MNE´s da UE discutem hoje força europeia de protecção civil

  • 0 Respostas
  • 1595 Visualizações
*

Marauder

  • Investigador
  • *****
  • 2093
  • +2/-0
Citar
MNE´s da UE discutem hoje força europeia de protecção civil
A criação de uma força europeia de protecção civil vai ser um dos assuntos em discussão na reunião conjunta de ministros dos Negócios Estrangeiros e da Defesa dos 25 que se celebra hoje em Bruxelas.

Num Conselho com uma forte componente de política de Defesa, e na qual marcarão presença os ministros portugueses dos Negócios Estrangeiros, Diogo Freitas do Amaral, e da Defesa, Luís Amado, um dos assuntos sobre a mesa será a cooperação civil-militar e a resposta comunitária a situação de crise e emergência.

Os ministros vão apreciar um relatório elaborado pelo antigo comissário europeu e ministro dos Negócios Estrangeiros francês Michel Barnier - a pedido da Comissão e presidência do Conselho -, que propõe a criação de uma força europeia de protecção civil, como forma de desenvolver a capacidade europeia de gestão de crises civis e desastres naturais, tais como inundações e incêndios.

Fonte diplomática disse à Agência Lusa que o objectivo «não é militarizar a resposta da União Europeia» a crises civis, mas antes «fazer uma utilização dos meios que a UE tem à sua disposição, incluindo os militares».

O «dossier» nuclear iraniano, a situação no Médio Oriente e a operação da UE na República Democrática do Congo serão outros temas em foco no Conselho de Assuntos Gerais e Relações Externas.

Relativamente à operação de apoio da UE à missão da ONU na RD Congo, no âmbito das eleições agendadas para Julho próximo, os ministros da Defesa farão um ponto da situação dos preparativos e da contribuição dos diversos Estados-membros.

Portugal vai participar na operação com um avião C-130, um oficial destacado no quartel-general da Força, em Kinshasa, e uma força de 25 fuzileiros.

Diário Digital / Lusa

15-05-2006 5:42:00


de:
http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?s ... ews=227715

Penso que é uma boa ideia, uma força europeia coordenada para resposta a calamidades, dentro e fora da UE.