Fragatas Classe Bartolomeu Dias

  • 930 Respostas
  • 260631 Visualizações
*

Instrutor

  • Investigador
  • *****
  • 1309
  • Recebeu: 3 vez(es)
  • Enviou: 1 vez(es)
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #585 em: Agosto 06, 2009, 11:51:51 pm »
Citação de: "sivispacem"
Falando do Goalkeeper....

Creio que antes da actualização que foi feita no Phalanx (para a versão 1b, creio) que o Goalkeeper era considerado um sistema 'melhor', muito por via do superior calibre.

Mas tal como a versão 1b o Goalkeeper tem capacidade de destruir pequenas embarcações??? ou é exclusivamente antí-missil? E qual dos dois é o melhor, se é que esta pergunta faz sentido?

Obrigado
Carlos Ferreira



Phalanx block 1b
http://www.areamilitar.net/DIRECTORIO/CAN.aspx?NN=8

Goalkeeper
http://www.areamilitar.net/DIRECTORIO/CAN.aspx?nn=49

Para mim Goalkeeper sempre.


Um segundo Goalkeeper avante do navio, na plataforma por cima da peça Oto-Melara de 76mm. Sei la nao sei engenheiro naval
http://www.areamilitar.net/DIRECTORIO/NAV.aspx?nn=49
"Aqui na Lusitanea existe um povo que não se governa nem se deixa governar" voz corrente entre os Romanos do Séc. I a.C
 

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 11542
  • Recebeu: 2257 vez(es)
  • Enviou: 6129 vez(es)
  • +389/-222
    • http://youtube.com/HSMW
(sem assunto)
« Responder #586 em: Agosto 07, 2009, 12:02:45 am »
https://www.youtube.com/user/HSMW/videos

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 

*

Instrutor

  • Investigador
  • *****
  • 1309
  • Recebeu: 3 vez(es)
  • Enviou: 1 vez(es)
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #587 em: Agosto 07, 2009, 10:21:41 am »
Contra Helicopteros ainda podera fazer mossas agora contra caças... coitadinhos.
"Aqui na Lusitanea existe um povo que não se governa nem se deixa governar" voz corrente entre os Romanos do Séc. I a.C
 

*

luis filipe silva

  • Investigador
  • *****
  • 2050
  • Recebeu: 5 vez(es)
  • +1/-0
(sem assunto)
« Responder #588 em: Agosto 07, 2009, 10:34:10 am »
Citar
Contra Helicopteros ainda podera fazer mossas agora contra caças... coitadinhos.

Contra caças nenhuma faz nada, porque nenhum piloto de um caça actual vai aproximar o seu avião de um navio, a não ser que seja para lançar "bombas burras".
-----------------------------
saudações:
Luis Filipe Silva
 

*

Instrutor

  • Investigador
  • *****
  • 1309
  • Recebeu: 3 vez(es)
  • Enviou: 1 vez(es)
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #589 em: Agosto 07, 2009, 10:40:16 am »
Citação de: "luis filipe silva"
Citar
Contra Helicopteros ainda podera fazer mossas agora contra caças... coitadinhos.
Contra caças nenhuma faz nada, porque nenhum piloto de um caça actual vai aproximar o seu avião de um navio, a não ser que seja para lançar "bombas burras".


Uma coisa é certa nem todos os paises possuem smart bombs como os nossos Mavericks e GBU - JDAM.
"Aqui na Lusitanea existe um povo que não se governa nem se deixa governar" voz corrente entre os Romanos do Séc. I a.C
 

*

sivispacem

  • Perito
  • **
  • 424
  • Recebeu: 49 vez(es)
  • Enviou: 23 vez(es)
  • +17/-4
(sem assunto)
« Responder #590 em: Agosto 07, 2009, 10:50:30 am »
Citação de: "Instrutor"
Citação de: "luis filipe silva"
Citar
Contra Helicopteros ainda podera fazer mossas agora contra caças... coitadinhos.
Contra caças nenhuma faz nada, porque nenhum piloto de um caça actual vai aproximar o seu avião de um navio, a não ser que seja para lançar "bombas burras".

Uma coisa é certa nem todos os paises possuem smart bombs como os nossos Mavericks e GBU - JDAM.


Também não me parece que esses fossem os meios anti-navio mais adequados...
 

*

Instrutor

  • Investigador
  • *****
  • 1309
  • Recebeu: 3 vez(es)
  • Enviou: 1 vez(es)
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #591 em: Agosto 07, 2009, 11:02:26 am »
Citação de: "sivispacem"
Citação de: "Instrutor"
Citação de: "luis filipe silva"
Citar
Contra Helicopteros ainda podera fazer mossas agora contra caças... coitadinhos.
Contra caças nenhuma faz nada, porque nenhum piloto de um caça actual vai aproximar o seu avião de um navio, a não ser que seja para lançar "bombas burras".

Uma coisa é certa nem todos os paises possuem smart bombs como os nossos Mavericks e GBU - JDAM.

Também não me parece que esses fossem os meios anti-navio mais adequados...


Não temos outros.... os unicos que temos de jeito são os Harpoon lançados dos P3 e os torpedos lançados dos Lynx.
"Aqui na Lusitanea existe um povo que não se governa nem se deixa governar" voz corrente entre os Romanos do Séc. I a.C
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 17127
  • Recebeu: 1805 vez(es)
  • Enviou: 1629 vez(es)
  • +302/-1458
(sem assunto)
« Responder #592 em: Agosto 07, 2009, 11:18:09 am »
Porque os indicados são exactamente os Harpoon dos P-3 Orion.

Citação de: "Lancero"












7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

luis filipe silva

  • Investigador
  • *****
  • 2050
  • Recebeu: 5 vez(es)
  • +1/-0
(sem assunto)
« Responder #593 em: Agosto 07, 2009, 11:20:54 am »
Citar
Citar
Uma coisa é certa nem todos os paises possuem smart bombs como os nossos Mavericks e GBU - JDAM.


Também não me parece que esses fossem os meios anti-navio mais adequados...

No entanto as bombas inteligentes têm sido usadas com muito sucesso contra navios. Os líbios e os iranianos que o digam.
-----------------------------
saudações:
Luis Filipe Silva
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 9676
  • Recebeu: 1668 vez(es)
  • Enviou: 2035 vez(es)
  • +315/-272
(sem assunto)
« Responder #594 em: Agosto 07, 2009, 11:37:17 am »
Citação de: "Instrutor"
Citação de: "sivispacem"
Falando do Goalkeeper....

Creio que antes da actualização que foi feita no Phalanx (para a versão 1b, creio) que o Goalkeeper era considerado um sistema 'melhor', muito por via do superior calibre.

Mas tal como a versão 1b o Goalkeeper tem capacidade de destruir pequenas embarcações??? ou é exclusivamente antí-missil? E qual dos dois é o melhor, se é que esta pergunta faz sentido?

Obrigado
Carlos Ferreira


Phalanx block 1b
http://www.areamilitar.net/DIRECTORIO/CAN.aspx?NN=8

Goalkeeper
http://www.areamilitar.net/DIRECTORIO/CAN.aspx?nn=49

Para mim Goalkeeper sempre.


Um segundo Goalkeeper avante do navio, na plataforma por cima da peça Oto-Melara de 76mm. Sei la nao sei engenheiro naval
http://www.areamilitar.net/DIRECTORIO/NAV.aspx?nn=49


Lembro-me de ler algures uma conversa deste tipo phalanx vs goalkeeper, e há uma vantagem do phalanx que ainda não vi aqui referida, se estiver errado peço desculpa e que me corrijam, mas a peça Phalanx pode "praticamente" ser instalada em qualquer local do navio que se queira desde que haja espaço na estrutura para isso, a peça phalanx é só o que se vê à superficie enquanto que o goalkeeper já não é assim, o local do navio tem que estar preparado de origem para receber nesse mesmo local a peça e não noutra qualquer, pois essa peça além da parte que se vê à superficie tem uma outra parte que não se vê onde estão por exemplo as munições, que se encontra no piso inferior directamente por baixo, logo só se pode colocar o goalkeeper num local preparado, em que no piso inferior esteja vazio para acolher o resto da peça.
 

*

Instrutor

  • Investigador
  • *****
  • 1309
  • Recebeu: 3 vez(es)
  • Enviou: 1 vez(es)
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #595 em: Agosto 07, 2009, 11:41:45 am »
Citação de: "Lightning"
Citação de: "Instrutor"
Citação de: "sivispacem"
Falando do Goalkeeper....

Creio que antes da actualização que foi feita no Phalanx (para a versão 1b, creio) que o Goalkeeper era considerado um sistema 'melhor', muito por via do superior calibre.

Mas tal como a versão 1b o Goalkeeper tem capacidade de destruir pequenas embarcações??? ou é exclusivamente antí-missil? E qual dos dois é o melhor, se é que esta pergunta faz sentido?

Obrigado
Carlos Ferreira


Phalanx block 1b
http://www.areamilitar.net/DIRECTORIO/CAN.aspx?NN=8

Goalkeeper
http://www.areamilitar.net/DIRECTORIO/CAN.aspx?nn=49

Para mim Goalkeeper sempre.


Um segundo Goalkeeper avante do navio, na plataforma por cima da peça Oto-Melara de 76mm. Sei la nao sei engenheiro naval
http://www.areamilitar.net/DIRECTORIO/NAV.aspx?nn=49

Lembro-me de ler algures uma conversa deste tipo phalanx vs goalkeeper, e há uma vantagem do phalanx que ainda não vi aqui referida, se estiver errado peço desculpa e que me corrijam, mas a peça Phalanx pode "praticamente" ser instalada em qualquer local do navio que se queira desde que haja espaço na estrutura para isso, a peça phalanx é só o que se vê à superficie enquanto que o goalkeeper já não é assim, o local do navio tem que estar preparado de origem para receber nesse mesmo local a peça e não noutra qualquer, pois essa peça além da parte que se vê à superficie tem uma outra parte que não se vê onde estão por exemplo as munições, que se encontra no piso inferior directamente por baixo, logo só se pode colocar o goalkeeper num local preparado, em que no piso inferior esteja vazio para acolher o resto da peça.


Hum isso não sabia.... é um grande disparate aquilo que vou dizer ou nem por isso???? Fragatas BD 1 Goalkeeper à Ré e 1 Phalanx block 1b a vante?
"Aqui na Lusitanea existe um povo que não se governa nem se deixa governar" voz corrente entre os Romanos do Séc. I a.C
 

*

Instrutor

  • Investigador
  • *****
  • 1309
  • Recebeu: 3 vez(es)
  • Enviou: 1 vez(es)
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #596 em: Agosto 07, 2009, 11:42:50 am »
Citação de: "luis filipe silva"
Citar
Citar
Uma coisa é certa nem todos os paises possuem smart bombs como os nossos Mavericks e GBU - JDAM.


Também não me parece que esses fossem os meios anti-navio mais adequados...
No entanto as bombas inteligentes têm sido usadas com muito sucesso contra navios. Os líbios e os iranianos que o digam.


Que se passou??
"Aqui na Lusitanea existe um povo que não se governa nem se deixa governar" voz corrente entre os Romanos do Séc. I a.C
 

*

sivispacem

  • Perito
  • **
  • 424
  • Recebeu: 49 vez(es)
  • Enviou: 23 vez(es)
  • +17/-4
(sem assunto)
« Responder #597 em: Agosto 07, 2009, 12:08:27 pm »
Citação de: "luis filipe silva"
Citar
Citar
Uma coisa é certa nem todos os paises possuem smart bombs como os nossos Mavericks e GBU - JDAM.


Também não me parece que esses fossem os meios anti-navio mais adequados...
No entanto as bombas inteligentes têm sido usadas com muito sucesso contra navios. Os líbios e os iranianos que o digam.


Oh Luis Filipe... aqui há muitos anos também se utilizavam paus e pedras... :o)
Se não me engano penso estar a referir-se às escaramuças do Golfo de Sirta (creio), a "famosa" Linha da Morte nas palavras do Kadhafi. Mas aí foram abatidos apenas uns FPB's,se a memória não me falha... e desconheço a taxa de sucesso desses lançamentos de bombas inteligentes.
Mas se fosse qualquer coisa maiorzita concerteza que não seriam esses os meios a utilizar, caso existissem

Os argentinos também faziam rasantes e largavam snackeye de 500lbs.... daí até isso ser o mais indicado nos nossos dias vais uma grande distância

Cpmts
Carlos Fereira
 

*

luis filipe silva

  • Investigador
  • *****
  • 2050
  • Recebeu: 5 vez(es)
  • +1/-0
(sem assunto)
« Responder #598 em: Agosto 07, 2009, 12:14:12 pm »
Citar
An A-7 aboard USS America during flight operations against Libya in 1986.
 

Libyan corvette burns after attempting to engage US forces.
Several Libyan patrol boats headed out towards the US battle groups and the Americans responded by sending up aircraft to counter the patrol boats. USS Saratoga launched A-7s armed with AGM-88 missiles from VA-83 and A-6s armed with AGM-84 missiles and Mk-20 Rockeye II cluster bombs from VA-85 and EA-6Bs from VAQ-132, USS America had A-6Es from VA-34 and the USS Coral Sea had A-6Es from VA-55 and EA-6Bs from VAQ-135 in the air, these were supported by several E-2Cs, F-14s, F/A-18s and KA-6Ds. The first air strikes occurred around 19:26 when two A-6Es from VA-55 found a French built Combatante-II patrol boat, the ship was first disabled by an AGM-84 and then destroyed by another Intruder with Rockeye cluster bombs. 40 minutes later, F-14s, F/A-18s, A-7Es and EA-6Bs headed towards the SA-5 site near Surt at low level and suddenly climbed which caused the Libyans to activate their radars and launch missiles at the incoming strikers; this prompted the A-7Es to launch several AGM-88 missiles, the strike formation then descended to 30 meters above sea level and turned back. It’s unknown if any of the missiles struck their intended targets, but A-6Es from VA-86 and VA-55 turned to engage several Libyan missile boats. At around 2155, two A-6Es from VA-55 attacked a Nanuchka class corvette which were heading towards the USS Yorktown, which prompted USS Richmond K Turner CG-20 to open fire with an AGM-84 which struck the Libyan boat and subsequently started a fire; the corvette survived the attack and was towed back to Benghazi.

Around midnight the Libyans launched several SA-2s and SA-5s, this time at A-6Es and A-7Es which responded by heading towards the coast. A-7Es from VA-83 launched several AGM-88s disabling several Libyan radars, and three more SA-5s form Syrte were launched with a single SA-2 near Benghazi. At 07.30 on another Libyan corvette was intercepted by A-6Es from VA-55 and disabled by Rockeye munitions and later sunk by an AGM-84 missile launched from an A-6E from VA-85 with no Libyan surface-to-air missiles launched. The operation was terminated after this strike with no losses to the American side, and an unknown number of human losses to the Libyan side.
http://wapedia.mobi/en/Action_in_the_Gu ... idra_(1986)


Citar
AUTHOR PHOTOS CHAPTER 1 BOOK EVENTS CONTACT BUY THE BOOK  Operation Praying Mantis: 18 April 1988
 
 A-6E Intruders of Carrier Air Wing, flying from the aircraft carrier USS Enterprise (CVN 65), drop CBU-59 cluster bombs on Iranian naval targets. U.S. Navy photo

 
 The Iranian frigate IS Sahand (F 74) burns after being attacked by the Joseph Strauss and A-6s. Sahand was hit by three Harpoon missiles, Skipper rocket-propelled bombs, a Walleye laser-guided bomb, and several 1,000-pound bombs. U.S. Navy photo

 
 The Iranian frigate IS Sabalan (F 73), originally designated ITS Rostam (DE 73), in 1977. The frigate was heavily damaged by a 500-pound bomb dropped by an A-6. U.S. Navy photo by Nesseth


http://www.navybook.com/nohigherhonor/p ... ntis.shtml
-----------------------------
saudações:
Luis Filipe Silva
 

*

sivispacem

  • Perito
  • **
  • 424
  • Recebeu: 49 vez(es)
  • Enviou: 23 vez(es)
  • +17/-4
(sem assunto)
« Responder #599 em: Agosto 07, 2009, 12:31:42 pm »
Citação de: "luis filipe silva"
Citar
An A-7 aboard USS America during flight operations against Libya in 1986.
 


Já lá vão uns anitos, não acha? :)