Programa de substituição do C-130

  • 2185 Respostas
  • 354069 Visualizações
*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 4681
  • Recebeu: 544 vez(es)
  • Enviou: 942 vez(es)
  • +1201/-1617
Re: Programa de substituição do C-130
« Responder #2175 em: Junho 04, 2021, 04:24:22 pm »
Noutro cenário, chegamos a 2024 a operarmos...

Nenhum.  ::)


Tipo Bérrio....


Isso não, o KC vai entrar em 2023, nem que a vaca tussa, nem que seja pelo pseudo orgulho nacional.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: tenente

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 8404
  • Recebeu: 3787 vez(es)
  • Enviou: 2534 vez(es)
  • +3082/-210
Re: Programa de substituição do C-130
« Responder #2176 em: Junho 04, 2021, 06:17:53 pm »
No ano em que se aponta para que os 4 C-130 estejam todos modernizados, 2024, supostamente já deveremos ter recebido um par de KC-390... isto é surreal. ::)

Prova bem que tipo de planeamento e prioridade nas aquisições é feito, neste caso, na FAP !!!

O que faz falta é um transporte estratégico, ou, pelo menos um modelo de aeronave capaz de voar com maior payload e mais longe que o C's e o que vamos ter ???
Uma aeronave com capacidades semelhantes aos C's !!
Porquê e para quê ??
Que mais valias trás á FAP ??

A verba que estamos a aplicar nesta aquisição, 827 milhões, daria para colocar cinco esquadras da FAP totalmente operacionais e refiro-me ás 201, 301, 502, 601 e 751 que contendo, tão somente, 57 aeronaves, poderiam todas elas ser sujeitas aos  respectivos e tão necessários MLU's.
Essas intervenções permitiriam, melhorar as capacidades e prolongar as vidas operacionais dos vinte e oito F's, cinco P3, doze EH101 e doze C295 !!! 
Não teria sido uma muito melhor aposta para investir 827 milhões ??
A FAP não ficaria em muito melhor estado operacional do que, quando receber os 390 ??
pergunto eu ??

PS o upgrade VIPER para os 28 F's ficava em 410 milhões sobrando 417 milhões para as restantes 29 aeronaves.

Abraços
« Última modificação: Junho 04, 2021, 07:51:05 pm por tenente »


Quando um Povo não Respeita as Suas FFAA, Não Respeita a Sua História nem se Respeita a Si Próprio  !!
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: typhonman, Charlie Jaguar, JohnM

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 4681
  • Recebeu: 544 vez(es)
  • Enviou: 942 vez(es)
  • +1201/-1617
Re: Programa de substituição do C-130
« Responder #2177 em: Junho 05, 2021, 12:00:36 am »
No ano em que se aponta para que os 4 C-130 estejam todos modernizados, 2024, supostamente já deveremos ter recebido um par de KC-390... isto é surreal. ::)

Prova bem que tipo de planeamento e prioridade nas aquisições é feito, neste caso, na FAP !!!

O que faz falta é um transporte estratégico, ou, pelo menos um modelo de aeronave capaz de voar com maior payload e mais longe que o C's e o que vamos ter ???
Uma aeronave com capacidades semelhantes aos C's !!
Porquê e para quê ??
Que mais valias trás á FAP ??

A verba que estamos a aplicar nesta aquisição, 827 milhões, daria para colocar cinco esquadras da FAP totalmente operacionais e refiro-me ás 201, 301, 502, 601 e 751 que contendo, tão somente, 57 aeronaves, poderiam todas elas ser sujeitas aos  respectivos e tão necessários MLU's.
Essas intervenções permitiriam, melhorar as capacidades e prolongar as vidas operacionais dos vinte e oito F's, cinco P3, doze EH101 e doze C295 !!! 
Não teria sido uma muito melhor aposta para investir 827 milhões ??
A FAP não ficaria em muito melhor estado operacional do que, quando receber os 390 ??
pergunto eu ??

PS o upgrade VIPER para os 28 F's ficava em 410 milhões sobrando 417 milhões para as restantes 29 aeronaves.

Abraços

Com 360 milhões, tinham resolvido a questão do transporte estratégico/tático, REVO com os A-400M (3 unidades), sendo que 80% das missões podem ser feitas com o C-295.Com o restante dinheiro, podiam modernizar os EH-101, os C-295 e aumentar a quantia dos helicópteros de evacuação, por exemplo UH-60M novos.
 





 :bang: :bang: :bang: :bang: :bang: :bang: :bang:
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 5093
  • Recebeu: 1532 vez(es)
  • Enviou: 391 vez(es)
  • +319/-241
Re: Programa de substituição do C-130
« Responder #2178 em: Junho 05, 2021, 12:27:00 am »
Com 360 milhões só compravas 2 A-400M. Mesmo para os excedentários de alguma força aérea europeia, é muito puxado. E neste momento já se vai tarde para cancelar a compra dos KC, uma redução para 3 unidades seria mais plausível.

E mesmo que fosse dada a opção de reduzir a encomenda de KCs, e complementar os existentes com 2 aeronaves maiores, eu escolheria, sem sombra de dúvida, o A330 MRTT, pois é o meio que se adequa mais à "estratégia do Atlântico". Mas nada disto irá acontecer, as coisas estão num estado cada vez mais grave, mais depressa começam a cortar ainda mais na componente de combate, que nos KC.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: typhonman

*

Kalil

  • Perito
  • **
  • 460
  • Recebeu: 66 vez(es)
  • Enviou: 85 vez(es)
  • +33/-14
Re: Programa de substituição do C-130
« Responder #2179 em: Junho 06, 2021, 12:12:38 am »
Noutro cenário, chegamos a 2024 a operarmos...

Nenhum.  ::)


Tipo Bérrio....


Isso não, o KC vai entrar em 2023, nem que a vaca tussa, nem que seja pelo pseudo orgulho nacional.

Ainda vamos ver, se os pagamentos começarem a gaguejar, como tem sido habitual nos outros programas..

E ainda estou para ver quantos KC390 mais serão encomendados por membros da NATO nos próximos anos.   Tenho uma ideia..
 

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 4681
  • Recebeu: 544 vez(es)
  • Enviou: 942 vez(es)
  • +1201/-1617
Re: Programa de substituição do C-130
« Responder #2180 em: Junho 06, 2021, 12:47:42 am »
Noutro cenário, chegamos a 2024 a operarmos...

Nenhum.  ::)


Tipo Bérrio....


Isso não, o KC vai entrar em 2023, nem que a vaca tussa, nem que seja pelo pseudo orgulho nacional.

Ainda vamos ver, se os pagamentos começarem a gaguejar, como tem sido habitual nos outros programas..

E ainda estou para ver quantos KC390 mais serão encomendados por membros da NATO nos próximos anos.   Tenho uma ideia..

Considerando que:

Espanha, UK, França, Bélgica, Luxemburgo, Turquia,Alemanha-> A-400M;
Dinamarca, Noruega, França/Alemanha,Holanda,Itália,Grécia,Polónia,Turquia,Roménia-C-130H/C-130J

Portugal, Hungria-> KC-390

Extra NATO, (Austria, Suécia), sendo que a Suécia só vai substituir os seus em 2030.
A resposta é.....0
 

*

redkukulkane

  • Membro
  • *
  • 95
  • Recebeu: 25 vez(es)
  • Enviou: 5 vez(es)
  • +4/-7
Re: Programa de substituição do C-130
« Responder #2181 em: Julho 12, 2021, 01:48:26 pm »
 

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 3585
  • Recebeu: 2616 vez(es)
  • Enviou: 1609 vez(es)
  • +2931/-1225
Re: Programa de substituição do C-130
« Responder #2182 em: Julho 12, 2021, 02:51:49 pm »
lockheed martin c-130h modernizados até a final de 2021. c56x1

https://www.janes.com/defence-news/portugal-details-hercules-aircraft-modernisation-effort/

Os dois primeiros aparelhos modernizados serão entregues até ao final deste ano, sim. Em princípio primeiro o H-30 16806 e depois o H 16803, muito embora o H-30 16801 tenha ido para a OGMA ao mesmo tempo que o 06, o que significa que neste momento só temos um único Hércules disponível, o 16805, e quando não está parado por avaria ou manutenção... valham-nos os incansáveis (e a ficarem esgotados) C-295M. Foi quase uma modernização à Super Lynx esta dos C-130. ::)
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

         "PER ASPERA AD ASTRA"
               (Por Caminhos Árduos, Até Às Estrelas)
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: typhonman

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 4681
  • Recebeu: 544 vez(es)
  • Enviou: 942 vez(es)
  • +1201/-1617
Re: Programa de substituição do C-130
« Responder #2183 em: Julho 12, 2021, 04:05:33 pm »
Neste momento se precisássemos de mover a BRR para algum cenário surpresa, iam como?
 

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 3585
  • Recebeu: 2616 vez(es)
  • Enviou: 1609 vez(es)
  • +2931/-1225
Re: Programa de substituição do C-130
« Responder #2184 em: Julho 12, 2021, 04:41:55 pm »
Neste momento se precisássemos de mover a BRR para algum cenário surpresa, iam como?

Fretando meios ou então à boleia de algum aliado, caso contrário nada feito. ::)

É por essas e por outras que aeronaves como o A400M e A330MRTT são cada vez mais necessárias no actual contexto, e era óptimo que os rumores que por aí correm se viessem a concretizar.
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

         "PER ASPERA AD ASTRA"
               (Por Caminhos Árduos, Até Às Estrelas)
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: typhonman

*

Red Baron

  • Investigador
  • *****
  • 1748
  • Recebeu: 258 vez(es)
  • Enviou: 224 vez(es)
  • +104/-133
Re: Programa de substituição do C-130
« Responder #2185 em: Agosto 04, 2021, 01:39:03 pm »
Citar



Arribaron al Comando Aéreo de Transporte “CATAM”, en la ciudad de Bogotá, dos aviones de transporte C-130H Hércules donados por los Estados Unidos a través del Programa de Ventas de Artículos Excedentes de Defensa “EDA”. Las aeronaves hacen parte de tres ofrecidas por este gobierno a la Fuerza Aérea Colombiana, habiéndose recibido la primera unidad en septiembre del 2020 siendo matriculada como el FAC 1016,  ingresando meses después a la Corporación de la Industria Aeronáutica Colombiana “CIAC” para iniciar el programa de mantenimiento mayor PDM.

Los dos nuevos C-130H valorados en 24 millones de dólares serán matriculados FAC 1017 y FAC 1018, ampliando la flota de este tipo de aeronaves a 7 unidades, permitiéndole a la FAC seguir cubriendo el territorio nacional

 c56x1