4 de Março

  • 1 Respostas
  • 1635 Visualizações
*

dremanu

  • Investigador
  • *****
  • 1254
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +7/-13
4 de Março
« em: Março 05, 2004, 05:14:44 pm »
4 de Março

Tempos houve que a terra se sentiu pequena, se transpôs o mar, longínquas ilhas se tomaram, castelos na costa de África se ergueram, feitorias no litoral se edificaram.

Sonhou-se um Mar e um Mundo Português e a obra, porfiadamente, se fez.

O Reino ufanava-se da sua Ínclita Geração que de uma nesga de terra estendida na praia ocidental da Península fez um vasto Império onde o sol não se punha, a coragem dos homens não estremecia e a honra de um Povo era verdade inabalável que nenhuma incerteza fazia vacilar.

De todos os egrégios varões dessa dourada época destacou-se um Infante - de Sagres, de Ceuta, das ínsulas atlânticas, de Arguim, da Serra Leoa - o Infante Dom Henrique.

Num dia como hoje, 4 de Março de 1394, nascia no Porto. Corria-lhe nas veias o sangue de Aljubarrota pelejada por seu pai. No espírito tinha presente outro herói da Batalha, o intrépido cavaleiro e beatífico monge que foi Nun'Álvares Pereira.

Seiscentos anos depois renega-se o mar português; aceita-se como europeu ou espanhol o que só nosso pode ser; e cidadãos desvalidos têm de recorrer a tribunal contra armadores espanhóis, o Governo espanhol e o Governo português dos espanhóis, porque todos estão mancomunados no mesmo pérfido projecto de exterminar Portugal.

Do Infante Dom Henrique, escreveu Camões:

Assim fomos abrindo aqueles mares,
Que geração alguma não abriu,
As novas Ilhas vendo e os novos ares
Que o generoso Henrique descobriu;

Desta corja que em cada época renasce como erva daninha para opróbrio e amesquinhamento de Portugal, disse o mesmo poeta:

Ó tu Sertório, ó nobre Coriolano,
Catilina, e vós outros dos antigos
Que contra vossas pátrias, com profano
Coração, vos fizeste inimigos:
Se lá no reino escuro de Sumano
Receberdes gravíssimos castigos
Dizei-lhe que também dos Portugueses
Alguns traidores houve algumas vezes
"Esta é a ditosa pátria minha amada."
 

*

Luso

  • Investigador
  • *****
  • 7914
  • Recebeu: 1005 vez(es)
  • Enviou: 345 vez(es)
  • +499/-3978
...
« Responder #1 em: Março 05, 2004, 09:25:28 pm »
Como é possível tão ilustre data passar incógnita?
É uma data imensamente mais ilustre que o 25 de Abril e muito mais profunda.
Ai de ti Lusitânia, que dominarás em todas as nações...