VBTP-MR 6×6 GUARANI

  • 73 Respostas
  • 6324 Visualizações
*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 5579
  • Recebeu: 573 vez(es)
  • Enviou: 381 vez(es)
  • +4406/-3516
Re: VBTP-MR 6×6 GUARANI
« Responder #45 em: Outubro 17, 2020, 03:23:47 pm »
Guarani 6×6 com UT30BR e equipado com kit de flutuação chega ao CIBld

O 6x6 Iveco Guarani armado com o canhão de 30 mm UT-30BR montado em torreta chegou ao CIBld, unidade referência sediada em Santa Maria (RS).

Citar
O Exército Brasileiro, através do Centro de Instrução de Blindados (CIBld), avança na preparação das forças blindadas equipadas com as viaturas do Pgr EE Guarani em suas diferentes versões.

O VBTP-MSR 6×6 Guarani armado com o canhão de 30 mm UT30BR montado em torreta faz parte do acervo do CIBld, unidade escola referência sediada em Santa Maria (RS).

Equipes de instrução e alunos alocados aquele estabelecimento de ensino militar poderão aprender todos os segredos sobre essa versão do carro e seu poderoso armamento, e como reconfigurá-lo rapidamente, de acordo com a necessidade de momento.

Para a transposição de cursos d’água (rios, lagos, etc), o Guarani armado com a UT30BR precisa receber uma modificação de campo de rápida instalação, na forma de um kit de flutuabilidade afixado ao chassis do veículo.

Esse equipamento de segurança é necessário devido ao peso extra do armamento.

O Guarani e a torre UT30BR juntos, mais a munição deste último, representam 19 toneladas e uma mudança considerável no centro de gravidade (CG) do veículo, que possui uma silhueta tida como alta.



Como o motor do Guarani fica disposto a frente no chassis, deslocado a direita, o carro quando navegando, sem emprego de kit de flutuabilidade, apresenta uma tendência de inclinar-se para a direita, o que reduz a velocidade do deslocamento.

Para corrigir essa tendência e dar maior condição de navegabilidade ao Guarani armado com a UT30BR, faz-se necessário o emprego do kit de flutuação específico dessa versão, afixado ao chassis do blindado, nas laterais do mesmo.

Sem a necessidade de ferramentas especiais, e aproveitando pontos de fixação previamente existentes no chassis do 6×6, é possível instalar o kit de flutuação em menos de 15 minutos, permitindo assim uma rápida transposição de obstáculos pela infantaria mecanizada e cavalaria.

Esse kit de flutuabilidade foi testado pela primeira vez (com sucesso), dentro do processo de experimentação doutrinária da Infantaria Mecanizada colocado em prática pela 15ª Brigada de Infantaria Mecanizada, Brigada Guarani, em novembro de 2017, no açude Tuiuti, em Rosário do Sul/RS.

Fotos são de autoria de Eliseu Prass (CIBld)
 :arrow: https://tecnodefesa.com.br/guarani-6x6-com-torre-ut30-br-e-equipado-com-kit-de-flutuacao-chega-ao-c-i-blnd-rs/




 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 5579
  • Recebeu: 573 vez(es)
  • Enviou: 381 vez(es)
  • +4406/-3516
Re: VBTP-MR 6×6 GUARANI
« Responder #46 em: Outubro 17, 2020, 03:34:44 pm »
Torre manual REMAN é instalada em VBTP-MSR 6×6 Guarani


Citar
No mês de junho de 2020, foi entregue ao Arsenal de Guerra do Rio (AGR), duas torres manuais REMAN, da empresa ARES Aeroespacial e Defesa. Após verificações iniciais, uma delas foi instalada em uma Viatura Blindada de Transporte de Pessoal – Média Sobre Rodas (VBTP-MSR) 6×6 Guarani nas instalações do Arsenal.

As torres passarão por testes de engenharia nas próximas semanas, solicitados pela empresa, no qual serão realizados alguns tiros técnicos, no Centro de Avaliações do Exército (CAEx), o “Campo de Provas da Marambaia/1948″. Após esta atividade, serão submetidas ao processo de avaliação do sistema Guarani com torre manual, também no CAEx, etapa importante no processo de homologação do sistema.

A torre

A REMAN é uma estação de armas blindada de operação manual, projetada para atender o Programa Estratégico do Exército (Prg EE) GUARANI, mas que também poderá ser utilizada por outros blindados médios e leves, sobre rodas ou lagartas.

Sua primeira versão (conceitual) foi apesentada em 2016, na 4ª Mostra BID Brasil, e possuía a opção de giro manual e elétrico. Porém, como essa última opção não estava prevista nos requisitos emitidos pelo Exército Brasileiro (EB), o mesmo foi retirado na segunda versão, aperfeiçoada e com sua proteção balística melhorada, que foi apresentada na LAAD Defence and Security 2017.

O protótipo atual, é uma evolução dessa última versão, com proteção balística melhorada, possuindo blindagem de toda cúpula padrão STANAG 4569 nível 2, e levando em conta diversas sugestões apresentadas pelo EB, e foram, até o momento, fabricados três exemplares: os dois que estão no AGR, sendo um instalado no Guarani, e o terceiro de propriedade da ARES para demonstrações.


 :arrow:  https://tecnodefesa.com.br/torre-manual-reman-e-instalada-em-vbtp-msr-6x6-guarani/



 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 5579
  • Recebeu: 573 vez(es)
  • Enviou: 381 vez(es)
  • +4406/-3516
Re: VBTP-MR 6×6 GUARANI
« Responder #47 em: Outubro 17, 2020, 03:41:44 pm »
ARES realiza o 1º Seminário dos Sistemas de Armas do Projeto Guarani


Citar
Nos dias 13 e 14 de outubro de 2020, a ARES Aerospacial e Defesa recebeu os alunos dos cursos de Cavalaria e Infantaria da Escola de Aperfeiçoamento de Oficiais (EsAO) do Exército Brasileiro (EB). A visita ocorre anualmente e conta com a presença de aproximadamente 200 militares.

Neste ano, durante a visita, a empresa realizou o 1º Seminário dos Sistemas de Armas do Projeto Guarani, um tema que é dominado pela ARES, que é parceira do Programa Estratégico do Exército (Prg EE) GUARANI e se tornou a casa das estações de armas e torre do EB no Brasil.

Além dos Diretores, Gerentes e engenheiros da ARES, o seminário contou com a presença dos militares da Diretoria de Fabricação (DF), do Centro Tecnológico do Exército (CTEx) e Comando de Operações Terrestres (COTer) como palestrantes.

 :arrow:  https://tecnodefesa.com.br/ares-realiza-1o-seminario-armas-guarani/

 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 5579
  • Recebeu: 573 vez(es)
  • Enviou: 381 vez(es)
  • +4406/-3516
Re: VBTP-MR 6×6 GUARANI
« Responder #48 em: Outubro 23, 2020, 08:13:53 pm »
7º RC Mec recebe seus VBTP-MSR 6×6 Guarani


Citar
O 7º Regimento de Cavalaria Mecanizado (7º RC Mec), aquartelado em Santana do Livramento (RS) e integrante da 3ª Brigada de Cavalaria Mecanizada (3ª Bda C Mec), recebeu nesse mês suas nove primeiras Viaturas Blindadas para Transporte de Pessoal – Médio Sobre Rodas (VBTP-MSR) 6×6 Guarani, equipadas com os Sistemas de Armas Remotamente Controladas (SARC) REMAX, destinados a equipar seus Grupos de Combate Mecanizados.

Com essa entrega, todos os Regimentos de Cavalaria Mecanizados (RC Mec) da 1ª, 2ª e 3ª Brigadas, pertencentes ao Comando Militar do Sul (CMS), já estão equipados com os VBTP Guarani, faltando apenas o 14º RC Mec, aquartelado em São Miguel do Oeste (SC) e orgânico das 5ª Divisão de Exército, que deve recebe-los nas próximas remessas.

A VBTP-MSR 6×6 Guarani está substituindo as antigas VBTP 6×6 EE-11 Urutu, fabricada pela antiga ENGESA, e é considerado o “Estado da Arte” da cavalaria mecanizada brasileira. Foi desenvolvido em consonância com a Estratégia Nacional de Defesa (END), no desenvolvimento de tecnologias para recuperar a capacidade de operar com eficiência, utilizando nossa Base Industrial de Defesa (BID).

 :arrow:  https://tecnodefesa.com.br/7o-rc-mec-recebe-seus-vbtp-msr-6x6-guarani/



 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 5579
  • Recebeu: 573 vez(es)
  • Enviou: 381 vez(es)
  • +4406/-3516
Re: VBTP-MR 6×6 GUARANI
« Responder #49 em: Outubro 23, 2020, 08:23:27 pm »
Sistema STARMAX é demonstrado para o Exército na Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN)


Citar
Ocorreu hoje, dia 23 de outubro, na Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN), a demonstração do STARMAX, o simulador do SARC REMAX, durante a Operação Membeca 2020.

O STARMAX é uma suíte de treinamento virtual 3D, desenvolvida pela ARES Aeroespacial e Defesa, que permite capacitar os operadores o Sistema de Armas Remotamente Controlado (SARC) com todas as funcionalidades e procedimentos da estação de armas real, em um ambiente virtual 3D controlado.

É um sistema extremamente prático, pois está totalmente acondicionado dentro de um pequeno case, no formato de uma maleta, que pode ser instalado em qualquer viatura equipada com o SARC REMAX, permitindo seu treinamento dentro da mesma, em um ambiente altamente imersivo, ou em ambiente de sala de aula, e permite alcançar alto nível de capacitação para os operadores do REMAX, com redução de custo logístico, economia de munição real evitando desgaste de tropas, equipamentos e armamentos em campo.

A interface gráfica do sistema permite aos operadores o treinamento de motricidade, treinos de movimento com alvos e cenários que simulam situações reais, garantindo maior controle e avaliação de todos os treinamentos emulados dentro do ambiente virtual 3D, e aos instrutores avaliar a evolução do treinamento e intervir sempre que necessário para fazer correções. Ao final do treinamento o sistema gera relatórios completos de desempenho, garantindo melhores resultados em campo.



Presentes a demonstração estavam o general de brigada Antônio Carlos Machado Faillace, comandante do Grupamento de Unidades Escola / 9ª Brigada de Infantaria Motorizada (GUEs/9ª Bda Inf Mtz), e o coronel Rodrigo Tramontini Fernandes, comandante do 1º Batalhão de Infantaria Motorizado (Escola) (1º BI Mec (Es)), o Regimento Sampaio.

Atualmente o 1º BI Mec (Es) é a organização militar que tem possui a maior quantidade de viaturas equipadas com o SARC REMAX, possuindo 36 ao todo, e tem muito interesse nesse sistema para melhorar a capacitação de seus operadores e diminuir seus custos.

As negociações para aquisição das STARMAX pelo Exército estão em andamento e a ARES espera assinar um contrato de fornecimento no próximo ano.

A Operação Membeca

A Operação Membeca 2020 é um exercício de adestramento avançado realizado pela 1ª Divisão de Exército (1ª DE), a Divisão Mascarenhas de Moraes, no Campo de Instrução da AMAN, de 21 a 23 de outubro. O treinamento ocorre dentro do contexto da missão constitucional de Defesa da Pátria, quando serão praticados no amplo espectro da guerra convencional às operações ofensivas, defensivas e contra forças irregulares.

O Exercício iniciou, no dia 21 de outubro, com o apronto operacional descentralizado e o deslocamento motorizado para o local do exercício. Já na região de Resende e dentro de uma situação tática, e desencadeou-se uma marcha para o combate com a finalidade de cerrar os meios aos locais de cumprimento das missões impostas.

Como preparo para o exercício no terreno, as tropas da 1ª DE, o GUEs/9ª Bda Inf Mtz, como a 4ª Brigada de Infantaria Leve de Montanha (4ª Bda Inf L Mth)  e a Artilharia Divisionária da 1ª DE (AD/1), praticaram o Exercício de Simulação Construtiva no Centro de Adestramento Leste (CA Leste), com o intuito de propiciar maior eficiência na atividade em campo.

O treinamento conta com o apoio da Base de Apoio Logístico do Exército (Ba Ap Log Ex), do 5º Grupamento de Engenharia (5º Gpt E) e da Aviação do Exército.  Destaca-se que a Ba Ap Log Ex desdobrou seu Módulo Logístico Especializado da Força de Prontidão para realizar as funções logísticas de manutenção, salvamento, suprimento, transporte e saúde do Grande Comando Operacional, a 1ª DE. O 5º Gpt E colabora na preparação do terreno para a defesa de área, como na construção de espaldão para Viatura Blindada de Transporte de Pessoal – Media Sobre Rodas (VBTP-MSR) 6×6 Guarani.

A Operação Membeca é um exercício militar de grande envergadura, caracterizado pela elevada mobilização de meios materiais e pessoais. Este ano, serão consumidas em torno de 24 mil etapas de alimentação, mais de 100 mil litros de combustível, aproximadamente 20 mil munições de diferentes calibres, com um contingente de mais de 3.100 militares e emprego de 505 viaturas operacionais.

Com informações e imagens da Ares e Comunicação Social da 1ª DE

 :arrow:   https://tecnodefesa.com.br/o-sistema-starmax-e-demonstrado-para-o-exercito-na-operacao-membeca-2020/


 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 5579
  • Recebeu: 573 vez(es)
  • Enviou: 381 vez(es)
  • +4406/-3516
Re: VBTP-MR 6×6 GUARANI
« Responder #50 em: Outubro 30, 2020, 09:42:07 pm »
Ministro da Defesa da Argentina visita a Iveco para conhecer o Guarani


Citar
O Ministério da Defesa do Brasil organizou uma visita de uma delegação do Ministério da Defesa da Argentina, com a presença de seu ministro, Agustín Rossi, a Iveco Veículos de Defesa, em Sete Lagoas (MG).

A delegação argentina embarcou, hoje pela manhã, no Aeroporto de Brasilia (DF), em um voo direto para Confins (MG), e em seguida embarcou no helicóptero HM-4 Jaguar (H225M), matrícula EB 5012, do 1º Batalhão de Aviação do Exército (1º BAvEx), com destino ao parque fabril da Iveco, onde se uniram a diversos oficiais generais do Exército Brasileiro, entre eles os generais de divisão Luis Antônio Duizit Brito, chefe do Departamento de Promoções Comerciais do Ministério da Defesa, e Jorge Antônio Smicelato, comandante da 4ª Região Militar (4ª RM), e o general de brigada Tales Eduardo Areco Villela, diretor da Diretoria de Fabricação (DF).


Conduzidos por executivos da Iveco, os Argentinos conheceram toda a moderna linha de produção da Viatura Blindada de Transporte de Pessoal Média Sobre Rodas (VBTP-MSR) 6X6 Guarani e, ao final, foram apresentados aos modelos utilizados pelo Exército Brasileiros: equipados com a torre manual Platt, e com os Sistemas de Armas Remotamente Controlados (SARC) REMAX e UT30BR. Também estava presente o protótipo da VBMT-LR 4×4 LMR-BR equipado com a SARC REMAX.

Após isso, foram conduzidos a pista de testes da empresa, onde viram a apresentação de seis VBTP-MSR 6X6 Guarani que, pelo que pudemos constatar, impressionaram muito os oficiais argentinos. Houveram também reuniões, onde foram discutidos diversos assuntos relativos aos produtos da Iveco.

O Guarani sendo demonstrado para a delegação Argentina a dois dias atrás (Foto Vandeir Santos).

Ao final do evento ocorreu uma pequena entrevista com o Ministro da Defesa do Brasil, o general de exército Fernando Azevedo e Silva, e seu colega argentino, Agustín Rossi, que confirmou para Tecnologia & Defesa que o VBTP-MSR 6X6 Guarani está sim concorrendo no programa VCBR (Vehículos de Combate Blindados a Ruedas) do Exército Argentino, e que, devido a produção de diversos de seus componentes, como os motores, em território argentino é um forte candidato. Porem não informou as quantidades e nem detalhes das negociações.


Caso essa venda se concretize, será a segunda exportação do Guarani, pois 16 (de acordo com a própria fábrica) foram vendido as Forças de Segurança do Ministério do Interior do Líbano (Forces de Sécurité Intérieure) em 2014. Além disso existem diversas negociações em andamento com países da América Latina, África e Sudeste Asiático.

Com fotos de Vandeir Alves do Santos e Ministério da Defesa

 :arrow: https://tecnodefesa.com.br/ministro-da-defesa-da-argentina-visita-a-iveco-para-conhecer-o-guarani/






 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 5579
  • Recebeu: 573 vez(es)
  • Enviou: 381 vez(es)
  • +4406/-3516
Re: VBTP-MR 6×6 GUARANI
« Responder #51 em: Outubro 31, 2020, 12:21:02 am »
FOTOS: Argentina negocia com Brasil o blindado Guarani 6x6

Créditos: Roberto Valadares Caiafa















 :arrow:  https://www.infodefensa.com/servicios/galerias/galeria-argentina-negocia-brasil-blindado-guarani.html
 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 5579
  • Recebeu: 573 vez(es)
  • Enviou: 381 vez(es)
  • +4406/-3516
Re: VBTP-MR 6×6 GUARANI
« Responder #52 em: Outubro 31, 2020, 12:22:12 am »
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 17059
  • Recebeu: 1732 vez(es)
  • Enviou: 1616 vez(es)
  • +283/-680
Re: VBTP-MR 6×6 GUARANI
« Responder #53 em: Outubro 31, 2020, 02:09:34 pm »
FOTOS: Argentina negocia com Brasil o blindado Guarani 6x6

Créditos: Roberto Valadares Caiafa



 :arrow:  https://www.infodefensa.com/servicios/galerias/galeria-argentina-negocia-brasil-blindado-guarani.html

Fujam, olhem o calote!
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 5579
  • Recebeu: 573 vez(es)
  • Enviou: 381 vez(es)
  • +4406/-3516
Re: VBTP-MR 6×6 GUARANI
« Responder #54 em: Outubro 31, 2020, 02:32:51 pm »
FOTOS: Argentina negocia com Brasil o blindado Guarani 6x6

Créditos: Roberto Valadares Caiafa


 :arrow:  https://www.infodefensa.com/servicios/galerias/galeria-argentina-negocia-brasil-blindado-guarani.html

Fujam, olhem o calote!

De acordo com notícia de bastidores , se os "argies" vierem fechar negócio com a IVECO/EB será via financiamento com banco internacional.

Caso venha ter calote, o desfalque ficaria com a instituição financeira avalista dos argentinos. Há fontes que afirmam que o banco pagaria primeiro pelos VBTP-MR Guarani 6x6, para depois cobrar o déficit com nossos vizinhos às margens ocidentais do Rio da Prata.
 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 5579
  • Recebeu: 573 vez(es)
  • Enviou: 381 vez(es)
  • +4406/-3516
Re: VBTP-MR 6×6 GUARANI
« Responder #55 em: Novembro 24, 2020, 09:39:01 pm »
1º RC Mec realiza transposição de curso d´água


Citar
Itaqui (RS) - Durante o dia 18 de novembro, o 1º Regimento de Cavalaria Mecanizado – Regimento “Sá Britto”, realizou a Transposição de Curso d’Água com a Viatura Blindada de Transporte de Pessoal-MR 6x6 Guarani.

O treinamento encerou a fase final da Qualificação Operacional de Motoristas e treinamento Especifico de Comandante de VBTP-MR 6x6 Guarani.

A atividade teve por objetivo qualificar os motoristas e comandantes de carro, além de testar o sistema de navegação dos blindados.

Durante o exercício, o blindado de 14.300 kg foi colocado por completo na água, onde demonstrou com excelência a sua capacidade de transpor cursos d’água.

A instrução contou com o apoio de uma equipe de socorristas do Corpo de Bombeiros Militar de Itaqui/RS e de militares da 1ª Companhia de Engenharia de Combate Mecanizada.

 :arrow:  http://www.3de.eb.mil.br/index.php/component/content/article?id=2170&




 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 5579
  • Recebeu: 573 vez(es)
  • Enviou: 381 vez(es)
  • +4406/-3516
Re: VBTP-MR 6×6 GUARANI
« Responder #56 em: Dezembro 30, 2020, 04:01:24 pm »
Fábrica da Iveco Veículos de Defesa recebe importante certificação internacional


A fábrica da Iveco Veículos de Defesa (Iveco Defence Vehicles), em Sete Lagoas, alcançou o nível bronze no programa World Class Manufacturing (WCM), um dos mais altos padrões da indústria de manufatura no mundo. O reconhecimento representa uma importante conquista para a planta na busca constante por melhorias de processos e excelência de produção.

“Essa conquista é resultado do esforço e da competência de toda a nossa equipe de Sete Lagoas. A planta de defesa é extremamente complexa e tem um processo 100% manual, que depende de muita qualificação e dedicação de todos os operadores. Temos ainda uma área de solda de aço balístico, que demanda uma expertise muito específica”, afirma o diretor Industrial da planta, Izidro Penatti.

Inaugurada em 2013, a estrutura tem 30 mil m², sendo 18 mil de área coberta (produção e logística), e foi a primeira a fabricar produtos de defesa fora da Europa. O primeiro produto nacional foi a Viatura Blindada de Transporte de Pessoal Média Sobre Rodas (VBTP-MSR) 6×6 Guarani, fruto da parceria da empresa com o Exército Brasileiro (EB). Mais de 450 unidades foram entregues aos militares até agora.

“Temos feito um trabalho consistente em todo o nosso complexo industrial, não apenas na fábrica de defesa, mas também na de veículos comerciais e, também, na de motores, que completaram 20 anos em 2020. Seguiremos com as melhores práticas do WCM, aperfeiçoando cada vez mais os nossos processos e a produção industrial”, completa Penatti.

O Guarani

Com capacidade para transportar até onze pessoas, o Guarani pesa 18 toneladas, possui tração 6X6, pode chegar a 110 km/h e tem função anfíbia. Além de ar-condicionado, apresenta uma série de inovações tecnológicas, como sistema automático de detecção e extinção de incêndio e baixa assinatura térmica (o que dificulta sua localização), entre outros.

As unidades entregues ao EB são usadas em missões de pacificação e em operações de combate ao crime organizado nas regiões fronteiriças do país. A plataforma do blindado pode ser usada como base para o desenvolvimento e a produção de uma família de blindados em diferentes versões, entre as quais viaturas de reconhecimento, socorro, posto de comando, porta-morteiro e ambulância.

O blindado conta com o motor Cursor 9 Euro V, da FPT Industrial. O Cursor “militar” foi configurado para entregar 380 cv. Especialmente para aplicação no Guarani, o motor recebeu reforços para atender as exigências da aplicação militar. A começar pela blindagem no alternador, responsável por gerenciar as fontes de energia elétrica como a bateria, e no módulo eletrônico de injeção de combustível. Além de estar blindado, o módulo foi montado em uma área mais protegida do veículo. As tampas do cabeçote do motor, originalmente de plástico, foram trocadas por tampas de ferro fundido.

Forte aceleração e respostas rápidas. Essas características marcam o desempenho do motor Cursor 9, e são resultantes das altas pressões de injeção de diesel do sistema eletrônico do motor, que favorecem a pulverização do combustível na câmara de combustão, e, consequentemente possibilitam uma queima mais eficiente. Para se ter uma ideia, a pressão de injeção de um motor a gasolina convencional em um carro popular chega a três bar, enquanto o motor da FPT Industrial entrega 1.800 bar. Além de potente e forte, o motor tem uma vida útil de 8 mil horas.

Com informações do site SeteLagoas.com.br

 :arrow:  https://tecnodefesa.com.br/fabrica-da-iveco-veiculos-de-defesa-recebe-importante-certificacao-internacional/
 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 5579
  • Recebeu: 573 vez(es)
  • Enviou: 381 vez(es)
  • +4406/-3516
Re: VBTP-MR 6×6 GUARANI
« Responder #57 em: Janeiro 23, 2021, 10:15:40 pm »
 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 5579
  • Recebeu: 573 vez(es)
  • Enviou: 381 vez(es)
  • +4406/-3516
Re: VBTP-MR 6×6 GUARANI
« Responder #58 em: Janeiro 23, 2021, 10:20:47 pm »
Argentinos renovam o interesse no Guarani


Citar
O Ministério da Defesa argentino mais uma vez demonstrou que está de olho nos VBTP 6X6 Guarani, fabricados pela Iveco. Isso ficou demonstrado durante encontro entre o ministro Agustín Rossi com o secretário de Assuntos Estratégicos do Brasil, o vice-almirante Flavio Augusto Viana Rocha, com quem também compartilhou questões da agenda de defesa bilateral.

Sobre isso, Rossi destacou que “uma parte dos blindados, seu motor e chassi (*), é fabricado no país vizinho, mais precisamente na fábrica da Iveco em Córdoba”. Além disso, o chefe da pasta afirmou que se avançou em “outras iniciativas complementares entre as Forças Armadas da Argentina e do Brasil”.

Estiveram presentes à reunião outras autoridades, entre as quais o chefe do Estado-Maior Conjunto, general de divisão Juan Martín Paleo; os secretários de Estratégia e Assuntos Militares, Sergio Rossi; de relações internacionais da defesa, Francisco Cafiero; de Pesquisa, Política Industrial e Produção de Defesa, Daniela Castro; o subsecretário de assuntos internacionais, Roberto De Luise; e a subsecretária de Planejamento Operacional e Serviço de Logística de Defesa, Lucía Kersul.

(*) O VBTP-MSR 6×6 Guarani é monobloco, e o ministro está se referindo ao subchassi.


 :arrow:  https://tecnodefesa.com.br/los-hermanos-renovam-o-interesse-no-guarani/
 

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 12108
  • Recebeu: 574 vez(es)
  • Enviou: 236 vez(es)
  • +98/-82
Re: VBTP-MR 6×6 GUARANI
« Responder #59 em: Fevereiro 08, 2021, 03:46:40 pm »