ForumDefesa.com

Forças Armadas e Sistemas de Armas => Força Aérea Portuguesa => Tópico iniciado por: tenente em Julho 08, 2020, 04:02:35 pm

Título: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 08, 2020, 04:02:35 pm
Airbus Transforms A330s into Multi Role Tanker Transports Through an Optimised Conversion Process

(https://imagizer.imageshack.com/v2/xq90/923/w54cT7.jpg) (https://imageshack.com/i/pnw54cT7j)
Airbus A330 Multi Role Tanker Transports (MRTTs) are now being outfitted for their multi-mission duties in an optimised industrial process – enabling five aircraft to undergo the conversion every year. (Airbus infographic)

Having earned its reputation as the new-generation aerial tanker of choice for military services worldwide, Airbus’ A330 Multi Role Tanker Transports (MRTTs) are now being outfitted for their multi-mission duties in an optimised industrial process – enabling five aircraft to undergo the conversion every year.

The A330 MRTT is based on Airbus’ popular A330 widebody passenger airliner, with the aircraft produced on the company’s commercial airplane final assembly line in Toulouse, France. Once their initial built-up is complete, they are flown to Airbus’ military aircraft facility in Getafe, Spain to be transformed with hardware and systems for their dual roles as an air-to-air refuelling platform and an airlifter for troops and cargo.

Thousands of new parts integrated

During the conversion, Airbus teams install some 16,000 types of new components and approximately 450 new electrical harnesses (for a total cabling length of more than 50 km.), as well as 6,000 brackets and 1,700 connectors.

With 42 A330 MRTTs delivered to date, Airbus’ has reduced the end-to-end transformation time by one month, introducing increased digitalization and applying the “takt” principle of lean production methodology – in which the aircraft moves through the conversion with zero hours pending and zero work orders open.

The digitalization includes the increasing use of Microsoft HoloLens mixed reality headsets instead of computer tablets. With 80 to 90 work orders now produced with HoloLens, the goal is to apply the system during 2020 for 50% of overall work orders, mainly for electrical and hydraulic installations.

A key element of the conversion is installing the A330 MRTT’s air-to-air refuelling hardware. All aircraft are equipped with hose and drogue units, and most customers have opted for Airbus’ highly capable fly-by-wire Aerial Refuelling Boom System (ARBS) – which provides enhanced controllability during in-flight fuel transfers to receiver airplanes.

The A330 MRTT transformation process includes locating the Airbus-developed Air Refuelling Console in the cockpit area behind the pilots. Containing seats for two crew members, this station enables the aerial refuelling to be remotely controlled, aided by an advanced high-resolution observation system with panoramic 3D-vision for operations day and night.

On the A330 MRTT’s main deck, the aircraft’s widebody cross-section can be configured a variety of roles, from the transportation of troops and personnel with capacities for 268 passengers in a two-class configuration, to aeromedical evacuation – accommodating two intensive care units, 16 stretchers, along with seating for medical staff and passengers.

Customers from around the world

Airbus delivered its initial A330 MRTT in December 2009, with this no. 1 aircraft received by the Royal Australian Air Force. Today, A330 MRTTs are flown by Australia, France, Singapore, Saudi Arabia, South Korea, the United Emirates and United Kingdom – logging a combined total of more than 200,000 flight hours.

A total of 60 A330 MRTTs have been ordered for operations at the service of 13 nations.

http://www.thefifthcolumn.xyz/Forum/viewthread.php?tid=255&page=4

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Julho 08, 2020, 07:22:45 pm
Agora assustei-me, pensei que eram boas noticias.  :mrgreen:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Julho 08, 2020, 07:45:32 pm
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Stalker79 em Julho 08, 2020, 08:35:15 pm
Pois, só falta é o carcanho como sempre....
 :-P
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 08, 2020, 10:41:59 pm
Se ao reduzir a encomenda de 5 para 3 KCs, e a verba fosse alocada para 2 MRTT... Não calhava bem querem ver?  :mrgreen:

Por mim a resposta curta a este tipo se aeronave é um SIM! Um verdadeiro multiplicador de força.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Major Alvega em Julho 08, 2020, 11:01:20 pm
 Se tivéssemos um regime político, com políticos esclarecidos, com um nível intelectual acima da média e com sentido de Estado. E uma sociedade civil com um nivel de conhecimento e cultura medianos. Seria perfeitamente uma opção natural devido à nossa situação geo-estratégica na defesa aérea do nosso território no triângulo continente-Açores-Madeira como ampliador do raio de acção dos nossos caças . E da necessidade de possuirmos meios que o país possa projectar de uma vez por exemplo 350 homens  + carga numa situação de ajuda humanitária ou de transporte de tropas para locais onde hajam missões ou ainda numa evacuação necessárias de nacionais em qualquer ponto do mundo. Era uma "ferramenta" básica qualquer Estado civilizado.

 Mas como estamos numa realidade oposta. Tudo isso não passa de uma miragem e 300 e tal milhões quando para fazer uma actualização de um cockpit de aeronaves que já deviam estar abatidas, é o que é. E têm de pedir subsídio a Bruxelas.
Quanto mais investir num meio destes.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Crypter em Julho 09, 2020, 10:54:41 am
Tão e a TAP pá!!!  c56x1
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 09, 2020, 12:00:52 pm
Se tivéssemos um regime político, com políticos esclarecidos, com um nível intelectual acima da média e com sentido de Estado. E uma sociedade civil com um nivel de conhecimento e cultura medianos. Seria perfeitamente uma opção natural devido à nossa situação geo-estratégica na defesa aérea do nosso território no triângulo continente-Açores-Madeira como ampliador do raio de acção dos nossos caças . E da necessidade de possuirmos meios que o país possa projectar de uma vez por exemplo 350 homens  + carga numa situação de ajuda humanitária ou de transporte de tropas para locais onde hajam missões ou ainda numa evacuação necessárias de nacionais em qualquer ponto do mundo. Era uma "ferramenta" básica qualquer Estado civilizado.

 Mas como estamos numa realidade oposta. Tudo isso não passa de uma miragem e 300 e tal milhões quando para fazer uma actualização de um cockpit de aeronaves que já deviam estar abatidas, é o que é. E têm de pedir subsídio a Bruxelas.
Quanto mais investir num meio destes.

Até para missões de policiamento no Báltico, fazia mais sentido enviar uma aeronave destas para transportar o material e pessoal de apoio, do que um C-130.

Permitia também uma redução da carga de trabalhos para a frota de cargueiros da FAP, deixando os C-130/KC para cargas mais volumosas...

Enfim, temos muito dinheiro para 5 KC (quando 3 unidades iniciais bastavam), mas não temos para 2 aeronaves destas...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: mafets em Julho 09, 2020, 03:14:49 pm
Se tivéssemos um regime político, com políticos esclarecidos, com um nível intelectual acima da média e com sentido de Estado. E uma sociedade civil com um nivel de conhecimento e cultura medianos. Seria perfeitamente uma opção natural devido à nossa situação geo-estratégica na defesa aérea do nosso território no triângulo continente-Açores-Madeira como ampliador do raio de acção dos nossos caças . E da necessidade de possuirmos meios que o país possa projectar de uma vez por exemplo 350 homens  + carga numa situação de ajuda humanitária ou de transporte de tropas para locais onde hajam missões ou ainda numa evacuação necessárias de nacionais em qualquer ponto do mundo. Era uma "ferramenta" básica qualquer Estado civilizado.

 Mas como estamos numa realidade oposta. Tudo isso não passa de uma miragem e 300 e tal milhões quando para fazer uma actualização de um cockpit de aeronaves que já deviam estar abatidas, é o que é. E têm de pedir subsídio a Bruxelas.
Quanto mais investir num meio destes.

Até para missões de policiamento no Báltico, fazia mais sentido enviar uma aeronave destas para transportar o material e pessoal de apoio, do que um C-130.

Permitia também uma redução da carga de trabalhos para a frota de cargueiros da FAP, deixando os C-130/KC para cargas mais volumosas...

Enfim, temos muito dinheiro para 5 KC (quando 3 unidades iniciais bastavam), mas não temos para 2 aeronaves destas...

Kc não comprava mais de 2. Os Checos também "fabricam" o aparelho e só vão comprar 2 (se comprarem).

https://www.flightglobal.com/czech-republic-outlines-need-for-two-kc-390s/95804.article (https://www.flightglobal.com/czech-republic-outlines-need-for-two-kc-390s/95804.article)

Penso que o Mrtt é essencial. Velhos tempos em que tinhamos os 707 da Fap a fazer algum desse trabalho.

 (https://1.bp.blogspot.com/-4oH6zDMDfw0/WwAss7NoOmI/AAAAAAAFpEI/wMyP6C5XejUEiAHjsbwkET1wc7QLKx5AwCLcBGAs/s1600/BA12%2B-%2BBissalanca%2B-%2BBoeing%2B-%2B707%2B-%2BMiss%25C3%25A3o_envio%2Bde%2Bh%25C3%25A9lis%2Bpara%2BTimor%2Bainda%2Bsob%2Badministra%25C3%25A7%25C3%25A3o%2Bportuguesa%2B-%2BFoto%2BMusar%2B%25281%2529.jpg)

(https://2.bp.blogspot.com/_tX5NcuPJltc/SIA29nLpP1I/AAAAAAAAC4I/HMLpdpIXS7I/s400/B-707.jpg)

Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Julho 10, 2020, 12:43:02 pm
E que tremenda mais-valia para o nosso país seria a aquisição de um par destes aparelhos, capazes de ser empregues numa multitude de missões de cariz militar e civil a título interno e externo. Dois custariam sensivelmente o mesmo que um U209PN, mas tal como os submarinos o jeito que dariam.

(https://www.avionews.it/resources/800x800/fdc06045ff48f62f0419b35b6053e18d.jpg.jpg)

(https://airbus-h.assetsadobe2.com/is/image/content/dam/channel-specific/website-/products-and-services/defence/a330mrtt/web.mrtt.large.14.png?wid=1920&fit=fit,1&qlt=85,0)

(https://i1.wp.com/u0v052dm9wl3gxo0y3lx0u44wz.wpengine.netdna-cdn.com/wp-content/uploads/2014/04/a330-mrtt-12-upper-deck.jpg)


Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 10, 2020, 12:47:42 pm
E que tremenda mais-valia para o nosso país seria a aquisição de um par destes aparelhos, capazes de ser empregues numa multitude de missões de cariz militar e civil a título interno e externo. Dois custariam sensivelmente o mesmo que um U209PN, mas tal como os submarinos o jeito que dariam.

(https://airbus-h.assetsadobe2.com/is/image/content/dam/channel-specific/website-/products-and-services/defence/a330mrtt/web.mrtt.large.14.png?wid=1920&fit=fit,1&qlt=85,0)


Sem dúvida, sem dúvida !

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 10, 2020, 02:58:27 pm
E possuindo ambos os métodos de reabastecimento, são completamente "future proof" para qualquer aeronave que a FAP adquira, como caças por exemplo.

Não faz sentido não ter aeronaves destas.

Se tivéssemos um regime político, com políticos esclarecidos, com um nível intelectual acima da média e com sentido de Estado. E uma sociedade civil com um nivel de conhecimento e cultura medianos. Seria perfeitamente uma opção natural devido à nossa situação geo-estratégica na defesa aérea do nosso território no triângulo continente-Açores-Madeira como ampliador do raio de acção dos nossos caças . E da necessidade de possuirmos meios que o país possa projectar de uma vez por exemplo 350 homens  + carga numa situação de ajuda humanitária ou de transporte de tropas para locais onde hajam missões ou ainda numa evacuação necessárias de nacionais em qualquer ponto do mundo. Era uma "ferramenta" básica qualquer Estado civilizado.

 Mas como estamos numa realidade oposta. Tudo isso não passa de uma miragem e 300 e tal milhões quando para fazer uma actualização de um cockpit de aeronaves que já deviam estar abatidas, é o que é. E têm de pedir subsídio a Bruxelas.
Quanto mais investir num meio destes.

Até para missões de policiamento no Báltico, fazia mais sentido enviar uma aeronave destas para transportar o material e pessoal de apoio, do que um C-130.

Permitia também uma redução da carga de trabalhos para a frota de cargueiros da FAP, deixando os C-130/KC para cargas mais volumosas...

Enfim, temos muito dinheiro para 5 KC (quando 3 unidades iniciais bastavam), mas não temos para 2 aeronaves destas...

Kc não comprava mais de 2. Os Checos também "fabricam" o aparelho e só vão comprar 2 (se comprarem).



Digo sempre 3 por ser o número adequado para as nossas necessidades e ter sempre 2 disponíveis, enquanto o terceiro está possivelmente em manutenção. Além de que temos dois arquipélagos, dá sempre jeito o terceiro avião.

Mas isto mudava se recebessemos dois A-400.  :mrgreen:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Stalker79 em Julho 10, 2020, 03:03:27 pm
A encomenda nunca havia de ter mudado de 3 Ka-cês e 2 A400.
Já cumpriam com a parte das obrigações para com a Embraer e conseguiamos um transporte tactico.
Este tambem não é mau pensado não.
 :-P
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 10, 2020, 03:27:42 pm
Junta os dois MRTT e assinamos já o contrato.  :G-beer2:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 10, 2020, 06:04:14 pm
Junta os dois MRTT e assinamos já o contrato.  :G-beer2:

eu não assino nada........., o ideal seria termos quatro A400 e dois MRTT's, isso assino já !!! ;)

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 10, 2020, 06:30:46 pm
Pensa nos amigos da Embraer, assim ninguém sai fica triste.  :mrgreen:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: perdadetempo em Julho 11, 2020, 12:31:45 am
Se alguma vez houver neste país interesse nos AIRBUS A330 MRTT mais valia aderir ao programa da NATO "Multinational Multi-Role Tanker and Transport Fleet (MMF)" que é administrado pela NSPA. Países com uma economia bem emlhor que a nossa fizeram-no.

Cumprimentos,
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Julho 11, 2020, 10:03:52 am
O que não falta é A-330 a venda civis, era converter pelo menos 2 para MRTT.


Não sei é qual é o custo.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 11, 2020, 01:44:39 pm
Se alguma vez houver neste país interesse nos AIRBUS A330 MRTT mais valia aderir ao programa da NATO "Multinational Multi-Role Tanker and Transport Fleet (MMF)" que é administrado pela NSPA. Países com uma economia bem emlhor que a nossa fizeram-no.

Cumprimentos,

Faria sentido se conseguissem ter duas aeronaves destacadas cá permanentemente. Se for para lá ficar numa base aérea no meio da Europa, seriam-nos praticamente inúteis.

Para nós dá jeito para operações sobre o Atlântico (AAR), transporte entre continente e ilhas e TOs futuros, etc. Não faz sentido que cada vez que fossem necessários, lá tínhamos de pedir...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Julho 11, 2020, 01:47:09 pm
Se alguma vez houver neste país interesse nos AIRBUS A330 MRTT mais valia aderir ao programa da NATO "Multinational Multi-Role Tanker and Transport Fleet (MMF)" que é administrado pela NSPA. Países com uma economia bem emlhor que a nossa fizeram-no.

Cumprimentos,

Faria sentido se conseguissem ter duas aeronaves destacadas cá permanentemente. Se for para lá ficar numa base aérea no meio da Europa, seriam-nos praticamente inúteis.

Para nós dá jeito para operações sobre o Atlântico (AAR), transporte entre continente e ilhas e TOs futuros, etc. Não faz sentido que cada vez que fossem necessários, lá tínhamos de pedir...

É tentar trazer uma base aqui para a península ibérica. c56x1
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: luis simoes em Julho 11, 2020, 01:50:34 pm
Acho mais interessante a compra dos P8 Poseidon do que ter os MRTT 330...primeiro os P3 Orion já comecam  a ficar ligeiramente ultrapassados e quanto a mim seria mais urgente a compra do Poseidon até pelo processo que está a decorrer para o alargamento da nossa plataforma Maritima Continental á nossa responsabilidade.
Nao tenho  duvida que os governantes terao de fazer alguma coisa….quanto ao MRTT 330 apesar de ser uma Boa plataforma para nós, e dado ao momento Pacifico existente entre Portugal e nossas Ex colonias á excepcao de Moncambique nao vejo grande utilidade para a mesma compra Dada ás suas Valencias ficariamos com uma aeronave mais vezes no chao que a operar ..isto até parece excessivo mas nao ...Portugal de momento nao vive um momento onde o transporte de um grande Numero de homens e mercadorias seja assim tao elevado para que o mesmo (MRTT)seja alocado para este tipo de missoes e para já o Hercules dá conta do assunto,,,,para a missao de reabastecimento em voo a  quando da alocacao dos F.16 para missoes/Treinos  a grandes distancias casos do RedFlag ou mesmo missoes onde os mesmos irao actuar existe por parte dos aliados essa solucao portanto nao vejo assim de repente urgencia na compra do mesmo…..atencao nao sou contra esta solucao mas no momento actual Portugal nao precisa ….precisa sim de Poseidons para mim em igual Numero dos P3 Orion 5 seria perfeito…..
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 11, 2020, 01:58:22 pm
Espectáculo!!!!
 ::) :bang:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Julho 11, 2020, 02:10:46 pm
Espectáculo!!!!
 ::) :bang:

qé isto o zé????? :D
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 11, 2020, 02:50:11 pm
Espectáculo!!!!
 ::) :bang:

qé isto o zé????? :D

se calhar, se calhar.
PM
Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Julho 11, 2020, 02:55:03 pm
Acho mais interessante a compra dos P8 Poseidon do que ter os MRTT 330...primeiro os P3 Orion já comecam  a ficar ligeiramente ultrapassados e quanto a mim seria mais urgente a compra do Poseidon até pelo processo que está a decorrer para o alargamento da nossa plataforma Maritima Continental á nossa responsabilidade.
Nao tenho  duvida que os governantes terao de fazer alguma coisa….quanto ao MRTT 330 apesar de ser uma Boa plataforma para nós, e dado ao momento Pacifico existente entre Portugal e nossas Ex colonias á excepcao de Moncambique nao vejo grande utilidade para a mesma compra Dada ás suas Valencias ficariamos com uma aeronave mais vezes no chao que a operar ..isto até parece excessivo mas nao ...Portugal de momento nao vive um momento onde o transporte de um grande Numero de homens e mercadorias seja assim tao elevado para que o mesmo (MRTT)seja alocado para este tipo de missoes e para já o Hercules dá conta do assunto,,,,para a missao de reabastecimento em voo a  quando da alocacao dos F.16 para missoes/Treinos  a grandes distancias casos do RedFlag ou mesmo missoes onde os mesmos irao actuar existe por parte dos aliados essa solucao portanto nao vejo assim de repente urgencia na compra do mesmo…..atencao nao sou contra esta solucao mas no momento actual Portugal nao precisa ….precisa sim de Poseidons para mim em igual Numero dos P3 Orion 5 seria perfeito…..

Os nossos P-3 ultrapassados? Você não sabe o que está a dizer! Se há sistema de armas state of the art, polivalente, com excepcionais capacidades e tremendo potencial ao serviço do nosso país é o actual P-3C CUP+.

Não nos confunda com a Alemanha onde vive, e também não esqueça que a realidade de hoje em dia não se coaduna com devaneios de wish-lists. Se se andam a contar tostões para comprar apenas uma mão-cheia de helicópteros vitais para as nossas Forças Armadas, você queria logo 5 P-8A só porque sim por mais de mil milhões de euros? Pois, 'tá bem... ::)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 11, 2020, 03:06:43 pm
O que não falta é A-330 a venda civis, era converter pelo menos 2 para MRTT.

Não sei é qual é o custo.

se houvesse vontade era continuar a pagar dois dos leasings dos 330 TAP, que vão ser devolvidos modificá-los e passarem para a FAP !

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 11, 2020, 03:09:20 pm
Acho mais interessante a compra dos P8 Poseidon do que ter os MRTT 330...primeiro os P3 Orion já comecam  a ficar ligeiramente ultrapassados e quanto a mim seria mais urgente a compra do Poseidon até pelo processo que está a decorrer para o alargamento da nossa plataforma Maritima Continental á nossa responsabilidade.
Nao tenho  duvida que os governantes terao de fazer alguma coisa….quanto ao MRTT 330 apesar de ser uma Boa plataforma para nós, e dado ao momento Pacifico existente entre Portugal e nossas Ex colonias á excepcao de Moncambique nao vejo grande utilidade para a mesma compra Dada ás suas Valencias ficariamos com uma aeronave mais vezes no chao que a operar ..isto até parece excessivo mas nao ...Portugal de momento nao vive um momento onde o transporte de um grande Numero de homens e mercadorias seja assim tao elevado para que o mesmo (MRTT)seja alocado para este tipo de missoes e para já o Hercules dá conta do assunto,,,,para a missao de reabastecimento em voo a  quando da alocacao dos F.16 para missoes/Treinos  a grandes distancias casos do RedFlag ou mesmo missoes onde os mesmos irao actuar existe por parte dos aliados essa solucao portanto nao vejo assim de repente urgencia na compra do mesmo…..atencao nao sou contra esta solucao mas no momento actual Portugal nao precisa ….precisa sim de Poseidons para mim em igual Numero dos P3 Orion 5 seria perfeito…..

Os nossos P-3 ultrapassados? Você não sabe o que está a dizer! Se há sistema de armas state of the art, polivalente, com excepcionais capacidades e tremendo potencial ao serviço do nosso país é o actual P-3C CUP+.

Não nos confunda com a Alemanha onde vive, e também não esqueça que a realidade de hoje em dia não se coaduna com devaneios de wish-lists. Se se andam a contar tostões para comprar apenas uma mão-cheia de helicópteros vitais para as nossas Forças Armadas, você queria logo 5 P-8A porque sim por mil milhões de euros? Pois, 'tá bem... ::)

Ó CJ, eu também quero fumar dessa erva, pois é da boa !!!!! ::)

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 11, 2020, 03:13:55 pm
Se os P-3 estão ultrapassados, nem quero pensar nas restantes frotas da FAP.  ::)

E o facto de a pessoa em questão achar que o MRTT não teria grande utilidade, mas a capacidade AAR do KC já tem... É a roçar a fantasia, para não dizer mesmo delusional.

Depois fala no aumento da plataforma continental, mas esquece-se que essa mesma plataforma precisa de ser protegida e vigiada, e os MRTT permitem "esticar" o alcance dos nossos caças para proteger essa nova área. O facto de permitir aos nossos caças operar sobre o Atlântico sem a limitação do seu raio de acção, é desde logo uma grande razão para ter estas aeronaves. Depois nem falo da vertente "multi-missão" desta aeronave, uma delas demonstrada durante a pandemia pelos franceses.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Julho 11, 2020, 03:43:13 pm
No futuro, F-35A com MRTT, E-7 e P-8A. assim como misseis LRASM, era tudo o que se pedia, somando uns Global Hawk.



Uns 6000 milhões de euros, numero abaixo do que já entrou para o NB.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Julho 11, 2020, 03:46:38 pm
Existe a possibilidade de a NATO fazer como fez com o MRTT e criar uma frota partilhada de P-8.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 11, 2020, 03:51:08 pm
Se os P-3 estão ultrapassados, nem quero pensar nas restantes frotas da FAP.  ::)

E o facto de a pessoa em questão achar que o MRTT não teria grande utilidade, mas a capacidade AAR do KC já tem... É a roçar a fantasia, para não dizer mesmo delusional.

Depois fala no aumento da plataforma continental, mas esquece-se que essa mesma plataforma precisa de ser protegida e vigiada, e os MRTT permitem "esticar" o alcance dos nossos caças para proteger essa nova área. O facto de permitir aos nossos caças operar sobre o Atlântico sem a limitação do seu raio de acção, é desde logo uma grande razão para ter estas aeronaves. Depois nem falo da vertente "multi-missão" desta aeronave, uma delas demonstrada durante a pandemia pelos franceses.

Se os P3 estão tão  mal como estariam os ALIII, e estarão os epsilon, os C, os DA50, enfim excelente avaliação e comentário, só mesmo de quem sabe muito e até adivinha que o 390 vai ser um excelente cargueiro à semelhança das qualidades e capaxidades dos Kualitas civis.

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Julho 11, 2020, 03:56:44 pm
Existe a possibilidade de a NATO fazer como fez com o MRTT e criar uma frota partilhada de P-8.

Não me parece.

Equipamentos sensíveis a bordo, CI4, ISTAR... Dont think so .
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Lightning em Julho 11, 2020, 04:43:10 pm
A encomenda nunca havia de ter mudado de 3 Ka-cês e 2 A400.

Nunca ouve essa encomenda.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Julho 11, 2020, 04:44:39 pm
A encomenda nunca havia de ter mudado de 3 Ka-cês e 2 A400.

Nunca ouve essa encomenda.

Nunca, se bem que o Cravinho andou pela Alemanha esta semana.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Lightning em Julho 11, 2020, 05:14:28 pm
O facto de permitir aos nossos caças operar sobre o Atlântico sem a limitação do seu raio de acção, é desde logo uma grande razão para ter estas aeronaves.

Os nossos caças, ou qualquer outra aeronave da FAP, tem capacidade de operar sobre o Atlântico com o apoio das bases locais, BA4 nas Lajes e AM3 no Porto Santo.

Um avião-reabastecedor podia permitir uma acção directa a partir de bases no Continente, é verdade, mas para isso precisavamos que um dos reabastecedores estivesse em prontidão permanente e tripulações em alerta 24/7, com a devida rotação de tripulações para descanso, isto tem custos para um uso que não sabemos se compensa.

Depois os caças iriam descolar para uma acção ar-ar ou ar-superfície, aqui quero salientar a falta de meios de vigilância do espaço aéreo e talvez marítimo para detectar as ameaças, enquanto que no arquipélago da Madeira a FAP já possui uma estação radar em funcionamento, no arquipélago dos Açores isso ainda não é uma realidade, a detecção das ameaças maritimas depende da quantidade de voos patrulha dos P3 e de meios navais da Armada no mar.

Isto é, se não soubemos que o "inimigo" está num certo local ninguém vai descolar, caças e reabastecedor, ninguém têm bolas de cristal para adivinhar.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Stalker79 em Julho 11, 2020, 05:38:21 pm
A encomenda nunca havia de ter mudado de 3 Ka-cês e 2 A400.

Nunca ouve essa encomenda.


É pena, porque seria a ideal para o que precisamos...
 :(
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: mafets em Julho 11, 2020, 08:52:20 pm
Acho mais interessante a compra dos P8 Poseidon do que ter os MRTT 330...primeiro os P3 Orion já comecam  a ficar ligeiramente ultrapassados e quanto a mim seria mais urgente a compra do Poseidon até pelo processo que está a decorrer para o alargamento da nossa plataforma Maritima Continental á nossa responsabilidade.
Nao tenho  duvida que os governantes terao de fazer alguma coisa….quanto ao MRTT 330 apesar de ser uma Boa plataforma para nós, e dado ao momento Pacifico existente entre Portugal e nossas Ex colonias á excepcao de Moncambique nao vejo grande utilidade para a mesma compra Dada ás suas Valencias ficariamos com uma aeronave mais vezes no chao que a operar ..isto até parece excessivo mas nao ...Portugal de momento nao vive um momento onde o transporte de um grande Numero de homens e mercadorias seja assim tao elevado para que o mesmo (MRTT)seja alocado para este tipo de missoes e para já o Hercules dá conta do assunto,,,,para a missao de reabastecimento em voo a  quando da alocacao dos F.16 para missoes/Treinos  a grandes distancias casos do RedFlag ou mesmo missoes onde os mesmos irao actuar existe por parte dos aliados essa solucao portanto nao vejo assim de repente urgencia na compra do mesmo…..atencao nao sou contra esta solucao mas no momento actual Portugal nao precisa ….precisa sim de Poseidons para mim em igual Numero dos P3 Orion 5 seria perfeito…..

1 - sabe quanto custa um Poseidon?

https://pt.wikipedia.org/wiki/Boeing_P-8_Poseidon (https://pt.wikipedia.org/wiki/Boeing_P-8_Poseidon)
Citar
Custo unitário‎: ‎US$256.5

2- P3 Cub ultrapassado no que?

https://www.aereo.jor.br/2012/10/14/com-entrega-da-quinta-aeronave-frota-portuguesa-de-p-3c-cup-esta-completa/ (https://www.aereo.jor.br/2012/10/14/com-entrega-da-quinta-aeronave-frota-portuguesa-de-p-3c-cup-esta-completa/)

3- se o 707 da  Fap tinha utilidade como é que o Mrtt que faz mais não tem?

(https://i.pinimg.com/originals/8f/c4/39/8fc439a4841fd6b2c259cb8cb12d762e.jpg)

4 - Portugal de momento n vive um momento onde o transporte de um grande Numero de homens e mercadorias seja assim elevado ?




https://www.acorianooriental.pt/noticia/aviao-antonov-em-ponta-delgada-302325 (https://www.acorianooriental.pt/noticia/aviao-antonov-em-ponta-delgada-302325)

Cumprimentos
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Lightning em Julho 11, 2020, 11:36:49 pm
3- se o 707 da  Fap tinha utilidade como é que o Mrtt que faz mais não tem?

(https://i.pinimg.com/originals/8f/c4/39/8fc439a4841fd6b2c259cb8cb12d762e.jpg)

Já não temos colonias...

Citar
4 - Portugal de momento n vive um momento onde o transporte de um grande Numero de homens e mercadorias seja assim elevado ?

É verdade que de vez em quando é preciso, têm que se ver é se compensa comprar um meio que é igualmente fácil de alugar no mercado civil para efectuar estes voos.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 13, 2020, 01:44:22 pm
O facto de permitir aos nossos caças operar sobre o Atlântico sem a limitação do seu raio de acção, é desde logo uma grande razão para ter estas aeronaves.

Os nossos caças, ou qualquer outra aeronave da FAP, tem capacidade de operar sobre o Atlântico com o apoio das bases locais, BA4 nas Lajes e AM3 no Porto Santo.

Um avião-reabastecedor podia permitir uma acção directa a partir de bases no Continente, é verdade, mas para isso precisavamos que um dos reabastecedores estivesse em prontidão permanente e tripulações em alerta 24/7, com a devida rotação de tripulações para descanso, isto tem custos para um uso que não sabemos se compensa.

Depois os caças iriam descolar para uma acção ar-ar ou ar-superfície, aqui quero salientar a falta de meios de vigilância do espaço aéreo e talvez marítimo para detectar as ameaças, enquanto que no arquipélago da Madeira a FAP já possui uma estação radar em funcionamento, no arquipélago dos Açores isso ainda não é uma realidade, a detecção das ameaças maritimas depende da quantidade de voos patrulha dos P3 e de meios navais da Armada no mar.

Isto é, se não soubemos que o "inimigo" está num certo local ninguém vai descolar, caças e reabastecedor, ninguém têm bolas de cristal para adivinhar.

Antes de mais, os meios de defesa dos Açores estarem dependentes de lá poderem aterrar para reabastecer, é suicídio estratégico. Um míssil de cruzeiro que destrua as pistas, et voilá, seremos incapazes de defender este arquipélago. E até parece que uma aeronave "invasora" vai esperar que os nossos aviões abasteçam nas Lajes.

Depois, a inexistência de um radar nos Açores já devia ter sido resolvida há muito tempo. Mas mesmo assim, nem era preciso o típico edifício com um radar gigante, algo como o Giraffe AMB ou o 4A resolviam parte do problema.

Mas mesmo um radar em terra não resolvia o problema na totalidade, um radar como os que temos para controlo de espaço aéreo têm um alcance que supostamente ronda os 300/400km, mesmo que arredondemos para 500km, um Bear em aproximação às Lajes à velocidade de cruzeiro, demorava menos de uma hora a lá chegar desde a sua detecção, nem dava tempo para os F-16 irem do continente até lá para os interceptar. Mas já estou a divagar.

Voltando à detecção de ameaças, no caso de aeronaves militares, geralmente a FAP é informada por aliados da NATO da presença de aeronaves militares na zona, e só assim conseguiria interceptar.
Por outro lado, no caso específico dos Açores, a maior ameaça seria de aeronaves vindas do Sul, pois não há aliados que nos sirvam de "aviso antecipado".
Mas ironicamente, a falta de meios de vigilância do espaço aéreo dos Açores, reforça ainda mais a necessidade que navios como NPOs tenham radares que permitam uma capacidade de busca aérea decente (50 a 100km).

Voltando ao MRTT, é preciso ver que não teríamos um MRTT numa espécie de QRA, nos mesmos moldes que os F-16, teríamos sim um numa prontidão de talvez 2/3 horas para apoiar os F-16 se necessário. Às vezes podia ser a diferença entre os nossos caças conseguirem regressar à base.

Dou até um exemplo hipotético. Lançamos os F-16 para interceptar uma aeronave militar, as coisas dão para o torto e os nossos caças são obrigados a largar os drop tanks (menos peso e arrasto) para executar manobras de combate. Sem os drop tanks, e se os F-16 estivessem demasiado longe de qualquer base, o MRTT permitia que voltassem a casa. E isto para mim tem uma importância estratégica enorme.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Julho 13, 2020, 02:13:32 pm
Estratégia? Lá estás tu a complicar. Estratégia é uma palavra para usar em palestras e cursos de auditores de defesa nacional. A única estratégia que realmente existe é a de progressão nas carreiras políticas, militares e empresariais.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: luis simoes em Julho 13, 2020, 04:05:26 pm
Vamos ser realistas ok...Portugal nao precisa deste tipo de aeronave ....aviao reabastecedor e transporte para as necessidades actuais que Portugal tem é insustentavel ter cá o mesmo e explico...o maffets ....o Dc entre outros esquecem que Portugal nao é uma Franca uma Alemanha uma Turquia ok ,,,primeiro nao temos dinheiro para loucuras deste genero,depois nos teatros actuais era este O MRTT que iria transportar Pandur?????Leopards....????M113?????uro vaMtacs????pah sejamos minimamente realistas e as Lajes e Porto Santo servem para que?????que eu saiba as mesmas sao estrategicas para este tipo de Missao...dar apoio reabastecer aeronaves vindas do continente correcto pergunto eu que ´nao entendo nada disto queremos aqui o MRTT para estar no Hangar e só de vez em quando sai para reabastecer os F-16 que nao passam da lituania?????pah acho que querem por Portugal muito acima daquilo que ele é e pode ser....os C130 ficavam no hangar?????os KC ficavam no hangar?????pah o MRTT faz tudo o que estes fazem mas peca numa coisa ...consome muito combustivel.....iria ser usado esporádicamente e é limitado no acomodar de meios  de tamanho L/XL...portanto e o custo deste?????200/300 milhoes????mais caro que um KC 310 é garantido ....nah 100 milhoes onde está esse numero ????e quantos defendem aqui os meus colegas 2/3 1????pois atrás destes 100 milhoes, amigos, existe o resto...um simulador....a aquisicao de sobresselentes.....manutencao do mesmo....criacao e preparacao de equipas de operacao....entre mais....enfim estamos a falar de valores proximos dos 200/300 milhoes por unidade/sobresselentes simulador etc....já aqui me atacaram que os P3 nao estao ultrapassados coisa nenhuma....por isso os ingleses os americanos os australianos ja estao ha muito a equipar com P8 e quando eu disse que os mesmos estavam a ficar já ligeiramente ultrapassados é a pura realidade Portugal anda no minimo com 10/15 de atraso relativamente a quem tem esta mesma plataforma é natural o que para nos hoje é otimo para nossos aliados é ultrapassado....e basta ver as mais valias do P8 poseidon....que nem vou expor aqui mas que dá um banho de bola ao P3 ui ui....lá longe ok....sei o que digo tambem me informo.....mais alguem aqui defendeu e bem a vinda de uma aeronave AWACS isso sim um E3 sentry.....ou já que falam muito da Embraer vejam o que por lá eles teem para este tipo de missao isto sim ....,antes este tipo do que um aviao reabastecedor/transporte de Mercadorias isso até o Kc390 faz ou um A400M....enfim.....KC130J----é me igual....para mim e realidade doa a quem doer defendo mais aeronaves nao tripuladas....UAVS....um Radar No Pico....e outro nas Lajes e a vinda de um AWACS.....mais daria tudo para ter mais um submarino aqui destacado permanentemente nos arquipelagos....isto sim faz cá mais falta do que um MRTT....
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: mafets em Julho 13, 2020, 04:49:12 pm
Transportar m113 só se for de Santa Margarida para o Algarve para meter os "bifes na ordem" que para pouco mais servem. Agora o que me parte todo é AWACS (nomeadamente o E3) que em só em 1998 custava 270 milhões usd (e um serve para muito). Já agora, aplicações do MRTT numa nação que não tem por exemplo Lpd...  ::) ::)

(https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/6/68/Airbus_A310_MRTT.jpg/440px-Airbus_A310_MRTT.jpg)

(https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/f/ff/KC-30_A39-002_refuelling_an_USAF_F-16_%28cropped%29.jpg)

(https://www.ainonline.com/sites/ainonline.com/files/styles/ain30_fullwidth_large/public/a330-pic-2.jpg?itok=3o2Wf-31)

(https://www.lufthansa-technik.com/documents/5875801/6300202/Rescue_16x9.jpg/66a0749d-5423-433d-8c40-804af5068a3c?t=1539157842321)

(https://i1.wp.com/militaryleak.com/wp-content/uploads/2020/04/french-air-force-deploys-airbus-a330-mrtt-phenixs-in-coronavirus-battle-1.jpg?ssl=1)

(https://pbs.twimg.com/media/EUMKPbhXkAAvgiW.jpg)

(https://s1.ibtimes.com/sites/www.ibtimes.com/files/styles/lg/public/2014/11/21/a330-mrtt.jpg)

(https://fas.org/man/dod-101/sys/ac/row/mrtt-ewf.jpg)

Cumprimentos
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 13, 2020, 06:07:00 pm
Oh mafets, isso é tudo mito! O KC faz isso tudo e muito mais, e sem precisar de ligar os motores, para ter mais combustível para reabastecer os nossos F-16, via mangueira de jardim comprada no AKI!!
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 13, 2020, 06:40:19 pm
Estratégia? Lá estás tu a complicar. Estratégia é uma palavra para usar em palestras e cursos de auditores de defesa nacional. A única estratégia que realmente existe é a de progressão nas carreiras políticas, militares e empresariais.

NVF, porrá pá és mesmo má Língua, então tú achas mesmo ????? :mrgreen:

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 13, 2020, 06:42:22 pm
Oh mafets, isso é tudo mito! O KC faz isso tudo e muito mais, e sem precisar de ligar os motores, para ter mais combustível para reabastecer os nossos F-16, via mangueira de jardim comprada no AKI!!

ora bem, assim é que é falar, venham de lá esses Ká-Cês precisamos de muitos deles, para ajudar os amigos, a FAP, essa, que se lixe !!!

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 13, 2020, 06:53:29 pm
Transportar m113 só se for de Santa Margarida para o Algarve para meter os "bifes na ordem" que para pouco mais servem. Agora o que me parte todo é AWACS (nomeadamente o E3) que em só em 1998 custava 270 milhões usd (e um serve para muito). Já agora, aplicações do MRTT numa nação que não tem por exemplo Lpd...  ::) ::)

(https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/6/68/Airbus_A310_MRTT.jpg/440px-Airbus_A310_MRTT.jpg)

(https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/f/ff/KC-30_A39-002_refuelling_an_USAF_F-16_%28cropped%29.jpg)

(https://www.ainonline.com/sites/ainonline.com/files/styles/ain30_fullwidth_large/public/a330-pic-2.jpg?itok=3o2Wf-31)

(https://www.lufthansa-technik.com/documents/5875801/6300202/Rescue_16x9.jpg/66a0749d-5423-433d-8c40-804af5068a3c?t=1539157842321)

(https://i1.wp.com/militaryleak.com/wp-content/uploads/2020/04/french-air-force-deploys-airbus-a330-mrtt-phenixs-in-coronavirus-battle-1.jpg?ssl=1)

(https://pbs.twimg.com/media/EUMKPbhXkAAvgiW.jpg)

(https://s1.ibtimes.com/sites/www.ibtimes.com/files/styles/lg/public/2014/11/21/a330-mrtt.jpg)

(https://fas.org/man/dod-101/sys/ac/row/mrtt-ewf.jpg)

Cumprimentos

Mafets, nem vale a pena, Santa ignorância, é o que é com que então M113, Leopards, e Vamtacs, é só para isso que servirão os MRTT's, só para que conste, nenhum MRTT, consegue transportar uma viatura de 10 tons, pois as posições de carga não o permitem, quanto mais um Leo, mas explicar isso a algumas pessoas é muito dificil, se não entendem as diferenças entre  capacitado vs certificado, iriam lá agora entender o que significa a limitação de peso por estação/posição de carga, numa aeronave.

As valências dos MRTT's são um espanto, só de imaginar o que num voo se consegue transportar em termos de tipologias de carga e por exemplo, no voo de regresso, sem qualquer perda de tempo a adaptar a aeronave, qual KC390, efectuar o AAR a qualquer aeronave da FAP, com sistema de AAR, pois o MRTT vem equipado, com os dois sistemas de reabastecimento em serviço, maravilha !!!

Cheguei a ver por dentro um 310 MRTT, e imagino como serão os 330, um espanto

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 13, 2020, 06:56:56 pm
Vamos ser realistas ok...Portugal nao precisa deste tipo de aeronave ....aviao reabastecedor e transporte para as necessidades actuais que Portugal tem é insustentavel ter cá o mesmo e explico...o maffets ....o Dc entre outros esquecem que Portugal nao é uma Franca uma Alemanha uma Turquia ok ,,,primeiro nao temos dinheiro para loucuras deste genero,depois nos teatros actuais era este O MRTT que iria transportar Pandur?????Leopards....????M113?????uro vaMtacs????pah sejamos minimamente realistas e as Lajes e Porto Santo servem para que?????que eu saiba as mesmas sao estrategicas para este tipo de Missao...dar apoio reabastecer aeronaves vindas do continente correcto pergunto eu que ´nao entendo nada disto queremos aqui o MRTT para estar no Hangar e só de vez em quando sai para reabastecer os F-16 que nao passam da lituania?????pah acho que querem por Portugal muito acima daquilo que ele é e pode ser....os C130 ficavam no hangar?????os KC ficavam no hangar?????pah o MRTT faz tudo o que estes fazem mas peca numa coisa ...consome muito combustivel.....iria ser usado esporádicamente e é limitado no acomodar de meios  de tamanho L/XL...portanto e o custo deste?????200/300 milhoes????mais caro que um KC 310 é garantido ....nah 100 milhoes onde está esse numero ????e quantos defendem aqui os meus colegas 2/3 1????pois atrás destes 100 milhoes, amigos, existe o resto...um simulador....a aquisicao de sobresselentes.....manutencao do mesmo....criacao e preparacao de equipas de operacao....entre mais....enfim estamos a falar de valores proximos dos 200/300 milhoes por unidade/sobresselentes simulador etc....já aqui me atacaram que os P3 nao estao ultrapassados coisa nenhuma....por isso os ingleses os americanos os australianos ja estao ha muito a equipar com P8 e quando eu disse que os mesmos estavam a ficar já ligeiramente ultrapassados é a pura realidade Portugal anda no minimo com 10/15 de atraso relativamente a quem tem esta mesma plataforma é natural o que para nos hoje é otimo para nossos aliados é ultrapassado....e basta ver as mais valias do P8 poseidon....que nem vou expor aqui mas que dá um banho de bola ao P3 ui ui....lá longe ok....sei o que digo tambem me informo.....mais alguem aqui defendeu e bem a vinda de uma aeronave AWACS isso sim um E3 sentry.....ou já que falam muito da Embraer vejam o que por lá eles teem para este tipo de missao isto sim ....,antes este tipo do que um aviao reabastecedor/transporte de Mercadorias isso até o Kc390 faz ou um A400M....enfim.....KC130J----é me igual....para mim e realidade doa a quem doer defendo mais aeronaves nao tripuladas....UAVS....um Radar No Pico....e outro nas Lajes e a vinda de um AWACS.....mais daria tudo para ter mais um submarino aqui destacado permanentemente nos arquipelagos....isto sim faz cá mais falta do que um MRTT....

Vamos ser realistas, ter uma frota de duas aeronaves como os MRTT, não afundava o país. Gastam mais a manter relíquias com 50 a voar/navegar, do que nestas duas aeronaves.

Em segundo lugar, nos "teatros actuais" não tem era o MRTT a transportar esses veículos, tal como não é o C-130 nem será o KC, pois estes serviços têm sido encomendados a privados. Este argumento está completamente refutado, sem sequer falar que o MRTT não é para o lugar dos C-130, mas sim uma aeronave nova, para funções novas. No entanto alguém acha que são cargueiros.

Eu nem vou falar no transporte de Leopards que você enumerou... É que nenhuma aeronave na história da aviação nacional, nem nada do que se planeie comprar nos próximos milénios, é capaz de transportar esses CC. Mas algures na sua mente o 390 deve conseguir...  ::)

As Lajes e o Porto Santo são bases que precisam de ser protegidas dado o seu valor estratégico e táctico. E o MRTT permite que os F-16 o façam sem ter que se destacar nos respectivos arquipélagos mais caças. Não é por nada, mas o custo de destacar lá caças não ficaria propriamente baixo.

A história do MRTT ficar no hangar e só sair para abastecer F-16, é para rir, ou revela apenas ignorância/falta de vontade em perceber as demais missões que esta aeronave pode desempenhar.

O MRTT fica no hangar tanto tempo como um KC ou um C-130. Se calhar até ficava surpreendido com a quantidade de missões que esta aeronave aliviava da frota de cargueiros da FAP. É perguntar com que frequência os Cs e os futuros KCs transportam mais de 10 toneladas num voo. Se calhar é uma das razões por o pessoal preferir à redução do número de KC de para 3, e ganhar 2 MRTT para valências completamente novas.

E o MRTT consome muito combustível.  :mrgreen:
Estamos a falar de um A330 ou de um B-1? Agora fiquei baralhado!  ::)

Acho irónico falar dos custos de 2 MRTT, mas não ter problema nenhum com o preço dos KC e até defender a vinda do sexto avião... Afinal em que ficamos?

Deixe lá os P-3 em paz. Se não estou em erro, os nossos são de um padrão acima dos dos países que mencionou, e aguentam 10 anos ainda. Mas já que fala nos P-8, vá lá ver que método de abastecimento estas aeronaves usam... Quando vir, então o MRTT não abastecia do os F-16 e voltava para o hangar?

AWACS era bom sim, mas um E-3 será certamente mais caro de manter e operar que um MRTT, e antes de falarmos do E-3, existem outras opções mais baratas, como o E-99 da Embraer, ou até o C-295 AEW... Mas a prioridade ainda seria o MRTT, dada a sua multifuncionalidade.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 13, 2020, 07:06:25 pm
Vamos ser realistas ok...Portugal nao precisa deste tipo de aeronave ....aviao reabastecedor e transporte para as necessidades actuais que Portugal tem é insustentavel ter cá o mesmo e explico...o maffets ....o Dc entre outros esquecem que Portugal nao é uma Franca uma Alemanha uma Turquia ok ,,,primeiro nao temos dinheiro para loucuras deste genero,depois nos teatros actuais era este O MRTT que iria transportar Pandur?????Leopards....????M113?????uro vaMtacs????pah sejamos minimamente realistas e as Lajes e Porto Santo servem para que?????que eu saiba as mesmas sao estrategicas para este tipo de Missao...dar apoio reabastecer aeronaves vindas do continente correcto pergunto eu que ´nao entendo nada disto queremos aqui o MRTT para estar no Hangar e só de vez em quando sai para reabastecer os F-16 que nao passam da lituania?????pah acho que querem por Portugal muito acima daquilo que ele é e pode ser....os C130 ficavam no hangar?????os KC ficavam no hangar?????pah o MRTT faz tudo o que estes fazem mas peca numa coisa ...consome muito combustivel.....iria ser usado esporádicamente e é limitado no acomodar de meios  de tamanho L/XL...portanto e o custo deste?????200/300 milhoes????mais caro que um KC 310 é garantido ....nah 100 milhoes onde está esse numero ????e quantos defendem aqui os meus colegas 2/3 1????pois atrás destes 100 milhoes, amigos, existe o resto...um simulador....a aquisicao de sobresselentes.....manutencao do mesmo....criacao e preparacao de equipas de operacao....entre mais....enfim estamos a falar de valores proximos dos 200/300 milhoes por unidade/sobresselentes simulador etc....já aqui me atacaram que os P3 nao estao ultrapassados coisa nenhuma....por isso os ingleses os americanos os australianos ja estao ha muito a equipar com P8 e quando eu disse que os mesmos estavam a ficar já ligeiramente ultrapassados é a pura realidade Portugal anda no minimo com 10/15 de atraso relativamente a quem tem esta mesma plataforma é natural o que para nos hoje é otimo para nossos aliados é ultrapassado....e basta ver as mais valias do P8 poseidon....que nem vou expor aqui mas que dá um banho de bola ao P3 ui ui....lá longe ok....sei o que digo tambem me informo.....mais alguem aqui defendeu e bem a vinda de uma aeronave AWACS isso sim um E3 sentry.....ou já que falam muito da Embraer vejam o que por lá eles teem para este tipo de missao isto sim ....,antes este tipo do que um aviao reabastecedor/transporte de Mercadorias isso até o Kc390 faz ou um A400M....enfim.....KC130J----é me igual....para mim e realidade doa a quem doer defendo mais aeronaves nao tripuladas....UAVS....um Radar No Pico....e outro nas Lajes e a vinda de um AWACS.....mais daria tudo para ter mais um submarino aqui destacado permanentemente nos arquipelagos....isto sim faz cá mais falta do que um MRTT....

Vamos ser realistas, ter uma frota de duas aeronaves como os MRTT, não afundava o país. Gastam mais a manter relíquias com 50 a voar/navegar, do que nestas duas aeronaves.

Em segundo lugar, nos "teatros actuais" não tem era o MRTT a transportar esses veículos, tal como não é o C-130 nem será o KC, pois estes serviços têm sido encomendados a privados. Este argumento está completamente refutado, sem sequer falar que o MRTT não é para o lugar dos C-130, mas sim uma aeronave nova, para funções novas. No entanto alguém acha que são cargueiros.

Eu nem vou falar no transporte de Leopards que você enumerou... É que nenhuma aeronave na história da aviação nacional, nem nada do que se planeie comprar nos próximos milénios, é capaz de transportar esses CC. Mas algures na sua mente o 390 deve conseguir...  ::)

As Lajes e o Porto Santo são bases que precisam de ser protegidas dado o seu valor estratégico e táctico. E o MRTT permite que os F-16 o façam sem ter que se destacar nos respectivos arquipélagos mais caças. Não é por nada, mas o custo de destacar lá caças não ficaria propriamente baixo.

A história do MRTT ficar no hangar e só sair para abastecer F-16, é para rir, ou revela apenas ignorância/falta de vontade em perceber as demais missões que esta aeronave pode desempenhar.

O MRTT fica no hangar tanto tempo como um KC ou um C-130. Se calhar até ficava surpreendido com a quantidade de missões que esta aeronave aliviava da frota de cargueiros da FAP. É perguntar com que frequência os Cs e os futuros KCs transportam mais de 10 toneladas num voo. Se calhar é uma das razões por o pessoal preferir à redução do número de KC de para 3, e ganhar 2 MRTT para valências completamente novas.

E o MRTT consome muito combustível.  :mrgreen:
Estamos a falar de um A330 ou de um B-1? Agora fiquei baralhado!  ::)

Acho irónico falar dos custos de 2 MRTT, mas não ter problema nenhum com o preço dos KC e até defender a vinda do sexto avião... Afinal em que ficamos?

Deixe lá os P-3 em paz. Se não estou em erro, os nossos são de um padrão acima dos dos países que mencionou, e aguentam 10 anos ainda. Mas já que fala nos P-8, vá lá ver que método de abastecimento estas aeronaves usam... Quando vir, então o MRTT não abastecia do os F-16 e voltava para o hangar?

AWACS era bom sim, mas um E-3 será certamente mais caro de manter e operar que um MRTT, e antes de falarmos do E-3, existem outras opções mais baratas, como o E-99 da Embraer, ou até o C-295 AEW... Mas a prioridade ainda seria o MRTT, dada a sua multifuncionalidade.

DC, Bulls eye, na mouche !!

DC, Ainda comecei a elencar, os pontos a rebater num post, mas não vale a pena perder tempo, não há pachorra, é um desperdício, ainda bem que te antecipaste, obrigado.

Abraços 
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: luis simoes em Julho 13, 2020, 07:45:48 pm
Transportar m113 só se for de Santa Margarida para o Algarve para meter os "bifes na ordem" que para pouco mais servem. Agora o que me parte todo é AWACS (nomeadamente o E3) que em só em 1998 custava 270 milhões usd (e um serve para muito). Já agora, aplicações do MRTT numa nação que não tem por exemplo Lpd...  ::) ::)

(https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/6/68/Airbus_A310_MRTT.jpg/440px-Airbus_A310_MRTT.jpg)

(https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/f/ff/KC-30_A39-002_refuelling_an_USAF_F-16_%28cropped%29.jpg)

(https://www.ainonline.com/sites/ainonline.com/files/styles/ain30_fullwidth_large/public/a330-pic-2.jpg?itok=3o2Wf-31)

(https://www.lufthansa-technik.com/documents/5875801/6300202/Rescue_16x9.jpg/66a0749d-5423-433d-8c40-804af5068a3c?t=1539157842321)

(https://i1.wp.com/militaryleak.com/wp-content/uploads/2020/04/french-air-force-deploys-airbus-a330-mrtt-phenixs-in-coronavirus-battle-1.jpg?ssl=1)

(https://pbs.twimg.com/media/EUMKPbhXkAAvgiW.jpg)

(https://s1.ibtimes.com/sites/www.ibtimes.com/files/styles/lg/public/2014/11/21/a330-mrtt.jpg)

(https://fas.org/man/dod-101/sys/ac/row/mrtt-ewf.jpg)

Cumprimentos
Mafets eu so enumerei alguns meios que Portugal dispoe e que hipoteticamente seriam enviados para um teatro de operacoes de guerra....mas temos Pandur uro vamtac e certamente no Mrtt nao cabem só dei um exemplo ....que nao é mais que a realidade....falei duma aeronave AWAC....e dei esse exemplo do Sentry mas nao precisas ir muito longe vais ao Brasil compra por lá uns Embraer 99 e essa situacao dos 200/300 milhoes é  rapidamente apagada da tua resposta dada á minha resposta....este embraer tem autonomia de ate 6 h na mesma area a ser patrulhada detecta até 300 alvos em simultaneo a distancias de até 350 klms ... pode voar tambem até abaixo dos  70  metros de altitude e te garanto que nao custa esses 200/300 milhoes,,,,
cumprimetos
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: luis simoes em Julho 13, 2020, 08:03:58 pm
o pessoal aqui poe coisas nas respostas que supostamente eu dei ...alguma vez eu disse que o MRTT poderia levar M113????Pandur????uro vamtac???estamos a falar de um aviao reabastecedor e de transporte....nada mais que isso tirando obviamente outras valencias que o mesmo pode faxer....como evacuacao medica....transporte de Militares ....e simplesmente Portugal nao precisa de ter este tipo de Aeronave neste momento....nao me parece ser uma boa aquisicao....quanto aos UAVs.....quanto aos Radares que para mim deveriam de ser colocados fosse no Pico....fosse onde fosse deveriamos de investir no Patrulhamento nestes arquipelagos com este tipo de equipamento....mais e sublinho uma aeronave para complementar a vasta area com caracteristicas AEW/AWAC existe no mercado em conta ....mas segundo consta Portugal irá ter tambem finalmente  um Satelite num futuro proximo portanto isto sim ha muito que deviamos de ter....e defendo mais um submarino caso a plataforma continental seja aceite e entregue á responsabilidade de Portugal isto é o que eu acho.....e obviamente mais NPO.....a Patrulhar esta area tambem segundo consta mais seis virao para se juntarem aos já existentes....
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: luis simoes em Julho 13, 2020, 08:08:13 pm
A encomenda nunca havia de ter mudado de 3 Ka-cês e 2 A400.

Nunca ouve essa encomenda.

Nunca, se bem que o Cravinho andou pela Alemanha esta semana.
Veio ver os H145M......ou os Blackhawks.....palpita.me
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: luis simoes em Julho 13, 2020, 08:27:41 pm
Vamos ser realistas ok...Portugal nao precisa deste tipo de aeronave ....aviao reabastecedor e transporte para as necessidades actuais que Portugal tem é insustentavel ter cá o mesmo e explico...o maffets ....o Dc entre outros esquecem que Portugal nao é uma Franca uma Alemanha uma Turquia ok ,,,primeiro nao temos dinheiro para loucuras deste genero,depois nos teatros actuais era este O MRTT que iria transportar Pandur?????Leopards....????M113?????uro vaMtacs????pah sejamos minimamente realistas e as Lajes e Porto Santo servem para que?????que eu saiba as mesmas sao estrategicas para este tipo de Missao...dar apoio reabastecer aeronaves vindas do continente correcto pergunto eu que ´nao entendo nada disto queremos aqui o MRTT para estar no Hangar e só de vez em quando sai para reabastecer os F-16 que nao passam da lituania?????pah acho que querem por Portugal muito acima daquilo que ele é e pode ser....os C130 ficavam no hangar?????os KC ficavam no hangar?????pah o MRTT faz tudo o que estes fazem mas peca numa coisa ...consome muito combustivel.....iria ser usado esporádicamente e é limitado no acomodar de meios  de tamanho L/XL...portanto e o custo deste?????200/300 milhoes????mais caro que um KC 310 é garantido ....nah 100 milhoes onde está esse numero ????e quantos defendem aqui os meus colegas 2/3 1????pois atrás destes 100 milhoes, amigos, existe o resto...um simulador....a aquisicao de sobresselentes.....manutencao do mesmo....criacao e preparacao de equipas de operacao....entre mais....enfim estamos a falar de valores proximos dos 200/300 milhoes por unidade/sobresselentes simulador etc....já aqui me atacaram que os P3 nao estao ultrapassados coisa nenhuma....por isso os ingleses os americanos os australianos ja estao ha muito a equipar com P8 e quando eu disse que os mesmos estavam a ficar já ligeiramente ultrapassados é a pura realidade Portugal anda no minimo com 10/15 de atraso relativamente a quem tem esta mesma plataforma é natural o que para nos hoje é otimo para nossos aliados é ultrapassado....e basta ver as mais valias do P8 poseidon....que nem vou expor aqui mas que dá um banho de bola ao P3 ui ui....lá longe ok....sei o que digo tambem me informo.....mais alguem aqui defendeu e bem a vinda de uma aeronave AWACS isso sim um E3 sentry.....ou já que falam muito da Embraer vejam o que por lá eles teem para este tipo de missao isto sim ....,antes este tipo do que um aviao reabastecedor/transporte de Mercadorias isso até o Kc390 faz ou um A400M....enfim.....KC130J----é me igual....para mim e realidade doa a quem doer defendo mais aeronaves nao tripuladas....UAVS....um Radar No Pico....e outro nas Lajes e a vinda de um AWACS.....mais daria tudo para ter mais um submarino aqui destacado permanentemente nos arquipelagos....isto sim faz cá mais falta do que um MRTT....

Vamos ser realistas, ter uma frota de duas aeronaves como os MRTT, não afundava o país. Gastam mais a manter relíquias com 50 a voar/navegar, do que nestas duas aeronaves.

Em segundo lugar, nos "teatros actuais" não tem era o MRTT a transportar esses veículos, tal como não é o C-130 nem será o KC, pois estes serviços têm sido encomendados a privados. Este argumento está completamente refutado, sem sequer falar que o MRTT não é para o lugar dos C-130, mas sim uma aeronave nova, para funções novas. No entanto alguém acha que são cargueiros.

Eu nem vou falar no transporte de Leopards que você enumerou... É que nenhuma aeronave na história da aviação nacional, nem nada do que se planeie comprar nos próximos milénios, é capaz de transportar esses CC. Mas algures na sua mente o 390 deve conseguir...  ::)

As Lajes e o Porto Santo são bases que precisam de ser protegidas dado o seu valor estratégico e táctico. E o MRTT permite que os F-16 o façam sem ter que se destacar nos respectivos arquipélagos mais caças. Não é por nada, mas o custo de destacar lá caças não ficaria propriamente baixo.

A história do MRTT ficar no hangar e só sair para abastecer F-16, é para rir, ou revela apenas ignorância/falta de vontade em perceber as demais missões que esta aeronave pode desempenhar.

O MRTT fica no hangar tanto tempo como um KC ou um C-130. Se calhar até ficava surpreendido com a quantidade de missões que esta aeronave aliviava da frota de cargueiros da FAP. É perguntar com que frequência os Cs e os futuros KCs transportam mais de 10 toneladas num voo. Se calhar é uma das razões por o pessoal preferir à redução do número de KC de para 3, e ganhar 2 MRTT para valências completamente novas.

E o MRTT consome muito combustível.  :mrgreen:
Estamos a falar de um A330 ou de um B-1? Agora fiquei baralhado!  ::)

Acho irónico falar dos custos de 2 MRTT, mas não ter problema nenhum com o preço dos KC e até defender a vinda do sexto avião... Afinal em que ficamos?

Deixe lá os P-3 em paz. Se não estou em erro, os nossos são de um padrão acima dos dos países que mencionou, e aguentam 10 anos ainda. Mas já que fala nos P-8, vá lá ver que método de abastecimento estas aeronaves usam... Quando vir, então o MRTT não abastecia do os F-16 e voltava para o hangar?

AWACS era bom sim, mas um E-3 será certamente mais caro de manter e operar que um MRTT, e antes de falarmos do E-3, existem outras opções mais baratas, como o E-99 da Embraer, ou até o C-295 AEW... Mas a prioridade ainda seria o MRTT, dada a sua multifuncionalidade.
DC quanto ao abastecimento dos P8 nao te atrapalhes que eles no continente abastecem o suficiente para fazer uns bons milhares de klms.... nao te atrapalhes com isso ,,,,o MRTT  nao fará grande diferenca para Portugal como somos mais pequenos a gente aguenta se com os KC  para se reabastecerem  entre eles, o que aumenta significativamente seu alcance ,,,sei que tens um odio terrivel pelo aviao mas deixa lá o mesmo, ainda nem sequer chegou....e quando chegar serás dos primeiros a ir ve.lo  :mrgreen:assim como eu e muitos mais aqui.....
Quanto ao transporte dos nossos meios sei que ha muito recorremos ou a privados ou aos aliados para nos fazer esse transporte mas ai sim ...defendia antes um meio que tivesse essas capacidades para poder transportar meios acima das 20 toneladas...mas nao estou a ver Portugal a comprar este tipo de Meio.... mais uma vez o mesmo teria que ser feito atraves do Mar  ou pelos já atrás citados....resumindo aqui cada um defende e quer o melhor para nossas FA e eu sou mais um...portanto bom forum lancem novos tópicos a gente tá cá para debater....
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 13, 2020, 08:59:59 pm
fabuloso :rir: :rir: :rir: :rir: :rir:, sim senhor do melhor.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Lightning em Julho 13, 2020, 09:39:20 pm
Eu não sou contra os MRTT, até são aeronaves com capacidades interessantes, o que me parece é que reduzir a utilidade delas às ilhas um sub-aproveitamento, para mim são aeronaves para projecção fora da nossa área, para Africa, médio-oriente, etc.

Antes de mais, os meios de defesa dos Açores estarem dependentes de lá poderem aterrar para reabastecer, é suicídio estratégico. Um míssil de cruzeiro que destrua as pistas, et voilá, seremos incapazes de defender este arquipélago. E até parece que uma aeronave "invasora" vai esperar que os nossos aviões abasteçam nas Lajes.

Depois, a inexistência de um radar nos Açores já devia ter sido resolvida há muito tempo. Mas mesmo assim, nem era preciso o típico edifício com um radar gigante, algo como o Giraffe AMB ou o 4A resolviam parte do problema.

Mas mesmo um radar em terra não resolvia o problema na totalidade, um radar como os que temos para controlo de espaço aéreo têm um alcance que supostamente ronda os 300/400km, mesmo que arredondemos para 500km, um Bear em aproximação às Lajes à velocidade de cruzeiro, demorava menos de uma hora a lá chegar desde a sua detecção, nem dava tempo para os F-16 irem do continente até lá para os interceptar. Mas já estou a divagar.

Voltando à detecção de ameaças, no caso de aeronaves militares, geralmente a FAP é informada por aliados da NATO da presença de aeronaves militares na zona, e só assim conseguiria interceptar.
Por outro lado, no caso específico dos Açores, a maior ameaça seria de aeronaves vindas do Sul, pois não há aliados que nos sirvam de "aviso antecipado".

Sim, era ai que eu ia chegar, qualquer ameaça do norte é primeiro detectada pela Noruega e Reino Unido, por isso não somos completamente apanhados com as calças na mão, não é o ideal mas é o que temos, no sul também não há grandes capacidades, o Brasil?

E em relação a um possível ataque de bombardeiro Bear, isso também seria um suicidio do ponto de vista russo não é? É que esse bombardeiro se atacar os Açores, no caminho de regresso tem metade da NATO à espera.

Citar
Mas ironicamente, a falta de meios de vigilância do espaço aéreo dos Açores, reforça ainda mais a necessidade que navios como NPOs tenham radares que permitam uma capacidade de busca aérea decente (50 a 100km).

Sim, seria uma boa ideia.

Citar
Voltando ao MRTT, é preciso ver que não teríamos um MRTT numa espécie de QRA, nos mesmos moldes que os F-16, teríamos sim um numa prontidão de talvez 2/3 horas para apoiar os F-16 se necessário. Às vezes podia ser a diferença entre os nossos caças conseguirem regressar à base.

Dou até um exemplo hipotético. Lançamos os F-16 para interceptar uma aeronave militar, as coisas dão para o torto e os nossos caças são obrigados a largar os drop tanks (menos peso e arrasto) para executar manobras de combate. Sem os drop tanks, e se os F-16 estivessem demasiado longe de qualquer base, o MRTT permitia que voltassem a casa. E isto para mim tem uma importância estratégica enorme.

Não sei como é que os pilotos de F16 fazem as contas, mas devem ter em conta possíveis locais de aterragem alternativos para não caírem no mar, nem que sejam civis, como aeroporto de Ponta Delgada ou Funchal ou Porto, mas entendo se um reabastecedor entrar na equação permite uma folga maior, temos é que ter a certeza que ele chega a tempo de safar os caças no meio do Atlântico, senão quem os safa é o EH101 ou o NPO numa missão SAR por se terem ejectado.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 13, 2020, 11:53:03 pm
DC quanto ao abastecimento dos P8 nao te atrapalhes que eles no continente abastecem o suficiente para fazer uns bons milhares de klms.... nao te atrapalhes com isso ,,,,o MRTT  nao fará grande diferenca para Portugal como somos mais pequenos a gente aguenta se com os KC  para se reabastecerem  entre eles, o que aumenta significativamente seu alcance ,,,sei que tens um odio terrivel pelo aviao mas deixa lá o mesmo, ainda nem sequer chegou....e quando chegar serás dos primeiros a ir ve.lo  :mrgreen:assim como eu e muitos mais aqui.....
Quanto ao transporte dos nossos meios sei que ha muito recorremos ou a privados ou aos aliados para nos fazer esse transporte mas ai sim ...defendia antes um meio que tivesse essas capacidades para poder transportar meios acima das 20 toneladas...mas nao estou a ver Portugal a comprar este tipo de Meio.... mais uma vez o mesmo teria que ser feito atraves do Mar  ou pelos já atrás citados....resumindo aqui cada um defende e quer o melhor para nossas FA e eu sou mais um...portanto bom forum lancem novos tópicos a gente tá cá para debater....

Tens toda a razão, os americanos foram uns burros por incluir tal capacidade no P-8. No fim de contas, em missões de SAR ou ASW por exemplo, não há vantagem absolutamente nenhuma em ter capacidade de manter uma aeronave a voar numa determinada aérea durante mais tempo.  ::)
Nem falo no potencial que o binómio MRTT/P-8 pode ter na projecção de força, podendo ser um meio vital na protecção de uma força naval nacional, entre outras missões.

Já agora, se o MRTT, com todo o seu leque de missões e capacidades, não tem grande vantagem para a FAP, o KC, com os seus 12% de capacidade carga a mais face ao C-130, já trás grandes vantagens? Nem fale da capacidade AAR, pois temos apenas 4 Merlin que abastecem com aquele método, e mesmo assim nem os nossos helis, nem os seus pilotos, nem o KC-390 estão ainda certificados para o fazer.

E essa tanga dos KC reabastecerem entre eles é um pouco... Uma não-vantagem, e apenas prova a falta de alcance do KC, mas também a falta de lógica de se enviar 2 KC para fazer o trabalho de 1 A-400M. Mesmo ignorando o A-400 da equação, fazia mais sentido enviar um MRTT para abastecer o KC-390, pois tem mais alcance e pode ainda levar tropas lá dentro até ao TO.

Não é preciso odiar o KC, basta ver o valor desta aquisição face aos ganhos em capacidades que a FAP (não) vai ter. Para mim ~12% mais de capacidade de carga, não compensam os 850 milhões. Já o MRTT, que não substitui os C-130, ganha em tudo face ao KC, excepto na capacidade de carga. Todas as outras capacidades desta aeronave são um acréscimo para a FAP, e só não vê, quem não quer.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 14, 2020, 12:13:52 am
Eu não sou contra os MRTT, até são aeronaves com capacidades interessantes, o que me parece é que reduzir a utilidade delas às ilhas um sub-aproveitamento, para mim são aeronaves para projecção fora da nossa área, para Africa, médio-oriente, etc.

Antes de mais, os meios de defesa dos Açores estarem dependentes de lá poderem aterrar para reabastecer, é suicídio estratégico. Um míssil de cruzeiro que destrua as pistas, et voilá, seremos incapazes de defender este arquipélago. E até parece que uma aeronave "invasora" vai esperar que os nossos aviões abasteçam nas Lajes.

Depois, a inexistência de um radar nos Açores já devia ter sido resolvida há muito tempo. Mas mesmo assim, nem era preciso o típico edifício com um radar gigante, algo como o Giraffe AMB ou o 4A resolviam parte do problema.

Mas mesmo um radar em terra não resolvia o problema na totalidade, um radar como os que temos para controlo de espaço aéreo têm um alcance que supostamente ronda os 300/400km, mesmo que arredondemos para 500km, um Bear em aproximação às Lajes à velocidade de cruzeiro, demorava menos de uma hora a lá chegar desde a sua detecção, nem dava tempo para os F-16 irem do continente até lá para os interceptar. Mas já estou a divagar.

Voltando à detecção de ameaças, no caso de aeronaves militares, geralmente a FAP é informada por aliados da NATO da presença de aeronaves militares na zona, e só assim conseguiria interceptar.
Por outro lado, no caso específico dos Açores, a maior ameaça seria de aeronaves vindas do Sul, pois não há aliados que nos sirvam de "aviso antecipado".

Sim, era ai que eu ia chegar, qualquer ameaça do norte é primeiro detectada pela Noruega e Reino Unido, por isso não somos completamente apanhados com as calças na mão, não é o ideal mas é o que temos, no sul também não há grandes capacidades, o Brasil?

E em relação a um possível ataque de bombardeiro Bear, isso também seria um suicidio do ponto de vista russo não é? É que esse bombardeiro se atacar os Açores, no caminho de regresso tem metade da NATO à espera.

Citar
Mas ironicamente, a falta de meios de vigilância do espaço aéreo dos Açores, reforça ainda mais a necessidade que navios como NPOs tenham radares que permitam uma capacidade de busca aérea decente (50 a 100km).

Sim, seria uma boa ideia.

Citar
Voltando ao MRTT, é preciso ver que não teríamos um MRTT numa espécie de QRA, nos mesmos moldes que os F-16, teríamos sim um numa prontidão de talvez 2/3 horas para apoiar os F-16 se necessário. Às vezes podia ser a diferença entre os nossos caças conseguirem regressar à base.

Dou até um exemplo hipotético. Lançamos os F-16 para interceptar uma aeronave militar, as coisas dão para o torto e os nossos caças são obrigados a largar os drop tanks (menos peso e arrasto) para executar manobras de combate. Sem os drop tanks, e se os F-16 estivessem demasiado longe de qualquer base, o MRTT permitia que voltassem a casa. E isto para mim tem uma importância estratégica enorme.

Não sei como é que os pilotos de F16 fazem as contas, mas devem ter em conta possíveis locais de aterragem alternativos para não caírem no mar, nem que sejam civis, como aeroporto de Ponta Delgada ou Funchal ou Porto, mas entendo se um reabastecedor entrar na equação permite uma folga maior, temos é que ter a certeza que ele chega a tempo de safar os caças no meio do Atlântico, senão quem os safa é o EH101 ou o NPO numa missão SAR por se terem ejectado.

Mas nós aqui temos só falado ainda da parte mais "normal" dentro das missões da FAP. E quanto muito a questão de reabastecer outras aeronaves numa perspectiva "defensiva". Obviamente se analisarmos a coisa numa perspectiva "ofensiva", esta aeronave soma ainda mais pontos. Basicamente ganhamos capacidade de projecção de meios de combate aéreo, actualmente os F-16, para fora do nosso território. No futuro, possivelmente com F-35, em que o seu raio de acção estará sempre limitado pela necessidade ou não de manter a furtividade, o MRTT é outra grande mais valia.

Mas lá estou eu a pensar de forma estratégica.  :bang:

Já agora, os russos com um pouco de Vodka no sangue, fazem tudo. Em caso hipotético de conflito (único cenário previsível de eles atacaram as Lajes), dada a importância estratégica que este arquipélago tem pela sua posição geográfica, seria sempre uma vitória.

Do Sul, não só não creio que os brasileiros detectassem a ameaça, como não me parece que fosse a ameaça de um simples bombardeiro. Acho mais "plausível" um porta-aviões chinês com uns caças, caso a "coisa aqueça", do que um bombardeiro russo.

A questão é que se os pilotos de F-16 tiverem que se comprometer numa situação de combate, esta poderá ocorrer longe de qualquer uma das bases. E se não houver combustível suficiente, não têm outra solução.

E o MRTT tem inclusive outras valências, como COMINT, SIGINT e ELINT, além das já mencionadas neste tópico.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 14, 2020, 05:11:34 am
DC quanto ao abastecimento dos P8 nao te atrapalhes que eles no continente abastecem o suficiente para fazer uns bons milhares de klms.... nao te atrapalhes com isso ,,,,o MRTT  nao fará grande diferenca para Portugal como somos mais pequenos a gente aguenta se com os KC  para se reabastecerem  entre eles, o que aumenta significativamente seu alcance ,,,sei que tens um odio terrivel pelo aviao mas deixa lá o mesmo, ainda nem sequer chegou....e quando chegar serás dos primeiros a ir ve.lo  :mrgreen:assim como eu e muitos mais aqui.....
Quanto ao transporte dos nossos meios sei que ha muito recorremos ou a privados ou aos aliados para nos fazer esse transporte mas ai sim ...defendia antes um meio que tivesse essas capacidades para poder transportar meios acima das 20 toneladas...mas nao estou a ver Portugal a comprar este tipo de Meio.... mais uma vez o mesmo teria que ser feito atraves do Mar  ou pelos já atrás citados....resumindo aqui cada um defende e quer o melhor para nossas FA e eu sou mais um...portanto bom forum lancem novos tópicos a gente tá cá para debater....

Tens toda a razão, os americanos foram uns burros por incluir tal capacidade no P-8. No fim de contas, em missões de SAR ou ASW por exemplo, não há vantagem absolutamente nenhuma em ter capacidade de manter uma aeronave a voar numa determinada aérea durante mais tempo.  ::)
Nem falo no potencial que o binómio MRTT/P-8 pode ter na projecção de força, podendo ser um meio vital na protecção de uma força naval nacional, entre outras missões.

Já agora, se o MRTT, com todo o seu leque de missões e capacidades, não tem grande vantagem para a FAP, o KC, com os seus 12% de capacidade carga a mais face ao C-130, já trás grandes vantagens? Nem fale da capacidade AAR, pois temos apenas 4 Merlin que abastecem com aquele método, e mesmo assim nem os nossos helis, nem os seus pilotos, nem o KC-390 estão ainda certificados para o fazer.

E essa tanga dos KC reabastecerem entre eles é um pouco... Uma não-vantagem, e apenas prova a falta de alcance do KC, mas também a falta de lógica de se enviar 2 KC para fazer o trabalho de 1 A-400M. Mesmo ignorando o A-400 da equação, fazia mais sentido enviar um MRTT para abastecer o KC-390, pois tem mais alcance e pode ainda levar tropas lá dentro até ao TO.

Não é preciso odiar o KC, basta ver o valor desta aquisição face aos ganhos em capacidades que a FAP (não) vai ter. Para mim ~12% mais de capacidade de carga, não compensam os 850 milhões. Já o MRTT, que não substitui os C-130, ganha em tudo face ao KC, excepto na capacidade de carga. Todas as outras capacidades desta aeronave são um acréscimo para a FAP, e só não vê, quem não quer.

Ou, quem é fanático pelo 390 !!!
Dc, o 330 MRTT, não ganha ao 390 na capacidade de carga ?
Onde leste isso ?
Carga é todo o peso, que a aeronave consegue transportar, excepto o combustivel para consumo próprio.
O fuel OB para o AAR, faz parte do payload que a aeronave consegue transportar, logo transporta muito, mas muito mais carga que o 390, sem comparação.
O 330 MRTT, ganha em todas as vertentes/capacidades ao 390  !!

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Julho 14, 2020, 06:17:30 am
O 380 foi o avião mais confortável em que já viajei.  :mrgreen:

Eu sei que querias dizer 390. Estou só a meter-me contigo.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 14, 2020, 09:23:55 am
O 380 foi o avião mais confortável em que já viajei.  :mrgreen:

Eu sei que querias dizer 390. Estou só a meter-me contigo.

Tú não perdes uma NVF, já corrigi para + 10...... ::)

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: mafets em Julho 14, 2020, 10:14:13 am
Se calhar para comentar sobre a hipotética vinda do MRTT para a FAP convêm conhecer o aparelho...  ::) ::)

https://thaimilitaryandasianregion.wordpress.com/2016/02/29/a330-200-multi-role-tanker-transport-mrtt/ (https://thaimilitaryandasianregion.wordpress.com/2016/02/29/a330-200-multi-role-tanker-transport-mrtt/)

(https://i1.wp.com/u0v052dm9wl3gxo0y3lx0u44wz.wpengine.netdna-cdn.com/wp-content/uploads/2014/04/a330-mrtt-12-upper-deck.jpg)
Citar
A330 MRTT Upper Deck cargo version

(https://thaimilitaryandasianregion.files.wordpress.com/2016/02/a330-mrtt-04-lower-deck-740x555.jpg?w=625)
Citar
A330 MRTT Lower deck @thinkdefence.co.uk

(https://i2.wp.com/u0v052dm9wl3gxo0y3lx0u44wz.wpengine.netdna-cdn.com/wp-content/uploads/2014/04/a330-mrtt-11-upper-deck-740x225.jpg)

(https://thaimilitaryandasianregion.files.wordpress.com/2016/02/a330-mrtt-10-upper-deck-740x225.jpg?w=625)

(https://i1.wp.com/u0v052dm9wl3gxo0y3lx0u44wz.wpengine.netdna-cdn.com/wp-content/uploads/2014/04/a330-mrtt-02.jpg)

(https://thaimilitaryandasianregion.files.wordpress.com/2016/02/web-mrtt-large-14.jpg?w=625&h=374)

Citar
The A330 MRTT can carry a maximum payload of up to 45 tonnes, combining the passenger cabin and the lower deck: Up to 300 Passengers, MedEvac cabin layout with 40 stretchers, 20 seats for medical staff and 100 passengers, Up to 37 tonnes of cargo in the lower deck. 27 LD3 containers or 8 military pallets. Source airbus.com

Saudações
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 14, 2020, 02:00:39 pm
DC quanto ao abastecimento dos P8 nao te atrapalhes que eles no continente abastecem o suficiente para fazer uns bons milhares de klms.... nao te atrapalhes com isso ,,,,o MRTT  nao fará grande diferenca para Portugal como somos mais pequenos a gente aguenta se com os KC  para se reabastecerem  entre eles, o que aumenta significativamente seu alcance ,,,sei que tens um odio terrivel pelo aviao mas deixa lá o mesmo, ainda nem sequer chegou....e quando chegar serás dos primeiros a ir ve.lo  :mrgreen:assim como eu e muitos mais aqui.....
Quanto ao transporte dos nossos meios sei que ha muito recorremos ou a privados ou aos aliados para nos fazer esse transporte mas ai sim ...defendia antes um meio que tivesse essas capacidades para poder transportar meios acima das 20 toneladas...mas nao estou a ver Portugal a comprar este tipo de Meio.... mais uma vez o mesmo teria que ser feito atraves do Mar  ou pelos já atrás citados....resumindo aqui cada um defende e quer o melhor para nossas FA e eu sou mais um...portanto bom forum lancem novos tópicos a gente tá cá para debater....

Tens toda a razão, os americanos foram uns burros por incluir tal capacidade no P-8. No fim de contas, em missões de SAR ou ASW por exemplo, não há vantagem absolutamente nenhuma em ter capacidade de manter uma aeronave a voar numa determinada aérea durante mais tempo.  ::)
Nem falo no potencial que o binómio MRTT/P-8 pode ter na projecção de força, podendo ser um meio vital na protecção de uma força naval nacional, entre outras missões.

Já agora, se o MRTT, com todo o seu leque de missões e capacidades, não tem grande vantagem para a FAP, o KC, com os seus 12% de capacidade carga a mais face ao C-130, já trás grandes vantagens? Nem fale da capacidade AAR, pois temos apenas 4 Merlin que abastecem com aquele método, e mesmo assim nem os nossos helis, nem os seus pilotos, nem o KC-390 estão ainda certificados para o fazer.

E essa tanga dos KC reabastecerem entre eles é um pouco... Uma não-vantagem, e apenas prova a falta de alcance do KC, mas também a falta de lógica de se enviar 2 KC para fazer o trabalho de 1 A-400M. Mesmo ignorando o A-400 da equação, fazia mais sentido enviar um MRTT para abastecer o KC-390, pois tem mais alcance e pode ainda levar tropas lá dentro até ao TO.

Não é preciso odiar o KC, basta ver o valor desta aquisição face aos ganhos em capacidades que a FAP (não) vai ter. Para mim ~12% mais de capacidade de carga, não compensam os 850 milhões. Já o MRTT, que não substitui os C-130, ganha em tudo face ao KC, excepto na capacidade de carga. Todas as outras capacidades desta aeronave são um acréscimo para a FAP, e só não vê, quem não quer.

Ou, quem é fanático pelo 390 !!!
Dc, o 330 MRTT, não ganha ao 390 na capacidade de carga ?
Onde leste isso ?
Carga é todo o peso, que a aeronave consegue transportar, excepto o combustivel para consumo próprio.
O fuel OB para o AAR, faz parte do payload que a aeronave consegue transportar, logo transporta muito, mas muito mais carga que o 390, sem comparação.
O 330 MRTT, ganha em todas as vertentes/capacidades ao 390  !!

Abraços

Quando falo em capacidade de carga, é a nível de volume que a aeronave pode transportar. Por exemplo veículos e até um UH-60 (caso os comprassemos  ::)).
Aí um MRTT não faz o mesmo. Mas no resto sim, é melhor em tudo.

O que eleva a questão, faz sentido ter 5 KC (nem vou falar na opção do sexto, que é um absurdo), dada a frequência com que se tiraria proveito da sua capacidade/volume de carga? Creio que não, já que estes cargueiros mono-missão vão estar limitados a um pequeno nicho de missões. Basta ver que pequenos payloads vão estar a cargo dos C-295, grandes payloads pedimos a privados com verdadeiras aeronaves de transporte estratégico. Portanto bastavam 3 KC, e usar o resto da verba para os 2 MRTT. Se bem que o ideal seria 2 MRTT + 2 A-400 e o tal reforço da feita de C-295.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Crypter em Julho 14, 2020, 02:48:44 pm
A necessidade de uma(ou duas) aeronaves é muito simples de se discutir.

Nos últimos 15 anos quantas vezes foi necessário alugar meios para movimentar as FA e/ou retirar cidadãos Portugueses de volta ao nosso país?

Façam as contas e vejam se é ou não necessário algo deste género com a vantagem acrescida de estar sempre disponível que o Estado precise...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 14, 2020, 03:42:18 pm
Fazendo assim umas contas meio hipotéticas, se ao longo desses 15 anos, tivermos apenas 1 missão no exterior, com rotatividade do pessoal de 6 em 6 meses, dá uma utilização da aeronave pelo menos 2 vezes/ano, para um total de 30 missões (60 voos) ao longo dos 15 anos.

Como sabemos, nós não participamos numa só missão internacional, e nem todas são em moldes tão lineares, nem o transporte de tropas é a única função desta aeronave. Por isso, utilidade há, e muita, e o valor estratégico do MRTT é enorme.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Lightning em Julho 14, 2020, 04:17:24 pm
Eu gosto de ambas as aeronaves por isso não queria entrar na competição, mas para mim uma não é substituto da outra, são demasiado diferentes.

Acho que há mais coisas que o MRTT não consegue fazer como largar paraquedistas, ou carga aérea...
E se formos para algo mais técnico, o MRTT consegue despressurizar para o salto em queda livre a muito grande altitude?

E por fim, supostamente, o KC é uma aeronave táctica que consegue aterrar em pistas não preparadas.

O MRTT para mim é estratégica, o KC é táctica.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: asalves em Julho 14, 2020, 05:20:05 pm
Não quero ser má língua mas falar em abastecimento aéreo em Portugal é para rir.

Então até a pouco tempo (não sei se ainda estamos assim) as horas de voo nos F-16 eram as mínimas, apenas para manter a certificação, por falta de orçamento e agora estamos a falar de abastecimento aéreo que tem um custo várias vezes superior quando comparado com o abastecimento em Terra?

Esqueçam isso, não percam tempo que são mais felizes. Antes de gastarmos 400/500 Milhões num avião para novas valências, temos de renovar e tentar manter as valências que temos.

- Renovação F-16
- Renovação frota treino Fap
- Renovação dos Falcon (qualquer dia cai algum com um ministro e vamos levar com 2 a 3 semanas com a historia de vida do sr.)
- Decidir o que fazer com instrução avançada.

Isto só na FAP, se formas para a marinha uiui

Portanto o A330 MRTT com as cores da FAP só deve chegar depois da vinda do NRP D. Sebastião lá para 2060/80 (E isto que ainda não fizermos parte dos Estados Unidos da  Europa)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 14, 2020, 05:20:46 pm
DC quanto ao abastecimento dos P8 nao te atrapalhes que eles no continente abastecem o suficiente para fazer uns bons milhares de klms.... nao te atrapalhes com isso ,,,,o MRTT  nao fará grande diferenca para Portugal como somos mais pequenos a gente aguenta se com os KC  para se reabastecerem  entre eles, o que aumenta significativamente seu alcance ,,,sei que tens um odio terrivel pelo aviao mas deixa lá o mesmo, ainda nem sequer chegou....e quando chegar serás dos primeiros a ir ve.lo  :mrgreen:assim como eu e muitos mais aqui.....
Quanto ao transporte dos nossos meios sei que ha muito recorremos ou a privados ou aos aliados para nos fazer esse transporte mas ai sim ...defendia antes um meio que tivesse essas capacidades para poder transportar meios acima das 20 toneladas...mas nao estou a ver Portugal a comprar este tipo de Meio.... mais uma vez o mesmo teria que ser feito atraves do Mar  ou pelos já atrás citados....resumindo aqui cada um defende e quer o melhor para nossas FA e eu sou mais um...portanto bom forum lancem novos tópicos a gente tá cá para debater....

Tens toda a razão, os americanos foram uns burros por incluir tal capacidade no P-8. No fim de contas, em missões de SAR ou ASW por exemplo, não há vantagem absolutamente nenhuma em ter capacidade de manter uma aeronave a voar numa determinada aérea durante mais tempo.  ::)
Nem falo no potencial que o binómio MRTT/P-8 pode ter na projecção de força, podendo ser um meio vital na protecção de uma força naval nacional, entre outras missões.

Já agora, se o MRTT, com todo o seu leque de missões e capacidades, não tem grande vantagem para a FAP, o KC, com os seus 12% de capacidade carga a mais face ao C-130, já trás grandes vantagens? Nem fale da capacidade AAR, pois temos apenas 4 Merlin que abastecem com aquele método, e mesmo assim nem os nossos helis, nem os seus pilotos, nem o KC-390 estão ainda certificados para o fazer.

E essa tanga dos KC reabastecerem entre eles é um pouco... Uma não-vantagem, e apenas prova a falta de alcance do KC, mas também a falta de lógica de se enviar 2 KC para fazer o trabalho de 1 A-400M. Mesmo ignorando o A-400 da equação, fazia mais sentido enviar um MRTT para abastecer o KC-390, pois tem mais alcance e pode ainda levar tropas lá dentro até ao TO.

Não é preciso odiar o KC, basta ver o valor desta aquisição face aos ganhos em capacidades que a FAP (não) vai ter. Para mim ~12% mais de capacidade de carga, não compensam os 850 milhões. Já o MRTT, que não substitui os C-130, ganha em tudo face ao KC, excepto na capacidade de carga. Todas as outras capacidades desta aeronave são um acréscimo para a FAP, e só não vê, quem não quer.

Ou, quem é fanático pelo 390 !!!
Dc, o 330 MRTT, não ganha ao 390 na capacidade de carga ?
Onde leste isso ?
Carga é todo o peso, que a aeronave consegue transportar, excepto o combustivel para consumo próprio.
O fuel OB para o AAR, faz parte do payload que a aeronave consegue transportar, logo transporta muito, mas muito mais carga que o 390, sem comparação.
O 330 MRTT, ganha em todas as vertentes/capacidades ao 390  !!

Abraços

Quando falo em capacidade de carga, é a nível de volume que a aeronave pode transportar. Por exemplo veículos e até um UH-60 (caso os comprassemos  ::)).
Aí um MRTT não faz o mesmo. Mas no resto sim, é melhor em tudo.

O que eleva a questão, faz sentido ter 5 KC (nem vou falar na opção do sexto, que é um absurdo), dada a frequência com que se tiraria proveito da sua capacidade/volume de carga? Creio que não, já que estes cargueiros mono-missão vão estar limitados a um pequeno nicho de missões. Basta ver que pequenos payloads vão estar a cargo dos C-295, grandes payloads pedimos a privados com verdadeiras aeronaves de transporte estratégico. Portanto bastavam 3 KC, e usar o resto da verba para os 2 MRTT. Se bem que o ideal seria 2 MRTT + 2 A-400 e o tal reforço da feita de C-295.

vamos lá ver uma coisa em termos volumétricos um MRTT transporta pelo menos o dobro/triplo de um KC.
A porta de carga é bem mais larga que a rampa do KC390 e como a aeronave é muito mais larga que o 390, quem te garante que um H60 não pode ser embarcado ?

https://thaimilitaryandasianregion.wordpress.com/2016/02/29/a330-200-multi-role-tanker-transport-mrtt/

(https://imagizer.imageshack.com/v2/xq90/923/sTGY1J.jpg) (https://imageshack.com/i/pnsTGY1Jj)
(https://imagizer.imageshack.com/v2/xq90/922/MUH4tk.jpg) (https://imageshack.com/i/pmMUH4tkj)
(https://imagizer.imageshack.com/v2/xq90/924/iQnxSc.jpg) (https://imageshack.com/i/poiQnxScj)

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: luis simoes em Julho 14, 2020, 05:24:54 pm
Eu gosto de ambas as aeronaves por isso não queria entrar na competição, mas para mim uma não é substituto da outra, são demasiado diferentes.

Acho que há mais coisas que o MRTT não consegue fazer como largar paraquedistas, ou carga aérea...
E se formos para algo mais técnico, o MRTT consegue despressurizar para o salto em queda livre a muito grande altitude?

E por fim, supostamente, o KC é uma aeronave táctica que consegue aterrar em pistas não preparadas.

O MRTT para mim é estratégica, o KC é táctica.
Á pala disto ganhaste +1....disseste tudo,,,,
cumprimentos
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 14, 2020, 05:29:21 pm
Eu gosto de ambas as aeronaves por isso não queria entrar na competição, mas para mim uma não é substituto da outra, são demasiado diferentes.

Acho que há mais coisas que o MRTT não consegue fazer como largar paraquedistas, ou carga aérea...
E se formos para algo mais técnico, o MRTT consegue despressurizar para o salto em queda livre a muito grande altitude?

E por fim, supostamente, o KC é uma aeronave táctica que consegue aterrar em pistas não preparadas.

O MRTT para mim é estratégica, o KC é táctica.

Nunca aqui foi referido que o MRTT seria para substituir o 390 !!! ;)

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Julho 14, 2020, 07:25:34 pm
Vocês estão a comparar alhos com bugalhos.

Mas a grande vantagem do MRTT ainda ninguém disse, da para transporta a Seleção para os mundiais/europeus de futebol.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: JohnM em Julho 14, 2020, 08:12:04 pm
Eu até estou a achar piada a esta discussão e ia ficar calado, mas hoje estou-me a sentir “confrontational”... lol

Isto tá tudo maluco? Alem de cada bicho desses custar quase tanto como uma fragata, vocês sabem qual é o preço de operação por hora de um MRTT e quanto custa um litro de pitroil dado por esse menino? Quantas forças aéreas do tamanho da nossa têm esta capacidade orgânica? Até os ingleses têm os deles em leasing e só os usam/contratam quando precisam...  Porque se fazem consórcios? Porque há serviços comerciais como a Omega aos quais se contratam serviços de reabastecimento aéreo? Anda tudo a viajar na maionese, ou quê? Eu estou com o Alves, antes de ter um MRTT orgânico é preciso encontrar petróleo no Beato e tratar do resto das valências da FAP... capacidade orgânica de reabastecimento em voo e de transporte estratégico não é para quem quer, é para quem pode, e nós não podemos... Qual ameaça estratégica? Marrocos vai atacar o Porto Santo? Russos podem atacar as Lajes? A resposta a ambos os casos é “sim”, mas alguém acha que nessa situação vamos estar sozinhos? Os russos vêem  atacar-nos só porque sim? Se quiserem que nos juntemos a um consórcio europeu/NATO ou contratemos um conjunto fixo de serviço a um operador civil, como a RAF faz, especialmente no transporte estratégico, por mim tudo bem... tudo o resto é sonho...

Ok, podem bater...😁

Cumprimentos
João
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 14, 2020, 08:18:10 pm
Eu até estou a achar piada a esta discussão e ia ficar calado, mas hoje estou-me a sentir “confrontational”... lol

Isto tá tudo maluco? Vocês sabem qual é o preço de operação por hora de um MRTT e quanto custa um litro de pitroil dado por esse menino? Quantas forças aéreas do tamanho da nossa têm esta capacidade orgânica? Até os ingleses tem os deles em leasing e só os usam/contratam quando precisam...  Porque se fazem consórcios? Porque há serviços comerciais como a Omega aos quais se contratam serviços de reabastecimento aéreo? Anda tudo a viajar na maionese, ou quê? Eu estou com o Alves, antes de ter um MRTT orgânico é preciso encontrar petróleo no Beato e tratar do resto das valências da FAP... capacidade de reabastecimento em voo e e transporte estratégico não para quem quer, é para quem pode, e nós não podemos... Qual ameaça estratégica? Marrocos vai atacar o Porto Santo? Russos podem atacar as Lajes? A resposta a ambos os casos é “sim”, mas alguém acha que nessa situação vamos estar sozinhos? Os russos vêem  atacar-nos só porque sim? Se quiserem que nos juntemos a um consórcio europeu/NATO ou contratemos um conjunto fixo de serviço a um operador civil, como a RAF faz, especialmente no transporte estratégico, por mim tudo bem... tudo o resto é sonho...

Ok, podem bater...😁

Cumprimentos
João

bater para quê e porquê ??
disseste o que pensas, nada mais, porque achas que iniciei o tópico com o titulo de : A330 MRTT para a FAP ?

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: JohnM em Julho 14, 2020, 08:24:14 pm
Já agora, só para responder à questão do custo, em 2004 a USAF estimou que o custo de um galão (3.8 litros, não o café... lol) entregue por reabastecimento aéreo aos B-52 custava 14(!!!) vezes mais que o mesmo pitroil carregado no chão... acham que alguma vez vamos ter €€ para isso? 30€ por litro...😜

Cumprimentos
João
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: JohnM em Julho 14, 2020, 08:26:05 pm
Eu até estou a achar piada a esta discussão e ia ficar calado, mas hoje estou-me a sentir “confrontational”... lol

Isto tá tudo maluco? Vocês sabem qual é o preço de operação por hora de um MRTT e quanto custa um litro de pitroil dado por esse menino? Quantas forças aéreas do tamanho da nossa têm esta capacidade orgânica? Até os ingleses tem os deles em leasing e só os usam/contratam quando precisam...  Porque se fazem consórcios? Porque há serviços comerciais como a Omega aos quais se contratam serviços de reabastecimento aéreo? Anda tudo a viajar na maionese, ou quê? Eu estou com o Alves, antes de ter um MRTT orgânico é preciso encontrar petróleo no Beato e tratar do resto das valências da FAP... capacidade de reabastecimento em voo e e transporte estratégico não para quem quer, é para quem pode, e nós não podemos... Qual ameaça estratégica? Marrocos vai atacar o Porto Santo? Russos podem atacar as Lajes? A resposta a ambos os casos é “sim”, mas alguém acha que nessa situação vamos estar sozinhos? Os russos vêem  atacar-nos só porque sim? Se quiserem que nos juntemos a um consórcio europeu/NATO ou contratemos um conjunto fixo de serviço a um operador civil, como a RAF faz, especialmente no transporte estratégico, por mim tudo bem... tudo o resto é sonho...

Ok, podem bater...😁

Cumprimentos
João

bater para quê e porquê ??
disseste o que pensas, nada mais, porque achas que iniciei o tópico com o titulo de : A330 MRTT para a FAP ?

Abraços

É só para espicaçar o pessoal... I’m bored today...😁
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 14, 2020, 11:11:03 pm
E continuam a bater na mesma tecla. Já nem sei se é mesmo ignorância ou falta de vontade de saber. Olham para o MRTT como se fosse um mero avião tanque, o que não é.

Depois querem argumentar como se na FAP estas aeronaves andassem a fazer AAR todos os dias. Anda tudo doido?
Então e se AAR é assim tão caro, para que tencionam possuir esta capacidade no KC-390? Só porque sim?

Já nem me vou dar ao trabalho. Já tomou proporções absurdas, quando uma das aeronaves mais versáteis que poderíamos ter, é vista como um mero avião reabastecedor.

Depois vem o típico argumento de "em caso de ataque, não estamos sozinhos". Pois bem, por essa lógica, vendam os F-16, os P-3, os U-214, as fragatas, e por aí fora. Felizmente somos os únicos na NATO que pensamos assim, os outros, que são burros claro, lá gastam uma pipa de massa nas suas forças armadas, quando podiam fazer como o tuga, e depender de terceiros...

Nós somos um país da NATO com um panorama geográfico único. No entanto continuamos com a mentalidade de sermos uma Bélgica, com um pequeno marzinho e espaço aéreo para controlar.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Julho 14, 2020, 11:24:16 pm
Aliás toda esta história da COVID, tal como anteriormente a crise financeira, só vieram demonstrar que os países amigos e aliados estão sempre prontos a ajudar. Em caso de conflito armado nem quero imaginar a "ajuda" que iríamos ter. É só optimistas!
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Julho 14, 2020, 11:55:33 pm
Os checos compraram 100 horas/ano durante 30 anos por 80 milhões. Está bem que a nós não da tanto jeito entrar no negocio da Holanda.

Para quem defende a vinda dos A400M devido ao exemplo do apoio a Moçambique, o MRTT é muito mais indicado para esse tipo de missão.

Mas a não ser que apareça um bom negocio de oportunidade ou fortemente financiado, neste momento existem outra prioridades,
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: JohnM em Julho 15, 2020, 03:20:29 am
E continuam a bat by er na mesma tecla. Já nem sei se é mesmo ignorância ou falta de vontade de saber. Olham para o MRTT como se fosse um mero avião tanque, o que não é.

Depois querem argumentar como se na FAP estas aeronaves andassem a fazer AAR todos os dias. Anda tudo doido?
Então e se AAR é assim tão caro, para que tencionam possuir esta capacidade no KC-390? Só porque sim?

Já nem me vou dar ao trabalho. Já tomou proporções absurdas, quando uma das aeronaves mais versáteis que poderíamos ter, é vista como um mero avião reabastecedor.

Depois vem o típico argumento de "em caso de ataque, não estamos sozinhos". Pois bem, por essa lógica, vendam os F-16, os P-3, os U-214, as fragatas, e por aí fora. Felizmente somos os únicos na NATO que pensamos assim, os outros, que são burros claro, lá gastam uma pipa de massa nas suas forças armadas, quando podiam fazer como o tuga, e depender de terceiros...

Nós somos um país da NATO com um panorama geográfico único. No entanto continuamos com a mentalidade de sermos uma Bélgica, com um pequeno marzinho e espaço aéreo para controlar.

ó dc, essa nem parece sua... A diferença é que esses outros meios que menciona são essenciais, i.e., “must have”, enquanto o MRTT é um “Nice to have” e, ainda por cima, caríssimos de adquirir e operar . Os ingleses pagam-nos a 25000 £/hora, para fazer reabastecimento e transporte estratégico para as Falkland; por comparação, o F-16 custa $8000/hora, ou seja quase 4 vezes menos. Onde é que íamos  ter dinheiro para operar esses bichos? .. dá mais jeito uma fragata,/8 F-16 ou dois MRTT? Porque a questão é essa...

E, sim, o MRTT tem múltiplas valências, mas é principalmente um reabastecedor e continuo a dizer que não precisamos disso para defesa do território e da ZEE, especialmente ao preço que fica operar... lá está, é “Nice to have”, mas é caro para xuxu, como diriam os nossos irmãos de Vera Cruz... por outro lado, se querem transporte estratégico a sério, então adquiram C-17... até ao ano passado havia uns white tails a preço de fábrica... o preço é parecido ($270 milhões para o C-17, enquanto a Austrália deu $300 milhões por cada um dos seus MRTT, além de que o C-17 “só” custa $24000/hora para operar, ou seja, menos 20% que o MRTT)  e é um transporte estratégico incomparavelmente melhor... até leva Leos... para que é que querem algo que não é carne nem peixe e custa os olhos da cara?

Cheers
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Julho 15, 2020, 11:26:02 am
Os checos compraram 100 horas/ano durante 30 anos por 80 milhões. Está bem que a nós não da tanto jeito entrar no negocio da Holanda.

Para quem defende a vinda dos A400M devido ao exemplo do apoio a Moçambique, o MRTT é muito mais indicado para esse tipo de missão.

Mas a não ser que apareça um bom negocio de oportunidade ou fortemente financiado, neste momento existem outra prioridades,

O importante era também saber se de facto ainda fazemos parte ou não do programa MMF, ou se somos "observadores" ::). Que se saiba apenas a Polónia saiu em 2016, porém com a política de cortar (a torto e) a direito do Aguiar-Branco não me admiraria nada se esse acordo assinado em 2012 fosse hoje letra morta, e conveniente e confortavelmente (e estupidamente) estivéssemos encostados ao KC-390 como pareceu dar a entender um artigo na AFM do início deste ano.

É um aparelho caro - as últimas estimativas apontam para um valor que pode rondar entre os 210 e 280M€/unidade -, mas extremamente necessário no nosso contexto. E mais do que servir para reabastecer F-16, F-35A, etc, etc, é a sua polivalência estratégica a nível de missões militares e civis que pesa bastante no factor relevância; é que para além de se tornar um activo importante no seio da própria NATO, seria sempre um meio vital para activar imediatamente em situações de emergência, sejam elas uma evacuação de cidadãos nacionais de um qualquer país estrangeiro ou o socorro a um desastre natural nos arquipélagos, por exemplo.

Há mais sítios onde gastar uma hipotética verba para a compra de 2 aeronaves? Há, é verdade, mas têm de se começar a elencar prioridades e sobretudo identificar as graves lacunas existentes. É que neste momento nem já há o Bérrio para fazer de navio de evacuação, pelo que uma vez mais na eventualidade de um imprevisto grave teremos de ou abrir os cordões à bolsa e alugar meios privados, ou estender a mão para amigos e aliados nos fazerem de novo o favor de ajudar. E isto é algo que já farta quando, com vontade, existem soluções que saltam à vista.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Julho 15, 2020, 12:57:26 pm
E continuam a bat by er na mesma tecla. Já nem sei se é mesmo ignorância ou falta de vontade de saber. Olham para o MRTT como se fosse um mero avião tanque, o que não é.

Depois querem argumentar como se na FAP estas aeronaves andassem a fazer AAR todos os dias. Anda tudo doido?
Então e se AAR é assim tão caro, para que tencionam possuir esta capacidade no KC-390? Só porque sim?

Já nem me vou dar ao trabalho. Já tomou proporções absurdas, quando uma das aeronaves mais versáteis que poderíamos ter, é vista como um mero avião reabastecedor.

Depois vem o típico argumento de "em caso de ataque, não estamos sozinhos". Pois bem, por essa lógica, vendam os F-16, os P-3, os U-214, as fragatas, e por aí fora. Felizmente somos os únicos na NATO que pensamos assim, os outros, que são burros claro, lá gastam uma pipa de massa nas suas forças armadas, quando podiam fazer como o tuga, e depender de terceiros...

Nós somos um país da NATO com um panorama geográfico único. No entanto continuamos com a mentalidade de sermos uma Bélgica, com um pequeno marzinho e espaço aéreo para controlar.

ó dc, essa nem parece sua... A diferença é que esses outros meios que menciona são essenciais, i.e., “must have”, enquanto o MRTT é um “Nice to have” e, ainda por cima, caríssimos de adquirir e operar . Os ingleses pagam-nos a 25000 £/hora, para fazer reabastecimento e transporte estratégico para as Falkland; por comparação, o F-16 custa $8000/hora, ou seja quase 4 vezes menos. Onde é que íamos  ter dinheiro para operar esses bichos? .. dá mais jeito uma fragata,/8 F-16 ou dois MRTT? Porque a questão é essa...

E, sim, o MRTT tem múltiplas valências, mas é principalmente um reabastecedor e continuo a dizer que não precisamos disso para defesa do território e da ZEE, especialmente ao preço que fica operar... lá está, é “Nice to have”, mas é caro para xuxu, como diriam os nossos irmãos de Vera Cruz... por outro lado, se querem transporte estratégico a sério, então adquiram C-17... até ao ano passado havia uns white tails a preço de fábrica... o preço é parecido ($270 milhões para o C-17, enquanto a Austrália deu $300 milhões por cada um dos seus MRTT, além de que o C-17 “só” custa $24000/hora para operar, ou seja, menos 20% que o MRTT)  e é um transporte estratégico incomparavelmente melhor... até leva Leos... para que é que querem algo que não é carne nem peixe e custa os olhos da cara?

Cheers

Porque é que o MRTT é principalmente um reabastecedor e o KC-390 não é?

Onde fazes essa distinção?
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 15, 2020, 01:36:55 pm
E continuam a bat by er na mesma tecla. Já nem sei se é mesmo ignorância ou falta de vontade de saber. Olham para o MRTT como se fosse um mero avião tanque, o que não é.

Depois querem argumentar como se na FAP estas aeronaves andassem a fazer AAR todos os dias. Anda tudo doido?
Então e se AAR é assim tão caro, para que tencionam possuir esta capacidade no KC-390? Só porque sim?

Já nem me vou dar ao trabalho. Já tomou proporções absurdas, quando uma das aeronaves mais versáteis que poderíamos ter, é vista como um mero avião reabastecedor.

Depois vem o típico argumento de "em caso de ataque, não estamos sozinhos". Pois bem, por essa lógica, vendam os F-16, os P-3, os U-214, as fragatas, e por aí fora. Felizmente somos os únicos na NATO que pensamos assim, os outros, que são burros claro, lá gastam uma pipa de massa nas suas forças armadas, quando podiam fazer como o tuga, e depender de terceiros...

Nós somos um país da NATO com um panorama geográfico único. No entanto continuamos com a mentalidade de sermos uma Bélgica, com um pequeno marzinho e espaço aéreo para controlar.

ó dc, essa nem parece sua... A diferença é que esses outros meios que menciona são essenciais, i.e., “must have”, enquanto o MRTT é um “Nice to have” e, ainda por cima, caríssimos de adquirir e operar . Os ingleses pagam-nos a 25000 £/hora, para fazer reabastecimento e transporte estratégico para as Falkland; por comparação, o F-16 custa $8000/hora, ou seja quase 4 vezes menos. Onde é que íamos  ter dinheiro para operar esses bichos? .. dá mais jeito uma fragata,/8 F-16 ou dois MRTT? Porque a questão é essa...

E, sim, o MRTT tem múltiplas valências, mas é principalmente um reabastecedor e continuo a dizer que não precisamos disso para defesa do território e da ZEE, especialmente ao preço que fica operar... lá está, é “Nice to have”, mas é caro para xuxu, como diriam os nossos irmãos de Vera Cruz... por outro lado, se querem transporte estratégico a sério, então adquiram C-17... até ao ano passado havia uns white tails a preço de fábrica... o preço é parecido ($270 milhões para o C-17, enquanto a Austrália deu $300 milhões por cada um dos seus MRTT, além de que o C-17 “só” custa $24000/hora para operar, ou seja, menos 20% que o MRTT)  e é um transporte estratégico incomparavelmente melhor... até leva Leos... para que é que querem algo que não é carne nem peixe e custa os olhos da cara?

Cheers

Não, a questão não é essa. O problema é que se está a colocar a opção MRTT, como quem tem que abdicar de outro equipamento para os ter. Como se para ter a perna esquerda, eu tivesse que abdicar da direita, ou vice-versa.

De todos os investimentos que menciona, a LPM não prevê nem substituição/novo upgrade dos F-16, nem fragatas novas. Prevê sim esbanjar um monte de dinheiro em 5 KC-390 mono-missão, apesar de nos tentarem vender a ideia que o KC faz muito mais que o C-130 já fazia. A realidade é esta, ao custo de 100-120 milhões unidade, é uma compra de país rico, e com os 200/240 milhões dos dois últimos KC, pagavas praticamente um MRTT. Não esquecer que estamos aqui a falar na conversão de dois A330 civis em MRTT.

Aliás, eu propunha que se analise a seguinte ideia. Com a reestruturação da TAP, quantos A330 em regime de Leasing a empresa deixará de operar, aviões estes que, dado o estado do sector, dificilmente terão outro contrato de leasing à sua espera, portanto ficarão parados. Será que por um preço aceitável, não conseguíamos 2 destas aeronaves, e depois converter? É que todas as partes envolvidas ganham. Ganha Portugal (capacidade estratégica militar e civil), ganha a Airbus (novo cliente e manutenção de postos de trabalho), a UE (circulação de dinheiro num sector afectado pelo COVID) e a NATO (reforço de capacidade estratégica de um membro). Com tanta vantagem para tanta gente, nem ficava surpreendido se houvesse financiamento da UE/NATO para avançar com esta ideia.

Os custos de h/voo do C-17 vs o MRTT, cheiram-me um pouco a esturro. Mas sou eu a ser céptico. Facto é que, se o C-17 é assim tão "barato", não teria compensado desde logo ter 3 destes em vez dos originais 6 C-130 ou futuros 5 KC?

Concordo que há prioridades, mas eu estou a falar do ponto de vista estratégico. E todos os outros temas já forma mais que debatidos, o caso dos caças, chegou-se uma mão cheia de alternativas, apenas uma financeiramente viável de executar nesta década, substituição das VdG idem. A LPM actual precisa de ser urgentemente renovada, 4200 milhões dá para muito mais do que o que está planeado, se as coisas forem bem feitas.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Julho 15, 2020, 09:43:24 pm
Recordo que em 2003, foram propostos 2 C-17 mais o MLU a 6 C-130H, esta via a ser seguida, estávamos agora noutro patamar.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 15, 2020, 10:21:28 pm
Provavelmente não quiseram os C-17 devido aos custos.  ::)

Mas hoje nem precisávamos de 8 aeronaves de transporte táctico/estratégico. Algo como 12/15 C-295, 2/3 C-17 e 2 MRTT e era um sonho.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Julho 15, 2020, 10:23:32 pm
Provavelmente não quiseram os C-17 devido aos custos.  ::)

Mas hoje nem precisávamos de 8 aeronaves de transporte táctico/estratégico. Algo como 12/15 C-295, 2/3 C-17 e 2 MRTT e era um sonho.

Não sei. na altura era a LM que "lobbie" mandava, e estava-se na onda dos C-130J, tendo o Exército rejeitado o A-400M, devido a "não capacidade" de lançamento de paras, isto claro em 2003.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 15, 2020, 10:31:47 pm
Desculpas para não comprar arranja-se sempre. Entretanto, nem A-400, nem C-130J, nem nada. Andamos a fazer um mini-upgrade aos C-130, e depois atiramo-nos de cabeça a um projecto novo, que só daqui a 3 anos entra o primeiro ao serviço.  ::)

Mas nós queremos é MRTTs agora. c56x1
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: raphael em Julho 15, 2020, 11:03:00 pm
Gosto do vosso positivismo em relação ao meios aéreos...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Julho 15, 2020, 11:57:27 pm
O custo H/V do MRTT, para efeitos desta discussão, passou miraculosamente a exorbitante. Como se a aeronave não fosse baseada numa plataforma comercial, com custos de operação intrinsecamente baixos, quando comparados com aeronaves militares.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Julho 16, 2020, 01:33:45 am
O custo H/V do MRTT, para efeitos desta discussão, passou miraculosamente a exorbitante. Como se a aeronave não fosse baseada numa plataforma comercial, com custos de operação intrinsecamente baixos, quando comparados com aeronaves militares.

Divide a hora de voo por 335 passageiros. :mrgreen:
O aviões militares voam menos logo ficam mais cara a manutenção/hora de voo.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: JohnM em Julho 16, 2020, 02:48:53 am
O custo H/V do MRTT, para efeitos desta discussão, passou miraculosamente a exorbitante. Como se a aeronave não fosse baseada numa plataforma comercial, com custos de operação intrinsecamente baixos, quando comparados com aeronaves militares.
São dados púbicos, passíveis de encontrar na net em 5 minutos... não inventei nada... as duas situações são absolutamente Incomparáveis...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: JohnM em Julho 16, 2020, 03:00:20 am
E continuam a bat by er na mesma tecla. Já nem sei se é mesmo ignorância ou falta de vontade de saber. Olham para o MRTT como se fosse um mero avião tanque, o que não é.

Depois querem argumentar como se na FAP estas aeronaves andassem a fazer AAR todos os dias. Anda tudo doido?
Então e se AAR é assim tão caro, para que tencionam possuir esta capacidade no KC-390? Só porque sim?

Já nem me vou dar ao trabalho. Já tomou proporções absurdas, quando uma das aeronaves mais versáteis que poderíamos ter, é vista como um mero avião reabastecedor.

Depois vem o típico argumento de "em caso de ataque, não estamos sozinhos". Pois bem, por essa lógica, vendam os F-16, os P-3, os U-214, as fragatas, e por aí fora. Felizmente somos os únicos na NATO que pensamos assim, os outros, que são burros claro, lá gastam uma pipa de massa nas suas forças armadas, quando podiam fazer como o tuga, e depender de terceiros...

Nós somos um país da NATO com um panorama geográfico único. No entanto continuamos com a mentalidade de sermos uma Bélgica, com um pequeno marzinho e espaço aéreo para controlar.

ó dc, essa nem parece sua... A diferença é que esses outros meios que menciona são essenciais, i.e., “must have”, enquanto o MRTT é um “Nice to have” e, ainda por cima, caríssimos de adquirir e operar . Os ingleses pagam-nos a 25000 £/hora, para fazer reabastecimento e transporte estratégico para as Falkland; por comparação, o F-16 custa $8000/hora, ou seja quase 4 vezes menos. Onde é que íamos  ter dinheiro para operar esses bichos? .. dá mais jeito uma fragata,/8 F-16 ou dois MRTT? Porque a questão é essa...

E, sim, o MRTT tem múltiplas valências, mas é principalmente um reabastecedor e continuo a dizer que não precisamos disso para defesa do território e da ZEE, especialmente ao preço que fica operar... lá está, é “Nice to have”, mas é caro para xuxu, como diriam os nossos irmãos de Vera Cruz... por outro lado, se querem transporte estratégico a sério, então adquiram C-17... até ao ano passado havia uns white tails a preço de fábrica... o preço é parecido ($270 milhões para o C-17, enquanto a Austrália deu $300 milhões por cada um dos seus MRTT, além de que o C-17 “só” custa $24000/hora para operar, ou seja, menos 20% que o MRTT)  e é um transporte estratégico incomparavelmente melhor... até leva Leos... para que é que querem algo que não é carne nem peixe e custa os olhos da cara?

Cheers

Não, a questão não é essa. O problema é que se está a colocar a opção MRTT, como quem tem que abdicar de outro equipamento para os ter. Como se para ter a perna esquerda, eu tivesse que abdicar da direita, ou vice-versa.

De todos os investimentos que menciona, a LPM não prevê nem substituição/novo upgrade dos F-16, nem fragatas novas. Prevê sim esbanjar um monte de dinheiro em 5 KC-390 mono-missão, apesar de nos tentarem vender a ideia que o KC faz muito mais que o C-130 já fazia. A realidade é esta, ao custo de 100-120 milhões unidade, é uma compra de país rico, e com os 200/240 milhões dos dois últimos KC, pagavas praticamente um MRTT. Não esquecer que estamos aqui a falar na conversão de dois A330 civis em MRTT.

Aliás, eu propunha que se analise a seguinte ideia. Com a reestruturação da TAP, quantos A330 em regime de Leasing a empresa deixará de operar, aviões estes que, dado o estado do sector, dificilmente terão outro contrato de leasing à sua espera, portanto ficarão parados. Será que por um preço aceitável, não conseguíamos 2 destas aeronaves, e depois converter? É que todas as partes envolvidas ganham. Ganha Portugal (capacidade estratégica militar e civil), ganha a Airbus (novo cliente e manutenção de postos de trabalho), a UE (circulação de dinheiro num sector afectado pelo COVID) e a NATO (reforço de capacidade estratégica de um membro). Com tanta vantagem para tanta gente, nem ficava surpreendido se houvesse financiamento da UE/NATO para avançar com esta ideia.

Os custos de h/voo do C-17 vs o MRTT, cheiram-me um pouco a esturro. Mas sou eu a ser céptico. Facto é que, se o C-17 é assim tão "barato", não teria compensado desde logo ter 3 destes em vez dos originais 6 C-130 ou futuros 5 KC?

Concordo que há prioridades, mas eu estou a falar do ponto de vista estratégico. E todos os outros temas já forma mais que debatidos, o caso dos caças, chegou-se uma mão cheia de alternativas, apenas uma financeiramente viável de executar nesta década, substituição das VdG idem. A LPM actual precisa de ser urgentemente renovada, 4200 milhões dá para muito mais do que o que está planeado, se as coisas forem bem feitas.
A questão não é KC vs MRTT, porque um é transporte/reabastecedor estratégico e outro é táctico, a questão é o custo de aquisição e operação de meios estratégicos orgânicos para umas forças armadas como as nossas e com a (In)disponibilidade financeira que existe. O que eu digo é que fazemos muito melhor juntarmo-nos a consórcios internacionais na questão dos meios estratégicos... apenas isso... quantos países com a dimensão e riqueza do nosso têm meios destes orgânicos? Não são muitos e alguns são partilhados... basta ir ver as listas de utilizadores de C-17, MRTT, A-400, etc.

Quanto à opção táctica, aí sim, podemos discutir o mérito técnico e financeiro das opções, mas não misturemos as águas...

Cheers
João
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Julho 16, 2020, 09:12:57 am
O custo H/V do MRTT, para efeitos desta discussão, passou miraculosamente a exorbitante. Como se a aeronave não fosse baseada numa plataforma comercial, com custos de operação intrinsecamente baixos, quando comparados com aeronaves militares.
São dados púbicos, passíveis de encontrar na net em 5 minutos... não inventei nada... as duas situações são absolutamente Incomparáveis...

A renda do leasing de uma aeronave não é o mesmo que custo de H/V. Um inclui depreciação, o outro não.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Cabeça de Martelo em Julho 16, 2020, 11:06:19 am
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 16, 2020, 01:47:54 pm
E continuam a bat by er na mesma tecla. Já nem sei se é mesmo ignorância ou falta de vontade de saber. Olham para o MRTT como se fosse um mero avião tanque, o que não é.

Depois querem argumentar como se na FAP estas aeronaves andassem a fazer AAR todos os dias. Anda tudo doido?
Então e se AAR é assim tão caro, para que tencionam possuir esta capacidade no KC-390? Só porque sim?

Já nem me vou dar ao trabalho. Já tomou proporções absurdas, quando uma das aeronaves mais versáteis que poderíamos ter, é vista como um mero avião reabastecedor.

Depois vem o típico argumento de "em caso de ataque, não estamos sozinhos". Pois bem, por essa lógica, vendam os F-16, os P-3, os U-214, as fragatas, e por aí fora. Felizmente somos os únicos na NATO que pensamos assim, os outros, que são burros claro, lá gastam uma pipa de massa nas suas forças armadas, quando podiam fazer como o tuga, e depender de terceiros...

Nós somos um país da NATO com um panorama geográfico único. No entanto continuamos com a mentalidade de sermos uma Bélgica, com um pequeno marzinho e espaço aéreo para controlar.

ó dc, essa nem parece sua... A diferença é que esses outros meios que menciona são essenciais, i.e., “must have”, enquanto o MRTT é um “Nice to have” e, ainda por cima, caríssimos de adquirir e operar . Os ingleses pagam-nos a 25000 £/hora, para fazer reabastecimento e transporte estratégico para as Falkland; por comparação, o F-16 custa $8000/hora, ou seja quase 4 vezes menos. Onde é que íamos  ter dinheiro para operar esses bichos? .. dá mais jeito uma fragata,/8 F-16 ou dois MRTT? Porque a questão é essa...

E, sim, o MRTT tem múltiplas valências, mas é principalmente um reabastecedor e continuo a dizer que não precisamos disso para defesa do território e da ZEE, especialmente ao preço que fica operar... lá está, é “Nice to have”, mas é caro para xuxu, como diriam os nossos irmãos de Vera Cruz... por outro lado, se querem transporte estratégico a sério, então adquiram C-17... até ao ano passado havia uns white tails a preço de fábrica... o preço é parecido ($270 milhões para o C-17, enquanto a Austrália deu $300 milhões por cada um dos seus MRTT, além de que o C-17 “só” custa $24000/hora para operar, ou seja, menos 20% que o MRTT)  e é um transporte estratégico incomparavelmente melhor... até leva Leos... para que é que querem algo que não é carne nem peixe e custa os olhos da cara?

Cheers

Não, a questão não é essa. O problema é que se está a colocar a opção MRTT, como quem tem que abdicar de outro equipamento para os ter. Como se para ter a perna esquerda, eu tivesse que abdicar da direita, ou vice-versa.

De todos os investimentos que menciona, a LPM não prevê nem substituição/novo upgrade dos F-16, nem fragatas novas. Prevê sim esbanjar um monte de dinheiro em 5 KC-390 mono-missão, apesar de nos tentarem vender a ideia que o KC faz muito mais que o C-130 já fazia. A realidade é esta, ao custo de 100-120 milhões unidade, é uma compra de país rico, e com os 200/240 milhões dos dois últimos KC, pagavas praticamente um MRTT. Não esquecer que estamos aqui a falar na conversão de dois A330 civis em MRTT.

Aliás, eu propunha que se analise a seguinte ideia. Com a reestruturação da TAP, quantos A330 em regime de Leasing a empresa deixará de operar, aviões estes que, dado o estado do sector, dificilmente terão outro contrato de leasing à sua espera, portanto ficarão parados. Será que por um preço aceitável, não conseguíamos 2 destas aeronaves, e depois converter? É que todas as partes envolvidas ganham. Ganha Portugal (capacidade estratégica militar e civil), ganha a Airbus (novo cliente e manutenção de postos de trabalho), a UE (circulação de dinheiro num sector afectado pelo COVID) e a NATO (reforço de capacidade estratégica de um membro). Com tanta vantagem para tanta gente, nem ficava surpreendido se houvesse financiamento da UE/NATO para avançar com esta ideia.

Os custos de h/voo do C-17 vs o MRTT, cheiram-me um pouco a esturro. Mas sou eu a ser céptico. Facto é que, se o C-17 é assim tão "barato", não teria compensado desde logo ter 3 destes em vez dos originais 6 C-130 ou futuros 5 KC?

Concordo que há prioridades, mas eu estou a falar do ponto de vista estratégico. E todos os outros temas já forma mais que debatidos, o caso dos caças, chegou-se uma mão cheia de alternativas, apenas uma financeiramente viável de executar nesta década, substituição das VdG idem. A LPM actual precisa de ser urgentemente renovada, 4200 milhões dá para muito mais do que o que está planeado, se as coisas forem bem feitas.
A questão não é KC vs MRTT, porque um é transporte/reabastecedor estratégico e outro é táctico, a questão é o custo de aquisição e operação de meios estratégicos orgânicos para umas forças armadas como as nossas e com a (In)disponibilidade financeira que existe. O que eu digo é que fazemos muito melhor juntarmo-nos a consórcios internacionais na questão dos meios estratégicos... apenas isso... quantos países com a dimensão e riqueza do nosso têm meios destes orgânicos? Não são muitos e alguns são partilhados... basta ir ver as listas de utilizadores de C-17, MRTT, A-400, etc.

Quanto à opção táctica, aí sim, podemos discutir o mérito técnico e financeiro das opções, mas não misturemos as águas...

Cheers
João

Quem está a comparar o KC com o MRTT é quem diz que o MRTT, o KC e o C-130 fazem o mesmo. De resto, só mesmo que era preferível ter só 3 KC e depois adquirir 2 MRTT, do que ficar com 5 KC, que metade da frota vai ficar parada por falta de missões em que sejam necessárias estas aeronaves em concreto. Basta ver quantas vezes pedimos a privados para transportar militares ou evacuar civis, e carga em aviões de transporte estratégico.

Podíamos fazer parte dos tais consórcios, tanto para os MRTT como aeronaves de transporte estratégico. Mas existe um problema, se não contribuímos com nada, uma aeronave pelo menos, alguma vez seríamos uma prioridade para receber apoio destas aeronaves caso a haja um conflito ou catástrofe? Claro que não. Se comprassemos os tais MRTT, podíamos fazer parte do dito consórcio, e em vez de ser como "mirone" ou pedinte, era como fornecedor de serviços.
Agora estar dentro dos dois consórcios como pedinte, é que é absurdo, ao menos que dessemos alguma contribuição reforçando o número de aeronaves.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Julho 17, 2020, 10:35:54 am
A USAF está a começar a despachar os KC-10 Extender.

Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 17, 2020, 11:09:52 am
A USAF está a começar a despachar os KC-10 Extender.


CG, se as HV dos A330, fossem as que aqui mencionaram, cerca de 24.000 USd, e que seriam proibitivas para uma nação como a nossa, as destes DC10, militares, seriam bem mais do dobro,  logo completamente fora de questão a sua aquisição.
Estas três turbinas consomem fuel, em quantidades bem superiores ás dos 330MRTT !!!

anexo, umas tabelas de 2014 e 2015, com os operating costs de alguns modelos de acft, e, como se pode constatar, os OC dos 330, estão entre os 8.800 e os 9.800 USd.

os 24.000 USd mencionados, apenas são atingidos pelo B747, sendo excedidos pelos 380, eu disse 380 e não 390, NVF !!!! :mrgreen: ;)

https://www.opshots.net/2015/04/aircraft-operating-series-aircraft-operating-expenses/

April 5, 2015 by Cole Goldberg

A 737 of Travel Service Airlines taking off from Budapest in 2012. –Photo: Sándor Dömötör – OPShots Contributor//

Would you believe that over 102,000 commercial passenger flights circle over our heads every day? These planes alone cost somewhere between $70 million and $404 million dollars, and are operated by just a handful of airlines. Following its merger with US Airways, American Airlines and its regional affiliates operate the world’s largest fleet of aircraft, with 1,789 planes, followed by Delta Air Lines with 1,330, United Airlines with 1,229, Southwest Airlines with 720, and FedEx Express with 688. Each aircraft type has its own average operating expense, which varies based on flight conditions. To cover these costs, airlines must carry a certain number of passengers on each flight (Read more: Break Even Load Factor).

The cost of operating a commercial aircraft can be broken down into two main categories: airborne cost and ground cost. The airborne costs are the actual costs of flying the aircraft; the ground costs are the cost of the airframe, engine maintenance, as well as airport and hangar expenses. Both are typically measured hourly and are broken down per mile. The cost per seat mile is the cost of flying one passenger one mile and is used to measure operating costs. The average cost per seat mile is around 7 to 8 cents for low cost carriers and 11 to 12 cents for network carriers.

Labor and fuel are the largest expenses, accounting for about 12% of the total cost. On average, a pilot’s salary begins at $36,000 and caps around $196,000. The average fuel consumption per 100 kilometers is 3.035 liters (78.5 mpg) for turbo props, 3.126 liters (76.3 mpg) for regional jets, 2.405 liters (100.5 mpg) for short haul, 2.74 liters (86.8 mpg) for medium haul, and 2.959 (80.84 mpg) liters for long haul.

The 50 seat Bombardier Dash 8-300 costs around $1,564 per hour, less per seat than the 42 seat ATR 42, which costs around $1,552 per hour. The 72 seat ATR 72 costs around $2,247 per hour. All three aircraft cost less to operate per hour than the 50 seat Embraer ERJ 145, which costs around $3,503 per hour. The ERJ-145 may offer economic advantages for an airline with a faster cruise speed up to 180 miles per hour more and a range 500 miles longer than other aircraft of this category.

The CS300 costs around $3,100 per hour, the 737-700 costs around $2,900 per hour, the A320 costs around $3,200 per hour, while the Boeing 757 costs around $8,383.15 per hour.
With limited data on the dual engine widebodies, it appears that the Boeing 767 costs around $9,130 per hour to operate, the 777 costs around $7,380 per hour, and the Airbus A330 costs around $7,900 per hour.

More engines lead to higher prices. The average airborne operating cost of a Boeing 747-400 is between $24,000 and $27,000 per hour, around $39.08 to $43.97 per mile, using approximately $15,374 in fuel per hour. In perspective, according to a new Congressional Research Service report, Air Force One, a 747-200B (VC-25A) costs $179,750 per hour to operate. The Airbus A340-200 costs $14,000 per hour, while the larger A340-400 costs $21,000 per hour. The Airbus A380, the largest passenger jet, costs between $26,000 and $29,000 per hour, using roughly $17,467 of fuel, approximately $40.19 to $44.82 per mile. The engines on these aircraft account for 5% of the operating expenses. According to Airbus, a 475-seat A340 has an overall monthly cost advantage over the in comparison to the 747-400 of $557,000. However, even with the higher cost per seat mile, the 747-8’s cost per trip is just 12% lower than the A380’s, while the cost per seat is 9% higher.

https://www.planestats.com/bhsw_2014sep

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 17, 2020, 01:42:04 pm
Fico curioso é para saber como a versão MRTT atinge o suposto valor de 24000 por h/voo.  ::)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: raphael em Julho 17, 2020, 01:44:10 pm
Fico curioso é para saber como a versão MRTT atinge o suposto valor de 24000 por h/voo.  ::)

Nós mal temos orçamento para sustentar as atuais frotas quanto mais aumentar esse número...escusado será dizer que o tudo o que é horas gastas em medevac...ficam no limbo em termos de pagamento para não falar nos transportes vip.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Julho 17, 2020, 01:49:24 pm
Fico curioso é para saber como a versão MRTT atinge o suposto valor de 24000 por h/voo.  ::)

A britânica custa o esse valor porque é alugada a uma empresa privada. Tem que pagar a parte do aluguer.

Como num avião de uma companhia aérea tens de adicionar o valor do leasing.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 17, 2020, 01:52:21 pm
Fico curioso é para saber como a versão MRTT atinge o suposto valor de 24000 por h/voo.  ::)

A britânica custa o esse valor porque é alugada a uma empresa privada. Tem que pagar a parte do aluguer.

Como num avião de uma companhia aérea tens de adicionar o valor do leasing.

Meu caro não tem nada a ver com o aluguer/leasing.
Na aviação esse tipo de operação de fretamento chama-se ACMI, nada tem a ver com o leasing da aeronave.



Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 17, 2020, 01:53:49 pm
Fico curioso é para saber como a versão MRTT atinge o suposto valor de 24000 por h/voo.  ::)

Não atinge esse valor, coisa nenhuma.
Nem nada que se aproxime.

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 17, 2020, 01:58:18 pm
Fico curioso é para saber como a versão MRTT atinge o suposto valor de 24000 por h/voo.  ::)

A britânica custa o esse valor porque é alugada a uma empresa privada. Tem que pagar a parte do aluguer.

Como num avião de uma companhia aérea tens de adicionar o valor do leasing.

Negativo, nao adicionas o valor do leasing coisa nenhuna !!!

Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Julho 17, 2020, 02:12:17 pm
Fico curioso é para saber como a versão MRTT atinge o suposto valor de 24000 por h/voo.  ::)

A britânica custa o esse valor porque é alugada a uma empresa privada. Tem que pagar a parte do aluguer.

Como num avião de uma companhia aérea tens de adicionar o valor do leasing.

Negativo, nao adicionas o valor do leasing coisa nenhuna !!!

O MRTT britânico é um serviço:
Citar
The annual cost of the service, including military personnel costs is around £450 million for a delivery of 18,000 flying hours a rate of approximately £25,000 per hour.

No calculo da hora de voo até despesas com mecânicos, taxas de aeroporto, etc... entra. A não ser que sejam da Saab e só interessa o combustível.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 17, 2020, 03:47:32 pm
Fico curioso é para saber como a versão MRTT atinge o suposto valor de 24000 por h/voo.  ::)

Nós mal temos orçamento para sustentar as atuais frotas quanto mais aumentar esse número...escusado será dizer que o tudo o que é horas gastas em medevac...ficam no limbo em termos de pagamento para não falar nos transportes vip.

Estritamente falando em número de aeronaves, se em vez de 5 KC-390 ficássemos com 3 mais os 2 MRTT, o número de aeronaves é o mesmo em ambos os cenários. Tens a desvantagem de ser um modelo diferente, é certo, mas em muitos casos deixas de ter despesas com alugueres, já que passamos a ter uma aeronave que faz N missões que até agora pedíamos a privados. Passando a fazer parte da frota europeia de MRTTs, também podes pô-los a "render", fazendo serviços para outros.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 17, 2020, 04:48:03 pm
Fico curioso é para saber como a versão MRTT atinge o suposto valor de 24000 por h/voo.  ::)

A britânica custa o esse valor porque é alugada a uma empresa privada. Tem que pagar a parte do aluguer.

Como num avião de uma companhia aérea tens de adicionar o valor do leasing.

Negativo, nao adicionas o valor do leasing coisa nenhuna !!!

O MRTT britânico é um serviço:
Citar
The annual cost of the service, including military personnel costs is around £450 million for a delivery of 18,000 flying hours a rate of approximately £25,000 per hour.

No calculo da hora de voo até despesas com mecânicos, taxas de aeroporto, etc... entra. A não ser que sejam da Saab e só interessa o combustível.

é um ACMI, nada tem a ver com os custos HV, puros e duros !!!

Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Julho 19, 2020, 11:39:21 pm
E este ?


(https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/5/5f/Airbus_A310-304%28MRTT%29%2C_Germany_-_Air_Force_JP7415094.jpg)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 20, 2020, 01:39:06 am
Esse não vem equipado para abastecer os F-16.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 20, 2020, 05:50:25 am
E este ?


(https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/5/5f/Airbus_A310-304%28MRTT%29%2C_Germany_-_Air_Force_JP7415094.jpg)

É uma aeronave muito superior em tudo ao 390, mas como só tem um sistema AAR incorporado, logo para Portugal não serve, mas o 390 já serve  :N-icon-Axe:

Abr
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Julho 20, 2020, 09:13:32 am
Esse não vem equipado para abastecer os F-16.

Errado, vi um em Monte Real com  o "boom" extendido, A-310 da Luftwaffe.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Julho 20, 2020, 10:36:47 am
Esse não vem equipado para abastecer os F-16.

Errado, vi um em Monte Real com  o "boom" extendido, A-310 da Luftwaffe.

Viste o demonstrador da Airbus, o mesmo que executou no início deste ano o primeiro reabastecimento aéreo completamente automático com recurso aos nossos F-16. Os da Luftwaffe não têm boom, só pods hose & drogue nas pontas das asas.  ;)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 20, 2020, 11:05:39 am
Esse não vem equipado para abastecer os F-16.

Errado, vi um em Monte Real com  o "boom" extendido, A-310 da Luftwaffe.

Viste o demonstrador da Airbus, o mesmo que executou no início deste ano o primeiro reabastecimento aéreo completamente automático com recurso aos nossos F-16. Os da Luftwaffe não têm boom, só pode hose & drogue nas pontas das asas.  ;)

na realidade assim é, os três dez da Luftwaffe, não tem a lança.

Cá está uma foto do demonstrador
(https://imagizer.imageshack.com/v2/xq90/924/AhcLqE.jpg) (https://imageshack.com/i/poAhcLqEj)

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Julho 20, 2020, 11:55:50 am
Até só tem mesmo a boom instalada, sem pods nas asas.

A310 MRTT, matrícula civil espanhola EC-HLA
(https://live.staticflickr.com/5804/20725761424_1bde18abbe_b.jpg)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 20, 2020, 12:39:56 pm
Pois sem o Boom não serve de grande coisa. Quer dizer, serve, mas limita a capacidade de reabastecimento tal e qual o KC. Com Boom já é outra conversa, especialmente se for uma alternativa mais barata ao A-330 MRTT.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Julho 20, 2020, 01:07:25 pm
Pode ser que a Airbus seja boazinha e nos ofereça o demonstrador, como pagamento pela ajuda tuga.  :mrgreen:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 20, 2020, 01:49:38 pm
A ajuda tuga devia era ser descontada na conversão de dois A-330 civis para MRTT.  :mrgreen:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Julho 21, 2020, 01:26:00 pm
Citar
NATO MMU cleared to begin training ops

NATO has been cleared to begin training operations on its first recently received Airbus A330 Multi-Role Tanker Transport (MRTT) aircraft, the Multinational Multirole Tanker Transport Unit (MMU) announced on 20 July.
(https://external-content.duckduckgo.com/iu/?u=https%3A%2F%2Fwww.janes.com%2Fimages%2Fdefault-source%2Fnews-images%2Ffg_3265436-jdw-7022.jpg%3Fsfvrsn%3Dd72e1979_2&f=1&nofb=1)

 8)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: mafets em Julho 21, 2020, 02:17:55 pm
Os Tornado e Typhoon servem-se com os Pods...  :-P ;)

(https://i.pinimg.com/originals/c9/b5/58/c9b558fb15188bf1ced714f12705e66e.jpg)

(https://c8.alamy.com/comp/FWT9EB/german-air-force-luftwaffe-airbus-a310-304-mrtt-multi-role-tanker-FWT9EB.jpg)

E ainda ajudam com uma perninha os amigos...  :mrgreen: :mrgreen:

(https://i.pinimg.com/originals/a2/c3/51/a2c351cafa8556dde26c9e13edff793a.jpg)

(https://eatc-mil.com/uploads/news/310%20with%20three%20rafale.jpg)

Cumprimentos

Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 21, 2020, 03:02:32 pm
Mas nós não temos Typhoon nem Tornados, o Flying Boom é mais útil para nós actualmente.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Stalker79 em Julho 21, 2020, 03:06:25 pm
Pergunta estupida. Quanto possivelmente custaria o retrofit da boom nos A310 alemães caso eles se quisessem livrar deles!?
 :-P
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 21, 2020, 04:06:09 pm
Pode ser que a Airbus seja boazinha e nos ofereça o demonstrador, como pagamento pela ajuda tuga.  :mrgreen:

ora aí está uma excelente proposta a fazer á Airbus, pelo nosso MDN !! :bang:

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Julho 21, 2020, 04:13:34 pm
Pergunta estupida. Quanto possivelmente custaria o retrofit da boom nos A310 alemães caso eles se quisessem livrar deles!?
 :-P

barato, segundo um camarada meu da FAP, aí uns 20/25 milhões/modificação, coisa pouca, para dois basta alienar 1/2 Ka-Cê, e está feito, ficavamos  bem melhor servidos.

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Julho 21, 2020, 04:20:04 pm
Pode ser que a Airbus seja boazinha e nos ofereça o demonstrador, como pagamento pela ajuda tuga.  :mrgreen:

ora aí está uma excelente proposta a fazer á Airbus, pelo nosso MDN !! :bang:

Abraços

O problema é que a Airbus tem uso para eles. :-P
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 21, 2020, 05:01:34 pm
Pergunta estupida. Quanto possivelmente custaria o retrofit da boom nos A310 alemães caso eles se quisessem livrar deles!?
 :-P

barato, segundo um camarada meu da FAP, aí uns 20/25 milhões/modificação, coisa pouca, para dois basta alienar 1/2 Ka-Cê, e está feito, ficavamos  bem melhor servidos.

Abraços

Se for só isso, até que não seria mau negócio.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Julho 29, 2020, 08:04:55 pm
Parece que os ingleses estão a tentar vender dois Voyager KC2.

(https://external-content.duckduckgo.com/iu/?u=http%3A%2F%2Fimgproc.airliners.net%2Fphotos%2Fairliners%2F1%2F8%2F3%2F2096381.jpg%3Fv%3Dv40&f=1&nofb=1)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Stalker79 em Julho 29, 2020, 09:08:52 pm
Parece que os ingleses estão a tentar vender dois Voyager KC2.

(https://external-content.duckduckgo.com/iu/?u=http%3A%2F%2Fimgproc.airliners.net%2Fphotos%2Fairliners%2F1%2F8%2F3%2F2096381.jpg%3Fv%3Dv40&f=1&nofb=1)


"There are two versions, designated Voyager KC2 and Voyager KC3; the former is fitted with two Cobham 905E under-wing refuelling pods, the latter with a Cobham 805E Fuselage Refuelling Unit (FRU) in addition to the under-wing pods; none are fitted with the Aerial Refuelling Boom System (ARBS)."
 :-P
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Julho 29, 2020, 09:20:31 pm
Parece que os ingleses estão a tentar vender dois Voyager KC2.

(https://external-content.duckduckgo.com/iu/?u=http%3A%2F%2Fimgproc.airliners.net%2Fphotos%2Fairliners%2F1%2F8%2F3%2F2096381.jpg%3Fv%3Dv40&f=1&nofb=1)


"There are two versions, designated Voyager KC2 and Voyager KC3; the former is fitted with two Cobham 905E under-wing refuelling pods, the latter with a Cobham 805E Fuselage Refuelling Unit (FRU) in addition to the under-wing pods; none are fitted with the Aerial Refuelling Boom System (ARBS)."
 :-P

Estão a tentar vender no mercado sul americano. Pode ser que esteja barato. ;)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Julho 29, 2020, 09:23:52 pm
Mas sem Boom não nos servem de grande coisa enquanto reabastecedor.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Stalker79 em Julho 29, 2020, 10:47:37 pm
Mas sem Boom não nos servem de grande coisa enquanto reabastecedor.


O que o Baron disse só fazia sentido se fazer o retrofit da Boom ficasse pelo valor que o Tenente já tinha referido.
20/25 milhões a unidade.
 :-P
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Agosto 02, 2020, 11:53:21 am
Olha-se aqui para o lado e uma pessoa entra em depressão...  :(

Citar
Ontem (sexta-feira), após a reunião entre o PM @sanchezcasrejon, a ministra da Defesa @Defensagob e o CEO da @Airbus @GuillaumeFaury, uma série de iniciativas foi anunciada para relançar o setor aeroespacial e preservar empregos e capacidades tecnológicas e industriais de #España.

1- A transformação de 3 #A330MRTT na fábrica de @AirbusDefence do #Getafe#Madrid Como os de @RoyalAirForce, @Armee_de_lair, etc. Eles vêm substituir todos os 3 @Boeing 707 de transporte que foram abatidos em 2017 e provavelmente voarão no #Grupo47 da base #Torrejón

2- A compra de 4 C-295 Persuader como os que já opera @FACh_Chile e @fap_emfa, fabricado por @AirbusDefence no #Sevilla. Eles substituirão os 8 CN-235 VIGMA e os 3 P-3 em serviço, pelo que serão imprescindíveis mais 8 unidades. Eles provavelmente vão voar com a #Ala48#Getafe#Madrid

3- Um programa conjunto entre o Ministério da Defesa @Defensagob e o Ministério do Interior @interiorgob para a aquisição de 36 #helicópteros H135, fabricado por @AirbusHeli no #Albacete. O @EjercitoAire precisa deles para a sua Ala78 Armilla/Granada onde treina os pilotos de @EjercitoTierra, @Armada_esp e @guardiacivil. Isso, juntamente com #ProgramaHalcón para a substituição dos F-18 nas Canárias por 20 Eurofighter, o abate dos C-130 da Ala31 substituídos por 8 A400M e a entrada em serviço do Predator B e NH90 Lobo neste ano de 2020, prometem um bom futuro para o nosso @EjercitoAire.

https://twitter.com/AviacionMilEsp/status/1289088462507909122

E ainda faltou mencionar os 24 PC-21...  :domador:

Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Agosto 02, 2020, 02:09:43 pm
Olha-se aqui para o lado e uma pessoa entra em depressão...  :(

Citar
Ontem (sexta-feira), após a reunião entre o PM @sanchezcasrejon, a ministra da Defesa @Defensagob e o CEO da @Airbus @GuillaumeFaury, uma série de iniciativas foi anunciada para relançar o setor aeroespacial e preservar empregos e capacidades tecnológicas e industriais de #España.

1- A transformação de 3 #A330MRTT na fábrica de @AirbusDefence do #Getafe#Madrid Como os de @RoyalAirForce, @Armee_de_lair, etc. Eles vêm substituir todos os 3 @Boeing 707 de transporte que foram abatidos em 2017 e provavelmente voarão no #Grupo47 da base #Torrejón

2- A compra de 4 C-295 Persuader como os que já opera @FACh_Chile e @fap_emfa, fabricado por @AirbusDefence no #Sevilla. Eles substituirão os 8 CN-235 VIGMA e os 3 P-3 em serviço, pelo que serão imprescindíveis mais 8 unidades. Eles provavelmente vão voar com a #Ala48#Getafe#Madrid

3- Um programa conjunto entre o Ministério da Defesa @Defensagob e o Ministério do Interior @interiorgob para a aquisição de 36 #helicópteros H135, fabricado por @AirbusHeli no #Albacete. O @EjercitoAire precisa deles para a sua Ala78 Armilla/Granada onde treina os pilotos de @EjercitoTierra, @Armada_esp e @guardiacivil. Isso, juntamente com #ProgramaHalcón para a substituição dos F-18 nas Canárias por 20 Eurofighter, o abate dos C-130 da Ala31 substituídos por 8 A400M e a entrada em serviço do Predator B e NH90 Lobo neste ano de 2020, prometem um bom futuro para o nosso @EjercitoAire.

https://twitter.com/AviacionMilEsp/status/1289088462507909122

E ainda faltou mencionar os 24 PC-21...  :domador:

Tenho "mixed feelings" em relação a isso.

Positivo:
-Alguém aprendeu com o Covid e vai adquirir os A330MRTT, pode ser que cá se aprenda. E com 2 nossos já dava para fazer aqui no sul um consorcio como o que existe no norte da Europa.
-Constatação que os nosso C-295 são realmente MPA. :-P

Negativo:
- A Espanha vai substituir P-3 por C-295, espero que cá esse vírus não chegue.

De resto a grande novidade é a escolha dos Eurofighter para substituir os F-18. Juntamente com as compras da Alemanha, o Eurofighter ganhou mais uns anos de desenvolvimento.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Agosto 02, 2020, 07:29:02 pm
Positivo:
-Alguém aprendeu com o Covid e vai adquirir os A330MRTT, pode ser que cá se aprenda. E com 2 nossos já dava para fazer aqui no sul um consorcio como o que existe no norte da Europa.
-Constatação que os nosso C-295 são realmente MPA. :-P

Quanto ao A330MRTT nada a dizer; em relação aos Persuader, os nossos são tão MPA quanto são os C-105 SAR da Força Aérea Brasileira. ;)

(https://www.infodefensa.com/archivo/images/sar.jpg)


Negativo:
- A Espanha vai substituir P-3 por C-295, espero que cá esse vírus não chegue.

De resto a grande novidade é a escolha dos Eurofighter para substituir os F-18. Juntamente com as compras da Alemanha, o Eurofighter ganhou mais uns anos de desenvolvimento.

Apesar da distância temporal, o objectivo será lá para 2040 adquirir 4 Boeing P-8 Poseidon ou Airbus A320 MPA. Tendo em conta o tamanho da nossa ZEE é pouco provável que por cá o sucessor do Orion seja o Persuader.

(https://www.meretmarine.com/sites/default/files/styles/mem_1000/public/new_objets_drupal/a320neo_white_background_high_res.jpg)

Quanto aos Eurofighter para substituir os F-18CX (F-18A+) estacionados em Gando, nada a dizer face ao reequipamento marroquino. Os Hornet de Torrejón e Zaragoza poderão ser substituídos por F-35A (ou não) já que a compra de F-35B pela Armada Espanhola é um dado quase certo.

E é confrangedor reparar nas diferenças...

Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Agosto 03, 2020, 12:06:20 am
@Charlie Jaguar

O PG2 é State of the art,  por muito que custe aos haters, Portugal está a criar doutrina em relação aos MPA.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Agosto 03, 2020, 12:22:26 am
Apontem para P-8A Poseidon, 4 a 5 unidades.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Agosto 03, 2020, 02:03:18 am
Olha-se aqui para o lado e uma pessoa entra em depressão...  :(

Citar
Ontem (sexta-feira), após a reunião entre o PM @sanchezcasrejon, a ministra da Defesa @Defensagob e o CEO da @Airbus @GuillaumeFaury, uma série de iniciativas foi anunciada para relançar o setor aeroespacial e preservar empregos e capacidades tecnológicas e industriais de #España.

1- A transformação de 3 #A330MRTT na fábrica de @AirbusDefence do #Getafe#Madrid Como os de @RoyalAirForce, @Armee_de_lair, etc. Eles vêm substituir todos os 3 @Boeing 707 de transporte que foram abatidos em 2017 e provavelmente voarão no #Grupo47 da base #Torrejón

2- A compra de 4 C-295 Persuader como os que já opera @FACh_Chile e @fap_emfa, fabricado por @AirbusDefence no #Sevilla. Eles substituirão os 8 CN-235 VIGMA e os 3 P-3 em serviço, pelo que serão imprescindíveis mais 8 unidades. Eles provavelmente vão voar com a #Ala48#Getafe#Madrid

3- Um programa conjunto entre o Ministério da Defesa @Defensagob e o Ministério do Interior @interiorgob para a aquisição de 36 #helicópteros H135, fabricado por @AirbusHeli no #Albacete. O @EjercitoAire precisa deles para a sua Ala78 Armilla/Granada onde treina os pilotos de @EjercitoTierra, @Armada_esp e @guardiacivil. Isso, juntamente com #ProgramaHalcón para a substituição dos F-18 nas Canárias por 20 Eurofighter, o abate dos C-130 da Ala31 substituídos por 8 A400M e a entrada em serviço do Predator B e NH90 Lobo neste ano de 2020, prometem um bom futuro para o nosso @EjercitoAire.

https://twitter.com/AviacionMilEsp/status/1289088462507909122

E ainda faltou mencionar os 24 PC-21...  :domador:

Mas temos que perceber que os espanhóis não sofreram com a pandemia, a economia manteve-se estável e não morreu ninguém... Oh wait.  ::)

É a diferença, num lado corta-se até não dar mais, do outro mantém-se compromissos e levam a Defesa a sério.

Entretanto, também espero que por cá abram a pestana para os MRTT, se bem que existem inúmeros bons exemplos do outro lado que nós nunca seguimos.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Agosto 03, 2020, 08:54:45 am
@Charlie Jaguar

O PG2 é State of the art,  por muito que custe aos haters, Portugal está a criar doutrina em relação aos MPA.

 :rir: :rir: :rir: :rir: :rir:

RB – tu hoje estás em grande.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: LM em Agosto 03, 2020, 08:57:05 am
Mas temos que perceber que os espanhóis não sofreram com a pandemia, a economia manteve-se estável e não morreu ninguém... Oh wait.  ::)

É a diferença, num lado corta-se até não dar mais, do outro mantém-se compromissos e levam a Defesa a sério.

Entretanto, também espero que por cá abram a pestana para os MRTT, se bem que existem inúmeros bons exemplos do outro lado que nós nunca seguimos.

Mas, se quisermos ver por outro prisma, estão a fazer investimento em material de uma empresa que tem importante fabrica(s) no seu território... ora, fazendo o paralelismo para cá, querem que o governo PT invista mais em produtos de uma empresa que tem cá uma fábrica...?  :mrgreen:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Barlovento em Agosto 03, 2020, 10:45:47 am
Mas temos que perceber que os espanhóis não sofreram com a pandemia, a economia manteve-se estável e não morreu ninguém... Oh wait.  ::)

É a diferença, num lado corta-se até não dar mais, do outro mantém-se compromissos e levam a Defesa a sério.

Entretanto, também espero que por cá abram a pestana para os MRTT, se bem que existem inúmeros bons exemplos do outro lado que nós nunca seguimos.

Mas, se quisermos ver por outro prisma, estão a fazer investimento em material de uma empresa que tem importante fabrica(s) no seu território... ora, fazendo o paralelismo para cá, querem que o governo PT invista mais em produtos de uma empresa que tem cá uma fábrica...?  :mrgreen:

Es exactamente eso, al Gobierno Espanhol le importan las FA lo mismo que al Portugués, pero si le importa la industria de defensa y los puestos de trabajo. El CEO de Airbus habrá llamado a Sánchez y le habrá preguntado que hacer con sus 14.000 trabajadores e inmediatamente surgen las compras.

Seguro que el EA quiere P-8, pero no se fabrica en Espanha, así que no hay P-8, hay C-295 que se fabrica en Sevilla.

La semana pasada había convovada manifestación de los trabajadores de Navantia en Cadiz, justo el día anterior se aprueba la construcción del BAM-IS. Mucha coincidencia.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Agosto 03, 2020, 06:27:33 pm
Sim, é certo que estes meios que eles adquirem terem benefício directo para a economia, ajuda. Mas nós por cá por exemplo, só não temos indústria de defesa mais forte, porque não queremos/quisemos. Basta ver que na anterior crise, cancelaram as LFC e adiaram os NPOs como parte dos cortes orçamentais. É esta a grande diferença.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: HSMW em Agosto 06, 2020, 02:51:06 pm
(https://scontent.flis6-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/s960x960/117173026_10216305910625297_852442192209850685_o.jpg?_nc_cat=111&_nc_sid=ca434c&_nc_ohc=i7qjh3mB2X4AX8pqqKL&_nc_ht=scontent.flis6-1.fna&_nc_tp=7&oh=1019bf5a019e67ddb17327aef465e401&oe=5F52C208)

Ontem  ???
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Agosto 06, 2020, 05:08:47 pm
Desta feita um A310 ao invés de um 330. Bem quer a Airbus vender-nos uns.  :mrgreen:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: HSMW em Agosto 06, 2020, 05:16:01 pm
Ainda nos últimos meses saiu a decisão sobre a venda para sucata do A310 da SATA que estava parado em Beja.
De notar que já estava sem os motores.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Agosto 06, 2020, 05:57:54 pm
Ainda nos últimos meses saiu a decisão sobre a venda para sucata do A310 da SATA que estava parado em Beja.
De notar que já estava sem os motores.

Esse 310 estava todo assassinado em especial os interiores da aeronave.

As horas de voo que tinha eram mais que muitas e, segundo me foi transmitido, o logbook, enquanto ao serviço do dono anterior até, tinha falta de páginas, o que é só por si sinónimo que algo ocorreu ou não foi efectuado em devido tempo á aeronave.  :mrgreen:

Os motores foram retirados pela empresa que adquiriu o 310 e que agora já tem uma bela divida de taxas de estacionamento para pagar, tal o tempo que a carcaça está estacionada em BEJ.

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Agosto 06, 2020, 06:02:54 pm
Desta feita um A310 ao invés de um 330. Bem quer a Airbus vender-nos uns.  :mrgreen:

Quando a TAP vendeu os 310 para iniciar a operação com os 330, a FAP deveria ter avançado com uma proposta de compra de um deles e tinha feito todo o sentido as aeronaves estavam em muito bom estado e muito bem mantidas em termos de turbinas.

(https://imagizer.imageshack.com/v2/xq90/924/AhcLqE.jpg) (https://imageshack.com/i/poAhcLqEj)

Airbus A310 MRTT deliveries

The Airbus Industrie A310 MRTT is a wide-bodied multirole tanker transport aircraft derived from the Airbus A310-300 civil passenger and transport aircraft. The production of the aircraft has been terminated, but it is still in service with German and Canadian Air Forces.

The A310 MRTT can be readily converted to: air-to-air refuelling tanker, all-cargo transporter, medical evacuation aircraft, and an all-passenger transporter or combination of VIP, passenger and cargo transporter roles.

Four A310 MRTT aircraft are in service with the German Air Force. The first took its maiden flight in December 2003 and was delivered in October 2004. The A310 were already in service with the German AF as transports and aircraft conversion for in-flight refuelling was carried out by Airbus Deutschland and Lufthansa Technik.

EADS delivered the first A310 MRTT fitted with a new mission avionics package to the German Air Force in June 2007. The new mission avionics allows the A310 MRTT allocation to the NATO Reaction Forces.

Two A310 aircraft of the Canadian Air Force were converted to the MRTT configuration. The aircraft are designated CC-150 Polaris. The first was delivered in October 2004.

For the air-to-air refuelling (tanker) role, the aircraft is equipped with five centre fuel tanks or Additional Centre Tanks (ACT), and with hose and drogue pods under the outer wings. The total fuel capacity is up to 96,920l (25,605USgl), which corresponds to 77,500kg (171,000lb).

In an all-cargo transport role, the maximum non-fuel payload is 37t (81,600lb). For the troop transport role, the aircraft can provide up to 214 seats. In a combined cargo / troop transport, 12 pallets and 54 troops can be carried.


https://www.airforce-technology.com/projects/mrtt/

(https://imagizer.imageshack.com/v2/xq90/924/XXv9qc.jpg) (https://imageshack.com/i/poXXv9qcj)
(https://imagizer.imageshack.com/v2/xq90/923/X2unCi.jpg) (https://imageshack.com/i/pnX2unCij)
(https://imagizer.imageshack.com/v2/xq90/924/C3Z78N.jpg) (https://imageshack.com/i/poC3Z78Nj)

https://www.gnose.eu/2019/04/o-aviao-hospital.html

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Agosto 06, 2020, 08:07:56 pm
Para nós se viesse com o Boom era perfeito. Sempre deve ser um pouco mais barato que o A330. 2 deles e estava feito.

O A310 MRTT que esteve cá, deve ser o tal protótipo da Airbus equipado com o Boom.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Stalker79 em Agosto 06, 2020, 10:27:46 pm
Para nós se viesse com o Boom era perfeito. Sempre deve ser um pouco mais barato que o A330. 2 deles e estava feito.

O A310 MRTT que esteve cá, deve ser o tal protótipo da Airbus equipado com o Boom.


Pode ser que os Alemões queiram despachar os deles baratinhos...
 :-P
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Agosto 07, 2020, 03:15:57 pm
Já dava para sonhar, isso é verdade.

(66º Aniversário da FAP, Monte Real 2018)
(https://i.postimg.cc/ZRFhvfWr/116623725-10218048635560001-2511072878887442346-o.jpg)


Entretanto o Flightglobal publicou um excelente artigo sobre o A330MRTT, a sua tremenda utilidade e como se tornou na ponta da lança de várias nações no combate à COVID-19.

https://www.flightglobal.com/fixed-wing/how-global-a330-mrtt-fleet-stepped-up-during-crisis/139638.article
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Agosto 07, 2020, 04:17:59 pm
E qual a vossa opinião de num negocio como fez a RAF e termos um aluguer(compra de horas de voo) de um A330 MRTT com uma Hi Fly da vida?
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Agosto 07, 2020, 06:39:45 pm
Era uma opção, mas ao preço que eles estão a pagar, mais vale ter os ditos aviões, assim a sua disponibilidade dependerá apenas de nós. O MRTT seria tão útil que ficava caro cada aluguer.

Já dava para sonhar, isso é verdade.

(66º Aniversário da FAP, Monte Real 2018)
(https://i.postimg.cc/ZRFhvfWr/116623725-10218048635560001-2511072878887442346-o.jpg)


Entretanto o Flightglobal publicou um excelente artigo sobre o A330MRTT, a sua tremenda utilidade e como se tornou na ponta da lança de várias nações no combate à COVID-19.

https://www.flightglobal.com/fixed-wing/how-global-a330-mrtt-fleet-stepped-up-during-crisis/139638.article

Só para nós é que não serve.  ::)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Agosto 19, 2020, 03:30:16 pm
Enquanto o 330 MRTT não chega á FAP, em BEJ o CSTGU da SATA, já era. :-[

(https://imagizer.imageshack.com/v2/xq90/922/5RRddE.jpg) (https://imageshack.com/i/pm5RRddEj)
(https://imagizer.imageshack.com/v2/xq90/922/xFJfvq.jpg) (https://imageshack.com/i/pmxFJfvqj)

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Setembro 04, 2020, 02:05:57 pm
No quadro das medidas anunciadas em Junho de apoio à indústria aeronáutica, a Direcção-Geral de Armamento Francesa encomendou ontem mais 3 A330 MRTT "Phénix" por somente 200M€... :o

https://www.defense.gouv.fr/dga/actualite/le-ministere-des-armees-commande-trois-avions-a330-dans-le-cadre-du-plan-de-soutien-a-l-industrie-aeronautique
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Setembro 04, 2020, 02:20:55 pm
Penso que ainda há que adicionar os custos de transformação para MRTT. Mas mesmo que o custo de transformação seja de cerca de 50 milhões/unidade, cada MRTT fica entre os 110 e os 120 milhões. Não está nada mal, não senhor.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Setembro 04, 2020, 07:36:50 pm
No quadro das medidas anunciadas em Junho de apoio à indústria aeronáutica, a Direcção-Geral de Armamento Francesa encomendou ontem mais 3 A330 MRTT "Phénix" por somente 200M€... :o

https://www.defense.gouv.fr/dga/actualite/le-ministere-des-armees-commande-trois-avions-a330-dans-le-cadre-du-plan-de-soutien-a-l-industrie-aeronautique

Acho que esse valor é sem a conversão para MRTT

Citar
French Minister of the Armed Forces Ms Florence Parly welcomes the order on 25 August 2020 by the General Directorate of Armaments (DGA) of 3 Airbus A330 planes, announced on 9 June as part of the government plan to support the aeronautical industry. The contract is worth 200 million euros. The first two aircraft will be delivered at the end of 2020 and the third one in 2022.

These three A330s will eventually be converted into Phenix MRTT (Multi-Role Tanker Transport) military aircraft. They will then complete the 12 MRTTs expected by 2023, bringing the Air Force’s MRTT fleet to 15 aircraft, in accordance with the final objective enshrined in the Military Planning Law (LPM).
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Setembro 04, 2020, 10:15:02 pm
No quadro das medidas anunciadas em Junho de apoio à indústria aeronáutica, a Direcção-Geral de Armamento Francesa encomendou ontem mais 3 A330 MRTT "Phénix" por somente 200M€... :o

https://www.defense.gouv.fr/dga/actualite/le-ministere-des-armees-commande-trois-avions-a330-dans-le-cadre-du-plan-de-soutien-a-l-industrie-aeronautique

Vejam e aprendam!
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Setembro 10, 2020, 10:04:42 am
https://www.aeroin.net/iberia-vende-tres-airbus-a330-forca-aerea-espanha/

Nós é que não fazemos nada deste género.  ::)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Setembro 10, 2020, 12:49:45 pm
A tuga é mais do tipo paganini/otário/totó: entra com a narta, mas não recebe nada em troca.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Setembro 10, 2020, 01:56:31 pm
O tuga é que sabe como se faz!  ::)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Setembro 10, 2020, 02:42:33 pm
Esta semana tem andado por cá mais um francês. Serve para todos menos para nós.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Setembro 11, 2020, 12:15:10 am
Exacto, os outros é que são burros!
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Setembro 28, 2020, 07:30:16 pm
Até o Luxemburgo.

Victor Barreira / Defence 360° (@Defence360) tweetou: The company @AirbusDefence has received a firm order for an A330 MRTT aircraft from OCCAR. The order, which OCCAR has placed on behalf of @NSPA_NATO follows the decision from 🇱🇺 to maximize its participation into the Multinational MRTT Fleet (MMF) programme.

https://t.co/P7ankymgfL

https://twitter.com/Defence360/status/1310541476632449030?s=20

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: HSMW em Setembro 28, 2020, 08:03:20 pm
Não é bem até o Luxemburgo, porque não têm mais nada para além de capacidades logísticas.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Setembro 28, 2020, 09:14:03 pm
Foi por esse motivo que escrevi o que escrevi, terem capacidade logistica, e poderia/deveria ter complementado com : até o Luxemburgo, está presente no consórcio Europeu para utilização dos MRTT, enquanto nós ficamos a ver as ditas aeronaves.

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Outubro 05, 2020, 11:43:27 pm
A capacidade MRTT, com A-330, AEW/C com E-7 Wedgtail e de patrulhamento/ISR,ELINT, com P-8A Poseidon, seriam autênticos multiplicadores de força, juntado a isto UAVs, Reaper,Heron e os tão esperados F-35A e F-16V.


(https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn%3AANd9GcQvcOPf7GZnP1gQLZEm2Dk7nXXgdfdDOAwQCA&usqp=CAU)
(https://www.defencetalk.com/wp-content/uploads/2019/03/E-7-AWACS-radar-aircraftweb.jpg)


(https://vistapointe.net/images/boeing-p8-poseidon-5.jpg)


(https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn%3AANd9GcSlF95-h4iKbiwKWbdJy7W6i82EOVKteGSuZQ&usqp=CAU)
(https://www.forumdefesa.com/forum/data:image/jpeg;base64,/9j/4AAQSkZJRgABAQAAAQABAAD/2wCEAAkGBxISEhUSEhIVFRUVFRUVFRUVFRUVFxUVFxcXFxUVFRUYHSggGB0lHRUVITEhJSkrLi4uFx8zODMtNygtLisBCgoKDg0OGhAQGi0dICUtLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLf/AABEIAJ0BQQMBEQACEQEDEQH/xAAcAAEBAAIDAQEAAAAAAAAAAAAAAQUGAgMEBwj/xAA7EAABBAAEAwUGBQMDBQEAAAABAAIDEQQSITEFBkETIlFhcTJCUoGRoQcUYnKxgsHwI0PRU5Ki0uFj/8QAGgEBAQADAQEAAAAAAAAAAAAAAAEDBAUCBv/EAC8RAQACAgIBAgUDAwUBAQAAAAABAgMRBCExElEFEyJBYTJx0aGx8BRCgZHB4SP/2gAMAwEAAhEDEQA/AOxfWPn1pBUVVBQEHKkFQWkFpApApBUEpARFRVQcqQEBAQWkEpEWkUpApApBUFQF5BU2UmxaTaohrpyCihTRLIcD4aMRI6PMWnI5wPmC0Cx4arW5OecVYtrfbNgxRe2pY8hbEe7HManQqkVFF8KqfsqgxoCyMagKC0qi0hCqKoQcgEFQKQUIACC0glKohCC0hpVBUUKItIpSIqAiiAgICAgqChSQTZpaTa9KoSAIOE8rWNLnuDWjck0B815taKxuZ1D1FZtMRDWsVznGCRHE59bOJDGn7E/UBcvL8VrE6pXboU4O4ibW/wCGS/D7m4u4jE2VzImPa9gGgDnFtgOe475gAANy5aOTm5M/028fht042OlfVXe4/wAmfx9md4iKmlHhJIPo4rv4Z3jr+0ORl/XP7vOsjxCogiiDw0vbGtKotKKuVBQEBBaQKQUKhSiKEFQEBCRUWkABQVFEFAQKRFpRUVEpAQEFQAFJHKlFUIiobWkX9mF4zzHFBbW/6knwg6D97unputPk83Hi68z/AJ5bOHjWv34ho/FeLSTHNK6wPZaPZHk1vU/dcHPyMmefq/8AjqY8VMcaq8/C+Hz4l+RjdBRu6AH63dPQb+auHBbLb00ja5MlaRuz6BwXl+PDi/bkqi8jbxDR7o+673G4dMPfmff+HKzci+TqOo9mWtbTBsCBaKqIKp6nmpenhaQFRaUUpEKVFpBUBAUBUWlApUVQEBUFBQEVaUFVBQFfAKbCkBAKBSQLSgIKAg6Mfjo4W5pHBo6eJPgBuSseTLTHG7zp7pjtedVhpXGeaZJbbFcTPG++4eZHsjyH1XE5PxG9/pp1H9XTw8OtO7dy1ozDZmp6noPU/wBlz/T7txnuX+VnzVJKS1h96u84foHujz/ldDi8G2X6rdV/rLVzcquPqO5b5hMKyJoZG0NaOg8fEncnzK7ePHXHX01jUOXfJa9t27dlrIm0Q3Gy1BQiqgIjppe2MpBAFUcgiiAoFIFKi0oFIAVRUUUBUKUFpApBUVUAKCoFIIgIKgtIFKAAgpoa+CDWeM82sZbIKe74z7A9Pi/j1XM5PxGtOsfct7Dw5nu/TS8bjHPcXyvLiep/gDp6BcW+S+WfVady6NaVpGoh0wQySuDGtPe2a32nf+o/zRStJmdRG5W06jc9Q3fl3lBkID5gHO3DN2M9fiP2H3Xb4vw+K/Vk7n2+0fy5uflzP006bQum0kpDwhCLpKQjyKLsQKVJ2qI6l6eCkClRaQKQKUFRRVClAVFAUFpUFACpsQFCVCAgIKi9gUkVEEUpQWkFpApBjuL8bhw475t/Rjfa+fwjzK18/Kx4Y7nv2ZsWC+Tx4aLxjjs2I0ccrOkbTp/UfeP28lwuRzMmXqeo9nUxcemPx3LCvxAstbqR9B6lavp22NshwHl+bEOJB7oOsjh3WeIaOp8h8yFs8fjXzT9PUe7Blz1xdz59n0fhPCIsM2mDvH2nn2nfPoPILvYONTDGq+fdy82a2Se3tK2GFEIQlCZQqPWxEkVI6KUWHLKpt60ZUHUsrDopQKQKQFUUBFWlApApUKUFQRUVQEEpBaQkQcqTalKBSCoCSKpuRQEFAQdeKxDIml8jg1o6k18vM+S8XvWkbtOoeq1m06hpvGeb3PtmHGRv/UPtH9o93139FyOR8SmesfX5dHDwoju/f4anNNVucfMk6k+d9Vytzadt7UQ6gXP2sA7fE7yA6fykQNu5f5NupJ25R0jGjiN++dwPLf0XV43w+bfVl6j2aOfmRXqn/bd2MDQGtAAGgA0AHouxWsVjUObMzM7kXpEQQoqICKIKAounIBSVEUUHVSysJSAgKgoi0qq0oFILSCZUCkSSlQpRRBEFQEPuqAgqiiiLSQOVJsUBBr3GebI4rZFUj/G+431cPa9B9Vz+Rz6Y+q9z/RuYeJa3duoaTxDHyTuzyvLj0HutHg1vRcTLnyZJ3aXTpirjjVYY584vKNT4eHqVjiPu9S9fC+EyzvysGd3UnRjAepPT+T0WXFivln00h4vetI3aX0PgHLUWGAdo+SvaI0b5MHT13/hd3jcKmHue59/4cvNybZOo6hmlutZxtBCghQRF7RBKRFCj0rUHJR6gUEUO3ClmYhAKElKioFILSIqiiqCiiI43/n/KkWiZ0sxPmQqmwC03o8og8vE8aIYzIWl1EChodT49FgzZflU9T3ip67aXAcXw8wGUSxPN5RIGuZIRq4MkZs4DWiFq4eba1/TaPPs2MnHitdxL1LotRyUNrSotLyOQCDH8V41Dhx33W7oxurj8ug8ytfPyceGPqnv2ZsWG+Tw0fjHMU2Itt5I/gad/3O97028lxORzr5evEOnh41MffmWFfIALJoLS1tsbdBLn/pb/AOR/4C9RGjtsfLPJ5kp0lxxbg0M7r+GxoK6n7rf43Cvl+q3Uf3auXlVp1XuX0XB4KOFgZEwNaOg6+ZJ1J8yuzixVxx6axqHMvebzu07cysrw4KiFBEBBKUClVMqhopVZVRdiEbFFEHClkYtLSoUoACoqgIKgiC0gUgUiKxxBsaHb5dQfLyXi+Ot/MPVb2r4YnE86nAyPEmGw8wFOBeTG8sIbqDRYTmzimtB7vXdcPm5cuPJ8vc6dXjUpenr1G2ycD/GHh8tMlbJh3fqbnZ9Wd6vMtC0t+7ZhvODxeGxTM0b4pmHq0tePQ+C9RaY7idExE+Wvc08JhbkqNrGuzZj0JGXLE1pIGZ1uoCyS2q1sbVOZlr1M+qPy178XHPjr9mI43y5HhTEWMjbmDYs4ppklAeWjKT7WQEDqaqzotniZ8MWmbdTM9fswcjDkmIiO4Y6l1tufpaTY8+K4rBh3MOJbKYnEtL4spLHaEZmncEZttdOq0+Zyb4axNY8tnjYYyWmJbbwzheCxcfaYTE5x1otdlPg9lBzT5Glo1+JZPvES2rcKk+JmHybm3nExSyYeHumN743SEakscWnKOmoPn6K5+faY1SNJi4kRO7dtO/N5jZJJO5Jsn1J3XLtuZ3LeiIjw5Plo0NXVt4evgvOvdThmAllkyhvaPOoA6efgB5le6UtefTSNy82tFI3Z9D4FyoyKnzVJJoQN2MPkD7R8z9Oq7PG+H1p9V+5/pDm5+XNuq9Q2W10WmoKDi4oOCoiKIggKAgIohBSLCosIQofu5UmxwpZGPQgIKgUgICCoCIIFILSgxHMnBG4qIgjvtByOBognpdf4QFq8vjxlruPMeGxx83y7fifLB8dxhdgIsC/CuEsRjEExA1Ed57IFm2lwoHYjTRfO5K5KfrrMOxW1L/pnbWcHjThnSZTNHKyRoZiI3FjC0B3aAjc6hpb5Ek9F48fd71t9A5c/FrExU3FsGIZ/1GU2UDxIHdf9vVeou86fUeD8fwPEYy2N7JQR34XgZgPB8Tun2XuJ2fh38Q4BBL7uR1e03Q+VjYrZw8rJi6idx7SwZOPS/c+Wq8S5flht1Z2D3m9B4ubuPuF1cPNx5Op6n8ufk4t6fmGg8yczQNa6FoEpcKN+wPmNSfT6rBy+Xj9M0iPV/Zl4/HvuLeHt/D3ifCTCyGdxwuLa5+XFMcYnPzOJbcw0NAhuSS26bFcWuojTpT2+dcyxSSSvkecznuc8vDQMxcSS5zW6Am+izTDFWzC4LCyukaxtW800ucA0u6DO7ugk6a9SF40yNx4HyfiXuImjfAGmndo0h5I3ytOp/cdPVbGDh3zTvxHuwZuTXH15l9Ih4C3Bsa1rA0PaH3dudoPbO9i/TwXW4vyorMY48eXP5HzJmJv93IlbbXLQAU0qlQcVdAoKgiAgtICBSBSKUj1AimVRPTDgsjxIiLSAAiLSErSBSKICIKC0gIFIOrEVlNuy9A6icrjo0gAEk3WgBWvyvT8q3q9mbj7+bXTu45ytHYE8cbm1TJoz3s4AEgcyt7B1B6VQ6/O04t80z6Ps7F89cfloPM3LX5YCRjwWF2WuuxNeey1rYr47atGmat4vG47YJjyxwexxa9uoc0lpafJw1VidExtvXLv4nTxOb+bZ27RQ7RvcmDQbo+7IPI16rJGT3ePS3fmfmPC8Q4TjPy0wLhA9zmHuyNy97vMOvT0WWkxMvNvD8xyzOBIJSYWvh6MFjiD4noDt6n/hedK2nl7BzTuADXPYXU9x0a3a+9sCAQcu5+6yYqZMk6pG2PJalI3ZkuI8vZGPexpc9gaSGjNqasObWta7jost8MxG696iJ6Y65ImdW62zr/xRDsEIpcMHTRNY2ORp7rmtoOz33mHKDtms9BsseHk2x23EveXFF66l9J5sDQcKXlrWvLYgSa7zy3K0etFbnCzVpW+571tr8nHNppp4ea4WtxBDQAC1poCtTdlbvAtNsPc/drcusRk69mHtbrW2oU0KgUgiAgtKCBBUCkBARSkNiLC0vPa6dSyse1RVRFQEQUVUBApEVAQFBUHTjMKJG5czmkFrmvYacx7CHMc0+IIB10WLLirlpNbMmPJOO3qhzlx0MQD8XiS0F4zPLbc9zt8rIxvQOzaAbqtPLeOJSIrG/wAy2sdP9TabWnX4bGOXcJioc8M7ZYnDfuSsNdNK1/ha3+vm0avWJj/P3Zv9HFZ3W0xL4BxDiuGdKewaWx9Mxu/MA6j0srn564/VvHGobeL1xH1ztxbKHbFYNMrk6K0idGmNxvDM2o3WSMnu8elkeQeAwy4/DsxID43SNa6Oy3Nm0GoINWRsVmr6ZiZeJmYmIfpDj3EcJw+GFkkTWYdzxF3Yz2cQokEtY00Lrw66+KtprO4nS2iJjUxtq2Jc135iSF8LsJBI3LIyQOIMjIy/M4OIoFzd6IAs6ard4nJiuSZvPn+7V5GDdIiv2azjsBh8bNL2jCHQtihDQGs2D88jnNFvJOWsx0F6L3XiUzZr+rx/LxbkWx46+ny8eO4HihJBK3EOxAw7onRxTvI0icXNaHag7uAcRYDjqpk+G3r3jtv8StObW3V402TF86YafEFuLhlwRIaI5ZKexxA1z5dALJAIJFAEkbLDj5GXjT6bx1+f/JZsmHFnrus9+8ez2YnCOYA62vY4WyRjg9jx0LXBdjDyMeX9M/8ADm5MF8fcx17vOs7CICiiAoKiiIqKILSBSBSBSECmx1UsjwqKAIOSgIgiiCogoKgUgtIACgSPDQS4gACySQAB4klSZiI3KxEz1DWcfx2DEu/LNAc1wdmkfo0FrSRkvd1jQ6a1VrkcznY7VmlY9X9nQ43FvE+q06az2WLwUnaYaZ8Z2cWnLbf/ANGbOHqCPJcSLTWXVmNtLxXDi0kN6DMQdNBvRWeuSLMc108+He8PAAcXEgACySSdA3xvyXvW0fS8LyTi8lzAQvqxG+8x/cRo35WtjF8Pvkr6omP8/swZOZXHb0zEsNxHh8sBqVhb0B3aT0pw0O2y1MuG+KdXjTPjy1yRussacWWPBbmDmkODmmi0jUOaRqD5rxG/s9TLduGfirN2Zw+NjZi4nAtOcBslEEGzRa7QncfNZItLzp2fgnjeylOHllgZCRKOze8t/MOmMYJykZXECIDU7Egbkr1ExJL6DzLw8RTW0ANc1uWugYAMp/n+pdzgXi2PX3jy5XMpNbR7MTS32m4TQte0tc0Oadw4Ag+oK82rFo1aNvUTNZ3E6Y3C8Lkwzi/Azdld5oZB2uHkvcOjOrb8Rroufl+HV36sU+mf6f8Axu4+bbXpydw9sXGYnEMxLPyUpNBznZ8JIf0T/wC0T8L63q15rysuH6c0de6zgx5Y3in/AIZrhmAP5iOOVujiTR2cMpIII0I03BWxnzxOGb45YceKfmxW8PNi8LU7omD/AHCxo/qpov6LJjy//lF7e25eL0//AEmtfdtWL5WjcwBhyvAAzdHH9Q/uPuuTh52Wk/XPqjf+a/Z0MnEpaPp6lprm0SD0NFdusxMbhy5iYnQqKAgqAgqCIKgigKbldOtZHjagICAiLSCgKKICIqKUoioKAgwfGOZ4YLY09pJ8LTo39zth6CytLkc7Hi68y2sPFvk78Q0ji3GJZzcr7A2Y3Rg+XU+ZXEz8rJmn6p69nVxYKY/DEvxF6AWfAdPU7Ba+mXb3cFxGLz9nl7VtGox3iP2mraPt5L1GP19UjcvM3ivdumyYzgL6bI6HUU6iQ4t8QSLFVf13WTJws+ONzH/TxTlYrzqJYbH8suhZ2zXRtbEdMzmxvBBzNrNQe6q7oNmiACvXyclaev8AOp90+bWbej8bb3wv8Ug6oeK4YjwlYxzXD9ToXaj1YTfwq4818U77iVtjrkjU9sxyhzBhsQ3ER913bGRkMJBe6QRNLrfbQBmD2kNI9077DayZvnzX1a1Hlr48UYotrzLXsbydhnEjI6M9cpIo/tdYH2W7f4fgv3Xr9v8ANNSvMy16t3+7CT8hHMckwy17zTd66aH01+y1rfC7f7bf9s8c+uu6vbwH8ODPL2ckrWsylznMuwBXukUd/Faufh3w6mZidtjDyK5N6iYbO2JrAGNLi1oDWlzi52VujbJ1OgC7+HHFKRVyMtvVeZVZWMVBTapJGHAhwBB0IIsEeBHVSYiY1KxOu4eLhHCI8Pi8PiGOe1kDnnsbL4w17HNd2TXGoz3r0030Frn5uBE7nHOvx9m5j5cx+vv8/dtPLmOgnx0mkrJG55BHI0U9ubKJY5Gkgt12NOBIWrlzZKYvk2rr/wBhsY8dLZPmVnf8t3BWi23zbiceWaQeEj/pmNL6PBO8VZ/EOLljV7R+XnWVjVAQVApApBaUWClFmFpXY6V7Y1pTYoCIICAgIKgoCgtIMfxbjMOGH+o7vVoxurj8ug8zS183Kx4Y+qf+PuzYsF8k9Q0fjPNM01tB7OP4WnUj9TuvoKC4ufn5MnVeodPDxKY+57lrgnvRguvDYepWl6fdt7enA8DxGId3A5w/To0HwLzof80WbFhvk/RXbFky1p3adN24VyQ1oHbPv9Efdb83bn5Uuji+GR5yzv8AEfy0cnOnxSG0YTCRxNyxsaweDRV+vj8108eKmONVjTRte153adpj8bHBG6WVwYxotzjemtdNSbIFDxVvetI3bwlaTefTHlquK4W/HYIhkrXF8omBd3e4S5zW0Bocj277/dc3Hi+bit6fvO3Qvk+Vkj1ezJc7Mk/KFsTM5LmNIy5jkuz0tuob3hRHiFsczH6seoj2a/Fv6cm5lxn5UjbIJsNJJhpWklro3Ehp8gTddKuqJtY7/Dccx9MzWWSvOvE/VG2Qh45iorGPw/5thN/mMNTZ26NbbojQdtdDTfda9cXJ4/de4/H8fw2LZsHIiIt1Mf55ZDAOixIe/CSCZrDTm0Wyt0B78R7w1NbbtK3MPPpfq30z/RrZuFakRNZ9Uf1csNjJIy8NoB7C1xLbOp2Ds4LT/S75LJmwzky0n/bHf8POLJSmK8f7p8f+/Z1UtpqpSqPZwvhzp3hjdt3O6NHj6+AWDkZ4xU3Pn7MuHFOS2obW/gLGsqMgDd7HjNG/xcerH17zT6h1AL56mXLH13tu33mOv6ezsTir6fTEdPn3FeKwQWXvoa5W+08i9O6NT67L6C/IrjrE5J1Lk1w2vbVI6aXxfnSR9tgb2bfiNOef7N+/quXn+JWnrHGm/i4Va/r7YDhfGpsPiWYqNx7Rjw7MSTnFd5rydSHC2/Nc2bzM+qZ7bvpiI1HT71yp+IWGxYBfG7DOdsZK7J5GndmGl2dnZSel0s0RM19WumPdd628vMbKxMnmWn6tH/1d3hTvDDl8mNZZY4BbTXWkClApBUBCYEUQKU7R1UvbwqKICItIFKCgILSDzY/HxQNzSvDR0vc/taNT8liyZqY43edPdMdrzqsbaXxnnR77bAOzb8ZrOf7N+58wuPn+JWt1j6/P3dPDwa17v21KTEOc7YuzE243v5ncrmzue5luxqOoZnhPKWJm1e3K0nRz7aK/Z7R/hbeHh5cncR6Y95a+TlY6eZ3+zcuF8m4eLV47V36hTf8AsG/zJXSxfDsdO7fVP9P+mhk5l7dV6bE1oAAAAA2AFAegW/ERHhqTO/IqCI8PG+FsxUD4JCQ14AsbgghzSPQgLHlxxkpNZZMeScdotDxcp8vfkonR9qZS52YuIy7ANaA2zQAA6rHx8HyazG9vefN82d60zVLZYCkERXixnCopHCQgtkb7MsbjHK39sjSD8tlhy8fHk/VDLjzXp4l6IcdOyziWNxkTGuc6TMzD4hrGglxe62xSgAdch8ytDJjy8au6W6beO+PPbVq9u3BTQ4kF+EkErQMxZRbNG07dpC6nAfqAo1otnDzaX1FupYcvFtWd17h3YHBuleGMFk/QDqStjLlrjr6rMFMdr29MNh4hxzA8LjDJZQH1eRvelefHINQPM0B4rgZs1slvVZ2cWKMdfTD5hzV+K2JxAdHhmjDxmwTo+VwPi72WWLFCz4OWD5mp6ZdR93z2WYuJc4kk6kk2T5kndeLWm07mSI11DJ8J5cxGIotZlYf9x/db/SN3fIV5rNg4mXN4jUe8sWTkUx+Z3+zdOEcnYeGnP/1n+Lx3QfJm31tdjB8Px4+7fVP5/hzsvMvfqOmw0t9q9+VA28hXoPBIiI8LMzPkAQ0qC0gUgKAgtIqUiKg6aXt5WlBaRFpApApB34PD53htht2S47NABJJ+QKxZssY6TaWTHScloq0PjfPTQCMNqOkrgRY6FjDr/wB30XLzfE/tjj/mW9i4P3vLU2GfFPtofK93XVxr+w+gXN1kzW+9pb30Yq+0Ni4XyFI45p5MgNdwU53/AKt/8lvYvht7frn0/t5amTnVj9Mb/s3DhnAsPBrHGM3xu7zvqdvlS6eLi4sX6Y792jk5GTJ5lk1sMIgiBSCoiUiqiIilIhSCUiujH4MTRuiLywPBaSBdg7tIsW07EeHisPIxzkxzWGXDeKX9UmNwbJSHyAl4JLZGkskY47lkjKcw+hCtsFLVito8JXNetvVEte5z5rx+FjEMc575zduGME5YLBjdIBrRIIcAHV1J1XJ5WD5cxETuPs6XGy/MiZmNS0HAYLFYrtHxRyTFushZcrwXbOe0W83R1rputCatrbKcJ5RxU1FzOxb1dKC13yjPePzr1Wxh4WTL34j3lgy8qmPrzLdeEcp4eCnFvavHvSUaP6W7D7nzXWw8HFj78z+XPycq9+vEfhnitxrSioUilKLBSotKBSAgtICBSgtIpSI6qXtNFImilNigILSBSg8vFpXthe1jS7tR2Tsu4jeaeRp1bbf6lq8ys2x6j3bHGtFb7ljZuT8GZe0ERaNajD3ZPLfXQab0eqxx8Pw7iZh6nmZe4iWZw+HZG3LGxrGjo0AD6BblKVpGqxprWtNp3M7di9ItIFISUoFIgAirSIUgUilIioqUgUiFIFIrG8a4HDimhso1F5XDRzbq66HYaHwWLNhrljVmXFmtjnp5eTuXjw/FNnbMXNyva9uUNLwQaB1qs2U35LQngTHiza/1kT5hnZHEkk6kkknxJ1K6dYiI1DQmdzuXGlRQEUpApNhSKUgUgtIFKBSKtIFIhSBSbHDKrs0oYmzTsZGvM2NI5qsSTDgQqklI8qioiBQKQEFRRAQFBUCkFpBypRUpEcaVCkBApBFQpQFQQEWFpRdFIFICBSDlSilILSgFUEBAQf/Z)
(https://i.insider.com/5ce8428df85e166c5637fd57?width=1100&format=jpeg&auto=webp)


(https://cdn.i-scmp.com/sites/default/files/styles/1200x800/public/d8/images/methode/2019/11/21/e4492296-0b72-11ea-afcd-7b308be3ba45_image_hires_102451.jpg?itok=tkooDJpC&v=1574303096)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Outubro 05, 2020, 11:57:46 pm
A capacidade MRTT, com A-330, AEW/C com E-7 Wedgtail e de patrulhamento/ISR,ELINT, com P-8A Poseidon, seriam autênticos multiplicadores de força, juntado a isto UAVs, Reaper,Heron e os tão esperados F-35A e F-16V.


(https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn%3AANd9GcQvcOPf7GZnP1gQLZEm2Dk7nXXgdfdDOAwQCA&usqp=CAU)
(https://www.defencetalk.com/wp-content/uploads/2019/03/E-7-AWACS-radar-aircraftweb.jpg)


(https://vistapointe.net/images/boeing-p8-poseidon-5.jpg)


(https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn%3AANd9GcSlF95-h4iKbiwKWbdJy7W6i82EOVKteGSuZQ&usqp=CAU)
(https://www.forumdefesa.com/forum/data:image/jpeg;base64,/9j/4AAQSkZJRgABAQAAAQABAAD/2wCEAAkGBxISEhUSEhIVFRUVFRUVFRUVFRUVFxUVFxcXFxUVFRUYHSggGB0lHRUVITEhJSkrLi4uFx8zODMtNygtLisBCgoKDg0OGhAQGi0dICUtLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLf/AABEIAJ0BQQMBEQACEQEDEQH/xAAcAAEBAAIDAQEAAAAAAAAAAAAAAQUGAgMEBwj/xAA7EAABBAAEAwUGBQMDBQEAAAABAAIDEQQSITEFBkETIlFhcTJCUoGRoQcUYnKxgsHwI0PRU5Ki0uFj/8QAGgEBAQADAQEAAAAAAAAAAAAAAAEDBAUCBv/EAC8RAQACAgIBAgUDAwUBAQAAAAABAgMRBCExElEFEyJBYTJx0aGx8BRCgZHB4SP/2gAMAwEAAhEDEQA/AOxfWPn1pBUVVBQEHKkFQWkFpApApBUEpARFRVQcqQEBAQWkEpEWkUpApApBUFQF5BU2UmxaTaohrpyCihTRLIcD4aMRI6PMWnI5wPmC0Cx4arW5OecVYtrfbNgxRe2pY8hbEe7HManQqkVFF8KqfsqgxoCyMagKC0qi0hCqKoQcgEFQKQUIACC0glKohCC0hpVBUUKItIpSIqAiiAgICAgqChSQTZpaTa9KoSAIOE8rWNLnuDWjck0B815taKxuZ1D1FZtMRDWsVznGCRHE59bOJDGn7E/UBcvL8VrE6pXboU4O4ibW/wCGS/D7m4u4jE2VzImPa9gGgDnFtgOe475gAANy5aOTm5M/028fht042OlfVXe4/wAmfx9md4iKmlHhJIPo4rv4Z3jr+0ORl/XP7vOsjxCogiiDw0vbGtKotKKuVBQEBBaQKQUKhSiKEFQEBCRUWkABQVFEFAQKRFpRUVEpAQEFQAFJHKlFUIiobWkX9mF4zzHFBbW/6knwg6D97unputPk83Hi68z/AJ5bOHjWv34ho/FeLSTHNK6wPZaPZHk1vU/dcHPyMmefq/8AjqY8VMcaq8/C+Hz4l+RjdBRu6AH63dPQb+auHBbLb00ja5MlaRuz6BwXl+PDi/bkqi8jbxDR7o+673G4dMPfmff+HKzci+TqOo9mWtbTBsCBaKqIKp6nmpenhaQFRaUUpEKVFpBUBAUBUWlApUVQEBUFBQEVaUFVBQFfAKbCkBAKBSQLSgIKAg6Mfjo4W5pHBo6eJPgBuSseTLTHG7zp7pjtedVhpXGeaZJbbFcTPG++4eZHsjyH1XE5PxG9/pp1H9XTw8OtO7dy1ozDZmp6noPU/wBlz/T7txnuX+VnzVJKS1h96u84foHujz/ldDi8G2X6rdV/rLVzcquPqO5b5hMKyJoZG0NaOg8fEncnzK7ePHXHX01jUOXfJa9t27dlrIm0Q3Gy1BQiqgIjppe2MpBAFUcgiiAoFIFKi0oFIAVRUUUBUKUFpApBUVUAKCoFIIgIKgtIFKAAgpoa+CDWeM82sZbIKe74z7A9Pi/j1XM5PxGtOsfct7Dw5nu/TS8bjHPcXyvLiep/gDp6BcW+S+WfVady6NaVpGoh0wQySuDGtPe2a32nf+o/zRStJmdRG5W06jc9Q3fl3lBkID5gHO3DN2M9fiP2H3Xb4vw+K/Vk7n2+0fy5uflzP006bQum0kpDwhCLpKQjyKLsQKVJ2qI6l6eCkClRaQKQKUFRRVClAVFAUFpUFACpsQFCVCAgIKi9gUkVEEUpQWkFpApBjuL8bhw475t/Rjfa+fwjzK18/Kx4Y7nv2ZsWC+Tx4aLxjjs2I0ccrOkbTp/UfeP28lwuRzMmXqeo9nUxcemPx3LCvxAstbqR9B6lavp22NshwHl+bEOJB7oOsjh3WeIaOp8h8yFs8fjXzT9PUe7Blz1xdz59n0fhPCIsM2mDvH2nn2nfPoPILvYONTDGq+fdy82a2Se3tK2GFEIQlCZQqPWxEkVI6KUWHLKpt60ZUHUsrDopQKQKQFUUBFWlApApUKUFQRUVQEEpBaQkQcqTalKBSCoCSKpuRQEFAQdeKxDIml8jg1o6k18vM+S8XvWkbtOoeq1m06hpvGeb3PtmHGRv/UPtH9o93139FyOR8SmesfX5dHDwoju/f4anNNVucfMk6k+d9Vytzadt7UQ6gXP2sA7fE7yA6fykQNu5f5NupJ25R0jGjiN++dwPLf0XV43w+bfVl6j2aOfmRXqn/bd2MDQGtAAGgA0AHouxWsVjUObMzM7kXpEQQoqICKIKAounIBSVEUUHVSysJSAgKgoi0qq0oFILSCZUCkSSlQpRRBEFQEPuqAgqiiiLSQOVJsUBBr3GebI4rZFUj/G+431cPa9B9Vz+Rz6Y+q9z/RuYeJa3duoaTxDHyTuzyvLj0HutHg1vRcTLnyZJ3aXTpirjjVYY584vKNT4eHqVjiPu9S9fC+EyzvysGd3UnRjAepPT+T0WXFivln00h4vetI3aX0PgHLUWGAdo+SvaI0b5MHT13/hd3jcKmHue59/4cvNybZOo6hmlutZxtBCghQRF7RBKRFCj0rUHJR6gUEUO3ClmYhAKElKioFILSIqiiqCiiI43/n/KkWiZ0sxPmQqmwC03o8og8vE8aIYzIWl1EChodT49FgzZflU9T3ip67aXAcXw8wGUSxPN5RIGuZIRq4MkZs4DWiFq4eba1/TaPPs2MnHitdxL1LotRyUNrSotLyOQCDH8V41Dhx33W7oxurj8ug8ytfPyceGPqnv2ZsWG+Tw0fjHMU2Itt5I/gad/3O97028lxORzr5evEOnh41MffmWFfIALJoLS1tsbdBLn/pb/AOR/4C9RGjtsfLPJ5kp0lxxbg0M7r+GxoK6n7rf43Cvl+q3Uf3auXlVp1XuX0XB4KOFgZEwNaOg6+ZJ1J8yuzixVxx6axqHMvebzu07cysrw4KiFBEBBKUClVMqhopVZVRdiEbFFEHClkYtLSoUoACoqgIKgiC0gUgUiKxxBsaHb5dQfLyXi+Ot/MPVb2r4YnE86nAyPEmGw8wFOBeTG8sIbqDRYTmzimtB7vXdcPm5cuPJ8vc6dXjUpenr1G2ycD/GHh8tMlbJh3fqbnZ9Wd6vMtC0t+7ZhvODxeGxTM0b4pmHq0tePQ+C9RaY7idExE+Wvc08JhbkqNrGuzZj0JGXLE1pIGZ1uoCyS2q1sbVOZlr1M+qPy178XHPjr9mI43y5HhTEWMjbmDYs4ppklAeWjKT7WQEDqaqzotniZ8MWmbdTM9fswcjDkmIiO4Y6l1tufpaTY8+K4rBh3MOJbKYnEtL4spLHaEZmncEZttdOq0+Zyb4axNY8tnjYYyWmJbbwzheCxcfaYTE5x1otdlPg9lBzT5Glo1+JZPvES2rcKk+JmHybm3nExSyYeHumN743SEakscWnKOmoPn6K5+faY1SNJi4kRO7dtO/N5jZJJO5Jsn1J3XLtuZ3LeiIjw5Plo0NXVt4evgvOvdThmAllkyhvaPOoA6efgB5le6UtefTSNy82tFI3Z9D4FyoyKnzVJJoQN2MPkD7R8z9Oq7PG+H1p9V+5/pDm5+XNuq9Q2W10WmoKDi4oOCoiKIggKAgIohBSLCosIQofu5UmxwpZGPQgIKgUgICCoCIIFILSgxHMnBG4qIgjvtByOBognpdf4QFq8vjxlruPMeGxx83y7fifLB8dxhdgIsC/CuEsRjEExA1Ed57IFm2lwoHYjTRfO5K5KfrrMOxW1L/pnbWcHjThnSZTNHKyRoZiI3FjC0B3aAjc6hpb5Ek9F48fd71t9A5c/FrExU3FsGIZ/1GU2UDxIHdf9vVeou86fUeD8fwPEYy2N7JQR34XgZgPB8Tun2XuJ2fh38Q4BBL7uR1e03Q+VjYrZw8rJi6idx7SwZOPS/c+Wq8S5flht1Z2D3m9B4ubuPuF1cPNx5Op6n8ufk4t6fmGg8yczQNa6FoEpcKN+wPmNSfT6rBy+Xj9M0iPV/Zl4/HvuLeHt/D3ifCTCyGdxwuLa5+XFMcYnPzOJbcw0NAhuSS26bFcWuojTpT2+dcyxSSSvkecznuc8vDQMxcSS5zW6Am+izTDFWzC4LCyukaxtW800ucA0u6DO7ugk6a9SF40yNx4HyfiXuImjfAGmndo0h5I3ytOp/cdPVbGDh3zTvxHuwZuTXH15l9Ih4C3Bsa1rA0PaH3dudoPbO9i/TwXW4vyorMY48eXP5HzJmJv93IlbbXLQAU0qlQcVdAoKgiAgtICBSBSKUj1AimVRPTDgsjxIiLSAAiLSErSBSKICIKC0gIFIOrEVlNuy9A6icrjo0gAEk3WgBWvyvT8q3q9mbj7+bXTu45ytHYE8cbm1TJoz3s4AEgcyt7B1B6VQ6/O04t80z6Ps7F89cfloPM3LX5YCRjwWF2WuuxNeey1rYr47atGmat4vG47YJjyxwexxa9uoc0lpafJw1VidExtvXLv4nTxOb+bZ27RQ7RvcmDQbo+7IPI16rJGT3ePS3fmfmPC8Q4TjPy0wLhA9zmHuyNy97vMOvT0WWkxMvNvD8xyzOBIJSYWvh6MFjiD4noDt6n/hedK2nl7BzTuADXPYXU9x0a3a+9sCAQcu5+6yYqZMk6pG2PJalI3ZkuI8vZGPexpc9gaSGjNqasObWta7jost8MxG696iJ6Y65ImdW62zr/xRDsEIpcMHTRNY2ORp7rmtoOz33mHKDtms9BsseHk2x23EveXFF66l9J5sDQcKXlrWvLYgSa7zy3K0etFbnCzVpW+571tr8nHNppp4ea4WtxBDQAC1poCtTdlbvAtNsPc/drcusRk69mHtbrW2oU0KgUgiAgtKCBBUCkBARSkNiLC0vPa6dSyse1RVRFQEQUVUBApEVAQFBUHTjMKJG5czmkFrmvYacx7CHMc0+IIB10WLLirlpNbMmPJOO3qhzlx0MQD8XiS0F4zPLbc9zt8rIxvQOzaAbqtPLeOJSIrG/wAy2sdP9TabWnX4bGOXcJioc8M7ZYnDfuSsNdNK1/ha3+vm0avWJj/P3Zv9HFZ3W0xL4BxDiuGdKewaWx9Mxu/MA6j0srn564/VvHGobeL1xH1ztxbKHbFYNMrk6K0idGmNxvDM2o3WSMnu8elkeQeAwy4/DsxID43SNa6Oy3Nm0GoINWRsVmr6ZiZeJmYmIfpDj3EcJw+GFkkTWYdzxF3Yz2cQokEtY00Lrw66+KtprO4nS2iJjUxtq2Jc135iSF8LsJBI3LIyQOIMjIy/M4OIoFzd6IAs6ard4nJiuSZvPn+7V5GDdIiv2azjsBh8bNL2jCHQtihDQGs2D88jnNFvJOWsx0F6L3XiUzZr+rx/LxbkWx46+ny8eO4HihJBK3EOxAw7onRxTvI0icXNaHag7uAcRYDjqpk+G3r3jtv8StObW3V402TF86YafEFuLhlwRIaI5ZKexxA1z5dALJAIJFAEkbLDj5GXjT6bx1+f/JZsmHFnrus9+8ez2YnCOYA62vY4WyRjg9jx0LXBdjDyMeX9M/8ADm5MF8fcx17vOs7CICiiAoKiiIqKILSBSBSBSECmx1UsjwqKAIOSgIgiiCogoKgUgtIACgSPDQS4gACySQAB4klSZiI3KxEz1DWcfx2DEu/LNAc1wdmkfo0FrSRkvd1jQ6a1VrkcznY7VmlY9X9nQ43FvE+q06az2WLwUnaYaZ8Z2cWnLbf/ANGbOHqCPJcSLTWXVmNtLxXDi0kN6DMQdNBvRWeuSLMc108+He8PAAcXEgACySSdA3xvyXvW0fS8LyTi8lzAQvqxG+8x/cRo35WtjF8Pvkr6omP8/swZOZXHb0zEsNxHh8sBqVhb0B3aT0pw0O2y1MuG+KdXjTPjy1yRussacWWPBbmDmkODmmi0jUOaRqD5rxG/s9TLduGfirN2Zw+NjZi4nAtOcBslEEGzRa7QncfNZItLzp2fgnjeylOHllgZCRKOze8t/MOmMYJykZXECIDU7Egbkr1ExJL6DzLw8RTW0ANc1uWugYAMp/n+pdzgXi2PX3jy5XMpNbR7MTS32m4TQte0tc0Oadw4Ag+oK82rFo1aNvUTNZ3E6Y3C8Lkwzi/Azdld5oZB2uHkvcOjOrb8Rroufl+HV36sU+mf6f8Axu4+bbXpydw9sXGYnEMxLPyUpNBznZ8JIf0T/wC0T8L63q15rysuH6c0de6zgx5Y3in/AIZrhmAP5iOOVujiTR2cMpIII0I03BWxnzxOGb45YceKfmxW8PNi8LU7omD/AHCxo/qpov6LJjy//lF7e25eL0//AEmtfdtWL5WjcwBhyvAAzdHH9Q/uPuuTh52Wk/XPqjf+a/Z0MnEpaPp6lprm0SD0NFdusxMbhy5iYnQqKAgqAgqCIKgigKbldOtZHjagICAiLSCgKKICIqKUoioKAgwfGOZ4YLY09pJ8LTo39zth6CytLkc7Hi68y2sPFvk78Q0ji3GJZzcr7A2Y3Rg+XU+ZXEz8rJmn6p69nVxYKY/DEvxF6AWfAdPU7Ba+mXb3cFxGLz9nl7VtGox3iP2mraPt5L1GP19UjcvM3ivdumyYzgL6bI6HUU6iQ4t8QSLFVf13WTJws+ONzH/TxTlYrzqJYbH8suhZ2zXRtbEdMzmxvBBzNrNQe6q7oNmiACvXyclaev8AOp90+bWbej8bb3wv8Ug6oeK4YjwlYxzXD9ToXaj1YTfwq4818U77iVtjrkjU9sxyhzBhsQ3ER913bGRkMJBe6QRNLrfbQBmD2kNI9077DayZvnzX1a1Hlr48UYotrzLXsbydhnEjI6M9cpIo/tdYH2W7f4fgv3Xr9v8ANNSvMy16t3+7CT8hHMckwy17zTd66aH01+y1rfC7f7bf9s8c+uu6vbwH8ODPL2ckrWsylznMuwBXukUd/Faufh3w6mZidtjDyK5N6iYbO2JrAGNLi1oDWlzi52VujbJ1OgC7+HHFKRVyMtvVeZVZWMVBTapJGHAhwBB0IIsEeBHVSYiY1KxOu4eLhHCI8Pi8PiGOe1kDnnsbL4w17HNd2TXGoz3r0030Frn5uBE7nHOvx9m5j5cx+vv8/dtPLmOgnx0mkrJG55BHI0U9ubKJY5Gkgt12NOBIWrlzZKYvk2rr/wBhsY8dLZPmVnf8t3BWi23zbiceWaQeEj/pmNL6PBO8VZ/EOLljV7R+XnWVjVAQVApApBaUWClFmFpXY6V7Y1pTYoCIICAgIKgoCgtIMfxbjMOGH+o7vVoxurj8ug8zS183Kx4Y+qf+PuzYsF8k9Q0fjPNM01tB7OP4WnUj9TuvoKC4ufn5MnVeodPDxKY+57lrgnvRguvDYepWl6fdt7enA8DxGId3A5w/To0HwLzof80WbFhvk/RXbFky1p3adN24VyQ1oHbPv9Efdb83bn5Uuji+GR5yzv8AEfy0cnOnxSG0YTCRxNyxsaweDRV+vj8108eKmONVjTRte153adpj8bHBG6WVwYxotzjemtdNSbIFDxVvetI3bwlaTefTHlquK4W/HYIhkrXF8omBd3e4S5zW0Bocj277/dc3Hi+bit6fvO3Qvk+Vkj1ezJc7Mk/KFsTM5LmNIy5jkuz0tuob3hRHiFsczH6seoj2a/Fv6cm5lxn5UjbIJsNJJhpWklro3Ehp8gTddKuqJtY7/Dccx9MzWWSvOvE/VG2Qh45iorGPw/5thN/mMNTZ26NbbojQdtdDTfda9cXJ4/de4/H8fw2LZsHIiIt1Mf55ZDAOixIe/CSCZrDTm0Wyt0B78R7w1NbbtK3MPPpfq30z/RrZuFakRNZ9Uf1csNjJIy8NoB7C1xLbOp2Ds4LT/S75LJmwzky0n/bHf8POLJSmK8f7p8f+/Z1UtpqpSqPZwvhzp3hjdt3O6NHj6+AWDkZ4xU3Pn7MuHFOS2obW/gLGsqMgDd7HjNG/xcerH17zT6h1AL56mXLH13tu33mOv6ezsTir6fTEdPn3FeKwQWXvoa5W+08i9O6NT67L6C/IrjrE5J1Lk1w2vbVI6aXxfnSR9tgb2bfiNOef7N+/quXn+JWnrHGm/i4Va/r7YDhfGpsPiWYqNx7Rjw7MSTnFd5rydSHC2/Nc2bzM+qZ7bvpiI1HT71yp+IWGxYBfG7DOdsZK7J5GndmGl2dnZSel0s0RM19WumPdd628vMbKxMnmWn6tH/1d3hTvDDl8mNZZY4BbTXWkClApBUBCYEUQKU7R1UvbwqKICItIFKCgILSDzY/HxQNzSvDR0vc/taNT8liyZqY43edPdMdrzqsbaXxnnR77bAOzb8ZrOf7N+58wuPn+JWt1j6/P3dPDwa17v21KTEOc7YuzE243v5ncrmzue5luxqOoZnhPKWJm1e3K0nRz7aK/Z7R/hbeHh5cncR6Y95a+TlY6eZ3+zcuF8m4eLV47V36hTf8AsG/zJXSxfDsdO7fVP9P+mhk5l7dV6bE1oAAAAA2AFAegW/ERHhqTO/IqCI8PG+FsxUD4JCQ14AsbgghzSPQgLHlxxkpNZZMeScdotDxcp8vfkonR9qZS52YuIy7ANaA2zQAA6rHx8HyazG9vefN82d60zVLZYCkERXixnCopHCQgtkb7MsbjHK39sjSD8tlhy8fHk/VDLjzXp4l6IcdOyziWNxkTGuc6TMzD4hrGglxe62xSgAdch8ytDJjy8au6W6beO+PPbVq9u3BTQ4kF+EkErQMxZRbNG07dpC6nAfqAo1otnDzaX1FupYcvFtWd17h3YHBuleGMFk/QDqStjLlrjr6rMFMdr29MNh4hxzA8LjDJZQH1eRvelefHINQPM0B4rgZs1slvVZ2cWKMdfTD5hzV+K2JxAdHhmjDxmwTo+VwPi72WWLFCz4OWD5mp6ZdR93z2WYuJc4kk6kk2T5kndeLWm07mSI11DJ8J5cxGIotZlYf9x/db/SN3fIV5rNg4mXN4jUe8sWTkUx+Z3+zdOEcnYeGnP/1n+Lx3QfJm31tdjB8Px4+7fVP5/hzsvMvfqOmw0t9q9+VA28hXoPBIiI8LMzPkAQ0qC0gUgKAgtIqUiKg6aXt5WlBaRFpApApB34PD53htht2S47NABJJ+QKxZssY6TaWTHScloq0PjfPTQCMNqOkrgRY6FjDr/wB30XLzfE/tjj/mW9i4P3vLU2GfFPtofK93XVxr+w+gXN1kzW+9pb30Yq+0Ni4XyFI45p5MgNdwU53/AKt/8lvYvht7frn0/t5amTnVj9Mb/s3DhnAsPBrHGM3xu7zvqdvlS6eLi4sX6Y792jk5GTJ5lk1sMIgiBSCoiUiqiIilIhSCUiujH4MTRuiLywPBaSBdg7tIsW07EeHisPIxzkxzWGXDeKX9UmNwbJSHyAl4JLZGkskY47lkjKcw+hCtsFLVito8JXNetvVEte5z5rx+FjEMc575zduGME5YLBjdIBrRIIcAHV1J1XJ5WD5cxETuPs6XGy/MiZmNS0HAYLFYrtHxRyTFushZcrwXbOe0W83R1rputCatrbKcJ5RxU1FzOxb1dKC13yjPePzr1Wxh4WTL34j3lgy8qmPrzLdeEcp4eCnFvavHvSUaP6W7D7nzXWw8HFj78z+XPycq9+vEfhnitxrSioUilKLBSotKBSAgtICBSgtIpSI6qXtNFImilNigILSBSg8vFpXthe1jS7tR2Tsu4jeaeRp1bbf6lq8ys2x6j3bHGtFb7ljZuT8GZe0ERaNajD3ZPLfXQab0eqxx8Pw7iZh6nmZe4iWZw+HZG3LGxrGjo0AD6BblKVpGqxprWtNp3M7di9ItIFISUoFIgAirSIUgUilIioqUgUiFIFIrG8a4HDimhso1F5XDRzbq66HYaHwWLNhrljVmXFmtjnp5eTuXjw/FNnbMXNyva9uUNLwQaB1qs2U35LQngTHiza/1kT5hnZHEkk6kkknxJ1K6dYiI1DQmdzuXGlRQEUpApNhSKUgUgtIFKBSKtIFIhSBSbHDKrs0oYmzTsZGvM2NI5qsSTDgQqklI8qioiBQKQEFRRAQFBUCkFpBypRUpEcaVCkBApBFQpQFQQEWFpRdFIFICBSDlSilILSgFUEBAQf/Z)
(https://i.insider.com/5ce8428df85e166c5637fd57?width=1100&format=jpeg&auto=webp)


(https://cdn.i-scmp.com/sites/default/files/styles/1200x800/public/d8/images/methode/2019/11/21/e4492296-0b72-11ea-afcd-7b308be3ba45_image_hires_102451.jpg?itok=tkooDJpC&v=1574303096)

Nem um C4ISR temos e já querem MRTT e E-7?

PS: O P-3 não é um C4ISR, a NATO só aceitou por pena.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Outubro 06, 2020, 12:22:42 am
A capacidade MRTT, com A-330, AEW/C com E-7 Wedgtail e de patrulhamento/ISR,ELINT, com P-8A Poseidon, seriam autênticos multiplicadores de força, juntado a isto UAVs, Reaper,Heron e os tão esperados F-35A e F-16V.


(https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn%3AANd9GcQvcOPf7GZnP1gQLZEm2Dk7nXXgdfdDOAwQCA&usqp=CAU)
(https://www.defencetalk.com/wp-content/uploads/2019/03/E-7-AWACS-radar-aircraftweb.jpg)


(https://vistapointe.net/images/boeing-p8-poseidon-5.jpg)


(https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn%3AANd9GcSlF95-h4iKbiwKWbdJy7W6i82EOVKteGSuZQ&usqp=CAU)
(https://www.forumdefesa.com/forum/data:image/jpeg;base64,/9j/4AAQSkZJRgABAQAAAQABAAD/2wCEAAkGBxISEhUSEhIVFRUVFRUVFRUVFRUVFxUVFxcXFxUVFRUYHSggGB0lHRUVITEhJSkrLi4uFx8zODMtNygtLisBCgoKDg0OGhAQGi0dICUtLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLS0tLf/AABEIAJ0BQQMBEQACEQEDEQH/xAAcAAEBAAIDAQEAAAAAAAAAAAAAAQUGAgMEBwj/xAA7EAABBAAEAwUGBQMDBQEAAAABAAIDEQQSITEFBkETIlFhcTJCUoGRoQcUYnKxgsHwI0PRU5Ki0uFj/8QAGgEBAQADAQEAAAAAAAAAAAAAAAEDBAUCBv/EAC8RAQACAgIBAgUDAwUBAQAAAAABAgMRBCExElEFEyJBYTJx0aGx8BRCgZHB4SP/2gAMAwEAAhEDEQA/AOxfWPn1pBUVVBQEHKkFQWkFpApApBUEpARFRVQcqQEBAQWkEpEWkUpApApBUFQF5BU2UmxaTaohrpyCihTRLIcD4aMRI6PMWnI5wPmC0Cx4arW5OecVYtrfbNgxRe2pY8hbEe7HManQqkVFF8KqfsqgxoCyMagKC0qi0hCqKoQcgEFQKQUIACC0glKohCC0hpVBUUKItIpSIqAiiAgICAgqChSQTZpaTa9KoSAIOE8rWNLnuDWjck0B815taKxuZ1D1FZtMRDWsVznGCRHE59bOJDGn7E/UBcvL8VrE6pXboU4O4ibW/wCGS/D7m4u4jE2VzImPa9gGgDnFtgOe475gAANy5aOTm5M/028fht042OlfVXe4/wAmfx9md4iKmlHhJIPo4rv4Z3jr+0ORl/XP7vOsjxCogiiDw0vbGtKotKKuVBQEBBaQKQUKhSiKEFQEBCRUWkABQVFEFAQKRFpRUVEpAQEFQAFJHKlFUIiobWkX9mF4zzHFBbW/6knwg6D97unputPk83Hi68z/AJ5bOHjWv34ho/FeLSTHNK6wPZaPZHk1vU/dcHPyMmefq/8AjqY8VMcaq8/C+Hz4l+RjdBRu6AH63dPQb+auHBbLb00ja5MlaRuz6BwXl+PDi/bkqi8jbxDR7o+673G4dMPfmff+HKzci+TqOo9mWtbTBsCBaKqIKp6nmpenhaQFRaUUpEKVFpBUBAUBUWlApUVQEBUFBQEVaUFVBQFfAKbCkBAKBSQLSgIKAg6Mfjo4W5pHBo6eJPgBuSseTLTHG7zp7pjtedVhpXGeaZJbbFcTPG++4eZHsjyH1XE5PxG9/pp1H9XTw8OtO7dy1ozDZmp6noPU/wBlz/T7txnuX+VnzVJKS1h96u84foHujz/ldDi8G2X6rdV/rLVzcquPqO5b5hMKyJoZG0NaOg8fEncnzK7ePHXHX01jUOXfJa9t27dlrIm0Q3Gy1BQiqgIjppe2MpBAFUcgiiAoFIFKi0oFIAVRUUUBUKUFpApBUVUAKCoFIIgIKgtIFKAAgpoa+CDWeM82sZbIKe74z7A9Pi/j1XM5PxGtOsfct7Dw5nu/TS8bjHPcXyvLiep/gDp6BcW+S+WfVady6NaVpGoh0wQySuDGtPe2a32nf+o/zRStJmdRG5W06jc9Q3fl3lBkID5gHO3DN2M9fiP2H3Xb4vw+K/Vk7n2+0fy5uflzP006bQum0kpDwhCLpKQjyKLsQKVJ2qI6l6eCkClRaQKQKUFRRVClAVFAUFpUFACpsQFCVCAgIKi9gUkVEEUpQWkFpApBjuL8bhw475t/Rjfa+fwjzK18/Kx4Y7nv2ZsWC+Tx4aLxjjs2I0ccrOkbTp/UfeP28lwuRzMmXqeo9nUxcemPx3LCvxAstbqR9B6lavp22NshwHl+bEOJB7oOsjh3WeIaOp8h8yFs8fjXzT9PUe7Blz1xdz59n0fhPCIsM2mDvH2nn2nfPoPILvYONTDGq+fdy82a2Se3tK2GFEIQlCZQqPWxEkVI6KUWHLKpt60ZUHUsrDopQKQKQFUUBFWlApApUKUFQRUVQEEpBaQkQcqTalKBSCoCSKpuRQEFAQdeKxDIml8jg1o6k18vM+S8XvWkbtOoeq1m06hpvGeb3PtmHGRv/UPtH9o93139FyOR8SmesfX5dHDwoju/f4anNNVucfMk6k+d9Vytzadt7UQ6gXP2sA7fE7yA6fykQNu5f5NupJ25R0jGjiN++dwPLf0XV43w+bfVl6j2aOfmRXqn/bd2MDQGtAAGgA0AHouxWsVjUObMzM7kXpEQQoqICKIKAounIBSVEUUHVSysJSAgKgoi0qq0oFILSCZUCkSSlQpRRBEFQEPuqAgqiiiLSQOVJsUBBr3GebI4rZFUj/G+431cPa9B9Vz+Rz6Y+q9z/RuYeJa3duoaTxDHyTuzyvLj0HutHg1vRcTLnyZJ3aXTpirjjVYY584vKNT4eHqVjiPu9S9fC+EyzvysGd3UnRjAepPT+T0WXFivln00h4vetI3aX0PgHLUWGAdo+SvaI0b5MHT13/hd3jcKmHue59/4cvNybZOo6hmlutZxtBCghQRF7RBKRFCj0rUHJR6gUEUO3ClmYhAKElKioFILSIqiiqCiiI43/n/KkWiZ0sxPmQqmwC03o8og8vE8aIYzIWl1EChodT49FgzZflU9T3ip67aXAcXw8wGUSxPN5RIGuZIRq4MkZs4DWiFq4eba1/TaPPs2MnHitdxL1LotRyUNrSotLyOQCDH8V41Dhx33W7oxurj8ug8ytfPyceGPqnv2ZsWG+Tw0fjHMU2Itt5I/gad/3O97028lxORzr5evEOnh41MffmWFfIALJoLS1tsbdBLn/pb/AOR/4C9RGjtsfLPJ5kp0lxxbg0M7r+GxoK6n7rf43Cvl+q3Uf3auXlVp1XuX0XB4KOFgZEwNaOg6+ZJ1J8yuzixVxx6axqHMvebzu07cysrw4KiFBEBBKUClVMqhopVZVRdiEbFFEHClkYtLSoUoACoqgIKgiC0gUgUiKxxBsaHb5dQfLyXi+Ot/MPVb2r4YnE86nAyPEmGw8wFOBeTG8sIbqDRYTmzimtB7vXdcPm5cuPJ8vc6dXjUpenr1G2ycD/GHh8tMlbJh3fqbnZ9Wd6vMtC0t+7ZhvODxeGxTM0b4pmHq0tePQ+C9RaY7idExE+Wvc08JhbkqNrGuzZj0JGXLE1pIGZ1uoCyS2q1sbVOZlr1M+qPy178XHPjr9mI43y5HhTEWMjbmDYs4ppklAeWjKT7WQEDqaqzotniZ8MWmbdTM9fswcjDkmIiO4Y6l1tufpaTY8+K4rBh3MOJbKYnEtL4spLHaEZmncEZttdOq0+Zyb4axNY8tnjYYyWmJbbwzheCxcfaYTE5x1otdlPg9lBzT5Glo1+JZPvES2rcKk+JmHybm3nExSyYeHumN743SEakscWnKOmoPn6K5+faY1SNJi4kRO7dtO/N5jZJJO5Jsn1J3XLtuZ3LeiIjw5Plo0NXVt4evgvOvdThmAllkyhvaPOoA6efgB5le6UtefTSNy82tFI3Z9D4FyoyKnzVJJoQN2MPkD7R8z9Oq7PG+H1p9V+5/pDm5+XNuq9Q2W10WmoKDi4oOCoiKIggKAgIohBSLCosIQofu5UmxwpZGPQgIKgUgICCoCIIFILSgxHMnBG4qIgjvtByOBognpdf4QFq8vjxlruPMeGxx83y7fifLB8dxhdgIsC/CuEsRjEExA1Ed57IFm2lwoHYjTRfO5K5KfrrMOxW1L/pnbWcHjThnSZTNHKyRoZiI3FjC0B3aAjc6hpb5Ek9F48fd71t9A5c/FrExU3FsGIZ/1GU2UDxIHdf9vVeou86fUeD8fwPEYy2N7JQR34XgZgPB8Tun2XuJ2fh38Q4BBL7uR1e03Q+VjYrZw8rJi6idx7SwZOPS/c+Wq8S5flht1Z2D3m9B4ubuPuF1cPNx5Op6n8ufk4t6fmGg8yczQNa6FoEpcKN+wPmNSfT6rBy+Xj9M0iPV/Zl4/HvuLeHt/D3ifCTCyGdxwuLa5+XFMcYnPzOJbcw0NAhuSS26bFcWuojTpT2+dcyxSSSvkecznuc8vDQMxcSS5zW6Am+izTDFWzC4LCyukaxtW800ucA0u6DO7ugk6a9SF40yNx4HyfiXuImjfAGmndo0h5I3ytOp/cdPVbGDh3zTvxHuwZuTXH15l9Ih4C3Bsa1rA0PaH3dudoPbO9i/TwXW4vyorMY48eXP5HzJmJv93IlbbXLQAU0qlQcVdAoKgiAgtICBSBSKUj1AimVRPTDgsjxIiLSAAiLSErSBSKICIKC0gIFIOrEVlNuy9A6icrjo0gAEk3WgBWvyvT8q3q9mbj7+bXTu45ytHYE8cbm1TJoz3s4AEgcyt7B1B6VQ6/O04t80z6Ps7F89cfloPM3LX5YCRjwWF2WuuxNeey1rYr47atGmat4vG47YJjyxwexxa9uoc0lpafJw1VidExtvXLv4nTxOb+bZ27RQ7RvcmDQbo+7IPI16rJGT3ePS3fmfmPC8Q4TjPy0wLhA9zmHuyNy97vMOvT0WWkxMvNvD8xyzOBIJSYWvh6MFjiD4noDt6n/hedK2nl7BzTuADXPYXU9x0a3a+9sCAQcu5+6yYqZMk6pG2PJalI3ZkuI8vZGPexpc9gaSGjNqasObWta7jost8MxG696iJ6Y65ImdW62zr/xRDsEIpcMHTRNY2ORp7rmtoOz33mHKDtms9BsseHk2x23EveXFF66l9J5sDQcKXlrWvLYgSa7zy3K0etFbnCzVpW+571tr8nHNppp4ea4WtxBDQAC1poCtTdlbvAtNsPc/drcusRk69mHtbrW2oU0KgUgiAgtKCBBUCkBARSkNiLC0vPa6dSyse1RVRFQEQUVUBApEVAQFBUHTjMKJG5czmkFrmvYacx7CHMc0+IIB10WLLirlpNbMmPJOO3qhzlx0MQD8XiS0F4zPLbc9zt8rIxvQOzaAbqtPLeOJSIrG/wAy2sdP9TabWnX4bGOXcJioc8M7ZYnDfuSsNdNK1/ha3+vm0avWJj/P3Zv9HFZ3W0xL4BxDiuGdKewaWx9Mxu/MA6j0srn564/VvHGobeL1xH1ztxbKHbFYNMrk6K0idGmNxvDM2o3WSMnu8elkeQeAwy4/DsxID43SNa6Oy3Nm0GoINWRsVmr6ZiZeJmYmIfpDj3EcJw+GFkkTWYdzxF3Yz2cQokEtY00Lrw66+KtprO4nS2iJjUxtq2Jc135iSF8LsJBI3LIyQOIMjIy/M4OIoFzd6IAs6ard4nJiuSZvPn+7V5GDdIiv2azjsBh8bNL2jCHQtihDQGs2D88jnNFvJOWsx0F6L3XiUzZr+rx/LxbkWx46+ny8eO4HihJBK3EOxAw7onRxTvI0icXNaHag7uAcRYDjqpk+G3r3jtv8StObW3V402TF86YafEFuLhlwRIaI5ZKexxA1z5dALJAIJFAEkbLDj5GXjT6bx1+f/JZsmHFnrus9+8ez2YnCOYA62vY4WyRjg9jx0LXBdjDyMeX9M/8ADm5MF8fcx17vOs7CICiiAoKiiIqKILSBSBSBSECmx1UsjwqKAIOSgIgiiCogoKgUgtIACgSPDQS4gACySQAB4klSZiI3KxEz1DWcfx2DEu/LNAc1wdmkfo0FrSRkvd1jQ6a1VrkcznY7VmlY9X9nQ43FvE+q06az2WLwUnaYaZ8Z2cWnLbf/ANGbOHqCPJcSLTWXVmNtLxXDi0kN6DMQdNBvRWeuSLMc108+He8PAAcXEgACySSdA3xvyXvW0fS8LyTi8lzAQvqxG+8x/cRo35WtjF8Pvkr6omP8/swZOZXHb0zEsNxHh8sBqVhb0B3aT0pw0O2y1MuG+KdXjTPjy1yRussacWWPBbmDmkODmmi0jUOaRqD5rxG/s9TLduGfirN2Zw+NjZi4nAtOcBslEEGzRa7QncfNZItLzp2fgnjeylOHllgZCRKOze8t/MOmMYJykZXECIDU7Egbkr1ExJL6DzLw8RTW0ANc1uWugYAMp/n+pdzgXi2PX3jy5XMpNbR7MTS32m4TQte0tc0Oadw4Ag+oK82rFo1aNvUTNZ3E6Y3C8Lkwzi/Azdld5oZB2uHkvcOjOrb8Rroufl+HV36sU+mf6f8Axu4+bbXpydw9sXGYnEMxLPyUpNBznZ8JIf0T/wC0T8L63q15rysuH6c0de6zgx5Y3in/AIZrhmAP5iOOVujiTR2cMpIII0I03BWxnzxOGb45YceKfmxW8PNi8LU7omD/AHCxo/qpov6LJjy//lF7e25eL0//AEmtfdtWL5WjcwBhyvAAzdHH9Q/uPuuTh52Wk/XPqjf+a/Z0MnEpaPp6lprm0SD0NFdusxMbhy5iYnQqKAgqAgqCIKgigKbldOtZHjagICAiLSCgKKICIqKUoioKAgwfGOZ4YLY09pJ8LTo39zth6CytLkc7Hi68y2sPFvk78Q0ji3GJZzcr7A2Y3Rg+XU+ZXEz8rJmn6p69nVxYKY/DEvxF6AWfAdPU7Ba+mXb3cFxGLz9nl7VtGox3iP2mraPt5L1GP19UjcvM3ivdumyYzgL6bI6HUU6iQ4t8QSLFVf13WTJws+ONzH/TxTlYrzqJYbH8suhZ2zXRtbEdMzmxvBBzNrNQe6q7oNmiACvXyclaev8AOp90+bWbej8bb3wv8Ug6oeK4YjwlYxzXD9ToXaj1YTfwq4818U77iVtjrkjU9sxyhzBhsQ3ER913bGRkMJBe6QRNLrfbQBmD2kNI9077DayZvnzX1a1Hlr48UYotrzLXsbydhnEjI6M9cpIo/tdYH2W7f4fgv3Xr9v8ANNSvMy16t3+7CT8hHMckwy17zTd66aH01+y1rfC7f7bf9s8c+uu6vbwH8ODPL2ckrWsylznMuwBXukUd/Faufh3w6mZidtjDyK5N6iYbO2JrAGNLi1oDWlzi52VujbJ1OgC7+HHFKRVyMtvVeZVZWMVBTapJGHAhwBB0IIsEeBHVSYiY1KxOu4eLhHCI8Pi8PiGOe1kDnnsbL4w17HNd2TXGoz3r0030Frn5uBE7nHOvx9m5j5cx+vv8/dtPLmOgnx0mkrJG55BHI0U9ubKJY5Gkgt12NOBIWrlzZKYvk2rr/wBhsY8dLZPmVnf8t3BWi23zbiceWaQeEj/pmNL6PBO8VZ/EOLljV7R+XnWVjVAQVApApBaUWClFmFpXY6V7Y1pTYoCIICAgIKgoCgtIMfxbjMOGH+o7vVoxurj8ug8zS183Kx4Y+qf+PuzYsF8k9Q0fjPNM01tB7OP4WnUj9TuvoKC4ufn5MnVeodPDxKY+57lrgnvRguvDYepWl6fdt7enA8DxGId3A5w/To0HwLzof80WbFhvk/RXbFky1p3adN24VyQ1oHbPv9Efdb83bn5Uuji+GR5yzv8AEfy0cnOnxSG0YTCRxNyxsaweDRV+vj8108eKmONVjTRte153adpj8bHBG6WVwYxotzjemtdNSbIFDxVvetI3bwlaTefTHlquK4W/HYIhkrXF8omBd3e4S5zW0Bocj277/dc3Hi+bit6fvO3Qvk+Vkj1ezJc7Mk/KFsTM5LmNIy5jkuz0tuob3hRHiFsczH6seoj2a/Fv6cm5lxn5UjbIJsNJJhpWklro3Ehp8gTddKuqJtY7/Dccx9MzWWSvOvE/VG2Qh45iorGPw/5thN/mMNTZ26NbbojQdtdDTfda9cXJ4/de4/H8fw2LZsHIiIt1Mf55ZDAOixIe/CSCZrDTm0Wyt0B78R7w1NbbtK3MPPpfq30z/RrZuFakRNZ9Uf1csNjJIy8NoB7C1xLbOp2Ds4LT/S75LJmwzky0n/bHf8POLJSmK8f7p8f+/Z1UtpqpSqPZwvhzp3hjdt3O6NHj6+AWDkZ4xU3Pn7MuHFOS2obW/gLGsqMgDd7HjNG/xcerH17zT6h1AL56mXLH13tu33mOv6ezsTir6fTEdPn3FeKwQWXvoa5W+08i9O6NT67L6C/IrjrE5J1Lk1w2vbVI6aXxfnSR9tgb2bfiNOef7N+/quXn+JWnrHGm/i4Va/r7YDhfGpsPiWYqNx7Rjw7MSTnFd5rydSHC2/Nc2bzM+qZ7bvpiI1HT71yp+IWGxYBfG7DOdsZK7J5GndmGl2dnZSel0s0RM19WumPdd628vMbKxMnmWn6tH/1d3hTvDDl8mNZZY4BbTXWkClApBUBCYEUQKU7R1UvbwqKICItIFKCgILSDzY/HxQNzSvDR0vc/taNT8liyZqY43edPdMdrzqsbaXxnnR77bAOzb8ZrOf7N+58wuPn+JWt1j6/P3dPDwa17v21KTEOc7YuzE243v5ncrmzue5luxqOoZnhPKWJm1e3K0nRz7aK/Z7R/hbeHh5cncR6Y95a+TlY6eZ3+zcuF8m4eLV47V36hTf8AsG/zJXSxfDsdO7fVP9P+mhk5l7dV6bE1oAAAAA2AFAegW/ERHhqTO/IqCI8PG+FsxUD4JCQ14AsbgghzSPQgLHlxxkpNZZMeScdotDxcp8vfkonR9qZS52YuIy7ANaA2zQAA6rHx8HyazG9vefN82d60zVLZYCkERXixnCopHCQgtkb7MsbjHK39sjSD8tlhy8fHk/VDLjzXp4l6IcdOyziWNxkTGuc6TMzD4hrGglxe62xSgAdch8ytDJjy8au6W6beO+PPbVq9u3BTQ4kF+EkErQMxZRbNG07dpC6nAfqAo1otnDzaX1FupYcvFtWd17h3YHBuleGMFk/QDqStjLlrjr6rMFMdr29MNh4hxzA8LjDJZQH1eRvelefHINQPM0B4rgZs1slvVZ2cWKMdfTD5hzV+K2JxAdHhmjDxmwTo+VwPi72WWLFCz4OWD5mp6ZdR93z2WYuJc4kk6kk2T5kndeLWm07mSI11DJ8J5cxGIotZlYf9x/db/SN3fIV5rNg4mXN4jUe8sWTkUx+Z3+zdOEcnYeGnP/1n+Lx3QfJm31tdjB8Px4+7fVP5/hzsvMvfqOmw0t9q9+VA28hXoPBIiI8LMzPkAQ0qC0gUgKAgtIqUiKg6aXt5WlBaRFpApApB34PD53htht2S47NABJJ+QKxZssY6TaWTHScloq0PjfPTQCMNqOkrgRY6FjDr/wB30XLzfE/tjj/mW9i4P3vLU2GfFPtofK93XVxr+w+gXN1kzW+9pb30Yq+0Ni4XyFI45p5MgNdwU53/AKt/8lvYvht7frn0/t5amTnVj9Mb/s3DhnAsPBrHGM3xu7zvqdvlS6eLi4sX6Y792jk5GTJ5lk1sMIgiBSCoiUiqiIilIhSCUiujH4MTRuiLywPBaSBdg7tIsW07EeHisPIxzkxzWGXDeKX9UmNwbJSHyAl4JLZGkskY47lkjKcw+hCtsFLVito8JXNetvVEte5z5rx+FjEMc575zduGME5YLBjdIBrRIIcAHV1J1XJ5WD5cxETuPs6XGy/MiZmNS0HAYLFYrtHxRyTFushZcrwXbOe0W83R1rputCatrbKcJ5RxU1FzOxb1dKC13yjPePzr1Wxh4WTL34j3lgy8qmPrzLdeEcp4eCnFvavHvSUaP6W7D7nzXWw8HFj78z+XPycq9+vEfhnitxrSioUilKLBSotKBSAgtICBSgtIpSI6qXtNFImilNigILSBSg8vFpXthe1jS7tR2Tsu4jeaeRp1bbf6lq8ys2x6j3bHGtFb7ljZuT8GZe0ERaNajD3ZPLfXQab0eqxx8Pw7iZh6nmZe4iWZw+HZG3LGxrGjo0AD6BblKVpGqxprWtNp3M7di9ItIFISUoFIgAirSIUgUilIioqUgUiFIFIrG8a4HDimhso1F5XDRzbq66HYaHwWLNhrljVmXFmtjnp5eTuXjw/FNnbMXNyva9uUNLwQaB1qs2U35LQngTHiza/1kT5hnZHEkk6kkknxJ1K6dYiI1DQmdzuXGlRQEUpApNhSKUgUgtIFKBSKtIFIhSBSbHDKrs0oYmzTsZGvM2NI5qsSTDgQqklI8qioiBQKQEFRRAQFBUCkFpBypRUpEcaVCkBApBFQpQFQQEWFpRdFIFICBSDlSilILSgFUEBAQf/Z)
(https://i.insider.com/5ce8428df85e166c5637fd57?width=1100&format=jpeg&auto=webp)


(https://cdn.i-scmp.com/sites/default/files/styles/1200x800/public/d8/images/methode/2019/11/21/e4492296-0b72-11ea-afcd-7b308be3ba45_image_hires_102451.jpg?itok=tkooDJpC&v=1574303096)

Nem um C4ISR temos e já querem MRTT e E-7?

PS: O P-3 não é um C4ISR, a NATO só aceitou por pena.

Eu não quero, o país é que "deveria" querer, para garantir a vigilância da futura ZEE, que será das maiores de todo o planeta, mas peço desculpa pelo facto.

Abraço,
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Outubro 06, 2020, 01:34:18 am
É necessário haver um novo e verdadeiro debate sobre a estratégia de defesa nacional. Um debate a sério em que se analisem as verdadeiras ameaças dos tempos que correm, ao invés da lógica dos anos 80/90 que ainda paira no seio das Forças Armadas. Esta treta de querer um cargueiro novinho em folha, e não haver dinheiro para mais nada é completamente absurdo.

Mas voltando ao tópico, eu começava pelo básico, pelo que "pode" ser executado já nos próximos anos, a começar pelos MRTT, convertidos a partir de A330 civis, como outros países têm feito, e reforço do armamento dos F-16 e dos P-3. Reforço das armas stand-off de ambas as aeronaves, implementação de mísseis ar-ar mais modernos nos caças. Era também apostar em UAVs e UCAVs, estes últimos não só pelas sua utilidade em combate, mas também para abrir caminho/criar doutrinas para futuros UCAVs mais complexos/stealth.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: asalves em Outubro 06, 2020, 12:05:01 pm
É necessário haver um novo e verdadeiro debate sobre a estratégia de defesa nacional. Um debate a sério em que se analisem as verdadeiras ameaças dos tempos que correm, ao invés da lógica dos anos 80/90 que ainda paira no seio das Forças Armadas. Esta treta de querer um cargueiro novinho em folha, e não haver dinheiro para mais nada é completamente absurdo.

Mas voltando ao tópico, eu começava pelo básico, pelo que "pode" ser executado já nos próximos anos, a começar pelos MRTT, convertidos a partir de A330 civis, como outros países têm feito, e reforço do armamento dos F-16 e dos P-3. Reforço das armas stand-off de ambas as aeronaves, implementação de mísseis ar-ar mais modernos nos caças. Era também apostar em UAVs e UCAVs, estes últimos não só pelas sua utilidade em combate, mas também para abrir caminho/criar doutrinas para futuros UCAVs mais complexos/stealth.

Mas se não existe estratégia de defesa nacional, como é que sabe que meio se adequa melhor a nossa não existente estratégia de defesa nacional?
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Outubro 06, 2020, 12:39:31 pm
É necessário haver um novo e verdadeiro debate sobre a estratégia de defesa nacional. Um debate a sério em que se analisem as verdadeiras ameaças dos tempos que correm, ao invés da lógica dos anos 80/90 que ainda paira no seio das Forças Armadas. Esta treta de querer um cargueiro novinho em folha, e não haver dinheiro para mais nada é completamente absurdo.

Mas voltando ao tópico, eu começava pelo básico, pelo que "pode" ser executado já nos próximos anos, a começar pelos MRTT, convertidos a partir de A330 civis, como outros países têm feito, e reforço do armamento dos F-16 e dos P-3. Reforço das armas stand-off de ambas as aeronaves, implementação de mísseis ar-ar mais modernos nos caças. Era também apostar em UAVs e UCAVs, estes últimos não só pelas sua utilidade em combate, mas também para abrir caminho/criar doutrinas para futuros UCAVs mais complexos/stealth.

Claro está que estes meios, viriam através do aumento do esforço financeiro e da reorientação da estratégia (forças ligeiras e ultra-ligeiras) no Exército, abolindo BMI, Leopards,M-109,M-113 etc, assim como as gorduras que ainda existem, redirecionando o investimento para a FAP e Marinha, e mesmo nestes 2 ramos ,reorientando investimento, comprar em 2º mão tudo o que fosse possível e em boas condições, e adquirir novo tudo o que seja, sistemas modernos (AEW, MPA, ELINT, UAV) etc.

Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: mafets em Outubro 06, 2020, 12:58:53 pm
É necessário haver um novo e verdadeiro debate sobre a estratégia de defesa nacional. Um debate a sério em que se analisem as verdadeiras ameaças dos tempos que correm, ao invés da lógica dos anos 80/90 que ainda paira no seio das Forças Armadas. Esta treta de querer um cargueiro novinho em folha, e não haver dinheiro para mais nada é completamente absurdo.

Mas voltando ao tópico, eu começava pelo básico, pelo que "pode" ser executado já nos próximos anos, a começar pelos MRTT, convertidos a partir de A330 civis, como outros países têm feito, e reforço do armamento dos F-16 e dos P-3. Reforço das armas stand-off de ambas as aeronaves, implementação de mísseis ar-ar mais modernos nos caças. Era também apostar em UAVs e UCAVs, estes últimos não só pelas sua utilidade em combate, mas também para abrir caminho/criar doutrinas para futuros UCAVs mais complexos/stealth.

Claro está que estes meios, viriam através do aumento do esforço financeiro e da reorientação da estratégia (forças ligeiras e ultra-ligeiras) no Exército, abolindo BMI, Leopards,M-109,M-113 etc, assim como as gorduras que ainda existem, redirecionando o investimento para a FAP e Marinha, e mesmo nestes 2 ramos ,reorientando investimento, comprar em 2º mão tudo o que fosse possível e em boas condições, e adquirir novo tudo o que seja, sistemas modernos (AEW, MPA, ELINT, UAV) etc.

Os LEO 2 e M109 não constituem um gasto por ai alem face à quantidade, quanto muito encostar os M113. Aliás, reduzir mais os meios do exercito e o seu papel não vai fortalecer as outras valências. Basta  ver o exemplo Alfeite/Tejo, para perceber o que deu um simples investimento de 28 milhões (Tejo despidos e Alfeite com financiamento pela porta do cavalo).

(https://pbs.twimg.com/media/ChtEjofWsAAY-be.jpg)

Cumprimentos
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Outubro 06, 2020, 01:19:50 pm
É necessário haver um novo e verdadeiro d
É necessário haver um novo e verdadeiro debate sobre a estratégia de defesa nacional. Um debate a sério em que se analisem as verdadeiras ameaças dos tempos que correm, ao invés da lógica dos anos 80/90 que ainda paira no seio das Forças Armadas. Esta treta de querer um cargueiro novinho em folha, e não haver dinheiro para mais nada é completamente absurdo.

Mas voltando ao tópico, eu começava pelo básico, pelo que "pode" ser executado já nos próximos anos, a começar pelos MRTT, convertidos a partir de A330 civis, como outros países têm feito, e reforço do armamento dos F-16 e dos P-3. Reforço das armas stand-off de ambas as aeronaves, implementação de mísseis ar-ar mais modernos nos caças. Era também apostar em UAVs e UCAVs, estes últimos não só pelas sua utilidade em combate, mas também para abrir caminho/criar doutrinas para futuros UCAVs mais complexos/stealth.

Claro está que estes meios, viriam através do aumento do esforço financeiro e da reorientação da estratégia (forças ligeiras e ultra-ligeiras) no Exército, abolindo BMI, Leopards,M-109,M-113 etc, assim como as gorduras que ainda existem, redirecionando o investimento para a FAP e Marinha, e mesmo nestes 2 ramos ,reorientando investimento, comprar em 2º mão tudo o que fosse possível e em boas condições, e adquirir novo tudo o que seja, sistemas modernos (AEW, MPA, ELINT, UAV) etc.

O Exército perder os seus Leos, M109 e M113 ??

Isso nunca, estão no CMSM de pedra e cal, não servem para quase nada, mas temos de os ter !

Também sou da opinião que os principais investimentos deveriam ser efectuados, por ordem de grandeza, primeiro na Marinha em seguida na FAP, o Exército deveria estar em 3º lugar, mas o que não implicaria termos um Exército fraco, pois as FT, são também importantes no contexto de Defesa Nacional, o que o Exército deveria possuir era um efectivo maior e mais ajustado ás necessidades, com menos oficiais e sargentos, e  uma Brigada Blindada, uma mecanizada e uma Ligeira, devidamente equipadas/armadas e com as respectivas orgânicas completas. 

A nossa marinha tem enormes lacunas em termos de Navios.
Todas as classes de Navios que vamos possuindo, estão degastadas e quase obsoletas, excepção á classe tridente, cujo única lacuna é serem apenas duas unidades, refiro-me em especial as apenas cinco fragatas que ainda temos.
O estado da grande maioria dos navios, é tal e são tantos, os que necessitam de ser substítuidos, que mesmo que se começasse a investir agora em novas aquisições e melhorias, os resultados apenas seriam visíveis daqui a não menos que quinze anos, tal a envergadura da missão.

A falta do AOR, é uma limitação enorme que a marinha enfrenta, claro que ouvindo e lendo o que os responsáveis da Armada tsal lacuna passa despercebida, e até dá a sensação que aquele Navio não faz falta.

Nem comento a falta do NPL, nem tão pouco a não execução dos trabalhos de MNT nas duas classes de Lanchas de fiscalização, nem os trabalhos de operacionalização da classe Tejo, por tais situações serem no minímo caricatas, e, revelarem o que todos sabemos, não há dinheiro para as FFAA, as cativações que vão sendo feitas ano após ano, são as responsáveis pelas situações vividas nos três ramos.

Os responsáveis politicos de quando em quando, lá promulgam, para enganar o pagode, as tais LPM's, que mais não são que uma maneira muito bem trabalhada de engonhar, ainda mais, os investimentos, mais que urgentes, nas FFAA.

Na FAP, o risco de ficarmos sem aeronaves de caça minimamente actualizadas, cresce a uma velocidade quase supersónica.
Os upgrades dos F's tardam, assim como tarda a decisão sobre que modelo de aeronave que os irá substituir, num futuro não muito longinquo, tal qual o que se passa na marinha quanto aos substitutos das VdG.ebate sobre a estratégia de defesa nacional. Um debate a sério em que se analisem as verdadeiras ameaças dos tempos que correm, ao invés da lógica dos anos 80/90 que ainda paira no seio das Forças Armadas. Esta treta de querer um cargueiro novinho em folha, e não haver dinheiro para mais nada é completamente absurdo.

Mas voltando ao tópico, eu começava pelo básico, pelo que "pode" ser executado já nos próximos anos, a começar pelos MRTT, convertidos a partir de A330 civis, como outros países têm feito, e reforço do armamento dos F-16 e dos P-3. Reforço das armas stand-off de ambas as aeronaves, implementação de mísseis ar-ar mais modernos nos caças. Era também apostar em UAVs e UCAVs, estes últimos não só pelas sua utilidade em combate, mas também para abrir caminho/criar doutrinas para futuros UCAVs mais complexos/stealth.

Claro está que estes meios, viriam através do aumento do esforço financeiro e da reorientação da estratégia (forças ligeiras e ultra-ligeiras) no Exército, abolindo BMI, Leopards,M-109,M-113 etc, assim como as gorduras que ainda existem, redirecionando o investimento para a FAP e Marinha, e mesmo nestes 2 ramos ,reorientando investimento, comprar em 2º mão tudo o que fosse possível e em boas condições, e adquirir novo tudo o que seja, sistemas modernos (AEW, MPA, ELINT, UAV) etc.

O Exército perder os seus Leos, M109 e M113 ??

Isso nunca, estão no CMSM de pedra e cal, não servem para quase nada, mas temos de os ter !

Também sou da opinião que os principais investimentos deveriam ser efectuados, por ordem de grandeza, primeiro na Marinha em seguida na FAP, o Exército deveria estar em 3º lugar, mas o que não implicaria termos um Exército fraco, pois as FT, são também importantes no contexto de Defesa Nacional, o que o Exército deveria possuir era um efectivo maior e mais ajustado ás necessidades, com menos oficiais e sargentos, e  uma Brigada Blindada, uma mecanizada e uma Ligeira, devidamente equipadas/armadas e com as respectivas orgânicas completas. 

A nossa marinha tem enormes lacunas em termos de Navios.
Todas as classes de Navios que vamos possuindo, estão degastadas e quase obsoletas, excepção á classe tridente, cujo única lacuna é serem apenas duas unidades, refiro-me em especial as apenas cinco fragatas que ainda temos.
O estado da grande maioria dos navios, é tal e são tantos, os que necessitam de ser substítuidos, que mesmo que se começasse a investir agora em novas aquisições e melhorias, os resultados apenas seriam visíveis daqui a não menos que quinze anos, tal a envergadura da missão.

A falta do AOR, é uma limitação enorme que a marinha enfrenta, claro que ouvindo e lendo o que os responsáveis da Armada tsal lacuna passa despercebida, e até dá a sensação que aquele Navio não faz falta.

Nem comento a falta do NPL, nem tão pouco a não execução dos trabalhos de MNT nas duas classes de Lanchas de fiscalização, nem os trabalhos de operacionalização da classe Tejo, por tais situações serem no minímo caricatas, e, revelarem o que todos sabemos, não há dinheiro para as FFAA, as cativações que vão sendo feitas ano após ano, são as responsáveis pelas situações vividas nos três ramos.

Os responsáveis politicos de quando em quando, lá promulgam, para enganar o pagode, as tais LPM's, que mais não são que uma maneira muito bem trabalhada de engonhar, ainda mais, os investimentos, mais que urgentes, nas FFAA.

Na FAP, o risco de ficarmos sem aeronaves de caça minimamente actualizadas, cresce a uma velocidade quase supersónica.
Os upgrades dos F's tardam, assim como tarda a decisão sobre que modelo de aeronave que os irá substituir, num futuro não muito longinquo, tal qual o que se passa na marinha quanto aos substitutos das VdG.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Outubro 06, 2020, 01:29:39 pm
Mas se não existe estratégia de defesa nacional, como é que sabe que meio se adequa melhor a nossa não existente estratégia de defesa nacional?

Por isso mesmo é que é preciso debater uma "nova" estratégia. De preferência algo que não se baseie em conceitos dos anos 80/90.
Agora, olhando para a nossa geografia, que inclui uma enorme extensão de mar e dois arquipélagos distantes, percebe-se perfeitamente da utilidade que um MRTT teria.

Claro está que estes meios, viriam através do aumento do esforço financeiro e da reorientação da estratégia (forças ligeiras e ultra-ligeiras) no Exército, abolindo BMI, Leopards,M-109,M-113 etc, assim como as gorduras que ainda existem, redirecionando o investimento para a FAP e Marinha, e mesmo nestes 2 ramos ,reorientando investimento, comprar em 2º mão tudo o que fosse possível e em boas condições, e adquirir novo tudo o que seja, sistemas modernos (AEW, MPA, ELINT, UAV) etc.

O argumento dos Leos ainda fazia sentido se fosse um debate pré-aquisição. Mas já os tendo em serviço, arrumá-los não representava ganhos e perdíamos capacidade de "primeira linha". É óbvio que é difícil vislumbrar um cenário em que os usemos em combate, mas nunca se sabe, e é preferível ter 37 Leos apoiados por uns 40/50 IFV de lagartas, do que estar dependentes dos autocarros Pandur. Os M-109 têm dado que falar recentemente, pelo teste de destruição de um míssil de cruzeiro por um M-109 mais moderno americano. É esperar para ver se esta capacidade "anti-míssil" vai para a frente ou não.

De resto, é óbvio que é necessário um reforço financeiro, porque o orçamento actual não dá para nada, mesmo com ajustes à estratégia. Por isso é que disse que para financiar os MRTT, era reduzir a encomenda dos KC para 3, o que financiava uma boa parte da conversão dos MRTT. E o resto, o mínimo que se pedia, era reforço do armamento dos F-16 e P-3, e implementação gradual de UCAVs.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Outubro 06, 2020, 01:41:54 pm
Relativamente aos F-16, li a uns dias no FB do base comander, que dever-se-ia acelerar a introdução da 5º geração e não esperar até 2030..
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Outubro 06, 2020, 02:00:03 pm
Mas isso já todos nós dizemos aqui, e não só face aos F-16 mas também à substituição das VdG. Do que se "devia fazer" ao que realmente é feito, vai uma grande distância. Mas como acho impossível conseguir comprar F-35 antes de 2030, já me dava por contente que iniciassem um upgrade pelo menos aos PA I para V, e incluir armamento novo.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: mafets em Outubro 06, 2020, 02:43:56 pm
Mas se não existe estratégia de defesa nacional, como é que sabe que meio se adequa melhor a nossa não existente estratégia de defesa nacional?

Por isso mesmo é que é preciso debater uma "nova" estratégia. De preferência algo que não se baseie em conceitos dos anos 80/90.
Agora, olhando para a nossa geografia, que inclui uma enorme extensão de mar e dois arquipélagos distantes, percebe-se perfeitamente da utilidade que um MRTT teria.

Claro está que estes meios, viriam através do aumento do esforço financeiro e da reorientação da estratégia (forças ligeiras e ultra-ligeiras) no Exército, abolindo BMI, Leopards,M-109,M-113 etc, assim como as gorduras que ainda existem, redirecionando o investimento para a FAP e Marinha, e mesmo nestes 2 ramos ,reorientando investimento, comprar em 2º mão tudo o que fosse possível e em boas condições, e adquirir novo tudo o que seja, sistemas modernos (AEW, MPA, ELINT, UAV) etc.

O argumento dos Leos ainda fazia sentido se fosse um debate pré-aquisição. Mas já os tendo em serviço, arrumá-los não representava ganhos e perdíamos capacidade de "primeira linha". É óbvio que é difícil vislumbrar um cenário em que os usemos em combate, mas nunca se sabe, e é preferível ter 37 Leos apoiados por uns 40/50 IFV de lagartas, do que estar dependentes dos autocarros Pandur. Os M-109 têm dado que falar recentemente, pelo teste de destruição de um míssil de cruzeiro por um M-109 mais moderno americano. É esperar para ver se esta capacidade "anti-míssil" vai para a frente ou não.

De resto, é óbvio que é necessário um reforço financeiro, porque o orçamento actual não dá para nada, mesmo com ajustes à estratégia. Por isso é que disse que para financiar os MRTT, era reduzir a encomenda dos KC para 3, o que financiava uma boa parte da conversão dos MRTT. E o resto, o mínimo que se pedia, era reforço do armamento dos F-16 e P-3, e implementação gradual de UCAVs.

Para mim é uma confusão os outros muitas vezes com mais meios usarem e nós não...  ;)

(https://i.pinimg.com/originals/32/b9/a9/32b9a9c1c89b6fd7c2bb25f0fc748a91.jpg)
Citar

Leopard 2A6M CAN is a canadian army in Afghanistan

(https://thumbs.dreamstime.com/z/veicolo-blindato-pesante-ceco-pandur-nell-afghanistan-23478931.jpg)
Citar

Veicolo Blindato Pesante Ceco Pandur Nell'Afghanistan

Depois queremos caças de quinta geração. Nem dos 12 Merlin conseguimos armar 2 ou 3 e mandar para qualquer lado onde estão forças portuguesas (falta manutenção, pessoal, pilotos, etc. Felizmente lá vai dando para sar...)

(https://imgur.com/CKFKBei.jpg)
Citar

A Royal Danish Air Force EH-101 Merlin trains "pinnacle landings" in afghanistan


Cumprimentos

P.S. Face à pobreza no burgo até o Avenger...  :mrgreen: :mrgreen:

(https://i.ytimg.com/vi/_bBLM2w6QH4/hqdefault.jpg)

P.S. 2 O Mrtt também pode ser configurada para VIP. Troca se um destes em orçamento pela realização da Festa do Avante em 2021...  :mrgreen: :mrgreen:

https://www.flightglobal.com/raf-reveals-vip-configured-voyager/121051.article (https://www.flightglobal.com/raf-reveals-vip-configured-voyager/121051.article)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Novembro 20, 2020, 08:57:13 pm
Citar
First MEDEVAC MRTT delivered to MMU

The first of its Airbus A330 Multi-Role Tanker Transport (MRTT) aircraft to be configured for the medical evacuation (MEDEVAC) role has been received by the Multinational Multirole Tanker Transport Unit (MMU) at Eindhoven airbase in the Netherlands.

The milestone, announced on 19 November, saw Multinational Multi-Role Tanker and Transport Fleet (MMF) aircraft MMF3/T-056 delivered after having been outfitted with its MEDEVAC equipment at the MMU’s forward operating base at Cologne-Wahn airbase in Germany.

The MMF capability comprises NATO members Belgium, the Czech Republic, Germany, Luxembourg, the Netherlands, and Norway, with the MMU operating unit composed of military personnel from these six participating nations. To date, three of nine MRTT aircraft have now been delivered to the MMU with the remainder set to be handed over through to 2024.

Managed by the NATO Support and Procurement Agency (NSPA) with support from the Organisation for Joint Armament Cooperation (OCCAR), the MMF capability will provide the participating nations pooled access to aerial refuelling (hose-and-drogue and boom/receptacle), strategic passenger and cargo airlift, as well as MEDEVAC capabilities. Five MRTTs will operate from the main operating base at Eindhoven airbase, and three from the forward operating base at Cologne-Wahn airbase. To ensure a permanent MEDEVAC capability, one of the aircraft located at Cologne-Wahn will be on permanent standby in this configuration as of the end of 2021.

 :G-beer2:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Novembro 20, 2020, 09:19:35 pm
Uma das melhores aquisições que a FAP poderia/deveria fazer.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Novembro 20, 2020, 11:42:37 pm
Uma das melhores aquisições que a FAP poderia/deveria fazer.

Sonhem.....
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Dezembro 30, 2020, 09:08:53 pm
"Esta dualidade de uso, garante aos países uma maior autonomia no que ao transporte aéreo diz respeito, evitando a necessidade de aluguer de aviões por exemplo para a sustentação de missões militares no âmbito das FND. Conseguem ainda aliar uma resposta positiva às necessidades do TAAI com a criação de capacidades como é o caso do reabastecimento aéreo, essencialmente realizado por aeronaves MRTT, o que no caso nacional representaria a multiplicação do alcance das aeronaves de defesa aérea, capacidade essa que não está prevista ser uma realidade num futuro próximo."https://comum.rcaap.pt/bitstream/10400.26/33401/1/Transporte%20a%C3%A9reo%20de%20altas%20individualidades.%20Perspetivas%20de%20futuro_Cap%20Jo%C3%A3o%20Valente.pdf (https://comum.rcaap.pt/bitstream/10400.26/33401/1/Transporte%20a%C3%A9reo%20de%20altas%20individualidades.%20Perspetivas%20de%20futuro_Cap%20Jo%C3%A3o%20Valente.pdf)[/size][/font]
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Dezembro 30, 2020, 10:05:41 pm
"Esta dualidade de uso, garante aos países uma maior autonomia no que ao transporte aéreo diz respeito, evitando a necessidade de aluguer de aviões por exemplo para a sustentação de missões militares no âmbito das FND. Conseguem ainda aliar uma resposta positiva às necessidades do TAAI com a criação de capacidades como é o caso do reabastecimento aéreo, essencialmente realizado por aeronaves MRTT, o que no caso nacional representaria a multiplicação do alcance das aeronaves de defesa aérea, capacidade essa que não está prevista ser uma realidade num futuro próximo."https://comum.rcaap.pt/bitstream/10400.26/33401/1/Transporte%20a%C3%A9reo%20de%20altas%20individualidades.%20Perspetivas%20de%20futuro_Cap%20Jo%C3%A3o%20Valente.pdf (https://comum.rcaap.pt/bitstream/10400.26/33401/1/Transporte%20a%C3%A9reo%20de%20altas%20individualidades.%20Perspetivas%20de%20futuro_Cap%20Jo%C3%A3o%20Valente.pdf)[/size][/font]
Citar
TRANSPORTE AÉREO DE ALTAS INDIVIDUALIDADES PERSPETIVAS DE FUTURO
  c56x1
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Dezembro 30, 2020, 10:19:48 pm
"Esta dualidade de uso, garante aos países uma maior autonomia no que ao transporte aéreo diz respeito, evitando a necessidade de aluguer de aviões por exemplo para a sustentação de missões militares no âmbito das FND. Conseguem ainda aliar uma resposta positiva às necessidades do TAAI com a criação de capacidades como é o caso do reabastecimento aéreo, essencialmente realizado por aeronaves MRTT, o que no caso nacional representaria a multiplicação do alcance das aeronaves de defesa aérea, capacidade essa que não está prevista ser uma realidade num futuro próximo."https://comum.rcaap.pt/bitstream/10400.26/33401/1/Transporte%20a%C3%A9reo%20de%20altas%20individualidades.%20Perspetivas%20de%20futuro_Cap%20Jo%C3%A3o%20Valente.pdf (https://comum.rcaap.pt/bitstream/10400.26/33401/1/Transporte%20a%C3%A9reo%20de%20altas%20individualidades.%20Perspetivas%20de%20futuro_Cap%20Jo%C3%A3o%20Valente.pdf)[/size][/font]
Citar
TRANSPORTE AÉREO DE ALTAS INDIVIDUALIDADES PERSPETIVAS DE FUTURO
  c56x1

A FAP já percebeu que a frota de Falcon é limitada, por isso não estranhem daqui a uns 10 anos vermos um A-330 MRTT com as cruzes de cristo.

Cumprimentos,
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: PereiraMarques em Dezembro 30, 2020, 11:55:22 pm
Mais rápido compram "pacotes de horas" a qualquer operador privado de business jets do que virá A-330 MRTT...Se nem um substituto para o Alpha Jet está a ser verdadeiramente equacionado...Mesmo as evacuações aeromédicas das RAA para o Continente já estão a ser feitas com o C295, portanto nem ai o Falcon necessita de um "substituto"...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Dezembro 31, 2020, 12:13:35 am
Eu também não tenho grandes esperanças de os ver com as nossas cores. Era preciso alguém com eles no sítio para revolucionar a estratégia de Defesa Nacional para esta e outras aquisições tornarem-se realidade. Até lá é o mínimo dos mínimos, e o cargueiro "faz tudo" resolve os problemas todos.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Dezembro 31, 2020, 12:25:58 pm
Mais rápido compram "pacotes de horas" a qualquer operador privado de business jets do que virá A-330 MRTT...Se nem um substituto para o Alpha Jet está a ser verdadeiramente equacionado...Mesmo as evacuações aeromédicas das RAA para o Continente já estão a ser feitas com o C295, portanto nem ai o Falcon necessita de um "substituto"...

é o que já comenta na FAP, e, será o mais certo de acontecer, isto de se comprar uma aeronave de algumas centenas de milhões para abastecer outras aeronaves é para os rico, para nós é um luxo !!!

Abraços e bom ano de 2021
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: PereiraMarques em Dezembro 31, 2020, 02:22:22 pm
Alguém falava da falta de "Estratégia"
... Isso é o que não falta entre adjuntos, assessores e técnicos especialistas no MDN... Ainda hoje mais uma nomeada...

Despacho n.º 12663/2020 - Diário da República n.º 253/2020, Série II de 2020-12-31 152531836
Defesa Nacional - Gabinete do Secretário de Estado Adjunto e da Defesa Nacional
Designação de Carolina Antunes Barata Pires Vilela como adjunta do Gabinete

https://dre.pt/web/guest/home/-/dre/152531836/details/maximized?serie=II&parte_filter=31&dreId=152531825
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Dezembro 31, 2020, 02:25:59 pm
A estratégia da distribuição de tachos é a única que se mantém actualizada ao longo dos anos. :mrgreen:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Dezembro 31, 2020, 03:54:21 pm
Mais rápido compram "pacotes de horas" a qualquer operador privado de business jets do que virá A-330 MRTT...Se nem um substituto para o Alpha Jet está a ser verdadeiramente equacionado...Mesmo as evacuações aeromédicas das RAA para o Continente já estão a ser feitas com o C295, portanto nem ai o Falcon necessita de um "substituto"...

Isso acontece, porque para formar 4 a 6 pilotos por ano, não se justifica ter uma esquadra dedicada para isso.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: JohnM em Dezembro 31, 2020, 04:30:36 pm
Eu já estou farto do COVID e estou a perder a paciência com tudo, por isso aqui vai mais um post a cortar...

Como eu disse no tópico  da substituição dos F-16, tudo se resume a opções... Portugal tem o problema de ser um país pequeno e, portanto, com pouca massa crítica em muitas situações... por exemplo, se só precisamos formar 4-5 pilotos de caça por ano, vamos ter treinadores avançados para quê? Vai-se gastar o dinheiro na aquisição e dos aparelhos, estabelecimento de cadeias logísticas, custos de recursos humanos, etc., para quê? Era bom termos M-345 novinhos em folha acabados de sair do stand? Era! É o melhor uso de recursos para um país com a nossa dimensão e capacidade financeira? Não...

Este mesmo raciocino se aplica aos MRTT e ao transporte estratégico... era bom termos MRTT? Era! É o melhor usos de recursos? Não... é para isso que servem os consórcios europeus em ambos os casos... se for necessário ter essas capacidades, então juntem-se aos consórcios e comprem um determinado número de horas por de voo por ano... é muito mais barato e suprime as necessidades... no caos específico do reabastecimento em voo, até temos a sorte de termos a CASA aqui ao lado e certificarmos os nossos pilotos através da certificação dos aviões la produzidos... é um cenário win-win... acho piada quando o pessoal quer dois aviões de um modelo... fica barato, fica... estabelecer toda uma linha logística para dizermos que temos 2 MRTT...

Claro que agora vai dizer, “mas é se for preciso ir para África?”, ao que eu respondo “Azar, são opções que se fazem”... uma coisa é querer ter um LPD que possa servir de hospital no caso de uma desgraça nas ilhas, porque estamos a falar de território nacional e milhares ou milhões de cidadãos, outra coisa é querer enviar uma companhia de fuzos para Moçambique sem escala... se realmente precisarmos de fazer isso, usem-se os MRTT do consórcio...

Podem bater, lol...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Dezembro 31, 2020, 05:52:38 pm
A estratégia da distribuição de tachos é a única que se mantém actualizada ao longo dos anos. :mrgreen:

actualizadissima caro dc !!!

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Dezembro 31, 2020, 05:55:32 pm
Mas um MRTT não nos seria útil só para levar carga e pessoal para Moçambique. É uma aeronave que serve de multiplicador de força em N cenários e que permite garantir soberania além de Portugal Continental.

Vejamos o seguinte caso, fazemos parte de um consórcio de MRTT, aviões esses baseados no centro da Europa. Precisamos de interceptar aeronaves russas no meio do Atlântico com F-16 baseados em Monte Real, mas estes não conseguem fazê-lo pelos seus próprios meios e voltar para casa em segurança. Como se faz? Os MRTT do consórcio não chegam a tempo, ou seja estamos a pagar horas de voo que quando mais fizerem falta, não podem ser usadas. Haveria num desses consórcios a agilidade de basear estas aeronaves em Portugal (ou na pior das hipóteses em Espanha)? Se houver, seria outra conversa, mas não estou a ver.
E o MRTT não faz só reabastecimento aéreo, faz muito mais do que o KC, no qual vamos gastar 900 milhões.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: JohnM em Dezembro 31, 2020, 07:09:12 pm
Mas um MRTT não nos seria útil só para levar carga e pessoal para Moçambique. É uma aeronave que serve de multiplicador de força em N cenários e que permite garantir soberania além de Portugal Continental.

Vejamos o seguinte caso, fazemos parte de um consórcio de MRTT, aviões esses baseados no centro da Europa. Precisamos de interceptar aeronaves russas no meio do Atlântico com F-16 baseados em Monte Real, mas estes não conseguem fazê-lo pelos seus próprios meios e voltar para casa em segurança. Como se faz? Os MRTT do consórcio não chegam a tempo, ou seja estamos a pagar horas de voo que quando mais fizerem falta, não podem ser usadas. Haveria num desses consórcios a agilidade de basear estas aeronaves em Portugal (ou na pior das hipóteses em Espanha)? Se houver, seria outra conversa, mas não estou a ver.
E o MRTT não faz só reabastecimento aéreo, faz muito mais do que o KC, no qual vamos gastar 900 milhões.
Caríssimo,
Eu nunca disse que não  seriam úteis, digo que é uma questão de opções e prioridades... admito que a questão do misto carga/reabastecedor é interessante, mas para a vertente cargueiro poder-se-iam utilizar as horas de voos contratadas ao consórcio.  A questão da urgência do reabastecimento no caso de dois Bears russos cá virem dar umas voltas é uma não-questão... primeiro, antes têm que passar pelo resto da NATO, a começar pelos ingleses, o que nos dá muito tempo para ter a segunda parelha pronta para susbstituir a primeira em caso de necessidade. Segundo, tanques externos existem para alguma coisa, não? A autonomia dos Falcon com tanques externos chega e sobra para o tempo que os Bears aqui andam... e no caso de não chegar, a segunda parelha está lá para isso... nos não precisamos de reabastecimento em voo para patrulhar o nosso território, pura e simplesmente... certamente não vale o custo envolvido...

O KaCê e o A330 MRTT cobrem necessidades diferentes e precisamos de transporte médio e tático orgânico (ai põe-se a questão de KaCê vs. C-130 , mas essa é outra história); a vertente estratégica não justifica meios orgânicos... adira-se ao consórcio...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Dezembro 31, 2020, 07:32:34 pm
Não te esqueças que a intercepção é uma coisa, a resposta a uma ameaça causada pelas aeronaves interceptadas é outra. Se os dois Bears andarem escoltados por Sukhois, como fazes se, numa situação extrema, for preciso combater? Os nossos Fs largam os tanques, lutam e não voltam para casa porque falta a gasosa? Ou voltam para trás sem dar resposta à ameaça e as aeronaves invasoras fazem o que querem? (Deve deixar uma bela mensagem sobre a capacidade de garantirmos a nossa soberania).

Eu nem vou exemplificar cenários mais complexos, que pudessem incluir uma força naval com um PA.

A realidade é que a estratégia de defesa nacional se reza pelos mínimos, e na fé de que nunca teremos guerra com ninguém.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: JohnM em Dezembro 31, 2020, 08:03:03 pm
Não te esqueças que a intercepção é uma coisa, a resposta a uma ameaça causada pelas aeronaves interceptadas é outra. Se os dois Bears andarem escoltados por Sukhois, como fazes se, numa situação extrema, for preciso combater? Os nossos Fs largam os tanques, lutam e não voltam para casa porque falta a gasosa? Ou voltam para trás sem dar resposta à ameaça e as aeronaves invasoras fazem o que querem? (Deve deixar uma bela mensagem sobre a capacidade de garantirmos a nossa soberania).

Eu nem vou exemplificar cenários mais complexos, que pudessem incluir uma força naval com um PA.

A realidade é que a estratégia de defesa nacional se reza pelos mínimos, e na fé de que nunca teremos guerra com ninguém.
É a velha estratégia do Portas aquando do Prestige...

Mas esses cenários que refers são não-questões... mesmo que venham com dois Sukhois atrelado a, demoram sempre muitas horas a partir do momento em que entram em espaço  aéreo irlandês, o que da tempo mais que suficiente or colocares em prontidão quantas parelhas de F-16 quiseres... em qualquer outro cenário “quente”, sejam Sukhois a disparar, seja um PA a armar-se aos cucos nas nossas águas, configuram um cenário macro onde o menor dos teus problemas é não teres MRTT...  provavelmente haverão mísseis a voar por todas a Europa Central e de Leste..
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Dezembro 31, 2020, 09:26:42 pm
Ultimo post de 2020...


 :arrow: https://www.google.com/search?q=antonio+lessa+mrtt&rlz=1C1GCEA_enPT840PT840&oq=antonio+lessa+mrtt&aqs=chrome..69i57.4920j0j4&sourceid=chrome&ie=UTF-8

Ver o primeiro artigo!

Feliz 2021 !
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Janeiro 01, 2021, 01:23:30 am
(https://images.app.goo.gl/hA279VbdB5FM9FMS9)

Se de Portugal Continental aos Açores são cerca de 1500 kms, é fácil perceber que uma viagem de ida e volta até a uma área a norte deste arquipélago representa uma distância mínima de 3000 kms, sem contar com variáveis como acompanhamento das aeronaves interceptadas até saírem do nosso espaço aéreo.

Nem sequer tem lógica lançar várias parelhas de caças (com custos astronómicos associados) para uma única intercepção. Era muito mais prático ter os 2 habituais (com 2 de reserva) e se necessário apoiados por um MRTT.

Em caso de conflito, nomeadamente com a Rússia, garantir a segurança do Atlântico é crucial. Boa parte do apoio logístico viria dos EUA.

Para não falar que o MRTT faz muita coisa além de AAR, muitas delas de cariz civil.

Termos uma estratégia baseada em "nunca vamos entrar em guerra com ninguém", é no mínimo surreal, e é uma mentalidade que deixou marcas no poder da NATO.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: JohnM em Janeiro 01, 2021, 01:26:28 am
(https://images.app.goo.gl/hA279VbdB5FM9FMS9)

Se de Portugal Continental aos Açores são cerca de 1500 kms, é fácil perceber que uma viagem de ida e volta até a uma área a norte deste arquipélago representa uma distância mínima de 3000 kms, sem contar com variáveis como acompanhamento das aeronaves interceptadas até saírem do nosso espaço aéreo.

Nem sequer tem lógica lançar várias parelhas de caças (com custos astronómicos associados) para uma única intercepção. Era muito mais prático ter os 2 habituais (com 2 de reserva) e se necessário apoiados por um MRTT.

Em caso de conflito, nomeadamente com a Rússia, garantir a segurança do Atlântico é crucial. Boa parte do apoio logístico viria dos EUA.

Para não falar que o MRTT faz muita coisa além de AAR, muitas delas de cariz civil.

Termos uma estratégia baseada em "nunca vamos entrar em guerra com ninguém", é no mínimo surreal, e é uma mentalidade que deixou marcas no poder da NATO.
Certíssimo, mas é uma questão de opções e onde se colocar os €... eu preferia gastar esse dinheiro em modernizar e aramar decentemente os F-16, incluindo dar-lhes capacidade anti-navio...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Janeiro 01, 2021, 01:39:53 am
Mas a questão está aí, para que precisamos de 5 KC, se ter 3 KC + 2 MRTT conferia muito mais vantagens? Ficava mais caro? Sim, mas não valia a pena? Claro que valia.

Claro que também preferia que os nossos Fs fossem modernizados e devidamente equipados. Mas ambas as soluções não se excluem, até porque bastava cumprir durante 3 anos os 2% do PIB, que facilmente havia espaço no orçamento para as duas necessidades.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Janeiro 01, 2021, 08:31:34 am
Mas a questão está aí, para que precisamos de 5 KC, se ter 3 KC + 2 MRTT conferia muito mais vantagens? Ficava mais caro? Sim, mas não valia a pena? Claro que valia.

Claro que também preferia que os nossos Fs fossem modernizados e devidamente equipados. Mas ambas as soluções não se excluem, até porque bastava cumprir durante 3 anos os 2% do PIB, que facilmente havia espaço no orçamento para as duas necessidades.

É por esse mesmo motivo, estou a rir, que os politicos não se decidem pela compra do MRTT, pois não vale a pena abastecer caças que daqui a um par de anos estarão praticamente obsoletos.
Esses senhores sabem muito são uns grandes esopecialistas da coisa !!

Abraços e bom  ano
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Janeiro 01, 2021, 09:36:44 am
Mas querem ser relevantes no seio da NATO por muito tempo? Têm bom remédio: 1.200 milhões por 04 MRTT é mais barato que 3.000 milhões por 20 F-35. Os MRTT são mais baratos de operar (afinal trata-se essencialmente de uma aeronave comercial), têm maior disponibilidade e são um meio mais escasso que os F-35. É um nicho, carago! E além de reabastecimento e transporte estratégico ainda podem servir de network hub — um bem ainda mais escasso que reabastecedores.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Janeiro 01, 2021, 10:05:00 am
Mas querem ser relevantes no seio da NATO por muito tempo? Têm bom remédio: 1.200 milhões por 04 MRTT é mais barato que 3.000 milhões por 20 F-35. Os MRTT são mais baratos de operar (afinal trata-se essencialmente de uma aeronave comercial), têm maior disponibilidade e são um meio mais escasso que os F-35. É um nicho, carago! E além de reabastecimento e transporte estratégico ainda podem servir de network hub — um bem ainda mais escasso que reabastecedores.

Poderiamos ser nós a possuir o tal meio aéreo de reabastecimento, um minimo de 04/06 aeronaves, para fornecer, quer dizer, vender, umas largas horas, aos países da NATO e, nas horas vagas, pois como aeronaves de carga são bem melhores que os que a TAP, que, de  " CARGO " , só mesmo o nome pintado na fuselagem, ainda faziam uma perninha na TAP.

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Janeiro 29, 2021, 02:37:43 pm
Citar
Bolsonaro anuncia a compra de dois A330 para a FAB

O Presidente da República Jair Bolsonaro anunciou hoje em sua live que o governo está levantando recursos para a compra de dois aviões de transporte A330 para a Força Aérea Brasileira.

Bolsonaro falou da dificuldade de levar oxigênio para Manaus em aviões de menor porte.

A FAB supriu a necessidade de transporte estratégico com um Boeing 767 alugado por dois anos e buscava através do Projeto CX-2, a aquisição de um cargueiro de grande porte para complementar a frota de aeronaves de transporte já em operação.

Não se sabe ainda se os A330 serão ex-RAF ou virão de companhias aéreas.

Por cá é que não faz falta.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Janeiro 29, 2021, 02:44:56 pm
Citar
Bolsonaro anuncia a compra de dois A330 para a FAB

O Presidente da República Jair Bolsonaro anunciou hoje em sua live que o governo está levantando recursos para a compra de dois aviões de transporte A330 para a Força Aérea Brasileira.

Bolsonaro falou da dificuldade de levar oxigênio para Manaus em aviões de menor porte.

A FAB supriu a necessidade de transporte estratégico com um Boeing 767 alugado por dois anos e buscava através do Projeto CX-2, a aquisição de um cargueiro de grande porte para complementar a frota de aeronaves de transporte já em operação.

Não se sabe ainda se os A330 serão ex-RAF ou virão de companhias aéreas.

Parece que um dos 330 a ser modificado é ex TAP.

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Janeiro 29, 2021, 02:50:35 pm
Citar
Bolsonaro anuncia a compra de dois A330 para a FAB

O Presidente da República Jair Bolsonaro anunciou hoje em sua live que o governo está levantando recursos para a compra de dois aviões de transporte A330 para a Força Aérea Brasileira.

Bolsonaro falou da dificuldade de levar oxigênio para Manaus em aviões de menor porte.

A FAB supriu a necessidade de transporte estratégico com um Boeing 767 alugado por dois anos e buscava através do Projeto CX-2, a aquisição de um cargueiro de grande porte para complementar a frota de aeronaves de transporte já em operação.

Não se sabe ainda se os A330 serão ex-RAF ou virão de companhias aéreas.

Parece que um dos 330 a ser modificado é ex TAP.

Abraços

Um jornalista brasileiro especialista em defesa afirmou que seriam dois ex-RAF. Mas vamos ver...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Janeiro 29, 2021, 03:18:44 pm
Mas não serão da versão MRTT, certo?

Mas o mais gritante é mesmo isto:
Citar
A FAB supriu a necessidade de transporte estratégico com um Boeing 767 alugado por dois anos e buscava através do Projeto CX-2, a aquisição de um cargueiro de grande porte para complementar a frota de aeronaves de transporte já em operação.

Como assim, o próprio país que produz o KC-390, precisa de uma aeronave de transporte estratégico? Se por cá ao menos tivessem tomates para admitir que o KC não consegue fazer tudo, em vez de atirarem areia para os olhos, se calhar estaríamos a fazer uma aquisição semelhante.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Vitor Santos em Janeiro 29, 2021, 03:32:12 pm
Citar
Como assim, o próprio país que produz o KC-390, precisa de uma aeronave de transporte estratégico?

Aqui no Brasil, desde sua gênese, o EMB KC-390 sempre foi visto como um avião cargueiro tático (táctico).

Citar
Se por cá ao menos tivessem tomates para admitir que o KC não consegue fazer tudo, em vez de atirarem areia para os olhos, se calhar estaríamos a fazer uma aquisição semelhante.

Airbus A330 e EMB KC-390 são aeronaves diferentes de categorias diferentes para necessidades diferentes.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Janeiro 29, 2021, 03:48:25 pm
Mas por cá, o KC é vendido como avião de transporte estratégico, mais como um truque para justificar o seu investimento, do que como reflexo das suas reais capacidades.

Mais uma vez, aeronaves diferentes, de categorias diferentes e necessidades diferentes, e no entanto tanto o Brasil, como Portugal precisam de ambos os tipos de aeronaves.

Era bom que por cá seguissem o exemplo da FAB.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Janeiro 29, 2021, 05:07:51 pm
Mas por cá, o KC é vendido como avião de transporte estratégico, mais como um truque para justificar o seu investimento, do que como reflexo das suas reais capacidades.

Mais uma vez, aeronaves diferentes, de categorias diferentes e necessidades diferentes, e no entanto tanto o Brasil, como Portugal precisam de ambos os tipos de aeronaves.

Era bom que por cá seguissem o exemplo da FAB.

Pois, mas pelos vistos os únicos que vamos ter são os 390, para esses houve/há dinheiro mas benefícios para a FAP isso é que não vai haver, pois o 390 não vai efectuar nenhuma missão que o C não conseguisse desempenhar.

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Janeiro 30, 2021, 03:06:45 pm
Por cá fazem se transportes de pacientes covid nestas condições:

(https://pbs.twimg.com/media/Es7iFidXYAEo5AB?format=jpg&name=large)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: imaginário em Janeiro 30, 2021, 03:22:48 pm
Será que, se falarem com a Merkel, aquele A-310 que foi desativado a semana passada da Luftwaffe não poderia ser oferecido  à FAP? Pelo menos sempre tínhamos algum meio decente no apoio ás populações!
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Janeiro 30, 2021, 04:54:30 pm
Por cá fazem se transportes de pacientes covid nestas condições:

(https://pbs.twimg.com/media/Es7iFidXYAEo5AB?format=jpg&name=large)

Agora é comparar com o interior de um A330 MRTT, não só em qualidade, mas sobretudo em espaço.

Só sei que seria um tipo de aeronave extremamente útil, tanto do ponto de vista civil como militar.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: LM em Janeiro 30, 2021, 05:23:39 pm
O problema é sempre o mesmo, recursos - mesmo que o "estado" diga que reforça o orçamento para termos 2x A330 MRTT (porque militarmente ter 1 é ter 0, ter 2 é ter 1  etc) eu não acredito, vai é desviar recursos da área militar... logo para termos A330 o que vamos sacrificar?
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Janeiro 30, 2021, 05:27:46 pm
Por cá fazem se transportes de pacientes covid nestas condições:

(https://pbs.twimg.com/media/Es7iFidXYAEo5AB?format=jpg&name=large)

Agora é comparar com o interior de um A330 MRTT, não só em qualidade, mas sobretudo em espaço.

Só sei que seria um tipo de aeronave extremamente útil, tanto do ponto de vista civil como militar.

A330 MRTT (frances)
(https://sldinfo.com/wp-content/uploads/2020/03/p1766763_main.jpg)

A310 medivac
(https://i.redd.it/6gg766zbwgp41.jpg)

A400 Medivac
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.idlw.de%2Fwp-content%2Fuploads%2F2019%2F07%2F180913-Training-AirMedEvac-A400M-Wunstorf-INK-3320.jpg&hash=c0559283406b845501b58eaa66067abb)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Janeiro 30, 2021, 08:55:54 pm
O problema é sempre o mesmo, recursos - mesmo que o "estado" diga que reforça o orçamento para termos 2x A330 MRTT (porque militarmente ter 1 é ter 0, ter 2 é ter 1  etc) eu não acredito, vai é desviar recursos da área militar... logo para termos A330 o que vamos sacrificar?

Por mim sacrificava-se 2 dos 5 KC-390. O MRTT é muito mais versátil e muito superior em capacidade de transporte, raio de acção, AAR. Outra opção é adquirir mais do que 2, e "vender" horas de voo a terceiros para os rentabilizar.

Ainda outra opção é entrar no tal consórcio NATO MMF, adquirindo um MRTT para contribuir para o dito consórcio, mas garantir que haja sempre um ou dois estacionados em Portugal (não faz grande sentido ficar dependentes de aeronaves estacionadas na Holanda).
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Lightning em Janeiro 30, 2021, 10:54:44 pm
Por cá fazem se transportes de pacientes covid nestas condições:

(https://pbs.twimg.com/media/Es7iFidXYAEo5AB?format=jpg&name=large)

Agora é comparar com o interior de um A330 MRTT, não só em qualidade, mas sobretudo em espaço.

Só sei que seria um tipo de aeronave extremamente útil, tanto do ponto de vista civil como militar.

A330 MRTT (frances)
(https://sldinfo.com/wp-content/uploads/2020/03/p1766763_main.jpg)

A310 medivac
(https://i.redd.it/6gg766zbwgp41.jpg)

A400 Medivac
(https://www.forumdefesa.com/forum/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.idlw.de%2Fwp-content%2Fuploads%2F2019%2F07%2F180913-Training-AirMedEvac-A400M-Wunstorf-INK-3320.jpg&hash=c0559283406b845501b58eaa66067abb)

Acho injusto a comparação de fotos, o C-130 está sem os doentes e equipamento médico, o A400M também é um avião de carga, deve ficar algo parecido, depende do material médico...

Encontrei esta foto.
Existe um contentor médico que cabe no C-130, a Dinamarca tem...
(https://defencesummits.files.wordpress.com/2015/09/medevac-denmark.jpg)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Janeiro 31, 2021, 12:08:11 am
Sim mas compara lá com o interior do MRTT (ou mesmo o A310). As dimensões, as condições de trabalho. Para não falar que sendo uma aeronave maior, transporta mais doentes, logo o número de aeronaves necessárias é menor (para o mesmo número de doentes), o que se reflecte num menor número de tripulações necessárias para as voar, menores custos h/voo e no fim do serviço, menos aeronaves para desinfectar.

Numa situação extrema, em que fosse necessário colocar todas as fichas em cima da mesa (utilizar todas as aeronaves disponíveis), seja em que contexto fosse, civil ou militar, 3 KC + 2 MRTT fazem muito mais que 5 KC (como está planeado).
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Janeiro 31, 2021, 02:44:59 am
É de facto uma comparação injusta. Cabe lá na cabeça de alguém comparar algo que uns têm e outros não. Essas comparações nunca podem ser efectuadas, porque as necessidades e requisitos de cada país são diferentes.

Por exemplo, é absurdo criticar o facto de o Exército ainda operar M113 quando os dinamarqueses operam o CV90 há anos. Se os dinamarqueses, têm um contentor médico para os seus C-130, então os nossos também podem ter, o que torna irrelevante qualquer comparação, ou crítica. As chefias sabem o que fazem. Metam isto na cabeça, de uma vez por todas!
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Lightning em Janeiro 31, 2021, 06:54:32 am
Eu não estou a dizer que um Airbus hospital não é melhor do que um C-130 nessa função, eu acho que é, têm mais conforto para os pacientes, para a equipa médica (basta não se ouvir o barulho dos motores do C130), pode levar mais material o que lhe confere mais capacidades médicas.

Um avião de carga vai sempre ser um adaptação temporária, como vimos no A400M, nunca vai ter aquele aspecto "de hospital" do Airbus, por isso é que achei interessante o contentor dinamarquês.

(https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/9/9a/Medevac_mission%2C_Balad_Air_Base%2C_Iraq.jpg/1280px-Medevac_mission%2C_Balad_Air_Base%2C_Iraq.jpg)
C17 Americano, tem mais espaço livre, mas o interior é o mesmo género.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Janeiro 31, 2021, 05:13:11 pm
Eu não estou a dizer que um Airbus hospital não é melhor do que um C-130 nessa função, eu acho que é, têm mais conforto para os pacientes, para a equipa médica (basta não se ouvir o barulho dos motores do C130), pode levar mais material o que lhe confere mais capacidades médicas.

Um avião de carga vai sempre ser um adaptação temporária, como vimos no A400M, nunca vai ter aquele aspecto "de hospital" do Airbus, por isso é que achei interessante o contentor dinamarquês.

(https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/9/9a/Medevac_mission%2C_Balad_Air_Base%2C_Iraq.jpg/1280px-Medevac_mission%2C_Balad_Air_Base%2C_Iraq.jpg)
C17 Americano, tem mais espaço livre, mas o interior é o mesmo género.

Mas eu coloquei a foto do A400 justamente para mostrar que existe diferença entre os A330/A310 e um cargueiro adaptado.

Num A330/A310 tens camas próprias já equipadas com tudo comparáveis e a uma cama de cuidados intensivos. É que estamos a falar de transporte de pacientes Covid que a qualquer momento podem precisar de suporte de vida.

(https://external-content.duckduckgo.com/iu/?u=http%3A%2F%2Fimgproc.airliners.net%2Fphotos%2Fairliners%2F8%2F5%2F3%2F2159358.jpg%3Fv%3Dv40&f=1&nofb=1)

O A330 também faz medivac mais tradicional
(https://external-content.duckduckgo.com/iu/?u=https%3A%2F%2Fwww.ainonline.com%2Fsites%2Fdefault%2Ffiles%2Fstyles%2Fain30_fullwidth_large%2Fpublic%2Fa330-pic-2.jpg%3Fitok%3DdsCl5t5-&f=1&nofb=1)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Lightning em Fevereiro 01, 2021, 01:19:09 am
Esses Airbus depende do avião ser dedicado a essa função ou se é um compartimento vazio que se vai adaptar e no fim desmontar tudo.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Fevereiro 01, 2021, 05:22:40 am
Dedicado, ou versátil? Então se é dedicado, presume-se que não pode ser reconfigurado para outras missões, é isso?

 https://www.ainonline.com/aviation-news/defense/2020-03-20/france-deploys-a330-mrtts-coronavirus-battle (https://www.ainonline.com/aviation-news/defense/2020-03-20/france-deploys-a330-mrtts-coronavirus-battle)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Lightning em Fevereiro 01, 2021, 07:56:50 pm
Dedicado, ou versátil? Então se é dedicado, presume-se que não pode ser reconfigurado para outras missões, é isso?

 https://www.ainonline.com/aviation-news/defense/2020-03-20/france-deploys-a330-mrtts-coronavirus-battle (https://www.ainonline.com/aviation-news/defense/2020-03-20/france-deploys-a330-mrtts-coronavirus-battle)

Os que forem configuráveis, melhor, o material entra e sai, podem fazer várias funções. Mas alguns podem ser aviões-hospital permanentes que seja mais complicado remover o equipamento médico.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Fevereiro 01, 2021, 09:11:17 pm
O MRTT francês que ajudou durante a pandemia, é um MRTT normal que foi adaptado. Para nós é exactamente o tipo de avião que nos dá jeito, um avião adaptável, que hoje serve de "avião hospital", amanhã reabastece F-16 numa intercepção sobre o Atlântico e no dia a seguir evacua cidadãos nacionais no estrangeiro.

E nem de propósito:
https://www.cmjornal.pt/sociedade/detalhe/aviao-hospital-pronto-a-levar-doentes-portugueses-com-covid-19-para-a-alemanha (https://www.cmjornal.pt/sociedade/detalhe/aviao-hospital-pronto-a-levar-doentes-portugueses-com-covid-19-para-a-alemanha)

Mas depois desde exemplo, ainda vem alguém dizer que não precisamos deste tipo de aeronave.  ::)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Fevereiro 01, 2021, 09:24:43 pm
O MRTT francês que ajudou durante a pandemia, é um MRTT normal que foi adaptado. Para nós é exactamente o tipo de avião que nos dá jeito, um avião adaptável, que hoje serve de "avião hospital", amanhã reabastece F-16 numa intercepção sobre o Atlântico e no dia a seguir evacua cidadãos nacionais no estrangeiro.

E nem de propósito:
https://www.cmjornal.pt/sociedade/detalhe/aviao-hospital-pronto-a-levar-doentes-portugueses-com-covid-19-para-a-alemanha (https://www.cmjornal.pt/sociedade/detalhe/aviao-hospital-pronto-a-levar-doentes-portugueses-com-covid-19-para-a-alemanha)

Mas depois desde exemplo, ainda vem alguém dizer que não precisamos deste tipo de aeronave.  ::)

as fotos reportam-se a um 310 da Luftwaffe, uma aeronave que seria uma excelente aquisição para a FAP !

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Fevereiro 02, 2021, 01:22:15 am
O kit médico francês é utilizado há mais de 15 anos, primeiro nos KC-135 e agora nos A330 MRTT. A configuração alemã parece ser mais "permanente", i.e., demora mais tempo a reconfigurar a aeronave. Mas o problema dos A310 alemães é que devem estar a dar as últimas.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Major Alvega em Fevereiro 02, 2021, 02:59:17 am
O problema é sempre o mesmo, recursos - mesmo que o "estado" diga que reforça o orçamento para termos 2x A330 MRTT (porque militarmente ter 1 é ter 0, ter 2 é ter 1  etc) eu não acredito, vai é desviar recursos da área militar... logo para termos A330 o que vamos sacrificar?

Por mim sacrificava-se 2 dos 5 KC-390. O MRTT é muito mais versátil e muito superior em capacidade de transporte, raio de acção, AAR. Outra opção é adquirir mais do que 2, e "vender" horas de voo a terceiros para os rentabilizar.

Ainda outra opção é entrar no tal consórcio NATO MMF, adquirindo um MRTT para contribuir para o dito consórcio, mas garantir que haja sempre um ou dois estacionados em Portugal (não faz grande sentido ficar dependentes de aeronaves estacionadas na Holanda).

Sacrificavas porquê? Não necessitarias de sacrificar. Tu já andas aqui há tempo suficiente para saberes que há dinheiro e sempre houve para termos um ou dois MRTT's, LPD, AOR, FFG's novas, F-16 com radar AESA, uma frota de helis decente etc. etc. Não há é vontade política, derivado de a classe política e dirigente ser inculta, impreparada e sem a mínima noção da importância vital de um país ter dispositivo de FA's adequadas. E de teres uma sociedade civil muito limitada. O nosso atraso estrutural e estagnação de décadas explicam o resto.
O milhares de milhões que são esbanjados e desbaratados anualmente em compra de votos, em investimentos inúteis e não reprodutivos, na má gestão da coisa pública, na corrupção, clientelismo etc. Dava para termos uma dispositivo de Defesa de um país civilizado sem prejudicar minimamente o investimento noutras áreas fundamentai do país.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: goldfinger em Fevereiro 02, 2021, 06:48:15 am
Australia lo tiene claro, envidia sana!!

(https://pbs.twimg.com/media/EtKSdr9W8AE6evV?format=jpg&name=medium)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: LM em Fevereiro 02, 2021, 10:12:43 am
O problema é sempre o mesmo, recursos - mesmo que o "estado" diga que reforça o orçamento para termos 2x A330 MRTT (porque militarmente ter 1 é ter 0, ter 2 é ter 1  etc) eu não acredito, vai é desviar recursos da área militar... logo para termos A330 o que vamos sacrificar?

Por mim sacrificava-se 2 dos 5 KC-390. O MRTT é muito mais versátil e muito superior em capacidade de transporte, raio de acção, AAR. Outra opção é adquirir mais do que 2, e "vender" horas de voo a terceiros para os rentabilizar.

Ainda outra opção é entrar no tal consórcio NATO MMF, adquirindo um MRTT para contribuir para o dito consórcio, mas garantir que haja sempre um ou dois estacionados em Portugal (não faz grande sentido ficar dependentes de aeronaves estacionadas na Holanda).

Sacrificavas porquê? Não necessitarias de sacrificar. Tu já andas aqui há tempo suficiente para saberes que há dinheiro e sempre houve para termos um ou dois MRTT's, LPD, AOR, FFG's novas, F-16 com radar AESA, uma frota de helis decente etc. etc. Não há é vontade política, derivado de a classe política e dirigente ser inculta, impreparada e sem a mínima noção da importância vital de um país ter dispositivo de FA's adequadas. E de teres uma sociedade civil muito limitada. O nosso atraso estrutural e estagnação de décadas explicam o resto.
O milhares de milhões que são esbanjados e desbaratados anualmente em compra de votos, em investimentos inúteis e não reprodutivos, na má gestão da coisa pública, na corrupção, clientelismo etc. Dava para termos uma dispositivo de Defesa de um país civilizado sem prejudicar minimamente o investimento noutras áreas fundamentai do país.

Há dinheiro; mas não há vontade politica (nem dos eleitores), há má gestão (incluindo dos militares) do pouco que há... e, o pouco que há, é para para fazer das FA outro braço da Protecção Civil.

Ora como isso não deve mudar na próxima dúzia de anos... quando defendemos um novo sistema, como o MRTT, é interessante fazer o "exercício" de dizer o que sacrificamos - senão venha o V Império  ;)   
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Fevereiro 02, 2021, 12:38:26 pm
Australia lo tiene claro, envidia sana!!

(https://pbs.twimg.com/media/EtKSdr9W8AE6evV?format=jpg&name=medium)

Montijo, circa 2030.  :mrgreen:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Fevereiro 02, 2021, 12:45:49 pm
O problema é sempre o mesmo, recursos - mesmo que o "estado" diga que reforça o orçamento para termos 2x A330 MRTT (porque militarmente ter 1 é ter 0, ter 2 é ter 1  etc) eu não acredito, vai é desviar recursos da área militar... logo para termos A330 o que vamos sacrificar?

Por mim sacrificava-se 2 dos 5 KC-390. O MRTT é muito mais versátil e muito superior em capacidade de transporte, raio de acção, AAR. Outra opção é adquirir mais do que 2, e "vender" horas de voo a terceiros para os rentabilizar.

Ainda outra opção é entrar no tal consórcio NATO MMF, adquirindo um MRTT para contribuir para o dito consórcio, mas garantir que haja sempre um ou dois estacionados em Portugal (não faz grande sentido ficar dependentes de aeronaves estacionadas na Holanda).

Sacrificavas porquê? Não necessitarias de sacrificar. Tu já andas aqui há tempo suficiente para saberes que há dinheiro e sempre houve para termos um ou dois MRTT's, LPD, AOR, FFG's novas, F-16 com radar AESA, uma frota de helis decente etc. etc. Não há é vontade política, derivado de a classe política e dirigente ser inculta, impreparada e sem a mínima noção da importância vital de um país ter dispositivo de FA's adequadas. E de teres uma sociedade civil muito limitada. O nosso atraso estrutural e estagnação de décadas explicam o resto.
O milhares de milhões que são esbanjados e desbaratados anualmente em compra de votos, em investimentos inúteis e não reprodutivos, na má gestão da coisa pública, na corrupção, clientelismo etc. Dava para termos uma dispositivo de Defesa de um país civilizado sem prejudicar minimamente o investimento noutras áreas fundamentai do país.

Há dinheiro; mas não há vontade politica (nem dos eleitores), há má gestão (incluindo dos militares) do pouco que há... e, o pouco que há, é para para fazer das FA outro braço da Protecção Civil.

Ora como isso não deve mudar na próxima dúzia de anos... quando defendemos um novo sistema, como o MRTT, é interessante fazer o "exercício" de dizer o que sacrificamos - senão venha o V Império  ;)

Sim, quando falei em "sacrificar", é mesmo para que não se levantasse tantas "ondas" no orçamento. Mas ter 5 KC e 2 MRTT? Melhor ainda! Por mim não se tinha sacrificado nenhum F-16, e continuávamos com perto de 40, por exemplo.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Fevereiro 02, 2021, 05:19:15 pm
O problema é sempre o mesmo, recursos - mesmo que o "estado" diga que reforça o orçamento para termos 2x A330 MRTT (porque militarmente ter 1 é ter 0, ter 2 é ter 1  etc) eu não acredito, vai é desviar recursos da área militar... logo para termos A330 o que vamos sacrificar?

Por mim sacrificava-se 2 dos 5 KC-390. O MRTT é muito mais versátil e muito superior em capacidade de transporte, raio de acção, AAR. Outra opção é adquirir mais do que 2, e "vender" horas de voo a terceiros para os rentabilizar.

Ainda outra opção é entrar no tal consórcio NATO MMF, adquirindo um MRTT para contribuir para o dito consórcio, mas garantir que haja sempre um ou dois estacionados em Portugal (não faz grande sentido ficar dependentes de aeronaves estacionadas na Holanda).

Sacrificavas porquê? Não necessitarias de sacrificar. Tu já andas aqui há tempo suficiente para saberes que há dinheiro e sempre houve para termos um ou dois MRTT's, LPD, AOR, FFG's novas, F-16 com radar AESA, uma frota de helis decente etc. etc. Não há é vontade política, derivado de a classe política e dirigente ser inculta, impreparada e sem a mínima noção da importância vital de um país ter dispositivo de FA's adequadas. E de teres uma sociedade civil muito limitada. O nosso atraso estrutural e estagnação de décadas explicam o resto.
O milhares de milhões que são esbanjados e desbaratados anualmente em compra de votos, em investimentos inúteis e não reprodutivos, na má gestão da coisa pública, na corrupção, clientelismo etc. Dava para termos uma dispositivo de Defesa de um país civilizado sem prejudicar minimamente o investimento noutras áreas fundamentai do país.

Há dinheiro; mas não há vontade politica (nem dos eleitores), há má gestão (incluindo dos militares) do pouco que há... e, o pouco que há, é para para fazer das FA outro braço da Protecção Civil.

Ora como isso não deve mudar na próxima dúzia de anos... quando defendemos um novo sistema, como o MRTT, é interessante fazer o "exercício" de dizer o que sacrificamos - senão venha o V Império  ;)

Sim, quando falei em "sacrificar", é mesmo para que não se levantasse tantas "ondas" no orçamento. Mas ter 5 KC e 2 MRTT? Melhor ainda! Por mim não se tinha sacrificado nenhum F-16, e continuávamos com perto de 40, por exemplo.

E pilotos para isso tudo?

O erro não foi vender, foi não gastar o dinheiro da venda a modernizar os restantes como ficou prometido.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Lightning em Fevereiro 02, 2021, 06:13:54 pm
O erro não foi vender, foi não gastar o dinheiro da venda a modernizar os restantes como ficou prometido.

Ficou prometido? Estou mesmo a perguntar, não sei.

O dinheiro da venda foi gasto manter os restantes a voar, reparar motores, comprar peças, etc. E os F-16 têm tido todas as actualizações de software para MLU, novo sistema EW, etc, se calhar o dinheiro foi para aí e isso é que é a modernização, ou alguém falou em Vipers ou radares AESA? Coisas assim.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Fevereiro 02, 2021, 06:17:29 pm
O erro não foi vender, foi não gastar o dinheiro da venda a modernizar os restantes como ficou prometido.

Ficou prometido? Estou mesmo a perguntar, não sei.

O dinheiro da venda foi gasto manter os restantes a voar, reparar motores, comprar peças, etc. E os F-16 têm tido todas as actualizações de software para MLU, novo sistema EW, etc, se calhar o dinheiro foi para aí e isso é que é a modernização, ou alguém falou em Vipers ou radares AESA? Coisas assim.

Eu penso que não ficou nada prometido quando a modernizações dos F's tipo Viper, foi mesmo arranjar verba para manter a restante frota no ar com algumas, poucas, melhorias !

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Fevereiro 02, 2021, 06:46:32 pm
O erro não foi vender, foi não gastar o dinheiro da venda a modernizar os restantes como ficou prometido.

Ficou prometido? Estou mesmo a perguntar, não sei.

O dinheiro da venda foi gasto manter os restantes a voar, reparar motores, comprar peças, etc. E os F-16 têm tido todas as actualizações de software para MLU, novo sistema EW, etc, se calhar o dinheiro foi para aí e isso é que é a modernização, ou alguém falou em Vipers ou radares AESA? Coisas assim.

Os primeiros 12 serviram para garantir que todos os nossos F-16 recebiam os MLU.
Os o dinheiro dos últimos 5 é que coiso..
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Fevereiro 03, 2021, 03:09:34 pm
Já chegou o A400 alemão com ajuda:

(https://pbs.twimg.com/media/EtTyZDPWgAAjlB1?format=jpg&name=large)
(https://pbs.twimg.com/media/EtTyZDVXAAYZ7Sq?format=jpg&name=large)
(https://pbs.twimg.com/media/EtTorqmWgAAYCeG?format=jpg&name=large)
(https://pbs.twimg.com/media/EtTorrTWgAEVh77?format=jpg&name=large)
(https://pbs.twimg.com/media/EtSvY1WWgAABO6w?format=jpg&name=large)

Se a coisa piorar eles enviam o A310.


Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Fevereiro 03, 2021, 03:22:43 pm
Quatro destes A400 para a FAP é que era uma excelente aquisição !!

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: LM em Fevereiro 03, 2021, 04:38:54 pm
(https://lh3.googleusercontent.com/-5FUA8C7_iaU/YBrNEccr98I/AAAAAAAAGqo/7ThSZToirZIXS0skC3S5iqhZAoZm-GJjwCLcBGAsYHQ/145872782_3623647541057771_860104119493716477_n.jpg)

"Este parece maior... se calhar impressionava mais na TV, tenho de falar com o tipo da comunicação para ver se não será melhor, em termos de imagem, este..."
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Fevereiro 03, 2021, 05:42:15 pm
"Melhor melhor, só mesmo aqueles A330 MRTT que os meus amigos do FD vêm falando desde o ano passado. Ainda por cima consegue reabastecer os F-16, e quando tiver que ir a Moçambique, é como se tivesse a voar no Air Force One. Caro CEMFA, o que acha de 3 A400M e 2 MRTT?"  :P

Falando a sério, se há coisa que aprendi, é que nós não aprendemos com os outros. Influências? Só se forem negativas, porque positivas não dá. Basta ver quando os espanhóis vão a Santa Margarida para exercícios com os seus IFVs de lagartas, ou quando a Marinha participa no SNMG1 e todos os navios à volta são mais modernos e melhor equipados que os nossos. Nunca os "imitamos".

Já me sentia orgulhoso se o título deste tópico se tornasse realidade.  ::)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Fevereiro 03, 2021, 08:07:48 pm
"Melhor melhor, só mesmo aqueles A330 MRTT que os meus amigos do FD vêm falando desde o ano passado. Ainda por cima consegue reabastecer os F-16, e quando tiver que ir a Moçambique, é como se tivesse a voar no Air Force One. Caro CEMFA, o que acha de 3 A400M e 2 MRTT?"  :P

Falando a sério, se há coisa que aprendi, é que nós não aprendemos com os outros. Influências? Só se forem negativas, porque positivas não dá. Basta ver quando os espanhóis vão a Santa Margarida para exercícios com os seus IFVs de lagartas, ou quando a Marinha participa no SNMG1 e todos os navios à volta são mais modernos e melhor equipados que os nossos. Nunca os "imitamos".

Já me sentia orgulhoso se o título deste tópico se tornasse realidade.  ::)

O problema não está na força, está na política.
Ou as FA fazem um nova revolução ou então tem de esperar que venha um político com outras ideias a nível de defesa. Infelizmente para as nossas capacidades espero que seja a ultima.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Major Alvega em Fevereiro 03, 2021, 09:35:08 pm
 Há aqui algum membro do fórum com o apelido de Salsinha? Eu até desconfio quem seja pelo grau de idiotice. Pois não há muitos a defender com unhas e dentes a opção anedótica, forçada e pouco transparente do governo pelo C-390.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Fevereiro 03, 2021, 11:40:56 pm
O problema não está na força, está na política.
Ou as FA fazem um nova revolução ou então tem de esperar que venha um político com outras ideias a nível de defesa. Infelizmente para as nossas capacidades espero que seja a ultima.

Sim, mas mesmo dentro das FA há forças que parecem ter "aversão" à evolução. Mas sim, sem vontade política, não dá para se mudar grande coisa.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: luis simoes em Fevereiro 04, 2021, 07:20:16 pm
Ficou mais uma vez provado que faz ca falta pelo menos 2 MRTT para este tipo de situacoes que infelizmente vao aparecendo no momento actual ...pandemias,,, desastres naturais,,,guerras,,,,fome,,,,enfim pah aproveitem isto para os espertos os cabecinhas do Ministerio da Defesa irem ate ao Aeroporto de Lisboa ;;;TAP;;;;e em vez de despacharem a dita sucata aproveitem pelo menos os A330 antigos....e invistam algum dinheiro da dita LPM para pelo menos adaptar estes para o transporte de doentes ...mas nas cores FAP
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Fevereiro 06, 2021, 02:08:36 am
Tem vários aviões para venda por um preço bom.

Só falta vontade.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Fevereiro 06, 2021, 12:03:26 pm
A parte mais cara é a conversão em MRTT, de resto, é perfeitamente exequível. Tendo em conta a vertente "multi-uso" da aeronave, "descongestionar" alguma transportadora aérea dos seus A330 excedentes e ainda manter investimento na Europa ao contratar a Airbus para as modificações, se calhar até conseguíamos um financiamentozinho UE. Como por cá gostam de financiamento UE....  ::)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Fevereiro 06, 2021, 11:45:02 pm
Podem sempre ir para a GNR...  :mrgreen:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: luis simoes em Fevereiro 07, 2021, 01:18:46 pm
FaZ falta da jeito so falta a vontade de o ter ou aproveitar o que temos na TAP...e investir mas falta muita cabeca no governo e no ministerio da defesa para ver isso ...enfim....o covid 19 so veio demostrar a incapacidade que alguns paises teem em travar uma luta seria contra este flagelo...mais hoje e o Covid...amanha podera um terramoto....a fome ...a guerra ....enfim o mundo da voltas a cada segundo e a falta visao para este ou estes actos anormais so tem uma palavra falta de empenho...a ausencia seria de investimento em areas criticas tais como hospitais....proteccao civil...bombeiros....etc...caracter ou a falta dele fazem muita diferenca ...tenho dito
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Fevereiro 26, 2021, 07:44:08 am
Exército projeta 29 toneladas de artigos e equipamentos militares para o Teatro de Operações da República Centro-Africana
25-02-202105:00

Toda a carga foi disponibilizada, hoje, à 8.ª Força Nacional Destacada neste Teatro de Operações.
No âmbito da sustentação logística das Forças em missão no Teatro de Operações (TO) da República Centro-Africana (RCA), chegaram hoje a Bangui 60 paletes, com cerca de 29 toneladas e uma volumetria de 132 m3, de equipamentos militares e artigos diversos destinados a apoiar os militares portugueses.

​Esta carga partiu do Regimento de Transportes (Lisboa), no dia 18 de fevereiro, em dois camiões Transporte Internacional Rodoviário, tendo como destino intermédio o Aeroporto Internacional de Liége (Bélgica). Após o transbordo das mercadorias militares para uma aeronave “cargueiro" B747-F, as mesmas foram transportadas em voo direto para o Aeroporto Internacional de Bangui. O voo partiu de Liége no dia 24 de fevereiro pelas 22h00 e chegou a Bangui hoje pelas 08h00.

Após a verificação da documentação e conclusão das formalidades aduaneiras, toda a carga foi disponibilizada à 8.ª Força Nacional Destacada (8FND) na RCA e será agora distribuída às Forças portuguesas em missão neste TO, designadamente a 8FND, os militares portugueses da Missão de Treino da União Europeia, o 2.º Comandante da Missão Multidimensional Integrada das Nações Unidas na RCA e os Elementos Nacionais Destacados.

https://www.exercito.pt/pt/informacao-publica/noticias/2443

Mais uma situação em que a utilização de um A400 ou um MRTT, Nacionais, faziam toda a diferença, não só em termos de custos mas também porque os actuais C's ou os futuros 390 demorariam muito mais horas, para transportar as 29 tons, com 139m3 !  :bang:

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: goldfinger em Fevereiro 26, 2021, 09:37:29 am
1 solo vuelo directo Lisboa- Bangui de un A400.....
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Fevereiro 26, 2021, 11:21:43 am
1 solo vuelo directo Lisboa- Bangui de un A400.....

Ora bem !!!!
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Maio 01, 2021, 10:51:59 am
Citar
India’s Ministry of Defence (MoD) is in advanced negotiations with the French government to lease one Airbus A330 Multi-Role Tanker Transport (MRTT) aircraft for the Indian Air Force (IAF) for training purposes.

The lease of this aircraft, which would be operated by the IAF but maintained by the French Air Force, is likely to be succeeded by the lease of five additional A330 MRTTs to augment the reach and combat capability of IAF fighters, official sources told Janes on 29 April.

Era uma boa opção para nós. c56x1
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Maio 01, 2021, 12:18:22 pm
Citar
India’s Ministry of Defence (MoD) is in advanced negotiations with the French government to lease one Airbus A330 Multi-Role Tanker Transport (MRTT) aircraft for the Indian Air Force (IAF) for training purposes.

The lease of this aircraft, which would be operated by the IAF but maintained by the French Air Force, is likely to be succeeded by the lease of five additional A330 MRTTs to augment the reach and combat capability of IAF fighters, official sources told Janes on 29 April.

Era uma boa opção para nós. c56x1

O problema poderia ser facilmente solucionado com a adesão ao programa MMF (NATO Multinational Multi Role Tanker Transport Fleet) e à respectiva MMU (Multinational Multirole Tanker Transport Unit). Implicaria muito provavelmente ter de abrir cordões à bolsa para comparticipar na compra integral ou parcial de outro A330MRTT para esta unidade, e como essa perspectiva já de si é assustadora para os nossos governantes, deixa-te estar quieto que o KáCê deve dar para o gasto mesmo que não vá reabastecer em voo nenhuma aeronave da FAP tão cedo, se é que alguma vez o fará (a excepção de outro KáCê, claro)... ::)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Maio 01, 2021, 01:04:52 pm
Citar
India’s Ministry of Defence (MoD) is in advanced negotiations with the French government to lease one Airbus A330 Multi-Role Tanker Transport (MRTT) aircraft for the Indian Air Force (IAF) for training purposes.

The lease of this aircraft, which would be operated by the IAF but maintained by the French Air Force, is likely to be succeeded by the lease of five additional A330 MRTTs to augment the reach and combat capability of IAF fighters, official sources told Janes on 29 April.

Era uma boa opção para nós. c56x1

O problema poderia ser facilmente solucionado com a adesão ao programa MMF (NATO Multinational Multi Role Tanker Transport Fleet) e à respectiva MMU (Multinational Multirole Tanker Transport Unit). Implicaria muito provavelmente ter de abrir cordões à bolsa para comparticipar na compra integral ou parcial de outro A330MRTT para esta unidade, e como essa perspectiva já de si é assustadora para os nossos governantes, deixa-te estar quieto que o KáCê deve dar para o gasto mesmo que não vá reabastecer em voo nenhuma aeronave da FAP tão cedo, se é que alguma vez o fará (a excepção de outro KáCê, claro)... ::)

Não concordo a base fica baste longe. Para isso preferia um acordo com os Espanhóis.
A vantagem do leasing era ter um avião cá em permanecia.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Maio 01, 2021, 02:06:48 pm
Pode-se sempre negociar a existência de um MRTT (ou até 2) em permanência em Portugal, com a entrada de Portugal no consórcio. Mesmo do ponto de vista NATO, é mais prático ter MRTT na Península Ibérica, para apoiar operações no Atlântico e/ou África, do que depender de aeronaves provenientes da Holanda. Mas isto está dependente da aceitação do consórcio.

Agora se é para ter de comprar um para entrar no consórcio, mas depois não ter nenhum em Portugal, não faz grande sentido, mais vala comprar para nós mesmos.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Maio 01, 2021, 02:16:21 pm
Pode-se sempre negociar a existência de um MRTT (ou até 2) em permanência em Portugal, com a entrada de Portugal no consórcio. Mesmo do ponto de vista NATO, é mais prático ter MRTT na Península Ibérica, para apoiar operações no Atlântico e/ou África, do que depender de aeronaves provenientes da Holanda. Mas isto está dependente da aceitação do consórcio.

Agora se é para ter de comprar um para entrar no consórcio, mas depois não ter nenhum em Portugal, não faz grande sentido, mais vala comprar para nós mesmos.

E missões não faltavam, transporte aéreo até aos Açores/Madeira, reabastecimento de F-16 em AAR, evacuação aero médica de cidadãos nacionais, transporte aéreo de figuras do estado, missões ISR, reabastecimento de KC-390, caso se opte pelo P-8, reabastecimento de P-8, transporte aéreo de tropas para missões internacionais, contribuição para o pool NATO de AAR.

Abc,
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Maio 01, 2021, 02:30:41 pm
Não concordo a base fica baste longe. Para isso preferia um acordo com os Espanhóis.
A vantagem do leasing era ter um avião cá em permanecia.

Não necessariamente, negociavas a presença de pelo menos um meio em permanência cá (em Beja, por exemplo), e estava o assunto arrumado. Em 2018 cheguei a falar com alguém bem próximo deste programa que me disse taxativamente que se tanto Portugal como Espanha escolhessem vir a integrar o MMF, pelo menos duas aeronaves ficariam sempre destacadas em Sevilha ou Beja. É que não é só o reabastecimento aéreo, é o transporte estratégico que também há-que ter em conta.

Entretanto Espanha decidiu fazer as coisas sozinha ao adquirir 3 A330 ex-Iberia e convertê-los para MRTT (equipados com ou sem boom ainda não se sabe), e por cá no nosso canto à beira-mar plantado continuamos na mesma, literalmente a ver passar os aviões e os navios. Bom, podemos sempre fazer um acordo de bons vizinhos: o KC-390 reabastece os Hornet e Typhoon, e o A330MRTT, caso instalem a boom, os nossos F-16. :mrgreen:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Maio 01, 2021, 02:35:39 pm
Pode-se sempre negociar a existência de um MRTT (ou até 2) em permanência em Portugal, com a entrada de Portugal no consórcio. Mesmo do ponto de vista NATO, é mais prático ter MRTT na Península Ibérica, para apoiar operações no Atlântico e/ou África, do que depender de aeronaves provenientes da Holanda. Mas isto está dependente da aceitação do consórcio.

Agora se é para ter de comprar um para entrar no consórcio, mas depois não ter nenhum em Portugal, não faz grande sentido, mais vala comprar para nós mesmos.

Desculpa lá dc, acabei por dizer praticamente o mesmo que tu e só vi isso depois de publicar o meu post. :-[

Margem Sul power! :mrgreen:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Maio 01, 2021, 03:27:33 pm
Pode-se sempre negociar a existência de um MRTT (ou até 2) em permanência em Portugal, com a entrada de Portugal no consórcio. Mesmo do ponto de vista NATO, é mais prático ter MRTT na Península Ibérica, para apoiar operações no Atlântico e/ou África, do que depender de aeronaves provenientes da Holanda. Mas isto está dependente da aceitação do consórcio.

Agora se é para ter de comprar um para entrar no consórcio, mas depois não ter nenhum em Portugal, não faz grande sentido, mais vala comprar para nós mesmos.

Desculpa lá dc, acabei por dizer praticamente o mesmo que tu e só vi isso depois de publicar o meu post. :-[

Margem Sul power! :mrgreen:

Sem problema, até complementaste o que disse. Assim pode ser que quando no MDN vierem cá tirar ideias para a revisão da LPM do ano que vem, a ideia saia reforçada.  :mrgreen:

MS.  :G-beer2: :mrgreen:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Lightning em Maio 02, 2021, 02:08:07 am
Eu acho que não é obrigatório o avião estar em Portugal. Tem é que se garantir que desde o momento que é feito o pedido uma aeronave está cá em X horas.

Basta pensar que a FRI nacional demora 24h a ser mobilizada.

Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Maio 02, 2021, 10:13:24 am
Eu acho que não é obrigatório o avião estar em Portugal. Tem é que se garantir que desde o momento que é feito o pedido uma aeronave está cá em X horas.

Basta pensar que a FRI nacional demora 24h a ser mobilizada.

Há mais de vinte anos que a NETJETS funciona nesses moldes !!

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Maio 02, 2021, 07:11:51 pm
Eu acho que não é obrigatório o avião estar em Portugal. Tem é que se garantir que desde o momento que é feito o pedido uma aeronave está cá em X horas.

Basta pensar que a FRI nacional demora 24h a ser mobilizada.

O problema não é o tempo que demora, mas sim as horas que pagas.

Se para teres uma hora de treino de reabastecimento com os F-16, tens de "pagar" 7 horas deixa de fazer sentido economicamente.

O governo podia ficar com duas das encomendas de A330 da TAP, ajudava a empresa porque vai ser difícil para esta arranjar empresa de leasing para financiar a compra nesta altura e dava a Portugal uma capacidade estratégica enorme.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Maio 02, 2021, 07:24:30 pm
Eu acho que não é obrigatório o avião estar em Portugal. Tem é que se garantir que desde o momento que é feito o pedido uma aeronave está cá em X horas.

Basta pensar que a FRI nacional demora 24h a ser mobilizada.

O problema não é o tempo que demora, mas sim as horas que pagas.

Se para teres uma hora de treino de reabastecimento com os F-16, tens de "pagar" 7 horas deixa de fazer sentido economicamente.

O governo podia ficar com duas das encomendas de A330 da TAP, ajudava a empresa porque vai ser difícil para esta arranjar empresa de leasing para financiar a compra nesta altura e dava a Portugal uma capacidade estratégica enorme.

Se fossem Embraer talvez...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: nelson38899 em Maio 02, 2021, 08:03:21 pm
Eu acho que não é obrigatório o avião estar em Portugal. Tem é que se garantir que desde o momento que é feito o pedido uma aeronave está cá em X horas.

Basta pensar que a FRI nacional demora 24h a ser mobilizada.

O problema não é o tempo que demora, mas sim as horas que pagas.

Se para teres uma hora de treino de reabastecimento com os F-16, tens de "pagar" 7 horas deixa de fazer sentido economicamente.

O governo podia ficar com duas das encomendas de A330 da TAP, ajudava a empresa porque vai ser difícil para esta arranjar empresa de leasing para financiar a compra nesta altura e dava a Portugal uma capacidade estratégica enorme.

Se fossem Embraer talvez...

Se a china apoiar sim!
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Maio 02, 2021, 08:07:54 pm
Já vi que houve golpada chinesa dura por cá, mais um prego no caixão dos F-35....
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: JohnM em Maio 04, 2021, 01:13:24 pm
O governo podia ficar com duas das encomendas de A330 da TAP, ajudava a empresa porque vai ser difícil para esta arranjar empresa de leasing para financiar a compra nesta altura e dava a Portugal uma capacidade estratégica enorme.
Vocês têm que parar de ter ideias que fazem sentido, porque só ficam mais frustrados quando nada acontece, vide Wave, vide Uh-60, vide JdW, vide MLU às VdG... preciso continuar?  :mrgreen:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Maio 04, 2021, 04:38:02 pm
Mas já há versão MRTT do Neo?
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Cabeça de Martelo em Maio 04, 2021, 04:41:44 pm
https://www.airbus.com/defence/a330mrtt.html

(https://airbus-h.assetsadobe2.com/is/image/content/dam/products-and-solutions/military-aircraft/a330-mrtt/MRTT_Conversion_Web_infographic_1920x1080_Blue%2002.jpg?wid=1920&fit=fit,1&qlt=85,0&fmt=png-alpha)


Penso que o F-16 que aparece no vídeo é da FAP.

Editado: http://www.passarodeferro.com/2017/05/f-16-da-fap-no-primeiro-reabastecimento_10.html
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Maio 04, 2021, 09:33:08 pm
Mas já há versão MRTT do Neo?

Ainda não, as linhas do Neo estavam viradas para as transportadoras.

Mas com o Covid as coisas são diferentes...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Maio 12, 2021, 09:53:33 pm
(https://caiafamaster.com.br/wp-content/uploads/2021/05/WhatsApp-Image-2021-05-12-at-13.25.45-917x1024.jpeg)

Cá é que não faz falta. 8)

Mais uma vez o Brasil a comprar bem no mercado de usados.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Maio 12, 2021, 10:16:40 pm
É demasiado complexo, o KC resolve !
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Vitor Santos em Maio 12, 2021, 10:36:33 pm
(https://caiafamaster.com.br/wp-content/uploads/2021/05/WhatsApp-Image-2021-05-12-at-13.25.45-917x1024.jpeg)

Cá é que não faz falta. 8)

Mais uma vez o Brasil a comprar bem no mercado de usados.

Virá em boa hora!
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Maio 13, 2021, 11:38:40 am
Cá é que não faz falta. 8)

Nem mesmo se fosse necessário para salvar dessa forma a TAP, por exemplo, o Estado compraria alguma vez 2 ou 3 A330 para os alocar à FAP. É pura e simplesmente um conceito que não existe na cabeça dos políticos, nem tão pouco na das chefias seguidistas.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Maio 13, 2021, 11:48:16 am
Cá é que não faz falta. 8)

Nem mesmo se fosse necessário para salvar dessa forma a TAP, por exemplo, o Estado compraria alguma vez 2 ou 3 A330 para os alocar à FAP. É pura e simplesmente um conceito que não existe na cabeça dos políticos, nem tão pouco na das chefias seguidistas.

Isso é muito á frente para estes carreiristas, como o que tivemos por aqui até há bem pouco, tempo, o tal dos discursos de baralhar e dar de novo. ::)
Porventura ainda o veremos com CEMFA, o homem tem futuro então a escrever como escrevia........ :mrgreen:

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Maio 13, 2021, 12:39:41 pm
Cá é que não faz falta. 8)

Nem mesmo se fosse necessário para salvar dessa forma a TAP, por exemplo, o Estado compraria alguma vez 2 ou 3 A330 para os alocar à FAP. É pura e simplesmente um conceito que não existe na cabeça dos políticos, nem tão pouco na das chefias seguidistas.

Um modelo como o britânico, onde parte da frota está entregue a privados.
Os MRTT podiam ser usados pela TAP/SATA para o transporte de mercadorias.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Maio 13, 2021, 01:16:21 pm
Cá é que não faz falta. 8)

Nem mesmo se fosse necessário para salvar dessa forma a TAP, por exemplo, o Estado compraria alguma vez 2 ou 3 A330 para os alocar à FAP. É pura e simplesmente um conceito que não existe na cabeça dos políticos, nem tão pouco na das chefias seguidistas.

Um modelo como o britânico, onde parte da frota está entregue a privados.
Os MRTT podiam ser usados pela TAP/SATA para o transporte de mercadorias.

só podes estar a brincar RedBaron !!

Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Agosto 13, 2021, 01:29:21 pm
Entretanto aqui ao lado...

Citar
Defence
Spain turns to Iberia for air force A330 tankers
By Dominic Perry - 11 August 2021

Spain is to acquire three Airbus A330-200s from flag carrier Iberia for conversion into aerial refuelling tankers for its air force. Madrid in late June approved the acquisition of three tanker/transports, allocating €148 million ($174 million) this year, as part of a broader agreement with the airframer, which also included helicopters and a commitment to the multi-national European Future Combat Air System.

It had been assumed that the order would be for new-build A330 multi-role tanker transport (MRTT) aircraft, which are assembled in Toulouse and then sent for conversion at Airbus Defence & Space’s facility in Getafe near Madrid. But speaking to Spanish media outlet defensa.com, Major General Javier Antonio Guerrero Mochon, head of programmes at the Spanish air force, indicated that the three aircraft will be second-hand assets.

An initial example will arrive and be put into service this year without undergoing conversion, he says, and a second aircraft, also still in its passenger configuration, will follow “months later”. He indicates that the final A330 will go directly to Getafe for conversion in 2023, with the initial assets subsequently retrofitted to the MRTT standard. New build aircraft are based on the -200 variant of the Airbus widebody twin.

Iberia has a fleet of 13 A330-200s, plus two further examples in storage, Cirium fleets data records. The majority are owned by the carrier or its parent company IAG. Iberia says it has submitted its offer for the contract, “but negotiations are still ongoing”. Spain’s plan is not without precedent: two of the Royal Australian Air Force’s seven-strong MRTT fleet are converted passnger aircraft acquired from flag carrier Qantas.

https://www.flightglobal.com/defence/spain-turns-to-iberia-for-air-force-a330-tankers/145033.article
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Agosto 13, 2021, 02:57:30 pm
Entretanto aqui ao lado...

Citar
Defence
Spain turns to Iberia for air force A330 tankers
By Dominic Perry - 11 August 2021

Spain is to acquire three Airbus A330-200s from flag carrier Iberia for conversion into aerial refuelling tankers for its air force. Madrid in late June approved the acquisition of three tanker/transports, allocating €148 million ($174 million) this year, as part of a broader agreement with the airframer, which also included helicopters and a commitment to the multi-national European Future Combat Air System.

It had been assumed that the order would be for new-build A330 multi-role tanker transport (MRTT) aircraft, which are assembled in Toulouse and then sent for conversion at Airbus Defence & Space’s facility in Getafe near Madrid. But speaking to Spanish media outlet defensa.com, Major General Javier Antonio Guerrero Mochon, head of programmes at the Spanish air force, indicated that the three aircraft will be second-hand assets.

An initial example will arrive and be put into service this year without undergoing conversion, he says, and a second aircraft, also still in its passenger configuration, will follow “months later”. He indicates that the final A330 will go directly to Getafe for conversion in 2023, with the initial assets subsequently retrofitted to the MRTT standard. New build aircraft are based on the -200 variant of the Airbus widebody twin.

Iberia has a fleet of 13 A330-200s, plus two further examples in storage, Cirium fleets data records. The majority are owned by the carrier or its parent company IAG. Iberia says it has submitted its offer for the contract, “but negotiations are still ongoing”. Spain’s plan is not without precedent: two of the Royal Australian Air Force’s seven-strong MRTT fleet are converted passnger aircraft acquired from flag carrier Qantas.

https://www.flightglobal.com/defence/spain-turns-to-iberia-for-air-force-a330-tankers/145033.article

Para nós agora já nao dá, a TAP já só tem três 332 para dispensar, e a FAP não os quer........... :mrgreen: os 339 que tem são novinhos.........

Abraço
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Agosto 13, 2021, 03:21:48 pm
Para nós agora já nao dá, a TAP já só tem três 332 para dispensar, e a FAP não os quer........... :mrgreen: os 339 que tem são novinhos.........

Abraço

Nem cá isso alguma vez aconteceria/acontecerá, como tu bem sabes caro amigo. É só a prova de que quando se quer, e há vontade, tudo é possível. E não venham cá os arautos do costume com a falta de verbas, a não inscrição na LPM, etc, porque quando existe vontade para tal tudo é contornável. A pena é que em Portugal exista sempre muita vontade em rotular tudo o que diga respeito às hipotéticas futuras aquisições militares de "duplo-uso", mas depois não haja nenhuma quando é hora de avançar e as concretizar. ::)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Agosto 13, 2021, 04:59:09 pm
Para nós agora já nao dá, a TAP já só tem três 332 para dispensar, e a FAP não os quer........... :mrgreen: os 339 que tem são novinhos.........

Abraço

Nem cá isso alguma vez aconteceria/acontecerá, como tu bem sabes caro amigo. É só a prova de que quando se quer, e há vontade, tudo é possível. E não venham cá os arautos do costume com a falta de verbas, a não inscrição na LPM, etc, porque quando existe vontade para tal tudo é contornável. A pena é que em Portugal exista sempre muita vontade em rotular tudo o que diga respeito às hipotéticas futuras aquisições militares de "duplo-uso", mas depois não haja nenhuma quando é hora de avançar e as concretizar. ::)

Completamente de acordo, houvesse vontade e ou Óscar Oscar, o Óscar November ou o Óscar Tango, um deles de preferência o Tango, avancava já para a AB em TLS.

Abraço
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Agosto 13, 2021, 06:34:40 pm
Entretanto aqui ao lado...

Citar
Defence
Spain turns to Iberia for air force A330 tankers
By Dominic Perry - 11 August 2021

Spain is to acquire three Airbus A330-200s from flag carrier Iberia for conversion into aerial refuelling tankers for its air force. Madrid in late June approved the acquisition of three tanker/transports, allocating €148 million ($174 million) this year, as part of a broader agreement with the airframer, which also included helicopters and a commitment to the multi-national European Future Combat Air System.

It had been assumed that the order would be for new-build A330 multi-role tanker transport (MRTT) aircraft, which are assembled in Toulouse and then sent for conversion at Airbus Defence & Space’s facility in Getafe near Madrid. But speaking to Spanish media outlet defensa.com, Major General Javier Antonio Guerrero Mochon, head of programmes at the Spanish air force, indicated that the three aircraft will be second-hand assets.

An initial example will arrive and be put into service this year without undergoing conversion, he says, and a second aircraft, also still in its passenger configuration, will follow “months later”. He indicates that the final A330 will go directly to Getafe for conversion in 2023, with the initial assets subsequently retrofitted to the MRTT standard. New build aircraft are based on the -200 variant of the Airbus widebody twin.

Iberia has a fleet of 13 A330-200s, plus two further examples in storage, Cirium fleets data records. The majority are owned by the carrier or its parent company IAG. Iberia says it has submitted its offer for the contract, “but negotiations are still ongoing”. Spain’s plan is not without precedent: two of the Royal Australian Air Force’s seven-strong MRTT fleet are converted passnger aircraft acquired from flag carrier Qantas.

https://www.flightglobal.com/defence/spain-turns-to-iberia-for-air-force-a330-tankers/145033.article

Para nós agora já nao dá, a TAP já só tem três 332 para dispensar, e a FAP não os quer........... :mrgreen: os 339 que tem são novinhos.........

Abraço

A TAP chegou a acordo com a Airbus para adiar até 2027 a entrega de 15 aviões, que estava inicialmente prevista até 2025, e assim poupar cerca de 856 milhões de euros de investimento entre 2020 e 2022.

“Foi renegociada com a Airbus o diferimento das datas de entrega de 13 aeronaves A320neo de 2012-2022 para 2025-2027 e do diferimento da data de entrega dos [dois] A330neo de 2022 para 2024”, lê-se no relatório dos resultados do primeiro semestre deste ano, enviado na segunda-feira à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

A transportadora aérea portuguesa justifica esta medida com a necessidade de controlar e reduzir custos, que inclui a suspensão ou adiamento de investimentos não críticos e a renegociação de contratos, face aos efeitos da pandemia de covid-19 na sua atividade.

A TAP tinha contratado com a fabricante de aeronaves Airbus a aquisição de 53 aeronaves (39 A320 NEO Family e 14 A330 NEO) a receber entre 2018 e 2025.

Destas, foram recebidas até ao momento 17 aeronaves.

“Relativamente ao acordo já alcançado com a Airbus, este altera os contratos de aquisição de aeronaves das famílias A320neo e A330neo, permitindo reduzir o CAPEX nos anos 2020-2022 em aproximadamente USD [dólares norte-americanos] 1.000 milhões [aproximadamente 856 milhões de euros], por forma a alcançar um melhor alinhamento com o atual momento de mercado e as perspetivas para os próximos 18-24 meses”, refere a companhia.

Quanto ao contrato de aquisição de aeronaves da família A320neo, a TAP conseguiu adiar algumas entregas para 2021, bem como adiar a maioria das entregas originalmente previstas para 2021 e 2022 para o período entre 2025 a 2027.

No que se refere ao contrato de aquisição de aeronaves A330neo, foi acordado o adiamento para 2024 relativo às 2 aeronaves com entrega originalmente prevista para 2022, garantindo a TAP Air Portugal a possibilidade de troca destas aeronaves por outros modelos, a avaliar em função da retoma de mercado e necessidades da TAP Air Portugal na altura”.

Era só virem esses dois. :mrgreen:

Ps: No Brasil convenceram o Bolsonaro com a capacidade VVIP. Cá é mais dificil. :(
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Agosto 13, 2021, 06:44:46 pm
Nós não necessitamos de dois MRTT, nem tao pouco do modelo 339 da TAP, um 332 seria suficiente, .

Os 339 cuja entrega foi adiada são acft bastante caros, só o custo da aeronave seria 80% do orçamento anual da FAP.

Se se optasse por um dos 332 da TAP, com idades entre os 13/14 anos, os custos finais seriam muito inferiores e, em termos de capacidades de transporte, seria uma aeronave muito mais ajustada ás nossas necessidades.

Houvesse vontade e a aquisição podia avançar já pois a frota de LC tem diariamente, dois a três acfts, parqueados em LIS.

Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: oi661114 em Agosto 14, 2021, 12:29:19 am
Isto é que é um país de gente rica, 2 A330 para a FA (para depois serem usados como sabemos, passeios de políticos e amigos e as restantes missões e aeronaves ficarem "a seco" por falta de verba)... nem os ingleses têm A330 próprios, recorrendo a empresas particulares no caso dos Voyager.

O que precisamos é de nos incluir num dos consórcios de fornecimento de transporte, comprando horas de voo, como muito pequenos países europeus (e não só) fizeram.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Agosto 14, 2021, 12:43:40 am
Isto é que é um país de gente rica, 2 A330 para a FA (para depois serem usados como sabemos, passeios de políticos e amigos e as restantes missões e aeronaves ficarem "a seco" por falta de verba)... nem os ingleses têm A330 próprios, recorrendo a empresas particulares no caso dos Voyager.

O que precisamos é de nos incluir num dos consórcios de fornecimento de transporte, comprando horas de voo, como muito pequenos países europeus (e não só) fizeram.

Gente rica é dar perto de 900 milhões por 5 aviões táticos, sem provas dadas no mercado, e onde muito provavelmente serão produzidas tão somente 21 unidades, para 3 países.
Somos mesmo ricos! (Quando interessa)...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Agosto 14, 2021, 01:04:33 am
Isto é que é um país de gente rica, 2 A330 para a FA (para depois serem usados como sabemos, passeios de políticos e amigos e as restantes missões e aeronaves ficarem "a seco" por falta de verba)... nem os ingleses têm A330 próprios, recorrendo a empresas particulares no caso dos Voyager.

O que precisamos é de nos incluir num dos consórcios de fornecimento de transporte, comprando horas de voo, como muito pequenos países europeus (e não só) fizeram.

Eles têm 9 que são operados pera RAF e fazem parte do "core", depois sim têm mais 5 que sim estão entregues a operação privada e que o objetivo é serem chamados de volta em caso de necessidade. É uma forma de reserva estratégica.

Mas um dos 9(ZZ336) foi convertido em avião VVIP e serve para levar membros do governo e da familia real
(https://external-content.duckduckgo.com/iu/?u=https%3A%2F%2Ftse1.mm.bing.net%2Fth%3Fid%3DOIP.sb7-gFcwcPGzBjUlZsFv0AHaFA%26pid%3DApi&f=1)


Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Agosto 14, 2021, 02:29:11 am
MRTT, até agora, é só para o modelo 332 — como, aliás, é mencionado na notícia. No futuro, é possível que a Airbus avance com um MRTT baseado no Neo.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Agosto 14, 2021, 11:29:06 am
De qualquer maneira, se era para adquirir, que fosse convertido na versão militar. Não faz sentido ficarmos limitados a A330 civis. Os MRTT não seriam só para transporte, sendo extremamente importante a capacidade de abastecer os F-16.

Depois, ao comprar 2 MRTT, não seria impeditivo de entrarmos no consórcio Europeu. Os próprios belgas compraram 1 para entrar no dito consórcio.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Agosto 14, 2021, 02:05:23 pm
Nem faz sentido não serem convertidos em MRTT.

Como os nossos deputados/ministros gostam tanto de ir ver os jogos da seleção ao estrangeiro, não me importava nada que fossem pintados com as cores da bandeira e fossem levar os jogadores e os ministros/deputados ao estrangeiro desde que fosse a seleção a pagar. Podia ser uma forma de financiar o projecto e de garantir um mínimo de horas de voo. 

Assim provavelmente já havia dinheiro para a certificação de reabastecimento. c56x1
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Agosto 16, 2021, 11:32:45 pm
Escusado será dizer que neste preciso momento, nem que fosse somente um único exemplar, uma aeronave de transporte estratégico e reabastecimento aéreo daria um jeitão, tanto para nós como para a comunidade internacional. Mas pronto, siga a miséria, o desinteresse e a irrelevância...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Vitor Santos em Agosto 17, 2021, 12:20:14 am
Isto é que é um país de gente rica, 2 A330 para a FA (para depois serem usados como sabemos, passeios de políticos e amigos e as restantes missões e aeronaves ficarem "a seco" por falta de verba)... nem os ingleses têm A330 próprios, recorrendo a empresas particulares no caso dos Voyager.

O que precisamos é de nos incluir num dos consórcios de fornecimento de transporte, comprando horas de voo, como muito pequenos países europeus (e não só) fizeram.

Eles têm 9 que são operados pera RAF e fazem parte do "core", depois sim têm mais 5 que sim estão entregues a operação privada e que o objetivo é serem chamados de volta em caso de necessidade. É uma forma de reserva estratégica.

Mas um dos 9(ZZ336) foi convertido em avião VVIP e serve para levar membros do governo e da familia real
(https://external-content.duckduckgo.com/iu/?u=https%3A%2F%2Ftse1.mm.bing.net%2Fth%3Fid%3DOIP.sb7-gFcwcPGzBjUlZsFv0AHaFA%26pid%3DApi&f=1)

Especula-se que dois ou três Voyager poderão vir à FAB.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Agosto 17, 2021, 09:18:01 am
Escusado será dizer que neste preciso momento, nem que fosse somente um único exemplar, uma aeronave de transporte estratégico e reabastecimento aéreo daria um jeitão, tanto para nós como para a comunidade internacional. Mas pronto, siga a miséria, o desinteresse e a irrelevância...

É ver os USA, UK, Espanha,Bélgica...com C-17, A-400M, etc, por sinal 2 aeronaves que poderiam ter sido da FAP, mas a realidade neste momento é 1 C-130M operacional e 5 KACETES encomendados....
Triste sina, triste país, coitados dos Afegãos de bem.......
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: redkukulkane em Agosto 17, 2021, 02:05:06 pm
deixe os kc  e os a-400 ,e vamos buscar c-17 globe master III ,que leva 800 pessoas a bordo. :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen:

https://www.cm-tv.pt/atualidade/detalhe/controlador-aereo-incredulo-com-comunicacao-do-piloto-de-aeronave-em-cabul-800-pessoas-no-aviao-f
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Agosto 17, 2021, 02:25:32 pm
O C17 só conseguiria transportar 800 pessoas SENTADAS NO CHÃO, se tivesse dois decks.

https://observador.pt/2021/08/17/a-historia-da-fotografia-de-640-afegaos-amontoados-dentro-de-um-aviao-de-carga/

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Agosto 18, 2021, 12:10:16 am
O engraçado é que não se viu nenhum A380. c56x1
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Agosto 18, 2021, 01:23:06 am
A maioria dos 380 ainda estão armazenados. No entanto, algumas das maiores companhias já estão a reactivar algumas células. Por outro lado, também não viste muitos 747, 777, 787, 330, 340 e por aí fora. Talvez por esta evacuação se tratar de uma missão militar. Mas é sempre divertido quando nos brindas com o teu humor.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Agosto 18, 2021, 02:33:39 am
A maioria dos 380 ainda estão armazenados. No entanto, algumas das maiores companhias já estão a reactivar algumas células. Por outro lado, também não viste muitos 747, 777, 787, 330, 340 e por aí fora. Talvez por esta evacuação se tratar de uma missão militar. Mas é sempre divertido quando nos brindas com o teu humor.
Não era humor era uma critica a Emirates que podia ter feito a evacuação de forma muito fácil.

Mas a culpa é dos ocidentais.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Lightning em Agosto 18, 2021, 07:22:16 am
E o aeroporto de Kabul pode receber esse bicho?

Eu não sei, mas como sei que existem aeroportos onde ele não consegue operar, pode ocorrer a mesma situação em Kabul...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Agosto 18, 2021, 07:41:45 am
E o aeroporto de Kabul pode receber esse bicho?

Eu não sei, mas como sei que existem aeroportos onde ele não consegue operar, pode ocorrer a mesma situação em Kabul...

O 388 por exemplo consegue operar em kabul mas, á descolagem está limitado devido ao comprimento da mesma.
A pista principal em Kabul tem 3500m e o 388 necessita de, no minimo, 4000m para descolar com PMD !

A fully loaded A388 super needs a take off run (TORA) = 3750m (~12,300ft)
At min weight A388 super needs a take off run (TORA) = 1600m (~5280ft)
A fully loaded A388 super needs a landing distance (LDA) = 7000 ft (~2150m)

It shall be noted that: For an acceptable safety margin (rejected take-off, etc.), the runway should be at least 500 meters (1640 feet) longer, maybe more.
Which means for an A380–8 a minimum runway lenght of 4000m is required.


Também em LIS o 388 estaria limitado á descolagem, pois a 03/21 tem 3800m !

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Agosto 18, 2021, 08:00:53 am
Afinal a culpa é dos ocidentais.  :mrgreen:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Agosto 18, 2021, 10:38:10 am
De qualquer maneira, o que não faltaria seriam países da região com aeronaves de transporte estratégico e táctico para ajudar. Se não ajudaram, é porque não quiseram meter lá os pés. Se as forças armadas destes países não fizeram nada, duvido que sejam empresas civis a fazer.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Agosto 18, 2021, 12:32:20 pm
Até os Holandeses e Italianos já andam lá com os C-130H e J, como sempre, por cá, ZERO.

Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Agosto 18, 2021, 02:27:04 pm
Retirado do FB:

Citar
Miguel Machado

Desde 1996 ( há 25 anos portanto!) pelo menos, que se fala da necessidade de dotar a Força Aérea Portuguesa de pelo menos um (ou mais) avião “tipo comercial” para transporte de pessoal e/ou carga em tempos de emergência ou rotina. Quer para transportar contingentes militares para missões expedicionárias de rotina quer, como agora, ir a Cabul participar numa evacuação de emergência. São inúmeras as vezes que este tipo de avião já fez falta.

A título de exemplo recordo apenas: a última emergência humanitária em Moçambique na qual Portugal teve que pedir o apoio de Espanha que nos cedeu um A-400; temos contingentes no Mali e na RCA e podemos necessitar de, em emergência, lá ir. Sabemos as limitações dos excelentes aviões tácticos C-130 quer em capacidade de transporte de pessoal quer em termos de raio de acção quer de velocidade.

A recente crise da TAP foi mais uma oportunidade perdida para o Estado ter adquirido os meios em causa.
Fica a ideia… e acreditem que a próxima crise vai ser como esta, surpreendente. Como sempre, como os sismos ou os furacões 😞

(https://scontent.fopo2-2.fna.fbcdn.net/v/t39.30808-6/236995258_10219972097599572_3290998436015583663_n.jpg?_nc_cat=110&ccb=1-5&_nc_sid=8bfeb9&_nc_ohc=c44-wyU-D8gAX_Tk80L&_nc_ht=scontent.fopo2-2.fna&oh=dea89d4e04cae78ee6956696f999b1c4&oe=61218AD3)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Agosto 18, 2021, 02:44:53 pm
Até os Holandeses e Italianos já andam lá com os C-130H e J, como sempre, por cá, ZERO.

Os romenos enviaram ontem um C-130H para Kabul a fim de repatriar os nacionais que se encontram ainda no Afeganistão, e têm em prontidão um C-27J para ir buscar aqueles que foram transportados por aeronaves de aliados da NATO para outras localizações.

https://www.facebook.com/ForteleAerieneRomane/photos/a.221976561285071/2071863772962998/


Em Portugal...  ::)

(https://forum.playboundless.com/uploads/default/original/3X/d/f/dfb76c7edeb66233cf837436fffb3d2b33f8e7be.gif)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Agosto 18, 2021, 02:54:17 pm
Até os Holandeses e Italianos já andam lá com os C-130H e J, como sempre, por cá, ZERO.

Os romenos enviaram ontem um C-130H para Kabul a fim de repatriar os nacionais que se encontram ainda no Afeganistão, e têm em prontidão um C-27J para ir buscar aqueles que foram transportados por aeronaves de aliados da NATO para outras localizações.

https://www.facebook.com/ForteleAerieneRomane/photos/a.221976561285071/2071863772962998/


Em Portugal...  ::)

(https://forum.playboundless.com/uploads/default/original/3X/d/f/dfb76c7edeb66233cf837436fffb3d2b33f8e7be.gif)

tal qual o que temos vindo a fazer em situações semelhantes a esta !!! :mrgreen:

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: MATRA em Agosto 18, 2021, 04:50:11 pm
Será este um meio assim tão difícil de vender à população? Ou é mesmo um desinteresse de um letárgico MDN junto com algum desinteresse da própria FAP? Ou a FAP tem receio de ficar com este meio em mãos, com o mesmo orçamento (ou menos) que dispõe agora?

Tanta pergunta, para um pais pequeno como o nosso, com com ilhas espalhadas pelo atlântico, e portugueses destacados ou emigrados a milhares de quilómetros, muitos em países que, a qualquer momento podem sofrer perturbações  ou convulsões que exijam algo como se vê agora em Kabul, de resto, como já aconteceu, embora em menor escala.

O 330 da TAP é mesmo propriedade desta, ou está metido em algum esquema de financiamento ainda com parte por pagar?

Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: asalves em Agosto 18, 2021, 05:46:15 pm
Eu não quero estar a ser advogado do diabo até porque os critico muito.

Mas será que para ir buscar 16 pessoas era necessário mandar para lá um avião mais tripulação e escolta?

Ainda mais quando essas 16 pessoas penso que quase todas estavam integradas na NATO (que deve providenciar o transporte) ou em empresas americanas que devem ter o apoio militar Americano para o transporte.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Agosto 18, 2021, 05:46:47 pm
Da maneira que o mundo anda, devia já estar em cima da mesa tal aquisição e claro conversão para MRTT. É uma aeronave que confere uma versatilidade enorme, que um cargueiro convencional não oferece, e ainda consegue ser justificado com o "duplo-uso".
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Agosto 19, 2021, 11:48:45 am
Eu não quero estar a ser advogado do diabo até porque os critico muito.

Mas será que para ir buscar 16 pessoas era necessário mandar para lá um avião mais tripulação e escolta?

Ainda mais quando essas 16 pessoas penso que quase todas estavam integradas na NATO (que deve providenciar o transporte) ou em empresas americanas que devem ter o apoio militar Americano para o transporte.

Porque é um meio necessário, diria até muito mais vital que um LPD alguma vez será, e que se não for (ou quando não for) para emprego próprio, estará à disposição da NATO, UE ou ONU para missões de cariz humanitário. É que quando há um percalço, como os incêndios por exemplo, nós estendemos logo a mão a pedir auxílio, vindo aliados e vizinhos em socorro; quando é o contrário, como poucos meios temos, a nossa solidariedade cinge-se a manifestações de apoio, a umas acções quaisquer, e no máximo dos máximos o envio de um C-130 caso esteja algum operacional ou disponível naquele momento.

Porra, até o Luxemburgo enviou o seu A400M, inserido no destacamento belga, ficando a aeronave encarregue do transporte estratégico de passageiros do Paquistão de volta a solo europeu. Já chateia!  >:(
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Agosto 19, 2021, 04:08:14 pm
E a Hifly, não tem nenhum para venda?
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Agosto 20, 2021, 07:21:28 pm
Eu não quero estar a ser advogado do diabo até porque os critico muito.

Mas será que para ir buscar 16 pessoas era necessário mandar para lá um avião mais tripulação e escolta?

Ainda mais quando essas 16 pessoas penso que quase todas estavam integradas na NATO (que deve providenciar o transporte) ou em empresas americanas que devem ter o apoio militar Americano para o transporte.

Porque é um meio necessário, diria até muito mais vital que um LPD alguma vez será, e que se não for (ou quando não for) para emprego próprio, estará à disposição da NATO, UE ou ONU para missões de cariz humanitário. É que quando há um percalço, como os incêndios por exemplo, nós estendemos logo a mão a pedir auxílio, vindo aliados e vizinhos em socorro; quando é o contrário, como poucos meios temos, a nossa solidariedade cinge-se a manifestações de apoio, a umas acções quaisquer, e no máximo dos máximos o envio de um C-130 caso esteja algum operacional ou disponível naquele momento.

Porra, até o Luxemburgo enviou o seu A400M, inserido no destacamento belga, ficando a aeronave encarregue do transporte estratégico de passageiros do Paquistão de volta a solo europeu. Já chateia!  >:(

se tivessemos os 390 já tinhamos mandado um para ajudar, fazia Lisboa-Kabul non stop !!!! :mrgreen:

Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Agosto 20, 2021, 07:35:58 pm
Eu não quero estar a ser advogado do diabo até porque os critico muito.

Mas será que para ir buscar 16 pessoas era necessário mandar para lá um avião mais tripulação e escolta?

Ainda mais quando essas 16 pessoas penso que quase todas estavam integradas na NATO (que deve providenciar o transporte) ou em empresas americanas que devem ter o apoio militar Americano para o transporte.

Porque é um meio necessário, diria até muito mais vital que um LPD alguma vez será, e que se não for (ou quando não for) para emprego próprio, estará à disposição da NATO, UE ou ONU para missões de cariz humanitário. É que quando há um percalço, como os incêndios por exemplo, nós estendemos logo a mão a pedir auxílio, vindo aliados e vizinhos em socorro; quando é o contrário, como poucos meios temos, a nossa solidariedade cinge-se a manifestações de apoio, a umas acções quaisquer, e no máximo dos máximos o envio de um C-130 caso esteja algum operacional ou disponível naquele momento.

Porra, até o Luxemburgo enviou o seu A400M, inserido no destacamento belga, ficando a aeronave encarregue do transporte estratégico de passageiros do Paquistão de volta a solo europeu. Já chateia!  >:(

eu já me dava por muito feliz se se conseguisse ter um 313 como MRTT.

https://www.scramble.nl/military-news/final-flight-for-luftwaffe-a310

https://www.cavok.com.br/luftwaffe-aposenta-sua-primeira-aeronave-a310-mrtt

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Agosto 21, 2021, 12:55:58 am
Eu não quero estar a ser advogado do diabo até porque os critico muito.

Mas será que para ir buscar 16 pessoas era necessário mandar para lá um avião mais tripulação e escolta?

Ainda mais quando essas 16 pessoas penso que quase todas estavam integradas na NATO (que deve providenciar o transporte) ou em empresas americanas que devem ter o apoio militar Americano para o transporte.

Porque é um meio necessário, diria até muito mais vital que um LPD alguma vez será, e que se não for (ou quando não for) para emprego próprio, estará à disposição da NATO, UE ou ONU para missões de cariz humanitário. É que quando há um percalço, como os incêndios por exemplo, nós estendemos logo a mão a pedir auxílio, vindo aliados e vizinhos em socorro; quando é o contrário, como poucos meios temos, a nossa solidariedade cinge-se a manifestações de apoio, a umas acções quaisquer, e no máximo dos máximos o envio de um C-130 caso esteja algum operacional ou disponível naquele momento.

Porra, até o Luxemburgo enviou o seu A400M, inserido no destacamento belga, ficando a aeronave encarregue do transporte estratégico de passageiros do Paquistão de volta a solo europeu. Já chateia!  >:(

eu já me dava por muito feliz se se conseguisse ter um 313 como MRTT.

https://www.scramble.nl/military-news/final-flight-for-luftwaffe-a310

https://www.cavok.com.br/luftwaffe-aposenta-sua-primeira-aeronave-a310-mrtt

Abraços

Diz que tem altos custos de operação.  :(
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Agosto 21, 2021, 02:28:12 am
Eu também não me importava se fossem os 313, mas já há poucos a voar e a manutenção só vai ficar mais cara. Se formos por aí, então nem descurava uns 02 ou 03 KC-135R, que ainda há muitas centenas a voar e têm vidas infinitas — há ainda a vantagem de o módulo medvac francês Morphée ser compatível com o 135 e com o 332, ficando futuro salvaguardado.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: luis simoes em Agosto 21, 2021, 02:58:22 pm
Boas
Sem duvidas que seria uma boa aquisicao para Portugal pelos tempos que correm...
mas duvido alguma vez que Portugal compre este tipo de capacidade....na pior das hipoteses reconverte se um A330 (TAP) em aviao cargueiro e pouco mais ....mas enfim....
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Agosto 21, 2021, 06:26:50 pm
Boas
Sem duvidas que seria uma boa aquisicao para Portugal pelos tempos que correm...
mas duvido alguma vez que Portugal compre este tipo de capacidade....na pior das hipoteses reconverte se um A330 (TAP) em aviao cargueiro e pouco mais ....mas enfim....
Na pior das hipóteses, diz ele! :toto:

Se for pelo andar da carruagem, nem na melhor das hipóteses quanto mais. ::)

O Leão continua com as Finanças fechadas a sete chaves para as Forças Armadas, o cenário não é nada famoso para futuras aquisições.  :-\
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Major Alvega em Agosto 21, 2021, 11:51:23 pm
Até os Holandeses e Italianos já andam lá com os C-130H e J, como sempre, por cá, ZERO.

Os romenos enviaram ontem um C-130H para Kabul a fim de repatriar os nacionais que se encontram ainda no Afeganistão, e têm em prontidão um C-27J para ir buscar aqueles que foram transportados por aeronaves de aliados da NATO para outras localizações.

https://www.facebook.com/ForteleAerieneRomane/photos/a.221976561285071/2071863772962998/


Em Portugal...  ::)

(https://forum.playboundless.com/uploads/default/original/3X/d/f/dfb76c7edeb66233cf837436fffb3d2b33f8e7be.gif)

Hoje tb vi na placa do Apt. Kabul: 1 C-130 polaco e 2 A319 checos.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: luis simoes em Agosto 22, 2021, 01:59:18 pm
Portugal ira certamente empenhar esforcos para quando chamado a empenhar seus meios mas repito quando for solicitado para tal....
tambem nao vamos rebaixar Portugal ao lixo,  temos capacidade, ela existe, e caso seja necessario, nao duvido que Portugal ira a Kabul tambem....era bem melhor ja agora que eu saiba temos meios para.....
tenhamos todos tambem a humildade e ter orgulho nas nossas FA.....
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Agosto 22, 2021, 02:39:19 pm
Essa da capacidade, por onde andará essa capacidade ?? Deve estar bem camuflada ! ::)
.... se calhar na volta a Portugal do Futuro, talvez, quem sabe, ou será que apenas vamos conseguir ir a Kabul a bordo dos Ka-Cês ?? :conf:
a humildade começa em cada um de nós, em ler o que escreve, pensar no que diz, e atentar no que faz........se tal acontecesse dir-se-iam/escrever-se-iam muito menos babuseiras, e cometer-se-iam muito menos erros.

Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: luis simoes em Agosto 22, 2021, 05:49:06 pm
Quanto ao que sei Portugal dispoe de meios para transportar digo eu....
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Agosto 22, 2021, 05:59:34 pm
claro que dispõe, TAP, Euroatlantic, SATA.......... :bang: :mala:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: luis simoes em Agosto 22, 2021, 06:07:37 pm
Nao da para mais .....enfim  :bang:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Lightning em Agosto 22, 2021, 09:04:24 pm
A nível militar a aeronave portuguesa com mais capacidade para ir a Kabul é o C-130.

Mas estamos em pleno MLU, quantos estarão disponíveis?
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Agosto 22, 2021, 10:02:05 pm
A nível militar a aeronave portuguesa com mais capacidade para ir a Kabul é o C-130.

Mas estamos em pleno MLU, quantos estarão disponíveis?

Os dois C-130H, no entanto não têm neste momento capacidade para ir a Kabul por todas as razões que são por demais conhecidas. Ainda assim dão para ir ao Mali e RCA.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: HSMW em Agosto 23, 2021, 12:05:25 am
claro que dispõe, TAP, Euroatlantic, SATA.......... :bang: :mala:

Se fosse necessário empenhar um A330 para ir a Cabul carregar passageiros, o que seria necessário?

Disponibilidade, Escalas, custos...


Porque:
Citar

EUA ordena uso imediato de 18 aviões comerciais para retirar afegãos


 Em causa estão três aeronaves das companhias American Airlines, Atlas Air, Delta Air Lines e Omni Air, duas da Hawaiian Airlines e quatro da United Airlines .

O Pentágono ordenou este domingo o recurso, com caráter de emergência, a 18 aviões comerciais dos Estados Unidos da América (EUA) para o transporte de afegãos retirados de Cabul.
https://sicnoticias.pt/especiais/afeganistao/2021-08-22-EUA-ordena-uso-imediato-de-18-avioes-comerciais-para-retirar-afegaos-084d6b53?fbclid=IwAR1xK9mNsaL7T0rpDI1LyLyIcqaqTmWxD7d4AjP1ANAz2oStiML2xxFLvFw
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Agosto 23, 2021, 12:11:09 am
A nível militar a aeronave portuguesa com mais capacidade para ir a Kabul é o C-130.

Mas estamos em pleno MLU, quantos estarão disponíveis?

Os dois C-130H, no entanto não têm neste momento capacidade para ir a Kabul por todas as razões que são por demais conhecidas. Ainda assim dão para ir ao Mali e RCA.

A grande questão é como os "estados maiores de planeamento estratégico militar", Alfragide etc, não conseguem antever uma situação destas, (seja no Afeganistão) ou num país qualquer aonde seja necessário extrair portugueses em quantidade, como seja uma Venezuela, Moçambique, Guiné etc.
Como é possível, sermos sempre apanhados de calças na mão?
Opções não faltam, A-400M, A-330MRTT... enfim!
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: HSMW em Agosto 23, 2021, 12:30:35 am
Que tal algo assim?

Citar
The US Department of Defense has activated the Civil Reserve Air Fleet to help with moving evacuees and refugees away from Afghanistan. What the #CRAF is and which aircraft are taking part:

https://www.flightradar24.com/blog/us-department-of-defense-activates-civil-reserve-air-fleet/

(https://www.flightradar24.com/blog/wp-content/uploads/2021/08/CRAF-Featured-Image-1132x600.jpg)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Agosto 23, 2021, 05:18:50 am
Atenção que os aviões da CRAF, que foram requisitados, não vão até Cabul. Para já, essa parte da missão está reservada a aviões militares, por Cabul ser considerada zona de guerra.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Lightning em Agosto 23, 2021, 06:41:31 am
Os dois C-130H, no entanto não têm neste momento capacidade para ir a Kabul por todas as razões que são por demais conhecidas. Ainda assim dão para ir ao Mali e RCA.

Eu percebo que não vale a pena enviar avião nenhum para lá pois já quase não há lá portugueses (o bombeiro do aeroporto já terá regressado?).

Mas Gostava de saber quais são essas razões que não nos permitem capacidade de ir a Kabul, parece que não chego lá sozinho, os C-130 estão ocupados com outras missões? É demasiado perigoso para os nossos C-130?

Andam lá C-130 de outros países, Itália, Holanda, Nova Zelândia...
https://www.tvnz.co.nz/one-news/new-zealand/c-130-hercules-depart-auckland-afghan-mission
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Agosto 23, 2021, 08:02:51 am
claro que dispõe, TAP, Euroatlantic, SATA.......... :bang: :mala:

Se fosse necessário empenhar um A330 para ir a Cabul carregar passageiros, o que seria necessário?

Disponibilidade, Escalas, custos...


Porque:
Citar

EUA ordena uso imediato de 18 aviões comerciais para retirar afegãos


 Em causa estão três aeronaves das companhias American Airlines, Atlas Air, Delta Air Lines e Omni Air, duas da Hawaiian Airlines e quatro da United Airlines .

O Pentágono ordenou este domingo o recurso, com caráter de emergência, a 18 aviões comerciais dos Estados Unidos da América (EUA) para o transporte de afegãos retirados de Cabul.
https://sicnoticias.pt/especiais/afeganistao/2021-08-22-EUA-ordena-uso-imediato-de-18-avioes-comerciais-para-retirar-afegaos-084d6b53?fbclid=IwAR1xK9mNsaL7T0rpDI1LyLyIcqaqTmWxD7d4AjP1ANAz2oStiML2xxFLvFw

Em termos de aeronaves há sempre, rpt sempre disponibilidade, pois em situação de calamidade ou de conflito, as requisições de aeronaves sempre foram feitas, lembras-te do repatriamento de centenas de milhares de retornados da nossas Ex-Colónias ?

As melhores aeronaves que actualmente possuimos para esse trabalho são os 339 da TAP, sem qq margem para dúvida, apesar do 762ER da Euroatlantic ser um excelente acft.
No ano passado os 339 efectuaram voos directos LIS-PEK-LIS sem escala técnica, lembras-te ?

Quanto a custos teriam que ser contactados os países sobrevoados para avaliar as taxas de rota, e depois planear, contabilizar os custos de operação nos aeroportos alternativos em caso de ser obrigado a divergir, não fosse o diabo tecê-las.

para este tipo de operação terias de empenhar um 339 e uma aeronave de menores dimensões, preferencialmente um C' ou um 295 para fazerem de ponte aérea entre Kabul e o aerodromo onde o 339 ficaria baseado, porque não estou a ver os pilotos da TAP arriscarem operar em Kabul nestas situações de conflito.

A nossa ausência, quanto mim tem a ver com o numero muito reduzido de cidadãos Lusos, também toda uma falta de solidariedade que tem vindo a ser apanágio desta gentinha que está nos comandos deste País, e principalmente, mais uma vez, apanhados com as calças na Mão, por não termos os meios minimamente adequados para este tipo de missão e refiro apenas uma aeronave tipo A400, pois, nem necessitavamos de ter os MRTT para intervir.

Se já tivesssemos os 390 operacionais o problema de falta de meios colocava-se exactamente do mesmo modo, ou destavamos três aeronaves para a operação, sendo uma delas o reabastecedor de serviço, ou com uma aeronave, teriamos de efectuar uma escala para chegar a kabul e outra para regressar e isto apenas para um voo de auxilio, basta imaginar os tempos perdidos no solo a reabastecer !

Quando necessitamos de ajuda vamos a correr estender a mão, mas quando os outros necessitam dessa ajuda olhamos para o lado !!
Não teria ficado mal a Portugal se tivesse destacado um dos C's para auxiliar nesta operação de resgate de refugiados !


Abraços   
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: P44 em Agosto 23, 2021, 08:10:15 am
(https://militaryimages.net/attachments/1629701921962-png.330242/)
A319 da Hungria em Kabul
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Agosto 23, 2021, 10:21:22 am
(https://militaryimages.net/attachments/1629701921962-png.330242/)
A319 da Hungria em Kabul

É só ver a lista que, por exemplo, o Tom Cooper tem estado a actualizar diariamente:

Citar
Today is something like the 7th day of ‘non-combat evacuation’ from Hamid Karzai International Airport in Kabul (‘Kabul IAP’). The airport is reported as ‘safe’, now, with a firm perimeter defence, and Afghan, US, and British troops guarding all the entries. However, it’s getting ever harder to approach the airport (see the end of report why). Regarding involved forces and their operations:

Afghanistan
- 400-500 AIA and NDS commandos are still there holding the perimeter of the Kabul IAP. What happened with up to 50,000 other personnel of the two agencies, nor if anybody in the Washington DC might ever come to the idea to try saving them – is unknown.

Austria (this just ‘for the records’)
- Austrian Chancellor Kurz proudly announced he’s against taking in ‘any more’ Afghans… Instead, Austrian government is going to pay one of neighbouring states to take in the refugees…

Australia
- After growing pressure at home, the Australian PM ordered the RAAF into action.
- 1 C-17A flight evacuated 26 on/around 17 August, another 76 were evacuated by a RAF (British) transport on Thursday, 19 August.

Bahrain
- Is permitting aircraft carrying evacuees to stop and refuel – and that’s it (I’m always flashed by the much-praised ‘Islamic solidarity’)

Belgium
- 2 C-130s and 1 A.400M (from Luxemburg) are involved; couldn’t find additional details right now.

Canada
- 2 C-17As involved since Thursday, 19 August.

Czech Republic
- 3 flights by A.319s evacuated 170 Afghans that used to work with the Czech Army, and all of the embassy staff (most were picked out of Kabul by the Czech Army SF teams). No further action is planned.

Denmark
- 2 C-130Js are used to evacuate Danes and eligible Afghans to Islamabad, from there they’re flown to Denmakr by airliners chartered from Sweden, including SAS A.320NEOs registered as SE-ROG and SE-DYC, plus the DAT MD-83 OY-RUE. An SF detachment is involved, but I’m not sure if it’s still at Kabul IAP.

EU
- The usual lots of talking but, except for negotiations with ‘Taliban that are not recognised by the EU’, little action. The EU announced on Thursday, 19 August, that 100 EU staff and 400 Afghans working with the EU (and their families) had been evacuated, while 300 additional Afghans are still trying to leave. However, it also stated that it’s ‘mathematically impossible’ for the USA and allies to evacuate all the Afghan personnel that had worked for the foreign forces. Great to see the honourable politicians paid to plan and act came to the idea to think about this at all – and only now…

Finland
- 2 C.295M transport aircraft and a squad of Utti Special Jaeger Rgt (SF), facilitating evacuation of Finnish nationals.

France
- 1 A.400M and one C.130H-30 are evacuating people to Dhafra AB, in the UAE; from there, A.330s of the Air Force are evacuating to France.
- Like Italians and Spaniards (see below), French RAID SF unit evacuated over 240 people from different spots in Kabul of the last few days – until ordered to stop, by US commanders.

Germany
- 7 A.400Ms are involved; they have evacuated over 2,000 people by now;
- the KSK team and two H.145M helicopters at still at Kabul IAP, but in the light of US commanders prohibiting any ‘externals’ (at least until yesterday), they were standing idle for much of the last two days: first ops over Kabul were reportedly flown the last night.
- So far, at least two German citizens were shot and wounded during diverse of ‘external’ evacuation ops outside Kabul IAP.
 
Great Britain
- C-17 Globemasters and C-130J Hercules of the RAF are involved, and evacuating via the UAE. Like the French, the 900 troops of the 2nd Para/16th Airborne Brigade were excelling at bringing additional evacuees to the Kabul IAP, until interrupted by US commanders, two days ago. London intends to evacuate 6,000-7,000 people, but no aid workers and none of 125 Afghan guards that used to protect its embassy (these were hired by a PMC).

Hungary
- HunAF A319 taking out own citizens, and might accept some Afghans that worked for its government over the time (details remain scarce)

India
- Either on 16 or 17 August, 150-170 Indian nationals were escorted by the Taliban to Kabul IAP (yup, the embassy arranged this), and then flown out to Jamnagar and New Delhi by a C-17A of the Indian Air Force. Another 50 were flown out before the Taliban took over.

Indonesia
- 1 B737 (A-7305) evacuated 33 people from Kabul on 18 August, including 26 Indonesian, 5 Philippino, and 2 Afghan nationals.

Italy
- 4 C-130Js are evacuating to Kuwait, where 4 KC-767s are flying evacuees out to Italy. 
- Italians have teams from the 1st Tuscania Airborne Regiment and the 7th Trentino Alto Adige Regiment (both Carabinieri). They might have some paratroopers of the Folore Division in situ, too, and they seem to have run several ‘externals’ outside the Kabul IAP, until stopped by US commanders. There are reasonably lot of photos showing them ‘all over thee place’. Nominaly at least, the government in Roma plans to evacuate 2,500 Afghans that used to work for it.
- Over 1,000 Afghans were evacuated to Italy as of yesterday, another 211 arrived the last night.

Japan
- 12 diplomatic personnel evacuated by foreign aircraft on Wednesday, 18 August.

Netherlands
- 2 C-130H-30s and running one flight each – a day. Probably to the UAE.
- 1 A.330M tanker evacuated about 180 from Islamabad, on 20 August; a C-17 flew out 86 yesterday, another 160 were flown out by an A.330M early this morning.

Poland
- 3 C-130s involved, evacuating from Kabul to Uzbekistan; LOT airliners are flying people out (five sorties so far)
- BTW, some of German media is using photos of Polish C-130s to ‘illustrate’ the Qatari deployment of US-made C-17s to fly the Taliban leadership from Doha to Qandahar….

Qatar
- I love reporting about Qatari involvement, really – because it’s ‘murky waters’ all the way. Official statements say ‘continuing efforts to evacuate people from Afghanistan… additional flights schedule for the upcoming days’, and they have also shown one of C-17 – perhaps the same that brought the Taliban leadership to Qandahar? – picking up evacuees in such a well-organised fashion, that even Hollywood would have a problem to organise it that way. But, have no doubts: Biden is – endlessly – thankful for Qatar’s ‘help in Afghanistan’ and the mainstream media is full of reports about Qatar ‘housing thousands of evacuees (until they can enter a third country)’. Some of French commentators are ‘overwhelmed’ by the Qatari help, too. Makes me wonder how much did Doha pay for that (if it had to pay anything at all)…

Romania
- 1 C-130 flight to Islamabad evacuated 2 Romanians, 1 British, 1 Bulgarian, and 1 US citizen. No new on 14 Romanians that were waiting to be evacuated as of Thursday.
- 1 C-27J remains on hold for possible involvement.

Slovakia
- 1 C-27J flew out 24 people on 19 August.

Slovenia
- 5 Slovenes evacuated to Italy and France, also an Afghan translator that worked for them (was flown from Paris to Ljubljana by a Slovenian Falcon bizjet).

Spain
- At least 3 A.400Ms are involved, and evacuating to Dubai in the UAE. For example, one transport with 110 Afghan refugees – including 36 that used to work for the US administration – arrived at Torrejon yesterday.
- Spain has two teams deployed at Kabul IAP: a squadron of EZAPAC (SF troops) and one from GEO (SWAT asset). They run several externals into Kabul over the last days – until stopped by US commanders, like everybody else.
- Contrary to its troops, the government was a mess in regards of Afghanistan, initially, but now official Spain announced it is providing two additional military bases as transit stations for Afghan evacuees: Moron (de la Frontera) AB, near Seville, and (NAS) Rota, near Cadiz.

South Africa
- Nothing. Indeed, one is left to wonder what’s going to happen with hundreds of South African private military contractors (PMCs), known to have been in the country only about a week ago…
 
Sweden
- 2 C-130H/TP-85 transports involved.

Switzerland
- 230 people evacuated by foreign aircraft: 40 Afghans that used to work for the embassy are going to be allowed into Switzerland.

Turkey
- 3-4 A.400Ms and at least 1-2 C-130s involved
- Turkish Army has 650 troops from the 2 Bolu Commando Brigade, 5 Hakkari Brigade, and some Gendarmes, reinforced by 120 Azerbijan Army troops, at Kabul IAP.

UAE
- United Arab Emirates reportedly ‘facilitated’ the evacuation of 8,500 people from Afghanistan in the last week.

USA
- Rear Admiral Peter Vasely is in overall command of the evacuation
- Major-General Chris Donahue is in command of Kabul IAP
- Ground units are including 2nd Bn/1st Marines, 1st Bn/8th Marines, 1st Combined Bn/194th Armour (Minn National Guard), 3rd BCT 82nd Airborne Division, and 4th Bn/31st Infantry 2nd BCT/10th Mountain Division. There is ever less to see of SF ops.
- Top cover provided by F/A-18E/Fs from USS Ronald Reagan (CVN-76)
- After holding back everybody else for days, Vasely and Donahue have granted permission for an US external: yesterday, at least 96 Afghans were evacuated by CH-47 helicopters to Kabul IAP.
- 2,500 US nationals were evacuated over the last six days, and then 3,800 over the last 24 hours. It remains unclear how many US citizens are still in the country, but plan is now to fly 5,000 Afghan nationals to the UAE, on temporary basis (for 10 days), of course. 
After reviewing diverse videos of the last six days, my estimate is that about 30 people have been killed at or around Kabul IAP since evacuation began: 5-6 were shot, 7 crushed to death, up to 20 fell off USAF C-17As (not the usually reported ‘three’), or were overrun…
BTW, the worst is yet to come, then the Taliban have handed over the security of Kabul to Sirajuddin Haqqani (who barely survived COVID-19, back in July) and his ‘Haqqani Network: Haqqani was sought for by the USA as much as OBL, and nobody knows how many Afghans were killed by UCAV strikes at ‘Haqqani headquarters’ over the years…
Ah yes, and right on Haqqani’s heels, and in addition to the Taliban releasing thousands of the TTP from Afghan jails, another lovely piece of news is that the ‘Islamic State of Khorasan’ (IS-K or ISIS-K) – the Afghan branch of the Daesh – is active again: supposedly, it’s planning a terror attack on the Kabul IAP. Surely enough, the IS-K was smashed by the ‘non-fighting’ Afghan Army and the USA, back in 2019, and is it at war with the Taliban, but well: when one simply lets thousands of jihadists out of prisons in Afghanistan (thank you, Pakistan!)…

As always, all updates and corrections are most welcome.

Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Lightning em Agosto 23, 2021, 04:02:42 pm
claro que dispõe, TAP, Euroatlantic, SATA.......... :bang: :mala:

Se fosse necessário empenhar um A330 para ir a Cabul carregar passageiros, o que seria necessário?

Disponibilidade, Escalas, custos...


Porque:
Citar

EUA ordena uso imediato de 18 aviões comerciais para retirar afegãos


 Em causa estão três aeronaves das companhias American Airlines, Atlas Air, Delta Air Lines e Omni Air, duas da Hawaiian Airlines e quatro da United Airlines .

O Pentágono ordenou este domingo o recurso, com caráter de emergência, a 18 aviões comerciais dos Estados Unidos da América (EUA) para o transporte de afegãos retirados de Cabul.
https://sicnoticias.pt/especiais/afeganistao/2021-08-22-EUA-ordena-uso-imediato-de-18-avioes-comerciais-para-retirar-afegaos-084d6b53?fbclid=IwAR1xK9mNsaL7T0rpDI1LyLyIcqaqTmWxD7d4AjP1ANAz2oStiML2xxFLvFw

Em termos de aeronaves há sempre, rpt sempre disponibilidade, pois em situação de calamidade ou de conflito, as requisições de aeronaves sempre foram feitas, lembras-te do repatriamento de centenas de milhares de retornados da nossas Ex-Colónias ?

O TC Miguel Machado falou num livro referente ao caso das ex-colónias.
Tem mais pormenores mas acho que só para Angola foram 905 voos de repatriamento.
https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=10219985484774243&id=1436646118
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Setembro 08, 2021, 09:39:37 am
Citar
Defence
New Airbus military aircraft chief bullish on A400M, MRTT prospects
By Craig Hoyle - 6 September 2021

Airbus Defence & Space has hailed the performance of its A400M Atlas and A330 multi-role tanker transport (MRTT) with customer air forces during the major airlift which rescued coalition nationals and Afghan civilians from Kabul last month. Some 25 A400Ms and nine MRTTs flew a combined 120 missions amid the mass evacuation activity, which drew to a close in late August. Describing the flights as “operationally demanding”, Jean-Brice Dumont, the company’s head of military aircraft, notes that the sorties were flown “without a technical event”. Only one planned departure was disrupted, when an A400M crew rejected their take-off run due to civilians encroaching on the runway at Hamid Karzai International airport.“These missions could not have been done with the predecessor/competitor,” he notes of the Atlas flights, without naming the rival Lockheed Martin C-130 directly.

Dumont says that while well-documented availability issues which have affected Atlas operators since the type’s entry to service in 2013 “are not behind us, we are on top of them. It’s more now a question of planning with the users” to ensure that aircraft modifications are performed in the least disruptive way, he adds. Kazakhstan’s recent contract to acquire two A400Ms represents “a turning point for the programme”, according to Dumont, who says: “We know that others are interested… some not being far from conclusion.” He also believes that the company’s new Atlas export customer could in time acquire additional examples, along with more C295 medium transports to boost its currently nine-strong fleet.

Meanwhile, Airbus has within the last week handed over its fifth examples of the A330 tanker each to the French air force and the NATO Multinational MRTT Fleet (MMF). The transfers mean that it has now delivered 50 of the adapted widebodies to military customers for air-to-air refuelling and airlift tasks. Dumont – who was previously executive vice-president of engineering for Airbus’s commercial business – confirms that the company’s preference is to continue production of the A330-200 as the basis for its MRTT offering. In addition to on-order examples for France and the NATO MMF group, the company also has been selected for the Royal Canadian Air Force’s future tanker requirement.

Some MRTT modifications are likely to involve secondhand aircraft, however, with Spain expected to finalise a deal before year-end to convert three examples formerly operated by Iberia.“The majority of the [potential] customers that we are discussing with are more inclined towards new aircraft,” Dumont says, adding that a minimum rate of around two MRTT conversions per year can be sustained. Separately, Airbus is teamed with local prime Lockheed in pursuit of the US Air Force’s KC-Y tanker requirement, a request for information about which was released earlier this year.“We are engaged in a partnership that is stronger than ever, and we believe our aircraft has demonstrated its superior capabilities on the market overall,” Dumont says.

https://www.flightglobal.com/defence/new-airbus-military-aircraft-chief-bullish-on-a400m-mrtt-prospects/145352.article
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Setembro 16, 2021, 03:46:19 pm
E desde ontem que o A330MRTT da MMU passou também a reabastecer F-35 europeus.

(https://pbs.twimg.com/media/E_VqK1SWUBEKScJ?format=jpg&name=large)

(https://pbs.twimg.com/media/E_VqK1JWUAg-3Wr?format=jpg&name=large)
https://mobile.twitter.com/A330_MMU/status/1438172400085053440
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: MATRA em Setembro 16, 2021, 05:43:12 pm
Infelizmente vamos continuar a nossa triste sina.

Queremos um MRTT, a Luftwaffle vai-se desfazer do seus 310 e nós nada.
Queremos um MRTT, a TAP (do estado) vai-se desfazer dos A332 e nós nada.
Queremos um NPL, a HNLMS vai-se desfazer do Johan de Witt e nós nada.
Queremos um AOR, a RFA vai-se desfazer dos Wave e nós nada.

Triste sina :)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Setembro 16, 2021, 07:04:43 pm
Vocês sonham...e muito...
As FA estão muito bem como estão!

Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Setembro 21, 2021, 10:20:22 pm
Citar
El que será el primer Airbus A330-200 del Ejército del Aire español acaba de ser adquirido por la empresa Airbus Defence & Space a la compañía Iberia, el aparato lleva la matrícula civil española EC-MIL. Estamos ante el primero de los tres A330 que comprará Airbus para ser entregados al Ejército del Aire una vez convertidos a la variante militar de reabastecimiento en vuelo y transporte, más conocida por su designación internacional en inglés de Multi-Role Tanker Transport (MRTT).

El avión, comprado a Iberia el pasado 1 de septiembre, fue fabricado en Toulouse (sur de Francia), con el número de construcción 1694,  y entregado a Iberia en diciembre de 2015  tras realizar las pruebas de vuelo con la codificación francesa F-WWCH. Ha estado volando hasta este mismo verano desde Madrid a destinos como la capital peruana, Lima. Llevará la matrícula militar española T.24-01, que confirmaría la exclusiva de defensa.com, de que se incorporará al Ejército del Aire como avión de transporte, con la designación T, sin transformar de momento a MRTT.

Será transformado por Airbus en Getafe (Madrid) a la variante MRTT a finales de 2023. El A330 MRTT es líder de su clase en el mercado internacional, con una amplia cartera de clientes en tres continentes. Cuando sea transformado la designación de T.24-01 pasará a ser  TK.24-01.

La luz verde para esta adquisición se dio el pasado 29 de junio, cuando el Consejo de Ministros autorizó la adquisición de 3 aviones A330 de la variante militar MRTT. El presupuesto total se eleva a 675 millones de euros distribuido en cinco anualidades para los ejercicios 2021 al 2025, siendo el importe solicitado para el ejercicio 2021 de 148 millones de euros.
(https://www.defensa.com/image.php?file=fichero_28038_20210920.jpg&ancho=640&alto=427&corto=1)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Outubro 14, 2021, 09:58:43 am
Hoje em dia, tendo em conta o preço dos combustíveis, é sempre melhor abastecer lá fora. :mrgreen:

(https://scontent.fopo2-1.fna.fbcdn.net/v/t1.6435-9/242908325_1750085111858890_5847763131498320324_n.jpg?_nc_cat=101&ccb=1-5&_nc_sid=730e14&_nc_ohc=nI7VGKMK5r4AX8UHsqS&tn=crmRjTBuGPGSABp8&_nc_ht=scontent.fopo2-1.fna&oh=d642191942684237e8a2c8e26c4a658c&oe=618D8D93)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: MATRA em Novembro 12, 2021, 03:03:57 pm
E vão mais 3 aqui para o lado.
Citar
Spanish Ministry of Defence signs order for three Airbus A330 MRTT
Citar
Under the agreement, the handover of the first aircraft in transport configuration is scheduled in the coming days, followed by its conversion to MRTT in 2024. The handover of the first fully converted aircraft is scheduled in 2023 and the third and final unit in 2025.
(https://www.airbus.com/sites/g/files/jlcbta136/files/styles/airbus_1440x1440/public/2021-11/A330_MRTT_EA.JPG?itok=Unn3wyLy)
https://www.airbus.com/en/newsroom/press-releases/2021-11-spanish-ministry-of-defence-signs-order-for-three-airbus-a330-mrtt
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Janeiro 28, 2022, 08:33:28 pm
(https://aeromagazine.uol.com.br/media/versions/licitacao-a330-mrtt_free_big.png)

Só cá é que não serve.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Janeiro 29, 2022, 01:02:40 pm
É um meio caro e bastante complexo, não serve.

Se nem intenções alguma vez houve de tornar algum(ns) C-130 em KC-130H com os pods para reabastecimento dos A-7P, por exemplo, ou sequer dotar a frota Corsair dos mesmos para "buddy buddy refuelling" como faziam os gregos, alguém acredita mesmo na aquisição a curto/médio prazo de um reabastecedor/avião de transporte estratégico? Era preciso que os "expertos" do Restelo tivessem visão e vontade para tal, algo que não existe.

O KáCê resolve tudo, é a oitava maravilha do mundo... 8)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Janeiro 29, 2022, 01:18:27 pm
É um meio caro e bastante complexo, não serve.

Se nem intenções alguma vez houve de tornar algum(ns) C-130 em KC-130H com os pods para reabastecimento dos A-7P, por exemplo, ou sequer dotar a frota Corsair dos mesmos para "buddy buddy refuelling" como faziam os gregos, alguém acredita mesmo na aquisição a curto/médio prazo de um reabastecedor/avião de transporte estratégico? Era preciso que os "expertos" do Restelo tivessem visão e vontade para tal, algo que não existe.

O KáCê resolve tudo, é a oitava maravilha do mundo... 8)

Cá para mim ainda vamos assistir ao Funeral dos 390 com eles na FAP, depois de acabadinhos de chegar, pelo andar da carruagem a EMB não tarda muito fabrica os 25 modelos que estão encomendados e dá o projecto por terminado.

Já reparaste que há muitos pedidos de compra para os J's que ainda estão disponíveis para venda tanto nos EUA como no RU ??

Os Aussies continuam com os seus upgrades aos J a todo o vapor, os Kiwis aguardam a chega dos primeiros J, só nós mesmo quais amiguinhos do Peito, e Expertos na Matéria, é que por interesses pessoais e outros que tais, fomos atrás da conversa para boi dormir do 390, somos mesmo geridos por uma cambada de incompetentes e de acomodados do caruncho !!

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Janeiro 29, 2022, 02:25:44 pm
É um meio caro e bastante complexo, não serve.

Se nem intenções alguma vez houve de tornar algum(ns) C-130 em KC-130H com os pods para reabastecimento dos A-7P, por exemplo, ou sequer dotar a frota Corsair dos mesmos para "buddy buddy refuelling" como faziam os gregos, alguém acredita mesmo na aquisição a curto/médio prazo de um reabastecedor/avião de transporte estratégico? Era preciso que os "expertos" do Restelo tivessem visão e vontade para tal, algo que não existe.

O KáCê resolve tudo, é a oitava maravilha do mundo... 8)

Cá para mim ainda vamos assistir ao Funeral dos 390 com eles na FAP, depois de acabadinhos de chegar, pelo andar da carruagem a EMB não tarda muito fabrica os 25 modelos que estão encomendados e dá o projecto por terminado.

Já reparaste que há muitos pedidos de compra para os J's que ainda estão disponíveis para venda tanto nos EUA como no RU ??

Os Aussies continuam com os seus upgrades aos J a todo o vapor, os Kiwis aguardam a chega dos primeiros J, só nós mesmo quais amiguinhos do Peito, e Expertos na Matéria, é que por interesses pessoais e outros que tais, fomos atrás da conversa para boi dormir do 390, somos mesmo geridos por uma cambada de incompetentes e de acomodados do caruncho !!

Abraços

O próximo governo que tenha a coragem de anular o contrato, já que no passado tiveram a mesma coragem para acabar com o A-400M, NH-90, EC-635....
O KC tem maior probabilidade de correr mal, do que os acima listados a exceção do NH-90...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Janeiro 29, 2022, 02:51:08 pm
Os anteriores cancelamentos não mostraram coragem alguma. Pelo contrário, foram uma manifestação da tradicional cobardia nacional. Já o cancelamento do ká-cê, seria uma demonstração de coragem e a correcção de uma decisão precipitada, que nos deixou isolados face aos nossos aliados tradicionais, ie, aqueles com quem é mais provável efectuarmos missões conjuntas.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Janeiro 29, 2022, 04:39:25 pm
Os anteriores cancelamentos não mostraram coragem alguma. Pelo contrário, foram uma manifestação da tradicional cobardia nacional. Já o cancelamento do ká-cê, seria uma demonstração de coragem e a correcção de uma decisão precipitada, que nos deixou isolados face aos nossos aliados tradicionais, ie, aqueles com quem é mais provável efectuarmos missões conjuntas.

Queria dizer "coragem" pela negativa, pois em lugar do A-400 virá o cacete da Embramer, os helis médios nunca chegaram e os ligeiros também não...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Janeiro 31, 2022, 11:11:59 pm
Bom, a Lockheed Martin irá "americanizar" o A330MRTT. Será por aí o caminho para o nosso caso em particular?  ::)

https://www.thedrive.com/the-war-zone/44089/lockheeds-plan-to-bring-its-version-of-the-airbus-a330-tanker-to-america
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Get_It em Fevereiro 01, 2022, 12:00:48 am
Então a Northrop Grumman e a Airbus já não tinham americanizado o A330 MRTT há 15 anos atrás?  :mrgreen:

Cumprimentos,
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: JohnM em Fevereiro 01, 2022, 03:07:53 am
Então a Northrop Grumman e a Airbus já não tinham americanizado o A330 MRTT há 15 anos atrás?  :mrgreen:

Cumprimentos,
Perderam esse concurso com o KC-45, ganhou o Boeing KC-46 depois de recurso, mas este é um projecto novo, para fazer a ponte entre o KC-46 e o futuro reabastecedor stealth…
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Fevereiro 01, 2022, 11:39:46 am
Então a Northrop Grumman e a Airbus já não tinham americanizado o A330 MRTT há 15 anos atrás?  :mrgreen:

Cumprimentos,
Perderam esse concurso com o KC-45, ganhou o Boeing KC-46 depois de recurso, mas este é um projecto novo, para fazer a ponte entre o KC-46 e o futuro reabastecedor stealth…

É isso mesmo, não é um "baralha e volta a dar". É uma aproximação nova, precisamente para fazer a ponte entre o Pegasus e o reabastecedor do futuro. ;)

E se não vamos lá pela via europeia, podia ser que fôssemos pela norte-americana.  :mrgreen:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: nelson38899 em Fevereiro 01, 2022, 11:48:58 am
Pelo que sei, cada menino desses custa 500 milhões de euros, não me parece que haja dinheiro para isso.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Visitante123 em Fevereiro 01, 2022, 11:57:46 am
Pelo que sei, cada menino desses custa 500 milhões de euros, não me parece que haja dinheiro para isso.

A TAP tem 3. É só pedir emprestado.

Tira-se os bancos e mete-se uns destes cheiinhos.

(https://cdn.custojusto.pt/api/v1/adimgs/images/7253805485-garrafoes-vidro-e-plastico-antigos-5-litros-vinho.jpg?rule=gallerylg)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Fevereiro 01, 2022, 12:20:44 pm
Pelo que sei, cada menino desses custa 500 milhões de euros, não me parece que haja dinheiro para isso.

A Airbus afirma que actualmente para um A330MRTT é metade disso, sensivelmente. Os 3 aparelhos espanhóis, por exemplo, ficarão num total de 675M€ com aquisição e conversão, o que dá 225M€ por aeronave, o que bate certo com o price tag internacional de 250 milhões de dólares/unidade existente hoje em dia.

No entanto os preços de facto diferem por vezes: para a Coreia do Sul cada aeronave ficou em 325M€, por exemplo, enquanto cada A330MRTT para o programa MMF ficou por cerca de 280M€. Aqueles destinados ao Brasil ainda não vi o preço, por acaso. De qualquer modo, os valores são substancialmente inferiores ao meio milhão que avançaste, sendo que a verba paga pelos 5 KC-390 daria para a aquisição de 3 MRTT novos, e ainda sobravam uns trocos para comprar uns quantos Blackhawk.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: mafets em Fevereiro 01, 2022, 01:30:39 pm
Com o PS agora em maioria até C5 Galaxy a fap vai ter. Black Hawks? Silent Hawks...  :mrgreen: :

(https://www.thedrive.com/content-b/message-editor%2F1596572203044-3252ff.jpg?quality=60)

Saudações  :mrgreen:

P.S. E o 345? Mais super tucano...  :mrgreen:

(https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcTSYkYRO1RraicDGKzFs4FUnC18hDPjDw41m38s-rPooWCi034c1wNoa6rnW0_7Kz8cIPQ&usqp=CAU)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Fevereiro 02, 2022, 06:59:48 am
Com o cancelamento do ká-cê dava para adquirir 06 J-30 aos bifes, 02 MRTT, 08 UH-60L usados, o Wave Ruler, o JdW, 50 Stinger adicionais, uns 200 Javelin (ou Spike MR) com os respectivos lançadores e 1000 espingardas novas para os fuzos.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Fevereiro 02, 2022, 08:03:51 am
Com o cancelamento do ká-cê dava para adquirir 06 J-30 aos bifes, 02 MRTT, 08 UH-60L usados, o Wave Ruler, o JdW, 50 Stinger adicionais, uns 200 Javelin (ou Spike MR) com os respectivos lançadores e 1000 espingardas novas para os fuzos.

Nem precisavas gastar dinheiro nas espingardas para os Fuzos, porque quando se realizou a aquisição das SCAR para o Exército a NSPA conseguiu que pelo mesmo valor se comprassem mais uns milhares de armas, SCAR-L e H, Minimis, LG.....

O reforço da encomenda inicial das armas para o Exército, devido ao custo unitário mais baixo de alguns tipos de armas/acessórios, permitirá armar pelo menos mais 4000 elementos, ou ao invés disso, e até que esses reforços cheguem a bom porto, equipar o CF na sua totalidade com armamento individual e colectivo !

11.000 Espingardas Automáticas (5,56 mm) - vamos receber mais 4000 Esp aut 5,56;
300 espingardas automáticas (7,62 mm) - mantem-se o numero inicial;
830 metralhadoras ligeiras (5,56 mm) - vamos receber mais 170 Met Lig 5,56;
320 metralhadoras médias (7,62 mm) - vamos receber mais 80 Met Méd 7,62;
450 espingardas de precisão (7,62 mm) -  vamos receber mais 100 Esp Prec 7,62;
1700 lança-granadas - vamos receber mais 300 LG's;
380 caçadeiras - mantem-se o numero de Caç;
3400 aparelhos de pontaria - vamos receber mais 350 Ap Pont.

(https://imagizer.imageshack.com/v2/xq90/924/LPlRX0.jpg) (https://imageshack.com/i/poLPlRX0j)

Agora está na hora de substituir os Milan e Carl Gustaf pelos Spike MR/LR, para todos os Ramos das FFAA.

Abraços

Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Visitante123 em Fevereiro 02, 2022, 08:19:05 am
Com o cancelamento do ká-cê dava para adquirir 06 J-30 aos bifes, 02 MRTT, 08 UH-60L usados, o Wave Ruler, o JdW, 50 Stinger adicionais, uns 200 Javelin (ou Spike MR) com os respectivos lançadores e 1000 espingardas novas para os fuzos.

Os KC incluem manutenção por isso não podes fazer assim as contas.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Fevereiro 02, 2022, 08:42:09 am
Porquê? Paga-se a penalização e acabou-se. Faz algum sentido pagar por manutenção de equipamento inexistente, quando nem a manutenção do equipamento já existente está devidamente programada? Quando se fala do ká-cê, fala-se do programa no seu todo — ou, pelo menos, eu faço-o.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Visitante123 em Fevereiro 02, 2022, 11:48:04 am
Porquê? Paga-se a penalização e acabou-se. Faz algum sentido pagar por manutenção de equipamento inexistente, quando nem a manutenção do equipamento já existente está devidamente programada? Quando se fala do ká-cê, fala-se do programa no seu todo — ou, pelo menos, eu faço-o.

Não é isso que estou a dizer. Estou a dizer que se sonasses o vale r da manutenção desses sistemas todos não dava para comprar tudo. Ou então fazes a comparação com o preço dos KC sem os extras (manutenção e simulador). Não estou a dizer que o KC foi barato ou se foi ou não a escolha certa. Mas o que faz sentido é comparar maçãs com maçãs ou laranjas com laranjas.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Fevereiro 02, 2022, 09:05:55 pm
Vai uma aposta que as verbas para manutenção do ká-cê vão ser eventualmente cativadas, ou que não vai haver contrato passados os cinco anos iniciais? É um problema da mentalidade do político tuga, mas não é por isso que não se devem tomar as decisões acertadas no que concerne ao ká-cê — a aquisição mais desnecessária e irracional de sempre, nos anais da defesa nacional.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Fevereiro 04, 2022, 09:10:56 pm
https://aeroin.net/por-que-a-fab-quer-jatos-airbus-a330-de-meio-bilhao-de-reais/?fbclid=IwAR1lJNSZRNQCsWdytxwPmm0IqfBwUBAnLxasiKy4l_ed68iyYafIbOs5edw
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: MATRA em Fevereiro 04, 2022, 11:41:13 pm
https://aeroin.net/por-que-a-fab-quer-jatos-airbus-a330-de-meio-bilhao-de-reais/?fbclid=IwAR1lJNSZRNQCsWdytxwPmm0IqfBwUBAnLxasiKy4l_ed68iyYafIbOs5edw
Resumindo, pela mesma razão que a FAP precisa.  >:(
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: HSMW em Fevereiro 05, 2022, 12:46:01 am
(https://www.militaryimages.net/attachments/20200630rum1010-jpg.369553/)
(https://www.militaryimages.net/attachments/a330-smart-mrtt-infographic-scaled-jpg.369554/)
(https://www.militaryimages.net/attachments/bilderstrecke-3-jpg.369557/)
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Fevereiro 06, 2022, 11:19:56 am
Citar
¡FelizSábado aviadores!

El personal del Ala31 termina la instalación del carrete central de reabastecimiento en vuelo (‘Hose Drum Unit’) en el Avião A400M (TK.23-09).

Otra nueva capacidad para el EjercitoAire.

(https://pbs.twimg.com/media/FK0tibPXsAME2R2?format=jpg&name=large)

(https://pbs.twimg.com/media/FK0tibPWUAM4MXo?format=jpg&name=large)
 


Com esta alteração, o A400M passa a poder reabastecer de forma mais segura aeronaves de maior dimensão, sem contar com o facto de que passa a dispôr de 3 pontos de reabastecimento em voo em simultâneo.

https://www.cobhammissionsystems.com/air-to-air-refuelling/news/airbus-a400m-demonstrates-cobham-s-aerial-refuelling-system/
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: typhonman em Fevereiro 06, 2022, 11:38:14 am
Citar
¡FelizSábado aviadores!

El personal del Ala31 termina la instalación del carrete central de reabastecimiento en vuelo (‘Hose Drum Unit’) en el Avião A400M (TK.23-09).

Otra nueva capacidad para el EjercitoAire.

(https://pbs.twimg.com/media/FK0tibPXsAME2R2?format=jpg&name=large)

(https://pbs.twimg.com/media/FK0tibPWUAM4MXo?format=jpg&name=large)
 


Com esta alteração, o A400M passa a poder reabastecer de forma mais segura aeronaves de maior dimensão, sem contar com o facto de que passa a dispôr de 3 pontos de reabastecimento em voo em simultâneo.

https://www.cobhammissionsystems.com/air-to-air-refuelling/news/airbus-a400m-demonstrates-cobham-s-aerial-refuelling-system/

Aqui ao lado levam a defesa a sério, aqui é o circo "cardinali"....
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Abril 07, 2022, 09:27:04 pm
Bom, e o Brasil vai fazendo o seu trabalho de casa...

https://www.scramble.nl/military-news/brazil-acquires-two-young-a330s
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Abril 07, 2022, 10:22:37 pm
Bom, e o Brasil vai fazendo o seu trabalho de casa...

https://www.scramble.nl/military-news/brazil-acquires-two-young-a330s

Para pensarem, 2 destes custaram 80 milhões de EUR, comprados a uma companhia aérea, penso que com a conversão para MRTT, os valores andariam pelos 200 milhões no máximo.
Cps,
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Tikuna em Abril 07, 2022, 11:18:38 pm
Bom, e o Brasil vai fazendo o seu trabalho de casa...

https://www.scramble.nl/military-news/brazil-acquires-two-young-a330s

Para pensarem, 2 destes custaram 80 milhões de EUR, comprados a uma companhia aérea, penso que com a conversão para MRTT, os valores andariam pelos 200 milhões no máximo.
Cps,

Não tenho a mínima idéia de COMO arrumaram esse preço para vender pra FAB aeronaves pós 2014.

O preço global total do projeto é de U$ 80.628.800,00.
O valor no mercado para uma aeronave 2014 hoje é de cerca de U$ 70.000.000,00.
Além disso, a FAB  requeria um ciclo total de 4200 na entrega, isso não é visto em aeronaves que são pelo menos de 2016 ou 2017, tornando o preço de mercado de uma única aeronave muito acima do preço proposto.
Das 50 empresas a Azul é foi a única que apresentou proposta.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Abril 08, 2022, 05:09:53 am
A gente não precisa dessa merda. Temos o kacete, porra!
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: MATRA em Junho 01, 2022, 11:58:54 am
Citar
A330 MRTT concept with the cargo variant instead of the passenger variant.

(https://pbs.twimg.com/media/FUKVsTrWIAkbJ5d?format=jpg&name=4096x4096)

A TAP já despachou o seu 330-200?
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Junho 02, 2022, 09:05:41 pm
(https://www.defensa.com/image.php?file=fichero_30539_20220601.jpg&ancho=640&alto=427&corto=1)
El 45 Grupo del Ejército del Aire ya tiene su segundo A330
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: oi661114 em Junho 02, 2022, 09:25:44 pm
A gente não precisa dessa merda. Temos o kacete, porra!

Eu diria antes, temos sempre alguém que nos faça o favor...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Junho 03, 2022, 04:35:24 pm
Qual favor? AAR?

Não é bem assim. Actualmente estamos inteiramente dependentes da disponibilidade de aeronaves estrangeiras tanto para funções de AAR e transporte estratégico. Disponibilidade essa que pode ser drasticamente reduzida em situações de emergência ou conflito. Basta ver que com a guerra na Ucrânia, vemos vários MRTT/KC-10/KC-135 a voar constantemente na Europa. Se o conflito alastrasse, a necessidade do uso destas aeronaves multiplicava-se muitas vezes, com a necessidade de conseguir abastecer largas dezenas (senão mesmo centenas) de aeronaves. E aí nós nem teríamos capacidade de contribuir, nem capacidade própria para assegurar as nossas necessidades.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Junho 03, 2022, 04:46:21 pm
Qual favor? AAR?

Não é bem assim. Actualmente estamos inteiramente dependentes da disponibilidade de aeronaves estrangeiras tanto para funções de AAR e transporte estratégico. Disponibilidade essa que pode ser drasticamente reduzida em situações de emergência ou conflito. Basta ver que com a guerra na Ucrânia, vemos vários MRTT/KC-10/KC-135 a voar constantemente na Europa. Se o conflito alastrasse, a necessidade do uso destas aeronaves multiplicava-se muitas vezes, com a necessidade de conseguir abastecer largas dezenas (senão mesmo centenas) de aeronaves. E aí nós nem teríamos capacidade de contribuir, nem capacidade própria para assegurar as nossas necessidades.

Como se isso fosse uma coisa má. Assim poupa-se uns trocos e a malta não se aleija. /s  c56x1
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: oi661114 em Junho 03, 2022, 06:55:50 pm
Qual favor? AAR?

Não é bem assim. Actualmente estamos inteiramente dependentes da disponibilidade de aeronaves estrangeiras tanto para funções de AAR e transporte estratégico. Disponibilidade essa que pode ser drasticamente reduzida em situações de emergência ou conflito. Basta ver que com a guerra na Ucrânia, vemos vários MRTT/KC-10/KC-135 a voar constantemente na Europa. Se o conflito alastrasse, a necessidade do uso destas aeronaves multiplicava-se muitas vezes, com a necessidade de conseguir abastecer largas dezenas (senão mesmo centenas) de aeronaves. E aí nós nem teríamos capacidade de contribuir, nem capacidade própria para assegurar as nossas necessidades.

O que tem passado muito por aqui são os KC-46. Ainda agora veio um com F-18 e um KC-135 com o drogue na ponta da lança de reabastecimento.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Junho 22, 2022, 11:38:02 pm
 Viva,
 Existe o compromisso com a NATO (a pedido desta), de Portugal terá de atribuir 3 aeronaves com capacidade AAR (Air to Air Refueling).
CPs,
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: MATRA em Junho 23, 2022, 09:54:42 am
Viva,
 Existe o compromisso com a NATO (a pedido desta), de Portugal terá de atribuir 3 aeronaves com capacidade AAR (Air to Air Refueling).
CPs,

Compramos três KIT´s à Cobham em vez de um?
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Junho 23, 2022, 03:25:26 pm
Viva,
 Existe o compromisso com a NATO (a pedido desta), de Portugal terá de atribuir 3 aeronaves com capacidade AAR (Air to Air Refueling).
CPs,

Compramos três KIT´s à Cobham em vez de um?

Seria a opção mais rápida, isto porque não estou a ver vontade alguma do Governo em embarcar noutras hipóteses. Por outro lado, no entanto, disponibilizar 3 tankers da frota KC-390, frota essa composta por apenas 5 aeronaves, reduz drasticamente o número de aparelhos disponíveis para transporte e outras missões. E creio que o avião não pode cumprir as duas missões em simultâneo devido à necessidade de utilizar tanques internos na missão de reabastecimento aéreo.

Daí que o passo lógico devesse ser, isso sim, a aquisição de uma outra plataforma capaz de cumprir esta missão e outras com um maior à-vontade e capacidade, o que se traduziria no mínimo no A400M e no máximo no A330 MRTT. Veremos o que nos reserva a cimeira da próxima semana, confesso estar com bastante curiosidade.

Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: mafets em Junho 23, 2022, 03:40:46 pm
Ainda levas é com o sexto Kc ou ficam os 4 Hercules a servir de Tankers. Mrtt?  :rir: :rir: :rir: :rir:

(https://i.pinimg.com/originals/cd/32/b3/cd32b381d75ac55e9d093b243bf6958d.jpg)

Saudações  :mrgreen:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Lightning em Junho 23, 2022, 03:44:17 pm
No me parece que essa contribuição de 3 aeronaves reabastecedores, tenha que ser permanente, isto é, os 3 aviões sempre configurados como reabastecedores e sempre atribuídos à NATO, deve ser algo como, Portugal ter capacidade de atribuir até um maximo de 3  aeronaves reabastecedores durante um x período de tempo, porque com 5 aeronaves, com manutenções e tal, dificilmente teremos mais que 3 aviões prontos a voar regularmente.

É como acontece com os 6 F-16 e outras aeronaves atribuídas à NRF, só temos que garantir que caso sejam requisitadas (pode ser um número inferior ao maximo), que num tempo relativamente curto estão a operar no local x que a NATO precisa.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Junho 23, 2022, 03:59:03 pm
Viva,
 Existe o compromisso com a NATO (a pedido desta), de Portugal terá de atribuir 3 aeronaves com capacidade AAR (Air to Air Refueling).
CPs,

Compramos três KIT´s à Cobham em vez de um?

Seria a opção mais rápida, isto porque não estou a ver vontade alguma do Governo em embarcar noutras hipóteses. Por outro lado, no entanto, disponibilizar 3 tankers da frota KC-390, frota essa composta por apenas 5 aeronaves, reduz drasticamente o número de aparelhos disponíveis para transporte e outras missões. E creio que o avião não pode cumprir as duas missões em simultâneo devido à necessidade de utilizar tanques internos na missão de reabastecimento aéreo.

Daí que o passo lógico devesse ser, isso sim, a aquisição de uma outra plataforma capaz de cumprir esta missão e outras com um maior à-vontade e capacidade, o que se traduziria no mínimo no A400M e no máximo no A330 MRTT. Veremos o que nos reserva a cimeira da próxima semana, confesso estar com bastante curiosidade.

O binómio KC-390 e A-400M e KC-390 e A-330MRTT já foram analisados, poderá ser escolhido um deles.
Cps,
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: nelson38899 em Junho 23, 2022, 04:13:23 pm
Eu continuo a não perceber qual é o objectivo de ter reabastecedores kc, se os nossos caças não podem ser reabastecidos por ele. 
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Junho 23, 2022, 05:53:56 pm
Os teóricos do EMFA, falam em reabastecer KC, AW-101 e eventualmente C-295, na FAP.
Cps,
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: JohnM em Junho 23, 2022, 07:58:27 pm
Era bom, mas acho que vai acontecer uma de três coisas:
1.   Nada, vamos continuar a assobiar para o lado…
2.   Compram-se mais dois kits à Cobham (opção mais provável, porque não é necessário garantir a capacidade em permanência, como foi referido pelo Lightning)
3.   Exerce-se a opção pelo sexto avião e compram-se mais dois kits à Cobham, garantido sempre 3 aviões em cada configuração.

A330 MRTT? Esqueçam… demasiado para estas mentes…
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Junho 23, 2022, 08:45:47 pm
Era bom, mas acho que vai acontecer uma de três coisas:
1.   Nada, vamos continuar a assobiar para o lado…
2.   Compram-se mais dois kits à Cobham (opção mais provável, porque não é necessário garantir a capacidade em permanência, como foi referido pelo Lightning)
3.   Exerce-se a opção pelo sexto avião e compram-se mais dois kits à Cobham, garantido sempre 3 aviões em cada configuração.

A330 MRTT? Esqueçam… demasiado para estas mentes…

Fala-se bastante que desta vez poderão haver "consequências mais sérias" caso continuemos a assobiar para o lado, e não acatemos as decisões que saírem da cimeira da próxima semana, mas em Portugal tudo é relativo no que à Defesa diz respeito.

Não acredito no A330MRTT, acho apesar de tudo muito mais viável a vinda de alguns A400M excedentários, se bem que provavelmente o resultado final se venha a traduzir no exercer a opção pelo sexto KC-390 e aquisição de mais dois conjuntos de pods à Cobham. Os C-130 é que não serão de certeza, muito embora cada vez mais se afigure como provável a sua permanência ao serviço após 2027, até pelo enorme atraso que se verifica na sua modernização, ou então uma posterior venda.

Apesar disso, e aproveitando o ETAP-T que decorreu em Beja até ao final da passada semana, uma conhecida alta patente da FAP colocou há uns dias numa rede social a imagem abaixo com a seguinte legenda: "A futura linha da frente da BA11".

(https://i.postimg.cc/1tTvDrGf/286128148-564553018350116-5248918728273672644-n.jpg)

Pode não significar nada ou pode querer dizer alguma coisa, só o futuro o dirá.



Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Junho 23, 2022, 10:05:04 pm
Era bom, mas acho que vai acontecer uma de três coisas:
1.   Nada, vamos continuar a assobiar para o lado…
2.   Compram-se mais dois kits à Cobham (opção mais provável, porque não é necessário garantir a capacidade em permanência, como foi referido pelo Lightning)
3.   Exerce-se a opção pelo sexto avião e compram-se mais dois kits à Cobham, garantido sempre 3 aviões em cada configuração.

A330 MRTT? Esqueçam… demasiado para estas mentes…

Fala-se bastante que desta vez poderão haver "consequências mais sérias" caso continuemos a assobiar para o lado, e não acatemos as decisões que saírem da cimeira da próxima semana, mas em Portugal tudo é relativo no que à Defesa diz respeito.

Não acredito no A330MRTT, acho apesar de tudo muito mais viável a vinda de alguns A400M excedentários, se bem que provavelmente o resultado final se venha a traduzir no exercer a opção pelo sexto KC-390 e aquisição de mais dois conjuntos de pods à Cobham. Os C-130 é que não serão de certeza, muito embora cada vez mais se afigure como provável a sua permanência ao serviço após 2027, até pelo enorme atraso que se verifica na sua modernização, ou então uma posterior venda.

Apesar disso, e aproveitando o ETAP-T que decorreu em Beja até ao final da passada semana, uma conhecida alta patente da FAP colocou há uns dias numa rede social a imagem abaixo com a seguinte legenda: "A futura linha da frente da BA11".

(https://i.postimg.cc/1tTvDrGf/286128148-564553018350116-5248918728273672644-n.jpg)

Pode não significar nada ou pode querer dizer alguma coisa, só o futuro o dirá.

Boa noite,
Efetivamente a imagem não é inocente e a capacidade de transporte estratégico é uma necessidade da FAP.
Cps,
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Junho 23, 2022, 10:14:00 pm
Era bom, mas acho que vai acontecer uma de três coisas:
1.   Nada, vamos continuar a assobiar para o lado…
2.   Compram-se mais dois kits à Cobham (opção mais provável, porque não é necessário garantir a capacidade em permanência, como foi referido pelo Lightning)
3.   Exerce-se a opção pelo sexto avião e compram-se mais dois kits à Cobham, garantido sempre 3 aviões em cada configuração.

A330 MRTT? Esqueçam… demasiado para estas mentes…

Fala-se bastante que desta vez poderão haver "consequências mais sérias" caso continuemos a assobiar para o lado, e não acatemos as decisões que saírem da cimeira da próxima semana, mas em Portugal tudo é relativo no que à Defesa diz respeito.

Não acredito no A330MRTT, acho apesar de tudo muito mais viável a vinda de alguns A400M excedentários, se bem que provavelmente o resultado final se venha a traduzir no exercer a opção pelo sexto KC-390 e aquisição de mais dois conjuntos de pods à Cobham. Os C-130 é que não serão de certeza, muito embora cada vez mais se afigure como provável a sua permanência ao serviço após 2027, até pelo enorme atraso que se verifica na sua modernização, ou então uma posterior venda.

Apesar disso, e aproveitando o ETAP-T que decorreu em Beja até ao final da passada semana, uma conhecida alta patente da FAP colocou há uns dias numa rede social a imagem abaixo com a seguinte legenda: "A futura linha da frente da BA11".

(https://i.postimg.cc/1tTvDrGf/286128148-564553018350116-5248918728273672644-n.jpg)

Pode não significar nada ou pode querer dizer alguma coisa, só o futuro o dirá.

A grande esperança da vinda do A330 MRTT é a TAP. Pois podemos fazer a formação de pilotos e tripulações na TAP, manutenção na TAP e usar os simuladores da TAP.

O MRTT ia trazer uma maior leque de novas missões para a FAP.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: P44 em Junho 24, 2022, 09:57:35 am
Vejam lá se não é como a foto do Wave Ruler a fazer RAS com uma Vasco da Gama
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Junho 24, 2022, 12:46:59 pm
No me parece que essa contribuição de 3 aeronaves reabastecedores, tenha que ser permanente, isto é, os 3 aviões sempre configurados como reabastecedores e sempre atribuídos à NATO, deve ser algo como, Portugal ter capacidade de atribuir até um maximo de 3  aeronaves reabastecedores durante um x período de tempo, porque com 5 aeronaves, com manutenções e tal, dificilmente teremos mais que 3 aviões prontos a voar regularmente.

É como acontece com os 6 F-16 e outras aeronaves atribuídas à NRF, só temos que garantir que caso sejam requisitadas (pode ser um número inferior ao maximo), que num tempo relativamente curto estão a operar no local x que a NATO precisa.

O problema é que mesmo nesse caso, 3 KC-390, representarão 60% da frota, e como em média a disponibilidade das frotas de aeronaves, ronda os 60/70%, isto significa que, caso fosse necessário, teriam de ser fornecidos todos os KC disponíveis.

A outra alternativa (se calhar menos realista) que não foi aqui falada, é o C-295 com o sistema de AAR. Mas aí talvez não corresponda aos requisitos.

Seja como for, A-400M não era mau, MRTT era excelente. Desde logo por este último pode abastecer os nossos próprios F-16 (algo essencial se queremos defender o Atlântico), como porque, ao contrário do KC e do A-400M, pode abastecer qualquer aeronave no inventário da NATO ao usar ambos os sistemas de abastecimento.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: LM em Junho 26, 2022, 09:32:58 am
Caso, por milagre, houvesse decisão de ter A330 MRTT - para além do perigo de perder o valor do investimento em outras valências talvez mais importantes - haveria a necessidade de ter 2 unidades no mínimo (para precaver manutenções, avarias, treino, etc) ou faríamos parte de um consórcio e/ou este tipo de aparelho permite considerar apenas 1?
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Junho 26, 2022, 11:15:42 am
Caso, por milagre, houvesse decisão de ter A330 MRTT - para além do perigo de perder o valor do investimento em outras valências talvez mais importantes - haveria a necessidade de ter 2 unidades no mínimo (para precaver manutenções, avarias, treino, etc) ou faríamos parte de um consórcio e/ou este tipo de aparelho permite considerar apenas 1?

Creio que se pode abandonar a ideia do A330 MRTT. Se nem vontade os nossos Governos alguma vez demonstraram de querer fazer parte do consórcio europeu (até porque tinham que entrar com verbas, e muito possivelmente custear a aquisição de pelo menos uma aeronave), não estou a ver agora de repente - mesmo se levarem nas orelhas esta semana na cimeira da NATO -, optarem por tão drástica mudança de rumo. ::)

É de longe mais provável comprar mais pods para os KC-390, quiçá 2 a 3 A400M num momento de loucura. :mrgreen:
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Visitante123 em Junho 26, 2022, 11:25:30 am
Mais depressa compram um A330 com dinheiro da defesa e depois convertem-no para a TAP do que o contrário.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: asalves em Junho 27, 2022, 12:03:54 pm
Viva,
 Existe o compromisso com a NATO (a pedido desta), de Portugal terá de atribuir 3 aeronaves com capacidade AAR (Air to Air Refueling).
CPs,

Eu tinha ouvido (de forma oficial e na comunicação social, há alguns anos, penso que ainda se estava a decidir se iam ou não pelos KC) que Portugal se tinha comprometido com a NATO juntamente com outros países (não me recordo de quais) a formar um grupo de AAR (Air to Air Refueling) que penso seria para executar missões NATO no atlântico e sul da Europa.

Até penso que a ideia uma das ideias seria por os KC a fazer essa missão. Tanto quanto sei seria uma pool de aeronaves que iam rodando para garantir que existe sempre um mínimo disponível 24h7dia para a Aliança, ou seja não iam implicar ter as 3 meios ao mesmo tempo.

Contudo já fiz várias tentativas para encontrar os documentos relativos a esse tema mas nunca encontrei nada descritivo, apenas a indicação que Portugal faz/vai fazer parte desse grupo.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Junho 27, 2022, 12:12:49 pm
A questão é que aeronaves com "boom" não temos, sendo o A-330 ou KC-767 as únicas opções para reabastecer F-35, F-16, etc
Cps,
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Stalker79 em Junho 27, 2022, 02:24:16 pm
Honestamente só estou a ver Portugal com aviões equipados com Boom se os Estados Unidos oferecerem alguns KC-135 como EDA.
Olha gastar dinheiro......
 :-P
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Junho 27, 2022, 02:35:21 pm
Boa tarde,
Como já disse por aqui o A-330 MRTT já foi avaliado, mas o problema é sempre o mesmo, "falta de vontade política".
É interessante saber que a Airbus vai abrir mais uma fábrica em Portugal (a juntar a de Santo Tirso) assim como um centro de engenharia da Airbus, mas no entanto, ninguém foi comprar A-400, ou A-330. É a prova que a industria nacional serve como desculpa para algumas situações, mas outras já não.
Cps
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: raphael em Junho 27, 2022, 03:12:48 pm
qual vontade politica? falta de dinheiro...

a prioridade também a esquadra de combate a incêndios!
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: P44 em Junho 27, 2022, 03:14:33 pm
Qual falta de dinheiro, qual carapuça

Para certos "setores" há dinheiro a rodos
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: raphael em Junho 27, 2022, 03:17:33 pm
Qual falta de dinheiro, qual carapuça

Para certos "setores" há dinheiro a rodos

Prioridades...fazem mais falta aviões que transportem (e descarreguem) água do que os que transportem combustível.

Sinceramente prefiro uma esquadra equipada para combate a incêndios em todo o território nacional que reabastecedores para 20 aviões de combate...

Mas cada um com a sua.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Junho 27, 2022, 04:19:27 pm
Qual falta de dinheiro, qual carapuça

Para certos "setores" há dinheiro a rodos

Prioridades...fazem mais falta aviões que transportem (e descarreguem) água do que os que transportem combustível.

Sinceramente prefiro uma esquadra equipada para combate a incêndios em todo o território nacional que reabastecedores para 20 aviões de combate...

Mas cada um com a sua.

A mentalidade de quem dos governa é essa, "força de proteção civil, musculada".
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: asalves em Junho 27, 2022, 04:57:02 pm
A questão é que aeronaves com "boom" não temos, sendo o A-330 ou KC-767 as únicas opções para reabastecer F-35, F-16, etc
Cps,

Sim mas tanto quanto sei (documentos oficiais) é do interesse da NATO e UE ter um misto de capacidades e até de meios para o AAR. Tanto que a aposta da UE (https://eda.europa.eu/what-we-do/all-activities/activities-search/air-to-air-refuelling) é no A400 que tb não usa "BOOM". Contudo temos os Rafael, F-18, Eurofighter, C295, C-130, A400 e futuramente os KC390, mais os Helis, que suportam o método probe-and-drogue.

Em relação a outras coisas Portugal fazer AAR (Air-to-Air Refueling) nunca seria para consumo próprio ou pelo menos não seria essa a prioridade, seria sim para apoiar a fazer parte os esforço conjunto tanto da NATO como da UE.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: LM em Junho 27, 2022, 05:31:39 pm
Ou o(s) A330 MRTT eram bastantes úteis em outras valências ou são um investimento discutível - se os operamos vamos deixar de ter algo, que "os almoços não são grátis"... e há tanto que precisamos. Até porque, para alguns aparelhos, já iremos ter essa capacidade com o famoso KC-390.     
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Junho 27, 2022, 08:59:23 pm
A questão é que aeronaves com "boom" não temos, sendo o A-330 ou KC-767 as únicas opções para reabastecer F-35, F-16, etc
Cps,

Sim mas tanto quanto sei (documentos oficiais) é do interesse da NATO e UE ter um misto de capacidades e até de meios para o AAR. Tanto que a aposta da UE (https://eda.europa.eu/what-we-do/all-activities/activities-search/air-to-air-refuelling) é no A400 que tb não usa "BOOM". Contudo temos os Rafael, F-18, Eurofighter, C295, C-130, A400 e futuramente os KC390, mais os Helis, que suportam o método probe-and-drogue.

Em relação a outras coisas Portugal fazer AAR (Air-to-Air Refueling) nunca seria para consumo próprio ou pelo menos não seria essa a prioridade, seria sim para apoiar a fazer parte os esforço conjunto tanto da NATO como da UE.

Sendo que a missão mais importante era a apoiar a ponte aérea USA-EU da USAF. Sendo que os meios da USAF usam o boom.

Para AAR o A-400M não é a melhor opção. Tem é outras capacidades.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: GuiAdins em Junho 28, 2022, 12:44:40 am
Não sei se estou a falar muita merda mas se isso for verdade de que Portugal tem com a NATO um acordo de ter 3 aviões para reabastecimento, visto que 1 certamente será um dos KC isso faz com que faltem 2, que seriam úteis para projetarmos as nossas forças para as ilhas, ajudar as travessias atlânticas das USAF e da RAF e mesmo participação do policiamento da nato, principalmente na Islândia, logo devem de ter capacidade boom.
A TAP está a substituir os A330 por pelos novos A330-900, mas pelo que sei ainda tem 2 ou 3 A330-200 na frota, porque não adquirir esses e converter em A330MRTT com certeza ficaria por um preço semelhante a adquirir mais 2 KC novos.
E tem a vantagem de poder fazer reabastecimento boom e por isso participar em qualquer missão da NATO, o que muitas vezes nos pode livrar de ter de mandar pessoal, podemos convencer para participar com uma força de reabastecimento. ficará mais barato para nós participar nas missões, pode também transportar ajuda humanitária e outras cargas mais longe que o KC e ainda pode ser utilizado para transporte do PM ou do PR para viagens mais longas, pelo menos que sejam fora da europa.

Me corrijam se estiver errado.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Junho 28, 2022, 01:58:54 am
Os dois ou três A332 que a TAP ainda tem na sua frota são bastante antigos. Por exemplo, os requisitos da FAB para aquisição de A332 usados, para converter para MRTT, exigiam que o ano de fabrico das aeronaves fosse 2014, ou posterior.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: GuiAdins em Junho 28, 2022, 03:18:14 pm
Sim de facto os A332 da TAP são anteriores a 2014, se não me engano os ativos são de 2008 e o que está encostado é de 2007. A mesma idade que os A330MRTT da Inglaterra, embora bem mas rodados.
Mas quem ganhou o concurso brasileiro foi a Azul e eles tem apenas 1 A332 fabricado depois de 2014.
Também podemos esperar que algumas empresas de charter não consigam recuperar da pandemia, e tentar arranjar alguns por ai, mas com idade menor que  anos é quase impossível.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: tenente em Junho 28, 2022, 03:28:39 pm
Meus caros,

Os três 332 da TAP, CSTON, CSTOO e CSTOP, são respectivamente de FEV08, MAR08 e JUN08.
Serão abatidos da frota se os CSTUR e CSTUS, que actualmente se encontram ao serviço da TAP, como reforço da frota W/B até SET22, aqui permanecerem após essa data.
A actual frota W/B com 19 aeronaves 339 é suficiente para a operação, não há necessidade da TAP possuir 22 aeronaves da classe E.   

Abraços
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Junho 28, 2022, 04:12:43 pm
Eu tinha ouvido (de forma oficial e na comunicação social, há alguns anos, penso que ainda se estava a decidir se iam ou não pelos KC) que Portugal se tinha comprometido com a NATO juntamente com outros países (não me recordo de quais) a formar um grupo de AAR (Air to Air Refueling) que penso seria para executar missões NATO no atlântico e sul da Europa.

Até penso que a ideia uma das ideias seria por os KC a fazer essa missão. Tanto quanto sei seria uma pool de aeronaves que iam rodando para garantir que existe sempre um mínimo disponível 24h7dia para a Aliança, ou seja não iam implicar ter as 3 meios ao mesmo tempo.

Contudo já fiz várias tentativas para encontrar os documentos relativos a esse tema mas nunca encontrei nada descritivo, apenas a indicação que Portugal faz/vai fazer parte desse grupo.

O problema dos KCs, é que além de só reabastecer com P&B, têm um alcance muito curto, o que quase que nega a racionalidade de os utilizar para abastecer aeronaves para operar no Atlântico Sul. O MRTT, além de poder usar ambos os sistemas de abastecimento, tem um raio de acção muito mas muito superior. Hipoteticamente falando, se viéssemos a substituir os P-3 por P-8, e tivéssemos MRTT, um P-8 passava a conseguir operar em qualquer zona do Atlântico, o que seria uma capacidade inédita para nós. Também permitia que os F-16 operassem livremente na ZEE, algo que hoje têm limitações.

Ou o(s) A330 MRTT eram bastantes úteis em outras valências ou são um investimento discutível - se os operamos vamos deixar de ter algo, que "os almoços não são grátis"... e há tanto que precisamos. Até porque, para alguns aparelhos, já iremos ter essa capacidade com o famoso KC-390.   

A questão é que os MRTT não são simplesmente "gasolineiras com asas". É um avião extremamente versátil, que tanto pode abastecer outras aeronaves (de qualquer país da NATO) com os dois métodos, tornando-se um grande multiplicador de força, como tem uma capacidade de transporte e um alcance como nenhuma outra aeronave que temos.

Agora, o método de aquisição deste tipo de aeronave, é que poderia ser colocado em debate: operação individual de 2 aeronaves, operação conjunta das mesmas com Espanha, ou compra de 1 aeronave para fazer parte do consórcio da NATO MMF, e incentivar a que tenham uma base de operação em Portugal (por exemplo Beja) com olho nas tais operações em África/Atlântico Sul.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Junho 28, 2022, 08:23:43 pm
Qual falta de dinheiro, qual carapuça

Para certos "setores" há dinheiro a rodos

Prioridades...fazem mais falta aviões que transportem (e descarreguem) água do que os que transportem combustível.

Sinceramente prefiro uma esquadra equipada para combate a incêndios em todo o território nacional que reabastecedores para 20 aviões de combate...

Mas cada um com a sua.

Em 50 anos ninguém se preocupou, nem com os que  transportam combustível nem os que transportam água....
Mais demagogia não..
CPS
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: raphael em Junho 29, 2022, 04:34:39 pm
Qual falta de dinheiro, qual carapuça

Para certos "setores" há dinheiro a rodos

Prioridades...fazem mais falta aviões que transportem (e descarreguem) água do que os que transportem combustível.

Sinceramente prefiro uma esquadra equipada para combate a incêndios em todo o território nacional que reabastecedores para 20 aviões de combate...

Mas cada um com a sua.

Em 50 anos ninguém se preocupou, nem com os que  transportam combustível nem os que transportam água....
Mais demagogia não..
CPS
 

Pois mas o projeto que está em curso é mesmo para os que transportam água e a descarregam a meio caminho...para serem sedeados numa unidade militar mais a norte que até mudará a designação...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Junho 29, 2022, 04:58:07 pm
Qual falta de dinheiro, qual carapuça

Para certos "setores" há dinheiro a rodos

Prioridades...fazem mais falta aviões que transportem (e descarreguem) água do que os que transportem combustível.

Sinceramente prefiro uma esquadra equipada para combate a incêndios em todo o território nacional que reabastecedores para 20 aviões de combate...

Mas cada um com a sua.

Em 50 anos ninguém se preocupou, nem com os que  transportam combustível nem os que transportam água....
Mais demagogia não..
CPS
 

Pois mas o projeto que está em curso é mesmo para os que transportam água e a descarregam a meio caminho...para serem sedeados numa unidade militar mais a norte que até mudará a designação...

Sim, o AM 1 passará a ser BA nº...
Cps,
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: luis simoes em Agosto 06, 2022, 06:33:51 pm
Nao invalida a possivel possibilidade de ter pelo menos um A330 ex tap....haja sim por parte de quem dicide este tipo de coisas e aparentemente ja vimos A340 no 70 aniversario da Fap ....muitos poderao achar que foi mera coicindencia....mas aconteceu o mesmo com os merlin....no 50 aniversario....e com o kc 390 no 65 aniversario....e eles ja voam por ca e o kc esta por meses....nao sei nao....mas que seria otimo seria....haja vontade pois apesar de ter para breve um resbastecedor ao servico....certamente com pelo menos 1 A330 Portugal ficaria com outro tipo de solucao para transporte de maior capacidade....vamos ver nao sei nao....
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Setembro 09, 2022, 12:28:12 pm
Entretanto...Os Belgas...

https://www.cavok.com.br/belgica-comprara-um-segundo-aviao-tanque-a330-mrtt-elevando-a-frota-mmu-para-dez-aeronaves
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Setembro 09, 2022, 03:23:05 pm
Portugal comprar 1 para integrar a frota multinacional, e fazer com que em Portugal estivesse colocada a segunda base de operação da dita frota, com vista as operações no Atlântico e África, e também para não ter todos os macacos no mesmo galho (da frota de MRTT), dada a sua importância estratégica.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Visitante123 em Setembro 09, 2022, 07:15:25 pm
 :new_argue:
Entretanto...Os Belgas...

https://www.cavok.com.br/belgica-comprara-um-segundo-aviao-tanque-a330-mrtt-elevando-a-frota-mmu-para-dez-aeronaves

Na Bélgica não estão contentes porque o governo se recusa a atingir os 2% do PIB (onde já ouvi isto?). Um destes para Portugal dava jeito. Para eles não sei para que precisam de outro.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Setembro 10, 2022, 05:47:04 pm
Deve ser mais para reforçar o contributo deles à NATO, e não necessariamente para eles próprios. Pode até ter sido algo falado no meio das conferências da NATO dos últimos tempos, sobre a necessidade de reforçar a capacidade AAR da NATO, e os belgas chegarem-se à frente.

Já nós contribuímos com apoio moral, e um par de KCs de pernas curtas.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Visitante123 em Setembro 10, 2022, 06:33:52 pm
Acho que os Belgas sofrem do mesmo problema de Portugal no que diz respeito a armas ofensivas. Recusam-se a gastar mais dinheiro e quando gastam e em transportes.

Pelo menos eles lançaram a ideia de incorporar BMD nos seus navios. E quem me conhece sabe que eu acho que essa é a principal carência de PT. Até já me gozaram por isso por aqui mas é a melhor nhs opinião.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Setembro 10, 2022, 07:04:31 pm
Acho que os Belgas sofrem do mesmo problema de Portugal no que diz respeito a armas ofensivas. Recusam-se a gastar mais dinheiro e quando gastam e em transportes.

Pelo menos eles lançaram a ideia de incorporar BMD nos seus navios. E quem me conhece sabe que eu acho que essa é a principal carência de PT. Até já me gozaram por isso por aqui mas é a melhor nhs opinião.

Sabes que a Bélgica tem mais F-16 que os Países Baixos e também vai ter mais F-35?

Sabes que a Bélgica tem 66.5 km de área costeira não sabes?

Se existe pais na Europa que tem um plano estruturado para as suas FA é a Bélgica.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Setembro 10, 2022, 07:28:02 pm
Acho que os Belgas sofrem do mesmo problema de Portugal no que diz respeito a armas ofensivas. Recusam-se a gastar mais dinheiro e quando gastam e em transportes.

Pelo menos eles lançaram a ideia de incorporar BMD nos seus navios. E quem me conhece sabe que eu acho que essa é a principal carência de PT. Até já me gozaram por isso por aqui mas é a melhor nhs opinião.

Existe vontade/ambição de das 5 FFGH NG que se pretendem adquirir, pelo menos duas delas, tenham capacidade futura de BMD, com SM-3.
Cps,
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Visitante123 em Setembro 10, 2022, 07:35:03 pm
Hi
Acho que os Belgas sofrem do mesmo problema de Portugal no que diz respeito a armas ofensivas. Recusam-se a gastar mais dinheiro e quando gastam e em transportes.

Pelo menos eles lançaram a ideia de incorporar BMD nos seus navios. E quem me conhece sabe que eu acho que essa é a principal carência de PT. Até já me gozaram por isso por aqui mas é a melhor nhs opinião.

Sabes que a Bélgica tem mais F-16 que os Países Baixos e também vai ter mais F-35?

Sabes que a Bélgica tem 66.5 km de área costeira não sabes?

Se existe pais na Europa que tem um plano estruturado para as suas FA é a Bélgica.

Global Firepower Index tem a Bélgica em 69º posição a nível global. Portugal está em 42º para 2022.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Lightning em Setembro 10, 2022, 07:46:47 pm
Para eles não sei para que precisam de outro.

Eles tem muitos A400M para reabastecer  :mrgreen:.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Setembro 10, 2022, 08:00:04 pm
Hi
Acho que os Belgas sofrem do mesmo problema de Portugal no que diz respeito a armas ofensivas. Recusam-se a gastar mais dinheiro e quando gastam e em transportes.

Pelo menos eles lançaram a ideia de incorporar BMD nos seus navios. E quem me conhece sabe que eu acho que essa é a principal carência de PT. Até já me gozaram por isso por aqui mas é a melhor nhs opinião.

Sabes que a Bélgica tem mais F-16 que os Países Baixos e também vai ter mais F-35?

Sabes que a Bélgica tem 66.5 km de área costeira não sabes?

Se existe pais na Europa que tem um plano estruturado para as suas FA é a Bélgica.

Global Firepower Index tem a Bélgica em 69º posição a nível global. Portugal está em 42º para 2022.

O Tó Madeira também era o melhor avançado do CM, na realidade....
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Visitante123 em Setembro 10, 2022, 10:39:09 pm
Dei uma vista de olhos às FAs belgas. Nada que impressione.

Se é isso que se arranja com uma visão estruturada... já nem comento.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Red Baron em Setembro 11, 2022, 12:06:52 am
Dei uma vista de olhos às FAs belgas. Nada que impressione.

Se é isso que se arranja com uma visão estruturada... já nem comento.
Se calhar é melhor...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: luis simoes em Setembro 11, 2022, 11:37:33 am
Acho que nao devemos andar no que este ou aquele pais teem ou nao.
Devemos e sim preocupar conosco...

Temos:
P 3 orion
C130H
C295
KC390 (Por dias o primeiro a chegar)
Epsilon TB
F-16AM
Merlin
Kamov (aguardar dinheiro p/intervencao)
Blackhawks (por dias o primeiro a chegar)
....
Os Canadairs que em breve equiparao a FAP, poderao tambem ser usados nas missoes de Patrulhamento Maritimo, busca e  salvamento...sendo aviao anfibio fara muito jeito tambem....

Quanto ao tal aviao de ataque leve,e de treino avancado,se concretizar,juntamente com o tal heli medio de transp./ataque e evacuacao fara,com que Portugal fique mais bem preparado...

Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: luis simoes em Setembro 11, 2022, 12:05:12 pm
Somos um pais pequeno,com orcamento limitado,e que devemos ai sim ser realistas,nao nos podemos comparar com outros paises infelizmente,nao que nao podemos fazer mais e melhor,mas temos a 12 divida publica dum Pais no mundo todo...o que por sim so diz muito...
Infelizmente 3 bancas rotas teem disto....devemos exigir mais respeito aos nossos impostos....que deviam de ser mais bem geridos....
Enfim nao admira que estejamos na cauda da Europa....
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Setembro 12, 2022, 11:00:25 pm
Somos um pais pequeno,com orcamento limitado,e que devemos ai sim ser realistas,nao nos podemos comparar com outros paises infelizmente,nao que nao podemos fazer mais e melhor,mas temos a 12 divida publica dum Pais no mundo todo...o que por sim so diz muito...
Infelizmente 3 bancas rotas teem disto....devemos exigir mais respeito aos nossos impostos....que deviam de ser mais bem geridos....
Enfim nao admira que estejamos na cauda da Europa....

A conversa do "coitadinho"....
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: raphael em Setembro 13, 2022, 02:25:20 pm
O problema é que existem outras prioridades para além da Defesa...

opinião publica..."quer ter médico de familia ou ser operado a horas ou prefere os F-35?"

sabes a resposta? "vendam os submarinos do Portas e já vai ajudando."

Até podemos ter ideias maravilhosas, mas o orçamento mal dá para sustentação de forças, quanto mais potenciar capacidades com novas frotas.

Se for duplo uso tipo incêndios e mais qualquer coisa é que dá...

Para o ano isto ainda vai arder mais, mesmo com os blackhawk...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Setembro 13, 2022, 03:06:58 pm
O problema é que existem outras prioridades para além da Defesa...

opinião publica..."quer ter médico de familia ou ser operado a horas ou prefere os F-35?"

sabes a resposta? "vendam os submarinos do Portas e já vai ajudando."

Até podemos ter ideias maravilhosas, mas o orçamento mal dá para sustentação de forças, quanto mais potenciar capacidades com novas frotas.

Se for duplo uso tipo incêndios e mais qualquer coisa é que dá...

Para o ano isto ainda vai arder mais, mesmo com os blackhawk...

A questão é que mesmo sem os F-35, a saúde está a desmoronar-se !
So no país de imbecis que se tornou Portugal, é que os políticos e alguns militares, usam esse discurso.
Cps,
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Visitante123 em Setembro 13, 2022, 04:26:27 pm
O problema é que existem outras prioridades para além da Defesa...

opinião publica..."quer ter médico de familia ou ser operado a horas ou prefere os F-35?"

sabes a resposta? "vendam os submarinos do Portas e já vai ajudando."

Até podemos ter ideias maravilhosas, mas o orçamento mal dá para sustentação de forças, quanto mais potenciar capacidades com novas frotas.

Se for duplo uso tipo incêndios e mais qualquer coisa é que dá...

Para o ano isto ainda vai arder mais, mesmo com os blackhawk...

Esse argumento é aqui dado tantas vezes e deixa-me sempre com comichões porque é um argumento falacioso.

Porque não diz para tirar as subvenções vitalícias aos políticos? Ou pegar nos quase 100M€ ano para a Assembleia da República e reduzir para 60 ou 70M através da redução de deputados? Ou porque não pergunta a alguém de Amarante ou Guarda, ou Olhão o que eles ganham por enterrar tanto dinheiro em transportes públicos apenas para Lisboa? Ou porque é que os hospitais em público/privado gastam menos que os hospitais públicos? Ou porque é que as Forças Armadas recebem do Estado dinheiro para pagarem ao Estado por usar os bens do Estado?

Deixar de investir nas FAs é como deixar de pagar os seguros. Funciona enquanto não houver estrilhos e depois é um problema.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Icterio em Setembro 13, 2022, 07:16:07 pm
Esse argumento é aqui dado tantas vezes e deixa-me sempre com comunhões porque é um argumento falacioso.

Porque não diz para tirar as subvenções vitalícias aos políticos? Ou pegar nos quase 100M€ ano para a Assembleia da República e reduzir para 60 ou 70M através da redução de deputados? Ou porque não pergunta a alguém de Amarante ou Guarda, ou Olhão o que eles ganham por enterrar tanto dinheiro em transportes públicos apenas para Lisboa? Ou porque é que os hospitais em público/privado gastam menos que os hospitais públicos? Ou porque é que as Forças Armadas recebem do Estado dinheiro para pagarem ao Estado por usar os bens do Estado?

Entendo perfeitamente a ideia do Raphael.

Quer comparar as subvenções vitalícias ou as despesas com a Assembleia com o SNS ou as pensões da Segurança Social?

Esse é que é um argumento falacioso; comparar despesas de dezenas de milhões com outras de milhares de milhões. 
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Setembro 13, 2022, 08:37:50 pm
Esse argumento é aqui dado tantas vezes e deixa-me sempre com comunhões porque é um argumento falacioso.

Porque não diz para tirar as subvenções vitalícias aos políticos? Ou pegar nos quase 100M€ ano para a Assembleia da República e reduzir para 60 ou 70M através da redução de deputados? Ou porque não pergunta a alguém de Amarante ou Guarda, ou Olhão o que eles ganham por enterrar tanto dinheiro em transportes públicos apenas para Lisboa? Ou porque é que os hospitais em público/privado gastam menos que os hospitais públicos? Ou porque é que as Forças Armadas recebem do Estado dinheiro para pagarem ao Estado por usar os bens do Estado?

Entendo perfeitamente a ideia do Raphael.

Quer comparar as subvenções vitalícias ou as despesas com a Assembleia com o SNS ou as pensões da Segurança Social?

Esse é que é um argumento falacioso; comparar despesas de dezenas de milhões com outras de milhares de milhões.

Outro !
Mas antes dos F-35, faça a soma a quanto já entrou no NB, na TAP, nas PPP, nas fundações, nos observatórios locais, nas ajudas a "sul", etc.
Vocês tem as FA que merecem, como diz o nosso "Pescador" bem orientadas e orientadas a sul.
Cps
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Icterio em Setembro 13, 2022, 09:09:09 pm
Outro !
Mas antes dos F-35, faça a soma a quanto já entrou no NB, na TAP, nas PPP, nas fundações, nos observatórios locais, nas ajudas a "sul", etc.

Outro que não sabe fazer contas...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Setembro 13, 2022, 09:11:16 pm
Outro !
Mas antes dos F-35, faça a soma a quanto já entrou no NB, na TAP, nas PPP, nas fundações, nos observatórios locais, nas ajudas a "sul", etc.

Outro que não sabe fazer contas...

Apresente as suas por aqui !
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: PereiraMarques em Setembro 13, 2022, 09:13:47 pm
Quem acompanha o FD já deve ter percebido que o Raphael é um Oficial (Superior?) da FAP. É uma atitude "resignada"? Claro que é! Mas não deixa de ser profundamente realista!
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Visitante123 em Setembro 13, 2022, 09:22:05 pm
Esse argumento é aqui dado tantas vezes e deixa-me sempre com comunhões porque é um argumento falacioso.

Porque não diz para tirar as subvenções vitalícias aos políticos? Ou pegar nos quase 100M€ ano para a Assembleia da República e reduzir para 60 ou 70M através da redução de deputados? Ou porque não pergunta a alguém de Amarante ou Guarda, ou Olhão o que eles ganham por enterrar tanto dinheiro em transportes públicos apenas para Lisboa? Ou porque é que os hospitais em público/privado gastam menos que os hospitais públicos? Ou porque é que as Forças Armadas recebem do Estado dinheiro para pagarem ao Estado por usar os bens do Estado?

Entendo perfeitamente a ideia do Raphael.

Quer comparar as subvenções vitalícias ou as despesas com a Assembleia com o SNS ou as pensões da Segurança Social?

Esse é que é um argumento falacioso; comparar despesas de dezenas de milhões com outras de milhares de milhões.

Aí, é falacioso o que digo? E então os médicos de família em falta custam milhares de milhões querem ver? A falta de médicos não é uma questão de dinheiro. É uma questão de corporativismo porque a ordem dos médicos bloqueia as entradas nas faculdades para não saturar o mercado e os governos acobardam-se e fazer-lhe a vontade.

Sem mexer em nada de muito complicado para a população era 7M/ano nas subvenções e 40M/ ano na AR. Numa legislatura Já dava para uma fragata e perdia-se absolutamente NADA para a nação em geral.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Icterio em Setembro 13, 2022, 09:36:00 pm
Sem mexer em nada de muito complicado para a população era 7M/ano nas subvenções e 40M/ ano na AR. Numa legislatura Já dava para uma fragata e perdia-se absolutamente NADA para a nação em geral.

 ;D ;D ;D.  Conversa de café. (*)

(*) PS - Não tenho nada contra conversa de café mas, sendo assim, quero um fininho e meia torrada.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Setembro 13, 2022, 09:39:07 pm
Quem acompanha o FD já deve ter percebido que o Raphael é um Oficial (Superior?) da FAP. É uma atitude "resignada"? Claro que é! Mas não deixa de ser profundamente realista!

É, há muitos assim, o que interessa é que o cheque caia na conta no final do mês, o resto...é o resto !
Cps,
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Visitante123 em Setembro 13, 2022, 09:39:43 pm
Quem acompanha o FD já deve ter percebido que o Raphael é um Oficial (Superior?) da FAP. É uma atitude "resignada"? Claro que é! Mas não deixa de ser profundamente realista!

É realista porque ninguém a questiona de forma séria. Um país sem FAs decentes não é um país independente. É uma fac-simile de um país até alguém se lembrar de acabar com a ideia dessa geografia enquanto nação.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Setembro 13, 2022, 09:41:33 pm
Quem acompanha o FD já deve ter percebido que o Raphael é um Oficial (Superior?) da FAP. É uma atitude "resignada"? Claro que é! Mas não deixa de ser profundamente realista!

É realista porque ninguém a questiona de forma séria. Um país sem FAs decentes não é um país independente. É uma fac-simile de um país até alguém se lembrar de acabar com a ideia dessa geografia enquanto nação.

Se amanhã se lembrassem de reativar os PUMA ou mesmo os C-212, haveria muitos oficiais da FA que iriam defender a ideia, como sendo o "possível" por exemplo.
Cps,
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Visitante123 em Setembro 13, 2022, 09:52:48 pm
Quem acompanha o FD já deve ter percebido que o Raphael é um Oficial (Superior?) da FAP. É uma atitude "resignada"? Claro que é! Mas não deixa de ser profundamente realista!

É realista porque ninguém a questiona de forma séria. Um país sem FAs decentes não é um país independente. É uma fac-simile de um país até alguém se lembrar de acabar com a ideia dessa geografia enquanto nação.

Se amanhã se lembrassem de reativar os PUMA ou mesmo os C-212, haveria muitos oficiais da FA que iriam defender a ideia, como sendo o "possível" por exemplo.
Cps,

Porque na realidade eles não acreditam que algum dia vão ter que entrar numa guerra. Então contentam-se com uma LED nova, um carro melhor e um T3 em vês de um T2. Mas se amanhã tiverem de ir com os calhambeques que estão nos quartéis para uma batalha as coisinhas boas ficam para ser usufruídas pela mulher e o novo rapaz que irá lá para casa quando eles baterem a bota. Se eles temessem efetivamente ter que entrar numa guerra as coisas nunca teriam chegado a este ponto porque o barulho seria ensurdecedor.

E sinceramente não falo de nenhum forista em especial. Falo de forma geral. Um Estado mandar alguém para a guerra sem estar devidamente equipado faz-me muita, muita confusão. É uma traição sem nome.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Visitante123 em Setembro 13, 2022, 09:56:40 pm
Sem mexer em nada de muito complicado para a população era 7M/ano nas subvenções e 40M/ ano na AR. Numa legislatura Já dava para uma fragata e perdia-se absolutamente NADA para a nação em geral.

 ;D ;D ;D.  Conversa de café. (*)

(*) PS - Não tenho nada contra conversa de café mas, sendo assim, quero um fininho e meia torrada.

Se quiser mais do que o que chama conversa de café convém meter ideias próprias ao barulho em vez de dizer o equivalente de "assim não". Depois logo se verá até onde nós levará essa conversa.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Setembro 13, 2022, 09:58:21 pm
Quem acompanha o FD já deve ter percebido que o Raphael é um Oficial (Superior?) da FAP. É uma atitude "resignada"? Claro que é! Mas não deixa de ser profundamente realista!

É realista porque ninguém a questiona de forma séria. Um país sem FAs decentes não é um país independente. É uma fac-simile de um país até alguém se lembrar de acabar com a ideia dessa geografia enquanto nação.

Se amanhã se lembrassem de reativar os PUMA ou mesmo os C-212, haveria muitos oficiais da FA que iriam defender a ideia, como sendo o "possível" por exemplo.
Cps,

Porque na realidade eles não acreditam que algum dia vão ter que entrar numa guerra. Então contentam-se com uma LED nova, um carro melhor e um T3 em vês de um T2. Mas se amanhã tiverem de ir com os calhambeques que estão nos quartéis para uma batalha as coisinhas boas ficam para ser usufruídas pela mulher e o novo rapaz que irá lá para casa quando eles baterem a bota. Se eles temessem efetivamente ter que entrar numa guerra as coisas nunca teriam chegado a este ponto porque o barulho seria ensurdecedor.

E sinceramente não falo de nenhum forista em especial. Falo de forma geral. Um Estado mandar alguém para a guerra sem estar devidamente equipado faz-me muita, muita confusão. É uma traição sem nome.

É isso mesmo, na "Mouche" meu caro.
Mas quem manda, pensa que só vai atuar a mando da ONU, em África, a velha moda do ultramar !
Mas nem assim, em 4 anos conseguiram adquirir os helis de "evacuação"...
Basta ver, na FAP, das esquadras existentes, quantas efetivamente estão aptas a entrar em combate, tão somente a 201 e 301, e precariamente a 601...O resto é adereço !
Cps,
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Setembro 13, 2022, 09:59:58 pm

Isto é um TESTE

Para ver se o meu comentário é apagado.

O MRTT é bom para a FAP

TESTE


Excelente aparelho o MRTT.
Deviamos ter 5.
5 C-130
5 KC-390
5 MRTT

Queimou o cérebro ?
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Subsea7 em Setembro 13, 2022, 10:51:14 pm
Já que não estou a ser censurado...

Para que serve um MRTT?

Para transportar 300 passageiros?
Mas quando foi a ultima vez que as FAs de Portugal enviaram 300 para algum lado?
Para África vão 180 de 6 em 6 meses.
Para a Roménia passam a ir 222.

Vá - apaga isto.


Já que não estou a ser censurado...

Para que serve um LPD?
A cada momento só temos "pronta" uma companhia de Fuzileiros e 6 DAEs.

Anda lá...  Apaga.
Isto é tudo impróprio para consumo no FD.

Quem disse que ia construir o LPD foi o nosso PM Costa em 2018, assim como 6 OPV, até hoje, nada !
https://rr.sapo.pt/noticia/economia/2018/07/20/antonio-costa-anuncia-sete-novos-navios-para-a-marinha/119327/
CPS
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Visitante123 em Setembro 13, 2022, 11:04:14 pm
Atenção que eu não escrevi nada dirigido ao Raphael nem tão pouco ao Ictero.

O que escrevi são questões gerais que afetam vários setores que não só as FAs. Há muitos setores com profissionais que querem segurança mas trocam-na por melhorias salariais e isso sempre me incomodou.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Lightning em Setembro 14, 2022, 12:12:56 am
Essa conversa da falta de dinheiro faz-me lembrar o velho ditado português:

"Casa onde não há pão todos ralham e ninguém têm razão."

O que entendo com isto é que enquanto existirem sectores do estado (saúde, reformas, etc), com problemas, que causem "pouco pão" na saude, nos apoios sociais, as pessoas dificilmente vão aceitar investimentos avultados na defesa, pois foram formatados a ver isso como pouco importante, ou até desperdicio de dinheiro, a culpa até pode ser má gestão na saúde e na segurança social, e a defesa andar tudo certinho, que isso só vai convencer uns poucos, pois a maioria nem vai querer entender, vão dizer que é mais importante "pão" do que "brinquedos".

Pensei um bocado neste assunto quando vi algumas imagens da proclamação do Carlos III a rei, aqueles militares todos com fardas tão variadas e vistosas.

(https://www.heraldscotland.com/resources/images/15120896.jpg?type=responsive-gallery-fullscreen)

Penso que não são as monarquias que tornam os países ricos, mas são os países ricos que é possível manter uma monarquia, ou pelo menos boa gestão para não terem "falta de pão", é que isto é aceite, nos outros Portugal, Itália, Grécia, como as pessoas querem mudanças, há golpes de estado, revoluções, ideias comunistas de "sociedades sem classes", assim a monarquia não sobrevive pois perde o apoio popular por outras que lhes prometem pão.

Também tivemos a Rainha Maria Pia que disse em resposta a um ministro que lhe queria chamar a atenção por gastar tanto em vestidos e outros adereços: "Quem quer rainhas, paga-as!" E realmente foi das últimas rainhas...
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: dc em Setembro 14, 2022, 01:01:08 am
O MRTT para a FAP, traria várias vantagens, não era apenas para transportar 300 pessoas do ponto A para o ponto B e já está. É preciso ser-se imbecil para achar que o avião só faria isto.

Um bocadinho de esforço e força de vontade, levava a uma pequena pesquisa acerca da aeronave e das suas valências, desde logo que, não só transporta que o KC, como vai muito mais longe sem ter de fazer escalas. Também ao contrário do KC, pode abastecer os F-16, tornando finalmente possível exercer soberania sobre a nossa ZEE, já que não temos pilotos, nem aeronaves, nem orçamento suficientes para criar mais dois QRAs com F-16 nos arquipélagos.

As principais críticas que se faz ao KC são:
-o preço (dos prometidos 70/80 milhões de euros, vamos pagar 110 milhões a unidade)
-o peso que tem no curto orçamento da Defesa, principalmente vendo que existem muitas outras prioridades
-o facto da sua aquisição estar a ser feita exactamente ao mesmo tempo da modernização do C-130, criando-se redundância, quando a modernização dos C-130, até permitia empurrar o investimento no KC para mais tarde, usando-se os tais 827 milhões para outros programas prioritários
-o facto da aeronave em si, não ser nada do outro mundo, e muito aquém das necessidades, já que passamos o tempo a alugar aeronaves maiores para transportar a "tralha". Nem sequer nos demos ao trabalho de entrar no Strategic Airlift Capability

Quanto à restante conversa, convém não esquecer que o orçamento da saúde, representa a maior fatia do OE. Não faz sentido agir como se a Saúde recebesse uns meros tostões. Será que é tudo bem gerido? Pois, se calhar não... Fala-se em falta de médicos e enfermeiros, mas nós vemos emigrarem paletes deles, até parece que temos em excesso.
Também lembrar que muito dinheiro se gastou e gasta-se em obras públicas desnecessárias. Rotundas em tudo o que é sítio, entre outras invenções.
Não esquecer ainda que vários distritos querem um aeroporto, quer-se um TGV de vários milhares de milhões, quer-se isto e aquilo. A quantidade de negócios mal geridos, empresas e entidades do Estado que só dão prejuízo. Para não falar dos subsídios UE que desaparecem nas mãos dos recipientes, e não se nota diferença nenhuma nos sectores que era suposto beneficiarem. Para não falar da trafulhice, da corrupção, etc.

No fim, não é passar o Orçamento da Defesa de 1 para os 2% do PIB, que vai "roubar" médicos nos hospitais.

No que diz respeito à Defesa, o maior problema que temos, não é só a falta de orçamento de hoje, mas o desinvestimento das últimas décadas. Este desinvestimento, ou "empurrar com a barriga", leva a que andemos há 20 anos com praticamente a mesma LPM, e que tenhamos programas em curso (ou planeados) que já deviam estar despachados há pelo menos 10 anos. Basta ver que há 10 anos, tínhamos para esta década planeada a substituição das VdG, e agora só para lá de 2030.
E o próprio Governo tem alergia a dar orçamento adequado para a manutenção da Marinha, apesar deste orçamento afectar (de forma positiva) directamente uma empresa do Estado!
Temos uma taxa de cumprimento das LPMs que é uma autêntica comédia. Desde quando é que se fica satisfeito com taxas de cumprimento de 50%? Pois os nossos MDNs vangloriam-se com isso.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: NVF em Setembro 14, 2022, 01:42:32 am

(https://www.heraldscotland.com/resources/images/15120896.jpg?type=responsive-gallery-fullscreen)


Nessa foto não deve haver um único que seja militar (pelo menos no activo). Recordo que, por exemplo, os embaixadores portugueses têm uniforme para utilizar em certas ocasiões e não são militares.
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Pescador em Setembro 14, 2022, 10:40:44 am

(https://www.heraldscotland.com/resources/images/15120896.jpg?type=responsive-gallery-fullscreen)


Nessa foto não deve haver um único que seja militar (pelo menos no activo). Recordo que, por exemplo, os embaixadores portugueses têm uniforme para utilizar em certas ocasiões e não são militares.

Infelizmente muitos dos embaixadores nada são que se possa sentir orgulho.
Ou mesmo como diria em tempos um na Bósnia ou são p......ou são b........
Isto nas palavras dele que se afirma como b....

Mas a verdade é que particularmente nos palop têm sido uns vassalos, como o é o PR

Lembro um deles, quando de uma visita do Pinto da Costa nos anos 90 ao amigo Eduardo dos Santos, quando este sai lá do Futungo de Belas e o vai receber ao Hotel em Luanda. Corre o Embaixador também ao hotel a aparecer e, foi ignorado completamente pelo Eduardo, ao ponto de comentar que " o presidente de Angola deu mais importância ao presidente do Porto que ao Embaixador de Portugal" cito
Isto é tão patético
Aliás, são

Para o caso de vir a pergunta ou o pensamento, que tem isto a ver?
Tem tudo, quando não se arruma a casa e se anda a gastar por fora, a casa fica desleixada
Título: Re: A330 MRTT para a FAP ?
Enviado por: Charlie Jaguar em Outubro 14, 2022, 12:11:33 pm
Esta manhã a aterrar em Lisboa.

É vê-los literalmente a passar, ainda há dois dias era um A400M belga no Montijo... ::)


𝗧-𝟬𝟱𝟱 | 𝗠𝘂𝗹𝘁𝗶𝗻𝗮𝘁𝗶𝗼𝗻𝗮𝗹 𝗠𝘂𝗹𝘁𝗶-𝗥𝗼𝗹𝗲 𝗧𝗮𝗻𝗸𝗲𝗿 𝗧𝗿𝗮𝗻𝘀𝗽𝗼𝗿𝘁 𝗙𝗹𝗲𝗲𝘁 (𝗥𝗼𝘆𝗮𝗹 𝗡𝗲𝘁𝗵𝗲𝗿𝗹𝗮𝗻𝗱𝘀 𝗔𝗶𝗿 𝗙𝗼𝗿𝗰𝗲) | 𝗔𝗶𝗿𝗯𝘂𝘀 𝗔𝟯𝟯𝟬-𝟮𝟰𝟯𝗠𝗥𝗧𝗧
LIS/LPPT - 14/10/2022
(https://i.postimg.cc/zXdmVx16/311422771-10218504862486695-646419277207700466-n.jpg)