Nova estação da Luz deve atrair mais 250 mil para o centro

  • 1 Respostas
  • 5428 Visualizações
*

dremanu

  • Investigador
  • *****
  • 1254
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +7/-18
Nova estação da Luz deve atrair mais 250 mil para o centro
« em: Julho 07, 2004, 04:29:37 pm »
Nova estação da Luz deve atrair mais 250 mil para o centro

Globo Online - 10 de marco/2004

SÃO PAULO - O projeto Estação da Luz da Nossa Língua, que vai criar um espaço para oficinas culturais envolvendo música, teatro, dança e literatura, para a valorização do idioma, e a integração de trens e metrô no mesmo local deverão elevar de 50 mil para 300 mil o número de pessoas que passam pela estação diariamente.

Atualmente, o local passa por obras que vão permitir a integração das estações de trem e metrô. A previsão é de que o término das construções ocorra no segundo semestre de 2005. O governo do estado pretende que a estação, integrada, seja a principal porta de entrada para o centro histórico da cidade.

Nesta terça-feira, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) recebeu o primeiro-ministro de Portugal, José Manuel Durão Barroso, para uma visita às instalações do futuro Centro da Língua Portuguesa, na Estação da Luz.

O projeto, que faz parte do programa de recuperação do centro, prevê também a utilização de tecnologia multimídia de última geração, que vai transformar a visita à estação em um passeio informativo, cultural, lúdico e interativo. Entre as atrações, estão espaços dedicados à capacitação de professores, salas de pesquisa virtual, biblioteca circulante e apresentação de contadores de histórias e repentistas.

- As pessoas poderão conhecer as origens da Língua Portuguesa e o seu enriquecimento da língua presente na América, Europa, África, Ásia e Timor Leste - comentou o governador.

Alckmin informou que Portugal, por meio do Instituto Camões, vai ajudar, não somente com recursos, mas também com equipamentos e quadros.

- Vai ser um museu vivo. O Instituto Camões vai trazer uma parte de seu acervo para o local, além da integração com a construção de um Portal, que terá como objetivo a participação de todos os países que falam a Língua Portuguesa - disse.

Após visita à nova fachada da estação, Durão Barroso e sua comitiva seguiram para a Pinacoteca do Estado, onde foi oferecido um almoço.

- O governo de São Paulo tem sido, há muito, um entusiasta da idéia de fazer de São Paulo - que já é a maior cidade do mundo que fala português - um centro de radiação da cultura luso-brasileira. Ao verificar esse empreendimento em homenagem à língua portuguesa, que hoje é falada em todos os continentes, quero dar o meu sinal de respeito, consideração e amizade por essa cidade, pelo estado de São Paulo e pela nação brasileira - disse o primeiro-ministro.

Participaram da solenidade o ex-presidente da República, Fernando Henrique Cardoso, o vice-governador Cláudio Lembo, os secretários estaduais Gabriel Chalita, da Educação, e Jurandir Fernandes, dos Transportes Metropolitanos.

« Última modificação: Julho 09, 2004, 07:59:45 pm por dremanu »
"Esta é a ditosa pátria minha amada."
 

*

komet

  • Investigador
  • *****
  • 1662
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +0/-1
(sem assunto)
« Responder #1 em: Julho 07, 2004, 04:32:53 pm »
Citar
(...) para a valorização do idioma, e a integração de trens e metrô (...)


Trens? Metrô?? ehehe e que rico idioma  :lol:
"History is always written by who wins the war..."