"Um tiro no porta-aviões"

  • 17 Respostas
  • 6582 Visualizações
*

luis filipe silva

  • Investigador
  • *****
  • 2050
  • Recebeu: 4 vez(es)
  • +1/-0
(sem assunto)
« Responder #15 em: Outubro 31, 2008, 11:23:42 pm »
JMM escreveu:

Citar
Essas são as designações correntes, mas eu estava a referir-me à origem específica das letras.
A melhor explicação que encontrei foi esta:
Citar
The extra "F" is added to denote a combatant added to service after the Washington Naval Treaty of 1922. Prior to this treaty, all naval combatants had single letter hull designations.

That's why destroyers are "DD", battleships are "BB", etc


 A letra K vem de hunter Killer.
-----------------------------
saudações:
Luis Filipe Silva
 

*

JMM

  • 89
  • +2/-0
(sem assunto)
« Responder #16 em: Outubro 31, 2008, 11:30:40 pm »
Fantástico, obrigado pelo esclarecimento.:G-Ok:
 

*

Nuno

  • Membro
  • *
  • 127
  • Recebeu: 4 vez(es)
  • Enviou: 2 vez(es)
  • +1/-0
(sem assunto)
« Responder #17 em: Novembro 01, 2008, 04:04:37 am »
Nunca tinha ouvido falar dos SSRN Radar Picket Submarine (Nuclear-Powered) , até agora.


http://www.navy.mil/navydata/cno/n87/usw/issue_14/coldwar.html