Conflitos em Africa

  • 280 Respostas
  • 57080 Visualizações
*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 13957
  • Recebeu: 3270 vez(es)
  • Enviou: 3764 vez(es)
  • +2327/-5903
Re: Conflitos em Africa
« Responder #270 em: Julho 16, 2021, 12:28:43 pm »
OS BLMs já se pronunciaram?
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

Viajante

  • Investigador
  • *****
  • 3013
  • Recebeu: 1705 vez(es)
  • Enviou: 852 vez(es)
  • +2775/-2642
Re: Conflitos em Africa
« Responder #271 em: Outubro 28, 2021, 11:13:00 pm »
Entregas de gás argelino a Portugal e Espanha deixam de passar por Marrocos

A Argélia exporta cerca de 10 mil milhões de metros cúbicos de gás natural por ano para Espanha e Portugal, através do Gaz Maghreb Europe, um gasoduto que atravessa Marrocos, mas Argel decidiu não renovar este contrato devido à grave crise diplomática entre aqueles dois países



As entregas de gás argelino a Portugal e Espanha vão deixar de usar o gasoduto que passa por Marrocos e serão feitas exclusivamente pelo Medgaz, que já serve a península ibérica, disseram esta quarta-feira governantes argelinos e espanhóis.

A Argélia exporta cerca de 10 mil milhões de metros cúbicos de gás natural por ano para Espanha e Portugal, através do Gaz Maghreb Europe (GME), um gasoduto que atravessa Marrocos, mas Argel decidiu não renovar este contrato devido à grave crise diplomática entre aqueles dois países.

O gasoduto de Medgaz já transporta gás argelino para a península ibérica desde 2011, mas opera já na sua capacidade máxima de 8 mil milhões de metros cúbicos por ano, ou seja, metade das exportações anuais da Argélia para Espanha e Portugal.

O assunto esteve hoje no centro das conversações entre a ministra espanhola da Transição Ecológica, Teresa Ribera, e o ministro argelino das Minas e Energia, Mohamed Arkab.

Segundo a agência de notícias argelina APS, citada pela France-Presse, o ministro argelino tranquilizou os parceiros espanhóis assegurando que "a Argélia cumprirá todos os compromissos de fornecimento de gás através do gasoduto Medgaz".

O fornecimento será assegurado, segundo o governante, através de um aumento de capacidade do Medgaz e de um aumento das exportações de gás natural liquefeito por via marítima.

Tradicionalmente difíceis, as relações entre a Argélia e Marrocos deterioraram-se nos últimos meses, principalmente devido à questão do Saara Ocidental, território que Rabat controla em cerca de 80% mas onde Argel apoia os separatistas da Frente Polisário.

No final de agosto, a Argélia rompeu as ligações diplomáticas com o país vizinho.

https://expresso.pt/economia/2021-10-27-Entregas-de-gas-argelino-a-Portugal-e-Espanha-deixam-de-passar-por-Marrocos-f881fb0c

Será que no país alguém está atento a estas quezílias aqui bem perto e que até nos afectam directamente?
Marrocos e a Argélia estão muito próximos de Portugal!
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: LM

*

Lusitan

  • Analista
  • ***
  • 702
  • Recebeu: 331 vez(es)
  • Enviou: 300 vez(es)
  • +271/-165
  • Hic et Ubique
Re: Conflitos em Africa
« Responder #272 em: Outubro 29, 2021, 11:48:49 am »
Entregas de gás argelino a Portugal e Espanha deixam de passar por Marrocos

A Argélia exporta cerca de 10 mil milhões de metros cúbicos de gás natural por ano para Espanha e Portugal, através do Gaz Maghreb Europe, um gasoduto que atravessa Marrocos, mas Argel decidiu não renovar este contrato devido à grave crise diplomática entre aqueles dois países



As entregas de gás argelino a Portugal e Espanha vão deixar de usar o gasoduto que passa por Marrocos e serão feitas exclusivamente pelo Medgaz, que já serve a península ibérica, disseram esta quarta-feira governantes argelinos e espanhóis.

A Argélia exporta cerca de 10 mil milhões de metros cúbicos de gás natural por ano para Espanha e Portugal, através do Gaz Maghreb Europe (GME), um gasoduto que atravessa Marrocos, mas Argel decidiu não renovar este contrato devido à grave crise diplomática entre aqueles dois países.

O gasoduto de Medgaz já transporta gás argelino para a península ibérica desde 2011, mas opera já na sua capacidade máxima de 8 mil milhões de metros cúbicos por ano, ou seja, metade das exportações anuais da Argélia para Espanha e Portugal.

O assunto esteve hoje no centro das conversações entre a ministra espanhola da Transição Ecológica, Teresa Ribera, e o ministro argelino das Minas e Energia, Mohamed Arkab.

Segundo a agência de notícias argelina APS, citada pela France-Presse, o ministro argelino tranquilizou os parceiros espanhóis assegurando que "a Argélia cumprirá todos os compromissos de fornecimento de gás através do gasoduto Medgaz".

O fornecimento será assegurado, segundo o governante, através de um aumento de capacidade do Medgaz e de um aumento das exportações de gás natural liquefeito por via marítima.

Tradicionalmente difíceis, as relações entre a Argélia e Marrocos deterioraram-se nos últimos meses, principalmente devido à questão do Saara Ocidental, território que Rabat controla em cerca de 80% mas onde Argel apoia os separatistas da Frente Polisário.

No final de agosto, a Argélia rompeu as ligações diplomáticas com o país vizinho.

https://expresso.pt/economia/2021-10-27-Entregas-de-gas-argelino-a-Portugal-e-Espanha-deixam-de-passar-por-Marrocos-f881fb0c

Será que no país alguém está atento a estas quezílias aqui bem perto e que até nos afectam directamente?
Marrocos e a Argélia estão muito próximos de Portugal!

No Conceito Estratégico de Defesa Nacional é dada atenção especial a esta zona. É uma área que é considerada de interesse vital para o país desde há séculos e tem havido sempre atenção especial à relação com ambos os países.

https://www.defesa.gov.pt/pt/comunicacao/documentos/Lists/PDEFINTER_DocumentoLookupList/10_Conceito-Estrategico-de-Defesa-Nacional.pdf
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 13957
  • Recebeu: 3270 vez(es)
  • Enviou: 3764 vez(es)
  • +2327/-5903
Re: Conflitos em Africa
« Responder #273 em: Outubro 29, 2021, 12:30:58 pm »
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Viajante

*

Viajante

  • Investigador
  • *****
  • 3013
  • Recebeu: 1705 vez(es)
  • Enviou: 852 vez(es)
  • +2775/-2642
Re: Conflitos em Africa
« Responder #274 em: Outubro 29, 2021, 02:05:30 pm »
Sim Lusitan, até acredito que sim, mas não estava a referir-me só ao pdf bem estruturado.

Estava a referir-me, como troça e bem o P44, ao facto de sermos o elo mais fraco dos 4 países vizinhos no Mediterrãneo (Portugal, Espanha, Marrocos e Argélia).

Dos 4, o único país que está a dormir para a sua defesa é Portugal!

Porque se este conflito escalar, julgo que não é só com um bom Ministro dos Negócios Estrangeiros que o conflito se resolve!!!!!!
 

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 12902
  • Recebeu: 692 vez(es)
  • Enviou: 238 vez(es)
  • +556/-402
Re: Conflitos em Africa
« Responder #275 em: Dezembro 01, 2021, 07:09:10 pm »
 

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 11690
  • Recebeu: 2364 vez(es)
  • Enviou: 6405 vez(es)
  • +400/-244
    • http://youtube.com/HSMW
Re: Conflitos em Africa
« Responder #276 em: Janeiro 25, 2022, 03:29:55 pm »

Burkina Faso’s army has announced it has deposed President Roch Kabore, dissolved the government and the national assembly, and suspended the constitution, seizing control of the country after two days of unrest at army camps in the capital.

The announcement, signed on Monday by Lieutenant Colonel Paul-Henri Sandaogo Damiba and read by another officer on state television, said the takeover had been carried out without violence and those detained were in a secure location.
The country’s borders have also been closed, it added.

Before the army statement, the African Union and the West African bloc ECOWAS both condemned what they called an attempted coup, saying they held the military responsible for Kabore’s safety.

United Nations chief Antonio Guterres said in a statement that he “strongly condemns any attempted takeover of government by the force of arms”, calling the events a “coup”.
https://www.youtube.com/user/HSMW/videos

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 11690
  • Recebeu: 2364 vez(es)
  • Enviou: 6405 vez(es)
  • +400/-244
    • http://youtube.com/HSMW
Re: Conflitos em Africa
« Responder #277 em: Janeiro 26, 2022, 09:39:17 pm »

Citar
Burkina Faso’s president has been detained in an apparent military coup.
Soldiers had earlier carried out munities at several military bases announcing a series of demands.
https://www.youtube.com/user/HSMW/videos

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 12902
  • Recebeu: 692 vez(es)
  • Enviou: 238 vez(es)
  • +556/-402
Re: Conflitos em Africa
« Responder #278 em: Fevereiro 19, 2022, 04:09:18 pm »
 

*

smg

  • Membro
  • *
  • 146
  • Recebeu: 193 vez(es)
  • Enviou: 3 vez(es)
  • +74/-1
Re: Conflitos em Africa
« Responder #279 em: Abril 22, 2022, 10:02:54 pm »
Boa noite .Deixo aqui um vídeo sobre os mercenários da Wagner no Mali . As tropas francesas deixaram recentemente a base de Gossi  ,entregando-a às autoridades malianas . Pouco tempo depois apareceu um vídeo que supostamente mostrava uma vala comum que seria obra dos franceses , nas imediações dessa base . Mas um drone  filmou  o que , alegadamente segundo os franceses , aparenta ser um grupo de mercenários da Wagner a enterrar os corpos .
Há que reconhecer que ultimamente os russos se têm esmerado na arte de mentir , iludir e tentar enganar meio mundo . Já dizia o ditado antigo : ' em tempo de guerra , mentira como terra'.
Força Ucrânia !
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 11690
  • Recebeu: 2364 vez(es)
  • Enviou: 6405 vez(es)
  • +400/-244
    • http://youtube.com/HSMW
Re: Conflitos em Africa
« Responder #280 em: Junho 02, 2022, 12:18:29 am »

Citar
A escalada entre a República Democrática do Congo e o Ruanda anuncia-se imparável. Os dois países têm problemas antigos para resolver, em particular na região do Kivu Norte, rica em colton, minério essencial à fabricação de telemóveis.
https://www.youtube.com/user/HSMW/videos

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."