Combate a fogos pela F.A.P.

  • 1601 Respostas
  • 315049 Visualizações
*

Togus

  • Membro
  • *
  • 46
  • Recebeu: 63 vez(es)
  • +17/-5
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #1575 em: Dezembro 29, 2022, 01:31:21 pm »


Pode-se saber a origem desta imagem?

Obg.
 

*

nelson38899

  • Investigador
  • *****
  • 4983
  • Recebeu: 594 vez(es)
  • Enviou: 511 vez(es)
  • +417/-1842
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #1576 em: Dezembro 29, 2022, 02:39:31 pm »
"Que todo o mundo seja «Portugal», isto é, que no mundo toda a gente se comporte como têm comportado os portugueses na história"
Agostinho da Silva
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, Subsea7

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 4621
  • Recebeu: 4295 vez(es)
  • Enviou: 2744 vez(es)
  • +6466/-2498
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #1577 em: Dezembro 29, 2022, 02:58:46 pm »


Não sei o que dizer mais, muito sinceramente.

O screenshot que partilhaste daria azo a tantas questões que necessitavam ser colocadas à tutela (MDN) e ao ramo (FAP) com carácter de urgência, começando desde logo pelo porquê então da mentira deslavada que foi veiculada publicamente no final de Agosto:

Citar
FORÇA AÉREA ADQUIRE NOVOS MEIOS PARA COMBATE A INCÊNDIOS RURAIS
30 de Agosto de 2022

A Força Aérea adquiriu seis helicópteros bombardeiros médios, Sikorski UH-60 Black Hawk, através do concurso público autorizado pela Resolução do Conselho de Ministros n.º 27/2021, de 4 de março, com o intuito de integrar os meios próprios do Estado no combate aos incêndios rurais.

O contrato para aquisição dos novos meios foi assinado, no passado dia 12 de agosto, com a empresa adjudicatária Arista Aviation Services, LLC. O contrato inclui o fornecimento de material e ferramentas, apoio técnico de manutenção até 2026 e formação para seis pilotos e 21 mecânicos. A entrega dos dois primeiros helicópteros está prevista para o 1.º trimestre de 2023.

Esta aquisição é financiada em cerca de 81% por fundos comunitários, através do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

O helicóptero UH-60 Black Hawk permite o transporte de uma equipa de 12 bombeiros e respetivo equipamento, com uma autonomia, com largada de água, de cerca de 150 minutos. Possui a capacidade de transportar até 2950 litros de água por largada.

https://www.emfa.pt/noticia-3862-forca-aerea-adquire-novos-meios-para-combate-a-incendios-rurais


E que até poderia conferir um fundo de verdade às dúvidas levantadas, entre outros, por alguns militares e pelo semanário Expresso em Setembro passado:

https://expresso.pt/politica/2022-09-16-Forca-Aerea-esconde-idade-de-helis-novos-para-combate-aos-fogos-que-podem-ter-35-anos-aba96bcb


Cheira-me igualmente a "Costices", artimanhas financeiras, malabarices e outras aldrabices com o PRR (que não pode ser sujeito a cativações, é certo, mas continua - tal como a LPM - com uma baixa taxa de execução). E por isso, deve ser verdade o que está patente nesse screenshot.

De facto só dá vontade de apagar a luz, fechar a porta e colocar uma tabuleta na mesma a dizer "Vende-se".
« Última modificação: Dezembro 29, 2022, 04:58:43 pm por Charlie Jaguar »
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

"(...) Que, havendo por verdade o que dizia,
DE NADA A FORTE GENTE SE TEMIA
"

Luís Vaz de Camões (Os Lusíadas, Canto I - Estrofe 97)
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, tenente, Subsea7

*

Subsea7

  • Especialista
  • ****
  • 1058
  • Recebeu: 873 vez(es)
  • Enviou: 1440 vez(es)
  • +2070/-1723
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #1578 em: Dezembro 29, 2022, 03:04:13 pm »


Não sei o que dizer mais, muito sinceramente.

O screenshot que partilhaste daria azo a tantas questões que necessitavam ser colocadas à tutela (MDN) e ao ramo (FAP) com carácter de urgência, começando desde logo pelo porquê da mentira deslavada que foi veiculada publicamente no final de Agosto:

Citar
FORÇA AÉREA ADQUIRE NOVOS MEIOS PARA COMBATE A INCÊNDIOS RURAIS
30 de Agosto de 2022

A Força Aérea adquiriu seis helicópteros bombardeiros médios, Sikorski UH-60 Black Hawk, através do concurso público autorizado pela Resolução do Conselho de Ministros n.º 27/2021, de 4 de março, com o intuito de integrar os meios próprios do Estado no combate aos incêndios rurais.

O contrato para aquisição dos novos meios foi assinado, no passado dia 12 de agosto, com a empresa adjudicatária Arista Aviation Services, LLC. O contrato inclui o fornecimento de material e ferramentas, apoio técnico de manutenção até 2026 e formação para seis pilotos e 21 mecânicos. A entrega dos dois primeiros helicópteros está prevista para o 1.º trimestre de 2023.

Esta aquisição é financiada em cerca de 81% por fundos comunitários, através do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

O helicóptero UH-60 Black Hawk permite o transporte de uma equipa de 12 bombeiros e respetivo equipamento, com uma autonomia, com largada de água, de cerca de 150 minutos. Possui a capacidade de transportar até 2950 litros de água por largada.

https://www.emfa.pt/noticia-3862-forca-aerea-adquire-novos-meios-para-combate-a-incendios-rurais


E que até poderia conferir um fundo de verdade às dúvidas levantadas, entre outros, por alguns militares e pelo semanário Expresso em Setembro passado:

https://expresso.pt/politica/2022-09-16-Forca-Aerea-esconde-idade-de-helis-novos-para-combate-aos-fogos-que-podem-ter-35-anos-aba96bcb


Cheira-me igualmente a "Costices", artimanhas financeiras, malabarices e outras aldrabices com o PRR (que não pode ser sujeito a cativações, é certo, mas continua - tal como a LPM - com uma baixa taxa de execução). E por isso, deve ser verdade o que está patente nesse screenshot.

De facto só dá vontade de apagar a luz, fechar a porta e colocar uma tabuleta na mesma a dizer "Vende-se".

A educadora de infância, o "Costap" e o "curto", assim como o bobo da corte, não querem saber !
 

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 4621
  • Recebeu: 4295 vez(es)
  • Enviou: 2744 vez(es)
  • +6466/-2498
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #1579 em: Dezembro 29, 2022, 03:31:55 pm »
A educadora de infância, o "Costap" e o "curto", assim como o bobo da corte, não querem saber !

Sim, essa é outra. O "papagaio-mor do Reino" já nem conta para nada; aquilo é cada cavadela, cada minhoca, e o que interessa naquele frágil e confrangedor estado mental em que se encontra é aparecer mais vezes na TV que o Costa.

O CEMGFA e os CEM dos ramos andam caladinhos que nem ratos; nem "Hidrográfico", "Picas, o Messias da Covid", "Pavio Curto" ou "Sr. Engenheiro de Logística", todos num silêncio ensurdecedor. Deve faltar pouco para chegar a altura de ser cada um por si, depois daqui a uns anos logo saberemos o que se passava verdadeiramente lá dentro.
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

"(...) Que, havendo por verdade o que dizia,
DE NADA A FORTE GENTE SE TEMIA
"

Luís Vaz de Camões (Os Lusíadas, Canto I - Estrofe 97)
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: typhonman, NVF, tenente, Pescador

*

Red Baron

  • Investigador
  • *****
  • 2437
  • Recebeu: 444 vez(es)
  • Enviou: 314 vez(es)
  • +130/-318
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #1580 em: Dezembro 29, 2022, 03:54:03 pm »
A educadora de infância, o "Costap" e o "curto", assim como o bobo da corte, não querem saber !

Sim, essa é outra. O "papagaio-mor do Reino" já nem conta para nada; aquilo é cada cavadela, cada minhoca, e o que interessa naquele frágil e confrangedor estado mental em que se encontra é aparecer mais vezes na TV que o Costa.

O CEMGFA e os CEM dos ramos andam caladinhos que nem ratos; nem "Hidrográfico", "Picas, o Messias da Covid", "Pavio Curto" ou "Sr. Engenheiro de Logística", todos num silêncio ensurdecedor. Deve faltar pouco para chegar a altura de ser cada um por si, depois daqui a uns anos logo saberemos o que se passava verdadeiramente lá dentro.

Estamos na altura de negociações da LPM. É normal estar tudo caladinho.
Daqui a uns meses quem achar que foi prejudicado já deve fazer barulho.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Charlie Jaguar

*

Igor

  • Membro
  • *
  • 53
  • Recebeu: 27 vez(es)
  • +5/-1
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #1581 em: Dezembro 29, 2022, 08:09:45 pm »
Bem isto a ser verdade e surreal, so mesmo em Portugal, assinar um contrato e so passados 5 anos eque se recebe as primeiras aeronaves. Ainda por cima aeronaves com uma carrada de anos e ainda financiadas em 81% com fundos comunitarios, agora imaginem se nao fossem contempladas com fundos comunitarios.  E viva a Portugalandia.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Subsea7

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 4621
  • Recebeu: 4295 vez(es)
  • Enviou: 2744 vez(es)
  • +6466/-2498
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #1582 em: Dezembro 29, 2022, 09:23:18 pm »
Estamos na altura de negociações da LPM. É normal estar tudo caladinho.
Daqui a uns meses quem achar que foi prejudicado já deve fazer barulho.

Sim, estás obviamente coberto de razão. No entanto vejamos:

- o "hidrográfico" é, foi e sempre será um verdadeiro palerma; o exemplo de que um tolo também pode saber aprender a comer pelas beiras de um prato;

- o "picas, messias da covid" anda caladinho porque está com os olhos em Belém, e também para ver se ninguém escrutina demasiado a fundo o que tem estado a ser o seu mandato à frente da Armada;

- o "pavio curto" é o exemplo típico dum "yes-man". Trata-se de uma profunda desilusão tendo em conta tudo aquilo que me contavam a seu respeito nos Bisontes, mas faz-me de certa forma recordar o Passos Coelho porque o espírito dele é sempre ir mais além do que o proposto, também no mau sentido;

- o "engenheiro de logística" não conheço muito bem, mas como não se pronuncia sobre nada, e foi reconduzido no cargo no ano passado, é com certeza outro "yes-man" que não tem desejo nenhum de agitar as águas.

Juntando a este elenco um Primeiro-Ministro para o qual as Forças Armadas não poderiam estar mais baixo na sua lista de prioridades, e um Presidente da República e Comandante-Supremo das Forças Armadas cuja principal preocupação é estar de alerta para comentar e ter uma opinião sobre tudo e o seu contrário, e bem podemos estar a caminhar para nos tornarmos a "Irlanda da NATO".

O último que apague a luz.
« Última modificação: Dezembro 29, 2022, 11:08:13 pm por Charlie Jaguar »
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

"(...) Que, havendo por verdade o que dizia,
DE NADA A FORTE GENTE SE TEMIA
"

Luís Vaz de Camões (Os Lusíadas, Canto I - Estrofe 97)
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, tenente, nelson38899, HSMW, Subsea7

*

Visitante123

  • Perito
  • **
  • 439
  • Recebeu: 162 vez(es)
  • Enviou: 91 vez(es)
  • +7/-44
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #1583 em: Dezembro 31, 2022, 06:29:20 pm »
A educadora de infância, o "Costap" e o "curto", assim como o bobo da corte, não querem saber !

Sim, essa é outra. O "papagaio-mor do Reino" já nem conta para nada; aquilo é cada cavadela, cada minhoca, e o que interessa naquele frágil e confrangedor estado mental em que se encontra é aparecer mais vezes na TV que o Costa.

O CEMGFA e os CEM dos ramos andam caladinhos que nem ratos; nem "Hidrográfico", "Picas, o Messias da Covid", "Pavio Curto" ou "Sr. Engenheiro de Logística", todos num silêncio ensurdecedor. Deve faltar pouco para chegar a altura de ser cada um por si, depois daqui a uns anos logo saberemos o que se passava verdadeiramente lá dentro.

Estamos na altura de negociações da LPM. É normal estar tudo caladinho.
Daqui a uns meses quem achar que foi prejudicado já deve fazer barulho.

Assim ficam calados e sempre põem na LPM coisas que nunca serão cumpridas. É essa a ideia? Mais valia falar, por menos coisas na LPM e essas serem cumpridas. Mas pronto...
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, Subsea7

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 12028
  • Recebeu: 2579 vez(es)
  • Enviou: 6877 vez(es)
  • +420/-397
    • http://youtube.com/HSMW
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #1584 em: Janeiro 03, 2023, 01:25:47 am »


Como é possível assinar um contrato em 2022, e o primeiro UH-60 chegar cá em 2028, para helis que já existem?

 :mrgreen:

Porque o cockpit é ExPeTaCuLaR......  ::) ::) :bang: :bang:
https://www.youtube.com/user/HSMW/videos

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 7570
  • Recebeu: 2473 vez(es)
  • Enviou: 914 vez(es)
  • +3979/-5092
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #1585 em: Janeiro 03, 2023, 11:08:30 am »
Faz me lembrar a armada do Brasil com os Trader. Alguém diga que nos EUA aquilo também apaga fogos (o Ideal para a ala aérea da Gnr) ...  :mrgreen:

https://www.naval.com.br/blog/2021/05/03/novidades-sobre-os-avioes-kc-2-turbo-trader-da-marinha-do-brasil/





Saudações

"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 4621
  • Recebeu: 4295 vez(es)
  • Enviou: 2744 vez(es)
  • +6466/-2498
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #1586 em: Janeiro 03, 2023, 04:43:48 pm »


Agora mais a frio, e não querendo passar por advogado do diabo, é compreensível um atraso na entrega dos aparelhos face à necessidade de desenvolver toda uma cadeia logística inexistente em Portugal, tal como está escrito no screenshot:

Citar
- Há necessidade de desenvolver todo o sistema de manutenção logística desta aeronave e o processo pode envolver a indústria nacional (serviços);

Porém, passarem mais de 5 anos para a entrega das primeiras duas aeronaves, e mais de 6 para a encomenda ficar completa? Isso sim é de bradar aos céus, mesmo com o possível "bónus" do envolvimento no programa da indústria nacional (vulgo, areia para os olhos).

No próprio site da Arista está escrito que a entrega terá lugar "no decurso dos próximos 3 anos":

Citar
Arista Aviation Services, a counted-on provider of rotary wing aircraft repair, overhaul, and modernization – with specialization in the Sikorsky UH-60 Black Hawk helicopter – has been awarded a contract to provide six firefighting-capable Black Hawks to the Portuguese Air Force (Força Aérea Portuguesa), besting Industry OEMs Leonardo and Bell Helicopter. The contract includes the delivery of six aircraft over the next three years, training for six pilots and 21 mechanics, and five years of onsite maintenance and logistical support. (...)

https://aristaas.com/arista-aviation-awarded-portuguese-air-force-contract/

Não se recondicionam células com 30/40 anos de serviço de um dia para o outro como é aqui o caso, é certo, nem a FAP é naturalmente o único cliente que a Arista possui neste momento em carteira. Se tivessem vindo dizer que a entrega dos primeiros exemplares dos UH-60A estaria aprazada para 2024/25, tal não me teria deixado chocado; por exemplo, o contracto V-519 de compra do primeiro lote de 20 A-7P Corsair II foi assinado a 5 de Maio de 1980, com a primeiro avião modificado a voar em Maio do ano seguinte e a cerimónia oficial de entrega a ter lugar a 18 de Agosto de 1981 na Andrews AFB. Agora primeiro trimestre deste ano? Pouco crível e expectável, diga-se a bem da verdade.

Considerando a data apontada de 2028/9, verifica-se afinal que tudo não passou de um embuste, ou então houve desenvolvimentos de última hora que, de qualquer forma, carecem de esclarecimentos rápido em sede própria. Porque se for por este ponto, e com o actual CEMFA...

Citar
- Tema a ser desenvolvido nas próximas reuniões com o EMFA;

... então não deve haver problema nenhum.  ::)

Que arda o que tiver de arder, que se deixe correr solta a corrupção, e que se continuem a plantar de forma criminosa eucaliptos e acácias à vontade por essa floresta fora e nos solos ardidos, como está a acontecer neste momento na Serra da Estrela, por exemplo. Depois de estar tudo novamente queimado e destruído, organizam-se inúmeras campanhas de solidariedade, de recolha de fundos e donativos, chama-se o Marcelo para as fotografias da praxe com os desgraçados que foram afectados, e está a coisa despachada. Afinal é disto que o povo gosta, pão e circo.
« Última modificação: Janeiro 04, 2023, 07:59:25 am por Charlie Jaguar »
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

"(...) Que, havendo por verdade o que dizia,
DE NADA A FORTE GENTE SE TEMIA
"

Luís Vaz de Camões (Os Lusíadas, Canto I - Estrofe 97)
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF

*

Togus

  • Membro
  • *
  • 46
  • Recebeu: 63 vez(es)
  • +17/-5
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #1587 em: Janeiro 03, 2023, 07:50:14 pm »


Se o conteúdo desta imagem fosse verdadeiro estaríamos perante o primeiro grande fiasco do PRR, algo que certamente já teria sido “apanhado” pela comunicação social.

Todos os dias ouvimos falar da execução do PRR, o PR fala disto todos os dias, e se se recordarem o PRR termina a 31 de dezembro de 2026, ou seja, qualquer projeto que termine após esta data deverá ser pago por outras vias.

Além disso também já vimos o contrato de aquisição deste helicópteros no qual consta a data de entrega e as cláusulas sobre penalidades em caso de atraso na entrega…

Isto para dizer que a informação que consta naquela apresentação, sim, porque aquela imagem é de uma apresentação de alguma entidade, não corresponde à realidade.

Todos os projetos desta natureza sofrem de atrasos, mas tenho a certeza que neste ano iremos receber os primeiros 2 helicópteros.

Cumprimentos.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Subsea7

*

Red Baron

  • Investigador
  • *****
  • 2437
  • Recebeu: 444 vez(es)
  • Enviou: 314 vez(es)
  • +130/-318
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #1588 em: Janeiro 03, 2023, 08:12:32 pm »
O que está previsto é 2 em 2023, 2 em 2024 e 2 em 2025.
 

*

Visitante123

  • Perito
  • **
  • 439
  • Recebeu: 162 vez(es)
  • Enviou: 91 vez(es)
  • +7/-44
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #1589 em: Janeiro 03, 2023, 09:50:38 pm »
O que está previsto é 2 em 2023, 2 em 2024 e 2 em 2025.

Acho que o PRR obriga os contratos a estarem terminados até 2025. Esse era um dos probs do navio multifuncional.