Notícias da Marinha

  • 2907 Respostas
  • 801189 Visualizações
*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 17813
  • Recebeu: 5298 vez(es)
  • Enviou: 5615 vez(es)
  • +6978/-9177
(sem assunto)
« Responder #375 em: Março 18, 2008, 02:27:14 pm »
Citar
Preparação para a manutenção das futuras unidades navais está em curso - 13/03/2008

Presentemente estão deslocados na Alemanha, Itália e Holanda, 26 profissionais dos quadros de pessoal do Arsenal do Alfeite, provenientes de diversas especialidades tecnológicas, que estão a frequentar cursos de formação e outras acções de familiarização com a futura manutenção dos novos submarinos, de fragatas em processo de transferência da Marinha dos Países Baixos e de uma nova geração de torpedos.

Os técnicos seleccionados para as acções de formação no estrangeiro já são especialistas qualificados nas respectivas áreas, o que facilita a apreensão de novos conhecimentos e permite a percepção da correspondente necessidade de reforço de capacidades internas do Arsenal do Alfeite, quer em adaptação de infra-estruturas, quer em obtenção de equipamento de avaliação, teste, diagnóstico e reparação de sistemas de bordo de novas gerações tecnológicas.

Algumas das acções de formação prolongam-se por mais de um ano, dando garantias de os formandos ficarem bastante bem preparados para enfrentar os desafios da manutenção das novas unidades navais que vão entrar ao serviço da Marinha portuguesa nos próximos dois anos. Estima-se que durante 2008 e 2009, mais de 120 profissionais do Arsenal do Alfeite frequentem acções de formação no estrangeiro.


http://www.arsenal-alfeite.pt/
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

JLRC

  • Investigador
  • *****
  • 2505
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +4/-85
(sem assunto)
« Responder #376 em: Março 21, 2008, 03:48:15 pm »
A Janes noticiou o seguinte :

Citar
EUROMARFOR heads to Lebanon on its first UN mission
The Italian Navy-led European Maritime Force (EUROMARFOR) task force entered Lebanese waters to join the UN Interim Force in Lebanon (UNIFIL) on 29 February 2008, assuming command of Maritime Task Force 448 (MTF 448). This deployment, known as Operation 'Impartial Behaviour', is EUROMARFOR's first operational peacekeeping tour under the aegis of the UN

[first posted to http://idr.janes.com - 12 March 2008]


Alguém sabe-me dizer se participamos nesta força já que fazemos parte da EUROMARFOR? E se sim, com que meios?
 

*

Lancero

  • Investigador
  • *****
  • 4211
  • Recebeu: 81 vez(es)
  • +73/-3
(sem assunto)
« Responder #377 em: Março 31, 2008, 11:38:39 am »
Citar
Defesa: Maquinistas Navais prestam hoje provas de aptidão profissional com apresentação de projectos inovadores  



    Lisboa, 01 Abr (Lusa) -- Os alunos do Curso de Maquinistas Navais da Marinha Portuguesa prestam hoje provas de aptidão profissional na Escola de Tecnologias Navais, em simultâneo com apresentação de quatro projectos inovadores para futura aplicação na esquadrilha de helicópteros da Armada.

 

    Entre os projectos construídos pelos formandos da Escola Departamento de Propulsão e Energia conta-se um novo RIG hidráulico, para teste de sistemas hidráulicos de aeronaves, um simulador para treino de abandono de aeronave caída no mar, e um "trolley" para transporte de torpedos e sua colocação mecânica nas aeronaves.  

 

    Estes projectos são inovadores quando comparados com instrumentos semelhantes utilizados em forças aéreas de outros países mais avançados, segundo a instituição.

 

    O simulador para treino de abandono de aeronave caída no mar reduz o teste de certificação dos tripulantes dos actuais 25 minutos para três ou quatro minutos e permite a rotação da cabine da aeronave imersa a 180º hidraulicamente, de forma mecanizada, ao contrário dos actuais sistemas de tracção por cabos.

 

    Para além da redução do peso e dimensão, o novo "trolley" para transporte de torpedos reduz a habitual equipa de três elementos e um supervisor para apenas um elemento, permitindo o transporte e montagem do torpedo na aeronave sem tracção manual. O "trolley" tradicional, com 1.200 quilos de peso, é puxado ou empurrado manualmente pela equipa.  

 

    "Estas provas tem como pano de fundo, a criação e desenvolvimento de projectos cujo resultado final tenham, tanto quanto possível, aplicação prática em unidades de Marinha", afirmou à Lusa o chefe do Departamento de Propulsão e Energia da Escola de Tecnologias Navais, José Pereira Cavaco.

 

    "Os projectos desenvolvidos este ano tiveram como intuito a sua posterior utilização pela Esquadrilha de Helicópteros Lynx MK 95", colmatando necessidades sentidas nessa estrutura", revelou a instituição.  

 

    A prova decorre no pólo de Vila Franca de Xira -- Departamento de Propulsão e Energia para os 14 alunos, actualmente 2º sargentos graduados.  

 

    O evento contará com a presença de diversas entidades civis e militares, representantes de vários órgãos da Marinha, Força Aérea e Exército.  

 

    Pela primeira vez, os projectos desenvolvidos na escola contaram com o apoio de uma instituição bancária -- BPI -  que apoiou financeiramente com cerca de 30 mil euros os projectos desenvolvidos pelos alunos.      

 
"Portugal civilizou a Ásia, a África e a América. Falta civilizar a Europa"

Respeito
 

*

luis filipe silva

  • Investigador
  • *****
  • 2049
  • Recebeu: 6 vez(es)
  • +1/-1
(sem assunto)
« Responder #378 em: Março 31, 2008, 02:38:56 pm »
Citar
Pela primeira vez, os projectos desenvolvidos na escola contaram com o apoio de uma instituição bancária -- BPI - que apoiou financeiramente com cerca de 30 mil euros os projectos desenvolvidos pelos alunos.

A nece$$idade aguça o engenho. A Armada não pense que é com uma medalhinha que motiva as pessoas com ideias. No entanto nota positiva para o evento.
-----------------------------
saudações:
Luis Filipe Silva
 

*

zocuni

  • Especialista
  • ****
  • 1055
  • Recebeu: 22 vez(es)
  • Enviou: 46 vez(es)
  • +30/-4
(sem assunto)
« Responder #379 em: Março 31, 2008, 11:57:29 pm »
Realmente,muito positivo.Que seja o princípio de muitos.

Abraços,
zocuni
 

*

Lancero

  • Investigador
  • *****
  • 4211
  • Recebeu: 81 vez(es)
  • +73/-3
(sem assunto)
« Responder #380 em: Abril 01, 2008, 04:04:16 pm »
Citar
Fragata Vasco da Gama na NATO - imagens das primeiras semanas
 
Publicado em:
 2008-04-01

O NRP Vasco da Gama partiu da Base Naval de Lisboa no dia 29 de Fevereiro e encontra-se actualmente inserido no Standing NATO Maritime Group 1 (SNMG1). Assista às imagens das primeiras semanas desta missão que se irá prolongar até Junho.


Imagens
"Portugal civilizou a Ásia, a África e a América. Falta civilizar a Europa"

Respeito
 

*

Lancero

  • Investigador
  • *****
  • 4211
  • Recebeu: 81 vez(es)
  • +73/-3
(sem assunto)
« Responder #381 em: Abril 02, 2008, 07:41:32 pm »
Duas fragatas em empenhamentos da Nato  c34x

Citar
NATO: Portugal com uma dezena de países em manobras militares no Mediterrâneo

Lisboa, 02 Abr (Lusa) - Portugal participa com uma fragata e meios aéreos,  juntamente com mais uma dezena de países, em manobras na Aliança Atlântica  que decorrem no Mediterrâneo oriental depois da cimeira da NATO em Bucareste,  que hoje se iniciou.  

 

   A Agência Lusa apurou junto do Estado-Maior da Armada que, na operação  "Phoenix Express 2008", que se inicia na próxima semana (entre 08 e 22 deste  mês), participa a fragata "Corte Real", dotada com um helicóptero do tipo  Links MK95 e uma guarnição de duas centenas de homens sob a chefia do capitão  de fragata Gonçalves Alexandre.  

 

   As manobras são dirigidas pelos Estados Unidos e envolvem a sua 6/a  frota, bem como navios da Espanha, França, Grécia, Itália e Turquia, a par  de outros não membros da NATO, como Argélia e Marrocos.  

 

   Militares de Malta, Mauritânia, Tunísia e Líbia estarão igualmente envolvidos  na operação, cujo objectivo é a criação de uma plataforma comum para controlo  do tráfego comercial e fiscalização de pescas, narcotráfico e tráfico de  imigrantes clandestinos, interdição marítima e socorro, sem esquecer o combate  ao terrorismo, precisa um comunicado da Marinha da Grécia.  

 

   A operação tem início na base naval grega de Souda, noroeste da ilha  de Creta, onde até ao dia 14 se realiza uma acção de formação no centro  aliado, prosseguindo até ao dia 20 no mar ao sul da Sicília, ao longo da  costa da Líbia.  

 

   A "Phoenix Express 2008" termina numa base naval italiana na ilha de  Augusta.  
"Portugal civilizou a Ásia, a África e a América. Falta civilizar a Europa"

Respeito
 

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 5283
  • Recebeu: 5171 vez(es)
  • Enviou: 3433 vez(es)
  • +10044/-2634
(sem assunto)
« Responder #382 em: Abril 03, 2008, 01:36:30 pm »
Citação de: "Lancero"
Duas fragatas em empenhamentos da Nato  :?
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

"(...) Que, havendo por verdade o que dizia,
DE NADA A FORTE GENTE SE TEMIA
"

Luís Vaz de Camões (Os Lusíadas, Canto I - Estrofe 97)
 

*

jonhfx

  • 50
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #383 em: Abril 03, 2008, 06:27:44 pm »
Defesa: Fragata Côrte Real participa em exercícios navais no Mediterrâneo com navios de 12 países
03 de Abril de 2008, 17:24

Lisboa, 03 Abr (Lusa) - A fragata Côrte-Real participa no exercício "Phoenix Express 2008", que se realiza entre 8 e 26 de Abril, no Mediterrâneo Central, ao largo da Grécia e Itália, informou hoje a Marinha Portuguesa.

O navio larga da Base do Alfeite a 8 de Abril com destino a Souda Bay na ilha de Creta, na Grécia.

Segundo a Marinha, o exercício insere-se na estratégia da Nato de consolidação da parceria com os países da bacia do Mediterrâneo, através da partilha de experiências e do incremento da cultura de segurança marítima.

Desta forma, Portugal, Estados Unidos da América, Marrocos, Mauritânia, Espanha, Argélia, Tunísia, Grécia, Turquia, Malta, Itália, França e Líbia unem esforços na execução de um plano de treino para garantir a segurança marítima e a salvaguarda da vida humana no mar.

O "Phoenix Express 2008" decorre em duas fases distintas. Na primeira, em terra, o objectivo consiste na troca de ideias e experiências ao nível dos procedimentos em operações de interdição marítima e acções de vistoria a embarcações consideradas suspeitas.

A segunda parte, já no mar, potenciará a prática dos conhecimentos adquiridos em terra, e servirá para a força naval maximizar o treino e consolidar perícias nas áreas de manobra, operações com aeronaves e procedimentos de comunicações.

Para esta missão, a fragata "Côrte-Real" conta, além da sua guarnição, com uma equipa do pelotão de abordagem dos fuzileiros e com um destacamento de helicópteros.

A "Côrte-Real" é comandada pelo Capitão-de-fragata António Manuel Gonçalves Alexandre que lidera uma guarnição de 190 militares, constituída por 26 oficiais, 45 sargentos e 119 praças.

SRS.

Lusa/fim
 

*

PereiraMarques

  • Moderador Global
  • *****
  • 7873
  • Recebeu: 1212 vez(es)
  • Enviou: 340 vez(es)
  • +5141/-233
(sem assunto)
« Responder #384 em: Maio 07, 2008, 09:47:26 pm »
À falta de notícias mais interessantes... :jok:

Citar
Avisos:
Uso de uniforme tempo quente:
------- Por despacho do Almirante Chefe do Estado-Maior da Armada, o uso do uniforme de tempo quente terá início em 12 de Maio de 2008.
 

*

SSK

  • Investigador
  • *****
  • 1518
  • Recebeu: 15 vez(es)
  • +7/-0
(sem assunto)
« Responder #385 em: Maio 07, 2008, 10:30:08 pm »
O uniforme de tempo quente sempre foi colocado em vigor na 1ª segunda-feira após o dia da marinha.

Mais uma tradição quebrada....

Vamos ver se este ano se quebra a tradição de anunciar mais um nome para os patrulhões...
"Ele é invisível, livre de movimentos, de construção simples e barato. poderoso elemento de defesa, perigosíssimo para o adversário e seguro para quem dele se servir"
1º Ten Fontes Pereira de Melo
 

*

JLRC

  • Investigador
  • *****
  • 2505
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +4/-85
(sem assunto)
« Responder #386 em: Maio 07, 2008, 10:44:08 pm »
Ontem vi uma camioneta de caixa fechada da Marinha com uma pintura muito interessante. Além de estar coberta de autocolante de cor azul a imitar o mar, tinha os painéis laterais com 2 fotografias enormes, a do lado direita era a F 332 Corte Real e a do lado esquerdo era o A 522 D. Carlos I. Simplesmente espectacular. Curiosamente o marinheiro que a conduzia não sabia quais eram os navios. Desculpou-se dizendo que nunca tinha embarcado  :oops:
 

*

SSK

  • Investigador
  • *****
  • 1518
  • Recebeu: 15 vez(es)
  • +7/-0
(sem assunto)
« Responder #387 em: Maio 07, 2008, 10:49:04 pm »
Muito mal está a nossa escola de alunos marinheiros, ETNA...

Como é possível :evil:  :evil:
"Ele é invisível, livre de movimentos, de construção simples e barato. poderoso elemento de defesa, perigosíssimo para o adversário e seguro para quem dele se servir"
1º Ten Fontes Pereira de Melo
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 17813
  • Recebeu: 5298 vez(es)
  • Enviou: 5615 vez(es)
  • +6978/-9177
(sem assunto)
« Responder #388 em: Maio 08, 2008, 02:11:45 pm »
Citação de: "JLRC"
Ontem vi uma camioneta de caixa fechada da Marinha com uma pintura muito interessante. Além de estar coberta de autocolante de cor azul a imitar o mar, tinha os painéis laterais com 2 fotografias enormes, a do lado direita era a F 332 Corte Real e a do lado esquerdo era o A 522 D. Carlos I. Simplesmente espectacular. Curiosamente o marinheiro que a conduzia não sabia quais eram os navios. Desculpou-se dizendo que nunca tinha embarcado  :oops:



tristeza....
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

Instrutor

  • Investigador
  • *****
  • 1309
  • Recebeu: 3 vez(es)
  • Enviou: 1 vez(es)
  • +0/-1
(sem assunto)
« Responder #389 em: Maio 08, 2008, 02:43:22 pm »
1º NPO - Viana do Castelo;
2º NPO - Figueira da Foz;

Uma proposta para o baptismo dos restantes Patrulhoes:

3º NPO - Olhão;???????
4º NPO - Portimão;????
5º NPO - Sines;?????
6º NPO - Aveiro;????
7º NPO - Sesimbra;????
8º NPO - Peniche;?????

Para os NCP
1º NCP Lisboa; ?????
2º NCP - Porto;?????

Um tributo bem merecido as cidades piscatorias desta costa Portuguesa.

AHHHH é verdade para não criar maus estares no Governo aconselho o senhor ministro da defesa a investir em mais dois patrulhoes em vez dos 8 passar para dez com os nomes:

9º NPO - Ponta Delgada;????
10º NPO - Funchal;????

Fica a proposta, abraços :lol:
"Aqui na Lusitanea existe um povo que não se governa nem se deixa governar" voz corrente entre os Romanos do Séc. I a.C