6 Helicópteros de Evacuação - LPM 2030

  • 3705 Respostas
  • 533907 Visualizações
*

Pescador

  • Investigador
  • *****
  • 3967
  • Recebeu: 2575 vez(es)
  • Enviou: 2115 vez(es)
  • +5702/-2783
Re: 6 Helicópteros de Evacuação - LPM 2030
« Responder #3675 em: Janeiro 25, 2024, 11:39:32 am »
Para Estaline, mandar carne para canhão fazia parte também da estratégia de cansar o inimigo. Por isso há que ver esses paralelismos

Mas há 12 C295 dos quais voam menos de metade e, o mesmo com os 12 EH101. Não por caírem, mas por falta de verba para manutenção
 

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 5481
  • Recebeu: 5434 vez(es)
  • Enviou: 3588 vez(es)
  • +10064/-2644
Re: 6 Helicópteros de Evacuação - LPM 2030
« Responder #3676 em: Janeiro 25, 2024, 11:44:21 am »
Que se despachem mas é a garantir alguns UH-60L, e se houvesse inteligência uma meia-dúzia daqueles AH-1Z que se encontram armazenados antes que sejam todos vendidos, e já não iam mesmo nada mal.
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

"(...) Que, havendo por verdade o que dizia,
DE NADA A FORTE GENTE SE TEMIA
"

Luís Vaz de Camões (Os Lusíadas, Canto I - Estrofe 97)
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, tenente, Pescador

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 10359
  • Recebeu: 5660 vez(es)
  • Enviou: 4354 vez(es)
  • +8476/-1842
Re: 6 Helicópteros de Evacuação - LPM 2030
« Responder #3677 em: Janeiro 25, 2024, 12:11:05 pm »
Que se despachem mas é a garantir alguns UH-60L, e se houvesse inteligência uma meia-dúzia daqueles AH-1Z que se encontram armazenados antes que sejam todos vendidos, e já não iam mesmo nada mal.

Afirmativo CG, nem sei porque esperam !!
A 2 Milhões/heli, mesmo só com uma verba de 20 milhões, quantia que permitiu comprar cinco Kualitas, a FAP conseguia comprar 10 UH60L

Mesmo que fossem necessários mais 30 milhões para os colocar operacionais, o custo unidade seria superior ao dos Kualitas, em 25%, o que para um heli com capacidades muito superiores e a possibilidade de serem utilizados em TO, desempenhando missões CSAR, SAR, CAS, MEDEVAC, RECONHECIMENTO AEREO, TRANSP TÁCTICO, seria uma excelente aquisição.

Citar
US Army to trim Black Hawk helicopter fleet
By Jen Judson

WASHINGTON — The U.S. Army is readying to trim its UH-60 Black Hawk utility helicopter fleet by nearly 8% as it prepares to field a replacement, Maj. Gen. Mac McCurry, the Army’s Aviation Center of Excellence commander, told Defense News in a recent interview.

The service plans to cut roughly 157 Black Hawks, or 7.5% of its total utility fleet, from its active-duty component. McCurry said the move is intended to help the Army optimize its current fleet while making room in the budget for the Black Hawk’s replacement, the Future Long-Range Assault Aircraft, or FLRAA, that will begin fielding in the early 2030s.

A year ago, the Army chose Textron-Bell’s V-280 Valor tiltrotor aircraft to replace the 40-year-old Sikorsky-manufactured UH-60. The Army also has plans to replace the Boeing-made AH-64 Apache attack helicopter with the Future Attack Reconnaissance Aircraft. Two companies are building competitive demonstrator aircraft.

“It’s really about balancing the current readiness with the procurement and fielding in the future,” McCurry said. “As we looked at our utility fleet specifically, we had grown that fleet since early in the 2000s by over 300 aircraft.”

That growth kept pace with the Army’s higher end strength during continuous rotations in Iraq and Afghanistan. The Black Hawk fleet in the fiscal 2004 timeframe consisted of 1,806 aircraft, but rose to 2,135 aircraft during counterinsurgency operations.

Today, with a smaller force, the service doesn’t need to keep all of those helicopters in service, he said. The total will now drop to 1,978 aircraft.

The Army will only be removing the oldest aircraft — a few Alpha models and the rest Lima models — from the active component. Those aircraft will not come from units actively deploying or preparing to deploy, but from what the service calls “operational readiness floats,” McCurry said.

By targeting these aircraft, he added, the service reduces the overall fleet age, lowering long-term maintenance requirements, including mitigating “some critical parts challenges.”

The Army plans to sell the divested Black Hawks either through Foreign Military Sales transactions or through an exchange and sales program, McCurry said. Each aircraft is expected to fetch roughly $2 million.

When the aircraft will be taken out of the fleet is not yet determined, McCurry said. Fleet managers between Program Executive Office Aviation and Army Aviation and Missile Command will assess the health of the fleet to determine which aircraft should move and when.

The Army remains committed to upgrading its Mike-model Black Hawks, the latest variant, McCurry said.

The service is also providing Victor models to the Army National Guard. Victor models are upgraded Lima-model helicopters with digital cockpits identical to the Mike model.

Black Hawks are also expected to get brand new engines through the Improved Turbine Engine Program, but the effort has been delayed due to technical and supply chain issues during engine development, testing and early production phases.

Meanwhile, the Army is planning to examine the size of the Boeing-manufactured CH-47 Chinook cargo fleet to ensure it also matches the service’s force structure and end strength, McCurry said.

AH-64 Apache attack helicopters will not get the same review at this time, he added, because “we have remained short of AH-64s with some recent losses and ... we are still short AH-64s.”

 :arrow: https://www.defensenews.com/land/2023/12/20/us-army-to-trim-black-hawk-helicopter-fleet/

Abraço
« Última modificação: Janeiro 25, 2024, 12:20:55 pm por tenente »
Quando um Povo/Governo não Respeita as Suas FFAA, Não Respeita a Sua História nem se Respeita a Si Próprio  !!
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, Charlie Jaguar

*

wyldething

  • Membro
  • *
  • 154
  • Recebeu: 68 vez(es)
  • Enviou: 96 vez(es)
  • +8/-36
Re: 6 Helicópteros de Evacuação - LPM 2030
« Responder #3678 em: Janeiro 25, 2024, 01:54:22 pm »
 

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 5481
  • Recebeu: 5434 vez(es)
  • Enviou: 3588 vez(es)
  • +10064/-2644
Re: 6 Helicópteros de Evacuação - LPM 2030
« Responder #3679 em: Janeiro 25, 2024, 02:52:55 pm »
Os NH90 australianos aparentemente vão mesmo ser enterrados:
 https://www.thedrive.com/the-war-zone/australia-literally-burying-its-doomed-nh90-helicopter-fleet

Sim, isso é mesmo para o nosso Exército esquecer. Os australianos estão irredutíveis nessa intenção, uma história toda ela de contornos muito estranhos e muito mal contada, como já falámos aqui.

O lado positivo é que escancara as portas da UALE ao Black Hawk, e face à verba disponível para os helis de evacuação muito dificilmente não serão células em segunda-mão. E apesar da teimosia do Exército em querer o NH90, não ficariam mal servidos com alguns UH-60L que, mais tarde, pudessem ser modernizados para a versão V.

Resta saber também se se mantém a intenção de adquirir helicópteros ligeiros para scout e escolta.
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

"(...) Que, havendo por verdade o que dizia,
DE NADA A FORTE GENTE SE TEMIA
"

Luís Vaz de Camões (Os Lusíadas, Canto I - Estrofe 97)
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: tenente

*

Pescador

  • Investigador
  • *****
  • 3967
  • Recebeu: 2575 vez(es)
  • Enviou: 2115 vez(es)
  • +5702/-2783
Re: 6 Helicópteros de Evacuação - LPM 2030
« Responder #3680 em: Janeiro 25, 2024, 04:36:27 pm »
Os NH90 australianos aparentemente vão mesmo ser enterrados:
 https://www.thedrive.com/the-war-zone/australia-literally-burying-its-doomed-nh90-helicopter-fleet

Sim, isso é mesmo para o nosso Exército esquecer. Os australianos estão irredutíveis nessa intenção, uma história toda ela de contornos muito estranhos e muito mal contada, como já falámos aqui.

O lado positivo é que escancara as portas da UALE ao Black Hawk, e face à verba disponível para os helis de evacuação muito dificilmente não serão células em segunda-mão. E apesar da teimosia do Exército em querer o NH90, não ficariam mal servidos com alguns UH-60L que, mais tarde, pudessem ser modernizados para a versão V.

Resta saber também se se mantém a intenção de adquirir helicópteros ligeiros para scout e escolta.

"E apesar da teimosia do Exército em querer o NH90"

As birras tratam-se deixando faze-las sozinho e sem passar cartucho.

Tem de existir bom senso e decidir algo que seja comum, porque não serão assim tantas unidades no total. Sendo o médios para futuro na FAP e Marinha, mesmo nas suas diferentes versões, deve ser o mesmo na versão adequada para o Exército.
E apesar de parecer um belo helicóptero em tese, tendo assim tantas questão obscuras é melhor prevenir para não ficarmos com o menino nas mãos e mal servidos na mesma.


Mas...as vezes fico com a impressão, errada certamente, que as aquisições são levadas como compras no Centro Comercial. Ora, para bem da logística e até poupança explorando os melhor os contratos, tem de haver planeamento mais abrangente nos Ramos. Isto relativo a meios semelhantes. O caso da tal arma de  assalto é um deles, mas aplica-se outros.

Acho que faz sentido um meio comum nas suas diferentes versões e que não tenha "casos" no cadastro


 

« Última modificação: Janeiro 25, 2024, 05:14:16 pm por Pescador »
 

*

Get_It

  • Investigador
  • *****
  • 2265
  • Recebeu: 524 vez(es)
  • Enviou: 466 vez(es)
  • +835/-827
Re: 6 Helicópteros de Evacuação - LPM 2030
« Responder #3681 em: Janeiro 26, 2024, 10:40:33 am »
Ia por erro colocar esta notícia no tópico do exército francês. Sei que são helicópteros para a protecção civil, mas deixo aqui visto que já se falou da compra alemã e mais recentemente já se referiu novamente nos H145:

Francia también se apunta a la compra de helicópteros H145 y pide 42 a Airbus
(25 de Janeiro de 2024)
Citação de: Ginés Soriano / InfoDefensa
El helicóptero bimotor ligero H145 ha obtenido un nuevo gran pedido, en este caso de Francia. El ministerio del Interior galo ha encargado 41 unidades de este modelo del que las fuerzas armadas alemanas han adquirido hace unas semanas 62 unidades de la versión militar (H145M) más otras 20 en opción. Se trata del mismo modelo que Airbus Helicopters, su fabricante, ofreció el año pasado a España como plataforma complementaria al helicóptero de ataque Tigre y al helicóptero multipropósito NH90 en servicio en las Fuerzas Aeromóviles del Ejército de Tierra (Famet)

La compra francesa se ha realizado a través de su Dirección General de Armamento (DGA), aunque en nombre del Ministerio del Interior. El cronograma previsto contempla el arranque de las entregas este mismo año. De los 42 pedidos, 36 irán destinados a operaciones de rescate y emergencias, prestando servicio a la Sécurité Civile. Mientras que los seis restantes cubrirán operaciones policiales para la Gendarmerie Nationale.

El contrato contempla además la opción de compra de otras 22 unidades para la Gendarmería Nacional, junto a "una gama de soluciones de soporte y servicio, desde capacitación hasta repuestos, así como un paquete completo de soporte inicial para el avión", según detalla la información facilitada por la compañía.

Su director ejecutivo, Bruno Even, ha destacado que el H145 ya ha demostrado su eficacia en tareas de seguridad civil, a través de "numerosas misiones de rescate en el difícil entorno montañoso de los Alpes franceses". En cuanto a la Gendarmería, con la adquisición de estos aparatos "se beneficiará de un helicóptero de última generación equipado con los últimos sistemas de misión", y que, ha añadido, "es utilizado por muchos organismos encargados de hacer cumplir la ley en todo el mundo".

[continua]
Fonte: https://www.infodefensa.com/texto-diario/mostrar/4692829/francia-tambien-apunta-compra-helicopteros-h145-pide-42-airbus

Cumprimentos,
:snip: :snip: :Tanque:
 

*

Red Baron

  • Investigador
  • *****
  • 2866
  • Recebeu: 579 vez(es)
  • Enviou: 354 vez(es)
  • +153/-469
Re: 6 Helicópteros de Evacuação - LPM 2030
« Responder #3682 em: Janeiro 26, 2024, 11:19:19 pm »
Os NH90 australianos aparentemente vão mesmo ser enterrados:
 https://www.thedrive.com/the-war-zone/australia-literally-burying-its-doomed-nh90-helicopter-fleet

Sim, isso é mesmo para o nosso Exército esquecer. Os australianos estão irredutíveis nessa intenção, uma história toda ela de contornos muito estranhos e muito mal contada, como já falámos aqui.

O lado positivo é que escancara as portas da UALE ao Black Hawk, e face à verba disponível para os helis de evacuação muito dificilmente não serão células em segunda-mão. E apesar da teimosia do Exército em querer o NH90, não ficariam mal servidos com alguns UH-60L que, mais tarde, pudessem ser modernizados para a versão V.

Resta saber também se se mantém a intenção de adquirir helicópteros ligeiros para scout e escolta.

Podíamos dizer o mesmo da FAP em relação ao F-35A. A integração em forças estrangeiras é muito valorizada, especialmente no Exercito. É bom lembrar que o Exercito preferiu treinar os seu pilotos em Espanha do que na FAP.
 

*

Get_It

  • Investigador
  • *****
  • 2265
  • Recebeu: 524 vez(es)
  • Enviou: 466 vez(es)
  • +835/-827
Re: 6 Helicópteros de Evacuação - LPM 2030
« Responder #3683 em: Janeiro 27, 2024, 06:18:48 pm »
Aprovada a venda de mais oito UH-60M para a Croácia:

Croatia approved for $500m Black Hawk purchase (27 de Janeiro de 2023)
US State Department approves $500M sale of helicopters to Croatia (27 de Janeiro de 2023)

Citação de: Colton Jones / Defence Blog
The Defense Security Cooperation Agency, the top arms broker for the Pentagon, reported that the Government of Croatia has formally requested the purchase of eight UH-60M Black Hawk helicopters along with associated equipment and services.

(...)

Croatia currently operates four UH-60 helicopters, with the initial two being acquired from the United States in 2018, and an additional two received at no cost. The delivery of the first pair of Black Hawk helicopters took place in February 2022.

Cumprimentos,
:snip: :snip: :Tanque:
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Subsea7

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8426
  • Recebeu: 3820 vez(es)
  • Enviou: 714 vez(es)
  • +4982/-785
Re: 6 Helicópteros de Evacuação - LPM 2030
« Responder #3684 em: Janeiro 31, 2024, 09:48:42 pm »
Podíamos dizer o mesmo da FAP em relação ao F-35A. A integração em forças estrangeiras é muito valorizada, especialmente no Exercito. É bom lembrar que o Exercito preferiu treinar os seu pilotos em Espanha do que na FAP.

Realmente é comparável.

F-35: único caça de 5ª geração produzido em massa no Ocidente, usado pela maioria dos aliados, do qual já foram produzidas 1000 unidades, e com um preço unitário equivalente à concorrência de geração 4.5, para um programa que é suposto dar à FAP um caça novo para durar até 2065/70.

NH90: não é mais usado por aliados que as diversas variantes do UH-60, considerado problemático pelos utilizadores, seria forçosamente mais caro que os UH-60 em segunda-mão, seria ainda outro modelo de helicóptero completamente diferente dos já em uso pelas FA portuguesas, faz virtualmente o mesmo que o Merlin, só que pior, e não tem a mesma capacidade de armamento que os UH-60.

Chegas a um ponto em que é preciso aceitar que, sim o NH90 é um helicóptero bonito, mas do ponto de vista prático e logístico (salada de frutas de helicópteros) não faz qualquer sentido.

Sim, isso é mesmo para o nosso Exército esquecer. Os australianos estão irredutíveis nessa intenção, uma história toda ela de contornos muito estranhos e muito mal contada, como já falámos aqui.

O lado positivo é que escancara as portas da UALE ao Black Hawk, e face à verba disponível para os helis de evacuação muito dificilmente não serão células em segunda-mão. E apesar da teimosia do Exército em querer o NH90, não ficariam mal servidos com alguns UH-60L que, mais tarde, pudessem ser modernizados para a versão V.

Resta saber também se se mantém a intenção de adquirir helicópteros ligeiros para scout e escolta.

A questão dos helicópteros de scout/escolta/ataque, será difícil de justificar. Pois os modelos de helicópteros em uso são "mais que as mães", os pilotos para todos eles vão inevitavelmente escassear, tal como o pessoal de terra necessário para tanta coisa diferente.

Para pensarmos em ter esse tipo de helicóptero, era necessário conseguir fazer a transição para um formato de apenas 3 modelos de helis militares primeiro: 1 ligeiro, 1 médio e 1 "pesado". Hoje são demasiados modelos, para ser viável acrescentar outro de scout, seria necessário tentar uniformizar as restantes frotas (por exemplo, substituindo os Lynx por SH/MH-60, e substituir todos os helis de combate aos fogos por mais UH-60 ou AW-119).

O nosso erro começou com a compra do AW-119, monomotor e civil, para uma esquadra que teria beneficiado de um modelo ligeiro bimotor e militar, como o H145M ou o AW-169M, e se fosse este o caso, bastaria então adquirir mais quantidade do helicóptero em causa para as missões de scout/ataque/escolta.

Se a intenção de um helicóptero para essas missões se mantiver, só vejo duas opções viáveis financeiramente: AH-1 em segunda-mão, ou mais UH-60 numa configuração tipo "Battlehawk". Pessoalmente já me contentava com este último.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Pescador

*

Pescador

  • Investigador
  • *****
  • 3967
  • Recebeu: 2575 vez(es)
  • Enviou: 2115 vez(es)
  • +5702/-2783
Re: 6 Helicópteros de Evacuação - LPM 2030
« Responder #3685 em: Fevereiro 01, 2024, 10:24:01 am »
O problema são os "gostos"  e os donos das tascas não abdicarem dos seu "gosto". Falta um planeamento em profundidade que esteja acima dos "gostos" individuais.

E levar a coisa até ao fim, não a pensar em lebre, para depois comprar gato
« Última modificação: Fevereiro 01, 2024, 10:28:21 am por Pescador »
 

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 5481
  • Recebeu: 5434 vez(es)
  • Enviou: 3588 vez(es)
  • +10064/-2644
Re: 6 Helicópteros de Evacuação - LPM 2030
« Responder #3686 em: Fevereiro 01, 2024, 10:42:30 am »
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

"(...) Que, havendo por verdade o que dizia,
DE NADA A FORTE GENTE SE TEMIA
"

Luís Vaz de Camões (Os Lusíadas, Canto I - Estrofe 97)
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, tenente, CruzSilva, Pescador, JohnM

*

Subsea7

  • Investigador
  • *****
  • 1776
  • Recebeu: 1628 vez(es)
  • Enviou: 2495 vez(es)
  • +5495/-2909
Re: 6 Helicópteros de Evacuação - LPM 2030
« Responder #3687 em: Fevereiro 01, 2024, 09:41:13 pm »
Isto é que era! c56x1

https://twitter.com/Go160thSoar/status/1752768760669180002

Só não é AH-60 e/ou AH-1Z, devido a mentalidades africanas que andam pelo EMGFA e EMFA....
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, Charlie Jaguar

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 5146
  • Recebeu: 743 vez(es)
  • Enviou: 1632 vez(es)
  • +8536/-4167

*

CruzSilva

  • Investigador
  • *****
  • 1309
  • Recebeu: 521 vez(es)
  • Enviou: 2173 vez(es)
  • +672/-118