Os Pandur II ACar no Exército

  • 19 Respostas
  • 3520 Visualizações
*

Stalker79

  • Investigador
  • *****
  • 1703
  • Recebeu: 344 vez(es)
  • Enviou: 1580 vez(es)
  • +129/-19
Re: Os Pandur II ACar no Exército
« Responder #15 em: Julho 17, 2020, 03:29:01 pm »
75% de indigenização da torre, muito bom. É pena ninguem ter cerebro para tais negocios aqui...
 :-P
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 4477
  • Recebeu: 1152 vez(es)
  • Enviou: 265 vez(es)
  • +225/-207
Re: Os Pandur II ACar no Exército
« Responder #16 em: Julho 17, 2020, 03:39:45 pm »
A torre que equipa os nossos Pandur IFV, pode levar mísseis Spike sequer?

Ainda acho a Mini Samson com Spike a melhor opção. Serve de RWS e ao mesmo tempo de versão anti-carro, e ao contrário das torres de 30 mm, não requer grandes modificações no veículo nem retira tanto espaço interior. E certamente será mais barato.
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 7770
  • Recebeu: 3388 vez(es)
  • Enviou: 1986 vez(es)
  • +2356/-162
Re: Os Pandur II ACar no Exército
« Responder #17 em: Julho 17, 2020, 04:54:30 pm »
A torre que equipa os nossos Pandur IFV, pode levar mísseis Spike sequer?

Ainda acho a Mini Samson com Spike a melhor opção. Serve de RWS e ao mesmo tempo de versão anti-carro, e ao contrário das torres de 30 mm, não requer grandes modificações no veículo nem retira tanto espaço interior. E certamente será mais barato.

das opções ACar, mas baratas seria a escolha certa para uma Nação que vê as FFAA como uma despesa Inútil.

Abraços
 

*

LM

  • Investigador
  • *****
  • 1641
  • Recebeu: 397 vez(es)
  • Enviou: 1397 vez(es)
  • +238/-9
Re: Os Pandur II ACar no Exército
« Responder #18 em: Julho 17, 2020, 05:35:31 pm »
Julgo que torre 30mm (com ou sem ATGM) ou uma RWS 12,7mm com ATGM devem cobrir necessidades diferentes... o porquê da nossa RWS ser das poucas sem possibilidade de levar ATGM é que não entendo - talvez ter "relação especial" com o fabricante Pandur? Talvez, na nossa doutrina, haver uma separação total dos Pandur RWS vs Pandur ATGM? Ou simplesmente tinhamos já os TOW para colocar nos Pandur? 
Quidquid latine dictum sit, altum videtur
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 4477
  • Recebeu: 1152 vez(es)
  • Enviou: 265 vez(es)
  • +225/-207
Re: Os Pandur II ACar no Exército
« Responder #19 em: Julho 17, 2020, 09:45:02 pm »
A torre que equipa os nossos Pandur IFV, pode levar mísseis Spike sequer?

Ainda acho a Mini Samson com Spike a melhor opção. Serve de RWS e ao mesmo tempo de versão anti-carro, e ao contrário das torres de 30 mm, não requer grandes modificações no veículo nem retira tanto espaço interior. E certamente será mais barato.

das opções ACar, mas baratas seria a escolha certa para uma Nação que vê as FFAA como uma despesa Inútil.

Abraços

Entre não fazer nada, ou remover as torres 30mm que temos por umas que possam usar mísseis AT, ou transformar umas Pandur ICV em versões ACar específicas, ou pegar em Mini Samson com Spike e colocar nos Pandur ICV no lugar da habitual .50 desprotegida, esta última é a melhor opção de longe.

Julgo que torre 30mm (com ou sem ATGM) ou uma RWS 12,7mm com ATGM devem cobrir necessidades diferentes... o porquê da nossa RWS ser das poucas sem possibilidade de levar ATGM é que não entendo - talvez ter "relação especial" com o fabricante Pandur? Talvez, na nossa doutrina, haver uma separação total dos Pandur RWS vs Pandur ATGM? Ou simplesmente tinhamos já os TOW para colocar nos Pandur? 

Provavelmente tem a ver com o facto de, pelo menos na altura, a RWS escolhida não poder receber os Spike. No fim de contas, antes do cancelamento dos Pandur dos Fuzos, estavam até encomendados os mísseis Spike para os dois IFV anfíbios (torre RCWS 30 penso eu).