URO Vamtac ST5 no Exército

  • 636 Respostas
  • 104359 Visualizações
*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 8688
  • Recebeu: 4033 vez(es)
  • Enviou: 2829 vez(es)
  • +4030/-561
Re: URO Vamtac ST5 no Exército
« Responder #630 em: Novembro 06, 2021, 09:24:12 pm »
Dia do Exército 2021:













Abraços
« Última modificação: Novembro 06, 2021, 09:28:07 pm por tenente »


Quando um Povo não Respeita as Suas FFAA, Não Respeita a Sua História nem se Respeita a Si Próprio  !!
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, oi661114, CruzSilva, Claust

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 8688
  • Recebeu: 4033 vez(es)
  • Enviou: 2829 vez(es)
  • +4030/-561
Re: URO Vamtac ST5 no Exército
« Responder #631 em: Novembro 06, 2021, 09:38:00 pm »



Abraços


Quando um Povo não Respeita as Suas FFAA, Não Respeita a Sua História nem se Respeita a Si Próprio  !!
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, CruzSilva

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 8688
  • Recebeu: 4033 vez(es)
  • Enviou: 2829 vez(es)
  • +4030/-561
Re: URO Vamtac ST5 no Exército
« Responder #632 em: Novembro 24, 2021, 10:39:39 am »
a próxima versão a ser adquirida pelo ExPort : ::)






Eu não consigo entender o porquê de se ter cancelado todas as VTLB da versão ACar, não teria sido melhor ter reduzido umas dez unidades PA a favor do mesmo numero de ACar ??
É que aconteceu exactamente o oposto quando da redução de 167 para 139 viaturas, não se encomendou nenhuma ACar e reforçou-se a quantidade de PA. :bang:

Abraços
« Última modificação: Novembro 24, 2021, 10:50:52 am por tenente »


Quando um Povo não Respeita as Suas FFAA, Não Respeita a Sua História nem se Respeita a Si Próprio  !!
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: oi661114

*

redkukulkane

  • Membro
  • *
  • 119
  • Recebeu: 41 vez(es)
  • Enviou: 6 vez(es)
  • +6/-12
Re: URO Vamtac ST5 no Exército
« Responder #633 em: Novembro 24, 2021, 08:01:35 pm »
Foi entregue  o ultimo lote do URO VAMTAC ST5

 NOV 24 2021

NSPA DELIVERS LAST BATCH OF 139 ARMOURED VEHICLES TO THE PORTUGUESE ARMY
LUXEMBOURG - The NATO Support and Procurement Agency (NSPA) has delivered the last batch of 139 armoured vehicles to the Portuguese Army, consisting of eight Emergency Response Vehicles, under the Light Armoured Tactical Vehicle programme or Viaturas Taticas Ligeiras Blindades (VTLC).


The delivery concludes a multiyear acquisition project aimed to provide the Portuguese Armed Forces with a fleet of armoured vehicles composed of 107 troop transports, seven command vehicles, 13 medical evacuation and 12 special operations vehicles.

The contract was awarded to the Spanish company Urovesa in 2018 and included the supply of the vehicles a weapon station, training, documentation and special tools. The first batch of vehicles were delivered in October 2020 and has been deployed in support of Portuguese commitments to United Nations operations in the Central African Republic.

NSPA delivers last batch of 139 armoured vehicles to the Portuguese Army
In September 2021, the Portuguese Army and NSPA project team participated in the First Article Testing and Acceptance of the configured ambulance vehicles at the contractor's production facility in Pontevedra, Spain. The process involved the physical inspection, trials and verification of the vehicles performance and characteristics against the Portuguese Army's specific requirements.

The medical units have been designed to operate in deep fording areas and are equipped with collective Nuclear, Biological and Chemical protection systems. They also have a sanitary cell equipped with electromedical, immobilisation and communications equipment, as well as diagnostic and treatment material. In addition, the medical units are highly armoured and protected against ballistic and mine threats.


"The completion of this project represents an important milestone for NSPA and is the result of several months of intense work in a close cooperation with the Portuguese Army. We are grateful for the trust placed on our Agency to manage this major acquisition programme and proud to enable the Portugese Army's future operations with the vehicles we have delivered", assured Ian Bonallo, NSPA Senior Technical Officer, who managed the project.

All vehicles are configured for a variety of roles and missions and provided with ballistic, blast and mine protection while providing high dynamic performance in terms of capacity loading and mobility on all types of roads and terrain.


Story by NATO Support and Procurement Agency

 

*

nelson38899

  • Investigador
  • *****
  • 4553
  • Recebeu: 423 vez(es)
  • Enviou: 348 vez(es)
  • +74/-1414
Re: URO Vamtac ST5 no Exército
« Responder #634 em: Novembro 24, 2021, 09:29:49 pm »
O conceito será igual ao do pandur, à medida que vai havendo dinheiro, as versões de transporte de tropas vão sendo substituídas pelas versões que faltam, sejam ele anti carro sejam eles anti aérea.
"Que todo o mundo seja «Portugal», isto é, que no mundo toda a gente se comporte como têm comportado os portugueses na história"
Agostinho da Silva
 

*

LM

  • Investigador
  • *****
  • 1848
  • Recebeu: 519 vez(es)
  • Enviou: 1654 vez(es)
  • +315/-16
Re: URO Vamtac ST5 no Exército
« Responder #635 em: Novembro 24, 2021, 09:50:37 pm »
Não sei se as versões "simples", tanto do ST5 como do Pandur, serão em número suficiente para serem transformadas nas versões em falta - considerando 2x BatInfMec(R) e 1x BatPARA; na BrigRR, para além de capacidade AT (tb apeada, claro) e de alguns RWS 12,7mm, não ficava mal com PM e meia dúzia de ST 20mm (como espanhóis estão a estudar, não vão encontrar uns "technicals"); nos BatInfMec(R) falta também muita coisa, até uns ST5.
Quidquid latine dictum sit, altum videtur
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 8688
  • Recebeu: 4033 vez(es)
  • Enviou: 2829 vez(es)
  • +4030/-561
Re: URO Vamtac ST5 no Exército Novo
« Responder #636 em: Novembro 25, 2021, 06:26:52 am »
O conceito será igual ao do pandur, à medida que vai havendo dinheiro, as versões de transporte de tropas vão sendo substituídas pelas versões que faltam, sejam ele anti carro sejam eles anti aérea.

O correcto e aceitável seria:
1) adquirir os modelos em lotes onde as versões necessárias para por exemplo a constituição de uma CAt estivessem todas incluidas;
2) Tal metodo permitiria todas as especialidades da " Tropa " ficarem familiarizadas simultaneamente com os diversos equipamentos e versões das VBL;
3) A formação/levantamento faseado dos BiMecLig(R) sem faltas de equipamentos/armamentos cruciais para o desempenho das diversas missões.
4) O que aconteceu foi que a Fábrica impôs a entrega dos lotes de VBL por versão começando pelos PA e por  aí adiante, tal o respeito que deve ter por este cliente ou a falta de cláusulas no contrato que obrigasse o fabricante a entregar as viaturas como melhor fosse para as FFAA
5) Exemplo de constituição de uma CAt Vamtac Destacada do BiMec  - 01 X PC, 01 X COM, 23 X PA ( que incluem  03 X ACar + 06 RWS 12.7 ) , 02 X PM81, 01 X San, 01 X SHORAD;

Abraço
« Última modificação: Novembro 25, 2021, 12:59:55 pm por tenente »


Quando um Povo não Respeita as Suas FFAA, Não Respeita a Sua História nem se Respeita a Si Próprio  !!