Invasão da Ucrânia

  • 6819 Respostas
  • 400491 Visualizações
*

Icterio

  • Especialista
  • ****
  • 1131
  • Recebeu: 492 vez(es)
  • Enviou: 115 vez(es)
  • +2295/-1256
  • Mais vale ser sortudo do que ser bom
Re: Invasão da Ucrânia
« Responder #2385 em: Março 30, 2023, 03:03:05 pm »
A partir de 1942-43 o treino dos Fallschirmjager foi muito abreviado - aliás, a maioria dos soldados nem sequer era qualificada como paraquedista (não havia tempo, nem aviões para o fazer).  Serviram como infantaria "normal" até ao fim da guerra com considerável sucesso, apesar da maioria dos soldados ser muito verde e inexperiente. 

No entanto, ainda houve algumas operações aerotransportadas em 1944-45, uma em particular teve lugar durante a batalha das Ardenas e deu grande barraca, como era de prever.

Um Fallschirmjager nas fases finais da guerra.  Não se preocupem, não está morto, está só "morto de cansaço"...

 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 20717
  • Recebeu: 3152 vez(es)
  • Enviou: 2326 vez(es)
  • +1551/-3495
Re: Invasão da Ucrânia
« Responder #2386 em: Março 30, 2023, 03:31:23 pm »
Os Paras Ucrânianos são essencialmente um Ramo autónomo que contém uma força totalmente profissional de intervenção rápida. Algo na mesma linha das VDV Russas, que como sabem é uma força aeromecanizada.

Citar
Ukrainian army paratroopers aren’t necessarily like paratroopers in other armies. As they’re fighting a mechanized war inside their own country’s own borders, they pretty much never parachute from airplanes—and only rarely travel by helicopter. And unlike airborne forces in, say, the British and U.S. armies, the Ukrainian air-assault brigades each have a company of around 10 tanks.


minuto 06.19.

Já agora deixo também o vídeo acerca das VDV:




7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 10432
  • Recebeu: 5763 vez(es)
  • Enviou: 4442 vez(es)
  • +8486/-1852
Re: Invasão da Ucrânia
« Responder #2387 em: Março 30, 2023, 04:01:08 pm »
A partir de 1942-43 o treino dos Fallschirmjager foi muito abreviado - aliás, a maioria dos soldados nem sequer era qualificada como paraquedista (não havia tempo, nem aviões para o fazer).  Serviram como infantaria "normal" até ao fim da guerra com considerável sucesso, apesar da maioria dos soldados ser muito verde e inexperiente. 

No entanto, ainda houve algumas operações aerotransportadas em 1944-45, uma em particular teve lugar durante a batalha das Ardenas e deu grande barraca, como era de prever.

Um Fallschirmjager nas fases finais da guerra.  Não se preocupem, não está morto, está só "morto de cansaço"...

Outra operação aerotransportda,  ESPECTACULAR foi a libertação de Mussolini pelo cmd Skorzeny.
O escalão de assalto fez-se transportar por varios planadores DFS.

Quando um Povo/Governo não Respeita as Suas FFAA, Não Respeita a Sua História nem se Respeita a Si Próprio  !!
 

*

papatango

  • Investigador
  • *****
  • 7598
  • Recebeu: 1022 vez(es)
  • +4727/-925
Re: Invasão da Ucrânia
« Responder #2388 em: Março 30, 2023, 05:30:30 pm »
Entretanto uma curiosa coluna militar russa foi avistada algures (alegadamente dirige-se para o Donbass) em movimentação durante a noite ...


Um comentador russo, afirmou em direto na televisão, que se for necessário, a Russia tem suficientes tanques T-34 em praças e museus para formar várias brigadas blindadas...


Numa visualisação dos videos dos últimos dois meses, todos os que afirmavam que Bakmut estava prestes a cair, ou que a Ucrânia não teria capacidade para deter a esperada ofensiva russa do pino do Inverno, falharam ...

Não é só o nosso patético Agostinho, é também o coronel americano  que todas as semanas prevê a completa destruição de Kiev e de toda a Ucrânia...

A ofensiva russa do inverno, óbviamente não ocorreu. Apenas Bakhmut permitiu aos russos avançar uma média de 2200 metros em toda a frente envolvente da cidade, com um ponto de avanço máximo de 6km.

Espera-se agora a ofensiva russa da primavera, mas os russos não demonstram estar a preparar qualquer ofensiva, pois isto implica uma redução de atividade generalizada em toda a frente, mas os russos continuam a atacar em vários pontos, como é agora o caso de Avdivka, onde têm efetuado progressos.
Mas os progressos em Avdivka, que são resultado da pressão do exército russo, implicam o congelamento da ofensiva contra Bakhmut que na última semana resultou num impasse, sem avanços de parte a parte.

Os analistas militares afirmam que a Ucrânia precisa de duas brigadas blindadas, cada uma delas com cerca de 100 tanques (três batalhões por brigada).

Neste momento está toda a gente a tentar adivinhar se os ucranianos possuem essas capacidades e se estão operacionais.
Apenas uma brigada pode ser formada com carros de combate enviados pelos países da NATO.
Os Leopard-2A5 e A6, enviados pela Alemanha, Suécia e Portugal, representarão o batalhão mais moderno de todos.

Os britânicos prometeram dobrar o numero de 14 Challenger, mas até ao momento só há notícia do primeiro lote. Não podem formar uma brigada completa.

A somar a estes estão os carros Leopard-2A4 fornecidos pela Polónia, Espanha, Canadá e Noruega. que poderão formar outro batalhão.

Aqui estaria a mais poderosa brigada ucraniana.

A outra brigada ucraniana, seria composta por carros de combate T-72 polacos e checos e T-64 ucranianos.

O que resta aqui saber, é onde estarão as eventuais reservas ucranianas que serão sempre necessárias. Os números estão demasiado "à pele" e os russos estão preparados para um ataque ucraniano em grandes áreas da frente.

Eu diria que só com golpes de mão e operações de diversão na retaguarda dos moscovitas será possível fazer alguma coisa.
MAs eu, sou daqueles que continua a achar que a Russia tem mais trunfos na manga que o que se julga...
Ainda que, as notícias sobre os carros T-55 a serem transportados para a Ucrânia, implique que as coisas para os russos são mais complicadas que o que se pode pensar.

As fábricas russas de carros de combate e viaturas blindadas, em Omsk, Cheliabinsk e Kurgan, continuam a produzir T-72 modernizados e viaturas BMP-3...
No entanto, parecem confirmar-se as informações que apontam para que os carros estejam parados à espera de componentes importantes.
Um T-72  modernizado, precisa de sistemas de estabilização da peça principal que não estão disponíveis e os russos estão a recorrer a sistemas retirados de carros de combate avariados.

Um T-55, com a sua vetusta peça de 100mm pode ser mais eficaz que o T-72 "manco".

No entanto, numa avaliação básica, tudo leva a crer que a qualidade da quantidade russa, por enquanto, continua a ser importante.
É muito mais fácil enganar uma pessoa, que explicar-lhe que foi enganada ...
 

*

Malagueta

  • Analista
  • ***
  • 668
  • Recebeu: 183 vez(es)
  • Enviou: 236 vez(es)
  • +143/-109
Re: Invasão da Ucrânia
« Responder #2389 em: Março 30, 2023, 06:06:39 pm »
Putin assina decreto para recrutar 147 mil soldados para as forças armadas
O presidente russo Vladimir Putin assinou esta quinta-feira um decreto para recrutar 147 mil soldados para as forças armadas russas.

A informação está a ser avançada pela RIA Novosti, que adianta que o processo de recrutamento vai acontecer entre 1 e 15 de julho.

"Decidi autorizar, de 1 de abril a 15 de julho de 2023, o recrutamento de cidadãos russos com idades compreendidas entre os 18 e os 27 anos que não se encontram na reserva (...), num total de 147 mil pessoas", pode ler-se no documento, citado pela agência estatal russa.

https://cnnportugal.iol.pt/aominuto/6207bf6c0cf2cc58e7e276ff
 

*

Icterio

  • Especialista
  • ****
  • 1131
  • Recebeu: 492 vez(es)
  • Enviou: 115 vez(es)
  • +2295/-1256
  • Mais vale ser sortudo do que ser bom
Re: Invasão da Ucrânia
« Responder #2390 em: Março 31, 2023, 12:03:31 am »
Vi hoje este interessante documentário sobre a intervenção soviética no Afeganistão e as conclusões do General russo nos últimos segundos são...proféticas.

A partir do minuto 48:40...

 

*

papatango

  • Investigador
  • *****
  • 7598
  • Recebeu: 1022 vez(es)
  • +4727/-925
Re: Invasão da Ucrânia
« Responder #2391 em: Março 31, 2023, 03:18:21 pm »


Entretanto na região de Bakhmut registaram-se nas últimas 24 horas avanços por parte de forças russas e de forças do grupo mercenário Wagner no centro da "cidade".

Os reforços ucranianos enviados para Bakmut não foram enviados para o centro da cidade, para a área quase cercada, estão sim a norte e a sul das pinças russas. Desta forma, os únicos avanços possíveis serão diretamente pelo centro da cidade devastada.

Desta forma, os ucranianos estarão a garantir uma lenta retirada de Bakmut, ao mesmo tempo que, na prática estancaram a possibilidade de mais avanços por parte dos russos.

Aparentemente, percebendo o que os ucranianos estão a fazer, os russos optaram por fazer pressão no setor de Avdivka, onde neste momento se desenvolveu uma situação parecida.

Os russos podem estar a tentar forçar os ucranianos a colocar fortes reforços frente aos avanços russos, tentanto assim imobilizar a maior quantidade possível de forças ucranianas ...
É muito mais fácil enganar uma pessoa, que explicar-lhe que foi enganada ...
 

*

LuisPolis

  • Especialista
  • ****
  • 1154
  • Recebeu: 397 vez(es)
  • Enviou: 573 vez(es)
  • +194/-2323
Re: Invasão da Ucrânia
« Responder #2392 em: Abril 01, 2023, 12:23:02 am »
Challenger 2 com ERA (Ucrania)
 

*

Fraz

  • Membro
  • *
  • 68
  • Recebeu: 28 vez(es)
  • Enviou: 254 vez(es)
  • +42/-39
Re: Invasão da Ucrânia
« Responder #2393 em: Abril 01, 2023, 12:24:41 am »
Um vídeo longo, na parte final tornasse repetitivo, aos 20.. 25 minutos já vimos "the whole picture", mas que esclarece alguns dos problemas que rodeiam o T-14 Armata
Preparem-se para um humor jocoso corrosivo, mas a descrição parece fazer todo o sentido.
 

*

ricardonunes

  • Investigador
  • *****
  • 4939
  • Recebeu: 422 vez(es)
  • Enviou: 89 vez(es)
  • +295/-6186
Re: Invasão da Ucrânia
« Responder #2394 em: Abril 01, 2023, 05:12:52 am »
Challenger 2 com ERA (Ucrania)


Deve ter ficado com uns Kg a mais.... mesmo apropriado para o lamaçal que ainda por la se mantem (rasputitsia).

Potius mori quam foedari
 

*

papatango

  • Investigador
  • *****
  • 7598
  • Recebeu: 1022 vez(es)
  • +4727/-925
Re: Invasão da Ucrânia
« Responder #2395 em: Abril 01, 2023, 09:59:18 am »
Challenger 2 com ERA (Ucrania)


Deve ter ficado com uns Kg a mais.... mesmo apropriado para o lamaçal que ainda por la se mantem (rasputitsia).


Esta imagem é editada, já circula há uns dias e é aparentemente falsa já que não há qualquer outra, e convenientemente mostra apenas um ângulo, o que facilita a edição.
Há participantes com uma tendência para as noticias falsas e para as imagens editadas, que é impressionante...
Quando se produzem opiniões, não precisamos de links. Mas quando colocamos imagens, para provar qualquer coisa, é importante explicar de onde vem a imagem

Nem é impossível que alguém tivesse colocado blindagem reativa em cima de um Challenger, a questão é para quê ?
O Challenger é um tanque lento, mas é o carro de combate principal mais protegido do mundo. A área frontal do Challenger II, leva ao extremo a inclinação para aumentar a proteção.

Para evitar problemas, seria sempre bom que pessoas cuja credibilidade é a que é, quando apresentam imagens, pelo menos nos deixem um link para a origem (e contas de facebook ou twiter não costumam ser fontes credíveis)
É muito mais fácil enganar uma pessoa, que explicar-lhe que foi enganada ...
 

*

LuisPolis

  • Especialista
  • ****
  • 1154
  • Recebeu: 397 vez(es)
  • Enviou: 573 vez(es)
  • +194/-2323
Re: Invasão da Ucrânia
« Responder #2396 em: Abril 01, 2023, 12:05:21 pm »
Aqui está algo útil. Abrigo móvel blindado.



Se bem que o ideal seria ter uns suportes para facilitar o transporte (do tipo dos que têm os cilindros do gás).


Fonte: https://bulgarianmilitary.com/2023/04/01/russia-sent-in-ukraine-a-wheeled-152mm-bulletproof-residential-bunker/
 

*

Drecas

  • Investigador
  • *****
  • 1663
  • Recebeu: 545 vez(es)
  • Enviou: 180 vez(es)
  • +322/-192
Re: Invasão da Ucrânia
« Responder #2397 em: Abril 01, 2023, 03:57:53 pm »
Primeiro o Bm-13 e restante equipamento da WW2 não é para o Donbass mas sim para S. Petersburgo, é o que condutor diz

Segundo o chally 2 é sim um meme feito por esta conta excelente:
https://www.instagram.com/tankdiary/
https://twitter.com/TankDiary

Recomendo-o muito
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: LuisPolis

*

CruzSilva

  • Investigador
  • *****
  • 1463
  • Recebeu: 580 vez(es)
  • Enviou: 2297 vez(es)
  • +712/-127
Re: Invasão da Ucrânia
« Responder #2398 em: Abril 01, 2023, 07:09:25 pm »
Primeiro o Bm-13 e restante equipamento da WW2 não é para o Donbass mas sim para S. Petersburgo, é o que condutor diz

É para proteger S. Peterburgo do ataque Finlandês?  :mrgreen:
"Homens fortes criam tempos fáceis e tempos fáceis criam homens fracos - homens fracos criam tempos difíceis e tempos difíceis criam homens fortes."
 

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 12801
  • Recebeu: 3123 vez(es)
  • Enviou: 7671 vez(es)
  • +831/-1357
    • http://youtube.com/HSMW
Re: Invasão da Ucrânia
« Responder #2399 em: Abril 01, 2023, 07:09:57 pm »
Challenger 2 com ERA (Ucrania)


Dia 1 de Abril é dia de não aceder à internet.

Até amanhã.

 :mrgreen:
https://www.youtube.com/user/HSMW/videos

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, CruzSilva