Os 30 F16A/B MLU da FAP

  • 2653 Respostas
  • 405387 Visualizações
*

AtInf

  • Membro
  • *
  • 246
  • Recebeu: 19 vez(es)
  • +2/-0
Re: Os 30 F16A/B MLU da FAP
« Responder #2520 em: Julho 14, 2021, 09:53:57 am »
Falemos daquilo com que se compra melões. para que o sonho com o F35 depois não passe a pesadelo:

 https://www.msn.com/en-us/news/world/how-much-more-expensive-can-the-f-35-actually-get/ar-AAM3sk5?ocid=msedgntp
 

*

MATRA

  • Perito
  • **
  • 574
  • Recebeu: 242 vez(es)
  • Enviou: 675 vez(es)
  • +50/-12
Re: Os 30 F16A/B MLU da FAP
« Responder #2521 em: Julho 14, 2021, 10:54:26 am »
1º Faça-se o upgrade para o Viper
2º Pinta-se com o Have Glass 5
3º Renomeia-se o SA para F-34P  ;D

Problema resolvido para uma vintena de anos.


An appeaser is one who feeds a crocodile — hoping it will eat him last.
Sir Winston Churchill
Democracies aren’t overthrown; they’re given away
George Lucas, 2005
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 5243
  • Recebeu: 1618 vez(es)
  • Enviou: 406 vez(es)
  • +337/-243
Re: Os 30 F16A/B MLU da FAP
« Responder #2522 em: Julho 14, 2021, 11:12:34 am »
Só falta adicionares os armamentos, pois sem eles nenhum caça vale de nada.
E a pintura está um espectáculo, dá um ar mais moderno.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: tenente, Stalker79

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 6834
  • Recebeu: 1753 vez(es)
  • Enviou: 800 vez(es)
  • +3162/-2254
Re: Os 30 F16A/B MLU da FAP
« Responder #2523 em: Julho 14, 2021, 02:56:35 pm »


Não é propriamente muito bonito, parece uma torradeira  :mrgreen:.

Eu tenho este, prefiro linhas mais arredondadas c56x1


Sou um gajo vintage, como a marinha portuguesa...  :mrgreen: :mrgreen:



Resumindo, vai-se empurrando com a barriga e reza-se que em 2030 caia dinheiro do céu, não só para os F-35, mas também para fragatas, P-8s, e por aí fora. Se na década de 30 o único grande programa por iniciar e concluir fosse da substituição dos F-16, ainda vá, mas já todos sabemos que são pelo menos 3 programas de grande dimensão e muitos mais de pequena e média dimensão. Não estou a ver haver dinheiro para tudo.

Por outro lado, não há como comparar a situação das VdG com os F-16. As fragatas já têm 30 anos, ou seja, já estão no fim de vida, os F-16 ainda têm muitas horas de voo para dar. A fragatas mesmo com um MLU pesado, continuariam vários furos abaixo de navios aliados com 15/20 anos (como as Alvaro Bazan, DZP, etc), já os F-16V estariam praticamente ao nível dos restantes caças 4.5G que ainda representam o grosso da aviação de caça na Europa.

Temos a revisão da LPM do ano que vem, como última esperança. Se a FAP continuar agarrada ao F-35, corre o risco de ficar sem nada e em 2030 aí sim será tarde para uma solução "intermédia" como a de modernizar os F-16.
A culpa é dos Brasileiros. Basta teres o tubo de pitot e o leme dos Gripen e das Tamanderé feitas pela Embraer Portugal, que o  problemas está resolvido.  :mrgreen:



Cumprimentos

P.S. P8? Deve ser deve (escolhe, 190 ou 390)...  :mrgreen: :mrgreen:



P.S 2 - F16 em fim de linha? Então a nova linha de Greenville fabrica o que, melões?  :mrgreen: :mrgreen:

https://www.cavok.com.br/imagem-ultimo-f-16-fabricado-em-fort-worth-deixa-a-linha-de-montagem

Citar
Para abrir caminho para a produção crescente do caça furtivo F-35 Lightning II, a Lockheed Martin está movendo a sua linha de montagem do venerável F-16 para Greenville, Carolina do Sul. O último F-16 produzido na fábrica de Fort Worth, Texas, destinado para Força Aérea iraquiana, deixou a fábrica no dia 14 de novembro.

« Última modificação: Julho 14, 2021, 03:04:52 pm por mafets »
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Lightning, tenente

*

MATRA

  • Perito
  • **
  • 574
  • Recebeu: 242 vez(es)
  • Enviou: 675 vez(es)
  • +50/-12
Re: Os 30 F16A/B MLU da FAP
« Responder #2524 em: Julho 14, 2021, 03:06:04 pm »
Só falta adicionares os armamentos, pois sem eles nenhum caça vale de nada.
E a pintura está um espectáculo, dá um ar mais moderno.

Certo, mas todos sabemos que mais cedo ou mais tarde vão chegar os 9x, 120d, JASSM e outros "Jotas" se tiver-mos sorte.

A questão é nunca contar com quantidade, virão para adquirir competências, em caso de conflito, teremos de contar com os C5 a aterrar em Monte Real com a preciosa carga, mas isto, também, é o estado actual das coisas, tendo em conta, os estoques actuais.

A Have Glass 5 é um must!  8) , mas deve custar uma pipa de massa portanto deve ser para esquecer.

An appeaser is one who feeds a crocodile — hoping it will eat him last.
Sir Winston Churchill
Democracies aren’t overthrown; they’re given away
George Lucas, 2005
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 6834
  • Recebeu: 1753 vez(es)
  • Enviou: 800 vez(es)
  • +3162/-2254
Re: Os 30 F16A/B MLU da FAP
« Responder #2525 em: Julho 14, 2021, 03:36:54 pm »
Só falta adicionares os armamentos, pois sem eles nenhum caça vale de nada.
E a pintura está um espectáculo, dá um ar mais moderno.

Certo, mas todos sabemos que mais cedo ou mais tarde vão chegar os 9x, 120d, JASSM e outros "Jotas" se tiver-mos sorte.

A questão é nunca contar com quantidade, virão para adquirir competências, em caso de conflito, teremos de contar com os C5 a aterrar em Monte Real com a preciosa carga, mas isto, também, é o estado actual das coisas, tendo em conta, os estoques actuais.

A Have Glass 5 é um must!  8) , mas deve custar uma pipa de massa portanto deve ser para esquecer.


Ya. Ainda bem que a Fap quer um caça por 77,9 milhões de usd tipo F35...  :mrgreen: :mrgreen:

https://www.aeroflap.com.br/agora-e-possivel-comprar-um-lockheed-f-35a-por-us-779-milhoes/



Saudações  :mrgreen: :mrgreen:

"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 5243
  • Recebeu: 1618 vez(es)
  • Enviou: 406 vez(es)
  • +337/-243
Re: Os 30 F16A/B MLU da FAP
« Responder #2526 em: Julho 14, 2021, 04:55:10 pm »
Se não optarmos pelo Have Glass V por ser "caro", então não sei como é que a FAP ainda sonha com F-35, cuja pintura é previsivelmente mais cara.

Já que é para fazer a lista de compras, era incluir o PIDS+ e o AN/ALE-50.

@mafets as palavras Gripen e Embraer deviam ser banidas deste tópico, para não dar azar.  :mrgreen:

E o P-8 é a escolha óbvia para futuro MPA, pois é dos poucos, senão mesmo o único modelo, que terá continuidade garantida para várias décadas, tanto a nível logístico, como de upgrades, como integração de novo armamento. Além de já ter provas dadas e já estar operacional, com um boa carteira de clientes, não tendo riscos de derrapes financeiros que outras aeronaves poderão ter. Para não falar do LRASM.  c56x1
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 8584
  • Recebeu: 3907 vez(es)
  • Enviou: 2701 vez(es)
  • +3698/-441
Re: Os 30 F16A/B MLU da FAP
« Responder #2527 em: Julho 14, 2021, 05:04:05 pm »
Se não optarmos pelo Have Glass V por ser "caro", então não sei como é que a FAP ainda sonha com F-35, cuja pintura é previsivelmente mais cara.

Já que é para fazer a lista de compras, era incluir o PIDS+ e o AN/ALE-50.

@mafets as palavras Gripen e Embraer deviam ser banidas deste tópico, para não dar azar.  :mrgreen:

E o P-8 é a escolha óbvia para futuro MPA, pois é dos poucos, senão mesmo o único modelo, que terá continuidade garantida para várias décadas, tanto a nível logístico, como de upgrades, como integração de novo armamento. Além de já ter provas dadas e já estar operacional, com um boa carteira de clientes, não tendo riscos de derrapes financeiros que outras aeronaves poderão ter. Para não falar do LRASM.  c56x1

Dc as provas dadas pelo P8 derivam principalmente pela plataforma escolhida, o  testadissimo 737.
A idade operacional,  deste SA ainda não permite tal assertividade !!

Seria a melhor escolha para a FAP,  mas os custos envolvidos para a aquisição de cinco aeronaves serão em mais este SA proibitivos tendo em conta o actual Orçamento da FAP.

Penso que se irá optar por uma plataforma menor.

Desculpem o offtopic.

Abraços 
« Última modificação: Julho 14, 2021, 05:04:47 pm por tenente »


Quando um Povo não Respeita as Suas FFAA, Não Respeita a Sua História nem se Respeita a Si Próprio  !!
 

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 3709
  • Recebeu: 2798 vez(es)
  • Enviou: 1689 vez(es)
  • +3773/-1799
Re: Os 30 F16A/B MLU da FAP
« Responder #2528 em: Julho 14, 2021, 05:31:15 pm »
Continuam a avolumar-se os problemas com o F-35 à medida que mais aeronaves vão entrando ao serviço.

https://www.bloomberg.com/news/articles/2021-07-13/lockheed-f-35-s-tally-of-flaws-tops-800-as-new-issues-surface
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

"I'll miss the sea, but a person needs new experiences. They jar something deep inside, allowing him to grow. Without change something sleeps inside us, and seldom awakens. The sleeper must awaken."
Duke Leto Atreides (Dune, Frank Herbert)
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: tenente

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 5243
  • Recebeu: 1618 vez(es)
  • Enviou: 406 vez(es)
  • +337/-243
Re: Os 30 F16A/B MLU da FAP
« Responder #2529 em: Julho 14, 2021, 06:01:52 pm »
@tenente
Sim, mas acaba por ter mais provas dadas que qualquer outra aeronave equivalente do mercado Ocidental, e quando chegar a hora de arrumar-mos os P-3, terão ainda mais anos de operação em cima! Quando comparamos com o Lineage 100 MPA, o 390 MPA ou o MPA da Airbus, apenas o primeiro existe mas ainda está verde e os outros dois não saíram do papel. O Kawasaki P-1 seria outra opção, sendo segundo se diz, mais barato de adquirir, mas mais caro de operar. O P-72A da Marinha Italiana é outra opção, apesar de me parecer que não foge muito daquilo que o C-295 MPA faz.

Francamente não estou a ver um modelo da Airbus ou um 390 MPA custarem muito menos que o P-8. Já os modelos pequenos, não são maus, mas têm limitações óbvias.

É offtopic, mas até é possível "conciliar" as duas coisas. Ora se for tomada a decisão de modernizar os 28 F-16 nesta década (algo que deveria ser estudado e oficializado na revisão da LPM), isto eliminava a necessidade de adquirir caças na década de 30, e consequentemente a sua enorme despesa. Ora ao deixar de haver uma despesa desta dimensão, já se torna mais plausível que se arranje dinheiro para os P-8. Além de que, não comprando F-35, passa a ser possível usar o acordo das Lajes para a compra dos P-8.
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 8584
  • Recebeu: 3907 vez(es)
  • Enviou: 2701 vez(es)
  • +3698/-441
Re: Os 30 F16A/B MLU da FAP
« Responder #2530 em: Julho 14, 2021, 07:10:15 pm »
@tenente
Sim, mas acaba por ter mais provas dadas que qualquer outra aeronave equivalente do mercado Ocidental, e quando chegar a hora de arrumar-mos os P-3, terão ainda mais anos de operação em cima! Quando comparamos com o Lineage 100 MPA, o 390 MPA ou o MPA da Airbus, apenas o primeiro existe mas ainda está verde e os outros dois não saíram do papel. O Kawasaki P-1 seria outra opção, sendo segundo se diz, mais barato de adquirir, mas mais caro de operar. O P-72A da Marinha Italiana é outra opção, apesar de me parecer que não foge muito daquilo que o C-295 MPA faz.

Francamente não estou a ver um modelo da Airbus ou um 390 MPA custarem muito menos que o P-8. Já os modelos pequenos, não são maus, mas têm limitações óbvias.

É offtopic, mas até é possível "conciliar" as duas coisas. Ora se for tomada a decisão de modernizar os 28 F-16 nesta década (algo que deveria ser estudado e oficializado na revisão da LPM), isto eliminava a necessidade de adquirir caças na década de 30, e consequentemente a sua enorme despesa. Ora ao deixar de haver uma despesa desta dimensão, já se torna mais plausível que se arranje dinheiro para os P-8. Além de que, não comprando F-35, passa a ser possível usar o acordo das Lajes para a compra dos P-8.

dc o acordo das Lages já não é o que era em termos de importância e valor das contrapartidas por parte dos Yankees.

Mesmo com o upgrade dos F's a compra de cinco P8 levaria a um investimento nunca inferior a 1200/1500 milhões, basta ver que em termos de orçamento seria cerca de duas vezes o dos 390 e num espaço nunca superior a dez anos, o que me leva a concluir que não deverá ser efectuado, até porque a FAP necessita de investir na compra dos Helis Médios, a substituição dos Epsilon, os upgrades dos 101 e dos 295.
Eu não me admiraria mesmo nada, se a FAP optasse por adquirir o 295W-MPA, com AAR, sistemas de detecção e interdição mais evoluidos. Até arrisco a afirmar que seria uma plataforma bem mais mais versátil para a FAP, que a P8, pois, poderia ser utilizada também no apoio ás tão famosas FND, tal é a falta de um acft para CAS.

https://www.airbus.com/newsroom/press-releases/en/2017/11/Airbus-displays-comprehensive-range-of-weapons-for-armed-C295.html



O que eu critiquei aqui sobre o esbanjar de 827 milhões num SA, estando várias frotas da FAP, como estão, voltaria a criticar se se gastassem 1200 milhões em cinco aeronaves de patrulha quando existem pelos menos mais quatro SA que necessitam de MLU e MNT atempadas ! 

O bonsenso terá de imperar e conseguir que, com os mesmos 1200/1500 milhões, seja possivel,  acudir á frota substituta dos P3 e a algumas outras frotas, pois a verba não estica, bem, a não ser que a EMB se meta na corrida, aí sim haverá verba para os MPA's sem pestanejar, e que se lixem as outras capacidades da FAP, até porque á semelhança da marinheca, os caminhos a seguir são mesmo o transformar as FFAA em organismos Civis ou de protecção Civil. :bang:

Eu não tenho dúvidas nem ilusões que a FAP nunca irá ter os P8 nem os F35, ao serviço !!! :mrgreen:

Abraços
« Última modificação: Julho 14, 2021, 07:33:26 pm por tenente »


Quando um Povo não Respeita as Suas FFAA, Não Respeita a Sua História nem se Respeita a Si Próprio  !!
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 8584
  • Recebeu: 3907 vez(es)
  • Enviou: 2701 vez(es)
  • +3698/-441
Re: Os 30 F16A/B MLU da FAP
« Responder #2531 em: Julho 14, 2021, 07:11:28 pm »
Continuam a avolumar-se os problemas com o F-35 à medida que mais aeronaves vão entrando ao serviço.

https://www.bloomberg.com/news/articles/2021-07-13/lockheed-f-35-s-tally-of-flaws-tops-800-as-new-issues-surface

Nada que eu não esperasse que acontecesse.

Os custos de operação deste F35, são mesmo só para os países ricos, e mesmo alguns desses irão sofrer as estopinhas para manter operacionais, o numero de unidades, que agora, alegremente, estão a comprar.

Basta analisar algumas reduções de frotas em paises como Itália ou o UK.

este F35 é item No GO para a FAP !!! :mrgreen:

Abraços
« Última modificação: Julho 14, 2021, 07:17:10 pm por tenente »


Quando um Povo não Respeita as Suas FFAA, Não Respeita a Sua História nem se Respeita a Si Próprio  !!
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 8584
  • Recebeu: 3907 vez(es)
  • Enviou: 2701 vez(es)
  • +3698/-441
Re: Os 30 F16A/B MLU da FAP
« Responder #2532 em: Julho 14, 2021, 07:18:50 pm »


Não é propriamente muito bonito, parece uma torradeira  :mrgreen:.

Eu tenho este, prefiro linhas mais arredondadas c56x1


Sou um gajo vintage, como a marinha portuguesa...  :mrgreen: :mrgreen:



Resumindo, vai-se empurrando com a barriga e reza-se que em 2030 caia dinheiro do céu, não só para os F-35, mas também para fragatas, P-8s, e por aí fora. Se na década de 30 o único grande programa por iniciar e concluir fosse da substituição dos F-16, ainda vá, mas já todos sabemos que são pelo menos 3 programas de grande dimensão e muitos mais de pequena e média dimensão. Não estou a ver haver dinheiro para tudo.

Por outro lado, não há como comparar a situação das VdG com os F-16. As fragatas já têm 30 anos, ou seja, já estão no fim de vida, os F-16 ainda têm muitas horas de voo para dar. A fragatas mesmo com um MLU pesado, continuariam vários furos abaixo de navios aliados com 15/20 anos (como as Alvaro Bazan, DZP, etc), já os F-16V estariam praticamente ao nível dos restantes caças 4.5G que ainda representam o grosso da aviação de caça na Europa.

Temos a revisão da LPM do ano que vem, como última esperança. Se a FAP continuar agarrada ao F-35, corre o risco de ficar sem nada e em 2030 aí sim será tarde para uma solução "intermédia" como a de modernizar os F-16.
A culpa é dos Brasileiros. Basta teres o tubo de pitot e o leme dos Gripen e das Tamanderé feitas pela Embraer Portugal, que o  problemas está resolvido.  :mrgreen:



Cumprimentos

P.S. P8? Deve ser deve (escolhe, 190 ou 390)...  :mrgreen: :mrgreen:



P.S 2 - F16 em fim de linha? Então a nova linha de Greenville fabrica o que, melões?  :mrgreen: :mrgreen:

https://www.cavok.com.br/imagem-ultimo-f-16-fabricado-em-fort-worth-deixa-a-linha-de-montagem

Citar
Para abrir caminho para a produção crescente do caça furtivo F-35 Lightning II, a Lockheed Martin está movendo a sua linha de montagem do venerável F-16 para Greenville, Carolina do Sul. O último F-16 produzido na fábrica de Fort Worth, Texas, destinado para Força Aérea iraquiana, deixou a fábrica no dia 14 de novembro.



É tão bom sonhar, mas quando se acorda para a realidade é que são elas.

Abraços


Quando um Povo não Respeita as Suas FFAA, Não Respeita a Sua História nem se Respeita a Si Próprio  !!
 

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 4815
  • Recebeu: 594 vez(es)
  • Enviou: 1090 vez(es)
  • +1876/-2213
Re: Os 30 F16A/B MLU da FAP
« Responder #2533 em: Julho 14, 2021, 10:57:45 pm »
Valores para o V ? 10 a 15 milhões por avião ? (ou seja, 15x28=420 milhões. ::)
Mais novas armas, como o AIM-9X, AMRAAM C5, pods EW, JASSM ?, SDB, etc...deve ir para os 600 milhões, não me cheira..... ::)
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 8988
  • Recebeu: 1288 vez(es)
  • Enviou: 1430 vez(es)
  • +183/-61
Re: Os 30 F16A/B MLU da FAP
« Responder #2534 em: Julho 15, 2021, 12:00:54 am »

dc o acordo das Lages já não é o que era em termos de importância e valor das contrapartidas por parte dos Yankees.

Mesmo com o upgrade dos F's a compra de cinco P8 levaria a um investimento nunca inferior a 1200/1500 milhões, basta ver que em termos de orçamento seria cerca de duas vezes o dos 390 e num espaço nunca superior a dez anos, o que me leva a concluir que não deverá ser efectuado, até porque a FAP necessita de investir na compra dos Helis Médios, a substituição dos Epsilon, os upgrades dos 101 e dos 295.

Os helis de evacuação acho que são daqueles aquisições "conjuntas" ou dos "serviços centrais", talvez não saia da "Força Aérea", e ainda arrisco é nos EH101 e C295 não vão ver upgrade nenhum, ou pelo menos nenhum de jeito, só se for mesmo obrigatório no futuro ter algum equipamento que agora não tenham, como está a acontecer agora com o upgrade dos C-130.

Mas adorava C295 armados para CAS. 😎
« Última modificação: Julho 15, 2021, 12:02:10 am por Lightning »