Arqueologia/antropologia/ADN

  • 119 Respostas
  • 15749 Visualizações
*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 12799
  • Recebeu: 667 vez(es)
  • Enviou: 237 vez(es)
  • +515/-354
Re: Arqueologia/antropologia/ADN
« Responder #105 em: Dezembro 18, 2021, 12:26:23 pm »
Templo de Hércules pode estar submerso na baía de Cádis


 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

smg

  • Membro
  • *
  • 137
  • Recebeu: 181 vez(es)
  • Enviou: 3 vez(es)
  • +73/-1
Re: Arqueologia/antropologia/ADN
« Responder #106 em: Dezembro 21, 2021, 07:54:00 pm »
FINALMENTE ! Abriu hoje ao público o museu das termas romanas em Chaves .
Deixo aqui a reportagem da Sinal TV para quem quiser conhecer melhor esse achado singular .
Boas Festas a todos .
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: LM, HSMW

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 11511
  • Recebeu: 2215 vez(es)
  • Enviou: 6029 vez(es)
  • +381/-212
    • http://youtube.com/HSMW
Re: Arqueologia/antropologia/ADN
« Responder #107 em: Dezembro 21, 2021, 10:46:20 pm »

Viseu em busca do tempo perdido O filme do Museu de História da Cidade
https://www.youtube.com/user/HSMW/videos

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: LM

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 12799
  • Recebeu: 667 vez(es)
  • Enviou: 237 vez(es)
  • +515/-354
Re: Arqueologia/antropologia/ADN
« Responder #108 em: Dezembro 29, 2021, 11:45:42 am »
Rosto do faraó Amenhotep I revelado sem desembrulhar múmia


 

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 12799
  • Recebeu: 667 vez(es)
  • Enviou: 237 vez(es)
  • +515/-354
Re: Arqueologia/antropologia/ADN
« Responder #109 em: Janeiro 06, 2022, 04:50:41 pm »
Sicília envia fragmento do Partenon à Grécia


 

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 12799
  • Recebeu: 667 vez(es)
  • Enviou: 237 vez(es)
  • +515/-354
Re: Arqueologia/antropologia/ADN
« Responder #110 em: Janeiro 08, 2022, 02:42:33 pm »
Nova espécie de dinossauro?


 

*

smg

  • Membro
  • *
  • 137
  • Recebeu: 181 vez(es)
  • Enviou: 3 vez(es)
  • +73/-1
Re: Arqueologia/antropologia/ADN
« Responder #111 em: Janeiro 09, 2022, 10:12:53 pm »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Turlu

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 12799
  • Recebeu: 667 vez(es)
  • Enviou: 237 vez(es)
  • +515/-354
Re: Arqueologia/antropologia/ADN
« Responder #112 em: Janeiro 21, 2022, 05:36:30 pm »
Arqueólogos exploram espécie de "Atlântida" romana


 

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 12799
  • Recebeu: 667 vez(es)
  • Enviou: 237 vez(es)
  • +515/-354
Re: Arqueologia/antropologia/ADN
« Responder #113 em: Janeiro 25, 2022, 05:22:37 pm »
Novos achados no Vale do Côa revelam vida de antepassados


 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 12799
  • Recebeu: 667 vez(es)
  • Enviou: 237 vez(es)
  • +515/-354
Re: Arqueologia/antropologia/ADN
« Responder #114 em: Fevereiro 15, 2022, 02:09:19 pm »
Descobertas indicam que Homo Sapiens existe na Europa há mais tempo


 

*

Viajante

  • Investigador
  • *****
  • 2881
  • Recebeu: 1605 vez(es)
  • Enviou: 773 vez(es)
  • +2646/-2225
Re: Arqueologia/antropologia/ADN
« Responder #115 em: Março 09, 2022, 11:57:02 am »
Mais de um século após ter afundado, o Endurance foi encontrado junto à costa da Antártida

O navio do explorador Ernest Shackleton foi localizado junto à costa da Antártida. O Endurance não era visto desde que afundou, em 1915, no mar de Weddel, mas uma expedição que partiu da África do Sul no mês passado encontrou-o.



Na infinita escuridão do oceano, o leme do Endurance continua estóico no fundo de 3.008 metros, como se à espera de que algum par de mãos o conduza dali para fora. O navio do explorador anglo-irlandês Ernest Shackleton foi encontrado ao largo da Antártida, anunciou uma organização responsável pelo feito, citada pelo jornal ‘The Guardian’.

O Endurance não era visto desde que foi esmagado pelo gelo e afundou no mar de Weddel, em 1915. No mês passado, um mês após o centenário da morte de Shackleton, uma expedição partiu da Cidade do Cabo, na África do Sul, com o objetivo de localizar a embarcação — e conseguiram-no, a cerca de quatro milhas a sul da posição originalmente assinalada pelo capitão do navio, Frank Worsley.

“A expedição Endurance22 chegou ao seu objetivo”, disse o líder da expedição, John Sears. “Fizemos história polar com a descoberta do Endurance e completámos com sucesso a busca por um navio afundado mais desafiante do mundo”, cita o ‘Guardian’.

“Estamos muito emocionados por termos localizado e capturado imagens do Endurance”, acrescenta Mensun Bound, diretor da expedição de exploração organizada pela Falklands Maritime Heritage Trust, citado pela agência Lusa. O explorador disse que o navio está intacto no fundo do mar, “num estado de conservação fantástico”.

"Até se consegue ler o nome do Endurance inscrito num arco na popa", contou, acrescentando que o navio foi descoberto a cerca de seis quilómetros do local do naufrágio.

A expedição de busca, que envolveu cerca de 100 pessoas, deixou a Cidade do Cabo em 05 de fevereiro a bordo de um quebra-gelo sul-africano, na esperança de encontrar os destroços antes do final do verão austral.

A expedição Endurance22 usou tecnologia de ponta, incluindo dois drones submarinos, para explorar a área, que Shackleton descreveu na altura como "a pior parte do pior mar do mundo" devido às suas condições de gelo.

Em 1914, o explorador Ernest Shackleton (1874-1922) embarcou no navio Endurance para a sua terceira viagem à Antártida e planeava atravessar a região via Pólo Sul.

Contudo, em 1915, o barco encalhou e afundou-se ao fim de 10 meses, ao ser esmagado pelo gelo.

A expedição tornou-se lendária por causa das condições de sobrevivência da tripulação, ao todo eram 28 elementos e todos sobreviveram, que acampou por meses no gelo antes deste derreter. Ernest Shackleton e seus companheiros partiram em pequenas embarcações para a ilha Elefante, ao largo da Península Antártida.

Da ilha, o explorador e a sua equipa fizeram uma viagem traiçoeira de 1.300 quilómetros até à ilha de Geórgia do Sul, com o barco "James Caird", tendo chegado ao seu destino 16 dias depois, corria o ano de 1916.

https://24.sapo.pt/atualidade/artigos/mais-de-um-seculo-apos-ter-afundado-o-endurance-foi-encontrado-junto-a-costa-da-antartida
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 12799
  • Recebeu: 667 vez(es)
  • Enviou: 237 vez(es)
  • +515/-354
Re: Arqueologia/antropologia/ADN
« Responder #116 em: Março 19, 2022, 03:22:30 pm »
Descobertos sarcófogos na necrópole de Saqqara


 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 12799
  • Recebeu: 667 vez(es)
  • Enviou: 237 vez(es)
  • +515/-354
Re: Arqueologia/antropologia/ADN
« Responder #117 em: Abril 08, 2022, 12:52:03 pm »
Encontrada a localização da primeira sepultura de Cristovão Colombo


 

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 12799
  • Recebeu: 667 vez(es)
  • Enviou: 237 vez(es)
  • +515/-354
Re: Arqueologia/antropologia/ADN
« Responder #118 em: Maio 04, 2022, 06:42:36 pm »
História universal do erotismo nas ruínas de Pompeia

 

*

ricardonunes

  • Investigador
  • *****
  • 3754
  • Recebeu: 160 vez(es)
  • Enviou: 8 vez(es)
  • +100/-1114
Re: Arqueologia/antropologia/ADN Novo
« Responder #119 em: Maio 26, 2022, 10:44:58 am »
Comecei a ver esta serie de 5 episódios, Lost Relicts of the Knights Templar, nao sei se conhecem.
O canal Historia esta foca esta serie no achado de algo que foi vendido/transportado para a Suíça e posteriormente adquirido por um colecionador Inglês, encontrado em Tomar nos anos 60.

« Última modificação: Maio 26, 2022, 11:12:17 am por ricardonunes »
Potius mori quam foedari
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW