Sector Automóvel

  • 169 Respostas
  • 31484 Visualizações
*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 12767
  • Recebeu: 3104 vez(es)
  • Enviou: 7602 vez(es)
  • +791/-1317
    • http://youtube.com/HSMW
Re: Sector Automóvel
« Responder #90 em: Junho 01, 2021, 11:48:55 pm »
Concordo Viajante!! Tempos absolutamente loucos!
O mundo e a sociedade estão seguros por arames e anda tudo distraído com a marquise do Ronaldo, a musica do Euro....

Quanto ao principal país produtor de componentes, o vídeo refere... Taiwan.

É só uma questão de tempo. Depois nem carros, nem computadores, telemóveis, satélites...

Mais um sector tecnológico que Portugal devia aproveitar, tendo em conta que até forma bastantes engenheiros e técnicos de electrónica!
https://www.youtube.com/user/HSMW/videos

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 

*

Get_It

  • Investigador
  • *****
  • 2265
  • Recebeu: 524 vez(es)
  • Enviou: 466 vez(es)
  • +835/-827
Re: Sector Automóvel
« Responder #91 em: Junho 02, 2021, 08:27:31 am »
E o mais engraçado nisto tudo é que já tivemos (e ainda temos uma parte de) um dos maiores fabricantes de semi-conductores do mundo em território nacional.

Cumprimentos,
:snip: :snip: :Tanque:
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 18156
  • Recebeu: 5472 vez(es)
  • Enviou: 5819 vez(es)
  • +7112/-9496
Re: Sector Automóvel
« Responder #92 em: Junho 02, 2021, 08:32:45 am »
Um funcionário de um concessionário já me tinha falado disto.
E confirma-se. A escassez de semicondutores!


Todo o sector informático tem problemas de fornecer equipamentos e peças, que vão desde processadores, memórias, gráficas então ...... gráficas topo de gama as marcas só permitem vender..... se for para um revendedor montar um pc ou servidor, além de custarem uma fortuna (por causa da mineração de criptomoedas), agora também os discos rígidos estão a subir de preço sem parar, devido à Chia chinesa (criptomoeda minerada através de discos rígidos!!!!!).

Eu encomendei 5 Surfaces Pro 7+ novos para revender a 1 cliente, em Fevereiro e só tive 4 2 meses depois! Estamos em Junho e ainda falta entregar um portátil que o cliente encomendou em Fevereiro!!!!!!!

Mas mais grave deu-se no início da pandemia, com toda a gente a trabalhar e estudar em casa, os portáteis esgotaram quase todos..... restaram só alguns topos de gama e o mercado de usados está a correr muito bem. Ao ponto de já ter tido ofertas para um parque de 100 pc usados que temos embalados!!!!!!

Cheguei a configurar portáteis que já estavam a ganhar pó à anos, para rodarem o Xubuntu ou windows xp!!!!!
No ano passado encomendamos 50 portáteis...... que recebemos quase 3 meses depois e depois da encomenda ter sido um ..... desvio autorizado pela marca de uma encomenda de 500 portáteis feita por uma grande empresa nacional!!!!!

E já agora, já pensaram quem é que produz este material que está a esgotar e aumenta exponencialmente de preço!?
Que país será?
Discos, processadores, gráficas, ......
Neste momento e quase para qualquer tipo de fornecimento de material informático, não é possível garantir nenhum prazo, excepto se o revendedor nacional (no máximo são meia dúzia) tiver stock de material. Já estou a pré-reservar até câmaras de videovigilãncia e AP a 1 e 2 meses de antecedência!!!!!!

Se eu quiser encomendar agora uma gráfica RTX 3090, que custa só uns 3 a 4 000€ não é possível comprar!!!! As "quintas" de mineração caçam tudo o que mexe!!!!! E as marcas proíbem a venda até a revendedores!!!!!!

Estamos a viver tempos loucos!!!!!

Fiquei de boca aberta quando há uns tempos fui à BOX e não existiam portáteis à venda a menos de 1000€!!!!!
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

Viajante

  • Investigador
  • *****
  • 4292
  • Recebeu: 2419 vez(es)
  • Enviou: 1394 vez(es)
  • +7369/-4444
Re: Sector Automóvel
« Responder #93 em: Junho 02, 2021, 10:00:00 am »
E o mais engraçado nisto tudo é que já tivemos (e ainda temos uma parte de) um dos maiores fabricantes de semi-conductores do mundo em território nacional.

Cumprimentos,

A Quimonda em Vila do Conde!
Quando eu falo contra o centralismo de Lisboa caiem-me em cima quem vive do centralismo, mas aqui está o exemplo perfeito de como é que é possível deixar caír o maior exportador nacional, maior ainda que a Autoeuropa, com maior valor acrescentado que a Autoeuropa e o Governo nem se incomodou a deixar caír uma fábrica que nem passava por dificuldades, o problema estava na sede em Dresden!

Como é possível deixar caír uma empresa com mais de 2 000 engenheiros empregados (governo socialista, note-se) e salva-se a falida TAP. Onde é mesmo a sede da TAP? E quem é que lá trabalha? E se calhar terá sindicatos muito mais poderosos a defenderem uma empresa falida!!!!!!

Estiveram a fazer quase o mesmo quando congelaram as contas da Isabelinha e quase levavam à falência a EFACEC por não poder movimentar as contas da empresa!!!!!!!

https://expresso.pt/economia/qimonda-portugal-lidera-exportacoes-nacionais=f308676
https://www.publico.pt/2009/11/26/jornal/qimonda-portugal-passa-a-nanium-e-e-a-unica--empresa-da-multinacional-a-escapar-a-falencia-18293929
https://en.wikipedia.org/wiki/Qimonda

Quanto ao que resta da Quimonda..... a Nanium parece mexer, mas qual o tamanho actual? Agora é apenas uma fábrica da Amkor!
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44, HSMW

*

Viajante

  • Investigador
  • *****
  • 4292
  • Recebeu: 2419 vez(es)
  • Enviou: 1394 vez(es)
  • +7369/-4444
Re: Sector Automóvel
« Responder #94 em: Junho 02, 2021, 10:25:48 am »
Um funcionário de um concessionário já me tinha falado disto.
E confirma-se. A escassez de semicondutores!


Todo o sector informático tem problemas de fornecer equipamentos e peças, que vão desde processadores, memórias, gráficas então ...... gráficas topo de gama as marcas só permitem vender..... se for para um revendedor montar um pc ou servidor, além de custarem uma fortuna (por causa da mineração de criptomoedas), agora também os discos rígidos estão a subir de preço sem parar, devido à Chia chinesa (criptomoeda minerada através de discos rígidos!!!!!).

Eu encomendei 5 Surfaces Pro 7+ novos para revender a 1 cliente, em Fevereiro e só tive 4 2 meses depois! Estamos em Junho e ainda falta entregar um portátil que o cliente encomendou em Fevereiro!!!!!!!

Mas mais grave deu-se no início da pandemia, com toda a gente a trabalhar e estudar em casa, os portáteis esgotaram quase todos..... restaram só alguns topos de gama e o mercado de usados está a correr muito bem. Ao ponto de já ter tido ofertas para um parque de 100 pc usados que temos embalados!!!!!!

Cheguei a configurar portáteis que já estavam a ganhar pó à anos, para rodarem o Xubuntu ou windows xp!!!!!
No ano passado encomendamos 50 portáteis...... que recebemos quase 3 meses depois e depois da encomenda ter sido um ..... desvio autorizado pela marca de uma encomenda de 500 portáteis feita por uma grande empresa nacional!!!!!

E já agora, já pensaram quem é que produz este material que está a esgotar e aumenta exponencialmente de preço!?
Que país será?
Discos, processadores, gráficas, ......
Neste momento e quase para qualquer tipo de fornecimento de material informático, não é possível garantir nenhum prazo, excepto se o revendedor nacional (no máximo são meia dúzia) tiver stock de material. Já estou a pré-reservar até câmaras de videovigilãncia e AP a 1 e 2 meses de antecedência!!!!!!

Se eu quiser encomendar agora uma gráfica RTX 3090, que custa só uns 3 a 4 000€ não é possível comprar!!!! As "quintas" de mineração caçam tudo o que mexe!!!!! E as marcas proíbem a venda até a revendedores!!!!!!

Estamos a viver tempos loucos!!!!!

Fiquei de boca aberta quando há uns tempos fui à BOX e não existiam portáteis à venda a menos de 1000€!!!!!

Já foi mais grave, mas mesmo assim hoje em dia é muito difícil garantir datas, ou o fornecedor nacional tem em stock ou não se sabe em que mês chega a Portugal. O caso é mais grave nos portáteis por causa dos teclados!!!!

Tenho uma minúscula empresa tecnológica e posso dizer-lhe que no ano passado uma Escola encomendou 2 portáteis, faço download do stock do fornecedor nacional (literal só há meia dúzia de distribuidores informáticos para o país inteiro), e estava quase tudo esgotado!!!!!! Só escapavam portáteis da linha empresarial que custam para cima de 1000€!!!!!!

Ainda à dias pediram cotação de peças para uma Escola montar 1 ou mais servidores, mas nem dei preços, porque nenhum distribuidor tinhas as peças todas, então processadores e placas-mãe..... e discos só há se forem os mais fracos.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 20181
  • Recebeu: 2965 vez(es)
  • Enviou: 2224 vez(es)
  • +1309/-3458
Re: Sector Automóvel
« Responder #95 em: Junho 02, 2021, 02:34:07 pm »
Vi no 60 minutos uma reportagem sobre isso. Durante o primeiro confinamento houve muitas fábricas fechadas, muitos negócios congelados e por isso a produção caiu a pico. Depois disso foi sempre a recuperar, mas entre as aquisições em massa de portáteis e os problemas acima mencionados, o mercado ficou muito deficitário. Como a produção de semi-condutores leva o seu tempo (não, não é algo que se faz em segundos ou minutos), até a produção ajustar-se à procura ainda vai demorar algum tempo.

 :arrow: https://www.bloomberg.com/news/features/2021-01-25/the-world-is-dangerously-dependent-on-taiwan-for-semiconductors
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

Get_It

  • Investigador
  • *****
  • 2265
  • Recebeu: 524 vez(es)
  • Enviou: 466 vez(es)
  • +835/-827
Re: Sector Automóvel
« Responder #96 em: Junho 04, 2021, 08:45:38 am »
Quanto ao que resta da Quimonda..... a Nanium parece mexer, mas qual o tamanho actual? Agora é apenas uma fábrica da Amkor!
Já não estou a par. Sei que o número de pessoal de engenharia e de gestão é superior, talvez o dobro, da produção. Na produção deve andar abaixo dos 100. Uma parte ainda está a ser convertida em parque industrial para escritórios de outras empresas mas ainda tem muito equipamento parado que tem de ser retirado. Pelo que me disseram em tempos, eles andavam a tentar copiar - ainda sem sucesso - um dos processos de produção para uma das fábricas na Coreia do Sul antes de fechar de vez a produção cá.

Cumprimentos,
:snip: :snip: :Tanque:
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Viajante

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 18156
  • Recebeu: 5472 vez(es)
  • Enviou: 5819 vez(es)
  • +7112/-9496
Re: Sector Automóvel
« Responder #97 em: Junho 04, 2021, 09:18:20 am »
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

Viajante

  • Investigador
  • *****
  • 4292
  • Recebeu: 2419 vez(es)
  • Enviou: 1394 vez(es)
  • +7369/-4444
Re: Sector Automóvel
« Responder #98 em: Junho 04, 2021, 10:07:08 am »
Pelo que me disseram em tempos, eles andavam a tentar copiar - ainda sem sucesso - um dos processos de produção para uma das fábricas na Coreia do Sul antes de fechar de vez a produção cá.

Cumprimentos,

Mais um motivo para a incompreensível passividade do Estado que deixou falir uma fábrica que era líder mundial na produção de memórias e que tinha tecnologia que estavam a tentar replicar noutras paragens!!!!!

Nós não aprendemos, empresas com alto potencial tecnológico e de criação de riqueza, deixamos falir, empresas ou bancos falidos, vamos lá despejar milhares de milhões de euros para tentar salvar uma empresa que já era deficitária antes da pandemia (neste caso 2 empresas, a TAP e a SATA).

O Get_it sabe algo da suposta ameaça da Merkl ao Sócrates, em que este chegou a ponderar cancelar a encomenda dos submarinos (o governo na altura nem esteve presente na sua recepção, pelo ciúme das ajudas de custo que recebeu o CDS, talvez  :mrgreen:
A Merkl ao saber, ameaçou retirar a Autoeuropa de Portugal? Li algo em tempos sobre isso, mas não consigo re-encontrar. E até mais tarde, aparece a Merkl a apoiar mais investimento alemão em Portugal, nomeadamente na Autoeuropa (https://www.rtp.pt/noticias/economia/nicolau-santos-ve-dedo-de-merkel-no-investimento-da-autoeuropa_a727499)
 

*

Get_It

  • Investigador
  • *****
  • 2265
  • Recebeu: 524 vez(es)
  • Enviou: 466 vez(es)
  • +835/-827
Re: Sector Automóvel
« Responder #99 em: Junho 04, 2021, 06:16:41 pm »
Não sei nada de mais acerca dessa suposta ameaça. Isso não me parece estranho mas sinceramente até tenho dificuldade em me lembrar se já tinha lido algum comentário acerca disso aqui no fórum ou se simplesmente esse tipo de coisas já não me espanta e parece ser totalmente normal.

A única coisa que me vem à cabeça da Autoeuropa é uma história que ouvi noutros tempos relacionada com a criação de uma empresa espécie de spin-off dedicada ao fabrico de componentes automóveis. Empresa essa que serviria de primeiro cliente para uma marca made in Portugal de máquinas CNC para a metalomecânica criada a partir da transferência de tecnologia e fundos oriundos das contrapartidas de um contrato. Não sei é se seriam contrapartidas relacionadas com os submarinos, com os C-295 ou outra aquisição qualquer.

Cumprimentos,
:snip: :snip: :Tanque:
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Viajante

*

Get_It

  • Investigador
  • *****
  • 2265
  • Recebeu: 524 vez(es)
  • Enviou: 466 vez(es)
  • +835/-827
Re: Sector Automóvel
« Responder #100 em: Junho 05, 2021, 03:24:50 pm »
Why There are Now So Many Shortages (It's Not COVID)


Cumprimentos,
:snip: :snip: :Tanque:
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW, Viajante

*

Viajante

  • Investigador
  • *****
  • 4292
  • Recebeu: 2419 vez(es)
  • Enviou: 1394 vez(es)
  • +7369/-4444
Re: Sector Automóvel
« Responder #101 em: Junho 05, 2021, 06:25:57 pm »
Why There are Now So Many Shortages (It's Not COVID)


Cumprimentos,

E o culpado é..... o JIT (Just in Time)!
Efectivamente as indústrias mais eficientes à face da terra são as que mais sofrem, por falta crítica de stocks em quantidade e na hora exacta.
A Autoeuropa parou, a Bosch/Vulcano de Aveiro, Bosch de Braga, PSA de Mangualde parou........ https://www.turbo.pt/semicondutores-autoeuropa-psa-bosch/
Admiro o JIT e cheguei a fazer um trabalho em 1999, já nessa altura um Engenheiro da Bosch de Aveiro, referia a dor de cabeça em alimentar a máquina sem parar. Entravam de manhã camiões com as peças necessárias para produzir esquentadores e de tarde saíam esquentadores produzidos por essas mesmas peças!!!!! É fabulosa a linha de montagem e sem quase armazéns para armazenar stocks! Financeiramente não há melhor...... excepto quando a cadeia de matéria-prima é interrompida, como é agora o caso!

O Get já viu que se o governo tivesse visão e salvasse a fábrica da Quimonda, agora podia ganhar rios de dinheiro a...... produzir chips? Preferimos salvar empresas de serviços....... falidas!
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44, HSMW

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 12767
  • Recebeu: 3104 vez(es)
  • Enviou: 7602 vez(es)
  • +791/-1317
    • http://youtube.com/HSMW
Re: Sector Automóvel
« Responder #102 em: Junho 16, 2021, 12:53:27 am »
Sobre a gasolina e as octanas.
« Última modificação: Junho 16, 2021, 12:57:27 am por HSMW »
https://www.youtube.com/user/HSMW/videos

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 20857
  • Recebeu: 2474 vez(es)
  • Enviou: 257 vez(es)
  • +1157/-1484
Re: Sector Automóvel
« Responder #103 em: Julho 08, 2021, 05:48:12 pm »
CE multa Volkswagen e BMW em 875 milhões de euros


 

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 20857
  • Recebeu: 2474 vez(es)
  • Enviou: 257 vez(es)
  • +1157/-1484
Re: Sector Automóvel
« Responder #104 em: Julho 09, 2021, 06:35:11 pm »
Stellantis vai investir 30 mil milhões de euros para eletrificar veículos