y decidió tomar tierra con éstas, aptas sólamente para el agua.
Inmediatamente se activó el protocolo de emergencia y se cerró la pista. Los equipos de bomberos y de asistencia sanitaria se pusieron en marcha y se despejó la zona para evitar colisiones en tierra. Pero nada de esto hizo falta. Según las fuentes consultadas, el hidroavión entró plano y tomó tierra con las palas, que, eso sí, quedaron completamente destrozadas. "Fue un aterrizaje bastante limpio para las condiciones que se daban", dijeron.
De hecho, los dos ocupantes resultaron ilesos y abandonaron el aparato por su propio pie. El avión, así mismo, pudo ser retirado unos minutos después, permitiendo reanudar al instante la actividad en el aeropuerto, justo 40 minutos después de la llamada de emergencia.
En este periodo de tiempo, explicaron fuentes de Aeropuertos Españoles y Navegación Aérea (AENA), fue necesario retrasar siete vuelos -cuatro de llegada y tres de salida- y desviar a Alicante uno que venía de Sevilla. Pero a partir de ahí se fue recuperando la normalidad y al cierre de esta edición no había problemas reseñables.
Escala en Valencia
Según las fuentes, el avión accidentado, de matrícula CS-DIU, es de bandera portuguesa y hacía el trayecto entre Perpignan y este país (no especificaron la ciudad). Su idea era hacer escala en Valencia para pasar la noche y hoy continuar viaje hasta su destino final.
Aunque es un hidroavión de los utilizados habitualmente para la extinción de incendios y fumigación, no está adscrito a ninguna empresa. En este caso, al menos, figuraba como vuelo privado.
El cierre del aeropuerto es una situación completamente excepcional. Sólo en caso de aterrizajes de emergencia, como ha sido el caso, o de condiciones meteorológicas muy adversas, se recurre a ello.
No obstante, el número de alertas es muy alto, sobre todo por problemas en los "chivatos" de los aparatos, que confunden a los pilotos y obligan a hacer comprobaciones visuales desde la torre. Es frecuente que un avión llame a control para que le verifique si lleva el tren de aterrizaje desplegado, por ejemplo.
 


¿Alguien sabria el modelo do aviao?
Título:
Enviado por: NVF em Maio 28, 2009, 01:23:34 am
http://www.airliners.net/search/photo.search?regsearch=CS-DIU
Título:
Enviado por: Jorge Pereira em Maio 28, 2009, 01:40:15 am
Então caro NVF?

Tem andado desaparecido. :wink:
Título:
Enviado por: NVF em Maio 28, 2009, 02:16:19 am
A bulir, meu caro, na va tentativa de dar a volta 'a crise. :)

Abr.
Título:
Enviado por: nelson38899 em Junho 05, 2009, 08:56:08 am
Bom dia

No próximo domingo será apresentado um novo concurso, no programa da RTP Só Visto. Esse concurso terá o objectivo de o vencedor poder efectuar um voo num F16. Não se esqueçam de ver domingo o só Visto.
Título:
Enviado por: HSMW em Junho 05, 2009, 10:51:23 am
Citação de: "nelson38899"
Não se esqueçam de ver domingo o só Visto.


Só se for pela Leite de Castro...  :twisted:
Título:
Enviado por: nelson38899 em Junho 05, 2009, 11:45:47 am
Citação de: "HSMW"
Citação de: "nelson38899"
Não se esqueçam de ver domingo o só Visto.

Só se for pela Leite de Castro...  :twisted:


não seja por isso

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2F1.bp.blogspot.com%2F_d91FByLdSSM%2FSS-gNu2NnzI%2FAAAAAAAAA5s%2Fhx4TENENL3U%2Fs400%2FMarta_Leite_Castro_10-2008-0009.jpg&hash=f4e73222d367ec6c2ae93725af77e4fe)

desculpem pelo offtopic

siga com o tópico
Título:
Enviado por: Cabecinhas em Junho 05, 2009, 11:53:07 am
Esteja à vontade caro Nelson  ufx29
Título:
Enviado por: ShadIntel em Junho 26, 2009, 04:40:35 pm
Citar
Lajes: Força Aérea sem meios suficientes para fiscalizar toda a ZEE açoriana - CEMFA

Lajes, Praia da Vitória, 26 Jun (Lusa) -- O Chefe do Estado-Maior da Força Aérea Portuguesa (CEMFA), Luís Araújo, disse hoje que "não possui meios suficientes para fiscalizar toda a vasta zona económica exclusiva (ZEE) dos Açores" de um milhão de quilómetros quadrados.

Luís Araújo, que falava à margem da celebração do 68º aniversário da Base Aérea nº. 4 das Lajes, na ilha Terceira, sustentou que "a fiscalização das ZEE é uma missão secundária para os helicópteros que cumprem como missão principal as acções de busca e salvamento".

Solicitado para comentar uma acção que associações de pesca açorianas moveram contra o Estado Português, na sequência da liberalização do acesso à subzona dos Açores da Zona Económica Exclusiva nacional, o CEMFA sublinhou "não existir relação entre as missões".
Título:
Enviado por: typhonman em Junho 27, 2009, 03:28:14 pm
Mas isso já é um facto que se tem mantido ao longo dos anos, simplesmente 5 P-3C MMA e no máximo 5 C-295M/Persuader II não são suficientes para vigiar/patrulhar a nossa extensa ZEE.Isto sem contar que quase nunca vão estar os 10 disponíveis.
Título:
Enviado por: Lightning em Junho 27, 2009, 10:43:41 pm
Citação de: "typhonman"
simplesmente 5 P-3C MMA e no máximo 5 C-295M/Persuader II não são suficientes para vigiar/patrulhar a nossa extensa ZEE.


E 2 EH101 de vigilância marítima.  :wink:
Título:
Enviado por: PereiraMarques em Junho 27, 2009, 10:47:09 pm
E se houvesse algum interesse ainda poderiamos continuar a utilizar os 2 CASA C-212 300 Aviocar por alguns anos.

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.emfa.pt%2Fwww%2Fconteudos%2Faeronaves%2Fc212300%2Fc212300-1z.jpg&hash=0ef35e93abbcf6bf32040007a606dd26)
Título:
Enviado por: typhonman em Junho 27, 2009, 11:10:36 pm
Citação de: "Lightning"
Citação de: "typhonman"
simplesmente 5 P-3C MMA e no máximo 5 C-295M/Persuader II não são suficientes para vigiar/patrulhar a nossa extensa ZEE.

E 2 EH101 de vigilância marítima.  :wink:


Sim, mas mesmo assim para a área a vigiar são poucos meios.

A meu ver o sistema de vigilância da nossa ZEE e zonas costeiras deveria ser sub dividido.

Para patrulhar grandes aéreas em oceano aberto, poderia-se usar os P-3C e complementar com o P-99 da Embraer ou então UAV´s de alta performance.

Para zonas mais próximas da costa os C-295M/Persuader II podem realizar com eficácia a sua missão, depende é do numero de aeronaves disponíveis. O unico senão da solução da solução de "mar aberto" é a existência de uma nova plataforma, (P-99).
Título:
Enviado por: JLRC em Junho 28, 2009, 01:21:00 am
Citação de: "typhonman"
Para patrulhar grandes aéreas em oceano aberto, poderia-se usar os P-3C e complementar com o P-99 da Embraer ou então UAV´s de alta performance.

Para zonas mais próximas da costa os C-295M/Persuader II podem realizar com eficácia a sua missão, depende é do numero de aeronaves disponíveis. O único senão da solução da solução de "mar aberto" é a existência de uma nova plataforma, (P-99).


Typhonman

Não entendi qual a vantagem de complementar os P-3C com o P-99 (até porque julgo que o Brasil não os usa). Não seria mais lógico comprar mais C-295M? Por outro lado, julgo que a afirmação do CEMFA se refere à actualidade em que somente estão em serviço 2 P-3P e 1/2 P-3C, não sei se algum C-295M e com os problemas que sabemos dos AW-101 Merlin. Quando o sistema previsto estiver a funcionar a 100% é provável que os problemas actuais não se ponham. Em relação às pescas convém lembrar que nem toda a ZEE tem pesqueiros, eles aliás estão em áreas restritas e bem delimitadas e que a nova plataforma continental é isso mesmo, plataforma continental ou seja, não temos jurisdição sobre a coluna de água mas unicamente sobre o solo.
Título:
Enviado por: cromwell em Junho 28, 2009, 10:25:13 am
Eu gostava é de saber o que é dos tais radares com alcance gigantesco para a Madeira e Açores.
Título:
Enviado por: Menacho em Julho 10, 2009, 03:32:53 pm
El sistema de reabastecimiento en vuelo de Airbus Military realiza contactos nocturnos con un F-16

Citar
El sistema de reabastecimiento mediante Boom (ARBS) de Airbus Military confirma sus excelentes características en repostaje nocturno. Como parte de la puesta a punto para el proceso de cualificación del A330 MRTT, el sistema Boom instalado en el A310 demostrador del ARBS, ha llevado a cabo una misión nocturna en la que se han realizado una serie de contactos con un F-16 AM de la Fuerza Aérea portuguesa que ha actuado como receptor. Después de las maniobras de aproximación efectuadas para calibrar la iluminación, se realizaron 17 contactos entre el A310 y el receptor. El operador del boom realizó la operación de repostaje usando el nuevo y sofisticado Boom Enhanced Vision System, que incluye un sistema de iluminación infrarroja láser y un sistema digital estereoscópico de video de alta definición. El ARBS ha acumulado hasta la fecha más de 400 contactos con diferentes tipos de aviones receptores: F-16, E-3F AWACS y un KC-30A MRTT.

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Ffarm3.static.flickr.com%2F2539%2F3700922087_212322ab9a_m.jpg&hash=5b77afc89f077e1e388c581c5cefb658)
Título:
Enviado por: nelson38899 em Julho 21, 2009, 11:58:22 am
Citar
Força Aérea lança site para acompanhar tropas
Missão do Afeganistão terá informação pormenorizada


A Força Aérea lança esta terça-feira uma nova página na Internet dedicada à missão que irá executar no Afeganistão, para apoiar o processo eleitoral naquele país.

Este novo site segue o mesmo grafismo e procedimentos de iniciativas anteriores missões no estrangeiro. Segundo informa a Força Aérea em comunicado, «pretende-se que a página seja frequentemente actualizada com vídeos, fotos e pequenos textos, explicativos da forma como os militares da Força Aérea estão a cumprir a missão que lhes foi atribuída».

A Rádio Lajes, estação de radiodifusão da Força Aérea na Base das Lajes irá , mais uma vez, aliar-se a esta iniciativa reeditando o programa «Em Missão», com entrevistas aos militares, as quais poderão ser também acessíveis na página Internet que agora é lançada.
http://www.tvi24.iol.pt/tecnologia/forc ... -4069.html (http://www.tvi24.iol.pt/tecnologia/forca-aerea-site-tecnologia/1077039-4069.html)
Título:
Enviado por: cromwell em Agosto 14, 2009, 02:56:12 pm
Citar
August 13, 2009 by worldef
The Portuguese Air Force logistic command (Comando da Logística da Força Aérea-CLAFA) has launched a programme in order to procure an undisclosed quantity of personal locator beacon devices to be used for its pilots. The system will be used on Search And Rescue (SAR) operations when an aircraft crashed.



http://poadu.wordpress.com/ (http://poadu.wordpress.com/)
Título:
Enviado por: Lightning em Agosto 21, 2009, 11:16:06 am
Citar
Militares do Joint Chemical Biological Radiological Nuclear Regiment visitam CTSFA

No âmbito da participação da Força Aérea na NRF 14 (NATO RESPONSE FORCE) a Força Aérea recebeu nos dias 29 e 30 de Julho a visita de três militares do Reino Unido, do Joint Chemical Biological Radiological Nuclear Regiment, com o objectivo de avaliar e verificar o estado de prontidão das equipas que integram esta Força. Após terem sido recebidos pelo Director do Centro de Treino de Sobrevivência da Força Aérea, assistiram a apresentações sobre a estrutura e organização das respectivas áreas na Força Aérea e a uma exposição estática de equipamentos.

No dia 30 acompanharam um exercício de campo – “Double Entendre”, com a movimentação das forças envolvidas da Base Aérea Nº 6, Montijo, para o Campo de Tiro de Alcochete.

Uma vez no CTA, as equipas operaram num cenário que envolvia a inactivação por parte da equipa EOD ( Explosive Ordenance Disposal) de um engenho explosivo improvisado com um agente químico de guerra e, na sequência desta operação, a Equipa de Descontaminação procedeu ao processamento dos elementos EOD e respectivos equipamentos, através de acções de monitorização e descontaminação química.


http://www.emfa.pt/www/detalhe.php?cod=035.291&lang=pt (http://www.emfa.pt/www/detalhe.php?cod=035.291&lang=pt)
Título:
Enviado por: Lightning em Agosto 21, 2009, 11:17:43 am
Citar
Instituto Português de Acreditação concede acreditação ao Laboratório de Metrologia* da Força Aérea

O Laboratório de Metrologia da Força Aérea (LEMP), localizado na Base Aérea Nº 5, Monte Real, presta serviços de metrologia e calibração para apoio a todos os sistemas de armas da Instituição.

Com vista ao acompanhamento tecnológico e por necessidade de aproximação ao referencial normativo internacional, há cerca de três anos foi iniciado um projecto de implementação de um Sistema de Gestão da Qualidade, que visa o cumprimento da norma NP EN ISO/IEC 17025:2005, Requisitos Gerais de Competência para Laboratórios de Ensaio e Calibração.

Implementado o referido sistema de gestão, com a colaboração da Direcção de Engenharia e Programas (DEP), ficaram reunidas as condições para uma acreditação segundo a norma em referência, a qual em Portugal é concedida pelo Instituto Português de Acreditação (IPAC), entidade signatária dos acordos de reconhecimento mútuo da European co-operation for Accreditation (EA) e do International Laboratory Accreditation Cooperation (ILAC).

Após um longo e exigente processo de preparação e respectiva auditoria de concessão, o LEMP recebeu em 31 de Julho de 2009 o respectivo certificado de acreditação (Número: M0083).

* Metrologia: Ciência que trata da medição das grandezas físicas, dos sistemas de unidades e dos instrumentos de medida.


http://www.emfa.pt/www/detalhe.php?cod=035.292 (http://www.emfa.pt/www/detalhe.php?cod=035.292)
Título:
Enviado por: Lightning em Setembro 04, 2009, 08:30:47 pm
Citar
Força Aérea Portuguesa na Líbia

A Força Aérea Portuguesa participará a convite das autoridades líbias, hoje, dia 1 de Setembro, nas Comemorações do 40º Aniversário da Revolução Líbia, no Aeroporto Internacional de Mitiga.

A participação portuguesa materializa-se com quatro F16 da Base Aérea Nº5, em Monte Real, que participarão num desfile aéreo em Tripoli, juntamente com 90 aeronaves líbias e estrangeiras, designadamente europeias.


http://www.emfa.pt/www/detalhe.php?cod=035.294&lang=pt (http://www.emfa.pt/www/detalhe.php?cod=035.294&lang=pt)
Título:
Enviado por: HSMW em Setembro 06, 2009, 02:13:24 pm
E vídeos do desfile?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Setembro 25, 2009, 06:46:00 pm
Citar
SA330 PUMA - 40 anos a salvar vidas

A Esquadra 752 “Pumas”, sedeada na Base Aérea Nº 4, Ilha Terceira, Açores, assinala hoje, dia 24 de Setembro o primeiro aniversário da sua reactivação celebrando também os 40 anos e as 70 000 horas de voo do helicóptero SA330 PUMA ao serviço da Força Aérea Portuguesa.

A operar desde 1969 o SA330 PUMA contabiliza na sua História cerca de 4280 vidas salvas, 2482 das quais, no arquipélago dos Açores, fazendo há já 40 anos jus ao lema das Esquadras 751 e 752, “Para que outros vivam”.

http://www.emfa.pt/www/detalhe.php?cod=035.307&lang=pt (http://www.emfa.pt/www/detalhe.php?cod=035.307&lang=pt)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Outubro 15, 2009, 06:06:06 pm
É só para informar que a Força Aérea já actualizou no seu site (apesar de incompleto, as novas unidades ainda não tem brasão :mrgreen:), a sua estrutura conforme prevista na LOBOFA.
http://www.emfa.pt/www/dispositivo.php?lang=pt&cod=* (http://www.emfa.pt/www/dispositivo.php?lang=pt&cod=*)

Fiquei suprendido com uma coisa, a BA1 Sintra deixou de ser uma Base Aérea dependente do CA (Comando Aéreo) antigo COFA (Comando Operacional da Força Aérea) e passou a estar dependente do CIFFA (Comando de Instrução e Formação da Força Aérea). Esse acontecimento tem a ver com a recente transferência da Esquadra 101 - Roncos da BA11 - Beja para a BA1 - Sintra, esta esquadra opera os aviões Epsilon TB-30.

Além disso o site também já tem uma ficha sobre o C-295M, com fotos, caracteristicas, etc.

Citar
O CASA C-295M é um avião bimotor, turbo-hélice de transporte, com estrutura metálica de asa alta, trem de aterragem em triciclo retráctil, cockpit pressurizado e aviónica digital. O compartimento de carga que pode transportar até 70 pessoas ou 45 pára-quedistas completamente equipados ou 9250 Kg de carga diversa, incluindo veículos ligeiros. Para a evacuação de feridos ou doentes, podem ser montadas até 24 macas. O avião integra a mais recente tecnologia existente do mundo aeronáutico, através dos seguintes equipamentos: rádios V/UHF & HF, tecnologia Glass Cockpit, avisadores de proximidade de tráfego aéreo e terreno, comunicações por satélite, 406 Mhz "Emergency Locator Beacon", piloto automático, sistema de posicionamento integrado (inercial e GPS), ILS CAT II e gravadores digitais de dados e voz. A sua capacidade de operar em Teatros de Conflito está sustentada em equipamentos de comunicações "seguras", agilidade de frequência (V/UHF), radar táctico (APN-241), sistemas de detecção de iluminação radar e de proximidade de mísseis, lançamento de "Chaff & Flares", POD de "Jamming" electrónico, iluminação interior e exterior compatível com NVG ("Night Vision Googles") e "Armour Cockpit".
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: ShadIntel em Outubro 15, 2009, 06:32:33 pm
Citação de: "Lightning"
Além disso o site também já tem uma ficha sobre o C-295M, com fotos, caracteristicas, etc.
Hum, onde está a ficha do C-295 ? :oops: ; estava a tentar encontrar a ficha nas páginas "Apoio" e "Patrulhamento marítimo", mas parece que as suas missões ainda não foram atribuidas (pelo menos no site).
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Outubro 15, 2009, 08:54:43 pm
Citação de: "ShadIntel"
mas parece que as suas missões ainda não foram atribuidas (pelo menos no site).

No site sim, pois o C-295M pelo menos já vai a Tancos largar Pára-quedistas.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Daniel em Outubro 23, 2009, 05:06:37 pm
Chefe do Estado-Maior diz que faltam verbas para modernizar a Força Aérea
Citar
Luís Araújo, Chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA), denunciou, esta sexta-feira, a falta de verbas disponíveis para a modernização dos aviões C-130, utilizados para o transporte e lançamento de carga e pára-quedistas.

«A Lei de Programação Militar (LPM) fina-se no dia 31 de Dezembro», começou por lembrar Luís Araújo, citado pela edição online do ‘Diário de Notícias’.

De seguida, o CEMFA foi mais claro e afirmou que «nada foi feito quanto à modernização do C-130».

«Como não há outra LPM no dia 01 de Janeiro, não há nada a fazer. O novo Governo e o ministro da Defesa vão tratar disso, com certeza».

Até lá, avisou, «a modernização do C-130 está por fazer».

Avisos que o CEMFA deixou à margem das cerimónias de comemoração do Dia da Base Aérea nº 5, em Monte Real.

 :roll:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: I_Pereira em Outubro 23, 2009, 06:49:24 pm
Citação de: "Lightning"
Citação de: "ShadIntel"
mas parece que as suas missões ainda não foram atribuidas (pelo menos no site).

No site sim, pois o C-295M pelo menos já vai a Tancos largar Pára-quedistas.

E também em São Jacinto, pela 1ª vez no dia 12 deste mês :wink:

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg48.imageshack.us%2Fimg48%2F8794%2Fimg2003filtered.jpg&hash=e6f35b1334349ae78bfe6450c5e7bbae)
Título: Re: Eventos/Exposições/Visitas
Enviado por: ShadIntel em Outubro 30, 2009, 07:18:47 pm
Citar
VISITA DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA À FORÇA AÉREA

O Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, efectuará no próximo dia 3 de Novembro uma visita à Força Aérea, na Base Aérea Nº 6 (BA6), Montijo.

O Presidente da República visitará algumas das esquadras sedeadas na BA6, onde lhe será apresentada a Missão da Base e, entre outras aeronaves, a nova plataforma de transporte aéreo táctico C295 e o helicóptero EH101.

Ainda nesta visita, e por ocasião do recente regresso do destacamento da Força Aérea no Afeganistão, o Presidente da República cumprimentará os Militares que integraram a Força Nacional Destacada em Cabul.

Acompanharão a visita do Presidente da República o Ministro da Defesa Nacional, Augusto Santos Silva, o Chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas, Luís Valença Pinto, o Chefe do Estado-Maior da Força Aérea, Luís Araújo e a estrutura superior da Força Aérea.

O programa da visita é o seguinte:

09H00 - Chegada dos Órgãos de Comunicação Social
10H00 - Chegada de Sua Excelência o Presidente da República à BA6 - Honras Militares
10H30 - Apresentação sobre a Base Aérea, Missão e Destacamento no Afeganistão, no hangar do C-130.
11H00 - Recepção do Destacamento da Força Aérea no Afeganistão
11H15 - Foto de grupo
11H25 - Apresentação da nova aeronave de transporte da Força Aérea, C-295
12H30 - Visita ao hangar dos helicópteros EH101
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: ShadIntel em Novembro 02, 2009, 02:23:29 pm
Citar
Comandante da Força Aérea Portuguesa em Pequim, nos 60 anos da congénere chinesa

Pequim, 02 Nov (Lusa) - O comandante da Força aérea portuguesa, general Luís Evangelista Esteves de Araújo, chega a Pequim quinta-feira para participar nas celebrações dos 60 anos da sua congénere chinesa, que reunirão responsáveis militares de mais de trinta países.

Luís Araújo vai intervir num fórum sobre o papel da força aérea na paz e desenvolvimento do mundo e, além de Pequim, visitará a base militar de Jining e a terra natal de Confúcio, na província de Shandong, costa norte da China, disse hoje á agencia Lusa fonte diplomática.

Intitulado "Céus Harmoniosos", o Fórum visa "criar uma plataforma para as forças aéreas de diferentes países aumentarem a compreensão mútua, debaterem formas de salvaguardar a segurança nos céus e conhecerem melhor a China", indicou um responsável chinês.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: ShadIntel em Novembro 02, 2009, 03:24:44 pm
Citar
PICTURES: First wet contact for A330 MRTT

An A330 multi-role tanker transport (MRTT) has performed the first wet contact using Airbus Military's Air Refuelling Boom System.

The in-flight refuelling was conducted with two Portuguese air force Lockheed Martin F-16s on 21 October.

During the 4.5h flight, 13 contacts were performed and more than 1.5t of fuel transferred.

The tanker used in the exercise will be delivered to the Royal Australian Air Force by mid-2010. The 17m (56ft) long fly-by-wire boom, located beneath the rear fuselage, is remote controlled from a 3D viewing console in the cockpit.

Airbus Military says the MRTT's hose-and-drogue refuelling system also underwent successful ground testing during September, with over 200t of fuel having been transferred.

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.flightglobal.com%2Fassets%2FgetAsset.aspx%3FItemID%3D31284&hash=0aaec499288fe52d22c9426ca5b3f060)

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.flightglobal.com%2Fassets%2FgetAsset.aspx%3FItemID%3D31285&hash=fb0a79101a2b9dba9d5c848545f765fd)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: ShadIntel em Novembro 03, 2009, 07:16:21 pm
Presidente da República visitou a Base Aérea N.º 6 (BA6), no Montijo

O Presidente da República visitou a Base Aérea N.º 6 (BA6), no Montijo, tendo oportunidade de dar as boas vindas ao Destacamento da Força Aérea que terminou recentemente a sua missão no Afeganistão.

Durante a visita, o Presidente da República teve oportunidade de tomar conhecimento dos aspectos específicos e da missão da BA6, de verificar o programa de integração das novas aeronaves de transporte C-295 e de se inteirar da situação da frota de helicópteros EH-101.

Acompanharam a visita o Ministro da Defesa Nacional, o Chefe de Estado-Maior General das Forças Armadas e o Chefe de Estado-Maior da Força Aérea.

Ao saudar os militares que chegaram do Afeganistão, o Presidente da República traduziu o público reconhecimento pelos serviços por eles prestados ao País, reiterando a sua confiança naqueles que, servindo na Força Aérea e, especificamente na BA6, continuam a trabalhar com esforço e dedicação para o desígnio de umas Forças Armadas modernas e eficientes.

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.presidencia.pt%2Farchive%2Fimg%2F03-091103-PR-0031.jpg&hash=e518f99570ce9cc01171d1c3a98eb1cd)

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.presidencia.pt%2Farchive%2Fimg%2F04-091103-PR-0045.jpg&hash=ce44beb713417fec00b54b459b38bd45)

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.presidencia.pt%2Farchive%2Fimg%2F17-091103-PR-0241.jpg&hash=c58f4faca6cd96df118bdcdb699f3fb6)

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.presidencia.pt%2Farchive%2Fimg%2F20-091103-PR-0299.jpg&hash=5f33270e597fe8006b773fb9744fc0f6)

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.presidencia.pt%2Farchive%2Fimg%2F30-091103-PR-0480.jpg&hash=009ddefa45eb4ddd408b48c861b8b6a0)

http://www.presidencia.pt/comandantesup ... &idi=32589 (http://www.presidencia.pt/comandantesupremo/?idc=376&idi=32589)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Cabeça de Martelo em Novembro 11, 2009, 12:44:25 pm

O novo MDN estava presente, talvez tenha aprendido alguma coisa com o nosso PR, já que de Forças Armadas ele não pesca nada! :twisted:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: ShadIntel em Novembro 14, 2009, 04:23:18 pm
Citar
Ministro 'dá' 20 milhões de euros à Força Aérea

O ministro da Defesa anunciou ontem ter desbloqueado "mais de 20 milhões de euros" da Lei de Programação Militar (LPM) para a Força Aérea, "em função do elevado nível" como o ramo "tem sabido executar os recursos" financeiros postos à sua disposição.

Augusto Santos Silva, que falava aos jornalistas em Alfragide, no final da sua primeira visita à Força Aérea Portuguesa (FAP), referiu que a descativação daquelas verbas da LPM permitirá ao ramo "cumprir os compromissos que tem no âmbito da execução daquela lei em 2009".

A FAP, segundo os dados que forneceu, executou em 2009 mais de 90% das verbas da LPM não cativadas pelo Governo. Dos programas inscritos nessa lei, adiantou o ramo, só o relativo à modernização dos aviões Hércules C-130 ficou parado.

"O programa de modernização dos C-130 é absolutamente vital que se inicie", frisou ontem Santos Silva, pois trata-se de uma "frota essencial no aspecto do transporte e no apoio às nossas forças destacadas. É essencial que esse programa se inicie e, portanto, seja no quadro da próxima revisão da LPM, seja ainda no âmbito da actual LPM, esse programa tem que ser iniciado", insistiu o ministro.

O governante anunciou ainda ter disponibilizado "cerca de 1,7 milhões de euros" para a FAP, com origem na Lei de Programação de Infra-estruturas (LPMI), destinados a obras de requalificação do Estado-Maior e da base aérea do Montijo.

No final do briefing, onde ficou a conhecer a organização da FAP, os seus recursos humanos, grau de modernização dos aviões e "aspectos críticos" de um ramo que se apresenta "centrado na missão", Santos Silva destacou o "enorme sentido de responsabilidade" dos aviadores e o "grande profissionalismo" com que cumprem "missões relevantíssimas" para o País.

Já no bunker de Monsanto onde está o centro de operações do Comando Aéreo, o ministro teve oportunidade de ver, em directo, como a FAP emprega os seus vários meios numa operação real de busca e salvamento de dois tripulantes de um veleiro acidentado a meio milhar de quilómetros dos Açores (ver página 24).

Note-se que a FAP tem 600 militares em alerta 24 horas/dia.
DN (http://http)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: ShadIntel em Novembro 16, 2009, 06:31:32 pm
Citar
Digital Angel’s SARBE Unit Awarded Contract to Supply Personal Locator Beacons to the Portuguese Air Force

Digital Angel (NASDAQ: DIGA), an advanced technology company in the field of animal identification and emergency identification solutions, announced today that its SARBE unit has been awarded a contract valued in excess of $400,000 to supply latest-generation Personal Locator Beacons (PLBs) to the Portuguese Air Force (PAF).

The SARBE 6-406G equipment to be provided to the PAF will replace their current fleet of SARBE 6 PLBs that have become obsolete due to changes in the satellite monitoring system. This initial contract covers just a portion of the total projected demand from the PAF, which is expected to exceed $1.5 million over the next three years.

Joseph J. Grillo, Chief Executive Officer of Digital Angel, commented, “Once again our reputation and position in the military PLB market has led to another air force selecting SARBE equipment. The SARBE 6-406G is now in service with twenty-one Air Forces worldwide, demonstrating the confidence that these prestigious organizations have in our products.”

The equipment selection team at the PAF cited their choice of the SARBE 6-406G as based on the excellent reputation of SARBE products and the close relationships that SARBE maintains with aircraft manufacturers such and Dassault and AgustaWestland, whose aircraft PAF operates.

PLBs represent a key component of personal survival equipment carried by aircrew of fast jet, transport and helicopter aircraft. In the event of aircrew having to abandon their aircraft the SARBE 6-406G is activated to transmit a distress message containing the exact GPS coordinates and identity of the survivor. The distress signal is received by the COSPAS-SARSAT global satellite network which then alerts the rescue authorities.

About SARBE

A division of Digital Angel’s Signature Industries subsidiary, based in the United Kingdom, SARBE is a world leading producer of Locator Beacons, Emergency Location Transmitters, and Submarine Locator Beacons. These products are in Tri-Force use on every continent. The very latest production techniques and technology ensure continuous product development. SARBE equipment is manufactured under an ISO Quality System and to the relevant STANAG, DEF STAN, CAA, FAA and COSPAS/SARSAT regulations and standards.
http://www.sarbe.com/Downloads/sarbe6406_plb.pdf (http://www.sarbe.com/Downloads/sarbe6406_plb.pdf)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Jorge Pereira em Dezembro 22, 2009, 12:56:13 am
Citar
Força Áérea afasta piloto que encobriu acidente

Militar embateu com o avião numa árvore, mas relatou um falso incidente com pássaros
00h00m
TEIXEIRA CORREIA

O piloto de um avião Alpha-Jet esteve envolvido num acidente, mas tentou ocultar o sucedido. A Força Aérea descobriu. O oficial foi reformado compulsivamente e decididos castigos para os outros militares envolvidos no caso.

Um acidente com um avião caça-bombardeiro Alpha-Jet da Esquadra 103 (Caracóis), adstrito à Patrulha Acrobática Asas de Portugal, estacionado na Base Aérea 11 (BA11), em Beja, estará na origem da punição com a pena de "reforma compulsiva" aplicada ao major Videira, comandante das duas sub-unidades, e à suspensão da actividade desta última.

Além da penalização ao oficial pela Força Aérea Portuguesa (FAP), decidida no início deste mês, foram ainda aplicadas penas de repreensão agravada a outro oficial, capitão Ribeiro, segundo piloto da patrulha, e uma repreensão simples a três sargentos.

Está em causa a omissão de um "toque" com a asa direita de um Alpha-Jet na copa de uma árvore, que provocou danos na aeronave, e a impossibilitaram de participar no Festival Aéreo de Lisboa, incluído nas festas da cidade.

O incidente aconteceu no regresso à Base do Montijo (BA6), no dia 13 de Junho, depois de um treino efectuado no espaço aéreo do Parque das Nações, onde no dia seguinte aconteceu a exibição, tendo sido utilizado um avião de reserva.

A situação foi "mantida em segredo dentro da patrulha" e, quando confrontados com os danos pelo segundo comandante do Comando Operacional da Força Aérea (COFA), os militares envolvidos justificaram o acidente com um "bird-strike", ou seja, um choque fortuito com aves.

Em 21 de Agosto, a patrulha actuou "com grande sucesso" nas comemorações dos 501 anos da cidade do Funchal, tendo regressado a Beja três dias depois, de onde sairia a 28 do mesmo mês com destino à Líbia. Na noite anterior à partida para a exibição, os integrantes dos "Asas" foram avisados de que do CEMFA chegara a mensagem de que "a missão foi abortada" e a patrulha estava suspensa.

Os cinco militares envolvidos no caso, entre eles os dois pilotos - major Videira e capitão Ribeiro -, passaram cerca de dois meses e meio em casa e impedidos de "entrar nas instalações" da Base de Beja, enquanto decorreram as investigação do Estado-Maior da Força Aérea (EMFA).

No entanto, entre a decisão de suspender a actividade da patrulha e o castigo aos militares, o chefe do EMFA, general Luís Araújo, deslocou-se propositadamente à BA11, onde condecorou o major Videira e atribuiu um louvor colectivo à patrulha "pelos relevantes serviços prestados". Uma fonte da unidade justificou o desencontro com uma possível "camuflagem dos acontecimentos".

A juntar a estes factos está a "desnomeação" do coronel Manuel Martins, comandante da BA11 até ao dia 27 de Outubro e que iria frequentar o Curso de Oficiais Generais. Fonte conhecedora do processo disse que o oficial "foi preterido à última hora".

O responsável pelas Relações Públicas da FAP, tenente-coronel Paulo Gonçalves, confirmou a "suspensão temporária das patrulhas", em função da existência da ponderação no interior do ramo, quanto ao "futuro das frotas".

Quanto às questões que envolvem as penas aplicadas aos Asas de Portugal e à "desnomeação" do ex-comandante da BA11, a mesma fonte afirmou que "não são feitos comentários a assuntos do foro interno" da FAP.

Fonte (http://http)

 
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Dezembro 22, 2009, 11:34:25 am
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.empordef.pt%2Fimages%2Fsimulador_large.jpg&hash=d891465718fa6516f39db671345312fe)
http://www.empordef.pt/main.html (http://www.empordef.pt/main.html)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: pchunter em Dezembro 28, 2009, 10:53:02 pm
Muito bem é assim mesmo. :G-beer2:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Dezembro 28, 2009, 11:20:27 pm
Citar
Apresentado o novo simulador do EPSILON

Foi apresentado, no passado dia 17 de Dezembro, na Base Aérea Nº1, em Sintra, o novo simulador da aeronave EPSILON, avião de instrução operado pela Esquadra 101.

Este novo simulador, o SEPS 2, surge de uma conjugação de esforços pioneira e exclusivamente nacional, da EMPORDEF, do Instituto Politécnico de Setúbal (Escola Superior de Tecnologia) e da Força Aérea.

As necessidades de evolução da Força Aérea Portuguesa, foram assim impulsionadoras, para o desenvolvimento desta nova e mais completa aplicação, que permitirá ao Ramo ministrar a fase dos cursos de pilotagem, executada nesta aeronave, de forma mais económica, mais abrangente e mais amiga do ambiente.

O único simulador existente, até à apresentação do SEPS 2, foi criado em 1994 e encontra-se em Beja. Sofrerá no futuro, uma actualização que permitirá, em ligação ao novo simulador, o treino de voo em formação.

http://www.emfa.pt/www/detalhe.php?cod=035.353&lang=pt (http://www.emfa.pt/www/detalhe.php?cod=035.353&lang=pt)
(possui link de acesso à reportagem da tvi24)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Janeiro 18, 2010, 02:34:28 pm
Citar
Um morto e três feridos na Base Aérea do Montijo

Em actualização - Um acidente com um carro de bombeiros na Base Aérea do Montijo provocou, hoje, segunda-feira,  um morto e três feridos.
http://jn.sapo.pt/PaginaInicial/Nacional/Interior.aspx?content_id=1472846
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Pedro Monteiro em Fevereiro 02, 2010, 05:35:23 pm
A propósito do "Real Thaw 2010", a reportagem do Defesa Net sobre o exercício:
http://www.defesanet.com.br/10_02/100202_05_realthaw2010.htm

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Ffarm3.static.flickr.com%2F2225%2F4325043623_5c392f3e4c_o.jpg&hash=8579e9eead837afdd604d5933f035652)

Cumprimentos,
Pedro Monteiro
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Março 12, 2010, 05:37:44 pm
A tal reportagem sobre a recruta da Força Aérea que vai dar na TVI vai ser exibida dia 15 segundo as minhas ultimas informações...

... vamos ver se é desta :mrgreen: .

Como cheirinho ponho aqui uma reportagem não sobre a recruta, mas sobre o dia-a-dia no CFMTFA.
http://www.youtube.com/watch?v=KlynXNIC8IE (http://www.youtube.com/watch?v=KlynXNIC8IE)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Cabeça de Martelo em Março 12, 2010, 06:02:14 pm
A musiquinha fez-me lembrar os tempos em que vi o filme numa aula e tinha uma colega a ... velhos tempos... :twisted:  :lol:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Março 12, 2010, 07:26:34 pm
Citação de: "Cabeça de Martelo"
Quem é a ave rara que estava a dançar aos 02.12m? Que abichanagem... :lol:

E ouviste bem os outros a falar com ele  :mrgreen:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: zeNice em Março 15, 2010, 02:32:27 pm
Vai estrear uma novela aseguir do telejornal, parece que também não é hoje.  :G-bigun:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Março 15, 2010, 05:47:06 pm
Citação de: "zeNice"
Vai estrear uma novela aseguir do telejornal, parece que também não é hoje.  :( , acho que vou parar de falar que é dia x ou y pois só fico mal visto, raio da TVI :lol: .
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: sergio21699 em Março 15, 2010, 06:07:11 pm
Citação de: "Lightning"
acho que vou parar de falar que é dia x ou y pois só fico mal visto, raio da TVI :lol: .
nao é só a TVI a RTP tambem tinha uma reportagem para exibir sobre o afeganistao e tem vindo a adiar
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: ShadIntel em Março 25, 2010, 03:33:49 pm
Citar
Operacionalidade da Força Aérea em risco

Fim dos vínculos de vários pilotos-comandantes dos helicópteros e dos aviões de transporte, cujas qualificações são demoradas, ameaçam actividade do ramo a curto prazo.

A operacionalidade da Força Aérea será afectada se o Parlamento não aprovar, até ao Verão, um regime de contratos de longa duração nas Forças Armadas mais longo do que os actuais seis anos, admitiu ontem o chefe do ramo, general Luís Araújo.

Em causa está o fim do contrato de "vários pilotos-comandantes" nas frotas dos helicópteros EH101 e dos aviões de transporte C-295 e Aviocar, os quais serão obrigados a deixar as fileiras se o novo regime (previsto na lei mas ainda por regulamentar) não for aprovado antes.

"É desejável que [isso] seja aprovado até Junho ou Julho", observou o chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA), permitindo aos militares contratados manter-se nas fileiras até ao máximo de 20 anos - necessidade que também é sentida em particular pelo Exército, ramo que vê essa medida como a solução para acabar com a falta de efectivos a nível de praças que existe há anos.

O CEMFA falava ao DN à margem da cerimónia do dia da unidade no Campo de Tiro de Alcochete, onde inaugurou um monumento - uma bomba MK52 a "explodir" num bloco de cimento - com o título "A Força da Razão", alusivo à actividade de treino ali executada pelas Forças Armadas.

Segundo os dados da Força Aérea, em causa está o contrato de sete pilotos-comandantes naquelas três frotas de aparelhos, cujas qualificações e experiência para atingir esse patamar profissional são demoradas (e dispendiosas).

Em rigor, de acordo com uma fonte da Força Aérea, os contratos desses sete oficiais só terminam no início do próximo ano - pelo que o alerta do CEMFA pode ser interpretado como tendo, subjacente, o receio de uma crise política nos próximos meses que, no limite, conduza à realização de novas eleições legislativas.

Mesmo sem novas eleições, uma mudança de Governo tornaria muito secundária a regulamentação atempada dos contratos militares de longa duração. Por outro lado, sem qualquer crise, vão ter lugar as férias de Verão e, pouco tempo depois do início da nova sessão legislativa, iniciam-se os trabalhos em torno do Orçamento do Estado para 2011.

Recorde-se que a hipótese dos contratos com maior tempo de duração já são legalmente admitidos desde 1999. A Lei do Serviço Militar então aprovada, que define os dois e os seis anos como limites mínimo e máximo dos contratos de longa duração, diz, no seu artigo 28.º: "Podem ser criados, por decreto-lei, regimes de contrato com a duração máxima de 20 anos para situações funcionais cujo grau de formação e treino, tipo de habilitações académicas e exigências técnicas tornem desejável uma garantia de prestação de serviço mais prolongada."

Só que essa possibilidade continua por regulamentar. Mas, politicamente e no actual contexto de crise, a aprovação do novo regime de longa duração também permitiria "evitar", a curto e médio prazo, a ida de um número significativo de militares qualificados (a maioria ainda na casa dos 20 anos) para o desemprego.
http://dn.sapo.pt/inicio/portugal/inter ... id=1527654 (http://dn.sapo.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=1527654)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Cabeça de Martelo em Abril 06, 2010, 02:14:06 pm
Força Aérea – Os Militares dos Aviões de Combate

Pilotos a Caminho do caça ‘Top Gun’

São a elite da Força Aérea. Só os melhores pilotos chegam ao caça F-16, após um difícil processo de formação. Entre os candidatos há uma mulher.


Sentada no cockpit do Alphajet, a alferes Joana Marques deixa escapar um desabafo. "É a primeira vez que me sento no lugar da frente", diz com um sorriso a piloto da Força Aérea Portuguesa, que ainda só voou no aparelho usado pelos Asas de Portugal à ‘boleia' do instrutor. Em breve, terá de conhecer ao pormenor todas as características do avião. É o primeiro dia do curso que ela e outros seis pilotos iniciaram na Base Aérea de Beja.  

O objectivo final só está ao alcance dos melhores: Fazer parte de uma das duas esquadras de F-16, os caças de combate supersónicos que asseguram a defesa do espaço aéreo português.

O caminho para chegar ao avião de topo é longo e difícil. O de Joana, de 23 anos, começou ainda na escola secundária, em Évora, quando escolheu o queria ser no futuro: Piloto da Força Aérea. "Decidi que queira pilotar aviões, e nunca pus a hipótese de entrar na aviação civil. Agrada-me a parte militar da disciplina e do rigor, aliadas ao exercício físico". Em 2004 entrou na Academia da Força Aérea, onde completou o curso de piloto-aviador em 2008. Depois rumou ao Brasil, onde completou o tirocínio - a primeira qualificação num avião, neste caso o Tucano T27, de fabrico brasileiro - entre Julho e Dezembro de 2009. "Fiz o curso onde participavam mais quatro mulheres, mas eu era a única portuguesa. Lá como cá, nunca senti qualquer diferença de tratamento por ser mulher", conta. Joana pensava em prosseguir a carreira militar em aviões de transporte, mas a avaliação que fizeram das suas aptidões conduziu-a para os jactos de combate. "Não é o que tinha planeado, mas sabemos que a escolha não passa só por nós. Mas prometo dar tudo o que tenho para ser bem sucedida". Se conseguir ficar entre os melhores do curso, a alferes poderá mesmo tornar-se na primeira portuguesa a pilotar um caça F-16.

Também foi no Brasil que os alferes David Quina e Filipe Oliveira - ambos colegas de curso de Joana na Academia - completaram o tirocínio. Os três voltam a encontrar-se em Beja, onde começam a aprender como se pilota um avião de combate.

O capitão Ricardo Ribeiro - que, com mais de duas mil horas de voo,  é o militar com mais experiência no Alphajet - é um dos instrutores do curso que decorre na base de Beja, na Esquadra 103, conhecida pela alcunha de ‘Caracóis'. Explica as etapas que os alunos ainda terão de ultrapassar: "Primeiro, terão de completar o curso de qualificação para o Alphajet, que dura até meados de Junho. De seguida, têm pela frente o curso de conversão de pilotagem em aviões de combate, que lhes permitirá aprender todas as manobras em ataques contra outros aviões ou contra alvos em terra. A formação dos sete pilotos  - aos quais ainda se poderão juntar mais militares que completaram recentemente  o tirocínio - deverá estar completa no Verão. Só depois os pilotos poderão aspirar a passar para o F-16, para o qual também têm de fazer um curso de qualificação".

Filipe Oliveira, de 25 anos, é de Bragança. Sempre quis ser piloto, até por influência familiar: "O meu pai e um dos meus tios foram pilotos militares e sempre tive um fascínio por aviões", conta. Ainda chegou a estudar Engenharia de Comunicações, mas trocou tudo pelo sonho de voar. "Sempre quis chegar ao F-16", confessa. O colega de curso David Quina também escolheu ser piloto "ainda quando era pequeno", mas contava comandar aviões de transporte quando completasse a formação, tal como Joana. Mas todos se dizem agora empenhados em chegar ao caça supersónico, capaz de voar duas vezes mais rápido do que o som.

ESQUADRAS DE ELITE

A Base Aérea de Monte Real é o destino mais ambicionado pelos pilotos a jacto. É aí que funcionam as duas esquadras de F-16 - cerca de 20 aviões - que asseguram a defesa aérea do País.

Os tenentes Diogo Bento, 25 anos, e João Matos, de 24, garantiram um lugar entre os ‘Falcões', o nome com que são conhecidos os elementos da Esquadra 201, mas ainda têm pela frente um exigente programa de formação até estarem habilitados a cumprir missões de combate. Ambos fizeram o tirocínio nos Estados Unidos, onde voaram aviões a jacto, mas o F-16 é uma experiência aparte: "A nível fisiológico, é completamente diferente. Até aos 7 G's [as forças gravitacionais sentidas dentro do cockpit, o que equivale a que o corpo passe a pesar sete vezes mais em determinadas manobras] ainda aguentamos com alguma facilidade, mas o F-16 chega a proporcionar forças de 9 G's", explica o piloto Diogo Bento, que já nos tempos em que estudava no secundário, em Santiago do Cacém, tinha como objectivo ingressar na Força Aérea.

João Matos é de Braga e partilha a mesma vontade de acrescentar o seu nome ao dos 32 pilotos portugueses que estão neste momento qualificados para voar com o F-16. "O curso tem três fases, a primeira é de qualificação para a aeronave, em que aprendemos todas as manobras do F-16, depois temos uma fase de formação para o combate e, finalmente, a qualificação para o tipo de missões que estão atribuídas ao avião. É muito exigente, voamos praticamente todos os dias e temos de estudar muitos manuais", explica o tenente João Matos.

A conversa é temperada pelo som ensurdecedor dos motores dos aviões que aterram na pista de Monte Real, perto de Leiria. "Para nós isto é música", diz com ar sorridente Diogo Bento. Os dois pilotos cumpriram já cerca de 30 horas de voo no F-16 e estão na segunda fase da formação, a qualificação inicial para missões de combate. Se tudo correr como previsto, acabarão a terceira fase no final deste ano. Nessa altura, ganharão a alcunha de voo, que fica para sempre. "São os colegas e os instrutores que escolhem o ‘nick', que pode resultar de algum episódio que tenha acontecido ou de uma característica da personalidade", explica Diogo Bento.

‘Maverick' e ‘Iceman' são ‘nicks' que ninguém esquece. São os nomes dos heróis de ‘Top Gun - Ases Indomáveis', o filme com Tom Cruise e Val Kilmer que o tenente João Matos já viu "não sei quantas vezes". Para ele, a realidade está cada vez mais perto da ficção.

MISSÃO A TEMPO INTEIRO

Para chegar ao topo é preciso espírito de sacrifício. Um avião de combate exige que pilotos conheçam todos os equipamentos e capacidades da máquina, o que obriga a longas horas de estudo. "Há muitos manuais para ler, quase todos em inglês, temos de estudar permanentemente", diz João Matos.

A preparação física é outro factor imprescindível num avião onde as forças G testam os limites do organismo. "Sente-se uma grande diferença em relação a qualquer outro avião. O F-16 é muito mais exigente em termos físicos", diz Diogo Bento.

Os dois tiveram de passar um teste numa máquina de centrifugação, na Holanda, para garantir que cumprem os requisitos. Sobra-lhes pouco tempo para a vida social – sinal disso mesmo é que todos os pilotos com quem falámos são solteiros.

NOTAS

ALERTA

A todo o momento, dois F-16 estão prontos para descolar de Monte Real em caso de ameaça. Entre o aviso de alerta e a descolagem dos aviões não passam mais de 15 minutos.

DOZE ANOS

A saída de pilotos para a aviação civil é um problema antigo. Neste momento, os militares são obrigados a permanecer nos quadros durante doze anos. Se saírem antes, têm de pagar a formação.

 :arrow: http://www.cmjornal.xl.pt/noticia.aspx? ... 0000000019 (http://www.cmjornal.xl.pt/noticia.aspx?contentid=868C906A-172A-4C13-9A6C-51FF40D31F5B&channelid=00000019-0000-0000-0000-000000000019)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: militar03 em Abril 08, 2010, 02:38:35 pm
ainda me lembro da 1ª vez que vi a srª:joana ainda manceba a entrar na minha secçaõ na ba1 para levantar o seu fato de voo e capacete ainda com a pronuncia bem patente de alentejana. para as provas de aptidão de voo.ainda lhe fiz o nome para o fato de voo meia asa.sai da ba1 ainda ela era cadete 1ªano... só mais tarde  06( caso não me falhe a memoria fez capa da revista "mais alto" juntamente com outro camarada de curso).

desconhecia por completo que ela esteve no brazil em tirocínio ainda mais o espanto que estava neste momento no caça bombardeiro a-jet.. talvez futura piloto de f-16
talvez seja a 1ª mulher em f-16 ( e acredito que sim) tal como acredito que seja a 1ª general em portugal.


as maiores felicidades......

cadj/marme

equipamentos de voo e sobreviencia ba1
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Abril 08, 2010, 07:36:53 pm
Citação de: "militar03"
talvez seja a 1ª mulher em f-16 ( e acredito que sim) tal como acredito que seja a 1ª general em portugal.

Que seja a primeira mulher piloto de F-16 também penso que sim, o caso mais próximo que houve foi uma mulher piloto de Alpha Jet na esquadra 301 na altura em que estava sediada na Base Aérea nº11 em Beja.

Que seja a primeira mulher General já acho pouco provável (mas não impossivel) visto que já há outras mulheres PILAV na Força Aérea bem mais antigas, como por exemplo a Major Dina Azevedo da Esquadra 502 e várias outras que tem posto de Capitão e Tenente.

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Ffarm4.static.flickr.com%2F3343%2F3257746942_eaa906e0fb.jpg&hash=cb819433686f2be815ef3eacd5adbb1a)

Tal como disse é possivel, se todas as outras mulheres PILAV sairem da Força Aérea antes.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: militar03 em Abril 09, 2010, 02:26:40 pm
a 1ªmulher colocada em aviões a jato foi foi a srª paula rocha ainda com a patente de tenente/capitão. já como major foi para ba1 esquadra 401 os cientistas . aviocar 100 e aviocar 300. saiu penso eu como tenente coronel para a tap.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: ShadIntel em Abril 09, 2010, 03:09:25 pm
Citar
Força Aérea 'invade' terreno à entrada de Faro

Engenheiros de Aeródromos tomaram conta de terreno frente ao Teatro das Figuras. Objectivo: aprontar o espaço para receber as comemorações oficiais do Dia de Portugal.

As obras estão a ser efectuadas por máquinas e militares da Direcção Geral de Engenheiros de Aeródromos da Força Aérea Portuguesa (DGEAFA), apurou o Observatório do Algarve no local.

Os trabalhos destinam-se a nivelar os terrenos para que possam receber a parada militar do Dia de Portugal, que este ano será realizada em Faro, segundo indicação do Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, que designou a capital algarvia como sede das Comemorações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas”.

O chefe de Estado nomeou António Barreto como presidente da “Comissão Organizadora das Comemorações”.

Não é invulgar que seja a Força Aérea a realizar operações de nivelamento de terras, uma vez que os oficiais Engenheiros de Aeródromos da Força Aérea "realizam estudos técnicos, projectos e suas componentes, construção e manutenção na área de engenharia civil, das infra-estruturas aeroportuárias militares, incluindo a documentação inerente à realização de concursos e consultas para empreitadas e a sua fiscalização", pode ler-se no site da Força Aérea.

Segundo a Força Aérea, os mesmos militares "podem colaborar e desenvolver projectos de investigação autónomos ou em cooperação com entidades nacionais ou estrangeiras".

Operação Limpeza vem a seguir

Recorde-se que a propósito da Comemoração do Dia de Portugal em Faro, o presidente da Câmara Municipal de Faro, Macário Correia, afirmou que "quer ter a cidade limpa e conta com o envolvimento da população e das entidades locais" nas comemorações oficiais, que contarão com dois banquetes envolvendo mais de 200 elementos do Corpo Diplomático (residente e não-residente), entre muitos outros convidados.

Sublinhando que a cidade vai funcionar como "montra" durante os dias 9 e 10 de junho, o líder da autarquia lembrou que a realização daquele evento em Faro "impõe muito trabalho a todos".

"Quero lançar um desafio ao orgulho dos farenses e pedir-lhes para ter a cidade limpa, pintada e caiada", referiu, lembrando que as imagens da cidade vão ser altamente difundidas através da imprensa.

O presidente da Câmara de Faro disse querer envolver escolas, artistas e associações culturais no espírito das comemorações, adiantando que nos dias anteriores às comemorações terão lugar várias festas e eventos na cidade.
http://www.observatoriodoalgarve.com/cn ... icia=35961 (http://www.observatoriodoalgarve.com/cna/noticias_ver.asp?noticia=35961)

Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Abril 09, 2010, 08:01:32 pm
Citação de: "militar03"
a 1ªmulher colocada em aviões a jato foi foi a srª paula rocha ainda com a patente de tenente/capitão. já como major foi para ba1 esquadra 401 os cientistas . aviocar 100 e aviocar 300. saiu penso eu como tenente coronel para a tap.

Mas isso não desmente o que eu referi, existem várias outras mulheres PILAV mais antigas na Força Aérea do que a Alferes referida no artigo, e todas elas tem essa possibilidade, mas cada um tem a sua opinião :lol: .
http://www.emfa.pt/www/includes/mostraV ... ile=joanas (http://www.emfa.pt/www/includes/mostraVideo.php?lang=pt&file=joanas)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: militar03 em Abril 12, 2010, 01:44:42 pm
:D
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Jorge Pereira em Abril 15, 2010, 07:50:06 pm
Citar
Ministro da Defesa Nacional na implementação Destacamento do C-295 nos Açores

O Ministro da Defesa Nacional visitará, no dia 17 de Abril, a Base Aérea Nº4 (BA4), nas Lajes, Ilha Terceira, para assistir à implementação do destacamento da nova aeronave CASA C-295M na Região Autónoma dos Açores.

O novo sistema de armas substituirá assim o C-212 AVIOCAR, que durante 32 anos operou nos Açores servindo a população deste Arquipélago.  

O C-295 é um avião bimotor, turbo-hélice de transporte e integra a mais recente tecnologia existente no mundo aeronáutico.  

O seu compartimento de carga pode transportar, montadas, até 24 macas para a evacuação de feridos ou doentes, tendo ainda capacidade para o transporte de até 70 pessoas, ou 45 pára-quedistas completamente equipados, ou 9250 kg de carga diversa, incluindo veículos ligeiros.

A nova aeronave mais do que triplica as capacidades de carga, alcance e autonomia do seu antecessor.

O programa para a visita do Ministro da Defesa Nacional à BA4 é o seguinte:

10H00- Hora limite de chegada dos Órgãos de Comunicação Social à BA4.

10H30- Chegada do MDN à BA4.  

12H15 - Ponto de Imprensa.

Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: LuisC em Abril 16, 2010, 12:20:06 am
Impõe-se uma pergunta…alguém sabe quantas aeronaves vão compor o destacamento de C-295 nos Açores?

Cumps.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: militar03 em Abril 16, 2010, 10:08:23 am
se seguirem as pisadas dos aviocares serão entre 1 a 2 aeronaves...  com rotavidade de tripulação e manutenção de 2 em 2 semanas.(pelo menos no EH-101 É ASSIM)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Abril 16, 2010, 11:06:19 am
Citar
A Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) e a Força Aérea Portuguesa assinaram recentemente um protocolo de cooperação com vista à investigação tecnológica e desenvolvimento sobre o uso de mundos virtuais para formação profissional.

Fonte da academia disse que a instituição transmontana realiza investigação há quatro anos no Second Life, dispondo de uma equipa de dez investigadores que trabalha sobre este mundo em três dimensões.

Neste momento, a UTAD tem em curso projectos de investigação em colaboração com mais de 20 instituições nacionais e internacionais, entre as quais a Força Aérea Portuguesa, a Portugal Telecom Inovação ou a Federação Portuguesa de Andebol.

Em Março, a universidade começou a investigação para a Força Aérea, estando a preparar dois projectos que envolvem cinco alunos das licenciaturas em Informática e em Tecnologias de Informação e Comunicação, dois alunos do Mestrado em Informática e três docentes, investigadores do Grupo de Investigação em Engenharia do Conhecimento e Apoio à Decisão (GECAD).

Segundo da UTAD, um dos projectos diz respeito à formação em controlo de tráfego aéreo em aeródromos, para utilização pelo Centro de Formação Técnica e Militar da Força Aérea, na Base Aérea da Ota.

O objectivo é promover metodologias e ferramentas de ensino à distância.

Outro foco de investigação está relacionado com o desenvolvimento de simuladores multi-utilizador para intervenções técnicas com motores de aviões F-16, para apoio à formação contínua na Base Aérea N.º 5 de Monte Real.

“A ideia é que antes dos formandos irem ter a formação na OTA ou Monte Real possam ter trabalho ou tarefas simuladas nestas duas situações”, explicou o investigador da UTAD Leonel Morgado.

Em colaboração com dos treinadores da Federação Portuguesa de Andebol, a UTAD está também a trabalhar na formação de treinadores de andebol com equipas de avatares automatizados.

O objectivo, segundo Leonel Morgado, é permitir a um formador de treinadores definir jogadas e depois, durante uma aula virtual, solicitar a reprodução das mesmas a equipas de avatares andebolistas.

Na universidade estão ainda a ser concluídos trabalhos de investigação doutoral para melhorar o ensino da programação de computadores por recurso ao Second Life e identificar requisitos e propor soluções que permitam que crianças e professores do 1º ciclo do ensino básico possam utilizar mundos virtuais para desenvolverem conceitos de empreendedorismo.

O GECAD, que possui um pólo na UTAD, é uma das principais unidades de investigação portuguesas em inteligência artificial, sistemas baseados em conhecimento e sistemas de apoio à decisão e a maior unidade de Investigação e Desenvolvimento (I&D) do Instituto Superior de Engenharia do Porto (ISEP)
http://www.publico.pt/Tecnologia/forca-aerea-usa-o-second-life-para-formar-controladores-aereos_1432416
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Abril 16, 2010, 06:03:52 pm
Citação de: "militar03"
se seguirem as pisadas dos aviocares serão entre 1 a 2 aeronaves...  com rotavidade de tripulação e manutenção de 2 em 2 semanas.(pelo menos no EH-101 É ASSIM)

Uma é pouco, devem ser duas no minimo.

Na Madeira é que é só um C-295M, e na esquadra 751 tem sido assim porque nos Açores tem estados os Pumas, mas com o fim dos Pumas os EH101 vão ter que aumentar o seu numero nos Açores, também para os 2 ou 3.

Nos Açores é necessário uma muito maior capacidade do que na Madeira, o tráfego maritimo é muito superior e 7 das 9 ilhas que compoe os Açores poucas instalações médicas tem, por isso é que há uns anos na Madeira havia 1 Puma e 1 Aviocar e o pessoal passava os dias na praia do Porto Santo :mrgreen: ).
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: BraincrasherII em Abril 17, 2010, 11:11:22 pm
Citação de: "Lightning"
Citação de: "militar03"
se seguirem as pisadas dos aviocares serão entre 1 a 2 aeronaves...  com rotavidade de tripulação e manutenção de 2 em 2 semanas.(pelo menos no EH-1'01 É ASSIM)

Uma é pouco, devem ser duas no minimo.

Na Madeira é que é só um C-295M, e na esquadra 751 tem sido assim porque nos Açores tem estados os Pumas, mas com o fim dos Pumas os EH101 vão ter que aumentar o seu numero nos Açores, também para os 2 ou 3.

Nos Açores é necessário uma muito maior capacidade do que na Madeira, o tráfego maritimo é muito superior e 7 das 9 ilhas que compoe os Açores poucas instalações médicas tem, por isso é que há uns anos na Madeira havia 1 Puma e 1 Aviocar e o pessoal passava os dias na praia do Porto Santo :mrgreen: ).

De facto, o destacamento C-295 será constituído por duas aeronaves. Uma táctica (já em operação nos Açores) e uma aeronave VIMAR (quando estas começarem a operar oficialmente em Portugal).

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Abril 18, 2010, 12:12:33 am
Citar
ministro da Defesa, Augusto Santos Silva, revelou hoje, sábado, nas Lajes, Terceira, que a Força Aérea Portuguesa está a preparar para domingo uma operação para trazer o Presidente da República de Barcelona para Lisboa.

Augusto Santos Silva, em declarações aos jornalistas na Base das Lajes, onde presidiu à cerimónia de implementação do destacamento do avião C-295, especificou que esta operação envolverá um avião Falcon e outro C-130.

O Falcon transportará Cavaco Silva e os restantes elementos da Presidência da República, enquanto o C-130 fará o transporte da comitiva que o acompanhou na visita à República Checa.  

Segundo o ministro da Defesa, o regresso a Lisboa será feito via Barcelona, Espanha.  

O Presidente da República ficou retido em Praga devido aos condicionalismos provocados no tráfego aéreo pelas poeiras emitidas por uma erupção vulcânica no sul da Islândia.  
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Daniel em Abril 18, 2010, 08:55:13 am
nelson38899

Citar
O Falcon transportará Cavaco Silva e os restantes elementos da Presidência da República, enquanto o C-130 fará o transporte da comitiva que o acompanhou na visita à República Checa.

Uma pergunta em vez de usar o C-130 não seria mais viavel enviar o C-295 não seria até mais $$$$$  :?:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Abril 18, 2010, 12:35:13 pm
Citação de: "Daniel"
nelson38899

Citar
O Falcon transportará Cavaco Silva e os restantes elementos da Presidência da República, enquanto o C-130 fará o transporte da comitiva que o acompanhou na visita à República Checa.

Uma pergunta em vez de usar o C-130 não seria mais viavel enviar o C-295 não seria até mais $$$$$  :?:

A razão deve-se ao tamanho da comitiva
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: militar03 em Abril 19, 2010, 12:39:40 pm
sim,, e com o kit vip  montado ainda reduz mais.... fora a carga (bagagens) enqunto que o c.130 é mais viavel msm com kit vip montado continua a ter mais capacidade de lugares e de carga.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Abril 29, 2010, 11:08:16 am
Citar
Aeródromo de Manobra Nº3 recebe Estandarte Nacional

28-04-2010

Realizou-se no dia 26 de Abril, a Cerimónia de Entrega do Estandarte Nacional ao Aeródromo de Manobra Nº3 (AM3), no Porto Santo.

Nesta Cerimónia entregou o Chefe do Estado-Maior da Força Aérea ao Comandante do Aeródromo de Manobra Nº3, o Estandarte Nacional, dando cumprimento à alínea b) do Artº 1º do Decreto-Lei 46/92de 4 de Abril, que define que têm direito ao Estandarte Nacional os comandos, forças e unidades militares com carácter permanente, bem como os estabelecimentos militares.

O Aeródromo de Manobra Nº3 foi activado no dia 25 de Novembro de 2009.

http://www.emfa.pt/www/detalhe.php?cod=035.419&lang=pt
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Abril 29, 2010, 07:09:36 pm
Citar
Esquadra 751 celebra 32º Aniversário

A Esquadra 751 "Pumas", comemorou no dia 28 de Abril o seu 32º Aniversário, numa Cerimónia presidida pelo Comandante da Logística da Força Aérea, Tenente-General Victor Morato.

Assinalando a ocasião e sublinhando as 2438 vidas salvas pela Esquadra foram, nesta Cerimónia, Louvados pelo Comandante da Base Aérea Nº6 (BA6), Coronel João Alves, os Militares envolvidos na complicada e bem sucedida missão de evacuação médica, realizada no passado dia 31 de Março, nos Açores.

A história da Esquadra 751 escreve-se, desde a década de 70, com as várias vidas salvas em missões de busca e salvamento e evacuação médica, mas também com o cumprimento das missões de transporte aéreo táctico e transporte aéreo geral.

A operar actualmente o helicóptero EH-101 MERLIN, esta Esquadra, sedeada na BA6, além de manter em permanência uma tripulação de alerta nesta Unidade, é responsável também pelas tripulações de alerta a operar a partir do Aeródromo de Manobra Nº3, em Porto Santo, e na Base Aérea Nº4, nos Açores.

http://www.emfa.pt/www/detalhe.php?cod=035.421&lang=pt (http://www.emfa.pt/www/detalhe.php?cod=035.421&lang=pt)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Maio 06, 2010, 11:26:44 am
Citar
Num raio de céu de cerca de 1km, sobre o local onde se encontrar Bento XVI, vai ser criada uma 'zona de exclusão aérea',  dentro da qual está interditado qualquer movimento. Helicópteros e caças 'F-16' estarão a postos e, se necessário, autorizados a abater os intrusos na zona. O plano de defesa aérea está quase concluído.

A Força Aérea está preparada para abater qualquer "intruso" que viole o espaço de interdição aérea que vai ser estabelecido nas zonas onde se encontrar o Papa Bento XVI durante a sua visita a Lisboa, Fátima e Porto. "Será sempre uma situação de último recurso, pois estão previstos meios de aviso e de controlo do espaço aéreo várias milhas antes da zona de exclusão. No entanto, se necessário, os pilotos que forem chamados têm ordens para abater o meio que violar a interdição", garante o porta-voz oficial do Estado-Maior General das Forças Armadas.

Este é um dos cenários previstos no Plano de Defesa Aérea definido para a visita de Bento XVI, o qual está em fase de conclusão pelo Estado-Maior General da Força Aérea (EMFA). Segundo fontes ligadas do processo, o Plano deverá ser submetido nos próximos dias ao chefe máximo das Forças Armadas, general Valença Pinto. Todos os ramos militares vão ter meios envolvidos nesta operação, feita a pedido do secretário-geral do Sistema de Segurança  Interna, Mário Mendes.

A Força Aérea, além de disponibilizar três helicópteros de alta segurança para transportar o Papa e a sua comitiva, colocará também no ar outros três "helis" Allouette, com radares e sistemas antimíssel, para monitorizar a zona de exclusão aérea. Paralelamente, dois caças F16  - que vão receber no céu o avião onde viaja Bento XVI à sua aproximação a Lisboa - vão estar, durante toda a visita, num grau de prontidão máximo para intervir numa situação extrema em que seja necessário abater algum meio suspeito que viole o espaço aéreo interdito.

Esta zona de exclusão é uma espécie de "bolha" a três dimensões, com um raio de cerca de um quilómetro, definido em cima do local onde decorrer a visita.

Este plano de defesa aéreo conta ainda com o apoio da Marinha, que terá estacionado no Tejo a fragata D.Francisco de Almeida, entre vários outros meios envolvidos na defesa marítima. Lanchas e navios armados, uma força de fuzileiros, mergulhadores e, pela polícia marítima, lanchas rápidas e um total de 25 agentes, entre os quais elementos especializados em acções táctico-policiais. Da parte do Exército pode ser utilizada, em Fátima, uma bateria antimíssel, terra-ar, para a defesa da zona de exclusão aérea.

De acordo com uma fonte envolvida na coordenação das operações, o aparato militar e policial (com cerca de oito mil pessoas no terreno) envolvido na segurança da visita, prende-se  principalmente  com os locais escolhidos para realizar as missas, mas também com os vários percursos que Bento XVI vai fazer entre a população. "Quanto mais longo for o tempo de exposição na rua de uma entidade maior o risco e há que acautelar muitas situações", explica. No caso do Terreiro do Paço, a exiguidade do espaço e o facto de ter o rio num dos lados, obrigou ao estudo de vários cenários, com vários meios, para garantir uma evacuação eficaz numa emergência. Está previsto, por exemplo, que os 'VIP' sejam evacuados de helicóptero
http://dn.sapo.pt/inicio/portugal/inter ... id=1561847 (http://dn.sapo.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=1561847)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Luso em Maio 06, 2010, 10:29:44 pm
- Ai um míssel!!!
(gritar alto em tom Castelo-Branco)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: LuisC em Maio 06, 2010, 11:20:27 pm
Com que então não sabiam???
ah pois é...Allouettes de guerra electrónica e baterias Patriot…está tudo muito bem guardado! :lol:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Maio 19, 2010, 09:42:12 am
Citar
Portaria n.º 344/2010

Portugal, como membro da UE, apoia fortemente o desenvolvimento
da Política Comum de Segurança e Defesa (PCSD), que constitui actual-
mente uma das áreas mais dinâmicas do processo de integração europeia.
Nesse âmbito, a prioridade dada ao envolvimento da UE na luta contra
a pirataria na Somália, com missões militares de carácter humanitário
e de manutenção da paz, e a sua visão abrangente sobre a resolução do
conflito, assumem especial importância como forma de responder às
necessidades de segurança na região.

Assim, em apoio das Resoluções 1814, 1816 e 1838 de 2008 do Con-
selho de Segurança das Nações Unidas, a União Europeia deu início a
uma operação militar na costa da Somália com a designação «Operação
ATALANTA», através da Resolução do Conselho da União Europeia
n.º 2008/851/CFSP, de 10 de Novembro.

A Operação ATALANTA tem como objectivo proteger o tráfego ma-
rítimo que atravessa a costa da Somália, contribuindo para a dissuasão,
prevenção e repressão dos actos de pirataria e dos assaltos à mão armada,
através do envolvimento de meios navais e aéreos de patrulhamento
marítimo (MPRA — Maritime Patrol and Reconnaissance Aircraft).

Portugal participará com um destacamento aéreo constituído por uma
aeronave P3-P, respectiva tripulação e pessoal de apoio em terra, num total
de 42 militares, por um período de máximo de quatro meses, a iniciar em
Abril de 2010, integrando a Operação ATALANTA da União Europeia.
A participação de Portugal nesta missão é perfeitamente consentânea
com os valores e princípios fundamentais da política externa da Repú-
blica Portuguesa.

O Conselho Superior de Defesa Nacional, em 8 de Abril de 2010,
emitiu parecer favorável à participação de Portugal nesta missão, de
acordo com o disposto na alínea g) do n.º 1 da Lei Orgânica n.º 1-
B/2009, de 7 de Julho.

De acordo com o estipulado no artigo 3.º da Lei n.º 46/2003, de 22 de
Agosto, a decisão do Governo de envolver contingentes militares nesta
missão foi comunicada à Assembleia da República.

Assim:
Ao abrigo do disposto no n.º 1 do artigo 12.º e das alíneas f) e n)
do n.º 3 do artigo 14.º, ambos da Lei Orgânica n.º 1-B/2009, de 7 de
Julho, e nos termos do n.º 1 do artigo 2.º do Decreto-Lei n.º 233/96, de
7 de Dezembro:

Manda o Governo, pelo Ministro da Defesa Nacional, o seguinte:

1 — É autorizado o Chefe do Estado-Maior-General das Forças Ar-
madas a aprontar e empregar um destacamento aéreo constituído por
uma aeronave P3-P, tripulação e pessoal de apoio em terra, num total
de 42 militares, com vista à participação portuguesa na Operação ATA-
LANTA, a qual ficará colocada na sua dependência directa.
2 — A duração da missão terá um período máximo de quatro meses,
com início em Abril de 2010.
3 — De acordo com o disposto no n.º 5 da portaria n.º 87/99, de 30
de Dezembro, publicada no Diário da República, 2.ª série, n.º 23, de 28
de Janeiro de 1999, os militares que integram o contingente nacional
desempenham funções em países de classe B.

16 de Abril de 2010. — O Ministro da Defesa Nacional, Augusto
Ernesto Santos Silva.

http://dre.pt/pdf2sdip/2010/05/097000000/2732727327.pdf (http://dre.pt/pdf2sdip/2010/05/097000000/2732727327.pdf)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Miguel Silva Machado em Agosto 07, 2010, 12:37:43 pm
Mesmo passadas várias semanas sobre o Dia da Força Aérea Portuguesa achamos que tem interesse mostrar através da imagem um pouco do que foram essas comemorações e a enorme afluência popular que exposições, demonstrações, cerimónia militar e festival aéreo tiveram. As comemorações oficiais  estiveram este ano centradas na Região Autónoma da Madeira, Rui Elvas esteve no Arquipélago e fez a reportagem fotográfica.

http://www.operacional.pt/dia-da-forca- ... a-madeira/ (http://www.operacional.pt/dia-da-forca-aerea-na-madeira/)

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.operacional.pt%2Fwp-content%2Fuploads%2F2010%2F08%2F1-img_1852-copy.jpg&hash=458548a91b57696ea812433779e877e0)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: paraquedista em Outubro 06, 2010, 04:53:18 pm
A formacao dos nossos "Top Guns" ;)

http://www.cmjornal.xl.pt/noticia.aspx? ... 0000000019 (http://www.cmjornal.xl.pt/noticia.aspx?contentid=868C906A-172A-4C13-9A6C-51FF40D31F5B&channelid=00000019-0000-0000-0000-000000000019)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Outubro 07, 2010, 12:10:57 am
Citação de: "paraquedista"
A formacao dos nossos "Top Guns" :D .
Citar
Fighter Weapons Instructor Training, is hosted by the Royal Netherlands Air Force at Leeuwarden AB. The training produces new weapon officers for the F-16 for participating air forces. The course buildup is quite similar to USAF Weapons School. It consists of three phases: air to air, air to surface, and mission employment. The last two phases are conducted in Portugal for FWIT 10.
http://www.codeonemagazine.com/article.html?item_id=51 (http://www.codeonemagazine.com/article.html?item_id=51)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Novembro 30, 2010, 04:37:55 pm
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Cabeça de Martelo em Novembro 30, 2010, 05:34:14 pm
Citação de: "HSMW"

Um dos melhores videos que eu já vi das nossas Forças Armadas. :D
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Novembro 30, 2010, 07:09:23 pm
Citação de: "Cabeça de Martelo"
Um dos melhores videos que eu já vi das nossas Forças Armadas. :D

Está na mesma linha dos diversos documentários das esquadras de voo.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: pchunter em Novembro 30, 2010, 10:36:26 pm
Muito bom. Espero que este tipo de iniciativa seja para manter. :G-beer2:
A malta agradece.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: GI Jorge em Dezembro 06, 2010, 11:11:51 pm
Citação de: "HSMW"

a 4:03, que avião é aquele?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: teXou em Dezembro 06, 2010, 11:42:08 pm
Citação de: "GI Jorge"
a 4:03, que avião é aquele?
Mirage F1 se vi bem  :roll:
http://www.avions-militaires.net/fiches/mirage-f1.php
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Dezembro 06, 2010, 11:53:57 pm
Citação de: "teXou"
Citação de: "GI Jorge"
a 4:03, que avião é aquele?
Mirage se vi bem  :roll:

Exacto, Mirage F.1 da Força Aérea Marroquina e atrás um Alpha Jet E ("nariz arredendado").

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg203.imageshack.us%2Fimg203%2F8615%2F64973407.jpg&hash=8281d7322468b0f5b83293e1c08d5153)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Jorge Pereira em Dezembro 06, 2010, 11:56:14 pm
Citação de: "GI Jorge"
Citação de: "HSMW"

a 4:03, que avião é aquele?

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fmysite.mweb.co.za%2Fresidents%2Fcedwardb%2Fprofiles%2Fmirage_f1_cz%2FMirage%2520F1%2520CH_127.jpg&hash=4a109b0d88fb0c6255f83376ea935711)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Jorge Pereira em Dezembro 07, 2010, 12:02:21 am
Citação de: "PereiraMarques"
Citação de: "teXou"
Citação de: "GI Jorge"
a 4:03, que avião é aquele?
Mirage se vi bem  :mrgreen:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: GI Jorge em Dezembro 07, 2010, 04:31:25 pm
Obrigado.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: luis simoes em Dezembro 11, 2010, 10:50:26 pm
Um dos melhores videos dentro da area defesa aerea, parabens a FAP, tenho orgulho de pertencer a este pais, um abraco...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Dezembro 21, 2010, 04:18:39 pm
CTT fretam avião da FAP para responder ao tráfego


Os CTT fretaram um avião Hércules C 130 para reforçar a expedição de correspondência e encomendas enviadas para a Terceira e Faial, nos Açores, e do arquipélago para o continente, disse à Lusa fonte dos Correios.

"O cargueiro aéreo da Força Aérea Portuguesa parte hoje do aeroporto de Figo Maduro, com 10 toneladas de correio e regressa na quarta-feira a Lisboa com cinco toneladas", acrescentou a mesma fonte.

Esta medida excecional, segundo os CTT, visa responder ao aumento do volume de encomendas expedidas habitual nesta época do ano e "garantem a entrega de todo o correio até ao dia 24 de dezembro".

Segundo os Correios, nesta semana o tráfego de objetos atinge o máximo do ano, por causa do Natal, com um total de expedições superior em 60 por cento ao habitual, nomeadamente no volume de encomendas.

"Face ao aumento da procura dos serviços dos Correios, os CTT alargaram o período de atendimento nas principais estações, reforçaram os recursos humanos nas redes de tratamento e transportes, e mantêm as equipas na rua até às 13:00 da véspera de Natal", adiantou fonte oficial da empresa.

Paralelamente, a CTT Expresso garante a entrega de correio até às 18:00 do dia 24 de dezembro.

Na semana do Natal, a empresa entregou mais de 100 mil encomendas por dia, com uma equipa de 1.500 profissionais.

Lusa
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: paraquedista em Janeiro 28, 2011, 03:39:27 am
Relatorio de Gestao da Forca Aerea 2009:

http://www.emfa.pt/www/conteudos/inform ... es2009.pdf (http://www.emfa.pt/www/conteudos/informacaofa/RelGes2009.pdf)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Desertas em Janeiro 28, 2011, 05:16:03 pm
Citação de: "paraquedista"
Relatorio de Gestao da Forca Aerea 2009:

http://www.emfa.pt/www/conteudos/inform ... es2009.pdf (http://www.emfa.pt/www/conteudos/informacaofa/RelGes2009.pdf)

Citar
É considerada como
muito importante, a adaptação de novos equipamentos na plataforma EH-101 e a
aquisição/substituição das aeronaves destinadas a instrução de pilotagem (Treino Básico Avançado
e Treino Elementar). Quanto aos novos meios a inscrever, perspectiva-se uma definição de
capacidade abrangente, que permita incluir não só, as verbas necessárias à aquisição dos meios, mas
também a sua manutenção no conceito de Full in Service Support e a respectiva Missão de
Acompanhamento e Fiscalização.

Algum dos foristas tem conhecimento de quais as aeronaves que a FAP têm em vista para Treino Básico Avançado e Treino Elementar ?

Um Abraço
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Janeiro 28, 2011, 07:17:04 pm
Neste momento a FAP tem várias aeronaves

helis:

ALIII

Aviões:

chipmunk
Epsilon
Alpha jet
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Desertas em Janeiro 28, 2011, 08:34:24 pm
Citação de: "nelson38899"
Neste momento a FAP tem várias aeronaves

helis:

ALIII

Aviões:

chipmunk
Epsilon
Alpha jet


Correcto , mas no relatório da FAP fiquei com a impressão que a mesma deseja substituir pelo menos parte delas . Não sei se estou errado .

Um Abraço
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Janeiro 28, 2011, 08:56:54 pm
Citação de: "Desertas"
Citação de: "nelson38899"
Neste momento a FAP tem várias aeronaves

helis:

ALIII

Aviões:

chipmunk
Epsilon
Alpha jet


Correcto , mas no relatório da FAP fiquei com a impressão que a mesma deseja substituir pelo menos parte delas . Não sei se estou errado .

Um Abraço

O objectivo principal seria substitui-los a todos mas como não há dinheiro, vai-se mantendo o museu aéreo, porque se for mos a ver o mais novo de todos é o alpha jet e esse já voa desde 1980.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Nuno Calhau em Janeiro 29, 2011, 10:28:12 pm
Citando o "cunhaline"; olhe que olhe que não!

Os epsilon são de 1989/90, para instrução básica e voo por instrumentos, estão muito bem.

Os chip`s actuais dos velhos T.20`s só têm a matrícula, pois foram remotorizados (lycoming 0-360-AV 180HP) e actualizados em 1996.

Um Abraço
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Fevereiro 10, 2011, 07:36:08 pm
Citar
O ministro da Defesa recebeu quarta-feira o general José Pinheiro, da Força Aérea, um dos três candidatos à chefia daquele ramo das Forças Armadas (CEMFA).

O encontro, no Ministério da Defesa, ocorreu um dia depois de o ministro Augusto Santos Silva ter sido recebido pelo Presidente da República e Comandante Supremo das Forças Armadas, Cavaco Silva, no âmbito do processo de escolha do novo CEMFA.

A escolha resulta da necessidade de substituir o general Luís Araújo, que esta segunda-feira tomou posse como chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas (CEMGFA).

Augusto Santos Silva recebeu há dias três generais do ramo: o vice-CEMFA e actual chefe em exercício da Força Aérea, general Luís Figueiredo, o general Mimoso e Carvalho (que está como adido ao ramo, depois de exercer funções no EMGFA) e o responsável do Comando da Instrução e Formação, general José Pinheiro.

Segundo as normas legais, o Governo aprova em Conselho de Ministros o nome do novo CEMFA para o propor ao Presidente da República, a quem cabe nomeá-lo.

http://www.dn.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=1781035
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Fevereiro 13, 2011, 12:03:28 pm
Citar
domingo, 13 de Fevereiro de 2011 | 11:07
Açores: Força Aérea resgata dois náufragos em mar revolto

A Força Aérea resgatou esta noite dois tripulantes espanhóis de uma embarcação que se estava a afundar 20 milhas a sudoeste de Santa Maria, nos Açores, num mar com ondas de cinco metros, anunciou a Marinha. Segundo a Marinha, pelas 21:20 (22:20 de Lisboa), o Centro Coordenador de Busca e Salvamento Marítimo de Ponta Delgada (MRCC) recebeu a informação de que o «S/V Miramar», de bandeira espanhola, se estava «a afundar e que os dois tripulantes tencionavam abandonar a embarcação, refugiando-se na balsa salva-vidas».

A operação de resgate dos dois náufragos «foi desencadeada de imediato», segundo um comunicado da Marinha, tendo sido empenhadas também embarcações da Capitania de Vila do Porto (ilha de Santa Maria), da Policia Marítima e meios locais. Também o navio «M/V Cymbeline», que navegava na altura a sul de Santa Maria, divergiu para a posição do sinistro, para prestar socorro aos dois tripulantes.

A operação de resgate dos dois náufragos, que «estavam um pouco desidratados e assustados», ocorreu às 23:32 locais, quando o helicóptero EH-101 Merlin, da Força Aérea, avistou a balsa salva-vidas. Os dois tripulantes foram transportados para o Hospital de Santo Espírito, na ilha Terceira. Mas as «condições de mar em que se efectuou o salvamento, com ondas de cinco metros no local», dificultaram a acção de recuperação da Força Aérea.

Diário Digital / Lusa

 :arrow: http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?id_news=493912 (http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?id_news=493912)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Fevereiro 14, 2011, 07:37:18 pm
Citar
Generais da Força Aérea aprovam novo chefe


O Conselho Superior da Força Aérea (CSFA) aprovou hoje o nome proposto pelo Governo para novo chefe do ramo, soube o DN.

O nome do general José Pinheiro, de acordo com as fontes do ramo, obteve o parecer unânime dos seus pares para suceder ao general Luís Araújo - já empossado como comandante das Forças Armadas - no cargo de chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA).

Segundo uma das fontes, todos os generais do ramo também "manifestaram disponibilidade" para trabalhar com o futuro CEMFA, cuja nomeação é da responsabilidade do Presidente da República e Comandante Supremo das Forças Armadas, Cavaco Silva.

José Pinheiro, 54 anos, é o responsável pelo Comando da Instrução e Formação da Força Aérea, tendo sido promovido a tenente-general em Maio de 2008.

dn.pt
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: militar03 em Fevereiro 15, 2011, 05:26:17 pm
bom general, dos melhores que já tive oportunidade de privar de perto
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Desertas em Fevereiro 17, 2011, 12:15:30 am
EH-101 Merlin em operações de busca das jovens desaparecidas no mar na freguesia do Seixal , Madeira.

Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Desertas em Fevereiro 17, 2011, 12:47:00 am
Algumas imagens das operações de busca  no dia 15/02/2011 onde uma embarcação do SANAS Madeira (Associação Madeirense para o socorro no Mar) naufragou tendo infelizmente falecido um dos tripulantes .

http://www.dnoticias.pt/multimedia/fotoreportagem/250136-operacoes-de-resgate-naufragio-embarcacao-do-sanas-madeira


http://www.dnoticias.pt/actualidade/madeira/250106-nova-tragedia-no-seixal
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: GI Jorge em Fevereiro 17, 2011, 12:03:49 pm
Citação de: "Desertas"
Algumas imagens das operações de busca  no dia 15/02/2011 onde uma embarcação do SANAS Madeira (Associação Madeirense para o socorro no Mar) naufragou tendo infelizmente falecido um dos tripulantes .

http://www.dnoticias.pt/multimedia/fotoreportagem/250136-operacoes-de-resgate-naufragio-embarcacao-do-sanas-madeira


http://www.dnoticias.pt/actualidade/madeira/250106-nova-tragedia-no-seixal


Sinceramente, não concordei com o resgate. Elas sabiam que o mar estava revolto, que não podiam ir para lá, mas foram. Habilitaram-se, correu-lhes mal. Elas já estão mortas, não têm hipótese de estar vivas. E por causa da irresponsabilidade delas, morreu um homem.
Deviam ter esperado pelo fim da tempestade, e só depois irem à procura dos corpos.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: sergio21699 em Fevereiro 17, 2011, 02:14:43 pm
Citação de: "GI Jorge"
Citação de: "Desertas"
Algumas imagens das operações de busca  no dia 15/02/2011 onde uma embarcação do SANAS Madeira (Associação Madeirense para o socorro no Mar) naufragou tendo infelizmente falecido um dos tripulantes .

http://www.dnoticias.pt/multimedia/fotoreportagem/250136-operacoes-de-resgate-naufragio-embarcacao-do-sanas-madeira


http://www.dnoticias.pt/actualidade/madeira/250106-nova-tragedia-no-seixal


Sinceramente, não concordei com o resgate. Elas sabiam que o mar estava revolto, que não podiam ir para lá, mas foram. Habilitaram-se, correu-lhes mal. Elas já estão mortas, não têm hipótese de estar vivas. E por causa da irresponsabilidade delas, morreu um homem.
Deviam ter esperado pelo fim da tempestade, e só depois irem à procura dos corpos.
O trabalho deles é mesmo esse, arriscarem as próprias vidas na esperança de salvarem outras.
"Para que outros vivam"
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: GI Jorge em Fevereiro 17, 2011, 06:18:30 pm
Citação de: "sergio21699"
Citação de: "GI Jorge"
Citação de: "Desertas"
Algumas imagens das operações de busca  no dia 15/02/2011 onde uma embarcação do SANAS Madeira (Associação Madeirense para o socorro no Mar) naufragou tendo infelizmente falecido um dos tripulantes .

http://www.dnoticias.pt/multimedia/fotoreportagem/250136-operacoes-de-resgate-naufragio-embarcacao-do-sanas-madeira


http://www.dnoticias.pt/actualidade/madeira/250106-nova-tragedia-no-seixal


Sinceramente, não concordei com o resgate. Elas sabiam que o mar estava revolto, que não podiam ir para lá, mas foram. Habilitaram-se, correu-lhes mal. Elas já estão mortas, não têm hipótese de estar vivas. E por causa da irresponsabilidade delas, morreu um homem.
Deviam ter esperado pelo fim da tempestade, e só depois irem à procura dos corpos.
O trabalho deles é mesmo esse, arriscarem as próprias vidas na esperança de salvarem outras.
"Para que outros vivam"

Esse "vivam" é fundamental. Porque aquando do resgate, já elas estavam mortas. Com aquela tempestade, não há esperança.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: sergio21699 em Fevereiro 17, 2011, 06:24:36 pm
Há a esperança de os corpos ainda estarem por perto e dar à família a oportunidade de fazer um funeral.
Além disso a esperança é a última a morrer.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: GI Jorge em Fevereiro 17, 2011, 08:08:44 pm
Citação de: "sergio21699"
Há a esperança de os corpos ainda estarem por perto e dar à família a oportunidade de fazer um funeral.
Além disso a esperança é a última a morrer.

Ou seja, podiam ter esperado pelo fim da tempestade para procurar os corpos. Essa oportunidade para fazer um funeral transformou-se em mais outro.
Se eu fosse familiar das mulheres que foram apanhadas, não iria querer que alguém perdesse a sua vida para encontrar um corpo.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Cabecinhas em Fevereiro 23, 2011, 01:13:36 pm
GI Jorge,

Quem está de fora... esquece-se que existem sentimentos à mistura, e esses por vezes levam-nos a fazer as coisas de "cabeça quente".
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: sergio21699 em Fevereiro 23, 2011, 02:10:05 pm
Já me tinha esquecido desta conversa. O Cabecinhas tem razão, se fosse um familiar teu de certeza que tu ias querer que fizessem tudo para encontrar o desaparecido, é como o ser humano funciona e isso não mudará nunca. Para os homens que diariamente arriscam a vida para tentar salvar outras, só podemos ter todo o respeito do mundo e eles sabem que sossego ou uma vida sem perigos nunca terão, pelo menos até ao dia da reforma.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: GI Jorge em Fevereiro 23, 2011, 04:42:14 pm
Mas repare-se,  elas já estavam mortas, disso não havia duvidas. Agora, as pessoas que pensem um bocado antes de chamarem estes homens e os fazerem ir para o mar para morrer. E porque as decisões são de cabeça quente, é que acho que devia haver uma decisão pensada por quem manda para evitar desastres destes.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Cabecinhas em Fevereiro 23, 2011, 07:09:54 pm
Caro GI Jorge,

Eu dou-lhe toda a razão, mas quando se mistura sentimentos com o resto...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Maio 26, 2011, 04:08:12 pm
Citar
Adeus ao Puma

O som chega a ser ensurdecedor e a visão da enorme aeronave pode mesmo assustar, mas para mais de 4500 pessoas nos últimos 30 anos a fúria do Puma foi a diferença entre a vida e a morte. Hoje, cruzam-se duas histórias na Base Aérea do Montijo.

A que começa tem no EH 101– Merlin, novo helicóptero da Força Aérea, o personagem principal. A que está prestes a acabar fala de um helicóptero que nasceu para a guerra, mas que obteve as suas maiores vitórias em tempo de paz. O render da guarda faz-se no ar até ao fim do ano.
A distância não altera o lema das duas esquadras que operam os Pumas. No Montijo, a 751, nos Açores, a 711 voam há mais de 30 anos ‘Para que outros vivam’. De acordo com as contas da Força Aérea Portuguesa, as dez aeronaves reabilitadas da Guerra Colonial para as missões de Busca e Salvamento (SAR) ajudaram mais de quatro mil pessoas.
A partir do Montijo, os seis Pumas atribuídos à Esquadra 751 voaram para salvar mais de 1800 vidas, em transporte de doentes, evacuações e salvamentos. Nos Açores, as quatro aeronaves deixaram a pista da Base das Lajes para o transporte de 2300 doentes entre as várias ilhas do arquipélago e para salvarem 339 vidas – o caso mais recente ocorreu ontem.
“Às vezes, é difícil perceber a dificuldade que é operar uma aeronave e tentar mantê-la estabilizada, em condições de temporal, com vagas de nove metros. Mas isso faz-se. O que prova quer o valor do aparelho, quer a perícia das tripulações”, contou ao CM um militar da Força Aérea. “Mas a tecnologia mudou e é preciso acompanhá-la”, disse.
O futuro, para todos os efeitos, chega hoje, com a entrada ao serviço dos oito primeiros EH 101 Merlin, quatro anos depois de ter sido assinado o contrato de aquisição para 12 aeronaves. As quatro restantes deverão chegar até ao final deste ano, substituindo, em definitivo, os Puma nas missões de busca e salvamento em ambiente hostil (CSAR).
Mas nem com todas as valências, incluindo a capacidade de voo autónomo desde o Continente aos Açores e o reabastecimento em voo, as novas aeronaves conseguirão ‘beliscar’ a História dos Puma. Nas últimas três décadas, as dez aeronaves da Força Aérea somaram 55 mil horas de voo e, por vezes, o trabalho feito longe de tudo e de todos, no meio do mar, deu lugar a missões mediáticas, como a visita do Papa João Paulo II.
Hoje, as aeronaves que chegaram com a Guerra Colonial voltam a estar no centro das atenções, mas por razões distintas. Esta manhã, uma cerimónia de duas horas na Base Aérea 6, no Montijo, assinala o princípio do fim de 30 anos de missões dos Puma. O novo ‘Senhor dos Céus’ chama-se EH 101 Merlin. Até ao final deste ano, a Força Aérea espera ter 12 destas aeronaves a operar. Seis, vocacionadas para busca e salvamento, começam a voar hoje. Duas, para fiscalização das pescas, devem descolar até Dezembro. As quatro restantes ainda estão na fábrica.
PASSADO E PRESENTE
ESTREADOS NA GUERRA
O primeiro protótipo do Puma, de origem francesa, voou pela primeira vez a 15 de Abril de 1965. Portugal recebeu-os em plena guerra do Ultramar e foi o primeiro país do mundo a utilizá-los em situações reais de combate. Os 13 Puma comprados pela Força Aérea chegaram entre 1969 (2 de Agosto) e 1971. O objectivo da compra foi dispor de um helicóptero com maior capacidade de transporte que os 150 Alouette III que voavam na guerra. Foram usados com sucesso em Angola e Moçambique.
SABOTAGEM
Dos 13 aparelhos iniciais sobram ‘apenas’ dez. A primeira baixa ocorreu na, então, Base Aérea n.º 3 de Tancos. O Puma com a matrícula 9507 da FAP foi alvo de uma sabotagem em Março de 1971 e ficou destruído. A segunda baixa deu-se a 18 de Dezembro de 1973, no Aeródromo Base n.º 7, em Tete, Moçambique. Com o fim da guerra, os Puma foram empenhados em missões de busca e salvamento no Montijo e nos Açores. A terceira baixa ocorreu nos anos 80.
PROTECÇÃO CIVIL
O futuro dos dez Puma que vão agora ser abatidos ao efectivo da FAP é ainda incerto. Pelo menos alguns dos aparelhos podem vir a ser entregues ao Serviço Nacional de Bombeiros e Protecção Civil, para combate a fogos florestais e outras missões de interesse público. A FAP disse já que não está em condições de fornecer as tripulações.
O ROLLS-ROYCE
O substituto dos Puma, o EH-101 Merlin, é considerado o Rolls-Royce dos helicópteros (o presidente dos Estados Unidos tem uma frota para uso exclusivo). Portugal encomendou 12 – custam 446 milhões de euros – e já recebeu oito: seis para busca e salvamento (SAR) e dois para fiscalização das pescas (SIFICAP). Os restantes quatro – com blindagem para combate (CSAR) – chegam nos próximos meses. A Esquadra 751, do Montijo, começa hoje a operar com seis Merlin. No fim do mês será colocado um na Madeira e no decurso do segundo semestre outros três nas Lajes, Açores. Estão formadas cinco das 15 tripulações (piloto, co-piloto, mecânico, operador de guincho e recuperador) previstas.
PORMENORES
O Merlin é um ‘heli’ de transporte médio. Tem flutuadores de emergência, dois barcos internos de 20 pessoas, um guincho primário e um secundário. Tem um radar de busca que identifica e monitoriza 32 alvos em simultâneo. Tem sistemas que permitem actuar durante a noite.
MISSÕES
As tripulações da Esquadra 751 – ‘Pumas’ (sediada no Montijo e com destacamento na Madeira) cumpriram nos Puma mais de 30 mil horas de missão. Transportaram João Paulo II, salvaram mais de 1800 vidas e foram homenageados pelo Governo como ‘Novos Heróis do Mar’.
MARINHEIRO EVACUADO
O Puma e o navio Hekabe tinham encontro marcado ontem, ao nascer do sol, a cerca de 250 quilómetros a sudoeste da ilha terceira, nos Açores. A missão da aeronave era evacuar do navio um tripulante russo com sintomas de uma crise de apendicite. Depois de um reabastecimento no Faial, devido às distâncias previstas na missão, o Puma, apoiado por um C-212 Aviocar, alcançou o Hekabe pelas 08h25. Setenta minutos depois, o helicóptero aterrou no aeroporto da Ilha do Faial e o paciente, que durante o voo fora assistido por uma equipa médica da Força Aérea, seguiu para o Hospital da Horta.
'TIROU-NOS DE UM SUFOCO QUANDO O NAVIO ENCALHOU'
“Estávamos com os nervos à flor da pele, preocupados que o navio se afundasse. Não sabíamos o que fazer, nem tínhamos para onde ir. Mas fomos socorridos pelo helicóptero [Puma], que nos tirou do sufoco”, recordou ontem Joaquim Quitério, ex-mestre do Vougamar, um arrastão que encalhou há anos ao largo de Peniche.
A acompanhar o mestre, residente na Costa de Lavos, Figueira da Foz, estavam mais oito pescadores que temeram pela vida até serem socorridos por um Puma.
Entre o alerta e o início do socorro passaram-se três horas. “Pareceu-nos uma eternidade, mas finalmente vimos a salvação a chegar e não morremos naquele barco preso em seco”, recorda o mestre.
Joaquim Quitério tem outros familiares na pesca. Em Outubro de 2004, o arrastão de pesca Sinamar encalhou ao largo de Odemira. Nesse dia, perdeu um cunhado no mar. Ainda assim, um Puma da Força Aérea conseguiu resgatar outros cinco pescadores.
O mestre lamenta que o socorro seja muito demorado e sujeito a inúmeros procedimentos burocráticos, “ao contrário do que acontece no estrangeiro”.
Mas, as mulheres dos pescadores da Costa de Lavos, algumas das quais viram os seus familiares serem salvos pelo helicóptero, não têm dúvidas: os Puma são “guardiães que zelam pela segurança dos nossos homens”.

http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/nacional/actualidade/adeus-ao-puma
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Maio 26, 2011, 04:54:54 pm
2006 já é um bocado antigo  :P
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Junho 24, 2011, 09:43:14 pm
Citar
Alunos concluem tirocínio de pilotagem

24-06-2011

No passado dia 22 de Junho decorreu no salão do comando da Academia da Força Aérea Brasileira a Cerimónia de Brevetamento de cinco alunos portugueses que concluiram o tirocínio de pilotagem.

A Cerimónia, que contou com a presença de instrutores de voo e familiares dos homenageados, foi presidida pelo Comandante da Academia da Força Aérea Brasileira, Brigadeiro do Ar, Carlos Augusto Amaral Oliveira, que proferiu uma breve alocução e entregou aos novos pilotos o brevet e o respectivo Diploma de Curso.

Existirá também uma Cerimónia de Brevetamento em Portugal que terá lugar na Academia da Força Aérea, em Sintra.


(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.emfa.pt%2Fwww%2Fconteudos%2Fgaleria%2Fnoticias%2Fbrevetamentopilotosnobrasil.JPG&hash=3450431efa32c3d7fffa3458e6ea21aa)

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.emfa.pt%2Fwww%2Fconteudos%2Fgaleria%2Fnoticias%2Falunosbrasil%2Fbrevetamentopilotosbrasil.jpg&hash=88f5f7e5b8d43cef514dcbeaef78f236)

http://www.emfa.pt/www/detalhe.php?cod=035.649&lang=pt (http://www.emfa.pt/www/detalhe.php?cod=035.649&lang=pt)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Junho 24, 2011, 09:59:22 pm
Com o estado dos actuais Alpha Jet e a substituição tanto deste como do Epsilon a somar à actual crise, este deverá ser o futuro da FAP. Instrução de pilotagem lá fora, no Brasil, Espanha, EUA e Canadá.

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Digo em Junho 24, 2011, 10:02:21 pm
Desculpem a duvida mas o que e  tirocinico de pilotagem?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Junho 24, 2011, 10:21:54 pm
Basicamente é as aulas de condução + exame de condução de pilotagem. Depois daquele tempo todo a aprenderem na Academia a teoria sobre pilotagem, aeronáutica, inglês técnico e mais um monte de matéria teórica, os pilotos vão para o avião habituar-se aos controlos, colocar em prática o que aprenderam e também aprender voo em formação.

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Digo em Junho 24, 2011, 10:45:57 pm
obrigado
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: JLRC em Junho 27, 2011, 01:19:03 am
Citação de: "Digo"
Desculpem a duvida mas o que e  tirocinico de pilotagem?

Eu pensava que era um tiro disparado por um cínico  :mrgreen:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: typhonman em Junho 28, 2011, 01:54:53 am
Aos poucos os aviões que a FAP ddispõem irão caber na BA 5 e BA6...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Junho 29, 2011, 06:26:25 pm
Citação de: "typhonman"
Aos poucos os aviões que a FAP ddispõem irão caber na BA 5 e BA6...

neste momento só tens mais uma com meios aéreos orgânicos (não destacados) a BA11..! :G-beer2:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: militar03 em Junho 30, 2011, 04:40:32 pm
Citação de: "raphael"
Citação de: "typhonman"
Aos poucos os aviões que a FAP ddispõem irão caber na BA 5 e BA6...

ba1,ba6,ba5........
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: militar03 em Junho 30, 2011, 04:41:23 pm
Citação de: "raphael"
Citação de: "typhonman"
Aos poucos os aviões que a FAP ddispõem irão caber na BA 5 e BA6...

neste momento só tens mais uma com meios aéreos orgânicos (não destacados) a BA11..! :G-beer2:

e a ba1 já não tém os chipmunks e os epilison nem os planadores ???
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Junho 30, 2011, 06:19:24 pm
Citação de: "militar03"
Citação de: "raphael"
Citação de: "typhonman"
Aos poucos os aviões que a FAP ddispõem irão caber na BA 5 e BA6...

neste momento só tens mais uma com meios aéreos orgânicos (não destacados) a BA11..! :G-beer2:

e a ba1 já não tém os chipmunks e os epilison nem os planadores ???

Ainda tem isso tudo.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Julho 04, 2011, 11:27:19 am
Tem e vai continuar a ter...não pensei nas aeronaves de instrução básica e complementar. :G-beer2:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Malagueta em Julho 12, 2011, 09:14:05 am
"O Estado português tem à venda dez aeronaves F-16 e a força aérea do Paquistão "solicitou informações" sobre estas aeronaves, refere o Relatório de Execução da Lei de Programação Militar de 2010.

 

Portugal estabeleceu "contactos com diversas entidades internacionais potencialmente interessadas", tendo a força aérea paquistanesa "manifestado interesse em realizar uma visita" a Portugal para avaliar os caças F-16 a alienar, lê-se no relatório a que a agência Lusa teve acesso.

 

O documento refere ainda que o Paquistão "solicitou informações sobre configuração e 'upgrades' estruturais das aeronaves", tendo o Estado português enviada "as informações solicitadas" além de ter sugerido "possíveis datas de visita às OGMA (Indústria Aeronáutica de Portugal S.A)".

 

Além dos dez caças F-16, que Portugal tem à venda, encontram-se ainda para alienação oito helicópteros Puma e dez aviões C-212 Aviocar, na "situação de inibidas ao serviço e já abatidas ao serviço", refere o relatório."

http://www.ionline.pt/conteudo/136210-p ... -nacionais (http://www.ionline.pt/conteudo/136210-paquistao-interessado-na-aquisicao-cacas-f-16-nacionais)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: junger em Julho 12, 2011, 11:45:20 am
Citar
O documento refere ainda que o Paquistão "solicitou informações sobre configuração e 'upgrades' estruturais das aeronaves", tendo o Estado português enviada "as informações solicitadas" além de ter sugerido "possíveis datas de visita às OGMA (Indústria Aeronáutica de Portugal S.A)".

É natural que o Paquistão esteja curioso,  os nossos F-16A/B possuem capacidade de ataque (os MLU) enquanto que os F-16A/B Paquistaneses não tem.
Apenas os F-16C/D de que há poucos (18 contra 54, com 14 F-16C/D adicionais encomendados, os F-16C/D estão em fase de entrega).

Por este motivo tem que manter os seus Mirage V no activo dado serem os mais capazes para missões de ataque.
O Paquistão está interessado em reduzir o nº de tipos de aeronaves de combate no activo. Presentemente há 4 tipos diferentes com 2 variantes cada:
Chengdu F-7/Nanchang A-5C (mig-19 chines), Mirage III/V (ROSE), F-16A/B block15/F-16C/D block 52+, JF-17 Thunder
O objectivo é passar para 3 tipos, eliminando os Mirage III/V
Uma hipotese é o Chengdu FC-20, mas obviamente que o reforço da frota F-16 está sempre em cima da mesa.

Portugal deveria aliás aproveitar, realizar os restantes MLU a expensas da PAF (Paquistão) e vender todos os Peace Atlantis II com MLU.
Com o encaixe financeiro poderia realizar os MLU a toda a frota Peace Atlantis I.

No limite poderia aliás vender toda a frota F-16 e adquirir F-16C/D para MLU daquí a uns anos.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Julho 12, 2011, 01:42:24 pm
Não esquecer que já não temos F16 OCU, neste momento só temos MLU.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: sergio21699 em Julho 12, 2011, 02:03:27 pm
Com quantos F-16 ficamos depois desses 10 vendidos?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Smoke Trails em Julho 17, 2011, 04:26:53 pm
Boa tarde,
Citação de: "junger"
É natural que o Paquistão esteja curioso,  os nossos F-16A/B possuem capacidade de ataque (os MLU) enquanto que os F-16A/B Paquistaneses não tem.
Apenas os F-16C/D de que há poucos (18 contra 54, com 14 F-16C/D adicionais encomendados, os F-16C/D estão em fase de entrega).
O pod de designação laser ATLIS foi instalado nos F-16 do Paquistão em 1986, conferindo-lhes uma capacidade de utilização de armas de precisão que os F-16 europeus só tiveram após o programa MLU.

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Julho 17, 2011, 05:15:55 pm
Citar
Citar
We started our F-16 MLUs in October last year. Now it's July, so almost 10 months have passed. Any idea how many F-16s have been MLUed so far and if we have received any?

Citar
4 - a/c are in US for MLU - to be returned in Jan-2012
6 - a/c are in Turkey for MLU - total time required is 42 months for full MLU pkg to complete.

http://www.defence.pk/forums/military-a ... ost1947691 (http://www.defence.pk/forums/military-aviation/15226-pakistan-f-16-discussions-2-a-242.html#post1947691)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Julho 19, 2011, 03:53:57 pm
Citar
Delegação chilena conhece instalações portuguesas de manutenção do F-16

Entre o final do mês passado e o início deste, uma delegação do Comando Logístico da Força Aérea Chilena efetuou uma visita profissional a Bélgica e Portugal.  Em Portugal, destaca-se a visita à Base Aérea Nº 5 da Força Aéra Portuguesa e às instalações da Empresa Aeronáutica de Portugal, para ver as capacidadedes de manutenção do F-16 nas instalações da empresa.

Na Bélgica, o foco da vistita foi o sistema de gestão logística no país, com assinatura de acordos de intercâmbio de informação e experiências com representantes das Forças Armadas da Bélgica.

http://72.10.53.129/
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Julho 26, 2011, 03:25:16 pm
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Agosto 08, 2011, 04:52:26 pm
Governo está a estudar pôr Força Aérea a combater fogos


A Força Aérea está em condições de assumir o combate aéreo dos incêndios a partir de 2012, confirmou hoje à Lusa fonte do ministério da Defesa, referindo um estudo deste ramo militar pedido pelo Governo. “O ministério da Defesa Nacional solicitou o estudo à FAP [Força Aérea Portuguesa] e esse estudo já foi entregue, tendo como conclusão principal estar a FAP em condições de assumir o combate os incêndios a partir de 2012”, confirmou fonte do ministério de Aguiar Branco.

A notícia foi hoje avançada pela TSF, que explica que a medida está a ser ponderada por representar um corte nos custos.

Também o ministério da Administração Interna, que tutela a matéria, confirmou estar a estudar a possibilidade, mas não adiantou que redução de custos está em causa.

No entanto, fonte do MAI lembrou que o ministro Miguel Macedo, ouvido no Parlamento dia 26 de julho, já tinha referido que o assunto estava a ser estudado.

Segundo a TSF, caso a Força Aérea assuma o combate dos incêndios, será preciso extinguir a EMA - Empresa de Meios Aéreos, sendo que os meios desta empresa pública – incluindo avionetas e helicópteros - passariam para a tutela da FAP.

Lusa
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Agosto 08, 2011, 06:54:35 pm
Para quem quiser comentar essa notícia queria só indicar que já está a ser discutido no tópico Combate a fogos pela F.A.P. (http://http).

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Agosto 23, 2011, 05:42:58 pm
Citação de: "nelson38899"
Citar
Delegação chilena conhece instalações portuguesas de manutenção do F-16

Entre o final do mês passado e o início deste, uma delegação do Comando Logístico da Força Aérea Chilena efetuou uma visita profissional a Bélgica e Portugal.  Em Portugal, destaca-se a visita à Base Aérea Nº 5 da Força Aéra Portuguesa e às instalações da Empresa Aeronáutica de Portugal, para ver as capacidadedes de manutenção do F-16 nas instalações da empresa.

Na Bélgica, o foco da vistita foi o sistema de gestão logística no país, com assinatura de acordos de intercâmbio de informação e experiências com representantes das Forças Armadas da Bélgica.

http://72.10.53.129/

Temos muito boas relações com o Chile, fortes até, e a concretizar-se algum negócio referente à manutenção mais profunda dos F-16AM/BM chilenos seria uma excelente notícia. Aliás, a vendermos de facto 10 MLU, que sigam antes para o Chile e nunca, mas nunca para o Paquistão. Mas no fim das contas a última palavra é sempre a norte-americana.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Desertas em Agosto 27, 2011, 01:54:54 pm
Artigo interressante sobre um C-212-300 Aviocar, que esteve no aeroporto da Madeira no passado dia 25 .

 (https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2F4.bp.blogspot.com%2F-9JEWnlLgsb8%2FTlbU1tgtAWI%2FAAAAAAAAAXI%2FMesaU2cQB5c%2Fs1600%2Fav3.jpg&hash=16ea0596955b2792eb5290e70f8a1513)

Citar
Um velho Guerreiro...

Hoje quando fui ao LPMA para apanhar o A330 CS-TOH (ver aqui ) ainda tive direito a um bónus...e que bónus, digo eu!
Pois hoje a Força Aérea Portuguesa trouxe ao LPMA, não apenas um dos seus velhos guerreiros, mas um exemplar de uma frota da FAP que, durante décadas, manteve uma ligação umbilical à Região Autónoma da Madeira e aos seus habitantes: o Casa C-212 Aviocar. Falo especificamente de um C-212-300 - o 17202 da Esquadra 401 / Cientistas, baseada no BA6, no Montijo - que durante 45 minutos fez vários circuitos com touch-and-go à pista 05.
Muito já se escreveu e disse sobre o Aviocar. Por isso não me vou esticar muito desta vez. Mas, esta Região desde 1978 até 2010 (data da substituíção pelo C-295), contou, sempre, com a presença de, pelo menos, um Aviocar a desempenhar missões tão importantes como o SAR, o apoio MEDEVAC ao Porto Santo, a patrulha marítima, etc. Durante esses longos anos o Aviocar foi parte da vida desta Região Autónoma. Foi um da casa, da família. E, sabe Deus, quantos ao longo destes anos estão hoje vivos à conta daquele caixote curtinho com asas. Pode não ser bonito, mas foi e é um grande avião, uma máquina. E de confiança...
Agora que estão de saída da FAP, ver um Aviocar, de novo, no LPMA - mesmo que de passagem - foi como rever um velho amigo que nos visita.
Great to see you again, mate!...
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2F4.bp.blogspot.com%2F-G2k2X5oCFdo%2FTlbU14qgSkI%2FAAAAAAAAAXY%2Fd93bH17Do-k%2Fs1600%2Fav1.jpg&hash=4c76c9f2bf608681b99db90820d9dfef)

http://tafixeolim.blogspot.com/

Já agora algum dos foristas poderia esclarecer-me o quê a aeronave estava efectuando ?

Um Abraço
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Agosto 27, 2011, 07:25:40 pm
Citação de: "Desertas"
Já agora algum dos foristas poderia esclarecer-me o quê a aeronave estava efectuando ?

Como assim? O que a aeronave estava a fazer encontra-se descrito no texto.

Citar
Falo especificamente de um C-212-300 - o 17202 da Esquadra 401 / Cientistas, baseada no BA6, no Montijo - que durante 45 minutos fez vários circuitos com touch-and-go à pista 05.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Leonidas em Agosto 27, 2011, 10:32:14 pm
Saudações Guerreiras

Há quem diga, além do que oficialmente se conhece, esta versão tem capacidade para guerra electronica. Porém, nunca se devem divulgar os verdadeiros propósitos das missões. Pode até ido ver a foca, mas profissionalismo e competência acima de todo.

Cump.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Agosto 28, 2011, 05:18:15 pm
Citação de: "Leonidas"
Há quem diga, além do que oficialmente se conhece, esta versão tem capacidade para guerra electronica. Porém, nunca se devem divulgar os verdadeiros propósitos das missões. Pode até ido ver a foca, mas profissionalismo e competência acima de todo.

Pois, os Aviocar -300 são os nossos Rivet Joint. Foram espiolhar e escutar os mauzões dos marroquinos, esses malandros que passam a vida a tirar o sono à gente.  :wink:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Setembro 20, 2011, 12:50:27 am
http://www.emfa.pt/publicwww/media-dir/ ... rontex.PDF (http://www.emfa.pt/publicwww/media-dir/presskitcerimoniaencerramentomissaofrontex.PDF)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Outubro 11, 2011, 10:25:02 pm
Todas as missões para os C130 estão a ser cumpridas», entrevista ao general José Pinheiro


O Chefe de Estado Maior da Força Aérea, José Pinheiro, esteve na manhã desta terça-feira no Centro de Formação Militar e Técnica da Força Aérea, na Ota, para receber o novo comandante do Centro, Jorge Santos, que irá ocupar a vaga deixada por Henrique Ferreira Lopes.

Depois da cerimónia militar esteve à conversa com A BOLA onde deu conta das dificuldades que se esperam num sector que irá sofrer muitos cortes no orçamento para o próximo ano. Ainda assim, deixou uma mensagem de confiança a todos os alunos que escolheram a via militar.

- Aproximam-se tempos complicados para o próximo ano com um orçamento que sofrerá reduções em todas as áreas. Até que ponto essa política poderá afectar a força aérea portuguesa?

- Essa discussão, para já, seria um pouco prematura em avançar. Temos a certeza que o futuro nos vai obrigar a uma gestão rigorosa, mas temos valores que não podemos abdicar. O que tivermos será o que temos obrigatoriamente de gerir.

- Mas já estão a ser tomadas algumas medidas nesse sentido?

- Sim... sobretudo na optimização de recursos. Todos os consumos foram reavaliados, desde quilómetros, electricidade, gás, água. Somos obrigados a encontrar sinergias para uma melhor optimização de recursos.

- Em números, que redução poderá sofrer a Força Aérea Portuguesa?

- Não vale a pena falar de números quando ainda não se conhecem todos os planos. O que tivermos direito será o que iremos gerir de forma consciente e responsável. Sabemos que a situação em Portugal dificulta alguns dos nossos processos.

- Recentemente foi avançado que os aviões C130 estão a ser obrigados a estarem parados por falta de manutenção. Confirma esta situação?

- Não confirmo nem entendo as razões para essas notícias virem agora a público. Existe, como é público, um programa para modernizar estes aviões. Todas as missões que foram emitidas para os C130 estão a ser cumpridas. Eventualmente poderão ter que ser ajustados alguns dos seus planos de voo, mas isso é uma situação normal.

- Que tipo de reajustamentos de planos de voo?

- Situações normais dos próprios aviões. Mas não existe nenhuma restrição e nenhum avião está em terra por falta de manutenção.

- Até que ponto é importante apostar nesta base aérea da Ota?

- Como base aérea está desactivada, porém, saem daqui cerca de 80 por cento dos nossos militares da força aérea. É uma grande escola. Trata-se de um centro que tem de apostar na qualidade das pessoas. Esse é o ponto forte em que temos de apostar.

A Bola
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Outubro 15, 2011, 01:31:33 pm
Citar
Os helicópteros Alouette III da Força Aérea estão disponíveis, a partir de amanhã, para colaborar com a Protecção Civil no combate aos fogos florestais, soube o DN este sábado.

A disponibilidade da Força Aérea surgiu a pedido da Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) e na sequência da decisão governamental de manter activo, até ao final deste mês, o dispositivo de combate aos incêndios (por causa das elevadas temperaturas nesta época do ano e dos fogos que têm ocorrido), confirmaram ao DN fontes do Ministério da Defesa.
Dada a demora em instalar os meios de combate aos fogos (leia-se baldes de recolha de líquidos) nos Alouette III, a colaboração da Força Aérea vai centrar-se apenas nas acções de "reconhecimento, avaliação e coordenação" que forem pedidas pela ANPC, precisaram as fontes.
O combate propriamente dito só poderá fazer-se no próximo ano, face à referida demora na instalação dos equipamentos para esse efeito.
Recorde-se que essa adaptação vai estender-se a outras aeronaves, como os aviões de transporte Hércules C-130, na sequência do recente estudo encomendado pelo ministro José Pedro Aguiar-Branco ao ramo e onde este assumiu ter condições de participar activamente nas acções de combate aos fogos florestais em 2012.
O ramo poderá ceder ainda as suas bases aéreas para apoio a aeronaves afectas em permanência ao combates aos fogos ou mesmo para o seu reabastecimento - o que contrasta com a recusa do Exército, há alguns anos, de permitir que a Protecção Civil usasse a base aérea de Tancos (com o argumento de estar afecta à NATO, apesar de não ter ali quaisquer helicópteros), forçando o Ministério da Administração Interna a investir milhões numa base aérea de raiz a poucas quilómetros de distância (Ponte de Sòr).
Respondendo ao pedido da Protecção Civil, a Força Aérea disponibilizou-se ainda a integrar as acções de vigilância e prevenção de fogos nas suas missões aéreas de rotina, bem como nos arredores das suas unidades militares, acrescentaram as fontes.
Esta iniciativa surge no contexto do melhor aproveitamento dos recursos disponíveis nas estruturas do Estado e cuja rentabilização permitirá uma poupança significativa de recursos financeiros, desde logo por evitar a atribuição dessas operações a entidades privadas.

http://www.dn.pt/politica/interior.aspx?content_id=2058988&page=2

Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Desertas em Outubro 18, 2011, 12:00:31 am
Citar
Ilhas Selvagens, Madeira

Força Aérea e Marinha perseguem pescadores ilegais espanhóis (COM VÍDEO)
Uma acção conjunta da Força Aérea e da Marinha permitiu anteontem (segunda-feira) identificar duas embarcações semirígidas espanholas, com seis homens a bordo, que se preparavam para fazer caça submarina ao largo das ilhas Selvagens, na Madeira. Por lei, esta actividade é proibida neste local.

Após receber um alerta da presença das duas lanchas (cada um com sete metros e meio de comprimento), vindas de Tenerife, nas Canárias (arquipélago espanhol), o comando da Zona Marítima da Madeira mobilizou um helicóptero EH-101 da Força Aérea, estacionado na ilha de Porto Santo.
Com agentes da Polícia Marítima a bordo, o EH-101 estabeleceu contacto visual com as duas lanchas perto da ilha Selvagem pequena. Assim que se aperceberam da presença da aeronave portuguesa, os pescadores ilegais espanhóis aceleraram em direcções opostas. A sua fuga foi filmada o tempo suficiente para que fosse possível identificar tanto o nome das embarcações, como os próprios ocupantes. A perseguição durou algumas milhas.
Fonte da Marinha disse ao CM que a violação da reserva natural das Selvagens foi comunicada às autoridades espanholas em Tenerife, para que a respectiva autuação aos autores da mesma seja emitida.  

in Correio da Manhã 28-09-2011

http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/nacional/portugal/forca-aerea-e-marinha-perseguem-pescadores-ilegais-espanhois-com-video

http://www.marinha.pt/PT/noticiaseagenda/noticias/Pages/DeteccaodeembarcacoesemactividadesilicitasnasIlhasSelvagens.aspx

Um Abraço
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Outubro 20, 2011, 09:41:35 am
Revista completa da Mais Alto

http://www.emfa.pt/www/po/maisalto/conteudos/393.pdf
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: chaimites em Outubro 20, 2011, 05:21:31 pm
Criação do Centro de Treino de Sobrevivência em Marrocos


17-10-2011


No âmbito das relações bilaterais Portugal/Marrocos, o Centro de Treino de Sobrevivência da Força Aérea (CTSFA), através de uma delegação composta por cinco militares formadores de Sobrevivência, Evasão, Resistência e Extracção, realizou uma visita de trabalho, entre os dias 8 e 14 de Outubro, à Real Força Aérea Marroquina (FRA) para escolha e validação das áreas de realização das práticas de sobrevivência, em terra e no mar, a realizar no futuro Curso de Sobrevivência da FRA.

À semelhança de outras forças aéreas a FRA pretende que os respectivos tripulantes estejam qualificados para fazerem face a uma emergência após saída em pára-quedas pela aeronave, aterragem forçada ou amaragem, que resulte em situação de sobrevivência em terra ou no mar. Nesse sentido, a FRA escolheu o Centro de Treino de Sobrevivência da Força Aérea Portuguesa como modelo e órgão tutor da criação do futuro Centre de Survive des FRA.

Este projecto desenvolve-se há dois anos e tem como primeira meta a realização de um Curso de Sobrevivência em Junho de 2012.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Outubro 21, 2011, 07:00:34 pm
Base Aérea de Beja celebra 47 anos com novo comandante

 
A Base Aérea n.º 11, de Beja, celebrou na manhã desta sexta-feira o 47.º aniversário, efeméride que coincidiu com a transferência de comando.

O coronel piloto-aviador José Barros Ferreira, que comandou a unidade nos últimos dois anos, deu lugar ao coronel piloto-aviador Mário Barreto.

O novo comandante da Base foi empossado pelo Chefe do Estado-Maior da Força Aérea, general José Pinheiro, que presidiu às comemorações.

Na cerimónia também foram recordados alguns dos efectivos que perderam a vida ao serviço da Força Aérea.

O novo comandante da unidade mostrou-se honrado e disse tudo fazer para corresponder ao que dele é esperado.

«Tudo farei para corresponder à confiança em mim depositada. É um marco importante na minha carreira e durante o meu comando o meu lema será Missão primeiro, pessoas sempre. Numa época complicada, tentaremos operar sempre com eficácia e zelar sempre pela segurança e bem-estar de todos os militares», disse Mário Barreto.

Refira-se que durante as celebrações, que tiveram a duração aproximada de duas horas, foram recordados os efectivos que perderam a vida ao serviço da Força Aérea.

A Bola
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Desertas em Novembro 29, 2011, 07:43:03 pm
Salvamento nas Desertas

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2F2.bp.blogspot.com%2F-iqPajV1I12U%2FTtNSZBD0LWI%2FAAAAAAAACKY%2FdpU4ibjANkw%2Fs1600%2FRescue1.jpg&hash=c078db476126b01ed6a2825c93da35ea)

Deixo aqui a nota de imprensa da FAP em relação ao Salvamento de 1 Bióloga marinha e 2 Vigilantes da Natureza nas Ilhas Desertas .

Citar
Por solicitação do Centro de Coordenação de Busca e Salvamento (MRCC) a Força Aérea activou pelas 22h50, do dia 26 de Novembro, um helicóptero EH-101 "Merlin" da Esquadra 751 "Pumas", para efectuar uma busca a três desaparecidos ( uma bióloga e dois guardas da reserva das Desertas). A missão foi efectuada com sucesso tendo a tripulação do Merlin encontrado as posições, onde se encontravam os três elemento, um a sul da Deserta e os outros dois no Bugio.
 Dadas as condições de voo e meteorológicas, elevada turbulência no local, não foi possível resgatar nenhuma das vítimas, tendo a sua posição sido transmitida ao navio Patrulha da Marinha " CACINE", que conseguiu resgatar um dos elementos.
As outras duas vítimas, que se encontravam junto a uma falésia da ilha do Bugio, junto à rebentação, foram extraídas com sucesso pelas 07h56.

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2F4.bp.blogspot.com%2F-XneRJEQb3CE%2FTtNSaV32TkI%2FAAAAAAAACKg%2FnnnxfeiL0SE%2Fs1600%2FRescue2.jpg&hash=612dd9ef00b382ecb8c0b0709827bf0c)



Um Abraço
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Trafaria em Dezembro 01, 2011, 10:21:31 pm
Citar
o que contrasta com a recusa do Exército, há alguns anos, de permitir que a Protecção Civil usasse a base aérea de Tancos (com o argumento de estar afecta à NATO, apesar de não ter ali quaisquer helicópteros), forçando o Ministério da Administração Interna a investir milhões numa base aérea de raiz a poucas quilómetros de distância (Ponte de Sòr).
Tenho semanas que lá passo todos os dias e o que vos posso dizer é que há anos que nao tenho o prazer de assistir a qualquer ateeragem ou descolagem...
É Portugal, não tem a ver exactamente com a FA, isto é tipico dos portugueses. Quem quer que tenha a responsabilidade de administrar algo deste estado procede como o que administra lhe pertencesse.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Dezembro 02, 2011, 11:49:37 pm
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg850.imageshack.us%2Fimg850%2F1892%2Fvirgemdosameiro.jpg&hash=92926eedaba4b5b4f75ce106925ba052)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg197.imageshack.us%2Fimg197%2F8681%2F988c161620111202110207.png&hash=74aca241b593047ee94c91ce6010b640)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg600.imageshack.us%2Fimg600%2F4764%2F988c162020111202111350.png&hash=2535ed57132c8186acbfed2af5e8a9f5)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg32.imageshack.us%2Fimg32%2F622%2F988c162220111202112051.png&hash=7996c639d1391a611a764fd094b1bc41)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg254.imageshack.us%2Fimg254%2F601%2Fdsc4750.jpg&hash=0b37431c95ae0a1fe768336c51aa6345)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg827.imageshack.us%2Fimg827%2F720%2Fdsc4756o.jpg&hash=d99ac5a57ab2024e00185208f5a5a161)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg853.imageshack.us%2Fimg853%2F9463%2Fdsc4767s.jpg&hash=db0d6ef5a3eec84c4cfa784d19abbb15)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg52.imageshack.us%2Fimg52%2F2459%2Fdsc4784b.jpg&hash=42e2e0f453f41aff8249f157de731a8d)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg840.imageshack.us%2Fimg840%2F1038%2Fdsc4788fi.jpg&hash=734688cc497fda25e377165e26e21ead)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg403.imageshack.us%2Fimg403%2F1106%2Fdsc4789r.jpg&hash=0fc7e0e378a6a1ae85d2f7f0b3228804)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Dezembro 02, 2011, 11:53:09 pm
Metam lá esta flâmula na imagem também para os srs. da Marinha não ficarem tristes.

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg246.imageshack.us%2Fimg246%2F7407%2Fviacaseh0.jpg&hash=d45d1ff6e1331d34bb5a3697e4ca7656)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Dezembro 07, 2011, 10:51:48 pm
Citar
Encerramento da actividade operacional do C-212 Aviocar

Depois de quase 4 décadas ao serviço da Força Aérea, o C-212 Aviocar da Esquadra 401, despede-se dos céus de Portugal com o sentido de dever cumprido, reconhecido no dia 6 de Dezembro, através de uma cerimónia que assinalou o fim da actividade operacional desta aeronave.

A cerimónia decorreu na Base Aérea Nº6 (BA6), no Montijo, e contou com a presença, entre outras individualidades civis e militares, do Ministro da Defesa Nacional (MDN), José Pedro Aguiar-Branco e do Chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA), General José Pinheiro.  

Para além da entrega de um Louvor à Esquadra 401 e de uma breve resenha histórica sobre a sua actividade e sobre as missões efectuadas pelo C-212 Aviocar, também o CEMFA e o MDN proferiram alocuções, nas quais destacaram o importante contributo que esta esquadra e esta aeronave deram no crescimento contínuo da Força Aérea e na defesa dos interesses de Portugal e das populações dos Arquipélagos da Madeira e dos Açores, com o cumprimento de diversas missões: Fotografia Aérea; Vigilância Marítima; Busca e Salvamento; Evacuações Médicas; Transporte Aéreo Geral e lançamento de Tropas Pára-quedistas.

O fim da actividade operacional do C-212 Aviocar, da Esquadra 401, ficou ainda marcado pelo lançamento de um livro sobre os 37 anos da frota, com ênfase no historial de missões, na aeronave e suas características, esquadras e locais onde operou.

A história da Esquadra 401 e do C-212 Aviocar faz, também ela, parte da história da aviação militar em Portugal. Ao longo de 4 décadas, a Esquadra sofreu várias alterações na sua designação, por consequência das missões que lhe foram atribuídas. Intimamente ligada à Fotografia Aérea, começou por chamar-se "Esquadra de Ligação e Transporte", sofrendo a primeira alteração em 1973, passando a designar-se por "Esquadra de Ligação e Fotografia". A operar a partir da Base Aérea Nº1, em Sintra, recebe nova designação, passando a chamar-se "Esquadra de Reconhecimento e Pesquisa de Recursos", em 1974. Nos anos seguintes, já com o C-212 Aviocar em operação, a agora "Esquadra de Reconhecimento 401", efectua missões de Reconhecimento Aéreo e de Vigilância Marítima.

A expansão das capacidades da Esquadra, fruto das mais-valias que o C-212 Aviocar trouxe para a Força Aérea, no cumprimento de um leque mais variado de missões, fez com que a Esquadra caminhasse para a sua designação final: "Esquadra 401 Cientistas".

Com a chegada do novo século, novas exigências a nível operacional, e a evolução tecnológica da aviação, levaram a Força Aérea a procurar novas soluções, iniciando em 2007 o processo de transição da aeronave C-212 Aviocar para a aeronave C-295M que, uma a uma, herdou todas as missões da sua antecessora.

Sob o lema "Ciência, Engenho e Arte", a Esquadra 401 estabelece-se na BA6, em 2009, terminando no dia 6 de Dezembro de 2011 uma história de 37 anos de vida ao serviço da Força Aérea Portuguesa.
http://www.emfa.pt/www/detalhe.php?cod=035.732&lang=pt (http://www.emfa.pt/www/detalhe.php?cod=035.732&lang=pt)

Breve resenha histórica sobre a Esquadra 401
http://www.emfa.pt/www/conteudos/notici ... r_c212.pdf (http://www.emfa.pt/www/conteudos/noticias/ultimo_voo_aviocar_c212.pdf)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Instrutor em Dezembro 12, 2011, 09:27:16 am
Ministro da Defesa já partiu da Mauritânia
O ministro da Defesa, José Pedro Aguiar-Branco, e a comitiva partiram esta segunda-feira, cerca das 00.15 horas, de Nouakchott, na Mauritânia, depois de uma avaria no avião que os transportava.

A comitiva portuguesa partiu depois de cerca de seis horas de espera por um novo Falcon que voou de Lisboa.

O Falcon avariado está a ser reparado por técnicos da Força Aérea Portuguesa (FAP) e deverá regressar ainda esta madrugada a Portugal.

O Falcon que transportava o ministro português à reunião da "Iniciativa 5+5" na Mauritânia tem uma avaria num gerador de apoio ao terceiro motor.

A frota de aviões Falcon 50, habitualmente utilizada para o transporte de governantes e chefes de Estado, tem já mais de duas décadas (dois foram adquiridos em 1989, um em 1991), têm capacidade para 10 passageiros e três tripulantes e foram comprados para serem utilizados durante a primeira presidência da União Europeia, em 1992.

As avarias nos aparelhos são recorrentes, sendo conhecidos casos envolvendo o ex-primeiro-ministro José Sócrates ou o Presidente da República, Cavaco Silva.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Menacho em Dezembro 26, 2011, 12:20:21 pm
Listado de eyecciones de la FA portuguesa:

http://www.ejection-history.org.uk/Coun ... tugual.htm (http://www.ejection-history.org.uk/Country-By-Country/Portugual.htm)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: whiskey01 em Dezembro 27, 2011, 07:36:00 pm
Citação de: "Menacho"
Listado de eyecciones de la FA portuguesa:

A que propósito vem isto?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Dezembro 28, 2011, 12:14:44 am
Citação de: "whiskey01"
Citação de: "Menacho"
Listado de eyecciones de la FA portuguesa:

A que propósito vem isto?

É informação, tal como há pessoal que controla os numeros de cauda de uma certa frota, não me admiro que haja pessoal que controle as ejecções de uma certa frota, de uma certa força aérea, outros controlam os desastres, etc.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: whiskey01 em Dezembro 28, 2011, 01:05:50 pm
Ok. Só perguntei porque não consegui encontrar ligação com os restantes comentários.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Dezembro 31, 2011, 11:16:58 am
Citar
O vice-comandante Aéreo, major-general Vítor Francisco, requereu, nos últimos dias, a passagem à reserva de forma inesperada e há dezenas de oficiais da Força Aérea Portuguesa a pedir para abandonar o ramo antes do fim do ano.

Segundo adiantaram à agência Lusa fontes militares, a saída súbita de Vítor Alves Francisco, que acumula funções como comandante da Zona Aérea dos Açores, acontece na mesma semana de saída do seu superior hierárquico, o comandante Aéreo, tenente-general José Tareco, cujo jantar de despedida teve lugar na quinta-feira à noite, na messe de oficiais da Força Aérea, em Monsanto.

Este pedido de passagem à reserva, feito a meio desta semana, apanhou o ramo "de surpresa", até porque Vítor Francisco tem pouco mais de 50 anos e era visto como um militar "com futuro" dentro da Força Aérea, disseram as fontes contactadas pela Lusa.

As mesmas fontes referiram que já na rendição do tenente-general Tareco - que na próxima semana será substituído em Monsanto pelo actual Comandante de Pessoal, tenente-general Carlos Tia - foi necessário encontrar o coronel mais antigo em funções para ocupar o lugar de Vítor Francisco na cerimónia.

Contactado pela agência Lusa, o porta-voz do ramo, coronel Rui Roque, disse que ao gabinete do chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA) e do Comando de Pessoal ainda não chegou qualquer pedido formal.

Fontes militares adiantaram à Lusa que o pedido já deu entrada nos serviços de secretaria do Comando Aéreo.

À semelhança deste caso, surgiram, nas últimas semanas, dezenas de pedidos de militares para abandonar o ramo, de forma a não serem abrangidos pelos cortes que entram em vigor já em 2012, e também pela falta de perspectivas trazida pelo congelamento das promoções, além da passagem de milhares de militares à situação remuneratória de 2009, conforme foi anunciado na sexta-feira, pelo Ministério da Defesa.

"Há muitos militares que estão num verdadeiro colete de forças e agora começaram a fazer contas à vida", afirmou uma das fontes, que adiantou que só na Polícia Aérea oito tenentes-coronéis já passaram à reserva e há pedidos de vários majores e sargentos-chefes, postos com grande importância na estrutura funcional da instituição militar.

A partir da próxima semana, o ramo passa também a contar apenas com dois tenentes-generais no activo, devido ao impedimento de substituição causado pelos congelamentos.

Outra das fontes assinalou ainda que dentro de pouco mais de um ano, também os tenentes-generais Morato e Mimoso e Carvalho (fora do ramo, a dirigir o Instituto de Estudos Superiores Militares) vão passar à reserva, o que pode "agravar" a situação.

http://www.jn.pt/PaginaInicial/Sociedade/Interior.aspx?content_id=2214556&utm_source=dlvr.it&utm_medium=facebook&page=2
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: whiskey01 em Dezembro 31, 2011, 01:02:09 pm
Parece que para o ano já não há redução nas vagas, dada a situação...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Janeiro 08, 2012, 11:12:59 pm
Força Aérea 'voa' em ajuste directo


O primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, concedeu uma autorização especial à Força Aérea Portuguesa para esta efectuar o sétimo maior ajuste directo do país, no valor de 18 milhões de euros.
Segunda uma resolução do Conselho de Ministros assinada no dia 22 de Dezembro e ontem publicada em Diário da República, o dinheiro está destinado «à realização da despesa inerente à aquisição dos serviços de manutenção e reparação de aeronaves».

O valor do ajuste directo é 93 vezes superior ao limite máximo definido por lei para a contratação destes serviços (193 mil euros). O documento assinado pelo primeiro-ministro justifica esta excepção com a necessidade «de os sistemas de armas da Força Aérea (...) serem de conhecimento reservado».

A empresa 'contemplada' com o ajuste é a OGMA, detida em 35% pelo Estado, estando o restante capital nas mãos da brasileira Embraer e da EADS, empresa europeia de fabrico de material militar e aeroespacial.

Este contrato entra para o sétimo lugar dos maiores ajustes directos efectuados no país. O ranking é encabeçado pela construção da sede da PJ em Lisboa, no valor de 105,5 milhões de euros, a cargo da Opway, do Grupo Espírito Santo. Em Janeiro de 2011, a ausência de concurso público foi justificada com a protecção do projecto «pelo segredo de Estado».

SOL
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Smoke Trails em Março 12, 2012, 07:00:06 pm
Carta de um General da Força Aérea.

Citar
Ex.º Sr. General Chefe do Gabinete de S. Ex.ª o Ministro da Defesa Nacional, Caro camarada:
 

Apresento a V. Ex.ª os meus cumprimentos.

Tomo a liberdade de me dirigir a V. Ex.ª para lhe solicitar que transmita a S. Ex.ª o Sr. Ministro a minha indignação relativamente à forma pouco respeitosa e mesmo insultuosa como se referiu às Forças Armadas, aos militares e às suas Associações representativas, no passado dia 1 de Fevereiro. De todos os governantes, o Ministro da tutela era o último que deveria proferir palavras dessa estirpe.

Sou Tenente-General Piloto-Aviador na situação de Reforma, cumpri 41 anos de serviço efectivo e possuo três medalhas de Serviços Distintos (uma delas com palma), duas medalhas de Mérito Militar (1.ª e 2.ª classe) e a medalha de ouro de Comportamento Exemplar. Servi o meu País o melhor que pude e soube, com lealdade e com vocação, sentimentos que S. Ex.ª não hesita em por levianamente em causa. Presentemente, faço parte com muito orgulho, do Conselho Deontológico da Associação de Oficiais das Forças Armadas.

Diz o Sr. Ministro que “a solução está em todos nós. Em cada um de nós”. Não é verdade! A solução está única e exclusivamente na substituição da classe política incompetente que nos tem governado (?) nos últimos 25 anos, e que nos tem levado, de vitória em vitória, até à derrota final! Os comuns cidadãos deste País, nomeadamente os militares, não têm qualquer responsabilidade neste descalabro. Como disse o Sr. Coronel Vasco Lourenço no seu livro, “os militares de Abril fizeram uma coisa muito bonita, mas os políticos encarregaram-se de a estragar…”

Diz também S. Ex.ª que as Forças Armadas estão a ser repensadas e reorganizadas. Ora, se existe algo que num País não pode ser repensado nem modificado quando dá jeito ou à mercê de conjunturas desfavoráveis, são as Forças Armadas, porque serão elas, as mesmas que a classe política vem sistematicamente vilipendiando e ultrajando, a única e última Instituição que defenderá o Estado da desintegração.

Fala o Sr. Ministro de algum descontentamento protagonizado por parte de alguns movimentos associativos. Se S. Ex.ª está convencido que o descontentamento de que fala se limita a “alguns movimentos associativos”, está a cometer um erro de análise muito sério e perigoso, e demonstra o desconhecimento completo do sentir dos homens e mulheres de que é o responsável político. Este descontentamento, que é geral, não tenha dúvida, tem vindo a ser gerado pela incompetência, sobranceria, despudor e, até, ilegalidade com que sucessivos governos têm vindo a tratar as Forças Armadas. É a reacção mais que natural de décadas de desconsiderações e de desprezo por quem (é importante relembrar isto) vos deu de mão beijada a possibilidade de governar este País democraticamente!

As Forças Armadas não querem fazer política! Não queiram os políticos, principalmente os mais responsáveis, “ensinar” aos militares o que é vocação, lealdade, verticalidade e sentido do dever. Mesmo que queiram, não podem fazê-lo, porque não possuem, nem a estatura nem o exemplo necessários para tal.

Quem tem vindo a tentar sistematicamente destruir a vocação e os pilares das Forças Armadas, como o Regulamento de Disciplina Militar, destroçado e adulterado pelo governo anterior? Quem elaborou as leis do Associativismo Militar, para depois não hesitar em ir contra o que lá se estabelece? Quem tem vindo a fazer o “impossível” para transformar os militares em meros funcionários do Estado? Apesar disso, tem alguma missão, qualquer que ela seja, ficado por cumprir? Fala S. Ex.ª de falta de vocação baseado em que factos? Não aceita S. Ex.ª o “delito de opinião”?

Não são seguramente os militares que estão no sítio errado!

Por tudo o que atrás deixei escrito, sinto-me profundamente ofendido pelas palavras do Sr. Ministro.
 

Com respeitosos cumprimentos de camaradagem
 
 

EDUARDO EUGÉNIO SILVESTRE DOS SANTOS

Tenente-General Piloto-Aviador (Ref.) 000229-B
 

P.S. – Informo V. Ex.ª que tenho a intenção de tornar público este texto.

Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Camuflage em Março 12, 2012, 09:44:01 pm
A grande questão é: e o povo que pensa da classe militar?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Abril 14, 2012, 01:52:37 pm
Dez caças F-16 e oito 'helis' PUMA estão à venda há anos


Os dez caças F-16 e oito helicópteros PUMA da Força Aérea, inscritos como alienáveis na Lei de Programação Militar (LPM), continuam sem compradores interessados, revela o relatório de execução de 2011 a que a agência Lusa teve acesso. No relatório de execução da LPM relativo a 2011 já não existe qualquer referência ao interesse do Paquistão nos caças portugueses, ao contrário do que acontecia no documento relativo a 2010.

De resto, dos equipamentos inscritos para alienar na LPM para o sexénio 2006-2011 regista-se apenas a venda das duas fragatas da classe João Belo ao Uruguai, em 2008, cuja última tranche (de 2,25 milhões de euros) é paga a Portugal em 2013.

Segundo o relatório, dos oito helicópteros PUMA, quatro estão em condições de venda imediata e a outra metade precisa de «uma profunda manutenção», e dos «contactos com diversas entidades internacionais potencialmente interessadas» no ano passado «não foi possível identificar interessados».

Já em relação aos caças F-16, o relatório não refere qualquer entidade mas diz que «foram solicitadas informações sobre a configuração e 'upgrades' estruturais às aeronaves» e até «manifestado interesse em realizar visita às OGMA para apreciar os trabalhos de modernização».

Do lado português, «as informações foram enviadas», mas «não houve outros contactos da parte dos interessados» pelas aeronaves.

Existem ainda dez aeronaves Aviocar inscritas para venda na LPM, mas que já só servem «para fins museológicos».

Os outros catorze Aviocar de Portugal estão «em condições de voo», mas a sua alienação «apenas será considerada» depois dos novos aviões C-295 passarem todos no teste final de capacidade operacional.

Lusa
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Abril 16, 2012, 09:30:18 pm
Pedro Passos Coelho visitou hoje a Base Aérea do Montijo



Confirmar diretamente o profissionalismo e qualidade do serviço desempenhado na Base Aérea n.º 6 do Montijo. Esta uma das principais justificações para a visita do primeiro-ministro Pedro Passos Coelho a esta unidade da Força Aérea Portuguesa.

Numa comitiva que também contou com José Pedro Aguiar Branco, ministro da Defesa, tudo foi observado ao pormenor. Manifestando o apreço pela consciência corajosa e disponibilidade para o sacrifício de todos os efetivos da unidade, Pedro Passos Coelho não hesitou em perguntar sempre que surgia alguma dúvida ou curiosidade.

As respostas, essas, foram dadas quase sempre por José Pinheiro, chefe de Estado-Maior da Força Aérea, que acompanhou toda a visita. O momento alto deste encontro viveu-se na sede da Esquadra 751, uma unidade vocacionada em missões de busca e salvamento. Pedro Passos Coelho, sempre com um sorriso no rosto, conheceu alguns militares, trocou algumas impressões, elogiando a competência e dedicação de alguns efetivos que têm como lema «Para que os outros vivam».

Seguiu-se uma passagem pelas aeronaves que operam nesta Unidade: C-130, C-295 (versão Vigilância Marítima) e EH-101. Não se ficou pela visualização exterior. Em todos meios aéreos fez questão de entrar e observar no interior todos os recursos que envolvem os equipamentos da defesa nacional.

E quais foram as razões para esta visita especial guiada a uma das Bases Aéreas que mais vidas salvaram em território nacional? Uma delas está centrada na Cimeira da Aliança Atlântica que terá lugar em Chicago (EUA) nos próximos dias 20 e 21 de Maio no qual o primeiro-ministro Pedro Passos Coelho irá marcar presença. Nesta Cimeira o PM pretende valorizar o papel das Forças Armadas nas várias missões internacionais e em projetos inovadores que envolvem capacidades de defesa. Nesta visita foram retiradas algumas dúvidas numa unidade dotada de cerca de mil hectares de terra plana, situada na margem Sul do Tejo.

O encontro estava perto do fim. Faltava ver os militares em ação. E tudo haveria de terminar com um simulacro a uma missão de treino de Busca e Salvamento, pela Esquadra 751, de um náufrago no Rio Tejo. Nesta simulação, no qual Pedro Passos Coelho teve a oportunidade de observar no ar a aeronave EH-101, deu para se ter ideia de como tudo se processa. Apenas um exercício, é certo, mas que os militares levaram a sério, constituindo um importante treino para o sucesso nas missões reais.

A qualquer momento surge uma emergência de socorro às populações, de apoio em desastres, de fiscalização de atividades marítimas ou de combate aos tráficos ilegais e todos têm de estar preparados. Esta segunda-feira todos receberam uma palavra de apoio do Governo português e em especial de Pedro Passos Coelho que apelou à fidelidade das virtudes que os militares possuem: coragem, honra, sacralidade do dever, patriotismo, o serviço aos bens comuns do povo português.

A Bola
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: typhonman em Abril 16, 2012, 10:26:57 pm
Já agora, alguem se lembra de alguma visita de José Sócrates a uma unidade militar ? Eu não me recordo de nenhuma.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Abril 17, 2012, 12:20:07 am
IESM em Pedrouços, talvez na abertura de um ano lectivo.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Trafaria em Abril 17, 2012, 01:15:05 am
Os socialistas são um bocadinho a avessos a tudo quanto são fardas...  :D
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Abril 30, 2012, 10:59:37 pm
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Maio 01, 2012, 05:11:16 pm
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Junho 05, 2012, 02:12:13 pm
Citação de: "typhonman"
Já agora, alguem se lembra de alguma visita de José Sócrates a uma unidade militar ? Eu não me recordo de nenhuma.

Não te recordas porque na verdade, e em 6 anos de mandato, o ex-PM Pinto de Sousa nunca visitou uma unidade militar...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: typhonman em Junho 05, 2012, 06:39:33 pm
Citação de: "Charlie Jaguar"
Citação de: "typhonman"
Já agora, alguem se lembra de alguma visita de José Sócrates a uma unidade militar ? Eu não me recordo de nenhuma.

Não te recordas porque na verdade, e em 6 anos de mandato, o ex-PM Pinto de Sousa nunca visitou uma unidade militar...

Bem me parecia que a minha memória não me falha.. :mrgreen:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Junho 05, 2012, 08:17:27 pm
Citação de: "typhonman"

Bem me parecia que a minha memória não me falha.. :mrgreen:

http://forumdefesa.com/forum/viewtopic. ... 65#p138188 (http://forumdefesa.com/forum/viewtopic.php?t=7665#p138188)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: typhonman em Junho 05, 2012, 11:30:01 pm
Para mim unidades militares, é algo do tipo Santa Guida, Monte Real, BNL,RI13 etc, tropas no Afeganistão... etc
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Julho 02, 2012, 10:17:53 pm
Citar
O chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA) advertiu hoje que a limitação nas horas de voo e na qualificação de pilotos pode "comprometer a eficácia" das operações e "conduzir a prazo a uma diminuição da prontidão".
Discursando nas comemorações do 60.º aniversário da Força Aérea Portuguesa (FAP), na base aérea do Montijo, o general José Pinheiro apontou como "principal preocupação" a "capacidade para gerar horas de voo" e para formar tripulações de aeronaves.
"No que diz respeito aos orçamentos de funcionamento é imperioso conseguir a sua compatibilização com as capacidades inerentes ao cumprimento da missão atribuída", salientou.
Dirigindo-se ao ministro da Defesa, o CEMFA assinalou que "a limitação da regeneração de meios e das horas de voo que tem sido possível financiar" impõe "restrições acrescidas nos meios disponíveis e no número de tripulações preparadas para os operar, o que poderá conduzir a prazo a uma inevitável diminuição da prontidão".
"A FAP tem uma componente fortemente tecnológica que exige de todo o pessoal elevadas qualificações, para as adquirir e manter é necessário assegurar níveis mínimos de atividade, sob pena de poder ser posta em risco a segurança dos tripulantes, passageiros, populações e património, para além de comprometer a própria eficácia das ações", acrescentou.
O chefe militar adiantou que para contrariar as restrições orçamentais, tem sido dada, "em todos os níveis de comando", uma "particular atenção à manutenção dos parâmetros adequados de segurança".
No seu discurso, o general José Pinheiro referiu também "a já longa interrupção do fluxo de promoções", dizendo esperar "que seja resolvida em breve", porque "constitui um elemento importante de comando, com efeitos que se fazem sentir na própria satisfação das necessidades previstas, na estrutura orgânica do ramo, para além do normal desenvolvimento das carreiras".
Antes, o CEMFA enfatizou a capacidade de adaptação do seu ramo ao longo da história, quando passou "por períodos de expansão e retração conforme as circunstâncias o exigiam", sempre com "atitude de serviço e de fazer bem".
Confrontado pelos jornalistas com as palavras do CEMFA, o ministro da Defesa assegurou ter "sensibilidade" para as preocupações manifestadas pelo general Pinheiro.
Aguiar-Branco garantiu ainda que "as missões fundamentais estão a ser desenvolvidas": "Tudo o que é preciso fazer está a ser feito, agora, como é óbvio, definindo prioridades e em menor escala".
"Sou o primeiro a ter sensibilidade sobre tudo o que se passa nas Forças Armadas e em particular na Força Aérea, onde tenho um trabalho conjunto com o próprio CEMFA, somos os primeiros a saber da realidade das medidas que têm de ser aplicadas e as prioridades da própria Força Aérea, vivemos um momento difícil na gestão dos dinheiros públicos, é preciso saber definir bem as prioridades", afirmou.
dn.pt
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Julho 19, 2012, 09:28:37 pm
Citar
Desativação do segmento de Defesa Aérea do SICCAP

Mais um marco de desenvolvimento atingido pela Força Aérea


O Tenente General Carlos Tia, Comandante Aéreo, presidiu, no passado dia 13 de julho, ao momento de desativação do segmento de Defesa Aérea do SICCAP (Sistema de Comando e Controlo Aéreo de Portugal) Fase II, em Monsanto.

Este momento assume-se como mais um marco no desenvolvimento do SICCAP que, na fase que agora termina, teve como objetivo a criação de um Centro de Operações Aéreas, em Monsanto e de um CRC (Centro de Relato e Controle) Alternativo, em Beja.

A componente de defesa aérea teve a sua Aceitação Provisória pela Força Aérea em 26 de fevereiro de 2002, permitindo que o CRC Monsanto assumisse em pleno as operações a partir de 23 de maio desse ano.

O CRC Monsanto encontra-se já dotado de um sistema intermédio de apoio à defesa aérea, designado MASE (Multi-Site AEGIS Site Emulator), que permitirá manter a atividade até à ativação do novo ACCS (Air Command and Control System) da NATO, em Monsanto.

http://www.emfa.pt/www/noticia-106-desa ... -do-siccap (http://www.emfa.pt/www/noticia-106-desativacao-do-segmento-de-defesa-aerea-do-siccap)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Agosto 03, 2012, 08:08:19 pm
Voo rasante de C-130 causa pânico em bar de praia em Albufeira


A Força Aérea Portuguesa abriu um processo de averiguações para apurar os motivos que levaram um avião C-130 a efetuar um voo a baixa altitude junto à praia da Falésia, em Albufeira, disse hoje fonte militar. De acordo com um popular, "o avião militar fez um voo rasante sobre o bar da praia, provocando um susto tremendo a famílias e crianças". A passagem a baixa altitude do C-130, sedeado na Base Aérea do Montijo, ocorreu ao fim da tarde do dia 29 de Julho, junto ao bar da praia da Falésia, no concelho de Albufeira, e foi presenciada por centenas de pessoas.

O processo de averiguações foi determinado pelo Chefe do Estado-Maior da Força Aérea (EMFA) "na sequência de denúncias feitas por várias pessoas", disse à Lusa o relações-públicas Tenente-coronel Rui Roque.

De acordo com a mesma fonte, "o processo de averiguações visa apurar com objetividade todos os factos e responsabilidades que motivaram esse tipo de voo a baixa altitude".

A Força Aérea Portuguesa possui três C-130, um avião, com quatro motores turbo-hélice, utilizado em missões de transporte aéreo, de patrulhamento marítimo, de busca e salvamento, de apoio logístico e também em operações de combate a incêndios florestais.

Lusa
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Agosto 03, 2012, 10:39:55 pm
Citação de: "Lusitano89"

A Força Aérea Portuguesa possui três C-130

Lusa

Ai! O que terá acontecido aos outros três !!!!!!!!!!  :roll:   :roll:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Outubro 05, 2012, 11:59:24 am
Citar
Base Aérea Nº5 condecorada no seu 53º Aniversário

Concessão da Ordem Militar de Cristo

http://www.emfa.pt/www/noticia-163-base ... niversario (http://www.emfa.pt/www/noticia-163-base-aerea-n-5-condecorada-no-seu-53-aniversario)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Outubro 09, 2012, 10:12:31 pm
Citar
CTSFA recebe Estandarte no Dia da Unidade

Cerimónia assinala o seu 36º Aniversário


Teve lugar, no dia 9 de outubro, na Base Aérea Nº 6 - Montijo - a cerimónia militar comemorativa do 36º Aniversário do Centro de Treino de Sobrevivência da Força Aérea (CTSFA), presidida pelo Chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA), General José Pinheiro.

As celebrações iniciaram-se pela manhã, com a presença de individualidades militares e civis, que assistiram à entrega do Estandarte ao CTSFA, símbolo heráldico da Unidade, tendo sido este um dos momentos marcantes da cerimónia.

No decorrer da mesma, o Comandante do CTSFA, Tenente-Coronel Filipe Azinheira, proferiu uma alocução, a qual se seguiu a imposição de condecorações e a visita a uma exposição estática de meios e equipamentos operacionais e instalações do CTSFA.

Esta Unidade tem como missão ministrar cursos de sobrevivência e salvamento individual, incluindo em ambientes de natureza nuclear, radiológica, biológica ou química (NRBQ), bem como ainda nos domínios do reconhecimento e inativação de engenhos explosivos.

No âmbito da sua missão, o CTSFA dá formação não só ao pessoal da Força Aérea Portuguesa, como também a elementos de outros ramos das forças militares ou militarizadas, tais como Guarda Nacional Republicana, Polícia de Segurança Pública, Sistema de Informações da República Portuguesa e Autoridade Nacional de Proteção Civil, ou ainda a forças armadas estrangeiras, nomeadamente, Espanha e Marrocos, Argélia, Tunísia, Inglaterra, Polónia, Hungria, Republica Checa, Lituânia, Bélgica., Dinamarca Eslováquia, Eslovénia, Bulgária Angola Moçambique e Cabo verde.

http://www.emfa.pt/www/noticia-167-ctsf ... da-unidade (http://www.emfa.pt/www/noticia-167-ctsfa-recebe-estandarte-no-dia-da-unidade)

PS: Cabeça, nas fotos tens lá uns da tua tropa :wink:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Outubro 25, 2012, 06:06:08 pm
Citar
F-16 com gestão Lean

FAP partilha conhecimentos com Toyota e Mercatus


A Força Aérea recebeu recentemente a visita das empresas Toyota e Mercatus com as quais foram trocadas experiências e discutidas as mais modernas técnicas de gestão, no que toca ao uso do Lean Management.

A Força Aérea tem vindo a aplicar técnicas Lean com muito sucesso na manutenção aeronáutica e na gestão da cadeia de abastecimento do F-16. Os principais resultados têm sido a redução dos tempos de imobilização de aeronaves na manutenção planeada e inopinada, bem como a diminuição dos custos associados à sustentação dos Sistemas de Armas.

A metolologia Lean é baseada no sistema de produção da Toyota, conhecido por TPS (Toyota Production System). A discussão sobre estas técnicas de gestão, entre a Força Aérea e estas empresas, foi profícua e permitiu partilhar conhecimentos e experiências.

Foi consenso de que o pensamento Lean é aplicável a qualquer processo, como filosofia de gestão na procura constante da eliminação de desperdícios e continua adição de valor.

A Toyota Caetano Portugal - Ovar - observou conceitos como o takt time (ritmo de produção - relação entre as necessidades de um cliente e capacidades de produção), que na sua linha de produção é medido em minutos ou segundos, na manutenção aeronáutica é medido em dias ou horas, mas semelhante no propósito.

Alguns dos conceitos em uso na manutenção da Força Aérea irão servir para os trabalhos em curso na manutenção da Toyota.

A empresa Mercatus, que está no início da sua jornada Lean, referiu que irá tentar aplicar os princípios de gestão logística observados, nomeadamente o sistema Kanban. "Saímos todos satisfeitos e mais motivados para o desafio que temos pela frente com a implementação Lean na nossa organização", referiram.

Num mundo global é importante partilhar o conhecimento e trocar experiências que possam contribuir para o necessário aumento da produtividade nacional.

http://www.emfa.pt/www/noticia-182-f-16-com-gestao-lean (http://www.emfa.pt/www/noticia-182-f-16-com-gestao-lean)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Novembro 18, 2012, 05:49:18 pm
A noticia é do Exército, mais precisamente do CTOE, mas decidi por aqui a noticia pois acho novidade a parte referente à Força Aérea, não é nada comum ter militares fora do Exército a fazer o COIR, pelo menos não costuma ser publicado.

Citar
CURSO DE OPERAÇÕES IRREGULARES

Decorreu de 8 de outubro a 6 de novembro de 2012, o Curso de Operações Irregulares (COIR).
Este curso visa proporcionar aos formandos os conhecimentos militares necessários e suficientes por forma a habilitá-los a organizar, formar e atuar como forças irregulares.
Pelo teor e cariz das matérias, este curso só é frequentado por Oficiais e Sargentos do quadro permanente.
No presente ano, além dos nove formandos do Exército, o COIR teve a participação de um oficial da Força Aérea.

http://www.exercito.pt/sites/CTOE/Notic ... /COIR.aspx (http://www.exercito.pt/sites/CTOE/Noticias/Paginas/COIR.aspx)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: P44 em Dezembro 03, 2012, 08:49:52 am
Caças F-16 portugueses perdem de vista aeronave suspeita
Por Redação
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.abola.pt%2Fimg%2Ffotos%2Fmundos%2Fmonte_real%2Fbase15.jpg&hash=d98dbcbacd3a00b07643a73637ca7d11)

Dois caças F-16 da Força Aérea Portuguesa perseguiram e perderam de vista uma avioneta suspeita que circulava junto à zona de Sabugal, na Guarda.

O alerta foi dado na última madrugada pelas autoridades espanholas, que acompanharam o percurso da avioneta desde o Golfo de Cádis, mas a falta de combustível forçou os militares a abandonar a missão.

Os pilotos dos F-16 chegaram a ter contacto visual com a aeronave ligeira, que voava a baixa altitude, mas acabaram por perder-lhe o rasto na região do Sabugal.

A missão de defesa do espaço aéreo foi dada por concluída e a GNR foi notificada. No terreno foi feita uma ação de patrulhamento, sem que tenham sido encontrados quaisquer vestígios da aeronave, confirmou o Comando-Geral da GNR.
23:48 - 02-12-2012

http://www.abola.pt/mundos/ver.aspx?id=368047 (http://www.abola.pt/mundos/ver.aspx?id=368047)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Crypter em Dezembro 03, 2012, 11:14:19 am
Era nesta altura que um par de Tucanos dava um jeitasso!!!

Até que ponto os aviões poderiam usar a força contra esta aeronave?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Dezembro 03, 2012, 11:20:56 am
Citação de: "P44"
Caças F-16 portugueses perdem de vista aeronave suspeita
Por Redação
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.abola.pt%2Fimg%2Ffotos%2Fmundos%2Fmonte_real%2Fbase15.jpg&hash=d98dbcbacd3a00b07643a73637ca7d11)

Dois caças F-16 da Força Aérea Portuguesa perseguiram e perderam de vista uma avioneta suspeita que circulava junto à zona de Sabugal, na Guarda.

O alerta foi dado na última madrugada pelas autoridades espanholas, que acompanharam o percurso da avioneta desde o Golfo de Cádis, mas a falta de combustível forçou os militares a abandonar a missão.

Os pilotos dos F-16 chegaram a ter contacto visual com a aeronave ligeira, que voava a baixa altitude, mas acabaram por perder-lhe o rasto na região do Sabugal.

A missão de defesa do espaço aéreo foi dada por concluída e a GNR foi notificada. No terreno foi feita uma ação de patrulhamento, sem que tenham sido encontrados quaisquer vestígios da aeronave, confirmou o Comando-Geral da GNR.
23:48 - 02-12-2012

http://www.abola.pt/mundos/ver.aspx?id=368047 (http://www.abola.pt/mundos/ver.aspx?id=368047)

Curioso no mínimo a forma como é colocada a noticia, pelo jornalista d' A Bola, parece que foram os F-16 que ficaram sem combustível mas na verdade:
http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/notic ... -na-guarda (http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/ultima-hora/forca-aerea-intercepta-aviao-nao-identificado-na-guarda)

De qualquer modo usar um avião a jato para observar o trajeto e interceptar um tekoteko a baixa velocidade e a baixa altitude não é tarefa fácil, sendo um correio de droga aterrou em alguma pista improvisada no meio do arvoredo.
Era de valor era a GNR colocar logo no terreno, na zona onde se perdeu de vista a aeronave, equipas de busca...Mas lá está na zona do Sabugal também não é fácil palmilhar aquilo tudo.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: miguelbud em Dezembro 03, 2012, 12:10:14 pm
Para uma ameaça deste tipo nao seria mais eficaz eviar helicópteros armados?

Eu sei que nao os temos, é apenas para minha informaçao.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Dezembro 03, 2012, 01:00:25 pm
Impossível determinar se avião intercetado aterrou em Portugal


O porta-voz da Força Aérea explicou, esta segunda-feira, que é impossível determinar se o avião perseguido, no domingo, por dois caças F-16, tenha aterrado em território português, uma vez que voou sempre entre um lado e o outro da fronteira. Dois aviões F-16 da Força Aérea Portuguesa (FAP) intercetaram, no domingo, um avião ligeiro não identificado na zona da Guarda, junto à fronteira, após um alerta das autoridades espanholas.

O tenente-coronel Rui Roque referiu, à agência Lusa, que o acompanhamento da aeronave se fez sempre junto à linha de fronteira com Espanha, por vezes do lado português, por vezes do lado espanhol, sendo impossível determinar de que lado se fez a aterragem.

Isto porque os radares de defesa aérea, que "acompanharam continuamente" o pequeno avião, mesmo quando ele voava a uma "baixíssima altitude", só deixaram de o poder fazer no momento em que a aeronave, aparentemente, aterrou, saindo dos radares.

"Deve ter aterrado, é a única explicação", justificou o porta-voz da Força Aérea, que acrescentou que o acompanhamento de uma pequena aeronave, que voa, no máximo, a 120 nós, e que pode aterrar em qualquer estrada ou descampado, é particularmente difícil para os caças F-16, que voam no mínimo a 300 nós, não podem reduzir velocidade no ar.

Ainda assim, a Força Aérea transmitiu à GNR uma localização a oito milhas da fronteira com Espanha, aquela onde os caças portugueses se encontravam quando a aeronave desapareceu dos radares.

O tenente-coronel Rui Roque adiantou que os caças permaneceram ainda cerca de meia hora no local para patrulhamento e para garantir que, se o avião voltasse a levantar, a Força Aérea estaria lá para o acompanhar, o que não veio a acontecer.

A aeronave em causa, precisou o porta-voz da Força Aérea, tem uma lotação de dois lugares e uma capacidade de bagageira muito reduzida. Ainda que admita que este perfil de voo pode corresponder ao transporte de drogas, o tenente-coronel Rui Roque frisou que não pode garantir que seja esse o caso.

O porta-voz da Força Aérea avançou também a hipótese de a aeronave voar a uma altitude tão baixa para que os ocupantes pudessem captar rede de telemóvel, que permitiria contactar com uma rede de apoio no solo, capaz de indicar a melhor localização para aterrar e, até mesmo, esconder uma pequena aeronave como aquela que, no domingo, entrou no espaço aéreo nacional, aparentemente sem autorização.

Rui Roque afirmou que este tipo de missões não acontece mais de duas ou três vezes por ano, e que, na maioria das vezes, se trata apenas de avarias nos radares ou nas comunicações que não permitem fazer uma correta identificação de voos que até operavam de forma legal e correta.

Lusa
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: cmc em Dezembro 03, 2012, 05:40:23 pm
Citação de: "miguelbud"
Para uma ameaça deste tipo nao seria mais eficaz eviar helicópteros armados?

Eu sei que nao os temos, é apenas para minha informaçao.

Helicóptero armado é qq um que leve armas a bordo, e para este caso, um simples helicóptero de polícia era suficiente - uma g3 ou uma simples pistola a bordo bastava. Teria mais probabilidade de sucesso um Allouette que um caça.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Camuflage em Dezembro 03, 2012, 06:57:40 pm
No entanto ninguém questiona isso publicamente... o que é certo é que seja lá o que for entrou e passou sem portugueses ou espanhóis fazerem o que seja... resto é conversa.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Dezembro 03, 2012, 09:30:26 pm
Citação de: "Crypter"
Era nesta altura que um par de Tucanos dava um jeitasso!!!

Até que ponto os aviões poderiam usar a força contra esta aeronave?

Não podem, a não ser que de alguma forma ele fosse uma ameaça à vida do piloto do F-16  :mrgreen:  , ou de outras pessoas, isto é, só podem disparar em legitima defesa, a unica hipotese para um F-16 disparar contra um avião desarmado e que não seja uma ameaça, é se o avião suspeito for considerado um avião kamikaze, estilo 11 de Setembro, desse modo, com a autorização (acho que é do Primeiro-Ministro, está no video da FAP sobre a Defesa Aerea), um piloto de F-16 pode abater um avião civil.

Claro que isso é uma exepção à regra, a regra é que não se pode abater aviões civis, qualquer que seja o crime que esteja a cometer, o máximo que a Força Aérea pode fazer é dizer onde é que está o criminoso, para a policia depois prender, e os tribunais julgarem. A policia também não mata pessoas por elas estarem a cometerm crimes, isso acontece se elas resistirem e forem uma ameaça à vida dos policias ou de outras pessoas.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Dezembro 03, 2012, 09:34:02 pm
Citação de: "miguelbud"
Para uma ameaça deste tipo nao seria mais eficaz eviar helicópteros armados?

Eu sei que nao os temos, é apenas para minha informaçao.

Está a falar de helicopteros tipo "Apache", esse já era mais dificil de despistar do que um F-16, mas continuava na mesma a não poder disparar contra o avião suspeito, senão o F-16 quando o apanhou no radar arrebentava logo com ele.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Dezembro 03, 2012, 10:01:32 pm
Citação de: "raphael"
Era de valor era a GNR colocar logo no terreno, na zona onde se perdeu de vista a aeronave, equipas de busca...Mas lá está na zona do Sabugal também não é fácil palmilhar aquilo tudo.

Concordo Raphael, a ligação Força Aérea (ou Forças Armadas) com a GNR (ou Forças Policiais) devia ser melhorada, neste caso e noutros, como o caso em que um F-16 obrigou uma aeronave deste tipo a aterrar, acho que no Algarve, e quando a GNR lá chegou já não estava lá ninguém.

Mas à que perceber que é complicado, antes da aeronave aterrar, saber qual patrulha da GNR chamar, já que do Algarve, até à Guarda, há muito Portugal onde a avioneta pode aterrar.

O ideal seria um acompanhamento de helicoptero com uma força policial lá dentro, desse modo a força policial acompanhava sempre o avião suspeito e onde quer que aterrassem, eram logo presos. Claro que isto é mais fácil dizer do que fazer, a parte dos helicopteros parece menos complicada, a Base Aérea de Beja parece-me a melhor situada para essas operações pois a zona alvo é o sul do pais, nessa Base já existem os helicopteros Alouette III que podem acompanhar estes aviões, não são "demasiado rápidos", são manobráveis, podem voar a baixa altitude, podem aterrar em qualquer local. A parte policial é mais complicada, que força seria?, a GNR por isto ser quase sempre no meio rural? Estas coisas tem que ser actuadas em minutos, teria que existir uma equipa sempre pronta, todos os dias, 24h, a ser empregue, e teria que estar, ou na Base, ou chegar lá bem depressa.

Sei que quando há grandes eventos em Portugal, como a cimeira da NATO, a visita do Papa, coisas assim, que se coloca o Alouette a fazer este tipo de defesa aérea, o Alouette protege praticamente do chão até uma certa altitude, e o F-16 é dai para cima, este caso é um bom caso em que dá para ver, que a suposta vantagem transformou-se em desvantagem (coisa do livro da guerra do Sun Tzu :lol: .

Citar
Rui Roque afirmou que este tipo de missões não acontece mais de duas ou três vezes por ano, e que, na maioria das vezes, se trata apenas de avarias nos radares ou nas comunicações que não permitem fazer uma correta identificação de voos que até operavam de forma legal e correta.

Só ponho em causa o "meu plano", da força policial helitransportada porque, pelo comunicado do porta-voz da Força Aérea, estas situações só acontecem duas ou três vezes por ano, é muito pouco acho eu, para justificar a despesa de tal mobilização de forças, todos os dias do ano.

Nesse comunicado também aparece uma razão muito importante, para não "disparar primeiro e fazer perguntas depois", pode ser só uma avaria de um avião que está a voar correctamente.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Camuflage em Dezembro 04, 2012, 07:28:44 pm
Ministro da Defesa diz que avião perseguido por F-16 não constituiu ameaça - http://www.publico.pt/portugal/noticia/ ... ca-1576038 (http://www.publico.pt/portugal/noticia/ministro-da-defesa-diz-que-aviao-perseguido-por-f16-nao-constituiu-ameaca-1576038)

lol e arruma-se o assunto.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Crypter em Dezembro 04, 2012, 07:31:12 pm
Citação de: "Lightning"
Citação de: "Crypter"
Era nesta altura que um par de Tucanos dava um jeitasso!!!

Até que ponto os aviões poderiam usar a força contra esta aeronave?

Não podem, a não ser que de alguma forma ele fosse uma ameaça à vida do piloto do F-16  ;)!

Mas e quanto a aeronaves tipo Tucano? Não seria mais vantajoso para intersecções de aeronaves deste tipo? Ao menos esses podiam "colar-se ao rabo" e não sair de lá... Ou até mesmo aterrar onde a outra aeronave aterrar e sair de lá de dentro o Chuck Norris e prender os mauzões todos!!

P.s. - Desculpem a ultima parte  :mrgreen: , mas a questão mantém-se! Não estaremos "demasiado qualificados" para este tipo de situações?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Dezembro 04, 2012, 08:01:57 pm
Citação de: "Crypter"
P.s. - Desculpem a ultima parte  :lol:
Mas uma aeronave menor tipo STucano ou de asa rotativa teria autonomia e/ou capacidade de reacção para uma situação deste tipo a esta distância da base?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Dezembro 04, 2012, 08:18:56 pm
Citação de: "HSMW"
Citação de: "Crypter"
P.s. - Desculpem a ultima parte  :lol:
Mas uma aeronave menor tipo STucano ou de asa rotativa teria autonomia e/ou capacidade de reacção para uma situação deste tipo a esta distância da base?

Se tem para o Brasil, porque não terá para aqui!
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: miguelbud em Dezembro 04, 2012, 08:21:26 pm
Citação de: "Lightning"
Citação de: "miguelbud"
Para uma ameaça deste tipo nao seria mais eficaz eviar helicópteros armados?

Eu sei que nao os temos, é apenas para minha informaçao.

Está a falar de helicopteros tipo "Apache", esse já era mais dificil de despistar do que um F-16, mas continuava na mesma a não poder disparar contra o avião suspeito, senão o F-16 quando o apanhou no radar arrebentava logo com ele.
Nao Lightning, estava a falar do EH101. Helicópteros de ataque ou tucanos teriam sempre o mesmo resultado, uma vez que nao podiam abater a aeronave, e quando esta aterrasse os tripulantes podiam fugir "á vontade". No entanto se tivessemos 1 EH101 alocado á defesa aerea seria mais eficaz nestas situaçoes.

Já agora fica uma pergunta inocente, nesta situaçao que descrevi, uma equipa da RESCOM transportada no EH101 nunca poderia servir como meio dissuador, certo?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Dezembro 04, 2012, 10:12:34 pm
Citação de: "miguelbud"
Nao Lightning, estava a falar do EH101. Helicópteros de ataque ou tucanos teriam sempre o mesmo resultado, uma vez que nao podiam abater a aeronave, e quando esta aterrasse os tripulantes podiam fugir "á vontade". No entanto se tivessemos 1 EH101 alocado á defesa aerea seria mais eficaz nestas situaçoes.

Sim, eu tambem acho que um helicoptero parece ser a melhor soluçao para estes casos, mas o EH101 acho difcil, eles ja fazem o alerta de Busca e Salvamento, para tambem fazer um alerta de defesa aerea teria que passar a estar dois helicopteros com duas tripulaçoes de alerta por dia, todos os dias, em vez de um (no continente). Se a Força Aerea continuasse so com um EH101, com mais essa missao, podia acontecer o EH101 estar no meio da serra da estrela a fazer uma intercepçao e ser feito um pedido de resgate no mar, e depois? Desiste da perseguiçao e vai fazer o resgate? Ou vai fazer o resgate depois da intercepçao acabar? Qualquer que fosse o caso iria sempre perder tempo, teria que voltar a base, reabastecer, ate poderia dar para coordenar e no fim bater tudo certo, ate um dia, uma pessoa que tivesse que ser resgatada morrer por o EH101 chegar atrasado... Depois ja se sabe, os jornais, os comentadores, nao iriam perdoar a Força Aerea. Se passarem a ter dois helicopteros ja poderia ser, mas isso tem custos.
Eu no meu texto anterior tinha posto o Alouette, esta melhor situado para estes casos (Beja), possui disponibilidade, mais economico que o EH101 :mrgreen: . Por isso no meu texto anterior tinha colocado uma equipa da GNR, eles sao forças da lei.

PS: A RESCOM ja nao existe, a sua sucessora chama-se UPF (Unidade de Protecçao da Força).
PS2: Desculpem la a falta de acentos mas tenho problemas no teclado
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: miguelbud em Dezembro 04, 2012, 10:25:37 pm
Mas Portugal nao tem 12 EH101? incluindo 4 CSAR?
Em relaçao aos allouttes, teriam velocidade suficiente para interceptar a aeronave? Deacordo com o que o porta voz da FAP disse, essas aeronaves atingem no maximo os 120 nós, um allouette atinge isso como velocidade maxima (fonte wikipedia  :twisted: ). Desta forma a intercepçao, em certos casos, poderia nao acontecer.

O que é que me está a falhar?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Dezembro 04, 2012, 10:26:27 pm
Citação de: "nelson38899"
Citação de: "HSMW"
Citação de: "Crypter"
P.s. - Desculpem a ultima parte  :lol:
Mas uma aeronave menor tipo STucano ou de asa rotativa teria autonomia e/ou capacidade de reacção para uma situação deste tipo a esta distância da base?

Se tem para o Brasil, porque não terá para aqui!

Desconheço a capacidade do Super Tucado ou da organizaçao de defesa aerea no Brasil, mas sendo o Brasil um pais tao grande, se o Super Tucano funciona la, tambem devera funcionar ca.

Mas se na teoria parece correcto, na pratica ha outras condicionantes, deveria a Força Aerea criar uma esquadra nova para isso? Numa altura em que se fazem cortes no orçamento, e no efectivo das Forças Armadas, parece-me dificil fazer isso. A Força Aerea possui uma esquadra de avioes "parecidos", que e a esquadra 101 com o aviao Epsilon, mas esses avioes nao estao armados, e estao colocados na Base Aerea de Sintra, deveria-se entao substituir os Epsilon por Super Tucanos? Deveriam continuar em Sintra ou serem transferidos oara outro local? Base Aerea de Beja por exemplo. So uma ideia.

Mas como disse anteriormente, um aviao mais lento ja nao perderia tao facilmente a avioneta, mas nao a pode abater, continuo a achar que o ideal seria um helicoptero.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Dezembro 04, 2012, 10:45:58 pm
Citação de: "miguelbud"
Mas Portugal nao tem 12 EH101? incluindo 4 CSAR?

Sim tem, eu disse que acho possivel colocar-se dois EH101 de alerta, estava a alertar para o facto de se manter so um mas com mais essa missao muito diferente.

Citar
Em relaçao aos allouttes, teriam velocidade suficiente para interceptar a aeronave? Deacordo com o que o porta voz da FAP disse, essas aeronaves atingem no maximo os 120 nós, um allouette atinge isso como velocidade maxima (fonte wikipedia  :mrgreen: . Mas realmente aparece o Alouette III com um atirador.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Dezembro 04, 2012, 11:09:20 pm
Essa do helicóptero é que não me convence...
Se é uma aeronave para estar baseada em Monte Real terá de ser rápida o suficiente para fazer intercepções em qualquer ponto do país, caso contrario teriam de estar distribuídas pelo território.
http://www.passarodeferro.com/2012/12/c ... cecao.html (http://www.passarodeferro.com/2012/12/consideracoes-sobre-uma-intercecao.html)
Senão mudem a legislação e abatam os traficantes ou deixem-nos sossegados...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Dezembro 04, 2012, 11:28:08 pm
Citação de: "HSMW"
Essa do helicóptero é que não me convence...
Se é uma aeronave para estar baseada em Monte Real terá de ser rápida o suficiente para fazer intercepções em qualquer ponto do país, caso contrario teriam de estar distribuídas pelo território.

Era uma hipotese para uma aeronave que consegue voar mais devagar do que o F-16, e parar em qualquer lugar, a minha ideia nunca foi colocar os helicopteros em Monte Real para fazer intercepçoes em qualquer ponto do pais, eu colocava-os em Beja como resposta para estes casos, de pequenos avioes que vem do norte de Africa, nunca para ir ver o que se passa em Viana do Castelo.

Citar
http://www.passarodeferro.com/2012/12/consideracoes-sobre-uma-intercecao.html
Senão mudem a legislação e abatam os traficantes ou deixem-nos sossegados...

Bom blog HSMW, como ves nesse artigo, as vezes os F-16 nao perdem os alvos e forçam-nos a aterrar, desta vez nao conseguiram, a Policia tambem nao apanha todos os criminosos, todos os dias  :twisted:  :mrgreen: , ja estou a ver o piloto a falar a policia: "Sr Agente, enganei-me, em vez de carregar no botao para falar, carreguei no botao para disparar :lol: nem me apercebi foi que aquilo largou 100 muniçoes de 20mm :mrgreen:  :mrgreen: .
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Dezembro 04, 2012, 11:31:06 pm
Citação de: "Lightning"
Citação de: "nelson38899"
Citação de: "HSMW"
Citação de: "Crypter"
P.s. - Desculpem a ultima parte  :lol:
Mas uma aeronave menor tipo STucano ou de asa rotativa teria autonomia e/ou capacidade de reacção para uma situação deste tipo a esta distância da base?

Se tem para o Brasil, porque não terá para aqui!

Desconheço a capacidade do Super Tucado ou da organizaçao de defesa aerea no Brasil, mas sendo o Brasil um pais tao grande, se o Super Tucano funciona la, tambem devera funcionar ca.

Mas se na teoria parece correcto, na pratica ha outras condicionantes, deveria a Força Aerea criar uma esquadra nova para isso? Numa altura em que se fazem cortes no orçamento, e no efectivo das Forças Armadas, parece-me dificil fazer isso. A Força Aerea possui uma esquadra de avioes "parecidos", que e a esquadra 101 com o aviao Epsilon, mas esses avioes nao estao armados, e estao colocados na Base Aerea de Sintra, deveria-se entao substituir os Epsilon por Super Tucanos? Deveriam continuar em Sintra ou serem transferidos oara outro local? Base Aerea de Beja por exemplo. So uma ideia.

Mas como disse anteriormente, um aviao mais lento ja nao perderia tao facilmente a avioneta, mas nao a pode abater, continuo a achar que o ideal seria um helicoptero.

e porque não substituir os alpha jet por supertucanos!

velocidades de dois brinquedos que se poderia usar

Velocidade do Predador : 580 km/h.

Velocidade do Super Tucano : 590 km/h.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: militar03 em Dezembro 04, 2012, 11:49:42 pm
de ressalvar que penso que os allote a nível de autonomia e mesmo para fazer missões nocturnas estão muitos limitados
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Dezembro 05, 2012, 12:08:17 am
Citação de: "militar03"
de ressalvar que penso que os allote a nível de autonomia e mesmo para fazer missões nocturnas estão muitos limitados

Pois e verdade, os Alouette nao tem capacidade de voo nocturno. Risca da lista. la foi o meu plano por agua abaixo  :lol: .
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: miguelbud em Dezembro 05, 2012, 09:14:29 am
Obrigado pela resposta lightning, o vídeo é bastante elucidativo. Ao minuto 4:14 aparece um T-38 com pintura camuflado, pensava que os nossos sempre foram brancos.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Dezembro 05, 2012, 10:40:56 am
Citação de: "miguelbud"
Obrigado pela resposta lightning, o vídeo é bastante elucidativo. Ao minuto 4:14 aparece um T-38 com pintura camuflado, pensava que os nossos sempre foram brancos.

O T-38 é a versão de treino do F-5, nós só tivemos T-38 e sempre foram todos brancos, como aeronave de instrução que era. O que aparece no video é efetivamente um F-5 marroquino filmado a partir de um F-16 nacional.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Dezembro 05, 2012, 05:37:33 pm
Citação de: "Rvsantinho"
Boa Tarde a Todos

Tenho uma Pergunta relativamente a Aeronave que desapareçeu sem deixar rasto.

http://www.rtp.pt/noticias/index.php?ar ... &visual=61 (http://www.rtp.pt/noticias/index.php?article=608949&tm=8&layout=122&visual=61)

Como é porssivel desapareçer a aeronave se os F-16 tiveram contacto visual com a aeronave e contacto radar?
e se seria possivel nesta missão empregar o P-3 Cup com as novas capacidade de vigilância para poder assim preseguir a rota de tal aeronave?

Obrigado desde ja pelas respostas
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Dezembro 12, 2012, 10:11:54 pm
Citar
Força Aérea participa em ação de emergência radiológica

A Força Aérea participou, entre os dias 4 e 6 de dezembro, na 1ª edição do Curso de Emergências Radiológicas, promovido pela Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), que teve como objetivo dar a conhecer os documentos operacionais normativos e facilitar a interligação entre as equipas operacionais que intervêm no terreno, em caso de emergências radiológicas.

Após uma primeira fase, teórica e prática, que decorreu na sede da ANPC - Carnaxide - o Centro de Treino e Sobrevivência da Força Aérea (CTSFA) organizou um exercício na Base Aérea Nº6 (BA6) - Montijo - que permitiu testar as capacidades de resposta das Equipas de Descontaminação Nuclear, Radiológica, Biológica e Química (NRBQ), face a um cenário de acidente rodoviário com carga radioativa, que originou multivítimas contaminadas.

Esta ação permitiu aprofundar conhecimentos e trocar experiências, através da formação e da observação de diferentes procedimentos e abordagens num cenário de emergência radioativa.

Para além das equipas da Força Aérea, constituídas por um formador, um formando, um observador de Defesa NRBQ do CTSFA, e por uma Equipa de Descontaminação NRBQ, composta por elementos da Equipa de Alerta NRBQ da Força Aérea, o curso contou com a participação de elementos do Exército, Marinha, Guarda Nacional Republicana (GNR), Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), Agência Portuguesa do Ambiente (APA), Polícia Judiciária (PJ), Polícia de Segurança Pública (PSP), Direção Geral de Saúde (DGS), Instituto Nacional de Medicina Legal (INML), Estado-Maior-General das Forças Armadas (EMGFA), Estrutura Operacional da ANPC, Sistema de Informações e Segurança (SIS), Escola Nacional de Bombeiros (ENB), e de diversos Regimentos e Corpos de Bombeiros de todo o país.

http://www.emfa.pt/www/noticia-214-forc ... adiologica (http://www.emfa.pt/www/noticia-214-forca-aerea-participa-em-acao-de-emergencia-radiologica)

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.emfa.pt%2Fwww%2Fconteudos%2Fgaleria%2Fnoticias%2Fdezembro2012%2Ffapparticipaemergenciaradiologica%2Fexercicioernaba6-2_2449.JPG&hash=fb197eab3809df259122f5bb6c61433a)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Dezembro 21, 2012, 12:14:50 pm
Problemas técnicos adiam entrada em funcionamento do radar de defesa aérea da Madeira

O chefe do Estado-Maior da Força Aérea afirmou hoje que problemas técnicos e de construção civil adiaram a entrada em funcionamento do radar de defesa aérea, instalado no Pico do Areeiro, na Madeira, prevista para outubro último.

"Nós temos que ligar um sinal daqui para o continente e surgiram alguns problemas de carácter técnico. Estamos a fazer tudo o que podemos para os resolver, em colaboração com o fabricante, com o Estado-Maior General, com o Ministério da Defesa, mas, efectivamente, ainda não temos uma resposta concreta para dizer em que data é que vai acontecer", disse o general José Pinheiro, no Porto Santo, onde hoje presidiu à cerimónia comemorativa do terceiro aniversário do aeródromo de manobra n.º3.

Segundo o general, a esta situação há a somar "problemas na infraestrutura", resultado do mau tempo sentido na região.

"Estão em causa problemas de carácter técnico e, neste momento também, problemas de caráter de construção civil, de alguns danos que a infraestrutura sofreu", explicou.

A defesa do espaço aéreo português, da responsabilidade da Força Aérea Portuguesa, é atualmente constituída por três estações radares no terreno localizados no Continente - Paços de Ferreira, Montejunto e Foia (Algarve).

A infraestrutura da Madeira, designada no futuro por estação radar n.º 4, onde já trabalham 14 militares, tem um raio de cobertura de cerca de 250 milhas náuticas, aproximadamente 400 quilómetros.

Segundo a Força Aérea, "este tipo de equipamento são os olhos que permitem a realização das missões de defesa aérea no espaço de cobertura do radar".

O chefe do Estado-Maior da Força Aérea adiantou que gostaria que no próximo ano o radar estivesse operacional, garantindo que não é por falta de verbas que os problemas não são resolvidos.

"O problema técnico está a ser mais difícil do que gostaríamos. (...) Não é uma questão de dinheiro, é, neste momento, uma questão técnica. Foram adquiridos mais uns equipamentos que esperamos que agora vão resolver o problema", afiançou, esclarecendo que se têm realizado testes, mas ainda não foi atingida a fiabilidade desejada.

Questionado se com a entrada em funcionamento do radar se mantém o destacamento para o Porto de Santo de duas aeronaves F-16, o general respondeu: "Quando entrar em funcionamento, veremos em que condições é que teremos de cumprir a missão".

"Neste momento, o aeroporto de Porto Santo tem limitações e os F-16 não podem operar a partir do aeroporto do Porto Santo. Enquanto o aeroporto mantiver as limitações, nós garantiremos a soberania do espaço aéreo nacional com as condições que temos e a partir do continente, dos Açores, da Madeira se for necessário mas terá que ser a partir do Funchal se for entendido que seja critico, mas aqui do Porto Santo enquanto houver as limitações que temos na pista não podemos operar com aviões de caça",acrescentou. (DN.M)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2F2.bp.blogspot.com%2F-1WYrbeeNct8%2FUMDcsxI3bgI%2FAAAAAAAAJ3o%2FH5Io3QAIxBE%2Fs1600%2FRS438143_11SET0113_13-web_Small_0.jpg&hash=28920bec26362f3abe42955f9bf1dba3)
http://defesanacionalpt.blogspot.pt/201 ... da-em.html (http://defesanacionalpt.blogspot.pt/2012/11/problemas-tecnicos-adiam-entrada-em.html)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Dezembro 29, 2012, 09:35:00 pm
Elemento da Força Aérea ferido em operação de resgate

Recuperador-salvador estava a salvar passageiro de um pesqueiro que sofrera uma fratura da clavícula

(video)
http://www.tvi24.iol.pt/videos/video/13772963/1 (http://www.tvi24.iol.pt/videos/video/13772963/1)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Janeiro 01, 2013, 10:31:30 am
Citar
Governo quer atribuir funções de polícia à Força Aérea

Proposta de lei cria a Autoridade Aeronáutica de Defesa Nacional para garantir autoridade do Estado no espaço estratégico e com funções de regulação, inspeção e supervisão. Este é um dos destaques da primeira página de hoje do DN.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: chaimites em Janeiro 01, 2013, 01:07:56 pm
Citação de: "nelson38899"
Citar
Governo quer atribuir funções de polícia à Força Aérea

Proposta de lei cria a Autoridade Aeronáutica de Defesa Nacional para garantir autoridade do Estado no espaço estratégico e com funções de regulação, inspeção e supervisão. Este é um dos destaques da primeira página de hoje do DN.

A poposta de lei:

http://app.parlamento.pt/webutils/docs/doc.pdf?path=6148523063446f764c3246795a5868774d546f334e7a67774c325276593342734c576c756156684a5358526c65433977634777784d54677457456c4a4c6d527659773d3d&fich=ppl118-XII.doc&Inline=true
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Janeiro 02, 2013, 06:34:07 pm
Citação de: "chaimites"
Citação de: "nelson38899"
Citar
Governo quer atribuir funções de polícia à Força Aérea

Proposta de lei cria a Autoridade Aeronáutica de Defesa Nacional para garantir autoridade do Estado no espaço estratégico e com funções de regulação, inspeção e supervisão. Este é um dos destaques da primeira página de hoje do DN.

A poposta de lei:

http://app.parlamento.pt/webutils/docs/doc.pdf?path=6148523063446f764c3246795a5868774d546f334e7a67774c325276593342734c576c756156684a5358526c65433977634777784d54677457456c4a4c6d527659773d3d&fich=ppl118-XII.doc&Inline=true

Muito bem, estive a ler o artigo e no fundo é "oficializar" o que a Força Aérea já tem vindo a fazer em termos de policiamento aéreo, legalmente, a Força Aérea, como ramo das Forças Armadas, tem um serviço de policiamento aéreo para defesa do espaço aereo contra ameaças militares, por isso é que quando os F-16 apanharam a avioeta suspeita disseram que ela não era uma ameaça, muita gente criticou essa afirmação pois podia trazer droga, etc, mas a afirmação está correcta, de acordo com as responsabilidades da Força Aérea, a avioneta não era uma ameaça nem aos F-16, nem a nenhuma base aerea ou outra instalação, logo não estava a ameaçar a Força Aérea, mas do ponto de vista polical já é outra história, logo esta legislação vem ao encontro dessa necessidade, de o policiamento aéreo não ser só para interceptar aeronaves militares que ponham em causa o dominio do espaço aéreo, mas também (como já tem sido feito), de quaisquer outras aeronaves suspeitas de actividades ilicitas, o que esta legislação também permite é uma melhor coordenação entre a Força Aérea (ou melhor, a AADN :mrgreen: ).
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Janeiro 03, 2013, 12:48:37 pm
Não havendo melhor tópico, vou colocar aqui a notícia.  :arrow: http://www.defencetalk.com/increasing-e ... 020-45737/ (http://www.defencetalk.com/increasing-europes-strategic-tanker-capability-by-2020-45737/)[/quote]

No nosso caso em particular, dada a assinatura do Ministro da Defesa, estar-se-á a pensar na capacidade de reabastecimento do KC-390 ou noutra solução?  :?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Janeiro 03, 2013, 01:14:56 pm
Citação de: "Charlie Jaguar"
No nosso caso em particular, dada a assinatura do Ministro da Defesa, estar-se-á a pensar na capacidade de reabastecimento do KC-390 ou noutra solução?  :mrgreen: .

Um site que tem a ver com o assunto
https://www.mcce-mil.com/Pages/default.aspx (https://www.mcce-mil.com/Pages/default.aspx)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Janeiro 03, 2013, 02:59:35 pm
Citação de: "Lightning"
No nosso caso deve ser alugar aos outros :?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Janeiro 08, 2013, 08:33:32 pm
Força Aérea está "a cortar no músculo", Pilotos parados


O chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA) manifestou hoje "grande preocupação" com a redução de horas de voo, revelando que há pilotos sem voar, e afirmou que o ramo já está "a cortar no músculo".

Segundo disseram à Lusa fontes parlamentares, numa audição à porta fechada na comissão de Defesa, o general José Pinheiro adiantou que a Força Aérea elaborou um plano de sustentabilidade com um horizonte de seis anos (2012/2018) para fazer face aos cortes.

O chefe militar classificou a redução do número de horas de voo, que disse ser de 35% desde 2010, como "muito preocupante" e revelou que no ano passado houve uma redução da prontidão dos aviões, estando alguns parados.

"É caro estar a manter aviões que depois estão parados", afirmou José Pinheiro.

O CEMFA revelou que há 43 pilotos da Força Aérea "sem voar" e que todos os voos estão "controlados à hora", dando o exemplo de que "um piloto que tenha previsto voar uma hora e meia e voe uma hora e quarenta tem de o justificar".

"Estamos já a cortar no músculo", afirmou, acrescentando que o ramo que dirige tem no entanto noção da situação que o país atravessa.

Na audição, o general disse ainda que 82% do orçamento da Força Aérea são destinados a gastos com pessoal, o que deixa a operação e manutenção assentes num "orçamento virtual", dependente exclusivamente de receitas próprias, o que "gera grande incerteza no planeamento da atividade anual".

Segundo uma das fontes, José Pinheiro queixou-se também do facto de a Força Aérea sustentar "por vezes até dois anos" os pagamentos de militares passados à reserva, devido ao processo burocrático de passagem para a Caixa Geral de Aposentações.

Lusa
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Janeiro 11, 2013, 12:24:56 pm
Citação de: "Lusitano89"
Força Aérea está "a cortar no músculo", Pilotos parados


O chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA) manifestou hoje "grande preocupação" com a redução de horas de voo, revelando que há pilotos sem voar, e afirmou que o ramo já está "a cortar no músculo".

Segundo disseram à Lusa fontes parlamentares, numa audição à porta fechada na comissão de Defesa, o general José Pinheiro adiantou que a Força Aérea elaborou um plano de sustentabilidade com um horizonte de seis anos (2012/2018) para fazer face aos cortes.

O chefe militar classificou a redução do número de horas de voo, que disse ser de 35% desde 2010, como "muito preocupante" e revelou que no ano passado houve uma redução da prontidão dos aviões, estando alguns parados.

"É caro estar a manter aviões que depois estão parados", afirmou José Pinheiro.

O CEMFA revelou que há 43 pilotos da Força Aérea "sem voar" e que todos os voos estão "controlados à hora", dando o exemplo de que "um piloto que tenha previsto voar uma hora e meia e voe uma hora e quarenta tem de o justificar".

"Estamos já a cortar no músculo", afirmou, acrescentando que o ramo que dirige tem no entanto noção da situação que o país atravessa.

Na audição, o general disse ainda que 82% do orçamento da Força Aérea são destinados a gastos com pessoal, o que deixa a operação e manutenção assentes num "orçamento virtual", dependente exclusivamente de receitas próprias, o que "gera grande incerteza no planeamento da atividade anual".

Segundo uma das fontes, José Pinheiro queixou-se também do facto de a Força Aérea sustentar "por vezes até dois anos" os pagamentos de militares passados à reserva, devido ao processo burocrático de passagem para a Caixa Geral de Aposentações.

Lusa

Sem comentários, de facto. Vamos a caminho do zero absoluto não tarda nada. E para o CEMFA estar a dizer isto, que é alguém que tenho por calmo e ponderado, é porque a coisa está mesmo a descambar.  :arrow: http://sol.sapo.pt/inicio/Sociedade/Int ... t_id=65996 (http://sol.sapo.pt/inicio/Sociedade/Interior.aspx?content_id=65996)[/quote]
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Cabecinhas em Janeiro 11, 2013, 02:01:11 pm
Citação de: "Charlie Jaguar"
Sem comentários, de facto. Vamos a caminho do zero absoluto não tarda nada. E para o CEMFA estar a dizer isto, que é alguém que tenho por calmo e ponderado, é porque a coisa está mesmo a descambar.  :arrow: http://sol.sapo.pt/inicio/Sociedade/Int ... t_id=65996 (http://sol.sapo.pt/inicio/Sociedade/Interior.aspx?content_id=65996)
[/quote]

Na minha ignorância pergunto, não será esta medida benéfica?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: jurista em Janeiro 11, 2013, 02:21:05 pm
Eu tendería a achar que sim, uma vez que, sem prejudicar em nada ou em muito pouco as funções de transporte, se liberta espaço para tornar melhor o aeroporto da Portela.
Alias, pergunto-me porque não foi feito isto mais cedo. Foi preciso privatizar a ANA para se perceber que esta medida podia ser tomada?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Janeiro 11, 2013, 02:48:56 pm
Citação de: "jurista"
Eu tendería a achar que sim, uma vez que, sem prejudicar em nada ou em muito pouco as funções de transporte, se liberta espaço para tornar melhor o aeroporto da Portela.
Alias, pergunto-me porque não foi feito isto mais cedo. Foi preciso privatizar a ANA para se perceber que esta medida podia ser tomada?

Há muito que não faz qualquer sentido, na minha opinião, a manutenção do Aeródromo de Trânsito nº 1 em Figo Maduro. Se a questão eram as acessibilidades rodoviárias à Base Aérea do Montijo, isso desde que a ponte Vasco da Gama foi inaugurada em 1998 está mais do que resolvido. E a Esq. 504, recorde-se, está adstrita à BA6 pelo que 3 Falcon 50 não deverão fazer grande mossa no espaço disponível para parqueamento de aeronaves, ainda para mais com o desaparecimento da frota Aviocar.  :wink:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: militar03 em Janeiro 11, 2013, 04:02:55 pm
quem conhece o at-1 (e eu conheço bem) sabe que o espaço que ele ocupa,é um lágrima num oceano de tão pequeno que é, a placa de estacionamento é um espaço enorme  :o com uns 500 metros para além de nos dias que correm é mais usada no estacionamento de aviões civis do que militares principalmente aviões de porte pequeno..
não vejo muitas vantagens em tirar de ali o at-1 para ampliar o aeroporto , somente para fins comerciais para as companhias aéreas
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Janeiro 11, 2013, 04:52:16 pm
Citação de: "militar03"
quem conhece o at-1 (e eu conheço bem) sabe que o espaço que ele ocupa,é um lágrima num oceano de tão pequeno que é, a placa de estacionamento é um espaço enorme :o com uns 500 metros para além de nos dias que correm é mais usada no estacionamento de aviões civis do que militares principalmente aviões de porte pequeno..
não vejo muitas vantagens em tirar de ali o at-1 para ampliar o aeroporto , somente para fins comerciais para as companhias aéreas

É verdade, no oceano que é a Portela de Sacavém, Figo Maduro é pouco mais que uma gota de água, mas de facto há pouca lógica neste momento na sua manutenção. Até porque com a privatização da ANA, os novos donos dos nossos aeroportos o que menos querem é incomodar-se com os militares.

AT-1 Figo Maduro (Crédito: Força Aérea Portuguesa)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.emfa.pt%2Fwww%2Fconteudos%2Fgaleria%2Funidades%2Fat1%2Fa-107021_1262.jpg&hash=181481a65776c1e06cb2950c04ff1017)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: LuisC em Janeiro 12, 2013, 12:16:06 am
É uma “lágrima” ou uma “gota de água”…é como quem diz…somando a placa á área de edifícios, ainda é qualquer coisa.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: jurista em Janeiro 12, 2013, 09:52:41 am
Citação de: "LuisC"
É uma “lágrima” ou uma “gota de água”…é como quem diz…somando a placa á área de edifícios, ainda é qualquer coisa.

E o court de ténis :P
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: militar03 em Janeiro 12, 2013, 08:14:55 pm
Citação de: "LuisC"
É uma “lágrima” ou uma “gota de água”…é como quem diz…somando a placa á área de edifícios, ainda é qualquer coisa.


é algo irrisório,como aumento de pista como alguns dizem,o que podiam fazer no máximo era expandir a placa e torna-la maior ( como disse anteriormente para fins comerciais, e usa-la para as companhias low cost (já que já a da esy jet, vendiam o at-1 a rynair  :shock: ) e o hangar da 504 expandiam-o
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Janeiro 14, 2013, 03:23:41 pm
Citar
Aviões e helicópteros da Força Aérea têm de ser substituídos em 2018

O chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA), José Pinheiro, afirmou esta terça-feira que os aviões Alpha-Jet e os helicópteros Alouette só são "sustentáveis" até 2018 devido aos anos de operação e terão de ser substituídos.

20:35 - 08 de Janeiro de 2013 | Por Lusa

"É um avião e um helicóptero que já tem muitos anos de serviço, o Alouette 3 vai comemorar este ano os 50 anos de operação na Força Aérea Portuguesa, são dois meios que só poderemos sustentar até 2018 e portanto julgo que será adequado equacionar em sede própria e no momento próprio a sua eventual substituição", afirmou o chefe militar. O general José Pinheiro falava aos jornalistas no final de uma audição de mais de duas horas na comissão parlamentar de Defesa, que decorreu à porta fechada. Já sobre os aviões Hércules C-130, o CEMFA referiu que "já têm muitos anos de operação", mas "vão ser sujeitos a um programa de modernização que lhes vai garantir capacidade para operar por mais algum tempo". Os caças Alpha-Jet e os helicópteros Alouette são meios aéreos importantes para a formação de pilotos da Força Aérea Portuguesa.

Sobre a situação do ramo, o CEMFA disse que "as dificuldades são conhecidas, existem", mas que a Força Aérea "vai ter de se acomodar na medida das possibilidades à realidade com que está confrontada, na certeza de que vai continuar a cumprir a sua missão". O general referiu que os pilotos da Força Aérea têm "a expectativa de voar ligeiramente mais" em 2013 (em 2012 foram realizadas 15.500 horas de voo) devido "a um ligeiro acréscimo" nas verbas para operação e manutenção e que existe preocupação com "a regeneração e a capacidade de sustentar a capacidade"."Gostaríamos de voar mais? Com certeza, porque isso permitia-nos ter mais pilotos e mais pilotos qualificados", afirmou, no entanto. Questionado sobre o interesse da Bulgária na compra de caças F-16 da Força Aérea Portuguesa, o CEMFA sublinhou que esse é um assunto que "decorre na alçada do Ministério da Defesa", remetendo "os detalhes do programa" para a tutela.

 :arrow: http://www.emfa.pt/www/conteudos/galeri ... dn_775.pdf (http://www.emfa.pt/www/conteudos/galeria/recortes/2013/janeiro-2013/resumoimprensa-8e9jan-cemfacdn_775.pdf)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: miguelbud em Janeiro 14, 2013, 03:53:23 pm
Citação de: "militar03"
Citação de: "LuisC"
É uma “lágrima” ou uma “gota de água”…é como quem diz…somando a placa á área de edifícios, ainda é qualquer coisa.


é algo irrisório,como aumento de pista como alguns dizem,o que podiam fazer no máximo era expandir a placa e torna-la maior ( como disse anteriormente para fins comerciais, e usa-la para as companhias low cost (já que já a da esy jet, vendiam o at-1 a rynair  :shock: ) e o hangar da 504 expandiam-o
O CEO da Ryanair dará amanha uma conferencia de imprensa em Lisboa. 80% de certeza que será o anúncio de uma base da Ryanair.
Título: Aviões e helicópteros da Força Aérea têm de ser substituídos
Enviado por: Get_It em Janeiro 14, 2013, 04:04:21 pm
Citar
Aviões e helicópteros da Força Aérea têm de ser substituídos em 2018

O chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA), José Pinheiro, afirmou esta terça-feira que os aviões Alpha-Jet e os helicópteros Alouette só são "sustentáveis" até 2018 devido aos anos de operação e terão de ser substituídos.

Portanto, em 2018 todo o treino seja em asa rotativa e fixa passa a ser feito no estrangeiro, quer em países aliados (Espanha, Brasil, EUA, Canadá) ou em empresas privadas (Canadá, França). Algo conforme já temos vindo a discutir no fórum sobre a Substituição dos Alpha-jet (http://http).

Cumprimentos,
Título: Re: Aviões e helicópteros da Força Aérea têm de ser substitu
Enviado por: raphael em Janeiro 14, 2013, 04:26:03 pm
Citação de: "Get_It"
Citar
Aviões e helicópteros da Força Aérea têm de ser substituídos em 2018

O chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA), José Pinheiro, afirmou esta terça-feira que os aviões Alpha-Jet e os helicópteros Alouette só são "sustentáveis" até 2018 devido aos anos de operação e terão de ser substituídos.

Portanto, em 2018 todo o treino seja em asa rotativa e fixa passa a ser feito no estrangeiro, quer em países aliados (Espanha, Brasil, EUA, Canadá) ou em empresas privadas (Canadá, França). Algo conforme já temos vindo a discutir no fórum sobre a Substituição dos Alpha-jet (http://http).

Cumprimentos,

E assim já se rentabaliza o "músculo" qualificando os pilotos oriundos dessas esquadras noutras mais deficitárias e com maior taxa de esforço!
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Janeiro 14, 2013, 07:35:38 pm
Citação de: "Get_It"
Portanto, em 2018 todo o treino seja em asa rotativa e fixa passa a ser feito no estrangeiro, quer em países aliados (Espanha, Brasil, EUA, Canadá) ou em empresas privadas (Canadá, França). Algo conforme já temos vindo a discutir no fórum sobre a Substituição dos Alpha-jet (http://http).

Mas porquê, isso é uma inevitabilidade? Que eu saiba não.
Título: Re: Aviões e helicópteros da Força Aérea têm de ser substitu
Enviado por: Lightning em Janeiro 15, 2013, 01:04:16 am
Citação de: "Get_It"
Citar
Aviões e helicópteros da Força Aérea têm de ser substituídos em 2018

O chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA), José Pinheiro, afirmou esta terça-feira que os aviões Alpha-Jet e os helicópteros Alouette só são "sustentáveis" até 2018 devido aos anos de operação e terão de ser substituídos.

Portanto, em 2018 todo o treino seja em asa rotativa e fixa passa a ser feito no estrangeiro, quer em países aliados (Espanha, Brasil, EUA, Canadá) ou em empresas privadas (Canadá, França). Algo conforme já temos vindo a discutir no fórum sobre a Substituição dos Alpha-jet (http://http).

Cumprimentos,

Porquê o Canadá? Que eu saiba nunca mandamos ninguém para lá...
Título: Re: Aviões e helicópteros da Força Aérea têm de ser substitu
Enviado por: overlord em Janeiro 15, 2013, 11:52:14 am
Citação de: "Lightning"
Citação de: "Get_It"
Citar
Aviões e helicópteros da Força Aérea têm de ser substituídos em 2018

O chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA), José Pinheiro, afirmou esta terça-feira que os aviões Alpha-Jet e os helicópteros Alouette só são "sustentáveis" até 2018 devido aos anos de operação e terão de ser substituídos.

Portanto, em 2018 todo o treino seja em asa rotativa e fixa passa a ser feito no estrangeiro, quer em países aliados (Espanha, Brasil, EUA, Canadá) ou em empresas privadas (Canadá, França). Algo conforme já temos vindo a discutir no fórum sobre a Substituição dos Alpha-jet (http://http).

Cumprimentos,

Porquê o Canadá? Que eu saiba nunca mandamos ninguém para lá...

Em 2007 quando concorri para navegador o estagio era de 2 anos feito no canada
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Janeiro 30, 2013, 08:21:13 pm
Entretanto, e a respeito do AT-1, o jornal Diário Económico anunciava há poucos dias atrás que já existe acordo entre a ANA Aeroportos e a Força Aérea Portuguesa para que o terminal de Figo Maduro seja integrado no aeroporto da Portela, passando a ser utilizado como o novo terminal de carga aérea dos operadores expresso. O link para a notícia  desapareceu misteriosamente, no entanto para comprovar a veracidade da notícia colocá-lo-ei à mesma.

 :arrow: http://economico.sapo.pt/noticias/acord ... 60958.html (http://economico.sapo.pt/noticias/acordo-entre-ana-e-forca-aerea_160958.html)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Janeiro 31, 2013, 06:20:59 pm
Citar
Curso de Sobrevivência, Evasão, Resistência e Extração
Sobreviver em qualquer tipo de ambiente é o objetivo


Entre os dias 9 e 24 de janeiro o Centro de Treino de Sobrevivência da Força Aérea (CTSFA) ministrou o Curso de Sobrevivência, Evasão, Resistência e Extração “C” (CSERE C) a 17 formandos, 6 dos quais são militares da Marinha Portuguesa.

O Curso de Sobrevivência, Evasão, Resistência e Extração visa a aquisição e treino de táticas, técnicas e procedimentos que dão a um indivíduo ou grupo de indivíduos isolados, as ferramentas necessárias para sobreviver em qualquer ambiente, evitando a sua captura onde exista essa ameaça. Em caso de captura, visa o treino da capacidade de resistência à exploração da informação e, se possível, escapar à situação de cativeiro através de um sistema de extração assistido ou não.

O curso teve início no CTSFA, localizado na Base Aérea Nº6 – Montijo, com componente teórica até ao dia 16 de janeiro e, a partir desse dia, após deslocação para a zona de Penamacor, iniciaram a componente prática do curso.

A componente prática dividiu-se em duas fases distintas, a sobrevivência em ambiente amigável que teve a duração de dois dias e, de seguida, a sobrevivência em território hostil. Nesta última fase os formandos puderam praticar as competências adquiridas em sobrevivência, resistência a interrogatório e métodos de extração em território hostil.

No dia 22 de Janeiro, enquanto decorria a última fase do curso, o 2º Comandante Aéreo, Major-General Amândio Miranda, acompanhado do Diretor de Apoio às Operações, Coronel António Temporão, tiveram a oportunidade de visitar a Base Tática do CTSFA em Penamacor e assistir a alguns exercícios do curso SERE C.

Pelas suas reconhecidas competências e certificação, o CTSFA continua a ser a entidade escolhida por várias Forças Armadas e de Segurança Nacionais e Internacionais para ministrar formação nas diferentes áreas de sobrevivência, garantindo aos participantes a proficiência necessária para sobreviver em qualquer tipo de ambiente no cumprimento das suas missões.

http://www.emfa.pt/www/noticia-246-curs ... e-extracao (http://www.emfa.pt/www/noticia-246-curso-de-sobrevivencia-evasao-resistencia-e-extracao)

PS: Alguém sabe o que quer dizer o "C"? :?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Duarte em Janeiro 31, 2013, 06:51:05 pm
Julgo que há uma versão deste curso para jornalistas. Talvez seja para diferenciar o curso para militares do curso para jornalistas (civis)?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Janeiro 31, 2013, 08:07:25 pm
Citação de: "Duarte"
Julgo que há uma versão deste curso para jornalistas. Talvez seja para diferenciar o curso para militares do curso para jornalistas (civis)?

Neste caso não se aplica dado que o curso foi ministrado somente a militares da Força Aérea e da Marinha. Pergunto-me eu, e penitencio-me por não conhecer a fundo a actividade do CTSFA, se não será meramente o curso "C", isto é, o curso seguinte ao "A" e "B".  :|
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Fevereiro 01, 2013, 01:37:49 am
Citação de: "Charlie Jaguar"
Citação de: "Duarte"
Julgo que há uma versão deste curso para jornalistas. Talvez seja para diferenciar o curso para militares do curso para jornalistas (civis)?

Neste caso não se aplica dado que o curso foi ministrado somente a militares da Força Aérea e da Marinha. Pergunto-me eu, e penitencio-me por não conhecer a fundo a actividade do CTSFA, se não será meramente o curso "C", isto é, o curso seguinte ao "A" e "B".  :mrgreen: , ainda não houve tempo para dar 3 cursos, alias no texto diz que este curso começou no dia 9 de Janeiro, por isso este foi de certeza o 1º do ano, só se no CTSFA usam o "ano escolar", a começar em Setembro e a acabar em Agosto??? Não faço ideia... Mas assim já poderia ser o 3º...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Duarte em Fevereiro 01, 2013, 03:31:56 am
Pensando bem, acho que o tal curso para jornalistas foi no CTOE...  :conf:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Fevereiro 01, 2013, 10:23:38 am
Citação de: "Duarte"
Pensando bem, acho que o tal curso para jornalistas foi no CTOE...  :conf:

Também houve um desses no CTSFA.
Faz sentido ao mesmo tempo que se "oferece" a valência também se faz divulgação!
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Cabeça de Martelo em Fevereiro 01, 2013, 11:14:22 am
Mas há alguma unidade que não tenha dado esses cursos aos jornalistas? :lol:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Março 05, 2013, 11:30:26 pm
60º aniversário da Esquadra 103 - Caracois.

Os Asas de Carvide :lol:  :lol:

Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Março 30, 2013, 01:20:10 pm
Boas caros foristas.

Depois de algum tempo ausente do fórum, houve um tema discutido neste tópico que me despertou a atenção relativo à perda do rasto da avioneta que entrou ilegalmente em território nacional. (Peço desculpas por estar a voltar atrás na discussão)
Em primeiro lugar lembro-me de ter sido feita uma comparação com a FAB devido ao uso por sua parte dos Super Tucanos, relativamente a isto, apenas tenho a dizer q os Super Tucanos devem o seu sucesso na missão de intersecção maioritariamente aos EMB-145 AEW ou R99, visto serem estes que na realidade seguem o rasto das aeronaves (devido ao facto de os super tucanos não possuirem radar pelo menos que eu saiba), assim sendo sem aeronaves AEW não seria viável o uso deste tipo de aeronave apesar de ser o ideal para este tipo de situações. Relativamente ao uso de helicopteros para essa função, para um apanhar uma avioneta, haveria apenas duas possibilidades a meu ver de ser bem sucedida a intersecção; na primeira seria necessário o uso de um heli extremamente rápido, como um Linx (que ninguém se lembrou, e eu sei que são poucos os que temos, mas serve de exemplo) ou algum tipo de héli de ataque, de preferência que pudesse ser equipado com misseis ar-ar (Stinger ou até Sidewinder como os usados por AH-1Z Viper); outra forma seria se fosse possivel prever a rota do avião suspeito de modo a que o heli fosse de encontro ao mesmo.
 A forma mais viável, do meu ponto de vista, para ajudar nestas situações seria a aquisição mais do que justificada de aeronaves AEW&C, e, desculpem a expressão, não me venham com tretas de que são aeronaves muito caras até porque o que não falta são opções, novas ou em segunda-mão, deste tipo de aeronaves por aí à venda. O meio que executaria a intersecção propriamente dita seria dependente dos casos.

Uma coisa que acho estranho ninguém se ter lembrado é no caso de os "infractores" utilizarem um helicoptero em vez de uma avioneta, aí é que a tarefa de intersecção por parte de um F-16 seria realmente complicada.

Para terminar, com esta conversa toda lembrei-me de uma coisa chamada de V-22 Osprey  c34x

Cumprimentos e desculpem pelo post longo.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Março 30, 2013, 05:28:45 pm
Ainda não tem radar mas está a caminho disso... :mrgreen:

http://www.aereo.jor.br/2013/03/21/radar-para-o-super-tucano/

Saudações
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Março 31, 2013, 12:17:46 am
Citação de: "dc"
A forma mais viável, do meu ponto de vista, para ajudar nestas situações seria a aquisição mais do que justificada de aeronaves AEW&C, e, desculpem a expressão, não me venham com tretas de que são aeronaves muito caras até porque o que não falta são opções, novas ou em segunda-mão, deste tipo de aeronaves por aí à venda. O meio que executaria a intersecção propriamente dita seria dependente dos casos.

Os Radares da Força Aérea não tiveram nenhum problema em detectar e orientar os F-16 até à avioneta, por isso os aviões AEW não são precisos para nada, já pensou que o Brasil tem esses aviões porque é um pais demasiado grande para cobrir todo esse territorio com uma rede de radares terrestres? E fica-lhes mais barato possuir uma patrulha regular de aviões AEW?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Abril 30, 2013, 12:09:05 am
Não é um boa noticia, mas acho importante mostrar que apesar do empenho e sacrifício, nem sempre há finais felizes, ainda se morre no mar. Quem anda no mar não deve facilitar porque o mar não facilita, e as missões recentes são prova disso, RIP aos que o mar levou.

Citar
Buscas ao Veleiro Francês GRAIN DE SOLEIL

Entre os dias 25 e 27 de abril a Força Aérea empenhou dois meios aéreos, o C-295M e o P-3C ORION, para as ações de busca e salvamento ao veleiro francês “GRAIN DE SOLEIL”, com três tripulantes a bordo, que emitiu um alerta de socorro a 1260 quilómetros de Ponta Delgada, ilha de São Miguel.

Após a solicitação do Centro de Busca e Salvamento Marítimo de Ponta Delgada e assim que estiveram reunidas as condições para as buscas descolou no dia 25 pelas 09H55 da Base Aérea Nº4, nas Lajes, um C-295M pertencente à Esquadra 502 para a zona de operações, onde permaneceu até ao final do dia.

No dia 26 juntaram-se aos meios já existentes (navegação mercante e C-295M) uma aeronave P-3C ORION, pertencente à Esquadra 601, vinda da Base Aérea de Beja, com capacidade superior de patrulhamento marítimo, e uma aeronave FALCON 50 francesa, voluntariamente cedida pelo MRCC Gris-Nez, de França. Como resultado das buscas foram detetados destroços a cerca de 85 quilómetros a sul da posição inicial de alerta.

As buscas ativas prosseguiram até ao pôr do sol do dia 27 com o P3-C, que sobrevoou toda a área de busca durante 10H00.

A Força Aérea totalizou nesta missão cerca de 22h55 de voo com a aeronave C-295 M e cerca de 20H20 com a aeronave P-3C ORION.

http://www.emfa.pt/www/noticia-298-busc ... -de-soleil (http://www.emfa.pt/www/noticia-298-buscas-ao-veleiro-frances-grain-de-soleil)


Citar
Helicóptero ALOUETTE III em missão de busca e salvamento

Nos dias 27 e 28 de abril, um helicóptero ALOUETTE III (ALIII) pertencente ao Destacamento da Esquadra 552 no Aeródromo de Manobra Nº1 (AM1), em Ovar, foi acionado para uma missão de busca e salvamento a um tripulante solitário da embarcação de pesca local “ANA LÍDIA”, na zona da Foz do Rio Minho, junto à praia de Moledo.

Em conjunto com os meios marítimos e terrestres, nacionais e espanhóis, o ALIII efetuou no primeiro dia 6H25 de voo na zona de operações, tendo sido detetada a embarcação debaixo de água mas sem sinal do tripulante, um indivíduo de nacionalidade portuguesa e 46 anos de idade.

A tripulação do ALIII prosseguiu as buscas no dia 28, quer na altura da baixa-mar quer na altura de preia-mar, junto às margens da Foz do Rio Minho para sul, efetuando no total 4H20 de voo.

Desde 1978 a operar o helicóptero ALIII, a Esquadra 552 mantém em prontidão máxima o destacamento permanente de um helicóptero no AM1 para as missões de Busca e Salvamento na zona norte do país, sendo a tripulação composta por um piloto, um operador de sistemas e um recuperador-salvador.

http://www.emfa.pt/www/noticia-299-heli ... salvamento (http://www.emfa.pt/www/noticia-299-helicoptero-alouette-iii-em-missao-de-busca-e-salvamento)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Maio 22, 2013, 06:17:39 pm
Um terço dos aviões da Força Aérea não voa


Um em cada três aviões da Força Aérea não voa. Os constrangimentos orçamentais da Força Aérea têm obrigado à diminuição da sua actividade operacional.
De acordo com o Relatório de Gestão de 2012, a que o SOL teve acesso, estes militares voaram 14.972 horas, o que significa menos 22% do que no ano anterior. Em termos de combustíveis, representou um gasto de 22,9 milhões de euros.

Segundo a Força Aérea, esta diminuição de horas de voo tem «consequências graves na regeneração das tripulações e nas suas qualificações».

O documento precisa que apenas 68% dos aviões estão disponíveis e operacionais, o que significa que, em três aeronaves, apenas duas estão em condições de serem utilizadas. Isto deve-se à idade dos aviões e aos elevados custos de manutenção.

Lusa
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Junho 19, 2013, 11:04:27 pm
Citar
MINISTÉRIO DA DEFESA NACIONAL
Gabinete do Ministro
Despacho n.º 7850/2013
Considerando que o European Air Trainning Center (EATC) em Beja
na BA11 configura um projeto dinamizador da economia local com um
elevado impacto no desenvolvimento económico nacional;
Considerando que com a implementação do EATC se reafirma a necessidade de se investir em Cooperação – Pooling & Sharing ou Smart
Defense – catalisando Portugal para futuros projetos neste âmbito;
Considerando que o EATC visa formar e treinar pilotos, valorizando
as condições existentes na BA11 e na Força Aérea;
Considerando igualmente a necessidade de se obter uma visão integrada de todas as matérias relacionadas com este projeto;
Considerando, ainda, neste âmbito, a necessidade em aprovar e assinar
a Letter of Intent (LOI) de modo a dar continuidade ao projeto em causa;
Atento o anteriormente exposto, e verificando -se não existirem aspetos normativos e financeiros que justifiquem a inviabilidade da sua
aprovação pelo Estado:
1. Aprovo, nos termos do disposto no artigo 14.º, n.º 3, alínea f) da
Lei Orgânica n.º 1 -B/2009, de 7 de julho, o texto da minuta da Letter
of Intent que me foi submetida pelo Diretor -geral de Armamento e Infraestruturas de Defesa, podendo ser alterada a designação do projeto
de European Air Trainning Center para Air Trainning Center Europe,
conforme indicado na informação submetida;
2. Delego, no Diretor -geral de Armamento e Infraestruturas de Defesa, Major -General Manuel de Matos Gravilha Chambel, e no Chefe
do Estado -Maior da Força Aérea, General José António de Magalhães
Araújo Pinheiro, com faculdade de subdelegação, a outorga da Letter of
Intent referente ao projeto European Air Trainning Center, nos termos do
disposto nos artigos 35.º a 40.º do Código do Procedimento Administrativo, aprovado pelo Decreto -Lei n.º 442/91, de 15 de novembro, alterado
pelo Decreto -Lei nº 6/96, de 31 de janeiro, Decreto -Lei nº 18/2008, de
29 de janeiro, e Lei nº 30/2008, de 10 de julho, e nos termos do disposto
no artigo 9.º da Lei n.º 2/2004, de 15 de janeiro, alterada e republicada
pela Lei n.º 64/2011, de 22 de dezembro;
3. Mais determino que seja articulado com o AICEP a indicação de
um interlocutor desta entidade que assuma, desde o início, o acompanhamento da implementação do presente projeto, devendo igualmente
manter -se o acompanhamento do projeto pela DGPDN.
28 de maio de 2013. — O Ministro da Defesa Nacional, José Pedro
Correia de Aguiar -Branco.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Junho 30, 2013, 09:42:16 pm
Cortes degradam capacidade de resposta da Força Aérea, diz Chefe do Estado-Maior


Os cortes estão a degradar a capacidade de resposta da Força Aérea (FA), disse no domingo em Leiria o Chefe de Estado-Maior daquele ramo das Forças Armadas, que pediu uma intervenção urgente do ministro da Defesa Nacional, Aguiar-Branco.

“Face à evolução dos orçamentos atribuídos desde 2010 temos vindo a reduzir significativamente as horas de voo efetuadas, cerca de 36% em dois anos, a prontidão das aeronaves, ações de formação e qualificação e a manutenção das infraestruturas”, sublinhou José Pinheiro durante uma cerimónia militar que assinalou o 61º aniversário da FA.

“Desta realidade resulta uma degradação da resposta do ramo que temos conseguido mitigar, mas que limita as opções possíveis para manter o nível de empenho e proporcionar a necessária experiência de voo aos mais novos de modo a alimentar as esquadras de voo e a regenerar o potencial humano”, concluiu o general.

O responsável máximo da FA adiantou que “no que respeita às aeronaves, a paragem motivada pela incapacidade financeira para suportar ações de manutenção obrigatórias, implica menor disponibilidade de meios que, em algumas frotas, pode já num prazo relativamente curto afetar a capacidade do ramo”.

Razão pela qual, acrescentou, “urge, portanto, senhor ministro, encontrar soluções que permitam minorar esta limitação”.

Por outro lado, salientou ainda, “também a redução das horas de voo, fruto dos imperativos orçamentais, obrigou à retirada de voo de alguns pilotos e ao atraso e mesmo paragem da qualificação de outros” operacionais.

Uma situação que, “a manter-se, dificultará a possibilidade da FA manter a prazo a regeneração das tripulações, característica essencial do ramo, situação agravada pela permanente concorrência do mercado aeronáutico civil e para a qual poderemos não ter capacidade imposta”, frisou o Chefe de Estado-Maior da Força Aérea.

A Força Aérea Portuguesa, que foi constituída como ramo independente das Forças Armadas a 01 de julho de 1952, está a assinalar o seu aniversário desde sexta-feira com diversas atividades em Leiria, exposições temáticas e de fotografia, uma cerimónia militar e dois concertos pela Banda de Música da Força Aérea.

Lusa
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Julho 01, 2013, 11:56:08 am
Lei da rolha?  :arrow: http://www.ionline.pt/artigos/portugal/ ... -cerimonia (http://www.ionline.pt/artigos/portugal/aguiar-branco-chefe-da-forca-aerea-trocam-criticas-cerimonia)[/quote]
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: typhonman em Julho 01, 2013, 05:51:52 pm
Podia-se demitir também o Aguiar, não dá uma para a caixa.... coitado ....  :new_argue:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Julho 01, 2013, 07:02:55 pm
Citação de: "typhonman"
Podia-se demitir também o Aguiar, não dá uma para a caixa.... coitado ....  :new_argue:

Coitado? Esse senhor, que se dá muitos ares por ter um escritório, ou melhor, uma sociedade de advocacia em seu nome, pensa que é quem para se dirigir desta forma a um dos militares mais conhecidos, capazes e conceituados da Força Aérea Portuguesa, isso já para não citar o óbvio, actual chefe do ramo? Ser Ministro da Defesa não o intitula a proferir coisas como: "Acredito que é da cultura de todos os chefes e da boa estratégia militar que as vulnerabilidades das Forças Armadas e da Defesa Nacional não devam ser ecoadas no palco da discussão pública". Eu já nem vou falar da deselegância e falta de educação (e cortesia) de Aguiar-Branco ao proferir estas declarações durante as comemorações do próprio Dia da Força Aérea, algo que, além de eu considerar um insulto ao CEMFA, foram também um claro aviso a todos os restantes que mais ecos de descontentamento e dificuldades no seio da instituição militar não serão para ser conhecidos cá fora, por muito crítica que a situação se esteja a tornar nos três ramos.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Julho 01, 2013, 08:10:28 pm
Citação de: "Charlie Jaguar"
Citação de: "typhonman"
Podia-se demitir também o Aguiar, não dá uma para a caixa.... coitado ....  :new_argue:

Coitado? Esse senhor, que se dá muitos ares por ter um escritório, ou melhor, uma sociedade de advocacia em seu nome, pensa que é quem para se dirigir desta forma a um dos militares mais conhecidos, capazes e conceituados da Força Aérea Portuguesa, isso já para não citar o óbvio, actual chefe do ramo? Ser Ministro da Defesa não o intitula a proferir coisas como: "Acredito que é da cultura de todos os chefes e da boa estratégia militar que as vulnerabilidades das Forças Armadas e da Defesa Nacional não devam ser ecoadas no palco da discussão pública". Eu já nem vou falar da deselegância e falta de educação (e cortesia) de Aguiar-Branco ao proferir estas declarações durante as comemorações do próprio Dia da Força Aérea, algo que, além de eu considerar um insulto ao CEMFA, foram também um claro aviso a todos os restantes que mais ecos de descontentamento e dificuldades no seio da instituição militar não serão para ser conhecidos cá fora, por muito crítica que a situação se esteja a tornar nos três ramos.

Dá-me uma certa piada ao ouvir o Aguiar Branco, "boy do PSD" que se vendeu (depois de derrotada para a presidência do PSD por Passos Coelho) pelo ministério da defesa (para azar das F.A. Portuguesas) sobretudo quando fala de defesa nacional. Já tivemos navios "oceânicos", denuncia de contratos de defesa aos potes (ou não tenha o senhor o tal escritório de advogados no Porto e em Bordeus) e a venda dos f-16 aos romenos (e ainda não foram os patrulhões e os Lynx porque pediram muito dinheiro aos Uruguaios). Mas como o Sr. Ministro é um "verbo de encher" ainda nos prendou com um discurso patetico e insipido de um politiquenho lembe botas que com o tipico "quero, posso e mando" acha que as dificuldades militares devem ser ignoradas a bem de uma politica e de uns politicos que têm conduzido o pais ao caos económico com 10,5% de deficit em plena austeridade. MAs já que o ex.mo "pedaço de ministro" ficou melindrado com as palavras verdadeiras de quem se vê com menos homens, menos dinheiro e até menos aviões a cada dia que passa, gostava de saber o que tão patriótico ministro justifica para a titulo de exemplo no dia da comemoração dos 50 anos de Al III estar no seu escritório a despachar a papelada ao contrário do CEMFA e da copula da FAP que respeitosamente esteve presente durante a cerimónia? O porque da escolha de outra politica perdedora para secretária de estado da defesa? O porque de apenas o contrato dos c-295 ter sido cumprido? Ou será que todas questões, que aos contribuintes e às F.A. também dizem respeito, também devem ser discutidas em privado?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Agosto 06, 2013, 11:21:23 pm
Citar
Manutenção de aviões de treino da Força Aérea custa 1,8 milhões até 2017

Por Agência Lusa
publicado em 22 Jul 2013

A manutenção dos sistemas de ejeção dos aviões de treino Alpha Jet, da Força Aérea Portuguesa, vai custar 1,8 milhões de euros entre 2014 e 2017, refere uma portaria assinada pelos ministros da Defesa e das Finanças. O diploma, assinado em abril por José Pedro Aguiar-Branco, ministro da Defesa, e Vítor Gaspar, então ainda ministro de Estado e das Finanças, e publicado em julho em Diário da República, autoriza "a celebração de contratos plurianuais para aquisição de componentes para os sistemas de ejeção das aeronaves, compradas em 1993 à Alemanha".

No total, a Força Aérea gastará 1,8 milhões de euros até 2017 (450 mil euros distribuídos por cada ano) nos Alpha Jet (atualmente menos de uma dezena em operação), que estão integrados na Esquadra 103 e servem para treinar os futuros pilotos dos caças F-16. A portaria do Governo refere que esta aquisição da Força Aérea visa "assegurar a operacionalidade da frota Alpha Jet" e que "a aquisição, em tempo oportuno, de componentes para os sistemas de ejeção destas aeronaves é indispensável".

 :arrow: http://www.ionline.pt/artigos/dinheiro/ ... lhoes-2017 (http://www.ionline.pt/artigos/dinheiro/manutencao-avioes-treino-da-forca-aerea-custa-18-milhoes-2017)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Agosto 23, 2013, 11:54:08 am
Citar
F-16 participam em exercício NATO
Treino e aprontamento para missões da NRF

19.08.2013

A Força Aérea Portuguesa vai participar, entre os dias 25 de agosto e 6 de setembro, no exercício aéreo da NATO – Brilliant Arrow 2013 (BAW13) – que terá lugar em Oerland, na Noruega. Este exercício, organizado pelo Allied Air Command da NATO, conta com a participação de dez nações, Alemanha, França, Grécia, Holanda, Itália, Noruega, Polónia, Portugal, Reino Unido e Turquia e envolve 50 aeronaves militares e 800 participantes. A participação portuguesa é constituída por cinco caças F-16 e 50 militares das aéreas de operações, manutenção e apoio. O objetivo do BAW13 é preparar as forças aéreas aliadas, em ambientes desafiantes e num treino integrado, para potenciais missões enquanto Forças de Reação da NATO (NRF).

Consulte aqui http://www.baw13.hq-aircom.de/index.html a página oficial do exercício.

 :arrow: http://www.emfa.pt/www/noticia-368 (http://www.emfa.pt/www/noticia-368)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Setembro 12, 2013, 04:40:33 pm
Citar
Missão cumprida no exercício Brilliant Arrow 2013
Forças treinam no âmbito da Nato Response Force

09.09.2013

Terminou - no passado dia 6 de setembro de 2013 - o exercício Brilliant Arrow 2013 - em Orland, Noruega - no qual a Força Aérea Portuguesa (FAP) participou com cinco aeronaves F-16 e um contingente de 50 militares. Com a participação neste exercício, os F-16 portugueses foram certificados  para integrarem a Força de Resposta da NATO (NRF) 2014. Ao todo, foram efetuadas 72 saídas, sem um único cancelamento.

Foram dez dias de exercício com a participação de dez países NATO (Portugal, Noruega, Alemanha, França, Grécia, Holanda, Itália, Polónia, Reino Unido e Turquia), num total de 534 missões aéreas no âmbito do programa NRF. Ao longo deste período, militares da FAP ligados a diversas áreas (manutenção, logística, operações, comunicações, etc.) colocaram em prática e treinaram procedimentos de trabalho inerentes a este tipo de exercício, o que permite uma melhor preparação e capacidade de resposta para diferentes teatros de operações.

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.emfa.pt%2Fwww%2Fconteudos%2Fgaleria%2Fnoticias%2F2013%2Fagosto%2Fmissao-cumprida-no-brilliant-arrow%2Ff16not5_244.jpg&hash=a7001fef629fefdc184956a840274363)

 :arrow: http://www.emfa.pt/www/noticia-379-miss ... arrow-2013 (http://www.emfa.pt/www/noticia-379-missao-cumprida-no-exercicio-brilliant-arrow-2013)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Menacho em Outubro 05, 2013, 11:03:56 pm
Visit of Defence Minister of Portugal to the Portuguese detachment deployed in Malaga Air Base

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg28.imageshack.us%2Fimg28%2F8952%2Fdgms.jpg&hash=46468ab12f06cb1724e3d51c3a580ed6)
Reception of the Defense Minister and the Chief of the Portuguese Air Force by the Chief of the Malaga Air Base


(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg94.imageshack.us%2Fimg94%2F8868%2Fy1lf.jpg&hash=94a7bc4165b7c043cc986656c0dad246)
Address by the Portuguese defense minister after the briefing of "Operation Indalo"

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg856.imageshack.us%2Fimg856%2F3042%2Faaeg.jpg&hash=d221358510870ff0188aa8c9ef11c6a3)

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg29.imageshack.us%2Fimg29%2F6794%2Fvn8l.jpg&hash=2a468c9eab64a471d5917aa871ccec2f)

Gracias a frostílicus
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Outubro 12, 2013, 04:03:45 pm
Talvez tenha passado despercebido a alguns, mas no final do mês passado houve mais um nascimento a bordo de uma aeronave da FAP nos Açores.  :D

Citar
Bebé nasce a bordo de helicóptero da Força Aérea

29-09-2013

Chama-se Lázaro e não quis esperar que a mãe chegasse ao hospital. Em causa está o bebé nasceu a bordo de um helicóptero da Força Aérea Portuguesa nos Açores. O parto ocorreu na madrugada de sábado, às 4.55 horas locais e foi realizado pela equipa médica da Unidade de Evacuações Aéreas do Hospital de Santo Espírito da Ilha Terceira. A mãe estava a ser transportada num EH-101 MERLIN da Força Aérea da Graciosa para a Terceira quando Lázaro decidiu que tinha chegado a sua hora: nasceu a bordo.

Em comunicado a Força Aérea explica que Lázaro é o 31.º bebé a nascer numa aeronave militar nos Açores, desde 1999, quando nasceu o primeiro, num C-212 AVIOCAR, e o segundo a nascer nestas condições em 2013. Assim que aterrou na ilha de S. Miguel e estabilizada, a mãe e o rebento foram transportados para a unidade hospitalar local.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Outubro 12, 2013, 04:07:51 pm
Citar
Sociedade
Força Aérea cede avião ao Centro de Ciência Viva de Constância

A Força Aérea Portuguesa (FAP) vai ceder um avião a jacto modelo Lockheed T-33 T-Bird para instalar no Centro de Ciência Viva de Constância. O contrato assinado na quinta-feira, 26 de Setembro, entre a Câmara Municipal de Constância e a FAP prevê que a aeronave seja utilizada única e exclusivamente para fins de exposição e divulgação científica.

A instalação da aeronave vai permitir um conjunto de outras actividades nomeadamente a abordagem do tema “voo”, com especial incidência no princípio de Bernoulli e nas manobras de direcção e de altitude de um avião em plena operação, explica a autarquia de Constância em comunicado.

A escolha do modelo de avião decorreu não só das disponibilidades da Força Aérea Portuguesa mas também por razões históricas, dado que esse foi o primeiro tipo de avião a jacto a operar na vizinha Base Aérea de Tancos.

 :arrow: http://semanal.omirante.pt/index.asp?id ... on=noticia (http://semanal.omirante.pt/index.asp?idEdicao=620&id=94704&idSeccao=10765&Action=noticia)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Menacho em Outubro 15, 2013, 09:28:10 pm
The Russian Federation takes an observation flight over Portuguese and Spanish territory in accordance with the provisions of the Open Skies Treaty

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg268.imageshack.us%2Fimg268%2F871%2Fnzqs.jpg&hash=e8dc1eb530aa2bf6a90b7df1aa591185)

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg14.imageshack.us%2Fimg14%2F1030%2Fba9s.jpg&hash=af31181831126f5d64862d4dd9d7a6c6)

http://www.defensa.gob.es/ooee/emad/not ... ertos.html (http://www.defensa.gob.es/ooee/emad/noticias/notasInfo/2013/10/131014-uve-cielos-abiertos.html)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Menacho em Outubro 16, 2013, 07:41:00 pm
El Jefe de Fuerza Aérea lusa condecorado con la Gran Cruz del Mérito Aeronáutico

Citar
El Jefe del Estado Mayor de la Fuerza Aérea Portuguesa, el general José Antonio de Magalhaes Araujo Pinheiro, ha sido condecorado con la Gran Cruz del Mérito Aeronáutico. La residencia del embajador de España en Portugal, Eduardo Junco, fue el escenario de la ceremonia de imposición de esta condecoración "que Su Majestad el Rey de España, a propuesta del ministro de Defensa español, ha concedido al Excelentísimo Señor General Piloto Aviador", según informó la embajada española en la capital lusa.

El acto ha contado con la presencia del ministro de Defensa portugués, José Pedro Aguiar-Branco, y el Jefe del Estado Mayor de la Fuerza Aérea de España, el General del Aire, Francisco García Arnaiz, que fue el encargado de imponer la condecoración.

Esta condecoración, dijo García Arnaiz, ha sido concedida como muestra de la amistad y la proximidad con Portugal, "un país vecino, amigo y aliado".

El general portugués condecorado subrayó, por su parte, que esto representa "el reconocimiento de España a la fuerza aérea portuguesa" y el interés de los dos países por que las "excelentes" relaciones bilaterales sean aún mejores. A la ceremonia también han asistido los Jefes de Estado Mayor del Ejército de Tierra, de la Armada y de la Defensa de Portugal, altos mandos de la Fuerza Aérea y otras autoridades e invitados especiales, tanto de Portugal como de España.

http://www.ateneadigital.es/RevistaAten ... 51_ESP.asp (http://www.ateneadigital.es/RevistaAtenea/REVISTA/articulos/GestionNoticias_15251_ESP.asp)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Outubro 18, 2013, 02:11:54 am
A mesma noticia em Portugal  :G-beer2:

Citar
Chefe do Estado-Maior do Ejército del Aire visita FAP

O Chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA) - General José António de Magalhães Araújo Pinheiro - recebeu, nos dias 14 e 15 de outubro, a visita do seu homólogo espanhol o Chefe do Estado-Maior do Ejército del Aire (JEMA) - General del Aire Don F. Javier García Arnaiz.

No primeiro dia, o JEMA e a sua comitiva foram recebidos com honras militares no Estado-Maior da Força Aérea e após esta breve cerimónia encontraram-se com o CEMFA para cumprimentos entre comitivas e briefing. Depois, iniciaram a visita pelas Unidades da Força Aérea Portuguesa (FAP), com a ida ao Comando Aéreo (Monsanto) e ao Centro de Operações Aéreas. De seguida, visitaram a Base Aérea n.º 1, Sintra, onde o JEMA assinou o Livro de Honra da FAP. Em Sintra, houve também uma visita ao Museu do Ar e à Academia da Força Aérea.

No segundo e último dia, a visita começou com uma viagem entre o Aeródromo de Trânsito n.º 1, Figo Maduro, e a Base Aérea n.º 5 (BA5), Monte Real, onde o JEMA conheceu algumas das capacidades do sistema de defesa aérea nacional e assinou o Livro de Honra da BA5. À tarde, as comitivas dirigiram-se à Embaixada de Espanha em Portugal (Lisboa), onde foram recebidos pelo Embaixador de Espanha - D. Eduardo Junco - e se encontraram com o Ministro da Defesa Nacional - José Pedro Aguiar-Branco -, o Chefe do Estado-Maior General das Forças Armadas - General Luís Evangelista Esteves de Araújo -, o Chefe do Estado-Maior da Armada - Almirante José Saldanha Lopes - e o Chefe do Estado-Maior do Exército - General Artur Neves Pina Monteiro. Na Embaixada de Espanha, o JEMA condecorou o CEMFA com a Grã-Cruz de Mérito Aeronáutico com distintivo branco.

A visita do JEMA à FAP contribuiu para o já estreito relacionamento entre os dois países da Península Ibérica, neste caso ao nível da Defesa.

http://www.emfa.pt/www/noticia-408-chef ... visita-fap (http://www.emfa.pt/www/noticia-408-chefe-do-estado-maior-do-ejercito-del-aire-visita-fap)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Novembro 17, 2013, 11:52:40 pm
Citação de: "Charlie Jaguar"
Citar
Sociedade
Força Aérea cede avião ao Centro de Ciência Viva de Constância

A Força Aérea Portuguesa (FAP) vai ceder um avião a jacto modelo Lockheed T-33 T-Bird para instalar no Centro de Ciência Viva de Constância. O contrato assinado na quinta-feira, 26 de Setembro, entre a Câmara Municipal de Constância e a FAP prevê que a aeronave seja utilizada única e exclusivamente para fins de exposição e divulgação científica.

A instalação da aeronave vai permitir um conjunto de outras actividades nomeadamente a abordagem do tema “voo”, com especial incidência no princípio de Bernoulli e nas manobras de direcção e de altitude de um avião em plena operação, explica a autarquia de Constância em comunicado.

A escolha do modelo de avião decorreu não só das disponibilidades da Força Aérea Portuguesa mas também por razões históricas, dado que esse foi o primeiro tipo de avião a jacto a operar na vizinha Base Aérea de Tancos.

 :wink:
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi279.photobucket.com%2Falbums%2Fkk144%2FHSMW%2FViat%2FDSC00744_zps7ecfa5e4.jpg&hash=0cafd8145f7aa8ae9f417ec371b8e13e) (http://http)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi279.photobucket.com%2Falbums%2Fkk144%2FHSMW%2FViat%2FDSC00767_zpsd143a814.jpg&hash=c709d77f08ae43fd8d682ef1b329ab21) (http://http)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi279.photobucket.com%2Falbums%2Fkk144%2FHSMW%2FViat%2FDSC00773_zps502a6410.jpg&hash=e2bcf1a75179a56b4e03f15e6b83bf24)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi279.photobucket.com%2Falbums%2Fkk144%2FHSMW%2FViat%2FDSC00777_zps8fe8de00.jpg&hash=4cb92254e4e575937f8125dd595eab26) (http://http)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi279.photobucket.com%2Falbums%2Fkk144%2FHSMW%2FViat%2Ffotos_aviatildeo010_zpsfedb377e.jpg&hash=4919fe3d2e6e17bf97593f4e2f74d774) (http://http)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi279.photobucket.com%2Falbums%2Fkk144%2FHSMW%2FViat%2FDSC00797_zpse73e952c.jpg&hash=cb973fe7b8b16a71982387d5119e3868) (http://http)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi279.photobucket.com%2Falbums%2Fkk144%2FHSMW%2FViat%2FDSC00836_zps320b37b8.jpg&hash=ff6147b8ecabe31c52d1efe539462179) (http://http)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi279.photobucket.com%2Falbums%2Fkk144%2FHSMW%2FViat%2FDSC00800_zpsd0e3df1b.jpg&hash=091877127db89bb58f5204ded68c295a) (http://http)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi279.photobucket.com%2Falbums%2Fkk144%2FHSMW%2FViat%2FDSC00817_zps539d5c7e.jpg&hash=6677cd85d445aa592df05aa003c5e8c0) (http://http)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Novembro 18, 2013, 01:05:24 am
Citação de: "HSMW"
Com a enorme participação do Exército e RTransp...  :G-beer2: , também tem que ser reconhecido.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: jurista em Dezembro 08, 2013, 05:15:30 pm
http://www.jn.pt/PaginaInicial/Sociedad ... id=3576092 (http://www.jn.pt/PaginaInicial/Sociedade/Interior.aspx?content_id=3576092)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Dezembro 08, 2013, 06:01:56 pm
Citação de: "jurista"
http://www.jn.pt/PaginaInicial/Sociedade/Interior.aspx?content_id=3576092
É vira o disco e toca o mesmo. As medidas tomadas à uns anos não foram suficientes e também não aparenta os políticos terem interesse de se chegar à frente e resolver o problema.
Citar
Sem avançar números totais, José Pinheiro adiantou que nos "últimos meses" saíram sete pilotos e confirmou que a esquadra mais afectada é a dos helicópteros.
É da maneira não há mesmo combate aos incêndios pela FAP e que mais cedo uns iluminados quaisquer se lembram de seguir o exemplo do Reino Unido e privatizar a busca e o salvamento.

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Dezembro 08, 2013, 07:35:28 pm
Sempre a mesma conversa da falta de pilotos...Têm poucos a "voar" nas secretárias, afastados da atividade operacional....
Pilotos não faltam, faltam é pilotos com a experiência devida, ou seja, as saídas terão sido de pilotos com a qualificação de pilotos comandantes e obviamente esses serão os mais experientes e mais qualificados.
Os que permanecem ou não atingiram ainda as qualificações necessárias devido aos cortes orçamentais que reduziram as horas de vôo por frota ou têm a vida estabilizada e não vêem mais valias na saída das fileiras. Ou querem chegar a general...
Get_it descansa que apesar da FAP em si para já não estar no combate aos incêndios (exceptuando missões de vigilância) tens pilotos da FAP nos tempos livres a participar ativamente nessa acção.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: JQT em Dezembro 11, 2013, 01:06:46 am
Gosto muito da pintura deste tractor Volvo: brilhante, reflectora, alegre, refrescante, enfim... moderna. Acho que o IN irá gostar ainda mais. Quem disse que os veículos tácticos devem ter pintura fosca? Isso é já não se usa, é ultrapassado. Isso é do tempo em que os exércitos treinavam-se para a guerra.(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi279.photobucket.com%2Falbums%2Fkk144%2FHSMW%2FViat%2Ffotos_aviatildeo010_zpsfedb377e.jpg&hash=4919fe3d2e6e17bf97593f4e2f74d774) (http://http)

JQT
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: papatango em Dezembro 11, 2013, 12:53:19 pm
Na verdade, trata-se de um avanço muito significativo por parte de Portugal.
Neste momento os sistemas de mísseis já possuem ogivas inteligentes capazes de diferenciar entre viaturas militares com cores opacas e anti-refletoras e viaturas civis brilhantes e resplandecentes, que não são alvos militares.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Dezembro 11, 2013, 11:11:19 pm
Voltando ao assunto, o alerta do CEMFA acerca da nova sangria de pilotos na FAP, eis a propósito disso uma notícia publicada hoje no "Jornal da Madeira".

Citar
Pilotos ganham 1.500 euros e saem para ganhar cinco vezes mais no Irão

Helicóptero no Porto Santo pode ficar sem comandante

PUBLICADO NA EDIÇÃO IMPRESSA | Quarta-Feira, 11 de Dezembro de 2013 | Por Cristina Costa e Silva

A saída de pilotos comandantes da Força Aérea Portuguesa pode deixar sem comandante de helicóptero o Destacamento Aéreo da Madeira. Cada vez mais, desde que os cortes nos salários se fizeram sentir por força das exigências da Troika, o lote de comandantes, especialmente da Esquadra 751, está a ficar mais pequeno. O Chefe do Estado Maior da Força Aérea tem vindo a repetir que a situação está a chegar aos limites e este fim de semana avisou mesmo que esse limite está cada vez mais próximo. José Pinheiro não tem tido soluções para contornar a saída de pilotos e, particularmente na “751”, de onde saíram 5 pilotos-comandantes nos últimos meses, a saída vai ser difícil de encontrar, até porque, por força dos cortes, a Força Aérea não tem horas suficientes para os 15 co-pilotos voarem o suficiente para se qualificarem como comandantes.

O cenário é de tal ordem negro que cada um dos comandantes dos “Pumas” está a voar um quarto do que deveria. Como não há dinheiro para treinos, porque o EH101 “Merlin” só dispõe de 1750 horas para operar, os pilotos têm de dividir essas horas entre si, cabendo, em média, 116 horas por ano a cada um para voar. A qualificação nunca é inferior a 400/500 horas, o que significa que para um co-piloto estar em condições de ser promovido terá de esperar, na melhor das hipóteses, quatro anos e, por outro lado, ter quem lhe dê formação.

A Força Aérea não tem condições de esperar esse tempo, quando uma lei permite que os militares saiam ao fim de doze anos de vínculo para o mercado que lhes paga bem mais do que o que o Estado lhes dá para os manter nos quadros. Há comandantes a receber 1500 euros limpos por mês, recebendo 4 euros por dia para estar quinze dias destacado no Porto Santo ou nos Açores, um total de 60 euros por cada destacamento. A juntar a isso, também sem retribuição, há os alertas na Base Aérea  do Montijo, em média 3 por mês, pelos quais não recebem nada.


Vir de Falcon ou “fugir” do país

Os cortes dos salários são de tal ordem que os pilotos obrigam-se a procurar alternativas. No caso da Esquadra 751, o caso torna-se pior do que os da Esquadra 502, que opera os aviões C-295M. É que os pilotos dos helicópteros não têm apenas mercado nesses aparelhos, têm também a opção “Médio Oriente” cada vez mais como uma solução. Há casos de comandantes que sairam para ganhar, no Irão, 7.500 euros mensais, trabalhando 28 dias e descansando os 28 seguintes. É duro, dizem, mas recebem cinco vezes mais do que se estiverem numas Forças Armadas cada vez menos atractivas.

A situação não é recente. Sempre sairam pilotos para a aviação comercial, mas agora não há suficiente orçamento para pôr os que ficam a voar o mínimo. Os cortes, sem olhar a prioridades, atiram para a frente uma solução que urge ser tomada com medidas que não passem pelo prolongamento do tempo de permanência nos quadros, porque os pilotos podem sempre pagar para sair antes desse prazo.

Daqui a uns dias, pode o Porto Santo ficar sem comandante. Há quatro anos, a ilha ficou todo o Verão sem o helicóptero e toda a tripulação, por causa da saída de pilotos. Um dos cenários que pode vir a ser seguido passa por manter o comandante no Montijo e, em caso de emergência, transportá-lo de “Falcon” para o Porto Santo, mas a medida, quando se trata de salvar vidas, torna-se impraticável e quanto a custos, é exorbitante.  Isto, claro, se o Falcon não estiver a transportar órgãos ou os membros da Presidência da República ou do Governo.

Por enquanto, a Força Aérea só precisa de mais verbas para pôr os pilotos a voar mais tempo. Enquanto os pilotos dos helicópteros da Marinha começam a seguir os mesmos rumos e procuram outros voos. Os Açores ficaram agora sem os dois comandantes. Há um para duas tripulações, o que pode ser impraticável. A Madeira pode ficar a seguir sem o seu.

Cristina Costa e Silva

 :roll:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Dezembro 12, 2013, 11:02:15 am
Citação de: "JQT"
Gosto muito da pintura deste tractor Volvo: brilhante, reflectora, alegre, refrescante, enfim... moderna. Acho que o IN irá gostar ainda mais. Quem disse que os veículos tácticos devem ter pintura fosca? Isso é já não se usa, é ultrapassado. Isso é do tempo em que os exércitos treinavam-se para a guerra.(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi279.photobucket.com%2Falbums%2Fkk144%2FHSMW%2FViat%2Ffotos_aviatildeo010_zpsfedb377e.jpg&hash=4919fe3d2e6e17bf97593f4e2f74d774) (http://http)

JQT


E desde quando este tractor é considerado viatura táctica?
Com tanto pirilampo e placa refelctora é apenas uma viatura do exército pintada de verde.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Dezembro 12, 2013, 09:08:21 pm
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Alvalade em Janeiro 27, 2014, 10:43:46 am
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Alvalade em Janeiro 28, 2014, 10:11:49 am
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Alvalade em Fevereiro 12, 2014, 11:23:22 pm
Citar
Exercise “Hot Blade 14” in Extensive Preparation

During the second half of July 2014, the Ovar Air Base in northern Portugal will host the third sequel of the successful series of Hot Blade exercises, powered by the Helicopter Exercise Programme (HEP).

The Main Planning Conference (15-17 January in Ovar) proved an increased interest in participation in Hot Blade 14 by the HEP member states.  A total of 30 helicopters, four fast jets, three transport aircraft and one Intelligence, Surveillance and Reconnaissance platform have been committed by Austria, Belgium, Germany, Netherlands, Portugal, Sweden and United Kingdom. Moreover, beside the participation of Portuguese ground forces, which have supported the  last two Hot Blade exercises, Netherlands, Germany and United Kingdom are intending to send more than 450 troops to be part of the joint missions. Due to such a high number of ground troops participating, an integrated mission planning process will be introduced for the first time to enable seamless coordination and integration of the ground forces into the individual scenarios for the benefit of common exercise success.
As in the last year, the crews will be supervised and supported by the experienced mentors – instructors/graduates from the European Helicopter Tactics Instructor Course, which will be executed in March and May this year for the second time. In total the several hundred sorties and almost 1000 flying hours planned, promise a continuation of the unique multinational helicopter training opportunity provided by the Helicopter Exercise Programme.

http://www.eda.europa.eu/info-hub/news/ ... reparation (http://www.eda.europa.eu/info-hub/news/2014/01/24/exercise-hot-blade-14-in-extensive-preparation)
 

Parece que esta ano vai haver novidades
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Fevereiro 13, 2014, 12:19:11 pm
Citar
Um grupo de pilotos da Força Aérea queixa-se de não voar há mais de dois anos, quando atualmente a capacidade operacional está no limite, mas a instituição aponta constrangimentos financeiros e orçamentais para justificar esta decisão.

Em finais de dezembro passado, o chefe de Estado-Maior da Força Aérea, José Pinheiro, alertou que a capacidade operacional estava próxima do limite com a saída de pilotos militares para a aviação comercial, onde os salários são mais atrativos, contudo, um grupo de pilotos denunciou à agência Lusa que não estão a ser aproveitados operacionalmente, nem a voar por treino, quando o Estado já gastou «muito dinheiro» na sua formação.

«A FAP gastou uma fortuna com a minha formação e abdicou de mim há mais de dois anos para a função pela qual fui contratado. Tenho mais dois anos de contrato e não vou voar rigorosamente nada até o fim desse tempo. Estou a exercer atualmente um cargo administrativo», revelou um dos pilotos, de um grupo de tenentes-aviadores que fez parte de uma esquadra de aeronaves Aviocar entretanto desativada.

Os pilotos contactados pela Lusa pediram para não serem reveladas as suas identidades, para evitar violar o sigilo militar.

Estes profissionais advertem também que, para a quantidade de missões da Força Aérea, «não há pilotos suficientes», já que em algumas aeronaves são necessários dois, acusando a instituição de «discriminação e de má-fé» por não recorrer aos serviços que podiam desempenhar.

Apesar de, enquanto pilotos militares, serem regidos por um Código de Justiça Militar e por um Regulamento de Disciplina Militar «severos», o grupo de pilotos, cujas idades rondam os 30 anos, não escondeu a sua indignação, depois de assistir à preocupação anunciada pelo general José Pinheiro.

A Força Aérea Portuguesa, questionada pela Lusa quanto à denúncia do grupo, admitiu que há «efetivamente pilotos com menor experiência que não têm horas de voo atribuídas, pelo que a saída de pilotos experientes cria uma situação deficitária e de difícil gestão».

«Os constrangimentos financeiros e orçamentais do país motivaram uma redução do regime de esforço da atividade aérea da Força Aérea [horas de voo], com significativo impacto na instrução e treino dos seus novos pilotos», explica a Força Aérea, numa resposta enviada à Lusa.

De acordo com um dos pilotos, a Força Aérea Portuguesa só aceita a sua desvinculação caso este pague «uma indemnização milionária», tendo a instituição começado por pedir 213 mil euros e, um ano depois, baixar o valor para 47 mil euros para o deixar sair.

Segundo o testemunho de um outro piloto do grupo, também colocado num gabinete da instituição militar, e que há dois anos se encontra sem voar, tem também de pagar do seu bolso cerca de 10.000 euros em escolas de aviação civis para conseguir manter as licenças de piloto válidas, já que a lei obriga a um mínimo de horas anuais de voo.

«Num contrato de seis anos, em que a FAP gastou muito dinheiro na minha formação, apenas exerci as minhas funções durante ano e meio. Ainda me restam mais dois anos de contrato e os valores indemnizatórios requeridos por esta instituição, para que possa rescindir o contrato e continuar a minha carreira como piloto de aviões, são, no mínimo, ridículos», denunciou.

Desta forma, depois de vários pedidos de esclarecimentos às chefias militares, sem repostas satisfatórias, o grupo de pilotos decidiu levar o caso para contencioso.

«A esquadra de aviocares em que voávamos foi abatida, pelo que precisávamos de nova formação para continuar a voar numa outra aeronave e a Força Aérea alega que não compensava que continuassemos a fazê-lo. Além de que, por termos um contrato curto, alegam que não temos potencial», sublinhou um dos pilotos.

http://www.tvi24.iol.pt/503/sociedade/forca-aerea-pilotos-voar-tvi24/1537066-4071.html
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Fevereiro 14, 2014, 07:03:41 pm
Citar
Portugal avalia envio de avião C-130 e de 30 militares para República Centro-Africana
Publicado hoje às 17:49
O Governo está a avaliar o envio de um C-130 e de cerca de 30 militares da Força Aérea Portuguesa para a missão da União Europeia na República Centro-Africana, disse à Lusa fonte oficial.
O envio do Hércules C-130 e de cerca de 30 militares da Força Aérea, entre tripulação e equipa de manutenção, «está em avaliação», disse à Lusa fonte do ministério da Defesa Nacional.
Os ministros dos Negócios Estrangeiros da União Europeia decidiram esta semana enviar uma missão militar EUFOR - a força de reação rápida constituída no âmbito da Política de Segurança e Defesa Comum - para a República Centro Africana, mas a sua dimensão e composição ainda não está definida.
O envio de meios portugueses, que terá de ser aprovado em Conselho Superior de Defesa Nacional, dependerá também das necessidades que forem definidas no âmbito da missão militar europeia.
O país mergulhou no caos desde que em março de 2013 a coligação Séléka, de maioria muçulmana, derrubou o governo do país maioritariamente cristão, desencadeando uma espiral de violência sectária, que já causou milhares de mortos e centenas de milhares de deslocados.
O Conselho de Segurança da ONU aprovou no fim de janeiro uma resolução que autoriza a intervenção de forças militares europeias na República Centro-Africana.
http://www.tsf.pt/PaginaInicial/Portugal/Interior.aspx?content_id=3687378&utm_source=dlvr.it&utm_medium=facebook
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Alvalade em Fevereiro 14, 2014, 07:20:15 pm
Se queremos ser vistos como parceiros, temos que ajudar quando é preciso.    :G-Ok:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Fevereiro 16, 2014, 11:00:50 am
http://www.rtp.pt/noticias/index.php?article=717188&tm=8&layout=122&visual=61
Citar
Aviação portuguesa não consegue renovar tripulações

Armando Seixas Ferreira/Pedro Boa-Alma

15 Fev, 2014, 21:40 / atualizado em 15 Fev, 2014, 21:53

Os cortes orçamentais e a saída de pilotos para a Aviação Civil estão a provocar consequências graves na renovação das tripulações da Força Aérea. Em algumas esquadras o ramo foi obrigado a reduzir as horas de voo para cerca de metade.

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Alvalade em Fevereiro 16, 2014, 12:04:22 pm
Citar
A Força Aérea Portuguesa
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fsicnoticias.sapo.pt%2Fincoming%2F2014%2F02%2F14%2Fforca_aerea.jpg%2FALTERNATES%2Fw620%2Fforca_aerea.JPG&hash=2e60b765fc93ec426103c8a91b982598)
14.02.2014 18:13

O chefe do Estado-Maior da Força Aérea discute os principais desafios do mais jovem ramo das Forças Armadas
A Força Aérea Portuguesa é o ramo mais jovem da estrutura militar portuguesa, completando 62 anos. Combateu nas campanhas de África, entre 1961 e 1974, tornou-se um membro experiente da Aliança Atlântica e, nos últimos quinze anos, tem desempenhado muitas missões internacionais, sob o chapéu da Aliança, da União Europeia, da ONU e de laços bilaterais ou multilaterais com aliados.

Essas tarefas foram variadas, e de riscos diferentes, desde patrulhas de combate aéreo e escolta no Kosovo à proteção de forças terrestres em Timor, desde a defesa do espaço da Islândia e das Repúblicas bálticas, até ao transporte tático no Afeganistão, desde a patrulha antissubmarino no Atlântico e no Adriático até à luta contra a pirataria e o crime organizado, no sul da Europa, no Norte de África e no Índico. Para além disso, a FAP tem a missão principal, proteger o espaço aero naval português e desempenhar tarefas de apoio à população, incluindo transporte médico, resgate de emergência e combate a calamidades.

Esta semana no Sociedade das Nações, o general José Pinheiro, Chefe do Estado-Maior da Força Aérea, discute os principais desafios da FAP.  O CEMFA analisa ainda as capacidades de atuação e as valências do mais jovem ramo das Forças Armadas nacionais.

http://sicnoticias.sapo.pt/programas/sociedadedasnacoes/2014/02/14/a-forca-aerea-portuguesa
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Crypter em Fevereiro 16, 2014, 01:06:59 pm
Eu vi a entrevista e ainda me deu para dar um sorrisozinho maldoso..

O CEMFA engasgou-se um bocadinho quando o jornalista lhe questionou sobre as características do AMRAAM  :twisted:

Mas prontos, conseguiu sair bem dessa pergunta malandreca.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Alvalade em Fevereiro 17, 2014, 07:25:09 pm
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Fevereiro 22, 2014, 05:02:58 pm
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Março 03, 2014, 12:50:33 pm
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: jurista em Março 18, 2014, 03:22:59 pm
http://expresso.sapo.pt/defesa-quer-vender-34-avioes-por-219-milhoes=f861231
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Instrutor em Março 19, 2014, 11:09:59 am
Uruguai pretende comprar dois Aviocar a Portugal
Depois de ter pago 13 milhões de euros por duas fragatas em 2008, o Governo do Uruguai está agora interessado em ficar com duas aeronaves Aviocar portuguesas, equipadas para vigilância marítima e fora de serviço desde dezembro de 2011.


Ler mais: http://expresso.sapo.pt/uruguai-pretend ... z2wPE43ThP (http://expresso.sapo.pt/uruguai-pretende-comprar-dois-aviocar-a-portugal=f861198#ixzz2wPE43ThP)
O Ministério da Defesa está atualmente a negociar a venda de dois Aviocar ao Governo do Uruguai, sabe o Expresso.

Trata-se de dois aparelhos do modelo C-212-300 equipados para vigilância marítima, que chegaram a estar incluídos no concurso público internacional lançado pelo ministro da Defesa, José Pedro Aguiar-Branco, em setembro do ano passado, mas que em novembro foram retirados.

Estes dois Aviocar chegaram à Força Aérea em 1994, estando equipados com um radar de nariz, entre outros aparelhos sofisticados que permitem controlar navios e detetar e analisar casos de poluição, entre outras atividades ilícitas.

O Aviocar foi oficialmente retirado de serviço a 6 de dezembro de 2011, numa cerimónia presidida na Base Aérea n.º 6, no Montijo, pelo ministro da Defesa, durante a qual louvou o "espírito de serviço", bem como "o talento e a eficácia" dos militares que durante 37 anos operaram as aeronaves ao serviço da esquadra 401, "Cientistas", seja em missões de busca e salvamento, seja na fiscalização das atividades de pesca.

 

Fragatas com desconto

A concretizar-se o negócio, será a segunda vez que o Uruguai compra material militar a Portugal. Com efeito, em 2008 pagou 13 milhões de euros por duas fragatas da classe "João Belo" (menos de metade do valor previsto de 30 milhões de euros), cuja última tranche, no valor de 2,25 milhões de euros, terá sido paga no ano passado.

Atualmente, a Força Aérea do Uruguai tem uma frota de três Aviocar, construídos em 1981. Segundo o seu site oficial, estas aeronaves cumprem missões de transporte de civis e militares, bem como de mantimentos e equipamento, para a base científica permanente que este país da América do Sul tem, desde dezembro de 1984, na Ilha do Rei Jorge (Shetland do Sul), conhecida como "Base Artigas".

Segundo a Airbus Defense and Space, em dezembro de 2013 estavam a voar, em todo mundo, 267 Aviocar. A Indonésia, com 83 aparelhos, liderava o ranking dos países com maior número de Aviocar operacionais, logo seguida pelos Estados Unidos (40) e pela Espanha (25).


http://expresso.sapo.pt/conheca-os-34-a ... da=f860839 (http://expresso.sapo.pt/conheca-os-34-avioes-que-o-governo-pos-a-venda=f860839)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Alvalade em Março 20, 2014, 05:59:32 pm
Por acaso quanto saiu a noticia da venda das Aviocar, pensei logo que o principal interessado seria o Uruguai .
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Março 28, 2014, 12:38:01 am
Citar
Conselho Superior de Defesa aprova novas missões no exterior e reforço no Mali

O Conselho Superior de Defesa Nacional deu ontem parecer favorável a três novas missões militares no exterior, nomeadamente na Lituânia e na República Centro-Africana, e ao reforço da missão de treino no Mali.


"O Conselho deu parecer favorável à proposta do Governo sobre o empenhamento de destacamentos das Forças Armadas em missões no exterior do território nacional em 2014", afirmou o major-general Goulão de Melo, ao ler o comunicado final do CSDN, órgão consultivo do Presidente da República, que esteve reunido durante cerca de duas horas no Palácio de Belém.

Relativamente às novas missões, o Conselho deu o parecer favorável à de policiamento do espaço aéreo da Lituânia, no âmbito da OTAN (NATO na sigla em inglês). Nessa missão, que irá decorrer durante quero meses, estarão envolvidos seis F16 e um efetivo de 70 militares.

Na República Centro-Africana, a missão de apoio realizada no âmbito da União Europeia terá apenas a duração de um mês e irá envolver uma aeronave C-130 e 47 militares. Os meios ficarão estacionados em Libreville, no Gabão.

No âmbito das Nações Unidas, irá realizar-se uma missão de apoio às operações de segurança para neutralização das armas químicas na Síria, com o emprego de uma aeronave P3C e um efetivo de 22 milhares, no Mediterrâneo.

O Conselho Superior de Defesa Nacional deu também parecer favorável ao reforço de cinco militares na missão de treino da União Europeia no Mali e à redução de 60 militares na missão da OTAN no Afeganistão.

Atualmente, no Mali está um oficial da Força Aérea em Bamako e seis militares portugueses - atiradores especiais - em missão de treino e formação dos militares malianos em Koulikoro.

Na semana passada, o ministro da Defesa adiantou que, no âmbito do reforço de meios na missão do Mali, seriam enviados um oficial para o quartel-general da operação e uma equipa de treino de controladores aéreos.

http://www.dnoticias.pt/actualidade/pai ... ktabs_13=0 (http://www.dnoticias.pt/actualidade/pais/438080-conselho-superior-de-defesa-aprova-novas-missoes-no-exterior-e-reforco-no-ma?quicktabs_13=0)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Instrutor em Março 28, 2014, 09:27:51 am
http://expresso.sapo.pt/f-16-portuguese ... da=f862834 (http://expresso.sapo.pt/f-16-portugueses-combatem-nos-ceus-da-holanda=f862834)


A Força Aérea participa este ano, pela primeira vez, num dos maiores exercícios militares realizados na Europa, o Frisian Flag 2014. Cinco caças F-16 e 49 militares portugueses, 12 dos quais pilotos, seguem esta sexta-feira para a Base Aérea de Leeuwarden, na Holanda, onde ficam até 11 de abril.

"Este exercício é organizado pela Força Aérea da Holanda, que construirá um cenário de resposta a uma situação de crise", como, por exemplo, aquele que em 2011 levou a NATO a lançar a operação "Unified Protector" na Líbia, contou ao Expresso o coronel Alves Francisco, comandante da Base Aérea n.º 5, em Monte Real (Leiria).

No megaexercício que vai decorrer na Holanda, os militares portugueses, que integram uma esquadra formada por Bélgica, Dinamarca, Holanda e Noruega, têm pela frente missões de defesa aérea, ataque ao solo e proteção de forças terrestres.

"À medida que o exercício [que dura 12 dias, de 31 de março a 11 de abril] se desenrola, vai aumentar o nível de complexidade das missões", nas quais os F-16 destes cinco países funcionarão como uma força unificada, acrescenta o coronel Alves Francisco.

Além dos F-16 portugueses, que vão realizar 80 voos (140 a 150 horas de voo), participam no Frisian Flag cerca de 70 aviões de dez países. "A maior parte refere-se a caças, mas também há aviões de transporte, reabastecedores e de guerra eletrónica", precisa o coronel. Parte da força portuguesa já seguiu para a Holanda a bordo de um C-130.

Bélgica, Dinamarca, Holanda, Noruega e Portugal, por terem ao serviço a mesma versão de F-16, e a MLU (Mid-Life Update) integram um consórcio - o European Participating Air Forces - no âmbito da qual repartem, juntamente com os Estados Unidos, os custos de desenvolvimento dos diversos sistemas desta aeronave. Sem esta partilha de custos, muito dificilmente países como Portugal poderiam manter os seus F-16 atualizados e prontos a integrar forças multinacionais, que operam como se de uma única força se tratasse.

"Este exercício foi selecionado para partilhar este conceito", conclui o comandante da BA5, onde estão sedeadas as duas esquadras de F-16, a 201 ("Falcões") e a 301 ("Jaguares").

Ler mais: http://expresso.sapo.pt/f-16-portuguese ... z2xFRJbZo4 (http://expresso.sapo.pt/f-16-portugueses-combatem-nos-ceus-da-holanda=f862834#ixzz2xFRJbZo4)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: zawevo em Abril 09, 2014, 05:01:03 pm
Portugal decide este ano se adquire aeronave militar KC-390

http://www.tsf.pt/PaginaInicial/Portuga ... id=3803829 (http://www.tsf.pt/PaginaInicial/Portugal/Interior.aspx?content_id=3803829)
Publicado hoje às 14:12

O ministro da Defesa disse hoje que Portugal vai decidir ainda este ano se adquire a nova aeronave militar KC-390, projeto da empresa aeronáutica Embraer e cujos componentes são fabricados no país.

«No projeto inicial, está prevista a possibilidade de Portugal poder vir a adquirir até seis aeronaves, situação que deverá ser definida ainda durante este ano», assumiu Aguiar-Branco.

Assim «as condições financeiras do país entrem numa lógica normal de sustentabilidade e essa decisão poderá ser tomada», sublinhou Aguiar-Branco, considerando tratar-se de uma aeronave «importante para o reequipamento da Força Aérea Portuguesa».

O ministro da Defesa Nacional falava aos jornalistas em Évora, onde visitou as duas fábricas da construtora aeronáutica brasileira Embraer, que está a desenvolver o projeto do KC-390, no qual Portugal está envolvido.

Depois de se reunir, à porta fechada, com responsáveis da empresa, José Pedro Aguiar-Branco disse aos jornalistas tratar-se de uma «parceria importante entre o Estado português e a Embraer».

«É um avião que entrará em fase de testes no próximo ano e que tem a sua comercialização prevista para 2016», explicou.

Uma vez que Portugal é «uma parte importante da engenharia» neste projeto, realçou o ministro, a parceria com a Embraer no desenvolvimento desta nova aeronave «eleva a participação das empresas portuguesas para um nível tecnológico de ponta».

«Permite colocar a engenharia e empresas de 'software' de ponta, por exemplo, num mercado que é hoje de alta tecnologia e de exceção», elogiou.

As primeiras peças do novo avião militar KC-390 começaram a ser produzidas nas fábricas de Évora da Embraer em finais de outubro do ano passado.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Abril 09, 2014, 05:49:29 pm
Reportagem da CMTV sobre as aeronaves da Força Aerea.
http://cmtv.sapo.pt/atualidade/detalhe/ ... atuar.html (http://cmtv.sapo.pt/atualidade/detalhe/forca-aerea-aeronaves-estao-prontas-para-atuar.html)

Tem alguns erros na montagem de imagem, em que a aeronave que aparece não é a que o jornalista está a falar, mas no geral acho uma boa tentativa de mostrar ao publico o que a Força Aérea faz e consegue fazer.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Abril 24, 2014, 10:00:33 pm
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Maio 08, 2014, 06:27:06 pm
UAV em missão no Mar Português


A Força Aérea realizou no passado dia 7 de Maio, uma missão de vigilância marítima com uma aeronave não tripulada perfazendo mais de hora e meia de voo sobre o mar, ao largo de Portimão.

Tendo descolado do aeródromo de Portimão, o UAV com o número de cauda 17507, dirigiu-se para o mar onde efetuou reconhecimento de embarcações suspeitas, no âmbito de um exercício deste projeto europeu - Perseus. Neste exercício participaram também a Marinha e a GNR, que envolveram meios marítimos.

O projeto PERSEUS é financiado pela Comissão Europeia no âmbito do 7º Programa Quadro, e reune 29 participantes de 12 países, com o objetivo de desenvolver e demonstrar um sistema europeu de vigilância marítima, integrando infraestruturas nacionais e comunitárias já existentes, mas melhorando o seu desempenho recorrendo a tecnologias inovadoras. O sistema desenvolvido, que na sua componente nacional envolveu o INOV-INESC Inovação, permitiu acompanhar a missão em tempo real no Comando Aéreo, bem como partilhar informação com a Marinha, com a GNR e com os parceiros espanhois.

A Força Aérea participa neste projeto desde o seu início tendo por um lado, marcado presença em vários exercícios de demonstração utilizando UAV, e por outro, partilhado alguns dados operacionais de aeronaves tripuladas. Nos exercícios em que participou, a Força Aérea demonstrou como os UAV têm potencial para missões de vigilância marítima, tendo operado a partir de Portimão e de Porto Santo.

Os UAV desenvolvidos pela Academia da Força Aérea realizaram mais de 900 voos acumulando cerca de 400 horas de voo.

http://www.emfa.pt/www/noticia-569-uav- ... -portugues (http://www.emfa.pt/www/noticia-569-uav-em-missao-no-mar-portugues)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Junho 23, 2014, 08:45:29 pm
http://observador.pt/reportagem/porque-e-que-saem-os-pilotos-da-forca-aerea/
Citar
ESQUADRA DOS HELICÓPTEROS DE BUSCA E SALVAMENTO SÓ TEM SEIS PILOTOS COMANDANTES. FORÇA AÉREA QUEIXA-SE DE CORTES ORÇAMENTAIS. MORTE DE DOENTE NOS AÇORES PÕE A NU DIFICULDADES.

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Junho 25, 2014, 02:15:17 pm
http://observador.pt/2014/06/25/morte-nos-acores-aguiar-branco-diz-que-responsabilidade-e-governo-regional/
Citar
O ministro da Defesa descartou esta manhã culpas na morte de um paciente nos Açores, por demora no transporte inter-ilhas, a cargo da Força Aérea. José Pedro Aguiar-Branco está a ser ouvido no Parlamento e salientou que a competência da Força Aérea nos arquipélagos é de busca e salvamento e que no que toca à evacuação médica é uma “competência regional e para a qual existe um protocolo de colaboração”.

O helicóptero dos Açores tinha ido à Madeira no sábado participar numa missão de busca e salvamento precisamente porque a tripulação do helicóptero que está naquele arquipélago está “coxa” devido à falta de um piloto comandante.
Saudações
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Junho 25, 2014, 08:05:25 pm
Citar
José Pedro Aguiar-Branco está a ser ouvido no Parlamento e salientou que a competência da Força Aérea nos arquipélagos é de busca e salvamento e que no que toca à evacuação médica é uma “competência regional e para a qual existe um protocolo de colaboração”.
Que gozo! Então estes anos todos a FAP tem garantido esta dupla capacidade ao também garantir a evacuação médica e agora o Zé bem dizer aos açorianos "em cima da hora" «arranjem vocês os vossos meios». É que nem foi com aviso prévio nem nada.

Parabéns Zé, acabaste de dar aos Açores munição para privatizarem a evacuação médica e no futuro a busca e salvamento. Vamos a ver se a FAP safa-se depois apenas ao receber dinheiro pelas horas de voo pela busca e salvamento de longo alcance.

Aliás, isto (este comentário do ministro) até deve ter sido de propósito de forma a colocar a coisa em marcha para no futuro privatizar a busca e salvamento e tirar à FAP essa missão.

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Junho 27, 2014, 05:45:41 pm
Helicóptero da Força Aérea em Porto Santo parado há dois meses


O helicóptero da Força Aérea Portuguesa (FAP) em Porto Santo está parado há dois meses por falta de piloto comandante – o que está a prejudicar a busca, salvamento e evacuação de doentes nos mares da Madeira, com percussões negativas nos Açores.

No passado fim-de-semana, para salvar um pescador ao largo da Madeira, a Força Aérea Portuguesa deixou de evacuar um homem colhido por um touro na ilha de São Jorge, nos Açores. A vítima acabou por morrer enquanto esperava por meios aéreos para ser transferido para o hospital de Ponta Delgada. Tudo porque, para evacuar para o Funchal o tripulante da embarcação de pesca Rei dos Açores, foi necessário recorrer ao helicóptero estacionado nas Lajes. Em condições normais, face ao local da embarcação (312 milhas náuticas a sudeste da ilha de Santa Maria, ou seja, mais perto da Madeira), seria mobilizado o helicóptero Merlin EH-101 estacionado em Porto Santo. Mas aqui o único meio que foi mobilizado, para acompanhar o EH-101 que veio dos Açores, foi o avião C-295M.

A operação na Madeira foi bem sucedida. O mesmo não aconteceu nos Açores: quando foi recebido o pedido de Velas, o helicóptero militar estava na Madeira e o homem colhido pelo touro acabou por morrer.

O presidente do Governo Regional dos Açores, Vasco Cordeiro, ordenou entretanto a realização de um inquérito. O caso pôs a nu a actual vulnerabilidade da busca, socorro, salvamento e evacuação de doentes na imensa Zona Económica Exclusiva de Portugal.

A saída de pilotos da Força Aérea para a aviação comercial e a redução, em 60%, do número de pilotos comandantes da FAP no último ano afectou o destacamento em Porto Santo, que ficou, em final de Abril passado, sem o piloto comandante que operava o helicóptero EH 101, Merlin, utilizado nas missões de busca e salvamento.

Sem piloto comandante, embora a restante tripulação esteja operacional, o helicóptero do aeródromo de manobra n.º 3 (Porto Santo) da Esquadra n.º 751 (Montijo) não levanta voo. Em caso de necessidade de operação nos mares da Madeira, as alternativas são os 'helis' do Continente (Montijo) ou dos Açores, ou enviar um comandante a Porto Santo para operar o aparelho. Mas a prontidão não é a mesma.

Situação ‘grave’

A 9 de Maio último, numa visita à Madeira, o Chefe do Estado-Maior da FAP, General José António Pinheiro reconheceu que a inexistência de piloto comandante do helicóptero estacionado em Porto Santo é uma situação “grave”.

A esquadra dos helicópteros de busca e salvamento só tem 6 pilotos comandantes para todo o país. Existem pilotos em número suficiente, mas não há horas de voo suficientes para os qualificar em determinadas aeronaves.

Todo o dispositivo de busca e salvamento sofreu alterações em finais de Abril. Passou apenas a contar com um alerta no Montijo (uma tripulação de C295 e uma tripulação de EH101), mas só existe um EH101 nos Açores e uma tripulação sem comandante em Porto Santo.

A 9 de Maio último, o ministro da Defesa, José Pedro Aguiar-Branco, assegurou que o piloto comandante seria reposto dentro de “pouco tempo”, mas já passou mais de um mês. Nem a FAP sabe quando será reposto o piloto comandante em Porto Santo. Há pilotos a serem qualificados, um processo que demora “o seu tempo”, reconheceu o general José António Pinheiro.

SOL
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Julho 18, 2014, 09:13:32 am
Não diz qual é o ramo das FA, mas coloco aqui...

Portaria n.º 596/2014. D.R. n.º 137, Série II de 2014-07-18
Ministério da Defesa Nacional - Gabinete do Ministro
EUTM Mali - Empenhamento Nacional 2014

http://dre.pt/pdf2sdip/2014/07/137000000/1858518585.pdf (http://dre.pt/pdf2sdip/2014/07/137000000/1858518585.pdf)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Agosto 14, 2014, 10:22:13 am
Citar
Portaria (extrato) n.º 678/2014

A Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) edificou um sistema de defesa aérea, designado NATO Integrated Air and Missile Defence System (NATINAMDS), que integra os sistemas de defesa aérea nacionais num único sistema, capaz de se constituir como um elemento chave na defesa de todo o espaço europeu da Aliança.
Sempre que um Estado membro não possa assegurar, por si só, esta responsabilidade, são estabelecidos acordos específicos, no seio da Aliança, para colmatar essa insuficiência.
É esse o caso da Estónia, Letónia e Lituânia, que na ausência de capacidade própria, estabeleceram acordos no seio da Aliança, para a salvaguarda da integridade dos respetivos espaços aéreos.
Nesse sentido, a OTAN implementou, a partir de fevereiro de 2004, um Conceito de Operações, que se manterá, pelo menos até 2018, e que prevê, para a situação específica dos Estados Bálticos, o destacamento de meios aéreos para a Base Aérea de Siauliai, na Lituânia, com a missão de policiamento aéreo, em regime de rotatividade entre alguns Estados membros.
Portugal, como Estado membro da OTAN e detentor das capacidades para o efeito, assegura no período de 1 de setembro a 31 de dezembro de 2014, a referida missão.
O estatuto dos militares das Forças Armadas envolvidos em missões humanitárias e de paz, fora do território nacional, no quadro dos compromissos internacionais assumidos por Portugal, está definido no Decreto -Lei n.º 233/96, de 7 de dezembro, com as alterações identificadas em baixo.
O Conselho Superior de Defesa Nacional emitiu parecer favorável à referida participação de Portugal na missão identificada, nos termos da alínea g) do n.º 1 do artigo 17.º da Lei de Defesa Nacional, aprovada pela Lei Orgânica n.º 1 -B/2009, de 7 de julho.
A Assembleia da República foi informada, nos termos do artigo 3.º da Lei n.º 46/2003, de 22 de agosto.
Assim, ao abrigo do disposto no n.º 1 do artigo 12.º e das alíneas f) e n) do n.º 3 do artigo 14.º, ambos da Lei de Defesa Nacional, aprovada pela Lei Orgânica n.º 1 -B/2009, de 7 de julho e nos termos do n.º 1 do artigo 2.º do Decreto -Lei n.º 233/96, de 7 de dezembro, alterado pelos Decretos-Leis n.os 348/99, de 27 de agosto, e 299/2003, de 4 de dezembro,
determina o Governo, pelo Ministro da Defesa Nacional, o seguinte:
1 — Fica o Chefe do Estado -Maior -General das Forças Armadas autorizado a empregar, como contributo de Portugal para a missão da OTAN de policiamento do espaço aéreo dos Estados Bálticos, uma Força Nacional Destacada (FND), constituída por:
a) Até seis aeronaves F -16 MLU;
b) Tripulações e equipa de apoio, até o máximo de 70 militares.
2 — A FND fica na dependência direta do Chefe de Estado -Maior--General da Forças Armadas.
3 — A duração da referida participação nacional na missão da OTAN é de quatro meses, com início e término previstos, respetivamente, a 1 de setembro e 31 de dezembro de 2014.
4 — Os encargos decorrentes da participação nacional na referida missão são suportados pela dotação orçamental inscrita para as FND de 2014.
5 — A presente portaria produz os seus efeitos a partir de 31 de agosto de 2014.
30 de julho de 2014. — O Ministro da Defesa Nacional, José Pedro Correia de Aguiar -Branco.

http://dre.pt/pdf2sdip/2014/08/156000000/2110121101.pdf (http://dre.pt/pdf2sdip/2014/08/156000000/2110121101.pdf)

Citar
Portaria n.º 679/2014

Portugal, como membro da Organização das Nações Unidas (ONU), permanece empenhado no cumprimento dos compromissos internacionais assumidos por esta Organização, no âmbito militar, nomeadamente através da participação em missões de caráter humanitário e de apoio à paz.
Mantendo a República do Mali o quadro de instabilidade, de violência e de crise profunda, com consequências políticas, de segurança, socioeconómicas e humanitárias e considerando a necessidade de viabilizar a consolidação do processo político e de autoridade do Estado, criando condições para o restabelecimento de um ambiente de segurança, bem como para o fornecimento de ajuda humanitária e a preparação de eleições livres, o Conselho de Segurança das Nações Unidas, através
da Resolução 2100 (2013), aprovou o estabelecimento de uma missão, designada United Nations Multidimensional Integrated Stabilization Mission in Mali (MINUSMA).
O Conselho Superior de Defesa Nacional emitiu parecer favorável à participação de Portugal na missão da ONU acima identificada, nos termos da alínea g) do n.º 1 do artigo 17.º da Lei de Defesa Nacional, aprovada pela Lei Orgânica n.º 1 -B/2009, de 7 de julho.
A Assembleia da República foi informada, nos termos do artigo 3.º da Lei n.º 46/2003, de 22 de agosto.
O estatuto dos militares das Forças Armadas envolvidos em missões humanitárias e de paz, fora do território nacional, no quadro dos compromissos internacionais assumidos por Portugal, está definido no Decreto -Lei n.º 233/96, de 7 de dezembro, com as alterações identificadas em baixo.
Assim, ao abrigo do disposto no n.º 1 do artigo 12.º e das alíneas f) e n) do n.º 3 do artigo 14.º, ambos da Lei de Defesa Nacional, aprovada pela Lei Orgânica n.º 1 -B/2009, de 7 de julho e nos termos do n.º 1 do artigo 2.º do Decreto -Lei n.º 233/96, de 7 de dezembro, alterado pelos Decretos -Leis n.ºs 348/99, de 27 de agosto, e 299/2003, de 4 de dezembro,
determina o Governo, pelo Ministro da Defesa Nacional, o seguinte:
1 — Fica o Chefe do Estado -Maior -General das Forças Armadas autorizado a empregar, como contributo de Portugal para a missão MINUSMA, uma Força Nacional Destacada (FND), constituída por:
a) Uma aeronave de transporte C -130, tripulação e pessoal de apoio à atividade aérea, num total de 47 militares, por um período de três meses, com início em setembro de 2014;
b) Dois militares no Estado -Maior da Força, por um período mínimo de seis meses, com início em agosto de 2014.
2 — A FND fica na dependência direta do Chefe de Estado -Maior-General da Forças Armadas.
3 — De acordo com o n.º 5 da Portaria n.º 87/99, de 30 de dezembro de 1998, publicada no Diário da República, 2ª Série, n.º 23, de 29 de janeiro de 1999, os militares que integram a referida FND desempenham funções em zonas que se consideram de classe C.
4 — Os encargos decorrentes da participação nacional na referida missão são suportados pela dotação orçamental inscrita para as Forças Nacionais Destacadas de 2014.
5 — A presente portaria produz os seus efeitos a partir de 31 de julho de 2014.
31 de julho de 2014. — O Ministro da Defesa Nacional, José Pedro Correia de Aguiar -Branco.

http://dre.pt/pdf2sdip/2014/08/156000000/2110121102.pdf (http://dre.pt/pdf2sdip/2014/08/156000000/2110121102.pdf)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Outubro 10, 2014, 11:11:36 am
http://www.aereo.jor.br/2014/10/09/cacas-da-otan-e-pfp-sobre-o-baltico-gripen-f-18-f-16-e-typhoon/
Citar
Caças da OTAN e PfP sobre o Báltico: Gripen, F-18, F-16 e Typhoon
BRTE-19 - Gripen sueco e F-16 de Portugal sobre o Báltico - foto Forças Armadas da Suécia
FOI A PRIMEIRA VEZ EM QUE CAÇAS SUECOS POUSARAM NA ESTÔNIA, PARTICIPANDO COM JATOS DE PORTUGAL, HOLANDA, ALEMANHA, CANADÁ E FINLÂNDIA DO EXERCÍCIO BRTE-19, QUE ENVOLVEU TREINAMENTOS DE COOPERAÇÃO E DE COMBATE AÉREO
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.aereo.jor.br%2Fwp-content%2Fuploads%2F%2F2014%2F10%2FBRTE-19-F-16-de-Portugal-e-CF-18-do-Canad%25C3%25A1-foto-For%25C3%25A7as-Armadas-da-Su%25C3%25A9cia.jpg&hash=0eb969ad973c137f9d0b13f59fb2b75c)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.aereo.jor.br%2Fwp-content%2Fuploads%2F%2F2014%2F10%2FBRTE-19-linha-de-voo-com-Gripen-F-16-e-F-18-foto-For%25C3%25A7as-Armadas-da-Su%25C3%25A9cia.jpg&hash=a42609fa2ebdb50000c6adae2192aa7b)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.aereo.jor.br%2Fwp-content%2Fuploads%2F%2F2014%2F10%2FBRTE-19-Gripen-sueco-e-F-16-de-Portugal-sobre-o-B%25C3%25A1ltico-foto-For%25C3%25A7as-Armadas-da-Su%25C3%25A9cia.jpg&hash=6ae08a855897e89fe74c17eab8a9eb19)
http://www.aereo.jor.br/2014/10/09/suecos-confirmam-provocacoes-de-cacas-russos-no-baltico/
Citar
NOTA DO EDITOR: em outras notas oficiais e em repercussões na mídia sueca, tem sido reiterado que as aeronaves suecas de inteligência realizam suas missões voando em espaço aéreo internacional e com transponders ligados (diferentemente do que fazem os aviões russos, que desligam seus transponders e frequentemente invadem o espaço aéreo sueco e de outros países da região) e que os caças da Rússia têm se aproximado dessas aeronaves suecas mais do que recomendam as normas de segurança.
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.aereo.jor.br%2Fwp-content%2Fuploads%2F%2F2014%2F10%2Fca%25C3%25A7a-Su-27-russo-aproxima-se-perigosamente-de-avi%25C3%25A3o-de-intelig%25C3%25AAncia-sueco-foto-via-For%25C3%25A7as-Armadas-da-Su%25C3%25A9cia.jpg&hash=fd01bbf63ebfc9fa389488d6bbabf5bc)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi.dailymail.co.uk%2Fi%2Fpix%2F2014%2F06%2F24%2Farticle-2668139-1F17CEA200000578-972_634x331.jpg&hash=626bb1838aaa0929a7a1a09f95ceac3d)

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Cabeça de Martelo em Outubro 10, 2014, 06:42:32 pm
Reunião inédita. Pilotos da Força Aérea debatem problemas das esquadras de voo

Entre os principais motivos de insatisfação das tripulações está o "desinvestimento na segurança e treino".

O grupo de 99 pilotos da Força Aérea que há cerca de quatro meses aderiu em bloco à Associação dos Oficiais das Forças Armadas, em protesto contra as condições remuneratórias e de trabalho, reúne-se este sábado num hotel de Lisboa para debater os problemas que afetam as esquadras operacionais de voo e propor soluções, soube o Expresso.
 
Quando, em maio deste ano, a notícia da adesão foi tornada pública, um dos pilotos disse à Lusa, sob anonimato, por estar estatutariamente impedido de falar, que entre os principais motivos de insatisfação das tripulações estava o "desinvestimento na segurança e treino".
 
"O treino das tripulações é reduzido, há esquadras que voam só metade das horas de voo (segundo os critérios de segurança). Há avarias, aviões parados. Nós nunca dizemos que não voamos, mas não é verdade que não há riscos. Nós sabemos que há riscos", acentuou um outro militar do mesmo grupo.
 
"No que toca ao treino, é importante ter noção de que, sendo operados sistemas de armas altamente complexos, que exigem uma preparação e uma qualificação elevadíssimas, o treino é fundamental", acrescentou na altura o presidente da AOFA, Manuel Pereira Cracel.
 
Num  comunicado   divulgado pela associação a 4 de maio deste ano, podia ler-se: "Para que se tenha uma ideia da atrição verificada, bastará dizer que se passou de 25.000 horas de voo (treino) em 2010 para 15.000 actualmente. Com implicações imediatas, traduzidas na falta de qualificações para o voo das tripulações necessárias e, relativamente aos pilotos que estão qualificados, em deficiente treino considerando as normas Nato, boas práticas e recomendações existentes para esse efeito".
 
Para a AOFA, esta "situação que vai exponenciando óbvios e testemunhados riscos para a segurança de voo, ao mesmo tempo que àqueles - poucos - a quem são conferidas qualificações se exige esforço e disponibilidade muito além do que seria razoável, sendo-lhes retirada a possibilidade de uma vida minimamente estável e em condições de relativa normalidade, o que dificulta nomeadamente o apoio à família, com - até - o aumento progressivo de divórcios".
 
No que toca às condições remuneratórias, alertava a associação dos oficiais para a "escassa compensação (um tenente aufere pouco mais de €1.400 mensais)" quando confrontada com "todo um conjunto de responsabilidades [dos pilotos] (defesa aérea, transporte, patrulhamento, fiscalização, busca e salvamento, evacuação sanitária, cooperação no âmbito da protecção civil)".
 
Em matéria de suplementos, os militares contestavam, por exemplo, o corte na atribuição do suplemento de residência. Este suplemento era atribuído a quem residia a mais de 50 quilómetros do local de trabalho e passou, com o atual governo, a ser atribuído apenas aos militares que residam a mais de 100 quilómetros.
 
Estas e outras questões deverão ser debatidas este sábado em Lisboa, estando desde já prometida a apresentação de soluções.


Ler mais: http://expresso.sapo.pt/reuniao-inedita ... z3FlUqxYAH (http://expresso.sapo.pt/reuniao-inedita-pilotos-da-forca-aerea-debatem-problemas-das-esquadras-de-voo=f893000#ixzz3FlUqxYAH)

 :twisted:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Trafaria em Outubro 10, 2014, 10:58:02 pm
Reconheço legitimidade a todos para lutarem pela melhoria das suas condições profissionais.
Mas se censuro e condeno os do meu grupo profissional quando vêem para a rua "fazer o coitadinho" quando dizem ganhar apenas €750,00 também digo que estes senhores só se despromovem perante a opinião publica e levam com o meu desprezo quando afirmam que um tenente piloto aviador ganha apenas €1400.00.
Ganham pouco? Depende dos pontos de vista mas até sou dos que creem que sim. Mas isso não os autoriza a aldrabar.
Procedendo assim só se afastam da sociedade civil, e menos me vou admirando que haja cada vez mais gente a interrogar-se sobre a utilidade das FA e do dinheiro que com elas se gasta.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Outubro 11, 2014, 06:33:10 pm
Investigadores criam aeronave não tripulada para vigilância marítima dentro de dois anos


(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fcdn.obsnocookie.com%2Fwp-content%2Fuploads%2F2014%2F10%2Fcropped-18349634.jpg&hash=ad2de61f06ab473f6a355341cb5011ed)


Prosseguir buscas de náufragos no meio de temporais ou à noite vai ser possível em 2016 em Portugal, com uma aeronave não tripulada (UAV) inventada pelo Centro de Investigação da Academia da Força Aérea (CIAFA) e em testes desde 2012.

A Força Aérea está a desenvolver o maior exercício em Portugal com aeronaves não tripuladas, o “Sharpeye 14″, a partir do aeródromo civil de Santa Cruz, em Torres Vedras, depois de ter investido mais de 500 horas de voo a testar o aparelho.

“O objetivo é integrar este tipo de tecnologia no âmbito do dispositivo da Força Aérea que leva a cabo as missões de busca e salvamento e vigilância marítima. Temos objetivos muito concretos para, dentro de dois anos, ter tecnologia apta a ser utilizada em contexto operacional. A ideia não é substituir as aeronaves tripuladas, mas sim complementá-las”, explicou o coronel José Morgado, diretor do CIAFA, à agência Lusa.

O diretor do CIAFA sublinhou que, em articulação com aeronaves tripuladas, as UAV conseguem aumentar a eficácia operacional e constituem uma poupança para o país, adiantando que os custos de combustíveis associados a uma hora de voo rondam os 0,50 euros, uma diferença abissal em relação às aeronaves tripuladas empenhadas nestas missões.

Uma central móvel, com diversos equipamentos informáticos e de telecomunicações de ponta, trabalha como cabine de pilotagem, dando instruções remotas ao UAV “Alpha” no sentido de alterar a sua velocidade, altitude ou rumo, mas também recebe as imagens que em tempo real vai captando.

Durante 15 dias, os militares estão empenhados em testar voos sobre o mar da costa Oeste, aterragens automáticas sem a presença do operador, testar o envio dos dados para sistemas de informação oficiais e deteção, identificação e localização de alvos na água, até uma distância de 100 quilómetros da costa.

O aparelho, dependente de pista para as operações de descolagem e aterragem, pesa no máximo 25 quilos e possui autonomia que pode ir até às quatro horas. Está dotado de tecnologia para efetuar operações para detetar embarcações, balsas salva-vidas ou até náufragos com colete salva-vidas, mas também assegurar outras ações de vigilância costeira.

“Estaríamos em condições de usar uma rede de UAV para neste momento intervir no acidente do Prestige de 2002, em que foi necessário ter meios aéreos tripulados da Força Aérea permanentemente no ar a monitorizar em tempo real a evolução da mancha de petróleo”, exemplificou.

UAV semelhantes ao “Alpha”, como o AS30, podem ter tecnologia adaptada e serem até lançados de catapultas, sem necessidade de pista, para outras missões militares, como apoio a navios da Marinha, ou, no campo civil, monitorização por exemplo de linhas de distribuição de energia elétrica, do estado das arribas ou de fogos florestais.

O “Alpha”, cujo custo da investigação do protótipo rondou os 15 mil euros, vai ser testado, pela última vez, em 2015/2016, num voo a ligar Madeira e Açores.

Lusa
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: sivispacem em Outubro 22, 2014, 07:12:06 pm
Notícias do Báltico:

http://www.aco.nato.int/-nato-air-polic ... c-sea.aspx (http://www.aco.nato.int/-nato-air-policing-fighters-intercept-russian-aircraft-over-the-baltic-sea.aspx)


NATO Air Policing Fighters Intercept Russian Aircraft over the Baltic Sea
MONS, Belgium – NATO radars detected and tracked one unidentified aircraft flying in the vicinity of Allied airspace in the Baltic Sea on Tuesday, 21 October at approximately 9 a.m. CET.  Fighter jets from NATO Ally Denmark (F-16) were scrambled, as were Portuguese F-16 aircraft from NATO’s Baltic Air Policing Mission in order to identify the aircraft and maintain the security of Allied air space.  Non-NATO fighters from Sweden were also involved in the intercept.
 
The aircraft was identified as a Russian IL-20 (intelligence collection aircraft). The Russian IL-20 took off from Kaliningrad and commenced flying over the Baltic Sea towards Denmark.  The Russian aircraft was first intercepted by Danish F-16’s and as the IL-20 headed further north it was intercepted by fighters from Sweden.  The Russian aircraft headed south again and Portuguese F-16’s were scrambled.  At 12:53 p.m. CET the IL-20 approached Estonian airspace from the northeast. The Russian aircraft entered Estonian airspace near the island of Saaremaa for a period of less than one minute, which represented an incursion of about 600 meters into NATO airspace.
 
Portuguese F-16’s made visual contact with the IL-20 and escorted it until it was further away from NATO airspace. NATO jets assigned to the Baltic Air Policing Mission were available throughout the duration of the Russian flight and the IL-20 was continually tracked using Allied assets on the ground and in the air.  
 
Scrambles and intercepts are standard procedure when an unknown aircraft approaches NATO airspace.  However, such flights pose a potential risk to civil aviation given that the Russian military often do not file flight plans, or use their on-board transponders. This means civilian air traffic control cannot detect these aircraft nor ensure there is no interference with civilian air traffic. NATO Allies protect their airspace on a 24/7 basis and NATO tracks all flight activities over Europe.
 
NATO air defence efforts are focused on stopping unauthorized incursions into NATO airspace and on preventing acts of airborne terrorism.
 
Story by SHAPE Pubic Affairs Office
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Novembro 29, 2014, 11:00:22 pm
Citar
Sobre a noticia de ontem da revista "Exame Informática" que dá conta da intenção da Força Aérea Portuguesa construir "drones" destinados a serem empregues operacionalmente, duas notas:
1. A ser verdade e a ter suporte politico significa que o Estado deixa, como até aqui, de financiar apenas o desenvolvimento experimental da tecnologia associada a estes meios aéreos e vai investir ele próprio nestas aeronaves;
2. Será interessante ver se vai haver cooperação/articulação com as empresas privadas a operar nesta área de negócio ou se pelo contrário, estas deixam de ter qualquer hipótese de vingar em Portugal, impossibilitadas que ficam de vender os seus produtos às instituições públicas, cá como em qualquer país os melhores senão únicos clientes deste tipo de meios aéreos.
Sobre os drones da FAP, um artigo datado de 2012.

https://www.facebook.com/pages/Operacional/113078412060406?fref=nf
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Janeiro 07, 2015, 09:16:50 am
http://nblo.gs/12vMYw
Citar
From 1 September 2014 until early January 2015 six Portuguese F-16AM fighters, supported by four Boeing CF-188 (F/A-18) Hornets of the Royal Canadian Air Force (RCAF), were deployed to Siauliai Air Base in Lithuania on a NATO mission to police the skies above the Baltics.  Jorge Ruivo guest reports for GAR.The Russian enclave of Kaliningrad, a sea port located between Poland and Lithuania, is the primary reason the Baltic Air Policing Mission exists with Lithuania being best positioned to conduct missions that involve carrying out surveillance sorties in that area. This deployment, Block 36, which included Canada for the first time, was the third rotation since the NATO Baltic Air Policing tasking was strengthened at the end of April 2014 as a result of rising regional tensions between Ukraine and Russia. The German Air Force operated from Amari Air Base in Estonia with four Eurofighter EF2000s while four Royal Netherlands Air Force F-16AMs operated from Malbork in Poland.
The Baltic Air Policing commitment is a purely defensive mission and involves the patrolling of Baltic skies and escorting any infringing aircraft out of European airspace. The interception of Russian military flights has multiplied, at a time when tensions between Moscow and the West are at their highest point since the end of the Cold War.
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.globalaviationresource.com%2Fv2%2Fwp-content%2Fgallery%2Fpoaf-caf-baltic-air-policing%2FQRAfoto7b.jpg%3Fi%3D758333183&hash=581a6edae8e78712f772b29856d0d422)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.globalaviationresource.com%2Fv2%2Fwp-content%2Fgallery%2Fpoaf-caf-baltic-air-policing%2F15105foto11b.jpg%3Fi%3D267397892&hash=cfb4dc25b32aef9e489bfea9453862ab)

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Janeiro 13, 2015, 10:11:13 am
https://www.facebook.com/Esquadra751
Citar
Foi atribuído à ‪#‎esquadra751‬ o prémio “Sikorsky Humanitarian Service Award”!
Este reconhecimento provém da Helicopter Association International que, este ano, concedeu o prémio à Esquadra 751 pelo trabalho que tem sido desenvolvido ao longo dos anos nas missões de Busca e Salvamento. Esta entidade destaca os resgates de longo alcance, referindo a missão mais longa da história da Esquadra em que foi percorrida a distância de 1344km, e os salvamentos no mar e junto à costa.
Para nós, este reconhecimento é prestigiante e dignifica todos os militares envolvidos nesta missão, sem nunca esquecer:
“Para que outros vivam”
(https://fbcdn-sphotos-g-a.akamaihd.net/hphotos-ak-xap1/v/t1.0-9/10915234_895172217183148_5182406292437211822_n.jpg?oh=408b7d3327aa85e96e0c15d283325de1&oe=5531EEB2&__gda__=1433180526_a20c0008e79dde25b5abb51abe4b4e99)

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Spotter21 em Janeiro 14, 2015, 09:39:49 pm
Boas,

http://nblo.gs/12Epdg (http://nblo.gs/12Epdg)

Citar
A Esquadra 751 está de parabéns ao ser reconhecida pela Helicopter Association International (HAI) com o prémio "Sikorski Humanitarian Service Award". Um prémio digno de ser registado pela importância que tem e é um prémio que reconhece aqueles que por meio de um único ato ou de uma vida de serviço e dedicação, exemplificam o melhor da industria da asa rotativa.

Jorge Ruivo
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Janeiro 24, 2015, 09:34:02 am
http://theaviationist.com/2015/01/23/su-27-intercept-poaf-p3/
Citar
A clip just released shows a close encounter over the Baltics between a Russian Flanker and a NATO P-3 Orion.
The following footage is quite unique: it shows a single Russian Air Force Su-27 Flanker jet as it intercepts and shadows a P-3 Orion, reportedly flying over the Baltics.

According to the source who sent it to us, the (unclassified) video was filmed in November 2014 by “one of the sensors carried by a Portuguese Air Force P-3 Orion MPA – Maritime Patrol Aircraft – during a mission over the Baltic Sea.”

The clip clearly shows the fully armed Su-27 approach the surveillance plane from the starboard side (at safe distance…), use the air brake to slow down speed and then break away.

According to our source, it’s pretty standard for the Russian Air Force to launch a single fighter jet to identify and escort NATO surveillance planes.

As reported a few weeks ago, Russian Air Force spyplanes skirting foreign airspaces are frequently intercepted by NATO planes providing Baltic Air Policing task. This video proves that even the Russians keep an eye on NATO and non-NATO’s surveillance and intelligence gathering activities in the region.

The Portuguese Air Force operates a fleet of P-3 Orion aircraft within the 601 Squadron “Lobos” (Esquadra 601), a maritime patrol and anti-submarine warfare squadron based at Beja Air Base.
Também demos trabalho aos os russos... :wink:
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Ftheaviationist.com%2Fwp-content%2Fuploads%2F2015%2F01%2FSu-27-intercepting-P-3.jpg&hash=1f61f36e6998236547277ba47f834e80)

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Toni87 em Fevereiro 28, 2015, 03:33:38 pm
http://www.rtp.pt/noticias/index.php?ar ... &visual=61 (http://www.rtp.pt/noticias/index.php?article=808377&tm=8&layout=122&visual=61)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Alvalade em Fevereiro 28, 2015, 05:32:28 pm
Citação de: "Toni87"
http://www.rtp.pt/noticias/index.php?article=808377&tm=8&layout=122&visual=61


YPG são curdos.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Março 05, 2015, 08:51:06 pm
Militar encontrado morto em alojamento da base aérea de Beja
Citação de: "LUSA/PÚBLICO"
Um militar da Força Aérea Portuguesa (FAP), de 23 anos, foi nesta quinta-feira encontrado morto num alojamento da base aérea de Beja, com indícios de "morte não natural", disseram à agência Lusa fontes militares.

Segundo a mesma fonte, o jovem pertencia à Base Aérea n.º 6, no Montijo, mas foi destacado para Beja (Base Aérea n.º 11) para reforçar o efectivo daquela unidade em virtude da realização do exercício militar denominado Real Thaw, acrescentando que o caso já está a ser investigado pela Polícia Judiciária Militar.

Em comunicado entretanto divulgado na sua página da internet, a Força Aérea Portuguesa (FAP) lamenta a morte do militar, natural do concelho do Barreiro, que se encontrava ao serviço da instituição desde Dezembro de 2012.

A FAP acrescenta que foram notificadas as autoridades competentes, nomeadamente a Polícia Judiciária Militar, no sentido de serem apuradas as circunstâncias do óbito.
fonte: http://www.publico.pt/sociedade/noticia/militar-encontrado-morto-em-alojamento-da-base-aerea-de-beja-1688222

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Menacho em Março 14, 2015, 07:57:02 pm
La Fuerza Aérea rusa realiza con un AN-30B un vuelo de observación sobre territorio español y portugués en el marco del Tratado de Cielos Abiertos

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.defensa.com%2Fimages%2Fstories%2Fnoticias%2F2015%2F3%2F150311-uve-cielos-abiertos-01.jpg&hash=b3fdc0045a050c56ede9a784f0eec7b7)

Citar
(defensa.com) De acuerdo con el Tratado de Cielos Abiertos, firmado en Helsinki el 24 de marzo de 1992, un equipo compuesto por diecisiete representantes de las Fuerzas Aéreas de la Federación de Rusia realizó un vuelo de observación sobre territorio portugués y español con una aeronave de observación AN-30B, entre los días 2 y 6 de marzo. Antes de la ejecución del vuelo, tanto la aeronave como los sensores de observación fueron inspeccionados por representantes portugueses y españoles de ambas Unidades de Verificación. A bordo del avión, miembros de la Unidad de Verificación controlaron la utilización de los sensores de observación de acuerdo con las disposiciones del Tratado, así como la estricta ejecución de la ruta previamente acordada.

La distancia sobrevolada por el avión ruso fue de 1.700 kilómetros, siendo la distancia total permitida por el Tratado en España de 1.800 Kilómetros.El sensor utilizado para la toma de imágenes fue digital, el primero de este tipo en entrar en servicio en el Tratado de Cielos Abiertos después de haber sido certificado en 2014 por todos los Estados Parte del mismo. Se trata en concreto de una cámara fabricada por la empresa rusa PO KSI, modelo OSDCAM 4060.

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.defensa.com%2Fimages%2Fstories%2Fnoticias%2F2015%2F3%2F150311-uve-cielos-abiertos-02.jpg&hash=dc8f07ae20746e2dde2ef7e82857138e)

El procesado y duplicado de las imágenes resultantes se realizó en instalaciones de la B.A. de Lisboa con una unidad de procesado en tierra facilitada por la Federación de Rusia. Personal de las Unidades de Verificación portuguesa y española controló el proceso con la finalidad de hacer cumplir las Decisiones tomadas al efecto por el órgano que regula el funcionamiento del Tratado: la Comisión Consultiva de Cielos Abiertos.

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.defensa.com%2Fimages%2Fstories%2Fnoticias%2F2015%2F3%2F150311-uve-cielos-abiertos-03.jpg&hash=5ea26aaa5d5f7f80760c5365f49b17d0)

Dicho Tratado se encuadra dentro de los compromisos contraídos por los Estados Parte en la Organización para la Seguridad y la Cooperación en Europa (OSCE) para promover una mayor apertura y transparencia en sus actividades militares mediante la creación de un régimen de Cielos Abiertos para la observación
aérea. Permite a sus Estados Parte la observación de cualquier parte del territorio de otro Estado Parte realizando fotografías aéreas con una resolución máxima de 30 centímetros.

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.defensa.com%2Fimages%2Fstories%2Fnoticias%2F2015%2F3%2F150311-uve-cielos-abiertos-04.jpg&hash=f40799ca8184f39063a2941bf91388ae)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Março 16, 2015, 11:15:48 am
https://www.facebook.com/Walkarounds?pnref=story
Citar
Partiu ontem pelas 09:30 o C-130 nº16804 da Esquadra 501 - Bisontes rumo ao Mali para assumir mais dois meses de apoio às operações da ONU no âmbito da ‪#‎MINUSMA‬. O Walkarounds reitera à FND o desejo de uma boa missão.
(https://scontent-mad.xx.fbcdn.net/hphotos-xpf1/v/t1.0-9/10432963_10153233819454905_3459359278594584543_n.jpg?oh=900485c8b79517756edaabbe5c93ba4e&oe=557F116D)
(https://scontent-mad.xx.fbcdn.net/hphotos-xfp1/v/t1.0-9/10155361_10153233819449905_1359234752232040014_n.jpg?oh=707c74d3cc144060c016a99bbe7ab4ee&oe=5578E420)

Saudações
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: olisipo em Março 24, 2015, 10:32:26 am
Portugal begins modernisation of F-16s

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.janes.com%2Fimages%2Fassets%2F119%2F50119%2F1631261_-_main.jpg&hash=c9124df2658b8de5784b98f4eb81fa80)

The Portuguese aerospace company Industria Aeronáutica de Portugal (OGMA) recently began to upgrade three Lockheed Martin F-16A Block 15 Fighting Falcon fighters for the Portuguese Air Force (FAP), the Portuguese Ministry of National Defence has told IHS Jane's

All three aircraft will be upgraded to the F-16AM Mid Life Upgrade (MLU) standard by 2017.

The US government gave Portugal the aircraft in August 2013 as excess defence articles. Portugal only paid for their preparation, packaging and shipment.

The acquisition of the three F-16 is a consequence of Portugal's sale of nine F-16AM single seat and of three
 F-16BM twin-seat aircraft to Romania under an agreement signed in 2013.

Continua http://www.janes.com/article/50119/port ... n-of-f-16s (http://www.janes.com/article/50119/portugal-begins-modernisation-of-f-16s)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Alvalade em Março 31, 2015, 05:29:22 pm
Citar
Aeronave militar faz aterragem forçada na zona de Monte Real, Leiria

Leiria, 31 mar (Lusa) -- Uma aeronave da Força Aérea Portuguesa efetuou hoje uma aterragem forçada na zona de Monte Real, concelho de Leiria, mas os dois tripulantes não sofreram ferimentos, disse à Lusa o porta-voz da instituição.

"Uma aeronave da Força Aérea Portuguesa EPSILON-TB30 efetuou uma aterragem forçada na área de Monte Real. Ambos os tripulantes não sofreram qualquer tipo de ferimentos", afirmou o coronel Rui Roque, porta-voz da Força Aérea.

Segundo Rui Roque, "trata-se de uma aeronave de instrução que estava a efetuar um voo de instrução", apontando, para já, a possibilidade de na origem da aterragem forçada estar uma "falha mecânica", mas ressalvando que a Força Aérea está a investigar.

http://visao.sapo.pt/aeronave-militar-f ... z3Vyumcgqu (http://visao.sapo.pt/aeronave-militar-faz-aterragem-forcada-na-zona-de-monte-real-leiria=f815219#ixzz3Vyumcgqu)

Não consigo perceber se aterrou na BA5.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Março 31, 2015, 08:02:20 pm
Fez uma aterragem não muito bonita num terreno agrícola. Em princípio dará para reparar a aeronave para voltar a voar no futuro.

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi.imgur.com%2FmShkPH2.jpg&hash=b3157c98938f9195aa8aa49d069abade)

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Abril 04, 2015, 10:23:34 am
http://walkarounds-patches.blogspot.pt/2015/03/esquadra-401-cientistas-desactivada.html
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2F3.bp.blogspot.com%2F-Xe3BJhhxqLs%2FVR5fpAyHoZI%2FAAAAAAAAGZA%2FHnLnDE_U-Kw%2Fs1600%2FOldSchool.jpg&hash=172fb0461665d98ccadeb264481a2569)
Citar
Fox Team
(Patch da equipa de preparação dos CASA C-212-300 vendidos ao Uruguai)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2F4.bp.blogspot.com%2F-7YZ0eLHSw8c%2FVR6YTRTOKSI%2FAAAAAAAAGZQ%2F5E88XeT1Uk8%2Fs1600%2FManTag.jpg&hash=3ca6912814c5bd0fd3d3b7efcc35838c)
Citar
Placa nominal Manutenção CASA C-212-300
(Utilizado pela equipa de preparação dos CASA C-212-300 vendidos ao Uruguai)

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: olisipo em Junho 30, 2015, 09:43:48 am
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.infodefensa.com%2Farchivo%2Fimages%2FPortugal_C212-300.jpg&hash=b22ffed27e20f85e66d0cca56e5fd2be)

Una delegación de Uruguay recoge en Portugal los dos aviones C-212-300 adquiridos en diciembre

http://www.infodefensa.com/latam/2015/0 ... tugal.html (http://www.infodefensa.com/latam/2015/06/30/noticia-fuerza-aerea-uruguaya-apresta-recibir-aviones-c212300-adquiridos-portugal.html)

Citar
Una comitiva de nueve efectivos de la Fuerza Aérea de Uruguay partió hacia Lisboa, Portugal, para recibir oficialmente los dos aviones EADS-CASA (actual Airbus D&S) C-212-300 cuya compra se concretó en diciembre pasado (...)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Revyer em Junho 30, 2015, 10:06:19 pm
Boas pessoal, (eu sei que este não é o local indicado, mas nos outros topicos ninguem me responde nunca)
 daqui fala diogo, eu acabei agora o 11º ano, e como já disse em psts anteriores, no final do proximo ano lectivo, quero candidatar-me a PILAV na academia da força aérea mas não consigo encontrar as listas de divulgação dos anos anteriores, precisava dela para perceber se tenho hipoteses ou se devo candidatar-me a outro curso, Obrigado

PS:QUALQUER OUTRA INFORMAÇÃO É BEM VINDA
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Junho 30, 2015, 10:47:05 pm
Se ninguém responde é porque também ninguém encontra!
E não é por colocar outra mensagem que aparece a resposta!

Se quer ser PILAV concorre-se e pronto!
Não interessa andar a ver as médias dos outro e desistir antes de começar.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Julho 01, 2015, 04:40:53 pm
Força Aérea portuguesa integra missão de controlo da migração no Mediterrâneo


Duas aeronaves da Força Aérea portuguesa integram a partir de hoje as operações de controlo da migração irregular no Mediterrâneo da agência europeia de gestão das fronteiras externas (Frontex), informou o Estado-Maior-General das Forças Armadas (EMGFA).

Os dois aviões descolaram na terça-feira de Portugal e vão até 31 de julho participar em missões de reconhecimento e vigilância das fronteiras marítimas do sul de Itália e do sul de Espanha confiadas à agência europeia de gestão da cooperação operacional nas fronteiras externas dos Estados-membros da União Europeia.

Os principais objetivos das missões onde participam os aviões P-3C Cup e C-295M são a "deteção, localização, identificação e acompanhamento de eventuais fluxos migratórios irregulares, de modo a apoiar unidades marítimas no seu controlo", lê-se na nota do EMGFA.

O comunicado divulgado hoje refere ainda que o avião C-295M da Esquadra 502 -- "Elefantes" ficará destacado na operação 'JO EPN INDALO 2015', em Málaga (Espanha), enquanto a aeronave P-3C CUP+, da Esquadra 601 -- "Lobos" atuará em Sigonella (Itália), na operação 'JO EPN TRITON 2015'.

Em maio, a Comissão Europeia apresentou a sua estratégia para a migração, com várias medidas, entre elas o reforço para o triplo dos meios das missões de vigilância e salvamento "Triton" e "Poseidon", confiadas à agência Frontex, e a criação de regimes de acolhimento de refugiados.


Lusa
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Julho 03, 2015, 10:13:15 am
http://defesanacionalpt.blogspot.pt/2015/07/termina-participacao-portuguesa-na.html
Citar
A participação da Força Nacional Destacada (FND) na Roménia na Operação Falcon Defence 15 (OFD15), inserida no contexto das medidas de tranquilização da NATO, terminou às 23h59 (horas da Roménia) do dia 30 de Junho de 2015.

Na cerimónia do arriar da Bandeira de Portugal, o Comandante da Base Aérea de Câmpia Turzii - Coronel Oatu Marius - expressou o seu agrado pela excelente cooperação desenvolvida entre a Força Aérea Portuguesa e a Força Aérea Romena, felicitando os militares portugueses pela sua flexibilidade e capacidade de adaptação. O Comandante da FND - Tenente-Coronel João "Jack" Raimundo - agradeceu o apoio prestado pela Força Aérea Romena e enalteceu as excelentes relações existentes entre os dois países. Aproveitou ainda para desejar a melhor das sortes à Força Aérea Romena com a aeronave F-16 (a Roménia estará - em breve - equipada com estas aeronaves, fruto de um acordo bilateral com Portugal), classificando-a como a "melhor aeronave de combate jamais construída até ao momento".

A FND, a operar desde o dia 04 de Maio na Base Aérea de Câmpia Turzii, Roménia, realizou operações aéreas que resultaram de um programa coerente, sustentável e visível, partilhado por todos os Estados-membros da NATO, como resposta ao clima de instabilidade vivido na região.

O destacamento nacional realizou ainda missões com a Força Aérea Romena, durante os dois meses de destacamento, com o intuito de treinar a defesa da integridade do espaço aéreo NATO, adquirindo e reforçando desta forma, o conhecimento operacional.

O contingente português foi constituído - para além de quatro aeronaves F-16 Fighting Falcon - por noventa militares da Força Aérea Portuguesa das áreas de operações, manutenção, logística, finanças, segurança, comunicações e sistemas de informação e relações públicas. (EMGFA)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2F4.bp.blogspot.com%2F-TGrzNjvCANw%2FVZUUX9C7YXI%2FAAAAAAAATbk%2F9r-ow-VLXbM%2Fs1600%2FFull_2m7f6q8ckgny.jpg&hash=b8aca820de13cbd50913ac27e6f50f2a)

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Aegir em Julho 27, 2015, 11:02:24 pm
P-3C CUP+ Orion da Força Aérea Portuguesa

http://newsavia.com/p-3-portugues-local ... iterraneo/ (http://newsavia.com/p-3-portugues-localiza-centenas-de-migrantes-no-mediterraneo/)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Julho 28, 2015, 11:26:07 am
http://defesanacionalpt.blogspot.pt/2015/07/forca-aerea-portuguesa-nas-operacoes.html
Citar
O P-3C CUP+ Orion da Força Aérea Portuguesa foi decisivo nas operações multinacionais que decorreram esta semana, no Mar Mediterrâneo e que resultaram no resgate de centenas de migrantes irregulares.

As operações, coordenadas pelas autoridades italianas, envolveram meios de vários países que integram a Agência Europeia de Gestão da Cooperação Operacional nas Fronteiras Externas dos Estados-Membros da União Europeia (FRONTEX).

Recorda-se que um destacamento da Esquadra 601 - "Lobos", juntamente com o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, está até 31 de Agosto em Sigonella, Itália, a participar na operação TRITON, da FRONTEX.

Estas operações de vigilância marítima têm, por norma, incidência numa área que vai do sul de Itália ao norte da Líbia, com especial foco na região de Malta. Até ao momento, os "Lobos" já patrulharam uma aérea superior a 900 mil milhas náuticas quadradas, investigaram mais de sete mil alvos e voaram cerca de 70 horas.

Simultaneamente e até final de Julho, está a ser conduzida também a Operação INDALO, a partir de Málaga (Espanha), com o empenhamento de uma aeronave C-295M, da Esquadra 502 - "Elefantes". Esta projecta-se na área da costa sul de Espanha, onde existe uma excelente cooperação entre a Força Aérea Portuguesa e as autoridades espanholas, com vista ao apoio ao controlo da migração irregular com origem no norte de África. (Emgfa)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2F2.bp.blogspot.com%2F-BIpU4x-0ONA%2FVbYmT1PbszI%2FAAAAAAAAUKA%2FAhYA4g3xfmA%2Fs1600%2Ffrontex_4.jpg&hash=3fcba06236a18accc0f06d7d0a93c446)

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: olisipo em Agosto 03, 2015, 05:05:23 pm
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.defensa.com%2Fimages%2Fstories%2Fnoticias%2F2015%2F8%2F19951062220_7f3902b3b5_o.jpg&hash=c3a284fb8edbd2815593d3db186adb5a)

El primer ministro de Portugal visita el destacamento de su Fuerza Aérea en Málaga

http://www.defensa.com/index.php?option ... e&id=16278 (http://www.defensa.com/index.php?option=com_content&view=article&id=16278)
 
Citar
El primer ministro de Portugal, Pedro Passos Coelho, visitó en la Base Aérea de Málaga el destacamento de la Força Aérea Portuguesea (FAP) que participaba en el dispositivo Indalo. (...) El destacamento portugués formado por 19 militares de la Esquadra 502 "Elefantes" y uno de sus Airbus C295 (..)  ha estado operando desde (...) Malaga durante todo el mes de julio (...)

Aunque el 31 de julio la Esquadra 502 terminó su participación en la operación Indalo, la FAP y más concretamente su Esquadra 601 "Lobos" mantiene su participación al servicio del Frontex hasta final de agosto en el ámbito de la operación "Tritón". Recordemos que este dispositivo apoya a Italia ante la gran afluencia de inmigrantes que llegan desde Libia, operando los portugueses con 24 militares y una aeronave P-3C CUP+ Orion desde la estación naval de Sigonella (Sicilia-Italia).

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.defensa.com%2Fimages%2Fstories%2Fnoticias%2F2015%2F8%2F19952407329_6abb87b72d_o.jpg&hash=0d4706a5b9fb2e7433d4fb8fd844fc5d)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Agosto 11, 2015, 08:52:01 pm
Força Aérea Portuguesa resgata 221 migrantes

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg-s-msn-com.akamaized.net%2Ftenant%2Famp%2Fentityid%2FBBlEbM9.img%3Fh%3D768%26amp%3Bw%3D1366%26amp%3Bm%3D6%26amp%3Bq%3D60%26amp%3Bo%3Df%26amp%3Bl%3Df&hash=80e53d8e22a12628f40247c51bd6fe0a)

A Força Aérea Portuguesa, integrada na operação Triton da agência europeia Frontex, resgatou no domingo 221 migrantes irregulares que tentavam atravessar o Mediterrâneo numa embarcação de pesca, anunciou hoje o Estado-Maior-General das Forças Armadas.

Uma aeronave “P-3C CUP+”, da Força Aérea, que se encontra em missão na Base Naval de Sigonella, em Itália, socorreu 39 crianças, 39 mulheres e 143 homens do barco de pesca no qual tentavam atravessar o mar Mediterrâneo, durante mais de sete horas de voo.

As operações, que envolveram meios de vários países que integram a agência europeia Frontex, foram coordenadas pelas autoridades italianas do Centro de Busca e Salvamento Marítimo de Roma, refere o EMGFA (Estado-Maior-General das Forças Armadas) num comunicado na sua página da internet.

Segundo a mesma nota, o destacamento da Esquadra 601 - “Lobos” encontra-se localizado na Base Naval de Sigonella, Itália, juntamente com o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, com a finalidade de participar no esforço da Agência Europeia de Gestão da Cooperação Operacional nas Fronteiras Externas dos Estados-Membros da União Europeia (FRONTEX) para controlo da imigração irregular no Mediterrâneo.

“Estas operações de vigilância marítima decorrem numa área que vai do sul de Itália ao norte da Líbia, com especial foco nas ilhas de Malta e de Lampedusa”, acrescenta o EMGFA.

A missão do destacamento da Esquadra 601 - “Lobos” teve início a 01 de julho e termina no dia 31 de agosto.

Lusa
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Agosto 21, 2015, 11:21:38 pm
Autoridade Aeronáutica Nacional
http://www.aan.pt/ (http://www.aan.pt/)

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.emfa.pt%2Fwww%2Fpo%2Funidades%2Fincludes%2FAAN%2Fconteudos%2Fgaleria%2Fdestaques%2Fheader_532.jpg&hash=e4fb00d0de78378324d6790ff4b21b97)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: olisipo em Agosto 25, 2015, 05:03:25 pm
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.infodefensa.com%2Farchivo%2Fimages%2FUruguay_FuarzaAerea_C212_FAU.jpg&hash=e4b9a7b60409835abe83950c69fc01f9)
(Foto Fuerza Aérea Uruguaya)

Uruguay a punto de recibir los dos aviones C212-300MP adquiridos en Portugal a la FAP

Los dos aviones Airbus C212-300MP adquiridos por la Fuerza Aérea Uruguaya a la FAP arribarán a Montevideo el próximo 29, según lo estimado.

 El pasado 9 llegaron a Portugal una delegación de oficiales y personal subalterno de la FAU para llevar los dos aviones desde la BA de Montijo, en Lisboa, hasta la BA n° 1, en Montevideo.

El periplo, asumiendo que no haya contratiempos, llevará a los dos aviones y sus tripulaciones por Francia, Gran Bretaña, Islandia, Groenlandia, Canadá, Estados Unidos, República Dominicana, Venezuela,  Brasil y Paraguay.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Agosto 25, 2015, 05:44:27 pm
Citação de: "olisipo"
El periplo, asumiendo que no haya contratiempos, llevará a los dos aviones y sus tripulaciones por Francia, Gran Bretaña, Islandia, Groenlandia, Canadá, Estados Unidos, República Dominicana, Venezuela,  Brasil y Paraguay.

Provavelmente o caminho mais curto entre Portugal e o Uruguai  :o  :shock:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: zawevo em Agosto 25, 2015, 06:02:56 pm
De todo não sendo o mais curto é o mais seguro em termos de reabastecimento e instabilidade politica.
Cumprimentos
z
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Agosto 25, 2015, 08:13:41 pm
As aeronaves não têm capacidade de voar de Lisboa à Madeira, dai a Cabo Verde e depois para o Brasil?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Agosto 25, 2015, 08:29:39 pm
Os pilotos querem fazer turismo :mrgreen: .
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Agosto 25, 2015, 09:42:42 pm
Citar
Velocidade / Autonomia
Peso vazio: 4400 Kg
Peso máximo/descolagem: 8100 Kg
Numero de suportes p/ armas: 2
Capacidade de carga/armamento: 2820 Kg
Tripulação : 2
Passageiros: 16 a 18   Velocidade Maxima: 370 Km/h
Máxima(nível do mar): Não disponível
De cruzeiro: 275 Km/h
Autonomia standard /carregado : 835 Km
Citar
Autonomia máxima / leve 2680 Km.
Altitude máxima: 7950 Metros

segundo o área militar

Citar
#1 Montevideo (-34.894119,-56.067451)
#2 Lisboa (38.707165,-9.135517)
Distância
Distância: 9.501,09 km
Rota: http://pt.distance.to/Montevideo/Lisboa

Citar
#1 Fortaleza (-3.718394,-38.543396)
#2 Cabo Verde (16.002083,-24.013197)
Distância
Distância: 2.713,24 km
Rota: http://pt.distance.to/Fortaleza/Cabo-Verde

Se fossem por cabo verde estariam a voar nos limites do avião
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Agosto 25, 2015, 10:56:43 pm
Citação de: "nelson38899"
Citar
Velocidade / Autonomia
Peso vazio: 4400 Kg
Peso máximo/descolagem: 8100 Kg
Numero de suportes p/ armas: 2
Capacidade de carga/armamento: 2820 Kg
Tripulação : 2
Passageiros: 16 a 18   Velocidade Maxima: 370 Km/h
Máxima(nível do mar): Não disponível
De cruzeiro: 275 Km/h
Autonomia standard /carregado : 835 Km
Citar
Autonomia máxima / leve 2680 Km.
Altitude máxima: 7950 Metros

segundo o área militar

Citar
#1 Montevideo (-34.894119,-56.067451)
#2 Lisboa (38.707165,-9.135517)
Distância
Distância: 9.501,09 km
Rota: http://pt.distance.to/Montevideo/Lisboa

Citar
#1 Fortaleza (-3.718394,-38.543396)
#2 Cabo Verde (16.002083,-24.013197)
Distância
Distância: 2.713,24 km
Rota: http://pt.distance.to/Fortaleza/Cabo-Verde

Se fossem por cabo verde estariam a voar nos limites do avião

Boas,

Essa rota não pode ser efectuada por este tipo de aeronave, não tem Raio de acção suficiente nem tem ETOPS para a executar.

1º Leg - LIS-FNC - 1212 kms
2º Leg - FNC-SID - 2065 kms
3º Leg - SID-FOR - 2664 kms

De Ponta Delgada á Terra Nova são 2448 Kms e não conseguem executar esse voo pelos mesmos motivos limitativos, raio de acção, pois ficam sem combustível para alternante, nem para Holding !

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Agosto 26, 2015, 12:02:43 pm
De barco ou Antonov não?
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi.ytimg.com%2Fvi%2FpUdzVnZBaoY%2Fmaxresdefault.jpg&hash=656884a9b52faeb060a49ea8d18e273f)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fantonov-an.com%2Fwp-content%2Fuploads%2F2013%2F01%2Fantonov-an-225-cargo.jpg&hash=62e9afc6913ca8dedddd48d2bc7a4b65)

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Agosto 26, 2015, 01:03:36 pm
Penso que o que eu escrevi está bem explicito !

Boas,

Essa rota não pode ser efectuada por este tipo de aeronave, não tem Raio de acção suficiente nem tem ETOPS para a executar.


1º Leg - LIS-FNC - 1212 kms
2º Leg - FNC-SID - 2065 kms
3º Leg - SID-FOR - 2664 kms

De Ponta Delgada á Terra Nova são 2448 Kms e não conseguem executar esse voo pelos mesmos motivos limitativos, raio de acção, pois ficam sem combustível para alternante, nem para Holding !

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Agosto 26, 2015, 04:26:30 pm
Citação de: "tenente"
Penso que o que eu escrevi está bem explicito !

Boas,

Essa rota não pode ser efectuada por este tipo de aeronave, não tem Raio de acção suficiente nem tem ETOPS para a executar.

Cumprimentos
Estou a perguntar se não seria mais fácil fretar um antonov ou um navio para levar os Aviocar?

Saudações
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: zawevo em Agosto 26, 2015, 04:34:21 pm
tenente,
O pessoal daqui não sabe o que ETOPS.

mafets
Para serem transportados por navio ou avião teriam que ser desmontados o que oneraria brutalmente o transporte.
Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Agosto 26, 2015, 05:15:15 pm
Os aviões até que podiam ser transportados por navio sem ser desmontados, o problema é que vai ter na mesma custos acrescidos, pode mesmo até demorar o mesmo tempo que fazendo o voo indirecto, e teriam de ser transportados no convés do navio, ficando expostos aos elementos e à corrosão do ar e da água do mar e ainda arriscando-se a serem danificados ou destruídos durante a viagem.

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Agosto 26, 2015, 05:34:00 pm
Isto é simples matemática. O que fica mais barato, o combustivel para os voos, alugar um navio, alugar um Antonov? É que estamos a falar de 2 aviões, se fossem 10 aviões (por exemplo) podia já compensar alugar um navio, é uma questão de números.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Agosto 26, 2015, 06:08:56 pm
Citação de: "zawevo"
tenente,
O pessoal daqui não sabe o que ETOPS.

mafets
Para serem transportados por navio ou avião teriam que ser desmontados o que oneraria brutalmente o transporte.
Cumprimentos

Hoje em dia qualquer criança sabe utilizar o google o que, de certa forma, é uma chatice — e até frustrante — para os especialistas que vêem o seu "saber só de experiências feito" posto em causa.

http://lmgtfy.com/?q=etops
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: zawevo em Agosto 26, 2015, 07:54:03 pm
NVF

Não se amofine.
O meu comentário era para quando se utiliza um termo técnico se deva dar uma pequena explicação sobre o mesmo. É que eu até nem sou técnico da área e sou preguiçoso para andar à procura.

cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Agosto 26, 2015, 08:00:16 pm
O comentário não era de todo destinado a si, caro zawevo, mas aos auto-proclamados especialistas.  :G-beer2:
Título:
Enviado por: Lightning em Agosto 26, 2015, 08:33:40 pm
Estes pilotos São umas meninas :mrgreen:

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fcvc.instituto-camoes.pt%2Fciencia%2Fpercurso.jpg&hash=0dc70a1084f31043582246f7bb98320d)
Título: Re:
Enviado por: Alvalade em Agosto 27, 2015, 01:57:11 pm
Citação de: "Lightning"
Estes pilotos São umas meninas :mrgreen:

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fcvc.instituto-camoes.pt%2Fciencia%2Fpercurso.jpg&hash=0dc70a1084f31043582246f7bb98320d)

O problema é que eles perderam dois aviões pelo caminho.

Portanto só um aviocar chegaria ao destino.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Agosto 27, 2015, 05:08:37 pm
E não se esqueçam que os aviocares ainda não sabem flutuar!  :mrgreen:  :mrgreen:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Agosto 27, 2015, 08:02:24 pm
Então e já seguiram rumo ao destino?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Setembro 10, 2015, 02:47:04 pm
Construção da aeronave KC-390 vai custar mais 8,3 milhões de €€ ao Estado


O Governo autorizou hoje um aumento de despesa de mais 8,3 milhões de euros no âmbito da participação do Estado Português no projeto de desenvolvimento e produção da aeronave KC-390.

"A autorização hoje aprovada de despesa foi de um aumento de despesa de mais 8,3 milhões de euros fazendo ascender o total do projeto a 38,3 milhões de euros para o período dos próximos quatro anos", referiu o ministro da Presidência, Luís Marques Guedes, na conferência de imprensa realizada no final da reunião semanal do Conselho de Ministros.

Marques Guedes recordou, a propósito, que este é um projeto que "já vem do Governo anterior" e resulta de uma parceria entre entidades portuguesas e a brasileira Embraer, em construção na região do Alentejo, em Évora.

Lusa
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Setembro 10, 2015, 05:33:21 pm
^ Essa notícia estaria melhor colocada no tópico dedicado ao avião ou da Embraer. Estas aventuras do ministro da Defesa e do governo não deveriam ter lugar aqui no tópico de notícias da Força Aérea Portuguesa, a não ser que a notícia referi-se directamente que vão roubar dinheiro ao orçamento da FAP/defesa para financiar esse projecto.

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Setembro 11, 2015, 09:37:10 pm
A notícia não refere, mas já se sabe de onde vem o dinheiro  :roll:  Volta na volta até é parte do dinheiro que iria originalmente para o Siroco.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Setembro 14, 2015, 03:50:37 pm
Citação de: "HSMW"
Então e já seguiram rumo ao destino?
Não. Estava a aterrar um hoje no montijo às 13.15, ainda com as cores da Fap.
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2F4.bp.blogspot.com%2F-G2k2X5oCFdo%2FTlbU14qgSkI%2FAAAAAAAAAXY%2Fd93bH17Do-k%2Fs1600%2Fav1.jpg&hash=4c76c9f2bf608681b99db90820d9dfef)

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: zawevo em Setembro 16, 2015, 03:14:31 pm
Saído na imprensa de hoje

http://newsavia.com/aviocar-da-fap-prep ... o-uruguai/ (http://newsavia.com/aviocar-da-fap-preparados-para-seguir-viagem-para-o-uruguai/)

Cumprimentos.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: olisipo em Setembro 24, 2015, 10:53:12 am
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fdefensa.com%2Fimages%2Fstories%2Fnoticias%2F2015%2F8%2Fvuelo_ferry_usa_foto02.jpg&hash=20229b2124d39df3e8c01ece99210ee5)

Los C 212/300 que la FAU adquirió a Portugal ya están en Norfolk

http://defensa.com/index.php?option=com ... e&id=16595 (http://defensa.com/index.php?option=com_content&view=article&id=16595)

Citar
Las aeronaves vienen cumpliendo un largo periplo desde Montijo por el Mar del Norte, vía Nantes, Aberdeen, Islandia, Groenlandia, Goose Bay, Bangor y Norfolk [Virginia, EUA], previéndose para las próximas horas el arribo a Santo Domingo, en donde, muy probablemente, se realice un  descanso prolongado de las tripulaciones y una evaluación del mantenimiento general de los aparatos, para luego continuar viaje.

La etapa siguiente será Ciudad Guayana  (Venezuela), Manaus, Cuiabá y Asunción, para arribar, aproximadamente el 1 de octubre a Uruguay, para ser recibidos por el Comandante en Jefe de la FAU, el Gral. del Aire Alberto Zanelli e integrarse al Escuadrón Aéreo No. 3 (Transporte), basado en Carrasco. Javier Bonilla , Jueves 24 de septiembre de 2015, 07,22
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Outubro 03, 2015, 12:31:12 pm
Chegada dos CASA 212 Uruguaios a casa: https://www.facebook.com/Walkarounds
(https://scontent-ams3-1.xx.fbcdn.net/hphotos-xtp1/v/t1.0-9/12119076_1498167067175196_7891648120564184203_n.jpg?oh=fecce65ff80830338934609478f8290a&oe=5690479C)
(https://scontent-ams3-1.xx.fbcdn.net/hphotos-xat1/v/t1.0-9/12088082_1498167253841844_5909825430828375398_n.jpg?oh=ac972c404f158081e6a41c4be15a1613&oe=569D9CDE)
(https://scontent-ams3-1.xx.fbcdn.net/hphotos-xtp1/v/t1.0-9/12141714_1498167323841837_5675793336792692891_n.jpg?oh=6e96e7ef61646986e476a91da7a2583c&oe=568BCE83)
(https://scontent-ams3-1.xx.fbcdn.net/hphotos-xpt1/v/t1.0-9/12118816_1498167477175155_5317304570736120513_n.jpg?oh=84ee4a4389d04aee75cdf6bb961663f7&oe=569546E0)

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: olisipo em Outubro 05, 2015, 11:54:42 am
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fdefensa.com%2Fimages%2Fstories%2Fnoticias%2F2015%2F9%2Fc-212%2520300%2520fau%2520ferry%2520venezuela.jpg&hash=02019b49631e9a8c19846711eee78fe4)

 :arrow: Llegaron a Uruguay los C-212-300 ex Portugal  (22 fotos)

http://modocharlie.com/2015/10/llegaron ... hJY2X3tbMl (http://modocharlie.com/2015/10/llegaron-a-uruguay-los-c212-300-ex-portugal/#.VhJY2X3tbMl)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: miguelbud em Novembro 10, 2015, 09:57:45 am
@ Diário económico
Citar
Força Aérea quer fornecer aviões não tripulados em 2016
O projecto de investigação e desenvolvimento dos sistemas aéreos autónomos não tripulados teve início em 2009, na Academia da Força Aérea, em Sintra e, seis anos depois, a FAP diz estar “em condições” de iniciar a transferência desta tecnologia com vista à criação de dois tipos de veículo aéreo não tripulado (UAV na sigla em inglês).

O director do Centro de Investigação, Desenvolvimento e Inovação da Força Aérea (CIDIFA) disse à agência Lusa que um dos UAV (Classe II - peso máximo de 500 quilogramas à descolagem) será construído a “nível nacional” por consórcios e para uso exclusivo da FAP na vigilância marítima, enquanto o outro (Classe I – peso máximo de 25/30 quilogramas à descolagem) estará disponível para utilização por forças de segurança, outros ramos das Forças Armadas e entidades civis.

“O nosso objetivo relativamente ao Classe II é operacionalizar este tipo de sistema dentro de dois anos no contexto da Força Aérea. Relativamente ao Classe I, diria que (…) num ano estaremos em condições de disponibilizar (…) este tipo de tecnologia a outras entidades, nomeadamente a outros ramos das Forças Armadas, forças de segurança e outras entidades de carater governamental e não-governamental”, afirmou o coronel José Morgado, durante uma sessão de voos no centro de testes na Base Aérea da Ota, Alenquer.

A FAP quer, “dentro de um horizonte temporal de dois anos”, ter a primeira esquadra de UAV para complementar a missão das aeronaves tripuladas, utilizadas na vigilância da costa portuguesa.

“Estes corredores são das zonas marítimas mais movimentadas do mundo. Passam aqui diariamente entre 350 a 400 navios e é fundamental que tenhamos meios consentâneos com as nossas capacidades económicas e financeiras de monitorizar intensamente, de uma forma muito persistente, esses corredores. A utilização destes sistemas não tripulados, em complemento das aeronaves tripuladas, será uma mais-valia fundamental nesse objetivo”, salientou o diretor do CIDIFA.

Além da criação deste modelo, de Classe II, a FAP está a preparar a transferência de tecnologia de um UAV (Classe I) para disponibilizar, já a partir do próximo ano.

O coronel José Morgado contou que esta ideia surgiu de um desafio lançado pela EDP ao CIDIFA para o desenvolvimento de um UAV para monitorização de linhas elétricas, trabalho que é atualmente feito com recurso a helicópteros, sendo estes voos “caros e perigosos”.

Para 2016 já estão acertados com a EDP a realização de testes operacionais no terreno.

O diretor do CIDIFA admitiu que este sistema poderá ser aplicado “a todo um manancial” de situações de “natureza militar e na área da segurança”, nomeadamente pela Marinha, Exército e GNR, ou por entidades civis para, por exemplo, monitorização agrícola ou de espécies animais protegidas.

Questionado sobre o facto de outros ramos das Forças Armadas e de segurança recorrerem a empresas privadas quando a FAP está preparada para fornecer estes equipamentos, o diretor do CIDIFA escusou-se a comentar, mas garantiu que estes UAV, desenvolvidos pela FAP, serão “mais baratos do que comprados ao estrangeiro”. Segundo este responsável, uma hora de voo deste aparelho custa 50 cêntimos em termos de combustível.

Os UAV do CIDIFA têm cerca de 700 horas de voo e vão participar, ainda este mês, no exercício militar Zarco, que decorrerá na Madeira, estando previsto um voo entre o Porto Santo e as Ilhas Selvagens.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Crypter em Novembro 10, 2015, 04:33:23 pm
São estes UAV's cujo desenvolvimento fazia parte das contrapartidas dos Submarinos?

Tenho ideia que na altura falava-se em algo deste género..
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: miguelbud em Novembro 10, 2015, 10:30:18 pm
São estes UAV's cujo desenvolvimento fazia parte das contrapartidas dos Submarinos?

Tenho ideia que na altura falava-se em algo deste género..
Submarinos?????????? Nao quererás dizer modernizaçao dos P-3?

Eu sei das contrapartidas dos P-3, onde estiveram cá tenicos da Lockheed. Quanto á pergunta em si, acho que o UAV resultante dessas contrapartidas foi o PITVANT e pela descriçao nao me parece.

O Forum Defesa tem aqui um membro que participou num projecto de um UAV da FAP, talvez ele possa esclarecer...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Novembro 10, 2015, 11:29:46 pm

Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Alvalade em Dezembro 21, 2015, 05:27:43 pm
Mais umas aquisições de final de ano:

http://www.base.gov.pt/Base/pt/Pesquisa/Contrato?a=1908033 - Aquisição de coletes balísticos

http://www.base.gov.pt/Base/pt/Pesquisa/Contrato?a=1908031- Aquisição de pistolas
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mayo em Janeiro 02, 2016, 11:51:31 am
Que tipo de pistolas ?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: antoninho em Janeiro 02, 2016, 07:37:26 pm
Se abrir o contrato em pdf, vai ler isto. Atenção que isto é uma compra de pistolas e não devem ser normais, mas da guerra das estrelas, tipo a lazer.


NÃO DIVULGAÇÃO DO CLAUSULADO CONTRATUAL, POR
CONTER DADOS E REFERÊNCIAS TÉCNICAS RELATIVAS AOS
SISTEMAS DE ARMAS DA FORÇA AÉREA QUE NÃO DEVEM TER
DIVULGAÇÃO PÚBLICA.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Janeiro 03, 2016, 03:39:37 am
Sendo via DEFMAT (representante em Portugal de uma marca de armamento, entre outros) não deve ser difícil acertar qual a marca e o modelo...mas respeita-se o que consta no pdf que o forista "Antoninho" referiu.
Se olharmos para o que consta na lista de material adjudicado a esta empresa...basta associação de ideias:
http://www.base.gov.pt/Base/pt/ResultadosPesquisa?type=contratos&query=adjudicatariaid%3D67412
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Crypter em Janeiro 03, 2016, 12:44:39 pm
C130 bate na pista ao aterrar Susto nos Açores.

Um C130 da Força Aérea portuguesa bateu terça-feira com a ‘barriga’ na pista do aeroporto de Ponta Delgada, Açores, durante uma aterragem atribulada devido a rajadas de vento de 90 km/h, apurou o CM. O avião, uma ligação semanal da Força Aérea entre continente e Açores, deveria aterrar na base das Lajes, mas foi impedido pelo temporal e ventos cruzados. Seguiu para Ponta Delgada, onde as condições eram semelhantes. Na aterragem, o vento fez o avião raspar na pista rasgando um painel. Na quarta-feira, uma equipa de manutenção verificou o C130 e este regressou ao Montijo, onde está a ser apurado se sofreu danos estruturais.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/nacional/portugal/detalhe/c130_bate_na_pista_ao_aterrar.html
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: jorgeshot1 em Janeiro 03, 2016, 09:39:05 pm
Ministro da Defesa decidiu enviar mais tropas para os teatros de operações e em números significativos.
http://www.dn.pt/portugal/interior/mais-de-um-milhar-de-militares-para-missoes-externas-em-2016-4961866.html
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Fevereiro 27, 2016, 01:46:59 am
A Bulgária está interessada em comprar F16 a Portugal e já fez a pergunta ao atual Governo sobre se tinha aparelhos disponíveis para venda, à semelhança do que aconteceu recentemente com a Roménia.

O ministro da Defesa, José Azeredo Lopes, confirmou esse contacto, durante a audição parlamentar sobre o Orçamento para 2016 e na sequência de uma pergunta do CDS, adiantando, contudo, que os aviões F16 que a Força Aérea tem são necessários e que não podem ser alienados. O Governo, revelou o ministro, está a “estudar a hipótese” de adquirir mais F16, que são disponibilizados pelos EUA a Portugal ao abrigo de um acordo militar bilateral de cooperação, para depois fazer, em solo português, uma modernização (MLU) das aeronave e vendê-las posteriormente.

“Não vamos pôr em causa a capacidade operacional da Força Aérea”, garantiu o ministro, acrescentando que a Bulgária manifestou o seu interesse dada a “qualificação, honestidade e cumprimento de prazos” evidenciados pelas Forças Armadas.

Os aviões norte-americanos iriam substituir os Mig-21, de fabrico soviético, da Força Aérea búlgara.

Portugal vendeu, em 2013, 12 aviões F16 à Roménia por 78 milhões de euros. Os aparelhos vão ser entregues durante este ano e 2017.

O contrato tinha o valor de 186 milhões de euros, mas como a modernização custou 108, o lucro foi de 78 milhões. Três dos 12 aviões tiveram que ser comprados com o propósito de revenda aos EUA, pois a Força Aérea só dispunha de nove.

Ao todo, Portugal tinha 39 caças e a Força Aérea pretendia ficar com 30 – sendo que uma parte destes ainda não fez a actualização mid-life update (MLU).

A primeira esquadra de 20 F-16 foi comprada no tempo de Cavaco Silva, numa altura em que o ministro da Defesa era Fernando Nogueira, tendo os aviões chegado a Portugal em 1994. A segunda esquadra foi comprada durante o governo de António Guterres, era ministro da defesa Veiga Simão, tendo as aeronaves sido entregues à Força Aérea portuguesa em 1999. Nessa altura, custaram 50 milhões de euros.

Desde que a segunda esquadra foi recebida que o objetivo era modernizá-la, razão pela qual os aviões ficaram na base de Monte Real exatamente como vieram dos EUA, empacotados por blocos de peças, à espera de haver dinheiro para a sua montagem. Esse trabalho só começou em 2004, na OGMA, foi sendo gradual e, a determinada altura, a prioridade foi preparar primeiro os aviões a ser vendidos.

http://observador.pt/2016/02/26/bulgaria-quer-comprar-f16-portugal/
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Março 06, 2016, 04:37:17 pm
É uma questão de avaliar os ganhos... Se fosse possível adquirir células do stock da USAF, converter cá e vender, e ter um lucro, era uma hipótese da ter em conta... Sempre se mantinham postos de trabalho e, quem sabe, podíamos passar a fazer MLU's para outros utilizadores de F16.
Mas isto claro depende sempre da relação custo-benefício e de que forma podia ou não afectar a operacionalidade dos nosso F-16 e a realização das seguintes fases do upgrade (tape M6 ou M7, não sei em que fase estão os nossos actualmente).
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Março 14, 2016, 04:07:21 pm
https://www.facebook.com/Autoridade-Mar%C3%ADtima-Nacional-136707373169490/?pnref=story (https://www.facebook.com/Autoridade-Mar%C3%ADtima-Nacional-136707373169490/?pnref=story)
Citar
Último dia do curso de salvamento marítimo a Bombeiros brasileiros em Portugal

O passado dia 26 de fevereiro foi o último dia do curso de salvamento marítimo para a delegação de 9 Bombeiros Militares do Brasil, em Portugal desde o dia 15 de fevereiro.

No período da manhã, visitaram esquadra 751 da Força Aérea Portuguesa, esquadra esta que opera no âmbito da busca e salvamento. No período da tarde, teve lugar no Instituto de Socorros a Náufragos (ISN), a cerimónia de encerramento e respetiva entrega dos diplomas de operador de embarcações de salvamento marítimo e de operador de mini PLT (pneumátic line thrower).

A cerimónia de encerramento foi presidida pelo Diretor-geral da Autoridade Marítima, Vice-almirante António Silva Ribeiro e contou com a presença da Subdiretora-geral da Política de Defesa Nacional, Drª Ana Xavier, do Subdiretor-geral da Autoridade Marítima, Contra-almirante Braz da Silva, do Chefe do Gabinete do Chefe do Estado-Maior da Armada e Autoridade Marítima Nacional, Contra-almirante Gouveia e Melo e de elementos pertencentes à guarnição do ISN.
(https://scontent-mad1-1.xx.fbcdn.net/hphotos-xap1/v/t1.0-9/10382856_529928133847410_7097066498683503307_n.jpg?oh=bc8c36ac28373be23cdd8400e44b65e9&oe=57918052)
(https://scontent-mad1-1.xx.fbcdn.net/hphotos-xla1/v/t1.0-9/1936335_529928137180743_9081781333527843852_n.jpg?oh=f37825f4bd311a8e70c440c50d6a03c6&oe=5794F855)

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: valentim17 em Março 30, 2016, 03:45:14 pm
Um grupo de 54 militares do 2.º Batalhão de Infantaria partiu, esta quarta-feira, da Base Aérea do Montijo rumo ao Kosovo, com o objetivo de garantir a segurança da população e a estabilidade no território.

http://www.jn.pt/galerias/interior/partida-de-militares-portugueses-para-o-kosovo-5101148.html
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Maio 17, 2016, 10:30:46 am
DESPACHO N.º 6448/2016 - DIÁRIO DA REPÚBLICA N.º 95/2016, SÉRIE II DE 2016-05-1774468481
Defesa Nacional - Gabinete do Ministro
Policiamento do espaço aéreo do Estados da Região do Báltico - Technical Arrangement

https://dre.pt/application/file/74468384


PORTARIA N.º 154/2016 - DIÁRIO DA REPÚBLICA N.º 95/2016, SÉRIE II DE 2016-05-1774468482
Defesa Nacional - Gabinete do Ministro
Policiamento do espaço aéreo dos Estados da Região do Báltico

https://dre.pt/application/file/74468385
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Maio 20, 2016, 09:50:17 am
Super tucano em Sintra  ;)
Citar
https://www.facebook.com/groups/27375706077/?fref=nf (https://www.facebook.com/groups/27375706077/?fref=nf)

‎Jorge Ferreira‎ para Força Aérea Portuguesa

Futuro substituto do Epsilon?
Base de Sintra, 19/5/2016
Embraer Super Tucano
(https://scontent-mad1-1.xx.fbcdn.net/v/t1.0-9/13232965_1193918203965563_339676086803087392_n.jpg?oh=843cd46323c8ab9fea830941602909a7&oe=57CFE12C)
(https://scontent-mad1-1.xx.fbcdn.net/v/t1.0-9/13240120_1193918170632233_4602297668160838915_n.jpg?oh=cf3bbef5009d7b36d47a407c81e6ca9c&oe=57DBD253)
(https://scontent-mad1-1.xx.fbcdn.net/v/t1.0-9/13233052_1193918173965566_5238626565784209810_n.jpg?oh=1a45ce2109702b68ef36ee67e2f38957&oe=57A28062)

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Alvalade em Maio 20, 2016, 10:05:51 am
Futuro substituto do Epsilon ou dos Alpha Jet ?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Maio 20, 2016, 10:12:57 am
Pode não ser "ou", pode ser "e".
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Alvalade em Maio 20, 2016, 10:14:21 am
Pode não ser "ou", pode ser "e".

Plausível
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Johnnie em Maio 20, 2016, 10:40:25 am
Pode não ser "ou", pode ser "e".

Plausível

Faz todo o sentido
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: miguelbud em Maio 20, 2016, 12:22:02 pm
Pode não ser "ou", pode ser "e".

Plausível

Faz todo o sentido

 ::) ::) ::) Podia explicar a um leigo na matéria o porque de fazer todo o sentido substituir um aviao supersonico por um subsónico?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Alvalade em Maio 20, 2016, 12:29:28 pm
Alpha Jet  é subsónico.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Maio 20, 2016, 03:48:07 pm
Pode não ser "ou", pode ser "e".

Plausível

Faz todo o sentido

 ::) ::) ::) Podia explicar a um leigo na matéria o porque de fazer todo o sentido substituir um aviao supersonico por um subsónico?

Se ainda perguntares o porquê de substituir um avião a jato por um a turbohélice...

De qualquer modo os aviónicos do supertucano são bastante evoluídos, já é glass cockpit e em performances não fica muito abaixo do alpha-jet..
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Johnnie em Maio 20, 2016, 04:52:46 pm
Pode não ser "ou", pode ser "e".

Plausível

Faz todo o sentido

 ::) ::) ::) Podia explicar a um leigo na matéria o porque de fazer todo o sentido substituir um aviao supersonico por um subsónico?

Se ainda perguntares o porquê de substituir um avião a jato por um a turbohélice...

De qualquer modo os aviónicos do supertucano são bastante evoluídos, já é glass cockpit e em performances não fica muito abaixo do alpha-jet..

A lógica é que pode desempenhar as funções atribuidas a ambas as aeronaves de forma mais economica e com a mesma eficiencia...

O ST está concebido para simular de forma satisfatória o comportamento de uma aeronava a reacção
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Maio 20, 2016, 07:21:24 pm
O ST está concebido para simular de forma satisfatória o comportamento de uma aeronava a reacção
Concebido ou modernizado?

O PC-21 é que foi concebido de raiz para simular e substituir aviões de treino a jacto.

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Johnnie em Maio 20, 2016, 07:34:09 pm
O ST está concebido para simular de forma satisfatória o comportamento de uma aeronava a reacção
Concebido ou modernizado?

O PC-21 é que foi concebido de raiz para simular e substituir aviões de treino a jacto.

Cumprimentos,


Eu diria concebido, pois o ST é uma maquina nova e não uma modernização dos anteriores Tucano...

Temos que compreender que atualmente o treino já não se faz nos mesmos moldes que antigamente e confia largamente na conjunção de simuladores e aparelhos que simulem bem padrões de voo de outras aeronaves...

O ST permite isso pois tem um cockpit de ultima geração aliado á possibilidade de largar armamento e isto com um custo de hora voo imbatível...

Para treino base e avançado é uma ótima opção sem duvida...

Se pensares em treino tipo "Agressor" ai já é curto...O A Jet leva vantagem...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Alvalade em Maio 20, 2016, 07:41:47 pm
Quantas vezes usas o Alpha Jet como agressor hoje em dia ? 
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Johnnie em Maio 20, 2016, 07:46:43 pm
Quantas vezes usas o Alpha Jet como agressor hoje em dia ?

Boa pergunta...Nos grandes exercícios apenas acho...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Junho 02, 2016, 04:46:57 pm
Azeredo Lopes obriga Marcelo a voar baixinho

http://expresso.sapo.pt/politica/2016-06-01-Azeredo-Lopes-obriga-Marcelo-a-voar-baixinho
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Johnnie em Junho 02, 2016, 04:57:52 pm
Azeredo Lopes obriga Marcelo a voar baixinho

http://expresso.sapo.pt/politica/2016-06-01-Azeredo-Lopes-obriga-Marcelo-a-voar-baixinho

Penso que ele se refere aos A-JET (2018) e aos Alouette III ( 2020).

Vamos ver o que o futuro nos vai trazer...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: olisipo em Junho 03, 2016, 01:28:14 pm
A Bulgária está interessada em comprar F16 a Portugal e já fez a pergunta ao atual Governo sobre se tinha aparelhos disponíveis para venda, à semelhança do que aconteceu recentemente com a Roménia.

O ministro da Defesa, José Azeredo Lopes, confirmou esse contacto, durante a audição parlamentar sobre o Orçamento para 2016 e na sequência de uma pergunta do CDS, adiantando, contudo, que os aviões F16 que a Força Aérea tem são necessários e que não podem ser alienados. O Governo, revelou o ministro, está a “estudar a hipótese” de adquirir mais F16, que são disponibilizados pelos EUA a Portugal ao abrigo de um acordo militar bilateral de cooperação, para depois fazer, em solo português, uma modernização (MLU) das aeronave e vendê-las posteriormente.

“Não vamos pôr em causa a capacidade operacional da Força Aérea”, garantiu o ministro, acrescentando que a Bulgária manifestou o seu interesse dada a “qualificação, honestidade e cumprimento de prazos” evidenciados pelas Forças Armadas.

Os aviões norte-americanos iriam substituir os Mig-21, de fabrico soviético, da Força Aérea búlgara.

Portugal vendeu, em 2013, 12 aviões F16 à Roménia por 78 milhões de euros. Os aparelhos vão ser entregues durante este ano e 2017.

O contrato tinha o valor de 186 milhões de euros, mas como a modernização custou 108, o lucro foi de 78 milhões. Três dos 12 aviões tiveram que ser comprados com o propósito de revenda aos EUA, pois a Força Aérea só dispunha de nove.

Ao todo, Portugal tinha 39 caças e a Força Aérea pretendia ficar com 30 – sendo que uma parte destes ainda não fez a actualização mid-life update (MLU).

A primeira esquadra de 20 F-16 foi comprada no tempo de Cavaco Silva, numa altura em que o ministro da Defesa era Fernando Nogueira, tendo os aviões chegado a Portugal em 1994. A segunda esquadra foi comprada durante o governo de António Guterres, era ministro da defesa Veiga Simão, tendo as aeronaves sido entregues à Força Aérea portuguesa em 1999. Nessa altura, custaram 50 milhões de euros.

Desde que a segunda esquadra foi recebida que o objetivo era modernizá-la, razão pela qual os aviões ficaram na base de Monte Real exatamente como vieram dos EUA, empacotados por blocos de peças, à espera de haver dinheiro para a sua montagem. Esse trabalho só começou em 2004, na OGMA, foi sendo gradual e, a determinada altura, a prioridade foi preparar primeiro os aviões a ser vendidos.

http://observador.pt/2016/02/26/bulgaria-quer-comprar-f16-portugal/

A Bulgaria insiste

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.janes.com%2Fimages%2Fassets%2F955%2F60955%2F1631261_-_main.jpg&hash=bfd9f5a027519102fb7082f740601b3b)

Bulgaria requests surplus F-16 from Portugal

http://www.janes.com/article/60955/bulgaria-requests-surplus-f-16-from-portugal

Más a notícia explica que não são F-16 portugueses, mas dos EUA ou doutros paises modernizados em Portugal.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Junho 03, 2016, 02:08:48 pm
A Bulgária está interessada em comprar F16 a Portugal e já fez a pergunta ao atual Governo sobre se tinha aparelhos disponíveis para venda, à semelhança do que aconteceu recentemente com a Roménia.

O ministro da Defesa, José Azeredo Lopes, confirmou esse contacto, durante a audição parlamentar sobre o Orçamento para 2016 e na sequência de uma pergunta do CDS, adiantando, contudo, que os aviões F16 que a Força Aérea tem são necessários e que não podem ser alienados. O Governo, revelou o ministro, está a “estudar a hipótese” de adquirir mais F16, que são disponibilizados pelos EUA a Portugal ao abrigo de um acordo militar bilateral de cooperação, para depois fazer, em solo português, uma modernização (MLU) das aeronave e vendê-las posteriormente.

“Não vamos pôr em causa a capacidade operacional da Força Aérea”, garantiu o ministro, acrescentando que a Bulgária manifestou o seu interesse dada a “qualificação, honestidade e cumprimento de prazos” evidenciados pelas Forças Armadas.

Os aviões norte-americanos iriam substituir os Mig-21, de fabrico soviético, da Força Aérea búlgara.

Portugal vendeu, em 2013, 12 aviões F16 à Roménia por 78 milhões de euros. Os aparelhos vão ser entregues durante este ano e 2017.

O contrato tinha o valor de 186 milhões de euros, mas como a modernização custou 108, o lucro foi de 78 milhões. Três dos 12 aviões tiveram que ser comprados com o propósito de revenda aos EUA, pois a Força Aérea só dispunha de nove.

Ao todo, Portugal tinha 39 caças e a Força Aérea pretendia ficar com 30 – sendo que uma parte destes ainda não fez a actualização mid-life update (MLU).

A primeira esquadra de 20 F-16 foi comprada no tempo de Cavaco Silva, numa altura em que o ministro da Defesa era Fernando Nogueira, tendo os aviões chegado a Portugal em 1994. A segunda esquadra foi comprada durante o governo de António Guterres, era ministro da defesa Veiga Simão, tendo as aeronaves sido entregues à Força Aérea portuguesa em 1999. Nessa altura, custaram 50 milhões de euros.

Desde que a segunda esquadra foi recebida que o objetivo era modernizá-la, razão pela qual os aviões ficaram na base de Monte Real exatamente como vieram dos EUA, empacotados por blocos de peças, à espera de haver dinheiro para a sua montagem. Esse trabalho só começou em 2004, na OGMA, foi sendo gradual e, a determinada altura, a prioridade foi preparar primeiro os aviões a ser vendidos.

http://observador.pt/2016/02/26/bulgaria-quer-comprar-f16-portugal/

A Bulgaria insiste

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.janes.com%2Fimages%2Fassets%2F955%2F60955%2F1631261_-_main.jpg&hash=bfd9f5a027519102fb7082f740601b3b)

Bulgaria requests surplus F-16 from Portugal

http://www.janes.com/article/60955/bulgaria-requests-surplus-f-16-from-portugal

Más a notícia explica que não são F-16 portugueses, mas dos EUA ou doutros paises modernizados em Portugal.
Boas Noticias por um lado. Por outro mais jornalismo criativo já que o ultimo F16 recebeu MLU em Novembro de 2013... :P ;)
Citar
http://altimagem.blogspot.pt/2015/01/lockheed-martin-f-16-mlu-terceira-parte.html

No dia 14 de Novembro de 2013, cerca de 10 anos após o voo do primeiro avião F-16 MLU (26 de Junho de 2003), foi realizado na BA5 o voo de ensaio ao último avião transformado em Portugal para o padrão F-16 MLU. Terminava, assim, este complexo programa, que só foi possível devido ao esforço de tantos e tão bons profissionais da Força Aérea Portuguesa.

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Junho 22, 2016, 11:32:37 am
Citar
Portugal lidera unidade de transporte aéreo militar da ONU
21 DE JUNHO DE 2016
19:25

Manuel Carlos Freire

Aeronaves militares de Portugal, Bélgica, Dinamarca e Suécia vão operar durante dois anos a partir da base da Noruega em Bamako.

Cinco países europeus vão criar uma unidade de transporte aéreo para a missão das Nações Unidas no Mali, cabendo a Portugal iniciar a sua operação em novembro deste ano. Segundo a informação dada esta terça-feira pelo Ministério da Defesa, a missão - que deverá ser assegurada por um Hércules C-130 da Força Aérea - vai durar seis meses e operar a partir da base norueguesa em Bamako, designada Campo Bifrost.

Bélgica, Dinamarca, Noruega e Suécia são os outros quatro países que assinaram segunda-feira, em Nova Iorque, a "carta de intenção" para estabelecer a referida unidade de transporte aéreo militar que vai apoiar a missão de estabilização da ONU no Mali (MINUSMA, sigla em inglês). Assistiram à cerimónia os subsecretários-gerais da ONU para as Operações de Paz, Hervé Ladsous, e para o Apoio às Operações no Terreno, Atul Khare.

http://www.dn.pt/portugal/interior/portugal-lidera-unidade-de-transporte-aereo-militar-da-onu-5240879.html
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Julho 06, 2016, 05:33:43 pm
Não sei se alguém reparou neste artigo de ontem no Expresso, só é pena não se conseguir aceder na totalidade (ou é o meu caso).

Citar
Força Aérea nunca teve tão poucos aviões
05.07.2016 às 18h00

F-16. Numa altura em que o Estado português alienou 12 caças deste modelo à Roménia, a Força Aérea Portuguesa, apesar de ter uma frota de 30 aparelhos, nunca teve mais de 11 a 12 prontos a descolar em 2015, menos sete do que tinha em 2011.

Nuno Botelho

Se dúvidas houvesse sobre a progressiva falta de meios para cumprir as missões que lhe estão atribuídas, uma análise cuidada dos relatórios de gestão da Força Aérea dos últimos cinco anos esclarece todas as dúvidas. O Expresso fez as contas e mostra que não faltam apenas pilotos.

A Força Aérea nunca teve tão poucos aviões como em 2015. No ano passado, das 100 aeronaves que lhe estavam atribuídas apenas 40 estiveram, ao longo do ano, na linha da frente, isto é, prontas para cumprir em qualquer momento as missões que lhes estão atribuídas: do patrulhamento do espaço aéreo à busca e salvamento, passando pela fiscalização das pescas ou pelo transporte de órgãos humanos para transplante. Vejamos alguns exemplos.

Dos 30 F-16MLU, primeiro garante da proteção do espaço aéreo nacional, estiveram prontos 11 a 12; dos seis Lockeed C-130H, especialmente vocacionados para o transporte aéreo, tático ou geral, apenas um a dois; dos 12 EADS C-295M, muito usados nas ilhas para transportar doentes, cinco a seis; dos 12 helicópteros Augusta-Westland EH-101, estrelas da busca e salvamento marítimo, apenas três a quatro.

http://expresso.sapo.pt/dossies/diario/2016-07-05-Forca-Aerea-nunca-teve-tao-poucos-avioes
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: night_runner em Julho 06, 2016, 06:57:43 pm
O Expresso "descobriu" que existem relatórios de gestão anuais na FAP...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Julho 08, 2016, 04:19:01 pm
O discurso do CEMFA durante o aniversário da Força Aérea tem algumas coisas interessantes.

A Força Aérea passou de 22.000 militares e 400 aeronaves de 20 tipos diferentes em 1973 para 6.700 militares e civis e 100 aeronaves de 10 tipos diferentes actualmente.

Nas missões internacionais salienta o apoio à agencia Frontex a partir de Espanha, Itália, Grécia e Senegal, operação Sophia no ambito EUNAVFORMED a partir de Itália, operação MINUSMA no Mali e o policiamento aéreo dos Balticos a partir da Lituânia.

Nas missões nacionais de interesse publico onde se destaca a responsabilidade SAR sobre a 2ª maior área do Atlantico Norte, este ano já se realizaram 309 missões de salvaguarda da vida humana, transportou-.se 290 pessoas em operações de evacuações médicas, resgatou-se 29 pessoas em missões de busca e salvamento e executaram-se 17 missões de transporte de orgãos.

Na sustentação das capacidades da Força Aérea refere-se:
A continuação do programa de modernização do F-16M.
O reforço  da  prontidão  do  helicóptero EH-101, através  da celebração e posteriormente  rigoroso  acompanhamento  do  contrato  de  manutenção.
O reforço  da  prontidão  do  avião C-295,  também  aqui,  através  de  um rigoroso  acompanhamento  do  contrato  de  manutenção,
O processo de substituição dos helicópteros ligeiros Alouette III, por outra aeronave,  que  nos  permita  a  criação  de  sinergias  que  assegurem  a  missão numa lógica de duplo-uso.
O programa  de  aquisição  de  uma  aeronave  de  transporte  estratégico, mais  moderna,
A substituição da aeronave Alpha-Jet nos moldes preconizados na revisão do conceito de formação de pilotagem.
A promoção na introdução e utilização de sistemas aéreos não tripulados.
A aprovação do  programa  de  modernização  do  C-130.


PS: Acho importante o texto relativo ao Alouette III não ser igual ao texto do ALpha Jet.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Crypter em Julho 08, 2016, 10:42:59 pm
PS: Acho importante o texto relativo ao Alouette III não ser igual ao texto do ALpha Jet.

Consegues decifrar o porquê dessa diferença?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Julho 09, 2016, 01:16:04 am
Consegues decifrar o porquê dessa diferença?

O processo de substituição dos helicópteros ligeiros Alouette III, por outra aeronave,  que  nos  permita  a  criação  de  sinergias  que  assegurem  a  missão numa lógica de duplo-uso.

A substituição da aeronave Alpha-Jet nos moldes preconizados na revisão do conceito de formação de pilotagem.

Para mim o importante é o que sublinhei, e no caso do Alpha Jet, não referir que a substituição vai ser por outra aeronave como o CEMFA refere no caso do Alouette III.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Julho 09, 2016, 01:49:33 am
A substituição da aeronave Alpha-Jet nos moldes preconizados na revisão do conceito de formação de pilotagem.

Para mim o importante é o que sublinhei, e no caso do Alpha Jet, não referir que a substituição vai ser por outra aeronave como o CEMFA refere no caso do Alouette III.
Vai continuar o outsourcing.

O programa  de  aquisição  de  uma  aeronave  de  transporte  estratégico, mais  moderna,
Transporte estratégico... coincide um bocado com a conversa que estávamos a ter ontem noutro tópico aqui no fórum.

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Julho 11, 2016, 12:41:52 pm
O Avião da selecção escoltado por dois F16 da FAP, depois do saboroso titulo europeu de ontem à noite:  ;D ;)

(https://scontent-mad1-1.xx.fbcdn.net/v/t1.0-9/13626623_810546035748401_3407546311971574586_n.jpg?oh=583067dfceb78500d8e39f9cf1453d85&oe=57FBC610)
(https://scontent-mad1-1.xx.fbcdn.net/v/t1.0-9/13620847_1092523450827391_9074603096500149078_n.jpg?oh=0fb007743388b95113137698a2092ad8&oe=58303593)
(https://scontent-mad1-1.xx.fbcdn.net/v/t1.0-9/13592447_1092523434160726_658226019048175055_n.jpg?oh=b20747457153c1a07c7b1bf98f3bf6b9&oe=57EE54A5)

(https://scontent-mad1-1.xx.fbcdn.net/v/t1.0-9/13567223_1730882893838218_5323104445360429656_n.jpg?oh=ea9d20390fbfbfe69045f52ec8fbd068&oe=57EB1C41)

https://www.facebook.com/groups/portugalspotters/?fref=nf (https://www.facebook.com/groups/portugalspotters/?fref=nf)

Cumprimentos  :G-beer2:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Julho 11, 2016, 05:07:06 pm
Eis a escolta do Champ16 during flight :

By João Moutinho membro dos " Nação Valente "

https://www.instagram.com/p/BHuVqa-BP6S/

abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Agosto 11, 2016, 11:14:06 pm
Citar
he State Department has approved the sale of a large tranche of precision-guided munitions for its NATO partners, the first such sale through a new process where NATO acts as the lead buyer for various militaries.

If the sale is approved by Congress, the weapons, worth an estimated $231 million, would be sold to the NATO Support and Procurement Agency and then distributed to Belgium, the Czech Republic, Denmark, Greece, the Netherlands, Norway, Portugal and Spain.

In January 2015, US Navy Vice Adm. J.W. Rixey, head of the Pentagon's Defense Security Cooperation Agency (DSCA) wrote in a memo that his organization was launching a two-year pilot program to see if weapons could be sold directly to NATO in order to allow partner nations to pool their resources and find cost efficiencies.

This precision-guided munitions sale would represent the first such sale, a State Department spokesman confirmed.

According to a notice posted on the website of DSCA, the potential sale would include “five hundred (500) Joint Direct Attack Munition (JDAM) Guidance Kits, KMU-556 F/B; forty (40) JDAM Guidance Kits, KMU-557 F/B; one thousand five hundred (1,500) JDAM Guidance Kits, KMU-572 F/B; one thousand (1,000) MAU 210 E/B Computer Control Groups for 1,000-lb. Enhanced Paveway IIs; three hundred (300) MAU 210 E/B Computer Control Groups for GBU-49s; one thousand twenty-five (1,025) MAU 169 L/B Computer Control Groups for GBU-12s; one thousand three hundred fifty (1,350) Joint Programmable Fuzes, FMU-152 A/B; sixty (60) Bomb Fin Assembly and Airfoil Group 650-MXU K/B for GBU-12s; one thousand twenty-five (1,025) Bomb Fin Assembly and Airfoil Group, MXU-650 K/B AFG for GBU-12s.”

Work will primarily be done at Boeing’s facility in St Louis, Missouri, and Raytheon’s Tucson, Arizona, location.

http://www.defensenews.com/story/defense/international/europe/2016/08/11/state-approves-first-nato-joint-weapons-sale/88561898/ (http://www.defensenews.com/story/defense/international/europe/2016/08/11/state-approves-first-nato-joint-weapons-sale/88561898/)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Viajante em Outubro 26, 2016, 11:05:12 am
Força Aérea diz que acidente com C-130 no Montijo foi erro humano

O acidente com um avião C-130 na Base Aérea do Montijo, que causou três mortos, a 11 de julho deste ano, deveu-se a erro humano, de acordo com as conclusões do relatório de averiguações da Força Aérea Portuguesa.

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fthumbs.web.sapo.io%2F%3Fepic%3DZWIw8xux1kOEdpM9HguFkl4%2F4w%2FaoKoi%2FcPGvVTzznSVn17rybS2HC9URoZ49qS4BFOfTzaUarfcLLpuz4kafTToNzkyvJTfxi2xGptpFH7xPTM%3D%26amp%3BW%3D800%26amp%3BH%3D0%26amp%3Bdelay_optim%3D1&hash=bcb34bdf99a6507aa57ebc308624fc14)

Em comunicado, a Força Aérea indica que o acidente deveu-se à perda de controlo do aparelho quando a tripulação tentava abortar a descolagem.

O acidente “ocorreu devido à impossibilidade da tripulação em controlar eficazmente a aeronave no decurso de uma manobra que visava treinar a interrupção da respetiva corrida de descolagem – manobra designada de ‘aborto à descolagem’”, lê-se no comunicado.

Um avião C-130 da Esquadra 501 da Força Aérea sofreu, a 11 de julho, um acidente na fase de descolagem da Base Aérea n.º 6, no Montijo, do qual resultaram três mortos e quatro feridos, um deles em estado grave.

Num comunicado publicado hoje na sua página na internet, a Força Aérea indica que os "procedimentos de averiguação relativos ao acidente estão terminados", tendo-se concluído que "o C-130 encontrava-se pronto para operação, sem restrições” e que as condições meteorológicas não eram adversas.

“A aeronave não apresentava quaisquer problemas ou anomalias que inviabilizassem a tipologia da missão a efetuar, designadamente um voo de instrução e qualificação”, adianta a Força Aérea.

Na nota, é também referido que a “missão foi devidamente planeada e coordenada entre a tripulação e compreendia o treino de manobras no solo, abortos à descolagem, voo alto e circuitos de aproximação, de acordo com o Manual de Qualificações da aeronave C-130, o que implica um risco associado mais elevado do que os decorrentes de uma missão normal, razão pela qual são previamente treinadas em simulador de voo”.

A instituição militar refere também que "durante a execução de uma manobra de aborto à descolagem, a tripulação perdeu o controlo da aeronave, a qual descreveu uma trajetória para a direita sem hipótese de correção, saindo da pista e imobilizando-se”.

De acordo com as conclusões do relatório, da saída de pista não resultaram quaisquer lesões ou ferimentos em nenhum elemento da tripulação.

“Em consequência da imobilização abrupta, deflagrou um incêndio, em princípio na zona do trem de aterragem e asa direita, que se propagou rapidamente ao resto da fuselagem e ao solo contíguo”, é sublinhado.

A tripulação “executou os procedimentos previstos e regularmente treinados com vista à evacuação da aeronave, que determinam a saída pelo compartimento de carga”, acrescentou.

“Esta via revelou-se impossível dada a existência de fumos e de temperaturas extremas, bem como à ocorrência de danos estruturais na fuselagem. Quatro dos tripulantes conseguiram abandonar a aeronave através das janelas do cockpit, sendo que os restantes não conseguiram recorrer a outra saída de emergência”, é indicado na nota.

A Força Aérea adiantou ainda que a resposta dos serviços de assistência e socorro ao avião “foi imediata e eficaz, bem como a coordenação com as entidades civis prontamente chamadas ao local para reforço da capacidade orgânica daquela Unidade”.

Fontes:
http://24.sapo.pt/atualidade/artigos/forca-aerea-diz-que-acidente-com-c-130-no-montijo-foi-erro-humano
http://www.emfa.pt/www/comImprensa
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Viajante em Outubro 26, 2016, 04:27:58 pm
Ministro da Defesa recusa "erro humano" como causa do acidente com C-130

O ministro da Defesa Nacional recusou hoje que possa concluir-se que foi um "erro humano" a motivar o acidente com um C-130, em julho, considerando que a hipótese de aquele treino específico não correr bem "é natural".

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fthumbs.web.sapo.io%2F%3Fepic%3DMWFkqi%2FePSvH7VudsS1XAylHDUmYrZMWd130KUVSxMw8XnX0wcyobwSMXy9OK5owRZ7ZX1QZNMHMqYbwxUSHxQ80BaRQ06glNUrHByzB%2FcW9ZLU%3D%26amp%3BW%3D800%26amp%3BH%3D0%26amp%3Bdelay_optim%3D1&hash=99f28c04420a69c0291e57df9b3dead4)

"Eu não posso falar em erro humano, posso falar quando muito num fator humano envolvido no acidente mas em que daí não resulta um qualquer juízo de censura perante o que aconteceu. Estamos a testar situações limite e, nessas situações, a hipótese de não correr bem é uma hipótese que tem que se considerar como natural", afirmou.

José Azeredo Lopes falava aos jornalistas à margem da reunião de ministros da Defesa da NATO, que se iniciou hoje, no quartel-general da Aliança Atlântica, Bruxelas.

Um avião C-130 da Esquadra 501 da Força Aérea sofreu, a 11 de julho, um acidente na fase de descolagem da Base Aérea n.º 6, no Montijo, do qual resultaram três mortos e quatro feridos, um deles em estado grave.

Em comunicado divulgado hoje, a Força Aérea Portuguesa refere que o "acidente ocorreu devido à impossibilidade da tripulação em controlar eficazmente a aeronave no decurso de uma manobra que visava treinar a interrupção da respetiva corrida de descolagem - manobra designada de `aborto à descolagem´".

"Durante a execução de uma manobra de aborto à descolagem, a tripulação perdeu o controlo da aeronave, a qual descreveu uma trajetória para a direita sem hipótese de correção, saindo da pista e imobilizando-se", indica o comunicado.

No entanto, o documento divulgado não adianta as razões que levaram à perda de controlo da aeronave.

Azeredo Lopes sublinhou que "o que foi testado foi uma situação de dificuldade máxima" e considerou que, nessas circunstâncias", dizer que foi "erro humano pressupõe uma atuação aquém do nível de exigência".

"Neste caso não se verificou isso", acrescentou, defendendo que o caso "ajuda de alguma maneira a compreender a condição militar", já que "para que um piloto esteja preparado para atuar em qualquer teatro de operações com aquela aeronave, mesmo na formação e treino, é sujeito a situações limite que pela natureza das coisas pode colocar em risco a sua vida".

Questionado sobre se os cortes orçamentais ocorridos no passado em manutenção e operação podem ter prejudicado o treino dos militares, Azeredo Lopes recusou essa possibilidade no caso concreto do acidente com o avião C-130.

"Há de haver outras circunstâncias em que podemos discutir se os cortes em operação e manutenção têm ou não impacto na capacidade das Forças Armadas mas seguramente não há de ser este o caso", disse.

"Nem que tivéssemos um génio da aviação se for testado 200 vezes, podem as coisas não correr bem. Não consigo ver nem direta nem indiretamente uma relação entre os cortes que ocorreram no orçamento da Defesa e aquilo que veio a acontecer", disse.

Azeredo Lopes elogiou ainda a Força Aérea por ter feito um relatório "esclarecedor, sem zonas de penumbra" e por tê-lo divulgado, considerando que foi "um ato de louvar".

http://24.sapo.pt/atualidade/artigos/ministro-da-defesa-recusa-erro-humano-como-causa-do-acidente-com-c-130
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Novembro 02, 2016, 09:43:48 am
Citar
A Força Aérea vai regressar ao combate aos fogos florestais?
Em Monte Real, o primeiro-ministro definiu claramente essa opção. Isto resulta de vários elementos: de estarmos no momento em que o Estado, através da Lei de Programação Militar, vai ter de investir na substituição dos helicópteros Alouette III, que a partir de 2017 já não podem voar,depois de estarem a operar desde 1978. O processo aquisitivo vai ser lançado em breve.

Vão ser comprados os Lynx?

Vai haver um concurso. Estamos a falar de um modelo similar ao Alouette III, de helicópteros pequenos que podem ser dotados, com investimento muito baixo, de meios de combate a incêndios. Seria incompreensível que, feito esse investimento, não se dotassem os helicópteros dos meios que mais directamente representam uma das vocações reconhecidas constitucionalmente das Forças Armadas, que é a participação de acções associadas à protecção civil e ao bem-estar das populações.

Nessas compras também está o substituto do C-130?

Temos de os substituir. A questão torna-se mais premente depois do que tragicamente aconteceu a 11 de Julho [acidente do Montijo]: perdemos três militares e um C-130. São processos de encomenda com prazos bastante alargados e era inaceitável que os C-130 continuassem a voar nas condições em que estavam, não por questões de segurança, mas por não respeitarem os novos standards da NATO.

A hipótese de substituição é a dos KC-390?

Uma hipótese forte, com certeza, é a do KC-390, avião brasileiro da Embraer com uma incorporação tecnológica nacional relevantíssima. Foi um projecto iniciado há seis anos, nasce de um acordo entre o Estado português e a Embraer, na qual esta se comprometia a investir e a criar emprego, com tradução nas actuais instalações de Évora e na robustez que hoje têm as OMGA [Indústria Aeronáutica de Portugal, SA]. Em contrapartida, o Estado português financiava a investigação aeronáutica para o desenvolvimento do modelo. Foi desenvolvido um avião [KC390] com uma incorporação nacional de 56%, com uma produção muito significativa da fuselagem externa superior a 50% e com a criação de um cluster aeronáutico que Portugal não tinha, numa área tecnológica de concorrência feroz.

O KC-390 é adaptável na luta contra incêndios?

Perfeitamente adaptável, pela montagem de um sistema de captação de águas por abastecimento através de cisterna.

O Governo Zapatero criou a Unidade Militar de Emergência, para combater incêndios e acudir a calamidades naturais. É um exemplo a seguir?

Há que ir por capítulos. A presença das Forças Armadas na vigilância e rescaldo, que não substitui nem é ofensiva [para outros corpos], é importante. Este ano, a previsão de pelotões que podiam ser activados foi superada, com 39 pelotões de 20 homens, num total de 780, em rotação, o que significa vários milhares de militares envolvidos. No ano passado, o máximo de pelotões foi 15. Foram canceladas licenças de férias e cerimónias, com um tempo de empenhamento de cada soldado na fase mais crítica de 72 horas consecutivas. Ao ponto de termos estado no limite do equipamento de que eram dotados. Fomos até ao limite sem violar as regras de segurança. O pedido de ajuda do Ministério da Administração Interna foi facilitado em dois dias.
publico.pt
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Novembro 03, 2016, 10:49:08 am
Citar
PJ e PJ Militar fazem buscas em bases da Força Aérea por suspeita de corrupção

Operação envolve mais de 80 buscas domiciliárias e 25 não domiciliárias e decorre de suspeitas de esquema de corrupção entre oficiais e sargentos que gerem as messes. Investigação, que durava há dois anos, tem o apoio do Estado Maior da Força Aérea.

http://expresso.sapo.pt/sociedade/2016-11-03-PJ-e-PJ-Militar-fazem-buscas-em-bases-da-Forca-Aerea-por-suspeita-de-corrupcao

Citar
"desviou do orçamento da Força Aérea um terço da verba destinada à alimentação"

Citar
A investigação conta com o "total apoio e colaboração" das chefias do Estado Maior da Força Aérea, que mostram vontade em "fazer uma limpeza" a qualquer tipo ilegalidade interna.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Cabecinhas em Novembro 03, 2016, 12:07:00 pm
Citar
Suspeitas de corrupção motivam mais 100 buscas na Força Aérea

Estão no terreno quase 400 agentes da Polícia Judiciária e da Polícia Judiciária Militar, bem como magistrados e peritos em perícia financeira e contabilística.

Há suspeitas de corrupção na Força Aérea. Segundo o comunicado da Procuradoria-Geral da República enviado à Renascença, as suspeitas incidem sobre uma alegada sobrefacturação no fornecimento de bens alimentares.

As suspeitas remontam a, pelo menos, 2015. Em algumas messes da Força Aérea, o valor pago pelo fornecimento de bens alimentícios a algumas messes terá sido sobrevalorizado.

Segundo a RTP, o Estado terá sido lesado em mais de 100 milhões de euros.

Uma denúncia anónima na Polícia Judiciária Militar deu origem à operação “Zeus”, que esta quinta-feira deu origem à realização de 105 buscas em todo o país, domiciliárias e não domiciliárias. Incidem, sobretudo, em equipamentos militares localizados na Grande Lisboa, em Beja e em Leiria, segundo o comunicado.

Já foram emitidos mandados de detenção.

No total, estão no terreno 397 pessoas: 27 magistrados do Ministério Público, cerca de três centenas de elementos da Polícia Judiciária (PJ), cerca de 40 elementos da Polícia Judiciária Militar e 30 peritos da Unidade de Perícia Financeira e Contabilística e da Unidade de Tecnologia e Informação da PJ.

O inquérito, que se encontra em segredo de justiça, está a ser dirigido pelo Ministério Público e em investigação no Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) de Lisboa. Suspeita-se que haveria um acordo entre os militares que trabalham nas messes em que existiu sobrefacturação, os fornecedores dos géneros alimentícios e um elemento do departamento do Estado Maior da Força Aérea com funções de fiscalização das referidas messes.

Com a concordância destes intervenientes, avança o comunicado, os fornecedores de diversas empresas entregariam determinadas quantidades de alimentos, mas, o valor facturado, no final de cada mês, seria cerca de três vezes superior ao dos bens entregues na realidade. A diferença entre o valor facturado e o dos produtos efectivamente fornecidos seria dividida pelos elementos envolvidos.

Em causa estão factos susceptíveis de integrarem a prática de crimes de corrupção passiva, de corrupção activa e de falsificação de documento.

Nesta investigação, o Ministério Público é coadjuvado pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção da PJ e pela Polícia Judiciária Militar.

http://rr.sapo.pt/noticia/67577/pj_prende_altas_patentes_da_forca_aerea?utm_source=rss (http://rr.sapo.pt/noticia/67577/pj_prende_altas_patentes_da_forca_aerea?utm_source=rss)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Viajante em Novembro 03, 2016, 04:57:07 pm
Seis detidos por suspeitas de corrupção na Força Aérea

Estão no terreno quase 400 agentes da Polícia Judiciária e da Polícia Judiciária Militar, bem como magistrados e peritos em perícia financeira e contabilística.

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fmediaserver4.rr.pt%2Fnewrr%2Favioes_forca_aerea_foto_epa543310f0.jpg&hash=596753356373a850e3b24068898136b8)

Seis homens foram detidos esta quinta-feira no âmbito da Operação Zeus, que investiga crimes de corrupção activa e passiva para acto ilícito e falsificação de documentos no fornecimento de bens alimentares à Força Aérea.

Em comunicado, a PJ refere que o esquema fraudulento poderá ter lesado o Estado em cerca de 10 milhões de euros.

Os detidos vão ser apresentados às autoridades judiciárias para primeiro interrogatório judicial e aplicação das medidas de coação. Cinco das detenções foram avançadas neste comunicado da PJ. A sexta detenção foi noticiada depois pela SIC Notícias. A operação ainda está a decorrer.

Segundo a PJ, a actividade criminosa consistia na facturação de géneros alimentícios fornecidos à Força Aérea por um valor muito superior ao dos bens efectivamente fornecidos, sendo a diferença posteriormente distribuída, entre as empresas fornecedoras e os militares envolvidos neste esquema.

No decurso das 180 buscas, efectuadas em simultâneo em 12 bases militares, em 15 empresas e em diversos domicílios, foram apreendidas elevadas quantias em dinheiro, que os investigadores presumem ser o produto da prática dos crimes.

De acordo com a PJ, foram ainda apreendidos outros elementos de "grande relevância investigatória".

Na operação, desencadeada depois de um ano e meio de uma complexa investigação da PJ, com a colaboração da PJ Militar, participaram cerca de 330 investigadores e peritos da Polícia Judiciária, de diversas unidades orgânicas, acompanhados por cerca de 40 elementos da Polícia Judiciária Militar, bem como de 27 magistrados do Ministério Público.

A Polícia Judiciária revela que, desde o início da investigação, teve a colaboração, ao mais alto nível, da Força Aérea.

As suspeitas de corrupção na Força Aérea foram avançadas à Renascença esta manhã através de um comunicado da Procuradoria-Geral da República e remontam a, pelo menos, 2015.

Uma denúncia anónima na Polícia Judiciária Militar deu origem à Operação Zeus, que esta quinta-feira deu origem às buscas em todo o país. Incidem, sobretudo, em equipamentos militares localizados na Grande Lisboa, em Beja e em Leiria, segundo o comunicado.

No total, estão no terreno 397 pessoas: 27 magistrados do Ministério Público, cerca de três centenas de elementos da Polícia Judiciária (PJ), cerca de 40 elementos da Polícia Judiciária Militar e 30 peritos da Unidade de Perícia Financeira e Contabilística e da Unidade de Tecnologia e Informação da PJ.

O inquérito, que se encontra em segredo de justiça, está a ser dirigido pelo Ministério Público e em investigação no Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) de Lisboa. Nesta investigação, o Ministério Público é coadjuvado pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção da PJ e pela Polícia Judiciária Militar.

[Notícia actualizada às 15h23]

Fonte: http://rr.sapo.pt/noticia/67577/seis_detidos_por_suspeitas_de_corrupcao_na_forca_aerea?utm_source=rss
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Camuflage em Novembro 03, 2016, 08:55:08 pm
Gostaria que os militares da FAP tivessem a atitude de ir ao EMFA e solicitar uma purga definitiva, bem como a expulsão e perda de regalias de todos os militares metidos em esquemas os quais fiquem provados em tribunal. Não é esconde-los noutra base, é mesmo expulsa-los de vez, retirada de todos os seus direitos e patente. Só assim podem começar a ser um exemplo.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Clausewitz em Novembro 04, 2016, 12:31:38 am
Corrupção no abastecimento de messes? Não posso!

Para os envolvidos, uma palavra de esperança, ainda podem estar destinados a grandes feitos. Talvez como dirigentes desportivos ou autarcas, por exemplo em Gondomar... Ou talvez seja só um susto mesmo, nada de alarmante, uma mudança de serviço ou uma reforma compulsiva para poderem gozar o gamanço à vontade.

Seria importante que se fosse até às últimas consequências na investigação e punição, que não se ficasse pela Força Aérea, nem pelas messes. Só que se por milagre se conjugarem a vontade, coragem, iniciativa, meios e enquadramento legal necessários para isso, se calhar acaba meio país na prisão.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Camuflage em Novembro 04, 2016, 08:04:12 pm
http://www.rtp.pt/noticias/pais/investigacao-sexta-as-9-rede-de-corrupcao-para-alem-das-messes-da-forca-aerea_v959428 (http://www.rtp.pt/noticias/pais/investigacao-sexta-as-9-rede-de-corrupcao-para-alem-das-messes-da-forca-aerea_v959428)

 :G-bigun:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Novembro 04, 2016, 08:42:38 pm
Nunca pensei que fosse possível... E logo com as verbas para alimentação...
Só falta dizer que também existem esquemas de corrupção entre as secções de manutenção e as oficinas civis que pertencem a oficiais e ex-oficiais...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Novembro 16, 2016, 12:52:26 pm
Citar
Venda de F-16 usados dá gás à subida do PIB

PIB cresceu 1,6% no 3.º trimestre, em parte devido à subida das exportações

http://www.cmjornal.pt/economia/detalhe/venda-de-f-16-usados-da-gas-a-subida-do-pib
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Novembro 16, 2016, 06:19:21 pm
Citar
Venda de F-16 usados dá gás à subida do PIB

PIB cresceu 1,6% no 3.º trimestre, em parte devido à subida das exportações

http://www.cmjornal.pt/economia/detalhe/venda-de-f-16-usados-da-gas-a-subida-do-pib

Essas notícias até dão medo! Ainda vem daí um intelectualóide qualquer, propor a venda dos restantes para aumentar ainda mais o PIB...
Mas bem, lado positivo, fica demonstrado que a aquisição de F-16 ao AMARC, modernização e posterior venda dos mesmos, pode ser uma boa forma ter algum crescimento do PIB com negócios na área militar, para não falar dos postos de trabalho altamente especializados que se mantém.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Novembro 17, 2016, 12:41:53 pm
Se isto aumentou o PIB imaginem o défice se importássemos alguma coisa para nós...   :-\
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Novembro 17, 2016, 12:51:45 pm
Se isto aumentou o PIB imaginem o défice se importássemos alguma coisa para nós...   :-\

Ui, então o que fazer aos 12 a 15 F-35 que estão aí quase ao virar da esquina, entre 2020 e 2025? Aí é que vão ser elas!  ;D
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Novembro 17, 2016, 02:37:38 pm
E mais as 3 fragatas!!!  :o :o
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Viajante em Dezembro 11, 2016, 12:42:33 pm
Força aérea portuguesa vai vigiar Mediterrâneo com drones

Com o objectivo de controlar a imigração clandestina, a força aérea portuguesa ganhou recentemente um concurso europeu cujo o objectivo é usar drones para vigiar o Mediterrâneo.

Esta será a primeira experiência europeia, com recurso a drones, que começará já em Março de 2017.

(https://pplware.sapo.pt/wp-content/uploads/2016/12/drones_00.jpg)

A Força Aérea Portuguesa ganhou recentemente um concurso europeu para vigiar as rotas de imigração no Mediterrâneo usando drones. O concurso foi aberto pela EMSA (European Maritime Safety Agency), iniciou-se em Abril mas só agora foram conhecidos os resultados. A EMSA tem sede em Lisboa, no Cais do Sodré e recebeu para 2017 mais 22 milhões de euros de dotação comunitária.

Apesar de não haver inicialmente muitas expectativas por parte da Força Aérea Portuguesa para ganhar o concurso, a verdade é que tal veio a acontecer e até já mereceu destaque no jornal da União Europeia segundo refere o Jornal Publico.

(https://pplware.sapo.pt/wp-content/uploads/2016/12/drone-main.jpg)

Mas há queixas…

Segundo o Publico, houve uma empresa que fabrica drones que referiu que o preço apresentado pela Força Aérea neste concurso seria sempre imbatível por ser financiado pelo Orçamento do Estado português. A EMSA esclarece no entanto que a Força Aérea apenas lidera um consórcio, que tem mais duas empresas privadas (portuguesas), a UA Vision e a Deimos Engenharia.

Como referido, as operações vão iniciar-se já em Março de 2017 e estarão disponíveis dois drones de até 20 quilos, com capacidade para filmar em vídeo e recolher outro tipo de informações sobre o que se passa no mar, até um limite de 50 quilómetros da linha de costa.

Parabéns à Força Aérea Portuguesa!

Fonte: https://pplware.sapo.pt/informacao/fora-area-portuguesa-vai-vigiar-mediterrneo-com-drones/
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Janeiro 24, 2017, 08:55:35 pm
Não encontrei nenhum tópico sobre a Base Aérea 11 - Beja, mas para não estar a criar um tópico novo, coloco aqui.

Um bocado da história da presença alemã na BA11.
https://www.publico.pt/2014/10/20/local/noticia/a-base-de-beja-concebida-para-assegurar-o-apoio-logistico-a-alemanha-em-caso-de-guerra-com-os-sovieticos-completa-50-anos-1673281
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Srgdoido em Janeiro 27, 2017, 06:46:54 pm
https://www.noticiasaominuto.com/pais/730991/governo-avalia-pedidos-da-romenia-e-da-bulgaria-para-compra-de-mais-f-16
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Fevereiro 08, 2017, 02:11:54 pm
Força Aérea ajudou a resgatar 1134 pessoas no Mar Mediterrâneo


A Força Aérea Portuguesa ajudou a resgatar 1134 pessoas, durante 2016, tendo percorrido mais de 210 mil quilómetros e patrulhado uma área de mais de três milhões de quilómetros quadrados ao serviço da Frontex.

Em comunicado, o Estado-Maior General das Forças Armadas anuncia que "através da Esquadra 502 - "Elefantes" da Força Aérea, percorreu mais de 210 mil quilómetros e patrulhou uma área de cerca de 3 430 600 quilómetros quadrados" ao serviço da Frontex, Agência Europeia da Guarda de Fronteiras e Costeira, em 2016".

"Ao longo do último ano, durante as várias participações dos meios da Força Aérea na operação TRITON - num total de seis meses -, os 'Elefantes' ajudaram a resgatar 1134 pessoas no Mar Mediterrâneo", anunciam.

A partir do território italiano, a Força Aérea realizou 124 missões em 623 horas de voo.

"Para tal, contribuiu decisivamente a larga experiência das tripulações neste tipo de missões e as capacidades da aeronave C-295M VIMAR, materializadas na deteção e investigação de mais de 20 mil embarcações", sublinhou.

A Força Aérea Portuguesa iniciou a colaboração no âmbito da Frontex em 2007, realizando-as regularmente desde 2011.

"Até agora, as aeronaves C-295M e P3C CUP+, esta última da Esquadra 601 - 'Lobos', já colaboraram no resgate de mais de seis mil pessoas no Mediterrâneo, tendo patrulhado mais de 40 milhões de quilómetros quadrados", resume.


>>>>> http://www.jn.pt/nacional/interior/forca-aerea-ajudou-a-resgatar-1134-pessoas-no-mar-mediterraneo-5654131.html
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Março 13, 2017, 09:29:10 am
http://rr.sapo.pt/noticia/78062/drones_da_forca_aerea_vao_vigiar_refugiados_no_mediterraneo (http://rr.sapo.pt/noticia/78062/drones_da_forca_aerea_vao_vigiar_refugiados_no_mediterraneo)
Citar
A Força Aérea Portuguesa desenvolveu drones que vão fazer acções de patrulhamento marítimo no Mar Mediterrâneo. Os primeiros testes vão acontecer em Chipre.

A notícia avançada “Jornal de Noticias” revela que no segundo semestre deste ano, a Força Aérea será líder de um exercício de teste de vigilância e controlo da imigração, que se vai realizar no Chipre. O objectivo é detectar embarcações, em particular de refugiados, mas também suspeitas de prática de crimes como tráfico de drogas e armas.

Um dos aparelhos não tripulados está em fase de testes na Base Aérea da Ota. O drone foi desenvolvido peço Centro de Investigação, Desenvolvimento e Inovação da Força Aérea.

Uma esquadra de até dez drones prevê-se que esteja pronta a partir de 2018. Cada um tem um custo entre os 100 mil e os 200 mil euros, sendo que o valor final depende dos sensores de que é dotado.

Os primeiros passos nesta área foram dados em 2006, com o lançamento de pequenas aeronaves que não ultrapassavam os 15 quilos. Mas, a nova geração pesa 600 quilos e tem uma maior capacidade para comportar mais sensores.
Entre 2014 e 2016, 1,6 milhões de pessoas chegaram à Europa depois de uma travessia do Mediterrâneo. A rota mais usada é a que liga a Líbia a Itália.
Segundo a UNICEF, só em Janeiro de 2017, em pleno Inverno, 4.463 pessoas fizeram a travessia até Itália. A organização estima-se que 228 pessoas, entre as quais pelo menos 40 crianças, tenham morrido.
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fmediaserver4.rr.pt%2Fnewrr%2Fa_087788_112710373ce8_base.jpg&hash=bd03aaf0e7b0784af872cbb7cefa0630)
Citar
Foto: Centro de Investigação da Academia da Força Aérea

Saudações
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: ARIES em Março 18, 2017, 09:37:46 pm
https://www.publico.pt/2017/03/18/politica/noticia/sao-portugueses-os-drones-com-que-a-uniao-europeia-vai-vigiar-o-mediterraneo-1765582
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Março 24, 2017, 10:37:35 pm
http://www.passarodeferro.com/2017/03/operacao-sophia-no-mediterraneo-lobos.html (http://www.passarodeferro.com/2017/03/operacao-sophia-no-mediterraneo-lobos.html)
Citar
Os militares da Esquadra 601 - “Lobos” que participaram na Operação SOPHIA foram condecorados em cerimónia presidida pelo Comandante Aéreo, Tenente-general Joaquim Borrego, no dia 21 de março, na Base Aérea N.º11.

A Força Aérea Portuguesa participou, entre 14 de abril a 16 de junho de 2016, na Operação SOPHIA de responsabilidade da União Europeia, centrada no desmantelamento das redes de introdução clandestina de migrantes e de tráfico de pessoas na zona sul do Mediterrâneo Central.

O destacamento português, que integrou a força internacional da EUNAVFOR MED, foi constituído por 54 militares e uma aeronave P-3C Cup+, tendo realizado 47 missões de vigilância, reconhecimento e recolha de informações, num total de 107 horas de voo. Estes homens e mulheres ajudaram a resgatar mais de 3000 migrantes, em colaboração com as várias forças envolvidas na Operação.

Os P-3C CUP+ operados pela Esquadra 601 desde 2010, são uma moderna e poderosa plataforma de Informação,Vigilância e Reconhecimento (ISR), sendo equipamento de topo, relativamente ao que existe actualmente na Europa.
As suas capacidades foram já sobejamente comprovadas em vários teatros de operações, como o Atlântico, Mediterrâneo, Índico ou Báltico.
Muito para além da luta anti-submarina para a qual foram inicialmente criados, podem hoje em dia executar missões muito mais diversas e abrangentes, como a Busca e Salvamento até às áreas mais remotas do Atlântico, ou servir de plataforma de Controlo e Comando de forças combinadas (aérea, terrestre e naval), entre outras.
(https://3.bp.blogspot.com/-3leIB8DHhNM/WNLQsUNoE2I/AAAAAAAADXs/aAGO4WS3e4gBYfKNTmthwfjZOOq2nEOegCLcB/s640/lobos_1324.JPG)

Saudações
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Abril 15, 2017, 03:16:46 pm
Aqui fica uma noticia de 2012 com informação curiosa

Citar
South Korea is seeking to build a pilot training center in Portugal that will be equipped with Korean Aerospace Industries’ T-50 supersonic military jet trainers. a government source in Seoul said Saturday. Portugal was tapped as the primary negotiation partner for the International Military Flight Training Center Consortium (IMFACC) last year. Negotiations about the US$267 million Korean venture are currently underway, and expected to lead to the signing of a memorandum of understanding (MOU) in March.

Seoul plans to invest over quarter billion dollars in the project over 30 years, to set up this jet pilot training facility. The center will be manned by South Korean military instructors who will be tasked with training foreign pilots on the T-50 Golden Eagle. Since 2009 Seoul has been looking for sites for the IMFACC in the United States, the Philippines and Spain.

The plan is part of Seoul’s campaign to promote attract international interest in the T-50. The supersonic Golden Eagle trainer is already in service with the South Korean Air Force and was selected last year as the future trainer for the Indonesian Air Force. It is currently being evaluated by a number of air forces, including Israel and Poland.

http://defense-update.com/20120212_t-50-jet-training-center-portugal.html

foi pena termos perdido este investimento!
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Abril 15, 2017, 05:07:39 pm
Esse investimento e essa oportunidade na altura ia contra o interesse de algumas quintas, por isso também ajudou a enterrar esse assunto.

nelson38899, está a trazer essa notícia de novo ao lume por nostalgia da falta de visão do nosso pessoal ou por causa de alguma novidade que se avizinha?

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Abril 15, 2017, 05:09:31 pm
Esse investimento e essa oportunidade na altura ia contra o interesse de algumas quintas, por isso também ajudou a enterrar esse assunto.

nelson38899, está a trazer essa notícia de novo ao lume por nostalgia da falta de visão do nosso pessoal ou por causa de alguma novidade que se avizinha?

Cumprimentos,

Por falta de visão!
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Abril 20, 2017, 04:48:36 pm
Primeiro estranha-se...

Força Aérea tem nova identidade visual
http://www.emfa.pt/www/noticia-1384

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.emfa.pt%2Fwww%2Fconteudos%2Fgaleria%2Fnoticias%2F2017%2Fabr%2Flogo-novo_637.jpg&hash=a811f375b5a163a957e30fe5aa4b56e5)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Abril 21, 2017, 12:04:56 pm
Que passarola mais estranha...  ???
Mas ficaria bem pintada na cauda de alguma aeronave!
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Abril 21, 2017, 12:39:52 pm
Que passarola mais estranha...  ???
Mas ficaria bem pintada na cauda de alguma aeronave!

Muito bonita. Continua a ser a águia, mas num perfil mais moderno.  :)

Só gostava era que as aeronaves voltassem a envergar na fuselagem o símbolo da Esquadra, era mais bonito e decerto que ajudaria a elevar o esprit de corps.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Abril 21, 2017, 07:31:31 pm
O verde e vermelho é que estragam tudo; são cores que simplesmente não combinam bem. Não sou monárquico, nem do FCP, mas acho que a bandeira nacional devia voltar rapidamente às cores anteriores a 5 de outubro. Nada de coroas, ou de complicações, uma simples substituição directa do verde pelo azul e do vermelho pelo branco, mantendo-se as mesmas proporções e o actual brasão de armas. Pim!
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Vitor Santos em Abril 21, 2017, 08:38:15 pm
Primeiro estranha-se...

Força Aérea tem nova identidade visual
http://www.emfa.pt/www/noticia-1384

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.emfa.pt%2Fwww%2Fconteudos%2Fgaleria%2Fnoticias%2F2017%2Fabr%2Flogo-novo_637.jpg&hash=a811f375b5a163a957e30fe5aa4b56e5)

Bonita logomarca. Eu sempre achei que a ave símbolo da FAP fosse um falcão.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Abril 21, 2017, 08:44:56 pm
Bonita logomarca. Eu sempre achei que a ave símbolo da FAP fosse um falcão.

O logotipo anterior era este.
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2F4.bp.blogspot.com%2F-iyk3F-7QqQk%2FUnzJY0KgvTI%2FAAAAAAAAgxk%2FFiJTDM-45n4%2Fs1600%2FFAP%2B-%2BForc%25CC%25A7a%2BAe%25CC%2581rea%2BPortuguesa%2B-%2Blogo.jpg&hash=3181e8e197f2273764ccd85b5f6052ce)

Mas o brasão oficial é este.
(https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/e/e8/Portuguese_Air_Force_COA.png/200px-Portuguese_Air_Force_COA.png)

Um que também está bem feito é o usado no youtube e facebook que é praticamente a águia do brasão oficial com um fundo preto.
(https://yt3.ggpht.com/-PvOw7wEGdl4/AAAAAAAAAAI/AAAAAAAAAAA/dowtFFW2_h0/s900-c-k-no-mo-rj-c0xffffff/photo.jpg)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Abril 21, 2017, 11:45:11 pm
(https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/e/e8/Portuguese_Air_Force_COA.png/200px-Portuguese_Air_Force_COA.png)
No entanto sempre é melhor que esta águia atropelada...  :-\ :-\
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Abril 23, 2017, 11:24:42 pm
http://www.passarodeferro.com/2017/04/c-130-e-alouette-na-agenda-do.html (http://www.passarodeferro.com/2017/04/c-130-e-alouette-na-agenda-do.html)
Citar
A partir do artigo publicado pelo jornal online "Observador" no dia 19/04/2017, sobre a execução da Lei de Programação Militar no ano de 2016, é possível ficar a saber o ponto de situação relativamente a duas das frotas da Força Aérea Portuguesa (FAP): C-130 e  Alouette III.

A frota de aviões de transporte C-130H Hercules está identificada já há vários anos como necessitando de modernizações urgentes, nomeadamente ao nível do sistema de comunicações e navegação, que lhe permitam circular no espaço aéreo europeu sem restrições. Segundo o artigo do Observador, citando fonte do Ministério da Defesa (MDN), o programa sofreu um atraso de cerca de seis meses devido às negociações com os EUA, uma vez que “trata-se de um contrato Estado a Estado, através do mecanismo Foreign Military Sales (FMS)”. Os atrasos terão estado relacionados com a “mudança de gestor de projceto FMS nos EUA e da complexidade das negociações entre os diferentes intervenientes, nomeadamente com a OGMA [NR: que deverá executar os trabalhos]. Ainda segundo a mesma fonte do MDN, o contrato deverá ser assinado dentro dos "próximos meses de Maio e Junho".
Não está contudo claro se se mantém a intenção inicial de modernizar cinco células C-130, dado que, das seis que pertenceram ao inventário da FAP, uma (n/c 16802) se encontrava imobilizada na Base Aérea nº 6 sem intenção de ser modernizada. Devido ao acidente com perda total da célula n/c 16804 em  Julho de 2016, fica a dúvida se o objectivo continua a passar por manter cinco C-130 operacionais, o que implicará a recuperação do 16802 para condições de voo.

Já relativamente à frota de helicópteros SE-3160 Alouette III, cuja autorização para aquisição de substituto foi emitida recentemente, segundo o mesmo artigo citando o MDN “a necessidade de dotar o helicóptero ligeiro de valências de duplo uso, designadamente no que respeita à sua participação no dispositivo de combate a incêndios florestais como se pretende, obrigou a redefinir os requisitos do projecto”. Essa capacidade “implicou algum atraso no lançamento do procedimento; contudo, está a decorrer já neste momento a fase de consulta a fornecedores e o atraso não comprometerá a substituição do Allouette III no prazo previsto”.

Sobre a frota Alpha Jet, de treino avançado de pilotos de caça e com desactivação prevista para 1 de Fevereiro de 2018, parece não haver ainda desenvolvimentos.
(https://1.bp.blogspot.com/-_aqLUG8Wu7w/WPpkjFm77aI/AAAAAAAADhE/qgCRmLRNRTUVY7Du93BFwqunh5_gOFIowCLcB/s640/20130825_Orland-35.jpg)(https://1.bp.blogspot.com/-hI8K_euiT28/WPpeQc9NgSI/AAAAAAAADgw/T1DGNVGpsRYVX6FcCe0pVndnYFXXfcZ1gCLcB/s640/20140205_Seia-240.jpg)

Saudações


Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Abril 26, 2017, 09:47:09 pm
Força Aérea resgata dois feridos no mar
Pacientes apresentavam queimaduras graves

http://www.emfa.pt/www/noticia-1389-forca-aerea-resgata-dois-feridos-no-mar

A unica particularidade desta missão é que o primeiro pedido de ajuda foi para o MRCC Boston (acho que lá a coordenação é feita pela US Coast Guard) e eles activaram um HC-130 da USAF de onde uma equipa Pararescue saltou de pára-quedas para o navio, e acompanhou os feridos até terem sido resgatados por um EH101 da BA4 -  Lajes.

(https://media.defense.gov/2008/Dec/04/2000656008/-1/-1/0/081202-F-3695C-131.JPG)

Na nossa área de Busca e Salvamento temos alguns pontos que não estão cobertos pelo alcance do EH101, esta capacidade de recuperadores-páraquedistas não seria interessante para nós?
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.marinha.pt%2Fpt-pt%2Fmarinha%2Fbusca-e-salvamento%2FPublishingImages%2FArea%2520SAR.jpg&hash=a7de6d478ba70020cbd70bca88a2548b)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.emfa.pt%2Fwww%2Fpo%2Fesquadra%2Fincludes%2F751%2Fconteudos%2Fgaleria%2Fpagina%2F400nm_166.jpg&hash=76b7cbf5892fcac1b6ba4b03c978ef65)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Cabeça de Martelo em Abril 27, 2017, 11:30:08 am
A questão é que os PJ não são "meros" recuperadores", mas sim especialistas em socorrismo avançado que não há Portugal. Um TAS fica aquém dos conhecimentos e capacidades reais de um PJ. Em Portugal já foi realizado em exercícios militares a infiltração de um médico através de um Salto de Abertura Manual em tandém. O dito médico militar nem sequer era Páraquedista, mas sim o médico no actual Regimento de Paraquedistas. Em caso de necessidade e desde que houvesse vontade por parte da FAP para que se fizesse algo semelhante, não estou a ver qualquer problema que algo semelhante se fizesse por cá. Dito isto... se não se fez isso quando tínhamos tanto os Páras na FAP como um meio inferior ao actual (Puma), não estou a ver quem de direito decidir fazer isto.

Exemplo de um SAM em tandem:
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi205.photobucket.com%2Falbums%2Fbb309%2FMergeri%2FETP%2Funtitled.jpg&hash=45b1f7cc9a9bd44e748a759fceb13cb3)

Saltos para a água:
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi205.photobucket.com%2Falbums%2Fbb309%2FMergeri%2FETP%2Fmontargilg9dt8.jpg&hash=fb8203a77f80020a73064190704d0297)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi205.photobucket.com%2Falbums%2Fbb309%2FMergeri%2FETP%2Fmontargilg4wy9.jpg&hash=d685f230ab54c06c9f1454ead787c7c3)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi205.photobucket.com%2Falbums%2Fbb309%2FMergeri%2FETP%2Fmontargilg5tj7.jpg&hash=ff3ea67fe28d78a7622c798f68765e14)





Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Abril 27, 2017, 07:46:52 pm
A questão é que os PJ não são "meros" recuperadores", mas sim especialistas em socorrismo avançado que não há Portugal. Em caso de necessidade e desde que houvesse vontade por parte da FAP para que se fizesse algo semelhante, não estou a ver qualquer problema que algo semelhante se fizesse por cá.

Claro, estamos só no campo do "se", e as actuais capacidades da Força Aérea e Marinha já tem uma taxa de sucesso de 97%, ou algo por ai.

Acho interessante esta capacidade, nem tanto do ponto de vista de unidade de combate, mas unidade médica, com capacidade de infiltração por pára-quedas incluindo salto para a água.
Os canadianos também tem uns gajos parecidos, os SAR-Techs, que fazem o que os nosso fazem a partir de helicóptero mas também saltam de pára-quedas para as zonas remotas do Canadá onde os helis não chegam.
A nós só teria interesse uma equipa que fizesse o que os Americanos fizeram, inserir uma equipa médica por pára-quedas num navio longe do raio de acção dos helicópteros, falo puramente para operar na nossa área de responsabilidade SAR.
Agora se isto fosse para a frente já imaginei várias hipóteses, adaptar uma unidade já existente, o mais próximo possível da necessária e dar o treino restante, Precursores ou DAE tem o teino de pára-quedismo e natação mas falta formação médica, os precursores ainda tem outro inconveniente que é estar longe da BA6 - Montijo, os recuperadores da FAP falta o treino de pára-quedismo, também temos os mergulhadores da Marinha que para mim são os que estão mais perto de possuir as capacidades necessárias, alguns tem o curso de pára-quedismo, e alguns são recuperadores nos Lynx por isso já tem formação de socorrismo, natação é com eles lol, mas talvez estejamos a falar em destacamentos diferentes dentro dos mergulhadores.
Outra hipótese seria ou a FAP ou os Páras (Exército) recriarem as enfermeiras-páraquedistas (sou um saudosista lol), faltando só a parte de nadar com barbatanas lol, é que se pensarmos como os enfermeiros andam mal pagos, a recibos verdes, horários da treta, etc, se lhes derem contracto com estabilidade, posto (e ordenado) de oficial mais subsidio de salto, acredito que ainda eram capaz de fazer muitos enfermeiros pensarem nisso, nem é preciso muita gente, talvez uma unidade tipo pelotão. A terceira hipótese é fazer algo completamente novo a imitar os pararescue da USAF.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Abril 28, 2017, 05:23:56 am
Para mim, o que fazia mais sentido era ter uma unidade de queimados nos Açores...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Cabeça de Martelo em Abril 28, 2017, 10:30:50 am
O mais fácil era termos uma pequena unidade de especialistas de Medicina (Médicos e Enfermeiros), devidamente treinados e preparados para este tipo de coisas. Em Tancos tens agora o Agrupamento Sanitário, por isso até faria sentido algo do género e nem sequer era preciso muitos elementos. A questão era saber que curso é que eles teriam, se bastava os SAA ou teria que se recorrer aos SAM. Em cada caso há custos inerentes e cursos a serem feitos, mas aposto que pessoal não faltaria. Para este tipo de missão é preciso algum planeamento por isso não penso que fosse essencial os ditos militares estarem na mesma Base Aérea que os meios a serem usados, visto que entre o planeamento e a execução haveria tempo para a transferência dos meios envolvidos.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Abril 28, 2017, 11:02:00 am
A questão era saber que curso é que eles teriam, se bastava os SAA ou teria que se recorrer aos SAM. Em cada caso há custos inerentes e cursos a serem feitos, mas aposto que pessoal não faltaria. Para este tipo de missão é preciso algum planeamento por isso não penso que fosse essencial os ditos militares estarem na mesma Base Aérea que os meios a serem usados, visto que entre o planeamento e a execução haveria tempo para a transferência dos meios envolvidos.

Eu acho que o SAA seria suficiente, qual a vantagem da queda livre? Isto não é uma infiltração hostil. Mas não estou 100% convencido de dizeres que isto demora tempo suficiente para o pessoal chegar ao Montijo, os aparelhos SAR da Força Aérea costumam descolar em meia hora mas por estrada de Tancos ao Montijo demora cerca de hora e meia, mas pronto alguma solução haveria de existir.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Cabeça de Martelo em Abril 28, 2017, 03:23:13 pm
A questão era saber que curso é que eles teriam, se bastava os SAA ou teria que se recorrer aos SAM. Em cada caso há custos inerentes e cursos a serem feitos, mas aposto que pessoal não faltaria. Para este tipo de missão é preciso algum planeamento por isso não penso que fosse essencial os ditos militares estarem na mesma Base Aérea que os meios a serem usados, visto que entre o planeamento e a execução haveria tempo para a transferência dos meios envolvidos.

Eu acho que o SAA seria suficiente, qual a vantagem da queda livre? Isto não é uma infiltração hostil. Mas não estou 100% convencido de dizeres que isto demora tempo suficiente para o pessoal chegar ao Montijo, os aparelhos SAR da Força Aérea costumam descolar em meia hora mas por estrada de Tancos ao Montijo demora cerca de hora e meia, mas pronto alguma solução haveria de existir.

Ok, SAA, mas com calote tipo asa? Há várias vantagens se usares este tipo de calote.
(https://media.defense.gov/2012/Jul/27/2000129927/670/394/0/120717-F-TQ740-004.JPG)
(https://media.defense.gov/2012/Aug/04/2000127799/670/394/0/120720-F-TQ740-098.JPG)
Citar
Parachute Operations   
Training includes packing, inspecting, jumping and airmanship.
Parachute descents include both static line and freefall.
3 weeks

Fonte: https://bootcampmilitaryfitnessinstitute.com/elite-special-forces/canadian-elite-special-forces/canadian-search-rescue-technician-sar-tech-selection-training/

Isto é um curso de Pára-quedismo/Queda Livre e não são SOGAS.
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.operacional.pt%2Fwp-content%2Fuploads%2F2011%2F01%2F3portugal-us-269-copy.jpg&hash=675488c58e84c2f3f1edb03d1bf55e43)
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.operacional.pt%2Fwp-content%2Fuploads%2F2011%2F01%2F4portugal-us-407-copy.jpg&hash=1c827d2274d91c6fd628276eadaedb44)

Fonte: http://www.operacional.pt/operacoes-especiais-portuguesas-e-dos-eua-treinam-em-territorio-nacional/

Percebeste mal o que eu escrevi, não são os Saltadores que iam ter com os meios, mas sim o inverso.

Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Abril 28, 2017, 05:18:09 pm
Desculpem meter o bedelho, mas seja como for foi mais uma prestação espectacular da FAP e das suas tripulações.  :G-beer2:

Só uma visão de um ângulo ligeiramente diferente daquele que tem estado aqui a ser debatido nos últimos posts em relação à necessidade da formação ou existência de uma unidade tipo PJ's na FAP, que é um assunto interessante se tivermos em conta as dimensões da nossa FIR e ZEE: não seria mais interessante, sobretudo para os EH101 Merlin (e também C-295M) estacionados na BA4, dotá-los finalmente das lanças de reabastecimento em voo de modo a poder aumentar o seu alcance em missões mais longínquas a Oeste das Flores e Corvo?

Poder-se-iam adquirir e instalar pelo menos dois pods de reabastecimento hose & drogue aquando da aguardada modernização da frota C-130, algo que mais tarde, e com a mais que certa escolha pelo KC-390, será uma capacidade que esta aeronave possuirá de origem. Além disso é comum nas Lajes encontrarem-se várias aviões-tanque Hércules norte-americanos dos mais variados ramos em apoio a destacamentos transatlânticos, e por isso creio que numa situação de emergência não deveria haver problema em activar um desses meios em apoio às nossas aeronaves de socorro.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Abril 28, 2017, 05:31:27 pm
Desculpem meter o bedelho, mas seja como for foi mais uma prestação espectacular da FAP e das suas tripulações.  :G-beer2:

Só uma visão de um ângulo ligeiramente diferente daquele que tem estado aqui a ser debatido nos últimos posts em relação à necessidade da formação ou existência de uma unidade tipo PJ's na FAP, que é um assunto interessante se tivermos em conta as dimensões da nossa FIR e ZEE: não seria mais interessante, sobretudo para os EH101 Merlin (e também C-295M) estacionados na BA4, dotá-los finalmente das lanças de reabastecimento em voo de modo a poder aumentar o seu alcance em missões mais longínquas a Oeste das Flores e Corvo?

Poder-se-iam adquirir e instalar pelo menos dois pods de reabastecimento hose & drogue aquando da aguardada modernização da frota C-130, algo que mais tarde, e com a mais que certa escolha pelo KC-390, será uma capacidade que esta aeronave possuirá de origem. Além disso é comum nas Lajes encontrarem-se várias aviões-tanque Hércules norte-americanos dos mais variados ramos em apoio a destacamentos transatlânticos, e por isso creio que numa situação de emergência não deveria haver problema em activar um desses meios em apoio às nossas aeronaves de socorro.

Completamente de acordo quanto á prestação da FAP e também quanto á aquisição desse equipamento de reabastecimento!!

A nossa FIR de Santa Maria é enorme, essas valências só tornariam mais capazes as aeronaves/tripulações envolvidas nas missões SAR, e tornariam possível alguns salvamentos que de outra forma não o são devido aos raios de acção  actuais dessas mesmas aeronaves, digo eu em Grego, mas é melhor assim, enquanto não estiver em apuros nenhum familiar de Ministro ou afins, non passa nada !!!!

PS : se calhar essa compra excede o Plafond dos 20 milhões e, desse modo...........não há nada p´ra ninguém !!!!

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Cabeça de Martelo em Abril 28, 2017, 05:46:19 pm
A boa prestação da FAP e da Armada em missões SAR são a norma, por isso o pessoal já nem liga... :-[
A criação disto ou aquisição daquilo... não sou eu que decido nem o Lightning, mas é sempre uma forma de puxar a cabeça e pensar em possíveis soluções. Quem de direito é quem decide e se não fosse assim até seria mau. :G-beer2:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Abril 28, 2017, 06:03:05 pm
Só uma visão de um ângulo ligeiramente diferente daquele que tem estado aqui a ser debatido nos últimos posts em relação à necessidade da formação ou existência de uma unidade tipo PJ's na FAP, que é um assunto interessante se tivermos em conta as dimensões da nossa FIR e ZEE: não seria mais interessante, sobretudo para os EH101 Merlin (e também C-295M) estacionados na BA4, dotá-los finalmente das lanças de reabastecimento em voo de modo a poder aumentar o seu alcance em missões mais longínquas a Oeste das Flores e Corvo?
x2  :G-Ok:

Poder-se-iam adquirir e instalar pelo menos dois pods de reabastecimento hose & drogue aquando da aguardada modernização da frota C-130
O melhor seria investir igualmente em kits de reabastecimento aéreo para os C-295M; isto porque que à partida existem mais aeronaves disponíveis, já existe destacamento nas ilhas e não iria estar a tirar C-130s/etc. para as missões SAR.

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Abril 28, 2017, 10:53:36 pm
Além disso é comum nas Lajes encontrarem-se várias aviões-tanque Hércules norte-americanos dos mais variados ramos em apoio a destacamentos transatlânticos, e por isso creio que numa situação de emergência não deveria haver problema em activar um desses meios em apoio às nossas aeronaves de socorro.

Eu acho que não podemos  contar com isso, primeiro nem é assim tão comum aparecerem reabastecedores KC-130 nos Açores, é muito mais comum ver reabastecedores KC-135 o que não serve a helicópteros, e mesmo que por sorte algum KC-130 estivesse nos Açores quando precisássemos, os aviões não são das tripulações, são dos governos/Ramos militares, se estiver a regressar aos EUA, ainda acredito que pudesse ser, mas se ele estiver a ser projectado para algum TO, ficar mais um dia nos Açores pode provocar vários atrasos noutras forças que estejam a ser projectadas com o apoio desse meio, que estejam à espera de ser rendidas, etc.

Um reabastecedor também é uma boa ideia, seja nosso ou aliado, mas tem que estar disponível para isso, por exemplo, podia ser um da USAF, que eles destacassem nos Açores, ou que estando nos EUA pudesse ser enviado para os Açores rapidamente em caso de necessidade, mas tem que estar planeado, feito em cima do joelho não, que isto não é pedir boleia a um amigo, ele até pode dar várias boleias, mas basta uma vez ele por qualquer razão negar-se e nós mal habituados ainda vamos dizer que a culpa é dele.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Abril 29, 2017, 12:31:34 pm
Eu acho que não podemos  contar com isso, primeiro nem é assim tão comum aparecerem reabastecedores KC-130 nos Açores, é muito mais comum ver reabastecedores KC-135 o que não serve a helicópteros, e mesmo que por sorte algum KC-130 estivesse nos Açores quando precisássemos, os aviões não são das tripulações, são dos governos/Ramos militares, se estiver a regressar aos EUA, ainda acredito que pudesse ser, mas se ele estiver a ser projectado para algum TO, ficar mais um dia nos Açores pode provocar vários atrasos noutras forças que estejam a ser projectadas com o apoio desse meio, que estejam à espera de ser rendidas, etc.

Pensei melhor depois de ter escrito isso e de facto tens toda a razão. Estava a falar em circunstâncias excepcionais, a tal situação de emergência que referi, mas a responsabilidade SAR é exclusivamente nossa. Assunto encerrado nesse aspecto, e também, julgo eu, quanto à possibilidade de virmos a ter na Força Aérea capacidade de reabastecimento em voo até à possível compra do KC-390.

Quanto à presença de aeronaves KC-130 nas Lajes: pode não ser comum, mas aparecem por lá. Para destacamentos transatlânticos o mais adequado é usar aviões-tanque de maior porte, porém basta fazer-se uma busca no Google para encontrar imagens de Hercules tankers nos Açores que vão do USMC à Força Aérea Italiana.


Um reabastecedor também é uma boa ideia, seja nosso ou aliado, mas tem que estar disponível para isso, por exemplo, podia ser um da USAF, que eles destacassem nos Açores, ou que estando nos EUA pudesse ser enviado para os Açores rapidamente em caso de necessidade, mas tem que estar planeado, feito em cima do joelho não, que isto não é pedir boleia a um amigo, ele até pode dar várias boleias, mas basta uma vez ele por qualquer razão negar-se e nós mal habituados ainda vamos dizer que a culpa é dele.

Uma aeronave que terá sempre de ser de mais baixa velocidade como o KC-130 ou C-295 tanker como ontem bem aqui se referiu. A Embraer sustenta que embora movido a jacto o KC-390 também será capaz de reabastecer em voo meios de asa rotativa, portanto mais uma razão para se pensar seriamente nesta solução de dotar a breve trecho as frotas já com provisões para isso com os equipamentos necessários a tal.

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi253.photobucket.com%2Falbums%2Fhh71%2Fvicky10_photos%2FYK6R01751.jpg&hash=9a2ba5315f4dac9df4968e66fcad57f0)

(https://scontent-ams3-1.cdninstagram.com/t51.2885-15/e35/14726481_653647358137226_7307796268988760064_n.jpg)

(https://airbusdefenceandspace.com/wp-content/uploads/2017/01/c295-helicopter.jpg)

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fcdn.defesaaereanaval.com.br%2Fwp-content%2Fuploads%2F2012%2F09%2FKC390.jpg&hash=fd620ae315c0f73c10bb24308ecbc5c4)


Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Maio 10, 2017, 10:42:13 am
http://www.passarodeferro.com/2017/05/f-16-da-fap-no-primeiro-reabastecimento_10.html (http://www.passarodeferro.com/2017/05/f-16-da-fap-no-primeiro-reabastecimento_10.html)
Citar
A Airbus Defence and Space demonstrou com sucesso os primeiros contactos para reabastecimento aéreo automático com o sistema "boom" (lança), tendo sido a primeira vez que tal se realizou a nível mundial.

No voo, realizado a 21 de Março de 2017 sobre a costa portuguesa, um Airbus A310 MRTT que serviu de plataforma de testes para o sistema, realizou seis contactos automáticos com F-16 da Força Aérea Portuguesa, numa demonstração da técnica que a empresa acredita trazer grandes promessas para o melhoramento das operações de reabastecimento aéreo.

O sistema não necessita de equipamento adicional na aeronave receptora e irá reduzir substancialmente o trabalho do operador de "boom", melhorar a segurança e optimizar a taxa de reabastecimentos em condições operacionais, maximizando por isso também a eficiência de combate.
Pode ser introduzido nos A330 MRTT em produção já em 2019.

A aproximação inicial e o acompanhamento do receptor são realizados pelo operador da lança de reabastecimento como até agora. A inovação está na fase de contacto, feita através de técnicas passivas de processamento de imagem, que determinam a posição do receptáculo e quando o sistema automático deve ser activado, direccionando depois a lança através de um sistema de controlo de voo automático.
O sistema mantém contudo a capacidade para ser controlado manualmente, ou ainda um intermédio de manutenção da distância relativa entre as aeronaves.

Durante 1h30min que durou o período de teste do voo, foram realizados seis contactos bem sucedidos, a uma velocidade de 270 nós (500 km/h) e 25.000 pés (7600m). Todas as tripulações reportaram a operação sem qualquer incidente.

David Piatti, operador de "boom" de teste da Airbus, referiu a propósito: "o mais importante foi que o sistema conseguiu rastrear o receptáculo. Foi muito satisfatório porque funcionou perfeitamente e conseguiu realizar os contactos em automático, como planeado. Vai certamente reduzir a carga de trabalho, especialmente em condições meteorológicas difíceis".

O piloto de F-16 português, de callsign "Prime" disse que "a missão de teste decorreu sem incidentes e cumprida sem qualquer contrariedade inesperada - o que é um bom sinal. Desde o momento em que o operador aceitou o contacto, a lança estava imediatamente no local correcto. Relativamente ao contacto em si, foi muito preciso e rápido. Dá para notar a diferença - quanto menos se sente no cockpit, mais exacto está a ser o acompanhamento".

Miguel Gasco, Chefe da Airbus Defence and Space do Space's Incubator Laboratory, que coordenou o desenvolvimento disse ainda: "Isto representa um avanço fundamental nas operações de reabastecimento aéreo com "boom", com a promessa de aumentar a taxa de contactos, reduzindo notavelmente a carga de trabalho e melhorando a segurança. A operação do "boom" automático é um pilar importante do nosso sistema Smart MRTT em desenvolvimento".

A tecnologia de imagem que suporta a técnica do sistema automático de reabastecimento foi usado originalmente pelo departamento espacial da Airbus, para desenvolver soluções de reabastecimento de satélites no espaço, ou para remoção de detritos espaciais, tendo sido depois desenvolvido e  aplicado no sistema de reabastecimento aéreo.

A Airbus tem um protocolo de cooperação com a Força Aérea Portuguesa, para a realização de testes de desenvolvimento e certificação das aeronaves de reabastecimento aéreo que produz.
(https://2.bp.blogspot.com/-MW5CKL7WcF4/WRJmoyL_0VI/AAAAAAAADjI/b-IojoHn2KQCS31mfSrd9QGqsS_Ih0xeACLcB/s640/auto-aar-1st-contact-1024x581.png)

Saudações
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: perdadetempo em Maio 21, 2017, 01:21:22 pm
Isto não é uma noticia, é apenas para informar que a FAP já tem no seu site o relatório de gestão para o ano de 2016.

http://www.emfa.pt/www/conteudos/informacaofap/relatorio_gestao2016.pdf (http://www.emfa.pt/www/conteudos/informacaofap/relatorio_gestao2016.pdf)

Apresenta a actividade da Força Aérea assim como os dados financeiros.

Cumprimentos,

PS: Será que este ano a marinha se digna a cumprir as suas obrigações legais e também apresenta relatório?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Julho 05, 2017, 11:12:38 am
Mais 12 de cana... http://www.jn.pt/justica/interior/detidos-12-militares-por-corrupcao-na-forca-aerea-8611666.html (http://www.jn.pt/justica/interior/detidos-12-militares-por-corrupcao-na-forca-aerea-8611666.html)
Citar
Em causa está o fornecimento de bens a messes da Força Aérea.

A Polícia Judiciária deteve 12 militares (incluindo um major-general, um coronel, um tenente-coronel, um major, três capitães e cinco sargentos) e quatro empresários ligados ao ramo da comercialização de géneros alimentícios por crimes de corrupção passiva e ativa.


O método de atuação da rede consistia na sobrefaturação de bens e matérias-primas para a confeção de refeições nas messes da Força Aérea, e posterior divisão entre os militares e os empresários do saldo relativo à diferença entre o valor da fatura original, ou seja, o valor efetivo da venda dos produtos alimentares e o valor sobre faturado ao Estado.

OPERAÇÃO ZEUS: MAJOR DETIDO VAI SER INTERROGADO QUARTA-FEIRA

VER MAIS

No decurso da operação, em que participaram 130 elementos da Polícia Judiciária e 10 magistrados do Ministério Público, foram realizadas 36 buscas nas áreas dos distritos de Lisboa, Porto, Santarém, Setúbal, Évora e Faro, das quais 31 domiciliárias e cinco não domiciliárias, tendo sido apreendidos documentos e material relacionado com a atividade criminosa em investigação.

Na primeira fase da operação, em novembro de 2016, foram detidos cinco homens por corrupção ativa e passiva para ato ilícito e falsificação de documentos, num "esquema fraudulento poderá ter lesado o Estado em cerca de 10 milhões de euros".

Os detidos serão presentes a tribunal, para determinação das medidas de coação.

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fstatic.globalnoticias.pt%2Fjn%2Fimage.aspx%3Fbrand%3DJN%26amp%3Btype%3Dgenerate%26amp%3Bname%3Dbig%26amp%3Bid%3D8611666%26amp%3Bsource%3Dng8640980%26amp%3Bw%3D744%26amp%3Bh%3D495%26amp%3Bt%3D20170704133500&hash=427745fc73995c3038aa4cb2f1fa0c2d)

Saudações
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Julho 11, 2017, 10:52:25 am
http://www.operacional.pt/mau-dia-para-morrer/ (http://www.operacional.pt/mau-dia-para-morrer/)
Citar
Dia 10 de Julho de 2016, a selecção portuguesa de futebol, conquista pela primeira vez na história o título de Campeão Europeu. Dia 11 o avião que transporta dirigentes e jogadores aterra em Lisboa, sensivelmente à mesma hora morrem à vista do aeroporto da capital, na Base Aérea n.º 6, no Montijo, 3 militares da Força Aérea Portuguesa, num acidente com um C-130 envolvido numa missão de qualificação de pilotos.
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.operacional.pt%2Fwp-content%2Fuploads%2F2016%2F07%2F7-lisboa-pristina-10h38-768x432.jpg&hash=a0f1543a1c466fa245218977bcaf6140)

Saudações
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Turlu em Agosto 03, 2017, 01:37:23 pm
Até 08 deste mês
Cinco aeronaves F-16AM nas Lajes

A Base Aérea n.º4 recebe, até 08 deste mês, um destacamento aéreo do dispositivo da Base Aérea n.º5, em Monte Real, constituído por cinco aeronaves F-16AM.
Num comunicado, o Comando da Zona Aérea dos Açores refere que “o objetivo principal desta missão é o cumprimento do programa de manutenção de qualificações na aeronave F-16AM, assim como a realização de missões de instrução operacional, nomeadamente nas componentes de atualização da liderança de voo e conversão operacional, sendo paralelamente testadas as qualificações das tripulações”.
Os F-16AM estão nas Lajes desde terça-feira.

Diário Insular 2017/08/03
http://www.diarioinsular.pt/
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Agosto 03, 2017, 02:41:49 pm
(https://scontent.flis1-1.fna.fbcdn.net/v/t31.0-8/20545324_1013376308802193_5441470994760768341_o.jpg?oh=dcbd3ff42895725c0e0afdeb6e5246cb&oe=59FA4043)
(https://scontent.flis1-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/20597456_1013376305468860_4822059577649511009_n.jpg?oh=71737d5da08e15eafd5595cf9a334d12&oe=5A2E0A38)
(https://scontent.flis1-1.fna.fbcdn.net/v/t31.0-8/20617193_1013376312135526_2539828364366269684_o.jpg?oh=fd7155d90a36b712b48d5425ad14b324&oe=59F019D6)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Agosto 03, 2017, 02:45:29 pm
A Força Aérea (Policia Aérea) andam a treinar reforços de segurança, deve ser uma maior preocupação com a segurança das instalações militares depois do caso de Tancos.

Polícia Aérea treina procedimentos operacionais
Exercício Sierra decorreu na ER3

http://www.emfa.pt/www/noticia-1494-policia-aerea-treina-procedimentos-operacionais

"(...)O cenário criado consistiu numa solicitação feita pela ER3 ao CFMTFA com vista a garantir o reforço de segurança das suas instalações(...)"

"(...)As missões atribuídas aos formandos passaram por implementar e aplicar um Plano de Segurança, desempenhar as várias funções atribuídas ao Centro Coordenador de Segurança e Defesa (CCSD), aplicar os planos de contingência e ainda realizar missões de unidades elementares de combate.

Em simultâneo, decorreram blocos de instrução direcionados para o combate em meio urbano, para o controlo de tumultos, para os procedimentos de identificação e controlo e porta de armas e para as técnicas de manobra de cordas.(...)"
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Agosto 03, 2017, 06:30:24 pm
Homem colhido pela avioneta na Caparica pertencia à Força Aérea


O homem que foi atropelado, esta quarta-feira, pela avioneta que aterrou de emergência na praia São João da Caparica, em Almada, era sargento da Força Aérea. Era casado, nascido em Viseu e vivia em Almada, relata o Jornal de Notícias.

“Ironia do destino… Sargento da Força Aérea, a gozar no seu pleno direito a reserva que tanto ambicionou, junto daqueles que sempre quis estar, na sua praia, à beira mar… é atropelado por uma aeronave!!!”, foi um dos vários comentários escritos, a homenagear José Lima, na sua página de Facebook.

De acordo com uma fonte da Força Aérea, em declarações ao JN, a família da vítima dispensou as cerimónias fúnebres militares.

Quanto aos tripulantes que conduziam a avioneta, vão ser hoje ouvidos pelo Ministério Público e, até há bocado, ainda estavam a ser interrogados pelas autoridades.

Enquanto a Aerocondor, a escola de aviação que alugou a avioneta ao aeroclube de Torres Vedras, esclareceu que a viagem consistia num voo de treino com um aluno e um instrutor sénior com bastante “experiência e milhares de horas de pilotagem”, o aeroclube divulgou um comunicado onde indicou que o avião estava em “perfeitas condições mecânicas”, assegurando ter “todas as revisões e certificações exigidas”, conclui o jornal.



>>>>  http://www.jornaleconomico.sapo.pt/noticias/homem-colhido-pela-avioneta-pertencia-a-forca-aerea-194676?utm_source=dlvr.it&utm_medium=facebook



RIP....  :Soldado2: :Soldado2: :Soldado2: :Soldado2:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Agosto 11, 2017, 02:42:31 pm
O cantinho militar da Portela por onde passam todos os VIP

http://www.dn.pt/portugal/interior/o-cantinho-militar-da-portela-por-onde-passam-todos-os-vip-8698609.html
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Agosto 20, 2017, 08:05:14 pm
A leitura da notícia seguinte deve ser acompanhada com um bocado de sal.

Força Aérea cria plano para rentabilizar aeroporto de Figo Maduro
(19 de Agosto de 2017)
Citação de: Manuel Carlos Freire / Diário de Notícias
Após anos sem gastar um tostão na manutenção das suas instalações no aeroporto de Lisboa, a Força Aérea investiu milhares de euros nos últimos dois anos para as recuperar e tornar apresentáveis. Agora aposta em rentabilizar o espaço e, por essa via, obter receitas adicionais.

Um dos exemplos é o do aluguer de espaço no hangar do Aeródromo de Trânsito n.º 1 (AT1), que renderá perto de um milhão de euros, para a companhia aérea White reparar o trem de aterragem de um dos seus aviões, admitiu ao DN o comandante da unidade militar, coronel Rui Campos.

O aparelho da White, dadas as limitações de espaço existentes no Aeroporto Humberto Delgado e que se estendem às oficinas e placas de parqueamento de aviões, está desde Novembro passado no hangar do AT1 - donde sai no final deste mês.

«A Força Aérea estabeleceu um valor diário que é cobrado à empresa pela utilização do espaço», o qual «já foi usado por outras companhias», disse o ramo ao DN, acrescentando que «com o período de ocupação do exemplo em apreço é caso isolado»

A viver com fortes restrições financeiras, o ramo procura assim rentabilizar o espaço do AT1 enquanto não avançam as alterações decorrentes da futura utilização da base do Montijo como espaço complementar do aeroporto de Lisboa - a exemplo do que está prestes a concretizar-se nas instalações da base aérea de Beja (ver caixa).

Certo é que, enquanto não chega o dia da mudança de instalações (ver texto ao lado), a Força Aérea tem na mesa projectos de protocolos a estabelecer com a gestora privada do aeroporto de Lisboa e com a companhia aérea Ryanair.

Segundo o coronel Rui Campos, no primeiro caso trata-se de renegociar um acordo antigo de cedência de espaço na placa militar para parqueamento de aviões civis, tendo como contrapartida os serviços aeroportuários fornecidos pelo aeroporto - bombeiros, por exemplo - à operação das aeronaves militares. «Isso fazia sentido quando a ANA era pública, mas os tempos evoluíram, as condições mudaram», sublinhou um oficial do ramo, sob anonimato por não estar autorizado a falar do tema.

O ramo assumiu que, devido à «alteração do estatuto da empresa» que gere o Humberto Delgado, «a Força Aérea considera que o protocolo deve ser renegociado». Actualmente «existe um protocolo que na prática permite o parqueamento, mediante autorização prévia do comando, de até três aeronaves» de pequena dimensão «por períodos que em regra não ultrapassem os três a quatro dias», disse fonte oficial. «Em contrapartida, a ANA presta serviço de bombeiros bem como outros apoios logísticos pontuais», acrescentou.

Note-se que a condicionante do espaço disponível no Figo Maduro para utilização civil já inviabilizou o alugar de áreas dentro do hangar a outras empresas aeronáuticas, pois só é possível fazê-lo para um avião de cada vez - e tem estado ocupado pelo referido aparelho da White. A razão é que é nesse mesmo local que ficam estacionados os Falcon 50, onde agora também é feita a manutenção que estava a cargo da OGMA, referiu o comandante do AT1.

[continua]
Fonte: http://www.dn.pt/portugal/interior/forca-aerea-rentabiliza-hangar-placa-e-oficinas-de-figo-maduro-8714452.html (http://www.dn.pt/portugal/interior/forca-aerea-rentabiliza-hangar-placa-e-oficinas-de-figo-maduro-8714452.html)

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Setembro 03, 2017, 02:35:09 pm
A mais recente viatura militar da Força Aérea é um jipe... de 1972

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fstatic.globalnoticias.pt%2Fdn%2Fimage.aspx%3Fbrand%3DDN%26amp%3Btype%3Dgenerate%26amp%3Bname%3Doriginal%26amp%3Bid%3D8744833%26amp%3Bw%3D728%26amp%3Bh%3D466%26amp%3Bt%3D20170903112500&hash=813d026ec244191ac4a722ed042de419)


Responsável pela recuperação do jipe retirado da sucata é um militar que representa a última geração de uma família de sargentos.

Eduardo Bexiga é sargento-mor da GNR, donde saiu em 2006 para andar sempre à civil. Onde anos depois, contudo, voltou a vestir a farda para assinalar a sua última obra: recuperar e oferecer à Força Aérea um jipe Willis retirado literalmente debaixo de muito ferro velho.

A cerimónia realizou-se a 8 de junho, no Aeródromo de Trânsito nº1 (AT1). Eduardo Bexiga, militar de infantaria e mecânico nas horas livres, fardou-se a rigor também "para simbolizar a colaboração da GNR com a Força Aérea e homenagear a sua última unidade": o Grupo de Intervenção de Proteção e Socorro (GIPS) da Guarda, que ajudou a criar e da qual foi o primeiro sargento-mor.

O projeto de recuperar o inutilizado jipe CJ6 de seis cilindros a gasolina - popularmente conhecido como Willis e que agora tem um motor de quatro cilindros a gasóleo - surgiu em 2015, ano em que o coronel Rui Campos assumiu o comando do AT1, a unidade militar adjacente ao aeroporto de Lisboa. Decidido a renovar aquelas instalações, o oficial descobrira a enferrujada viatura debaixo de muita sucata numa área oficinal.

"O jipe nem sequer estava à carga e podia ter sido levado" por quem quer que fosse que ninguém notaria, diz Rui Campos. Motivados os militares e civis a limparem o local, colocava-se o problema de como financiar o projeto. "Não havia dinheiro" mas o desafio de o concretizar era suficientemente forte para procurar soluções, lembra Rui Campos ao DN. A solução acabou por surgir no início de 2016, ao ser apresentado a Eduardo Bexiga, ex-militar da Força Aérea e especialista em jipes Willis.

Eduardo Bexiga - com o irmão, sargento-mor paraquedista - representa a última geração de uma família de sargentos. O avô foi sargento do Exército e integrou o Corpo Expedicionário Português enviado para França na I Grande Guerra. O pai estava em Macau durante a II Guerra Mundial como sargento do Exército, donde transitou para a Força Aérea no início dos anos 1950, quando nasceu o ramo aeronáutico em Portugal.

Com o bichinho e a aprendizagem da mecânica automóvel herdados do pai, sargento-ajudante mecânico de material de terrestre, Eduardo Bexiga iniciou a vida militar em 1972 no mesmo ramo, mas na Polícia Aérea. Em 1980 entrou para a GNR, onde prosseguiu a carreira no Regimento de Infantaria - atual Unidade de Intervenção da Guarda - até a concluir no GIPS.

Já com vários Willis recuperados no currículo, Eduardo Bexiga aceitou o desafio apesar da "falta de peças mecânicas e da impossibilidade de [as] comprar por terem um custo incomportável". Com a ajuda de dois sargentos, um da Força Aérea e outro da GNR, mais uns militares e civis do AT1, o sargento-mor deitou mãos à obra em fevereiro de 2016.

"Optei por incorporar um motor e uma caixa de velocidades de um Nissan Patrol" da Força Aérea, que estava para ser abatido, "e por adaptar a carroçaria do jipe [transformando-o numa viatura para cerimónias de parada] mas mantendo o seu visual estético inalterado", conta o militar já na reforma. Isso significou alargar a abertura lateral direita do Willis, que os puristas classificam como um CJ6 mas que passou assim a ser igual à versão M170.

Foi-lhe também adicionada uma haste para colocar a flâmula da alta entidade - o Presidente da República ou o comandante da Força Aérea, por exemplo - que presida à cerimónia militar, bem como um pirilampo azul para o jipe servir como viatura Follow Me nas receções a chefes de Estado ou de governo que visitem Portugal. Foi aliás nesta função que este Willis já foi usado, aquando da chegada ao aeroporto do presidente do parlamento chinês e do primeiro-ministro da Índia, refere o comandante do AT1.

E quanto custou? Rui Campos sorri de satisfação, também por saber que vai surpreender: "Menos de 600 euros." Eduardo Bexiga, que também sorri mas de orgulho, acrescenta que a única coisa nova do jipe é o vidro - e umas borrachas, acrescenta o coronel.

O resto foi tudo material recuperado, desde o radiador aos pneus (também do Patrol), passando pela direção assistida aos travões de disco à frente e atrás - para garantir a sua "utilização consentânea com as normas de segurança", explica Eduardo Bexiga - ou aos farolins.

Agora em fase de registo e obtenção de documentos como viatura militar especial, o jipe foi oferecido a 8 de junho ao chefe do Estado-Maior da Força Aérea, general Manuel Rolo. Por concretizar, devido ao atraso dos trabalhos, ficou o desejo de Rui Campos em o ver desfilar nas cerimónias do 10 de junho, no Porto e com Marcelo Rebelo de Sousa a passar revista às tropas.

Nas laterais do capô já está inscrita a sua classificação militar e segundo as regras NATO: 13 números, correspondendo os últimos seis ao dia 1 do mês e ano em que renasceu. Mas ainda falta pintar a águia da Força Aérea no capô....


>>>> http://www.dn.pt/portugal/interior/a-mais-recente-viatura-militar-da-forca-aerea-e-um-jipe-de-1972-8744833.html
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Setembro 07, 2017, 08:23:17 pm
Programa de Base Aberta da BA5 - Monte Real

(https://scontent.flis8-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/21430369_1850273235000628_9182248233836074798_n.png?oh=6c2dfb241701023f814d5831a8c17be0&oe=5A55E75A)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Setembro 09, 2017, 06:40:10 pm
Irma: Força Aérea apoia aeronaves de apoio humanitário às vítimas


A Força Aérea Portuguesa (FAP) está a apoiar as tripulações e as aeronaves de apoio humanitário às vítimas do furacão Irma que passam pela Base Aérea da ilha Terceira, nos Açores, indicou hoje a FAP.

Em comunicado, a Força Aérea adianta que a Base Aérea Nº4 (BA4), na Ilha Terceira, nos Açores, atendendo a sua posição geográfica e estratégica, está a receber, desde sexta-feira, várias aeronaves de transporte e tripulações ligadas ao apoio humanitário às vítimas do furacão Irma.

Segundo a FAP, estas aeronaves, que se dirigem para as zonas devastadas pelo furação, estão envolvidas na assistência logística, alimentar e psicológica às populações afetadas e passam por esta infraestrutura militar para reabastecimento de aeronaves e descanso de tripulações.

A FAP refere que já passaram pela BA4, desde sexta-feira, várias aeronaves de transporte e tripulações ligadas ao apoio humanitário, com destaque para dois C-17, um deles ao serviço da NATO e outro da Royal Air Force (RAF), bem como um Airbus A400M do Reino Unido.

Este movimento de aeronaves de apoio humanitário às vítimas do furacão IRMA está previsto prolongar-se até terça-feira.

Este furacão, o mais poderoso registado no Atlântico, causou pelo menos 18 mortos à passagem pelas Antilhas Menores e Porto Rico, e destruiu a ilha de Barbuda e a parte francesa de Saint-Martin.


>>>>>  http://www.dn.pt/sociedade/interior/furacao-irma-forca-aerea-apoia-aeronaves-de-apoio-humanitario-as-vitimas-8758905.html
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Setembro 10, 2017, 10:17:40 pm
Irma: Portugal garante regresso de 42 emigrantes de ilhas das Caraíbas
(10 de Setembro de 2017)
Citação de: LUSA / Público
O Estado português vai garantir o regresso ao país de 42 portugueses residentes nas ilhas de São Bartolomeu, São Martinho e Guadalupe, nas Caraíbas, atingidas pelo furacão Irma, anunciou à agência Lusa o secretário de Estado das Comunidades Portuguesas.

José Luís Carneiro adiantou que o Estado português vai fretar uma embarcação para transportar 28 portugueses residentes em São Bartolomeu e outros dois em São Martinho, em direcção à ilha de Guadalupe, onde existe um aeroporto internacional em condições de operar, já que as infra-estruturas de mobilidade e comunicações nas outras duas ilhas ficaram destruídas.

"São essencialmente familiares, mulheres e filhos, de portugueses que trabalham nestas ilhas, e que, na sua maioria, querem ficar" ali, referiu o governante com a tutela dos emigrantes. O Governo português vai enviar para Guadalupe um avião militar C-130 para trazer este grupo para Portugal.

Em Guadalupe, há mais 12 portugueses que sairão num avião francês, com destino a Paris, ainda na noite deste domingo, se as condições meteorológicas o permitirem.

Na capital francesa, os serviços consulares "tratarão de garantir o apoio" para assegurar o resto da viagem até Portugal, assumindo, "se for necessário", as despesas com alojamento, refeições e transporte.
Fonte: https://www.publico.pt/2017/09/10/mundo/noticia/furacao-irma-portugal-garante-regresso-de-42-emigrantes-de-ilhas-das-caraibas-1784986 (https://www.publico.pt/2017/09/10/mundo/noticia/furacao-irma-portugal-garante-regresso-de-42-emigrantes-de-ilhas-das-caraibas-1784986)

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: rbp em Setembro 13, 2017, 08:26:38 pm
http://observador.pt/2017/09/11/marcelo-atribui-a-mais-importante-ordem-honorifica-a-esquadra-751/
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Setembro 19, 2017, 04:59:56 pm
Presidente da República visita FND ao serviço da FRONTEX
Visita ao destacamento em Málaga aconteceu no dia 18 de setembro


http://www.emfa.pt/www/noticia-1532-presidente-da-republica-visita-fnd-ao-servico-da-frontex
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Luso em Novembro 13, 2017, 05:27:45 pm
Força Aérea sabia há anos que era roubada pela “máfia militar” (e não fez nada)
https://zap.aeiou.pt/mafia-militar-apanhada-infiltrado-da-pj-180166

O esquema de corrupção nas messes da Força Aérea era tão elaborado e tão enraizado que o juiz de instrução da Operação Zeus fala em “máfia militar”. O caso foi denunciado no seio da Força Aérea há 8 anos, mas nada aconteceu, e só depois de a PJ ter colocado um “infiltrado” no terreno é que o processo avançou.

O Público apurou que a Força Aérea tinha conhecimento do esquema de sobre-facturação, nas messes das várias Bases militares espalhadas pelo país, há, pelo menos, oito anos.

Esta “máfia militar”, como refere o juiz de instrução criminal do processo, segundo cita o Público, tinha implementado um esquema de sobre-facturação de alimentos, nas messes das Bases Aéreas, com os militares suspeitos a receberem pagamentos com dinheiro em baldes, camarões e champanhe.

O processo conhecido por Operação Zeus foi despoletado em 2014, por uma denúncia anónima, feita por um antigo fornecedor das messes, à Polícia Judiciária Militar, relata o Público.
 
Mas “durante o ano e meio que a denúncia esteve nas mãos da Judiciária Militar a investigação decorreu a passo de caracol“, atesta o diário, sublinhando que foi preciso a Polícia Judiciária civil intervir para o processo avançar.

A Judiciária recorreu então a um “agente encoberto”, um elemento da Base Aérea de Monte Real que foi abordado para participar no esquema de corrupção. Depois de ter denunciado a situação às autoridades, a PJ usou-o como “infiltrado” na rede para conseguir juntar o maior número de provas possível contra os suspeitos.

“Recebeu envelopes com dinheiro dos fornecedores – mais de 40 mil euros – que fotografou e gravou conversas comprometedoras“, atesta o Público, notando que essas provas são tão cabais e tão fundamentais para a acusação que alguns dos militares detidos não tiveram outro remédio senão confessar os crimes.

O Público apurou também que a Força Aérea teria conhecimento, pelo menos desde 2009, do suposto esquema de corrupção, depois de uma denúncia interna feita por um sargento colocado na Base de Beja. Mas a denúncia não deu em nada.

De acordo com o diário, o processo de investigação ficou a cargo do tenente-general José Maria Pessoa que tinha estado à frente do comando logístico e administrativo da Força Aérea, onde estava colocada a maioria dos arguidos da Operação Zeus
.




http://www.emfa.pt/www/po/maisalto/conteudos/galeria/revista394/notici-rio-394_2714.pdf

No dia 31 de Outubro (nota: de 2011), no Salão Nobre do EMFA, em Alfragide, foram condecorados,
pelo Chefe do Estado-Maior General José Pinheiro, os seguintes Oficiais-Generais: TGen Alfredo Pereira da Cruz – Medalha de Ouro de Serviços Distintos; TGen José Maria Pessoa – Medalha de Ouro de Serviços Distintos; MGen Valdemar Oliveira Cabral – Medalha de Prata de Serviços Distintos.



Não sei, mas creio que as Farsas Armadas (e não só) estão a pedir uma purga ao bom estilo estalinista...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Luso em Novembro 15, 2017, 04:30:29 pm
Major infiltrado que tramou “máfia militar” obrigado a abandonar Força Aérea
https://zap.aeiou.pt/major-infiltrado-tramou-mafia-militar-obrigado-abandonar-forca-aerea-180419

O militar infiltrado que foi essencial para a recolha de provas contra a chamada “máfia militar”, envolvida num esquema de sobre-facturação nas messes da Força Aérea, teve de abandonar as Forças Armadas e encontra-se sob proteção especial.

O Jornal de Notícias apurou que este major, que colaborou com as autoridades para “apanhar” os militares envolvidos num esquema de sobre-facturação de alimentos, nas meses das Bases Aéreas espalhadas pelo país, está “resguardado num organismo do Estado sob medidas de protecção especiais e policiais“.

O diário avança, na sua edição impressa desta quarta-feira, que o major teve de abandonar a Força Aérea por razões de segurança.

Este militar foi aliciado pelos suspeitos e denunciou a situação às autoridades. Acabou por ser usado pela Polícia Judiciária como infiltrado no meio do esquema, recolhendo provas cabais contra os implicados no caso, nomeadamente gravando conversas e registando fotografias comprometedoras.
 
A chamada Operação Zeus inclui 86 arguidos, dos quais 40 militares, entre os quais um general e outros oficiais. Também há várias empresas suspeitas de corrupção, no âmbito do caso, que continuam a fornecer as messes das Forças Armadas.

O Público apurou, entretanto, que o Estado-Maior General das Forças Armadas (EMGFA) assinou, por ajuste directo, um contrato de fornecimento de produtos alimentares com a “Pac e Bom”, uma das empresas implicadas no esquema de sobre-facturação.

Este ajuste directo terá sido feito dois meses depois de a empresa ter sido constituída arguida no âmbito da “Operação Zeus”, refere o jornal.

O EMGFA explica ao jornal que esta adjudicação “decorreu de um concurso público que, por razões de tramitação procedimental, não se concluiu”. A entidade acrescenta que a “Pac e Bom” apresentou o preço mais baixo, beneficiando, assim, do ajuste directo para o fornecimento de produtos hortícolas para o pólo de Lisboa do Hospital das Forças Armadas.


Tal como o Estado, as Farsas Armadas estão completamente podres.
Isto também explica o porquê da degradação material e humana das mesmas e que o pessoal prefere ignorar, a bem dos brinquedos.
As chefias militares de topo, tais como os políticos que os legitimam, apenas estão interessadas nas suas carreiras.
É gente moralmente dúbia.

É como digo: nós temos FARSAS ARMADAS.
Ponto.

Isto é que deveria motivar discussões aqui no fórum, não os brinquedos, tal é a miséria moral a que se chegou.
Uma tristeza.
Uma vergonha.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Novembro 15, 2017, 07:42:36 pm
Não quero defender ninguém, quem comete crimes deve ser punido. Mas para mim isto não é problema (exclusivo) das Forças Armadas, os militares para o bem e para o mal, são portugueses, não são suecos ou holandeses, até temos um general apanhado, é da educação, e não é de hoje. Já no tempo da guerra do ultramar havia o capitão batata.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Viajante em Novembro 15, 2017, 10:48:47 pm
Não quero defender ninguém, quem comete crimes deve ser punido. Mas para mim isto não é problema (exclusivo) das Forças Armadas, os militares para o bem e para o mal, são portugueses, não são suecos ou holandeses, até temos um general apanhado, é da educação, e não é de hoje. Já no tempo da guerra do ultramar havia o capitão batata.

Também chego a essa triste conclusão!!!!!!
Critico bastante os políticos, mas tenho consciência de que não nasceram de uma elite..... são portugueses normais.
O "Major" que refere, realmente é uma vergonha que não esteja preso, por onde passou........
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Novembro 16, 2017, 12:10:22 am
A esse nunca lhe aconteceu nada porque era de Olhão e jogava no Arco do Cego.  ;D
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Cabeça de Martelo em Novembro 16, 2017, 11:07:30 am
Cúpula das Forças Armadas entregou ajuste directo a arguida da Operação Zeus

Estado-Maior General das Forças Armadas sublinha que o preço apresentado foi inferior ao da concorrência. Empresas suspeitas continuam a vencer concursos para fornecer messes.

O Estado-Maior General das Forças Armadas entregou por ajuste directo um fornecimento de bens alimentares à empresa Pac e Bom dois meses depois de ela ter sido constituída arguida no âmbito da Operação Zeus, em que foi descoberta uma vasta rede de corrupção envolvendo todas as messes da Força Aérea.

Apesar de as Forças Armadas se poderem constituir como assistentes neste processo judicial, e de com esse mecanismo pedirem o reembolso do que foi roubado à instituição através de um esquema de sobrefacturação em que participavam quatro dezenas de militares e quase outras tantas empresas, até ontem isso não tinha sucedido.

Questionado sobre por que razão não o fez, o Estado-Maior General das Forças Armadas limitou-se a responder que o assunto “está em análise”. Se se tivessem constituído como assistentes, as Forças Armadas poderiam ainda ter tido acesso privilegiado a uma investigação que, apesar de ter começado em 2014, se encontrava até há poucos dias em segredo de justiça.

Concurso público "não se concluiu"

Quanto ao ajuste directo à Pac e Bom, destinado ao fornecimento de 13.543 euros de produtos hortícolas para o pólo de Lisboa do Hospital das Forças Armadas, a cúpula da hierarquia militar alega que a adjudicação “decorreu de um concurso público que, por razões de tramitação procedimental, não se concluiu”, sendo a firma em causa aquela que apresentou o preço mais baixo. Questionado sobre se tenciona continuar a fazer ajustes directos a empresas suspeitas de terem roubado as Forças Armadas, o Estado-Maior não respondeu.

Estes fornecedores facturavam às messes montantes muito superiores ao que lhes entregavam, com a cumplicidade de uma rede de militares que tanto incluía sargentos como altas patentes, um general e vários coronéis incluídos. E se alguns deles, incluindo os mais graduados, continuam a negar qualquer envolvimento neste esquema, outros há que confessaram detalhadamente como tudo se passou ao longo, nalguns casos, de mais de uma década.

A maior fatia dos lucros cabia aos militares, em especial às altas patentes. O Ministério Público estima que tenham ficado pelo menos com 2,1 milhões de euros indevidamente, e as firmas que trabalhavam com as cantinas com pelo menos cerca de 400 mil. Mas diz também que os prejuízos para o erário público serão muito superiores à soma destas duas parcelas.

Agente infiltrado

A investigação começou por estar a cargo da Polícia Judiciária Militar, que mais tarde contou com a ajuda da Polícia Judiciária civil. Mas só conseguiu avançar quando, no final de 2015, um major de Monte Real resolveu aliciar um colega seu, que denunciou tudo à hierarquia mas fingiu alinhar no esquema, tendo actuado a seguir como agente infiltrado, fotografando provas e gravando conversas. Posto ao corrente da operação, o anterior chefe do Estado-Maior General das Forças Armadas da altura, José Pinheiro, não hesitou, conta fonte ligada ao processo: “Disse que não queria saber qual era o posto de quem fosse apanhado.” O agente encoberto trabalha agora para a Judiciária Militar.

Já em 2009 um sargento da base aérea de Beja havia denunciado a rede criminosa, tendo as suas informações sido transmitidas à hierarquia. Por razões que se desconhecem não foi aberta nenhuma investigação na altura. Foi preciso esperar por 2014, altura em que chegou à Polícia Judiciária Militar uma carta anónima no mesmo sentido.

Mas apesar de a hierarquia da Força Aérea estar há muito alertada para o esquema fraudulento, até ao Verão passado – altura em que as empresas foram constituídas arguidas – este ramo das Forças Armadas continuava a entregar ajustes directos de bens alimentares às firmas em questão. Já para não falar dos concursos públicos que também têm continuado a ganhar, porque não podem, por lei, ser impedidas de neles participar até serem condenadas pela justiça de forma definitiva. A Marinha, a GNR e a PSP também trabalham com estes fornecedores, que abastecem ainda alguns estabelecimentos de ensino.

O Ministério Público explica, no despacho de acusação da Operação Zeus, como os militares corruptos por várias vezes arranjaram maneira de serem as empresas com que mantinham este esquema a vencer os concursos, passando-lhes informação privilegiada.

E se esta investigação está concluída, encontrando-se vários dos militares em prisão preventiva, não quer dizer que as descobertas de crimes de colarinho branco no meio militar fiquem por aqui: o Ministério Público já mandou extrair uma certidão deste processo, com vista à abertura de um novo inquérito.

Rede criminosa com organização militar

Diz o Ministério Público que a rede criminosa descoberta na Operação Zeus replicava, na sua forma de organização, o funcionamento das instituições militares. E não só porque os militares mais graduados eram quem mais recebia. A própria distribuição do dinheiro estava organizada com a mesma lógica.

Um comandante de esquadra, por exemplo, podia lucrar mil euros mensais. Um major de Monte Real confessou ter ganho com o esquema cerca de 30 mil euros em 2014 e outro tanto no ano seguinte. As autoridades apreenderam envelopes em que circulavam os pagamentos ilícitos aos militares. Continham inscrições muito precisas: três traços verticais, um grosso e dois finos significava que o dinheiro se destinava a um tenente-coronel, enquanto dois traços, um grosso e um fino, indicavam a patente de major.

Os militares envolvidos evitavam mostrar sinais exteriores de riqueza. Na garagem de um deles foram encontrados mais de 23 mil euros em moedas distribuídas por baldes, enquanto outros investiram o dinheiro em certificados de aforro. Além da sobrefacturação, havia outra forma de os homens da Força Aérea conseguirem dinheiro extra: inflaccionavam o número de convivas dos almoços e jantares de gala. Foi por exemplo o que sucedeu quando, em Setembro de 2016, o Presidente Marcelo Rebelo de Sousa visitou Monte Real.

https://www.publico.pt/2017/11/15/sociedade/noticia/cupula-das-forcas-armadas-entregou-ajuste-directo-a-arguida-da-operacao-zeus-1792583?page=/&pos=5&b=stories_featured_a
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Dezembro 03, 2017, 10:18:26 pm
O INTERIOR DA FORÇA AÉREA PORTUGUESA COMO "NUNCA VISTO"

http://sic.sapo.pt/maissic/2017-12-02-O-interior-da-Forca-Aerea-Portuguesa-como-Nunca-Visto
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Menacho em Dezembro 28, 2017, 01:39:50 pm
La Fuerza Aérea Portuguesa visita el CIMA

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.ejercitos.org%2Fwp-content%2Fuploads%2F2017%2F12%2FCIMA-recibe-visista-FAP-Imagen3-678x381.jpg&hash=b48333a9500738254a8d9fa3cb1e372b)

Citar
Una delegación de la Fuerza Aérea de Portugal ha visitado las instalaciones del Centro de Instrucción de Medicina Aeroespacial (CIMA) del Ejército del Aire, en la Base Aérea de Torrejón. El objetivo de la visita ha sido determinar la capacidad del CIMA para que tripulantes de la Fuerza Aérea de Portugal realicen su entrenamiento aeromédico en ese centro durante el año 2018.

Integrada por el coronel médico André Abílio Rodrigues Batista y el major médico Amândio Manuel Carvalho de Almeida, la delegación portuguesa fue recibida por el director de Sanidad, general de brigada José Ignacio Peralba Vaño.

Tras la recepción y una breve entrevista se visitaron las modernas instalaciones y de alta capacidad tecnológica de que dispone el CIMA, guiados por su director, el coronel médico José María Delgado Pérez.

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.ejercitodelaire.mde.es%2FEA%2Fejercitodelaire%2Fes%2F.galleries%2Fimagenes%2Fnoticias%2FCIMA-recibe-visista-FAP-Imagen0.jpg&hash=dc19758387b1b486bd5b6db56c7dfaea)

De esta manera se expusieron las distintas capacidades tecnológicas que ofrecen los laboratorios del centro: la cámara hipobárica ‘Falcon’; el laboratorio de entrenamiento en hipoxia normobárica; el laboratorio de visión nocturna; el laboratorio de entrenamiento en escape de aeronaves; el desorientador espacial DISO; y la cámara climática y laboratorio de ergonomía.

Como fruto de esta interesante y fructífera jornada para ambas partes, se desarrollará un posible acuerdo técnico para la realización del entrenamiento aeromédico en el CIMA por parte de los militares portugueses, en lo que supone un paso más en la integración de capacidades entre los dos países.
 
 
Sobre el CIMA
El Centro de Instrucción de Medicina Aeroespacial (CIMA) es un Centro de Sanidad Militar dependiente del Mando de Personal del EA, (BOE num. 230) destinado a garantizar el estado de salud de las tripulaciones aéreas pertenecientes a los Ejércitos, a la Guardia Civil, al Cuerpo Nacional de Policía, al Cuerpo de Aduanas y a Aviación Civil.

Su objetivo es doble, contribuir a garantizar la seguridad en vuelo actuando sobre el factor humano y en el caso de la aviación militar contribuyendo a mejorar la eficacia del arma aérea.

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.ejercitodelaire.mde.es%2FEA%2Fejercitodelaire%2Fes%2F.galleries%2Fimagenes%2Fnoticias%2FCIMA-recibe-visista-FAP-Imagen2.jpg&hash=1e5d1d94ccdf08da4a2c83ed30106561)

http://www.ejercitos.org/2017/12/27/la-fuerza-aerea-de-portugal-visita-el-cima/
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Janeiro 11, 2018, 03:20:03 pm
Depois do Montijo, agora é Monte Real.

https://www.dn.pt/portugal/interior/psd-insiste-em-voos-civis-na-base-aerea-de-monte-real-e-ps-concorda-9037759.html
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Janeiro 11, 2018, 07:24:24 pm
Depois do Montijo, agora é Monte Real.

https://www.dn.pt/portugal/interior/psd-insiste-em-voos-civis-na-base-aerea-de-monte-real-e-ps-concorda-9037759.html

Estes inteligentes devem pensar que o equipamento de handling é barato é existe aos milhões, burros até dizer chega!!!!
A quantos kms está Monte Real de Lisboa e do Porto ???
A distância em termos aeronauticos, entre Monte Real e Lisboa é de 126 Kms e do Porto é de 148 Kms, em tempo de voo será de cerca de  dezoito minutos para Lisboa e vinte e dois minutos para o Porto, voos eefectuados com equipamento turbo helice, tipo ATR com uma TAS de 410 kms/h e que atingindo uma TAS de 550Kms/h reduz esses tempos para catorze minutos e dezoito minutos respectivamente.
Para uma aeronave tipo A319, os tempos de voo baixam, para cerca de metade, palavras para quê
!!!!
Será assim tão necessário ter um Aeroporto em todos os distritos ??
Somos um País tão grande que, agora, de repente, necessita de tantos aeroportos ????
foi feito um estudo sobre o volume de voos que vai utilizar o Pseudo Aeroporto em questão, a procura é assim tão grande ???
Eu estou-me a lembrar de Beja, porque será ????
E, também me vou lembrando das obras que serão necessárias para tal empreendimento....... e também penso em quem as vai pagar !!!!

Neste caso, o que é muito interessante é que agora, em Monte Real, os civs podem partilhar as infra estruturas com os Militares, mas no caso do Montijo já existem muitos problemas em tal acontecer!!
Meus senhores não confundam as coisas, o Montijo é um mal necessário, devido á vossa incompetência em ter havido falta de planeamento para a construção atempada de um novo aeroporto, já no caso de Monte Real, as necesidades de um novo Aeroporto não são reais, muito duvidosas mesmo, para não dizer inexistentes, mas no entanto agora já deve haver dinheiro para esbanjar!

Mais do mesmo temos muitos treinadores de bancada e especialistas da TRETA !!!!

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Janeiro 11, 2018, 07:55:18 pm
Citar
De acordo com a deputada do PSD, não existem entraves à concretização de tal medida, já que o Ministério da Defesa se "mostrou disponível para estudar o assunto", os problemas ambientais "não têm sido levantados" e esta é "uma zona com bons acessos"
Impressionante, só porque o MdN se mostrou disponível para estudar o assunto é como se já não existissem quaisquer eventuais entraves. E os problemas ambienteis também não são entraves porque ninguém ainda os levantou - ainda nem os devem ter estudado.

Que elitismo que vai neste país.

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Janeiro 11, 2018, 08:02:41 pm
Citar
De acordo com a deputada do PSD, não existem entraves à concretização de tal medida, já que o Ministério da Defesa se "mostrou disponível para estudar o assunto", os problemas ambientais "não têm sido levantados" e esta é "uma zona com bons acessos"
Impressionante, só porque o MdN se mostrou disponível para estudar o assunto é como se já não existissem quaisquer eventuais entraves. E os problemas ambienteis também não são entraves porque ninguém ainda os levantou - ainda nem os devem ter estudado.

Que elitismo que vai neste país.

Cumprimentos,

Qual estudaram qual quê, já estão é em fila uns quantos á espera saber em quals das tetas da Vaca, hão-de mamar...........olha agora estudos, primeiro faz-se e depois sim vamos aos estudos,  " quais enginheiros sem canudo, carago ", para determinadas situações é só problemas enquanto que para outras semelhantes é só facilidades, lembra-me a construção em barda das autoestradas, mas o caminho de ferro foi com os porcos, devia poluir muito.  :rir: :rir: :rir: :rir:.

Abraços

PS Vendam mas é os F16 e com o dinheiro construam mais umas pistas e uns barracões para os pax é o que é !
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Janeiro 19, 2018, 03:15:12 pm
Luz verde para a abertura da BA5 a voos civis.  ::)

https://www.dn.pt/lusa/interior/parlamento-aprova-resolucao-para-abertura-da-base-de-monte-real-a-voos-civis-9059816.html




P.S. Ao passo que as coisas vão, não era mesmo melhor acabar de uma vez por todas com a Força Aérea? É sempre ou um empecilho ou uma maneira de aproveitar recursos para outros fins que não os militares.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: typhonman em Janeiro 27, 2018, 02:36:41 pm
A única unidade puramente militar a levar com voos civis, execelente !!


 :G-beer2: :G-bigun:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Fevereiro 18, 2018, 08:45:17 am
Operação Zeus.

Juiz expõe [indirectamente] militar infiltrado no caso de corrupção nas messes
(17 de Fevereiro de 2018)
Citação de: Ana Henriques / Público
O juiz de instrução que decidiu mandar para julgamento três dezenas de militares no caso da corrupção das messes da Força Aérea, Ivo Rosa, revela, no despacho de pronúncia dos arguidos, a identidade do tenente que durante mais de um ano funcionou como agente infiltrado.

Embora não se trate de uma revelação directa, basta juntar as pistas que o magistrado deixa no documento. Já os arguidos, esses perceberam logo que foram detidos, uns no final de 2016 e outros no Verão passado, ter sido este tenente - que sempre actuou com a sua verdadeira identidade e não sob disfarce - quem os havia denunciado, uma vez que ele nunca chegou a ser preso, apesar de supostamente estar envolvido na rede criminosa.

Porém, quer o procurador que dirigiu a investigação quer os inspectores da Polícia Judiciária e da Judiciária Militar que andaram no terreno muniram-se até hoje de vários cuidados para preservar o seu anonimato: no processo judicial da chamada Operação Zeus aparece sob o nome de código de “colaborador Mercado”, tendo as autoridades militares e civis sempre recusado revelar o seu nome. Foi também pelos mesmos motivos que, apesar de ter sido considerado um verdadeiro herói, pelos riscos que correu a troco de nada, não se chegou a colocar a hipótese de o condecorar.

Apesar de nunca dizer de forma taxativa quem é o «colaborador Mercado», a forma como o juiz Ivo Rosa menciona a identidade do tenente numa das partes do despacho de pronúncia, que tem 300 páginas e cujo resumo foi lido esta semana no Tribunal Central de Instrução Criminal, não deixa grandes margens para dúvidas mesmo a quem não pertença à Força Aérea. «Do depoimento prestado pelo colaborador Mercado (…) verifica-se que trabalhou, desde data anterior a 24-11-2015, na messe de Monte Real, e tinha uma posição hierárquica superior ao arguido Jorge Gonçalves», refere uma das passagens que permite a identificação do agente encoberto.

Algumas fontes ligadas ao processo dizem-se surpreendidas com a atitude do juiz, que contraria aquilo que é a prática comum nestes casos, de proteger quem actuou encoberto. Uma protecção que, de resto, está prevista por lei, onde se prevê por exemplo que as audiências de julgamento em que os infiltrados prestem declarações possam decorrer à porta fechada.

[continua]
Fonte: https://www.publico.pt/2018/02/17/sociedade/noticia/juiz-expoe-militar-infiltrado-no-caso-de-corrupcao-nas-messes-1803462 (https://www.publico.pt/2018/02/17/sociedade/noticia/juiz-expoe-militar-infiltrado-no-caso-de-corrupcao-nas-messes-1803462)

Anteriormente: Major infiltrado que tramou "máfia militar" obrigado a abandonar Força Aérea (https://zap.aeiou.pt/major-infiltrado-tramou-mafia-militar-obrigado-abandonar-forca-aerea-180419) (ZAP aeiou, 15 de Novembro de 2017)

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Março 13, 2018, 04:39:48 pm
Muito interessante esta dissertação final de Mestrado no ISEG sobre os factores de pressão externos e internos no planeamento orçamental da FAP.

Destaco aqui apenas dois excertos logo da introdução:

Citar
(...) Desde 2012, de acordo com os objetivos das Forças Armadas delineados ao nível da Defesa Nacional, na Força Aérea Portuguesa (FAP) tem-se acentuado um grave desvio entre o Regime de Esforço (RE) executado e o planeado. Este desvio traduz-se, essencialmente, na incapacidade de assegurar as horas de voo (HV), necessárias para conciliar as qualificações das tripulações com os objetivos operacionais. Esta situação é paralela à falta de recursos necessários para assegurar a aquisição de combustível operacional e a sustentação e regeneração dos sistemas de armas.

Feita uma análise dos últimos 11 anos, conseguimos ver que a execução orçamental da FAP teve um decréscimo de cerca de 23%, acompanhado por uma diminuição de efetivo em cerca de 20% e por uma diminuição das HV em cerca de 22%. Estes problemas tornam-se mais sérios quando se vê que, apesar da redução do número das HV, os custos das mesmas permanecem inalterados. Pelo contrário, o custo associado a toda a estrutura de apoio à parte operacional sofreu uma redução de cerca de 32%, sendo que, além dos fatores internos estudados neste trabalho, aferiu-se uma redução de cerca de 72% em todos os outros custos que não foram aqui escrutinados. (...)

(...) Conclui-se que a FAP, entre o período de 2006 e 2016, conta com um menor efetivo, menos aeronaves, menor capacidade para executar missões e maior número de tripulações sem as qualificações necessárias, tudo isto deriva de menores recursos humanos, financeiros e materiais. Não faz sentido, assim, continuar a insistir numa estrutura organizacional desatualizada e levada ao limite, baseada em soluções de curto prazo que visam meramente melhorias de eficiência, mas que, objetivamente, são tratadas como medidas de combate à crise. O planeamento orçamental deve também ser alterado e reestruturado, devendo ser tidos em consideração tanto fatores macroeconómicos como fatores de gestão ao nível organizacional. (...)

https://www.repository.utl.pt/bitstream/10400.5/15076/1/DM-RACPLC-2017.pdf
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Março 19, 2018, 10:19:43 am
Receita de 25.000 USD com venda de sucata...

Despacho n.º 2775/2018 - Diário da República n.º 55/2018, Série II de 2018-03-19 114879469
Defesa Nacional - Gabinete do Ministro
Alienação de oito aeronaves Cessna T-37 à empresa JPF Enterprises

https://dre.pt/web/guest/home/-/dre/114879469/details/maximized?serie=II&parte_filter=31&dreId=114879462
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Março 19, 2018, 11:40:56 am
Uma empresa que se dedica à manutenção do T-37 em vários países.
Esta venda só peca por tardia...

http://www.jpf.global/
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Março 19, 2018, 12:11:06 pm
Uma empresa que se dedica à manutenção do T-37 em vários países.
Esta venda só peca por tardia...

http://www.jpf.global/

Então porquê?

O problema dos nossos era estrutural ao nível das asas....no overhaul desta firma não aparece nada relacionado com asas....
Mas qual era mesmo a ideia?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Março 19, 2018, 10:45:46 pm
O T-37 saíram de serviço em que ano? 1992?
Parecer favorável à alienação de 2010!
Quase 20 anos a apodrecer em Alverca ao lado dos A-7.
E mais 8 anos até aparecer um comprador que acaba por dar 25000$(20339€)... 2542€ por aeronave.
Mais cedo tivessem sido vendidas, mais se podia aproveitar e maior poderia ser a receita para a FAP.

E ainda sobram sete T-33!
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Março 20, 2018, 05:53:27 am
Fica por saber que impacto é que a permissão por parte dos EUA teve para a venda das aeronaves ao longo destes anos todos.

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Março 23, 2018, 10:19:39 am
http://www.passarodeferro.com/2018/03/venda-de-alhpa-jet-vista-delegacao.html (http://www.passarodeferro.com/2018/03/venda-de-alhpa-jet-vista-delegacao.html)

Citar
A Força Aérea Portuguesa  divulgou a notícia da visita de uma delegação militar nigeriana, em visita à Base Aérea nº 11 - Beja, que se encontra a decorrer desde ontem, 21 de Março de 2018.

Apesar de não terem sido revelados mais pormenores sobre a motivação da visita, àquela que foi a base do sistema de armas Alpha Jet, recentemente desactivado na Força Aérea Portuguesa, e sendo igualmente a Força Aérea Nigeriana um dos utilizadores do mesmo tipo de aeronave, será possível que ambos os factos estejam relacionados.

Aliás, o Estado Português colocou à venda em 2014, dez células de Alpha Jet A, já então retiradas de serviço activo na FAP.

Embora a Nigéria utilize maioritariamente o modelo E (de origem francesa), muitos dos sistemas são comuns também ao modelo A (de origem alemã). Em 2015 a Nigéria  adquiriu igualmente quatro células do modelo A, no caso a partir de um fornecedor nos EUA.

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Maio 22, 2018, 07:10:53 pm
Vamos lá a ver se esta noticia faz com que o Governo adquira mais helis lig para a FAP.

https://www.noticiasaominuto.com/pais/1015944/portugal-unico-candidato-a-acolher-centro-de-treino-de-helicopteros

Portugal único candidato a acolher centro de treino de helicópteros

O ministro da Defesa revelou que Portugal é, até hoje, o único país candidato a acolher o Centro Multinacional de Treino de Helicópteros da Agência Europeia de Defesa (AED), propondo como local a Base Aérea de Sintra.

  Portugal único candidato a acolher centro de treino de helicópteros 

Até hoje, a candidatura de Portugal "é a única consolidada", o que significa que o país soube "convencer" os restantes "aliados" que fazem parte da AED de que é uma "solução boa" para a instalação do centro, disse José Azeredo Lopes.
 
O ministro falava aos jornalistas na Base Aérea n.º 11, em Beja, onde assistiu a uma operação da edição deste ano do maior exercício de helicópteros da Europa, o "Hot Blade", que arrancou no passado dia 09 e termina na quarta-feira, inserido no programa de exercícios com helicópteros da AED.

José Azeredo Lopes lembrou que a AED quer instalar um Centro Multinacional de Treino de Helicópteros no continente europeu e frisou que Portugal mostrou "imediatamente" e "há mais de um ano e meio" disponibilidade e vontade para acolher a infraestrutura na Base Aérea nº. 1, em Sintra.

Segundo o ministro, "à luz da distribuição de capacidades e forças da Força Aérea Portuguesa", a Base Aérea nº. 1 foi a escolhida por ser a infraestrutura que tem "as características mais adequadas" para e onde faz "mais sentido" instalar o centro.

"Agora, resta esperar pela tomada de decisão da AED", disse, referindo tratar-se de "um processo que vai demorar algum tempo".

Também em declarações aos jornalistas, o Chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA), general Manuel Teixeira Rolo, disse que o que, atualmente, deixa o Governo e a FAP "muito satisfeitos" é que a candidatura de Portugal "tem imenso potencial".

Portugal é "o país que melhores condições ofereceu" à AED e, portanto, "é expectável" que a candidatura portuguesa "tenha sucesso" e seja possível instalar o centro na Base Aérea nº. 1, em Sintra, frisou o general.

Segundo o CEMFA, a escolha da Base Aérea nº. 1 "tem uma razão de ser", ou seja, "este tipo de centros, normalmente, tem que estar próximo o mais possível das capitais dos países por questões logísticas".

No entanto, frisou, "a razão principal" prende-se com o facto de a Força Aérea Portuguesa prever colocar os seus helicópteros na Base Aérea nº. 1, no âmbito da reconfiguração do seu dispositivo, devido à necessidade de retirar esquadras da Base Aérea n.º 6, no Montijo, onde se prevê construir um novo aeroporto.

"Se os helicópteros ficarem em Sintra faz todo o sentido que o centro esteja em Sintra, essa é a razão principal", afirmou o general, referindo que o processo de escolha do local para a instalação do centro "está a decorrer na AED" e "tem de reunir o consenso de todos os países que fazem parte" da agência.

Segundo o CEMFA, "está estimado" que "possa haver uma decisão" da AED sobre a matéria "no final deste ano" e "depois dar-se-á início à construção do centro".

"Se tudo correr bem", disse o general, a AED estima que a capacidade inicial de operação ("initial operational capability") do centro "acontecerá em 2021" e a capacidade final de operação ("final operational capability") em 2022.

"Estes são os prazos que a AED está a conformar" e aqueles que a FAP considera "razoáveis" para que "tudo aconteça" e "se poder construir e consolidar" o centro, disse o CEMFA.

Atualmente, "não existe" um centro multinacional de treino de helicópteros no formato pretendido pela EAD, explicou o general, referindo que existe um centro de simuladores em Inglaterra, "onde os países normalmente fazem os seus treinos e a simulação".

De acordo com o CEMFA, o que Portugal propõe é a instalação do "centro de treino em si, com o seu 'staff' e os instrutores", na Base Aérea nº. 1, e depois "ter também acoplado o edifício de simuladores, onde o treino seria complementado com simuladores".

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Maio 23, 2018, 02:16:30 pm
US gifts ECM pods to Portugal

http://www.janes.com/article/80258/us-gifts-ecm-pods-to-portugal (http://www.janes.com/article/80258/us-gifts-ecm-pods-to-portugal)

Citar
The Portuguese Air Force will receive 12 former US Air Force AN/ALQ-131(V) Block 1 electronic countermeasures (ECM) pods for its F-16AM/BM fighters and C-130H and C-295M transports, the service has told Jane’s .

The letter of offer and acceptance will be signed soon, but no date has been set.

Portugal will pay only for packaging, handling, and transport of the unmodified pods.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Maio 23, 2018, 04:22:07 pm
Nada mau 12 unidades pena ser Block I. Não tarda já estamos a debater a atualização para Block II ou versão (P)... 
Não sabia é que está certificado para o C-295.

ALQ-131(V) Block I.  This was the original version.  A major update overcame reliability and maintainability problems and adapted the pod to a changing threat requirement.

ALQ-131(V) Block II.  The Block II effort was developed as a quick reaction program to integrate the lessons learned from the ALQ-131(V)’s growth process, several System Project Office studies, and the Airborne Self-Protection Jammer (ASPJ) program.  It consists primarily of a new receiver/processor. Block II can generate many advanced jamming techniques and is fully power managed for efficiency.  It has a look-through feature, is more fully integrated with host aircraft systems, and provides three operational modes controlled from the cockpit.  Block II pods were used during Operation Desert Storm. New receiver/processor units have been in production since 1985, with over 500 delivered for US and Foreign Military Sales customers.

https://www.forecastinternational.com/archive/disp_old_pdf.cfm?ARC_ID=636

Não tínhamos já um sistema equivalente?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Maio 23, 2018, 04:42:11 pm
Nada mau 12 unidades pena ser Block I. Não tarda já estamos a debater a atualização para Block II ou versão (P)... 
Não sabia é que está certificado para o C-295.

ALQ-131(V) Block I.  This was the original version.  A major update overcame reliability and maintainability problems and adapted the pod to a changing threat requirement.

ALQ-131(V) Block II.  The Block II effort was developed as a quick reaction program to integrate the lessons learned from the ALQ-131(V)’s growth process, several System Project Office studies, and the Airborne Self-Protection Jammer (ASPJ) program.  It consists primarily of a new receiver/processor. Block II can generate many advanced jamming techniques and is fully power managed for efficiency.  It has a look-through feature, is more fully integrated with host aircraft systems, and provides three operational modes controlled from the cockpit.  Block II pods were used during Operation Desert Storm. New receiver/processor units have been in production since 1985, with over 500 delivered for US and Foreign Military Sales customers.

https://www.forecastinternational.com/archive/disp_old_pdf.cfm?ARC_ID=636

Não tínhamos já um sistema equivalente?

Devíamos era pegar nessa dúzia oferecida e na outra dezena e tal que temos desde o início dos anos 90 com o A-7P e modernizá-los a todos para o AN/ALQ-211(V)9. Mas não, parece que será só mesmo modernização dos -131 à semelhança do que fizeram os nossos parceiros da EPAF.

https://www.harris.com/solution/advanced-integrated-defensive-electronic-warfare-suite-aidews

AN/ALQ-211(V)9 AIDEWS
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.americanmilitaryforum.com%2Fforums%2Fattachments%2Fx095yz-png.983%2F&hash=d25f41309a50394ff3c7efe1314e82ec)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Maio 23, 2018, 04:59:23 pm
Já tínhamos umas quantas unidades, desde os tempos do A-7P. No artigo da AFM de há uns tempos atrás sobre os Bisontes mencionava 8 ou 12 unidades se não estou em erro.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Maio 24, 2018, 12:37:47 pm
https://www.radiopax.com/ba11-pode-ver-reforcada-a-sua-capacidade/ (https://www.radiopax.com/ba11-pode-ver-reforcada-a-sua-capacidade/)
Citar
Ministro da Defesa considera que a BA 11, em Beja,  “pode ver aumentada a sua capacidade”. José Azeredo Lopes, de visita àquela Unidade, lembrou o passado da infra-estrutura militar que teve um papel importante quando estava sob jurisdição da Alemanha.

Sobre as notícias de uma eventual transferência de esquadras da Forças Aérea do Montijo -onde será construído o novo Aeroporto de Lisboa- para Beja, o governante não se pronunciou.

Azeredo Lopes esteve ontem na Base Aérea 11, em Beja, onde acompanhou de perto o exercício multinacional Hot Blade 2018 que chega hoje ao fim.

O Ministro disse desconhecer as questões colocadas pela deputada do PSD eleita por Beja.

Nilza de Sena dirigiu várias perguntas ao Ministério da Defesa sobre a possibilidade de transferência do Montijo para Beja de duas esquadras e até mesmo da Academia da Força Aérea Portuguesa.

(https://www.radiopax.com/wp-content/uploads/2018/05/Ministro-defesa-768x432.jpg)

Saudações
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Julho 10, 2018, 07:34:00 pm
https://www.radiopax.com/ba11-pode-ver-reforcada-a-sua-capacidade/ (https://www.radiopax.com/ba11-pode-ver-reforcada-a-sua-capacidade/)
Citar
Ministro da Defesa considera que a BA 11, em Beja,  “pode ver aumentada a sua capacidade”. José Azeredo Lopes, de visita àquela Unidade, lembrou o passado da infra-estrutura militar que teve um papel importante quando estava sob jurisdição da Alemanha.

Sobre as notícias de uma eventual transferência de esquadras da Forças Aérea do Montijo -onde será construído o novo Aeroporto de Lisboa- para Beja, o governante não se pronunciou.

Azeredo Lopes esteve ontem na Base Aérea 11, em Beja, onde acompanhou de perto o exercício multinacional Hot Blade 2018 que chega hoje ao fim.

O Ministro disse desconhecer as questões colocadas pela deputada do PSD eleita por Beja.

Nilza de Sena dirigiu várias perguntas ao Ministério da Defesa sobre a possibilidade de transferência do Montijo para Beja de duas esquadras e até mesmo da Academia da Força Aérea Portuguesa.

(https://www.radiopax.com/wp-content/uploads/2018/05/Ministro-defesa-768x432.jpg)

Saudações

Se a FAP quiser e poder, ou seja o MDN deixar, pode utilizar o terminal de pax para alojar o efectivo das esquadras que pretende colocar na Base de Beja !
Com a utilização que o terminal tem em termos de pax, há espaço de sobra para os militares, pelo menos o terminal seria uma infraestrutura com utilidade e não mais um dos muitos monos que temos por este País, fora sem qq uso/utilidade.

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Julho 10, 2018, 10:05:15 pm
O Tenente está a ser irónico não é?  ;D
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Julho 15, 2018, 12:00:52 pm
http://www.passarodeferro.com/2013/09/o-nesher-e-fap.html (http://www.passarodeferro.com/2013/09/o-nesher-e-fap.html)

Citar
O IAI Nesher foi uma cópia que Israel fez sem licença do Mirage 5J. Este caça israelita entrou em serviço em 1971, tendo participado na guerra de Yom Kippur em Outubro de 73, mas com a entrada em serviço do Kfir, a produção do Nesher foi suspensa em 1975 e os aviões excedentes foram colocados à venda.
O primeiro e único cliente do Nesher foram os argentinos que compraram 39 jactos em condições de voo e mais 20 para peças. A compra foi feita em 1978, tendo os primeiros 6 aviões chegado a Buenos Aires em Novembro desse ano.
O que ninguém sabe é que uma delegação da FAP fez no começo de 1978, uma visita a Israel com o intuito de avaliar o Nesher. O interesse da Força Aérea não era propriamente comprar o avião, mas sim pressionar indirectamente os americanos, que se mostravam muito relutantes em vender o F-5E Tiger II a Portugal. A delegação portuguesa visitou os aviões no deserto e deu a entender aos israelitas, que o Governo português podia estar interessado em comprar os Nesher. Como é óbvio a informação foi transmitida aos americanos que uns tempos depois apareceram com a solução A-7.  Enfim, um episódio que não vem nos livros.

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2F2.bp.blogspot.com%2F-UYJRXYeXQ_w%2FUiKM1VhJ1ZI%2FAAAAAAAAAQo%2FuBqkbpWyRUo%2Fs1600%2FNesher.jpg&hash=729fb5eda20369c338f87dd77d380b21)

Saudações
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Agosto 09, 2018, 10:32:25 am
F-16 portugueses substituem espanhóis após míssil disparado por erro na Estónia


F-16 portugueses que participam atualmente na missão de policiamento do espaço aéreo dos Bálticos no quadro da NATO substituíram os espanhóis depois de, na passada terça-feira, um Eurofighter da Força Aérea espanhola ter disparado por engano um míssil ar-ar de fabrico norte-americano. O incidente ocorreu numa zona reservada da Estónia, a cerca de 100 km da fronteira com a Rússia, tendo o Ministério da Defesa espanhol aberto uma investigação ao sucedido e o primeiro-ministro estónio, Jüri Ratas, solicitado explicações à Aliança Atlântica.

A substituição dos caça espanhóis foi avançada esta quarta-feira à noite por fontes da Aliança Atlântica ao jornal espanhol El País. Portugal é o país que está atualmente no comando da Baltic Air Policing, com um mandato que começou em maio e termina a 31 de agosto, confirmou esta quinta-feira ao DN o porta-voz da Força Aérea Portuguesa o tenente-coronel Manuel Costa.

"Transmiti a Jens Stoltenberg que é um incidente grave e que estamos logicamente preocupados", afirmou na quarta-feira em comunicado Jüri Ratas, após uma conversa telefónica com o secretário-geral da NATO. Durante o contacto com Stoltenberg, o chefe do governo estónio lembrou que "felizmente ninguém ficou ferido" e pediu que as circunstâncias deste incidente sejam "esclarecidas sem demora". Ratas prosseguiu que "a missão da NATO contribui de forma importante na segurança da Estónia e de toda a Aliança [Atlântica]", referindo ainda ter tido garantidas por parte do secretário-geral da organização de que todos os aliados envolvidos nas manobras vão investigar o que aconteceu.

O disparo do caça espanhol ocorreu ao início da tarde de terça-feira durante um exercício em que também participavam Mirage franceses. Após o incidente, que não alcançou outras aeronaves nem provocou outros danos, os aviões, dois espanhóis e dois franceses, regressaram à base de Siauliai, na Lituânia, outra república báltica de onde tinham descolado inicialmente. As Forças Armadas estónias dizem que o míssil, com 25 Kg de carga explosiva e 100 km de alcance, tem um mecanismo que assegura a sua destruição no ar, mas mesmo assim não descartam que possa ter caído em terra e iniciaram, por isso, uma operação de busca pelo projétil.

A Força Aérea espanhola participa nesta missão da NATO de controlo do espaço aéreo dos países do Báltico, uma vez que estes carecem de aviões de combate e são incapazes de dissuadir eventuais incursões aéreas russas na região. A tensão entre os países da NATO e a Rússia têm vido a aumentar, nomeadamente desde a guerra na Ucrânia, tendo o primeiro-ministro russo avisado na terça-feira para possíveis consequências de uma adesão da Geórgia à Aliança Atlântica."Existe um conflito territorial por resolver... e esse país seria integrado numa aliança militar?", interrogou-se Dmitri Medvedev, em entrevista ao jornal russo Kommersant. E frisou: "Compreendem as possíveis implicações? Poderia originar um conflito horrível".

A Baltic Air Policing foi criada pela NATO em 2004 para monitorização do espaço aéreo da Estónia, Letónia e Lituânia. Portugal participa nela atualmente com quatro aeronaves F-16M e 90 militares, segundo comunicado no site do Estado Maior da Força Aérea, de quarta-feira dia 8. De acordo com o mesmo, no dia 2 deste mês partiu da Base Aérea N.º 5, em Monte Real, o último contingente de militares da Força Aérea Portuguesa para a Lituânia, no âmbito da Baltic Air Policing 2018 e também da Assurance Measures 2018. Nesta última, refere, participam uma aeronave P-3c CUO+ da Esquadra 601 Lobos e 30 militares.

O comandante dos destacamentos portugueses e representante máximo de todas as forças militares portuguesas na Estónia passou a ser o tenente-coronel Nuno Monteiro da Silva, refere o mesmo comunicado do EMFA, dadato deste dia 8. Um outro comunicado publicado a 2 de maio no site do Comando Aéreo da NATO, com base em Ramestein, na Alemanha, lembra que esta é a quarta participação de Portugal na Baltic Air Policing, depois das que o país, membro fundador da Aliança Atlântica, teve em 2007, 2014 e 2016.


:arrow: https://www.dn.pt/mundo/interior/f-16-portugueses-substituem-espanhois-apos-missil-disparado-por-erro-na-estonia-9697423.html
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Agosto 13, 2018, 10:56:10 am
Despacho n.º 7718/2018 - Diário da República n.º 155/2018, Série II de 2018-08-13 115991743
Defesa Nacional - Gabinete do Ministro
Formação complementar em Pilotagem
https://dre.pt/application/conteudo/115991743


Aparentemente parte do dinheiro que era para a modernização dos C-130 vai agora para "Instrução de Pilotagem e Navegação Aérea" (?!?!)...antes de começarem a pensar na aquisição de novas aeronaves podem ver no quadro em anexo ao despacho que se trata de valores "pífios"
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Agosto 13, 2018, 04:48:37 pm
Despacho n.º 7718/2018 - Diário da República n.º 155/2018, Série II de 2018-08-13 115991743
Defesa Nacional - Gabinete do Ministro
Formação complementar em Pilotagem
https://dre.pt/application/conteudo/115991743


Aparentemente parte do dinheiro que era para a modernização dos C-130 vai agora para "Instrução de Pilotagem e Navegação Aérea" (?!?!)...antes de começarem a pensar na aquisição de novas aeronaves podem ver no quadro em anexo ao despacho que se trata de valores "pífios"

Poderá ser para pagar os cursos no estrangeiro...mas esse valor não dá para um efetivo significativo.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Setembro 11, 2018, 06:46:11 pm
Dia da FAP.

Quer ver os 'Falcões' da Força Aérea ou ganhar um batismo de voo?

(https://imagizer.imageshack.com/v2/xq90/924/SZRKes.jpg) (https://imageshack.com/i/poSZRKesj)

País ‘Dia de Base Aberta’

Gostaria de testemunhar o dia a dia de uma base da Força Aérea? Então, aponte já na sua agenda: no dia 16 de setembro, entre as 10h00 às 17h00, a Base Aérea N.º 5 (BA5), em Monte Real, estará de portas abertas à população no ‘Dia de Base Aberta’. O evento, conforme refere o comunicado enviado às redações, insere-se nas comemorações do 66.º Aniversário da Força Aérea.
 
Assim, ao longo do dia, terá oportunidade de testemunhar exposições sobre serviços, aeronaves e esquadras da BA5 (Esquadra 201 – 'Falcões' e Esquadra 301 – 'Jaguares').

Estão ainda incluídas no programa deste ano demonstrações cinotécnicas, passagens de aeronaves F-16, o evento Spotters Day, voo virtual com óculos VR 360º, pista de air-soft e mini-recruta. Pode ainda ser o felizardo a ser sorteado com o batismo de voo na aeronave C-295.

© Força Aérea Portuguesa

https://www.noticiasaominuto.com/pais/1079795/quer-ver-os-falcoes-da-forca-aerea-ou-ganhar-um-batismo-de-voo

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Outubro 04, 2018, 10:35:41 am
Despacho n.º 9326/2018 - Diário da República n.º 192/2018, Série II de 2018-10-04 116583813
Defesa Nacional - Gabinete do Ministro
Memorando de Entendimento para a Instalação e Funcionamento do Escritório Brasileiro de ligação em Portugal

https://dre.pt/web/guest/home/-/dre/116583813/details/maximized?serie=II&parte_filter=31&dreId=116583807
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Outubro 29, 2018, 10:26:29 am
Ser ou não ser, eis a questão...  8) ::)

https://www.diariorural.pt/2018/10/27/camara-acusa-forca-aerea-de-bloquear-escola-de-pilotos-no-aeroporto-de-beja/?fbclid=IwAR18mVz3Inxd566H_A6--v4CYopgdoaFtiIXSVT3p3kJVzZ2DkBdcm7hR9E (https://www.diariorural.pt/2018/10/27/camara-acusa-forca-aerea-de-bloquear-escola-de-pilotos-no-aeroporto-de-beja/?fbclid=IwAR18mVz3Inxd566H_A6--v4CYopgdoaFtiIXSVT3p3kJVzZ2DkBdcm7hR9E)
Citar
Câmara acusa Força Aérea de bloquear escola de pilotos no aeroporto de Beja

O presidente da Câmara de Beja acusou a Força Aérea Portuguesa (FAP) de bloquear a instalação de uma escola de pilotos no aeroporto da cidade, por alegada incompatibilidade com a eventual futura utilização da base aérea alentejana.

Trata-se de uma escola de pilotos que a empresa britânica Skyborne Aviation Limited projecto instalar no aeroporto de Beja e que iria operar com 11 aviões de instrução e ter 30 pilotos instrutores, mecânicos e auxiliares e uma média permanente de 150 alunos em formação, explicou Paulo Arsénio.

(https://www.diariorural.pt/wp-content/uploads/2018/09/BEJA-Aeroporto-de-Beja-Pista-01-696x464.jpg)

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Outubro 29, 2018, 10:47:52 am
Ser ou não ser, eis a questão...  8) ::)

https://www.diariorural.pt/2018/10/27/camara-acusa-forca-aerea-de-bloquear-escola-de-pilotos-no-aeroporto-de-beja/?fbclid=IwAR18mVz3Inxd566H_A6--v4CYopgdoaFtiIXSVT3p3kJVzZ2DkBdcm7hR9E (https://www.diariorural.pt/2018/10/27/camara-acusa-forca-aerea-de-bloquear-escola-de-pilotos-no-aeroporto-de-beja/?fbclid=IwAR18mVz3Inxd566H_A6--v4CYopgdoaFtiIXSVT3p3kJVzZ2DkBdcm7hR9E)
Citar
Câmara acusa Força Aérea de bloquear escola de pilotos no aeroporto de Beja

O presidente da Câmara de Beja acusou a Força Aérea Portuguesa (FAP) de bloquear a instalação de uma escola de pilotos no aeroporto da cidade, por alegada incompatibilidade com a eventual futura utilização da base aérea alentejana.

Trata-se de uma escola de pilotos que a empresa britânica Skyborne Aviation Limited projecto instalar no aeroporto de Beja e que iria operar com 11 aviões de instrução e ter 30 pilotos instrutores, mecânicos e auxiliares e uma média permanente de 150 alunos em formação, explicou Paulo Arsénio.

(https://www.diariorural.pt/wp-content/uploads/2018/09/BEJA-Aeroporto-de-Beja-Pista-01-696x464.jpg)

Cumprimentos

Aeroporto de Beja que se serve da pista militar...ou seja, na prática ir-se-ia condicionar toda a operação militar com a escola civil...porque não vão para Évora, tal como tantas outras escolas usam o aeródromo de Tires (Cascais) para o efeito?
Talvez porque além das instalações do aeroporto queriam usufruir das regalias de ter uma base militar à mão, com acesso às áreas logisticas que o aeroporto não permite...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Outubro 29, 2018, 04:32:02 pm
À volta da cidade de Beja há tantos kms de terrenos planos disponíveis para construção, não entendo porque é que a Câmara Municipal de Beja não compra os terrenos, e constrói um aeródromo, onde essa escola de pilotagem se possa instalar. ;D
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: asalves em Outubro 29, 2018, 05:03:35 pm
À volta da cidade de Beja há tantos kms de terrenos planos disponíveis para construção, não entendo porque é que a Câmara Municipal de Beja não compra os terrenos, e constrói um aeródromo, onde essa escola de pilotagem se possa instalar. ;D

Já existe o Aeródromo Municipal de Beja, quer dizer pelo menos existe uma coisa com esse nome.

https://www.google.com/maps/place/Aer%C3%B3dromo+Municipal+de+Beja/@38.0591259,-7.8799079,1270m/data=!3m1!1e3!4m13!1m7!3m6!1s0xd1a7371a5dfcd87:0x6a5aea70e6cc5193!2sBeja!3b1!8m2!3d38.0153039!4d-7.8627308!3m4!1s0xd1a0ca8c5b1c7dd:0xf56a33910b68bb1b!8m2!3d38.0606556!4d-7.8767601 (https://www.google.com/maps/place/Aer%C3%B3dromo+Municipal+de+Beja/@38.0591259,-7.8799079,1270m/data=!3m1!1e3!4m13!1m7!3m6!1s0xd1a7371a5dfcd87:0x6a5aea70e6cc5193!2sBeja!3b1!8m2!3d38.0153039!4d-7.8627308!3m4!1s0xd1a0ca8c5b1c7dd:0xf56a33910b68bb1b!8m2!3d38.0606556!4d-7.8767601)

A ultima vez que passei lá aquilo parecia bastante abandonado. E a pista ainda é de terra batida.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: asalves em Outubro 29, 2018, 05:09:14 pm
Ser ou não ser, eis a questão...  8) ::)

https://www.diariorural.pt/2018/10/27/camara-acusa-forca-aerea-de-bloquear-escola-de-pilotos-no-aeroporto-de-beja/?fbclid=IwAR18mVz3Inxd566H_A6--v4CYopgdoaFtiIXSVT3p3kJVzZ2DkBdcm7hR9E (https://www.diariorural.pt/2018/10/27/camara-acusa-forca-aerea-de-bloquear-escola-de-pilotos-no-aeroporto-de-beja/?fbclid=IwAR18mVz3Inxd566H_A6--v4CYopgdoaFtiIXSVT3p3kJVzZ2DkBdcm7hR9E)
Citar
Câmara acusa Força Aérea de bloquear escola de pilotos no aeroporto de Beja

O presidente da Câmara de Beja acusou a Força Aérea Portuguesa (FAP) de bloquear a instalação de uma escola de pilotos no aeroporto da cidade, por alegada incompatibilidade com a eventual futura utilização da base aérea alentejana.

Trata-se de uma escola de pilotos que a empresa britânica Skyborne Aviation Limited projecto instalar no aeroporto de Beja e que iria operar com 11 aviões de instrução e ter 30 pilotos instrutores, mecânicos e auxiliares e uma média permanente de 150 alunos em formação, explicou Paulo Arsénio.

(https://www.diariorural.pt/wp-content/uploads/2018/09/BEJA-Aeroporto-de-Beja-Pista-01-696x464.jpg)

Cumprimentos

Aeroporto de Beja que se serve da pista militar...ou seja, na prática ir-se-ia condicionar toda a operação militar com a escola civil...porque não vão para Évora, tal como tantas outras escolas usam o aeródromo de Tires (Cascais) para o efeito?
Talvez porque além das instalações do aeroporto queriam usufruir das regalias de ter uma base militar à mão, com acesso às áreas logisticas que o aeroporto não permite...

E agora imaginem se o aeroporto realmente funcionasse, o que iam dizer quando a FAP realmente condicionasse a operação lá. Por isso é que nunca concordei com o aeroporto de Beja. A base de Beja a par da de Monte Real é das poucas em Portugal com capacidade de interesse e sem grandes condicionantes. E mesmo assim fomos estragar com um pseudo-aeroporto.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Outubro 29, 2018, 06:40:33 pm
À volta da cidade de Beja há tantos kms de terrenos planos disponíveis para construção, não entendo porque é que a Câmara Municipal de Beja não compra os terrenos, e constrói um aeródromo, onde essa escola de pilotagem se possa instalar. ;D

Já existe o Aeródromo Municipal de Beja, quer dizer pelo menos existe uma coisa com esse nome.

https://www.google.com/maps/place/Aer%C3%B3dromo+Municipal+de+Beja/@38.0591259,-7.8799079,1270m/data=!3m1!1e3!4m13!1m7!3m6!1s0xd1a7371a5dfcd87:0x6a5aea70e6cc5193!2sBeja!3b1!8m2!3d38.0153039!4d-7.8627308!3m4!1s0xd1a0ca8c5b1c7dd:0xf56a33910b68bb1b!8m2!3d38.0606556!4d-7.8767601 (https://www.google.com/maps/place/Aer%C3%B3dromo+Municipal+de+Beja/@38.0591259,-7.8799079,1270m/data=!3m1!1e3!4m13!1m7!3m6!1s0xd1a7371a5dfcd87:0x6a5aea70e6cc5193!2sBeja!3b1!8m2!3d38.0153039!4d-7.8627308!3m4!1s0xd1a0ca8c5b1c7dd:0xf56a33910b68bb1b!8m2!3d38.0606556!4d-7.8767601)

A ultima vez que passei lá aquilo parecia bastante abandonado. E a pista ainda é de terra batida.

Boa, por acaso nem pesquisei, pensei que só existia o "aeroporto de Beja", afinal só falta alcatroar ;D.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: perdadetempo em Outubro 29, 2018, 10:51:04 pm
Talvez o problema principal, não seja a utilização de uma pista ou outra  ( da BA nº11/ ou do aérodromo de Beja), mas o facto de toda aquela área até à zona da barragem do Caia ser considerada espaço aéreo militar/perigoso, com os problemas daí inerentes?

https://www.voanaboa.pt/Files/downloads/Guia-Utilizacao-Espaco-Aereo.pdf (https://www.voanaboa.pt/Files/downloads/Guia-Utilizacao-Espaco-Aereo.pdf)

Cumprimentos,

PS: Lembrei-me disso porque numa link, que existiu em tempos na página web da PELICANO dedicada aos ultraligeiros, existia uma lista de pistas de Portugal, e uma delas que ia até à barragem tinha a indicação de ser necessário a autorização da torre de controlo Beja para aceder ao espaço aéreo.

errata:  O LINK metido refere-se à malta dos drones, embora haja  pontos comuns com os voos tripulados. Este estará mais correcto
             https://www.nav.pt/docs/AIS/vfr-manual-iii/app2-navwarning.pdf?sfvrsn=10 (https://www.nav.pt/docs/AIS/vfr-manual-iii/app2-navwarning.pdf?sfvrsn=10)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Outubro 29, 2018, 11:26:08 pm
PS: Lembrei-me disso porque numa link, que existiu em tempos na página web da PELICANO dedicada aos ultraligeiros, existia uma lista de pistas de Portugal, e uma delas que ia até à barragem tinha a indicação de ser necessário a autorização da torre de controlo Beja para aceder ao espaço aéreo.

Penso que quem queira utilizar o aeródromo de Leiria também têm que comunicar com a torre da BA5 Monte Real, esse aeródromo também deve estar no espaço aéreo desta.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Outubro 30, 2018, 10:09:52 am
[Modo mauzinho on  :mrgreen:]

Talvez se fossem os 10 L-39NG da SkyTech a ir para Beja a FAP visse as coisas de modo diferente...  ;D
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Outubro 30, 2018, 06:27:20 pm
[Modo mauzinho on  :mrgreen:]

Talvez se fossem os 10 L-39NG da SkyTech a ir para Beja a FAP visse as coisas de modo diferente...  ;D

Tá-me cá a cheirar que deves saber algo sobre as novas aeronaves de treino CJ, bota cá p'ra fora, vá lá não ta.....canhes.......  :)

Abraços.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Outubro 30, 2018, 06:28:09 pm
Talvez o problema principal, não seja a utilização de uma pista ou outra  ( da BA nº11/ ou do aérodromo de Beja), mas o facto de toda aquela área até à zona da barragem do Caia ser considerada espaço aéreo militar/perigoso, com os problemas daí inerentes?

https://www.voanaboa.pt/Files/downloads/Guia-Utilizacao-Espaco-Aereo.pdf (https://www.voanaboa.pt/Files/downloads/Guia-Utilizacao-Espaco-Aereo.pdf)

Cumprimentos,

PS: Lembrei-me disso porque numa link, que existiu em tempos na página web da PELICANO dedicada aos ultraligeiros, existia uma lista de pistas de Portugal, e uma delas que ia até à barragem tinha a indicação de ser necessário a autorização da torre de controlo Beja para aceder ao espaço aéreo.

errata:  O LINK metido refere-se à malta dos drones, embora haja  pontos comuns com os voos tripulados. Este estará mais correcto
             https://www.nav.pt/docs/AIS/vfr-manual-iii/app2-navwarning.pdf?sfvrsn=10 (https://www.nav.pt/docs/AIS/vfr-manual-iii/app2-navwarning.pdf?sfvrsn=10)

no fly zone !!!!
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Viajante em Novembro 27, 2018, 02:55:34 pm
Autoeuropa fez acordo com Força Aérea para estacionar carros no Montijo

Um protocolo assinado em Agosto entre a Autoeuropa e a Força Aérea revela que a Autoeuropa terá pago 120 mil euros para poder estacionar até 8 mil carros na base do Montijo, avança a TSF.

(https://bordalo.observador.pt/800x,q85/https://s3.observador.pt/wp-content/uploads/2018/11/27084336/25130905_770x433_acf_cropped.jpg)

A Volkswagen Autoeuropa terá pago 120 mil euros à Força Aérea Portuguesa para poder estacionar até oito mil carros na Base Aérea do Montijo durante cerca de três meses. O protocolo foi assinado em Agosto, mas só agora foi revelado, avança a TSF.

O documento assinado prevê que esta é uma solução “excepcional” e que “não afecta em circunstância alguma a operação e segurança” da Força Aérea. Caso a empresa usufrua da capacidade máxima disponibilizada, cada lugar vai custar à Autoeuropa cerca de 16 cêntimos por dia ou 15 euros por lugar durante os 93 dias (isto fazendo as contas sem IVA que também terá de ser pago).

Não há, ainda, confirmação por parte da Autoeuropa do número de carros que tem estacionados no Montijo, ainda assim uma fonte afirmou à TSF que varia diariamente e nunca se terá atingido a capacidade máxima. O protocolo assinado, e que dura até 17 Dezembro, estabelece ainda que pode ser alargado até dez mil carros. Nesse caso, a Autoeuropa terá que desembolsar 50 cêntimos por dia por cada carro a mais.

As estas despesas acrescem cerca de 27 euros por cada funcionário da Autoeuropa que entre na base do Montijo, justificando despesas de água, energia, limpeza e refeições.

No documento, os militares garantem também que o protocolo pode ser cessado a qualquer momento e que não terão que indemnizar a empresa caso essa situação se verifique ou caso algum carro tenha estragos. Por outro lado, a Autoeuropa compromete-se a não ceder o espaço a outras empresas e a limpar as zonas de parqueamento no final.

Com este protocolo a Força Aérea sublinha que teve em conta aquilo “que a Autoeuropa representa para a economia nacional” e que a base tem espaço suficiente para receber os carros sem colocar em causa a actividade militar.

https://observador.pt/2018/11/27/autoeuropa-fez-acordo-com-forca-aerea-para-estacionar-carros-no-montijo/
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Novembro 28, 2018, 08:40:01 pm
O exército também tinha um protocolo desses mas com a BMW.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Dezembro 19, 2018, 09:22:07 pm
Na sequência da recente tragédia com o helicóptero do INEM temos mais uma pérola para os tesourinhos deprimentes...  ::)

Citar
Ministro da Defesa não sabe que Força Aérea é responsável por busca e salvamento
19 dez, 2018 - 16:07 • João Cunha

https://rr.sapo.pt/noticia/134801/ministro-da-defesa-nao-sabe-que-forca-aerea-e-responsavel-por-busca-e-salvamento?fbclid=IwAR0qjSh3mQpqunTe4JPcUeUeXGklrfvrowmKgnROB0IQ7lpRqvgpW0eMDGs
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Dezembro 21, 2018, 04:00:16 pm
Mensagem de Natal do Chefe de Estado-Maior da Força Aérea, General Manuel Texeira Rolo



Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Viajante em Dezembro 21, 2018, 10:23:59 pm
Regina Mateus é a 1.ª mulher promovida a general nas Forças Armadas

Chama-se Regina Mateus, e fez história esta sexta-feira. Um despacho de promoção do ministro da Defesa fez dela a primeira mulher general das Forças Armadas portuguesas.

(https://bordalo.observador.pt/800x,q85/https://s3.observador.pt/wp-content/uploads/2018/12/21183109/regina-mateus_770x433_acf_cropped.jpg)

A directora do Hospital das Forças Armadas, Regina Mateus, foi hoje promovida a brigadeiro-general, tornando-se na primeira mulher a ocupar este posto na história das Forças Armadas portuguesas.

O despacho de promoção de Regina Mateus foi hoje assinado pelo ministro da Defesa, João Gomes Cravinho, disse à Lusa fonte oficial.

Regina Mateus assumiu a direcção do HFAR a 23 de Julho passado mantendo o posto que tinha, coronel, mas já com a perspectiva de promoção, sendo a primeira mulher a assumir um cargo de oficial-general nas Forças Armadas.

Nascida em 1966, em Maputo, Regina Mateus frequentou o curso de Medicina na Universidade de Coimbra, concluído em 1991. Ingressou no quadro permanente da Força Aérea e 1993, sendo a mais antiga coronel das Forças Armadas.

Foi colocada no antigo hospital da Força Aérea, actual HFAR, e tirou depois o curso de medicina aeronáutica. Fez o internato complementar em Cirurgia Geral e obteve o grau de assistente hospitalar em 2002.

Em 2003 chefiou a equipa de saúde militar presente no exercício de avaliação táctica da NATO, em Ovar, e participou em várias missões da Aliança Atlântica como “Avaliadora de Protecção da Força” em Portugal, Grécia, Turquia e Espanha.

Foi chefe do centro de Saúde da Base Aérea de Monte Real e do Centro de Medicina Aeronáutica da Força Aérea.

Desde o final da década de 80 que as mulheres passaram a poder integrar o serviço militar voluntário incluindo o quadro permanente dos ramos militares, sendo a Força Aérea o primeiro ramo a adoptar a medida.

https://observador.pt/2018/12/21/regina-mateus-e-a-1-a-mulher-promovida-a-general-nas-forcas-armadas/
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Janeiro 10, 2019, 12:24:07 pm
Citar
2019 has just begun and it’s already giving us a lot to share! We proudly announce that OGMA signed a new contract with the Portuguese Air Force, involving the modification of four C-130 aircraft’s avionic systems. This contract takes us one step further in this long partnership!
https://twitter.com/OGMA_PT/status/1083053714502504450?fbclid=IwAR1BgttVInDkUVHYnqZlxKOneMO6mYw4vcir68E8PhnKqEhGDJ-z7E_fCu8

Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Srgdoido em Janeiro 11, 2019, 06:06:24 pm
https://www.rtp.pt/noticias/pais/defesa-atenta-a-vazio-contratual-para-manutencao-de-helicopteros-de-busca-e-salvamento_n1122186
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Janeiro 26, 2019, 11:01:22 am
Portugal eyes contracted M-346 fleet for training need

23 JANUARY, 2019 SOURCE: FLIGHTGLOBAL.COM BY: DOMINIC PERRY LONDON

Portugal is exploring the possibility of contracting advanced jet training for its air force pilots to an external provider that would acquire Leonardo M-346s for the operation.

Lisbon has struggled with its pilot training requirements since the retirement of its Dassault Alpha Jets at the beginning of 2018, sending some crews to the USA as a stopgap measure.

But Gen Manuel Teixeira Rolo, chief of the Portuguese air force, told a 16 January parliamentary defence committee hearing that the US option was not a viable long-term solution.

Instead, he says, Portugal is considering a "power by the hour" contract with a local provider for the requirement.

Rolo identifies Lisbon-based leasing specialist Hi Fly as the company involved. However, it is understood that sister military business SkyTech would acquire and operate the aircraft.

(https://imagizer.imageshack.com/v2/xq90/923/evnqKF.jpg) (https://imageshack.com/i/pnevnqKFj)
Leonardo

Crucial to the enterprise will be the involvement of additional partner countries. Rolo says he is hopeful that Belgium, the Netherlands and Norway could also join the effort.

All three countries currently fly the Lockheed Martin F-16, but are transitioning to the F-35 for their future fighter requirements. Portugal is also an F-16 operator.

As a result, the project would need a sufficiently advanced jet trainer to support instruction on both the fourth- and fifth-generation types.

Rolo indicates that the M-346 is the prime candidate for the role, although he notes that there are other alternatives on the market.

SkyTech already has a tentative agreement in place with Czech Republic-based Aero Vodochody for 10 L-39NG basic trainers, but it is understood that the type is not considered sufficiently advanced for the Portuguese mission.

Rolo says he is "very optimistic" about the potential partnership, with discussions believed to be at a relatively advanced stage; SkyTech declines to comment.

http://www.thefifthcolumn.xyz/Forum/viewthread.php?tid=39&page=4

A se concretizar é uma excelente notícia.

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Janeiro 28, 2019, 12:06:05 pm
Já lá vão quase 3 anos...
https://rr.sapo.pt/noticia/47382/ha-um-novo-chefe-do-estado-maior-da-forca-aerea

Esta é a notícia agora na FAP...o resto converte-se em "peaners"...

https://www.dn.pt/poder/interior/ministro-vai-substituir-chefe-da-forca-aerea-10489710.html

Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Janeiro 28, 2019, 01:22:14 pm
Já lá vão quase 3 anos...
https://rr.sapo.pt/noticia/47382/ha-um-novo-chefe-do-estado-maior-da-forca-aerea

Esta é a notícia agora na FAP...o resto converte-se em "peaners"...

https://www.dn.pt/poder/interior/ministro-vai-substituir-chefe-da-forca-aerea-10489710.html

O Sr CEMFA manifestou, e muito bem, em algumas situações, posições contrárias ás do Governo e lá vai !

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Janeiro 28, 2019, 04:27:20 pm
Já lá vão quase 3 anos...
https://rr.sapo.pt/noticia/47382/ha-um-novo-chefe-do-estado-maior-da-forca-aerea

Esta é a notícia agora na FAP...o resto converte-se em "peaners"...

https://www.dn.pt/poder/interior/ministro-vai-substituir-chefe-da-forca-aerea-10489710.html

O Sr CEMFA manifestou, e muito bem, em algumas situações, posições contrárias ás do Governo e lá vai !

Abraços

Também recebeu umas batatas quentes!
Pelo positivo não é ele que vai ser crucificado este Verão...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Viajante em Janeiro 31, 2019, 03:37:33 pm
Governo propõe Nunes Borrego para novo chefe do Estado-Maior da Força Aérea

A deliberação foi aprovada esta quinta-feira em Conselho de Ministros, implicando a promoção do actual comandante aéreo a general, indica o comunicado divulgado no final da reunião.

(https://bordalo.observador.pt/800x,q85/https://s3.observador.pt/wp-content/uploads/2019/01/31145448/24921156_770x433_acf_cropped.jpg)

O Governo vai propor ao Presidente da República a nomeação do tenente-general Nunes Borrego para o cargo de chefe do Estado-Maior da Força Aérea, sucedendo ao general Manuel Rolo, que termina o mandato a 24 de Fevereiro.

A deliberação foi aprovada esta quinta-feira em Conselho de Ministros, implicando a promoção do actual comandante aéreo a general, indica o comunicado divulgado no final da reunião.

Manuel Nunes Borrego é, desde Setembro de 2016, o Comandante Aéreo da FAP, sucedendo a Manuel Teixeira Rolo para um mandato de três anos.

https://observador.pt/2019/01/31/governo-propoe-nunes-borrego-para-novo-chefe-do-estado-maior-da-forca-aerea/
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Janeiro 31, 2019, 04:19:14 pm
Já lá vão quase 3 anos...
https://rr.sapo.pt/noticia/47382/ha-um-novo-chefe-do-estado-maior-da-forca-aerea

Esta é a notícia agora na FAP...o resto converte-se em "peaners"...

https://www.dn.pt/poder/interior/ministro-vai-substituir-chefe-da-forca-aerea-10489710.html

O Sr CEMFA manifestou, e muito bem, em algumas situações, posições contrárias ás do Governo e lá vai !

Abraços

Daí a surpresa e interrogações que se levantam sobre a sua não-recondução no cargo.

https://www.dn.pt/poder/interior/quais-foram-os-erros-para-o-governo-nao-reconduzir-o-chefe-da-forca-aerea-10512258.html
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lancero em Fevereiro 02, 2019, 10:10:45 pm
Provavelmente relacionado também com o futuro CEMGFA. A ser reconduzido o general Rolo, sairia a meses da 'troca' de CEMGFA, logo, o CEMFA então nomeado só estaria dois meses no cargo e iria para CEMGFA. O Exército e a Marinha iam-se comer para passar à frente da Força Aérea. Isto, claro, se o atual CEMGFA não fizer mais dois anos além de 2021.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Fevereiro 03, 2019, 09:20:18 am
Na edição de ontem do DN.

Citar
Avaliações deixam sargentos da Força Aérea em pé de guerra
Peso dos louvores ou número de missões no estrangeiro prejudica quem está fora dos gabinetes ou tem poucas hipóteses de ser destacado.

Manuel Carlos Freire
02 Fevereiro 2019 — 14:03

Um sargento-ajudante ultrapassou vários militares desse posto, incluindo os respetivos chefes e avaliadores da sua especialidade, para promoção a sargento-chefe - apesar de ter estado de baixa nos últimos três anos, revelaram diferentes fontes do ramo ao DN. Nem esse nem os outros militares têm responsabilidade no resultado, que, a ser validado, o fará "ultrapassar muitos" dos seus pares - muitos deles com 16 anos no posto de primeiro-sargento e dez no de ajudante, onde deverão terminar a carreia militar.

Esse foi um dos vários exemplos apresentados como resultado das distorções permitidas pelo novo sistema de avaliação dos militares das Forças Armadas e que, no caso dos sargentos-ajudantes da Força Aérea, levou alguns dos preteridos a deixar ou a pedir para deixar os cargos de chefia que exercem, incluindo em áreas operacionais."Se não sirvo para [sargento-]chefe não sirvo para chefiar (...), arranje-me outro lugar", desabafou um dos visados, ao saber que tinha ficado para trás. O regulamento, aprovado em 2016 pelo então ministro Azeredo Lopes, diz no seu preâmbulo que, "necessariamente, a avaliação dos militares das Forças Armadas deverá ser efetuada com base em critérios objetivos relativamente ao exercício de todas as suas atividades e funções". Porém, um dos problemas reside no peso que a ida para missões externas (há especialidades com poucas hipóteses) ou os louvores têm na nota - como os recebidos por um sargento-ajudante colocado no gabinete de um general e que, por isso, ultrapassou aqueles que continuaram no serviço e eram mais antigos.

"Há um profundo descontentamento com algo que mina a solidariedade e coesão entre os militares, colocando uns a olhar de lado para outros", assegurou ao DN o único candidato à presidência da Associação Nacional de Sargentos (ANS) e que é eleito neste sábado, o sargento-mor na reserva Lima Coelho. Militar da Força Aérea, cujo regresso à vida associativa foi saudado nesta semana por deputados de esquerda e de direita na Comissão de Defesa, Lima Coelho garantiu ainda que esse mal-estar vai alargar-se aos outros postos da categoria de sargentos quando o sistema de avaliação lhes foi aplicado. As bases do Montijo (esquadras de transporte) e de Monte Real (caças F-16) são duas das unidades operacionais onde houve sargentos-ajudantes a protestar contra os resultados das avaliações - um regime que já tinha levado a ANS a entregar uma petição com milhares de assinaturas ao Parlamento para suspender a sua implementação.

Em outubro passado, a Comissão de Defesa aceitou por unanimidade analisar as reservas dos militares sobre a matéria. Embora a responsabilidade pela regulamentação do regime de avaliações seja do governo, o próprio PS afirmou que a Assembleia da República "tem possibilidade de mexer no Estatuto dos Militares das Forças Armadas, a partir do qual o governo seria forçado" a rever as regras. A Força Aérea não respondeu às questões do DN sobre o assunto: confirmar a existência de distorções no ordenamento dos sargentos-ajudantes avaliados, perceber se esses alegados casos justificam fazer correções ao sistema de avaliação, se houve muitos ou poucos desses militares a requerer a sua substituição nas funções de chefia como resultado das avaliações ou se há o risco de muitos deles passarem à reserva devido à insatisfação existente.

Regresso... para um mandato

Lima Coelho, após uma "longa reflexão" com sargentos ligados ao universo associativo, aceitou candidatar-se mais uma vez à presidência da ANS em eleições que decorrem este sábado na Casa do Alentejo, em Lisboa. "Quero ajudar os mais novos, com a minha experiência e conhecimento, a afirmar a ANS quando celebra 30 anos", explicou o sargento-mor na reserva ao DN. Trata-se de "impulsionar sangue novo, novas equipas" de sargentos - mostrando-lhes o próprio exemplo de que "os processos disciplinares não inibem de chegar ao topo". O facto de passar à reforma dentro de dois anos leva-o a assumir que este será o último mandato à frente da ANS, depois de ter sido presidente da associação durante 15 anos consecutivos entre 2000 e 2015. "A reforma dificulta ainda mais a ligação" às Forças Armadas, até porque o próprio pagamento do salário deixa nessa altura de ser feito pelos ramos, reconheceu António Lima Coelho.

Desafios do novo chefe da Força Aérea

A insatisfação dos sargentos, que tenderá a alargar-se às categorias de oficiais e praças caso se mantenha inalterado o regulamento de avaliação do mérito dos militares das Forças Armadas, será uma das batatas quentes que o tenente-general Joaquim Borrego vai ter nas mãos quando assumir, dentro de três semanas, o cargo de chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA). O atual comandante aéreo foi escolhido esta semana pelo Governo para suceder ao general Manuel Rolo, embora a sua nomeação seja uma competência do Presidente da República (o qual terá sido ouvido previamente, como é regra nestas situações).

Esta escolha faz com que o futuro general Joaquim Borrego seja o sucessor do almirante Silva Ribeiro como chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas (CEMGFA) em 2021 ou 2023, se ele for reconduzido no cargo rotativo entre os três ramos e onde cabe à Força Aérea indicar o próximo titular. Além dos problemas de pessoal, nos quais se incluem as promoções e as progressões na carreira, o novo CEMFA vai ter de gerir as mudanças impostas pela abertura do Montijo à aviação civil.

https://www.dn.pt/edicao-do-dia/02-fev-2019/interior/avaliacoes-deixam-sargentos-da-forca-aerea-em-pe-de-guerra-10522621.html
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Março 01, 2019, 10:44:57 am
Despacho n.º 2091/2019 - Diário da República n.º 43/2019, Série II de 2019-03-01 120392647
Defesa Nacional - Gabinete do Ministro
Alteração ao Despacho de Formalização da Estrutura de Gestão do Projeto POACCS III [Nota: Comando e Controlo Aéreo]

https://dre.pt/web/guest/home/-/dre/120392647/details/2/maximized?serie=II&parte_filter=31&dreId=120392616
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: typhonman em Março 02, 2019, 11:58:47 am
Despacho n.º 2091/2019 - Diário da República n.º 43/2019, Série II de 2019-03-01 120392647
Defesa Nacional - Gabinete do Ministro
Alteração ao Despacho de Formalização da Estrutura de Gestão do Projeto POACCS III [Nota: Comando e Controlo Aéreo]

https://dre.pt/web/guest/home/-/dre/120392647/details/2/maximized?serie=II&parte_filter=31&dreId=120392616

Resumidamente será a Estação de Radar nº4 ?

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: nelson38899 em Março 02, 2019, 12:54:15 pm
Despacho n.º 2091/2019 - Diário da República n.º 43/2019, Série II de 2019-03-01 120392647
Defesa Nacional - Gabinete do Ministro
Alteração ao Despacho de Formalização da Estrutura de Gestão do Projeto POACCS III [Nota: Comando e Controlo Aéreo]

https://dre.pt/web/guest/home/-/dre/120392647/details/2/maximized?serie=II&parte_filter=31&dreId=120392616

Não me parece! Deverá ser a atualização do que existe!

Não faz sentido estar a instalar mais um radar na madeira, quando nos açores ainda não temos nenhum!



Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Março 03, 2019, 11:56:37 am
Sim é um upadate ao da Madeira...digo eu...porque o mesmo ainda não está 100% funcional, pelo menos foi o que disse a Sec Estado da Defesa numa audição parlamentar.

Nos Açores nós não temos radar...no entanto, os americas na Terceira têm um radar que foi atualizado há 2 anos.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Março 03, 2019, 12:10:59 pm
No que diz respeito ao radar da Madeira :

FMP    LPPCFMP   Published   03/03/2019 09:24                       
Regulations Id          LPMAD03A     WEF   03/03/2019 11:40                       
Flight Level                    ALL                   UNT   03/03/2019 15:40                       
Reason   ATC Equipment                               
RMK Radar replacement
     LPPC: MADEIRA SECTOR

Abraços

Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Março 03, 2019, 12:11:24 pm
O radar dos americanos na Terceira é de defesa aérea? Ou é como os que existem nos aeroportos, de apoio às aterragens?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Março 03, 2019, 12:16:57 pm
O radar dos americanos na Terceira é de defesa aérea? Ou é como os que existem nos aeroportos, de apoio às aterragens?

Podes entreter-te um bocadinho se quiseres.

https://www.nav.pt/docs/AIS/aerodromos/lajes.pdf?sfvrsn=26

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Março 03, 2019, 12:28:03 pm
mas, se quiseres saber algo mais sobre radares primários, secundários, de solo, planos de voo, etc aqui está mais alguma info, condensada é certo mas já dá para abanar os tico/teco !


https://fenix.tecnico.ulisboa.pt/downloadFile/1974104408195465/controlo%20de%20trafego%20aereo%20NAV.pdf

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Março 03, 2019, 03:25:30 pm
mas, se quiseres saber algo mais sobre radares primários, secundários, de solo, planos de voo, etc aqui está mais alguma info, condensada é certo mas já dá para abanar os tico/teco !


https://fenix.tecnico.ulisboa.pt/downloadFile/1974104408195465/controlo%20de%20trafego%20aereo%20NAV.pdf

Abraços

Obrigado, pois isso já é muito técnico. Mas penso que uma coisa é um radar de apoio à torre de controlo de um aeródromo/aeroporto, outra coisa, é um radar de defesa aérea que envia informação para o CRC da Força Aérea, penso até que em raio de acção são bem diferentes, o primeiro é de poucos km, enquanto que o segundo é de centenas de km.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Março 03, 2019, 05:09:42 pm
mas, se quiseres saber algo mais sobre radares primários, secundários, de solo, planos de voo, etc aqui está mais alguma info, condensada é certo mas já dá para abanar os tico/teco !


https://fenix.tecnico.ulisboa.pt/downloadFile/1974104408195465/controlo%20de%20trafego%20aereo%20NAV.pdf

Abraços

Obrigado, pois isso já é muito técnico. Mas penso que uma coisa é um radar de apoio à torre de controlo de um aeródromo/aeroporto, outra coisa, é um radar de defesa aérea que envia informação para o CRC da Força Aérea, penso até que em raio de acção são bem diferentes, o primeiro é de poucos km, enquanto que o segundo é de centenas de km.

Os primeiros são chamados radares de aproximação, APP radar e servem para seguir o trafego desde umas dezenas de milhas até á aproximação propriamente dita, dos diferentes aeroportos.
A FAP apenas possui 04 radares Militares, em território Nacional, no entanto como complemento, destaca controladores seus para as salas de controlo da NAV no edifício 118, em frente ao Reduto TAP, pois usa também o espectro de radares civis Nacionais, como apoio ao seguimento do trafego aéreo tanto militar como civil, caso este seja suspeito.

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitaniae em Março 06, 2019, 04:53:29 pm
Governo estuda criação de escola de pilotos de aviões a jato na base de Beja

O ministro da Defesa Nacional anunciou hoje que está em estudo a possibilidade de criar uma escola de formação de pilotos de aviões a jato na base aérea de Beja.


https://www.rtp.pt/noticias/pais/governo-estuda-criacao-de-escola-de-pilotos-de-avioes-a-jato-na-base-de-beja_n1133204
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Março 18, 2019, 03:40:05 pm
Citar
Força Aérea Portuguesa ganha oito novos pilotos. Serão suficientes para o que é preciso?
18 mar, 2019 - 14:25 • Ana Rodrigues

https://rr.sapo.pt/noticia/144734/forca-aerea-portuguesa-ganha-oito-novos-pilotos-serao-suficientes-para-o-que-e-preciso
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Março 18, 2019, 05:24:50 pm
Citar
Força Aérea Portuguesa ganha oito novos pilotos. Serão suficientes para o que é preciso?
18 mar, 2019 - 14:25 • Ana Rodrigues

https://rr.sapo.pt/noticia/144734/forca-aerea-portuguesa-ganha-oito-novos-pilotos-serao-suficientes-para-o-que-e-preciso

É o que é....dado o nível só terminaram 08...eram mais uns quantos no ínicio.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Abril 08, 2019, 01:55:32 pm
Força Aérea na Futurália 2019



Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Abril 15, 2019, 10:59:34 am
Despacho n.º 4082/2019 - Diário da República n.º 74/2019, Série II de 2019-04-15 122087946
Defesa Nacional - Gabinete do Ministro
Abertura de Procedimento para Alienação de 6 Aeronaves T-33, 2 Aeronaves Cessna FTB337 e Material Sobressalente do C-130 e P-3P

https://dre.pt/web/guest/home/-/dre/122087946/details/2/maximized?serie=II&parte_filter=31&dreId=122087923
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Abril 15, 2019, 08:49:21 pm
Para quem estiver interessado.  ;)

Citar
(https://www.emfa.pt/paginas/67_fap/ficheiros/LOGO%2067%20VISEU.png)
Aniversário da Força Aérea Portuguesa - Viseu

No dia 1 de julho de 2019, a Força Aérea Portuguesa completará 67 anos de existência, como ramo independente das Forças Armadas, tendo escolhido o distrito de Viseu para comemorar essa efeméride.

Do programa das comemorações destaca-se:

– Cerimónia Militar, com o tradicional desfile das Forças em Parada e desfile dos meios aéreos, no dia 1 de julho, em Viseu;

– Exposições de meios e da missão da Força Aérea, em Viseu, de 27 a 2 de julho;

– Concertos pela Banda da Força Aérea na cidade de Viseu e em localidades do distrito;

– Missa na Sé Catedral de Viseu, dia 30 de junho

– Batismos de voo, no Aeródromo de Viseu;

– Concurso artístico direcionado às escolas do distrito, premiando obras originais dos alunos dos 2º e 3º ciclos e secundário. Este concurso, além de marcar a efeméride, é um momento encarado como uma oportunidade de estabelecer contacto e interagirmos com a comunidade escolar.


Resta acrescentar o mais interessante na minha opinião: no decurso das comemorações do 67º aniversário da FAP terá lugar na Base Aérea nº 5, em Monte Real, um festival aéreo internacional no dia 30 de Junho, Domingo, sendo que no dia anterior decorrerão os treinos.  :D

Quanto aos participantes sabe-se ainda muito pouco, a própria Força Aérea irá adiantando mais à medida que se for aproximando a data.  ;)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Abril 17, 2019, 09:53:44 pm
Estão dois Falcon 50 e um C295 na Madeira para transporte de feridos do acidente do autocarro.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: goldfinger em Maio 07, 2019, 04:28:27 pm
The Mirage F.1ED pilot is Portuguese and was probably ex-F-16AM pilot of #Portugal Air Force. He is not the first Portuguese mercenary of #GNA Air Force. Jose Lopes was the first one who lost his life after his Mirage F.1ED crashed due to friendly fire in June 2016.

https://twitter.com/BabakTaghvaee/status/1125717028814446592?s=20
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Maio 07, 2019, 09:45:28 pm
Nós cá com falta de pilotos de caça para todos os F-16, e pilotos portugueses a pilotar caças estrangeiros... O que leva estes pilotos a abandonar a FAP (partindo do princípio que foi piloto de F-16), para pilotar caças numa força mercenária?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Maio 07, 2019, 10:13:52 pm
Nós cá com falta de pilotos de caça para todos os F-16, e pilotos portugueses a pilotar caças estrangeiros... O que leva estes pilotos a abandonar a FAP (partindo do princípio que foi piloto de F-16), para pilotar caças numa força mercenária?

Não me parece de todo que tenha sido piloto militar...o outro que faleceu em 2016 também com um mirage:
https://pbs.twimg.com/media/CpZqawuWcAAxOsw.jpg

Por isso, não coloquem logo  a "carroça à frente dos bois" partindo de pressupostos incorretos.

Uma coisa é sair da FAP para uma companhia civil em busca de melhor qualidade de vida e um ordenado mais chorudo, criando outra dinâmica familiar...outra é o rapaz da notícia.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Maio 08, 2019, 12:03:19 am
Não sabia desse Joe Horta, então de piloto de aeronaves agricolas em Portugal para Mirage F1 na Líbia.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Cabeça de Martelo em Maio 08, 2019, 10:26:36 am
Não sabia desse Joe Horta, então de piloto de aeronaves agricolas em Portugal para Mirage F1 na Líbia.

Eu quando vi as imagens disse à minha mulher que duvidava que o dito piloto o tivesse sido na FAP, por causa da idade e da postura do mesmo.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Maio 08, 2019, 12:25:06 pm
Não sabia desse Joe Horta, então de piloto de aeronaves agricolas em Portugal para Mirage F1 na Líbia.

Eu quando vi as imagens disse à minha mulher que duvidava que o dito piloto o tivesse sido na FAP, por causa da idade e da postura do mesmo.

Ó HammerHead....postura??? Então o gajo ejetou-se de um avião a jacto (estreia concerteza) leva ali uma compressão de "molas" na coluna que até encolhe uns mm...e queres postura...depois andaram com ele pior que gado, com uma valentye coça em cima, o gajo lixado porque pensava que no jacto não lher tocavam e vem bater com as costas cá em baixo...com uma bela comissão de boas vindas...

Qualquer um ficava assim...na idade até podia ser...até pode ser um ex-piloto da EMA...o que também dúvido um bocado.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Maio 11, 2019, 06:48:28 pm
Datas das Bases Abertas deste ano.

(https://i.postimg.cc/y6vS91Q8/59991379-1481111015362051-1960048930150416384-n.jpg)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Maio 13, 2019, 05:44:05 pm
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Major Alvega em Maio 13, 2019, 06:01:26 pm

"Um novo sistema de armas" - O ar de felicidade dele.  :D
Isto se não bateu no fundo, deve estar quase.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Maio 13, 2019, 07:20:50 pm

"Um novo sistema de armas" - O ar de felicidade dele.  :D
Isto se não bateu no fundo, deve estar quase.

Olha se os 119 fossem na versão militar o que diria o sr Coronel ?? Um super sistema de Armas ???
Muito bom !!

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Major Alvega em Maio 13, 2019, 11:13:51 pm
 "O ex-libris"  :D Ahahaha
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Maio 20, 2019, 05:32:48 pm
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Major Alvega em Maio 22, 2019, 12:13:58 pm
https://sicnoticias.pt/pais/2019-05-22-Detetada-legionella-em-instalacoes-da-Forca-Aerea-em-Alverca?fbclid=IwAR0oC1U8YFFQg-2GmakEOEShMphTtieJ_3fm_Z3ZS8d47CihXbw8HfC5_ZM (https://sicnoticias.pt/pais/2019-05-22-Detetada-legionella-em-instalacoes-da-Forca-Aerea-em-Alverca?fbclid=IwAR0oC1U8YFFQg-2GmakEOEShMphTtieJ_3fm_Z3ZS8d47CihXbw8HfC5_ZM)

Na próxima LPM estará seguramente inscrita uma verba para desinfectar as caldeiras ou as canalizações das instalações da Força Aérea.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Maio 22, 2019, 10:34:33 pm
A LPM é apenas para equipamento. Infraestruturas têm uma lei própria.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Maio 23, 2019, 01:00:40 am
Oh PM, mas tu ainda não topas a ironia do Major, pá? Shame on you.  :D
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Maio 24, 2019, 03:56:46 pm
Reorganização do espaço aéreo de Lisboa prevê transferência de esquadras entre Beja e Sintra


A reorganização do Espaço Aéreo na Área Terminal de Lisboa prevê a transferência, em 2020, das esquadras da base de Sintra para Beja e vice-versa, informou hoje o Ministério da Defesa.

Esta reorganização faz parte de uma resolução aprovada na quinta-feira em Conselho de Ministros e representa, segundo a tutela, o primeiro passo para aumentar a capacidade aérea da Área Terminal de Lisboa para até 72 movimentos por hora.

Com esta aprovação, a Autoridade Aeronáutica Nacional, a Autoridade Nacional da Aviação Civil, a Força Aérea e a Navegação Aérea de Portugal “têm de, até 27 de outubro de 2019, apresentar em conjunto um projeto integrado para a reorganização do espaço aéreo nacional, que concilie a utilização civil e a militar” que dê “continuidade aos estudos já desenvolvidos”, explica o ministério numa nota enviada à Lusa.

Segundo o Ministério da Defesa Nacional, esta reorganização e “cedência de porções de espaço aéreo” das áreas militares terá “implicações na operação da Força Aérea”, designadamente na “necessidade de deslocalização de diversas esquadras de voo ou do treino operacional”.

Nesse sentido, foi decidido transferir, em 2020, a Esquadra de voo 101, da Base Aérea n.º1, em Sintra, para a Base Aérea n.º11, em Beja, e a Esquadra de Voo 552, da Base Aérea n.º11, em Beja, para a Base Aérea n.º1, em Sintra.

Esta transferência terá um “impacto em mais de duas centenas de militares e respetivas famílias”, existindo já um plano para que “com a brevidade possível sejam garantidas as adequadas condições à operação destas esquadras nos locais definitivos”.

A ANA e o Estado assinaram em 08 de janeiro o acordo para a expansão da capacidade aeroportuária de Lisboa, com um investimento de 1,15 mil milhões de euros até 2028 para aumentar o atual aeroporto de Lisboa (Humberto Delgado) e transformar a base aérea do Montijo no novo aeroporto de Lisboa.

Em 11 de janeiro, António Costa admitiu que “não há plano B” para a construção de um novo aeroporto complementar de Lisboa caso o EIA chumbe a localização no Montijo e voltou a garantir que “não haverá aeroporto no Montijo” se o Estudo de Impacto Ambiental não o permitir.


  :arrow: https://24.sapo.pt/atualidade/artigos/reorganizacao-do-espaco-aereo-de-lisboa-preve-transferencia-de-esquadras-entre-beja-e-sintra
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Maio 29, 2019, 11:35:24 am
Base Aérea N.º 11 abriu portas à população



Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Maio 30, 2019, 05:23:03 pm
Avião em que Marcelo viajou para o Príncipe teve avaria


Dois aviões da Força Aérea Portuguesa -- um C-130 e um Falcon -- foram enviados para a ilha do Príncipe, após uma avaria do aparelho em que viajou o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse à Lusa fonte diplomática.

O chefe de Estado português chegou ao Príncipe (São Tomé e Príncipe) na terça-feira, a bordo de um Falcon, naquele que foi o primeiro voo a aterrar no aeroporto local já de noite.

No entanto, este avião sofreu um problema técnico no trem de aterragem, pelo que foi enviado um outro Falcon para o Presidente sair do Príncipe na quarta-feira ao final da manhã, como previsto, indicou a mesma fonte.

Marcelo Rebelo de Sousa seguiu para Cabo Verde e regressa hoje a Portugal.

Entretanto, chegou esta manhã ao aeroporto do Príncipe um avião C-130, que transportava mecânicos e peças. Este aparelho regressa a Portugal esta sexta-feira.

Hoje ao final da manhã, militares portugueses procediam à reparação do Falcon, despertando a atenção de populares, que se concentravam junto às grades no exterior do aeroporto a observar a operação.

Marcelo Rebelo de Sousa deslocou-se à ilha do Príncipe para participar nas comemorações do centenário da comprovação da Teoria da Relatividade Geral, do físico alemão Albert Einstein, que ocorreu durante a observação de um eclipse solar total no dia 29 de maio de 1919.


 :arrow:  https://www.dn.pt/pais/interior/c-130-e-falcon-na-ilha-do-principe-apos-avaria-do-aviao-em-que-viajou-o-presidente--10959886.html?fbclid=IwAR0AsMeM9xMpGkpsvrOM0zDwfU_X48DdtRy7o-W2vZe78siYKmVUnA1JzEk
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Major Alvega em Maio 30, 2019, 05:48:21 pm
 Os Falcon 50 avariarem já deixou de ser notícia há muito. A notícia é ele ainda ser utilizado pela FAP.

 Vá lá que o que estava de reserva, estava operacional que já não é muito frequente. O terceiro esta todo desmontado há uma série de tempo dentro do hangar de Figo Maduro. Sem reactores e com uma das janelas da saída de emergência desmontada. Creio que já ficou encostado de vez e já não lhe pegam mais. Tipo aquele C-130 que está no Montijo.

 Aquilo é um beberrão a consumir e custo da hora de vôo, peças de reposição e de manutenção é completamente exorbitante. Já não é racional continuar a usar e a enterrar dinheiro naquilo como fizeram há pouco tempo a instalar uns aviónicos novos.
 
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Maio 30, 2019, 08:44:48 pm
Foi à um tempo ou está a ser agora? Se calhar esse Falcon todo desmontado está  é a levar o upgrade.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Major Alvega em Maio 30, 2019, 10:01:17 pm
Foi à um tempo ou está a ser agora? Se calhar esse Falcon todo desmontado está  é a levar o upgrade.

Que eu saiba a manutenção dos Falcon 50 é efectuada na OGMA. Está a fazer o "apegreide" e está há mais de um ano na mesma posição sem a janela e sem um dos reactores? Eu desconfio que esse já chegou ao fim da linha e está a ser canibalizado para dar peças aos outros que ainda voam.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: zawevo em Maio 31, 2019, 05:53:50 pm

Avaria no avião de Marcelo foi detetada depois da aterragem

https://expresso.pt/politica/2019-05-30-Avaria-no-aviao-de-Marcelo-foi-detetada-depois-da-aterragem#gs.fw249q

Os militares fazem o que podem, mas o material não é eterno.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: LM em Maio 31, 2019, 06:11:16 pm
A não substituição dos falcon é outras das coisas que só visto  :bang:

Simplesmente ninguém tem coragem para dizer que necessitamos de os substituir porque (também) fazem transporte VIP... e isso, apesar de outras missões que cumpram e/ou os recursos desperdiçados na sua não substituição, impede devido ao "custo" na opinião publica que teria.   
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Maio 31, 2019, 06:33:49 pm
A não substituição dos falcon é outras das coisas que só visto  :bang:

Simplesmente ninguém tem coragem para dizer que necessitamos de os substituir porque (também) fazem transporte VIP... e isso, apesar de outras missões que cumpram e/ou os recursos desperdiçados na sua não substituição, impede devido ao "custo" na opinião publica que teria.   

SE tivesse ocorrido uma emergência daquelas a sério.......talvez sacassem algum guito alocado ao NPL, aquele que virá numa manhã de nevoeiro, e comprassem os substitutos dos DA50.

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: typhonman em Junho 01, 2019, 10:22:14 am
A não substituição dos falcon é outras das coisas que só visto  :bang:

Simplesmente ninguém tem coragem para dizer que necessitamos de os substituir porque (também) fazem transporte VIP... e isso, apesar de outras missões que cumpram e/ou os recursos desperdiçados na sua não substituição, impede devido ao "custo" na opinião publica que teria.   

Lá está, as FA deixaram-se minorizar ao longo dos anos, basicamente e fazendo uma analogia um pouco fraca, "têm carregado o burro cada vez mais, mas tirando-lhe a palha para ele comer", resultado, temos umas FAs, pobres em equipamento e pessoal, e cujas chefias não tem coragem nem força para dizer "não", pois até agora conseguiram fazer "tudo" com os meios que possuem.
Este tudo é missões do foro civil, e algumas missões militares a "sério".
Não têm força para "pedir" a substituição dos Falcon, apesar de serem os seus principais utilizadores quem disponibiliza o dinheiro, ou seja os seus chefes civis.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Junho 01, 2019, 12:24:28 pm
Ainda assim, acredito que mais facilmente um incidente destes origina a substituição dos Falcon, do que se caíssem dos céus outras aeronaves da FAP, já que as aeronaves de transporte VIP têm "benefícios" para a classe política. Aliás, o mais provável seria mesmo retirarem verbas de outros programas da LPM para isto.

Agora numa substituição dos Falcon, acho que se devia adquirir uma aeronave versátil, capaz de desempenhar por exemplo missões de SIGINT com poucas modificações. Ou então que fossem adquiridos 2 ERJ-145 mais 2 E-99.  ::)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Red Baron em Junho 01, 2019, 12:33:25 pm
Ainda assim, acredito que mais facilmente um incidente destes origina a substituição dos Falcon, do que se caíssem dos céus outras aeronaves da FAP, já que as aeronaves de transporte VIP têm "benefícios" para a classe política. Aliás, o mais provável seria mesmo retirarem verbas de outros programas da LPM para isto.

Agora numa substituição dos Falcon, acho que se devia adquirir uma aeronave versátil, capaz de desempenhar por exemplo missões de SIGINT com poucas modificações. Ou então que fossem adquiridos 2 ERJ-145 mais 2 E-99.  ::)
Um MRTT com o sistema Erieye da Saab. Era matar vários coelhos com uma cajadada.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Junho 01, 2019, 02:49:36 pm
Ainda assim, acredito que mais facilmente um incidente destes origina a substituição dos Falcon, do que se caíssem dos céus outras aeronaves da FAP, já que as aeronaves de transporte VIP têm "benefícios" para a classe política. Aliás, o mais provável seria mesmo retirarem verbas de outros programas da LPM para isto.

Agora numa substituição dos Falcon, acho que se devia adquirir uma aeronave versátil, capaz de desempenhar por exemplo missões de SIGINT com poucas modificações. Ou então que fossem adquiridos 2 ERJ-145 mais 2 E-99.  ::)
Um MRTT com o sistema Erieye da Saab. Era matar vários coelhos com uma cajadada.

Um MRTT pode levar um sistema Erieye?
Mas de facto, se uma aeronave de reabastecimento aéreo pode também fazer transporte VIP, transporte de órgãos, etc, parece-me uma solução lógica e dentro da política de "duplo uso".
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Red Baron em Junho 01, 2019, 02:59:14 pm
Ainda assim, acredito que mais facilmente um incidente destes origina a substituição dos Falcon, do que se caíssem dos céus outras aeronaves da FAP, já que as aeronaves de transporte VIP têm "benefícios" para a classe política. Aliás, o mais provável seria mesmo retirarem verbas de outros programas da LPM para isto.

Agora numa substituição dos Falcon, acho que se devia adquirir uma aeronave versátil, capaz de desempenhar por exemplo missões de SIGINT com poucas modificações. Ou então que fossem adquiridos 2 ERJ-145 mais 2 E-99.  ::)
Um MRTT com o sistema Erieye da Saab. Era matar vários coelhos com uma cajadada.

Um MRTT pode levar um sistema Erieye?
Mas de facto, se uma aeronave de reabastecimento aéreo pode também fazer transporte VIP, transporte de órgãos, etc, parece-me uma solução lógica e dentro da política de "duplo uso".
Era a proposta da Saab para o concurso da substituição do E-3 por parte dos bifes. Claro que o concurso já estava feito para o E-7, mas a proposta da Saab era muito interessante para nos.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Junho 01, 2019, 03:33:43 pm
Se uma aeronave dessas servir para desempenhar as 3 missões, parece-me muito bem pensado...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Junho 01, 2019, 09:29:02 pm
Se uma aeronave dessas servir para desempenhar as 3 missões, parece-me muito bem pensado...

Tem que ser o mais configuravel possível e o processo tem que ser simples, à imagem do C295, aquilo dá para ser transporte táctico, transporte VIP, vigilância marítima, instrução de navegadores, fotografia aérea, várias dessas configurações são paletes que se inserem pela rampa do avião.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Junho 01, 2019, 10:38:22 pm
Para efectuar missões militares, porreiro. Mas alguém está a ver a nossa classe política a embarcar numa aeronave com aquelas antenas todas?

De qualquer modo, a tendência parece ser reduzir o tamanho dos aviões AEW&C, enquanto com os KC é exactamente o oposto.

(https://www.telegraph.co.uk/content/dam/business/2018/10/19/Saab-Airbus-AWACS_trans_NvBQzQNjv4BqeTmIrq9zkcsW-fo5t5CZSBVJKAHE1Nwu-zRV911_wsw.JPG?imwidth=1400)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Junho 02, 2019, 12:47:14 am
Eu quando falei nos E-99 adquirido em conjunto com um par de ERJ145, era por ambos terem por base o mesmo avião, logo o processo e contrato de manutenção seria em tudo idêntico, à excepção dos equipamentos específicos da versão AEW. Quanto a um KC, era de facto algo muito útil (diria até essencial, dada a nossa extensão marítima e distância para os arquipélagos), e segundo sei, muitos, senão mesmo todos, têm capacidade de transporte de pessoal, por isso não vejo porque razão se iria obter um tipo de avião para transporte VIP, e depois outro modelo para KC se um dia fizesse parte dos planos da FAP. Acho que seria falta de visão.

Mas também, ficamos todos contentes com o KC-390 por poder executar reabastecimento em voo... quando nós não temos praticamente aeronave nenhuma que aceite aquele tipo de reabastecimento. Só seria viável se o C-295, EH-101, etc viessem equipados com a lança de reabastecimento, e os F-16 modernizados para V tivessem os tais CFTs modificados com a lança.  ::)

Tem que ser o mais configuravel possível e o processo tem que ser simples, à imagem do C295, aquilo dá para ser transporte táctico, transporte VIP, vigilância marítima, instrução de navegadores, fotografia aérea, várias dessas configurações são paletes que se inserem pela rampa do avião.

Sim, tinha conhecimento dessa valência do C-295. Infelizmente para os nossos políticos o C-295 não deve ser bom o suficiente para transporte VIP.  :mrgreen:
Aliás, o próprio 295 tinha em desenvolvimento uma versão AEW!
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Junho 02, 2019, 09:25:34 am
Infelizmente para os nossos políticos o C-295 não deve ser bom o suficiente para transporte VIP.  :mrgreen:

Até tem sido usado, todos se devem lembrar do transporte da selecção nacional de Lisboa para Andorra.
Penso que o Marcelo já foi uma vez aos Acores.

Não sei é se a decisão de usar o C295 configuração VIP tem a ver com as distâncias (Açores, Espanha), ou se apenas quando os Falcon estão indisponíveis.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Junho 02, 2019, 12:55:47 pm
Creio que já ficou encostado de vez e já não lhe pegam mais. Tipo aquele C-130 que está no Montijo.

Coitado do "02", já nem sequer está à vista na placa onde se encontrava no Montijo. Terá sido provavelmente rebocado para um sítio onde não chateie ou embarace muito, pobre destino.

O C-295M é neste momento o nosso faz-tudo; só não executa operações de combate. Chega-se à BA6 à hora de almoço e das 7 aeronaves que lá deviam estar, estão uma ou duas, regressando quase todas à base ao final da tarde. Por isso não é de admirar que não falte muito para atingirem as 30.000HV.

Infelizmente para os nossos políticos o C-295 não deve ser bom o suficiente para transporte VIP.  :mrgreen:

Até tem sido usado, todos se devem lembrar do transporte da selecção nacional de Lisboa para Andorra.
Penso que o Marcelo já foi uma vez aos Acores.

Creio que também já visitou o interior, deslocando-se num C-295M dada a capacidade STOL da aeronave.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Junho 02, 2019, 07:02:06 pm
Infelizmente para os nossos políticos o C-295 não deve ser bom o suficiente para transporte VIP.  :mrgreen:

Até tem sido usado, todos se devem lembrar do transporte da selecção nacional de Lisboa para Andorra.
Penso que o Marcelo já foi uma vez aos Acores.

Não sei é se a decisão de usar o C295 configuração VIP tem a ver com as distâncias (Açores, Espanha), ou se apenas quando os Falcon estão indisponíveis.

Tem também a ver com o tamanho da comitiva de acompanha o presidente e a distância em si.
O PR prefere Falcon (pq existe e é mais cómodo) restante comitiva usa na mesma C-295.
Nos Açores, foi até lá de Falcon e usou o C-295 para o interilhas, restante comitiva imprensa e segurança adicional foram num 2º C-295...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Clausewitz em Junho 05, 2019, 01:06:32 pm
Força Aérea contrata empresa suspeita de a roubar

Militares alegam que não querem discriminar ninguém. Outra das empresas arguidas na Operação Zeus fez negócios no valor de 3,5 milhões com as Forças Armadas, PSP e GNR já depois de ter sido acusada de corrupção.

https://www.publico.pt/2019/06/05/sociedade/noticia/forca-aerea-contrata-firma-suspeita-roubar-1875351

Porreiro pá!
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Junho 05, 2019, 10:09:58 pm
Da série "recrutámos ex-criminosos para a polícia porque não queríamos discriminar ninguém". Esta merda só pode ser comédia!
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Junho 06, 2019, 11:31:58 am
Força Aérea contrata empresa suspeita de a roubar

Militares alegam que não querem discriminar ninguém. Outra das empresas arguidas na Operação Zeus fez negócios no valor de 3,5 milhões com as Forças Armadas, PSP e GNR já depois de ter sido acusada de corrupção.

https://www.publico.pt/2019/06/05/sociedade/noticia/forca-aerea-contrata-firma-suspeita-roubar-1875351

Porreiro pá!

Não é porreiro...mas quem escreve as linhas (não podem ser jornalistas porque esses que são imparciais já não existem) só informa o que lhe interessa não é?

Juridicamente roubar implica coação fisica mas não é semântica é uma questão processual.

O processo em julgamento...está em julgamento...a inibição para a firma é o acesso presencial a determinadas unidades da força aérea pelos seus administradores/gerentes.

Não estão impedidos pelo ministério público de continuar a sua atividade de venda de bens alimentares;
Podem apresentar propostas para fornecimento dos mesmos em procedimentos contratuais que venham a ser lançados por entidades publicas;
toda a gente sabe que o primeiro critério do Estado para aquisição de bens e serviços é o mais baixo preço;
Apresentaram a proposta de valor mais baixo;
Ainda não existe sentença de condenação transitado em julgado;
Querem o quê?

Sem estarem provados judicialmente os crimes...estão limpos para continuarem inscritos na central de compras do Estado.
Se fossem excluidos com base em pressupostos não provados em sentença juridica impugnavam o ato administrativo, processavam a força aérea e ganhavam...mesmo que no final da outra novela venham a perder.

Mas como estamos no verão, temos a época de incêndios, temos a responsabilidade na força aérea, temos de usar a opinião publica para conseguir descridibilizar a força aérea para que para o ano volte tudo ao mesmo com a epopeia dos meios aéreos...que interessa prolongar os compadrios.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Junho 06, 2019, 03:31:36 pm
Raphael o povinho não gosta de explicações muito complicadas, é mais fácil dizer, força aérea contrata empresa que a roubou.

Isso do presumível inocente até prova em contrario não é necessário para as novelas, basta ser condenado nas notícias.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Junho 06, 2019, 03:41:32 pm
Ora repete lá outra vez...  ;D

Citar
De acordo com o jornal Público, que avança com a notícia esta quarta-feira, no passado 6 de fevereiro, quando já decorria há um mês o julgamento em que se sentam no banco dos réus duas dezenas de fornecedores das suas messes, o Estado Maior da Força Aérea assinou com a Aires Cardoso um contrato no valor de 9351 euros.

Citar
Tal como observa o matutino, é quase impossível afastar empresas suspeitas de concurso público, uma vez que são inocentes até ser provado o contrário. Contudo, nada obriga as Forças Armadas a convidá-las para apresentarem propostas quando as aquisições são feitas através de mecanismos contratuais menos exigentes.

Questionada pelo Público sobre esta situação, as Força Aérea disse não querer discriminar ninguém, frisando que o erário público até lucrou com a contratação.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Clausewitz em Junho 06, 2019, 05:38:36 pm
Raphael, sobre o termo roubar, não é usado no seu sentido jurídico obviamente, mas é a designação popular e facilmente entendível para aquilo que foram acusados de fazer. Isto é tudo uma chatice, porque é suposto que roubar seja coisa reservada a mitras de má fama, para gajos engomadinhos é sempre preciso eufemismos jurídicos, para dar a ideia de que são uns mal-entendidos administrativos ou coisa do tipo.
Mas dando os nomes às coisas, trata-se de roubar, roubar muito, roubar repetidamente e ainda por cima roubar o erário público, ou seja, todos nós.

A linguagem jurídica e as formalidades processuais não podem servir para fechar a justiça sobre si própria, tem que existir um sentido crítico sobre as coisas, se não ficamos nessa conversa, a lei dá garantias para não ser abusiva ou por estar feita à medida para proteger o que não deveria, as instituições e os indivíduos ficam quietos para evitar chatices e porque “as regras mandam”, as coisas arrastam-se eternamente e no fim o crime acaba por compensar. Não me interessa se o problema é a FAP, se é a lei ou se é o raio, não gosta é da bovinidade resignada do “as regras são assim”, como se isso fosse uma inevitabilidade da natureza e como se não existisse capacidade de pensar sobre as coisas.

Não estamos a falar de um boato, de uma suspeita lançada para o ar. Houve investigação, detenções, acusação e o processo está em tribunal. O bom senso recomendaria que a empresa estivesse inibida de continuar a fazer negócios com a entidade pública que é acusada de defraudar, ainda por cima tendo em conta que essa fraude era em conluio com responsáveis dessa entidade. Até porque existe a possibilidade óbvia de continuação da atividade criminosa, se indivíduos são presos preventivamente para evitar essa possibilidade, o que é uma medida muito mais dura, porque é que a empresa não poderia ser excluída de concursos com a entidade que está formalmente acusada de lesar?

Sobre terem apresentado o preço mais baixo, isso é uma piada certo? Uma empresa cujo esquema passava por entregar menos do que os valores faturados é evidente que pode sempre apresentar preços mais baixos em concursos... Isso inquina completamente toda a lógica dos concursos e da concorrência e só leva a prejudicar quem é sério e a favorecer trapaceiros.

Querem o quê? No mínimo queria bom-senso e vergonha na cara, isto para não dizer justiça.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Junho 15, 2019, 06:19:50 pm
A Força Aérea celebra, a 1 de julho, o seu 67.º aniversário. A cidade de Viseu foi o palco escolhido para as comemorações. Conheça agora o cartaz oficial.

(https://funkyimg.com/i/2UKNi.jpg)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: mafets em Junho 20, 2019, 08:34:34 am
https://www.facebook.com/SevenairGroup/photos/a.490340621093135/2072556159538232/?type=3&theater (https://www.facebook.com/SevenairGroup/photos/a.490340621093135/2072556159538232/?type=3&theater)

Citar
Brevemente, a Sevenair irá reforçar a sua frota com 6 aeronaves CASA C-212 (ex-FAP). Irão aumentar a oferta de serviços da empresa no transporte de pessoas e de carga, e proporcionar experiências radicais de Skydive.

(https://scontent.flis5-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/64569543_2072556169538231_8268837992227930112_n.jpg?_nc_cat=107&_nc_oc=AQmchtsFdMpdpJnNvvqRcVCvqGkT3w0PpWWPmEKBT1mUk9FPQyI_h9TXpNkz1TugiTpOJskeUzFkNmhMtIiYEKPp&_nc_ht=scontent.flis5-1.fna&oh=2e340a860bfb5737a442262b094c0e8c&oe=5D8C455F)

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Barlovento em Junho 20, 2019, 12:05:51 pm
A Força Aérea celebra, a 1 de julho, o seu 67.º aniversário. A cidade de Viseu foi o palco escolhido para as comemorações. Conheça agora o cartaz oficial.

(https://funkyimg.com/i/2UKNi.jpg)

La Web del Ejército del Aire Español anuncia la participación de la Patrulla Aspa en estos eventos, aunque no se menciona en el cartel.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Junho 20, 2019, 06:51:18 pm
La Web del Ejército del Aire Español anuncia la participación de la Patrulla Aspa en estos eventos, aunque no se menciona en el cartel.

Aqui
https://www.facebook.com/188128631326969/posts/1518328974973588/
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Junho 26, 2019, 09:53:33 am
O Jimmy Reis, piloto mercenário de Mirage F1, que se ejectou na Líbia não é português.
https://expresso.pt/sociedade/2019-06-25-Piloto-capturado-na-Libia-que-disse-ser-portugues-afinal-e-norte-americano
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Junho 28, 2019, 09:16:57 pm
Reportagem sobre os F-16 na CMTV neste preciso momento.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Julho 02, 2019, 06:56:08 pm
Ministro da Defesa acredita que centro de treino de helicópteros fica em Portugal
1/7/2019, 15:13

João Cravinho garante que "a candidatura está muito bem encaminhada”. Alemanha também apresentou proposta mas ministro diz que vão “chegar a um entendimento que é muito favorável para Portugal”.

(https://imagizer.imageshack.com/v2/xq90/923/283J1H.jpg) (https://imageshack.com/i/pn283J1Hj)
João Gomes Cravinho diz que estará em Portugal, dia 16, o presidente da Agência Europeia de Defesa "para consolidar essa questão”

O ministro da Defesa disse esta segunda-feira que está com uma “expectativa muito positiva” sobre a localização em Sintra do centro multinacional de treino de helicópteros e anunciou a vinda a Portugal do presidente da Agência Europeia de Defesa.


“É uma expectativa muito positiva. Estive a semana passada em Bruxelas, no aniversário da Agência Europeia de Defesa e foi possível, nessa ocasião, verificar que a nossa candidatura está muito bem encaminhada”, explicou aos jornalistas João Gomes Cravinho.

O ministro falava no final da cerimónia do Dia da Força Aérea, este ano comemorado em Viseu, depois de na sua intervenção ter enaltecido “o trabalho da Força Aérea na candidatura de Portugal ao centro de treino de helicópteros (MHTC), da Agência Europeia de Defesa, em conjunto com a Direção Geral de Recursos da Defesa Nacional”.

“Cujo sucesso deveremos estar em condições de anunciar em breve. Acredito que teremos em breve em Sintra um centro de formação de pilotos de helicóptero de grande importância para forças aéreas de diversos países europeus”, dizia.

Aos jornalistas, João Gomes Cravinho explicou que, “salvo erro”, estará em Portugal, “no dia 16, o presidente da Agência Europeia de Defesa para consolidar essa questão”.

O ministro explicou também que “a Alemanha teve uma outra candidatura” e, nesse sentido, esteve em conversação com a ministra alemã com quem este responsável político acredita que irão “chegar a um entendimento que é muito favorável para Portugal”.

“Representa para Portugal um fator de prestígio, um reforço da nossa centralidade nos sistemas das forças áreas europeias e é também um testemunho da nossa capacidade de fornecimento de formação de alto nível para pilotos de helicópteros de outros países europeus”, considerou.

Para já, a concretizar-se a sua instalação em Portugal, o Estado vai “utilizar um edifício na base aérea de Sintra, inicialmente, para formação inicial, mas depois será feito um edifício próprio, mas utilizando aquilo que já existe em Sintra”.

https://observador.pt/2019/07/01/ministro-da-defesa-acredita-que-centro-de-treino-de-helicopteros-fica-em-portugal/?fbclid=IwAR1nHSXH-Vn3tbB-gtk23rZv2qB0TiQA6T2xXWsgJpjJnUCx_n2L0j2-ucE

PS : tenho alguma dificuldade em entender esta situação vejamos tiramos a 101 de Sintra e recolocámo-la em Beja, pois os 14 TB-30 interferiam com a gestão do Espaço Aéreo para o Aeroporto de Lisboa e futuro Apeadeiro, mas vamos colocar em Sintra todos os Helis que possuímos, por agora são 17, e, de certeza que ainda vamos ter lá mais unidades de outras Nações para o futuro centro multinacional de treino de helicópteros ???
Quantas horas de voo para a formação dos pilotos serão efectuadas ??? ::)
Será um numero de horas tão inferior ás que os Roncos efectuavam para a formação do elevado numero de pilotos da FAP???
É que se os FL dos voos dos Roncos interferiam com a gestão do Espaço Aéreo será que os Helis vão voar em Espaço Aéreo Superior para não interferirem com os voos civis nas zonas de aproximação ??? ???
Será ?? :mrgreen:
Não me parece !!
Convém lembrar se os nossos pilotos intrutores estão familiarizados com a FIR de Lisboa, e os seus procedimentos, os instrutores Estrangeiros não o estão, apenas mais este pormenor.
Cabecinhas Pensadoras  :mrgreen:

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Julho 02, 2019, 10:49:04 pm
Pode não haver helis estrangeiros, pode ser uma parte teoria, de simulador, etc.

Também pode não ser formação de pilotos em grande escala, pode ser só uma dúzia de pilotos estrangeiros de cada vez, um bocado como o curso FWIT na Holanda para os pilotos de F-16, e utilizarem os Koala (se acharem que dá).
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Julho 03, 2019, 01:25:39 am
Pode não haver helis estrangeiros, pode ser uma parte teoria, de simulador, etc.

Também pode não ser formação de pilotos em grande escala, pode ser só uma dúzia de pilotos estrangeiros de cada vez, um bocado como o curso FWIT na Holanda para os pilotos de F-16, e utilizarem os Koala (se acharem que dá).

É que a ideia é mesmo só a parte teórica e de simuladores...esqueçam a parte prática dos hélis...isso já está cativado para outro destino que não Portugal.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Julho 03, 2019, 03:35:18 pm
Como é que pode mentir tanto ???? Só mesmo por ignorância e também por não se ler o que se escreve !!!

"Em missões de busca e salvamento realizadas pelas tripulações de alerta, sediadas nas Lajes, no Montijo, em Beja, em Ovar, ou no Porto Santo, cobrindo uma área que ultrapassa os cinco milhões de quilómetros quadrados, traduziram-se num total de mais de 4.100 vidas salvas, das quais 127 desde o dia 01 de janeiro do corrente ano", contabilizou o general Joaquim Nunes Borrego.


https://www.cmjornal.pt/portugal/detalhe/forca-aerea-salvou-mais-de-quatro-mil-vidas-em-2018?ref=Pesquisa_Destaques&fbclid=IwAR3G2DNZ5X9zaCI1BLeqZBKosGSicVWJze0WXToaBnHPDEiZVOjshZNKk8o

....../forca-aerea-salvou-mais-de-quatro-mil-vidas-em-2018 ??????

Mais de quatro mil e vidas salvas em 2018 ???? mas que argolada esta, mais uma borreguice do jornalista, muito bom !!!

https://www.emfa.pt/esquadra-46-esquadra-751-pumas

A Esquadra 751 "Pumas" foi criada em 28 de abril de 1978. Após o período de descolonização, os SA-330 PUMA sofreram ligeiras modificações e foram aplicados na execução de missões de Busca e Salvamento nas áreas de responsabilidade atribuídas a Portugal no âmbito dos seus compromissos internacionais. De salientar que as regiões de responsabilidade de salvamento atribuídas a Portugal, coincidentes com a Região de Informação de Voo (FIR) de Lisboa e Sta. Maria, representam a maior área de responsabilidade da Europa. Além de Busca e Salvamento (SAR) a Esquadra 751executa outras missões, no âmbito estritamente militar, o apoio tático e outras missões de interesse público, como é o caso das missões de vigilância marítima.

Em 2005 a Esquadra 751 passou a contar com o moderno AgustaWestland EH-101 Merlin que veio substituir o consagrado SA-330 PUMA. Este foi um marco extremamente significativo pois permitiu à Esquadra ficar dotada de tecnologia de ponta e também aumentar a sua capacidade de operação. Este aumento de capacidades foi já traduzido centenas de vidas salvas. Após a introdução do EH-101 "Merlin" existiu uma reestruturação do dispositivo SAR (busca e salvamento) nacional e assim os cerca de 100 militares que compõem a Esquadra 751 trabalham para que a mesma tenha, 24 horas por dia, 365 dias por ano, uma tripulação de alerta permanente na Base Aérea N.º 6, Montijo, uma tripulação e aeronave no AM3 Porto Santo e duas tripulações e duas aeronaves na Base Aérea N.º 4, Lajes.

Ao longo de mais de 39 anos de história, a Esquadra 751 já executou mais de 56.800 horas de voo (mais de 23.459 horas com a aeronave EH-101 Merlin) e salvou mais de 3678 vidas, continuando no seu dia a dia a honrar o seu lema "Para que outros vivam"!

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Julho 03, 2019, 04:49:06 pm
tenente o jornalista quando referiu tripulações de alerta não errou, juntou foi o a 751 com a 552...mas ficou-se pelos helis...também descurou a 502...
agora a argolada nos números é que foi talvez semântica...mais de 4mil vidas salvas...até 2018...
Tens de englobar à 751 os números da 552 e da 502...

Não creio que seja mentir tanto, os jornalistas usam os dados que lhes fornecem, falham por vezes na construção frásica, mas isso já é normal em Portugal.

O que colocaste a vermelho também se pauta por estar desatualizado em números...porém assim fica bem para o governo regional dos açores ficar bem na foto...pela exigência da presença das duas aeronaves, por terem as 9 ilhas e companhia...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Julho 03, 2019, 06:41:54 pm
tenente o jornalista quando referiu tripulações de alerta não errou, juntou foi o a 751 com a 552...mas ficou-se pelos helis...também descurou a 502...
agora a argolada nos números é que foi talvez semântica...mais de 4mil vidas salvas...até 2018...
Tens de englobar à 751 os números da 552 e da 502...

Não creio que seja mentir tanto, os jornalistas usam os dados que lhes fornecem, falham por vezes na construção frásica, mas isso já é normal em Portugal.

O que colocaste a vermelho também se pauta por estar desatualizado em números...porém assim fica bem para o governo regional dos açores ficar bem na foto...pela exigência da presença das duas aeronaves, por terem as 9 ilhas e companhia...

Raphael, o numero de vidas salvas pela FAP, está interligado com A Esquadra 751 "Pumas", que foi criada em 28 de abril de 1978.
Quanto á 552 e á 502 sabemos bem que também tem parte activa neste abençoado número, mas achas que o jornalista sabe que existem/iram as duas esquadras ??
O jornalista falha quando não relê o que escreveu, mais, não verifica ser humanamente e materialmente impossível á FAP, com os meios que tem e as horas de voo voadas em 2018 ter salvo as tais 4100 vidas num ano.
Tão pouco vai investigar se os dados estão correctos ou não, e ainda coloca no seu artigo que desde janeiro foram salvas 127 vidas ???
Então afinal em 2018 foram salvas 4100 menos as 127 de 2019, ou estou errado ?
Esse valor não chama atenção para os erros frásicos ???
Chama-se a isso profissionalismo, digo eu, valia muito mais ter estado quieto e calado que escrever patacoadas, olha como as que estão a gora a correr pelas televisões quanto á queda ou amaragem e com ejecção do piloto do Alpha 08, modelo da aeronave que caiu ou amarou na barragem castelo do bode, a aeronave até é um fireboss que deve ter partido um flutuador durante o scooping, ou embatido nalgum baixio, mas enfim, esta é a desinformação que vamos tendo.

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Julho 03, 2019, 09:30:34 pm
com ejecção do piloto do Alpha 08, modelo da aeronave que caiu ou amarou na barragem castelo do bode[/b], a aeronave até é um fireboss que deve ter partido um flutuador durante o scooping, ou embatido nalgum baixio, mas enfim, esta é a desinformação que vamos tendo.


É pá... O Hercules também tem assento "injectável"  :mrgreen:

(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fbeyondthemarquee.com%2Fwp-content%2Fuploads%2F2013%2F06%2FScreen-shot-2013-06-03-at-4.28.27-PM-600x253.png&hash=f1e5c610635089c2193ad65acdb7a7d6)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Julho 04, 2019, 04:44:12 am
Oh Pereira Marques, mas que heresia! Não era um Hercules, era um C-123 Provider.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Julho 04, 2019, 09:14:55 am
Pode não haver helis estrangeiros, pode ser uma parte teoria, de simulador, etc.

Também pode não ser formação de pilotos em grande escala, pode ser só uma dúzia de pilotos estrangeiros de cada vez, um bocado como o curso FWIT na Holanda para os pilotos de F-16, e utilizarem os Koala (se acharem que dá).

É que a ideia é mesmo só a parte teórica e de simuladores...esqueçam a parte prática dos hélis...isso já está cativado para outro destino que não Portugal.

A ver vamos raphael, a ver vamos, se vai ser como dizes !!!!l
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Julho 04, 2019, 09:17:10 am
Oh Pereira Marques, mas que heresia! Não era um Hercules, era um C-123 Provider.

ainda bem que nao temos os 390 senao.......

Abracos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Julho 04, 2019, 11:03:22 am
Pode não haver helis estrangeiros, pode ser uma parte teoria, de simulador, etc.

Também pode não ser formação de pilotos em grande escala, pode ser só uma dúzia de pilotos estrangeiros de cada vez, um bocado como o curso FWIT na Holanda para os pilotos de F-16, e utilizarem os Koala (se acharem que dá).

É que a ideia é mesmo só a parte teórica e de simuladores...esqueçam a parte prática dos hélis...isso já está cativado para outro destino que não Portugal.

A ver vamos raphael, a ver vamos, se vai ser como dizes !!!!l

A ficar cá...vai ser nesse formato... apesar do entusiasmo da tutela não ser...digamos extensível à componente militar da questão...

Anda-se a estudar a transferência de esquadras e os investimentos de adaptação para acomodar pessoal e meios materiais...aparecem agora mais esses de páraquedas.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Julho 16, 2019, 11:03:38 pm
Parecem cogumelos  :mrgreen:

https://observador.pt/2019/07/16/centro-multinacional-de-treino-de-helicopteros-vai-localizar-se-em-sintra-e-abre-em-2021/
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: typhonman em Julho 16, 2019, 11:51:02 pm
Parecem cogumelos  :mrgreen:

https://observador.pt/2019/07/16/centro-multinacional-de-treino-de-helicopteros-vai-localizar-se-em-sintra-e-abre-em-2021/

So tretas, equipamentos, zero.

Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Julho 16, 2019, 11:54:21 pm
Parecem cogumelos  :mrgreen:

https://observador.pt/2019/07/16/centro-multinacional-de-treino-de-helicopteros-vai-localizar-se-em-sintra-e-abre-em-2021/

So tretas, equipamentos, zero.

Vão ter...os simuladores propriamente ditos...na tal segunda fase.
Vai ficar com uns números interessantes...Academia, Museu do Ar, BA1 com duas esquadras de vôo com alerta H24 e mais o MHTC com instruendos e instrutores/professores..porreiro.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Agosto 18, 2019, 01:17:35 pm
Força Aérea transporta reclusos para a Madeira

https://www.dnoticias.pt/casos-do-dia/forca-aerea-transporta-35-reclusos-para-a-madeira-XX5110462

https://www.rtp.pt/noticias/pais/transferidos-para-a-madeira-35-reclusos-de-varias-cadeias-do-pais_v1166683

Con Air Portugal  :mrgreen:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Agosto 18, 2019, 02:07:09 pm
É algo recorrente, a FAP habitualmente transportar criminosos, normalmente são políticos.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: rbp em Agosto 20, 2019, 01:22:47 am
 :rir: :rir: :rir:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Agosto 29, 2019, 09:28:41 pm
Notícia interessante (talvez mais para quem não seja militar da Força Aérea), sobre a carreira de um sargento da Força Aérea (dos anos 80 até agora), desde o empenho operacional, mas também situações de saúde e das associações militares.

https://www.dn.pt/poder/interior/os-militares-nao-estao-formatados-para-parar-11223747.html
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Setembro 12, 2019, 11:48:48 pm
Força Aérea perde 12 pilotos e 60 Sargentos

https://www.dn.pt/edicao-do-dia/12-set-2019/interior/forca-aerea-perde-12-pilotos-aviadores-e-60-sargentos-em-2019-11284878.html
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Setembro 13, 2019, 12:08:01 am
Citação de: Diário de Notícias
Só que agora, com a Força Aérea a invocar "a desculpa de dizer que não autoriza os seus pilotos a fazer aquilo porque passou a ser responsável pelos contratos com as empresas privadas" envolvidas no combate aos fogos, António Mota mostrou-se convicto de que "isso fará que eles sejam os próximos a sair".

"A Força Aérea contrata as empresas, não os pilotos", argumentou António Mota, criticando a razoabilidade da decisão. Mas, sendo assim, perguntou o presidente da AOFA, "os pilotos da Marinha e do Exército vão continuar a voar?".
Relativamente ao Exército não há problemas, visto que o Exército não tem pilotos. É que penso que o Exército não possui helicópteros e nem está a manter as qualificações/certificações dos seus ex-pilotos.

E mais não escrevo para não estar a perder tempo com esta palhaçada e circo que vai dos dois lados da linha. Até porque isto nas próximas décadas deverá ser para privatizar.

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Setembro 13, 2019, 12:36:48 am
Relativamente ao Exército não há problemas, visto que o Exército não tem pilotos. É que penso que o Exército não possui helicópteros e nem está a manter as qualificações/certificações dos seus ex-pilotos.

Os pilotos do exército podem ter mantido as qualificações a título particular, não é por deixarem de voar no exército que tem que deixar de voar, basta ir a uma qualquer escola de aviação e pagar umas horas de voo. Nem é a FAP/Marinha/exército que qualifica pilotos em combate a incêndios.

Em relação à privatização, parece que vai nesse sentido, se saírem 60 Sargentos mecânicos por ano, em breve vai ser tudo como o C-295 /EH101, com empresas a fazer manutenção dos aparelhos, o passo seguinte será fazer como a Protecção Civil faz nos fogos, contratar uma empresa que faça tudo pilotos e manutenção. É triste.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Outubro 16, 2019, 06:38:37 pm
Esquadra de Manutenção do F-16 condecorada com a medalha de ouro de serviços distintos.

https://www.emfa.pt/noticia-2724-Cerim%C3%B3nia%20do%20Dia%20da%20Unidade%20da%20Base%20A%C3%A9rea%20N.%C2%BA%205
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Outubro 16, 2019, 07:25:37 pm
Esquadra de Manutenção do F-16 condecorada com a medalha de ouro de serviços distintos.

https://www.emfa.pt/noticia-2724-Cerim%C3%B3nia%20do%20Dia%20da%20Unidade%20da%20Base%20A%C3%A9rea%20N.%C2%BA%205

Pudera, faz excelentes omoletes com tão poucos ovos...  ::)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Outubro 16, 2019, 08:09:20 pm
Quais pilotos do Exército? Grande maioria, nomeadamente da categoria de Sargentos, pediu passagem antecipada à reserva para irem para o privado  ::)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Outubro 16, 2019, 09:32:56 pm
A grande maioria não é a totalidade, basta ficar um  ;).

Reserva antecipada? Na Força Aérea penso que não é possível, só abate ao quadro.

Mas também estamos a falar de algo que já foi à vários anos, as condições de passagem à reserva à 10 e mais anos eram diferentes de agora (podia ser exigido menos anos de serviço).
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Outubro 17, 2019, 12:22:01 am
Tens razão é abate aos quadros...

(As referências no DR aos restantes nomes são muito antigas, não dando para perceber se foram promovidos ou abatidos ao quadro, etc.).

Citar
Louvor n.º 353/2010:
Concessão de louvor ao capitão/piloto-aviador Venâncio José Couto Leitão

Louvor n.º 354/2010:
Concessão de louvor ao capitão/piloto-aviador José Manuel dos Santos Guilherme

Louvor n.º 355/2010:
Concessão de louvor ao sargento piloto-aviador António José Ferreira de Oliveira 

Louvor n.º 356/2010:
Concessão de louvor ao major piloto aviador Paulo Jorge Catarina de Carvalho

Louvor n.º 357/2010:
Concessão de louvor ao sargento/piloto-aviador Nuno Duarte Gonçalves Rodrigues

Louvor n.º 358/2010:
Concessão de louvor ao sargento piloto-aviador Pedro Silva Santos

Louvor n.º 359/2010:
Concessão de louvor ao sargento/piloto-aviador Mário José Carolino Mineiro

Louvor n.º 360/2010:
Concessão de louvor ao sargento piloto-aviador Luís Filipe André de Carvalho

Louvor n.º 361/2010:
Concessão de louvor ao capitão piloto-aviador Henrique Rogério Gonçalves Martins

Louvor n.º 362/2010:
Concessão de louvor ao capitão/piloto aviador Gilberto Henrique Pires Lopes


http://dre.pt/pdfgratis2s/2010/07/2S146A0000S00.pdf

Estes três primeiros aparentemente continuam...

Citar
Promoção a major de capitães de cavalaria

TEXTO
Portaria n.º 851/2014

1 - Manda o General Chefe do Estado-Maior do Exército, por portaria de 2 de outubro de 2014, promover ao posto de Major, nos termos do disposto nos artigos 56.º, 60.º e 240.º do Estatuto dos Militares das Forças Armadas (EMFAR), aprovado pelo Decreto-Lei n.º 236/99, de 25 de junho, com as alterações introduzidas pelo Decreto-Lei n.º 197-A/2003, de 30 de agosto, por satisfazerem as condições gerais e especiais de promoção, os seguintes Oficiais:

Capitão de Cavalaria 19438195, Mário Rocha Silva

Capitão de Cavalaria 19066496, Duarte Jorge Heitor Caldeira

Capitão de Cavalaria 02647195, Duarte Miguel de Carvalho Cigre

Capitão de Cavalaria 27431793, Venâncio José Couto Leitão

Capitão de Cavalaria 03918794, Pedro Nuno Antunes Ferreira

2 - Os referidos Oficiais contam a antiguidade do novo posto desde 01 de janeiro de 2014, nos termos do disposto na alínea b) do n.º 1 do artigo 175.º do EMFAR, ficando integrados na primeira posição da estrutura remuneratória do novo posto, conforme previsto no n.º 1 do artigo 8.º do Decreto-Lei n.º 296/2009, de 14 de outubro.

3 - Têm direito ao vencimento pelo novo posto desde o dia seguinte ao da publicação da presente portaria no Diário da República, nos termos do n.º 10 do artigo 39.º da Lei n.º 83-C/2013, de 31 de dezembro (Orçamento do Estado para 2014).

4 - Ficam na situação de quadro, ao abrigo do artigo 172.º do EMFAR.

5 - Estes Oficiais, uma vez promovidos e tal como vão ordenados, deverão ser colocados na lista de antiguidades do seu posto e quadro especial à esquerda do Major de Cavalaria 27341392, José Luís Pinto Coelho.

6 - As presentes promoções são efetuadas ao abrigo do disposto no n.º 11 do artigo 39.º da Lei n.º 83-C/2013, de 31 de dezembro (Orçamento do Estado para 2014) e na sequência da autorização concedida pelo Despacho n.º 5453-A/2014, de 16 de abril, de Suas Excelências a Ministra de Estado e das Finanças e o Ministro da Defesa Nacional, publicado no Diário da República, 2.ª série, n.º 76, de 17 de abril de 2014.

3 de outubro de 2014. - O Chefe da Repartição, Pedro Miguel Alves Gonçalves Soares, COR. INF.

208139929

https://dre.pt/application/conteudo/58228144

Citar
Portaria n.º 940/2014

Artigo único

1 - Manda o General Chefe do Estado-Maior do Exército, por portaria de 31 de outubro de 2014, promover ao posto de MAJOR, nos termos do disposto nos artigos 56.º, 60.º e 240.º do Estatuto dos Militares das Forças Armadas (EMFAR), aprovado pelo Decreto-Lei n.º 236/99, de 25 de junho, com as alterações introduzidas pelo Decreto-Lei n.º 197-A/2003, de 30 de agosto, por satisfazerem as condições gerais e especiais de promoção, os seguintes Oficiais:

Capitão de cavalaria 15191496, José Manuel dos Santos Guilherme

Capitão de cavalaria 16466194, Fernando Jorge Ferreira Lopes

Capitão de cavalaria 09235394, Pedro Miguel Tavares Cabral

Capitão de cavalaria 02588495, Hugo Duarte Benevides Pamplona de Sousa

2 - Os referidos Oficiais contam a antiguidade do novo posto desde 01 de janeiro de 2014, nos termos do disposto na alínea b) do n.º 1 do artigo 175.º do EMFAR, ficando integrados na primeira posição da estrutura remuneratória do novo posto, conforme previsto no n.º 1 do artigo 8.º do Decreto-Lei n.º 296/2009, de 14 de outubro.

3 - Têm direito ao vencimento pelo novo posto desde o dia seguinte ao da publicação da presente portaria no Diário da República, nos termos do n.º 10 do artigo 39.º da Lei n.º 83-C/2013, de 31 de dezembro (Orçamento do Estado para 2014).

4 - Ficam na situação de quadro, ao abrigo do artigo 172.º do EMFAR.

5 - Estes Oficiais, uma vez promovidos e tal como vão ordenados, deverão ser colocados na lista de antiguidades do seu posto e quadro especial à esquerda do Major de Cavalaria 03918794, Pedro Nuno Antunes Ferreira.

6 - As presentes promoções são efetuadas ao abrigo do disposto no n.º 11 do artigo 39.º da Lei n.º 83-C/2013, de 31 de dezembro (Orçamento do Estado para 2014) e na sequência da autorização concedida pelo Despacho n.º 5453-A/2014, de 16 de abril, de Suas Excelências a Ministra de Estado e das Finanças e o Ministro da Defesa Nacional, publicado no Diário da República, 2.ª série, n.º 76, de 17 de abril de 2014.

4 de novembro de 2014. - O Chefe da Repartição, Pedro Miguel Alves Gonçalves Soares, COR INF.

208212917

Citar
Despacho n.º 14623/2015

1 - Manda o General Chefe do Estado-Maior do Exército, por Despacho de 26 de novembro de 2015, promover ao posto de sargento-ajudante, nos termos do n.º 3 do artigo 67.º do Decreto-Lei n.º 90/2015, de 29 de maio e da alínea c) do artigo 262.º do Decreto-Lei n.º 236/99, de 25 de junho, por remissão do artigo 13.º do preâmbulo do Decreto-Lei n.º 90/2015, de 29 de maio, por satisfazer as condições gerais e especiais de promoção estabelecidas no artigo 58.º e 63.º do Decreto-Lei n.º 90/2015, de 29 de maio, conjugado com a alínea b) do n.º 1 do artigo 263.º do Decreto-Lei n.º 236/99, de 25 de junho, por remissão do artigo 14.º do preâmbulo do Decreto-Lei n.º 90/2015, de 29 de maio, o militar a seguir indicado:

1SAR INF NIM 38647493 António José Ferreira de Oliveira.

2 - Através do mesmo Despacho é dispensado, a título excecional e por conveniência de serviço, da condição especial de promoção enunciada na alínea c) do n.º 1 do artigo 63.º, nos termos do n.º 1 do artigo 65.º devendo-a cumprir, logo que possível, como o determina o n.º 2 do artigo 191.º, todos do Decreto-Lei n.º 90/2015, de 29 de maio.

3 - Esta promoção é efetuada ao abrigo do disposto no n.º 1 do Despacho n.º 5505-B/2015, publicado no Diário da República, 2.ª série, n.º 100, de 25 de maio de 2015, de Suas Excelências o Ministro da Defesa Nacional e do Secretário de Estado da Administração Pública, nos termos do previsto no n.º 9 do artigo 38.º da Lei n.º 82-B/2014, de 31 de dezembro.

4 - Tem direito ao vencimento pelo novo posto desde o dia seguinte ao da publicação do diploma de promoção no Diário da República, de acordo com a disposição legal enunciada na alínea a) do n.º 8 do artigo 38.º da Lei n.º 82-B/2014, de 31 de dezembro.

5 - O referido Sargento conta a antiguidade do novo posto desde 01 de janeiro de 2015, nos termos do disposto na alínea d) do n.º 1 do artigo 176.º do Decreto-Lei n.º 90/2015, de 29 de maio. Fica integrado na primeira posição da estrutura remuneratória do novo posto, conforme previsto no n.º 1 do artigo 8.º do Decreto-Lei n.º 296/2009, de 14 de outubro.

6 - Mantém a situação relativamente ao Quadro, ao abrigo do artigo 172.º do Decreto-Lei n.º 90/2015, de 29 de maio, fica posicionado na Lista Geral de Antiguidades do seu Quadro Especial, à esquerda do SAJ INF NIM 02869291 Miguel Ângelo Almeida Moura e à direita do SAJ INF NIM 38943991 Pedro Miguel Matias Ferreira.

26 de novembro de 2015. - O Chefe da Repartição, Pedro Miguel Alves Gonçalves Soares, Cor Inf.

209175124

https://dre.pt/application/conteudo/72843452


Citar
Abate aos Quadros Permanentes 1SAR INF 03871194 Nuno Rodrigues

TEXTO
Portaria n.º 744/2010

Por portaria de 06 de Outubro de 2010 do Ajudante General do Exército, no uso da delegação de competências conferida pelo Despacho n.º 3686/2010 de 27JAN10 de S. Ex.ª o GEN CEME, inserto no DR n. 41 - 2.ª série - de 01MAR10, é abatido aos Quadros Permanentes o 1SAR INF NIM 03871194 Nuno Duarte Gonçalves Rodrigues da UALE, nos termos do n.º 7 do Artigo 206.º conjugado com a alínea e) do n.º 1 do Artigo 170.º, ambos do EMFAR, a partir de 06 de Outubro de 2010, por o ter requerido.

DARH em Porto, 11 de Outubro de 2010. - O Chefe da Repartição, Francisco Xavier Ferreira de Sousa, COR CAV.

https://dre.pt/application/conteudo/1252845


Citar
Abate ao quadro do 1SAR INF 21231893, Pedro Santos

TEXTO
Portaria n.º 708/2010

Por portaria de 09 de Setembro de 2010 do Ajudante General do Exército, no uso da delegação de competências conferida pelo Despacho n.º 4316/2007 de 22 de Setembro de 2006 de S. Ex.ª o GEN CEME, inserto no Diário da República, n.º 49, 2.ª série, de 09 de Março de 2007, é abatido aos Quadros Permanentes o 1SAR INF NIM 21231893, Pedro da Silva Santos, da UALE, nos termos do n.º 7 do Artigo 206.º conjugado com a alínea e) do n.º 1 do Artigo 170.º, ambos do EMFAR, a partir de 02 de Agosto de 2010, por o ter requerido.

DARH em Porto, 21 de Setembro de 2010. - O Chefe da Repartição, Francisco Xavier Ferreira de Sousa, COR CAV.

https://dre.pt/application/conteudo/1519320

Citar
Abate ao quadro do 1SAR INF 30171893, Luís Carvalho

TEXTO
Portaria n.º 709/2010

Por portaria de 09 de Setembro de 2010 do Ajudante General do Exército, no uso da delegação de competências conferida pelo Despacho n.º 4316/2007 de 22 de Setembro de 2006 de S. Ex.ª o GEN CEME, inserto no Diário da República, 2.ª série, n.º 49, de 9 de Março de 2007, é abatido aos Quadros Permanentes o 1SAR INF NIM 30171893 Luís Filipe André de Carvalho da UALE, nos termos do n.º 7 do Artigo 206.º conjugado com a alínea e) do n.º 1 do Artigo 170.º, ambos do EMFAR, a partir de 02 de Agosto de 2010, por o ter requerido.

DARH em Porto, 21 de Setembro de 2010. - O Chefe da Repartição, Francisco Xavier Ferreira de Sousa, COR CAV.

203737384

https://dre.pt/application/conteudo/1519321

Citar
Portaria n.º 850/2014

Artigo único

1 - Manda o General Chefe do Estado-Maior do Exército, por portaria de 2 de outubro de 2014, promover ao posto de major, nos termos do disposto nos artigos 56.º, 60.º e 240.º do Estatuto dos Militares das Forças Armadas (EMFAR), aprovado pelo Decreto-Lei n.º 236/99, de 25 de junho, com as alterações introduzidas pelo Decreto-Lei n.º 197-A/2003, de 30 de agosto, por satisfazerem as condições gerais e especiais de promoção, os seguintes Oficiais:

Capitão de infantaria 03462195, Nuno Alexandre Larangeiro Neto.

Capitão de infantaria 06977896, Henrique Rogério Gonçalves Martins.

Capitão de infantaria 14295496, Alexandre José Vieira Capote.

Capitão de infantaria 13890595; Pedro Miguel Ferreira Cavaleiro.

Capitão de infantaria 15360694, Jorge Miguel Simões Pereira.

2 - Os referidos Oficiais contam a antiguidade do novo posto desde 01 de janeiro de 2014, nos termos do disposto na alínea b) do n.º 1 do artigo 175.º do EMFAR, ficando integrados na primeira posição da estrutura remuneratória do novo posto, conforme previsto no n.º 1 do artigo 8.º do Decreto-Lei n.º 296/2009, de 14 de outubro.

3 - Têm direito ao vencimento pelo novo posto desde o dia seguinte ao da publicação da presente portaria no Diário da República, nos termos do n.º 10 do artigo 39.º da Lei n.º 83-C/2013, de 31 de dezembro (Orçamento do Estado para 2014).

4 - Ficam na situação de quadro, ao abrigo do artigo 172.º do EMFAR.

5 - Estes Oficiais, uma vez promovidos e tal como vão ordenados, deverão ser colocados na lista de antiguidades do seu posto e quadro especial à esquerda do Major de Infantaria 18213294, Nuno Filipe da Cunha.

6 - As presentes promoções são efetuadas ao abrigo do disposto no n.º 11 do artigo 39.º da Lei n.º 83-C/2013, de 31 de dezembro (Orçamento do Estado para 2014) e na sequência da autorização concedida pelo Despacho n.º 5453-A/2014, de 16 de abril, de Suas Excelências a Ministra de Estado e das Finanças e o Ministro da Defesa Nacional, publicado no Diário da República, 2.ª série, n.º 76, de 17 de abril de 2014.

3 de outubro de 2014. - O Chefe da Repartição, Pedro Miguel Alves Gonçalves Soares, COR INF.

208139767

https://dre.pt/application/conteudo/58228143

Citar
Portaria n.º 411/2013

Manda o General Chefe do Estado-Maior do Exército, por portaria de 12 de junho de 2013, promover ao posto de MAJOR, nos termos do disposto nos artigos 56.º, 60.º e 240.º do Estatuto dos Militares das Forças Armadas (EMFAR), aprovado pelo Decreto-Lei n.º 236/99, de 25 de junho, com as alterações introduzidas pelo Decreto-Lei n.º 197-A/2003, de 30 de agosto, por satisfazer as condições gerais e especiais de promoção, o Capitão Cavalaria 13450294 - Gilberto Henrique Pires Lopes.

O referido oficial conta a antiguidade do novo posto desde 01 de janeiro de 2013, nos termos do disposto na alínea b) do n.º 1 do artigo 175.º do EMFAR, ficando integrado na primeira posição da estrutura remuneratória do novo posto, conforme previsto no n.º 1 do artigo 8.º do Decreto-Lei n.º 296/2009, de 14 de outubro.

Tem direito ao vencimento pelo novo posto desde o dia seguinte ao da publicação do diploma de promoção no Diário da República, nos termos do n.º 7 do artigo 35.º da Lei n.º 66-B/2012, de 31 de dezembro (Orçamento do Estado para 2013).

Fica na situação de quadro, ao abrigo do artigo 172.º do EMFAR.

Fica posicionado na lista geral de antiguidades do seu quadro especial à esquerda do Major de Cavalaria 39110793 Jorge Figueiredo Marques.

A presente promoção é efetuada ao abrigo do disposto n.º 8 do artigo 35.º da Lei n.º 66-B/2012, de 31 de dezembro (Orçamento do Estado para 2013) e na sequência da autorização concedida pelo Despacho n.º 7178/2013, de 24 de maio, de Suas Excelências os Ministros de Estado e das Finanças e da Defesa Nacional, publicado no Diário da República, 2.ª série, n.º 107, de 04 de junho de 2013, e considerando as carências de efetivos existentes no posto de major e as necessidades de carácter operacional do Exército.

12 de junho de 2013. - O Chefe da RPM, José Domingos Sardinha Dias, COR ART.

207043099

https://dre.pt/application/conteudo/1733647
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Outubro 17, 2019, 12:25:49 am
Esse Venâncio Leitão andou pelo Regimento de Transportes em 2014/2015 e saiu do Exército.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Outubro 17, 2019, 01:30:54 am
Pereira Marques és do SIS?  :mrgreen:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Outubro 17, 2019, 05:54:00 am
Pereira Marques és do SIS?  :mrgreen:

Se calhar……. é que eles, eles, os tais, andem aí !!! :mrgreen:

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Outubro 28, 2019, 02:37:09 pm
A 20ª Conferência Anual dedicada ao Transporte Aéreo Militar e Reabastecimento Aéreo decorrerá este ano em Lisboa entre os dias 3 e 4 de Dezembro. Algo que em Portugal existe bastante. :mrgreen: ::)

(https://img.einnews.com/large/89093/military-airlift-and-air-to-air.jpeg)
https://www.einnews.com/pr_news/500440351/refuelling-capabilities-to-be-a-key-focus-at-military-airlift-and-air-to-air-refuelling-2019
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: MATRA em Outubro 28, 2019, 04:29:45 pm
Então? De vez enquando vem cá o A330 MRTT fazer a certificação flying boom. :)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Outubro 29, 2019, 11:47:55 am
A 20ª Conferência Anual dedicada ao Transporte Aéreo Militar e Reabastecimento Aéreo decorrerá este ano em Lisboa entre os dias 3 e 4 de Dezembro. Algo que em Portugal existe bastante. :mrgreen: ::)



É na perspectiva do turismo, turismo de eventos, Portugal com as alterações climáticas tem primavera em Dezembro, por isso é um "sítio porreiro" para fazer conferências, etc.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: perdadetempo em Novembro 12, 2019, 04:43:28 pm
Relatório de gestão de 2018 da FAP

https://www.emfa.pt/paginas/infinstitucional_fap/ficheiros/Relat%C3%B3rio_gest%C3%A3o_2018_assinado.pdf (https://www.emfa.pt/paginas/infinstitucional_fap/ficheiros/Relat%C3%B3rio_gest%C3%A3o_2018_assinado.pdf)

Suponho que se pode considerar notícia visto ,tanto quanto me é possivel verificar, ser o unico ramo que cumpre as suas obrigações legais nesse aspecto.

Cumprimentos,

Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: asalves em Novembro 21, 2019, 04:30:53 pm
Ministro. Deslocação da Base aérea n.º 1 de Sintra para Beja acontece na primavera
Citar
O ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital disse esta quinta-feira que a deslocação da base aérea n.º 1 de Sintra para Beja vai acontecer na primavera, permitindo colmatar constrangimentos na gestão do espaço aéreo.

“A deslocação da base aérea número 1 de Sintra para Beja já na primavera do próximo ano vai libertar muitos constrangimentos na gestão do espaço aéreo na proximidade do aeroporto de Lisboa e permitir mais movimentos com menos constrangimentos do que aqueles que se verificam”, disse Pedro Siza Vieira no 31.º Congresso Nacional de Hotelaria e Turismo, organizado pela Associação da Hotelaria de Portugal (AHP), que começou hoje em Viana do Castelo.
https://observador.pt/2019/11/21/ministro-deslocacao-da-base-aerea-n-o-1-de-sintra-para-beja-acontece-na-primavera/#comment-post-3546999-2508781

Portanto vão mudar edifícios, pista, ...  :mrgreen:  :bang:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Novembro 21, 2019, 10:04:12 pm
Ministro. Deslocação da Base aérea n.º 1 de Sintra para Beja acontece na primavera
Citar
O ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital disse esta quinta-feira que a deslocação da base aérea n.º 1 de Sintra para Beja vai acontecer na primavera, permitindo colmatar constrangimentos na gestão do espaço aéreo.

“A deslocação da base aérea número 1 de Sintra para Beja já na primavera do próximo ano vai libertar muitos constrangimentos na gestão do espaço aéreo na proximidade do aeroporto de Lisboa e permitir mais movimentos com menos constrangimentos do que aqueles que se verificam”, disse Pedro Siza Vieira no 31.º Congresso Nacional de Hotelaria e Turismo, organizado pela Associação da Hotelaria de Portugal (AHP), que começou hoje em Viana do Castelo.
https://observador.pt/2019/11/21/ministro-deslocacao-da-base-aerea-n-o-1-de-sintra-para-beja-acontece-na-primavera/#comment-post-3546999-2508781

Portanto vão mudar edifícios, pista, ...  :mrgreen:  :bang:

Quero assistir a isso, vai ser o acontecimento deste século. Fica a Base Aérea 111.  :mrgreen:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Novembro 21, 2019, 11:13:32 pm
Então a BA1 vai ficar apenas como umas espécie de aeródromo de manobra? Sem nenhuma esquadra permanente?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Novembro 22, 2019, 12:58:05 am
Então a BA1 vai ficar apenas como umas espécie de aeródromo de manobra? Sem nenhuma esquadra permanente?

Claro que não...basta ler os outros tópicos.
O ministro que falou não é da tutela (MDN) e por isso, falou em base aérea nº1 em vez de se referir ao meio organico, neste caso a esquadra de aeronaves de instrução epsilon a esq 101 é que vai de armas e bagagens para beja...e em troca recebe as esquadras de helis e o centro de treino multinacional de helis....enfim mais um caso de reproduzirem à letra as palavras de um ministro que não percebe desta poda e semear o pânico...
A malta no facebook já andava tudo com teorias da conspiração...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Novembro 22, 2019, 08:51:54 am
E isso já deu azo e tudo a esclarecimentos, aumentando ainda mais a figura de urso que fez o sr. Ministro. :mrgreen:

https://www.dn.pt/poder/camara-de-sintra-contraria-ministro-da-economia-e-diz-que-base-aerea-nao-sera-deslocada-11540268.html
https://www.dn.pt/poder/base-aerea-de-sintra-para-beja-ministro-retifica-que-afinal-e-so-uma-esquadra-que-se-muda-11540415.html
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: zawevo em Novembro 22, 2019, 06:54:02 pm
Estes politicos não sabem nem querem saber quando o tema é da área de segurança ou militar. São de uma ignorância confrangedora.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Novembro 25, 2019, 10:01:14 pm
Força Aérea cede espaço aéreo para aeroporto de Lisboa chegar aos 72 movimentos por hora.

https://www.jornaldenegocios.pt/empresas/transportes/aviacao/detalhe/forca-aerea-cede-espaco-para-aeroporto-de-lisboa-chegar-a-72-movimentos-por-hora?utm_medium=Social&utm_source=Facebook&utm_campaign=BotoesSite&utm_content=facebook
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: asalves em Dezembro 02, 2019, 05:55:41 pm
Força Aérea cede espaço aéreo para aeroporto de Lisboa chegar aos 72 movimentos por hora.

https://www.jornaldenegocios.pt/empresas/transportes/aviacao/detalhe/forca-aerea-cede-espaco-para-aeroporto-de-lisboa-chegar-a-72-movimentos-por-hora?utm_medium=Social&utm_source=Facebook&utm_campaign=BotoesSite&utm_content=facebook

Qualquer dia ainda vemos os F-16 sediados em Beja.

PS: Qualquer dia não temos verdadeira e exclusiva base aerea sem qualquer limitação.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: rbp em Dezembro 20, 2019, 12:06:18 am
https://www.tsf.pt/portugal/sociedade/roubavam-combustivel-de-aeronaves-da-forca-aerea-pj-militar-desmantela-rede-criminosa-11635462.html
https://www.cmjornal.pt/portugal/detalhe/pj-militar-desmantela-rede-de-desvio-de-combustivel-destinada-a-aeronaves-da-forca-aerea
https://www.noticiasaominuto.com/pais/1380767/forca-aerea-resgata-dois-tripulantes-de-veleiro-frances-a-afundar
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Dezembro 20, 2019, 01:47:05 am
Não admira que não haja dinheiro para os F-16 voarem. Então andam a pagar combustível que nem usam.  ???
E como é que pessoas que nem sequer têm ligação com as forças armadas, conseguem roubar combustível para aeronaves da FAP? Terão desviado o combustível antes de chegar à base?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: asalves em Dezembro 20, 2019, 10:02:07 am
Não admira que não haja dinheiro para os F-16 voarem. Então andam a pagar combustível que nem usam.  ???
E como é que pessoas que nem sequer têm ligação com as forças armadas, conseguem roubar combustível para aeronaves da FAP? Terão desviado o combustível antes de chegar à base?

Sendo eu má língua e especulando, e dado os antecedentes secalhar houve uma manobra a la Tancos.  :mrgreen:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Dezembro 31, 2019, 01:59:35 pm


https://www.facebook.com/watch/?v=567055447462434

Excelente ano de 2020 para todos os foristas especialmente os da Má-Língua !!!

Abraços para todos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Dezembro 31, 2019, 02:04:23 pm


https://www.facebook.com/watch/?v=567055447462434

Excelente ano de 2020 para todos os foristas especialmente os da Má-Língua !!!

Abraços para todos

Um excelente 2020 para todos sem excepção!  ;) c56x1

(https://i.postimg.cc/6qCWHSC1/1468684-717083404983519-775310639-n.jpg)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lusitano89 em Dezembro 31, 2019, 07:46:14 pm
Força Aérea transportou em 2019 mais de 650 doentes e salvou 26 vidas no mar


A Força Aérea transportou, em 2019, “mais de 650 doentes” e salvou “26 vidas em alto mar”, anunciou hoje o ramo militar num balanço, informando que os F-16 realizaram “mais de 518 horas de voo de vigilância”.

Em comunicado, o ramo das Forças Armadas dá conta de que “em 2019, foram transportados mais de 650 doentes e salvas 26 vidas em alto mar”, contabilizando 876 horas de voo para o transporte urgente de doentes.

Neste âmbito, foram efetuadas 498 missões e transportados 611 doentes nas aeronaves C-295M, EH-101 e Falcon 50. Destas, 272 missões foram realizadas nos Açores, com o transporte de 320 doentes, e 181 na Madeira, equivalendo a 244 doentes transportados.

Para transporte de órgãos, a Força Aérea Portuguesa efetuou 32 missões ao longo do ano que agora cessa, num total de 65 horas de voo das aeronaves Falcon 50 e C-295M.

A Força Aérea dá conta também de que os caça F-16 registaram “mais de 518 horas de voo de vigilância do espaço aéreo, em missões reais e de treino”, o equivalente a 140 missões realizadas a partir da Base Aérea n.º 5, em Monte Real, distrito de Leiria.

Foram resgatadas a partir de navios 44 pessoas em 39 missões (134 horas de voo) e, em 78 missões de busca e salvamento, foram realizados 26 salvamentos.

“No total, a Força Aérea Portuguesa realizou 787 missões de soberania e interesse público”, assinala o comunicado.

Este ramo das Forças Armadas especifica que “da Base Aérea nº 6, no Montijo, da Base Aérea nº 4, nas Lajes, e do Aeródromo de Manobra nº 3, no Porto Santo, as tripulações das aeronaves EH-101, C-295M e C-130H descolaram para realizar 498 transportes médicos urgentes entre ilhas e/ou das ilhas para o continente, apoiando 611 doentes, 39 resgates em navios, transportando 44 pessoas, e 78 missões de busca e salvamento”.

Já “do Aeródromo de Trânsito nº 1, em Figo Maduro, as aeronaves Falcon 50 foram empenhadas em 32 missões de transporte de órgãos (também efetuadas pela aeronave C-295M) e em outras missões, como o transporte médico urgente de doentes”.

“Da Base Aérea n.º 11, em Beja, as aeronaves P-3C CUP+ estiveram dedicadas a missões de vigilância marítima e busca e salvamento, e destacado no Aeródromo de Manobra nº 1, em Ovar, o Alouette III de alerta a missões de busca e salvamento”, explica a Força Aérea.

Na mesma nota, a Força Aérea assinala ainda que “mantém um complexo dispositivo de alerta em Portugal continental e nos arquipélagos dos Açores e da Madeira, durante todo o ano, sete dias por semana e 24 horas por dia”.


 :arrow: https://24.sapo.pt/atualidade/artigos/forca-aerea-transportou-em-2019-mais-de-650-doentes-e-salvou-26-vidas-no-mar
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: asalves em Janeiro 16, 2020, 11:20:55 am
Força Aérea faz ajuste direto de 54 mil euros para comprar 200 relógios, alegando serem obras de arte
https://eco.sapo.pt/2020/01/16/forca-aerea-faz-ajuste-direto-de-54-mil-euros-para-comprar-200-relogios-alegando-serem-obras-de-arte/

Nem sempre o problema é da política, 54k secalhar dá para umas horas de voo no F-16, ou para recuperar uma vedação de uma base.

É tudo uma questão de prioridades.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Janeiro 16, 2020, 11:44:32 am
Força Aérea faz ajuste direto de 54 mil euros para comprar 200 relógios, alegando serem obras de arte
https://eco.sapo.pt/2020/01/16/forca-aerea-faz-ajuste-direto-de-54-mil-euros-para-comprar-200-relogios-alegando-serem-obras-de-arte/

Nem sempre o problema é da política, 54k secalhar dá para umas horas de voo no F-16, ou para recuperar uma vedação de uma base.

É tudo uma questão de prioridades.

Todos o fazem infelizmente, por isso se formos por aí... e mais não posso dizer.  ::)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: asalves em Janeiro 16, 2020, 11:55:24 am
Força Aérea faz ajuste direto de 54 mil euros para comprar 200 relógios, alegando serem obras de arte
https://eco.sapo.pt/2020/01/16/forca-aerea-faz-ajuste-direto-de-54-mil-euros-para-comprar-200-relogios-alegando-serem-obras-de-arte/

Nem sempre o problema é da política, 54k secalhar dá para umas horas de voo no F-16, ou para recuperar uma vedação de uma base.

É tudo uma questão de prioridades.

Todos o fazem infelizmente, por isso se formos por aí... e mais não posso dizer.  ::)

Eu sei que todos (outras entidades publicas e locais) o fazem, e o problema secalhar é esse, é por isso que estamos onde estamos, se fica bem oferecer uns relógios a malta ? claro que fica mas secalhar esse dinheiro aplicado noutro lugar tinha mais proveito para toda a gente e não apenas para 200 pessoas.

Deste modo torna-se difícil vir para a comunicação social pedir verbas, quando se gasta 54k em relógios, maior parte da população não o vai entender nem compreender.

Novamente, é uma questão de prioridades, mas depois fica mal queixarem-se que não tem verbas para dar mais horas de voo aos pilotos dos F-16.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: asalves em Janeiro 16, 2020, 12:49:27 pm
Força Aérea faz ajuste direto de 54 mil euros para comprar 200 relógios, alegando serem obras de arte
https://eco.sapo.pt/2020/01/16/forca-aerea-faz-ajuste-direto-de-54-mil-euros-para-comprar-200-relogios-alegando-serem-obras-de-arte/

Nem sempre o problema é da política, 54k secalhar dá para umas horas de voo no F-16, ou para recuperar uma vedação de uma base.

É tudo uma questão de prioridades.

Todos o fazem infelizmente, por isso se formos por aí... e mais não posso dizer.  ::)

Eu sei que todos (outras entidades publicas e locais) o fazem, e o problema secalhar é esse, é por isso que estamos onde estamos, se fica bem oferecer uns relógios a malta ? claro que fica mas secalhar esse dinheiro aplicado noutro lugar tinha mais proveito para toda a gente e não apenas para 200 pessoas.

Deste modo torna-se difícil vir para a comunicação social pedir verbas, quando se gasta 54k em relógios, maior parte da população não o vai entender nem compreender.

Novamente, é uma questão de prioridades, mas depois fica mal queixarem-se que não tem verbas para dar mais horas de voo aos pilotos dos F-16.

Mais dados.
https://observador.pt/2020/01/16/forca-aerea-gastou-54-mil-euros-em-relogios-por-ajuste-direto-justificacao-sao-criacao-artistica/

Citar
No total, os 200 relógios, da marca Nautica, custaram à Força Aérea cerca de 54 mil euros, 270 por cada um. Estão à venda no site deste ramo das Forças Armadas desde 5 de setembro de 2019 por 280 euros.

Se realmente forem para revenda retiro parte do que disse. :-[
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Janeiro 16, 2020, 01:54:31 pm
Se realmente forem para revenda retiro parte do que disse. :-[

Sim é verdade, estes relógios da Força Aérea são para serem comprados pelos militares, se o quiserem, mas pelo que se vê na notícia do observador já criaram um site para venda ao público em geral.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: P44 em Janeiro 16, 2020, 01:58:10 pm
Mais dinheiro bem gasto

https://www.rtp.pt/noticias/pais/forca-aerea-gasta-54-mil-euros-em-relogios-por-ajuste-direto_n1198378

Muito bem, continuar o bom trabalho
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Janeiro 16, 2020, 02:01:47 pm
O pessoal aqui do Fórum é que podia dar uma ajuda e comprar um reloginho  :mrgreen:.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Janeiro 16, 2020, 02:16:31 pm
O pessoal aqui do Fórum é que podia dar uma ajuda e comprar um reloginho  :mrgreen:.

Eu queria era o Casio da 751, mas de cada vez que via o preço tinha de pôr um comprimido debaixo da língua... outros carnavais. :mrgreen:


Se realmente forem para revenda retiro parte do que disse. :-[

Sim é verdade, estes relógios da Força Aérea são para serem comprados pelos militares, se o quiserem, mas pelo que se vê na notícia do observador já criaram um site para venda ao público em geral.

Ao contrário de outros ramos que, quando nós andávamos de tanga, gastaram dezenas de milhares de euros em flutes de champanhe em cristal porque as que tinha para as cerimónias estavam datadas e fora de moda. Cala-te boca... ::)



Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Luso em Janeiro 16, 2020, 03:25:20 pm
https://zap.aeiou.pt/forca-aerea-ajuste-direto-54-mil-euros-comprar-relogios-302689

(https://zap.aeiou.pt/wp-content/uploads/2020/01/aaa1aed6a2910542fe7a9114f99da9da-579x382.jpg)

São estas as prioridades desta malta...
Aposto que este também cumpre os requisitos operacionais de... parolice e mau gosto.
Sendo um automático e considerando o modelo "skeleton" o mecanismo automático parece ser um Miyota 8215 [que custa cerca de €36 e não dá para sincronizar)...
Ganda negócio...
São estas as preocupações desta bimbalhada que nos "defende": a da relojoaria inferior fashion a preços inflacionados.

Nojo, muito NOJO.
- Nomes! Querem-se nomes!
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Janeiro 16, 2020, 06:19:15 pm
Isto vem na senda das FFAA call centre, ou digitais, ou de outsourcing. Almirantes/generais de aluguer, venda de relógios on-line. Qualquer dia temos alojamento temporário nuns fortes e quartéis mais chiques. É a nova economia a bombar. Já devem estar a preparar a apresentação para a websummit deste ano.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Janeiro 16, 2020, 06:22:26 pm
https://zap.aeiou.pt/forca-aerea-ajuste-direto-54-mil-euros-comprar-relogios-302689

(https://zap.aeiou.pt/wp-content/uploads/2020/01/aaa1aed6a2910542fe7a9114f99da9da-579x382.jpg)

São estas as prioridades desta malta...
Aposto que este também cumpre os requisitos operacionais de... parolice e mau gosto.
Sendo um automático e considerando o modelo "skeleton" o mecanismo automático parece ser um Miyota 8215 [que custa cerca de €36 e não dá para sincronizar)...
Ganda negócio...
São estas as preocupações desta bimbalhada que nos "defende": a da relojoaria inferior fashion a preços inflacionados.

Nojo, muito NOJO.
- Nomes! Querem-se nomes!

este modelo cumpre os padrões NATO !


Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Janeiro 16, 2020, 06:25:35 pm
Isto vem na senda das FFAA call centre, ou digitais, ou de outsourcing. Almirantes/generais de aluguer, venda de relógios on-line. Qualquer dia temos alojamento temporário nuns fortes e quartéis mais chiques. É a nova economia a bombar. Já devem estar a preparar a apresentação para a websummit deste ano.

vamos mas é alugar os F16 á hora e usamos os bilugares para uns voos a pagantes, que tal ???

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Clausewitz em Janeiro 17, 2020, 07:49:05 pm
Isto vem na senda das FFAA call centre, ou digitais, ou de outsourcing. Almirantes/generais de aluguer, venda de relógios on-line. Qualquer dia temos alojamento temporário nuns fortes e quartéis mais chiques. É a nova economia a bombar. Já devem estar a preparar a apresentação para a websummit deste ano.

vamos mas é alugar os F16 á hora e usamos os bilugares para uns voos a pagantes, que tal ???


Abraços

Modelo de negócio russo, se calhar temos que pagar direitos pela ideia.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Janeiro 17, 2020, 09:53:10 pm
Isso é mas é com o 390. Motores a jacto como na aviação civil e o interior arrumadinho, a FAP vira companhia aérea (dá-se uso ao Aeroporto de Beja), para transportar os emigrantes de e para Portugal. Assim sempre se pagavam aos poucos os 900 milhões que vamos gastar neles.  ::)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Crypter em Janeiro 17, 2020, 11:19:42 pm
Citar
Portugal vai enviar avião com 70 militares para o Mali

]Portugal tem atualmente 19 militares no Mali. Militares partem em maio.
O ministro da Defesa, João Gomes Cravinho, anunciou esta sexta-feira o reforço do contingente português na missão da ONU no Mali com mais cerca de 70 militares da Força Aérea e uma aeronave C-295, entre maio e outubro.
"A partir de maio a outubro [de 2020] teremos mais cerca de 70 portugueses da Força Aérea, que estarão lá [no Mali] com a aeronave C-295 que é muito competente para a recolha de informações, equipada de muitos sensores que permite desenvolver uma visão integrada e completa num espaço imenso", anunciou esta sexta-feira o ministro português em declarações à Agência Lusa.

Este reforço temporário anunciado pelo ministro para o Mali poderá traduzir-se em mais efetivos para o ano na região africana do Sahel: "Em 2021 veremos se não faz sentido reforçar a nossa presença no Sahel", indicou.
João Gomes Cravinho esteve esta sexta-feira em Paris onde interveio numa conferência com a sua homóloga francesa Florence Parly, no âmbito de uma feira de recrutamento das Forças Armadas francesas.

Portugal tem atualmente 19 militares no Mali, 17 dos quais na missão de Treino da União Europeia e dois na missão integrada das Nações Unidas de estabilização do país.

"É absolutamente fundamental estarmos presentes no Sahel. Não podemos deixar que a degradação da situação securitária no Sahel continue porque o resultado terá um impacto na Europa. [...] Seria uma irresponsabilidade virarmos costas", afirmou.

No entanto, há ainda, segundo o governante, um esforço de sensibilização a fazer entre os parceiros europeus.

"É uma área em que tenho colaborado com a minha colega francesa e espanhola, na tentativa de sensibilizar os outros países europeus quantos às necessidades de fazer face aos desafios no Sahel", revelou.

Após a conferência, onde estiveram também presentes Johnny Mercer, ministro da Defesa do Reino Unido, e Viola Amherd, ministra da Defesa da Suíça, o ministro português encontrou-se numa reunião bilateral com Florence Parly.

O Mali e os países vizinhos estão numa situação de deterioração da segurança que assusta a comunidade internacional.

Segundo a ONU, mais de 4000 pessoas foram mortas em ataques terroristas em 2019 em Burkina Fasso, Mali e Níger. O número de pessoas deslocadas aumentou 10 vezes, aproximando-se de um milhão.

Os jihadistas têm aumentado os ataques mortais contra as forças armadas nos últimos meses. Isto está associado à violência intercomunitária e criminosa, alimentada pela proliferação do tráfico.

No passado dia 13, o Presidente francês, Emmanuel Macron, anunciou o envio de mais 220 soldados para o Sahel para fortalecer a força militar francesa Barkhane de combate ao terrorismo 'jihadista' na região.

No mesmo dia, os Estados Unidos da América (EUA) admitiram reduzir a sua presença militar em África, o que pode colocar em risco os esforços feitos pelos europeus para ajudar a região na luta contra os grupos 'jihadistas'.
https://rr.sapo.pt/2020/01/17/pais/portugal-vai-enviar-aviao-com-70-militares-para-o-mali/noticia/178779/

é muito militar para um C-295...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Janeiro 18, 2020, 12:00:48 am
é muito militar para um C-295...

Este destacamento se for idêntico aos do passado no Mali, deve ter tripulação do avião, equipa de manutenção, equipa médica, comunicações, equipa force protection, equipa de abastecimento aéreo dos paraquedistas... Etc, talvez mais uma ou outra que me falhe.

Este destacamento anterior tinha 60 elementos.
https://www.emfa.pt/noticia-1233-c130-com-destacamento-militar-descola-rumo-ao-mali
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Janeiro 18, 2020, 01:27:46 am
Um outro destacamento militar a operar em Moçambique parece que passou despercebido  :mrgreen:

https://www.rtp.pt/noticias/politica/marcelo-visitou-centro-de-saude-mocambicano-apoiado-pela-cruz-vermelha-portuguesa_v1198555
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Janeiro 18, 2020, 02:10:37 pm
Mais de Moçambique

http://sicnoticias.pt/pais/2020-01-17-A-viagem-de-Marcelo-no-cockpit-do-C130-
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: luis simoes em Janeiro 19, 2020, 10:34:42 am
Bom dia forum
agradecer antes de mais pela reportagem da viagem do PR no C-130 ainda bem que o marcelo viu in loco as condicoes em que os nossos militares voam...e em que condicoes se encontram os mesmos avioes nota se e muito que sera muito bem vindo o KC 390 pois se queremos ter bons profissionais e que os mesmos sintam alguma atracao por esta area tambem teem de ter as melhores condicoes para exercer as mesmas....abraxo
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Janeiro 19, 2020, 05:21:24 pm
Será que com o C-390 uma escala técnica bastava? É que África é um bocadinho maior que o Brasil.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Janeiro 19, 2020, 06:38:43 pm
Será que com o C-390 uma escala técnica bastava? É que África é um bocadinho maior que o Brasil.

Ó NVF, para quê uma escala Técnica ???
Basta mandares duas aeronaves e com o AAR apenas fazes o voo numa perna, está no papo !! :mrgreen:

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Janeiro 19, 2020, 07:21:36 pm
Parece-me que os nossos C-130 têm feito escala em São Tomé, é verdade que não é o mais a direito, mas talvez seja o mais fácil em autorizações de sobrevoo, além de ser bom ir mantendo boas relações com os PALOP, é que São Tomé e Príncipe é quase uma posição avançada para acções em África.

Por exemplo neste caso apesar dos nosso C130 terem parado em diversos locais para abastecer, o local de paragem mais prolongada foi São Tomé e Príncipe.
https://www.google.com/amp/s/www.dn.pt/lusa/amp/idai-aviao-com-forca-de-reacao-imediata-portuguesa-deve-chegar-a-beira-pelas-1700-de-sexta-feira-10710671.html
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: luis simoes em Janeiro 19, 2020, 10:35:52 pm
Será que com o C-390 uma escala técnica bastava? É que África é um bocadinho maior que o Brasil.
Boa noite sim bastava faxer uma mas em angola/luanda  mesmo assim ainda podia voar mais 200 klms para alem deste destino o kc sem carga fax 6019 klms....contra os 4000 e pouco do c 130J portanto...esta ai um bom exemplo do porque da escolha de Portugal...entre outras obvio
abraxo
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: luis simoes em Janeiro 19, 2020, 10:39:02 pm
Ha ficam a faltar mais coisa menos coisa 2000klms ate mocambique....
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Janeiro 19, 2020, 11:36:20 pm
Será que com o C-390 uma escala técnica bastava? É que África é um bocadinho maior que o Brasil.

Ó NVF, para quê uma escala Técnica ???
Basta mandares duas aeronaves e com o AAR apenas fazes o voo numa perna, está no papo !! :mrgreen:

Abraços

Deve ter sido esse cenário que os "especialistas" do MDN/EMGFA pensaram para as operações em África. Assim só o aparelho tanque é que tem que fazer escalas técnicas. Até pode ir mais cedo, aterrar/abastecer e estar em "station" quando o aparelho de carga passar na zona. Maravilha! Se calhar ainda vão ter que se adquirir mais umas células, para gáudio do Simões.  :mrgreen:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: luis simoes em Janeiro 20, 2020, 12:42:02 am
Será que com o C-390 uma escala técnica bastava? É que África é um bocadinho maior que o Brasil.

Ó NVF, para quê uma escala Técnica ???
Basta mandares duas aeronaves e com o AAR apenas fazes o voo numa perna, está no papo !! :mrgreen:

Abraços

Deve ter sido esse cenário que os "especialistas" do MDN/EMGFA pensaram para as operações em África. Assim só o aparelho tanque é que tem que fazer escalas técnicas. Até pode ir mais cedo, aterrar/abastecer e estar em "station" quando o aparelho de carga passar na zona. Maravilha! Se calhar ainda vão ter que se adquirir mais umas células, para gáudio do Simões.  :mrgreen:
:mrgreen: :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Janeiro 20, 2020, 07:07:57 am
Será que com o C-390 uma escala técnica bastava? É que África é um bocadinho maior que o Brasil.

Ó NVF, para quê uma escala Técnica ???
Basta mandares duas aeronaves e com o AAR apenas fazes o voo numa perna, está no papo !! :mrgreen:

Abraços

Deve ter sido esse cenário que os "especialistas" do MDN/EMGFA pensaram para as operações em África. Assim só o aparelho tanque é que tem que fazer escalas técnicas. Até pode ir mais cedo, aterrar/abastecer e estar em "station" quando o aparelho de carga passar na zona. Maravilha! Se calhar ainda vão ter que se adquirir mais umas células, para gáudio do Simões.  :mrgreen:
:mrgreen: :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen:

nem sei se cinco células darão para cenários como esse, se calhar é melhor comprar mais umas quantas e reforçar o orçamento alocado aos 390, assim tipo novo banco !! :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen:

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Janeiro 20, 2020, 11:50:59 am
ainda bem que o marcelo viu in loco as condicoes em que os nossos militares voam...

Estás enganado, vê lá bem o vídeo da SIC e presta atenção às cadeiras, depois compara quando o C-130 transporta tropas...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: P44 em Janeiro 20, 2020, 01:15:23 pm
Puseram sofás no C-130?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Janeiro 20, 2020, 01:31:54 pm
Puseram sofás no C-130?

o chamado Transporte VIP !!!

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Janeiro 20, 2020, 03:32:03 pm
Puseram sofás no C-130?

o chamado Transporte VIP !!!

Abraços

É mais uma das possíveis configurações mas raro de se ver pois normalmente usa-se o C295 nestas funções, mas talvez pela longa distância entre Portugal e Moçambique deslocaram para lá um C-130.

C295 com kit VIP
(https://conteudo.imguol.com.br/blogs/3/files/2017/10/DLZCJ4SW4AAWMCb.jpg)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: perdadetempo em Janeiro 21, 2020, 06:08:51 pm
Neste trabalho feito para o curso de promoção a general vem no apêndice E "os factores de planeamento para o transporte de um batalhão até Moçambique", tanto com o C-130H como com o KC-390.

https://comum.rcaap.pt/bitstream/10400.26/17361/1/TII%20Favinha_Estudo%20prospetivo%20sobre%20as%20capacidades%20de%20proje%C3%A7%C3%A3o%20militar.pdf (https://comum.rcaap.pt/bitstream/10400.26/17361/1/TII%20Favinha_Estudo%20prospetivo%20sobre%20as%20capacidades%20de%20proje%C3%A7%C3%A3o%20militar.pdf)

Está na ultima página.

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: asalves em Janeiro 22, 2020, 06:11:31 pm
Neste trabalho feito para o curso de promoção a general vem no apêndice E "os factores de planeamento para o transporte de um batalhão até Moçambique", tanto com o C-130H como com o KC-390.

https://comum.rcaap.pt/bitstream/10400.26/17361/1/TII%20Favinha_Estudo%20prospetivo%20sobre%20as%20capacidades%20de%20proje%C3%A7%C3%A3o%20militar.pdf (https://comum.rcaap.pt/bitstream/10400.26/17361/1/TII%20Favinha_Estudo%20prospetivo%20sobre%20as%20capacidades%20de%20proje%C3%A7%C3%A3o%20militar.pdf)

Está na ultima página.

Cumprimentos,

Para mim neste relatório está 2 das principais causas do estado das nossas Forças Armadas (pag. 61)
Citar
Os principais desafios a vencer são a crise económico-financeira nacional e a falta de uma visão conjunta

Sem guito não há brinquedos, e sem visão conjunto acaba-se por gastar mal o pouco dinheiro que se tem.

Se há uns que querem uma coisa e outros que apostam noutra chegamos no final e não temos nada de jeito
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: zawevo em Janeiro 27, 2020, 06:11:19 pm
Formalizada a venda de F 16 à Roménia.

https://eco.sapo.pt/2020/01/27/portugal-oficializa-venda-de-cinco-f-16-a-romenia-por-130-milhoes-de-euros/?fbclid=IwAR1fl0QRBYQ-VqnFiH_9muRq0aX3SuHiEBYOuH33tw7RJQogNx97G6UBFyg

Até aqui uma notícia normal, no entanto o jornaleiro resolveu mudar o nome às OGMA. Até aonde vai a ignorância e incompetência destes não profissionais.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Fevereiro 05, 2020, 06:53:48 pm
A Força Aérea, em conjunto com a Ogma, modificou a segunda aeronave F-16 para o padrão Mid-Life Update (MLU), tendo o primeiro voo ocorrido com sucesso em Alverca. Esta modificação MLU decorre ao abrigo do primeiro contrato de alienação de aeronaves F-16 à Roménia.

https://www.facebook.com/PortugueseAirForce/videos/1566332813540166/ 
 
Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: perdadetempo em Fevereiro 06, 2020, 06:19:27 pm
Isto vai acontecer em Espanha, mas inclui um H-130 da FAP. Aparentemente vão participar na edição de 2020 do "Curso Europeo Avanzado de Transporte Aéreo Táctico de 2020" no Centro Europeu de Transporte Táctico.

https://www.revistaejercitos.com/2020/02/06/comienza-el-primer-curso-europeo-avanzado-de-transporte-aereo-tactico-de-2020/ (https://www.revistaejercitos.com/2020/02/06/comienza-el-primer-curso-europeo-avanzado-de-transporte-aereo-tactico-de-2020/)

Citar
El próximo domingo llegarán a la base aérea de Zaragoza los nueve aviones de siete nacionalidades diferentes y los 170 efectivos, entre tripulantes, mecánicos, instructores y personal de apoyo y coordinación, que van a participar en el Curso Europeo de Entrenamiento Avanzado de Transporte Aéreo Táctico ETAP-C 20-1, curso que se va a desarrollar hasta el 21 de febrero. Se les unirá un equipo de controladores aéreos de combate (en inglés Combat Control Team, CCT) del Escuadrón de Zapadores Paracaidistas (EZAPAC), que operarán desde las inmediaciones de Caudé, prestando apoyo de control a las aeronaves en el aeropuerto de Teruel.

Serán dos C-130 Hércules de Portugal y Polonia, un C-27J de Rumanía, dos C-295 de España y Finlandia, así como dos A400-M de Alemania y Francia, los que desarrollarán un total de 73 misiones. Para proporcionar mayor realismo en lo que a amenaza superficie-aire se refiere, se utilizará un generador de amenaza radar (TRTG) de la unidad multinacional Polygone MAEWTF (Multinational Aircrew Electronic Warfare Tactics Facility).

El programa incluye unas 20 horas de instrucción teórica y nueve misiones de vuelo por tripulación en versión diurna, además de siete misiones nocturnas, contemplando en ambas el planeamiento avanzado de misiones intra-teatro; lanzamientos paracaidistas, tanto de personal como de cargas; vuelos tácticos con presencia de amenazas superficie-aire y aire-aire; vuelos a baja cota; tomas de asalto con extracciones e infiltraciones de personal; maniobras tácticas de aproximación y aterrizaje; descargas de combate y operaciones de carga/descarga con motores en marcha.

La actividad aérea comenzará el lunes día 10 con los denominados vuelos de familiarización, en los que las tripulaciones tendrán la oportunidad de realizar una ruta de reconocimiento por la extensa zona donde se desarrollará el entrenamiento del curso (TMA Zaragoza, D-104 Teruel, aeródromo militar de Ablitas y polígono de tiro de Las Bardenas Reales (Navarra), así como el campo de maniobras (CENAD) San Gregorio.

Los vuelos transcurrirán a lo largo de dos semanas, en las que se irán completando las misiones previstas, incrementando progresivamente su grado de dificultad y esfuerzo para las tripulaciones. España, como nación anfitriona, proporciona los apoyos necesarios en la base aérea de Zaragoza, los servicios para activar las zonas de aterrizaje, el personal y las cargas para los lanzamientos paracaidistas, las amenazas superficie-aire en el polígono de tiro de las Bardenas Reales y la amenaza aire-aire en la que participarán unidades de caza de varias alas de combate.

El coronel Fernando Raimundo Martínez, comandante del ETAC (siglas en inglés del European Transport Airlift Centre), será el encargado de la apertura del curso y presentaciones generales, en las que se impartirán instrucciones concretas acerca de los procedimientos, horarios y limitaciones que deben conocer las tripulaciones y personal de apoyo.

Este programa nació en 2011, dentro del seno de la Unión Europea, como respuesta a la necesidad europea de un entrenamiento común avanzado para las tripulaciones de transporte aéreo tácticas, donde se estandarizasen tácticas, técnicas y procedimientos para la operación en los actuales y futuros teatros de operaciones.

Actualmente, en los cursos se ofrece un completo y ambicioso programa de entrenamiento que incluye contenidos teóricos on line, previos al inicio del mismo, y contenidos académicos prácticos durante la ejecución, así como nueve misiones de vuelo desarrolladas en nueve días.

Finalizará con una ceremonia de graduación de las tripulaciones que, en esta ocasión, está previsto tenga lugar el 20 de febrero presidida por el jefe del Mando Aéreo de Combate, teniente general César Simón López.

El Centro Europeo de Transporte Táctico consolida Zaragoza como sede de la élite del entrenamiento táctico europeo.

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Fevereiro 15, 2020, 11:17:27 pm
O site da Força Aérea possui uma área onde se pode aceder aos comunicados oficiais do ramo
https://www.emfa.pt/p-663-sala-imprensa
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: P44 em Fevereiro 27, 2020, 06:23:13 am
https://peacekeeper.design.blog/2020/02/27/portuguese-air-force-memorial-in-siauliai/
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Fevereiro 28, 2020, 03:10:46 pm
Excelente artigo sobre as 3 décadas de participação da FAP em operações da NATO.

https://www.revistamilitar.pt/artigo/1447?fbclid=IwAR2mWp7ePMVD-ZbNN83OiqR6M0G4Yf1Jz-5Jj6-ay6jCL8UoaHMUJrOgpOQ
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Março 17, 2020, 06:36:32 am
The latest issue of @fap_emfa official magazine 'Mais Alto' include a feature on Portuguese T-38A Talon advanced training jet program.

(https://imagizer.imageshack.com/v2/xq90/924/dbfdI6.jpg) (https://imageshack.com/i/podbfdI6j)

https://twitter.com/Defence360/status/1239627339383930880

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Março 18, 2020, 03:41:58 pm
The @fap_emfa took delivery of a @AirbusDefence C-295 aircraft from embraer @OGMA_PT . This aircraft performed scheduled maintenance of 4 years. @fap_emfa operates twelve C-295s in transport (7) and maritime surveillance versions (5).

(https://imagizer.imageshack.com/v2/xq90/924/ubAL0F.jpg) (https://imageshack.com/i/poubAL0Fj)

 https://twitter.com/Defence360/status/1240296973305106432
 
Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Abril 04, 2020, 08:06:08 pm
O ex-CEMFA e ex-CEMGFA General Luís Araújo foi afastado da OGMA

Citar
Ex-chefe das Forças Armadas, Luís Araújo, afastado das OGMA. "Saio triste e magoado"
Luís Araújo, general da Força Aérea, estava nas OGMA desde 2017. Foi substituído pelo jurista Marco Capitão Ferreira, ex-EMPORDEF, e pela economista Catarina Nunes

Valentina Marcelino
04 Abril 2020 — 09:35

O ex-chefe de Estado-Maior General das Forças Armadas (CEMGFA), general de quatro estrelas Luís Araújo, deixou de ser o representante do Estado nas OGMA - Indústria Aeronáutica de Portugal - detida em 65% pela brasileira Embraer e em 35% pelo Estado português. O CEO da empresa é Alexandre Solis, engenheiro de nacionalidade brasileira. Portugal tem dois vogais no conselho de administração, mas desde a morte, em janeiro deste ano, de Júlio Castro Caldas, que desempenhava essas funções desde 2004, Luís Araújo, era o único. O oficial general da Força Aérea, ramo onde foi Chefe de Estado-Maior (2006-2011), tinha sido nomeado pelo governo em 2017 e, numa reunião do Conselho de Administração a 2 de março demonstrou as suas "reservas" em relação à validação do Relatório e Contas, sem o parecer dos órgãos fiscais competentes, fazendo depender dessas assinaturas a sua aprovação.

Soube que o seu mandato não seria renovado, no passado dia 31 de março, sem qualquer aviso prévio do ministério da Defesa. Nesse dia foi realizada uma assembleia-geral das OGMA, tendo Luís Araújo sido confrontado nesse momento com a apresentação dos dois novos administradores mandatados pelo Estado: o jurista Marco Capitão Ferreira e a economista Catarina Nunes. Marco Capitão Ferreira, professor auxiliar na faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, e professor convidado da Academia Militar, foi adjunto jurídico do ex-ministro da Defesa Nuno Severiano Teixeira e administrador da Empordef, a holding das indústrias de Defesa, entre 2008 e 2011. No ano passado, na sequência da demissão do presidente do conselho de administração da holding (o economista João Pedro Martins, que denunciou irregularidades nas contas da empresa) o ministro da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho chamou Capitão Ferreira para assumir a liderança da Empordef e finalizar o processo de extinção que estava em curso. O jurista transita agora para a OGMA.

Catarina Nunes, por sua vez, economista é reconhecida pela sua experiência na área económica e financeira das indústrias de defesa. Num louvor que lhe foi concedido por João Cravinho, quando saiu do seu gabinete para liderar a Plataforma das Indústrias de Defesa Nacional (IDD), o ministro destaca as suas "as ações que visaram estimular a Indústria de Defesa, designadamente através do acompanhamento da liquidação da EMPORDEF, S. G. P. S., e LOCs, da elaboração do estudo sobre a economia de defesa e na identificação de vetores de atuação do Estado, incluindo a criação e implementação do Grupo de Acompanhamento da Participação nos Projetos PESCO (GAPP-PESCO)". Assinala ainda que a sua adjunta "também contribuiu com o seu afincado trabalho e rigor técnico no acompanhamento de diversos processos complexos, dos quais se destacam as ações que permitiram promover todas os procedimentos necessários para assegurar a manutenção dos helicópteros EH 101, o acompanhamento do processo associado às contrapartidas da aeronave C-295 e as questões ambientais relacionadas com a Base Aérea das Lajes".

As OGMA estão neste momento envolvidas num dos maiores negócios da indústria de defesa: a compra de cinco aeronaves Embraer KC-390 que vão equipar a frota da Força Aérea Portuguesa, no valor de 825 milhões de euros, pagos pelo orçamento de Estado. Da parte portuguesa, Luís Araújo era o único com experiência aeronáutica. No âmbito do contrato aprovado em conselho de ministros no ano passado, o primeiro destes aviões de carga e transporte, substitutos dos Hércules C-130, tem entrega prevista à Força Aérea Portuguesa em fevereiro de 2023, seguindo-se mais um por cada ano até fevereiro de 2027. As OGMA são também responsáveis pela modernização de cinco caças F-16 que foram vendidos à Roménia, por 130 milhões de euros.

"Saio triste e magoado"

O oficial-general ex-CEMGFA (2011-2014), já na reforma, juntou-se em 2017 ao outro administrador representante do Estado nas OGMA, Júlio Castro Caldas, ex-ministro da Defesa, que cumpriu essas funções desde 2004, até ao seu falecimento em janeiro deste ano. Contactado pelo DN, Luís Araújo não disfarçou o incómodo com a situação, principalmente por nunca ter sido contactado pela tutela. "Cumpri o meu mandato durante os três anos para que fui nomeado. Face à total ausência de instruções para o desempenho de funções por parte do ministério da Defesa, especialmente depois da morte do Dr. Castro Caldas, que não foi substituído, comecei a sentir-me desconfortável e manifestei a minha indisponibilidade para continuar no conselho de administração das OGMA. Para culminar o meu desconforto, na reunião do conselho de administração de dia dois de março, foi-me apresentado para aprovação o Relatório e Contas de 2019 sem a correspondente documentação do conselho fiscal e do revisor oficial de contas a validá-lo. Face à ausência desses documentos, manifestei as minhas reservas".

Luís Araújo confirma que não foi contactado pelo ministério da Defesa e que só no passado dia 31, na assembleia-geral viu confirmada a sua saída. "Saio triste e magoado", confessa, reconhecendo que a experiência das últimas semanas não lhe davam "condições para continuar". "O meu único desejo é que os cerca de 1800 trabalhadores das OGMA possam continuar a poder alimentar as suas famílias", sublinha. O DN questionou o gabinete do ministro da Defesa sobre esta situação, mas ainda não recebeu resposta.

https://www.dn.pt/poder/-ex-chefe-das-forcas-armadas-luis-araujo-afastado-das-ogma-saio-triste-e-magoado-12029672.html

Comentários para quê?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: ocastilho em Abril 04, 2020, 08:46:04 pm
Comentários para quê?

Citar
numa reunião do Conselho de Administração a 2 de março demonstrou as suas "reservas" em relação à validação do Relatório e Contas, sem o parecer dos órgãos fiscais competentes, fazendo depender dessas assinaturas a sua aprovação.

Ora bem o contrato do KC foi assinado em 2019, não foi?
E o demissionário apresentou reservas quanto às contas?
De certeza que não é nada...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: typhonman em Abril 05, 2020, 12:26:20 am
Metam o MP a investigar, talvez o contrato seja denunciado...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Abril 21, 2020, 08:54:15 pm
https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=3417754501585819&id=107983615896274

É um video a incentivar a quarentena, mas, interessante para se ver a quantidade de serviços necessários para a Base Aérea 5 funcionar.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: P44 em Abril 23, 2020, 06:33:49 pm
Tiger Meet adiado para 2021

https://mobile.twitter.com/Defence360/status/1253369559316418562
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Abril 23, 2020, 08:07:58 pm
Tiger Meet adiado para 2021

https://mobile.twitter.com/Defence360/status/1253369559316418562

Ainda bem....assim para o ano os problemas de planeamento podem melhorar...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Abril 28, 2020, 04:43:59 pm
Não sei o que dizer deste comunicado da Marinha... então é a FAP e um Merlin da 751 quem faz o resgate e no entanto o destaque dado não é ao salvamento, mas sim à coordenação efectuada pela Marinha? A participação da Força Aérea quase que é nota de rodapé. Estupidez ou guerra de quintinhas ao seu pior nível.  >:(

https://www.marinha.pt/pt/media-center/Noticias/Paginas/Marinha-coordena-resgate-de-tripulante-de-um-navio-mercante-a-320-km-da-cidade-do-Porto.aspx
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: oi661114 em Abril 28, 2020, 04:51:07 pm
Não sei o que dizer deste comunicado da Marinha... então é a FAP e um Merlin da 751 quem faz o resgate e no entanto o destaque dado não é ao salvamento, mas sim à coordenação efectuada pela Marinha? A participação da Força Aérea quase que é nota de rodapé. Estupidez ou guerra de quintinhas ao seu pior nível.  >:(

https://www.marinha.pt/pt/media-center/Noticias/Paginas/Marinha-coordena-resgate-de-tripulante-de-um-navio-mercante-a-320-km-da-cidade-do-Porto.aspx

E então a noticia que o Exército é que está a controlar uma base aérea?  :bang:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Abril 28, 2020, 06:21:56 pm

E então a noticia que o Exército é que está a controlar uma base aérea?  :bang:

Qual é essa? Não será um reforço de capacidades da PA com elementos do Exército?
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: oi661114 em Abril 28, 2020, 07:34:21 pm

E então a noticia que o Exército é que está a controlar uma base aérea?  :bang:

Qual é essa? Não será um reforço de capacidades da PA com elementos do Exército?

No fundo é isso, mas nas noticias é que o Exército é que está a controlar!
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Abril 28, 2020, 09:27:45 pm

E então a noticia que o Exército é que está a controlar uma base aérea?  :bang:

Qual é essa? Não será um reforço de capacidades da PA com elementos do Exército?

No fundo é isso, mas nas noticias é que o Exército é que está a controlar!

Mas isso foi na comunicação social certo? O que nós aqui temos é o comunicado oficial de um ramo a reivindicar para si o mérito de uma acção na qual não teve qualquer intervenção directa a nível de meios e tripulações, mas somente na sua coordenação. Depois ainda há quem fique admirado mesmo hoje em dia quando se fala em guerra de quintas.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Abril 29, 2020, 12:01:01 am
Não sei o que dizer deste comunicado da Marinha... então é a FAP e um Merlin da 751 quem faz o resgate e no entanto o destaque dado não é ao salvamento, mas sim à coordenação efectuada pela Marinha? A participação da Força Aérea quase que é nota de rodapé. Estupidez ou guerra de quintinhas ao seu pior nível.  >:(

https://www.marinha.pt/pt/media-center/Noticias/Paginas/Marinha-coordena-resgate-de-tripulante-de-um-navio-mercante-a-320-km-da-cidade-do-Porto.aspx

Essas notícias são muito comuns e regulares, até já nem levo a mal a Marinha referir o trabalho do MRCC, é a unidade deles, eles é que coordenam o salvamento marítimo, quando se decide que é preciso meios aereos, comunicam com o RCC (da FAP), que esta activa os meios aéreos SAR, é mais ou menos isto que o texto refere.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Abril 29, 2020, 01:52:03 pm
Essas notícias são muito comuns e regulares, até já nem levo a mal a Marinha referir o trabalho do MRCC, é a unidade deles, eles é que coordenam o salvamento marítimo, quando se decide que é preciso meios aereos, comunicam com o RCC (da FAP), que esta activa os meios aéreos SAR, é mais ou menos isto que o texto refere.

Sim, eu sei disso, mas não era preciso enaltecer um trabalho no qual não envolveram quaisquer meios e homens, deixando quem lá foi de verdade efectuar o resgate, se pôs em risco e merece de facto o mérito - a Força Aérea -, quase como nota de rodapé. Pode parecer relativamente inócuo, e tu mais que ninguém saberás isso melhor do que eu, mas após uns quantos uma pessoa começa a duvidar e a cansar-se. A instituição Marinha é grande e honrosa o suficiente para não ser necessário estar com estas tretas, para não dizer outra coisa.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Abril 30, 2020, 10:56:09 am
Agora está na moda dizer que as operações são conjuntas.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Maio 03, 2020, 10:12:05 am
A divulgação / relações publicas da força aérea tem muito que aprender com a marinha e exército...esses em comunicação estão anos luz à frente.
e os ocs vão buscar info à divulgação dos ramos.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: LM em Maio 15, 2020, 05:15:12 pm
Não é bem uma noticia mas não estraga este tópico... talvez não tenha procurado bem o tópico certo.

european.defence.agency Sintra, Portugal (https://www.instagram.com/p/CANiYJxHl_m/)

Citar
🚁 EDA is working towards the creation of a new Multinational Helicopter Training Centre (MHTC) which will to be established in Sintra, Portugal. 🇵🇹 EDA currently hosts three collaborative helicopter programmes, which fill a helicopter training capability gap in Europe and are a key component of operational capacity building.
EDA has been successfully managing the three helicopter programmes for over a decade, and during the next five-year period, they will progressively be transferred outside EDA to the future Multinational Helicopter Training Centre (MHTC). EDA together with 18 of its Member States is now developing a technical arrangement for the opening of this new advanced tactical helicopter training facility by the end of 2022. 📷 @bundeswehr
#eudefence #eu #european #europeanunion #europe #helicopter #helicopterpilot #helicoptertraining #military #militaryphoto #militarytraining #avgeek #aviation #instadaily #defence #pilot #ladefence #defense #defensie #defesa #verteidigung #bundeswehr
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: P44 em Maio 22, 2020, 12:22:39 pm
A destruírem um T-33

https://www.facebook.com/178884135477787/posts/3227687080597462/
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Maio 24, 2020, 04:21:10 pm
Gostava de saber qual a rentabilidade de manter alguns exemplares a voar no museu do ar.

Por mim posso dizer que já peguei no carro e fui até a Saumur só para ver o museu e desfile dos blindados.  :mrgreen:
Claro que depois aproveitei e fui até às praias da Normandia e mais umas coisas.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Maio 25, 2020, 04:45:37 pm
Gostava de saber qual a rentabilidade de manter alguns exemplares a voar no museu do ar.

Por mim posso dizer que já peguei no carro e fui até a Saumur só para ver o museu e desfile dos blindados.  :mrgreen:
Claro que depois aproveitei e fui até às praias da Normandia e mais umas coisas.

Não tens rentabilidade só despesa...e não é pouca.
devido a incidentes/acidentes recentes essa faceta ficou fora de ação.
preservar o que está no chão e abrigado...sim porque os que enfrentam as condições meteorológicas o ano inteiro, nem todos estão em bom estado.

O orçamento de preservação do Museu do Ar é curto e não se coaduna com preservar aeronaves em condições de vôo...repara que mantemos frotas em vôo até ao limite das suas células ou da capacidade de fornecimento de sobressalentes por parte dos fabircantes.

Não é um hobby barato, os americanos têm porque podem.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Maio 25, 2020, 06:41:04 pm
Gostava de saber qual a rentabilidade de manter alguns exemplares a voar no museu do ar.

Por mim posso dizer que já peguei no carro e fui até a Saumur só para ver o museu e desfile dos blindados.  :mrgreen:
Claro que depois aproveitei e fui até às praias da Normandia e mais umas coisas.

Não tens rentabilidade só despesa...e não é pouca.
devido a incidentes/acidentes recentes essa faceta ficou fora de ação.
preservar o que está no chão e abrigado...sim porque os que enfrentam as condições meteorológicas o ano inteiro, nem todos estão em bom estado.

O orçamento de preservação do Museu do Ar é curto e não se coaduna com preservar aeronaves em condições de vôo...repara que mantemos frotas em vôo até ao limite das suas células ou da capacidade de fornecimento de sobressalentes por parte dos fabircantes.

Não é um hobby barato, os americanos têm porque podem.

Era muito bonito o "flying circus" da FAP quando actuava nos festivais de aniversário do ramo (Do-27, T-6, Tiger Moth, etc), infelizmente os acidentes fatais e apertos orçamentais ditaram o fim mais que aguardado por muitos. Muito me divertia com as velhas máquinas voadoras quando era puto e as via descolar do Montijo. Mas também num país que chegou a ter duas patrulhas acrobáticas em simultâneo, uma de asa fixa e outra de rotativa, e hoje nada tem (ou sequer planos para as voltar a ter), estamos a preocupar-nos com isso para quê? Lá fora são embaixadoras dos países, da arma que representam e motivo de orgulho (e de recrutamento), cá um tremendo desperdício de dinheiro sem qualquer sentido. ::)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Maio 25, 2020, 06:50:56 pm
Cá nesta fase do campeonato não temos dinheiro para isso nem frotas que o possam fazer de uma forma sustentada/rentável...a última tentativa tinha ali um patrocinio do BCP.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Maio 25, 2020, 07:02:21 pm
Cá nesta fase do campeonato não temos dinheiro para isso nem frotas que o possam fazer de uma forma sustentada/rentável...a última tentativa tinha ali um patrocinio do BCP.

Nem me fales nisso. Depois ainda ficou tudo de trombas comigo quando eu disse certa vez em Beja que não gostava do novo símbolo dos Asas por essa mesma razão, ou do esquema que os A-Jet empregaram.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: HSMW em Maio 25, 2020, 07:51:24 pm
Não temos dinheiro para isso nem para 90% daquilo que passam o tempo a falar.  :mrgreen:

Perguntei porque vejo museus estrangeiros e mesmo privados  a manter um grande espólio a voar para além dos museus de blindados.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Maio 25, 2020, 11:48:02 pm
Blindados pois...há que ter em atenção que mal ou bem quase todos conseguem pegar num blindado e fazer-lhe uma manutenção preventiva...é um motor de camião em ponto gigante...já preservar um avião em condições de segurança para voo e voá-los não é para todos.

Quanto aos blindados restaurados em funcionamento o pessoal que Elvas que se pronuncie.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: typhonman em Maio 25, 2020, 11:57:52 pm
Cá nesta fase do campeonato não temos dinheiro para isso nem frotas que o possam fazer de uma forma sustentada/rentável...a última tentativa tinha ali um patrocinio do BCP.

A ultima pintura dos asas dava-me náuseas, benditos Asas com T-37...

Nem me fales nisso. Depois ainda ficou tudo de trombas comigo quando eu disse certa vez em Beja que não gostava do novo símbolo dos Asas por essa mesma razão, ou do esquema que os A-Jet empregaram.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Srgdoido em Maio 27, 2020, 10:09:54 pm
https://www.regiaodeleiria.pt/2020/05/psd-questiona-governo-sobre-projetos-da-nato-na-base-aerea-de-monte-real/
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Maio 27, 2020, 10:17:30 pm
Agora também fiquei curioso.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: typhonman em Maio 28, 2020, 12:35:20 am
https://www.regiaodeleiria.pt/2020/05/psd-questiona-governo-sobre-projetos-da-nato-na-base-aerea-de-monte-real/


Em Monte Real só estou a ver o aumento da área de armazenamento de munições, para albergar reservas NATO ou então um aumento substancial de placa e infras para receber aeronaves estrangeiras para exercícios regulares.

Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Maio 28, 2020, 11:43:30 am
Vão já começar ae obras para receber os F-35.  :mrgreen:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: typhonman em Maio 28, 2020, 12:34:06 pm
Vão já começar ae obras para receber os F-35.  :mrgreen:

Sim mas da USAF, com tail code MR.

Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Maio 28, 2020, 12:43:22 pm
Vão já começar ae obras para receber os F-35.  :mrgreen:

Pensei logo nos shelters com ar condicionado e desumidificadores para os F-35.  :mrgreen:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Maio 28, 2020, 02:18:34 pm
https://www.regiaodeleiria.pt/2020/05/psd-questiona-governo-sobre-projetos-da-nato-na-base-aerea-de-monte-real/


Em Monte Real só estou a ver o aumento da área de armazenamento de munições, para albergar reservas NATO ou então um aumento substancial de placa e infras para receber aeronaves estrangeiras para exercícios regulares.

Mais ainda? o que não faltam sao "raquetes" vazias e vários "weather shelters" disponíveis.

O investimento que vislumbro ali é uma potenciação das capacidades existentes... até têm edificios de uma esquadra de voo adicional disponível para uso...

Acredito mais numa melhoria das capacidades existentes.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: typhonman em Maio 28, 2020, 10:14:37 pm
https://www.regiaodeleiria.pt/2020/05/psd-questiona-governo-sobre-projetos-da-nato-na-base-aerea-de-monte-real/


Em Monte Real só estou a ver o aumento da área de armazenamento de munições, para albergar reservas NATO ou então um aumento substancial de placa e infras para receber aeronaves estrangeiras para exercícios regulares.

Mais ainda? o que não faltam sao "raquetes" vazias e vários "weather shelters" disponíveis.

O investimento que vislumbro ali é uma potenciação das capacidades existentes... até têm edificios de uma esquadra de voo adicional disponível para uso...

Acredito mais numa melhoria das capacidades existentes.

Que eu saiba a 201 e 301 tem edificios próprios e em condições, e não estou a ver a meterem outra esquadra, só se for para os F-35.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Maio 28, 2020, 10:18:58 pm
https://www.regiaodeleiria.pt/2020/05/psd-questiona-governo-sobre-projetos-da-nato-na-base-aerea-de-monte-real/


Em Monte Real só estou a ver o aumento da área de armazenamento de munições, para albergar reservas NATO ou então um aumento substancial de placa e infras para receber aeronaves estrangeiras para exercícios regulares.

Mais ainda? o que não faltam sao "raquetes" vazias e vários "weather shelters" disponíveis.

O investimento que vislumbro ali é uma potenciação das capacidades existentes... até têm edificios de uma esquadra de voo adicional disponível para uso...

Acredito mais numa melhoria das capacidades existentes.

Que eu saiba a 201 e 301 tem edificios próprios e em condições, e não estou a ver a meterem outra esquadra, só se for para os F-35.

Já perguntaram ao NVF ??
às tantas ele também pode ter alguma informação sobre os prováveis F35 Lusos.

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Maio 28, 2020, 10:58:24 pm
Lamento, mas os meus whistleblowers são da Marinha. Os militares da FAP são mais "fechados".
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: typhonman em Maio 28, 2020, 11:17:51 pm
https://www.regiaodeleiria.pt/2020/05/psd-questiona-governo-sobre-projetos-da-nato-na-base-aerea-de-monte-real/


Em Monte Real só estou a ver o aumento da área de armazenamento de munições, para albergar reservas NATO ou então um aumento substancial de placa e infras para receber aeronaves estrangeiras para exercícios regulares.

Mais ainda? o que não faltam sao "raquetes" vazias e vários "weather shelters" disponíveis.

O investimento que vislumbro ali é uma potenciação das capacidades existentes... até têm edificios de uma esquadra de voo adicional disponível para uso...

Acredito mais numa melhoria das capacidades existentes.

Os shelters são 21 penso eu, nada demais.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Maio 29, 2020, 01:45:38 am
Realmente pode ser a construção de uma area dedicada para destacamentos estrangeiros com mais condições, pois eles costumam ficar nas instalações da 301 e os aviões ficam em placas ao ar livre.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: raphael em Maio 29, 2020, 11:07:52 am
Realmente pode ser a construção de uma area dedicada para destacamentos estrangeitos com mais condições, pois eles costumam ficar nas instalações da 301 e os aviões ficam em placas ao ar livre.

Há mais uma esquadra disponivel...com infraestrutura construida...falta adaptar aos requisitos atuais...mas já lá está...e serve (por vezes) destacamentos estrangeiros (nato ou outros).

21 shelters individuais mais a cobertura construida para os romenos, mais o espaço em hangar para as aeronaves em Doca...e tendo weather shelters a servir de armazem geral...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: typhonman em Maio 29, 2020, 09:27:13 pm
Realmente pode ser a construção de uma area dedicada para destacamentos estrangeitos com mais condições, pois eles costumam ficar nas instalações da 301 e os aviões ficam em placas ao ar livre.

Aonde é ?

Só conheco as da antiga ESQ 304 mesmo a entrada da base.

Há mais uma esquadra disponivel...com infraestrutura construida...falta adaptar aos requisitos atuais...mas já lá está...e serve (por vezes) destacamentos estrangeiros (nato ou outros).

21 shelters individuais mais a cobertura construida para os romenos, mais o espaço em hangar para as aeronaves em Doca...e tendo weather shelters a servir de armazem geral...
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Junho 18, 2020, 10:04:46 am
Regulamento n.º 533/2020 - Diário da República n.º 117/2020, Série II de 2020-06-18 136047794
Defesa Nacional - Autoridade Aeronáutica Nacional
Define as condições para a emissão de licenças de piloto remoto militar de aeronaves não tripuladas - categoria I

https://dre.pt/web/guest/home/-/dre/136047794/details/maximized?serie=II&parte_filter=31&dreId=136047789
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Junho 18, 2020, 04:24:17 pm
Ainda vão ser os C's melhorados que vão salvar a honra do Convento, ainda me vou rir com esta tanga da compra dos Ka-Ce.

https://mobile.twitter.com/Defence360/status/1273540476377927681

Abraço
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Junho 19, 2020, 08:18:24 pm
Parece que o C-130 foi recentemente ao Mali fazer uma extracção de portugueses e outras entidades.
Não deve ter sido debaixo de fogo, mas axo que algumas pessoas estavam ansiosas para sair de lá.

https://www.facebook.com/188128631326969/posts/1875323025940846/
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Junho 20, 2020, 11:11:19 am
Parece que o C-130 foi recentemente ao Mali fazer uma extracção de portugueses e outras entidades.
Não deve ter sido debaixo de fogo, mas axo que algumas pessoas estavam ansiosas para sair de lá.

https://www.facebook.com/188128631326969/posts/1875323025940846/

Pelos comentários parece que sim.


P.S. "Axo"?!? O Simões já anda a infectar a malta como o coronavírus. Abraxo!  :mrgreen:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: luis simoes em Junho 20, 2020, 11:38:51 am
Parece que o C-130 foi recentemente ao Mali fazer uma extracção de portugueses e outras entidades.
Não deve ter sido debaixo de fogo, mas axo que algumas pessoas estavam ansiosas para sair de lá.

https://www.facebook.com/188128631326969/posts/1875323025940846/

Pelos comentários parece que sim.


P.S. "Axo"?!? O Simões já anda a infectar a malta como o coronavírus. Abraxo!  :mrgreen:
CJ....rapaz essa nao percebi....explica la melhor exa coisa de infecao ....
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Junho 20, 2020, 02:30:44 pm
Parece que o C-130 foi recentemente ao Mali fazer uma extracção de portugueses e outras entidades.
Não deve ter sido debaixo de fogo, mas axo que algumas pessoas estavam ansiosas para sair de lá.

https://www.facebook.com/188128631326969/posts/1875323025940846/

Pelos comentários parece que sim.


P.S. "Axo"?!? O Simões já anda a infectar a malta como o coronavírus. Abraxo!  :mrgreen:

CJ....rapaz essa nao percebi....explica la melhor exa coisa de infecao ....

Não preciso de o fazer, salta à vista entre tantos outros exemplos que saem dos seus posts.

https://www.forumdefesa.com/forum/index.php?topic=271.0

Abraxo! :-P
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Junho 20, 2020, 03:33:54 pm
 ::) :bang: ::) :bang:

É o que temos.

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: luis simoes em Junho 20, 2020, 09:08:15 pm
Enquanto muitos foristas expoem aqui suas ideias ou posts....muito de voces teem o feito e bem os mesmos sem erros de ortografia porque infelizmente o meu Portatil nao è e nao possui teclado Portugues uma vez que quando exponho aqui seja aquilo que for tenho de me limitar ao que tenho ...portanto se o pessoal tem problemas em ler ou enfim comentar seja o que for que eu coloque aqui ao menos que me deem esse beneficio porque gracas a deus leio e escrevo muito bem....pena è que meu Portatil nao ajude mas enfim....bons voos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Junho 21, 2020, 12:54:00 am
O pessoal não percebe os desafios cotidianos que nós emigrantes enfrentamos pelo simples facto de não termos acesso a teclados portugueses. Em especial a falta de uma tecla dedicada à vírgula. Mas cá continuamos a lutar pela vida.

abraxos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Junho 21, 2020, 01:20:35 am
Xim é verdade, às vexes também me acontexe, deve xer do xotaque.  :mrgreen:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Junho 21, 2020, 07:03:15 am
Vocês são uns Más-língua. :mrgreen:

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Junho 21, 2020, 07:28:54 am
Outra, excelente, muito importante, deveras critica e oportuna/atempada notícia sobre a FAP.
Já agora convira não esquecer que em Beja ficarão baseados, até agora os P3, os 390, e como os bisontes, ainda terão os C's, quando os substitutos chegarem, à BA11, também lá estarão estes quatro veteranos da FAP.

Esta base, terá que dispor de hangares para albergar algumas destas catorze aeronaves, e, isto para nao falar sobre a mais que plausivel hipotese, dos Elefantes para ali irem também, bem mas concerteza que nao será por falta de tempo, que não se construirao ou remodelarao, em tempo, os hangares necessarios, com o tempo que ainda medeia a chegada do primeiro 390, até em Portugal se construiria um Aeroporto  ::) :bang:

https://www.defesa.tv.br/ministro-da-defesa-de-portugal-anuncia-que-base-aerea-de-beja-sera-casa-dos-kc-390-millennium/

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Junho 21, 2020, 07:36:54 am
Xim é verdade, às vexes também me acontexe, deve xer do xotaque.  :mrgreen:

Exe xotaque, lembra-me um filme Francês, a minha família do norte.

Ora vejam lá se não é um espectáculo


Abraço
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Viajante em Junho 21, 2020, 10:09:07 am
O pessoal não percebe os desafios cotidianos que nós emigrantes enfrentamos pelo simples facto de não termos acesso a teclados portugueses. Em especial a falta de uma tecla dedicada à vírgula. Mas cá continuamos a lutar pela vida.

abraxos

É fácil, basta activar o teclado virtual (que pode ser configurado em qualquer língua):

https://pplware.sapo.pt/microsoft/windows/teclado-virtual-ecra-windows-10/

ou

https://support.microsoft.com/pt-pt/help/10762/windows-use-on-screen-keyboard

Abraço
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Junho 21, 2020, 11:20:51 am
O pessoal não percebe os desafios cotidianos que nós emigrantes enfrentamos pelo simples facto de não termos acesso a teclados portugueses. Em especial a falta de uma tecla dedicada à vírgula. Mas cá continuamos a lutar pela vida.

abraxos

Já sei como tirar Portugal da crise!!!!! Exportamos teclados portugueses, com todas as teclas, para os emigrantes!
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Junho 21, 2020, 11:23:32 am
Cotidianos é teclado BR, quotidianos é teclado PT.  :mrgreen:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: luis simoes em Junho 21, 2020, 11:32:28 am
O pessoal não percebe os desafios cotidianos que nós emigrantes enfrentamos pelo simples facto de não termos acesso a teclados portugueses. Em especial a falta de uma tecla dedicada à vírgula. Mas cá continuamos a lutar pela vida.

abraxos
Enfim só quem está Longe de seu país e dos  seus  compreende algumas limitacoes que temos mas enfim….cago para isso irei continuar mesmo assim a enriquecer este nosso Forum este sim local que uso para estar bem informado com as novidades que vao acontecendo no seio das nossas FA(forcas Armadas) :mrgreen: :G-beer2:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Junho 21, 2020, 01:24:44 pm
O pessoal não percebe os desafios cotidianos que nós emigrantes enfrentamos pelo simples facto de não termos acesso a teclados portugueses. Em especial a falta de uma tecla dedicada à vírgula. Mas cá continuamos a lutar pela vida.

abraxos

Pelo que parece há mais gente que está como tu, e que entende perfeitamente essas dificuldades.
Folgo e muito, em saber que afinal havia, pelo menos, outro, assim não te sentes só e abandonado nem és um incompreendido, qual kalimero, ou será KALINERO?? ;)

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Junho 21, 2020, 02:48:37 pm
É mas é com cada kalinada.  :mrgreen: Gostei, em particular, do pessoal sempre pronto a axudar com xugestões ténicas, quais verdadeiros insiders, mas que falharam em perxeber a fina ironia da tecla da vírgula. Enfim...

abraxos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Junho 21, 2020, 03:21:25 pm
É mas é com cada kalinada.  :mrgreen: Gostei, em particular, do pessoal sempre pronto a axudar com xugestões ténicas, quais verdadeiros insiders, mas que falharam em perxeber a fina ironia da tecla da vírgula. Enfim...

abraxos

Epa,eu já sou macaco velho, e já te vou conhecendo caro Amigo.

Grande abraço, reparaste.....foi sem qq kalinada.  :mrgreen:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: typhonman em Junho 21, 2020, 04:07:30 pm
O pessoal não percebe os desafios cotidianos que nós emigrantes enfrentamos pelo simples facto de não termos acesso a teclados portugueses. Em especial a falta de uma tecla dedicada à vírgula. Mas cá continuamos a lutar pela vida.

abraxos
Enfim só quem está Longe de seu país e dos  seus  compreende algumas limitacoes que temos mas enfim….cago para isso irei continuar mesmo assim a enriquecer este nosso Forum este sim local que uso para estar bem informado com as novidades que vao acontecendo no seio das nossas FA(forcas Armadas) :mrgreen: :G-beer2:

Grande contribuicao para o forum.

abraxo e continue axim !
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Junho 21, 2020, 05:59:17 pm
É mas é com cada kalinada.  :mrgreen: Gostei, em particular, do pessoal sempre pronto a axudar com xugestões ténicas, quais verdadeiros insiders, mas que falharam em perxeber a fina ironia da tecla da vírgula. Enfim...

abraxos

A ironia é uma arma terrível e extremamente incompreendida a sua letalidade. Devia ser proibida pela Convenção de Genebra.  :mrgreen:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Junho 21, 2020, 06:51:25 pm
No míniimo!
Bem mais letal que a actual pandemia.

Abraço
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: typhonman em Junho 26, 2020, 02:01:24 pm
Vai haver uma conferencia da FAP sobre poder aéreo ( na FAP) onde se vai falar do caça de 5º geração.


Vejam no FB.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Junho 26, 2020, 02:08:32 pm
Vai haver uma conferencia da FAP sobre poder aéreo ( na FAP) onde se vai falar do caça de 5º geração.


Vejam no FB.

E o tritonite, vai estar presente para aprender alguma coisa, ou, vai botar faladura, para não dizer nada de jeito, como habitualmente ?

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Junho 26, 2020, 02:32:45 pm
Aqui está o anúncio. Provavelmente não será nada de mais, mas a ver vamos.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Cabeça de Martelo em Agosto 05, 2020, 02:03:35 pm
(https://scontent.flis5-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/117023100_3115903618498835_4892516329289701453_n.jpg?_nc_cat=107&_nc_sid=8bfeb9&_nc_ohc=tYsBGtIKD7wAX96nihk&_nc_ht=scontent.flis5-1.fna&oh=c9169cf1bfa0316b3001a77c27e8ab53&oe=5F4FF34C)

(https://scontent.flis5-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/117109089_3115903731832157_3793266209368152224_n.jpg?_nc_cat=106&_nc_sid=8bfeb9&_nc_ohc=beJy2bXIQqQAX_76vdh&_nc_ht=scontent.flis5-1.fna&oh=9ab3db3b8da686044fbc0c7bcc48728a&oe=5F4F8A1C)

Citar
Defesa Nacional

Apresentação no Aeródromo da Lousã dos novos Sistemas Aéreos Não Tripulados da Força Aérea Portuguesa desenvolvidos em Portugal que reforçam o Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Agosto 05, 2020, 05:09:08 pm
Já mudaram a designação e passou de VANT para SANT? Eh carago, estamos mesmo no futuro.

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Agosto 05, 2020, 10:08:21 pm
VANT penso que seja usado pelos Zucas. Quiseram ser diferentes.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Agosto 06, 2020, 01:31:20 am
FORÇA AÉREA APRESENTA NOVOS UAS DE VIGILÂNCIA AÉREA NA LOUSÃ
https://www.emfa.pt/noticia-3055-For%C3%A7a%20A%C3%A9rea%20apresenta%20novos%20UAS%20de%20vigil%C3%A2ncia%20a%C3%A9rea%20na%20Lous%C3%A3

(https://live.staticflickr.com/65535/50189135472_636407ef81_h.jpg)
(https://live.staticflickr.com/65535/50189135162_fd2e3a7ddb_h.jpg)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Agosto 06, 2020, 01:33:28 am
FORÇA AÉREA DESENVOLVE SISTEMA DE COMANDO E CONTROLO: PS3
https://www.emfa.pt/noticia-3057-forca-aerea-desenvolve-sistema-de-comando-e-controlo-ps3

Press kit
https://www.emfa.pt/paginas/fap/ficheiros/noticias/2020/08/PRESS%20KIT_Drones.pdf
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Agosto 06, 2020, 10:59:51 am
O Reaper tuga, mais conhecido por “Ripas”.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Agosto 06, 2020, 05:06:28 pm
Pelo menos o sensor EO parece ser mais "complexo" que os que habitualmente vemos nos UAVs nacionais.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Agosto 07, 2020, 01:52:11 am
Primeiro os Koalhões e agora com estes dronões vamos ficar com uma FAP toda catita.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Agosto 07, 2020, 01:55:44 am
Deviam querer Global Hawk para vigiar os incêndios  :mrgreen:.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: NVF em Agosto 07, 2020, 02:26:04 am
'Tás louco? O Global Hawk é para transporte estratégico.  :mrgreen:

Agora a sério. Um único GH (ou melhor ainda um Triton*) a voar continuamente ao longo de 24 horas conseguia dar cobertura simultânea aos incêndios e à orla costeira. E ainda "escutava" as emissões EM oriundas de Espanha. Queres melhor?

* se o outro percebe que o nome é parecido, pode ser que tenhamos sorte.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Agosto 07, 2020, 06:34:05 pm
Ainda pensa que é uma homenagem ao nosso Titi.  :mrgreen:
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Agosto 10, 2020, 09:31:17 am
Esta missão não poderia ter sido efectuada por um heli mais pequeno, libertando o 101 para missões mais apropriadas ás suas capacidades  ???
Podia e devia, mas para isso a FAP teria de ter um heli bimotor e não tem, como tal continuamos a empenhar meios exageradamente grandes esbanjando os parcos recursos da FAP nestas missões SAR.

https://www.cmjornal.pt/cm-ao-minuto/detalhe/cidada-espanhola-resgatada-por-helicoptero-apos-queda-de-10-metros-de-altura-no-rio-poio-em-vila-real?previewMode=1

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Charlie Jaguar em Agosto 11, 2020, 02:14:04 pm
Bom, é publicidade como qualquer outra, não é? :mrgreen:

(Crédito: Walkarounds)
(https://scontent.fopo2-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/117429389_10158864872844905_7328251811787770680_n.jpg?_nc_cat=102&_nc_sid=110474&_nc_ohc=oypOvCUHe1IAX876UWE&_nc_ht=scontent.fopo2-1.fna&oh=e40e378d97d39ce3ac014c0f2f948bab&oe=5F58183B)
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: zawevo em Agosto 11, 2020, 06:50:44 pm
Sobre a "Apresentação no Aeródromo da Lousã dos novos Sistemas Aéreos Não Tripulados da Força Aérea Portuguesa desenvolvidos em Portugal que reforçam o Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais" vi este artigo do Sr. Major-general e Investigador do IPRI-NOVA Carlos Branco, Intitulado O Governo e os drones que nunca mais voam que achei interessante.

"Um sistema de vigilância, que custou de 4,5 milhões de euros aos cofres do Estado, que deveria estar a operar desde 1 de julho, não está a funcionar.

Antecedido por uma declaração pública do ministro do Ambiente, o Governo da República autorizou a Força Aérea Portuguesa (FAP), no dia 18 de maio, a adquirir 12 sistemas de aeronaves não tripuladas (UAS) Classe 1 para vigilância aérea adicional. Uma despesa de 4,5 milhões de euros oriundos do fundo ambiental, com o intuito de reforçar o Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais (DECIR) 2020, a partir 1 julho, data de início do período de nível de empenhamento reforçado (nível IV). Decorridos já 40 dias dessa data, apenas se conhece o voo de um aparelho em testes.

A Resolução do Conselho de Ministros (RCM), que consagra essa autorização, considerava “urgentes e de interesse público os procedimentos de contratação pública a realizar no âmbito da presente resolução, de maneira a assegurar a disponibilidade de utilização das UAS, em momento anterior ao nível de maior empenhamento operacional reforçado”, entenda-se antes de 1 de julho. Na prática a RCM abria a porta a um procedimento por ajuste direto.

No dia 9 de junho, a FAP abriu um concurso por convite limitado a três empresas nacionais, apresentando-lhes um caderno de encargos. Um consórcio de empresas altamente qualificado e com provas dadas em Portugal e no estrangeiro veio contestar os parâmetros do convite e do caderno de encargos, alegando apontarem para uma solução única e à medida. Por considerarem não estar reunidas as condições para a apresentação de uma proposta, dadas as fortes suspeitas de favorecimento, optaram por não responder ao convite.

No dia 3 de julho, já depois do início do período crítico de incêndios, quando os aparelhos já deviam estar a operar, é assinado o contrato, com a única empresa que apresentou proposta, o qual previa a primeira entrega no dia 10 de julho de dois sistemas, a segunda entrega, no dia 17 de julho de mais quatro sistemas, e a terceira entrega, no dia 2 de agosto, dos restantes seis sistemas. Ou seja, a entrega final seria efetuada mais de um mês após o início do período de nível IV (1 de julho). Contratualmente, toda a formação teria de ser dada até ao dia 10 de julho.

O planeamento previa três bases de operações (Lousã, Macedo de Cavaleiros e Monchique), e uma base de formação e treino (Ota). Surpreendentemente, no dia 17 de julho, exatamente no dia em que deveria ter sido feita a segunda entrega (mais quatro aparelhos), o ministro da Defesa anuncia, com pompa e circunstância, que a 21 de julho estariam dois drones a voar a partir da Lousã, e que em 10 dias seguiriam mais dois a partir de Monchique e outros dois a partir de Macedo de Cavaleiros. Mas nada aconteceu. Nem as bases foram ativadas, nem houve voos operacionais.

No dia 1 de agosto, o contrato foi publicado no Portal Base, infelizmente amputado de três peças processuais fundamentais para a sua cabal compreensão, mas que fazem parte integrante do contrato de acordo com a sua Cláusula 1.ª, a saber, o convite, o caderno de encargos e a proposta da empresa.
No dia 4 de agosto, quando era suposto já terem sido entregues todos os 12 sistemas (drones e restantes equipamentos do segmento terra necessários para o seu funcionamento, incluindo links, viaturas e atrelados), numa operação de desinformação, é feita a apresentação de três aparelhos e a realização de um voo de teste de um drone no aeródromo da Lousã, com a presença dos ministros da Defesa e do Ambiente, da Secretária de Estado da Proteção Civil e do CEMFA, amplamente registada e difundida por uma Comunicação Social embevecida por tamanha proeza, cúmplice de uma trama despudorada.

Ninguém se atreveu a perguntar se já tinham sido entregues todos os sistemas contratados, uma vez que o prazo de entrega tinha expirado, ou quantas horas de voos operacionais se tinham realizado, uma vez que ainda não há registo nem notícia de que tenham ocorrido.

Na ocasião, os responsáveis da FAP entraram em contradição com as afirmações do ministro da Defesa. Afinal o sistema não começou a funcionar nos finais de julho, como referiu o Dr. João Cravinho. A base da Lousã estará, eventualmente, operacional a 17 de agosto, e as outras duas bases a partir de 31 de agosto. Esperemos que entrem em funcionamento antes do final da época dos fogos.

As duas semanas de atraso no funcionamento do sistema (que na realidade serão pelo menos dois meses) foram justificadas pelo ministro da Defesa pelas necessidades de “aperfeiçoamento das máquinas” (sic), mas também pela necessidade de formação (que deveria ter terminado a 10 de julho).

Em termos práticos, podemos afirmar que o contrato não foi cumprido. Ou seja, não há drones a vigiar a floresta e as bases de operação não foram ativadas. Um sistema de vigilância, que custou de 4,5 milhões de euros aos cofres do Estado, que deveria estar a operar desde 1 de julho, não está a funcionar. E agora surge uma nova data: 31 de agosto. Isto é dois meses de atraso em relação ao estabelecido na RCM.

Estes desenlaces levantam-nos um conjunto de interrogações incontornáveis: Porque é que só no dia 18 de maio, apenas um mês e meio antes do início do nível IV, o Governo ordenou a aquisição dos meios aéreos? Não podia ter sido feito antes? A época dos fogos era imprevisível?

Porque é que não foram os serviços do MDN a processar a aquisição e se “chuta” o problema para a FAP? Não faria mais sentido ser o MDN ou o MAI a adquiri-los? A 4 de agosto, o equipamento contratado já tinha sido todo entregue? E a formação foi toda realizada? A FAP vai acionar as penalizações por atrasos nas entregas, falta de “aperfeiçoamento das máquinas” e atraso na formação? Os aparelhos vão ser apenas destinados à vigilância de incêndios no DECIR 2020, como está no contrato, ou estão alguns destinados a outros objetivos, neste e nos anos vindouros?

Seria injusto não tirar o chapéu à competência do Governo em matéria de propaganda, ou se quisermos, em matéria de Comunicação Estratégica, como se diz agora, pela forma como tem vindo a iludir os portugueses nesta matéria e como conseguiu neutralizar qualquer pensamento crítico da Comunicação Social relativamente ao que está a ocorrer. Ao invés do que seria esperado, o Governo presta-se a encobrir o incumprimento do contrato, lançando poeira para os olhos dos cidadãos. Com papas e bolos se enganam os tolos."

https://jornaleconomico.sapo.pt/noticias/o-governo-e-os-drones-que-nunca-mais-voam-624011?fbclid=IwAR2SqST7NowuBnJWDbWQolFrIYZX4EM5qgJtuqYiixoRlCPa9jcBaUCgYAU#.XzHWHzcCxYU.whatsapp

Cumprimentos
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: dc em Agosto 11, 2020, 10:24:34 pm
Este programa tinha tudo para correr mal. Desde o início tardio (Maio já era estupidamente em cima da época de incêndios), ao favoritismo do concurso e à pressão imposta ao fornecedor por ter de construir as aeronaves num prazo recorde. Mas mais uma vez vê-se a destreza estratégica que vigora por cá.

Desde logo questiono, se o concurso era limitado a 3 empresas nacionais, como é que surgiram notícias (propaganda) a aclamar que uma empresa portuguesa tinha batido os gigantes do sector?

Depois temos a questão do prazo. Este concurso devia ter-se iniciado em Janeiro, e terminado, na pior das hipóteses em Abril/Maio, dando tempo para a formação e eventual correcção de problemas das aeronaves. Agora estarem operacionais a 31 de Agosto... Mais um bocadinho e só serão úteis para o ano que vem. Entretanto, lá vamos vendo o P-3 a cumprir as missões dos UAVs.

Pior disto tudo é o "orgulho" com que noticiam as coisas, como se de um grande feito se tratasse, ainda por cima quando todo o processo está atrasado.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Agosto 11, 2020, 11:33:02 pm
Aquela apresentação (levar em conta o termo utilizado) na Lousã foi encomendada pela máquina de propaganda do governo. Inclusive é pouco comum ver notícias oficiais da FAP acerca das suas aeronaves não tripuladas. Nem uma notícia parece termos tido em relação à recepção oficial da primeira unidade.

Algo a ter em conta é que a FAP já operou em 2018 estes drones, ou uma versão deles, na missão da EMSA. Tendo até originado na queda e perda de uma das aeronaves na Croácia.

Fico na dúvida se o favorecimento da UAVision poderá estar relacionado com a transferência de tecnologia que era mencionada nos projectos UAS/UAV da Academia da Força Aérea e que poderá ter ocorrido.

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Lightning em Agosto 14, 2020, 11:19:07 pm
Mais 2 F-16 entregues à Roménia.
https://www.facebook.com/188128631326969/posts/1932558450217303/
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: perdadetempo em Agosto 17, 2020, 06:54:48 pm
Sobre a "Apresentação no Aeródromo da Lousã dos novos Sistemas Aéreos Não Tripulados da Força Aérea Portuguesa desenvolvidos em Portugal que reforçam o Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais" vi este artigo do Sr. Major-general e Investigador do IPRI-NOVA Carlos Branco, Intitulado O Governo e os drones que nunca mais voam que achei interessante.

"Um sistema de vigilância, que custou de 4,5 milhões de euros aos cofres do Estado, que deveria estar a operar desde 1 de julho, não está a funcionar.

Antecedido por uma declaração pública do ministro do Ambiente, o Governo da República autorizou a Força Aérea Portuguesa (FAP), no dia 18 de maio, a adquirir 12 sistemas de aeronaves não tripuladas (UAS) Classe 1 para vigilância aérea adicional. Uma despesa de 4,5 milhões de euros oriundos do fundo ambiental, com o intuito de reforçar o Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais (DECIR) 2020, a partir 1 julho, data de início do período de nível de empenhamento reforçado (nível IV). Decorridos já 40 dias dessa data, apenas se conhece o voo de um aparelho em testes.

A Resolução do Conselho de Ministros (RCM), que consagra essa autorização, considerava “urgentes e de interesse público os procedimentos de contratação pública a realizar no âmbito da presente resolução, de maneira a assegurar a disponibilidade de utilização das UAS, em momento anterior ao nível de maior empenhamento operacional reforçado”, entenda-se antes de 1 de julho. Na prática a RCM abria a porta a um procedimento por ajuste direto.

No dia 9 de junho, a FAP abriu um concurso por convite limitado a três empresas nacionais, apresentando-lhes um caderno de encargos. Um consórcio de empresas altamente qualificado e com provas dadas em Portugal e no estrangeiro veio contestar os parâmetros do convite e do caderno de encargos, alegando apontarem para uma solução única e à medida. Por considerarem não estar reunidas as condições para a apresentação de uma proposta, dadas as fortes suspeitas de favorecimento, optaram por não responder ao convite.

No dia 3 de julho, já depois do início do período crítico de incêndios, quando os aparelhos já deviam estar a operar, é assinado o contrato, com a única empresa que apresentou proposta, o qual previa a primeira entrega no dia 10 de julho de dois sistemas, a segunda entrega, no dia 17 de julho de mais quatro sistemas, e a terceira entrega, no dia 2 de agosto, dos restantes seis sistemas. Ou seja, a entrega final seria efetuada mais de um mês após o início do período de nível IV (1 de julho). Contratualmente, toda a formação teria de ser dada até ao dia 10 de julho.

O planeamento previa três bases de operações (Lousã, Macedo de Cavaleiros e Monchique), e uma base de formação e treino (Ota). Surpreendentemente, no dia 17 de julho, exatamente no dia em que deveria ter sido feita a segunda entrega (mais quatro aparelhos), o ministro da Defesa anuncia, com pompa e circunstância, que a 21 de julho estariam dois drones a voar a partir da Lousã, e que em 10 dias seguiriam mais dois a partir de Monchique e outros dois a partir de Macedo de Cavaleiros. Mas nada aconteceu. Nem as bases foram ativadas, nem houve voos operacionais.

No dia 1 de agosto, o contrato foi publicado no Portal Base, infelizmente amputado de três peças processuais fundamentais para a sua cabal compreensão, mas que fazem parte integrante do contrato de acordo com a sua Cláusula 1.ª, a saber, o convite, o caderno de encargos e a proposta da empresa.(.....continua......)

https://jornaleconomico.sapo.pt/noticias/o-governo-e-os-drones-que-nunca-mais-voam-624011?fbclid=IwAR2SqST7NowuBnJWDbWQolFrIYZX4EM5qgJtuqYiixoRlCPa9jcBaUCgYAU#.XzHWHzcCxYU.whatsapp

Cumprimentos

O documento de que se fala no post acima

http://www.base.gov.pt/base2/rest/documentos/830367 (http://www.base.gov.pt/base2/rest/documentos/830367)

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Setembro 01, 2020, 07:07:51 pm

http://dl.magazinedl.com/magazinedl/Scramble%20Magazine/2020/Scramble%20Magazine%20-%20July%202020(magazinedl.com).pdf

Portugal LPMR = Monte Real Força Aérea Portuguesa (AF) AW119Kx 29704 Esq552 c/n update, ex N670SH 14966 29705 Leonardo USA N794PA, o/o 14973 mar20 The fifth and last Koala for the Portuguese Air Force was noted with its makers at their plant in Philadelphia (PA). 

F-16AM 15132 at LPMR for Romania M17-16 jun20 15135 at LPMR for Romania M17-19 jun20 Both arrived at Monte Real Airbase after rework with OGMA. Together with 15122, 15134 and 15141 they make up the second batch for the Romanian Air Force. Their delivery was scheduled for June 2020, but this has been delayed until an undisclosed date due to the COVID-19 situation. 

SE3160 On 16 June 2020, the Alouette 3 was officially withdrawn from use by the Portuguese Air Force at Beja Airbase. Their mission with Esq552 has been taken over by the AW119Kx Koala. 

Below are the Alouette 3s we still had listed as active in our database. As judged from their l/n dates it is fair to assume that several had already been withdrawn from active service some time ago. 19298 ex Esq552 wfu, l/n jun12 1556 19302 ex Esq552 wfu, l/n may19 1573 19312 ex Esq552 wfu, l/n feb15 1613 19349 ex Esq552 wfu, l/n may17 1705 19368 ex Esq552 wfu, l/n oct14 1786 19376 ex Esq552 wfu, l/n nov19 1818 19377 ex Esq552 wfu, l/n may12 1819 19401 ex Esq552 wfu, l/n oct19 1917 

Marinha Portuguesa (NY) Super Lynx Mk95 19201 Leonardo MK95A for upgrade 336 19203 Leonardo MK95A for upgrade 375 jun20 On 4 June 2020, 19203 moved to Yeovil for its upgrade by Leonardo to MK95A configuration. Reportedly this is the fifth and last machine to undergo the upgrade, implicating that we missed the transfer of 19201 to Yeovil some time before.

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Get_It em Setembro 01, 2020, 07:57:52 pm
Achei mais interessante saber que ainda não conseguiram despachar o resto dos Alpha.

Citação de: Scramble Magazine, p. 37
Beja
Updating  last  months’  report  about  scrapping  aircraft.  Cur-rently  only  the  T-33s  were  scrapped.  There  is  a  tender  for  scrapping  two  FTB337s  and  a  P-3.  Ten  Alpha  Jets  (15210,  15214,  15215,  15218,  15221,  15232,  15235,  15243,  15245  and  15247) are for sale.

Cumprimentos,
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: goldfinger em Setembro 05, 2020, 05:55:14 pm
(https://pbs.twimg.com/media/EhFjpzoXgAAGZxb?format=jpg&name=medium)

(https://pbs.twimg.com/media/EhFjp_jWAAAAjyv?format=jpg&name=medium)

Citar
Four F-16AM Fighting Falcon fighter jets of squadrons Falcões and Jaguares arrived in Polonia to take part in NATO Assurance Measures 2020 air policing mission on 4 September. 70 support personnel were lifted to  Polonia by C-130H Hercules airlifter.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Red Baron em Setembro 05, 2020, 06:04:26 pm
Citar
https://streamable.com/gbt3wi
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: Viajante em Setembro 05, 2020, 09:42:15 pm
Drone da Força Aérea Portuguesa cai em Alcácer do Sal

https://pplware.sapo.pt/informacao/drone-da-forca-aerea-portuguesa-cai-em-alcacer-do-sal/comment-page-1/#comment-2635993
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: tenente em Setembro 06, 2020, 04:10:21 pm
E devido à situação de AOG dos drones.....

(@Defence360) tweetou: A P-3C CUP+ Orion maritime patrol aircraft of 🇵🇹 @defesa_pt @EMGFA_RP @fap_emfa Squadron "Lobos" with a crew of 13 will carry out surveillance tasks over the Portuguese mainland between 6 and 8 September in support of the country's firefighting operations.

https://t.co/5Kri0P4mFe

https://twitter.com/Defence360/status/1302529611490824194?s=20

Abraços
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Setembro 07, 2020, 05:35:26 pm
30.000€..."bem empregues"  >:(  http://www.base.gov.pt/base2/rest/documentos/836179
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Outubro 02, 2020, 08:57:11 pm
https://emfa.pt/noticia-3099-

Decorreu, no dia 29 de setembro, na Base Aérea N.º 11 (BA11), em Beja, a cerimónia de entrega dos diplomas aos setes militares que completaram com sucesso o Curso de Pilotagem de Helicópteros 01/19.

A cerimónia foi presidida pelo  2.º Comandante Aéreo, Major-General António de Matos Branco, e contou com a presença do Diretor de Instrução da Força Aérea, Brigadeiro-General César Rodrigues e do Comandante da BA11, Coronel Paulo Costa.

Os sete pilotos concluíram o curso com sucesso no dia 8 de setembro de 2020 tendo totalizado aproximadamente 135 horas de voo, cada um, ao longo do curso.
Título: Re: Notícias da FAP
Enviado por: PereiraMarques em Outubro 16, 2020, 10:58:21 am
Despacho n.º 9989/2020 - Diário da República n.º 202/2020, Série II de 2020-10-16 145583198
Defesa Nacional - Gabinete do Ministro
Aprovação e delegação da assinatura do MOTU - Memorandum of Terms for the Use do Complexo Militar de Sintra - EDA - MHTC (Multinational Helicopter Training Centre)

https://dre.pt/web/guest/home/-/dre/145583198/details/maximized?serie=II&parte_filter=31&dreId=145583176