Sistemas Aéreos não Tripulados da Marinha

  • 115 Respostas
  • 20886 Visualizações
*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8187
  • Recebeu: 3690 vez(es)
  • Enviou: 701 vez(es)
  • +4918/-762
Re: Sistemas Aéreos não Tripulados da Marinha
« Responder #90 em: Abril 16, 2023, 02:48:31 pm »
O surgimento do RAM no vídeo é ridículo. Colocar um sistema tão caro como um RAM, num pequeno USV que iria ficar a boiar no meio da água por tempo indefinido, não tem qualquer sentido (e ainda era roubado no processo  ::)).

Por outro lado, como "base" de testes, para que num futuro (algo longínquo, sejamos realistas), sejamos capazes de ter uma Marinha com USVs armados que complementem os navios tripulados, seja pequenas lanchas com uma RWS e FLIR (como o que o PTWolf postou), seja algo mais na ordem de Missile Boats/USV ASW, para entrar no conceito de "letalidade distribuída".

Mas até lá, convinha ter uma Marinha minimamente decente, e não colocar todas as fichas numa "ideia" com futuro ainda incerto.
 

*

Visitante123

  • Analista
  • ***
  • 895
  • Recebeu: 312 vez(es)
  • Enviou: 177 vez(es)
  • +31/-138
Re: Sistemas Aéreos não Tripulados da Marinha
« Responder #91 em: Abril 16, 2023, 03:03:55 pm »
DRONE NAVAL PORTUGUÊS VAI SER TESTADO PELA MARINHA



Eu tava-me a referir a outro tipo de drones. Como o exemplo turco que dei anteriormente.

Este modelo também tem valências, sobretudo a nível de patrulha e guarda costeira. Que não deixa de ser uma lacuna que temos.
Faz todo o sentido que a Marinha apadrinhe este tipo de projetos nacionais (é uma empresa privada). A Marinha ajuda a testar, a melhorar o desenvolvimento, e poderá até no futuro ser útil à própria marinha. Nada contra. Acredito que no futuro próximo este tipo de meios irá assumir uma grande quota no controlo das costas.

Gostaria também era de ver outro tipo de drones navais na marinha, mais armados e rápidos.


Nada contra também. Aliás fazem bem estudar projectos nacionais desses. Escusam é de fantasiar com tretas como o vídeo do RAM. Andam a mostrar isso a crianças? Só pode

Agora um meio naval com sensores(dos que dois dos NPO não tem) e até com arma adequada seria bem empregue em várias missões

Portugal tem um desses em funcionamento. Só que sem o armamento é claro. No último exercício (ou penúltimo??) em Tróia ele apareceu.
 

*

Pescador

  • Investigador
  • *****
  • 3719
  • Recebeu: 2486 vez(es)
  • Enviou: 1954 vez(es)
  • +5691/-2731
Re: Sistemas Aéreos não Tripulados da Marinha
« Responder #92 em: Abril 16, 2023, 04:33:55 pm »
DRONE NAVAL PORTUGUÊS VAI SER TESTADO PELA MARINHA



Eu tava-me a referir a outro tipo de drones. Como o exemplo turco que dei anteriormente.

Este modelo também tem valências, sobretudo a nível de patrulha e guarda costeira. Que não deixa de ser uma lacuna que temos.
Faz todo o sentido que a Marinha apadrinhe este tipo de projetos nacionais (é uma empresa privada). A Marinha ajuda a testar, a melhorar o desenvolvimento, e poderá até no futuro ser útil à própria marinha. Nada contra. Acredito que no futuro próximo este tipo de meios irá assumir uma grande quota no controlo das costas.

Gostaria também era de ver outro tipo de drones navais na marinha, mais armados e rápidos.


Nada contra também. Aliás fazem bem estudar projectos nacionais desses. Escusam é de fantasiar com tretas como o vídeo do RAM. Andam a mostrar isso a crianças? Só pode

Agora um meio naval com sensores(dos que dois dos NPO não tem) e até com arma adequada seria bem empregue em várias missões

Portugal tem um desses em funcionamento. Só que sem o armamento é claro. No último exercício (ou penúltimo??) em Tróia ele apareceu.


Então não é bote do vídeo de cima?  Julgo ser esse que andou a ser mostrado
 

*

Visitante123

  • Analista
  • ***
  • 895
  • Recebeu: 312 vez(es)
  • Enviou: 177 vez(es)
  • +31/-138
Re: Sistemas Aéreos não Tripulados da Marinha
« Responder #93 em: Abril 16, 2023, 05:38:19 pm »
Não. É uma lancha que ia ser descomissionada. Não me lembro do nome. Tinha nome de peixe. Acho que começava por "X"
 

*

Visitante123

  • Analista
  • ***
  • 895
  • Recebeu: 312 vez(es)
  • Enviou: 177 vez(es)
  • +31/-138

*

Visitante123

  • Analista
  • ***
  • 895
  • Recebeu: 312 vez(es)
  • Enviou: 177 vez(es)
  • +31/-138

*

PTWolf

  • Analista
  • ***
  • 683
  • Recebeu: 321 vez(es)
  • Enviou: 1466 vez(es)
  • +859/-185

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 19903
  • Recebeu: 2853 vez(es)
  • Enviou: 2174 vez(es)
  • +1063/-3436
Re: Sistemas Aéreos não Tripulados da Marinha
« Responder #97 em: Abril 19, 2023, 02:18:00 pm »
A Marinha está mesmo a investir forte nesta área e pelos vistos tem vários projetos a decorrer ao mesmo tempo. É pena que o mínimo dos mínimos (orçamental, recursos humanos, recursos materiais e a sua manutenção) neste momento não está assegurado.

7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8187
  • Recebeu: 3690 vez(es)
  • Enviou: 701 vez(es)
  • +4918/-762
Re: Sistemas Aéreos não Tripulados da Marinha
« Responder #98 em: Abril 19, 2023, 02:49:01 pm »
Investir forte, é um pouco exagerado. Até agora têm sido sistemas não-tripulados relativamente baratos (e maioritariamente civis), e com apoio de universidades e algumas empresas que vêm cá fazer demonstrações.

É um bom começo, mas vai ser preciso muito mais.
 

*

Pescador

  • Investigador
  • *****
  • 3719
  • Recebeu: 2486 vez(es)
  • Enviou: 1954 vez(es)
  • +5691/-2731
Re: Sistemas Aéreos não Tripulados da Marinha
« Responder #99 em: Abril 19, 2023, 05:05:44 pm »
Foto em baixo no artigo.

https://www.dn.pt/sociedade/amp/gouveia-e-melo-e-os-robos-do-mar-portugal-esta-na-vanguarda-da-guerrilha-tecnologica-15192208.html

Na vanguarda em desarmar navios e sem sensores e a ter um desenho animado presunçoso na frente.
Querem ver que a robótica da marinha com drones tipo fnac e um bote desses é a vanguarda???
Como os NPO desarmados e cegos terem complexidade de Fragatas
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 19903
  • Recebeu: 2853 vez(es)
  • Enviou: 2174 vez(es)
  • +1063/-3436
Re: Sistemas Aéreos não Tripulados da Marinha
« Responder #100 em: Abril 20, 2023, 10:20:34 am »
Investir forte, é um pouco exagerado. Até agora têm sido sistemas não-tripulados relativamente baratos (e maioritariamente civis), e com apoio de universidades e algumas empresas que vêm cá fazer demonstrações.

É um bom começo, mas vai ser preciso muito mais.

Investir forte relativamente ao orçamento que a Marinha tem. Se tivéssemos os tais 2% para a Defesa de certeza que já se tinha feito muito mais do que se fez.
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8187
  • Recebeu: 3690 vez(es)
  • Enviou: 701 vez(es)
  • +4918/-762
Re: Sistemas Aéreos não Tripulados da Marinha
« Responder #101 em: Abril 20, 2023, 01:10:25 pm »
Mesmo assim não sei. Se atingíssemos os 2%, calculo que se investisse acima de tudo na renovação de frota, e depois o que sobrasse, podia ser para investir em programas destes.

Aliás, investir em R&D não devia ser contabilizado sequer como Orçamento da Defesa. Num país normal, este investimento seria feito de forma independente, tendo a noção de que, se der certo, além de se financiar uma empresa nacional e criar/manter postos de trabalho, cria-se um produto que pode ter qualidade suficiente para ser exportado. Infelizmente, a gestão destas coisas, é em tudo semelhante ao que foi feito no AA.
 

*

Pescador

  • Investigador
  • *****
  • 3719
  • Recebeu: 2486 vez(es)
  • Enviou: 1954 vez(es)
  • +5691/-2731
Re: Sistemas Aéreos não Tripulados da Marinha
« Responder #102 em: Abril 20, 2023, 02:24:02 pm »
Mesmo assim não sei. Se atingíssemos os 2%, calculo que se investisse acima de tudo na renovação de frota, e depois o que sobrasse, podia ser para investir em programas destes.

Aliás, investir em R&D não devia ser contabilizado sequer como Orçamento da Defesa. Num país normal, este investimento seria feito de forma independente, tendo a noção de que, se der certo, além de se financiar uma empresa nacional e criar/manter postos de trabalho, cria-se um produto que pode ter qualidade suficiente para ser exportado. Infelizmente, a gestão destas coisas, é em tudo semelhante ao que foi feito no AA.

Ou seja a luta pelo controle de poder e os interesses individuais e de grupos
 

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 20084
  • Recebeu: 2243 vez(es)
  • Enviou: 254 vez(es)
  • +954/-1467
Re: Sistemas Aéreos não Tripulados da Marinha
« Responder #103 em: Abril 28, 2023, 10:05:03 am »
IDEIA 2023 - A Robotização da Guerra


 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: PTWolf

*

PTWolf

  • Analista
  • ***
  • 683
  • Recebeu: 321 vez(es)
  • Enviou: 1466 vez(es)
  • +859/-185
Re: Sistemas Aéreos não Tripulados da Marinha
« Responder #104 em: Abril 28, 2023, 03:33:15 pm »
IDEIA 2023 - A Robotização da Guerra



O futuro irá passar por aqui, saibamos apanhar o comboio enquanto ele ainda está em marcha lenta