As instituições militares e o Fenómeno OVNI/UFO

  • 53 Respostas
  • 26331 Visualizações
*

Luso

  • Investigador
  • *****
  • 7908
  • Recebeu: 1001 vez(es)
  • Enviou: 341 vez(es)
  • +498/-3861
(sem assunto)
« Responder #15 em: Setembro 28, 2007, 10:51:41 pm »
Para mim o testemunho mais convincente é o tom deliciosamente cínico de Gordon Cooper, astronauta do Programa Mercury.
(documentário "Out of the Blue", disponível nos locais de estilo).
Ai de ti Lusitânia, que dominarás em todas as nações...
 

*

Benny

  • Perito
  • **
  • 365
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #16 em: Outubro 19, 2007, 08:25:43 pm »
Já vi esse documentário, sim Senhor.

Se tiver oportunidade, atrevo-me a sugerir que escute os ficheiros em MP3 com as conversações havidas via rádio em Rendlesham. Estão desclassificadas e disponíveis na internet, a título gratuito (nem são demasiado longas), assim como a transcrição da conversação.

Ouvir algo como aquilo é particularmente arrepiante, sabendo que não vem de nenhum dos habituais lunáticos.

Benny
 

*

André

  • Investigador
  • *****
  • 3555
  • Recebeu: 2 vez(es)
  • +82/-0
(sem assunto)
« Responder #17 em: Novembro 11, 2007, 07:20:53 pm »
Irlanda divulgou documentos oficiais sobre OVNIs

Citar
Segundo um artigo da jornalista Alison Healy publicado no jornal The Irish Times do dia 20 de Setembro de 2007, documentos das forças armadas irlandesas sobre avistamentos de OVNIs teriam sido recentemente divulgados a esse mesmo jornal através a Lei de Liberdade de Informação (FOIA: Freedom of Information Act), também em vigor na Irlanda. Contudo, teria sido revelado por um porta-voz do Ministério da Defesa que o dossier OVNI já não é, na Irlanda, da responsabilidade das forças armadas desde 1984. Segundo a jornalista, os documentos incluem recortes de jornais falando de avistamentos de OVNIs, memorandos desclassificados e outro tipo de correspondências.

Entre os relatos revelados, estaria um anteriormente noticiado igualmente pelo jornal The Irish Times, ocorrido em Boherlahan em 1984. Um adolescente chamado Conor Dwyer teria na altura descrito ao periódico um objecto por ele observado como sendo “castanho, com um formato de frigideira e uma estranha protuberância na parte de cima”. Uma outra testemunha, uma criança de 10 anos de idade, teria afirmado que o objecto fazia um ruído de serra eléctrica e que as luzes brilhantes emitidas pelo mesmo o teriam deixado deslumbrado.

Na documentação divulgada, encontrar-se-ia também um memorando secreto descrevendo o avistamento de um objecto voador sobre o pântano de Donegal em Maio de 1984. Um agente de polícia que não estava em serviço e um fazendeiro estavam cortando relva num terreno próximo de Falcarragh quando ouviram um ruído estranho. O primeiro olhou então para cima e teria visto um objecto cinzento, com a forma parecida com a de um ferro de engomar e pequenas asas na traseira, passar rapidamente sobre a sua cabeça.
Esse mesmo documento acrescenta que o agente de polícia ter-se-ia mostrado muito relutante em falar do seu avistamento, mas teria acabado por concordar após ter recebido garantias de que a sua identidade não seria revelada. O caso teria sido abordado um mês depois por uma revista americana que teria especulado que se pudesse tratar de um míssil teleguiado lançado do mar.

O registo mais antigo encontrado nestes arquivos data de Junho de 1947. Um fazendeiro e um comerciante de Cahirciveen teriam, na altura, dito à policia que tinham observado um objecto circular deslocando-se “mais rápido que um carro motorizado” passar no céu. Segundo as afirmações das testemunhas, o objecto “era achatado e grande como uma roda ou um prato largo... as bordas eram brancas e havia um buraco no centro.”

 

*

André

  • Investigador
  • *****
  • 3555
  • Recebeu: 2 vez(es)
  • +82/-0
(sem assunto)
« Responder #18 em: Novembro 12, 2007, 10:58:43 pm »
Cientistas, pilotos e testemunhas apelam a reabertura de investigação sobre os OVNI nos EUA

Citar
Pilotos militares e civis, testemunhas de objectos voadores não identificados (OVNI) e cientistas apelaram hoje, nos Estados Unidos, para que o país reabra oficialmente a investigação sobre o fenómeno, abandonada há cerca de 40 anos.

"Desejamos que o governo norte-americano pare de perpetuar o mito segundo o qual há uma explicação terra a terra e convencional de todos os fenómenos OVNI. O nosso país deve reabrir a investigação oficial que abandonou em 1969", declarou, numa conferência de imprensa em Washington, Fife Symington, antigo governador do Estado do Arizona e ex-piloto da Força Aérea dos EUA, que alega ter testemunhado um objecto voador não identificado em 1997.

O apelo foi assinado por um grupo internacional de 19 pilotos, cientistas e responsáveis políticos, dos quais a maioria se deslocou à capital norte-americana para partilhar publicamente os seus "contactos" com os OVNI.

"Cremos que, por razões de segurança nacional e aérea, cada país deveria esforçar-se por identificar qualquer objecto a circular no espaço aéreo", sublinharam as personalidades na declaração pública.

Entre as personalidades contam-se um piloto reformado da companhia Air France, que diz ter-se cruzado em 1994 com um "enorme disco voador" durante um voo Nice-Londres, um piloto-caça iraniano que conta ter tentado em vão atacar um OVNI em 1976 e um antigo responsável das autoridades norte-americanas da aviação civil, ao qual lhe foi confiscada uma investigação sobre os OVNI e recuperada no Alasca em 1987.

Lusa
« Última modificação: Março 23, 2008, 10:48:38 pm por André »

 

*

Benny

  • Perito
  • **
  • 365
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #19 em: Novembro 14, 2007, 02:52:24 pm »
Ena tantos - Dezanove pessoas! :shock:

Benny
 

*

André

  • Investigador
  • *****
  • 3555
  • Recebeu: 2 vez(es)
  • +82/-0
(sem assunto)
« Responder #20 em: Novembro 14, 2007, 10:09:42 pm »
Citação de: "Benny"
Ena tantos - Dezanove pessoas! :roll:

 

*

Benny

  • Perito
  • **
  • 365
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #21 em: Novembro 16, 2007, 09:36:48 am »
Tem razão, mas a verdade é que as ditas investigações "oficiais" são imediatamente descredibilizadas pelos "crentes" se não chegarem às conclusões que estes pretendem.

Note-se outro pormenor curioso na notícia, e que me leva a crer que se trata de mais uma investida dos "crentes". "um antigo responsável das autoridades norte-americanas da aviação acivil, ao qual lhe foi confiscada uma investigação sobre os OVNI e recuperada no Alasca em 1987[/u]".

Aparentemente, lá caíu mais um OVNI no Alasca em 1987. Não sei onde é que estes marcianos tiraram a carta, mas eles andam a cair por todo o lado :lol: .

Benny
 

*

André

  • Investigador
  • *****
  • 3555
  • Recebeu: 2 vez(es)
  • +82/-0
(sem assunto)
« Responder #22 em: Dezembro 20, 2007, 01:38:58 pm »
Ministro da Defesa prepara exército para reagir aos OVNIs

Citar
O ministro da Defesa japonês afirmou hoje que a existência de OVNIs e é plausível que as tropas do país devem estar preparadas para reagir caso apareçam discos voadores. Há dois dias o número dois do Governo já havia defendido a mesma ideia.

«Nada nos permite negar a existência de objectos voadores não identificados (OVNIs) nem de uma forma de vida que os controle», declarou Shigeru Ishiba à imprensa, sublinhando que falava a título pessoal.

O ministro declarou que queria estudar como é que as Forças de Autodefesa do país podem reagir caso apareçam discos voadores. Devido à Constituição pacifista do Japão, as suas tropas só estão habilitadas a intervir no estrangeiro em operações em que um país seja invadido por outro.

«Nos filmes Godzilla, as Forças de Autodefesa estão mobilizadas», afirmou, expressando a sua surpresa pelo facto de já existir uma «estrutura legal» em caso de invasão extraterrestre.

Estes comentários do ministro surgem dois dias depois das surpreendentes palavras do número dois e porta-voz do Governo, Nobutaka Machimura, que disse estar «completamente convencido» da existência de OVNIs.

Machimura contradizia, «a título pessoal» uma resolução oficial do Conselho de Ministros que não «confirmava a existência de OVNIs», como resposta a uma pergunta de um senador.

SOL
« Última modificação: Dezembro 20, 2007, 02:22:29 pm por André »

 

*

Benny

  • Perito
  • **
  • 365
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #23 em: Dezembro 20, 2007, 02:11:26 pm »
É claro que os militares devem estar preparados para todas as eventualidades, mas a verdade é que o governo Japonês não adiante nada de novo nem de concreto.

Benny
 

*

nonameboy

  • 205
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #24 em: Março 22, 2008, 03:36:49 pm »
Desculpem ''desenterrar'' este topico!

Mas é um assunto que eu gosto muito e que me interessa particularmente :)

Quem sao os pilotos de teste dos porjectos aeronauticos desenvolvidos na Nellis Air Force Base (Area 51), Aurora, VF-19 Excalibur (o tal F-19 que os EUA negam a sua existencia), U-2, (etc) ???

Pilotos da CIA?

Existem rumores que ele usam tecnologia retirada e estudada das naves apanhadas em Roswell...  Talvez sim, talvez nao...

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 17127
  • Recebeu: 1805 vez(es)
  • Enviou: 1629 vez(es)
  • +302/-1463
(sem assunto)
« Responder #25 em: Março 22, 2008, 03:48:47 pm »
Provavelmente pilotos de testes. Tanto a USAAF como a US Navy têm escolas para formarem pilotos de testes.

Sabes o que é a Skunk Works? Olha um dos últimos projectos (não classificados que eles fizeram):

http://www.dailymotion.com/video/x4cnc6 ... -p791_tech
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

nonameboy

  • 205
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #26 em: Março 22, 2008, 05:02:59 pm »
Sim conheco mas, Francis Gary Powers, o piloto de testes e mais tarde o piloto oficial do U-2, segundo a wikipedia foi recrutado pela CIA para se juntar ao programa do U-2 cujo foi abatido pela uniao sovietica quando sobrevoava uma zona da Sibéria...

Ja o F-19 (ou as invençoes do proprio) intriga-me bastante...

Existem livros sobre o assunto?

Pesquisei mas nao encontrei nada...

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 17127
  • Recebeu: 1805 vez(es)
  • Enviou: 1629 vez(es)
  • +302/-1463
(sem assunto)
« Responder #27 em: Março 22, 2008, 05:07:21 pm »
Citação de: "nonameboy"
Sim conheco mas, Francis Gary Powers, o piloto de testes e mais tarde o piloto oficial do U-2, segundo a wikipedia foi recrutado pela CIA para se juntar ao programa do U-2. Cujo foi abatido pela uniao sovietica quando sobrevoava uma zona da Sibéria...


Isso eram outros tempos, hoje em dia quem faz esse tipo de trabalho é a NSA recorrendo a satélites-espiões.
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

Benny

  • Perito
  • **
  • 365
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #28 em: Março 24, 2008, 10:21:30 am »
Citação de: "nonameboy"
Existem rumores que ele usam tecnologia retirada e estudada das naves apanhadas em Roswell...  Talvez sim, talvez nao...


Atenção que estamos a falar da existência de "rumores" sobre uma situação "inexistente".

Cuidado com os impostores e charlatães (O dito Coronel Phillip Corso e outro tipo que diz que trabalhou no Hangar não-sei-quantas são os mais famosos)

E ainda que fosse verdade, de que tecnologia ultra-sofisticada é de que estamos a falar? A tecnologia actual não tem origem desconhecida nem revolucionária, mas decorre de trabalho duro de diversos cientistas, ao longo dos anos.

Benny
 

*

nonameboy

  • 205
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #29 em: Março 24, 2008, 03:33:42 pm »
Sim mas é realmente curioso avioes como U-2, SR-71 Blackbird, F117 NightHawk e outros que pouco se sabe como F-19 que a cerca de 50 anos sairam dos Hangares da Area 51 com tecnologia que ainda hoje é mais sofisticada que a maior parte dos avioes de combate... Só agora avioes como os F-35 e os F-22 estao a ver a tecnologia destes introduzida neles. E nao é toda ela por sinal.

E o programa ''Blackstar'' dos EUA? Um aviao espacial? Adivinhem onde é desenvolvido?
Area 51!
E um artigo recente na revista Aviation Week especulou que o seu intuito nao sao visitas ao espaço mas sim intuitos ofensivos e até o adjectivou como ''The Space Bomber''

Quanto aos (talves) charlatoes o tipo que trabalhou no Hangar chama-se Bob Lazar e é um Fisico e nao é um Hangar onde ele diz ter trabalhado. É no S-4 (Sector 4) que segundo ele fica cerca de 15 milhas abaixo de chao em Groom Lake. Ele diz que estuda um metodo de propulsao muito forte que usa um elemento nuclear Ununpentium ou Elemento 115 como combustivel.

http://en.wikipedia.org/wiki/Bob_Lazar
vejam aí que tem uns aspectos interessantes sobre os argumentos a favor e contra a credibilidade do Bob Lazar