Desactivação da Base aérea nº 6 do Montijo

  • 680 Respostas
  • 149815 Visualizações
*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8013
  • Recebeu: 3589 vez(es)
  • Enviou: 686 vez(es)
  • +4862/-714
Re: Desactivação da Base aérea nº 6 do Montijo
« Responder #660 em: Outubro 10, 2023, 10:06:45 pm »
Pois, Montijo não contabilizo, até se saber o desfecho da questão do aeroporto. Para aeródromo de trânsito, a pista da BA1 não é demasiado pequena? A Ota conta com uma pista de cerca de 2.5km (medição com Google Maps), contra os 1.75 de Sintra.
« Última modificação: Outubro 10, 2023, 10:31:25 pm por dc »
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 10739
  • Recebeu: 2192 vez(es)
  • Enviou: 2961 vez(es)
  • +558/-934
Re: Desactivação da Base aérea nº 6 do Montijo
« Responder #661 em: Outubro 10, 2023, 10:19:39 pm »
Não sei que tamanho de pista é necessário, mas em Sintra já aterraram de certeza Aviocar e C-295 (talvez C-130 mas teria de confirmar).

A pista da Ota pode ser maior, mas é como digo, nada daquilo está preparado para ser uma base aérea funcional, aquilo é uma Escola de recrutas e cursos.
Mas pronto com tanta mudança ultimamente nunca se sabe, vamos ver se a Força Aérea revela alguma informação.
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8013
  • Recebeu: 3589 vez(es)
  • Enviou: 686 vez(es)
  • +4862/-714
Re: Desactivação da Base aérea nº 6 do Montijo
« Responder #662 em: Outubro 10, 2023, 10:31:09 pm »
Aviocar, C-295 e C-130 aterram lá de certeza. A questão é mesmo para outras aeronaves maiores, algo que ao ter o AT1 colado à Portela, permitia receber virtualmente qualquer aeronave, até mesmo um C-5, um Antonov, um A330, etc. Tudo também depende das funções atribuídas após a dita transferência.

Se Montijo se mantiver para a FAP, é a opção mais lógica, por ser uma base com espaço de sobra.
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 10739
  • Recebeu: 2192 vez(es)
  • Enviou: 2961 vez(es)
  • +558/-934
Re: Desactivação da Base aérea nº 6 do Montijo
« Responder #663 em: Outubro 10, 2023, 11:01:57 pm »
Lembrei-me agora de outro sitio, Alverca que possui uma infraestrutura aeronáutica funcional, torre, pista, bombeiros...



PS: A maior parte do edificado que se vê é a OGMA.
« Última modificação: Outubro 10, 2023, 11:02:52 pm por Lightning »
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8013
  • Recebeu: 3589 vez(es)
  • Enviou: 686 vez(es)
  • +4862/-714
Re: Desactivação da Base aérea nº 6 do Montijo
« Responder #664 em: Outubro 11, 2023, 12:02:12 am »
Na região, o que não faltam são boas opções. Resta perceber é o que se quer fazer do futuro AT fora da Portela.
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 10739
  • Recebeu: 2192 vez(es)
  • Enviou: 2961 vez(es)
  • +558/-934
Re: Desactivação da Base aérea nº 6 do Montijo
« Responder #665 em: Outubro 11, 2023, 12:45:07 am »
Pelo que entendi desta noticia o "novo AT1" é apenas temporário, pois o (NAL) Novo Aeroporto de Lisboa deverá ter uma área militar.
https://jornaleconomico.pt/noticias/terceiro-terminal-fim-da-base-aerea-e-dos-voos-nao-comerciais-10-recomendacoes-da-cti-para-o-aeroporto-de-lisboa/

Por isso não acho que vão andar com grandes obras...
 

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 5098
  • Recebeu: 4897 vez(es)
  • Enviou: 3164 vez(es)
  • +10002/-2550
Re: Desactivação da Base aérea nº 6 do Montijo
« Responder #666 em: Outubro 11, 2023, 09:16:55 am »
Pelo que entendi desta noticia o "novo AT1" é apenas temporário, pois o (NAL) Novo Aeroporto de Lisboa deverá ter uma área militar.
https://jornaleconomico.pt/noticias/terceiro-terminal-fim-da-base-aerea-e-dos-voos-nao-comerciais-10-recomendacoes-da-cti-para-o-aeroporto-de-lisboa/

Por isso não acho que vão andar com grandes obras...

Por acaso na altura da vinda do Papa tinham-me dito que o AT1 ia ser deslocado para a outra extremidade da Portela, ou seja, lá para os lados de Camarate, junto à cabeceira da pista 20. Só se entretanto mudaram de ideias.
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

"(...) Que, havendo por verdade o que dizia,
DE NADA A FORTE GENTE SE TEMIA
"

Luís Vaz de Camões (Os Lusíadas, Canto I - Estrofe 97)
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Lightning

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 5098
  • Recebeu: 4897 vez(es)
  • Enviou: 3164 vez(es)
  • +10002/-2550
Re: Desactivação da Base aérea nº 6 do Montijo
« Responder #667 em: Dezembro 07, 2023, 12:32:53 pm »
ANA está contra.

https://expresso.pt/economia/transportes/2023-12-07-ANA-rejeita-investir-mais-de-12-mil-milhoes-em-novo-aeroporto-opcoes-de-Alcochete-e-Vendas-Novas-rondam-8-mil-milhoes-a-50-anos-ed22009c#Echobox=1701934803

Claro que a VINCI, e não a ANA, está contra.
A ANA em 2008 efectuou um estudo acerca das localizações para um novo Aeroporto de Lisboa, o NAE, e não NAL, como alguns comentadeiros especialistas afirmam, e espantem-se, o Montijo foi liminarmente eliminado logo no inicio das avaliações pela incapacidade de expansão, limitações de pista, localização muito perto dos habitats da passarada,  altamente sujeito, bem mais do que a Portela, a operações de baixa visibilidade e muito perto do CTA obrigando ao seu fecho.

A VINCI, quer o Montijo que, com as obras de repavimentação e extensão de pista, limitada logo ao inicio pelo seu pequeno comprimento, e ausência de twy paralelo em toda a extensão, mais aerogares, terminais de bags, acessos e nova ponte, nunca, mas que nunca ficará abaixo dos 3.000 milhões, logo, segundo os especialistas afirmam, muito abaixo dos 8.000 milhões das outras localizações, mas......

.......3.000 milhões por uma infraestrutura aeroportuária que nunca processara mais de 15 milhões de pax, logo nunca poderá substituir o actual aeroporto e, obrigará a construção de outra infraestrutura assim que atingir a capacidade máxima, ou seja cerca de 15 anos após o início da operação.

São ou não são espertalhões os Franceses, e os Lusos, vendidos, da VINCI ??

Estão cá so para sugar o dinheiro dos nossos impostos e mai nada.

Abraço

Ou seja, em qualquer dos cenários em cima da mesa, a BA6 está condenada a desaparecer, não é?  :'(

Então vamos lá recapitular:

- Esquadra 501 é deslocada para Ovar, até devido à possível compra de sistemas MAFFS II para que a frota Hércules regresse à missão de combate direto aos fogos rurais;
- com o MHTC em Sintra, dá jeito que se desloque a 751 para a BA1, muito provavelmente na companhia da EHM, e mais tarde ou mais cedo talvez mesmo a 552;
- falta saber o que fazer aos Falcon da 504 sem o AT1 e BA6 (Sintra?);
- e o destino da 502, que quase de certeza passará por Beja.
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

"(...) Que, havendo por verdade o que dizia,
DE NADA A FORTE GENTE SE TEMIA
"

Luís Vaz de Camões (Os Lusíadas, Canto I - Estrofe 97)
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 10739
  • Recebeu: 2192 vez(es)
  • Enviou: 2961 vez(es)
  • +558/-934
Re: Desactivação da Base aérea nº 6 do Montijo
« Responder #668 em: Dezembro 07, 2023, 02:47:05 pm »
Ou seja, em qualquer dos cenários em cima da mesa, a BA6 está condenada a desaparecer, não é?  :'(

Eu espero que se o aeroporto for noutro sitio, que isso não interfira com o Montijo, pois isso também são despesas para o pais e todo um reorganizar de meios da FAP e da vida das pessoas afectadas.

Citar
Então vamos lá recapitular:

- Esquadra 501 é deslocada para Ovar, até devido à possível compra de sistemas MAFFS II para que a frota Hércules regresse à missão de combate direto aos fogos rurais;

Parece possível.

Citar
- com o MHTC em Sintra, dá jeito que se desloque a 751 para a BA1, muito provavelmente na companhia da EHM, e mais tarde ou mais cedo talvez mesmo a 552;

Eu pensava que a 552 (instrução) é que esteve quase a ir para a BA1 e só não foi porque o CEMFA quer esperar para saber como vai ser toda a novela do aeroporto. A 751 pode também ir para Sintra mas por ser uma base no centro do país e junto ao mar, não vejo que grande envolvimento pode ter com o MHTC, imagino mais a 552 nisso.

Citar
- falta saber o que fazer aos Falcon da 504 sem o AT1 e BA6 (Sintra?);

O que foi dito publicamente foi que a 504 iria temporariamente para uma unidade da Força Aérea até o novo aeroporto estar construído (e a sua área militar), eu só vejo como hipóteses, perto de Lisboa: a BA6 (se ainda estiver operacional e poder receber aviões), a BA1 (se tiver espaço), DGMFA em Alverca (não é uma BA mas tem pista, torre de controlo, bombeiros, etc), tem pessoal que já falou na Ota, foi uma antiga BA, mas agora não está nada funcional a nivel aeronáutico, não me parece nada provável.

Citar
- e o destino da 502, que quase de certeza passará por Beja.

Se tiverem de sair do Montijo parece o mais provável, até tendo lá os vizinhos maiores do Transporte e do MPA...
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Charlie Jaguar

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8013
  • Recebeu: 3589 vez(es)
  • Enviou: 686 vez(es)
  • +4862/-714
Re: Desactivação da Base aérea nº 6 do Montijo
« Responder #669 em: Dezembro 07, 2023, 04:07:09 pm »
Idealmente o Montijo mantinha-se BA, e não se mexia naquilo.

Agora, caso deixe de ser base aérea, e a 502 for para Beja, não haverá o risco de falta de pessoal? Principalmente tendo que se deslocar tudo o que é pessoal dedicado a esta frota de aeronaves.

E acabo por questionar, se a Ota não seria alternativa para receber, pelo menos, a 502?
 

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 5098
  • Recebeu: 4897 vez(es)
  • Enviou: 3164 vez(es)
  • +10002/-2550
Re: Desactivação da Base aérea nº 6 do Montijo
« Responder #670 em: Dezembro 07, 2023, 04:08:41 pm »
Ou seja, em qualquer dos cenários em cima da mesa, a BA6 está condenada a desaparecer, não é?  :'(

Eu espero que se o aeroporto for noutro sitio, que isso não interfira com o Montijo, pois isso também são despesas para o pais e todo um reorganizar de meios da FAP e da vida das pessoas afectadas.

Sem falar que a opção por Alcochete para localização do NAE levará forçosamente à deslocalização do Campo de Tiro, facto que num estudo anterior ficou estimado em mais de 240 milhões de euros. E aparentemente a única alternativa neste momento será Mértola.

https://www.dn.pt/sociedade/mertola-continua-a-ser-a-alternativa-para-deslocalizar-o-campo-de-tiro-de-alcochete-17460478.html
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

"(...) Que, havendo por verdade o que dizia,
DE NADA A FORTE GENTE SE TEMIA
"

Luís Vaz de Camões (Os Lusíadas, Canto I - Estrofe 97)
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Lightning

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8013
  • Recebeu: 3589 vez(es)
  • Enviou: 686 vez(es)
  • +4862/-714
Re: Desactivação da Base aérea nº 6 do Montijo
« Responder #671 em: Dezembro 07, 2023, 04:12:53 pm »
Relativamente a um novo CT, não dava para tirar partido de Santa Margarida (eventualmente expandindo a área existente)?
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 19298
  • Recebeu: 2648 vez(es)
  • Enviou: 2066 vez(es)
  • +659/-3291
Re: Desactivação da Base aérea nº 6 do Montijo
« Responder #672 em: Dezembro 07, 2023, 04:17:22 pm »
Relativamente a um novo CT, não dava para tirar partido de Santa Margarida (eventualmente expandindo a área existente)?

 :arrow:  https://www.dn.pt/sociedade/mertola-continua-a-ser-a-alternativa-para-deslocalizar-o-campo-de-tiro-de-alcochete-17460478.html
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 10170
  • Recebeu: 5463 vez(es)
  • Enviou: 4132 vez(es)
  • +8439/-1723
Re: Desactivação da Base aérea nº 6 do Montijo
« Responder #673 em: Dezembro 07, 2023, 04:45:48 pm »
Ou seja, em qualquer dos cenários em cima da mesa, a BA6 está condenada a desaparecer, não é?  :'(

Eu espero que se o aeroporto for noutro sitio, que isso não interfira com o Montijo, pois isso também são despesas para o pais e todo um reorganizar de meios da FAP e da vida das pessoas afectadas.

Sem falar que a opção por Alcochete para localização do NAE levará forçosamente à deslocalização do Campo de Tiro, facto que num estudo anterior ficou estimado em mais de 240 milhões de euros. E aparentemente a única alternativa neste momento será Mértola.

https://www.dn.pt/sociedade/mertola-continua-a-ser-a-alternativa-para-deslocalizar-o-campo-de-tiro-de-alcochete-17460478.html

CG, se o Montijo for o escolhido, como a VINCI quer, vai acontecer o mesmo, o CTA, vai parar a Mértola, o CTM.

Abraço
« Última modificação: Dezembro 07, 2023, 04:46:49 pm por tenente »
Quando um Povo/Governo não Respeita as Suas FFAA, Não Respeita a Sua História nem se Respeita a Si Próprio  !!
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8013
  • Recebeu: 3589 vez(es)
  • Enviou: 686 vez(es)
  • +4862/-714
Re: Desactivação da Base aérea nº 6 do Montijo
« Responder #674 em: Dezembro 07, 2023, 04:57:41 pm »
Relativamente a um novo CT, não dava para tirar partido de Santa Margarida (eventualmente expandindo a área existente)?

 :arrow:  https://www.dn.pt/sociedade/mertola-continua-a-ser-a-alternativa-para-deslocalizar-o-campo-de-tiro-de-alcochete-17460478.html

Nenhuma menção ao CMSM, ficando no ar a dúvida se é excluído por questões técnicas, ou simplesmente nem sequer foi equacionado por causa das quintinhas.