U209PN

  • 2888 Respostas
  • 596382 Visualizações
*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 8557
  • Recebeu: 3882 vez(es)
  • Enviou: 2637 vez(es)
  • +3475/-336
Re: U209PN
« Responder #2880 em: Setembro 04, 2021, 11:35:55 am »
Já somos dois a pensar assim !!

Na minha opinião deveria ser a arma Submarina, a valência a mais poderosa da nossa Marinha.
Se a Marinha possuísse uma (Es)quadrilha de, quatro a seis 214, ficava com uma capacidade dissuadora apreciável, ou poderosa no caso de serem seis as unidades ao serviço !



Claro que para isso acontecer, era necessário que os responsáveis investissem muito a sério na Marinha, que a meu ver, deveria ser o Ramo melhor equipado das FFAA, por todos os motivos e mais um par de botas.

Abraços
« Última modificação: Setembro 04, 2021, 11:38:36 am por tenente »


Quando um Povo não Respeita as Suas FFAA, Não Respeita a Sua História nem se Respeita a Si Próprio  !!
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

Pescador

  • Perito
  • **
  • 595
  • Recebeu: 435 vez(es)
  • Enviou: 216 vez(es)
  • +228/-704
Re: U209PN
« Responder #2881 em: Setembro 04, 2021, 12:18:27 pm »
4 214 e 4 fragatas a sério como as tipo 31 ou nessa linha, e era uma marinha a sério para a dimensão e responsabilidade nacional.

Mas vemos algum investimento é naquilo que possa levar a ter missões, para também irem adidos, formadores, representação de altas figuras no estrangeiro. É só essa a preocupação politica e dos envolvidos.
Nada sobre Soberania. Vigilância e segurança daquilo que nos pertence.
Até os NPO seguem basicamente esse caminho de visibilidade politica.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 4289
  • Recebeu: 2661 vez(es)
  • Enviou: 4671 vez(es)
  • +3397/-141
Re: U209PN
« Responder #2882 em: Setembro 04, 2021, 12:51:31 pm »
Se fôssemos investir em submarinos adicionais, acho que se devia optar por em navios maiores, com capacidade de empregar mísseis de cruzeiro. Algo na casa das 4.000 toneladas de deslocamento. Infelizmente, temo que a actual esquadrilha de submarinos seja a última da Armada Portuguesa.
Talent de ne rien faire
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: typhonman, tenente, CruzSilva

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 8557
  • Recebeu: 3882 vez(es)
  • Enviou: 2637 vez(es)
  • +3475/-336
Re: U209PN
« Responder #2883 em: Setembro 04, 2021, 01:24:54 pm »
Se fôssemos investir em submarinos adicionais, acho que se devia optar por em navios maiores, com capacidade de empregar mísseis de cruzeiro. Algo na casa das 4.000 toneladas de deslocamento. Infelizmente, temo que a actual esquadrilha de submarinos seja a última da Armada Portuguesa.

pois, a continuar com este desinvestimento também penso que são mais vinte e poucos anos, se tantos, com estes dois 214 e depois nada de submarinos !!!

Abraço


Quando um Povo não Respeita as Suas FFAA, Não Respeita a Sua História nem se Respeita a Si Próprio  !!
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 5205
  • Recebeu: 1602 vez(es)
  • Enviou: 401 vez(es)
  • +331/-242
Re: U209PN
« Responder #2884 em: Setembro 04, 2021, 01:26:18 pm »
4 fragatas e 4 submarinos seria o equilíbrio perfeito entre capacidade e custos de operação. Óbvio que era sempre bom ter mais, mas este 4+4 não tem nada de incomportável. Relembro também que apesar dos submarinos serem um dissuasor puro, não dão resposta a tudo, e dadas as nossas debilidades na resposta a ameaças aéreas, continuávamos com um ponto fraco óbvio.

Duvido que se faça alguma vez este tipo de investimento na arma submarina. Era bom, sobretudo se fosse feito paralelamente à substituição das fragatas, mas não estou a ver.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF

*

Lampuka

  • Membro
  • *
  • 117
  • Recebeu: 13 vez(es)
  • Enviou: 10 vez(es)
  • +3/-25
Re: U209PN
« Responder #2885 em: Setembro 04, 2021, 02:13:04 pm »
As fragatas torço sempre o nariz porque... não se escondem!
E não sendo em número suficiente para poderem criar um bloco dificil de penetrar, estão sempre condenadas a fujir ou serem eliminadas mais cedo ou mais tarde.
Defesa aérea vejo baterias de misseis e caças.
Tudo sempre numa perspectiva de defesa, principalmente.
Os submarinos mantêm há distância marinhas enimigas.
As baterias de misseis defendem-nos de entradas por sul, norte e este.
E os caças intervém sobre o mar a sul e a oeste.
Simples, tipo Red Alert 🤣🤣🤣
João Pereira
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 6740
  • Recebeu: 1698 vez(es)
  • Enviou: 782 vez(es)
  • +2851/-1856
Re: U209PN
« Responder #2886 em: Setembro 04, 2021, 04:34:51 pm »
E para quando um upgrade dos 209PN ou em 10 anos continua tudo moderno? (upgrade a partir dos 20 como é norma na MgP?).

https://www.nti.org/analysis/articles/german-submarine-capabilities/

Citar
Modernization and Current Capabilities
In support of new operational priorities, Germany plans to equip the 212A with a land-attack capability. [7] The Interactive Defence and Attack System for Submarines (IDAS) utilizes a wire-guided missile to engage helicopters and mobile targets on shore. [8] In May 2013 Turkish company Roketsan, Germany company Thyssenkrupp Marine Systems, and German arms manufacturer Diehl Defence signed an agreement to jointly develop the IDAS missile. [9] A major impediment to the development of this technology is defense budget cuts that have stalled the program. [10]



Saudações
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 5205
  • Recebeu: 1602 vez(es)
  • Enviou: 401 vez(es)
  • +331/-242
Re: U209PN
« Responder #2887 em: Setembro 04, 2021, 05:14:29 pm »
Fragatas são sempre essenciais, pois têm valências que um submarino nunca terá. E vice-versa. Por exemplo um submarino nunca conseguirá dar resposta a ameaças assimétricas, uma fragata sim. Um submarino não consegue atacar alvos em terra de forma sustentada, uma fragata sim. O armamento do submarino é bastante limitado, apenas possui armas caras, que serão overkill para algumas das ameaças. Onde o submarino se destaca, é na guerra ASW e ASuW, onde a sua furtividade lhe traz grandes vantagens, mas para tudo o resto, serão sempre necessárias fragatas.

Baterias anti-aéreas fazem falta, mas não resolvem tudo. Hoje em dia fazem mais falta sistemas AA com capacidade anti-míssil, do que sistemas AA para abater aeronaves propriamente ditas. As armas stand-off assim o obrigam. Nenhum sistema AA no mercado é capaz de abater um caça antes que este lance um míssil de cruzeiro a 400 km de distância. O principal meio de defesa aérea que temos, continuam a ser os caças, caças estes que precisam de bases aéreas para operar, e como tal há a necessidade de conseguir defender estas bases contra ataques de mísseis.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF

*

Pescador

  • Perito
  • **
  • 595
  • Recebeu: 435 vez(es)
  • Enviou: 216 vez(es)
  • +228/-704
Re: U209PN
« Responder #2888 em: Setembro 04, 2021, 10:48:03 pm »
E para quando um upgrade dos 209PN ou em 10 anos continua tudo moderno? (upgrade a partir dos 20 como é norma na MgP?).

https://www.nti.org/analysis/articles/german-submarine-capabilities/

Citar
Modernization and Current Capabilities
In support of new operational priorities, Germany plans to equip the 212A with a land-attack capability. [7] The Interactive Defence and Attack System for Submarines (IDAS) utilizes a wire-guided missile to engage helicopters and mobile targets on shore. [8] In May 2013 Turkish company Roketsan, Germany company Thyssenkrupp Marine Systems, and German arms manufacturer Diehl Defence signed an agreement to jointly develop the IDAS missile. [9] A major impediment to the development of this technology is defense budget cuts that have stalled the program. [10]



Saudações


Um está parado como que a hibernar. Quando acordar estamos noutra época e vai ser vintage
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44, NVF