Notícias (Indústrias de Defesa)

  • 142 Respostas
  • 74340 Visualizações
*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 12584
  • Recebeu: 629 vez(es)
  • Enviou: 237 vez(es)
  • +393/-271
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #135 em: Setembro 14, 2021, 09:15:07 pm »
 

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 12584
  • Recebeu: 629 vez(es)
  • Enviou: 237 vez(es)
  • +393/-271
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #136 em: Dezembro 30, 2021, 05:13:04 pm »
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 8806
  • Recebeu: 4127 vez(es)
  • Enviou: 2926 vez(es)
  • +4221/-909
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #137 em: Janeiro 12, 2022, 05:19:34 pm »
Estejam atentos às próximas notícias sobre o tema Embraer em Portugal, a aquisição dos 390 para a FAP ainda vai dar muito que falar.

https://www.jornaldenegocios.pt/empresas/detalhe/embraer-vende-ativos-em-portugal-a-espanhola-aernnova-por-150-milhoes-de-euros

Abraços


Quando um Povo não Respeita as Suas FFAA, Não Respeita a Sua História nem se Respeita a Si Próprio  !!
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 8806
  • Recebeu: 4127 vez(es)
  • Enviou: 2926 vez(es)
  • +4221/-909
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #138 em: Janeiro 12, 2022, 05:33:00 pm »
Estejam atentos às próximas notícias sobre o tema Embraer em Portugal, a aquisição dos 390 para a FAP ainda vai dar muito que falar.

https://www.jornaldenegocios.pt/empresas/detalhe/embraer-vende-ativos-em-portugal-a-espanhola-aernnova-por-150-milhoes-de-euros

Abraços

Na minha opinião os efeitos da pandemia na redução do volume de pax e numero de venda de aeronaves, por exemplo a redução do número de  acft pela FAB, associado à nao compra da EMB por parte da Boeing serão as causas desta alienação de activos na Europa.

Se a EMB pensa que quem comprou as unidades de produção em Évora irá produzir exclusivamente componentes para as sua aeronaves desengane-se pois há já outras marcas que também irão ter componentes fabricados em Évora e ainda bem que assim é pois reduz a dependência das fábricas a um unico cliente.

Este passo da EMB prova que a empresa não está nada bem e as consequências para a FAP, podem ser más, no entanto o facto da qualidade dos componentes fabricados em Évora ser excelente, e a sua separação da EMB, são na minha opinião duas boas notícias.

Abracos
« Última modificação: Janeiro 12, 2022, 05:37:38 pm por tenente »


Quando um Povo não Respeita as Suas FFAA, Não Respeita a Sua História nem se Respeita a Si Próprio  !!
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 9171
  • Recebeu: 1393 vez(es)
  • Enviou: 1551 vez(es)
  • +198/-64
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 9171
  • Recebeu: 1393 vez(es)
  • Enviou: 1551 vez(es)
  • +198/-64
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #140 em: Janeiro 12, 2022, 05:49:17 pm »
Quando vi que essa empresa espanhola está espalhada por Mexico, Brasil, EUA, estava com receio que quisessem comprar estas fábricas para acabar con elas, pois sao concorrência, mas lendo o artigo que o Tenente colocou parece que as fábricas de Évora serão as maiores deles, espero que tenham planos sérios.

PS: quem sabe com isto as estradas para Espanha melhorem :mrgreen:
« Última modificação: Janeiro 12, 2022, 05:50:55 pm por Lightning »
 

*

nelson38899

  • Investigador
  • *****
  • 4576
  • Recebeu: 436 vez(es)
  • Enviou: 355 vez(es)
  • +80/-1514
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #141 em: Janeiro 12, 2022, 06:47:51 pm »
Eu que defendi o KC, agora podemos pensar em cancelar o contrato e ir com os europeus
"Que todo o mundo seja «Portugal», isto é, que no mundo toda a gente se comporte como têm comportado os portugueses na história"
Agostinho da Silva
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: LM

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 8806
  • Recebeu: 4127 vez(es)
  • Enviou: 2926 vez(es)
  • +4221/-909
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #142 em: Janeiro 13, 2022, 08:26:17 am »
Estejam atentos às próximas notícias sobre o tema Embraer em Portugal, a aquisição dos 390 para a FAP ainda vai dar muito que falar.

https://www.jornaldenegocios.pt/empresas/detalhe/embraer-vende-ativos-em-portugal-a-espanhola-aernnova-por-150-milhoes-de-euros

Abraços

Na minha opinião os efeitos da pandemia na redução do volume de pax e numero de venda de aeronaves, por exemplo a redução do número de  acft pela FAB, associado à nao compra da EMB por parte da Boeing serão as causas desta alienação de activos na Europa.

Se a EMB pensa que quem comprou as unidades de produção em Évora irá produzir exclusivamente componentes para as sua aeronaves desengane-se pois há já outras marcas que também irão ter componentes fabricados em Évora e ainda bem que assim é pois reduz a dependência das fábricas a um unico cliente.

Este passo da EMB prova que a empresa não está nada bem e as consequências para a FAP, podem ser más, no entanto o facto da qualidade dos componentes fabricados em Évora ser excelente, e a sua separação da EMB, são na minha opinião duas boas notícias.

Abracos

https://jornaleconomico.sapo.pt/noticias/embraer-vende-unidade-de-evora-por-150-milhoes-a-espanhois-830281

Já há novos clientes para comprar componentes produzidos nas antigas fabricas da EMB de Évora.
Até já se comenta que alguns componentes de modelos da Airbus,  Atlas incluído, ali poderão ser fabricados.
A ser verdade seria uma óptima notícia com possibilidades de Portugal vir a integrar realmente o círculo restrito de fabricantes de componentes da Airbus.

Abraços
« Última modificação: Janeiro 13, 2022, 08:33:29 am por tenente »


Quando um Povo não Respeita as Suas FFAA, Não Respeita a Sua História nem se Respeita a Si Próprio  !!