Projecto NPO 2000 da Marinha Portuguesa

  • 5928 Respostas
  • 1345094 Visualizações
*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8442
  • Recebeu: 3829 vez(es)
  • Enviou: 714 vez(es)
  • +4984/-785
Re: Projecto NPO 2000 da Marinha Portuguesa
« Responder #5595 em: Outubro 27, 2022, 02:54:33 pm »
O tribunal de contas rejeitou pela segunda vez, pedido de gestão por parte a entidade que o iria gerir, e então o governo decidiu avançar através dos métodos tradicionais.

Estava difícil o governo tomar a decisão acertada, de não colocar a gestão do processo na mão de amigos a mamar milhões?

Num país normal o processo estava a andar sem invenções, mas por cá é sempre preciso inventar artimanhas para distribuir riqueza por quem mais importa.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44

*

LM

  • Investigador
  • *****
  • 2470
  • Recebeu: 903 vez(es)
  • Enviou: 3119 vez(es)
  • +567/-75
Re: Projecto NPO 2000 da Marinha Portuguesa
« Responder #5596 em: Outubro 27, 2022, 03:02:26 pm »
E já há estaleiro escolhido? Julgo que não... e o governo só deve querer (por motivos de "perceção dos eleitores") os West Sea; logo temos 2 interessantes variáveis, orçamento e prazo (mais "competência" do Estado para gerir o contrato, providenciar equipamento, etc).  ::)   
Quidquid latine dictum sit, altum videtur
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8442
  • Recebeu: 3829 vez(es)
  • Enviou: 714 vez(es)
  • +4984/-785
Re: Projecto NPO 2000 da Marinha Portuguesa
« Responder #5597 em: Outubro 27, 2022, 03:11:21 pm »
Mas há algum outro estaleiro nacional com essa capacidade? Se houvesse um segundo estaleiro nacional com capacidade de construir os NPO batch 3, porque não em vez de se fingir que há um concurso (onde o vencedor já é óbvio), não se contratava ambos os estaleiros a construir os restantes navios? Assim tínhamos entregas mais rápidas e não ficávamos totalmente dependentes da disponibilidade (em carteira de encomendas) da West Sea.

Nos EUA isto resulta para a construção dos Arleigh Burke. Por cá talvez os NPO sejam um projecto demasiado complexo e super secreto, para ser construído por 2 estaleiros.
 

*

LM

  • Investigador
  • *****
  • 2470
  • Recebeu: 903 vez(es)
  • Enviou: 3119 vez(es)
  • +567/-75
Re: Projecto NPO 2000 da Marinha Portuguesa
« Responder #5598 em: Outubro 27, 2022, 03:46:07 pm »
O que eu queria dizer era que, por motivos óbvios (ie não ter de explicar terem escolhido estaleiros estrangeiros), o governo só deve considerar estaleiros nacionais... logo, porque julgo serem os únicos com essa capacidade, os West Sea.
Quidquid latine dictum sit, altum videtur
 

*

PereiraMarques

  • Moderador Global
  • *****
  • 7925
  • Recebeu: 1256 vez(es)
  • Enviou: 344 vez(es)
  • +5169/-235
Re: Projecto NPO 2000 da Marinha Portuguesa
« Responder #5599 em: Outubro 27, 2022, 04:17:33 pm »
O FD virou o FB? Não leem as questões primeiro? O TC não rejeitou (diretamente) a construção dos NPO, o que rejeitou, pela segunda vez, foi a IdD - Portugal Defence, holding do setor empresarial do Estado, receber uma comissão para a "gestão do programa de aquisição", o que podia (e ser devia) ser feito diretamente pela Marinha.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, Charlie Jaguar, HSMW

*

PTWolf

  • Analista
  • ***
  • 762
  • Recebeu: 340 vez(es)
  • Enviou: 1617 vez(es)
  • +982/-189
Re: Projecto NPO 2000 da Marinha Portuguesa
« Responder #5600 em: Outubro 27, 2022, 10:11:15 pm »
O que eu queria dizer era que, por motivos óbvios (ie não ter de explicar terem escolhido estaleiros estrangeiros), o governo só deve considerar estaleiros nacionais... logo, porque julgo serem os únicos com essa capacidade, os West Sea.

O Alfeite não teria capacidade?
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 18164
  • Recebeu: 5479 vez(es)
  • Enviou: 5822 vez(es)
  • +7116/-9501
Re: Projecto NPO 2000 da Marinha Portuguesa
« Responder #5601 em: Outubro 28, 2022, 06:33:59 am »
O que eu queria dizer era que, por motivos óbvios (ie não ter de explicar terem escolhido estaleiros estrangeiros), o governo só deve considerar estaleiros nacionais... logo, porque julgo serem os únicos com essa capacidade, os West Sea.

O Alfeite não teria capacidade?

Impossível, já não existem carreiras de construção para navios desse tamanho
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

PTWolf

  • Analista
  • ***
  • 762
  • Recebeu: 340 vez(es)
  • Enviou: 1617 vez(es)
  • +982/-189
Re: Projecto NPO 2000 da Marinha Portuguesa
« Responder #5602 em: Outubro 28, 2022, 01:38:58 pm »
O que eu queria dizer era que, por motivos óbvios (ie não ter de explicar terem escolhido estaleiros estrangeiros), o governo só deve considerar estaleiros nacionais... logo, porque julgo serem os únicos com essa capacidade, os West Sea.

O Alfeite não teria capacidade?

Impossível, já não existem carreiras de construção para navios desse tamanho

Obrigado, desconhecia. Portanto o Alfeite atualmente serve apenas para reparações e pouco mais?
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 18164
  • Recebeu: 5479 vez(es)
  • Enviou: 5822 vez(es)
  • +7116/-9501
Re: Projecto NPO 2000 da Marinha Portuguesa
« Responder #5603 em: Outubro 28, 2022, 03:52:51 pm »
O que eu queria dizer era que, por motivos óbvios (ie não ter de explicar terem escolhido estaleiros estrangeiros), o governo só deve considerar estaleiros nacionais... logo, porque julgo serem os únicos com essa capacidade, os West Sea.

O Alfeite não teria capacidade?

Impossível, já não existem carreiras de construção para navios desse tamanho

Obrigado, desconhecia. Portanto o Alfeite atualmente serve apenas para reparações e pouco mais?

Basicamente
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8442
  • Recebeu: 3829 vez(es)
  • Enviou: 714 vez(es)
  • +4984/-785
Re: Projecto NPO 2000 da Marinha Portuguesa
« Responder #5604 em: Outubro 29, 2022, 03:17:51 pm »
O que eu queria dizer era que, por motivos óbvios (ie não ter de explicar terem escolhido estaleiros estrangeiros), o governo só deve considerar estaleiros nacionais... logo, porque julgo serem os únicos com essa capacidade, os West Sea.

O Alfeite não teria capacidade?

Impossível, já não existem carreiras de construção para navios desse tamanho

Se calhar já se pedia uma remodelação ao Alfeite. Tanto na remoção dos navios que lá estão apenas a apanhar ferrugem e a ocupar espaço (converter alguns para museu, e o resto para sucata/recifes artificiais), como na criação de uma segunda Base Naval para a Marinha, para não ter a farinha toda no mesmo saco.

Assim o Alfeite teria mais espaço, tanto para realizar manutenção de mais navios, como até para construção de navios novos. Também abria mais vagas de emprego. Este aumento de produtividade, também tornaria a empresa ainda mais atractiva para clientes estrangeiros.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Pescador

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 20183
  • Recebeu: 2966 vez(es)
  • Enviou: 2224 vez(es)
  • +1310/-3458
Re: Projecto NPO 2000 da Marinha Portuguesa
« Responder #5605 em: Outubro 29, 2022, 03:37:32 pm »
O Alfeite está como está porque o governo não quis nem quer gastar dinheiro com o mesmo.
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44, NVF, Lightning

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8442
  • Recebeu: 3829 vez(es)
  • Enviou: 714 vez(es)
  • +4984/-785
Re: Projecto NPO 2000 da Marinha Portuguesa
« Responder #5606 em: Outubro 29, 2022, 04:23:49 pm »
Não é nada de novo. Até para o orçamento de manutenção dos navios da Marinha não dão o suficiente, dinheiro este que iria directamente para o Alfeite pelo serviço prestado. Se fosse TAP ou Embraer, até em adiantado pagavam.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44

*

Pescador

  • Investigador
  • *****
  • 3977
  • Recebeu: 2580 vez(es)
  • Enviou: 2120 vez(es)
  • +5702/-2788
Re: Projecto NPO 2000 da Marinha Portuguesa
« Responder #5607 em: Outubro 29, 2022, 07:31:13 pm »
O que eu queria dizer era que, por motivos óbvios (ie não ter de explicar terem escolhido estaleiros estrangeiros), o governo só deve considerar estaleiros nacionais... logo, porque julgo serem os únicos com essa capacidade, os West Sea.

O Alfeite não teria capacidade?

Impossível, já não existem carreiras de construção para navios desse tamanho

Se calhar já se pedia uma remodelação ao Alfeite. Tanto na remoção dos navios que lá estão apenas a apanhar ferrugem e a ocupar espaço (converter alguns para museu, e o resto para sucata/recifes artificiais), como na criação de uma segunda Base Naval para a Marinha, para não ter a farinha toda no mesmo saco.

Assim o Alfeite teria mais espaço, tanto para realizar manutenção de mais navios, como até para construção de navios novos. Também abria mais vagas de emprego. Este aumento de produtividade, também tornaria a empresa ainda mais atractiva para clientes estrangeiros.

Segunda base naval nas Ilhas, por exemplo
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8442
  • Recebeu: 3829 vez(es)
  • Enviou: 714 vez(es)
  • +4984/-785
Re: Projecto NPO 2000 da Marinha Portuguesa
« Responder #5608 em: Outubro 29, 2022, 10:05:09 pm »
Num país racional, terias uma nos Açores e outra na Madeira. Mesmo que não tivessem permanentemente um número significativo de navios, já permitia o ocasional destacamento de diversos navios, num regime de rotatividade. Isto livrava espaço no Alfeite, que deixava de ser o único sítio do país onde os navios da Marinha "param".

Actualmente, do ponto de vista estratégico, se há alguma ameaça à Madeira, a resposta em termos de navios, vai demorar cerca de 1 dia a lá chegar.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Pescador

*

Pescador

  • Investigador
  • *****
  • 3977
  • Recebeu: 2580 vez(es)
  • Enviou: 2120 vez(es)
  • +5702/-2788
Re: Projecto NPO 2000 da Marinha Portuguesa
« Responder #5609 em: Outubro 29, 2022, 10:12:20 pm »
Num país racional, terias uma nos Açores e outra na Madeira. Mesmo que não tivessem permanentemente um número significativo de navios, já permitia o ocasional destacamento de diversos navios, num regime de rotatividade. Isto livrava espaço no Alfeite, que deixava de ser o único sítio do país onde os navios da Marinha "param".

Actualmente, do ponto de vista estratégico, se há alguma ameaça à Madeira, a resposta em termos de navios, vai demorar cerca de 1 dia a lá chegar.

Sim. Já tinha uma vez comentado como seria importante fazer uma base na Madeira onde pudesse atracar navios de maior porte que os Tejo.
Seria expectável num País Marítimo como Portugal de sobre maneira é, com um mar tão extenso e pretendido ser maior, ter bases nos Açores e Madeira, ou pelo menos num destes Arquipélagos. Mas aquela cola a Lisboa é que vale tudo