A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !

  • 4800 Respostas
  • 564860 Visualizações
*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8187
  • Recebeu: 3690 vez(es)
  • Enviou: 701 vez(es)
  • +4918/-762
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #4440 em: Setembro 30, 2023, 01:27:13 pm »
Olhando para as necessidades em caso de crise, parece-me mais prático ter a capacidade de criar infraestruturas temporárias (de campanha), do que ter permanentemente unidades como muitos regimentos que possuímos, que são na prática em palacetes. É muito pouco provável haver um aumento de pessoal no Exército ao ponto de se necessitar dos actuais quartéis.

Algo tipo isto:
https://www.army-technology.com/products/military-buildings-base-camp-construction/

Mesmo numa situação de conflito, onde seja necessário acolher mais pessoal (reservas e voluntários), quartéis de cidade não são adequados, pois não têm espaço para treinar os ditos militares. Também torna previsível onde é feita a concentração de militares para o adversário.

Era importante assim, deixar de ter regimentos mono-missão, às moscas, e começar a concentrar determinadas especialidades dentro de uma unidade maior que já exista na região.
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 17838
  • Recebeu: 5309 vez(es)
  • Enviou: 5625 vez(es)
  • +6993/-9210
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

Mentat

  • Membro
  • *
  • 127
  • Recebeu: 70 vez(es)
  • Enviou: 83 vez(es)
  • +25/-2
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #4442 em: Setembro 30, 2023, 05:03:37 pm »
https://www.sapo.pt/noticias/economia/navio-oferecido-por-portugal-deve-chegar-a_6516e2b5a079691e95e6280d

2.6 M dava para quantas 30mm?

Aparentemente.... nenhuma.  ::)

Não sei se já foi aqui postado ou não, mas equipar os NPO´s com esta solução seria um acréscimo significativo de capacidade e alcance a um preço (supostamente) moderado.
Sonhar (ainda) não paga imposto.



 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 19903
  • Recebeu: 2853 vez(es)
  • Enviou: 2174 vez(es)
  • +1057/-3436
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #4443 em: Setembro 30, 2023, 05:18:25 pm »

À volta de Tancos, tens o Regimento de Manutenção, a BA de Tancos, o RE1 e o Regimento de Apoio militar de Emergência. Não dava para fundir um destes com uma das unidades existentes, por exemplo o RAME com o RE1? E algumas das unidades no meio de Lisboa, não podiam ser transferidas para outros locais, por exemplo BA da Ota ou do Montijo (caso se mantenha)?

Mas que grande misturada, no Polígono Militar de Tancos tens 3 unidades:

- Unidade de Apoio / BrigRR é onde fica a pista, o Estado Maior da BrigRR, a Companhia de Transmissões e o Agrupamento Sanitário do RAME;
- No Regimento de Paraquedistas tens o Batalhão de Formação e o  Batalhão Operacional Aeroterrestre (BOAT);
- No Regimento de Engenharia N. º 1 (RE1) apronta o Comando de Batalhão de Engenharia (CmdBEng), a Companhia de Engenharia de Combate Ligeira (CEngCombLig), a 1.ª Companhia de Engenharia de Apoio Geral (1CEng A/G), a Companhia de Pontes (CPontes), a Companhia de Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica (CDefNBQR), o Grupo de Equipas de Inativação de Engenhos Explosivos (GrEqEOD) e a Companhia de Engenharia de Apoio Militar de Emergência (CEng AME).

Qual é que queres cortar ou fundir?

Os nuestros hermanos acabaram de anunciar que querem aumentar o número de escoltas de superfície para 12, pelo que querem comprar duas F-110 extra, estendidas e com maior número de células VLS (32?)… Talvez mais duas para Tugal, para substituir as BD fosse boa ideia...

Estas Fragatas são de topo, têm tudo que é bom, mas o que é bom paga-se e eu duvido que o estado português vá gastar uns 1000 milhões de euros numa única Fragata. Por metade disso levas uma Meko A200 ou uma Arrowhead 140 e já cantas de galo.

7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8187
  • Recebeu: 3690 vez(es)
  • Enviou: 701 vez(es)
  • +4918/-762
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #4444 em: Setembro 30, 2023, 05:56:35 pm »
De frisar que o LMM é também um excelente míssil para ser incorporado em drones, como já acontece com o Camcopter S100, o que permitia que um NPO usasse o mesmo tipo de míssil tanto na RWS como em possíveis drones que tenha a bordo. No entanto nós nem as simples Marlin somos capazes de comprar (que têm uma versão que pode receber Mistral).

https://www.sapo.pt/noticias/economia/navio-oferecido-por-portugal-deve-chegar-a_6516e2b5a079691e95e6280d

2.6 M dava para quantas 30mm?

É este navio?
http://lmcshipsandthesea.blogspot.com/2016/12/que-futuro-para-o-eborense.html

Eu não acho que o problema seja 2.6 milhões para ajudar um país que queremos manter como "amigo" na região. Acho que o problema é não só a falta de visão, como a falta de vontade para arranjar uma solução mais vantajosa para ambos os países. Fazia muito mais sentido que, em vez de se oferecer o navio, e ainda ter que o sustentar, investir-se num pequeno estaleiro no próprio país, que fosse capaz de fazer a manutenção do navio e outros similares, por conta própria.

Considero muito mais lógico, investir no nosso AA, modernizando-o e expandindo-o, e depois, ter um Arsenal do Alfeite capaz de ter um estaleiro na região Ocidental de África (Guiné Bissau ou Cabo Verde), com mão de obra local, que fosse capaz de realizar manutenção a embarcações civis e de patrulha da região. O AA ganhava novos clientes e lucrava, o país onde estivesse inserido o estaleiro lucrava, e Portugal deixava de ter que financiar estes países a cada 10 anos com navios e a sua sustentação.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: LM

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 17838
  • Recebeu: 5309 vez(es)
  • Enviou: 5625 vez(es)
  • +6993/-9210
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #4445 em: Setembro 30, 2023, 06:02:53 pm »
Ainda não se sabe como vai ser o navio , está no final da notícia  :mrgreen:

Para este desgoverno os estrangeiros sempre primeiro
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8187
  • Recebeu: 3690 vez(es)
  • Enviou: 701 vez(es)
  • +4918/-762
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #4446 em: Setembro 30, 2023, 06:30:42 pm »
Mas que grande misturada, no Polígono Militar de Tancos tens 3 unidades:

- Unidade de Apoio / BrigRR é onde fica a pista, o Estado Maior da BrigRR, a Companhia de Transmissões e o Agrupamento Sanitário do RAME;
- No Regimento de Paraquedistas tens o Batalhão de Formação e o  Batalhão Operacional Aeroterrestre (BOAT);
- No Regimento de Engenharia N. º 1 (RE1) apronta o Comando de Batalhão de Engenharia (CmdBEng), a Companhia de Engenharia de Combate Ligeira (CEngCombLig), a 1.ª Companhia de Engenharia de Apoio Geral (1CEng A/G), a Companhia de Pontes (CPontes), a Companhia de Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica (CDefNBQR), o Grupo de Equipas de Inativação de Engenhos Explosivos (GrEqEOD) e a Companhia de Engenharia de Apoio Militar de Emergência (CEng AME).

Qual é que queres cortar ou fundir?

Nesse polígono militar de Tancos, há alguma coisa que é comum entre as unidades todas? Ou está tudo perto uns dos outros, mas funcionam todos de forma independente, com os seus próprios serviços (essencialmente triplicados)?

Porque não está inserido o próprio RAME nesse mesmo polígono, ao invés de ter o seu próprio Regimento a meros 12km de distância?

É que depois admiram-se que Santa Margarida, ali ao lado, tenha uma tremenda falta de pessoal, pois este tem que ser distribuídos por uma carrada de pequenas unidades em seu redor. E ainda têm o RI15, 15km a Norte. Francamente são muitas unidades separadas, para um distrito com população inferior ao distrito de Faro.

E até digo mais, se o Campo de Tiro de Alcochete virar aeroporto, porque não termos o Campo de Tiro absorvido por Santa Margarida e a UAGME pelo Regimento de Manutenção, supondo que tem espaço (aparenta ter)?
 

*

Pescador

  • Investigador
  • *****
  • 3719
  • Recebeu: 2486 vez(es)
  • Enviou: 1954 vez(es)
  • +5691/-2730
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #4447 em: Outubro 01, 2023, 03:20:49 pm »
https://www.sapo.pt/noticias/economia/navio-oferecido-por-portugal-deve-chegar-a_6516e2b5a079691e95e6280d

2.6 M dava para quantas 30mm?

Aparentemente.... nenhuma.  ::)

Não sei se já foi aqui postado ou não, mas equipar os NPO´s com esta solução seria um acréscimo significativo de capacidade e alcance a um preço (supostamente) moderado.
Sonhar (ainda) não paga imposto.


Por acaso 6 milhões é quanto custariam dois sistemas Marlin 30 mm mais os dois EO separados para os 2 NPO. Por isso dava sim para um. Mas isto ultimas contas, quando da última demonstração de interesses em adquirir e publicada . Para os primeiros 2 NPO custaram 4,5 milhões o conjunto, mas com EO Sagen. Estes EO seriam outros superiores.

Mais. No ano passado o Estado Português, ou seja o contribuinte, deu a fundo perdido, esbanjou, 18 milhões de euros para esse mesmo governo da Guiné Bissau, que estava com falta de fundos no tesouro.
Então dava para quantos Marlin e EO?
Agora a pergunta ordinária, os adidos que por lá se pavoneiam e comem da mesma panela que os políticos, ralam-se com isso?
Na

Quanto ao acréscimo de sistemas "simples" de misseis guiados pelo EO, seja montados na torre ou em reparo aparte, já deu rios de tinta aqui. É muito bélico.

Quanto a gastos, Angola este ano levou já 50 milhões.

Mas juntando a isto temos os muitos milhões de bolsas universitárias , academia de policia e militar, para dar cursos a palop. Ajuda dita humanitária diversa, nomeadamente para Hospitais lá onde só alguns entram e até reparação de estradas.
E acerca disto que me desminta aqui algum dos que tem estado em Angola em comissões, de para onde ia o dinheiro do contribuinte e, a brutal e patética vassalagem que sempre foi feita aos "amigos".

O que parece tudo isto é, há dinheiro para put@s e não há para a família em casa.
« Última modificação: Outubro 01, 2023, 03:31:01 pm por Pescador »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44

*

PereiraMarques

  • Moderador Global
  • *****
  • 7875
  • Recebeu: 1215 vez(es)
  • Enviou: 340 vez(es)
  • +5144/-233
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #4448 em: Outubro 03, 2023, 11:18:56 am »
MLU?  :mrgreen:

Despacho n.º 10145/2023
Defesa Nacional - Marinha - Superintendência do Material
Delega, com faculdade de subdelegação, no diretor de Navios, Contra-Almirante Fernando Jorge Pires, a competência para a aquisição dos trabalhos preparatórios para a modernização da habitabilidade do NRP João Roby

https://diariodarepublica.pt/dr/detalhe/despacho/10145-2023-222366199
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 8535
  • Recebeu: 3176 vez(es)
  • Enviou: 990 vez(es)
  • +4054/-6362
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #4449 em: Outubro 03, 2023, 12:15:32 pm »
MLU?  :mrgreen:

Despacho n.º 10145/2023
Defesa Nacional - Marinha - Superintendência do Material
Delega, com faculdade de subdelegação, no diretor de Navios, Contra-Almirante Fernando Jorge Pires, a competência para a aquisição dos trabalhos preparatórios para a modernização da habitabilidade do NRP João Roby

https://diariodarepublica.pt/dr/detalhe/despacho/10145-2023-222366199

É Agora.  :mrgreen:


Citar
Plano de modernização que previa a instalação de mísseis anti-navio EXOCET, mísseis anti-aéreos ASPIDE num lançador óctuplo ALBATROS e morteiro ASW de 375mm BOFORS.


https://barcoavista.blogspot.com/2009/11/corvetas-da-classe-baptista-de-andrade.html

Saudações  :mrgreen:
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

Drecas

  • Investigador
  • *****
  • 1453
  • Recebeu: 450 vez(es)
  • Enviou: 170 vez(es)
  • +305/-189
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #4450 em: Outubro 03, 2023, 12:21:17 pm »
Expectável e necessário

A Roby penso que era a que para tomar banho era ao balde......

Não devia estar em serviço nas pronto....
 

*

Tiamate

  • Membro
  • *
  • 141
  • Recebeu: 46 vez(es)
  • Enviou: 163 vez(es)
  • +87/-472
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #4451 em: Outubro 03, 2023, 12:29:05 pm »
O marinheiros a tomar banho ao balde e o pessoal preocupado em colocar misseis...  :N-icon-Axe:
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 8187
  • Recebeu: 3690 vez(es)
  • Enviou: 701 vez(es)
  • +4918/-762
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #4452 em: Outubro 03, 2023, 01:45:24 pm »
Há quem não entenda sarcasmo.  :mrgreen:

Entretanto, lá vamos nós torrar mais dinheiro em navios velhos, devido à lentidão com que são substituídos.
 

*

PTWolf

  • Analista
  • ***
  • 683
  • Recebeu: 321 vez(es)
  • Enviou: 1466 vez(es)
  • +858/-185
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #4453 em: Outubro 03, 2023, 02:08:35 pm »
MLU?  :mrgreen:

Despacho n.º 10145/2023
Defesa Nacional - Marinha - Superintendência do Material
Delega, com faculdade de subdelegação, no diretor de Navios, Contra-Almirante Fernando Jorge Pires, a competência para a aquisição dos trabalhos preparatórios para a modernização da habitabilidade do NRP João Roby

https://diariodarepublica.pt/dr/detalhe/despacho/10145-2023-222366199

Como queimar dinheiro....
"Modernizar" um navio com 50 anos ao invés de ter acautelado a sua substituição por um REALMENTE moderno  :bang:
 

*

Drecas

  • Investigador
  • *****
  • 1453
  • Recebeu: 450 vez(es)
  • Enviou: 170 vez(es)
  • +305/-189
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #4454 em: Outubro 03, 2023, 02:20:57 pm »
Atenção, a modernização é da habitabilidade
E infelizmente parece-me necessário, não esquecer que a Roby estava ou ainda está..... assim


Claro que é um navio que não devia estar em serviço (tem mais do dobro da minha idade caramba......) mas ao mesmo tempo se tem de ser então que o pessoal que o tripule tenha o mínimo absoluto de condições....
« Última modificação: Outubro 03, 2023, 02:22:43 pm por Drecas »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Tiamate